Issuu on Google+

Ano 62 Nº 11.566

FUNDADOR: WEIMAR TORRES

DIRETORA-PRESIDENTE: ADILES DO AMARAL TORRES

Dourados-MS | SEGUNDA-FEIRA | 6 de agosto de 2012 Leonel Jonas

Volume de lixo reciclável é tão grande que os estudantes ajudam a levar o material coletado até o depósito para distribuição

R$ 2,00

Escolas rurais incentivam reciclagem As escolas municipais Coronel Firmino Vieira de Matos, na Vila Macaúba, e Fazenda Miya, a oito quilômetros da vila, ambas na zona rural de Dourados, realizam o projeto “Construindo um Ambiente Saudável e Sustentável”. O projeto, desenvolvido pelos professores e estudantes, tem como objetivo passar para as crianças a ideia de preservar e proteger o meio ambiente, visando a uma melhor qualidade de vida para hoje e futuras gerações. Toda quarta-feira os alunos levam para a sala de aula materiais recicláveis. Uma professora passa na porta com um carrinho de mão recolhendo o que foi levado pelos estudantes. dia a dia 4

MP flagra monopólio dos consignados Servidores ainda não conseguem empréstimos em outros bancos mesmo depois de extinta exclusividade do BB Leonel Jonas

Mesmo com repasse, crise no HU continua O governo federal se comprometeu em repassar para a Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) R$ 3 milhões, em caráter emergencial, para ajudar a quitar uma dívida acumulada de R$ 4,5 milhões. Apesar desses recursos que serão repassados emergencialmente, a reitoria admite que a crise vai continuar, já que o HU mantém um déficit mensal de R$ 700 mil. dia a dia 3

Fonte: INMET - INSTITUTO NACIONAL DE METEOROLOGIA

Tempo parcialmente nublado com período de nublado, névoa úmida e/ou nevoeiro ao amanhecer no Sul; demais regiões, parcialmente nublado a claro. Ventos: fracos/moderados c/rajadas. Direção do vento: SE-NE. Tendência da temperatura: estável. Temperatura: máxima de 33ºC e mínima de 13ºC. Em Dourados, névoa úmida e/ou nevoeiro. Temperatura: máxima de 28ºC e mínima de 13ºC.

Exército na fronteira .........Página 2

Cavaletes e car tazes ocupam os canteiros centrais das principais ruas e avenidas de Dourados Hédio Fazan

indicadores ........................Página 5

MEGA-SENA - Concurso 1412 06 - 08 - 24 - 37 - 41 - 45 QUINA - Concurso 2961 23 - 28 - 33 - 51 - 79 LOTOMANIA - Concurso 1268 02 - 15 - 18 - 19 - 28 - 29 - 30 - 35 - 45 - 58 - 60 - 61 - 63 - 66 - 76 - 77 - 82 - 90 - 94 - 96 TIMEMANIA - Concurso 338 04 - 18 - 48 - 54 - 66 - 68 - 79 Time do Coração: Bahia/BA LOTERIA FEDERAL - Extração 04681 1º prêmio: 50.567 (R$ 600 mil) 2º prêmio: 24.587 (R$ 12 mil) 3º prêmio: 14.856 (R$ 9 mil) 4º prêmio: 15.546 (R$ 7,3 mil) 5º prêmio: 13.965 (R$ 6 mil)

Caderno A Opinião ..................2 Política ............ 3 e 4 Economia.............. 5 Meio Ambiente...... 6 Brasil..................... 7 Arquitetura ............ 8 Dia a Dia ....... ..1 a 4

Esportes (incluindo Polícia) ............ 1 a 4 Cidades .......... 1 a 4 Classificados .... 1 a 8 Caderno B Cultura .................. 1 Variedades...... 2 e 3 Adiles .................... 4

Prefeita Ilda Salgado Machado cumpre o segundo mandato em Fátima do Sul

dia a dia 1

Sem som, candidatos apelam aos cavaletes O canteiro central das principais ruas e avenidas de Dourados se tornou ‘palanque’ de muitos candidatos a prefeito e a vereador nestas eleições. A Justiça Eleitoral proibiu a propaganda com carros de som no quadrilátero central e os candidatos utilizam nos cavaletes, cartazes e bandeirolas para chamar a atenção dos eleitores. As avenidas Marcelino Pires e Weimar Gonçalves Torres, como também a rua Joaquim Teixeira Alves, estão tomadas pela propaganda visual. Os carros de som só podem circular nessas três vias depois que ultrapassam a Coronel Ponciano e Melvin Jones. Além da proibição de carros de som, a justiça vetou as carreatas nesse quadrilátero. Página 3

‘Para mudar uma cidade basta querer’ A prefeita de Fátima do Sul, Ilda Salgado Machado, Dona Ilda, como é popularmente conhecida, cumpre o segundo mandato frente à prefeitura do município e contabiliza inúmeras conquistas em todas as áreas. Ilda lembra que recebeu a prefeitura sucateada e, empregando seu ritmo de trabalho sempre pautado pelo otimismo e a fé em Deus, mudou o cenário. “Para transformar uma cidade basta querer, ter vontade e contar com Deus”. Dentre as principais conquistas,

Dona Ilda aponta o equilíbrio financeiro de Fátima do Sul, os quase 100% de pavimentação asfáltica, o sucesso do carnaval de Fátima, o parque aquático que será inaugurado no dia 17 deste mês, a conquista do aeroporto e as obras de modernização do Estádio 21 de Abril previstas para ser entregues ainda este ano. Dona Ilda também fala de seus 47 anos de casamento com o deputado estadual Londres Machado, com quem tem dois filhos. dia a dia 2


2

Opinião Opinião Opinião Opinião

Opinião

P1

Opinião Opinião Opinião Opinião

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Diretora-Presidente..............ADILES DO AMARAL TORRES Diretora-Superintendente.......................BLANCHE TORRES Diretora Executiva..........................JUNE ANGELA TORRES Editor-chefe ...............................................VANDER VERÃO Fundador (1951-1969)..............................WEIMAR TORRES Ex-Diretor (1969-1985)................VLADEMIRO DO AMARAL

EDITORIal

Exército na Fronteira O resultado da operação realizada no final de julho na região de fronteira, coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira (GGI-F) e com participação do Exército Brasileiro, agentes da Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar (PM), Polícia Civil, Força Nacional de Segurança e do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), além de integrantes da Receita Federal, Secretaria Estadual de Fazenda, fiscais da Agência Estadual de Defesa Sanitária, Animal e Vegetal (Iagro), revela o quanto a segurança pública está fragilizada. Ademais, o volume de armas, drogas e contrabando apreendidos, ainda que tenha sido pífio diante da elevada quantidade de produtos ilícitos que circulam na fronteira, reforça a necessidade da presença de forças permanentes na região ao invés de operações esporádicas. O Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira já deve ter noção exata dessa necessidade, mas, diante da escassez de recursos para a segurança pública, deve estar encontrando dificuldade para desenvolver ações mais contundentes. Diante deste quadro, resta à sociedade esperar pela tramitação no Congresso Nacional uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que pode ser a salvação em relação à guerra que está sendo travada, e perdida, para o narcotráfico, o crime organizado e o contrabando de armas. Se a emenda for aprovada, as Forças Armadas Brasileiras passarão a ter poder de polícia nas regiões de fronteira. Em Mato Grosso do Sul, por exemplo, o Exército vai poder policiar toda faixa de fronteira com o Paraguai e Bolívia, fator que deverá significar um duro golpe contra o crime organizado. A proposta tem o apoio do Ministério da Defesa e, se aprovada, deve acabar com a triste rotina que transformou Estados como o MS em corredores para o tráfico de drogas, contrabando de armas e descaminhos de produtos. Oxalá, esse projeto possa ser aprovado pelos parlamentares com a urgência que o assunto exige. Porém, é preciso deixar claro que mesmo a atuação ostensiva das Forças Armadas na faixa de fronteira será ineficaz

contra o crime organizado se não houver treinamento específico dos militares que estarão à frente dessas missões. Os brasileiros assistem pelos noticiários de TV as ações de bandidos em grandes centros urbanos e, na maior parte das vezes, essas quadrilhas estão melhor armadas que a própria polícia. É uma guerra pelo controle do tráfico de drogas que, a exemplo das armas, entram no Brasil através de fronteiras secas como a existente em Mato Grosso do Sul. Colocar o Exército nas ruas nessas regiões de fronteira pode significar uma redução gigante da violência nas metrópoles como Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. Não que as Forças Armadas sejam o suprassumo da segurança, mas não existe traficante neste mundo que não pense duas vezes antes de bater de frente com um pelotão do Exército, com uma fragata da Marinha ou com uma aeronave da FAB. O respeito que as Forças Armadas impõem pelo alto poder de fogo e, principalmente, pelo mínimo percentual de corrupção, intimida o crime organizado e pode acabar com a barganha onde o Paraguai recebe o carro roubado no Brasil como pagamento por armamento e drogas. A possibilidade dos militares deixarem as casernas para combater o crime nas regiões de fronteira é assegurada pela PEC, que não deixa dúvidas ao definir que caberá ao Exército como atribuições subsidiárias particulares, atuar, por meio de ações preventivas e repressivas, na faixa de fronteira terrestre, isoladamente ou em coordenação com outros órgãos do Poder Executivo, executando, entre outras, as ações de patrulhamento; revista de pessoas, de veículos terrestres, de embarcações e de aeronaves e prisões em flagrante delito. Isso significa que, caso essa proposta seja aprovada, o Exército terá o papel de polícia em cidades como Porto Murtinho, Ponta Porã, Aral Moreira, Bela Vista, Antônio João, Amambai, Coronel Sapucaia, Caarapó, Eldorado, Mundo Novo, Caracol, Jardim, Sete Quedas, Paranhos, Japorã, Miranda e Corumbá, ou seja, dentro de uma faixa de 100 quilômetros da fronteira, a Força Verde-Oliva terá liberdade para atuar e fazer valer a lei que o narcotráfico insiste em ignorar ou ignora por incentivo da impunidade.

Tem aqueles que resbalam e os que tocam no Senhor Benê Cantelli* Encontramos “coisas” realmente inacreditáveis na Palavra do Senhor. Para saber e reconhecer é questão de manusear a Bíblia, lendo, meditando ou ouvindo uma boa pregação. Aliás, o mais interessante de tudo é que determinadas passagens bíblicas, depois de lidas uma dezena ou centena de vezes, nos tocam como se pela primeira vez houvesse sido lida, ou melhor, nos despertam entendimento que jamais percebemos nas anteriores leituras. É, realmente, incrível! Participando de uma pregação na segunda-feira p.p., fui tomado de tamanha surpresa quando o pregador, Mauro Cruz, carismático, com uma didática movida por um dom abençoado de comunicar a Palavra e trazer para nosso quotidiano verdades que nos escapam em leitura simples, fez uma ilação entre a atitude de uma senhora que sofria por doze anos de hemorragia, com as atitudes do nosso dia a dia, diante do Senhor. Essa descrição está presente no Evangelho de Mateus, capitulo 9, em Marcos 5 e, também, no de Lucas, capítulo 8. Para os judeus o fluxo sanguíneo, natural, como resultado da menstruação, fazia da mulher um ser impuro, durante os dias

em que sucedia o fluxo. Imagine, então, o sentido de impureza e drástica rejeição a que incorria uma mulher com este fluxo constante e, por doze anos! Não seria exagero dizer que tal impureza que levava à rejeição popular, assemelhava-se aos que eram vitimados pela lepra. É de se pensar, então, a coragem dessa mulher mencionada nos três textos, ao embrenhar-se no meio da multidão e, numa atitude inusitada, querer tocar as vestes de Jesus, sabendo, por sua fé, que ela seria curada, tão somente ao fazer isso. ousadia ou decidida coragem?! o fato é que a atitude daquela mulher gerou uma pergunta de Jesus: “Quem tocou em minhas vestes”? E, disseram-lhe os seus discípulos: “Vês que a multidão te aperta, e dizes: Quem me tocou”? A insinuação de Jesus, sobre quem o havia tocado, apesar de estar em meio a uma multidão em que se apertavam uns contra os outros para estarem mais próximos dele, e, evidentemente, resbalando-se nele o tempo todo, é para demonstrar que para ele, era muito diferente o simples resbalar de alguns com a atitude de alguém que o havia tocado. A narração bíblica continua: “Então a mulher, que sabia o que lhe tinha acontecido, temendo e tremendo, aproximou-se, e prostrou-se diante dele, e disse-lhe toda a verdade”. Ao que Jesus respondeu: “Filha, a tua fé te salvou; vai em paz, e sê curada

deste teu mal”. A forma carinhosa de Jesus tratar aquela mulher tão impiedosamente desprezada por todos, chamando-a de FILHA, nos mostra o desvelo, a atenção extremada com que o Mestre tratava os menos favorecidos pela sorte. É seu este chamado: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei”. Sem dúvida, Jesus era manso e humilde de coração. Com essa leitura fiquei pensando em quantas vezes, eu resbalei em Jesus sem tocá-lo. Quantas vezes cheguei próximo dele, mas por estar no meio de muita gente, fiquei envergonhado e não o toquei. Não só isso, mas, quantas vezes diante do meu próximo, e, próximo não é apenas aquele que é meu parente, amigo ou companheiro, mas, também aquele que não conheço e, até, aquele do qual recebi decepção, traição, ofensas, dissabores. Sim, a esses, também, próximos, às vezes, não resbalei e, muito menos, os toquei. Nesses casos, por omissão, posso ter resvalado em minha fé. Pérolas bíblicas que, ao não darmos o real valor a cada uma de suas palavras, deixamos escapar o mais profundo sentido que elas encerram. Bom dia! Melhor semana a todos, sem resbalar e nem resvalar, mas tocando naqueles que nos são próximos. *Professor e Campista.

Mercosul, agora ainda mais desacreditado

Waldir Guerra* Não adianta, até tentei deixar isso pra lá e esquecer o assunto, mas não deu. Continuo inconformado com o que acho uma tremenda desconsideração feita ao Paraguai pelos outros três países membros do Mercosul. A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, até dá para justificar sua atitude toda apressada em querer punir aqueles que cassaram o ex-presidente paraguaio, Fernando Lugo, porque seu prestígio popular em seu país anda caindo pelas tabelas. E vai que a moda pega e os argentinos resolvem fazer o mesmo com ela. Mas não consigo me conformar com a postura da presidente do Brasil, Dilma Rousseff. Aqui ela está com aprovação plena do povo brasileiro, ao contrário da presidente Cristina. E além do mais, muitos brasileiros – onde me incluo – gostariam de ter visto outra atitude dela, a de contrariar energicamente a orientação dos encarregados de orientá-la nessa questão. Tudo bem e aceitável quanto à entrada da Venezuela no Mercosul. Ela é tão bem-vinda como a linda moça que ao noivo se une para seu casamento. Motivo de maior proximidade e de muitas alegrias futuras, sem dúvida. Até seu bo-

livariano presidente entra neste caso representando o temporário e rabugento sogro desse casamento. Com a Venezuela não temos afinidades e, apesar de termos uma extensa fronteira entre nós, ainda continuamos afastados por aquela imensa selva amazônica. Poucos intercâmbios comerciais e sociais. Contudo, sua entrada é muito auspiciosa. Com o Paraguai, não. E não adianta esconder a verdade: Brasil e Paraguai estão praticamente integrados. Pelo menos é a maneira que nos sentimos, nós os fronteiriços; tanto brasileiros como os paraguaios. o convívio constante ao longo desses anos todos com a gente paraguaia certamente é o verdadeiro motivo que me deixa frustrado – para não dizer revoltado – com a atitude do governo brasileiro. Talvez esteja exagerando, mas é como me sinto agora e sei que muitos brasileiros também se sentem assim. Essa história de condenar o Paraguai a uma suspensão temporária, mas sem sansões ao livre comércio entre os dois países não me convenceu. Primeiro, porque o Brasil já fez o que o Paraguai acaba de fazer; também cassou um dos seus presidentes, Fernando Collor. Segundo, a maneira como foi feita a cassação, se certa ou errada, é problema deles e não nosso. Terceiro, nosso envolvimento com o Paraguai é coisa assim como de irmão maior com irmão menor. Existe uma verdadeira fraternidade

no relacionamento entre brasileiros e paraguaios. Até porque metade da população paraguaia tem descendência dos índios Guarani e aqui no Brasil também são muitos os descendentes dos Guarani. o governo brasileiro deveria ter levado em consideração a questão dos 500 mil brasileiros que vivem, trabalham e hoje estão completamente integrados com o país vizinho. E para melhor demonstrar essa integração até nova denominação esse povo tem: brasiguaios. Essa gente toda está muito apreensiva. E se o governo brasileiro tivesse consultado, via pesquisa, saberia que os brasiguaios queriam a saída de Lugo e agora eles apóiam o novo presidente, Federico Franco. Dito isso tudo ainda é necessário acrescentar que o Mercosul não tem evoluído nestes últimos anos. os próprios membros não vêm cumprindo várias determinações a que se comprometeram pelos seus estatutos. Muitos acordos estavam sendo solicitados por outros países e comunidades. Agora, depois dessa atitude tomada por Brasil, Argentina e Uruguai contra o Paraguai, o mínimo que se pode esperar é um retrocesso ainda maior nas relações com o resto do mundo. Não há como negar que o Mercosul, agora ficou mais desacreditado. *Membro da Academia Douradense de Letras; foi vereador, secretário do Estado e deputado federal.

liberdade de Expressão Marçal Filho* Em 1989, quando o Brasil ainda engatinhava como uma Nação democrática, a Escola de Samba Imperatriz Leopodinense invadiu a Marquês de Sapucaí com o samba enredo “Liberdade, Liberdade! Abra as asas sobre nós”, mensagem que foi rapidamente assimilada pelo público e que transformou aquele samba em grito de guerra contra todo tipo de censura. Composto por Niltinho Tristeza, Preto Jóia, Vicentinho e Jurandir, o samba enredo da Imperatriz trazia o refrão “Liberdade, liberdade! Abra as asas sobre nós, e que a voz da igualdade seja sempre a nossa voz”, num evidente e claro recado aqueles que durante anos impuseram a censura durante o governo militar. A sensação é que a partir daquela data nunca mais haveria censura. Puro engano! A letra de “Liberdade, Liberdade! Abra as asas sobre nós” foi inspirada naquele que teria sido escolhido para ser o Hino Nacional Brasileiro, ainda no governo provisório de Marechal Deodoro da Fonseca, mas que acabou virando Hino da Proclamação da República. Com letra de José Joaquim de Campos da Costa de Medeiros e Albuquerque e música de Leopoldo Miguez, o Hino da Proclamação da República trazia o refrão “Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós! Das lutas na tempestade, dá que ouçamos tua voz!”, ficando também patente a preocupação com a liberdade de expressão no

final do século 19, ou seja, há mais de 120 anos. Hoje, em pleno século 21, com a democracia consolidada, pelo menos em tese, a liberdade de expressão parece não agradar a todos, tanto que não são poucos os que tentam calar veículos de comunicação de massa pelo simples fato de não concordar com as críticas que recebe, sobretudo da população mais carente. Essas pessoas parecem ignorar que a liberdade de expressão é o direito de manifestar livremente opiniões, ideias e pensamentos e, mais importante, é o alicerce da democracia, a forma de governo onde a censura não tem o menor respaldo moral. Penso que todos nascem livre e assim devem continuar, mas a simples liberdade do ser humano não configura garantia que a voz dele será ouvida. Nesse contexto, os veículos de comunicação de massa acabam se constituindo numa indispensável ferramenta para efetivação da liberdade de expressão, dando eco à voz do cidadão que precisa protestar contra as mazelas do poder público municipal, estadual ou federal. Quem tenta impedir a manifestação do povo não deve comungar dos ideários libertários e não tem qualquer apreço à democracia, portanto, deve buscar abrigos em estados de exceção como o Irã. Se quiser algo mais próximo, pode migrar para a Venezuela de Hugo Chávez, onde os veículos de comunicação são proibidos de fazer qualquer crítica ao poder. As pessoas que se levantam contra a liberdade de expressão e, sobretudo, contra os veículos que dão à população o direito dela se manifestar, devem desconhecer, por exemplo, que essa condição é

assegurada no Brasil desde a Constituição do Império, onde havia a garantia da liberdade de expressão, direito esse que ficou preservado até a Constituição de 1937, quando o Brasil entrou no período conhecido como Estado Novo, comandado por Getúlio Vargas, e o princípio constitucional da liberdade de pensamento praticamente desapareceu. Aqueles que hoje tentam calar o povo não aceitam a liberdade de expressão sob nenhum aspecto. Essas pessoas deveriam saber que com a redemocratização, a Constituição Federal de 1946 resgatou o direito de manifestação do pensamento, condição que não deixou de existir nem com a promulgação da Constituição Federal de 1967, ainda que essa liberdade pudesse ser exercida até o limite permitido pelo governo militar. Contudo, a Constituição Federal de 1988 deu poder à liberdade de expressão, com essa condição passando a figurar, inclusive, no rol de direitos e garantias individuais. Quem tiver alguma dúvida disso só precisa ler os incisos do Art. 5º da Constituição Federal, onde está claro: é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato; é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença; bem como o Art. 220º: a manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição; é vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística. *É deputado federal pelo PMDB e está no quarto mandato.

