Page 1

DOURADOS MS ANO 67 NÂş 13.159

R$ 2,00

O PROGRESSO ★★★★★

Pensamento e ação por uma vida melhor Pensam

Quarta-feira GHIHYHUHLURGH

Fundador WEIMAR TORRES Diretora-Presidente ADILES DO AMARAL TORRES

Economia Alimentos pressionam IGP-DI

Teatro Projeto seleciona SURÄ&#x;VVLRQDLV para peça

Folia Salvador ganha museu dedicado ao Carnaval

PĂ G. A6

PĂ G. B1

PĂ G. B3

Contrabando de cigarros ĂŠ alvo de operação da PF em trĂŞs Estados A PolĂ­cia Federal prendeu trĂŞs pessoas em Dourados QRFRQWH[WRGD2SHUDĂ?Ă‚R)R[GHÄ DJUDGDRQWHPQRFRPEDWHDR FRQWUDEDQGRGHFLJDUURVQRV(VWDGRVGH0DWR*URVVRGR6XO0DWR*URVVRH3DUDQĂ€8PDGDVSULVøHVDFRQWHFHXHPFXPSULPHQWR DPDQGDGRGHSULVĂ‚RH[SHGLGRSHOD-XVWLĂ?DGR0DWR*URVVRGHRQGHSDUWLXDRSHUDĂ?Ă‚R2XWUDVGXDVIRUDPHPÄ DJUDQWHPĂ G. A7

(/9,2/23(6

Reinaldo diz na ALMS que o governo fez dever de casa Ao abrir os trabalhos na Assembleia Legislativa na manhã de ontem, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), destacou a harmonia entre os poderes sul-mato-grossenses em prol do desenvolvimento do Estado e que a crise que enfrentou nos três primeiros anos de governo, com uma grave recessão, foi superada graças ao trabalho de equipe e com gestão de responsabilidade, que resultaram em melhorias para a população e que colocou Mato Grosso do Sul no ranking dos estados que cumpriram com seus compromissos e que se transformou em um dos melhores para ser viver e se investir. Pà G. A3

Bolsonaro cumpre agenda polĂ­tica em Dourados Governador Reinaldo Azambuja e deputado JĂşnior Mochi durante abertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa de MS

Lixo reciclĂĄvel vira material escolar gratuito

Prefeito de Rio Brilhante presta contas de mandato

PĂ G. A4 Glaucos se diz vĂ­tima de plano de Bumlai e compadre de Lula

Desemprego, corrupção e saúde são os principais problemas do País Pà G. A6 Dourados terå maior hospital para mulher, diz Geraldo Resende Pietramale entrega material proveniente da renda gerada com lixo

Prefeito Donato Lopes, na tribuna da Câmara Municipal

O “Projeto Coletandoâ€?, idealizado pelo educador fĂ­sico e jornalista AbĂ­lio Pietramale, traz uma perspectiva inova-

Na noite da Ăşltima segunda-feira (05), o prefeito de Rio Brilhante, Donato Lopes da Silva, participou da primeira

Loteria

Fonte: INMET

MEGA-SENA - Concurso 2011 02 - 28 - 32 - 35 - 54 - 58

Parcialmente nublado hoje em Dourados. Ventos: fraco/moderado com rajadas. Umidade: mĂĄx. 60%. Umidade: mĂ­n. 35%.

PrĂŠ-candidatura ĂŠ Ĺ GHVDÄ&#x;RTXHGHVWLQR impĂľe’, diz senador Fernando Collor

PĂ G. A5

O tempo HOJE 30Âş MĂĄx | 20Âş MĂ­n

PĂ G. A4

=(1</$5$ÂŻ-2

Viabilizado após acordo entre o Governo do Estado, MinistÊrio Público de Mato Grosso do Sul e Tribunal de Contas do Estado (TCE), o contrato com as duas empresas selecionadas para concluir as obras do Aquårio do Pantanal foi assinado ontem, pela Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul). Anunciadas no último dia 29 de janeiro, as empresas que irão continuar a obras são a Construtora Maksoud Rahe e da Tecfasa Brasil Soluçþes em Eficiência EnergÊtica. Pà G. D4

A prefeita DÊlia Razuk encaminhou parceria entre os municípios de Dourados e Antônio João para açþes de preservação, conservação e manutenção de åreas de nascentes e no curso do Rio Dourados. A reunião contou com a presença da prefeita Marcia Marques, do município vizinho, onde nasce o rio que corta outros 15 municípios. Pà G. D4

',98/*$qf2

Governo assina contrato para concluir AquĂĄrio do Pantanal

MunicĂ­pios se unem para preservar Rio Dourados

QUINA - Concurso 4600 02 - 10 - 17 - 19 - 51 TIMEMANIA - Concurso 1141 03 - 22 - 27 - 30 - 53 - 60 - 74

dora para a sustentabilidade atravÊs da coleta seletiva de lixo reciclado, o qual gera renda para aquisição de material escolar. Pà G. D1

DUPLA-SENA Concurso 1753 Ĺ&#x;VRUWHLR03 - 05 - 13 - 24 - 26 - 40 Ĺ&#x;VRUWHLR05 - 08 - 23 - 33 - 41 - 45 LOTOMANIA Concurso 05 - 07 - 12 - 30 - 33 - 38 - 43 - 48 - 50 - 54 57 - 59 - 65 - 67 - 70 - 80 - 84 - 90 - 94 - 98

Sessão Ordinåria de 2018 da Câmara de Rio Brilhante, para prestar contas de seu primeiro ano de mandato. Pà G. D3

Pà G. D2 João Grandão reforça defesa aos trabalhadores Pà G. D2


2

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

OpiniĂŁo

Ranking da vergonha

E

m mais um ano eleitoral, a situação de boa parte dos parlamentares brasileiros tornou-se um constrangimento, que aos poucos vem se transformando em desespero, principamente para quem corre o risco de não conseguir renovar seu mandato. Conforme levantamentos, metade dos deputados e senadores da atual legislatura (2015-2018) responde a algum procedimento investigatório no Supremo Tribunal Federal (STF). Ao todo, são 238 parlamentares às voltas com a Justiça. Esse número jå representa recorde e estå concentrado nos cinco partidos. AlÊm disso, os crimes de corrupção são os principais motivos de processos contra parlamentares. O aumento de acusaçþes envolvendo crimes contra a administração pública cresceu ainda mais depois das delaçþes premiadas de grupos como a Odebrecht, que resultou em quase cem políticos investigados no âmbito da Operação Lava Jato. O levantamento tambÊm deixa claro que as pråticas de corrupção estão presentes tanto na Câmara Federal, quanto no Senado, onde seis em cada dez senadores respondem a acusaçþes criminais. Den-

tro desse universo, todos os inquĂŠritos ocultos. Nesse caso, EDITORIAL representantes titulares de o procedimento sequer apareseis estados brasileiros na casa estĂŁo Ă s voltas ce no banco de dados disponĂ­vel no portal do com procedimentos criminais em andamento tribunal, que serve de base para a produção do no Supremo. Acre, Alagoas, Amazonas, Minas levantamento. Gerais, RondĂ´nia tĂŞm todos os trĂŞs senadores Os pedidos de abertura de inquĂŠrito feitos em exercĂ­cio respondendo a procedimentos pela Procuradoria Geral RepĂşblica envolvem criminais. os principais lĂ­deres do Senado e da Câmara FeOs nĂşmeros sĂŁo ainda mais constrangedores, deral. Entre os nomes que pedidos para serem quando detalhados. Na realidade, ao todo, sĂŁo investigados, estĂŁo alguns dos principais lĂ­deres pelo menos 48 os senadores com procedimen- da polĂ­tica nacional e que jĂĄ ocupara cargos tos abertos no STF, dos quais 34 de expressĂŁo no Executivo.Em estĂŁo sob investigação na Ope- Os crimes de corrupção relação aos partidos, o PT ĂŠ o ração Lava Jato. Esses procesque tem o maior nĂşmero de insĂŁo os principais sos deixa claro, que nunca foi motivos de processos tegrantes citados na apuração tĂŁo grande o nĂşmero de senada Operação Lava Jato, seguido dores formalmente colocados contra parlamentares pelo MDB (PMDB), PP, PSDB, sob suspeita de terem praticado DEM, PTB, PSB, PSDC e SD. crimes. No Ăşltimo levantamento realizado, em Para continuarem com foro privilegiado alabril deste ano, eram 42 os senadores investiga- guns ocupantes de cadeiras no Senado estĂŁo dos, o que jĂĄ era um recorde na ocasiĂŁo. dispostos a buscarem abrigo na Câmara FeĂ&#x2030; importante ressaltar que, o Supremo ĂŠ o deral, onde a disputa ĂŠ menos acirrada. Nessa Ăşnico foro competente para julgar crimes co- lista dos desesperados para continuarem immetidos por senadores e deputados federais. punes estĂŁo nomes ligados aos trĂŞs maiores O nĂşmero de senadores investigados pode ser partidos, como PT, PSDB e MDB. Cogita-se ainda maior, uma vez que o STF mantĂŠm alguns que atĂŠ o o presidente da RepĂşblica jĂĄ pensa

O NĂ&#x161;MERO

238 parlamentares respondem a inquĂŠritos na Justica. Esse nĂşmero jĂĄ representa recorde e estĂĄ concentrado em cinco partidos.

em tentar a reeleição, hipĂłtese um tanto remota, diante do alto Ă­ndicede rejeição junto ao eleitorado. Resta saber, entretanto, se os eleitores, que geralmente tĂŞm memĂłria curta, irĂŁo garantir a permanĂŞncia desses polĂ­ticos, compactuando assim, com o mar de lama que inunda o Senado, a Câmara e o PalĂĄcio do Planalto. Ainda nĂŁo ĂŠ possĂ­vel saber o que vai acontecer de hoje em diante.Alguns analistas acreditam que nem mesmo o destino de Luiz InĂĄcio Lula da Silva, que se tornou o primeiro ex-presidente da RepĂ­blica ficha suja da histĂłria do Brasil, ao ser condenado pela Justiça em primeira e segunda instância, esteja selado, diante das infinitas possibilidades de recursos. Ă&#x2030; esperar para ver.

NĂŁo ofusque o brilho do mestre '$9, 52% %$//2 52%$//2

*Jornalista, Especialista em Comunicação e Marketing / Especialista em Jornalismo Político.

N

a mitologia grega, DĂŠdalo, pai de Ă?caro, brilhante arquiteto e artista de Atenas, era famoso por suas obras. Eram tantas as encomendas de palĂĄcios, edifĂ­cios e esculturas que ele teve de contratar seu sobrinho Talo, filho de Policasta, como aprendiz. Com o tempo, Talos revelou-se um exĂ­mio inventor e construtor, obtendo fama por toda GrĂŠcia, ofuscando o talento e a

preferência de seu tio. DÊdalo não suportou alguÊm tão jovem superå-lo em criatividade e beleza final nas construçþes e esculturas. Após um minucioso plano, assassinou o sobrinho que havia brilhado mais do que ele. Consequentemente, foi expulso de Atenas. Exilado na ilha de Creta, e a pedido do rei Minos construiu o labirinto do Minotauro, seu feito mais famoso na mitologia. Os antigos gregos utilizavam os mitos para interpretar o mundo e as relaçþes sociais a que estamos sujeitados na sociedade organizada. Na nossa atualidade, como em tempos idos, quem possui status e poder dificilmente gosta de ser contrariado e/ ou ultrapassado pelo brilho de um aprendiz e/ou subordinado. Talos morreu por ser talentoso e ter andado de mãos dadas com o suces-

Nietzsche diz que a inveso. Segundo Shopenhauer, o sucesso ĂŠ algo que desperta ja uma ĂŠ chaga intrĂ­nseca mais indignação do que as que sangra diuturnamente coisas vis, pois ele, a vista do no peito do invejoso. Alguns invejoso e do dominador, ĂŠ conseguem conviver com a algo imperdoĂĄvel, por isso, dor provocada por esse vazio quando o aprendiz/subor- e impotĂŞncia que toma conta dinado o alcança, acaba se do ser quanto encontra outro tornando uma ameaça a seu com talento e qualidades capazes de obstruir o seu brimestre/chefe. A morte de Talos represen- lho, mas a grande maioria nĂŁo consegue ta de forma Os antigos gregos admitir que alegĂłrica a inveja e suas utilizavam os mitos isso ocorra, e entĂŁo age comais sĂŠrias para interpretar mo DĂŠdalo e consequĂŞno mundo tenta de todas cias. DĂŠdalo as formas tirar nĂŁo suportou a inveja nascente de sua im- do seu caminho aqueles que potĂŞncia ao ver seus sucesso o ameaçam e/ou ofusquem e fama transferindo-se para seu brilho. Nasce, assim, a o sobrinho. Isso ocorreu por- coação e o assĂŠdio moral nas que ver o sucesso que alme- empresas e instituiçþes, e jamos se concretizar em pes- muitas vezes podem culmisoas mais talentosas que nĂłs nar em atrocidades. Robert Greene, em â&#x20AC;&#x153;As 48 atordoa-nos, inquieta-nos e leva-nos as mais insanas ati- leis do poderâ&#x20AC;?, na Lei 1: â&#x20AC;&#x153;NĂŁo ofusque o brilho do mestreâ&#x20AC;?, tudes.

diz ser um grande erro exibir os dons e talentos, visando agradar quem estå acima de nós hierarquicamente. Um chefe e/ou mestre que achar-se ameaçado pelo talento de um subordinado na primeira oportunidade irå substituí-lo. Pois quem adquiriu status e poder deseja mais do que tudo encontrar-se seguro de sua posição, isto Ê, mais inteligente, interessante e perspicaz dos que o rodeiam. Para Baltasar Graciån (citado por Greene), todo subordinado deve evitar brilhar mais que o mestre, chefe, patrão, pois toda superioridade Ê odiosa, mas a superioridade de um subordinado em relação a seu chefe e/ou mestre Ê fatal. Graciån para melhor expor sua ideia diz que as estrelas e o sol têm muito a nos ensinar a esse respeito. Ou seja, as estrelas são tão brilhantes quanto o

sol, no entanto, nunca aparecem em sua companhia, isto Ê, só pode haver um sol a brilhar durante o dia. Quanto às estrelas, só lhes resta ser coadjuvantes. Diante de tudo o que foi exposto, chega-se a conclusão de que a melhor forma de desempenhar nosso papel onde estamos inseridos Ê saber atÊ onde podemos ir, isto Ê, estar consciente da delimitação a que a função/cargo nos impþe. Agindo dessa forma, se constrói uma carreira sólida, pois caberå ao chefe e/ou mestre promover o subordinado/aprendiz, e quem conhece seu devido lugar e desempenha com afinco suas responsabilidades vai longe, sem ofuscar o brilho e o poder do mestre/chefe. daviroballo@gmail.com

Direitos do passageiro no uso de transporte rodoviĂĄrio (parte 2) .(/0$ &$55(1+2 &$55(1+2

*Advogada com Especializaçþes em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho e Direito Processual

N

o artigo anterior foi abordada uma situação real e vivida recentemente, relacionada aos direitos do consumidor como passageiro usuårio do serviço de transporte rodoviårio. Como essa temåtica possui vårios pontos que merecem ser tratados, continuar-se-å nele. No texto anterior foi tratado a respeito da bagagem,

e segundo a Resolução nº 1.432/2006, que estabelece procedimentos para o transporte de bagagens e encomendas nos ônibus utilizados nos serviços de transporte, o artigo 3º afirma que a empresas de transporte de passageiros são obrigadas a efetuar o transporte gratuito de bagagem no bagageiro e de volume no porta-embrulhos dos passageiros embarcados, no bagageiro, 30 quilos de peso total e volume måximo de 300 decímetros cúbicos, e no porta-embrulhos, 5 quilos de peso total. Caso exceda essas medidas e peso, o passageiro pagarå atÊ 0,5% do preço da passagem correspondente ao serviço convencional com sanitårio pelo transporte de cada quilograma de excesso. Caso a bagagem seja extraviada ou sofra alguma avaria ou dano,

a empresa de ônibus que efe- com características inferiores, tuou o transporte do passa- o passageiro tem direito de ser geiro e da bagagem deve in- reembolsado da diferença do denizar os prejuízos sofridos, valor da passagem. mas a reclamação deve ser Com relação aos atrasos, feita logo após a viagem, com se forem de atÊ uma hora de o próprio motorista ou no gui- atraso para a saída do ônibus chê da empresa, preenchendo ou se a viagem for interrompium formulårio, e a empresa da por esse mesmo período, o passageiro tem terå 30 dias Depois que o direito de pepara efetuar o dir para fazer reembolso dos problema a viagem com prejuízos. Ê resolvido, o fato outra empresa, Ressalta-se Ê esquecido sem pagar naque quando da a mais por transportar algum objeto de valor faça a isso, ou receber de volta todo o declaração de que ele se en- dinheiro pago pela passagem. Mas caso a viagem seja incontra na bagagem e tenha em mãos sua nota fiscal. Pois terrompida por mais de três caso haja necessidade ação horas, por culpa da empresa judicial, o passageiro prova- transportadora, o passageiro rå que a bagagem continha deve receber alimentação atÊ aquele objeto de valor. Caso que a situação seja resolvida, a viagem seja realizada em e caso não seja possível prossua totalidade ou mesmo em seguir viagem no mesmo dia a parte do percurso em ônibus empresa deve oferecer hospe-

dagem para seus passageiros. Aqui, vale ressaltar, frequentemente surgem relatos de passageiros que ficaram horas e horas à beira de estradas, dentro de ônibus aguardando socorro por problemas mecânicos nos veículos, e em todas essas situaçþes, nunca se presenciou a empresa cumprindo com sua obrigação de fornecer alimentação ou hospedagem para seus passageiros, permanecem horas interminåveis dentro dos ônibus, ou fora deles, aguardando que a empresa resolva o problema mecânico ou atÊ que outro ônibus chegue para poderem prosseguir viagem. Nestas situaçþes os ânimos ficam acirrados, passageiros irritados esbravejam com o motorista, mas depois que o problema Ê resolvido, o fato Ê esquecido. Estå na hora de aprender a exigir seu direito

de consumidor passageiro de quem realmente deve resolve-lo, em uma situação como essa onde os passageiros tem sua viagem interrompida por horas e horas, eles são expostos a riscos e a um estresse gigantesco, e muitas vezes esse atraso na viagem gera prejuízos diretos. Nesses casos, o consumidor pode pedir perante à justiça a reparação pelos danos materiais e morais sofridos em virtude do longo atraso. Quando acontecer exija seu direito de consumidor usuårio dos serviços de transporte terrestre de passageiros! Na dúvida, procure sempre uma advogada(o) de sua confiança.

kelma.advogada@hotmail.com

EXPEDIENTE O PROGRESSO: O MAIS ANTIGO DO ESTADO E DE MAIOR CIRCULAĂ&#x2021;Ă&#x192;O EM TODO O INTERIOR Este jornal expressa sua opiniĂŁo pelo Editorial. As demais opiniĂľes sĂŁo de responsabilidade de seus autores. â&#x20AC;&#x153;O PROGRESSOâ&#x20AC;? Registrado no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) sob o nÂş 812285964

Diretora-presidente ADILES DO AMARAL TORRES Diretora-superintendente BLANCHE TORRES Diretora Executiva JUNE ANGELA TORRES Editor-chefe VANDER VERĂ&#x192;O Fundador (1951-1969) WEIMAR TORRES Ex-diretor (1969-1985) VLADEMIRO DO AMARAL

(',725$-251$/2352*5(662/7'$

CGC 03.356.425/0001-26 Departamento Comercial, Administração, Redação e Parque Gråfico Av. Presidente Vargas, 447 CEP 79804-030 Dourados-MS. Telefones Redação (0xx) 67-3416-2627/2609 Depto. Comercial (0xx) 67-3416-2600 Serviço de Atendimento ao Assinante (0xx) 67-3416-2666 - 3416-2670 Fax: (0xx) 67-3421-1911 +20(3$*(www.progresso.com.br (0$,/progresso@progresso.com.br

oprogresso.jornal

@JORNALOPROGRESSO

ESPORTE/POLĂ?CIA Luiz Radai esporte@progresso.com.br policia@progresso.com.br DIA-A-DIA Maria Lucia Tolouei marialucia@progresso.com.br CADERNO B/DMAIS Hakeito Almeida hakeito@progresso.com.br

(VWHMRUQDOpÂżOLDGRj

CIDADES Departamento Regional cidades@progresso.com.br

$66,1$785$6

DOURADOS, INTERIOR E CAMPO GRANDE

COLUNA SOCIAL/ANĂ&#x161;NCIOS Angela Santa Cruz comercial@progresso.com.br

$QXDO  R$ 240 6HPHVWUDO R$ 150 7ULPHVWUDO R$ 100 %LPHVWUDO R$ 70 0HQVDO R$ 45

CLASSIFICADOS Gleison Costa classificados@progresso.com.br

Pensamento e ação por uma vida melhor

VENDA AVULSA 'RXUDGRV,QWHULRU H&DPSR*UDQGHR$ 2 NĂ&#x161;MEROS ATRASADOS 'RDQRR$ 2 'RDQRDQWHULRU R$ 4


3

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Política

Reinaldo abre trabalhos na ALMS e afirma que governo fez dever de casa Governador Reinaldo Azambuja destacou que a crise foi superada com trabalho de HTXLSHHJHVWÂRGHUHVSRQVDELOLGDGHHTXHFRQğDHPPHOKRULDGDHFRQRPLDHVWHDQR ELVIO LOPES

Elvio Lopes, De Campo Grande elvio@progresso.com.br Ao abrir os trabalhos na Assembleia Legislativa na manhã de ontem, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), destacou a harmonia entre os poderes sul-mato-grossenses em prol do desenvolvimento do Estado e que a crise que enfrentou nos três primeiros anos de governo, com uma grave re-

Reinaldo disse que o governo se programou SDUDDYDQÍRVVLJQLğFDWLYRV nos mais diversos setores da administração cessão, foi superada graças ao trabalho de equipe e com gestão de responsabilidade, que resultaram em melhorias para a população e que colocou Mato Grosso do Sul no ranking dos estados que cumpriram com seus compromissos e que se transformou em um dos melhores

Governador Reinaldo Azambuja durante abertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa para ser viver e se investir. Reinaldo também ressaltou que está confiante em que este ano a economia no País, que já demonstrou uma retomada positiva em 2017, vai se recuperar este ano e proporcionar melhores con-

dições para continuar trabalhando em benefício da população sul-mato-grossense em todos os municípios do Estado. “Tenho confiança de que 2018 se concretize um novo ciclo econômico, com expec-

tativa de bons resultados para Mato Grosso do Sul, com um desempenho operacional satisfatório de nosso governo para um estado pronto e com um bom lugar de se viver e a certeza de que o governo fez o seu dever de

ELVIO LOPES

Deputados comentam expectativas para Assembleia em 2018 Junior Mochi agradeceu ao Executivo e Judiciário pelo esforço conjunto com o Legislativo De Campo Grande O deputado estadual Oswaldo Mochi Júnior, o Júnior Mochi (MDB), abriu oficialmente o ano na 4ª Sessão Legislativa da 10ª Legislatura do parlamento sul-mato-grossense, em solenidade que contou com as presenças na mesa do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e do desembargador Claudionor Miguel Abss Duarte, que representou o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul e dos deputados Onevan de Matos (MDB) e Amarildo Cruz (PT). Júnior Mochi, em seu pronunciamento, agradeceu ao Executivo e Judiciário pelo esforço conjunto com o Legislativo e destacou que a Casa de Leis em nenhum momento deixou de discutir e votar os projetos de interesse da população. “Nos limites dos poderes e atribuições de cada um, mas em respeito e harmonia construímos um trabalho que contribuiu para

o fortalecimento da democracia”, declarou. Na abertura, os deputados que atuam como líderes partidários comentaram as expectativas para os trabalhos da Casa em 2018. Eduardo Rocha (PMDB), líder do Bloco Parlamentar II (PMDB, PDT e PEN), iniciou as falas em um tom de otimismo. “O ano de 2017 foi um ano extremamente difícil para o Brasil e Mato Grosso do Sul, mas essa Casa de Leis cumpriu seu papel para manter o Estado em pé e com as contas em dia e acredito que neste ano a Assembleia e seus deputados saberão trabalhar para que seja melhor”, disse. Pela liderança da oposição, o deputado líder do Partido dos Trabalhadores (PT), João Grandão, discursou destacando a responsabilidade da Bancada do PT nos trabalhos legislativos. “Nossa compreensão do que é fazer oposição responsável mostrou que em momento algum colocamos dificuldades para aprovar projetos que beneficiassem o povo. Por vezes geramos embates nessa Casa de Leis, ao discordar de pautas como a Reforma da

Previdência, mas deixamos claro que são por questões institucionais e não pessoais, sempre com muito respeito”, ressaltou. Para 2018, Grandão disse que será um ano de muita luta. “Será possível corrigir alguns erros, debater sobre o desmonte de programas sociais e cortes, como na Agricultura Familiar e Assistência Social, para discutir arduamente a recuperação orçamentária, deixando de lado diferenças ideológicas e avançar em prol da democracia”, destacou. O deputado professor Rinaldo Modesto de Oliveira (PSDB), líder do Governo na Assembleia, destacou o equilíbrio nas contas públicas. “Quero dizer da importância das conquistas deste Parlamento, o que só foi possível graças a um espírito altruísta, pensando no Estado acima das posições ideológicas, privilegiando a harmonia com todas as Instituições e Poderes aqui presentes. Nesse quadro, o Executivo também deve ser lembrado, pois conseguimos, em um momento de grandes vicissitudes brasileiras, criar as condições ne-

Juiz federal converte prisão de Henrique Alves em domiciliar Os procuradores irão analisar a decisão para decidir se irão ou não recorrer Ricardo Araújo, especial para Agência Estado, e Luiz Vassallo De Natal e São Paulo O juiz federal Francisco Eduardo Guimarães, da 14ª

Vara Federal no Rio Grande do Norte, deferiu pedido da defesa do ex-ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (MDB), e determinou a conversão da prisão em domiciliar. O magistrado é o responsável pelo julgamento do processo originado pela Operação Manus, que investiga o recebimento de

propina, além de corrupção e lavagem de dinheiro a partir dos recursos usados para a construção da Arena das Dunas, em Natal. De acordo com a assessoria de imprensa da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, o ex-deputado federal não deixará a Academia de Polícia Militar (Acadepol),

casa”, afirmou o governador. Ele lembrou ainda que o governo se programou para avanços significativos nos mais diversos setores, como saúde, segurança e educação e que fechou 2017 injetando mais de R$ 1,5 bilhão na economia do Estado, quitando três folhas – novembro, 13º salário e dezembro – no período de 30 dias, proporcionando segurança aos servidores e melhorias no comércio e na economia sul-mato-grossense. “Também reduzimos o número de secretarias, deixando o Estado com o menor número de pastas, sem prejuízos aos serviços oferecidos e prestados aos cidadãos”, destacou Reinaldo. O governador agradeceu o apoio da Casa de Leis aos projetos do Executivo e às parcerias que proporcionaram ações de governo que levaram o Estado a receber nota dez em transparência; o terceiro no ranking de administração de serviços públicos e o sexto melhor em segurança e competitividade. “Essas conquistas foram graças ao método arrojado de gestão que nos proporcionaram resultados positivos e expectativa de mais conquistas em 2018”, concluiu. Reinaldo chegou à Assembleia Legislativa pouco antes das 9h e, conforme protocolo, passou a tropa da Polícia Militar em revista, foi recebido pelo presidente da Casa de Leis, Júnior Mochi (MDB); pelo desembargador Claudionor Miguel Abss Duarte, representando o Tribunal de Justiça do MS e deputados estaduais; participou do hasteamento dos pavilhões e da abertura da sessão legislativa.