EXPEDIENTE O PROGRESSO: O MAIS ANTIGO DO ESTADO E DE MAIOR CIRCULAÇÃO EM TODO O INTERIOR

Este jornal expressa sua opinião pelo Editorial. As demais opiniões são de responsabilidade de seus autores. EDIToRA JoRNAL o PRoGRESSo LTDA CGC 03.356.425/0001-26 Departamento Comercial, Administração, Redação e Parque Gráfico: Av. Presidente Vargas, 447 CEP 79804-030 Dourados-MS. Telefones Redação: (0xx) 67-3416-2600 Depto. Comercial: (0xx) 67-3416-2600 Depto. Assinaturas (Dourados): (0xx) 67-3416-2666 - 3416-2667 3416-2668 - 3416-2669 - 3416-2670 Fax: (0xx) 67-3421-1911 HoME PAGE: http://www.progresso.com.br E-MAIL: progresso@progresso.com.br Representantes: São Paulo: Contato - Rua Joinville, 654 - Fone (0xx) 11-5572-7577 -Fax 5579-6861; Rio de Janeiro: JC Representações - Av. Almirante Barroso, 97 - Fone (0xx) 21-3262-7469. Em Campo Grande: Departamento Comercial (Lania Torres) e Redação: Rua Padre João Crippa, nº 996 sala 3 - Telefones (0xx) 67-3325-5343 - Fax 3325-1448

"o PRoGRESSo" Registrado no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) sob o nº 812285964

ASSINATURAS DoURADoS, INTERIoR E CAMPo GRANDE Anual ------------------------------------------ R$ Semestral ------------------------------------- R$ Trimestral ------------------------------------ R$ Bimestral ------------------------------------- R$ Mensal ---------------------------------------- R$

240,00 150,00 100,00 70,00 45,00

VENDA AVULSA Dourados, Interior e Campo Grande

- R$ 2,00

Do ano Do ano anterior

NúMERoS ATRASADoS

- R$ 2,00 - R$ 3,00

Este jornal é filiado à:

ABRAJORI - ADJORI - ACOSMS - FEBRACOS


P1

Política Política Política Política

Política

Política Política Política Política

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

3

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Estratégia

Consignados Fajutos Aquele esquema de corrupção disfarçado de empréstimos consignados que a Câmara Municipal de Dourados, na gestão anterior, criou e que foi denunciado em primeira mão pela coluna, ultrassou fronteiras e chegou ao Poder Legislativo de Deodápolis, cidade que fica entre Glória de Dourados e Ivinhema. Membros do Ministério Público Estadual (MPE) estão analisando documentos apreendidos na sexta-feira, através da Operação Curupira, realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco). Caso o modus operandi na Câmara de Deodápolis seja o mesmo utilizado anteriormente pela Câmara de Dourados, o esquema funciona da seguinte forma: vereadores ligados à Mesa Diretora nomeiam laranjas para cargos com salários razoáveis e obrigam esses laranjas a fazer empréstimos bancários com desconto em folha de pagamento, mas o dinheiro acaba embolsado pelo vereador.

Laranjal

Como o laranja não trabalha efetivamente, o dinheiro público acaba usado para pagar as parcelas do empréstimo, ou seja, a grana já sai lavada do banco direto para o bolso do vereador. Em tempos de campanha eleitoral, esse esquema funciona como uma mão na roda para os corruptos que acabam fazendo caixa e deixando a conta para o contribuinte pagar.

Laranjal 2

Como escândalo pouco é bobagem, o Gaeco também investiga um esquema de pagamento ilegam de diárias para vereadores de Glória de Dourados. Já está nas mãos do promotor de Justiça, Alex Vera, os documentos apontando que os nobres representantes do povo recebiam diárias de viagens que não teriam sido feitas.

Laranjal 3

A dúvida do Ministério Público Estadual é se os esquemas, que aparentemente era comandado pelo mesmo grupo, funcionava tanto na Câmara Municipal de Glória quanto na de Deodápolis. Mais: o promotor quer saber se em Glória de Dourados também estava em curso a engenharia dos empréstimos consignados em nome de funcionários laranjas da Câmara Municipal. Vai vendo...

Laranjal 4

Os trabalhos do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado estão sendo conduzidos pelo promotor Alex Vera, em ação conjunta com dos promotores regionais Cláudia Loureiro Almirão e Amilcar Araújo Carneiro Júnior, os mesmos que ajudaram a desbancar o esquema de corrupção que vigorava na Câmara Municipal de Dourados.

Campanha

O Partido Social Democrata Cristão (PSDC), o Partido Progressista (PP) e o Partido da Mobilização Nacional (PMN) recebem correligionários e amigos no dia 16 de agosto, a partir das 19h, na casa de shows Palo Santo, localizada no início da Marcelino Pires, próximo ao Ceper Antenor Martins, para

Sem som, candidatos apelam à campanha visual Com proibição de carros de som, políticos investem nos cavaletes para chamar atenção dos eleitores Leonel Jonas

Willams Araújo

Reza brava

lançamento oficial da candidatura a prefeito do médico Delane da Silva Borges, que tem como vice o empresário Ricardo Demamann.

Campanha 2

Apesar de terem nome de dupla sertaneja, Delano e Demamann prometem que não terá nenhuma cantoria no lançamento da corrida pela prefeitura e garantem que vão apresentar à sociedade uma campanha propositiva para o município de Dourados, apontando soluções para antigos problemas da cidade.

Campanha 3

Casado e pai de cinco filhos, o médico Delane da Silva Borges foi diretor clinico do Hospital Evangelico e do Hospital da Vida. É membro do Conselho Administrativo do Banco Uniprime de Dourados e do Conselho de Ética dos médicos do INSS, onde também é servidor concursado. Delane garante que está pronto para o desafio de administrar a segunda maior cidade de MS.

Candidaturas

Com o anúncio do lançamento oficial da candidatura de Delane da Silva Borges é bem possível que os demais candidatos a prefeito também defina uma data para o pontapé inicial da campanha. O prefeito Murilo Zauith (PSB), que vai para a reeleição com o contabilista Odilon Azambuja (PMDB) como vice, também deve fazer uma grande festa de lançamento.

Candidaturas 2

O mesmo caminho deve seguir a radialista Keliana Fernandes (PSC), que vai para a disputa com o pastor evangélico Orlando Ortega Sanches (PTC) como candidato a vice. A coordenação de campanha da radialista já projeta uma grande festa para marcar o início oficial da corrida pela Prefeitura de Dourados.

Impunidade

Hoje completa 176 dias da execução covarde do jornalista Paulo Roberto Cardoso Rodrigues, o Paulo Rocaro, em Ponta Porã, e as autoridades de segurança pública ainda não deram qualquer resposta à sociedade.

Ardidas O leitor Eloi Adroaldo Kuhn enviou e-mail onde destaca a seguinte frase de Rui Barbosa, o Apóstolo de todas as liberdades: “a Pátria não é de ninguém. São todos. Não é uma seita, nem um monopólio e nem uma forma de governo. É o céu, o solo, o povo, as tradições, a consciência, o lar, oberço dos filhos e o túmulo dos antepassados. A comunhão da Lei e da Liberdade”. Segue Eloi Adroaldo: o que diria Rui Barbosa do Brasil, se estivesse vivo hoje? O Congresso Nacional, certamente, já iria chamá-lo de agitador, e meteria um monte de CPIs em cima dele. “Onde já se viu? Pátria e liberdade são coisas ultrapassadas”, diriam os políticos. “São coisas do primeiro mundo atrasado”, concluiriam. Depois de implantar o projeto piloto de urnas biométricas em Fátima do Sul, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) começa a levar a iniciativa para outras cidades do Estado. No dia 11 de agosto, das 8h às 17h, eleitores da Escola Municipal Alcindo Vicente Ferreira, no município de Ribas do Rio Pardo, terão a oportunidade de participar de uma simulação com a utilização das urnas biométricas. O TRE quer verificar o perfeito funcionamento do inovador sistema biométrico, por meio de uma série de testes com a tecnologia que será utilizada nas eleições municipais deste ano. Por se tratar de um teste, não serão utilizados dados oficiais de candidatos, partidos ou coligações.

Conjuntura

Cavaletes e cartazes invadiram os canteiros centrais de várias ruas em Dourados Leonel Jonas

D

OURADOS – O canteiro central das principais ruas e avenidas de Dourados se tornou ‘palanque’ de muitos candidatos a prefeito e a vereador nestas eleições. A Justiça Eleitoral proibiu a propaganda com carros de som no quadrilátero central e os candidatos utilizam nos cavaletes, cartazes e bandeirolas para chamar a atenção dos eleitores. As avenidas Marcelino Pires e Weimar Gonçalves Torres, como também a rua Joaquim Teixeira Alves, estão tomadas pela propaganda visual. Os carros de som só podem circular nessas três vias depois que ultrapassam a Coronel Ponciano e Melvin Jones. Além da proibição de carros de som, a justiça vetou as carreatas nesse quadrilátero. Outras ruas com alto fluxo de carros e pessoas, como a Cuiabá e Hayel Bon Faker, também sofrem com a poluição visual que só tende a crescer até o final da corrida eleitoral. Para o empresário Fábio Luiz Siqueira, dono de uma sorveteria na principal avenida de Dourados, as pessoas chegam bem cedo para colocar os cavaletes e cartazes que são retirados só quando anoitece. “Esses dias, tinha cinco candidatos diferentes bem próximos um do outro, muitos parecem marcar território”, brincou com a situação. Para o empresário, isso não influencia na escolha do candidato. “Até outubro eu vou ficar vendo os mesmos candidatos em frente a sorveteria, mas isso não vai fazer com que eu vote nele”, disse. “Até estou ficando enjoado de ver a cara deles todos os dias”, concluiu Fábio. Diniz Alcântara também possui um comércio na área central. Para ele, a justiça acertou ao proibir que carros de som circulassem na área central. “Tem vez que aquela ‘musiquinha’ impregna na cabeça da gente. Começava a ficar agoniado

quando chegava esse período”, criticou Diniz. Segundo ele, a música não contribui em nada à escolha dos candidatos. MuLta O descumprimento das restrições será considerado propaganda eleitoral irregular, que prevê a apreensão do veículo e recolhimento ao Departamento de Transito (Detran). O veículo apreendido por propaganda eleitoral irregular só será liberado mediante a doação de R$ 622,00 para instituições do município. As despesas do guincho e administrativas do Detran serão custeadas pelo infrator. No caso de reincidência, a multa será em dobro. Os partidos e coligações estão cientes de que esta forma de veiculação de propaganda é permitida legalmente desde que respeitado o Código de Posturas do Município, Lei n. 1067/79, especialmente o seu art. 105/III. Para o caso de violação, serão responsáveis solidários os partidos, coligações e candidatos. Aos envolvidos na disputa e a Justiça Eleitoral é atribuída a fiscalização do acordo LibERaçõES Para a utilização do carro de som como propaganda

eleitoral será necessária a prévia autorização da prefeitura que será concedida nos moldes da Secretaria de Serviços Urbanos, desde que o proprietário obedeça as regras do Código de Posturas. Para a carreata, o partido terá que buscar prévia autorização da Agência Municipal de Trânsito (Agetran). RádiO E tV A campanha na TV e no rádio começam no dia 21 de agosto, com a apresentação dos candidatos a vereador. Os que tentam uma vaga no executivo começam a apresentar as propostas no dia 22. De acordo com a decisão, na eleição para prefeito os programas serão transmitidos na TV às segundas, quartas e sextas-feiras entre as 6h e 20h. Na eleição para vereadores, os programas eleitorais serão transmitidos às terças, quintas e sábados. De acordo com o sorteio para os candidatos a prefeito, realizado no último dia 24, o primeiro programa a ser exibido na TV e no rádio será da candidata a prefeita Keliana Fernandes (PSC), seguida da coligação que tem à frente o candidato Delane Borges (PSDC), do candidato Zé Roberto (Psol) e de Murilo Zauith (PSB).

De acordo com a direção do Hospital Albert Einstein, em São Paulo (SP), Antônio Russo (PR) ) tem estado de saúde considerado estável. Vítima de um AVC (Acidente Vascular Cerebral), o senador está internado desde a semana passada quando deu o maior susto em amigos, familiares e eleitores. Numa situação dessas, todo mundo reza unido, até os pecuaristas credores do frigorífico Independência.

Outdoor

A Lei de Acesso à Informação está deixando muita gente em polvorosa, principalmente quem ganha salários milionários. Portanto, por conta da vidência da nova lei, os barnabés do Estado não gostariam de ver seus vencimentos expostos ao público, mas o governador André Puccinelli (PMDB) avisou que aprova a ideia.

Favorável

Durante a inauguração do ginásio esportivo do hospital São Julião na manhã de domingo, em Campo Grande, André Puccinelli se manifestou favorável à divulgação dos salários dos servidores públicos em MS. “Está um impasse sobre se divulga ou não o nome da pessoa com o salário. Sou a favor de que se divulgue nominalmente”, garantiu.

Incentivos

Mais de um ano depois, as decisões do STF contrárias a leis e decretos estaduais de incentivos tributários não colocaram fim na guerra fiscal e em suas consequências. O presidente da CAE (Comissão de Assuntos Econômicos), senador Delcídio do Amaral (PT-MS), assegura que negocia um projeto que reduza o impacto para alguns estados, estimado por especialistas em quase R$ 40 bilhões. (E-mail: willams@conjunturaonline.com.br)

Colono – Ô cumpádi, a gente sai trupicando nas placa dos candidadu... Ic, ic, ic... Zé Pinga - Daqui uns dia vai tê cabo eleitorar montando barraca prá pegá o mió lugá nos cantero, cumpádi...


4

Política Política Política Política

Política

Política Política Política Política

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

P1

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Inquérito

CPMI do Cachoeira retoma depoimentos Comissão quer identificar detentores de funções públicas que tiveram envolvimento com a organização Divulgação

Informe C Alívio

O reitor da UFGD, Damião Duque de Farias, conseguiu em Brasília a garantia de liberação de recursos para pagar as dívidas acumuladas do Hospital Universitário de R$ 4,5 milhões. Damião explicou que enquanto não houver nova contratualização, as dívidas continuam a aumentar. Esta semana deve estar chegando o restante da verba do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais, de R$ 3 milhões, além de uma ajuda de custo do MEC de R$ 2 milhões. “Por mês há um déficit de quase R$ 1 milhão. A nova contratualização que nós pedimos é para sanar esse problema, aumentando o repasse de R$ 2 milhões mensais para R$ 3,3 milhões, possibilitando assim a regularização dos atendimentos”, afirmou o reitor.

Dos pais

Pesquisa encomendada pelo SPC Brasil serve de termômetro para o mercado varejista e revela como o consumidor deve se comportar na semana que antecede o Dia dos Pais. O estudo mostra que 41% dos consumidores não vão comprar presente para comemorar a data, no dia 12 de agosto. Dos

Cícero Faria cicerolfaria@gmail.com

que não devem ir às compras, 18% alegaram falta de dinheiro e maioria (61%) disse não presentear por motivos pessoais (pai falecido, doente, distante, entre outros).

Escondidinho

A falta de divulgação nos salários dos servidores demonstra a falta de transparência no gasto do dinheiro público, afirmou o presidente da OAB/ MS, Leonardo Duarte. Desde o início da Lei de Acesso à Informação, há dois meses, os órgãos públicos têm de divulgar informações sobre seus gastos com folha de pagamento e recebimentos. Aqui no Estado, apenas o Tribunal de Justiça divulgou os salários.

Pescaria

Morto não vota

Os 73.104 eleitores de seis municípios do MS votarão em outubro em urnas biométricas – que identificam as pessoas pelas impressão digital. O sistema será usado em Camapuã, Fátima do Sul, Jateí, Ribas do Rio Pardo, Sidrolândia e Vicentina, segundo o TSE. O leitor biométrico acoplado à urna eletrônica deve confirmar a identidade de cada eleitor, comparando as impressões digitais com todo o banco de dados disponível, impedido as fraudes. A expectativa é de que até 2018 todos os brasileiros possam votar após serem identificados pelas digitais.

Simples

A possibilidade de Mato Grosso do Sul adotar iniciativa semelhante a Mato Grosso com “cota zero” para a pesca amadora durante três anos foi descartada, pelo secretário estadual de Meio Ambiente, Planejamento, Ciência e Tecnologia, Carlos Alberto Menezes. Segundo ele, a Embrapa Pantanal, em Corumbá, e outros órgãos de pesquisa tem monitorado os recursos pesqueiros e, por ora, não motivo para preocupação.

Dourados sediará, no dia 17, o V Seminário do Simples Nacional, na Câmara de Vereadores, com seis palestras e debates. Os temas estão voltados para fatores que afetam a base de cálculo do IPI, PIS, ICMS e Cofins; orientações sobre o portal do Simples Nacional e alterações na legislação. Os palestrantes da Receita Federal e secretários de Fazenda, entre eles Flávio Luiz Andrade, secretário de Finanças de Belo Horizonte.

Para de frescura! Esse namoro não vai dar certo.

Dá sim. Sai um porcão!

CPMI investiga as relações de Carlinhos Cachoeira com agentes públicos e privados

B

RASÍLIA - Encerrado um juiz para beneficiar o mao recesso, a comissão rido. Ela vai depor na condição parlamentar mista de de investigada, e não de testeinquérito que inves- munha, e entrou com pedido tiga as relações de Carlinhos de habeas corpus no Supremo Cachoeira com agentes públi- Tribunal Federal (STF) pelo cos e privados retoma os seus direito de permanecer calada. trabalhos. Amanhã, a CPMI Esse instrumento jurídico, que já foi usado por deverá ouvir Andressa MendonEx-mulher do outros depoentes, ça, companheira contraventor será citado pelo relator da CPMI, do contraventor, é acusada deputado Odair e Joaquim Gode tentar mes Thomé Neto, Cunha (PT-MG), chantagear no seu parecer. suspeito de fazer juiz “Quando as escutas clandespessoas vão à tinas a mando de Cachoeira. Na quarta-feira, CPMI e não falam nada, é porserá a vez de Andrea Aprígio, que elas devem. Meu relatório, ex-mulher do contraventor, e claro, vai compreender que o de Rubmaier Ferreira de Car- fato de alguém não se defenvalho, contador de empresas der das acusações se deve ao de fachada que teriam sido medo de se incriminar. E isso usadas pela organização de ocorre exatamente por causa do vínculo com a organização Cachoeira. Andressa Mendonça foi criminosa do senhor Carlos acusada de tentar chantagear Cachoeira”, disse Cunha.

O relator avalia que é cedo para decidir sobre a necessidade ou não de prorrogar o prazo de trabalho da CPMI: “É uma análise que deve ser feita no final de setembro, mais perto do fim do nosso prazo regimental. Ainda temos agosto e setembro pela frente, e o importante é que nos dediquemos a um trabalho intenso, mesmo neste período eleitoral.” Entre os objetivos da CPMI do Cachoeira, estão identificar o fluxo econômico da organização criminosa, que movimentou recursos por meio de empresas fantasmas e legais; descobrir quais foram os lucros do grupo e quais recursos podem ser recuperados na Justiça para os cofres públicos; e esclarecer quais detentores de funções públicas tiveram envolvimento efetivo com a organização. (AE)

Anteprojeto

Comissão do Código Penal inicia trabalhos

B

RASÍLIA - A comissão especial interna destinada a examinar o anteprojeto do novo Código Penal vai realizar sua primeira reunião amanhã, a partir das 18h30. O texto tramita como projeto de Lei do Senado (PLS) 236/2012. Além de a reunião formalizar a instalação da comissão, também vai permitir a eleição do presidente e do vice-presidente. No último dia 17, o presidente do Senado, José Sarney, anunciou os senadores indicados pelos blocos parti-

Bate-Rebate Agora, além de irem parar na cadeia por violência doméstica, os homens que agredirem mulheres poderão ser mais uma vez levados à Justiça e, se condenados, obrigados a devolver à Previdência Social os gastos com auxílio-doença, aposentadoria por invalidez e pensão por morte. A Aeagran realiza hoje às 19h, na subsede do Crea em Dourados, reunião para tratar do Projeto Confea; e palavra dos conselheiros e representantes da Aeagran na comunidade. As inscrições para o concurso público do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul vão até amanhã, dia 7. Os salários oferecidos chegam a R$ 3,8 mil. As inscrições são feitas pela internet. A administradora de imóveis não é parte legítima para ajuizar, em nome próprio, ação de execução de créditos de contrato de locação. Ela é apenas representante do proprietário e não substituta processual. Esse foi o entendimento da 3ª Turma do STJ.

Cirrose e mulher feia, só pega quem bebe muito

Na origem, uma imobiliária ajuizou ação de execução de aluguéis atrasados contra a avalista. Depois, a fiadora opôs embargos à execução, alegando que a empresa não teria legitimidade para executar os aluguéis em nome próprio.

um derrame, um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Ele passa bem.

O senador Antônio Russo Netto (PR/MS) está internado no Hospital Albert Einstein em São Paulo, depois de ser operado devido a

“Mensalinho” na Câmara de Deodápolis. Realmente aos maus exemplos estão sempre fazendo escola...

dários para compor a comissão especial. O parecer da comissão será votado pelo Plenário e, se aprovado, seguirá para a Câmara dos Deputados. O último passo é a sanção presidencial. POlêMICaS A proposta prevê mudanças polêmicas, como a transformação da exploração dos jogos de azar em crime, a descriminalização do plantio e do porte de maconha para consumo próprio, o maior rigor na punição a motoristas

embriagados e a ampliação das possibilidades do aborto legal. Além de várias inovações, o texto, preparado pela comissão especial de juristas que trabalhou durante o primeiro semestre, consolida toda a legislação penal do país. O relatório final foi entregue a Sarney no mês de junho. A comissão foi presidida pelo ministro Superior Tribunal de Justiça (STJ) Gilson Dipp e teve como relator o procurador da República Luiz Carlos Gonçalves.


P1

Economia

Economia

Economia

Economia

Economia

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

5

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Selic

Queda nos juros breca a especulação Juros básicos reduzidos beneficiam o governo e têm reflexos sobre a cadeia de economia produtiva o mercado acionário ou investir diretamente em novas rasília – Atual- empresas. Se quiser ganhar mente em 8% ao ano dinheiro, tem de produzir”, diz e no menor nível da o vice-presidente da Associahistória, os juros bá- ção Nacional dos Executivos sicos (taxa Selic) atravessam de Finanças Administração e um ciclo de redução que pro- Contabilidade (Anefac), Mivocou um fenômeno nas con- guel de Oliveira. Professora de economia tas públicas brasileiras. Pela primeira vez na história, os monetária e financeira da Unitítulos públicos deixaram de versidade de Campinas (Unipagar juros de mais de 10% camp), Maryse Fahri diz que a ao ano. A queda beneficia não queda nos rendimentos dos tísomente o governo, que gasta tulos públicos representa uma cada vez menos para financiar conquista. “Estava mais que do que na hora a dívida pública, de o governo mas tem reflexos Para ganhos deixar de pagar sobre toda a ecomaiores, a mais de 10% [ao nomia. ano] para rolar a saída está Segundo esdívida pública. pecialistas, os junas ações ros menores dos ou em novas Uma taxa como essa não fazia netítulos públicos empresas nhum sentido na desestimulam a situação em que especulação e o Brasil está. Sabia-se que era incentivam a economia produtiva. O dinheiro que antes uma anomalia”, avalia. A economista, no entanto, obtinha rendimentos altos e faz uma ressalva. Para ela, seguros nos papéis do governo precisa cada vez mais ser apli- os juros dos títulos públicos cado nas empresas para alcan- continuam altos. “O Brasil é çar o retorno antes conseguido um dos poucos países com apenas comprando papéis do juros reais [considerando a governo. Aos poucos, o país inflação] positivos. Nas econocaminha para uma realidade mias desenvolvidas, os títulos financeira presente em nações públicos costumam pagar taxas reais negativas”, observa desenvolvidas. “O que vai acontecer no Maryse. No último leilão de Brasil é o que ocorre fora do NTN-B com vencimento em país. Com a inflação baixa, os 2023, título público brasileiro títulos públicos rendem pouco. que paga os juros mais altos Quem quiser ganhos maiores, atualmente, o Tesouro Naprecisa assumir risco e ir para cional vendeu os papéis com

Divulgação

Wellton Máximo

Capital

Empresas brasileiras investem menos no exterior

B

Kelly Oliveira

B Miguel de Oliveira, vice-presidente da anefac taxa de 9,66% ao ano, cerca de 5 pontos percentuais acima da inflação esperada de 4,5% para 2012. O vice-presidente da Anefac concorda que os juros brasileiros ainda são altos, mas destaca a melhora da situação. “Na verdade é um processo. Precisamos baixar muito os juros reais para um intervalo de 0,5% para 1% ao ano. Mesmo assim, a situação está melhor do que há dois ou três anos. Os juros estão em queda, e a inflação está mais baixa”, aponta. Maryse acredita que a mudança é estrutural, e os títulos públicos dificilmente voltarão a render mais de 10% ao ano. “Pode ser que, em algum momento, o governo

volte a aumentar os juros básicos como medida de política monetária [para conter a inflação], mas os investidores começarão a perceber que não se justifica um risco tão alto [para comprar papéis do governo]. Aos poucos, o Brasil deixa de ser o paraíso dos juros altos.” Por meio dos títulos públicos, o governo pega emprestado dinheiro dos investidores para honrar compromissos. Em troca, o Tesouro Nacional se compromete a devolver o dinheiro com alguma correção. Essa diferença é expressa nos juros que incidem sobre os papéis. Taxas mais altas refletem o risco de o governo dar calote e não conseguir pagar os aplicadores. (ABr)

Indicadores Econômicos BOLSAS Ibovespa: +3,12% Pontos: 57.255,22 Máxima de +3,38% : 57.399 pontos Mínima de +0,01% : 55.524 pontos Volume: 6,45 bilhões Variação em 2012: +0,88% Variação no mês: +2,06%% Dow Jones: +1,69% Pontos: 13.096,17 Nasdaq: +2% Pontos: 2.967,90 Ibovespa Futuro: +3,71% Pontos: 57.570 Máxima (pontos): 57.670 Mínima (pontos): 56.205

Cotação: 129,786 centavos de dólar Variação: +0,61% CÂMBIO - Dólar comercial no balcão Compra: R$ 2,0260 Venda: R$ 2,0280 Variação: -1,07% - Dólar Paralelo Compra: R$ 2,06 Venda: R$ 2,19 Variação: estável - Dólar Ptax Compra: R$ 2,0307 Venda: R$ 2,0313 Variação: -0,79% - Dólar Turismo Compra: R$ 2,0370 Venda: R$ 2,1570 Variação: -0,28% - Dólar Futuro (setembro) Cotação: R$ 2.040,00 Variação: -1,04% - Euro Compra: US$ 1,2388 (às 18h00) Venda: US$ 1,2392 (às 18h00) Variação: +1,73% - Euro comercial Compra: R$ 2,5070 Venda: R$ 2,5100 Variação: +0,56% - Euro turismo Compra: R$ 2,5100 Venda: R$ 2,6700 Variação: +0,75%

BLUE CHIPS Vale PNA Preço: R$ 36,51 Variação: +1,19% Petrobrás PN Preço: R$ 19,92 Variação: +1,63% OGX Petróleo ON Preço: R$ 5,77 Variação: +3,41% Itaú Unibanco PN Preço: R$ 32,41 Variação: +3,22% Bradesco PN Preço: R$ 32,20 Variação: +2,61% BM&FBOVESPA ON Preço: R$ 11,96 Variação: +5,47% Banco do Brasil ON Preço: R$ 23,11 Variação: +4,62% Gerdau PN Preço: R$ 18,90 Variação: +3,11% Usiminas PNA Preço: R$ 7,87 Variação: +8,7% Cyrela Realt ON Preço: R$ 16,11 Variação: +6,2% Cia Siderúrgica Nacional ON Preço: R$ 10,35 Variação: +5,29% Global 40

JUROS - CDB prefixado de 30 dias, 7,77% ao ano. - Capital de giro, 11,02% ao ano. - Hot money, 1,04% ao mês. - CDI, 7,82% ao ano. - Over a 7,89% OURO - Ouro Cotação: 1,603,00 a onça-troy (1 onça-troy equivale a 31,1035 gramas) Variação: +0,90% - Ouro BM&F (à vista) Cotação: 104,000 Variação: -1,23%

INFLAÇÃO Índices INpC (IBgE) Igp-M (FgV) Igp-DI (FgV) IpA-DI (FgV) IpC-DI (FgV) IpC (FIpE) IpCA (IBgE) INCC (FgV) CuB (Sinduscon) ICV - Dieese FIpEZAp*

junho 0,26 0,66 0,69 0,89 0,11 0,23 0,08 0,73 1,73 0,23 1,00

No ano 2,56 3,19 3,59 3,62 2,83 1,79 2,32 5,16 6,11 3,42 7,40

* Índice de preços de imóveis lançado em fevereiro de 2010

acumulaDo

12 meses 4,90 5,14 5,66 5,54 5,37 4,41 4,92 7,04 6,54 6,39 18,40

AgROPECUÁRIA mIlho ...................................................................R$ 24,00 (disponível) soja .....................................................................R$ 78,00 (disponível)

IMPOSTO DE RENDA Base de cálculo

(desconto na fonte) TABELA OFICIAL DA RECEITA FEDERAL

Até R$ 1.637,11 De R$ 1,637,12 até R$ 2.453,50 De R$ 2.453,51 até R$ 3.271,38 De R$ 3.271,39 até R$ 4.087,65 Acima de R$ 4.087,65

Alíquota %

7,5 15 22,5 27,5

Deduzir-R$

Isento 122,78 306,80 552,15 756,53

Deduções: R$ 164,56 por dependente; pensão alimentícia integral; contribuição ao INSS. Aposentado com 65 anos ou mais tem direito a uma dedução extra de R$ 1.63,7,11 no benefício recebido da previdência.

REAjUSTE DE ALUgUEL - julho Igp-M (FgV) Igp-DI (FgV) IpC- (FIpE)

1,0514 1,0566 1,0441

IpCA (IBgE) INpC (IBgE) ICV (DIEESE)

1,0492 1,0490 1,0639

Obs.: O fator acima representa a variação do indicador de reajuste nos últimos 12 meses. para fazer o cálculo, basta multiplicar o valor atual do aluguel pelo fator.

UFIR

Novembro/2000 ----- R$ 1,0641

SALÁRIO MÍNIMO

juLhO ...................... R$ 622,00

UFERMS

juLhO ........................ R$ 16,68

DÍVIDA EM TR ou TRD Dia do Vencimento

Fator de Atualização

julho 13 .............................0,01243607 14 .............................0,01245666 15 .............................0,01239390 16 .............................0,01215959 17 .............................0,01209030 18 .............................0,01214655 19 .............................0,01224554 20 .............................0,01246533 21 .............................0,01248697 22 .............................0,01261494 23 .............................0,01252723 24 .............................0,01252073 25 .............................0,01255737 26 .............................0,01252979 27 .............................0,01251153 28 .............................0,01252161 29 .............................0,01259763 30 .............................0,01254330 31 .............................0,01255407

(Multiplique a quantidade de TR ou TRD do carnê pelo fator de atualização da data do vencimento. A aplicação desse fator único atualiza a dívida pela TR do dia do aniversário do contrato e converte o resultado para reais).

POUPANÇA (aplicação a partir de 04/05/12) julho 23 ------------------------------ 0,4828% 24 ------------------------------ 0,4828% 25 ------------------------------ 0,5226% 26 ------------------------------ 0,5161% 27 ------------------------------ 0,5000% 28 ------------------------------ 0,4828% 29 -----------------------------30 -----------------------------agosto 01 ------------------------------ 0,4973% 02 ------------------------------ 0,5316% 03 ------------------------------ 0,4877% 04 ------------------------------ 0,5390% 05 ------------------------------ 0,4828% 06 ------------------------------ 0,4828%

TBF

julho 23 ------------------------------ 0,6816% 24 ------------------------------ 0,6782% 25 ------------------------------ 0,6834% 26 ------------------------------ 0,6483% 27 ------------------------------ 0,6170% 28 ------------------------------ 0,6045% 29 ------------------------------ 0,6334% 30 ------------------------------ 0,6485% agosto 01 ------------------------------ 0,6624%

TR

julho 24 ------------------------------ 0,0181% 25 ------------------------------ 0,0232% 26 ------------------------------ 0,0000% 27 ------------------------------ 0,0000% 28 ------------------------------ 0,0000% 29 ------------------------------ 0,0000% 30 ------------------------------ 0,0000% agosto 01 ------------------------------ 0,0123% 02 ------------------------------ 0,0000%

boI goRDo/à vista/livre ....................................R$ 84,00 (jBS - Brasil global) vaca goRDa/à vista/livre ................................R$ 76,00 (jBS - Brasil global) Obs.: Esses dois frigoríficos estão fora de mercado porque a escala de abate está completa nos próximos dias

Fonte: gRaNDE Fm RuRal

rasília – As empresas brasileiras estão investindo menos no exterior. Segundo o Banco Central (BC), no primeiro semestre deste ano, US$ 7,058 bilhões saíram do país para a compra de participação no capital de empresas no exterior, mas US$ 4,248 bilhões de vendas de ativos voltaram para o Brasil. Com isso, o investimento brasileiro líquido (saída, descontado o retorno) em aquisição de participação de capital no exterior ficou em US$ 2,81 bilhões, no primeiro semestre deste ano, redução de 80,7% em relação a igual período do ano passado (US$ 14,597 bilhões). No caso dos empréstimos intercompanhia (entre as empresas no Brasil e no exterior), houve mais vinda de recursos para o país do que liberação para o exterior. Nos seis meses do ano, a receita líquida, dinheiro que o país recebeu a mais do que liberou, ficou em US$ 7,822 bilhões, ante US$ 17,081 bilhões do primeiro semestre de 2011. Os dados do BC também mostram que as receitas de lucros e dividendos do Brasil cresceram, ao passar de US$ 690 milhões, no primeiro semestre do ano passado, para US$ 4,029 bilhões, nos seis meses deste ano. Para o presidente da Sociedade Brasileira de Estudos de Empresas Transnacionais e da Globalização Econômica (Sobeet), Luís Afonso Lima, um dos motivos para esse aumento nas receitas de lucros e dividendos é a alta do dólar, que estimula o envio de recurso para o Brasil. Além disso, segundo ele, as incertezas geradas pela crise econômica internacional fazem com que as empresas brasileiras prefiram trazer o dinheiro de volta em vez de reinvestir no exterior. “O crescimento das economias desenvolvidas reduziu-se bastante. Assim, diminuiu também a perspectiva de negó-

cios. No Brasil, mesmo com o desaquecimento do nível da atividade, há o consumo dinâmico das famílias e essa perspectiva continua para os próximos anos”, disse Lima. Para o diretor do escritório da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) no Brasil, Carlos Mussi, essa redução dos investimentos brasileiros no exterior é um tendência de curto prazo. “A internacionalização deve continuar e será incrementada, se a economia internacional se estabilizar dentro de um cenário mais previsível. É uma época de ajuste, de cautela diante do cenário internacional”, disse. Na avaliação de Mussi, além de as empresas brasileiras estarem de olho no consumo interno, também estão trazendo recursos para projetos estratégicos no país, como nas áreas de mineração e petróleo. “Há necessidades maiores de investimento no país”, acrescentou. De acordo com Lima, há uma série de vantagens para as empresa investirem no exterior, como maior proximidade dos clientes, aumento da capacidade de inovação tecnológica, acesso a mercados e a matérias-primas. De janeiro a junho, a maior parte da saída de investimento brasileiro direto para compra de participação de capital foi para a República Dominicana, com 18,5%, seguida pela Espanha (14,1%) e pelos Estados Unidos (10,1%). O setor que mais recebeu investimentos é o de serviços (financeiros, transportes, infraestrutura, telecomunicações, entre outros), com 50,7%. A indústria ficou com 46,5% dos investimentos e a agricultura, pecuária e extrativa mineral, com 2,8%. O estoque de investimento brasileiro no exterior chegou em junho a R$ 239,842 bilhões, sendo que, desse total, R$ 225,134 bilhões correspondem a participação no capital e US$ 14,708 bilhões, a empréstimos intercompanhia. (ABr)


6

Meio Ambiente

Meio Ambiente

P1

Meio Ambiente

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Humanidade

DF comemora 25 anos de patrimônio Brasilienses promovem passeio ciclístico pelo título de Patrimônio Cultural Mundial da capital federal modernos e é a maior área tombada do mundo – 112,25 rasília - Em come- quilômetros quadrados. A moração ao título de cidade está na lista de bens Patrimônio Cultural da do Patrimônio Mundial desde Humanidade de Brasí- 1987. O Patrimônio Cultural de lia, ciclistas fizeram ontem um passeio pelos principais Brasília é formado por monucartões-postais da cidade. Um mentos, edifícios e sítios que dos locais de concentração foi tenham valor histórico, estéa Praça da República onde tico, arqueológico, científico, estão a Catedral de Brasília etnológico ou antropológico. Em junho, o goe a sede da Biverno do Distrito blioteca NacioCidade está Federal (GDF) nal. O título é na lista de recebeu as recoconcedido pela bens do mendações feitas Organização das pela Unesco para Patrimônio Nações Unidas a manutenção do para a EducaMundial ção, a Ciência e desde 1987 título, como assegurar as caractea Cultura (Unesrísticas originais co). Protótipos gigantes de triciclos e quadri- do projeto urbanístico de ciclos foram expostos durante Brasília e proibir construções em áreas verdes. o passeio. Segundo o GDF, todas as Pelo conceito de Patrirecomendações estão no Plamônio Cultural da Humanidade, os locais que recebem o no de Preservação do Contítulo pertencem a todos inde- junto Urbanístico de Brasília, pendentemente do território em fase de elaboração. As em que estejam localizados. iniciativas em andamento inBrasília é considerada marco cluem a revitalização da W3 da arquitetura e urbanismo Sul e dos setores hoteleiros,

Wilson Dias/ABr

Renata Giraldi

B

Ciclistas participam de passeio pelos ‘cartões postais’ em celebração ao Patrimônio do Distrito Federal a construção da Esplanada dos Museus, a implantação de jardins e outras obras no canteiro central do Eixo

Patrimônio sedia evento em memória de Burle Marx Divulgação

Monumental. Em fevereiro de 2013, o governo do Distrito Federal apresentará um relatório de

atividades à Unesco, indicando os avanços na política de preservação da capital como Patrimônio Cultural

da Humanidade. A próxima avaliação do Comitê do Patrimônio Mundial será em junho de 2013. (ABr)

Sustentabilidade à Amazônia

cientistas e pesquisadores soma pelo menos R$ 100 milhões, já previamente aprovados pelo Comitê Orientador do Fundo da Amazônia, com aporte do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). “Esse dinheiro será usado para apoiar ações em sete grandes áreas [na Amazônia], que apontam o que precisa ser feito na região para mudar o paradigma do desenvolvimento”, explicou o secretário. Segundo ele, o volume de recursos pode ainda ser ampliado até a publicação dos editais. Os detalhes dos editais estão sendo concluídos pela Financiadora de Estudos e Projetos [Finep] e ainda não têm data prevista para publicação.

ano têm problemas”, ressalta o diretor. De acordo com ele, para inclusão no cadastro são levados em consideração o histórico e as condições geológicas de cada região. Essas cidades terão acesso a recursos do governo federal para elaborar as cartas geotécnicas de aptidão, que definirão os critérios para expansão dos municípios. “Ela vai falar quais áreas não podem ser ocupadas, quais áreas podem ser ocupadas com critérios especiais, quais áreas não têm nenhuma restrição para ocupação”, destaca Carvalho.