CURTAS Só 40 votos (1)

O presidente Michel Temer afirmou, em entrevista à RedeTV exibida na noite de segunda-feira (5), que faltam “só 40 votos” para o governo conseguir aprovar a reforma da Previdência na Câmara. A entrevista foi gravada na sexta-feira (2), conforme divulgou a Agência Estado. O presidente declarou ainda que, conforme o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, há 70 indecisos que podem decidir votar com o governo nas próximas duas semanas. Segundo Temer, o Congresso pode pegar “uma onda que traz os votos com facilidade”.

Só 40 votos (2)

O governo quer votar o texto no plenário da Câmara no dia 20. Temer declarou, na entrevista, que vai “até o fim” para aprovar a reforma da Previdência, mas que a proposta precisa ser votada em primeiro turno até o “final de fevereiro, início de março”. “Estamos chegando à conclusão que não há como deixar este tema permanentemente o ano todo”, disse. “Se não for votado, realmente fica difícil, aí temos que ir para outras pautas”.

Candidatura (1)

Temer disse, na mesma entrevista à RedeTV!, que o MDB pensa em ter candidato próprio ao Planalto na eleição de outubro. Temer afirmou ainda que não pensa em ser candidato à reeleição e que a primeira-dama, Marcela Temer, não gostaria que ele se lançasse na disputa. A entrevista foi gravada na sexta-feira.

Candidatura (2)

“Há essa perspectiva. Evidentemente, o PMDB, com a capilaridade que tem em todo o País, pensa numa candidatura própria”, disse Temer. O presidente afirmou, no entanto, que não cogita ser o candidato. “Eu não penso nisso. Meu desejo é fazer uma gestão (. .) histórica.”

Cor laranja (1)

Deputado Júnior Mochi, presidente da Assembleia Legislativa, durante abertura dos trabalhos cessárias para que o Estado pagasse em dia sua folha de servidores, alcançasse o melhor salário para os professores e fosse eleito o quarto melhor Estado no que tange à segurança pública”, declarou. Por fim, Beto Pereira (PSDB) ocupou a tribuna para falar em nome do Bloco Parlamentar I (PSDB, PR, DEM, PSB e SD). “Nos últimos três anos fomos uma Assembleia atuante e parceira, que teve a maturidade e sabedoria para discutir e aprimorar junto ao Executivo matérias importantes. Não faltou carinho e tranquilidade deste plenário para avaliar projetos de todos os Poderes, assim como todas as comissões foram atuantes. Para este novo ano tenhamos responsabilidade do que é necessidade à população e desejo sucesso a todos parlamentares, governo

e colaboradores”, finalizou. Ao final da sessão, o presidente da Assembleia Legislativa, Junior Mochi (PMDB), solicitou aos deputados para que indicassem os nomes dos novos líderes de bancada para que na próxima sessão sejam formadas as novas composições das Comissões Permanentes da Casa. Também participaram da abertura dos trabalhos legislativos o general de Exército José Luiz Garcia de Freitas, comandante Militar do Oeste; o general de Brigada Carlos Henrique Teche, comandante da 9ª Região Militar; os secretários de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira e de Governo e Gestão, Eduardo Riedel; o reitor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Fabio Edir dos Santos Costa e outras autoridades civis e militares.

onde se encontra preso desde o dia 6 de junho do ano passado, pois o processo que responde em Brasília na Operação Sepsis aguarda julgamento de habeas corpus, o que deverá ocorrer na próxima quinta-feira, dia 8. A Procuradoria Geral da República no Rio Grande do Norte, através da assessoria de imprensa, informou que os procuradores que acompanham o caso irão analisar a decisão judicial para decidir se irão ou não recorrer. Em nota, o advogado Marcelo Leal, que defende

Henrique Eduardo Alves, afirmou: “Todas as 22 testemunhas de acusação inocentaram Henrique Alves, não fazendo sentido que ele permanecesse preso nas condições em que estava. É preciso que a imprensa livre acompanhe todos os atos deste processo e divulguem para a população brasileira o que está acontecendo, para que se reflita sobre os danos que o punitivismo exarcebado tem causado em parte da justiça brasileira e o risco de que isso venha a atingir o cidadão comum”.

A cúpula e o edifício principal do Senado foram iluminados com a cor laranja, em apoio ao Dia Mundial de Combate ao Câncer. A iluminação especial foi solicitada pela senadora Vanessa Graziottin (PCdoB-AM) e começou na segunda-feira e vai até sexta-feira, informou a Agência Senado.

Cor laranja (2)

A data, celebrada em 4 de fevereiro, foi instituída em 2005 pela União Internacional para o Controle do Câncer (UICC) - organização mundial não-governamental com sede na Suíça. O objetivo é estimular pessoas e instituições a implantarem práticas fundamentais para o controle da doença, como adoção de hábitos saudáveis, atitudes de prevenção, diagnóstico precoce e tratamento. A campanha do biênio 2016-2018 tem como lema Nós podemos, eu posso e pretende mostrar para a população que é possível reduzir a incidência da doença.

COLONO - Cumpádri, os parlamentaris vortaram onti ao trabaio...

ZÉ PINGA - ... é, mas jás tem ponti pela frenti por conta do folia de Momu... ic, ic, ic...


4

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

PolĂ­tica

Bolsonaro cumpre agenda polĂ­tica em Dourados Deputado desembarca amanhĂŁ, dia 8, Ă s 14h30, concede entrevista coletiva e faz palestra sobre agronegĂłcios no Sindicato Rural MARCOS RIBEIRO

Marcos Morandi, Da Redação Morandi@progresso.com.br A pedido, inicialmente dos produtores rurais, o deputado federal e prÊ-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, desembarca amanhã (8), às 14h30, no Aeroporto Municipal Francisco de Matos Pereira, em Dourados. O primeiro compromisso serå uma entrevista coletiva, que acontece no Sindicato Rural. Em seguida Bolsonaro fala a respeito do agronegócios e sua importância para o desenvolvimento do País. Segundo o produtor rural Rodolfo Nogueira, um dos organizadores da visita do parlamentar à Dourados, o convite surgiu a partir da pre-

Na sexta-feira o palarmentar fala sobre a reforma da PrevidĂŞncia no auditĂłrio da Aced ocupação da classe produtora com o desenvolvimento do Brasil e, tambĂŠm, diante da importância do municĂ­pio e do Mato Grosso do Sul no contexto da economia nacional e internacional. â&#x20AC;&#x153;Num primeiro momento a palestra do deputado Jair Bolsonaro estava restrita Ă classe produratora. Mas, diante de inĂşmeros pedidos, o encontro serĂĄ aberto aos demais setores da sociedadeâ&#x20AC;?, explica Rodolfo, ressaltando que tambĂŠm estĂĄ programada uma concentração em frente ao aeroporto para recepcionar o parlamentar. O deputado federal Jair Bolsonaro permanece na cidade atĂŠ sexta-feira. Pela manhĂŁ (10h) ele tem encontro agendado para tratar da Reforma da PrevidĂŞncia. O evento acon-

Produtor rural Rodolfo Nogueira Ê um dos organizadores da visita de Bolsonaro à Dourados tece na Associação Comercial de Dourados. Os interessados em conhecer o pensamento do parlamentar a respeito do tema deve entrar em contato atravÊs do e-mail racibhard@ gmail com e agendar a participação. Trajetória Militar da reserva e nascido em Campinas, Jair Messias Bolsonaro cumpre o sÊtimo mandato como deputado federal. Nas eleiçþes gerais de 2014, Bolsonaro foi o deputado federal mais votado do Rio de Janeiro, sendo eleito pelo Partido Progressista com 464.565 votos. No atual mandato legislativo Ê titular da Comissão de Relaçþes Exteriores e de Defesa Nacional e suplente da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado. Em anos anteriores tambÊm

foi membro da ComissĂŁo de Direitos Humanos e Minorias. Jair Bolsonaro ĂŠ conhecido por suas posiçþes em defesa da famĂ­lia, da soberania nacional, do direito Ă propriedade e dos valores sociais do trabalho e da livre iniciativa. Em seus mandatos parlamentares, destacou-se na luta contra a erotização infantil nas escolas e por um maior rigor disciplinar nesses estabelecimentos, pela redução da maioridade penal, pelo armamento do cidadĂŁo de bem e direito Ă  legĂ­tima defesa, pela segurança jurĂ­dica na atuação policial e pelos valores cristĂŁos. Ă&#x2030; idealizador e defensor do retorno do voto impresso, que segundo ele, dĂĄ mais confiabiliade Ă s eleiçþes. Palestras Em Dourados, em vĂĄrias regiĂľes, como na Via Parque,

PrĂŠ-candidatura ĂŠ â&#x20AC;&#x2DC;desaďŹ o que destino impĂľeâ&#x20AC;&#x2122;, diz Collor WALDEMIR BARRETO/AGĂ&#x160;NCIA SENADO

â&#x20AC;&#x153;NĂŁo precisamos de revolução, mas de evoluçãoâ&#x20AC;?, diz Fernando Collor Julia Lindner, AgĂŞncia Estado De BrasĂ­lia Em discurso no plenĂĄrio do Senado para lançar sua prĂŠ-candidatura Ă PresidĂŞncia da RepĂşblica, ontem (6), o senador Fernando Collor (PTC-AL) se colocou como um nome de centro, progressista e liberal. Collor relembrou sua eleição em 1989, lamentou que nĂŁo tenha concluĂ­do integralmente o mandato presidencial por causa do impeachment e garantiu que possui â&#x20AC;&#x153;a experiĂŞncia, a coragem, o equilĂ­brio e maturidadeâ&#x20AC;? para comandar o PaĂ­s. â&#x20AC;&#x153;O Ă­ntimo do meu sentimento pĂşblico hoje me diz que seria covardia de minha parte renunciar Ă  verdade e desviar de mais um desafio que o destino me impĂľe. Os temores da histĂłria nĂŁo podem preceder aos ardores da modernidadeâ&#x20AC;?, declarou. Ele afirmou que o Brasil precisa de â&#x20AC;&#x153;um centro democrĂĄtico progressista e liberal capaz de promover as mudanças demandadas pelo povo brasileiroâ&#x20AC;? e que os movimentos nĂŁo devem mais se prender ideologicamente a â&#x20AC;&#x153;meros rĂłtulos da esquerda ou da direitaâ&#x20AC;?. Em seu discurso, o ex-presidente criticou o que classificou como um forçado espĂ­rito

Fernando Collor defende um â&#x20AC;&#x153;novo pacto federativoâ&#x20AC;? para aglutinar no governo de renovação polĂ­tica e defendeu um â&#x20AC;&#x153;novo pacto federativoâ&#x20AC;? para aglutinar no governo os â&#x20AC;&#x153;melhores quadrosâ&#x20AC;?. â&#x20AC;&#x153;NĂŁo precisamos de revolução, mas de evolução. Da mesma forma nĂŁo precisamos de renovação, mas de inovaçãoâ&#x20AC;?. Entre as conquistas do seu governo, que durou dois anos e meio, ele disse que garantiu o â&#x20AC;&#x153;necessĂĄrio lastro financeiroâ&#x20AC;? para a implantação do Plano Real. â&#x20AC;&#x153;Mantive em razoĂĄveis nĂ­veis o equilĂ­brio

fiscal das contas pĂşblicasâ&#x20AC;?, continuou. O ex-presidente tambĂŠm defendeu que foi responsĂĄvel por â&#x20AC;&#x153;abrir a porta do Brasil para a tecnologia e para o mundoâ&#x20AC;?. Collor discursou por cerca de 20 minutos para oito senadores. Ele nĂŁo quis falar com a imprensa apĂłs o pronunciamento. Ele tambĂŠm afirmou que sua postulação possui suporte em sua experiĂŞncia como prefeito, governador, presidente e parlamentar.

em frente ao Parque Antenor Martins, hĂĄ outdoors com a foto de Bolsonaro. Em setembro do ano passado alguns empresĂĄrios douradenses se uniram e instalaram o primeiro outdoor. O deputado federal e prĂŠ-candidato Ă PresidĂŞncia, Jair Bolsonaro, disse ontem em SĂŁo Paulo que â&#x20AC;&#x153;vendeu seu peixeâ&#x20AC;? em palestra para investidores e empresĂĄrios durante evento do BTG Pactual. A apresentação foi fechada Ă  imprensa. O evento reĂşne mais de 2,5 mil clientes do banco e 140 companhias, em dois dias de apresentaçþes, que terĂĄ outros nomes que podem concorrer ao Planalto, como o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles.

Candidatura Anunciada em evento no interior de Alagoas, em janeiro deste ano, a candidatura do ex-presidente tem o objetivo de garantir a sobrevivĂŞncia de seu partido, o nanico PTC, por causa das novas regras aprovadas pelo Congresso para que as legendas tenham acesso ao Fundo PartidĂĄrio e ao tempo de propaganda gratuita no rĂĄdio e na TV. Pela chamada â&#x20AC;&#x153;clĂĄusula de barreiraâ&#x20AC;?, aprovada em outubro passado, as legendas deverĂŁo atingir pelo menos 1,5% dos votos vĂĄlidos para a Câmara em 2018 em pelo menos nove Estados ou ter eleito, no mĂ­nimo, 13 deputados em nove Estados. Nas eleiçþes de 2014, o PTC ficou longe desse porcentual: teve apenas 0,35% dos votos e sĂł conseguiu eleger dois deputados. A estratĂŠgia do PTC ĂŠ usar a candidatura como atrativo para eleger de 9 a 11 deputados federais. Um deles serĂĄ o filho do senador, Arnon Collor, atual vice-presidente na AmĂŠrica Latina do grupo NBA, liga de basquete americano. O partido espera tambĂŠm as candidaturas Ă reeleição dos atuais deputados Uldurico Pinto (PV-BA) e Brunny (PR-MG), que foram eleitos em 2014 pelo PTC, mudaram de agremiação e agora negociam o retorno Ă  sigla. A legenda tambĂŠm traçou como meta eleger de trĂŞs a quatro senadores em outubro deste ano, pelo AmapĂĄ, Rio Grande do Norte e Amazonas. Eles se juntarĂŁo a Collor, que, caso nĂŁo se eleja presidente, terĂĄ mandato de senador atĂŠ 2022.

C

INFORME C CĂ?CERO FARIA cicerolfaria@gmail.com

Mais professores contratados do que concursados A Prefeitura de Dourados, alvo na segunda feira da Operação Volta Ă s Aulas, tem 1.500 professores conWUDWDGRVHDSHQDVSURÄ&#x;VVLRQDLVHIHWLYRVVHJXQGR o Tribunal de Contas do Estado, informou o G1/MS. A investigação do Grupo de Atuação Especial de RepressĂŁo ao Crime Organizado (Gaeco), conduzida pela 16ÂŞ Promotoria de Justiça de Dourados, apura a contratação ilegal de professores temporĂĄrios. Durante a operação, os funcionĂĄrios das secretarias municipais de Educação e Administração tiveram de deixar os prĂŠdios. TambĂŠm foi cumprido mandados de busca e apreensĂŁo no departamento de recursos humanos da prefeitura. Em dezembro de 2017, a Justiça determinou a demissĂŁo de 100 contratados para a convocação de aprovados do concurso de 2016. As aulas em Dourados estĂŁo mantidas para 15 de fevereiro. ESCAPOU A Justiça Federal aceitou pedido e reconheceu a prescrição do processo contra o vereador Lucas de Lima (SD), que nĂŁo corre mais o risco de perder a vaga na Câmara de Campo Grande. Conforme o advogado JosĂŠ Roberto Rodrigues da Rosa, na esfera penal nĂŁo hĂĄ mais nada contra Lucas. â&#x20AC;&#x153;SĂŁo duas questĂľes. A pena que havia era de um fato ocorrido antes da Lei da Ficha Limpa, entĂŁo nĂŁo o atingia. E outra ĂŠ que hoje foi aceita a prescrição do casoâ&#x20AC;?, explicou. Radialista e ex-sĂłcio de uma pizzaria, Lucas foi condenado pela 5ÂŞ 9DUDGD-XVWLĂ?D)HGHUDODÄ&#x;HO depositĂĄrio. A sentença foi convertida na prestação de serviços comunitĂĄrios. TCHAU PT! O ex-vereador de Campo Grande por quatro mandatos, o Alex do PT, anunciou ontem pelas redes sociais que vai se desfiliar do Partido dos Trabalhadores. Segundo uma publicação em sua pĂĄgina na internet, Alex disse ter tomado a decisĂŁo apĂłs refletir muito. â&#x20AC;&#x153;O argumento majoritĂĄrio que eu deveria deixar as coisas como elas estĂŁo, me transformando apenas em uma Ä&#x;FKDDPDLVDFĂ&#x2019;IDODFDUWRrial, nĂŁo combina com a minha personalidade e nĂŁo me convencem maisâ&#x20AC;?, explicou o ex-petista. RĂ PIDO Tr a b a l h a d o r a s n ĂŁ o precisarĂŁo mais ir atĂŠ um posto do INSS para requerer o salĂĄrio-maternidade. Desde anteontem a

concessĂŁo desse benefĂ­cio deve acontecer automaticamente. A mudança serĂĄ possĂ­vel por meio de uma integração entre a base de dados do INSS com a dos cartĂłrios do PaĂ­s. Isso permitirĂĄ que o INSS cheque se as mĂŁes das crianças registradas nos cartĂłrios sĂŁo seguradas e estĂŁo aptas ao recebimento do benefĂ­cio.Francisco Lopes, presidente do INSS, disse que a concessĂŁo deve ocorrer automaticamente em atĂŠ 48h apĂłs o registro da criança em cartĂłrio. ABUSO ApĂłs ajuizar 130 açþes contra danos ambientais Ă flora de RondĂ´nia, o MinistĂŠrio PĂşblico Federal descobriu que, alĂŠm de derrubarem e venderem madeiras, madeireiros estĂŁo leiloando ilegalmente terras indĂ­genas para vĂĄrias pessoas no estado. SĂł na reserva Uru-Eu-Wau-Wau, por exemplo, jĂĄ existem cerca de 500 cadastros rurais de invasores aguardando a legalização da terra para uma futura exploração do local. Ă&#x2030; O HOMEM Durante a primeira sessĂŁo do ano na Assembleia Legislativa realizada ontem, o deputado Beto Pereira, presidente estadual do PSDB disse que, o partido jĂĄ tem candidato ao governo, fazendo referĂŞncia ao governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB). AtĂŠ o mĂŞs passado, o partido ainda nĂŁo tiQKDGHÄ&#x;QLGRSUĂ&#x2019;FDQGLGDWRDR governo. Na ocasiĂŁo, Azambuja avisou que sĂł decidiria o seu futuro polĂ­tico depois do Carnaval. O PPS jĂĄ fechou aliança com os tucanos, informou o presidente do partido em Dourados, JosĂŠ da Silva Neto (Peninha).

BATE REBATE Postos de combustíveis de MS tiveram queda de 30% no volume de vendas neste início de ano, em decorrência dos fortes aumentos de preços, que somam pelo menos 144 reajustes da Petrobras desde julho do ano passado. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deu continuidade ao recente movimento que envolve entrevistas à imprensa regional, em meio a trabalho de bastidores para se viabilizar sua candidatura a presidente. A decisão sobre possível candidatura minha serå tomada em abril, disse à Rådio Correio, de João Pessoa (PB). Termina dia 16 o prazo para inscrição ao Concurso Público do MinistÊrio Público de MS para 10 vagas de promotor de Justiça substituto, com salårio inicial de R$ 23.512. Uma lei de Bela Vista foi julgada inconstitucional pelo Tribunal de Justiça por unanimidade. Pela norma, servidores municipais poderiam tirar folga no dia de seu aniversårio com premiação de valorização, com uma cesta båsica ou crÊdito em dinheiro.

INFORME CURURU Beira Mar evangĂŠlico, Suzane Von Richthofen, evangĂŠlica, ManĂ­aco do Parque, evangĂŠlico... Ainda bem que eu nĂŁo vou para o cĂŠu.


5

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 2352*5(662

3ROâWLFD REPRODUĂ&#x2021;Ă&#x192;O

Glaucos se diz vĂ­tima de plano de Bumlai e compadre de Lula (OHHQWUHJRXDOHJDĂ?øHVÄ&#x;QDLVem investigação sobre recibos de aluguel e DÄ&#x;UPRXTXHRSHFXDULVWDHRDGYRJDGR5REHUWR7HL[HLUDXVDUDPVXDĹ ERDIĂ&#x2019;Ĺ&#x201A; REPRODUĂ&#x2021;Ă&#x192;O

Julia AďŹ&#x20AC;onso, Luiz Vassallo e Ricardo Brandt, AgĂŞncia Estado De SĂŁo Paulo O engenheiro Glaucos da Costamarques, acusado de ter atuado como laranja do ex-presidente Luiz InĂĄcio Lula da Silva em supostas propinas da Odebrecht, disse ao juiz federal SĂŠrgio Moro que foi â&#x20AC;&#x153;vĂ­tima circunstancialâ&#x20AC;? de um plano do advogado Roberto Teixeira, melhor amigo do petista, e do pecuarista JosĂŠ Carlos Bumlai. RĂŠu em ação da Operação Lava Jato, Glaucos se manifestou em uma investigação que mira suspeita de falsidade sobre recibos de aluguel do imĂłvel vizinho ao de Lula, em SĂŁo Bernardo do Campo. Teixeira ĂŠ rĂŠu na ação penal pelo suposto intermĂŠdio da compra de imĂłveis, que, se-

A defesa de Lula alega TXHRSHWLVWDSDJRX pelo aluguel do apartamento e que QĂ&#x201A;RDFHLWRXRLPĂśYHO SDUDDVHGHGR,QVWLWXWR gundo a acusação formal, foi feita em benefĂ­cio de Lula. Bumlai nĂŁo foi denunciado pela força-tarefa da Lava Jato neste processo. â&#x20AC;&#x153;Glaucos foi vĂ­tima circunstancial de um plano arquitetado por JosĂŠ Carlos Bumlai (que nem sequer figura como rĂŠu na ação penal) e Roberto Teixeira, aparentemente para alicerçar as sĂłlidas amizades que mantinham com o ex-presidente Lula e sua famĂ­lia. Os artĂ­fices se utilizaram de sua boa-fĂŠ, da sua simplicidade, da confiança que nutria por JosĂŠ Carlos Bumlai e por ele estendida a Roberto Teixeira, e tambĂŠm do seu dinheiro, para promover a compra de um imĂłvel visando dar conforto ao ex-presidente Lula e sua famĂ­lia no imĂłvelâ&#x20AC;?, afirma o engenheiro. Na ação na qual Glaucos ĂŠ rĂŠu, Lula foi denunciado por

Amanda Pupo, AgĂŞncia Estado De BrasĂ­lia O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou na tarde de ontem (6) que ĂŠ favorĂĄvel Ă execução de pena provisĂłria apĂłs condenação feita por ĂłrgĂŁo colegiado, na segunda instância da justiça. â&#x20AC;&#x153;Execução de pena apĂłs condenação em segundo grau ĂŠ constitu-

AcĂłrdĂŁo do julgamento de Lula ĂŠ publicado $GHIHVDWHPDWĂ&#x2019;DPHLD QRLWHGRGLDSDUDHQWUDU com os Embargos Julia Affonso, Ricardo Brandt e Luiz Vassallo, AgĂŞncia Estado De SĂŁo Paulo

(QJHQKHLUR*ODXFRVGD&RVWDPDUTXHVDFXVDGRGHWHUDWXDGRFRPRODUDQMDGRH[SUHVLGHQWH/XOD supostamente receber R$ 12,5 milhĂľes em propinas da Odebrecht, por meio de um terreno que abrigaria o Instituto Lula - R$ 12 milhĂľes - e uma cobertura vizinha Ă residĂŞncia de Lula em SĂŁo Bernardo de R$ 504 mil. A defesa do ex-presidente alega que o petista pagou pelo aluguel do apartamento e que nĂŁo aceitou o imĂłvel para a sede do Instituto. JĂĄ a Lava Jato acusa o ex-presidente de nunca ter pago os aluguĂŠis. Lula entregou recibos dos alugueis ao juiz SĂŠrgio Moro em setembro de 2017. Dois comprovantes apresentam datas que nĂŁo existem no calendĂĄrio. Parte dos documentos ainda apresenta os mesmos erros de ortografia. Sobre estes papĂŠis, foi aberta a investigação de suspeita de falsidade. A manifestação de Glaucos nesta investigação foi entregue em 26 de janeiro. Lula entregou suas alegaçþes no mesmo dia. A defesa do petista alega que os recibos de pagamento sĂŁo autĂŞnticos. Acusado de ser laranja na compra e titularidade do apartamento, que teria sido custeado pela Odebrecht, Glaucos reafirmou Ă  Justiça que â&#x20AC;&#x153;jamais recebeu qualquer valor a tĂ­tulo de aluguel

do imĂłvel, senĂŁo a partir de novembro de 2015, depois da jĂĄ propalada visita que Roberto Teixeira lhe fez no Hospital SĂ­rio-LibanĂŞs apĂłs a prisĂŁo de JosĂŠ Carlos Bumlaiâ&#x20AC;?. Ao juiz SĂŠrgio Moro, durante depoimentos da ação penal, Glaucos afirmou que recebeu Roberto Teixeira quando esteve internado no hospital SĂ­rio-LibanĂŞs, entre novembro e dezembro de 2015 e que tambĂŠm foi visitado pelo contador JoĂŁo Muniz Leite, quando assinou diversos recibos de pagamentos referentes a 2015 de uma vez sĂł. Defesas Em nota, a advogada Daniella Meggiolaro, que defende JosĂŠ Carlos Bumlai, afirmou: â&#x20AC;&#x153;Glaucos Costamarques ĂŠ um empresĂĄrio capacitado e experiente, que tem o direito constitucional de dizer o que entender conveniente para sua defesa. No entanto, JosĂŠ Carlos Bumlai nĂŁo irĂĄ se manifestar sobre declaraçþes feitas em processo penal do qual nĂŁo ĂŠ parteâ&#x20AC;?. Roberto Teixeira afirmou, em nota, que â&#x20AC;&#x153;Glaucos da Costamarques jĂĄ apresentou cinco versĂľes diferentes para a locação do imĂłvel e o recebimento dos aluguĂŠis, mostrando que sua palavra nĂŁo