Brasília – Nos próximos dias serão anunciadas regras que pretendem atrair a comunidade científica para a Amazônia. A aposta do governo federal é financiar projetos de ciência e inovação tecnológia, a fundo perdido, para levar soluções sustentáveis para a região e mudar a lógica econômica, ainda associada ao desmatamento. Os editais ainda não estão concluídos. Encarregado de acompanhar o desenho dos financiamentos, o secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do Ministério da Ciência, Tecnologia e Informação, Carlos Nobre, adiantou à Agência Brasil, que “algumas propostas são voltadas para potenciais já reconhecidos da região, que passarão a ter mais conhecimento agregado e investimento, enquanto outras buscam soluções inovadoras”.

Serviços ambientais

Maior paisagista brasileiro, roberto Burle Marx teria completado 103 anos no sábado Paulo Virgilio rio de Janeiro - Se estivesse vivo, o paisagista Roberto Burle Marx (19091994) teria completado 103 anos no sábado, em 4 de agosto. A data foi comemorada com uma festa, na Cozinha de Pedra do Sítio Roberto Burle Marx, em Barra de Guaratiba, Rio, aberta aos visitantes. Iniciativa da direção do sítio e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), gestor da área de 365 mil metros quadrados doada pelo paisagista à então Fundação Nacional Pró-Memória, em 1985. Comprado por Burle Marx em 1949, o sítio abriga uma imensa coleção de

plantas – mais de 3,5 mil espécies – formada ao longo de décadas pelo paisagista, que também foi um dos principais artistas plásticos brasileiros, com obras nas áreas de pintura, escultura, desenho, cerâmica, tapeçaria e criação de joias. Foi quando estudava pintura na Alemanha, nos anos 20 do século passado, que Burle Marx descobriu, nas estufas do Jardim Botânico de Berlim, a riqueza da flora brasileira. A partir de 1932, de volta ao Brasil, passou a se dedicar ao paisagismo, tendo projetado mais de 2 mil jardins em sua vida. Há pouco mais de um mês na direção do Sítio Roberto Burle Marx, Cláudia Storino tem como meta desenvolver ações para

dinamizar o espaço. “Temos o privilégio de contar com uma equipe multidisciplinar que foi formada e trabalhou com o próprio Burle Marx”, diz, frisando que as diretrizes básicas para o sítio foram traçadas pelo paisagista. Outra preocupação da nova diretora da unidade é quanto ao acesso dos visitantes ao sítio. Quem não vem de carro conta apenas com uma linha de ônibus que serve ao bairro, com poucos veículos e horários irregulares. A visitação ao sítio, localizado na Estrada Roberto Burle Marx, 2019, na Barra de Guaratiba, pode ser feita de terça-feira a sábado, das 9h30 às 15h30, mediante agendamento pelo telefone (021) 2410-1412.

Brasília – Em meio à expectativa sobre os temas contemplados no financiamento federal, uma aposta é que seja incluída a valoração dos serviços ambientais. O assunto vem sendo levantado tanto pelo governo quanto por organizações ambientais que defendem uma nova métrica para medir o desenvolvimento e crescimento do país, em substituição ao PIB (Produto Interno Bruto, soma de todos os bens e serviços produzidos no país), incluindo indicadores ambientais na conta. “Para que entrem no cálculo de mensuração da economia, precisamos entender o que são esses serviços, inclusive como o ciclo de carbono interage no aquecimento global”, antecipou Nobre.

Estímulo a pesquisadores

Brasília – O estímulo a

Prevenção a desastre

são Paulo – Cerca de 300 cidades deverão fazer parte do cadastro nacional de municípios suscetíveis a desastres naturais que está sendo elaborado pelo governo federal. Segundo a Lei 12.608 de 10 de abril de 2012 essas cidades terão que elaborar um sistema de defesa civil e planejamento para evitar tragédias. “Essa lei além de estabelecer todo um sistema de proteção e defesa civil, com papéis para a União, para estados, para a prefeitura, para a sociedade civil”, explica o diretor de Assuntos Fundiários e Prevenção de Risco Ministério das Cidades, Celso Santos Carvalho.

Cartas geotécnicas

são Paulo – Apesar de o cadastro ainda não pronto, constarão na lista cidades como Blumenau, São Paulo, Santo André, São Bernardo, Belo Horizonte, Contagem, Betim, Juiz de Fora, Ouro Preto, Nova Friburgo, Teresópolis, Rio de Janeiro, Niterói, Petrópolis, Salvador, Recife e Olinda. “São esses municípios que todo o

Chegando antes...

são Paulo – Para o professor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), Faiçal Massad, o modelo estabelecido pela nova lei muda totalmente a forma de atuação do Poder Público em relação aos desastres. “É um enfoque completamente diferente. Quer dizer, a nossa engenharia vai atuar antes da ocorrência do escorregamento ou de um desastre. Muda a maneira de agir. Em vez de ir depois que ocorreu, vamos chegar antes”. Assim, os recursos tecnológicos disponíveis atualmente poderão ser usados, segundo Massad, de maneira mais efetiva para prevenir tragédias. “A nossa engenharia já está há muito tempo habilitada para responder a esses desafios de escorregamento de terra”. O tema será discutido na semana que vem em um evento promovido pela Poli e pela Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia (FDTE). Encontros, como o que ocorrerá hoje, são de grande importância, de acordo com Celso Carvalho, porque ajudam a envolver a comunidade acadêmica com o tema. Para ele, as instituições de ensino serão fundamentais para dar suporte técnico às prefeituras. (ABr)


P1 6

Brasil Brasil Brasil Brasil Brasil

Brasil

Brasil Brasil Brasil Brasil Brasil

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

P1 7

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Julgamento

Caso Mensalão inicia defesa dos réus Procurador geral da república Roberto Gurgel pede a condenação de 36 dos 38 réus no processo Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

Roberto Jefferson diz que salvou o Brasil de Dirceu Fernanda Nunes*

R

Ministros Marco aurélio Mello, Cezar Peluso e ricardo lewandowski, no julgamento do mensalão Dirceu será defendido por José Luis Oliveira Lima, rasília - A partir Genoino por Luiz Fernando desta semana o julga- Pacheco, Delúbio por Arnalmento do mensalão, do Malheiros Filho, Marcos no Supremo Tribunal Valério e Simone por MarFederal (STF), entra na fase celo Leonardo. No dia 3, o de defesa dos réus. Cada ad- advogado Marcelo Leonardo vogado terá uma hora para tentou dobrar o tempo para a defesa, alegando apresentar arguque Valério foi mentos a favor Dirceu, citado 197 vezes de seus clientes. Genoíno, na acusação do Hoje, apresenDelúbio e procurador-geral tam suas defesas Valério abrem da República, os advogados de temporada Roberto Gurgel. José Dirceu, exde defesas Mas o pedido foi -ministro e ex-denegado pelo preputado, de José sidente da Suprema Corte, Genoíno, atualmente assessor do Ministério da Defesa, de Carlos Ayres Britto. A previsão é concluir o Delúbio Soares, ex-tesoureiro julgamento até o final deste do PT, do empresário Marcos Valério Fernandes de Souza mês. O esforço dos ministros e de Simone Vasconcelos, da Suprema Corte é para que diretora financeira da SMPB o processo seja julgado pelos 11 ministros, pois em setem(empresa de publicidade). Renata Giraldi*

B

bro o ministro Cezar Peluso completa 70 anos e se aposenta da magistratura. Os advogados deverão apresentar seus argumentos até meados do mês. No dia 3, Gurgel concluiu a sustentação oral pedindo a condenação de 36 dos 38 réus. O ex-ministro da Comunicação Social da Presidência da República Luiz Gushiken e o assessor do PL (atual PR) Antonio Lamas foram excluídos da condenação por falta de provas. O procurador fez uma análise sobre o processo do mensalão e sobre os ataques que vêm sofrendo devido à atuação no processo. “[A justa aplicação das penas será um] paradigma histórico para o Judiciário brasileiro e para toda a sociedade para que atos de corrupção – essa mazela desgraçada e insistente no Brasil – sejam tratados com o rigor

necessário”, disse ele. Gurgel disse que recebeu ameaças de pessoas interessadas em constranger e intimidar o Ministério Público Federal. “Esse comportamento é intolerável e inútil, pois, no MPF, somos insuscetíveis de intimidação”, disse. A exposição de Gurgel foi dividida em duas partes. Na primeira, ele apresentou os réus e, na segunda, detalhou as “situações criminosas” em que cada um deles se envolveu. Para cada situação, Gurgel apontou um crime. Os delitos citados na denúncia, variando conforme o réu, são formação de quadrilha (um a três anos de prisão), corrupção ativa e passiva (dois a 12 anos cada), peculato (dois a 12 anos), evasão de divisas (dois a seis anos), gestão fraudulenta de instituição financeira (três a 12 anos) e lavagem de dinheiro (três a dez anos). Alguns crimes, segundo o procurador, foram cometidos várias vezes e, por isso, alguns réus respondem a dezenas de acusações. (ABr)

iO DE JaNEirO O presidente nacional do PTB e ex-deputado Roberto Jefferson recebeu alta ontem no Hospital Samaritano, no Rio, onde havia se internado para uma cirurgia em decorrência de um câncer no pâncreas. Na saída, em entrevista à imprensa, Jefferson afirmou que o mensalão já não é o seu foco. “A minha luta era com o José Dirceu. Ele me derrubou, mas eu salvei o Brasil dele. Ele não foi, não é e não será o presidente do Brasil. Caímos os dois. Estou satisfeito”, disse Jefferson, que saiu do hospital andando, acompanhando da mulher. Ele voltou a inocentar o ex-presidente Lula de envolvimento no mensalão. Sobre as

desavenças entre os ministros do Supremo Tribunal Federal durante o julgamento, disse que aquele era um momento “sob controle da mídia, em que os defeitos são exponenciais”. O ex-deputado elogiou a acusação do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, mas considerou as provas contra os réus frágeis. “Ele tem razão em muitas coisas que ouvi e não tem em outras tantas. A partir de segunda, 6, falarão as defesas. Torço para que haja justiça”. Jefferson contou que recebeu o diagnóstico do tumor no pâncreas com serenidade e que acredita no restabelecimento de sua saúde. “Sou um guerreiro. Peitei o PT sozinho. Não vai ser um cancerzinho de pâncreas que vai me derrubar”. (*Estadão) Reprodução

Presidente nacional do PTB e ex-deputado roberto Jefferson


8

Arquitetura & Urbanismo

Arquitetura & Urbanismo Arquitetura & Urbanismo P1 Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O O PROGRESSO PROGRESSO

Acabamento

Porcellanato Crossover, novo conceito Beleza, resistência e alta tecnologia fazem do Crossover muito mais que um novo produto no mercado Fotos: Divulgação

S

ÃO PAULO - Eles a beleza encontram-se com a são resistentes, fortes força e a resistência. A procura e duráveis, mas não são foi incansável, belo e produporcellanatos técnicos tivo caminho. Foi necessário tradicionais. São belos, de com- cruzar fronteiras, conectar-se e plexidade visual refinada, ele- compartilhar qualidades, fundir gantes e com uma encantadora conceitos, superar polaridades, variedade estética, mas não são transpor dicotomias. Isso é porcellanatos esmaltados. Um Crossover. Ir além. O melhor novo conceito, um novo proces- do mundo de um produto já so produtivo, uma nova tecnolo- consagrado, e com a garantia gia, uma nova inspiração, deram do nome Portinari. O Porcellanato Crossoorigem a mais recente categoria de produto no mercado cerâmi- ver Portinari foi criado para atender a um perco: o Porcellanato fil específico de Crossover PortiCrossover profissionais e nari. foi lançado consumidores: os Não, não é na Revestir, ávidos por produ“só” mais uma tos diferenciados, novidade: é uma a feira do inovação, algo não mercado da belos e altamente resistentes. Uma antes pensado – e construção nova e inovadora por isso mesmo categoria de porsurpreende. Como quem está à frente de seu tempo. cellanatos para consumidores A um porcellanato técnico por que exigem o melhor. Para chegar a essa excesua excelência uniu-se, com precisão milimétrica inusitada, lência em produto, a Cerâmica elementos de design que trazem Portinari promoveu inserções toda a beleza monolítica dos nos equipamentos do processo produtivo, aumentando signifiporcellanatos originais. Desse belo encontro – da cativamente a geração de novas precisão com o design – nas- cores na torre tecnológica, ce o Porcellanato Crossover equipamento estratégico da Portinari, onde a elegância e engenharia do pó atomizado ce-

O Porcellanato Crossover traz um novo conceito

Superioridade estética, design avançado e resistência

râmico colorido, que na prática resulta numa transição perfeita entre o corpo do produto e o resultado final percebido pelo cliente. Ou seja: a perfeição. Foram investidos R$ 3,5 milhões em pesquisa e desenvolvimento, equipamentos, treinamentos, provas industriais e testes de laboratório para verificação da adequação às características técnicas da normas internacionais. Todo este investimento visa apresentar ao consumidor final uma nova tipologia que revoluciona o conceito do produto cerâmico, dando ao mesmo tempo o encantamento estético, a qualidade reconhecida pela base porcelânica e a versatilidade nas possibilidades de aplicação, movendo-se com facilidade pelos ambientes externos, internos e revestimentos das construções sustentáveis . Pedras marcantes, como a delicada Limestone, a milenar Basaltina, o Quatzito e até os fabulosos calcários serviram como inspiração. A Coleção Geo Limestone Crossover, por

rapante na cor Be e medindo 60x120cm, este revestimento reúne a resistência de um crossover com a beleza da pedra natural. Sua superfície apresenta leve relevo superficial com variação de tonalidade V3 reproduzindo o desgaste sofrido por séculos de exposiçao às intempéries. Alpes Crossover é a reprodução do quartzito em porcellanato técnico que valoriza a variação cromática desta pedra, porém, com nível de desempenho ao uso superior a qualquer quartzito, uma rocha metamórfica , ou seja, produto da transformação de uma rocha pelo calor ou pressão do interior da Terra, cujo componente principal é o quartzo. Os quartzitos são rochas muito resistentes ao intemperismo químico e físico. Antiderrapante, devido à estrutura da superfície e às matérias-primas incorporadas à massa porcelânica, está disponível no formato 60x60cm, em duas cores. E por último dentro da tendência pedras, mas não menos

exemplo, traz todas as variadas características da pedra que a inspira, a Limestone. A Portinari buscou na natureza sua forma mais delicada, elegante, discreta, suave e a reproduziu sobre a força e resistência do porcelanatto técnico. Pode ser encontrado em duas versões: Geo Limestone Strut, cuja superfície estruturada representa apedra desgastada pelo tempo, e por isso mesmo indicada para utilização em áreas externas, dado o seu coeficiente de atrito. Já o Geo Limestone Nat, mais natural, que tem um relevo suave, delicado, gostoso ao toque, ideal para ambientes residenciais ou comerciais que exijam, ao mesmo tempo, resistência e elegância, revestindo paredes internas ou externas. A Coleção Natural Stone Crossover foi inspirada nos calcários, pedras sedimentares encontradas em meio marítimo, rios, lagos e subsolos. Seu destaque fica por conta da riqueza de detalhes e cores. Antider-

bela, Coleção Pietra Basaltina. De origem milenar, a Basaltina possui ampla utilização em ambientes contemporâneos e altamente sofisticados. É encontrado em duas versões: Nat, com superfície suave, na cor Basaltina DGR, para uso interno, e estruturada, na cor Basaltina GR para uso externo. Mas não é só na pedra que o Porcellanato Crossover Portinari se inspira. O Eco Forest Crossover é uma reprodução da madeira que, exposta ao tempo, sofreu alteração de cor e desgaste de superfície. O relevo e os veios são características marcantes desse produto. Por ser antiderrapante, pode ser utilizado em áreas externas. No entanto, por sua estética apurada, reproduzindo o visual da madeira, pode ser utilizado como elemento decorativo revestindo paredes de fachadas de casas, prédios, painéis de lojas, hall de entrada de edifícios, lavabos ou até mesmo painéis em salas de TV. O formato do Eco Forest Crossover é o 20 x 120cm.


Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012 -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Servidores Públicos

MP flagra monopólio dos consignados Servidores ainda não conseguem empréstimos em outros bancos mesmo depois de extinta exclusividade do BB cisão judicial ainda estiver ocorrendo monopólio, o MP OURADOS – De- vai intervir na ação civil púpois de “derrubar” na blica, pedindo a execução da Justiça a exclusivida- multa estipulada pela Justiça de do Banco do Brasil e liquidação dos danos aos para empréstimos consigna- consumidores. No mês passado, o juiz dos, o Ministério Público Estada 6ª Vara Cível de Dourados, dual constatou que servidores José Domingues municipais ainda Filho, acatou a não conseguem Promotor Ação Cível Púo empréstimos orienta blica impetrada em outros bancos consumidores pelo promotor em Dourados. lesados a Ricardo de Melo De acordo com procurarem Alves para queo promotor de o MP brar a exclusiviJustiça do Condade do BB no sumidor, Ricardo município. de Mello Alves, já existem deA sentença, que julgou núncias. Ele orienta que todos os servidores da Prefeitura que procedente o pleito da Ação tiverem negada a possibilidade Civil Pública proposta pelo de crédito consignado junto a Ministério Público, declarou instituições bancárias distintas nula a cláusula contratual que do BB para que procurem o outorgava exclusividade ao Ministério Público para as BB para operar no mercado de empréstimos consignados, providências cabíveis. Segundo Ricardo de reconhecendo a inconstitucioMelo, se mesmo com a de- nalidade e ilegalidade nesse

Divulgação

Valéria Araújo

D

Promotor Ricardo de Mello orienta os servidores a procurarem a Promotoria segmento de crédito. Na decisão, o magistrado julgou procedente e permitiu a averbação de consignações na remuneração de servidores pelas demais instituições financeiras. O juiz ainda reconheceu a nulidade da cláusula de exclusividade e avisou que,

em caso de descumprimento da decisão, será cobrada multa de R$ 10 mil em relação a cada consumidor. O promotor Ricardo de Mello entende que a exclusividade é uma violação aos princípios da ordem econômica, especialmente o da livre

concorrência e o da defesa do consumidor, pois os servidores municipais estão sendo privados da sua liberdade e direito de escolher a instituição financeira que lhes oferecer as melhores condições contratuais. “É evidente que a livre concorrência é princípio ba-

silar de nosso Estado Democrático de Direito e, da ordem econômica, tal princípio é essencial à melhor escolha do consumidor, buscando o melhor serviço e melhor preço posto a sua disposição”, diz. Conforme a sentença do juiz, o poder público “ (...) não tem a obrigação de facilitar a vida de seus servidores oferecendo-lhes empréstimos mediante a descontos em folha de pagamento seja com esta ou aquela instituição financeira. Contudo, o que não pode é, em optando por fazê-lo, escolher determinado estabelecimento bancário e contratar com exclusividade. No momento em que abre a oportunidade para os servidores contratarem empréstimo mediante a desconto em folha, e portanto, justamente por esta razão, com taxas mais baixas, não pode limitar a escolha da instituição de crédito (...)”, destaca trecho da sentença.

Solidariedade

Evento arrecada recursos para Associação Alecrim

D

OURADOS – Evento realizado na tarde de ontem, no Lions Clube Dourados, vai destinar parte da renda para a Associação Alecrim, organização não-governamental que luta para melhorar a qualidade de vida das famílias que possuem pessoas com deficiências múltiplas em Dourados. O grupo, formado por 62 pais e mães, realiza todas quartas-feiras encontros para orientação, apoio e geração de renda no Centro de Convivência Dorcelina Folador. Além dos encontros semanalmente, no Centro de Convivência, a Alecrim realiza palestras em igrejas, associações e escolas para dividir experiências e histórias de lutas e superação das famílias. Segundo Ronaldo Gomes, presidente do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Dourados, há anos eles buscam recursos para que as pessoas que possuem algum tipo de deficiência façam o tratamento na cidade. “Estamos numa luta grande para que Dourados tenha um centro especializado de reabilitação para tratamento de pessoas com deficiências, para que elas não precisem ir até Campo Grande ou para

fora do Estado em busca de tratamento”, disse. A Alecrim tem negociado com o poder público para mudar essa realidade em Dourados, mas tem encontrado problemas. “Já demos alguns passos importantes, o governo estadual já sinalizou ajuda, estamos debatendo com a prefeitura a disponibilidade de um terreno para a instalação do centro de reabilitação na cidade, mas temos esbarrados na burocracia para colocar nosso projeto em ação”, enfatizou Ronaldo. Segundo informações do Ministério da Saúde, hoje, os casos de deficiências atingem aproximadamente 14,5% da população brasileira. EVEnto Ontem à tarde, as pessoas que passaram pelo Lions Clube Dourados, no Parque Alvorada, puderam saborear um delicioso almoço com churrasco, que foi servido das 11h30 às 13h30. Quem quiser mais informações da organização não-governamental pode entrar em contato através do telefone (67) 3424-5920, ou acessar o site que está em criação, mas já contém algumas informações: www.alecrin. org.br.