Moraes se posiciona por execução de pena apĂłs condenação em 2ÂŞ instância vDĹ&#x17E;YH]TXHRPLQLVWURVH PDQLIHVWDRÄ&#x;FLDOPHQWHVREUH RWHPDHP

/XODWHYHSHQDDXPHQWDSDUDDQRVHXPPĂ&#x201C;VGHSULVĂ&#x201A;R

cionalâ&#x20AC;?, disse. Ă&#x2030; a primeira vez que o ministro se manifesta oficialmente sobre o tema em 2018. Para Moraes, como somente a primeira e segunda instâncias analisam material de provas, e depois nĂŁo hĂĄ recurso que discute o mĂŠrito da ação, a execução de pena apĂłs condenação em segunda instância ĂŠ constitucional. Para o ministro, esse entendimento nĂŁo vai contra a Convenção Americana de Direitos Humanos. Ele ainda acrescentou que, segundo seu entendimento,

no caso de pessoas com foro privilegiado, onde os julgamentos originĂĄrios ocorrem jĂĄ a partir de ĂłrgĂŁos colegiados, quando se esgotam os recursos na instância, o decreto da prisĂŁo provisĂłria jĂĄ ĂŠ viĂĄvel. â&#x20AC;&#x153;Quando houver foro sĂł um ĂłrgĂŁo analisa; esgotados todos os recursos desse ĂłrgĂŁo, tambĂŠm entendo constitucional que se decrete a prisĂŁo provisĂłriaâ&#x20AC;?, defendeu. A posição de Moraes era uma dĂşvida porque ele chegou Ă Corte depois que o STF firmou o entendimen-

merece credibilidade. Sua Ăşltima versĂŁo foi desmentida pelo Hospital SĂ­rio LibanĂŞs em 3 oportunidadesâ&#x20AC;?. â&#x20AC;&#x153;Sou advogado hĂĄ 50 anos, fui presidente em duas oportunidades da OAB de SĂŁo Bernardo do Campo, e minha atuação sempre se pautou pela ĂŠtica e pela legalidadeâ&#x20AC;?, afirma Teixeira na nota. O advogado Cristiano Zanin Martins, que defende Lula, afirmou que â&#x20AC;&#x153;o depoimento de Glaucos da Costamarques, naquilo que efetivamente diz respeito Ă acusação formalizada pelo MinistĂŠrio PĂşblico na denĂşncia, confirma que o ex-Presidente Lula nĂŁo praticou nenhum crimeâ&#x20AC;?. â&#x20AC;&#x153;Costamarques reafirmou em sua Ăşltima manifestação no processo que â&#x20AC;&#x2DC;adquiriu o imĂłvel com recursos prĂłpriosâ&#x20AC;&#x2122; e jamais teve qualquer contato com as pessoas da Petrobras ou das empreiteiras envolvidas no assunto, nĂŁo as conhecia e isto foi confirmado por todos os envolvidosâ&#x20AC;?, afirma Martins em nota. â&#x20AC;&#x153;O imĂłvel foi locado por D. Marisa que pagou os aluguĂŠis contratados, conforme comprovam os recibos de locação emitidos em favor dela por Costamarques, com declaração de quitaçãoâ&#x20AC;?, conclui o advogado.

to, ao final de 2016, de que Ê possível executar a prisão após segunda instância. Isso foi acertado em duas açþes das quais o ministro Marco AurÊlio Mello Ê relator, do Partido Ecológico Nacional (PEN) e do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O Supremo ainda não analisou o mÊrito dessas açþes. Moraes pediu para se manifestar sobre a questão durante o julgamento do recurso especial do deputado João Rodrigues (PSD-SC), em sessão da primeira turma do Corte, que não reconheceu o recurso e ainda decretou a execução provisória da pena do parlamentar, condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4º Região (TRF-4) em 2009.

O Tribunal Regional Federal da 4ÂŞ RegiĂŁo (TRF-4) publicou o acĂłrdĂŁo do julgamento do ex-presidente Luiz InĂĄcio Lula da Silva. Por unanimidade, os desembargadores da Corte JoĂŁo Pedro Gebran Neto, Leandro Paulsen e Victor Laus aumentaram a pena do petista para 12 anos e um mĂŞs de prisĂŁo em regime fechado no dia 24 de janeiro. â&#x20AC;&#x153;Vistos e relatados estes autos em que sĂŁo partes as acima indicadas, decide a EgrĂŠgia 8ÂŞ Turma do Tribunal Regional Federal da 4ÂŞ RegiĂŁo, por unanimidade, rejeitar as preliminares e, no mĂŠrito, dar parcial provimento ao apelo do MinistĂŠrio PĂşblico Federal, negar provimento Ă s apelaçþes dos rĂŠus JosĂŠ AdelmĂĄrio Pinheiro Filho e Agenor Franklin MagalhĂŁes Medeiros; conceder ordem de habeas corpus para reduzir as penas aplicadas a Agenor Franklin MagalhĂŁes Medeiros; conhecer em parte da apelação do rĂŠu Luiz InĂĄcio Lula da Silva e, nessa extensĂŁo, dar-lhe parcial provimento; e conhecer em parte do apelo do rĂŠu Paulo Tarciso Okamotto e, nessa extensĂŁo, negar-lhe provimento, nos termos do voto do relator, do relatĂłrio, votos e notas de julgamento que ficam fazendo parte integrante do presente julgadoâ&#x20AC;?, anotou o desembargador JoĂŁo Pedro

Gebran Neto, relator da Lava Jato na Corte. A defesa de Lula tem atÊ a meia-noite do dia 20 de fevereiro para entrar com os Embargos de Declaração. Isto porque o prazo para ajuizar o recurso precisa começar e terminar em dia útil. O início ocorrerå no dia 19 de fevereiro e terminarå no fim do dia seguinte. A partir da publicação do acórdão, a defesa do ex-presidente tem atÊ 12 dias corridos para entrar com Embargos de Declaração. Por meio deste recurso, os defensores podem questionar obscuridades nos votos dos desembargadores. Como se trata de um processo eletrônico, o prazo Ê estabelecido da seguinte forma. O advogado recebe a intimação para ciência do acórdão e pode abrir em atÊ dez dias. Após o dÊcimo dia, a Justiça conta mais dois dias de prazo. Se o defensor abrir o documento eletronicamente no segundo dia após a intimação, o prazo de dois dias passa a ser contado por esta data. Caso o documento seja aberto apenas no último dos dez dias, a defesa tem, então, os 12 dias corridos de prazo. O julgamento que condenou Lula terminou em 3 votos a 0. Em 1ª instância, Lula havia sido condenado pelo juiz federal SÊrgio Moro, em julho do ano passado, a 9 anos e seis meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. Após votar pela condenação de Lula, no julgamento, Leandro Paulsen deixou expresso que a pena deve ser imediatamente executada em caso de decisão unânime da Corte e se esgotados todos os recursos ainda cabíveis no âmbito da segunda instância.

Polícia Federal devolve passaporte de Lula Agência Estado De São Paulo e Brasília A Polícia Federal devolveu ontem (6) o passaporte do ex-presidente Luiz Inåcio Lula da Silva, apreendido por decisão da 10ª Vara Federal de Brasília, no âmbito da Operação Zelotes. A restituição do documento se då em cumprimento de decisão do juiz federal Bruno Apolinårio, convocado pelo Tribunal Regional Fe-

deral da 1ÂŞ RegiĂŁo para julgar recurso da defesa. O diretor-geral da PF, Fernando Segovia, tambĂŠm foi intimado a retirar o petista do sistema de procurados e impedidos. Ao confiscar o passaporte do ex-presidente Lula, o juiz federal da 10ÂŞ Vara de BrasĂ­lia, Ricardo Soares Leite, afirmou ver â&#x20AC;&#x153;real e iminente probabilidadeâ&#x20AC;? da prisĂŁo do petista. O magistrado acatou pedido da Procuradoria da RepĂşblica no Distrito Federal.


6

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Economia

IGP-DI registra infação de 0,58% em janeiro, diz FGV Com o resultado, o Ă?ndice Geral de Preços - Disponibilidade Interna acumulou uma elevação de 0,58% no ano REPRODUĂ&#x2021;Ă&#x192;O

Daniela Amorim, Agência Estado Do Rio de Janeiro O �ndice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) registrou alta de 0,58% em janeiro, ante um aumento de 0,74% em dezembro, divulgou na manhã de ontem (6) a Fundação Getulio Vargas (FGV). O resultado do indicador ficou dentro do intervalo das projeçþes do mercado financeiro, que estimavam um avanço de 0,52% a 0,88%, com mediana positiva de 0,65%, de acordo com as instituiçþes ouvidas pelo Projeçþes Broadcast. Com o resultado, o IGP-DI acumulou uma elevação de 0,58% no ano, mas ainda tem

O IPA-DI, que representa o atacado, teve alta de 0,58% em janeiro, após a elevação de 1,07% registrada em dezembro queda de 0,28% em 12 meses. A FGV informou ainda os resultados dos três indicadores que compþem o IGP-DI. O IPA-DI, que representa o atacado, teve alta de 0,58% em janeiro, após a elevação de 1,07% registrada em dezembro. O IPC-DI, que apura a evolução de preços no varejo, teve um aumento de 0,69% em janeiro, ante um crescimento de 0,21% em dezembro. Jå o INCC-DI, que mensura o impacto de preços na construção, apresentou alta de 0,31% em janeiro, depois do aumento de 0,07% em dezembro. O núcleo do �ndice do IPC-DI de janeiro subiu 0,44%, após um aumento de 0,33% em dezembro. O núcleo Ê usa-

$OLPHQWRVFDURVFRPRKRUWDOLĂ?DVHOHJXPHVSUHVVLRQDPLQÄ DĂ?Ă&#x201A;R do para mensurar tendĂŞncias e calculado a partir da exclusĂŁo das principais quedas e das mais expressivas altas de preços no varejo. Ainda de acordo com a FGV, o nĂşcleo acumulou uma elevação de 0,44% no ano e avanço de 3,29% em 12 meses. O perĂ­odo de coleta de preços para o IGP-DI de janeiro foi do dia 1Âş ao dia 31 do mĂŞs. IPAs Os preços dos produtos agropecuĂĄrios no atacado, mensurados pelo IPA AgrĂ­cola, caĂ­ram 0,52% em janeiro, apĂłs

terem avançado 0,81% em dezembro de 2017, dentro do IGP-DI, informou a FGV. Jå os produtos industriais medidos pelo IPA Industrial registraram avanço de 0,94% em janeiro, depois de uma elevação de 1,15% no atacado em dezembro. Dentro do �ndice de Preços por Atacado segundo Estågios de Processamento (IPA-EP), que permite visualizar a transmissão de preços ao longo da cadeia produtiva, os preços dos bens finais tiveram alta de 0,16% em janeiro, ante um aumento de 0,45% em

dezembro. Os preços dos bens intermediårios subiram 1,34% em janeiro, após avançarem 0,46% em dezembro. Os preços das matÊrias-primas brutas registraram alta de 0,18% em janeiro, depois de subirem 2,62% em dezembro. Grupos Os aumentos de preços dos alimentos pesaram na inflação ao consumidor medida pelo IGP-DI. O �ndice de Preços ao Consumidor (IPC-DI) teve um avanço de 0,69% no último mês, após uma alta de 0,21% em dezembro. Seis das oito classes de despesa registraram taxas de variação maiores. A principal contribuição para o avanço do IPC-DI partiu do grupo Alimentação, que saiu de um aumento de 0,27% em dezembro para elevação de 1,23% em janeiro, sob pressão de itens como hortaliças e legumes, que passou de -0,29% para 15,75% no período. Os demais acrÊscimos ocorreram em Educação, Leitura e Recreação (de 0,37% para 2,75%), Transportes (de 0,78% para 1,12%), Vestuårio (de 0,11% para 0,34%), Comunicação (de -0,07% para 0,13%) e Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,45% para 0,50%). Houve contribuição dos itens cursos formais (de 0,00% para 5,84%), tarifa de ônibus urbano (de -0,90% para 2,08%), calçados (de -0,04% para 0,77%), tarifa de telefone residencial (de -1,01% para 0,07%) e protetores para a pele (de -2,30% para 0,78%), respectivamente. Na direção oposta, as taxas foram mais baixas nos grupos Habitação (de -0,33% para -0,47%) e Despesas Diversas (de 0,21% para 0,14%), com contribuição da tarifa de eletricidade residencial (de -2,93% para -4,25%) e alimentos para animais domÊsticos (de 1,89% para 0,58%). O núcleo do IPC-DI registrou alta de 0,44% em janeiro, ante avanço de 0,33% em dezembro. Dos 85 itens componentes do IPC, 44 foram excluídos do cålculo do núcleo. O índice de difusão, que mede a proporção de itens com aumentos de preços, foi de 70,12% em janeiro, 15,39 pontos porcentuais acima do resultado de 54,73% registrado em dezembro.

INDICADORES ECONĂ&#x201D;MICOS progresso@progresso.com.br

BOLSAS Ibovespa: Pontos: Måxima de Mínima Volume: Variação em 2018: Variação no mês: Dow Jones: Pontos: Nasdaq: Pontos: Ibovespa Futuro: Pontos: Måxima (pontos): Mínima (pontos):

BLUE CHIPS -2,59% 81.861,08 84.311 pnts 81.861 pnts 9,72 bilhĂľes 7,15% -3,59% -3,67% (18h38) 24.584,99 -2,79% (18h38) 7.038,69 -3,09% 81.660 84.455 81.550

JUROS - &'%SUHÄ&#x;[DGRGHGLDV - Capital de giro, - Hot money, - CDI, - Over a

884,715 centavos de dĂłlar estĂĄvel

Variação -0,80% +0,36%

R$ 1,0641

DĂ?VIDA EM TR OU TRD

R$ 954,00

R$ 25,11

POUPANĂ&#x2021;A (APLICAĂ&#x2021;Ă&#x192;OAPARTIRDE 04/05/12)

Fevereiro 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17

GLOBAL 40

* 1 onça-troy equivale a 31,1035 gramas

UFERMS Janeiro

0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994% 0,3994%

Dia do vencimento

Fatores de

Fevereiro 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22

0,01347435 0,01323848 0,01330290 0,01313882 0,01312098 0,01299397 0,01298011 0,01329316 0,01330249 0,01329425 0,01316426 0,01302982 0,01316848 0,01299723 0,01324700 0,01319915 0,01307221 0,01286982 0,01273953 0,01332346

(Multiplique a quantidade de TR ou TRD do carnê pelo fator de atualização da data do vencimento. A aplicação desse fator único atualiza a dívida pela TR do dia do aniversårio do contrato e converte o resultado para reais).

TBF

TR

Janeiro 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 Fevereiro 01 02

Janeiro 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 Fevereiro 01 02

0,4471% 0,4352% 0,4548% 0,4788% 0,5246% 0,5086% 0,5108% 0,4597% 0,4405% 0,4432% 0,4666% 0,4930% 0,4714% 0,4719% 0,4302% 0,4370%

0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000% 0,0000%

CĂ&#x201A;MBIO DĂłlar comercial no balcĂŁo DĂłlar Paralelo DĂłlar Ptax DĂłlar Turismo DĂłlar Futuro (Março) Euro Euro comercial Euro turismo

Compra R$ 3,2498 R$ 3,32 R$ 3,2349 R$ 3,2500 R$ 3,2715 US$ 1,2412 (Ă s 18h38) R$ 4,0300 R$ 3,9630

Venda R$ 3,2503 R$ 3,42 R$ 3,2355 R$ 3,3870

Variação +1,05% +0,89% +0,92% +1,01% +1,36% -0,36% +0,6% +0,72%

US$ 1,2412 R$ 4,0320 R$ 4,1930

INFLAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

Desemprego, corrupção e saĂşde sĂŁo os principais problemas do PaĂ­s Foram ouvidas 2 mil pessoas em 127 municĂ­pios entre 7 e 10 de dezembro De BrasĂ­lia* Pesquisa da CNI mostra que a população tambĂŠm estĂĄ preocupada com a perda do poder de compra. Por isso, aponta o aumento do salĂĄrio mĂ­nimo, o controle da inflação, a geração de empregos e a redução dos impostos como prioridades para 2018 As crises econĂ´mica e ĂŠtica mudaram a percepção dos brasileiros sobre os principais problemas e as prioridades na ação do governo federal. Na avaliação da população, o desemprego, a corrupção e a saĂşde foram os principais problemas enfrentados em 2017. Para este ano, as prioridades sĂŁo a melhoria dos serviços de saĂşde, o aumento do salĂĄrio mĂ­nimo e o controle da inflação, informa a pesquisa Retratos da Sociedade Brasileira - Problemas e Prioridades, divulgada ontem (6), pela Confederação Nacional da IndĂşstria (CNI). â&#x20AC;&#x153;Os reflexos da crise econĂ´mica se fazem sentir nas respostas da população. O desemprego aparece como maior problema pelo segundo ano consecutivo, e as medidas de recuperação de poder de compra ganham espaço entre as principais prioridades para 2018. A população aspira recuperar o poder de com-

do 017 s is

56% DESEMPREGO

55% CORRUPĂ&#x2021;Ă&#x192;O

47% SAĂ&#x161;DE

38% SEGURANĂ&#x2021;A PĂ&#x161;BLICA

Principais problemas do Brasil em 2017 Percentual de citaçþes entre os três principais problemas (%)

pra que tinha antes da crise, o que deve ocorrer apenas com a queda do desemprego e o crescimento sustentado da economiaâ&#x20AC;?, afirma o gerente-executivo de Pesquisas e Competitividade da CNI, Renato da Fonseca. De acordo com o levantamento, o desemprego, com 56% das citaçþes, ficou em primeiro lugar na lista de principais problemas. Em segundo lugar, com 55% das assinalaçþes, apareceu a corrupção e, em terceiro, com

çþes. â&#x20AC;&#x153;O segundo problema com maior ganho de citaçþes foi o custo de vida, fator que passou de 7% de citaçþes para 13% em 2017â&#x20AC;?, observa a CNI. Com isso, o custo de vida passou do 10Âş lugar em 2016 para o quinto lugar em 2017.

47% das mençþes, a saúde. Em quarto lugar, com 38% das respostas, a população apontou a segurança pública. A pesquisa chama atenção para o aumento da preocupação dos brasileiros com a corrupção. Em 2016, a corrupção ocupava o terceiro lugar da lista de principais problemas, com 40% das citaçþes. Em 2017, recebeu 55% das mençþes e passou para o segundo lugar, passando à frente da saúde e se aproximando do primeiro lugar em cita-

SaĂşde ĂŠ prioridade A preocupação com o custo de vida e a perda do poder de compra tambĂŠm mudou as prioridades apontadas pela população para 2018. A melhoria dos serviços de saĂşde, com 37% das respostas, permanece em primeiro lugar desde 2014. Mas o aumento do salĂĄrio mĂ­nimo, com 33% das citaçþes, subiu do quarto lugar em 2017 para o segundo lugar em 2018. Em terceiro lugar, com 32% das mençþes, aparece o controle da inflação. Em quarto lugar aparecem, empatadas, a geração de empregos e a redução dos impostos, ambas com 30% das respostas. â&#x20AC;&#x153;O destaque dado a essas medidas reflete a alta taxa de desemprego, a percepção de perda de poder de compra da população nos Ăşltimos anos e a preocupação em recuperar a capacidade de consumoâ&#x20AC;?, avalia a CNI. Em 2014, o controle da inflação ocupava o nono lugar na lista de prioridades da população. A redução dos impostos estava na oitava posição e, a geração de empregos, em sĂŠtimo lugar. A pesquisa Retratos da Sociedade Brasileira - Problemas e Prioridades ouviu 2 mil pessoas em 127 municĂ­pios entre 7 e 10 de dezembro de 2017. (*SuperintendĂŞncia de Jornalismo da CNI).

-3,51% -4,66% -1,61% -1,5% -4,5% -4,56% -1,1% -3,08% -3,62% -1,1%

Cotação Ouro US$ 1.337,30 a onça-troy Ouro BM&F (à vista) 138,000

SALĂ RIO MĂ?NIMO Janeiro

Variação

R$ 50,03 R$ 19,04 R$ 37,80 R$ 21,68 R$ 20,57 R$ 33,46 R$ 40,35 R$ 12,60 R$ 25,27 R$ 9,88

OURO

UFIR Novembro/2000

Preço Itau Unibanco PN Petrobras PN Bradesco PN Ambev ON Petrobras ON Vale PNA BRF SA ON Vale ON Itausa PN Cielo ON JBS ON

Cotação: Variação:

6,68% ao ano 9,96% ao ano 1,13% ao mĂŞs 6,89% ao ano 6,90%

em R$

ACUMULADO

Ă?NDICES

Novembro Dezembro no ano

12 meses

INPC (IBGE) IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPC (FIPE) IPCA (IBGE) CUB (SINDUSCON) FIPEZAP-SP (FIPE)

0,18 0,52 0,80 0,29 0,28 0,04 0,09

1,83 -0,52 -0,42 2,27 2,80 2,54 1,40

0,89 0,74 0,55 0,29 0,10

1,80 -0,52 -0,42 2,27 2,50 2,54 1,40

IMPOSTO DE RENDA (DESCONTO NA FONTE) TABELA OFICIAL DA RECEITA FEDERAL Base de cĂĄlculo $WĂ&#x2019;5  'H5DWĂ&#x2019;5 'H5DWĂ&#x2019;5 'H5DWĂ&#x2019;5 $FLPDGH5 

AlĂ­quota % 7,5 15 22,5 27,5

Deduzir-R$ Isento 142,80 354,80 636,13 869,36

Deduçþes: R$ 189,59 por dependente; pensão alimentícia integral; contribuição ao INSS. Aposentado com 65 anos ou mais tem direito a uma dedução extra de R$ 1.903,98 no benefício recebido da Previdência.

REAJUSTE DE ALUGUEL IGP-M (FGV) IGP-DI (FGV) IPC-FIPE

DEZEMBRO/2017

0,9948 -

IPCA (IBGE) INPC (IBGE) ICV-DIEESE

-

Obs.: Fatores vĂĄlidos para contratos cujo Ăşltimo reajuste ocorreu hĂĄ um ano. Multiplique o valor pelo fator.

AGROPECUĂ RIA MILHO - disponĂ­vel SOJA - disponĂ­vel Boi gordo Vaca gorda FONTE: Grande FM RURAL

R$ 22,00 (Dourados) R$ 59,00 (Dourados) R$ 133,00 (Brasil Global - Ă vista) - R$ 135,00 (Friboi/PPorĂŁ - c/ 30 dias) R$ 123,00 (Brasil Global - Ă  vista) - R$ 127,00 (Friboi/PPorĂŁ - c/ 30 dias)


7

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Polícia CIDO COSTA/DOURADOS AGORA

Contrabando de cigarros é alvo de operação da PF em MS e mais 2 Estados Mandados de prisão e de busca e apreensão foram cumpridos nas cidades de Dourados, Mundo Novo e Nova Alvorada do Sul onde 4 foram presos DIVULGAÇÃO/PF

De Dourados policia@progresso.com.br A Polícia Federal prendeu três pessoas em Dourados no contexto da Operação Fox, deflagrada ontem no combate ao contrabando de cigarros nos Estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Paraná. Uma das prisões aconteceu em cumprimento a mandado de prisão expedido pela Justiça do Mato Grosso, de onde partiu a operação. Outras duas foram em flagrante. No MS, mais uma prisão em flagrante aconteceu em Nova Alvorada do Sul. A PF não divulga nomes, mas segundo informação, uma arma foi apreendida. Além das duas cidades onde ocorreram prisões e bus-

Polícia Federal cumpriu um mandado de prisão HP'RXUDGRVHPDLVGXDV pessoas foram presas em ĠDJUDQWHQDFLGDGH ca e apreensão, Mundo Novo, no Mato Grosso do Sul, também teve mandado de busca e apreensão cumprido. A informação é do delegado de Polícia Federal Bruno Toledo, responsável pelo inquérito. Em Dourados, além das prisões, na manhã de ontem, diversos produtos contrabandeados do Paraguai foram apreendidos, entre estes, várias caixas e pacotes com cigarro paraguaio. Um comércio localizado na rua Cuiabá, região central da cidade, teve mercadoria apreendida que lotou a carroceria de uma camioneta da Polícia Federal. De acordo com a Polícia Federal, a operação tem com o objetivo coibir contrabando e descaminho. Como divul-

Capotamento foi descoberto só hoje pela manhã na BR-267

Acidentes em Rio Brilhante deixa 1 morto e feridos Acidentes aconteceram na QRLWHGHVHJXQGDIHLUDQDV BRs 163 e 267 De Dourados policia@progresso.com.br 2SHUDÍÂRIRLGHĠDJUDGDQDVSULPHLUDVKRUDVGRGLDHYLVLWRXFRPÒUFLRQRFHQWURGH'RXUDGRV gado, seis mandados de prisão e 23 de busca e apreensão foram cumpridos nas cidades de Rondonópolis e Primavera do Leste, no Mato Grosso, nas três cidades sul-mato-grossenses e em Curitiba, Capital do Paraná. A investigação teve início em maio de 2017 para combater o contrabando de cigarros e descaminho de mercadorias levadas do Paraguai e revendidas em Rondonópolis e região. Segundo a PF, a maioria dos investigados tem várias passagens por contrabando e descaminho. As mercadorias eram levadas da região de Ponta Porã e Mundo Novo e transportadas tanto em caminhões quanto em veículos menores em nome de terceiros. Durante as investigações foram apreen-

didos milhares de produtos contrabandeados. Golpes no crime Em junho do ano passado, a Polícia Federal cumpriu vários mandados de prisão e de busca e apreensão contra uma das maiores quadrilhas de contrabando de cigarros do país. O grupo chegava a distribuir 800 mil cigarros vindos do Paraguai por dia, segundo a PF. Foram colocados 120 agentes nas ruas para a ação, chamada de Operação Revanche, que atuou em São Paulo e no Paraná. No final de 2016, a Operação IXTAB, deflagrada a partir de Barra do Garças (MT) pela Polícia Federal também buscou desarticular organização criminosa voltada para a prática

Carga com 2,1 toneladas de droga era levada dentro de caixa d’água

do contrabando de cigarros em Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. As ações da polícia tem sido constantes para inibir a prática do crime que fere a economia do país e atinge a saúde dos consumidores. Mato Grosso do Sul e Paraná são os Estados que mais recebem cargas deste tipo de contrabando e cidades-polo são corredores para este crime. Há cinco dias, por exemplo, a PRF apreendeu 2,4 milhões de carteiras de cigarro em Jaraguari, município a 43 km de Campo Grande. De acordo com a PRF, a apreensão é a maior feita este ano em todo o país. A carga era tão grande, que foram necessárias seis carretas para efetuar o transporte.

DIVULGAÇÃO/PRF

&DVRVIRUDPUHJLVWUDGRV HP'RXUDGRVQDQRLWHGH VHJXQGDIHLUD

De Campo Grande Da PRF

De Dourados policia@progresso.com.br

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) interceptou um carregamento de maconha que era transportado dentro de uma caixa d’água predial, sobre um caminhão. A apreensão aconteceu na tarde de segunda-feira, na BR-060, próximo ao km 378, em Campo Grande. Durante patrulhamento na rodovia, entre os municípios de Campo Grande e Sidrolândia, policiais desconfiaram do motorista de um caminhão com placa de Arapiraca (AL), que levava uma caixa d’água de aço na carroceria. O motorista, de 37 anos, se apresentou nervoso durante a abordagem e não soube explicar os motivos da viagem ao Mato Grosso do Sul. A nota fiscal apontava que a caixa tinha origem na cidade de Hidrolândia (GO), e destino a cidade de Aparecida de Goiânia (GO), mas o condutor não soube explicar porque ‘desceu’ para o Mato Grosso do Sul. Foi quando os policiais observaram vestígios de maco-

Assalto ocorrido na noite de segunda-feira vitimou o cliente de uma pizzaria e o motoboy que fazia a entrega do produto, no Parque Alvorada. O crime ocorreu por volta de 21h na rua Amael Pompel Filho. De acordo com o boletim

nha e com o auxílio de cães farejadores do Grupo de Operações com Cães da PRF, a equipe encontrou 2,1quilos de haxixe e 1.916 tabletes de maconha que somaram 2.102,5 quilos da droga. Os entorpecentes foram encontrados ocupando grande espaço no interior da estrutura de ferro, que necessitou ser cortada com auxílio do Corpo de Bombeiros Militar para retirada do entorpecente que

foram entregues juntamente com o motorista para a Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico, em Campo Grande. No caminhão foi encontrada uma arma calibre 20 com quatro munições intactas e dois celulares. O motorista foi preso e declarou ter pego o caminhão carregado em Maracaju, tendo como destino Goiânia (GO), onde receberia R$ 20 mil reais pelo tráfico.

Feridos Em outro acidente, ocorrido na noite de segunda-feira na região de Rio Brilhante, 5 pessoas ficaram feridas em frente a um posto localizado na rodovia BR-163. Todos são moradores de Campo Grande. Segundo informações, os cinco seguiam da Capital para Dourados quando uma carreta entrou na frente do carro para entrar no pátio de um posto de combustíveis. O carro colidiu no eixo traseiro da carreta. De acordo com a polícia, um veículo Corsa, de cor preta, placas de Campo Grande, era conduzido por um homem de 51 anos, que viajava acompanhado de quatro pessoas. Todos sofreram ferimentos leves e foram socorridos pelas equipes da CCR MS Via e ambulâncias da Secretaria de Saúde de Rio Brilhante.

Entregador de pizza, pizzaria e clientes são alvos de assaltantes

Caminhão com estrutura de ferro foi apreendido pela PRF em Campo Grande

Corpo de Bombeiros auxiliou para a retirada da maconha

Um homem morreu e a sobrinha dele ficou ferida em capotamento na noite de segunda-feira na BR-267, entre Maracaju e Rio Brilhante. Conforme a polícia, o acidente ocorreu por volta das 23h e somente por volta das 7h da manhã de ontem, populares avistaram o veículo às margens da rodovia, capotado. O acidente ocorreu próximo ao assentamento Triangulo em Rio Brilhante. Camila da Silva Sampaio, de 17 anos, passageira do veículo Fiat Uno de cor vinho, sobreviveu. Ela ficou presa em ferragens. O tio dela e condutor do veículo, Alfredo Gonçalves Nantes, de 57 anos, foi arremessado e morreu no meio de plantação de soja. Eles são moradores em Rio Brilhante.

Consciente e orientada, a jovem foi socorrida pelos bombeiros para a cidade de Rio Brilhante. Aparentemente, Camila sofreu fratura em um dos braços.

de ocorrência, o morador do imóvel, de 18 anos, recebia a encomenda do trabalhador, quando três homens chegaram a bordo de um Corsa e anunciaram o roubo. Dois deles desceram e mandaram as vítimas entrarem na casa. O grupo fugiu do local levando notebook, tablet, R$ 500 e os documentos pessoais do jovem. Já do funcionário da empresa, os bandidos ficaram com o aparelho de telefone celular. O caso foi denunciado na Depac (Delegacia de Pronto

Atendimento Comunitário) e será investigado. Mais pizzaria Dois homens armados invadiram uma pizzaria localizada na rua Monte Alegre, em Dourados, por volta de 23h de segunda-feira e roubaram quatro homens que estavam no local. De acordo com o boletim de ocorrência, os suspeitos chegaram e exigiram a entrega do dinheiro que estavam com eles. Na ação, a dupla roubou R$ 555. O caso foi denunciado no 1º Distrito Policial e será investigado.


8

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Esportes DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

Primeira fase da Copa do Brasil termina hoje Com as 16 partidas previstas para esta quarta-feira, serĂĄ completada a primeira fase com 40 clubes avançando Ă segunda etapa para mais 20 jogos DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

De São Paulo Agência Estado O AtlÊtico Mineiro começa hoje o prêmio de consolação da última temporada. Sem garantir a classificação para a Copa Libertadores, o clube teve que se contentar com uma vaga na primeira fase da Copa do Brasil, que em 2018 terå premiação recorde, com distribuição total de R$ 270 milhþes. No total serão disputados 16 jogos. O adversårio do clube mineiro Ê o xarå AtlÊtico-AC na Arena da Floresta, em Rio Branco, às 20h45 (de MS). Por alguns segundos, o tor-

0DLRULDGRVFOXEHVQĂ&#x201A;RDFHLWRXRXVRGRLPSOHPHQWR

IB lamenta por %UDVLOHLUĂ&#x201A;RQĂ&#x201A;R utilizar VAR dUELWURGHYâGHRIRL SUHWHULGRSHORVFOXEHV em 2018

2$WOĂ&#x2019;WLFR0LQHLURFRPHĂ?D hoje a disputa pelo SUĂ&#x201C;PLRGHFRQVRODĂ?Ă&#x201A;RGD Ăşltima temporada, jĂĄ que Ä&#x;FRXVHPD/LEHUWDGRUHV cedor do atleticano pode comemorar a classificação para a Libertadores, atĂŠ que, no Ăşltimo lance, a Chapecoense virou em cima do Coritiba pra 2 a 1 e ficou com a vaga. Agora na Copa do Brasil, o time mineiro corre atrĂĄs da maior premiação da histĂłria: o campeĂŁo leva pra casa R$ 50 milhĂľes e o vice, R$ 20 milhĂľes. Vencedor em 2014, o time chegou na final em 2016, mas perdeu para o GrĂŞmio. Ă&#x161;nico paulista em campo, o SĂŁo Caetano recebe o CriciĂşma no estĂĄdio Anacleto Campanella, Ă s 18h30. CampeĂŁo

De SĂŁo Paulo AgĂŞncia Estado

2$WOĂ&#x2019;WLFR0LQHLURTXHÄ&#x;FRXIRUDGD&RSD/LEHUWDGRUHVLQLFLDFDPLQKDGDSHORWâWXORGDFRPSHWLĂ?Ă&#x201A;R

da SÊrie A2 paulista de 2017, o time de São Caetano do Sul (SP) terå que estrear em momento complicado. O lanterna do Campeonato Paulista trocou de tÊcnico: Luís Carlos Martins saiu para a chegada de Pintado, ex-Guarani e São Paulo. AlÊm disso, o clube não disputa uma competição nacional desde 2015, quando não conseguiu buscar o acesso na SÊrie D e

acabou sem calendĂĄrio nacional no segundo semestre. Representantes do Campeonato Brasileiro, o Sport enfrenta o Santos-AP no estĂĄdio ZerĂŁo, em MacapĂĄ, enquanto que o VitĂłria joga contra o Globo-RN no estĂĄdio Manoel Barreto, em CearĂĄ-Mirim (RN), ambos Ă s 18h30 (de MS). Mais tarde, Ă s 20h30, o CearĂĄ joga contra o Brus-

que-SC no estådio Augusto Bauer, em Brusque (SC). Nas duas primeiras fases da Copa do Brasil, os times mais bem ranqueados pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) jogam, em jogo único, como visitante. Com os 16 jogos previstos para esta quarta-feira, serå completada a primeira fase com 40 clubes avançando à segunda etapa.

0HVPRVHPDQÄ&#x17D;QFLRRÄ&#x;FLDO9DOGâYLD MĂ&#x20AC;WUHLQDQR&7GR6Ă&#x201A;R3DXOR

via deve assinar contrato de um ano com o clube do Morumbi. Ele atuarå emprestado pelo Internacional, depois de defender o AtlÊtico-MG na última temporada. Valdívia não jogarå contra o Bragantino neste quarta, pela sexta rodada do Campeonato Paulista, mas hå possibilidade de que ele acompanhe o grupo no jogo no estådio do Morumbi, a depender da situação contratual com o novo clube. Uma possível data de estreia Ê na rodada seguinte, no jogo contra o Ituano, fora de casa. Se confirmada, a contratação de Valdívia deve ser a última do time tricolor neste início temporada. A diretoria estå satisfeita com o número e perfil de atletas contratados. Jå chegaram no São Paulo: Jean, Anderson Martins, Diego Souza, Nenê e TrÊllez.

ARQUIVO

A expectativa ĂŠ de TXHR6Ă&#x201A;R3DXOR FRQÄ&#x;UPHDFRQWUDWDĂ?Ă&#x201A;R De SĂŁo Paulo AgĂŞncia Estado ProvĂĄvel sexto reforço do SĂŁo Paulo para a temporada 2018, o meia-atacante ValdĂ­via esteve no Centro de Treinamento tricolor, na Barra Funda, ontem, e fez trabalhos na academia. O jogador espera detalhes de documentação para assinar o contrato e ser anunciado oficialmente pelo clube. A expectativa ĂŠ de que o SĂŁo Paulo confirme a contratação ainda nesta terça. ValdĂ­-

Valdivia estourou no Internacional e estava no AtlĂŠtico Mineiro

AndrĂŠs explica veto do Corinthians FRQWUDRĂ&#x20AC;UELWURGHYâGHRĹ )DOWDSDGUĂ&#x201A;RĹ&#x201A; DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

O Corinthians foi um dos 12 FOXEHVTXHYRWDUDPFRQWUDD LPSODQWDĂ?Ă&#x201A;RGR9$5 De SĂŁo Paulo AgĂŞncia Estado O Corinthians foi um dos 12 clubes que votaram contra a implantação do ĂĄrbitro de vĂ­deo no Campeonato Brasileiro. O presidente do clube, AndrĂŠs Sanchez, explicou que foi contra a decisĂŁo porque nĂŁo viu padrĂŁo para a utilização da ferramenta, que serĂĄ testada, por enquanto, em jogos da Copa do Brasil. â&#x20AC;&#x153;O Corinthians nĂŁo votou contra por causa de valores. Votou porque nĂŁo se tem padrĂľes e definiçþes de como serĂŁo. Aqui, começaram a fazer testes e temos de aguardar quando tudo estiver definido. Bandeira levanta ou nĂŁo,

1RYRSUHVLGHQWHGR&RULQWKLDQVIDORXVREUHDLPSODQWDĂ?Ă&#x201A;R o impedimento e gol voltam o lance? Vai parar? Precisa ter um padrĂŁo para nĂŁo virar dois jogos em um sĂł. EntĂŁo ĂŠ isso, eles mesmo falam que nĂŁo tem um procedimento para todo mundo aindaâ&#x20AC;?, reclamou

o novo presidente do Corinthians. Na segunda-feira, em reunião na sede da CBF, 12 clubes votaram contra a implantação do årbitro de vídeo: Corinthians, Santos, AmÊrica-MG,

Cruzeiro, AtlĂŠtico-MG, AtlĂŠtico-PR, ParanĂĄ, Vasco, Fluminense, Sport, VitĂłria e CearĂĄ. Sete times votaram favorĂĄveis ao VAR: Palmeiras, Flamengo, Botafogo, Bahia, Chapecoense, GrĂŞmio e Internacional. O SĂŁo Paulo saiu mais cedo da reuniĂŁo e nĂŁo votou. Ao ser questionado se o fato de ter sido contra o ĂĄrbitro de vĂ­deo impede o Corinthians de reclamar em um eventual erro de arbitragem, AndrĂŠs acredita que o protesto aconteceria mesmo se o VAR estivesse em funcionamento e que o fato de ter a imagem nĂŁo acabarĂĄ com os erros e as polĂŞmicas de arbitragem. â&#x20AC;&#x153;Todo mundo vai reclamar de erro. Teve jogo com vĂ­deo aĂ­ que reclamaram.Vai mudar a crĂ­tica do ĂĄrbitro do campo para o do vĂ­deo. Tem lance que acontece e fica metade dos comentaristas falando uma coisa e outra metade falando outra. Erro grotesco seria consertado, mas vamos conversar e estudar esse ano. O ĂĄrbitro precisa se autoafirmar maisâ&#x20AC;?, explicou o dirigente.

A International Board, entidade que serve de guardiĂŁ das regras do futebol, lamentou a decisĂŁo de nĂŁo se utilizar o ĂĄrbitro de vĂ­deo no Campeonato Brasileiro neste ano. Mas indicou que nĂŁo pode forçar ninguĂŠm a aplicar a tecnologia e que nĂŁo existirĂĄ, por enquanto, qualquer tipo de apoio internacional para financiar o uso do sistema pelo mundo. O Brasil ĂŠ o primeiro caso de um paĂ­s que fazia parte do grupo de campeonatos que testavam o sistema a optar por nĂŁo utilizar a tecnologia, antes mesmo de sua aprovação oficial. Na segunda-feira, os 20 clubes do Campeonato Brasileiro decidiram que, por conta dos custos, nĂŁo haverĂĄ ĂĄrbitro de vĂ­deo no torneio deste ano. O sistema custaria R$ 20 milhĂľes e, de acordo com a CBF, caberia aos times bancar o investimento. Doze deles votaram contra, com uma abstenção e sete a favor. â&#x20AC;&#x153;NĂŁo ĂŠ a melhor das notĂ­ciasâ&#x20AC;?, disse em entrevista ao Estado o secretĂĄrio-geral da International Board, Lucas Brud. No inĂ­cio de março, sua entidade e a Fifa devem anunciar a aprovação final da tecnologia e dar um sinal verde para que a Copa do Mundo, na RĂşssia, seja a primeira edição do torneio a usar o vĂ­deo para auxiliar os juĂ­zes.

No total, 25 competiçþes em 15 paĂ­ses diferentes estavam participando da fase de testes, entre eles o Brasil. Mas o envolvimento brasileiro era considerado como importante, diante do peso que o torneio pode ter em convencer outros a seguir o mesmo caminho. Mas o dirigente nĂŁo vĂŞ como a decisĂŁo pode mudar o planejamento internacional e o calendĂĄrio de aprovação do novo sistema. â&#x20AC;&#x153;A realidade ĂŠ que nĂŁo podemos impor o sistema em ninguĂŠm. Cabe a cada federação decidir o que quer fazerâ&#x20AC;?, destacou Brud. O dirigente admite que as entidades internacionais nĂŁo podem fazer nada se nĂŁo houver um acordo sobre quem deve arcar com os custos. Ele lembra que, antes de iniciar os testes, os alemĂŁes tiveram o mesmo debate e, em uma primeira votação, os clubes tambĂŠm se negaram a arcar com os gastos. Mas um acordo acabou sendo encontrado um ano depois. No caso dos paĂ­ses que estavam realizando os testes, porĂŠm, o Brasil ĂŠ o primeiro caso de recuo, o que poderia mandar um sinal negativo para o mundo. Brud nĂŁo descarta que outros possam seguir o mesmo caminho, diante de uma falta de acordo sobre quem deveria arcar com o investimento. Segundo ele, porĂŠm, nĂŁo hĂĄ uma previsĂŁo de que o custo da implementação do vĂ­deo seja reduzido de forma substancial nos prĂłximos anos. â&#x20AC;&#x153;A tecnologia pode ver uma queda em seu preço. Mas sua implementação exige um nĂşmero elevado de tĂŠcnicos e de ĂĄrbitros e esse custo nĂŁo vai cairâ&#x20AC;?, explicou.


Sa SaĂşde

Meio ambiente

Do Dourados terĂĄ m maior hospital para mulher pa p

Governo assina contrato para concluir AquĂĄrio

3Âť* 3Âť*

3Âť*

Ano Legislativo

DIA A DIA

Deputado estadual João Grandão reforça defesa aos trabalhadores 3*

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

Abilio Pietramale entrega material escolar proveniente da renda gerada com lixo reciclado coletado nas escolas

Lixo reciclĂĄvel vira material escolar e esportivo gratuito em Dourados Estudantes e famĂ­lias entregam nas escolas as embalagens que geram renda para compra de ferramentas pedagĂłgicas De Dourados O â&#x20AC;&#x153;Projeto Coletandoâ&#x20AC;?, idealizado pelo educador fĂ­sico e jornalista AbĂ­lio Pietramale, traz uma perspectiva inova-

Projeto Coletando gera renda e contribui para a educação ambiental de estudantes que exercitam o â&#x20AC;&#x2DC;viver sustentĂĄvelâ&#x20AC;&#x2122; dora para a sustentabilidade atravĂŠs da coleta seletiva de lixo reciclado associada Ă educação de crianças com geração de renda direta Ă  escola, alĂŠm de meio ambiente limpo e livre de todos o maus causados pela poluição.

Pietramale inicia com a instalação sacolĂľes e tambores coletores de lixo reciclĂĄvel nas escolas. AtravĂŠs de palestras e vĂ­deos, usando as redes sociais e sites de noticias, ensina como este lixo reciclĂĄvel deve ser preparado nas casas - como forma de tarefa escolar - para ser entregue semanalmente pelas prĂłprias crianças e pais na escola. O local onde sĂŁo montados os coletores se transforma em uma sala de aula prĂĄtica, para que os professores possam diariamente desenvolver o tema â&#x20AC;&#x153;coleta seletivaâ&#x20AC;? com os estudantes. Quando os coletores de plĂĄstico, papel, alumĂ­nio, tetra pak e outros metais ficam

cheios, todo material coletado ĂŠ comercializado. A renda liquida ĂŠ revertida para a escola, em forma de material escolar e esportivo. â&#x20AC;&#x153;Quanto mais alunos estiverem trazen-

Pietramale diz que o projeto necessita de um veĂ­culo para o transporte dos itens reciclĂĄveis que sĂŁo comercializados do o lixo reciclĂĄvel jĂĄ limpo de suas casas, mais renda vai dar Ă escolaâ&#x20AC;?, diz o educador fĂ­sico. Pietramale lembra que uma habitação produz, de renda lĂ­quida em forma de material reciclado, de R$ 1 a R$ 5 por

semana. O projeto leva em conta que cada aluno de uma escola representa uma casa. Para a coordenadora Luciene Lopes, da Escola Geny Ferreira Milam, do Cachoeirinha, uma das instituiçþes beneficiadas, o â&#x20AC;&#x153;Coletando de Pietramaleâ&#x20AC;? ĂŠ um divisor de ĂĄguas da coleta seletiva em todo Brasil, por transformar o lixo que antes poluia o meio ambiente e agora gera renda e vira material escolar gratuito para as crianças. â&#x20AC;&#x153;AlĂŠm disso, o projeto leva educação prĂĄtica para toda famĂ­lia, porque mesmo nas fĂŠrias os pais continuaram trazendo o reciclado para a escolaâ&#x20AC;&#x153;, completa. Luciane acredita que as Se-

UNIGRAN

AcadĂŞmicos de Engenharia Civil da Unigran vĂŁo para o mestrado Curso provĂŞ uma formação GHHOHYDGRQâYHODYDOLD coordenador De Dourados â&#x20AC;&#x153;Contra fatos nĂŁo hĂĄ argumentosâ&#x20AC;?. O ditado exemplifica bem os resultados obtidos pela Unigran, tanto nas avaliaçþes do MEC como no nĂşmero de acadĂŞmicos e egressos aprovados em concursos pĂşblicos, mestrados e

doutorados. Os últimos a colherem os frutos da dedicação e tambÊm do ensino de alto nível são os jovens Lucas Bortoli e Matheus Martins, egressos do curso de Engenharia Civil, aprovados no mestrado da Universidade Tecnológica Federal do Paranå (UTFPR) e da Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR), respectivamente. A dupla conta que o interesse pela pesquisa surgiu atravÊs do incentivo do professor Wil-

son Passos que, durante os 10 semestres do curso,realizou diversos trabalhos de iniciação científica, norteando-os no caminho do mestrado. Os garotos ingressaram no mestrado ainda durante a graduação, conciliando aulas, estågios e Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) com o prÊ-projeto da pesquisa. Para isso, abriram mão de muitas noites de sono e de muita diversão. Aprovado na UFSCAR, Martins escolheu pes-

tro setor, como por exemplo a saĂşde e a segurança pĂşblica. O Projeto Coletando con/,;25(&,&/Âť9(/ ta com a parceria da Serlinc, Quando os coletores GrĂĄfica Dourados, Programa Ä&#x;FDPFKHLRVWRGRPDWHULDO reciclĂĄvel ĂŠ comercializado AbĂ­lio Pietramale, Palete PB, Inflex, Cantora Gabi Andrade a estrelinha do MS, Total 5(1'$3$5$(6&2/$6 Recurso ĂŠ obtido com a venda AçaĂ­, Arnet. O projeto necesGRVSOĂ&#x20AC;VWLFRSDSHODOXPâQLR sita agora de um veĂ­culo para o transporte do lixo reciclĂĄvel tetra pak e outros metais que ĂŠ vendido, para a compra de materiais escolares e escretarias de Educação e Meio portivos. Ambiente, tanto de Dourados como do resto do Estado, Serviço alĂŠm de empresas e marcas, Tudo sobre o projeto em vĂ­dedevem apoiar o projeto pois os semanais pelo canal youĂŠ uma ideia transformadora tube e facebook Abilio Pietracom retorno imediato sem ti- male. Mais informaçþes pelo rar recursos de qualquer ou- telefone: (67) 99809 4851. PROJETO COLETANDO

-RYHQVFRQFLOLDUDPHVWĂ&#x20AC;JLRWUDEDOKRGHFRQFOXVĂ&#x201A;RHPHVWUDGR

quisar Gestão de tecnologia na construção civil, aguarda ser chamado pela universida-

de paulista e, enquanto isso, segue trabalhando para uma construtora de SĂŁo Gabriel

do Oeste. JĂĄ Bortoli, que jĂĄ foi chamado pela UTFPR, estĂĄ de malas prontas para Curitiba, onde irĂĄ desenvolver estudos na ĂĄrea de â&#x20AC;&#x2DC;estruturasâ&#x20AC;&#x2122;. â&#x20AC;&#x153;Este resultado mostra que nosso curso, na metodologia, no corpo docente e na infraestrutura estĂĄ fornecendo subsĂ­dios de elevado nĂ­vel aos acadĂŞmicosâ&#x20AC;?, diz o coordenador Luiz Henrique de Carvalho. O curso de Engenharia Civil tem duração de 10 semestres em perĂ­odo integral com ampla infraestrutura especifica, chamada CantĂŁo do Bosque, onde os cursos de engenharia estĂŁo instalados. Mais informaçþes: 3411-4284 ou engenhariacivil@unigran.br.


2

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia

Dourados terá maior hospital para mulher Estrutura anexa ao Hospital Universitário vai oferecer programas de acompanhamento integral à gestante ELIEL OLIVEIRA

Geraldo Resende visita maternidade do HU e obras de construção do Hospital da Mulher e da Criança De Dourados O Hospital da Mulher e da Criança, que está sendo construído em anexo ao Hospital Universitário de Dourados, será a maior unidade materno-infantil de Mato Grosso do Sul. A afirmação é do deputado federal Geraldo Resende (PSDB-MS), que esteve quarta-feira da semana passada no canteiro de obras. O parlamentar é o principal autor dos recursos e articulador de investimentos junto a Bancada Federal para a construção da unidade. De acordo com o superintendente do Hospital Universitário, Ricardo do Carmo Filho, a unidade vai representar um aumento na qualidade e

no acolhimento à gestante, superando inclusive questões de superlotação na maternidade. O Hospital também prepara novas residências em Enfermagem Obstétrica e Saúde Materno Infantil que refletem a

Ministério da Educação já liberou R$ 19 milhões para início das obras; 1ª etapa demandará recursos de R$ 34 milhões evolução da missão institucional em promover assistência à saúde de maneira indissociável do ensino, da pesquisa e da extensão. Conforme ele, com uma estrutura maior, será possível ampliar projetos e programas co-

Famasul e Embrapa lançam hoje Dinâmica Agropecuária DIVULGAÇÃO

Lançamento da Dinâmica Agropecuária será na sede da Famasul O evento será realizado na sede da Casa Rural, a partir das 8h De Campo Grande O Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS e a Embrapa Gado de Corte lançam hoje a Dinapec 2018 – Dinâmica Agropecuária. O evento será realizado na sede da Casa Rural, a partir das 8h. O encontro visa compartilhar conhecimento e soluções para o agro nacional. A Dinapec é uma vitrine de tecnologias, que acontece anualmente na Embrapa em Cam-

po Grande, aberta a técnicos, produtores e acadêmicos, dispostos a conhecer as soluções tecnológicas desenvolvidas pela pesquisa agropecuária para os diversos sistemas de produção. Para o presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, eventos como a Dinapec proporcionam ao produtor ferramentas de desenvolvimento rural. “Independentemente do porte da propriedade rural, a tecnologia proporciona sustentabilidade ao Agro e prova que o produtor rural está focado em produzir mais, com qualidade e preservando o meio ambiente”. Em 2018, o evento chega a sua 13ª edição, entre os dias 7

mo “parto adequado”, “Doulas Voluntárias”, entre outros que visam ainda oferecer às mulheres e aos bebês o cuidado certo, na hora certa, ao longo da gestação, durante todo o trabalho de parto e pós-parto, considerando a estrutura e o preparo da equipe multiprofissional, a medicina baseada em evidência e as condições socioculturais e afetivas da gestante e família. A unidade também contará com o Pronto Atendimento Ginecológico e Obstétrico que oferecerá diversos serviços para as gestantes. Atualmente o Hospital Universitário tem a maternidade que mais realiza partos no Estado. São 91% de todos os partos da macrorregião, que envolve 34 municípios.

e 9 de março, na Embrapa em Campo Grande . O tema deste ano é Agropecuária de Baixo Carbono e nos 35 hectares da feira o visitante encontrará tecnologias para uma produção integrada e sustentável, capazes de contribuir com a redução dos gases de efeito estufa (GEE). Entre roteiros tecnológicos e oficinas, pesquisadores e técnicos abordarão assuntos relativos à temática, como sistemas integrados de produção agrícola, manejo de pastagens, produção de novilho precoce, produção de soja em áreas de pastagens, fertilidade do solo, pecuária leiteira com qualidade, dentre outros. Em aproximadamente duas horas, produtores, técnicos e estudantes percorrem, gratuitamente, tais dinâmicas. Uma das responsáveis pela Dinapec, Thaís Basso do Amaral, define o evento como “uma oportunidade para os produtores rurais conhecerem de perto o que a Embrapa e seus parceiros desenvolvem. É também um local para trocar experiências e interagir com os especialistas”. Com a agropecuária de baixo carbono em evidência nesta edição, Basso afirma que é o momento de encarar a produção agrícola com intensificação sim, mas também com sustentabilidade.