Leonel Jonas

Centenas de pessoas passaram ontem pelo Lions Clube


2

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

D1

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Entrevista/Ilda Machado

‘Para mudar uma cidade basta querer’ Prefeita de Fátima do Sul fala dos desafios enfrentados nestes dois mandatos consecutivos e das principais conquistas Hédio Fazan

César Cordeiro

D

OurADOS – A prefeita de Fátima do Sul, Ilda Salgado Machado, é a entrevistada de hoje de O PrOgreSSO. Dona Ilda, como é popularmente conhecida, cumpre o segundo mandato frente à prefeitura do município e contabiliza inúmeras conquistas em todas as áreas. Na entrevista, ela lembra desde quando assumiu a prefeitura, que pegou sucateada em 2005, empregando seu ritmo de trabalho sempre pautado pelo otimismo e a fé em Deus. “Para transformar uma cidade basta querer, ter vontade e contar com Deus”, diz. Dentre as principais conquistas, Dona Ilda aponta o equilíbrio financeiro de Fátima do Sul, os quase 100% de pavimentação asfáltica da cidade, a construção com recursos próprios do moderno prédio da prefeitura, o sucesso do carnaval de Fátima, idealizado pela própria prefeita, o parque aquático que será inaugurado no dia 17 deste mês, a conquista do aeroporto e as obras de modernização do estádio 21 de Abril, previstas para ser entregues ainda este ano. Dona Ilda também fala de seus 47 anos de convivência com o deputado estadual Londres Machado, com quem tem dois filhos.

Olhando para trás de Em Fátima do Sul o asque maneira a senhora re- falto foi feito em praticamente corda dos primeiros dias em todos os bairros, quase 100% que passou a administrar a de asfalto; na zona rural nós cidade de Fátima do Sul? procuramos atender com o Lembro que foi muito di- maior carinho, levando cascafícil quando assumi o primeiro lhamento, retenção de águas mandato, aqueles primeiros e tem sido um trabalho com momentos, em 1º de janeiro conquistas que não são fáceis. de 2005. Naquele momento me Recorremos aos deputados deparei com uma dificuldade estaduais, federais, senadores, muito grande, dívidas imensas, também, mas eu digo de coraprecatórios, inclusive o nosso ção que não foi fácil, pois coifinanceiro fez um levantamen- sa fácil não é tão gratificante to muito bem feito, o Rivas, e eu me sinto orgulhosa em e ali nós fomos montando os trabalhar em benefício desse processos, e estamos até hoje povo que confiou, acreditou. na justiça, mesmo assim eu estou pagando os precatórios O que a senhora aprenem dia e conseguindo fazer deu nestes quase oito anos de um trabalho que mandato? chama a atenção Eu apren“Eu digo de não só de Fátidi que quando coração que o administrador ma do Sul, como não foi fácil, quer fazer algo dos municípios vizinhos. Nesem benefício da mas o que ses municípios é fácil não é população ele vizinhos, muitos gratificante” consegue fazer, gostariam que eu mas tem que quefosse a prefeita rer e foi assim deles porque aqui em Fátima que eu me coloquei à dispodo Sul consegui transformar a sição desse povo, e hoje nós cidade que vivia de ‘Lá Tinha’, temos a prefeitura que é a casa as pessoas se referiam a Fáti- do povo, antes não tinha, a ma do Sul como lá tinha isso, prefeitura funcionava em uma lá tinha aquilo e hoje é outra escola velha, onde eu estudei realidade. O nosso comércio quando criança e conseguié pujante, onde as pessoas mos fazer essa belíssima Casa vêm de fora para comprar no do Povo, onde todos podem nosso comércio, de fazendas, vir, os empresários para fazer que vêm comprar no nosso suas solicitações, colocarem comércio. Para mim que sou suas empresas à disposição e administradora e também tra- tudo mais, e antes não tinha balho com negócios, foi muito como porque não havia nada gratificante poder passar essa que atraísse a pessoa para coisa que eu aprendi na vida permanecer no nosso muniprofissional de administrado- cípio. Hoje, por exemplo, nós ra em benefício da população, teremos um hotel, que vai coatuando na prefeitura em fa- meçar a ser construído dentro vor dos bairros, da promoção de poucos dias, inclusive nós social, da educação, da saúde, estamos fazendo uma dreporque a saúde estava um nagem no local, um hotel de caos, não tinha médicos, não primeiríssima qualidade, com tinha hospital, o hospital aqui cinema, espaço para realizaera um cenário horrível onde ção de casamento, propício tinha até ratos, toda espécie para muitos eventos, então, de bichos. Hoje nós temos um eu me sinto assim, gratificada hospital que é conhecido em por Deus ter me ajudado, não todo o Estado de Mato Gros- foi fácil, mas Deus me ajudou, so do Sul como referência no me deu sustentação, que não atendimento, o atendimento é foi da terra, foi do céu, para de primeiríssima qualidade, os que eu pudesse realizar este médicos atendem divinamente trabalho com muita galhardia, e isso me orgulha muito. e poder fechar o mandato com as contas todas pagas, Como tem sido a rotina os fornecedores em dia, os diária da prefeita Ilda? funcionários em dia, e assim Em me preocupo muito, foi durante estes oito anos. passo a maioria do meu tempo Se eu fosse falar de todas as envolvida na administração. conquistas, do trabalho todo, Saio de casa de manhã e só eu iria falar uma tarde inteira, volto 23h da noite. Enquanto um dia inteiro, a noite inteira tem alguma coisa que pode e ainda não iria falar de tudo ser revertida em benefício da que foi feito. Hoje as pessoas população eu estou dentro, podem sair fotografando, fazendo isso de coração, com filmando tudo que foi feito a alma, não pensando no re- nesta administração e elas torno político, no voto, mas encontram o que filmar e o pensando na pessoa humana, que fotografar; muitas destas então, é assim que eu estou obras foram possíveis com administrando Fátima do Sul. recursos próprios, outras com

recursos federais ou estaduais, o governor do Estado, André Puccinelli, que também se colocou à disposição e me ajudou bastante, e eu sou grata por isso também. O parque aquático sempre foi uma das principais bandeiras da Dona Ilda, quando ele será inaugurado? Vai ser inaugurado no próximo dia 17, o governador acaba de confirmar para nós. A tarde do dia 17 ele vai estar inaugurando o parque aquático, o Cras, o Centro de Referência, o aeroporto, uma obra de uma estrutura muito bem feita, também viabilizada pelo governo do Estado em parceria com a prefeitura. A proximidade com Dourados atrapalha ou ajuda Fátima do Sul? Atrapalhar não atrapalha, porque muitas pessoas que hoje moram em Dourados, pessoas que têm comércio em Dourados, preferem morar em Fátima do Sul porque acreditam que aqui tem maior segurança, mais tranquilidade, ficam mais tranquilas em relação aos filhos, que ficam mais à vontade, passeiam, ficam na orla, até tarde, até meia-noite, 1h, sem problema algum. Dourados é uma cidade maior, onde requer mais cuidados com os filhos.

Prefeita Ilda Salgado Machado cumpre o segundo mandato em Fátima do Sul cou nesta posição de prefeita para mostrar a todos os políticos que quando você quer, basta querer, você transforma os corações, transforma as cabeças e transforma também o município, como eu transformei, tendo vontade, a gente consegue fazer sim.

O que significa Fátima do Sul para a senhora? Fátima do Sul pra mim é um presente de Deus. Eu sou pioneira em Fátima do Sul, meus pais chegaram aqui, nós atravessamos o Rio Dourados de barco com uma mudança pequena, nós temos sítio ali na rotatória, inclusive meu pai foi para Campo Grande por motivos de saúde, hoje meu pai tem 86 anos, minha mãe fez 80, e como os filhos estão lá também, o Gutemberg, a Graziela, a família está sempre Como é po“Aqui é um muito junto, muider contar com to participativa, lugar seguro a experiência meus pais são política do seu e tranquilo muito políticos. esposo, o depupara se Mas eu, Ilda, potado Londres criar os liticamente, nunMachado? filhos” ca pensava em Nós somos ser candidata, muito parceiros, mas sempre fui participativa, tanto nas nossas empresas como em casa, também. Nós junto com o deputado Lontemos o hábito de conversar, dres, ajudando, colaborando, tudo tem que ser conversado, para melhorar Fátima do Sul, eu gosto, sou muito conver- mas no seu tempo, porque sadora, gosto de estar dia- cada um governa de um jeito, logando, ele conversa muito então, eu esperei muito que pouco, mas eu puxo por ele. essa cidade mudasse, não de Não só com ele, gosto muito lugar, mas de rumo. Acredito de conversar com todas as que Deus me colocou neste pessoas, seja a palavra dura lugar, nesta cadeira de preou a palavra agradável, por- feita para mostrar para todos que às vezes a gente tem que os políticos que quando você ser dura, mas na hora certa e tem desejo de fazer alguma sábia, na hora certa também. coisa de bem para as pessoas, Há 47 anos nós somos ca- você encontra um caminho, sados, graças a Deus, temos encontra condições de fazer. dois filhos abençoados, temos Me sinto muito orgulhosa por quatro netos e um bisneto. Eu representar Fátima do Sul, a sou uma pessoa muito grata a cidade que é meu berço, isso Deus e aqui na prefeitura eu me emociona muito. não estou como uma política, O que a senhora apreneu estou como uma pessoa deu com Fátima do Sul? que Deus colocou para transFátima do Sul foi onde eu formar a falta de um porto seguro das pessoas e Deus aprendi a conversar e conheme colocou para transformar cer as pessoas de perto. A miessa situação, eu sempre sou nha casa sempre esteve aberta guiada por este Deus, tenho a todos. O meu marido sempre certeza de que Deus me colo- foi político, desde o primeiro

dia em que nós casamos, só ram com construções e mais para se ter uma ideia, no dia construções, não se encontra em que eu casei, as pessoas um pedreiro parado. já estavam de madrugada na minha porta pedindo que O carnaval continua o deputado fosse candidato, sendo uma grande marca de tudo isso começou naqueles Fátima do Sul, quando a sedias que sucederam o nosso nhora inventou este carnaval casamento e até hoje é assim. imaginava que ele alcançasse Tanto para mim como para o tanto sucesso assim? Eu sou uma mulher de deputado, Fátima do Sul tem um significado muito grande muita fé. Tudo aquilo que eu planejo, antes de porque foi aqui colocar em práque iniciamos a “Me sinto tica eu coloco na nossa vida políorgulhosa por mão de Deus e aí tica, onde nasrepresentar Deus me indica, ceram os nossos filhos, onde eu Fátima do Sul, vai, vai que vai aprendi a amar a cidade que dar certo e foi asestas pessoas de é meu berço” sim com o carnaval. Eu comecei coração mesmo. fazendo blocos, Desde criança a gente convivia brincando em reunindo as pessoas e acabou Fátima do Sul, colhendo al- dando certo. Eu acreditei, godão, batendo amendoim, e coloquei a minha fé e a minha isso me traz boas lembranças. cara à tapa, fui confiante e determinada, quero fazer e vai Em termos de renda acontecer, foi assim que eu fiz, familiar, o que melhorou em é assim que eu penso, com fé e até agora deu tudo certo. Fátima do Sul? Fátima do Sul é uma ciQue tipo de experiência dade que não tinha nada em termos de projeto. As pessoas a senhora adquiriu adminisnão sabiam o que fazer para trando Fátima do Sul? A experiência que eu tive obter uma renda, não havia nenhum incentivo para buscar foi muito boa e não foi nada esta renda. Os próprios empre- fácil. Foi um desafio. Tive que sários não tinham como olhar deixar o marido em Campo com bons olhos e se instalar Grande, trabalhando. Nestes em Fátima do Sul, como? Uma oito anos não curti os netos cidade que não tinha nada, que foram crescendo, minha uma cidade abandonada. En- neta caçula, há oito anos tão empresário nenhum se atrás, tinha oito anos de idainteressava em colocar algo de, hoje ela tem dezessete, em um lugar que não tinha está em São Paulo, cursando atrativo nenhum. Então, hoje medicina, a mais velha já está nós fazemos os nossos eventos, formada, então eu renunciei a pessoa pega o seu isopor, vai a este acompanhamento para lá e vende, sabe que vai vender me dedicar de corpo e alma o seu pastel, a cerveja, o re- ao município. Hoje, por outro frigerante, enfim, vende o que lado, é gratificante porque os quer, roupas, uma das maiores meus filhos, meus parentes, referências neste sentido é o quando vêm a Fátima do Sul carnaval. Tem gente que vende dizem, mas Ilda, o que você fez tanto no carnaval que chega e que mudou tanto Fátima do fala, ‘Dona Ilda, eu vou dormir Sul? Esse dinheiro tão pouco e vou ficar cinco meses sem que arrecadamos, Deus acrestrabalhar’, então, às vezes centou, duplicou as verbas, as pessoas até se acomodam, então quando eu planejo fazer então, a gente tem que apro- alguma coisa acontece do diveitar o momento. O setor de nheiro já aparecer, as portas construção civil também é hoje se abrem porque a credibiliuma grande fonte de trabalho, dade que eu conquistei com as pessoas andam nos quatro as pessoas também tem sido cantos da cidade e só se depa- importante para em tudo isso.


D1 Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia

Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

3

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Socorro

UFGD terá repasse emergencial para HU Apesar da garantia do governo federal em conceder recurso de R$ 3 milhões, hospital continua em crise mensal de R$ 700 mil. “Os recursos emergências podem OURADOS – O go- ajudar quitar a dívida acumuverno federal se com- lada, mas outras serão geradas prometeu em repassar mensalmente por causa do para a Universidade déficit”, argumenta. Para ele a Federal da Grande solução seria Dourados (UFGD) HU descarta a renovação R$ 3 milhões, em atraso no da contratulicaráter emegencial, zação, cujos para ajudar a quitar pagamento uma dívida acumudos salários recursos são repassados lada de R$ 4,5 midos pelo Fundo lhões. Os recursos servidores Municipal de são do Programa Saúde e Admide Reestruturação nistração Hospitalar de Doudos Hospitais Universitários (Rehuf) e do Ministério da rados. Hoje são repassados Educação (MEC), que irá re- mensalmente R$ 2 milhões. passar R$ 2 milhões do fundo Para solucionar o problema, próprio. A garantia foi dada seria necessário mais R$ 1 ao reitor da UFGD, Damião milhão por mês. Enquanto não haja uma Duque de Farias, que esteve solução, o Conselho Gesna última quinta-feira em Brasília, tentando achar uma tor do HU decidiu desativar solução para crise que se ins- gradativamente seis leitos da Unidade de Terapia Intensiva talou no HU. Apesar desses recursos (UTI) adulto e quatro da UTI que serão repassados emer- pediátrica, que estão sem gencialmente, o reitor admite credenciamento, e outros dez que a crise vai continuar, já leitos para tratamento de HIV/ que o HU mantém um déficit Aids, que estão credenciados, Marli Lange

D

mas sem financiamentos e sem contratualização. Por causa da falta de financiamentos desses leitos, o HU se obriga a bancar as despesas com os recursos que recebe mensalmente. Cada leito de UTI tem um custo diário entre R$ 1,5 mil a R$ 4 mil, dependendo da patologia. A direção do HU também não descarta a possibilidade de redução gradativa dos atendimentos ambulatoriais, incluindo as áreas de Ginecologia e Obstetrícia; atender apenas vagas referenciadas como de alto risco na Maternidade e reduzir o quantitativo de exames. A medida busca adequar a quantidade ao custo dos atendimentos. Para chegar ao valor de R$ 3,3 milhões, a direção do HU diz que realizou estudos desde dezembro de 2011. A proposta de nova contratualização já teria sido apresentada ao poder público, tanto nas esferas municipal, estadual e federal. O HU atende mais 35

Hedio Fazan

Direção do HU anunciou na semana passada o fechamento gradativo de dez UTIs municípios, incluindo pacientes do Paraguai. Mensalmente são realizados aproximadamente 3,5 mil consultas, 700 internações, 250 cirurgias, 350

partos e ocupação permanente das UTIs. O diretor geral do HU, Wedson Desidério Fernandes, garantiu que os cerca de 500

servidores do HU vão receber seus salários em dia, até o 5° dia útil, já que a prefeitura fez um repasse de R$ 500 mil para esse fim na semana passada.

Unigran

Aldeias vão receber ação social de odontologia Senai oferece 20,3 mil vagas em 143 cursos D Profissionalizante

Ademir Almeida

No Senai Educa Qualifica, 6.970 vagas são oferecidas para cursos gratuitos

D

OURADOS - O Senai Educa Qualificação, o maior programa de formação profissional de Mato Grosso do Sul, ainda oferece 20.362 vagas em 143 cursos das modalidades de educação profissional técnica de nível médio, qualificação profissional, iniciação profissional, especialização profissional, superior e pós-graduação distribuídos por 23 cidades ao longo deste 2º semestre. Do total das vagas disponibilizas, 18.840 são gratuitas e os interessados podem obter mais informações diretamente nas unidades do Senai em Campo Grande, Sidrolândia, Corumbá, Dourados, Deodápolis, Nova Alvorada do Sul, Naviraí, Nova Andradina, Ivinhema, Rio Verde, Sonora e Três Lagoas.

Lançado no dia 2 de julho pelo presidente da Fiems, Sérgio Longen, para reduzir o déficit de mão de obra qualificada no setor industrial, o Senai Educa já totalizou 7.686 vagas preenchidas, das quais 6.970 são gratuitas – 4.450 oferecidas com recursos próprios do Senai e 2.520 em parceria com o Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego). “Os números de vagas preenchidas em apenas um mês demonstram que o Senai Educa se consolida como o maior programa de educação profissional do Estado, contribuindo, de maneira decisiva, no aumento da atuação do Senai no oferecimento de cursos de formação profissional para as indústrias”, avaliou o presidente da Fiems. Já o

diretor-regional do Senai, Jesner Escandolhero, acrescenta que o preenchimento de 7,6 mil vagas em apenas um mês sinalizam para o cumprimento do compromisso da entidade e do Sistema Fiems com o desenvolvimento industrial do Estado. SERviçO Mais informações pelos telefones em Campo Grande (67 – 3321-0421), Sidrolândia (67 – 3272-5959), Corumbá (67 – 3234-2800), Dourados (67 – 3411-2600), Deodápolis (67 – 3448-2491), Nova Alvorada do Sul (67 - 3456-3074), Naviraí (67 – 3461-2141), Nova Andradina (67 – 34414912), Ivinhema, Rio Verde (67 – 3292-1747), Sonora (67 – 3254-3613) e Três Lagoas (67 – 3509-5200).

OURADOS - Acadêmicos do curso de Odontologia da Unigran participaram de uma palestra sobre o contexto indígena de Dourados. Eles farão ações sociais nas aldeias, assim puderam aprender um pouco mais da cultura e vivências dos indígenas. A Unigran e a Secretaria Especial de Saúde Indígena, a Sesai, firmaram um convênio para atender a comunidade. “Levaremos nossos alunos nas aldeias, para que eles possam aplicar os conhecimentos de promoção de saúde diretamente nas aldeias, no ambiente delas, onde residem”, explica o coordenador do curso, Rei-

naldo Akamine. O palestrante e dentista da Sesai, Antônio Saturnino Filho, fala que esta palestra é importante para que os alunos cheguem à aldeia sabendo mais sobre os seus pacientes. “Para não haver um choque de realidades, nós viemos para trazer conhecimento da aldeia, alguns dados da saúde bucal e geral, para os alunos já irem para lá mais familiarizados com a realidade que eles encontrarão na aldeia”, comenta. Os estudantes do 4º semestre de Odontologia assistiram à palestra e acharam interessante, pois ali é uma cultura diferente, “o importante foi ter o contato, nós podemos

observar uma cultura diferente do que estamos acostumados”, comenta Alexandra Batista. Para Dailana Torres “é bom ter contato com outras culturas, para nós aperfeiçoarmos as técnicas de odontologia”, diz. Estas ações que os alunos fazem durante a faculdade, os ajudam muito na profissão, pois saem do curso, com experiência, “atualmente a maior parte dos alunos de odontologia, depois que se formam, vão procurar o serviço público, então eles de imediato, tendo uma noção, vão aprender a planejar, fazer levantamento epidemiológico, então é muito importante isso”, finaliza Antonio Saturnino.