O deputado Geraldo Resende, que viabilizou os recursos federais para a obra juntamente com outros integrantes da bancada federal, comemora o início dos trabalhos de construção e explica que a unidade tem o objetivo de suprir a demanda de atendimento e diminuir os casos de mortalidade infantil. “É uma luta que começa a se tornar realidade. O objetivo desse hospital será garantir um cuidado especial às gestantes e aos bebês, além de ampliar as atividades de ensino e pesquisa, que são inerentes ao Hospital Universitário. Com certeza será a mais moderna estrutura de saúde pública especializada em obstetrícia do Estado”, destaca o parlamentar. Segundo Geraldo, a nova unidade vai acabar com a superlotação. “Atualmente a taxa de ocupação na maternidade do Hospital Universitário é de 182%, ou seja, quase o dobro. São 25 leitos de obstetrícia e seis leitos de ginecologia contratualizados, mas a demanda é sempre muito maior do que isso”. O deputado explica que além desse fator, há a questão da mortalidade infantil, que em Dourados, com cerca de 15,86 óbitos por um mil nascidos vivos, está acima da taxa nacional, que é de 15,7. Em Mato Grosso do Sul a taxa é de 15,9, segundo dados do IBGE. “Diante de dados preocupantes como esse, em que vidas estão em jogo, o Hospital da Mulher e da Criança será um grande divisor de águas na obstetrícia do Estado”, ressalta Geraldo. Investimentos Para o início das obras, o Ministério da Educação já liberou a quantia de R$ 19 milhões, cuja primeira etapa demandará um investimento de R$ 34 milhões. Incluindo a segunda etapa, o Hospital custará R$ 51 milhões e já conta com investimentos garantidos pelo Governo federal.

João Grandão reforça defesa aos trabalhadores DIVULGAÇÃO

Deputado votou contra reforma da previdência do Estado Parlamentar lembra lutas nas áreas socioeconômica, política e ambiental em MS De Campo Grande A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul realizou, ontem, sessão solene para iniciar as atividades de 2018. Em mensagem enviada ao plenário, o deputado João Grandão reforçou compromisso com trabalhadores do Estado. Como líder da bancada do Partido dos Trabalhadores, o parlamentar também destacou os esforços nos últimos três anos em defesa do desenvolvimento político, social, econômico e ambiental, por meio de debates, seminários, audiências públicas e da aprovação de matérias que

Creas amplia horário de atendimento A. FROTA

Creas iniciou atendimento em novo horário nesta semana e não fechará mais no período de almoço Os serviços funcionarão no período das 7h às 17h, ininterruptamente De Dourados O Centro de Referência Especializado da Assistência Social (Creas) iniciou atendimento em novo horário nesta semana e não fechará mais no período de almoço. Os serviços funcionarão

das 7h às 17h, ininterruptamente. Por determinação da prefeita Délia Razuk, a Secretaria de Assistência Social alterou o antigo horário (das 7h às 11h e das 13h às 17h) para que fosse possível ampliar o atendimento a população. Para a secretária de Assistência Social, Ledi Ferla, a mudança foi necessária diante da demanda existente no município nos serviços especializados e con-

contribuíram para o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul. “Travamos batalhas significativas, em defesa dos trabalhadores e trabalhadoras do nosso Estado, a exemplo da luta intensa que a nossa bancada enfrentou contra a Reforma da Previdência estadual”, lembrou. “Acreditamos que, no futuro próximo, construiremos as condições reais para impedir que prejuízos atinjam os servidores públicos estaduais”, disse o deputado, em menção a Reforma da Previdência do Estado, aprovada em novembro de 2017. O deputado João Grandão votou contra o projeto. A retomada das atividades na Casa de Leis contou com a presença do governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, autoridades e servidores públicos.

tinuados às famílias ou indivíduos em situação de ameaça ou violação de direitos. Shirley Flores Zarpelon, coordenadora do Creas, destacou o novo horário que, segundo ela, será de grande importância, em especial no trabalho desenvolvido junto aos menores em processo de ressocialização. “Beneficiará quem só tem o período do almoço para participar das ações do Creas”, pontua. Na gestão Délia Razuk, o prédio do Centro foi todo mobiliado, o que colabora para que os atendimentos ocorram com total qualidade. A Secretaria encaminha agora para que detalhes na estrutura sejam realizados, entre pintura, jardinagem e pequenas adequações. O espaço conta com recepção, brinquedoteca, sala de atendimento individual, setor administrativo e sala de reuniões. As dependências receberam móveis e ar condicionados. As ações são articuladas com a rede de serviços da assistência social e órgãos de defesa de direitos. O Creas é situado na Rua João Pedro Gordin, 55, na Vila Santa Catarina, próximo a Prefeitura de Dourados. Os telefones para contato são (67) 3424-0636/3424-6219.


3

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia

Donato apresenta mudanças realizadas em apenas um ano em Rio Brilhante Em sessão solene da Câmara Municipal, o prefeito Donato Lopes demonstrou que apesar da queda de quase 8 milhões na arrecadação, a Administração Municipal fechou o ano de 2017 com investimentos de 10 milhões de reais FOTOS: JAIR ARAÚJO

Prefeito Donato Lopes no plenário da Câmara de Vereadores

Na noite desta segunda-feira (05), o prefeito de Rio Brilhante, Donato Lopes da Silva, participou da Primeira Sessão Ordinária do ano de 2018 da Câmara Municipal de Rio Brilhante, para prestar contas de seu primeiro ano de manda-

O Distrito de Prudêncio Thomaz também recebeu atenção, sendo investidos R$ 682 mil para retomada das obras do asfalto to. No evento, Donato fez uma explanação com dados reais, onde apresentou a situação como encontrou a Prefeitura Municipal em janeiro/2017 e o que já foi realizado para transformar a situação. Segundo os dados oficiais, havia em 01 de janeiro de 2017, um montante de R$ 5.933.026,14 em restos a pa-

gar, além de R$ 1.635.388,41 de folha de pagamentos de servidores que sequer havia sido empenhada. Além de regularizar os pagamentos com salários de servidores do mês de dezembro/2016, quitar abono de férias e acertos trabalhistas, foi necessário quitar diversas pendências encontradas. Segundo Donato, nas obras de asfalto do Pró-Moradia XIV (que incluía a Rua da Consolação), foi necessário quitar contrapartidas atrasadas há mais de seis meses, num valor de R$ 436.272,90, além de pagar realinhamento de preços das obras num montante de R$ 641.884,45. Também nos Bairros Manoel das Neves e Pró-Moradia XII foi investido mais de R$ 1 milhão para retomar as obras. Além disso, foram investidos R$ 379.573.84 para re-

A sessão foi realizada na noite de segunda-feira e reuniu diversas autoridades, além de uma plateia lotada

alizar as obras de asfaltamento no Bairro Pró-Moradia XI. As ruas da cidade possuíam mais de 1800 buracos que foram tapados logo nos primeiros meses de mandato, num investimento de R$ 540 mil. Também foram substituídas as lâmpadas da iluminação pública em diversas vias, por lâmpadas com tecnologia de LED, num investimento de pouco mais de R$ 1 milhão. Na área rural, foram feitos serviços de recuperação de mais de 800 km de estradas vicinais, que incluíram ainda reparos em pontes e mata-burros. Os produtores rurais também foram valorizados, sendo que o Assentamento Getúlio Vargas recebeu o investimento de uma patrulha mecanizada. Também foram feitas melhorias na Feira do Produtor e no transporte dos feirantes.

Já para que as novas creches tivessem condições de iniciar o funcionamento, foi necessário investir cerca de R$ 241 mil reais, para atender a 400 crianças. As quadras cobertas de duas escolas também estavam com problemas nas

Outro investimento foi à aquisição de um caminhão coletor de lixo, com recursos municipais, no valor de R$ 330 mil obras, tendo sido investido R$ 101.291,27 para retomar as obras. Os centros esportivos e a praça Dr. Boaventura também encontravam-se abandonados, sendo totalmente recuperados e voltando a servir a toda população riobrilhantense. O Distrito de Prudêncio Thomaz também recebeu atenção, sendo investidos R$ 682 mil

para retomada das obras do asfalto. Além do início de atendimento por especialistas na área de saúde. Na saúde também foram feitos importantes investimentos, para retomada na construção da Clínica Especializada de Saúde com investimento superior a R$ 300 mil. Além disso, foi iniciado atendimento fisioterápico no Bairro Nova Rio Brilhante. Outro importante investimento foi à aquisição de um caminhão coletor de lixo, com recursos totalmente municipais, no valor de R$ 330 mil. Com isso, o prefeito Donato demonstrou que mesmo com a queda na arrecadação de quase R$ 8 milhões em 2017, comparativamente a 2016, a Administração Municipal concluiu seu primeiro ano com um investimento de cerca de 10 milhões de reais, sendo que

4 milhões de reais com recursos totalmente municipais. Donato ainda apresentou os projetos e convênios de investimentos já aprovados para 2018, com previsão superior a 15 milhões de reais. Após as explanações, o Prefeito Donato realizou a assinatura da Ordem de Serviço para início das obras do Centro Esportivo no Bairro Olímpico/Manoel das Neves, num valor de R$ 1.582.356,79 a ser construído com recursos referentes à devolutiva do duodécimo da Câmara Municipal do ano de 2017. A assinatura contou com a presença de todos os vereadores que assinaram juntos a ordem de serviço. No ato de assinatura também estava presente o responsável da empresa que venceu a licitação e que terá o prazo de 8 meses para a execução da obra.

Agência da Sicredi Centro- Sul faz doação ao Hospital Lourival Nascimento Dias Esses aparelhos foram comprados através de doações das entidades De Itaporã No final de janeiro, a Agência de Itaporã da Sicredi CentroSul MS em parceria com o Rotary Club de Itaporã Distrito 4470, a Fundação Rotária e a Prefeitura Municipal de Itaporã fizeram a entrega de um desfibrilador e uma bomba de infusão ao Hospital Lourival Nascimento Dias. Esses aparelhos foram comprados através de doa-

ções das entidades e no caso do Sicredi, através do fundo social da Agência de Itaporã. Participaram da solenidade o presidente da Sicredi Centro Sul-MS Sadi Masiero, a gerente da unidade de Itaporã Maria Helenice Moura Betoni Mattos, a gerente de negócios Gislene Rondina, os rotarianos do município, o governador do Rotary 2016-2017 Hermes Araújo, o prefeito Marcos Pacco, o gerente de saúde Dogmar Petek e vereadores. “Itaporã poderá sempre contar com a Sicredi, pensamos sempre no bem de nossos associados e da po-

DIVULGAÇÃO

Sicredi, Rotary e Prefeitura entregam equipamentos ao Hospital

pulação em geral, por isso a cooperativa abraça as

causas sociais, contribuindo para o bem-estar da co-

munidade”, afirmou o presidente Sadi Masiero. Maria Helenice também falou da importância das ações em prol da comunidade. “Hoje é um dia especial, pois estamos contribuindo com o setor da saúde pública, são aparelhos que podem salvar vidas, sem dúvidas a comunidade itaporanense será muito beneficiada com essa doação”, destacou. A bomba de infusão, da qual o hospital não possui nenhuma, é extremamente importante, pois serve para perfundir líquidos tais como fármacos ou nutrientes, com controle de fluxo e volume

nas vias venosas, arterial ou esofágica. Tamanha importância desse equipamento que ela será utilizada em cirurgias, em pacientes de alto risco e nas gestantes. Caso em alguns casos precisarem de altas doses de soro, podem correr risco de vida se não houver disponibilidade desse equipamento. O desfibrilador também será muito útil para a saúde pública de Itaporã, o equipamento é utilizado na parada cardiorrespiratória com objetivo de restabelecer ou reorganizar o ritmo cardíaco.


4

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Dia a Dia A. FROTA

Governo assina contrato para concluir AquĂĄrio do Pantanal Projeto do programa â&#x20AC;&#x2DC;Obra Inacabada Zeroâ&#x20AC;&#x2122;, a unidade de conservação aquĂĄtica e pesquisa passou por sĂŠrie de entraves jurĂ­dicos antes de partir para conclusĂŁo MOISES SILVA

De Campo Grande Viabilizado apĂłs acordo entre o Governo do Estado, MinistĂŠrio PĂşblico de Mato Grosso do Sul (MPMS) e Tribunal de Contas do Estado (TCE), o contrato com as duas empresas selecionadas para concluir as obras do AquĂĄrio do Pantanal foi assinado ontem, pela AgĂŞncia Estadual de GestĂŁo de Empreendimentos (Agesul). Anunciadas no Ăşltimo dia 29 de janeiro, no DiĂĄrio Oficial do Estado (DOE-MS), as empresas que irĂŁo continuar a obras sĂŁo a Construto-

Prefeitas de Dourados, AntĂ´nio JoĂŁo e demais autoridades

Os contratos sĂŁo de R$ 27,5 milhĂľes para a Maksoud e R$ 11,2 milhĂľes para a Tecfasa

De Dourados

MunicĂ­pios se unem para preservar rio Prefeitas DĂŠlia Razuk e MĂĄrcia Marques se unem em prol de causa ambiental

AquĂĄrio deve ser inaugurado ainda este ano, garante secretĂĄrio de Estado Marcelo Miglioli O cronograma da obra estĂĄ previsto para durar 12 meses, mas segundo Miglioli a entrega acontece este ano. â&#x20AC;&#x153;Inauguramos agora em 2018 com toda certeza e vamos fazer engenharia e ter ĂŞxito nessa reta final do AquĂĄrioâ&#x20AC;?, pontuou.

Proteco, atravÊs de contrato de subempreitada com a anuência da Agesul. Em julho de 2015, foi recomendada à Agesul pelo MPF a imediata rescisão de contrato com a Proteco e a Agesul notificou a Egelte para retomar imediatamente a obra. Em julho e por força de notificação, a Egelte aforou ação cautelar com o objetivo de produzir prova antecipada e de suspender todo e qualquer ato de execução do contrato administrativo, seguida de ação ordinåria visando suspender o contrato. Em 14 de março de 2016, as partes fizeram acordo homologado pelo Judiciårio oportunidade

em que a Egelte retomou as obras pactuando uma sÊrie de obrigaçþes com a Agesul. Mas, em 15 de junho de 2016 ingressou com ação requerendo a rescisão do contrato, o que ocorreu em novembro do ano passado. No mesmo mês, a Agesul oficiou a segunda colocada na licitação, mas esta não teve interesse em assumir a obra. Por isso, o governo enviou consulta ao MPE e TCE que resultou no presente termo de acordo para retomada da obra. Com a conclusão da obra do Aquårio do Pantanal o Governo do Estado concluirå tambÊm o Programa Obras Inacabadas Zero.

Dourados recebe mais uma edição do programa Odontologia para Bebês

a dia. â&#x20AC;&#x153;O atendimento ĂŠ muito bom e o especialista ĂŠ bem atencioso. Ă&#x2030; Ăłtimo a gente ter a possibilidade de estar participando desse programa aqui em Dourados porque temos como oferecer aos nossos bebĂŞs o que nĂŁo tivemos no passado e o que aprendemos aqui nos auxilia muito no dia a diaâ&#x20AC;?, analisa. Para a diretora de AssistĂŞncia OdontolĂłgica da Cassems, Denise Sakae, a expansĂŁo do programa mostra que o mĂŠtodo adotado, baseado na prevenção e na promoção da saĂşde bucal, ĂŠ eficaz por apresentar resultados satisfatĂłrios na criança e familiares, uma vez que, ao receberem informaçþes corretas, ocorre a mudança de hĂĄbitos nocivos, bem como a prevenção de problemas bucais. â&#x20AC;&#x153;A intenção da Caixa dos Servidores ĂŠ expandir o atendimento para o interior, atĂŠ porque, o programa aqui da Capital atende vĂĄrios beneficiĂĄrios do interior do Estadoâ&#x20AC;?, afirma.

ra Maksoud Rahe Ltda e da Tecfasa Brasil Soluçþes em EficiĂŞncia EnergĂŠtica Ltda. Os contratos sĂŁo de R$ 27,5 milhĂľes para a Maksoud e R$ 11,2 milhĂľes para a Tecfasa. De acordo com o secretĂĄrio de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, a partir da assinatura do contrato a empresa jĂĄ estarĂĄ autorizada a entrar no empreendimento. â&#x20AC;&#x153;Selecionamos duas empresas que nĂłs entendemos ser as mais habilitadas para tocar essa obra. A ideia ĂŠ que a empresa jĂĄ comece o inicie o canteiro de obras nos prĂłximos dias e jĂĄ parta para a conclusĂŁo do AquĂĄrioâ&#x20AC;?, disse.

A obra Um dos projetos do Programa Obra Inacabada Zero, o Aquårio do Pantanal passou por uma sÊrie de entraves jurídicos antes de partir para a conclusão. A execução do empreendimento teve início em 14 de abril de 2011. Em 10 de março de 2014, a Egelte foi substituída pela empresa

DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

Programa quer transformar os pais e responsĂĄveis em multiplicadores do saber De Dourados O programa de prevenção â&#x20AC;&#x153;Odontologia para BebĂŞsâ&#x20AC;? realiza mais uma edição na prĂłxima hoje, Ă s 8h30, em Dourados. O programa foi criado hĂĄ dez anos com o objetivo de prevenir problemas e manter a saĂşde bucal das crianças de Campo Grande e, desde outubro de 2017, atende tambĂŠm em Dourados. Desde a sua criação, o â&#x20AC;&#x153;Odontologia para BebĂŞsâ&#x20AC;? jĂĄ atendeu mais de 2 mil crianças de 0 a cinco anos. AlĂŠm do atendimento Ă s crianças, o programa busca transformar os pais e responsĂĄveis em multiplicadores de conhecimentos. O odontopediatra responsĂĄvel pelo atendimento em Dourados, Fernando Lamers explica que o programa no municĂ­pio vai seguir os mes-

Odontologia para Bebê jå atendeu mais de 2 mil crianças de 0 a 5

mos moldes do realizado em Campo Grande, ou seja, com foco na prevenção e na promoção da saĂşde bucal. Fernando afirma ainda que a prevenção de problemas bucais em crianças pode ser feita quando a mĂŁe ainda estĂĄ gestante. â&#x20AC;&#x153;Algumas pesquisas mostram que de 0 a 12 meses, entre 16% e 20% das crianças tĂŞm cĂĄrie. De 12 a 24 meses, esse nĂşmero passa para 36% e de dois a trĂŞs anos, para 50 e 60%. EntĂŁo, se nĂŁo

tivermos os devidos cuidados, fatalmente essa criança terĂĄ cĂĄrie e outras complicaçþes. O dente do bebĂŞ nasce entre cinco e oito meses de idade e se as gestantes participarem do programa, nĂłs conseguimos evitar alguns hĂĄbitos nocivosâ&#x20AC;?, avalia. A beneficiĂĄria Ilaine Bobadilha trouxe o neto Matheus para participar do programa. Segundo ela, os ensinamentos passados pelo dentista sĂŁo muito eficazes para o dia

Serviço Para participar do programa, os interessados devem ligar nos seguintes telefones: Dourados (67) 3033-8359, Campo Grande (67) 3309-5394.

A prefeita DĂŠlia Razuk encaminhou parceria entre os municĂ­pios de Dourados e AntĂ´nio JoĂŁo para açþes de preservação, conservação e manutenção de ĂĄreas de nascentes e no curso do Rio Dourados. A reuniĂŁo contou com a presença da prefeita Marcia Marques, do municĂ­pio vizinho, onde nasce o rio que corta outros 15 municĂ­pios. Participaram tambĂŠm os secretĂĄrios de Desenvolvimento e de Governo de AntĂ´nio JoĂŁo, Jaime Schneider e Afrânio Marques, o diretor do Imam de Dourados, FĂĄbio LuĂ­s, os vereadores de Dourados Junior Rodrigues, Jânio Miguel e Juarez Oliveira, alĂŠm do representante do Clube de Imprensa de Dourados, Hedio Fazan. Jaime Schneider apresentou um projeto de recuperação das nascentes que AntĂ´nio JoĂŁo estĂĄ construindo. Como ĂŠ de grande repercussĂŁo e necessita de intenso envolvimento, a busca pela parceria com Dourados se fez viĂĄvel e foi ao encontro de projetos que a maior cidade do interior tambĂŠm vislumbra. â&#x20AC;&#x153;Temos um projeto para tornar a cabeceira HS6MS(SYVEHSYQEÂťVIE de Preservação Ambiental, com os devidos projetos e envolvimento da comunidade. Para tanto, estamos buscando estas parceriasâ&#x20AC;?, disse Jaime, ao apresentar a proposta na reuniĂŁo. A prefeita DĂŠlia destacou que Dourados tambĂŠm elabora projetos para a recuperação e conservação de nascentes que estĂŁo no perĂ­metro urbano e que desaguam no rio e determinou que o Imam de Dourados trabalhe em conjunto com o municĂ­pio de AntĂ´nio JoĂŁo para que estas açþes ambientais sejam efetivadas. â&#x20AC;&#x153;JĂĄ temos buscado parcerias junto Ă s universidades, em especial a UFGD, que detĂŠm um conhecimento cientĂ­fico e vamos

estabelecer parcerias com entidades locais. Ă&#x2030; claro que, alĂŠm das nascentes, o curso do rio precisa de atenção e esta parceria vai nos permitir este tipo de açãoâ&#x20AC;?, disse a prefeita. O diretor do Imam, FĂĄbio LuĂ­s, destacou que as universidades jĂĄ estĂŁo inseridas neste contexto de preservação, e que uma ação para proteção do Rio Dourados pode englobar todos os municĂ­pios aos quais ele banha, começando com um projeto bem elaborado. â&#x20AC;&#x153;Ă&#x2030; um projeto de grande valor. Vamos fazer os levantamentos em conjunto e propor mais e mais parcerias para que esta ação ganhe corpoâ&#x20AC;?, disse. O presidente do CID, HĂŠdio Fazan, falou das dificuldades que açþes de conscientização enfrentam junto Ă comunidade e aos produtores rurais. Segundo ele, este trabalho deve ser um dos pilares de toda a ação de recuperação. â&#x20AC;&#x153;Todo o trabalho precisa ter o envolvimento das pessoas e empresas que usufruem

Presidente do CID, HĂŠdio )D]DQIDORXGDVGLÄ&#x;FXOdades que açþes de conscientização enfrentam junto Ă comunidade O Rio Dourados nasce em AntĂ´nio JoĂŁo e percorre outros 15 municĂ­pios atĂŠ se juntar ao Rio Brilhante para formar Rio Ivinhema do rioâ&#x20AC;?, disse. O CID tem realizado periodicamente um evento denominado â&#x20AC;&#x2DC;Canoataâ&#x20AC;&#x2122;, que promove a limpeza das margens e o plantio de mudas nativas para evitar o assoreamento. Como resolução, ficou definido que em breve serĂĄ estipulada uma data para que todos os envolvidos nas açþes visitem, em AntĂ´nio JoĂŁo, a regiĂŁo de nascentes, que conta tambĂŠm com a carga histĂłrica de eventos como a Retirada da Laguna. Marcia Marques agradeceu o apoio da prefeita DĂŠlia Razuk. O Rio Dourados nasce em AntĂ´nio JoĂŁo e percorre outros 15 municĂ­pios atĂŠ se juntar ao Rio Brilhante para formar o grande Rio Ivinhema. Este, que desĂĄgua no Rio ParanĂĄ. A regiĂŁo por ele abrangida soma uma população de mais de 1 milhĂŁo de pessoas.


Cu Cultura

Sa Salvador ganha mu museu dedicado ao Ca Carnaval. 3Âť* 3Âť*

CADERNO B

A AniversĂĄrio de 80 anos de Acquiles Zanella.

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Co Coluna da Adiles

DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

â&#x20AC;&#x153;Fulaninhoâ&#x20AC;? ĂŠ um monĂłlogo do ator e mĂşsico Markus Chaves

PROJETO SELECIONA proďŹ ssionais em Dourados

Equipe estĂĄ em busca de produtor, LOXPLQDGRUÄ&#x;JXULQLVWDGHQWUHRXWURVSDUDLQWHJUDURHVSHWĂ&#x20AC;FXORĹ&#x192;)XODQLQKRĹ&#x201E; De Dourados O espetĂĄculo â&#x20AC;&#x153;Fulaninhoâ&#x20AC;?, que foi aprovado pelo Fundo de Investimentos Ă Produção ArtĂ­stica e Cultural (FIP) de Dourados estĂĄ selecionando profissionais residentes em Dourados para participar do processo de criação e execução. Neste mĂŞs de fevereiro inicia a prĂŠ-produção da montagem da peça, para estudar o cronograma de ensaios que culminarĂĄ em um espetĂĄculo teatral inĂŠdito, que estĂĄ pre-

visto para estrear em setembro. A equipe estĂĄ em busca de produtor, assistente de produção, iluminador, figurinista, cenĂłgrafo, designer, operadores tĂŠcnicos e fotĂłgrafo. Os interessados devem mandar uma carta de intenção para o e-mail: chavesmarkus@gmail. com , atĂŠ o dia 28 de fevereiro. â&#x20AC;&#x153;Fulaninhoâ&#x20AC;? ĂŠ um monĂłlogo do ator e mĂşsico Markus Chaves, no qual interpretarĂĄ um maestro frustrado com os relacionamentos sociais. â&#x20AC;&#x153;A peça busca uma tragico-

mĂŠdia para divertir o pĂşblico, com um olhar na solidĂŁo e na dificuldade de relaçþes pessoais que todos temos na contemporaneidadeâ&#x20AC;?, salien-

Interessados devem mandar uma carta de intenção para email atÊ o dia 28 de fevereiro ta Markus Chaves. A direção serå de Daniel Colin, diretor do Teatro Sarcåustico de Porto Alegre, em uma ponte de comunicação

de Dourados com a capital gaĂşcha. JĂşnior Souza, da douradense Cia. Ă&#x161;ltima Hora assina, junto com Chaves, a direção musical. Thales Pimenta farĂĄ a produção de vĂ­deo e Ariane Guerra completa a equipe como proponente do projeto. Base As inspiraçþes para a concepção de â&#x20AC;&#x153;Fulaninhoâ&#x20AC;?, passam, dentro outros exemplos, pelas deliciosas cenas de â&#x20AC;&#x153;Tangos e TragĂŠdiasâ&#x20AC;? (1984-2014) â&#x20AC;&#x201C; espetĂĄculo gaĂşcho que teve 30

anos de estrada no Brasil com os atores Hique Gomez e Nico Nicolaiewski (in memorian). Hique Gomez interpretava Kraunus Sang, cantava e tocava violino, enquanto Nico Nicolaiewsky incorporava o triste Maestro Plestkaya, o qual cantava e tocava sanfona e piano. O espetĂĄculo passou por diversos teatros do Brasil, alĂŠm de contar com uma versĂŁo em lĂ­ngua espanhola, apresentada em Buenos Aires (Argentina), Quito (Equador), Manizales (ColĂ´mbia) e CĂĄ-

Teatro Prosa do Sesc Horto passarå por manutenção

Sesc apresenta Borboleta Branca Com Cheiro de Cravo Contação de história acontece hoje e sexta-feira ås 19h

De Dourados O Serviço Social do ComÊrcio (Sesc) de Dourados apresenta nesta semana uma contação de história que aborda a necessidade de auto aceitação e da

No conto, a Borboleta Branca estava apaixonada pela Borboleta Vermelha, mas a Borboleta Vermelha nĂŁo lhe dava bola importância dos sentimentos. A historinha â&#x20AC;&#x153;Borboleta Branca Com Cheiro de Cravoâ&#x20AC;? serĂĄ narrada hoje e na sexta-feira, ĂĄs 19h. A entrada ĂŠ gratuita.

No conto de Paulinho Pedra Azul, a Borboleta Branca estava apaixonada pela Borboleta Vermelha, mas a Borboleta Vermelha não lhe dava bola e ainda criticava sua cor. O vaqueiro vendo aquilo ensinou a borboleta branca o que deveria fazer para aquele bonito amor despertar. As histórias infantis têm papel fundamental na formação do indivíduo tornando-o criativo, crítico e capaz de tomar decisþes com possibilidades infinitamente maiores de se tornar um leitor assíduo, alÊm de ser um instrumento de diversão garantida para as crianças e adultos. O Sesc Dourados estå localizado na rua Toshinobu Katayama, 178, centro. Informaçþes pelo telefone (67) 3410-0700.

diz e Donostia-San Sebastiån (Espanha). Em Portugal, foi escolhido pelo público como o Melhor Espetåculo durante o Festival Internacional de Teatro de Almada, em 2003, e Espetåculo de Honra, em 2004. Em dezembro de 2007, a dupla lançou o DVD Tangos e TragÊdias na Praça da Matriz, gravado em 2004, durante uma apresentação de comemoração dos 20 anos da peça, reunindo 20.000 pessoas na Praça da Matriz, em Porto Alegre.

Apresentação de espetåculos vai ser interrompido entre os meses de fevereiro a maio

De Campo Grande

As histórias infantis têm papel na formação do indivíduo tornando-o criativo e crítico

O Teatro Prosa do Serviço Social do ComÊrcio (Sesc) Horto de Campo Grande vai interromper a apresentação de espetåculos no período que compreende os meses de fevereiro a maio, para receber os serviços de manutenção geral dos equipamentos e da estrutura física do prÊdio.Esses reparos e ajustes são necessårios para melhor atender à classe artística e ao público.


2

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Variedades CAROL BORGES/CZN.

CANAL ZAP

canalzap@cartaznoticias.com.br

5Âť3,'$6

Novas emoçþes Quando o assunto ĂŠ televisĂŁo, DĂŠbora Bloch ĂŠ especialista. Afinal, alĂŠm de trabalhar no veĂ­culo desde 1981, quando estreou em â&#x20AC;&#x153;Jogo da Vidaâ&#x20AC;?, ela tambĂŠm ĂŠ filha do veterano ator Jonas Bloch. Por isso, apĂłs diversos anos Ă frente das câmeras, a atriz estĂĄ cada vez mais sedenta por projetos instigantes e motivadores. Escalada para a supersĂŠrie das 23 horas â&#x20AC;&#x153;Onde Nascem os Fortesâ&#x20AC;?, DĂŠbora se depara com uma produção dramĂĄtica e artesanal em seu mĂŠtodo de gravação. â&#x20AC;&#x153;Dei muita sorte porque, neste momento da minha vida, estou conseguindo fazer trabalhos mais desafiadores e que trazem novidades. Essas sĂŠries tĂŞm um ritmo diferenciado de gravaçãoâ&#x20AC;?, explica. Na trama escrita por George Moura e Sergio Goldenberg, ela interpreta a passiva Rosinete, esposa de Pedro Gouveia, papel de Alexandre Nero. Casada com um homem rico e poderoso, ela vive para cuidar da filha Aurora, de Lara Tremouroux, que sempre exigiu mais atenção da famĂ­lia por ser portadora de lĂşpus, doença autoimune.

DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O/GLOBO

Nesta quarta, o â&#x20AC;&#x153;Dancing Brasilâ&#x20AC;? apresenta um luxuoso baile de mĂĄscaras ambientado em um palĂĄcio. Ingrid GuimarĂŁes recebe Miguel Falabella no â&#x20AC;&#x153;AlĂŠm da Conta: A PindaĂ­ba Continuaâ&#x20AC;? de hoje.

â&#x20AC;&#x153;Ă&#x2030; uma mulher muito presa aos valores tradicionais. Mas, ainda assim, tem uma relação muito terapĂŞutica com a corrida. O que ĂŠ um detalhe muito contemporâneo da personalidade da Rosineteâ&#x20AC;?, defende. RecĂŠm-saĂ­da da sĂŠrie â&#x20AC;&#x153;Treze Dias longe do Solâ&#x20AC;?, a atriz passou um perĂ­odo no SertĂŁo gravando a trama das 23 horas. â&#x20AC;&#x153;NĂŁo fiquei muito tempo porque tenho mais cenas em estĂşdio. Mas fiquei encantada com a luz e o cĂŠu de lĂĄ. Ă&#x2030; muito bom fazer essa imersĂŁoâ&#x20AC;?, valoriza.

Para o bom momento de Xuxa Meneghel na televisĂŁo atualmente. A apresentadora conseguiu provar que existe vida fora da Globo e cresceu bastante como profissional de tevĂŞ Ă frente do â&#x20AC;&#x153;Dancing Brasilâ&#x20AC;?, da Record.

NOVELAS 5HGH*ORER

TEMPO DE AMAR

DEUS SALVE O REI

17h00 Gilberte se aproxima de Fernão. Lucinda enfrenta Gregório, que não se intimida. Emília não consegue falar com Carolina e decide sair para dançar com Justino e Tiana. Maria Vitória garante a Vicente que não sente mais nada por Inåcio. Fernão conhece Lucinda e a leva para tomar um chå. Lucerne obriga Felícia a falar o que contou para Teodoro. Eunice conta a Reinaldo sobre a visita de Lucinda. Edgar avisa a Nicota que sua amiga Eva Dantas chegarå ao Brasil e se hospedarå na pensão. Fernão pede indicação a Tomaso e Giuseppe para encontrar Lucinda.

18h00 LucrĂŠcia acusa Catarina de estar flertando com Rodolfo. Rodolfo diz a LucrĂŠcia que estranhou o seu mau humor. Afonso e AmĂĄlia ajudam a consertar a carroça de 6DPDUDHVHXÄ&#x;OKRQDHVWUDda. Augusto estranha a pequena quantidade de convidados de Constantino para o casamento. Constantino diz a Hermes que em pouco temSRFRQTXLVWDUĂ&#x20AC;DFRQÄ&#x;DQĂ?DGH Augusto e farĂĄ com que Artena se junte ao seu exĂŠrcito no ataque a Vicenza. AmĂĄlia desmaia, e o mĂŠdico supĂľe que ela esteja grĂĄvida.

A partir desta quarta, o GNT reprisa a sĂŠrie â&#x20AC;&#x153;O Canto da Sereiaâ&#x20AC;?, da Globo, protagonizada por Isis Valverde. Hoje, o â&#x20AC;&#x153;The Noiteâ&#x20AC;? reprisa a entrevista com a dupla sertaneja Marcos e Belutti.

&$6$129$ Moacyr Franco estĂĄ de volta Ă Globo apĂłs 40 anos. Ele gravou uma participação especial na sĂŠrie â&#x20AC;&#x153;Ilha de Ferroâ&#x20AC;?. Na emissora, o ator jĂĄ apresentou os programas â&#x20AC;&#x153;Moacyr Franco Especialâ&#x20AC;?, â&#x20AC;&#x153;Moacyr Franco Showâ&#x20AC;? e â&#x20AC;&#x153;Moacyr TVâ&#x20AC;?. A sĂŠrie protagonizada por CauĂŁ Reymond ainda nĂŁo tem data de estreia GHÄ&#x;QLGD 6(09$,'$'( Os atores novatos de â&#x20AC;&#x153;Malhaçãoâ&#x20AC;? precisaram desapegar da prĂłpria imagem e das crĂ­ticas logo nos primeiros momentos da preparação para a nova temporada. Ao longo do mĂŞs de prĂŠ-produção, todas as dinâmicas realizadas eram gravadas e expostas para o elenco. â&#x20AC;&#x153;Muitos nunca se viram enormes em uma tela. No primeiro dia pode ser um pouco desconfortĂĄvel, depois um pouco estranho e depois Ä&#x;FDRUJĂ QLFRVHYHU

lĂĄ. O ator aprende se vendo, se conhece, entende o prĂłprio instrumento e aprende a lidar com ele. SĂŁo ferramentas de atuaçãoâ&#x20AC;?, aponta a preparadora Cris Moura. Com estreia prevista para março, o folhetim terĂĄ Camila Morgado e Carmo Dalla Vecchia no elenco principal. ',6387$'( &5$48(6 Com o afunilamento da disputa da Liga dos CampeĂľes da Europa e aproveitando a popularidade de Neymar, a Globo darĂĄ inĂ­cio Ă transmissĂŁo do campeonato de futebol. Na prĂłxima quarta, a emissora exibe o jogo entre Real Madrid e PSG. A disputa marcarĂĄ o duelo entre Cristiano Ronaldo e Neymar. Por conta da partida, neste dia, nĂŁo serĂĄ exibido o capĂ­tulo de â&#x20AC;&#x153;Tempo de Amarâ&#x20AC;?.

Para a fraca seleção dos entrevistados do â&#x20AC;&#x153;Luciana By Nightâ&#x20AC;?, da RedeTV!. A produção recebe nomes pouco interessantes e as conversas parecem uma extensĂŁo ou reprise do â&#x20AC;&#x153;Superpopâ&#x20AC;?.

O OUTRO LADO DO PARAĂ?SO 20h00 Laura fala sobre o que a faz temer VinĂ­cius para Adriana. Raquel acorda e conta a Bruno que nĂŁo estĂĄ sentindo suas pernas. Laura discute com VinĂ­cius ao chegar em casa. JĂ´ paga as despesas de Renan e o leva para um flat. Mercedes reza, e seus mensageiros ajudam Raquel. Cido discute com Samuel por causa de Suzy. Rafael e Renato constatam a melhora de Raquel. Bruno exige que NĂĄdia cuide de Raquel. Adriana faz uma sessĂŁo de hipnose com Laura.

DIVULGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

HORĂ&#x201C;SCOPO Ă RIES De 21/03 a 20/04

PerĂ­odo em que pressagia o recebimento de Ăłtimas noWâFLDVHGHDSRLRPRUDOHÄ&#x;QDQceiro por parte de amigos leais e dos superiores hierĂĄrquicos. Ă&#x160;xito em diversĂľes e passeios. 2WUĂ QVLWRGDOXDYDLLQÄ XHQFLDU na sua criatividade e na sua sensibilidade. TOURO De 21/04 a 20/05

Muita disposição, otimismo e compreensĂŁo para com os outros. Assim estarĂĄ vocĂŞ nesta fase que tem tudo para lhe ser maravilhoso. Mas evite estragar tudo isso por causa dos ciĂşmes e do orgulho pessoal exagerado. NĂŁo se deixe intimidar por pessoas que nĂŁo acreditam em seu potencial. GĂ&#x160;MEOS De 21/05 a 20/06

Algumas perturbaçþes passageiras na vida domĂŠstica e depressĂŁo psĂ­quica estĂŁo previstas para vocĂŞ neste dia. Aja com calma e autoconfiança, que tudo tende a dar certo. Melhora da saĂşde e das chances gerais. Visite seus amigos e parentes. CĂ&#x201A;NCER De 21/06 a 21/07

Evite que seus problemas pessoais possam causar dificuldades para a sua famĂ­lia. Procure passar o dia em paz que tudo deverĂĄ rumar para um bom caminho. Felicidade sentimental e amorosa. Cuidado com estranhos.

LEĂ&#x192;O De 22/07 a 22/08

Momento em que deverĂĄ evitar questĂľes e negĂłcios com colegas de trabalho. Por outro lado, haverĂĄ progressos SURÄ&#x;VVLRQDLVGHYLGRÂżLQÄ XĂ&#x201C;QFLD de pessoas amigas. Cuide de sua saĂşde. Todos os assuntos fora do lar estĂŁo amplamente favorecidos. VIRGEM De 23/08 a 22/09

As primeiras horas de hoje, poderĂŁo ser propĂ­cias para o trabalho e para as suas iniciativas pessoais de modo geral. Ă&#x201C;timo prenĂşncio para amor, a famĂ­lia e os amigos. VocĂŞ ĂŠ capaz de chegar onde deseja, contudo, para isso, lhe falta um pouco mais de incentivo por parte da pessoa amada. AdinĂŠia

PALAVRAS-CRUZADAS DIRETAS

SOLUĂ&#x2021;Ă&#x192;O DO NÂş ANTERIOR

LIBRA De 23/09 a 21/10

Momento que favorece muito a realização de alguns de seus mais legítimos desejos e empreendimentos. Procure dar crÊdito aqueles que se aproximarem de você com o intuito de ajudå-lo, principalmente se tratar de parentes.

ESCORPIĂ&#x192;O De 23/10 a 21/11

Evite aborrecer-se por pequenas coisas. Seja otimista. NĂŁo faça concessĂŁo ao pessimismo ou ideias negativas. PerĂ­odo favorecido no progresso artĂ­stico, na populaULGDGHQDPHOKRULDÄ&#x;QDQFHLUD e cultural.

SAGITĂ RIO De 22/11 a 21/12

Conte consigo mesmo em todas as empresas, por mais ĂĄrduas que possam parecer. Os outros irĂŁo notar sua tenacidade e persistĂŞncia podendo lhe tributar o dobro de crĂŠdito a partir deste dia. No amor, aja com sinceridade. A saĂşde estĂĄ favorecida. CAPRICĂ&#x201C;RNIO De 22/12 a 20/01

E um dos dias mais negativos para assumir compromissos importantes, as assinaturas de papĂŠis que possam comprometĂŞ-lo e cuidado com os inimigos. Cuide da sua saĂşde. Os astros conferem a vocĂŞ hoje, uma natureza mais otimista e vivaz.

AQUĂ RIO De 21/01 a 19/02

A partir de agora, cuidado com disputas na justiça. Não realize novos negócios, tome muito cuidado com os perigos de acidentes e procure se precaver contra os inimigos ocultos. Todavia, êxito com o ocultismo. Boas e novas amizades estão para acontecer. PEIXES De 20/02 a 20/3

Bom fluxo astral para novas empresas e empreendimentos, mas um tanto quanto negativo para novas amizades e para entrar com recursos na justiça. Procure, tambÊm, compreender melhor os familiares e a pessoa amada. A sua cor para hoje Ê o verde.


3

Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

Variedades

Cidade de Salvador ganha

museu interativo Com projeto do arquiteto Gringo Cardia, local é dedicado ao Carnaval baiano e recebeu investimentos de mais de R$ 10 milhões do governo federal, por meio do Programa Avançar RONALDO CALDAS/ASCOM MINC

Dos primeiros blocos improvisados, passando pelo surgimento dos trios elétricos até os ritmos que embalam milhares de foliões pelas ruas da cidade de Salvador, todas as cores dos Carnavais da capital baiana estão representadas na Casa do Carnaval, primeiro museu no estado inteiramente dedicado à tradicional festa popular. O espaço foi inaugurado na última segunda-feira, em cerimônia com a presença do ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão.

“No terceiro encontro não havia mais dúvida sobre a destinação do prédio senão a de exaltar a maior festa de rua do mundo” Com projeto museográfico do artista e arquiteto gaúcho Gringo Cardia, a Casa do Carnaval recebeu investimentos de mais de R$ 10 milhões do governo federal, por meio do Programa Avançar, e a contribuição de quase 200 artistas para contar três séculos de

Ministro participou da abertura da Casa do Carnaval. O Museu, que terá visitações programadas, estará aberto de terça a domingo

história. O Museu, que terá visitações programadas, estará aberto de terça a domingo. Para a presidente do Instituto do Patrimônio Histórico

e Artístico Nacional (Iphan), Kátia Bogéa, a abertura da Casa do Carnaval é resultado de uma parceria bem orquestrada entre a instituição, o Minis-

tério da Cultura e a Prefeitura de Salvador. “Todo esse trabalho se faz em conjunto. O ministro Sérgio Sá Leitão assegurou os recursos e o prefeito

[de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto] conseguiu captar a alma da cidade, que vem na figura do carnaval, que tem uma dimensão cul-

tural tão importante”, destaca. Na avaliação do prefeito Antônio Carlos Magalhães Neto, desde as primeiras reuniões que definiriam o destino do prédio do antigo 18º Batalhão da Polícia Militar da Bahia, já havia um consenso sobre o papel popular do espaço a ser criado. “No terceiro encontro não havia mais dúvida sobre a destinação do prédio senão a de exaltar a maior festa de rua do mundo, que é o Carnaval de Salvador. Com esse equipamento, iremos estimular também o futuro desta festa”, afirma. Em discurso, o ministro Sérgio Sá Leitão enfatizou os investimentos do governo federal nas mais diversas áreas em todo o País. “As obras inauguradas hoje integram o programa Avançar, que prevê investimentos de R$ 130 bilhões em todas as regiões. Apenas no MinC, são 160 obras. Temos certeza de que todos irão adorar o projeto do museu do carnaval, que é contemporâneo e multimídia”, ressalta o ministro. Localizada no centro histórico de Salvador, bem próximo ao Elevador Lacerda, famoso cartão postal da cidade, a Casa do Carnaval permitirá aos visitantes vivenciar coreografias criadas especialmente para as antigas edições do carnaval baiano, comandadas por Daniela Mercury, Ivete Sangalo, Dodô & Osmar, entre outros. Para contar essa história, o Museu dispõe de biblioteca, centro de pesquisas, mostra de fantasias de blocos afros e figurinos dos principais artistas da música baiana. No Museu Multimídia, o público poderá ler sobre, ouvir e sentir um dos mais expressivos Carnavais do Brasil.

Carnaval na Capital terá diversidade de atrações gratuitas Programação contará blocos, GHVğOHGDVHVFRODVGHVDPEDH show do Só Pra Contrariar De Campo Grande Com extensa programação, o Carnaval de Rua deste ano de Campo Grande promete muita animação e grande diversidade de atrações. E o melhor: Tudo com entrada franca. As ações contam com apoio do Governo do Estado e da Prefeitura de Campo Grande. Os blocos de Carnaval levam alegria a cinco espaços da cidade: a Praça Aquidauana, o bairro Amambai (partindo da Rua Joaquim Nabuco), a Orla e a Esplanada Ferroviária

e a Praça do Rádio. A programação dos blocos ficou definida assim: amanhã, Evoe Baco, no bairro Amambaí (rua Joaquim Nabuco) – 17h às 23h; sexta-feira, Rockers, Orla Ferroviária – 16h às 22h; Tropicanapa, Esplanada Ferroviária – 15h às 23h; sábado, dia 10, Cordão Valu, Esplanada Ferroviária – 14h às 22h; Rockers – Orla Ferroviária – 16h às 22h; domingo, Orquestra Vai Quem Vem, Praça Radio Clube – 7h às 22h; Desfile de Blocos da Ablancc, Esplanada Ferroviária – 15h às 23h; segunda, dia 12, Capivara Blasé, Esplanada Ferroviária – 16h às 24h; Terça, Cordão Valu, Esplanada Ferroviária – 14h às 24h; dia 17 (sábado),

Capivara Blasé, Esplanada Ferroviária – 16h às 24h. O Carnaval de Campo Grande contará mais uma vez com os já tradicionais desfiles de escolas de samba, divididos em dois dias de foliea: no dia 11 (domingo) se apresentam as agremiações do grupo de acesso; Já no dia 13 (terça) acontece o desfile do grupo especial. As apresentações acontecem na Praça do Papa, na Avenida Alfredo Scaf, a partir das 19h. A entrada é gratuita. Além dos blocos e desfiles, o Carnaval de Rua de Campo Grande contará com uma Matinê (dia 11, domingo), na Praça do Papa, das 15h às 20h e com uma apresentação do

DIVULGAÇÃO

&DUQDYDOGD&DSLWDOFRQWDUÀFRPGHVğOHVGHHVFRODVGHVDPED

grupo Só Pra Contrariar, no dia 12 (segunda), a partir das 19h, no mesmo local. Cordões, blocos e escolas de

samba de Campo Grande receberam do Governo do Estado por meio de sua Fundação de Cultura R$ 323.400,00 para

realização de eventos de rua do Carnaval 2018. Fo r a m d e s t i n a d o s R $ 48.400,00 para a Associação de Blocos, Bandas, Corsos e Cordões Carnavalescos e R$ 275 mil para a Liga de Entidades Carnavalescas. As organizações foram contempladas por meio de edital lançado em dezembro de 2017 que também prevê repasses para festividades em Corumbá, Ladário e Aquidauana. Ao todo o Governo do Estado repassou R$ 716.650,00 para seis entidades. Os recursos viabilizam projetos com execução garantida e abertos ao público, e ajudam a custear sonorização, segurança e a logística dos eventos.


Dourados, quarta-feira 7.2.2018 O PROGRESSO

â&#x20AC;&#x153;A vida ĂŠ um caminho de sombras e luzes. O importante ĂŠ que se saiba vitalizar as sombras e aproveitar a luz.â&#x20AC;?

COLUNA DA ADILES Adi Adiles do Amaral Torres adiles@progresso.com.br

80 ANOS DE ACQUILES

Henri Bergson

Comemorou 80 anos no último såbado, Acquiles Zanella, reunindo familiares e amigos em animada festa no Buffet Guarujå, que estava com linda decoração de Tatiana Bispo, cerimonial de Letícia Cesco e animação do DJ Willian. O evento foi registrado pela fotógrafa Verônica Kupfer. ParabÊns e felicidades ao aniversariante!