4

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

D1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Exemplo

Escolas rurais incentivam reciclagem Desde pequenos, alunos aprendem a importância da consciência ambiental, tema de debate em sala de aula Fotos: Leonel Jonas

As escolas estimulam os estudantes sobre a importância da consciência ambiental Volume de lixo é tão grande que os alunos ajudam a levar o que foi recolhido até o depósito Leonel Jonas

D

OURADOS - As escolas municipais Coronel Firmino Vieira de Matos, na Vila Macaúba, e Fazenda Miya, a oito quilômetros da vila, ambas na zona rural de Dourados, realizam o projeto “Construindo um Ambiente Saudável e Sustentável”. O projeto, desenvolvido pelos professores e estudantes, tem como objetivo passar para

os pequenos a ideia de preservar e proteger o meio ambiente, visando a uma melhor qualidade de vida para hoje e futuras gerações. Toda quarta-feira os alunos levam para a sala de aula materiais recicláveis. Uma professora passa na porta com um carrinho de mão recolhendo o que foi levado pelos estudantes. O material recolhido pelos alunos da escola Fazenda Miya, na zona rural, é levado por voluntários até Macaúba, para se juntar com os demais materiais coletados na Escola Coronel Firmino. Depois de arrecadado, o que viraria lixo e poluiria o meio ambiente vai para o vestiário do campo de futebol de Macaúba, que está desativado. Quando está lotado, os professores ligam para Associação dos Agentes Ecológicos

de Dourados (Agecold), que recolhe todo material para a reciclagem. O projeto, criado em 2009, recompensa com doces os alunos que levarem até a escola o material reciclável. Foi uma forma de estimulá-los e deu certo. “Essa foi uma alternativa encontrada para eles trazerem

os recicláveis até a escola. Com isso, os estudantes começaram a ter consciência de que estão cuidando do meio ambiente”, explica a professora Sandra Regina, uma das coordenadoras do projeto. Para a professora Rosa Alraide, que leciona em ambas escolas, a iniciativa visa a cons-

cientizar e a orientar a comunidade escolar e a população em geral quanto ao destino do lixo doméstico e das lavouras. “Precisamos adotar a posturas e os hábitos de um consumidor consciente; devemos reciclar e preservar para termos um ambiente saudável e sustentável”, ensina Rosa.

Os professores promovem palestrantes nas escolas para explicar aos alunos o que são materiais recicláveis. Segundo os coordenadores do projeto, muitos que moram nas fazendas têm o hábito de queimar o lixo. Em Macaúba, o serviço de coleta de lixo passa duas vezes por semana.

Atração

Feira Gaúcha destaca a cultura do Sul

D

OURADOS - A primeira Fenasul (Feira Nacional do Sul) de Dourados atraiu um grande público nesse fim de semana no Pavilhão de Eventos Dom Teodardo Leitz. O evento, que traz o Sul do país para a cidade, segue até o dia 12 de agosto com stands de artesanatos, roupas, danças tradicionais e a tão famosa culinária regional. Vinhos, especialidades do Sul, e o tradicional chocolate de Gramado fazem sucesso. Quem visita a Feira fica encantado com as tradições gaúchas. Fernanda Oliveira se sentiu em casa. Ela conta que veio do Sul com a família há 12 anos e que é muito bom relembrar um pouco dos costumes. “As danças, os pratos típicos, tudo muito bom e bem organizado. A Feira está ótima para aproveitar com a família”, comentou. Atrações culturais estão previstas para todas as noites. A competição do chopp em metro também movimenta a Feira. A inscrição é gratuita e o chopp para quem compete também. O organizador Carlos Lima afirma que esta é uma forma de brincar e interagir com o público. “Estão todos convidados”, enfatiza.

Divulgação

A 1ª edição da Fenasul segue até o próximo domingo, dia 12 de agosto, em Dourados Para o coordenador da Feira, Mauro Lúcio, o evento deve atrair cerca de 1.500 pessoas por dia. “Fomos muito bem recebidos, a Feira está preparada com o maior carinho para os douradenses”, comentou. Os ingressos para a Feira custam R$ 3,00. Menores de 12 anos e maiores de 60 têm entrada gratuita. A Fenasul está aberta ao público das 16h às 23h, durante a semana, e aos domingos das 12h às 23h.


Caderno B A magia dos palhaços Dourados, Mato Grosso do Sul, sexta-feira, 6 de agosto de 2012

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------o progresso

Palhaço, malabares e magia

Fotos: Divulgação

Grupo curitibano apresenta “Circo Espalhafatos”

Circo Espalhafatos, de Curitiba, se apresenta no Teatro Municipal de Dourados

N

os próximos dias 11 e 12 de agosto, apresenta-se em Dourados o “Circo Espalhafatos”, grupo curitibano que ganhou prêmios nacionais e trará ao Teatro

Municipal o espetáculo “Arco Íris, Uma Alegoria Circense”. No palco, muita música, mágicas e palhaçadas pretendem levar a criança para o incrível mundo circense, alegrando e trazendo à memória dos adultos a lembrança dos picadeiros dos circos de lona. O espetáculo traz para o palco a arte milenar do circo brasileiro, aproximado ao público, de diálogo fácil e de muita interatividade. A entrada será franca e o horário

das apresentações ainda será definido. O espetáculo-show traz uma mescla de ações circenses. O personagem que mais marca essa característica do circo brasileiro, o palhaço, é representado por dois tipos: o palhaço de piadas, encontrado nos circos de médio e pequeno porte, e o palhaço de reprise, do circo de grande porte, que se apresenta entre os números circenses, sem o uso da fala e reprise musical.

No palco muita música, mágicas e palhaçadas Os produtores explicam que a principal atração é o mágico Délfus, que vem encantando todas as plateias por onde o espetáculo tem passado. A trilha sonora foi criada por Susi Monte Serrat e Jose Barbosa. É cantada ao vivo no picadeiro por Susi Monte Serrat (voz e violão). Fazem parte do elenco também Antenor Delfino (Mágico Délfus), Lauro Monteiro (malabarista e contato)e Jose Barbosa (palhaço Pipoca). A apresentação, que tem a duração de 50 minutos, é

dirigida por Jose Barbosa Alves. “Acreditamos que somamos muito no intuito de agregar valores à arte do circo e seus espetáculos e com a condição técnica inegável do

elenco artístico, contribuímos no objetivo principal que é a formação do gosto a assistir e participar de atividades circenses e culturais”, explicam os produtores.


2

Variedades Variedades

Variedades

Variedades Variedades

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

B1

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Canal Zap

Gabriel sobreira

ela pode Luiza Dantas/CZN.

Débora Nascimento é só elogios para a trama de Tessália, seu papel em “Avenida Brasil”, da Globo. Na história de João Emanuel Carneiro, a personagem começou tímida e discreta. Aos poucos, ganhou espaço, conquistou o coração do divertido Leleco, interpretado por Marcos Caruso, e de quebra encantou o boa praça Darkson, de José Loreto. “Ela tem um olhar que vê tudo como se fosse pela primeira vez. É aquele olhar “, observa, entre risos. Nesta terça, dia 7, a moça será surpreendida por uma declaração e um beijo apaixonado do rapaz. Quando não está gravando, a atriz, assim como sua personagem, gosta de dançar charme. Mas a familiaridade com o ritmo veio antes da novela. “Mas nunca soube dançar assim. Sou meio desengonçada. Tive dificuldade em pegar a coreografia até porque sou meio perfeccionista também. Faço aula até eu ficar bem e conseguir”, conta. Mas o ritmo de gravações da novela não tem ajudado Débora na hora de arriscar novos passos de dança e por isso ela não tem conseguido frequentar os bailes. “Quando tenho um dia livre eu caio, capoto mesmo. Até pedalo, vou para a praia, mas acabo dormindo a noite inteira”, revela.

Fila das seis

“Amor Eterno Amor” nem terminou e a Globo já está adiantada com as produções que seguirão na faixa das seis. A partir de setembro, a emissora estreia “Lado a Lado”, escrita por João Ximenes Braga e Claudia Lage, que terá Camila Pitanga, Marjorie Estiano, Lázaro Ramos e Thiago Fragoso, entre outros, no elenco. A partir de março de 2013 é a vez de “O Caribe É Aqui”, título provisório da próxima novela de Walther Negrão que deverá ser protagonizada por Grazi Massafera. Só em setembro de 2013, é que irá ao ar “O Pequeno Buda”, novela de Thelma Guedes e Duca Rachid, com Bruno Gagliasso no papel principal.

Os mutantes da Globo

A partir de agosto, a Record promove a primeira oficina de autores com roteiristas da emissora. O encontro terá a duração de três meses e será sob o comando do autor Luiz Carlos Maciel.

Ricardo Linhares será o responsável pelo texto do “remake” de “Saramandaia” na Globo. A novela deverá substituir “Gabriela” na faixa das 23h, em 2013. A produção, exibida originalmente em 1976, conta a história dos moradores da fictícia cidade baiana de Bole-Bole. Lá acontece um plebiscito para decidir se a localidade deve passar a se chamar Saramandaia. Paralelamente à disputa dos interesse das duas vertentes políticas existentes, são exibidos tipos bem exóticos de moradores, como um homem que se transforma em lobisomem, uma mulher que provoca incêndio com o próprio corpo, outro que tira formiga pelo nariz, outro com asas e uma mulher que explode de tanto comer.

A Lua transita por sua área de crise, confrontando-lhe com insatisfações no âmbito afetivo. A quadratura com Vênus, em sua terceira casa, sugere que você evite expor o que vem lhe incomodando, pois neste momento a discrição é fundamental. Encontre saídas viáveis sem interferências alheias.

Lua e Vênus formam quadratura entre sua área de amizades e seu setor material, alertando para o risco de disputas territoriais que podem comprometer as relações de confiança. Na iminência de um embate, o diálogo tende a ser o melhor aliado. Assuma uma postura conciliadora e pacífica.

A quadratura que hoje se estabelece entre Lua e Vênus sugere uma tendência a misturar questões pessoais e profissionais, o que pode interferir negativamente em sua produtividade e na relação com as pessoas. Controle sua ansiedade e procure agir de modo racional perante os desafios.

Ao se posicionar em sua nona casa, a Lua estabelece quadratura com Vênus em sua área de crise, sugerindo uma fase em que você tende a somatizar doenças de fundo emocional. Tendo consciência disso, você pode se trabalhar interiormente e direcionar seus pensamentos para questões práticas.

As energias de Lua e Vênus entram em quadratura e lhe trazem desafios emocionais significativos, sobretudo a necessidade de frear seus instintos e não ir com tanta sede ao pote em se tratando de prazeres. Procure se preservar e aproveitar as oportunidades sem tanta pressa e ansiedade.

A Lua transita por sua área de relacionamentos e hoje você perceberá grande necessidade de companhia e de conforto emocional. Entretanto, a quadratura com Vênus sugere que você não crie muitas expectativas e nem exija demais dos outros. Cuidado com idealizações em excesso.

Lua e Vênus formam quadratura entre sua sexta e nona casas, trazendo-lhe a necessidade de cuidar mais de si, do ambiente em que você vive, de seus estudos e projetos pessoais. É momento de se valorizar e prestar maior atenção às oportunidades que a vida tem a lhe oferecer. Fique atento!

Tensionando sua quinta e oitava casas, a quadratura Lua-Vênus alerta para que você busque o equilíbrio entre suas atividades de lazer e suas finanças. Você tende a agir com impulsividade na busca de prazeres pessoais, mas a imprudência pode lhe colocar em apuros. Seja prudente!

O momento pede atenção e cuidado em seus relacionamentos pessoais, pois a quadratura Lua-Vênus evidencia um momento de incompatibilidade com as pessoas próximas. O importante é perceber que a convivência pode ser harmoniosa mesmo diante das diferenças. Respeite-as!

Seus relacionamentos de trabalho transitam por terrenos perigosos no dia de hoje. A quadratura Lua-Vênus tensiona sua terceira e sexta casas e evidencia um choque de interesses significativo, com tendência a discussões acaloradas. Evite envolver-se em litígios. Sua diplomacia será testada, coragem!

Atensão envolvendo Lua e Vênus, entre sua segunda e quinta casas, pede atenção especial à sua vida financeira, sobretudo diante das demandas sociais que tendem a surgir. Evite comprometer seu orçamento, mesmo que apareçam propostas irresistíveis. Estabeleça limites e divirta-se com responsabilidade.

O momento pede maior cuidado com sua vida familiar, já que a quadratura Lua-Vênus lhe predispõe a atitudes excessivamente passionais e que podem comprometer suas relações na área. Sua paciência será testada, mas seja ponderado em suas reações. Seu posicionamento fará a diferença.

Liga do bem

O “TV Kids” estreia hoje, às 10h30, com exclusividade, a segunda temporada do desenho “Gormiti – A Era do Eclipse Supremo”. A animação se passa na ilha de Gorm e retrata a rotina de Toby, o senhor da Água; Nick, senhor da Terra; Luca, o senhor da Floresta, e Jessica, senhora do Ar, agora todos com 11 anos de idade. Nesta temporada, os heróis ganharam novos poderes e armaduras e enfrentam nova ameaça: Obscurior, o senhor da

Escuridão. Para lidar com esse e outros desafios, os pequenos contam com a ajuda de Razzle, um dinossauro que assusta todos sempre que aparece.

Valorizando pratas da casa

Horóscopo

Forno e fogão

Hoje, o “Mais Você” estreia a quarta edição do “reality show” “Super Chef”. Eesta temporada contará com artistas como Adriana Birolli, Max Fercondini, Sérgio Loroza, Milena Toscano, Dig Dutra, Falcão e Luiz Salém. Os competidores participam de “workshops” com renomados “chefs” e realizarão provas para continuar no programa. O vencedor ganha R$ 50 mil e um carro.

rápidas

# O programa “Acesso MTV” receberá a banda NX Zero nesta quarta. # Aguinaldo Silva prepara uma sinopse de seriado e novela para 2014. # A partir de setembro, o “Encontro com Fátima Bernardes” poderá ter mudanças. # Roberta Almeida estará no elenco de “Passado Próximo”, título provisório da substituta de “Máscaras”, da Record.

Foi bem

A trilha sonora de “Avenida Brasil”, da Globo. “Hits” populares embalam com perfeição a trama de cada personagem da novela de João Emanuel Carneiro.

Foi mal

A história de Jorginho, vivido por Cauã Reymond, em “Avenida Brasil”, da Globo. A trama do personagem está chata, arrastada e ele sempre aparece mal-humorado. E-mails para esta coluna: canalzap@cartaznoticias.com.br

Novelas

Rede Globo rede Globo

amor eterno amor - Rodrigo se impressiona por Elisa ter encontrado a concha que ele perdeu no rio. Beatriz decide não ir à polícia e Melissa comemora. Priscila volta para a casa de Laura. Elisa elabora um plano com Fernando. Miriam conta para Rodrigo que o computador de Beatriz foi invadido por um hacker. Josué manda Valéria se desculpar com a modelo que estava gravando com ele. Elisa pega o anel do Marajá na gaveta do quarto de Rodrigo. Laís fica animada com as fotos antigas de seu pai. Priscila se reconcilia com Laura. Pedro descobre mais uma pista sobre o sequestro de Rodrigo e Dimas fica nervoso. Elisa provoca Miriam e exibe o anel do Marajá para ela. cheias de charme - Rosário e Penha embarcam sem Cida para o show. Cida e Conrado são fotografados juntos no aeroporto. Jiló sugere que Sandro venda seu carro para pagar a pensão de Patrick. Niltinho e Rodinei decidem ajudar Messias. Inácio convida Dinha para ficar em sua casa. Isadora se irrita ao ver as fotos de Conrado com Cida na internet. Ariela fica animada com a possibilidade de contratar Gracinha. Niltinho e Rodinei pedem que os condôminos do Casagrande ajudem seu Messias. Tom diz para as Empreguetes que Socorro vai cantar no lugar de Cida. Sandro perde o carro. Chayene proíbe Socorro de cantar com as Empreguetes. Cida chega apressada ao local do show. Conrado garante a Elano que vai reconquistar Cida. Tom e Kleiton repreendem as Empreguetes pelo clima ruim. Inácio pensa em Rosário. Elano vê as fotos de Cida com Conrado. avenida brasiL - Jorginho não consegue nenhuma informação com Santiago. Tufão tenta descobrir com Herculano onde Carminha esteve. Jorginho segue Santiago e descobre onde ele mora. Santiago avisa a Lucinda que foi visitado por Jorginho. Suelen exige que Roni se empenhe para conseguir uma boa oportunidade no futebol profissional. Olenka tenta defender Monalisa na reunião da diretoria do Divino. Roni tenta se aproximar de Leandro. Suelen teme que o marido não consiga a vaga para um time de primeira divisão. Olenka discute com Silas por causa de Monalisa. Suelen repreende Roni por ter perdido um pênalti no jogo. Max não atende o telefonema de Carminha. Olenka pede perdão a Monalisa. Alexia apressa Cadinho para cumprir o horário estipulado no contrato com Verônica. Tomás e Débora criticam Noêmia por aceitar dividir o marido. Carminha perde a paciência ao ver que Max não atende seus telefonemas. Jorginho entra na casa de Santiago.

Palavras-Cruzadas Diretas

solução do nº anterior


B1 Variedades Variedades VariedadesVariedades Variedades Variedades Variedades 3 Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Fotos: Divulgação

Música brega dá o tom às histórias de amor

Documentário relembra artistas como Wando e Lindomar Castilho

Wando em ‘Vou Rifar Meu Coração’

Agnaldo Timóteo é uma das estrelas do documentário

U

m reclama que, quando canta, é brega, mas na voz de Maria Bethânia fica chique. Outro diz que o problema é não ter o sobrenome ‘Buarque de Hollanda’. A diretora Ana Rieper sabia que um documentário sobre a música brega com certeza despertaria polêmica. O brega, por definição, é cafona. Revela gosto duvidoso e até mau gosto. No Nordeste, é sinônimo de zona de meretrício. ‘Vou pro brega’, diz o sujeito e você sabe aonde ele está indo. Mas Ana queria enfocar o universo da música brega, convencida de que ele

espelha o País - esse Brasil que se vê em “Avenida Brasil”, nas noites da Globo. É ele, inclusive – uma composição sua –, que dá título ao filme, “Vou Rifar Meu Coração”. Em 1981, devorado pelo ciúme, Lindomar desferiu cinco tiros contra a ex-mulher. Um deles atingiu Eliane de Grammont. Ela morreu e ele cumpriu pena. Ficou preso sete anos. Isso não restitui a vida de Eliane, mas não se pode dizer que Lindomar Castilho tenha ficado impune. Ele vive atualmente mais ou menos recluso em Goiás. Para parte da crítica, não basta.

Os críticos que se emocionam com filmes contra a pena de morte e a dificuldade de reintegração de ex-presidiários à vida social querem mais punição para o cantor e compositor – o seu banimento? “Não imaginei que a presença de Lindomar fosse despertar tamanha polêmica”, diz a diretora. O filme trata do imaginário afetivo dos brasileiros, com base na música. Na semana que vem, estreia “À Beira do Caminho”, de Breno Silveira, que também trata de sentimentos e de música, por meio da história de um caminhoneiro (e um menino).