$FTXLOHVHDHVSRVD/Ă&#x2019;DFRPRVÄ&#x;OKRV6áQLD)Ă&#x20AC;ELR6DQGUD/XFLDQR&OĂ&#x20AC;XGLDH-XDUH]

O aniversariante Acquiles e esposa LĂŠa

Acquiles com os irmĂŁos Beto, Lurdes e HĂŠlio

Mary, Acquiles, LĂŠa e Valdir Pelegrin

O aniversariante com a esposa e os netos Ilza Taborda, Acquiles e LĂŠa

O aniversariante e a esposa com: Benjamin, Ivone, Dione, Maria, Cirlei, JoĂŁo, dra. Simone, desemb. dr. Eduardo Rocha e Vani

%ULQGHFRPRVÄ&#x;OKRVLUPĂ&#x201A;RVHQHWRV

Noemi, Acquiles, LĂŠa e Ferigolo

$FTXLOHVH/Ă&#x2019;DFRPDÄ&#x;OKD&OĂ&#x20AC;XGLDJHQUR)Ă&#x20AC;ELRHRVÄ&#x;OKRV'DYLH/RUHQD

PARABĂ&#x2030;NS E FELICIDADES AOS ANIVERSARIANTES

PARABĂ&#x2030;NS AOS ANIVERSARIANTES '(+2-()(9(5(,52 - HelvĂŠcio Marques Bahia; LuHoje: (07/02) AmanhĂŁ: (08/02) Sexta: (09/02) cimara da Silva;Vera fĂĄtima Corsino de Almeida; Marlene Coelho Chamorro; Carlos Beno Goellner; Maria da Graça Hartmann; JoĂŁo Alves de Oliveira; Carlos Eduardo Stranieri; Maria de Lurdes Portasso da Silva; AntĂ´nio Gilmar Vieira; Maria das Graças Bartolomeu; Priscila HorĂĄcio Nunes; Paulo Roberto Moraes; Ana Elizangela de Lima; Sandra Regina Ferreira; JoĂŁo Alexandre de Moraes; Devanir de Lourenço; Valdir Romualdo Martins; Joana M. Andrade Almeida; JosĂŠ Ubirajara G. Fontoura; Luciana de Oliveira; Renata M. Molina; JoDr. JosĂŠ Alberto Lemos. Na foto, Clarice Fontes. Na foto, com o Maria Fernanda Mattos C. Viei- Valter Castro. Na foto, com a DĂŠbora Sanches. Na foto, com sĂŠ Nilton de Brito; RogĂŠrio Reis com a esposa Tais esposo JosĂŠ Roberto ra. Na foto, com a mĂŁe Aline esposa Marlene Castro o esposo Rodrigo Vieira Holsback . '($0$1+Ă&#x2021;)( 9(5(,52- Elena Silva; Sandra Arruda; Osmar Martins Blanco; Amilton Salina; Delva Terezinha MENSAGEM BĂ?BLICA SĂĄbado: (03/02) Domingo: (04/02) Segunda: (05/02) Terça: (06/02) R. Souza; JoĂŁo B. da Silva; Luiz "Como a mĂŁe consola o Sorian de Macielo; BĂĄrbara S. da Ä&#x;OKRHXWDPEĂ&#x2019;PFRQVRODUHL Costa; Dilma de Souza Santos; YRFĂ&#x201C;VHXRVFRQVRODUHLHP Marcelo Alves da Silva; Neiva Za-HUXVDOĂ&#x2019;P ,VDâDV

natta Munarini; Dagmar Torres Duarte; Sueli Mendonça; Arlei da Silva Tagares; Bruno de Oliveira Batista; Daniela Andrade; Letícia Figueiredo Neias; Sebastião W. Vieira; Sueli Alves de Paula; DÊbora Rodrigues. '(6(;7$ )(9(5(,52 - Nelson Luiz Dapont; Romualdo R. da Silva; Claudenir M. Romero; Lucy H. M. Salgado; Antônio ViÊgas; Eluzai C.Tåboa; Laura Niz dos Reis; Lais Niz dos Reis; Flåvio Melgarejo Abenel Nascimento. Na foto, com a Engenheira de produção Karine Ana Carolina Souza. Continua recebendo os parabÊns o Martins; Lais Fernandes Barboesposa Clåudia. O casal Ê musico e faz Kobrilarz. Na foto, com o namo- ParabÊns de amigos e mÊdico dr. Olavo Bentes. Na foto, sa; Remerson Reis; Dalva Stadin; Meires Feitosa Liebich apresentaçþes no Kikão Restaurante rado Willian Leonardo familiares com a esposa Mirian


O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 7.2.2018

1

Imóveis

2

1

3

Apartamentos

CLASSIFICADOS

80747

Imóveis

80774

BNH-2º PLANO 1.500

Rua: Mato Grosso, 3005, 1 suite, 2 qtos, wc.social, garagem p/ 3 carros, A. Serviço. 99971-6201/99810-5152 80827

FLORIDA I 350 REAIS

03 qtos, 02 wc, pintura velha. R. Ozorio N. Siqueira. 3423-2255 71069

JD ÁGUA BOA W13

80855

80825

KETINET

AV. Presidente Vargas nº803 per to do Rest. Paladar R$600,00. Tel: 99907-0180 80748

KIT 1 QUARTO NOVA

Excelentes kits, 01 qto, sala, coz, área de serviço, garagem, nova próximo à Avenida Guaicurus. R$ 450,00. Creci 779-J. 3423-2255 ou 99956-6319 imob. Athenas

5

6

Motos

80587

7

Diversos

80889

JD. MÔNACO OPORT.

VILA PLANALTO

37 HECTARES

kit c/ 2qts, sala, coz conjugada, wc, área de serviço, garagem, próx. Cantina Mato Grosso R$ 450,00 creci 779-J 3423-2255 ou 99956-6319 Imob. Athenas

Toda reformada e fino acabamento. 99863-7008

R. Alemanha 555 c/ 2 terrenos Creci-6862-J Tel: 3421-0034 ou 99971-1320

02 suites, 02qtos, R$450 mil. Creci-680-J. tel: 999029118

Arrenda-se 37hectares em Itaporã. Telefone para contato: 99933-6060

80853

CASA JD. GIRASSOL Aceito carro facilito pgto. 99863-7008 80406

KITINET

CASA VL SÃO PEDRO

R. Adroaldo Pizzini, 647, 1qt, coz, wc, 99908-0766

Proximo Posto de saude. 99947-8220 OU 99655-6399

80729

KITINET PRÓX. CENTRO Qt, sala, coz,, Á. serviço. gar. só p/ moto, pg. só luz, R$ 450,00. 99113-9788 80303

KITINET PRÓX. HU Varias Kit. 02 qtos, sala, coz. estac. Tel:99648-9767 22988

QUARTO FAMILIAR Av.Pres. Vargas nº40. Próx. a Feira, centro. 996401513.

RUA 20 DEZEMBRO 1366 02 aptos, 02qtos, wc-social, 02 salas, coz, ampla, lavanderia coberta, salões comercial portão automatico. 98190-5474

Casa-Venda

80885

CENTRO CRECI-680-J R. Ciro melo 1480, R$650 mil. 99902-9118 80793

COND. VIENA 95 MIL Altos do Indaiá, 02 qtos, sl, coz, wc, garagem. Aceito carro no negócio. 99936-4309 60909

EDÍCULA ÁGUA BOA R$ 60mil. 99996-4845/ 99210-5078 80888

JARDIM PAULISTA 01 suite, 02 qtos, R$690 mil. Creci-680-J. tel: 999029118 80780

JD GUAICURUS

BONITO-MS

Sobrado, ter. 600 m².R$550 mil. Creci-680-J. Tel:999029118

PORTO MADERO terr, ca, sobrado fino acabamento. Telefone para contato: 99863-7008 78561

PQ. COQUEIROS-W6 Suite, 2qtos, sala, coz, wc, Izidro P. R$220.000,00 Creci-654J. 3421-4711. 80886

SALÃO + EDICULA Ter. 420 m², R$150 mil N. Horizonte. Creci-680-J. Tel: 99902-9118. 80322

SÓ R$ 270.000,00 400 mt da Igreja S. José, terreno de esquina c/ 2 casas na Rua Monte Castelo, 525 aceita carro. Tel: 99913-4867 ou 3421-2708 80854

SOBRADO PQ. ALVORADA 01 suite, 02 qtos, fimo acabamento. 99863-7008 80398

02 qtos, 01 suite, wc. social, sala, cozinha, area serviço. 99614-8131 80788

80887

80852

JD. COLIBRI 160 MIL 02 qtos, sala, cozinha, edicula 116 m², aceito, carro no negocio, próx. ao DOF. Tel: 99937-2908

TROCA 1 CASA No Cachueirinha por 1 no campina Verde. 996821801 só troca. 80817

VENDO CASA NV. 3 QTO Próximo Atacadão, troco, p/ terreno. Telefone para contato: 98405-2947

80649

Chácaras

500 HECTARES 80784

ATRÁS DO QUARTEL 2 Ha, casa, alvenária, poço artesiano. 99833-8206 80662

CHÁCARA ITAPORÃ 05 hectares no asfalto, água casa nova. 99923-7660

Comercial - Aluga

Em Bonito, montada 12 mil hectares. 99933-6060 80836

75 ALQUEIRES PASTO Em Caracol-MS pasto reformado. Telefone para contato: 99817-5770 78829

ARRENDA OU VENDE 517 hectares em Por to Mur tinho. Telefone para contato: 99933-6060 79859

79125

8 SALAS COML CENTRO Escrit. consultorio est. 6 carros. F. 99952-5959. 80846

SALÃO COMERCIAL 450 m², BR-163 Vila Vargas. 99933-6060

ARRENDA-SE 250 HEC

SALÃO COMERCIAL

80837

20 HECTARES MATA Para reserva legal, mata nativa. 99817-5770.

80851

80577

AO LADO DA MÃO BRAZ Terra Dourada Creci-6862-J Tel: 99971-1320 80831

COMERCIAL AV.Weimar G.Torres, 5000, próxima Concessionária Jeep, 17,50x40,0=700 m²; preço R$790 mil. Tel: 99137-0524/ 991990646/ 3422-7379 80804

COND. GOLDEN PARK 02 Terrenos. Tratar: 998596651 80800

ECOVILLE II

450 m², contato: Ana99668-2459.

Sítios

Lotes c/ 450m², 65 mil. Creci-6862-J 3421-0034

80579

JARDIM PELICANO

80576 80650

01 ESTÂNCIA 36 HA

Montada em Itapora, 15 mil sacas de soja. Telefone para contato: 99933-6060 80274

37HA NA GDE DOURADOS

Fazendas

Empregos e oportunidades

PORTO MADERO

Terrenos

Na BR em Nova Alvorada do Sul. Telefone para contato: (67)99914-3316 ou 99933-6060

76680

R. Mato Grosso. Centro Prox a R. Major Capilé R$600 Creci654J F.3421-4711

8

Telefones

77049

CASA BNH-3º PLANO

80865

n 1315 4qts, R$790 c/ fiador, 99952-5959

Veículos importados

KIT NOVA C/ 2QTS

75246

Casa-Aluga

4

Veículos e utilitários

R$800 mil. Tel:(67)999336060

80797

65 HECT. LAVOURA Beira Rio Dourado. 991530054

JD. DAS PALMEIRAS

Ao lado do Ecoville Creci-6862-J Tel: 3421-0034 80878

JD. MÔNACO 14X30 Esquina, R$250 mil c/ prorietario. Telefone para contato: 99249-9417 80575

NOVO PQ. ALVORADA 60 meses, Imob. Gondim Creci-6862-J. Telefone para contato: 3421-0034

365m². Esquina parcelado 99863-7008 80803

PORTO ROYALE 280M² Par ticular. Telefone para contato: 99859-6651 80890

R. MONTE ALEGRE 1560 m², Prox. ABVE, Vila Icasat. Creci-680-J. Tel: 99902-9118 79569

RESID. ESPLANADA Sub esquina 12x25. Tel.99891-5252 80574

SANTA FÉ 60 MESES Gondim Creci-6862-J Tel: 3421-0034 ou 99971-1320 80769

SITIOCA CAMPO BELO 1000 m², R$75.000,00. Tel: 99998-2770 80847

TERRENO COMERCIAL Com Escritrio, 408 m² no Santa Fé, 320 mil. cel99638-2711 80479

TERRENO GUAICURUS 12x30 murado R$60.000,00 aceito veiculo. (67)98401-8419 80830

TERRENO JEQUITIBÁS Lote 14x40 próx. Coronel Pociano. Apenas R$70.000,00 Tel: 999878425 Creci-244


CLASSIFICADOS

2

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 7.2.2018

80835

80726

TERRENO R$28 MIL

PALIO WEEKEND ADV

10x50 troco por carro. 99601-6557

03/03, vermelho, completo. R$ 14.000,00. 999980039

72531

VILA TOSCANA

80844

Área comercial 12x30, ac. carro 99121-4616

2

UNO 1.0 BRANCO 2014 Way- 4p, unico dono, 14 mkm. top, Tel: 99951-6564

Ford

Apartamentos

80820

FORD FIESTA 2014 Preto, completo R$24.000,00 IPVA, Licenciamento 2018 pago. 99978-5972 80411

Apto-Aluga 80824

APTO AV. Presidente Vargas nº803 per to do Rest. paladar. R$1.200,00. Tel: 999070180 80808

APTO CENTRO Rua Camilo H. da Silva. ED. Eldorado suite, 02 quartos, sala, coz, wc, A.s. R$850,00 Creci-654-J Tel: 3421-4711 80819

FORD KA PRETO 2012 Completo. R$20.000,00 Tel: 99933-6060

Utilitários 80881

F-1000 92/3 COMPLETA F-1000 Dupla 04 portas, MWM 229 turbo, pego veiculo (-) valor R$31mil. whats 99652-6199 80818

F-250 XLT 2009 CS 1º dono, prata, 4x2 top. Tel: 99999-0402 80731

DIVIDE-SE APTO Edificio Milton Barbosa , só para moças c/ referência. Tel: 98145-5076 80787

ED. DONA JOSEFA 02 qtos, Tratar com propríetario. 99937-2908 80658

PQ ALVORADA 02 QTOS Apto próx. Únigran, port. elet. tratar c/ proprietáiro. 99974-6863 80664

PRÓX. UNIGRAN 02 qtos com elevador, R. Cider cerzosimo de souza. Tel: 3423-3027.

Apto-Venda 80796

02 QTOS 1º ANDAR Novo próx. AV. Guaicurus, 160 mil. 99931-8858

MB 1620 2010 CLASSIC 99692-1502 80872

STRADA 14/15 CS 1.4 Working, branca comp. R$29.000,00 Tel: 998073363.

VENDE SCANIA 112

Ed. Royal c/ elevador em constr. Creci-6862-J Tel: 3421-0034 ou 99971-1320 80585

EDIFICIO PADOCK Imob. Gondim Creci-6862-J Tel: 3421-0034 ou 999711320 80586

EDIFÍCIO PLAZA

80371

VENDE-SE CAMINHÃO

80721

RESID. CAIUAS

80873

80501

Volksvagem

80589

GOL G-4 10/11 4pts, basico, branco, unico dono, baixa km, R$15.500,00. Tel: 99618-5283

4

Veículos importados

CERCA ELETRICA

Mitsubishi

80876

ROTTWEILER VENDAS Filhotes c/ Pedigree, vac. verm. 99997-0187 80875

SHIH TZU

Vendo por metro, e motor de portão, interfone. 99964845.

VENDE-SE 75 GARROTES

80858

80365

E 40 novilhas, 01 petiço, 01 potranco 4º de milha. 99933-6060

Implementos Agrícolas

INTRFONE

80812

Instalação , manutenção. 99655-3780 80871

MONTADOR DE MÓVEIS Consertos em geral. 996371933 76606

MOTOR MWM 80791

Line, branco. 99935-7505-Alex

6

Motor estacionario c/ gerador MWM 3424-1741/ 99877-8955 ou 984036713 80856

MOTOR P/ PORTÃO Instalacão, manutenção. 99655-3780 80833

Diversos

80653

VENDE-SE OU TROCA

Por gado, 01 trator CBT 2105 c/ lâmina ano 80 e 1 caminhão 1113 boiadeiro ano 82. Tel: 99933-6060 80877

VENDO TRATOR MF.

Massey Ferguson 265. 98191-2712

8

Empregos e oportunidades

PRECISA-SE DE DOAÇÃO

TORNO MECÂNICO 766

AR / ELETRICIDADE Instalações e manutenções e elétrica. Tel. 9136-0018(CLARO) / 98319067(VIVO). C/ Edvaldo.

Nardini ND:325 carcaceiro 2002. contato: Leandro F. 99979-3440

O contratante deverá solicitar referências do contratado.

80500

VENDE-SE (02) PONTOS De Moto Taxi, parcelo no cartão. Tel: 99912-9472

CONTRATA-SE

Representante Comercial que já esteja trabalha na área Automotiva. caminhão e maquinas agricula. Ofereço uma o portunidade de Agregar á venda de Óleo e Lubrificantes p/ Dourados e Regiões, Remuneração, comissão. Filial Campo Grande-MS. Contato:(67) 99985-0363. 80841

CONTRATA-SE

TSB-Técnica em Saúde Bucal. Enviar Curriculos: dourados.ms@amorsaude.com 80867

CONTRATA-SE

Empresa no ramos de Veiculos com experiência em vendas. Interessados enviar Curriculos: rhddos@ gmail.com 80884

CONTRATO DOMÉSTICA 3 x semana seg. qua. sexta, lavar passar, limpeza da casa c/ referência. R$800,00 80883

80663

Fiat

80608

PRECISA-SE

Um Berço p/ Bebe. 996821801

14x36 R$170.000,00 Tel: 98184-2777

PALIO 09/10

Atendente de Telemarketing enviar curriculos para: katiameireles@credigas.com.br

Preto e branco c/ 3 vacinas. (67) 99913-2025

ELETRICISTA

HB-20 1.0 CONFORT

Completo. prata, R$18,000,00. 04 p. Tel: 99655-9983

Animais

CERCA ELÉTRICA

Instalações, manutenções e montagem de Padrão. 99943-8856-Rodrigo.

Veículos e utilitários

80845

CONTRATA-SE

Instalação, manutenção.99655-3780

80699

Outros

MÔNACO

80857

24219

PAJERO SPORT HPE

80505

Venda, inst. manut. 999397410 ou 99277-8602

80798

Bem localizada. 996853213

AR COND E ANTENAS 80692

FIQUE ATENTO Alguns oportunistas estão ofertando emprego por meio de anúncios nesse espaço, cobrando pelo cadastro e exigindo dados pessoais dos candidatos. Fique atento para os anúncios de oferta de emprego e, na dúvida, procure informação diretamente com o futuro empregador. Não pague por cadastro. Não caia em golpe!

VENDO FARMÁCIA

360 ano 93, Bitrem 2003/04, R$99 mil. Tel: 98134-0060

2007 manual prata 4x4. Tel: 99904-1964

Chevrolet

Rua Monte Alegre, 5270, esquina. 99904-9240 ou 3428-5644

VENDO VOLVO N 112

02 qtos. Tel: 99929-1300 ou 99967-2098

3

VENDO CONVENIÊNCIA

Truck 161 8 ano 1995 caçamba Agricula. 999769982

R. Humberto de Campos, 1215 c/ elevador, Creci-6862-J Tel: 3421-0034 ou 99971-1320 80805

Espetaria em fase de acabamento próx. a Unigran ótima localização. Ac. troca. 99912-9472

360 preta 1991. 999886986

80578

AO LADO UNIGRAN

80499

VENDE-SE TROCA

80864

80790

CONTRATA-SE

Costureira, com Prática. 99693-2624

Faxineira c/ referência p/ meio periodo. Tel: 3422-7132

Procura-se Emprego O contratante deverá solicitar referências do contratado. 80759

DOMÉSTICA OU LIMPEZA

Em comercio c/ exp. e ref. 99802-2250

ATENÇÃO LEITOR GOLPISTAS estão postando anúncio nesse espaço se oferecendo para trabalhar como diarista ou doméstica e quando são contratadas acabam praticando furtos em residências ou empresas. Antes de contratar qualquer pessoa por meio de anúncio, procure se informar junto à Polícia Civil sobre os antecedentes da pessoa interessada na vaga. O jornal O PROGRESSO não tem qualquer responsabilidade sobre o comportamento ético das pessoas que anunciam em seu classificado. 80882

QUERO TRABALHAR De copeira assistente Loja, faxina. 99979-7580- Cleonice 80760

QUERO TRABALHAR

Pedreiro, carpinteiro, construções, calçadas, pisos e reformas em geral. (67) 99679-1441 Heli 80816

QUERO TRABALHAR

Diarista, faxina em residencia e comercio, terça e sexta. 99617-0949 80874

QUERO TRABALHAR Jardinagem completa, roçada e limpeza de terrenos. 99663-6547 80821

QUERO TRABALHAR Pinturas residenciais, graf fiato, verniz, cores em geral. 99699-3952- Everton 80866

QUERO TRABALHAR Cozinheira ou ajudante com pratica e ref. Firmas, Restaurante, Marmitaria e residencia. 99292-6082-Suily 80367

QUERO TRABALHAR Chácara, sitio ou fazenda de operador de Pá Carregadeira. 99676-2633 ou 99877-3750-Jaime 80859

QUERO TRABALHAR Faxinas, diarias. cel. 99916-9696-Maria 80686

80849

80829

QUERO TRABALHAR

QUERO TRABALHAR

Diarista 3 x na semana cuidadora de idosos. ou doméstica de 2º á sexta. 99817-1890

Diarista ou mensal no Jardim Florida ou PQ. Alvorada Tel: 99911-8707

80823

QUERO TRABALHAR Diarista. 99887-6453-Ednez 80794

QUERO TRABALHAR Auxiliar de serralheiro ou ser viços gerais. 999071614- Ednaldo. 80802

QUERO TRABALHAR Diarista disponivel, segunda, terça, quarta ou diurno e noturno todos os dias da semana em casas, Padaria, Lanchonetes, Pizzaria Sorveteria. Tel: 98129-6396 80811

QUERO TRABALHAR

QUERO TRABALHAR

Casal procura serviço em sitio ou fazenda exp. c/ trator, carregadeira, gado, cercas, boas ref. Cristiano-99651-2184 ou whats: 99960-0186

Na região de Dourados, serviço em fazenda, sitio para cozinhar em Empresa, limpeza, tem exp. em leiteria. Solteira 2 filhos. 99875-3477

80842

QUERO TRABALHAR Diarista 1 ou 2x por semana c/ exp. e ref. 99935-7470 80862

QUERO TRABALHAR Diarias, cel. 99632-1235Ana Maria 80850

QUERO TRABALHAR] Doméstico ou diarista c/ ref. 99936-7668


CLASSIFICADOS

3

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 7.2.2018

1Âş TABELIONATO DE PROTESTO DE TĂ?TULOS DA COMARCA DE DOURADOS EDITAL DE INTIMAĂ&#x2021;Ă&#x192;O SĂŠrgio Julian Zanella Martinez Caro, TabeliĂŁo de Protesto da Comarca de Dourados - MS, FAZ SABER que se encontram para serem protestados os tĂ­tulos abaixo descritos. Por nĂŁo ter sido possĂ­vel ou cabĂ­vel a intimação pessoal no endereço fornecido pelo Apresentente, intima os devedores abaixo para pagar ou aceitar os tĂ­tulos, sob pena de protesto.

DATA LIMITE PARA PAGAMENTO 15/02/2018 1Âş TABELIONATO DE PROTESTO DA COMARCA DE DOURADOS - MS Av. Weimar G. Torres, 2077 - Centro - Telefones (67) 3422-0334 / (67) 99835-3467 (whatsapp) HorĂĄrio de atendimento: 08h Ă s 11h e das 13h Ă s 17h

PROTOCOLO 220.479-02/02/2018 220.516-02/02/2018 220.481-02/02/2018 220.478-02/02/2018 220.519-02/02/2018 220.518-02/02/2018 220.517-02/02/2018 220.508-02/02/2018 220.511-02/02/2018

DEVEDOR NATUREZA/TĂ?TULO ACTO ARQUITETURA CONSTRUCAO E UR DMI / 74698 1 3 ADRIANO DOS SANTOS DMI / 0000014617 ALEX SANDRO PEREIRA DMI / 0000734743 ALFREDO MARQUES DE ANDRADE CH / 000024 ANA CRISTINA GON ALVES CEOLIN DMI / 0000014640 MANOEL CARLOS GON ALVES DMI / 0000015039 DMI / 0000015150 RAFAEL HEINZ ROSIMARA GOMES CUSTODIO-ME DMI / 8953-2/3 SONIA BALBINO DMI / 1167

Ă&#x20AC; PAGAR R$ VALOR R$ 2.248,87 2.417,57 270,00 334,75 810,00 897,70 2.980,00 3.148,70 380,00 454,20 380,00 454,20 270,00 334,75 250,00 312,05 176,50 241,51

Dourados - MS,07 de fevereiro de 2018

VENCIMENTO 26/01/2018 31/12/2017 27/01/2018 31/01/2018 31/12/2017 31/12/2017 31/12/2017 24/01/2018 27/01/2018

MOTIVO Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento Falta de Pagamento

SĂŠrgio Julian Zanella MartĂ­nez Caro TabeliĂŁo de Protesto

(67$'2'20$72*52662'268/  &Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/

(67$'2'20$72*52662'268/  &Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/ 

 

 7(502'(+202/2*$d­2($'-8',&$d­2

$9,62'(5(68/7$'2

 &RPEDVHQDVLQIRUPDo}HVFRQVWDQWHVQR3URFHVVR$GPLQLVWUDWLYRQÂ&#x17E;UHIHUHQWH DR &RQYLWH QÂ&#x17E;   +RPRORJR H $GMXGLFR R SURFHGLPHQWR OLFLWDWyULR HP QRPH GD OLFLWDQWH556,03/Ă&#x2039;&,2(,5(/,0(7RWDOL]DQGRR9DORUGH5 4XDUHQWDH 1RYH0LOH4XLQKHQWRV5HDLV    3XEOLTXHVH   )iWLPDGR6XO06GH)HYHUHLURGH        (50(621&/(%(50(1'(6 3UHVLGHQWHGD&kPDUD0XQLFLSDO 

 $&Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODWUDYpVGR 'HSDUWDPHQWR GH /LFLWDomR WRUQD S~EOLFR SDUD FRQKHFLPHQWR GH WRGRV RV LQWHUHVVDGRV TXH QR 3URFHVVR /LFLWDWyULR PRGDOLGDGH &RQYLWH 1Â&#x17E;  TXH YHUVD VREUH D &RQWUDWDomR GH(PSUHVD(VSHFLDOL]DGDHP3UHVWDomRGH6HUYLoRVSDUD,PSODQWDomRH/LEHUDomRGH /LFHQoDGH8VRGH6RIWZDUHGH5HFXUVRV+XPDQRVSDUDDWHQGHUD&kPDUD0XQLFLSDO GH )iWLPD GR 6XO06 FRQIRUPH HVSHFLILFDo}HV FRQVWDQWHV QR HGLWDO 6DJURXVH YHQFHGRUD GR FHUWDPH SRU DSUHVHQWDU R 0HQRU 3UHoR *OREDO D OLFLWDQWH 5 5 6,03/Ă&#x2039;&,2 (,5(/,  0( 7RWDOL]DQGR R 9DORU GH 5  4XDUHQWD H 1RYH 0LO H 4XLQKHQWRV 5HDLV    )iWLPDGR6XO06GH)HYHUHLURGH       BBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBB /DpUFLR)UDQFLVFRGRV6DQWRV 3UHVLGHQWHGD&RPLVVmR3HUPDQHQWHGH/LFLWDomR 

(67$'2'20$72*52662'268/  &Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/ 

 7(502'(+202/2*$d­2($'-8',&$d­2  &RPEDVHQDVLQIRUPDo}HVFRQVWDQWHVQR3URFHVVR$GPLQLVWUDWLYRQÂ&#x17E;UHIHUHQWH DR &RQYLWH QÂ&#x17E;   +RPRORJR H $GMXGLFR R SURFHGLPHQWR OLFLWDWyULR HP QRPH GD OLFLWDQWH6,67&216,67(0$'(&217$%,/,'$'(3Ă&#x2019;%/,&$(,5(/,0(7RWDOL]DQGRR 9DORUGH5 4XDUHQWDH1RYH0LOH4XLQKHQWRV5HDLV   3XEOLTXHVH   )iWLPDGR6XO06GH)HYHUHLURGH        (50(621&/(%(50(1'(6 3UHVLGHQWHGD&kPDUD0XQLFLSDO 

EMISSĂ&#x192;O 27/12/2017 05/06/2017 23/03/2017 30/11/2017 05/06/2017 05/06/2017 05/06/2017 15/12/2017 29/12/2017





(67$'2'20$72*52662'268/  &Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/   $9,62'(5(68/7$'2 $&Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODWUDYpVGR 'HSDUWDPHQWR GH /LFLWDomR WRUQD S~EOLFR SDUD FRQKHFLPHQWR GH WRGRV RV LQWHUHVVDGRV TXH QR 3URFHVVR /LFLWDWyULR PRGDOLGDGH &RQYLWH 1Â&#x17E;  TXH YHUVD VREUH D &RQWUDWDomR GH(PSUHVD(VSHFLDOL]DGDHP3UHVWDomRGH6HUYLoRVSDUD,PSODQWDomRH/LEHUDomRGH /LFHQoD GH 8VR GH 6RIWZDUH FRP 3URJUDPDV SDUD :LQGRZV GH &RQWDELOLGDGH H 2UoDPHQWR3~EOLFRSDUDDWHQGHUD&kPDUD0XQLFLSDO GH)iWLPDGR6XO06FRQIRUPH HVSHFLILFDo}HV FRQVWDQWHV QR HGLWDO 6DJURXVH YHQFHGRUD GR FHUWDPH SRU DSUHVHQWDU R 0HQRU 3UHoR *OREDO D OLFLWDQWH 6,67&21 6,67(0$ '( &217$%,/,'$'( 3Ă&#x2019;%/,&$ (,5(/,  0( 7RWDOL]DQGR R 9DORU GH 5  4XDUHQWD H 1RYH 0LO H 4XLQKHQWRV 5HDLV    )iWLPDGR6XO06GH)HYHUHLURGH       BBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBB /DpUFLR)UDQFLVFRGRV6DQWRV 3UHVLGHQWHGD&RPLVVmR3HUPDQHQWHGH/LFLWDomR 

Conselho Municipal De AssistĂŞncia Social de Douradina â&#x20AC;&#x201C; Mato Grosso Do Sul 5(62/8d­21Â&#x17E;   $SURYDomR GR 3ODQR GH $omR GR 3URJUDPD %ROVD )DPtOLDÂą3%)SDUDR([HUFtFLRGH    2&RQVHOKR0XQLFLSDOGH$VVLVWrQFLD6RFLDOGH'RXUDGLQDQRXVRGDVDWULEXLo}HVTXHOKHFRQIHUHD/HL 0XQLFLSDO QÂ&#x17E;  GH  GH QRYHPEUR GH  H DOWHUDGD SHOD OHL  GH  GH GH]HPEUR GH   &216,'(5$1'2 4XHFRPSHWHDR&RQVHOKR0XQLFLSDOGH$VVLVWrQFLD6RFLDO$QDOLVDUHHPLWLUSDUHFHUDFHUFDGRSODQRGH

(67$'2'20$72*52662'268/

 5(62/9(



$UWÂ&#x17E;(PUHXQLmRRUGLQiULDUHDOL]DGDHPGHIHYHUHLURGHDWDQÂ&#x17E;IRLDSURYDGRSHOR



&RQVHOKR0XQLFLSDOGH$VVLVWrQFLD6RFLDOR3ODQRGH$omRGR3URJUDPD%ROVD)DPtOLDVXDVHVWUDWpJLDV GHDWHQGLPHQWRDVVLPFRPRJHVWmRGHFRQGLFLRQDOLGDGHVJHVWmRGHFDGDVWURPRQLWRUDPHQWRHDYDOLDomR HFRQWUROHVRFLDOTXHDRYHULILFDUHVWiGHDFRUGRFRPDUHDOLGDGHGRPXQLFtSLR  $UWÂ&#x17E;(VWDUHVROXomRHQWUDHPYLJRUQDGDWDGHVXDSXEOLFDomR   'RXUDGLQD06GHIHYHUHLURGH    BBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBBB ,YDQLOGD0DULD6RDUHVGD6LOYD 3UHVLGHQWHGR&0$6  







Conselho Municipal De AssistĂŞncia Social de Douradina â&#x20AC;&#x201C; Mato Grosso Do Sul 5(62/8d­21Â&#x17E; 

&Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/

 ([WUDWRGH&RQWUDWR  &RQWUDWDQWH&Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/06 &RQWUDWDGD556,03/Ă&#x2039;&,2(,5(/,0(  'R 2EMHWR &RQWUDWDomR GH (PSUHVD (VSHFLDOL]DGD HP 3UHVWDomR GH 6HUYLoRV SDUD ,PSODQWDomRH/LEHUDomRGH/LFHQoDGH8VRGH6RIWZDUHGH5HFXUVRV+XPDQRVSDUD DWHQGHU D &kPDUD 0XQLFLSDO GH )iWLPD GR 6XO06 FRQIRUPH HVSHFLILFDo}HV FRQVWDQWHVQRHGLWDO  'D%DVH/HJDO/HLHVXDVDOWHUDo}HVSRVWHULRUHV 3URFHVVR$GPLQLVWUDWLYR1Â&#x17E; &RQYLWH1Â&#x17E; 9DORU7RWDO5 4XDUHQWDH1RYH0LOH4XLQKHQWRV5HDLV  3UD]R GH 9LJrQFLD 2 &RQWUDWR WHUi YLJrQFLD GH  RQ]H  PHVHV GD GDWD GD VXD DVVLQDWXUD  'RWDomR2UoDPHQWiULDÂą $VVLQDP 3HOD&RQWUDWDQWH(PHUVRQ&OHEHU0HQGHVÂą3UHVLGHQWH 3HOD&RQWUDWDGD5LQDOGR5HQRYDWR6LPSOtFLR5HS



$SURYD D DTXLVLomR GH (TXLSDPHQWRVFRP 5HFXUVRV GR,*'3%)  2&RQVHOKR0XQLFLSDOGH$VVLVWrQFLD6RFLDOGH'RXUDGLQDQRXVRGDVDWULEXLo}HVTXHOKHFRQIHUHD/HL

(67$'2'20$72*52662'268/

0XQLFLSDO QÂ&#x17E;  GH  GH QRYHPEUR GH  H DOWHUDGD SHOD OHL  GH  GH GH]HPEUR GH







  5(62/9( $UW Â&#x17E;  $SURYDU HP UHXQLmR RUGLQiULD UHDOL]DGD HP  GH IHYHUHLUR GH  D DTXLVLomR GH HTXLSDPHQWRVSHUPDQHQWHFRPUHFXUVRVGR,*'3%)WHQGRHPYLVWDGHPDQGDDSRQWDGDSHOR&HQWURGH 5HIHUrQFLD 6RFLDO H VDEHQGR GD QHFHVVLGDGH GH FRPSOHPHQWDU Do}HV FRP XVXiULRV GR 3URJUDPD %ROVD )DPtOLDR&0$6DSURYDDTXLVLomRGHHTXLSDPHQWRVUHJLVWUDGRHPDWDQÂ&#x17E;   $UWÂ&#x17E;(VWDUHVROXomRHQWUDHPYLJRUQDGDWDGHVXDSXEOLFDomR   





 

'RXUDGLQD06GHIHYHUHLURGH     ,YDQLOGD0DULD6RDUHVGD6LOYD 3UHVLGHQWHGR&0$6

2.26Âą&223(5$7,9$'(75$%$/+26Ă?&,2$0%,(17$/ &13-1Â&#x17E; (',7$/'(&2192&$d­2$66(0%/(,$*(5$/(;75$25',1Ă&#x2C6;5,$







GHVHQYROYLPHQWRGDVDo}HVUHDOL]DGDVSHOR3URJUDPD%ROVD)DPtOLD

AVISO DE RESULTADO â&#x20AC;&#x201C; ADJUDICAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E HOMOLOGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O PROCESSO ADMINISTRATIVO N° 005/2018-PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL N° 003/2018 O MunicĂ­pio de CaarapĂł, Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Pregoeira, torna pĂşblico o RESULTADO do Processo Administrativo N° 005/2018 â&#x20AC;&#x201C; PregĂŁo Presencial N° 003/2018, cujo objeto ĂŠ a Aquisição de GĂŞneros AlimentĂ­cios perecĂ­veis e nĂŁo perecĂ­veis da Alimentação Escolar, para atender as Escolas Municipais e CMEIâ&#x20AC;&#x2122;s da Reserva IndĂ­gena Teâ&#x20AC;&#x2122;yikuĂŞ e Distritos de Nova AmĂŠrica e Cristalina no 1Âş semestre do ano letivo de 2018, conforme Anexo I do edital e solicitação da Secretaria Municipal de Educação e Esportes, que foi ADJUDICADO pela pregoeira Ă s empresas proponentes: a)- MARGE HORTIFRUTI LTDA-ME, CNPJ nÂş 13.721.992/0001-98, para fornecer os itens 03, 05, 11, 23, 26, 29 e 33, descritos no Anexo I do Edital perfazendo um valor total de R$ 45.962,20 (quarenta e cinco mil e novecentos e sessenta e dois reais e vinte centavos); b)-M. A. AMORIM AĂ&#x2021;OUGUE-ME, CNPJ nÂş 15.641.394/0001-34, para fornecer os itens 09 e 10, descritos no Anexo I do Edital perfazendo um valor total de R$ 155.511,50 (cento e cinquenta e cinco mil e quinhentos e onze reais e cinquenta centavos); c)- JOVINA PINHEIRO HAMMUOD-ME, CNPJ n° 01.035.908/0001-01, para fornecer os itens 06; 07; 08; 27 e 28, descritos no Anexo I do Edital perfazendo um valor total de R$ 45.813,85 (quarenta e cinco mil e oitocentos e treze reais e oitenta e cinco centavos); d)- WILSON ARY AMORIM MARQUES - ME, CNPJ NÂş 17.111.951/000130, para fornecer os itens 01, 02, 04, 12, 13, 14, 15, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 24, 25, 30, 31, 32, 35, 36 e 37, descritos no Anexo I do Edital perfazendo um valor total de R$ 107.463,55 (cento e sete mil e quatrocentos e sessenta e trĂŞs reais e cinquenta e cinco centavos) e e)- EDILSON FELIX DA SILVA â&#x20AC;&#x201C; ME, CNPJ nÂş 08.629.870/0001-36, para fornecer os itens: 34, descritos no Anexo I do Edital, perfazendo um valor total de R$62.844,95 (sessenta e dois mil e oitocentos e quarenta e quatro reais e noventa e cinco centavos). Totalizando o valor global de R$ 417.596,05 (quatrocentos e dezessete mil e quinhentos e noventa e seis reais e cinco centavos). Observando que o item 16 foi considerado deserto porque nenhuma das empresas participantes apresentaram propostas para esse item, conforme especificaçþes e preço constantes na Ata de SessĂŁo PĂşblica deste certame CaarapĂł-MS, 06 de fevereiro de 2018 Maria InĂŞs da Silva Pregoeira HOMOLOGO o resultado supra MĂĄrio ValĂŠrio Prefeito Municipal

&Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/

 ([WUDWRGH&RQWUDWR  &RQWUDWDQWH&Ă&#x2020;0$5$081,&,3$/'()Ă&#x2C6;7,0$'268/06 &RQWUDWDGD6,67&216,67(0$'(&217$%,/,'$'(3Ă&#x2019;%/,&$(,5(/,0(  'R 2EMHWR &RQWUDWDomR GH (PSUHVD (VSHFLDOL]DGD HP 3UHVWDomR GH 6HUYLoRV SDUD ,PSODQWDomR H /LEHUDomR GH /LFHQoD GH 8VR GH 6RIWZDUH FRP 3URJUDPDV SDUD :LQGRZVGH&RQWDELOLGDGHH2UoDPHQWR3~EOLFRSDUDDWHQGHUD&kPDUD0XQLFLSDOGH )iWLPDGR6XO06FRQIRUPHHVSHFLILFDo}HVFRQVWDQWHVQRHGLWDO  'D%DVH/HJDO/HLHVXDVDOWHUDo}HVSRVWHULRUHV 3URFHVVR$GPLQLVWUDWLYR1Â&#x17E; &RQYLWH1Â&#x17E; 9DORU7RWDO5 4XDUHQWDH1RYH0LOH4XLQKHQWRV5HDLV  3UD]R GH 9LJrQFLD 2 &RQWUDWR WHUi YLJrQFLD GH  RQ]H  PHVHV GD GDWD GD VXD DVVLQDWXUD  'RWDomR2UoDPHQWiULDÂą  $VVLQDP 3HOD&RQWUDWDQWH(PHUVRQ&OHEHU0HQGHVÂą3UHVLGHQWH 3HOD&RQWUDWDGD/XL]2WiYLRGD0RWD&RXWR5HS



'(&5(72081,&,3$/1Â&#x192;'('()(9(5(,52'(



 &216,'(5$ 32172 )$&8/7$7,92 1$6 5(3$57,dÂŽ(6 3Ă&#x2019;%/,&$6 081,&,3$,6 ( 'Ă&#x2C6; 2875$63529,'Ă&#x2021;1&,$6

  0iULR9DOpULR3UHIHLWR0XQLFLSDOGH&DDUDSy(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XOQRXVR GDVDWULEXLo}HVTXHOKHFRQIHUHRDUWLJRLQFLVR,9GD/HL2UJkQLFDGRPXQLFtSLR

  '(&5(7$   $UW Â&#x192;  )LFD FRQVLGHUDGR SRQWR IDFXOWDWLYR QDV UHSDUWLo}HV S~EOLFDV PXQLFLSDLV QRV GLDV  GH IHYHUHLUR GH  VHJXQGDIHLUD H GLD  Âą TXDUWDIHLUDHPYLUWXGHGDVIHVWLYLGDGHVFDUQDYDOHVFDV Â&#x2020; Â&#x17E;  2 GLVSRVWR QR FDSXW GHVWH DUWLJR QmR VH DSOLFD DRV VHUYLoRV FRQVLGHUDGRVHVVHQFLDLVTXHSRUVXDQDWXUH]DQmRSRGHPVRIUHUSDUDOLVDomR Â&#x2020; Â&#x192;  1R GLD  GH IHYHUHLUR GH  TXDUWDIHLUD R DWHQGLPHQWR QR 3URQWR $WHQGLPHQWR 0pGLFR Âą 3$0 DEULUi QR KRUiULR FRPSUHHQGLGR HQWUH DV K H jVKSDUDRVDWHQGLPHQWRVDPEXODWRULDLVGHXUJrQFLD Â&#x2020; Â&#x192;  3HUPDQHFHUmR DEHUWDV DV 8QLGDGHV GH (VWUDWpJLD GH 6D~GH GD )DPtOLDH8QLGDGHV%iVLFDVGH6D~GHGRV'LVWULWRVQRKRUiULRGHH[SHGLHQWH  $UW Â&#x192;  (VWH 'HFUHWR HQWUDUi HP YLJRU QD GDWD GH VXD SXEOLFDomR RX DIL[DomR  $UWÂ&#x192;5HYRJDPVHDVGLVSRVLo}HVHPFRQWUiULR  3$d2081,&,3$/7$.(,26+,1$.$<$0$HPGHIHYHUHLURGH    0DULR9DOpULR   3UHIHLWR0XQLFLSDO    -RVH&ODXGLR3RoDV&RQHJOLDQD 6HFUHWiULR0XQLFLSDOGH$GPLQLVWUDomRH)LQDQoDV  AVISO DE RESULTADO â&#x20AC;&#x201C; ADJUDICAĂ&#x2021;Ă&#x192;O E HOMOLOGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O PROCESSO ADMINISTRATIVO N° 004/2018 PREGĂ&#x192;O PRESENCIAL N° 002/2018 O MunicĂ­pio de CaarapĂł, Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Pregoeira, torna pĂşblico o RESULTADO do Processo Administrativo N° 004/2018 â&#x20AC;&#x201C; PregĂŁo Presencial N° 002/2018, cujo objeto ĂŠ a Aquisição de GĂŞneros AlimentĂ­cios (perecĂ­veis e nĂŁo perecĂ­veis) da Alimentação Escolar, para atender as Escolas Municipais e CMEIâ&#x20AC;&#x2122;s da Sede do MunicĂ­pio de CaarapĂł/MS no 1Âş semestre do ano letivo de 2018, conforme Anexo I do edital e solicitação da Secretaria Municipal de Educação e Esportes, que foi ADJUDICADO pela pregoeira Ă s empresas proponentes: a)- C.VALE COOPERATIVA AGROINDUSTRIAL, CNPJ nÂş 77.863.223/0127-09, para fornecer os itens 01, 02, 16, 17, 21, 22, 23, 24, 25, 34, 36, 37, 39, 40 e 41, perfazendo um valor total de R$ 105.226,54 (cento e cinco mil duzentos e vinte seis reais e cinquenta e quatro centavos);b)-MARGE HORTIFRUTI LTDA-ME, CNPJ nÂş 13.721.992/0001-98, para fornecer os itens: 03, 05, 14, 28, 30, 33, descritos no Anexo I do Edital, perfazendo um valor total de R$ 75.068,15 (setenta e cinco mil sessenta e oito reais e quinze centavos);c)-M. A. AMORIM AĂ&#x2021;OUGUE-ME, CNPJ nÂş 15.641.394/0001-34, para fornecer o item: 12, descrito no Anexo I do Edital, perfazendo um valor total de R$ 147.717,75 (cento e quarenta e sete mil setecentos e dezessete reais e setenta e cinco centavos); d)-ISMAEL DA SILVA MERCADO â&#x20AC;&#x201C; ME - CNPJ NÂş 22.017.283/0001-17, para fornecer os itens: 13, 31 e 32, descritos no Anexo I do Edital, perfazendo um valor total de R$ 167.413,40 (cento e sessenta e sete mil quatrocentos e treze reais e quarenta centavos); e)- KFLEX COMERCIAL LTDA EPP CNPJ nÂş05.059.476/0001-11, para fornecer os itens 08, 26 e 27, descritos no Anexo I do Edital, perfazendo um valor total de R$ 2.673,00 (dois mil seiscentos e setenta e trĂŞs reais); f)-JOVINA PINHEIRO HAMMUOD-ME, CNPJ n° 01.035.908/0001-01,para fornecer os itens: 07, 09 e 11, descritos no Anexo I do Edital, perfazendo um valor total de R$ 29.522,20 (vinte nove mil quinhentos e vinte dois reais e vinte centavos); g)-WILSON ARY AMORIM MARQUES - ME, CNPJ NÂş 17.111.951/0001-30, para fornecer os itens: 04, 10, 15, 18, 19, 29, 35, 38 e 42 descritos no Anexo I do Edital, perfazendo um valor total de R$ 98.346,05 (noventa e oito mil trezentos e quarenta e seis reais e cinco centavos). Totalizando o valor global de R$ 625.967,09 (seiscentos e vinte cinco mil novecentos e sessenta e sete reais e nove centavos). Observando que os itens 06 e 20 foram considerados desertos porque nenhuma das empresas participantes apresentaram propostas para esses itens, conforme especificaçþes e preço constantes na Ata de SessĂŁo PĂşblica deste certame. CaarapĂł-MS, 06 de fevereiro de 2018. Maria InĂŞs da Silva Pregoeira HOMOLOGO o resultado supra. MĂĄrio ValĂŠrio Prefeito Municipal

 $3UHVLGHQWHHPYDFkQFLDH&RRSHUDGDGD2.26Âą&RRSHUDWLYDGH7UDEDOKR6yFLR$PELHQWDO &13- 1Â&#x17E;  H 1,5( QÂ&#x17E;  QR XVR GH VXDV DWULEXLo}HV TXH OKH FRQIHUH R DUW  GD /HL  FRQYRFD RV FRRSHUDGRV SDUD UHXQLUHPVH HP $VVHPEOpLD *HUDO ([WUDRUGLQiULD D VHU UHDOL]DGD QR GLD GH IHYHUHLUR GH  5XD$ULVWyWHOHVQÂ&#x17E; 9LOD3URJUHVVR&DPSR*UDQGH06jVKRUDVHPSULPHLUDFRQYRFDomRQHFHVVLWDQGRD SUHVHQoDGHGHVHXVDVVRFLDGRVjVKRUDVHPVHJXQGDFRQYRFDomRFRPDSUHVHQoDGH PHWDGHPDLVXPGHVHXVDVVRFLDGRVHjVKRUDVHPWHUFHLUDH~OWLPDFRQYRFDomRFRPD SUHVHQoDGHQRPtQLPR GH] DVVRFLDGRVSDUDGHOLEHUDUHPVREUHDVVHJXLQWHVRUGHQVGRGLD  9 'LVVROXomRHH[WLQomRGDFRRSHUDWLYDSHODSDUDOLVDomRGHVXDVDWLYLGDGHVSRUPDLVGH  FHQWRHYLQWH GLDVFRQIRUPHR$UWÂłG´GR(VWDWXWR 9 $VVXQWRV*HUDLV   &DPSR*UDQGH06GHIHYHUHLURGH    .HOHQ5LEHLUR 3UHVLGHQWHHPYDFkQFLDH&RRSHUDGDGD 2.26Âą&RRSHUDWLYDGH7UDEDOKR6yFLR$PELHQWDO 

 (GLWDOGH3URFODPDV 

/8,6$/%(572'(*$1,'(2/,9(,5$ 2),&,$/'25(*,6752&,9,/  

)$d26$%(5TXHKDELOLWDUDPSDUDILPGHFDVDPHQWR 

  RV FRQWUDHQWHV :,//,$1 '26 6$1726 )/25(6 H &5,67,$1( )(55(,5$5,%(,522SUHWHQGHQWHQDVFHXHP'RXUDGRV(VWDGRGH0DWR*URVVRGR 6XODRVYLQWHHRLWR  GHMDQHLUR  GHXPPLOHQRYHFHQWRVHRLWHQWDHVHLV   VHUYLGRU S~EOLFR IHGHUDO VROWHLUR ILOKR GH -HIHUVRQ $QWRQLR )ORUHV H 0DUWD GRV 6DQWRV )ORUHVGRPLFLOLDGRHUHVLGHQWHj5XD$QWRQLRGH&DUYDOKRQÂ&#x17E;&RKDIDED,,,3ODQR 'RXUDGRV06$SUHWHQGHQWHQDVFHXHP'RXUDGRV(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODRV YLQWH H RLWR   GH GH]HPEUR   GH XP PLO H QRYHFHQWRV H QRYHQWD   PpGLFD VROWHLUD ILOKD GH -RVp (OLDV )HUQDQGHV 5LEHLUR H  =XOHLGH GR &DUPR )HUUHLUD 5LEHLUR GRPLFLOLDGDHUHVLGHQWHj5XD<RNRKDPDQÂ&#x17E;&HQWUR1DYLUDL06   RVFRQWUDHQWHV$7$+8$/3$*289(,$$57(0$1H$1'5(,1$'(0(/2 /289(,5$2SUHWHQGHQWHQDVFHXHP*XDLUD(VWDGRGH3DUDQiDRVYLQWHHWUrV  GH VHWHPEUR  GHXPPLOHQRYHFHQWRVHRLWHQWDHXP  DGYRJDGRVROWHLURILOKRGH &DUORV&DPDUJR$UWHPDQH6LOYDQDGH)DWLPD*RXYHLD$UWHPDQGRPLFLOLDGRHUHVLGHQWH j5XD7RVKLQREX.DWD\DPDQÂ&#x17E;9LOD3ODQDOWR'RXUDGRV06$SUHWHQGHQWHQDVFHX HP'RXUDGRV(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODRVRQ]H  GHVHWHPEUR  GHXPPLOH QRYHFHQWRV H QRYHQWD   SHGDJRJD VROWHLUD ILOKD GH -RHO /RXYHLUD 6RXWR H 0DUOL *DPDUUD GH 0HOR /RXYHLUD GRPLFLOLDGD H UHVLGHQWH j 5XD -DQXDULR GH $UDXMR QÂ&#x17E;  -DUGLP0iUFLD'RXUDGRV06    RV FRQWUDHQWHV 3$8/2 '( $*8,$5 )(51$1'(6 H 0$5,$ $3$5(&,'$ 5,%(,52 48(,52= 2 SUHWHQGHQWH QDVFHX HP &KDSDGmR GR 6XO (VWDGR GH 0DWR *URVVRGR6XODRVTXDWRU]H  GHMXQKR  GHXPPLOHQRYHFHQWRVHRLWHQWDHVHWH   RSHUDGRU GH PiTXLQDV DJUtFRODV  VROWHLUR ILOKR GH -RmR $PDULOGR 9LDQD )HUQDQGHVH0DUOLHWH3HUHLUDGH$JXLDU)HUQDQGHVGRPLFLOLDGRHUHVLGHQWHj5XD5DQJHO 7RUUHV QÂ&#x17E;  -DUGLP *XDQDEDUD 'RXUDGRV06 $ SUHWHQGHQWH QDVFHX HP ,JXDWHPL (VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODRVGR]H  GHMDQHLUR  GHXPPLOHQRYHFHQWRVH RLWHQWDHVHWH  HPSUHJDGDGRPpVWLFDVROWHLUDILOKDGH$URLO'XWUD4XHLUR]H5RVD 5LEHLUR 4XHLUR] GRPLFLOLDGD H UHVLGHQWH j 5XD 5DQJHO 7RUUHV QÂ&#x17E;  -DUGLP *XDQDEDUD'RXUDGRV06    RV FRQWUDHQWHV 1,/&(8 9$5*$6 H %($75,= 9,(,5$ '( 628=$ 2 SUHWHQGHQWHQDVFHXHP'RXUDGRV(VWDGRGH0DWR*URVVRGR6XODRVFLQFR  GHPDLR   GH XP PLO H QRYHFHQWRV H VHWHQWD H GRLV   PRWRULVWD VROWHLUR ILOKR GH 1LOR 9DUJDVH=HQDLGH&RUUHDGD6LOYDGRPLFLOLDGRHUHVLGHQWHj$OGHLD,QGtJHQD-DJXDSLUX QÂ&#x17E;=RQD5XUDO'RXUDGRV06$SUHWHQGHQWHQDVFHXHP'RXUDGRV(VWDGRGH0DWR *URVVRGR6XODRVTXDWRU]H  GHMXQKR  GHXPPLOHQRYHFHQWRVHQRYHQWDHFLQFR  OLGHVGRODUHWQLDJXDUDQLVROWHLUDILOKDGH-RVp&DUORV9LHLUD%UDJDH5RVLQHLGH GH 6RX]D GRPLFLOLDGD H UHVLGHQWH j  $OGHLD ,QGtJHQD -DJXDSLUX QÂ&#x17E;  =RQD 5XUDO 'RXUDGRV06   'RXUDGRV06GHIHYHUHLURGH   'DQXWWD)HUUHLUD$OYHV0LUDQGD 6XEVWLWXWD


4

O PROGRESSO

Dourados, quarta-feira 7.2.2018

CLASSIFICADOS

Edição de 07/fevereiro de 2018  
Edição de 07/fevereiro de 2018  
Advertisement