Lá, as músicas são de Roberto Carlos. Aqui, são de Odair José, Agnaldo Timóteo, Waldick Soriano, Evaldo Braga, Nelson Ned, Amado Batista. Logo na abertura, Wando conta como e por que criou um de seus grandes sucessos, “Moça”, para abordar o tabu da virgindade. “Sei que já não és pura...” Ana vivia em Sergipe, integrando uma ONG, quando o filme começou a nascer. Sua principal referência não foi nenhum estudo musical, mas uma das bíblias da sociologia no País, o livro “Casa-Grande & Senzala”, que Gilberto Freyre publicou em 1933. Muita gente o contesta como ‘ciência’, mas Freyre analisou a importância da casa-grande na formação sociocultural brasileira, bem como a da senzala, que complementa a primeira. Entre a casa-grande e a senzala, entre o branco e o negro (e o indígena), o senhor e seus descendentes, houve muita troca sexual. “O filme analisa essas relações. Afeto,

Jovens Embaixadores prorrogam inscrições

A

s inscrições para o Programa Jovens Embaixadores 2013 foram prorrogadas até o dia 26 de agosto. Os selecionados terão a oportunidade de fazer um intercâmbio de três semanas nos Estados Unidos, onde participarão de diversas reuniões, encontros, atividades culturais e de voluntariado. O projeto é uma iniciativa da Embaixada dos Estados Unidos em parceria com instituições públicas e privadas de ambos os países. Serão selecionados 35 alunos da rede pública de ensino. Na primeira semana, eles ficarão em Washington, onde visitarão

escolas e sedes de projetos sociais. Nas semanas seguintes, vão viajar pelo interior do país e serão hospedados por uma família local. Segundo a diretora de Integração Educacional da Secretaria de Educação, Inês Silva, podem se inscrever jovens entre 15 e 18 anos de idade que estejam matriculados no ensino médio da rede pública. É necessário que tenham espírito de liderança e que façam trabalho voluntário na sua comunidade por pelo menos um ano. Além disso, é fundamental que tenham algum conhecimento da língua inglesa e excelente desempenho escolar.

“O jovem embaixador vai levar para os Estados Unidos a nossa cultura, o trabalho que é feito aqui no Brasil, mostrando como é o desenvolvimento da sua responsabilidade social. Ele vai conhecer também o que é feito nos EUA. Com isso, irá melhorar a sua fluência em inglês. É uma boa oportunidade para o aluno, que pode ampliar seu horizonte”, disse a diretora. Segundo a embaixada, o programa foi criado no Brasil em 2002 e já beneficiou 294 jovens brasileiros. Atualmente, ele ocorre em 25 países. Os interessados que atendam aos pré-requisitos podem preencher

o formulário de inscrição no site ww.jovensembaixadores. org/2013 .

dependência, dominação, decepção, revolta”, divaga a diretora. O espectador pode estranhar que a abordagem de Ana Rieper privilegie o Nordeste - e Sergipe, mas ela morava lá -, praticamente ignorando o Sul, como se nele não houvesse brega. “Não me propus a uma análise do País. Peguei um recorte”, ela informa. Seus personagens são variados – mulheres (que falam de homens, “Ele beija em cima e acende o fogo embaixo”, diz uma), um par

de gays, uma travesti. E os cantores e compositores. Agnaldo Timóteo dá o depoimento mais contundente, falando da permissividade gay com franqueza brutal, nestes tempos de correção. Lindomar Castilho fala sobre o que o ciúme pode provocar, mas sem se referir ao próprio crime. Havia um acordo para não falar do assunto. Compromete o filme? Cinema não é jornalismo, por mais que muita gente, críticos, inclusive, confundam o documentário com reportagem.


Coluna da

Adiles "Ser pai é sorrir, chorar, sofrer, gargalhar. Ser filho é agradecer todos os dias a oportunidade de ter um bom pai".

O PROGRESSO

Inauguração do Fórum de Dourados

Aniversariantes

No último dia 2, foi inaugurada a ampliação e reforma do Fórum de Dourados, que recebeu o nome do juiz Dr. João Adolfo Astolfi (já falecido); foi emocionante. Várias autoridades do Poder Judiciário usaram a palavra, todos para elogiar o caráter e a postura do homenageado. Fotos: Hedio Fazan

Família do homenageado: viúva Dra. Sônia e os filhos Juiz Eduardo Rocha, pres. TJ, Hildebrando C. Neto, Giovana, Giuliano e Roberta juíza Dra. Dileta e o general Carvalho

Parabéns e felicidades a Maisa, que aniversaria hoje.

Robson Braga, gerente comercial do Shopping Avenida Center, aniversaria hoje, recebendo os cumprimentos dos familiares e amigos.

Visitantes Gen. Carvalho, Dr. Valdir, Dr. Lucio, Dr. Hildebrando, Dr. Jonas e o juiz Dr. Roberto

Parabéns aos aniversariantes de HOJE (6 de agosto): Maria Mendes Nascimento - Ana Cristina Santos Ribeiro - Clovis Gonçalves Lima - Antonio Luiz do Amaral - Luiz Vital Sobrinho - Marisa Teles - Mozart Vieira da Silva - José Ribeiro de Melo - Amanda Xavier da Fonseca.

Dia dos Pais no Kikão

Almoçar em família no dia 12 de agosto, domingo, Dia dos Pais, é tudo de bom. A equipe do Kikão Restaurante está preparando uma surpresa muito gostosa para esta data tão especial. Seu herói merece saborear o tradicional churrasco Kikão com um delicioso e inédito Festival de Assados. Tudo feito com carinho para você celebrar o melhor Dia dos Pais, no ambiente mais agradável de Dourados.

Amanhã

Maj. PM Alex, Ten. Cel. C. Barbosa e Cel. Duarte (DOF)

Dr. Josimar, Dr. Ruy Celso, Dr. Afeife e Dr. Diego

Vanuza Zanolla, diretora escolar do CoFotos de pessoas presentes légio Delphos, e a professora de redação no jantar realizado na última Angela Faccenda, que estiveram em visita sexta-feira, pelo Poder Judicia este jornal e vieram conhecer a estrutura ário do MS e TJ, no salão de deste meio de comunicação.

festas da Unigran. Na terça-feira, fotos da inauguração do escritório de advocacia do Grupo Kaizen.

Fases da Lua

Dr. Cícero, promotor João Linhares, del. PF Chang Fan, chefe períDrs. Farnesi, Nazi El Kadri e Carlos Videira cia da PF Joel dos Santos e o promotor eleitoral Dr. José Aparecido

Salmo 35-2

Estamos na lua cheia até o dia 9, quando entra a lua minguante. Dia 17 entra lua nova, até dia 24, quando entra a crescente.

Data

Esteve nos visitando também o jovem casal Hoje é dia: da Transfigu"Pega do escu- de médicos Dra. Gisele Lumy Iguma e Dr. ração do Senhor; Eem 1902, do e da rodela, e Daniel Salas Steinbaum. Ela, médica palevanta-te em minha tologista e ele, hematologista. Desejamos no Acre, o Palácio de Castro toma Xapurí e reinicia a guerao casal toda felicidade e sucesso! ajuda".

Dra. Raquel, Dra. Sônia e pres. Amamsul, Augusto Roberti Sonia Astolfi, Dra. Norma e Luiz Tadeu

Desembargadores: João Batista, Hildebrando e Dorival Moreira

Elaiza, Bianca e Jefferson

ra; nascimento em 1910 do compositor e cantor Adoniran Barbosa; nascimento em 1934 do dramaturgo Gianfrascesco Guarnieri.


Mere Kayatt entrega cobertores em Ponta Porã São 10 mil cobertores comprados com o dinheiro arrecadado na maior festa beneficente da fronteira. Cidades 2

Municípios reúnem-se em Nova Andradina

Coluna Social de Naviraí

Reunião de municípios do Território da Cidadania tratou sobre os projetos e as propostas para 2013. Cidades 3

Na Coluna Social de Naviraí você confere os principais acontecimentos com Ana Claudia Oliveira. Cidades 4

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Qualificação

Senai Educa oferece 20,3 mil vagas O Senai Educa é o maior programa de formação profissional do MS e oferece vagas em 143 cursos Divulgação

Caarapó

Educadores planejam o uso das mídias em sala de aula

Fátima Frota

D Programa tem como objetivo reduzir o déficit de mão de obra qualificada no setor industrial

C

AMPO GRANDE Senai e 2.520 em parceria com - O Senai Educa Qua- o Pronatec (Programa Nacional lificação, o maior pro- de Acesso ao Ensino Técnico grama de formação e Emprego). Das 7.686 vagas profissional de Mato Grosso preenchidas no mês de julho, do Sul, ainda oferece 20.362 3.715 foram nos cursos da vagas em 143 cursos das mo- modalidade de iniciação profisdalidades de educação profis- sional a distância, 1.778 foram sional técnica de nível médio, nos cursos da modalidade de qualificação profissional, ini- habilitação técnica no âmbito ciação profissional, especia- do Pronatec, 742 nos cursos lização profissional, superior da modalidade de qualificae pós-graduação ção profissional distribuídos por também no âmDo total 23 cidades ao lonbito do Pronatec, de vagas go deste 2º se735 nos cursos mestre. Do total disponibilizas da modalidade de das vagas dispopelo programa, qualificação pronibilizas, 18.840 fissional no âm18.840 são são gratuitas e os bito do Programa gratuitas interessados poAção Fiems, 690 dem obter mais nos cursos da moinformações diretamente nas dalidade de habilitação técnica unidades do Senai em Campo para a comunidade em geral e Grande, Sidrolândia, Corum- 26 para cursos na modalidade bá, Dourados, Deodápolis, de qualificação profissional a Nova Alvorada do Sul, Navi- distância. raí, Nova Andradina, Ivinhe“Os números de vagas ma, Rio Verde, Sonora e Três preenchidas em apenas um Lagoas. mês demonstram que o Senai Lançado no dia 2 de ju- Educa se consolida como o lho pelo presidente da Fiems, maior programa de educação Sérgio Longen, para reduzir o profissional do Estado, contridéficit de mão de obra qualifi- buindo, de maneira decisiva, cada no setor industrial, o Senai no aumento da atuação do Educa já totalizou 7.686 vagas Senai no oferecimento de curpreenchidas, das quais 6.970 sos de formação profissional são gratuitas – 4.450 ofereci- para as indústrias”, avaliou das com recursos próprios do o presidente da Fiems. Já o

diretor-regional do Senai, Jesner Escandolhero, acrescenta que o preenchimento de 7,6 mil vagas em apenas um mês sinalizam para o cumprimento do compromisso da entidade e do Sistema Fiems com o desenvolvimento industrial do Estado. “O Programa Senai Educa integra o empenho de solucionarmos um dos nossos principais mercados, que é a formação de pessoas para o mercado de trabalho. Nessa proposta, o Senai interioriza suas ações para aqueles municípios onde não temos unidades fixas e, assim, vamos contribuir para melhorar a competitividade das indústrias sul-mato-grossenses e transformar positivamente a vida das pessoas”, pontuou. SERVIÇO Mais informações pelos telefones em Campo Grande (67 – 3321-0421), Sidrolândia (67 – 3272-5959), Corumbá (67 – 3234-2800), Dourados (67 – 3411-2600), Deodápolis (67 – 3448-2491), Nova Alvorada do Sul (67 - 3456-3074), Naviraí (67 – 3461-2141), Nova Andradina (67 – 3441-4912), Ivinhema, Rio Verde (67 – 32921747), Sonora (67 – 3254-3613) e Três Lagoas (67 – 3509-5200).

OURADOS – Os professores de Língua Portuguesa e coordenadores da Rede Municipal de Ensino de Caarapó participaram da segunda etapa de formação para trabalhar com o jornal na escola, realizado pelo Instituto Weimar Torres/O PROGRESSO. Os participantes iniciaram o processo de planejamento para utilizar as tecnologias e as mídias impressa e digital nos conteúdos curriculares. Os temas transversais drogas, trânsito, bulliyng e meio ambiente foram contemplados no planejamento. Os assuntos serão tratados a partir do estudo conceitual (livros didáticos e paradidáticos) e informativo através das mídias (impressa e digital). Com as tecnologias em mãos, os estudantes vão produzir o

Professores de Caarapó em momento de planejamento conhecimento e apresentar para a comunidade. Na formação foi destacado a importancia da utilização das tecnologias e das mídias como formas de trazer a realidade para a sala de aula. “E, também, proporcionar momentos de leitura crítica. De nada adianta enriquecer as aulas se

não proporcionar os momentos para leitura, interpretação e posicionamento crítico da realidade”, destacou a pedagoga Fátima Frota, coordenadora e professora do Programa Jornal e Educação “O PROGRESSO – Ensinando a Ler o Mundo”, do Instituto Weimar Torres/O PROGRESSO.


2

Cidades Cidades Cidade Cidades

Cidades

Cidades Cidades Cidade Cidades

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

C1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Ponta Porã

Primeira-dama faz entrega de cobertores São 10 mil cobertores comprados com o dinheiro arrecadado na maior festa beneficente da fronteira

P

ONTA PORÃ - A pri- escolas rurais. meira-dama de Ponta Outra novidade é que Porã, Mere Kayatt, os cobertores entregues aos está fazendo a entrega alunos das escolas são estamdos cobertores adquiridos com pados pelas logomarcas dos a renda da 8ª Feijoada So- principais times de futebol lidária. A distrido Brasil. Cada buição faz parte aluno escolheu Os cobertores da Campanha do o cobertor com a entregues ao estampa do time Agasalho 2012. Este ano, preferido. alunos têm Mere adotou Assim, nas estampadas uma estratégia escolas, eles fologomarcas diferente: ela está ram divididos de times entregando os code acordo com a bertores para os preferência futealunos das escolas munici- bolística e, ficaram bastante pais e do centro de educação animados durante a distriinfantil. São cerca de 10 mil buição dos cobertores. Em cobertores comprados com o cada escola que a primeiradinheiro obtido na maior festa -dama chegava era recebida beneficente da fronteira que, com muito entusiasmo por este ano, foi realizada no dia parte dos alunos, professo30 de junho, no CTG Querên- res e pessoal administraticia da Saudade. vo. Tanta animação deixou A distribuição começou Mere bastante satisfeita: “é na terça-feira passada nas uma alegria enorme poder escolas e Ceinfs da cidade. entregar a cada criança um Posteriormente, a primeira- cobertor. Nestes oito anos -dama estará entregando os já entregamos 56 mil cobercobertores para as crianças das tores, beneficiando 53.500

famílias de menor renda e, agora, neste ano, decidimos distribuir os cobertores nas escolas e Ceinfs. Estou muito feliz e consciente de que conseguimos atingir todos os objetivos da campanha do agasalho”. Mere aproveitou para agradecer a todos aqueles que, durante oito anos, colaboraram com a realização da Campanha do Agasalho: “eu e o meu marido, Flávio Kayatt, queremos agradecer a cada pessoa que nos ajudou na realização da Feijoada Solidária. Os voluntários que ajudaram a preparar a festa, que trabalharam nela e que também ajudaram a vender as camisetas. Aos nossos patrocinadores que foram fundamentais porque a Feijoada Solidária é um evento que reúne em torno de mil pessoas. Isso dá muito trabalho e, somente com uma equipe boa, foi possível promover a festa que reuniu as famílias fronteiriças em torno do ideal de ajudar as pessoas de menor

Escola Jovelino

Thiago Salvador

Mere Kayatt distribui cobertores para crianças das escolas municipais e Ceinfs renda. Tudo foi feito com muito amor e carinho e, por isso, Deus nos ajudou bastante, fazendo com que pudéssemos beneficiar tantas pessoas”.

Durante os oito anos de realização da Campanha do Agasalho, através da Feijoada Solidária, foram adquiridos e distribuídos 56 mil cobertores,

com 53.500 famílias atendidas. A campanha mobilizou 140 voluntários a cada ano. Foram 152 patrocinadores e 10 mil convidados.

Fórum do Varejo

Professores de Jateí Palestrantes renomados recebem capacitação participam de evento Divulgação

Professores da Escola Rural Jovelino Celestino dos Santos durante o curso

J

ATEÍ - A Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer de Jateí ofereceu recentemente um curso de capacitação, com o tema ‘Avaliação na Educação’, aos professores da Escola Municipal Rural Jovelino Celestino dos Santos, localizada no Assentamento Gleba Nova Esperança, em Jateí. O curso foi ministrado pelo professor mestrando em educação Ruy Carlos de Almeida, de Campo Grande, que desempenhou de forma clara e objetiva, contribuindo ainda mais para o desempenho da educação de Jateí. O curso contou com a participação da

secretária de Educação, Eleni Felipe, que tem estimulado ainda mais essas capacitações, com o objetivo de qualificar o trabalho dos educadores e enriquecer o cotidiano dos alunos, demonstrando dedicação e respeito com a educação do município. Para o diretor Samuel Batista, o professor no papel de mediador deve estar sempre apto no ato de avaliar, e o tema estudado vem ao encontro dos objetivos de proposta pedagógica enaltecendo ainda mais o papel do educador. “O tema ‘Avaliação na Educação’ é complexo e deve estar sempre em discussão por educadores,

pois se trata de avaliar os alunos de forma a evidenciar o potencial de cada um”, disse o diretor. Segundo a secretária de Educação, os participantes sempre manifestam muito interesse, focados no compromisso de manter em alta a qualidade da educação do município, trabalhando com prazer e dedicação. “A administração municipal nunca mediu esforços para melhor atender o setor educacional, visando cada vez mais a preparar os professores, coordenadores e diretores para que tenham bom aperfeiçoamento”, garantiu a secretária.

Fotos: Divulgação

C

AMPO GRANDE – Hoje (6) e amanhã (7), o Sebrae realiza no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, o Fórum do Varejo. Na ocasião, empresários, gestores do comércio, formadores de opinião e líderes de diversos segmentos, serão apresentados a novidades de mercado, tendências e à importância de se explorar os sentidos do consumidor, através do marketing sensorial, para gerar envolvimento e, consequentemente, grandes resultados no setor varejista. A programação terá palestras, workshops e exposição de estandes. Entre os palestrantes, estão o economista Ricardo Amorim e o especialista em marketing de varejo, Luiz Alberto Marinho. Hoje (6), Ricardo Amorim, que é pós-graduado em administração e finanças internacionais na Essec de Paris e participante do programa ‘Manhattan Connection’, da Globonews, inicia o ciclo de palestras mostrando a situação atual mercado do varejo no Brasil e as novidades que ainda estão por vir. Em entrevista realizada em julho, ele afirmou que “as mudanças na economia mundial, tirando momento de crises globais agudas, como o atual, têm impulsionado e continuarão a impulsionar o varejo brasileiro a ter, talvez, o melhor desempenho de toda a história do setor ao longo desta década”. Mas para que isso se concretize, Amorim aponta três itens que devem ser levados em consideração: “o primeiro é o inevitável aumento de competição no setor. O segundo requer uma mudança de mentalidade e muito pla-

Ricardo Amorim é pós-graduado em administração e finanças

Luiz Marinho, especialista com mais de 10 anos de experiência nejamento, pois os volumes no mercado brasileiro têm aumentado e continuarão a aumentar de forma significativa, mas as margens têm diminuído e continuarão a diminuir devido ao crescimento de competição. Por fim, as mudanças da economia mundial têm levado e continuarão a levar as moedas dos países emergentes a se fortalecerem, salvo momentos de crises agudas como agora”. Ainda hoje, Luiz Marinho, especialista em marketing de varejo e com experiência de mais de 10 anos em grandes agências de publicidade do País, faz uma explanação sobre o varejo 3.0. Esse novo formato trata da reinvenção do estabelecimento em “um

lugar destinado a proporcionar experiências de compra diferenciadas e interações mais próximas entre clientes e vendedores.”, explica. “A tecnologia invadiu o ponto de venda de forma irreversível, melhorando a experiência de quem compra e apoiando o trabalho de quem vende. Nesse novo cenário, onde predomina a hipercompetição, a regra agora é privilegiar o relacionamento com o cliente e não mais focar apenas na transação”, finaliza Marinho. Confira a programação completa do evento no site www.ms.sebrae.com.br. Mais informações no telefone 0800570-0800.


C1 Cidades Cidades Cidade Cidades Cidades Cidades Cidades Cidade Cidades Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

3

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Codevale

Municípios reúnem-se em Nova Andradina Reunião de municípios do Território da Cidadania tratou sobre projetos e propostas para 2013 Natalho Cuer

N

OVA ANDRADINA - O município de Nova Andradina realizou, na terça-feira passada (31), reunião com representantes dos 10 municípios que compõem o Consórcio do Vale do Ivinhema (Codevale), Brasilândia, Santa Rita do Pardo, Bataguassu, Anaurilândia, Nova Andradina, Batayporã, Angélica, Ivinhema, Taquarussu, e Novo Horizonte do Sul. A reunião foi realizada na Sala Lúcia Andrade de Toledo Piza, e contou com a participação do secretário de Desenvolvimento Integrado de Nova Andradina, Fábio Selhorst, da secretária de Políticas para a Mulher de Nova Andradina, Jozeli Chulli, do assessor territorial do Consad, do consultor Emilson Fernandes, e do gerente de Desenvolvimento do Imasul, Lorivaldo Antônio da Paula. O secretário de Desenvolvimento Integrado, Fábio Selhorst, disse que a reunião visa a consolidar as propostas apresentadas em reunião realizada há cerca de 15 dias em Batayporã, com projetos e ações nas áreas de Agricultura Familiar e apoio ao pequeno produtor, para o ano de 2013. Os projetos e orçamentos dos municípios do Codevale serão encaminhados ao Ministério

Reunião com representantes dos 10 municípios que compõem o Consórcio do Vale do Ivinhema do Desenvolvimento Agrário, sentamento Santa Olga, para para análise e posterior empe- o transporte de leite e Teijin, nho de recursos para a execu- para o escoamento da produção. “Temos boas expectativas ção em geral, principalmente de que nossos projetos sejam de hortifruti, são bastante contemplados aguardados pelos com recursos, A reunião com produtores, que para concretios municípios poderão melhorar a sua renda com a zar importantes aconteceu ações na área de agilidade na enterça-feira trega dos produagricultura famipassada, em liar”, explicou o tos. “Por isso a Nova Andradina importância dos secretário. municípios reuniDe Nova Andradina, o projeto para a dos através de consórcio para aquisição de dois veículos para elaboração dos planos municia agricultura familiar, que de- pais”, enfatizou Selhorst. vem ser destinados para o AsO gerente de Desenvol-

vimento do Imasul, Lorivaldo Antônio da Paula, trouxe para os municípios que compõem o Codevale, informações de que o Estado já elaborou um plano de gerenciamento dos resíduos sólidos, para os municípios que fazem parte do consórcio. “O plano é obrigatório, e com os projetos integrados, oferece condições para que os municípios possam buscar recursos e apoio para elaboração de um plano em conjunto, reduzindo, com isso, os recursos a serem investidos para a destinação adequada dos resíduos sólidos”, explicou Lorivaldo.

Semana de Economia começa hoje na Capital

C

Até que ponto o mensalão influencia negativamente nas candidaturas do Partido dos Trabalhadores nestas eleições de 2012?. Só mesmo após o resultado das urnas é que se poderá ter uma ideia se a sigla teve o brilho vermelho ofuscado ou não. Indagado pela imprensa campo-grandense sobre o assunto, o deputado federal Vander Loubet, que mais uma vez concorre ao cargo de prefeito na Capital, diz que o julgamento do mensalão, agora, em plena campanha, não interfere em nada porque o povo sabe separar as coisas. Corajoso, Vander planeja inclusive agendar a vinda do ex-presidente Lula para reforçar sua campanha em Campo Grande.

Antes e depois

Dia do Profissional

AMPO GRANDE – Começa hoje (6) e segue até o dia 13 de agosto a Semana de Economia 2012, com atividades em Campo Grande, Dourados e Ponta Porã. Realizada anualmente pelo Conselho Regional de Economia de Mato Grosso do Sul o evento tem o objetivo de comemorar o dia do profissional – 13 de agosto. Com o tema “Desenvolvimento Regional: políticas, inovação e atuação do Economista” o evento vai acontecer em conjunto com a I Conferência Estadual de Desenvolvimento Regional, que também começa hoje e segue até quarta-feira (08). No dia 8, às 19h, o eco-

Brilho ofuscado

nomista e técnico de Planejamento e Pesquisa do Ipea, Marco Aurélio Costa, abre oficialmente a Semana de Economia falando sobre “Políticas de Desenvolvimento: Atuação Nacional e Perspectivas Regionais”, a palestra será no auditório do Sebrae. Nos dias 9 e 10 serão realizadas palestras em Dourados e Ponta Porã, respectivamente, sobre a “Importância da inovação no processo de Desenvolvimento Regional”, ambas às 19h. Ainda no dia 10, às 9h, haverá uma palestra ministrada pela economista e diretora de Operações do Sebrae MS, Maristela França sobre a “Atuação do Economista na promoção do Desenvol-

vimento Regional”, no auditório do DEA/UFMS. HOMENAGENS Como forma de reconhecimento, o Corecon/MS irá entregar suas comendas, sendo a um economista atuante (Comenda Adam Smith), um profissional renomado e que tenha contribuído para a classe (Comanda Guaicurus de Economia) e um acadêmico de destaque (Comenda Jovem Economista). No dia 13 de agosto, durante sessão solene na Câmara de Vereadores, a vice-governadora de Mato Grosso do Sul, Simone Tebet, será homenageada com a Comenda Guaicurus de Economia e o economista Paulo

Ponzini receberá a Comenda Adam Smith. Já receberam a Comenda Guaicurus de Economia, Ramez Tebet (2007), André Puccinelli (2008), Ueze Zahran (2009), Odilon de Oliveira (2010) e Marisa Serrano (2011). Foram premiados com a Comenda Adam Smith os economistas Jaime Elias Verruck (2008), Cláudio George Mendonça (2009), Wagner Bertoli (2010) e Pedro Chaves (2011). No mesmo dia ainda será entregue a ‘Comenda Campo Grande’ a personalidades que contribuem para o desenvolvimento econômico estadual. Essas indicações foram feitas pelos vereadores.

Muitos brasileiros chegam a afirmar que o PT se divide em duas histórias, uma antes e outra depois do mensalão. O esquema detonado no primeiro governo Lula desencantou muitos simpatizantes ao partido. As acusações indicam que o grupo de Lula comprava a sua governabilidade de presidente, através de propina que era distribuída mensalmente a parlamantares de outros partidos.

Caiu e levantou

Na época o Ibope chegou a somar estes efeitos. Em março de 2003, antes do estrago aprontado protagonizado por Roberto Jefferson, 33% dos eleitores do país diziam ter simpatia pelo PT. O índice foi caindo devagar, e em fevereiro de 2006, estava em 21% – mas a sigla ainda liderava esse ranking.

Era Mito

A crise passou e a Era Mito do Lula conseguiu se sobrepor ao partido, tanto que em março de 2010 já emplacava de novo os 33%, que mantém até hoje. “O maior custo eleitoral foi a perda da característica ética. Hoje o PT se iguala aos demais. Mas continua sendo o que tem a maior preferência”, conclui a diretora executiva do Ibope, Marcia Cavallari.

Mensalão não

Mensalão. Um grupo de advogados ligados ao PT quer proibir o uso desta palavra na cobertura do julgamento do STF. Eles querem que o caso seja chamado de “Ação Penal 470”, o número que recebeu no Supremo Tribunal Federal. Para eles, o termo “mensalão” pressupõe juízo de valor e desequilibra a balança em desfavor do PT.

Os inocentes

Como o PT mudou. Agora o Maluf não é mais “ladrão” e a palavra mensalão já não soa bem aos seus ouvidos. Só falta impor que chamem José Dirceu e José Genuíno de santos, e exigir que todo brasileiro acenda uma vela para cada um deles.

Temida LRF

Não é de hoje que os prefeitos das cidades do interior de Mato Grosso do Sul vêm reclamando de dificuldades para administrar os parcos recursos que o governo federal disponibiliza. Muitos fazem as “tripas

o coração” para fechar as contas em dia e escapar da temida Lei de Responsabilidade Fiscal.

Dois gigantes

Nas maiores cidades como Campo Grande e Dourados, a briga pelo orçamento gigante começa quatro anos antes das eleições, porém, nas menores cidades, nem os ocupantes do primeiro mandato se animam a disputar a reeleição. MS apresenta um dos menores índices do número de prefeitos que vão buscar a reeleição nas eleições municipais deste ano, segundo estudo realizado pela CNM (Confederação Nacional de Municípios).

Não querem

São 67,4% do total de prefeitos que tentarão o segundo mandato, mostra o levantamento, perdendo somente para Sergipe (66,1%). Do total de prefeitos em MS, 46 deles poderiam tentar permanecer por mais quatro anos na prefeitura e, destes, 31 vão para a disputa, enquanto 15 abriram mão da candidatura nestas eleições.

Os partidos

O levantamento da CNM ainda indica que o partido político com o maior número de candidatos à reeleição no país é o PMDB com 531 (72%); seguido do PSDB, com 328 candidatos; do PT, com 316; do PP, com 248, e do DEM, com 178. No País a quantidade de prefeitos que tentarão o segundo mandato é de 2.736 de 3.659 que têm esta prerrogativa.

Russo internado

Segue internado no Hospital Albert Eistein, em São Paulo, o senador Antônio Russo Netto (PR). O parlamentar sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e, segundo as informações, ele se recupera bem. Russo assumiu na renúncia de Marisa Serrano, que deixou o Senado por uma cadeira no Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul, Russo assumiu em 2011.

Que frase!

“Eu sou um guerreiro, já peitei o PT sozinho, o que eu não vou fazer com um câncerzinho de pâncreas? Dou de pau nele.” (Roberto Jeferson – pres. do PTB nacional)


aNa claudia Oliveira

Social

Naviraí

Em Naviraí você assina O PROGRESSO entrando em contato com a Ana pelo telefone (67) 9257-3601

Aniversário de Gabriela Monteiro No último dia 22, Gabriela Monteiro recebeu seus amigos e familiares, no “Resort Marcus Douglas”, com uma deliciosa feijoada para comemorar mais um ano de vida. Parabéns!!!

Com amigos

Ana Alice, Edmar Figueira, Maria Julia Fabris, Bruno Liuti, Gabriela e Fabiano Felipe

Gabriela e seu sócio do Gesso União, Mário Nelvo, com a família

Flávia Chagas, Juliana Ortega, Gabriela e Bibi Chagas

Rodrigo Sacuno, Naiza Capuci, Gabriela, Bibi Chagas e Nelson Rossatti

Carla Baldasso, Bárbara Morilo, Letícia Vaccaro, Marília Barralho, Leonardo Barros, Stella Barros e Flávia Chagas

Guilherme Ozomo, Thales Macedo, Gabriela, João Vitor Capuci, Rafael Belfort, Sérgio Henrique e Bruno

Gabriela, Otávio Monteiro, José Chagas e Filomena

Marcia FreitaS

Social

Fátima do Sul

Em Fátima do Sul você assina O PROGRESSO entrando em contato com Adélio pelos telefones (67) 3467-3115 ou 9928-6869 Esta colunista entre os amigos Ivone e Laudo. Ela que trocou de idade no dia 1º e recebeu o carinho do esposo, familiares e amigos

Família reunida para comemorar mais um ano de vida do garotinho Joacaz, em festinha realizada no Simted, dia 28 de julho. Parabéns!

O ganhador da promoção aniversariante do mês, foi a Agropec, do amigo Geraldo. Na foto, a filha Roberta com o amigo João (Layla Doces) e funcionária. Parceria Jornal O PROGRESSO.

Em destaque o casal Luciana e José Paulo, que trocou alianças dia 28 de julho em Jateí. Felicidades!!!

Quem comemorou mais um ano de vida foi a amiga Preta (Brink Lar) e ecebeu todo o carinho do namorado Renato, filhos, familiares e amigos Sorriso contagiante da professora Adriana. Ela que fica mais experiente nesta quartafeira e já está recebendo o carinho de toda família Filinto Muller.

Close da professora Vera Rosa que também festeja mais um niver amanhã e recebe os cumprimentos Ainda recebendo os parabéns da família pelo aniversário, comemorado no Tambem trocou de idade no último Filinto Muller último dia 28, a professora Gislaine. dia 26 o professor Wagner, paraFelicidades! béns de toda família Filinto Muller

Amanhã será a vez da professora Íris trocar de idade e toda a família Filinto Muller já está festejando. Parabéns!


IncluIndo

Polícia

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

São Januário

Jogo das retrancas termina sem gol Vasco apenas empata com o Corinthians e perde a oportunidade de assumir a liderança do Brasileirão Reprodução

Gabriel Melloni

Olimpíadas

S

ÃO PAULO - Vasco e Corinthians fizeram um jogo movimentado ontem, mas sem grandes chances de gol de ambos os lados. No fim, o empate por 0 a 0 resumiu bem o que foi a partida, disputada no estádio de São Januário, no Rio de Janeiro, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time da casa perdeu a chance de assumir a ponta da competição, já que o líder Atlético Mineiro teve a sua partida diante do Flamengo adiada e não entrou em campo nesse final de semana. O Vasco chegou aos 31 pontos, um atrás da equipe mineira. Na próxima rodada, os cariocas enfrentam o Sport, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, nesta quarta-feira, às 19h30. Já o Corinthians empatou em 0 a 0 pela segunda vez consecutiva – teve o mesmo resultado diante do Bahia – e chegou aos 17 pontos, na nona colocação. Os comandados do técnico Tite também voltam a campo na quarta, quando enfrentam o Atlético Goianiense, no Pacaembu, às 20h30. Durante a semana, Tite havia feito mistério, treinou com o peruano Guerrero, mas acabou repetindo a equipe e entrou com Romarinho como titular. Pelo lado do Vasco, Dedé era desfalque e, por isso, Douglas e Fabrício formaram a defesa. A primeira chance da partida deste domingo foi corintiana. Logo aos três minutos, Romarinho tabelou com Douglas, saiu de frente para o gol, mas demorou para bater e foi travado pela defesa vascaína. Na sequência, foi a vez de Jorge Henrique, de fora da área, dar trabalho para

Medalhistas do judô retornam ao Brasil Valéria Zukeran

S

Marcação pesada do Corinthians impede atacante do Vasco de prosseguir na jogada Fernando Prass. partida diminuiu. Com o comando das Romarinho era o jogador ações, o Corinthians voltou a mais acionado no Corinthians levar perigo aos 14 minutos. e teve outra boa chance aos 38 Depois de uma cobrança de minutos, quando recebeu na falta da direita, a bola sobrou entrada da área e bateu mal. para RomariJorge Henrique nho. De frente entrava livre pela Empate foi para o gol, o direita, queria o resultado atacante chupasse e reclamou esperado tou mal e Doude seu compaem virtude glas afastou. nheiro. Aos 44, Aos poucos o Douglas perdeu da defesa Vasco equilia melhor chance dos times brou a partida da partida. Após e teve seu pricruzamento da dimeiro bom momento aos 29, reita, o meia entrou sozinho, depois que William Matheus tentou cabecear para o chão, fez fila e bateu em cima de mas a bola quicou e encobriu Cássio. o gol. Sem centroavante, o time O segundo tempo comepaulista sofria com a falta de çou como terminou o primeiuma referência no ataque. ro. O time paulista ficava mais Douglas e Danilo até che- com a posse de bola, mas tinha gavam com perigo, mas não dificuldade para levar perigo encontravam ninguém dentro ao gol adversário. Desta forda área para tocar. Já os donos ma, o melhor momento surgiu da casa tinham muito traba- em um chute de fora da área lho para fugir da marcação de Ralf, que exigiu boa defesa adversária. Assim, o ritmo da de Fernando Prass. No rebote,

Jorge Henrique perdeu, mas o árbitro já marcava impedimento, inexistente. Insatisfeito com as poucas chances criadas, o técnico Tite colocou o peruano Paolo Guerrero aos 22 minutos, no lugar de Jorge Henrique. Do outro lado, Cristóvão Borges respondeu promovendo a entrada do centroavante equatoriano Carlos Tenório, que voltou ao time depois de cinco meses afastado por lesão, no lugar de Eder Luis. A alteração vascaína deu mais certo e a equipe cresceu na partida. Tenório incomodava os zagueiros do Corinthians e chegou com perigo aos 30 minutos, quando Cássio foi bem do gol e cortou ótimo passe de Felipe para o equatoriano. Aos 34, no entanto, o goleiro corintiano saiu mal, foi driblado por William Matheus, mas o lateral ficou sem ângulo e cruzou errado. Foi o último bom momento da partida. (AE)

Tabela

Fluminense segue na cola dos líderes Julio cesar lima

C

URITIBA - Com dois gols em apenas dois minutos, já no finalzinho do jogo, o Fluminense derrotou o Coritiba por 2 a 0, ontem, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela 14ª rodada do Brasileirão. A vitória fora de casa manteve o time carioca na briga pela liderança, agora com 29 pontos – está três atrás do primeiro colocado Atlético-MG. O Fluminense permanece na terceira colocação, atrás também do Vasco, que chegou aos 31 pontos ao empatar com o Corinthians ontem. Já

o Coritiba segue estacionado nos 15 pontos, ainda perigosamente perto da zona de rebaixamento do campeonato. O Coritiba se preocupou em marcar o setor criativo do adversário e foi aplicado taticamente. O volante Chico não deu trégua para o meia Deco, mas, ao mesmo tempo, a equipe da casa não conseguia criar no ataque. Por conta disso, o primeiro tempo acabou sendo de muita marcação, com poucas chances de gol para as duas equipes. O lance de maior perigo aconteceu já no final da etapa, aos 46 minutos, quando Fred tirou em cima da linha uma cabeçada de Everton Costa,

evitando o gol do Coritiba. Na segunda etapa, o Coritiba manteve a mesma estratégia, até que o técnico Marcelo Oliveira resolveu soltar mais sua equipe e acabou pagando caro por isso – colocou Tiago Primão no lugar de Lincoln, que tentava criar algo para os atacantes. O jogo complicou para os donos da casa aos 36 minutos, quando o lateral Ayrton foi expulso. Aí, o Fluminense conseguiu a vitória Aos 38, Fred cabeceou, o goleiro Vanderlei rebateu, Marco Júnior chutou e o zagueiro Pereira desviou para dentro do próprio gol: 1 a 0. O time da casa sentiu o

gol e ficou sem poder de marcação. O Fluminense, então, aproveitou para ampliar. Aos 40 minutos, Wagner recebeu pela esquerda e tocou para Fred, sem marcação, poder ampliar. Aos 45, Thiago Neves ainda marcou mais um gol para os visitantes, mas o lance foi anulado pela arbitragem.

ÃO PAULO - Já estão em solo brasileiro os primeiros medalhistas da Olimpíada de Londres. Os judocas Sarah Menezes, Felipe Kitadai, Mayra Aguiar e Rafael Silva desembarcaram na manhã de ontem em São Paulo. E todos ainda estão tentando assimilar o impacto de suas conquistas inéditas – a primeira ganhou ouro, enquanto os outros três levaram bronze. Sarah Menezes admitiu que ainda tenta se acostumar com a notoriedade que ganhou por ser a responsável pela única medalha de ouro do Brasil até agora nos Jogos de Londres. No desembarque, ela disse que não via a hora de chegar em casa. “Quero ir para o Piauí comemorar com todo mundo que participou dessa minha conquista: minha família, meus amigos, meus técnicos, as pessoas com quem eu treino”, contou a judoca de apenas 22 anos. Ela deverá chegar a Teresina na tarde desta segunda-feira. A judoca revelou que competiu bastante tranquila em Londres e ressaltou o trabalho psicológico feito durante o ciclo olímpico. “Quando estou nervosa, não consigo bom resultado na competição”, admitiu a campeã Sarah. Rafael Silva, chamado pelos colegas de Baby, falou de um sonho que espera ver realizado em breve. “A primeira coisa que pensei é que no Projeto Futuro, onde treino, temos fotos de todos os medalhistas olímpicos no ginásio e agora minha foto vai estar lá junto com a do Kitadai”, disse o judoca dos pesados (acima de 100kg). “Agora sou Rafael Silva, medalhista olímpico, e tenho muito orgulho de ter este novo sobrenome.” Felipe Kitadai ficou famoso não só pela medalha conquistada, mas também pelo fato de tê-la quebrado

no banho - depois, recebeu uma nova da organização. “Mas ainda tomo banho com a medalha”, brincou o judoca, que pediu um prato especial em sua volta ao Brasil. “Vamos ter feijoada, não é?”, perguntou para o colega Rafael, que concordou com o menu do primeiro almoço no País. “Como boa gaúcha, prefiro churrasco”, disse Mayra Aguiar. “E quero ir para casa assim que possível”, completou a atleta, que mora no Rio Grande do Sul. A técnica da seleção feminina de judô, Rosicleia Campos, se emocionou ao ser lembrada pela ex-judoca Daniele Zangrando da trajetória de seu trabalho até a campanha histórica das mulheres em Londres. Chorou e teve que fazer um esforço para continuar a entrevista. Antes, porém, ela reclamou do tratamento que alguns atletas do Brasil que não ganharam medalha receberam de torcedores e parte da imprensa. O supervisor técnico da Confederação Brasileira de Judô (CBJ), Ney Wilson, ressaltou o papel de Tiago Camilo e Leandro Guilheiro na seleção. Segundo o dirigente, os dois judocas, apesar de não terem voltado ao Brasil com medalha – ambos eram favoritos em suas categorias –, colocaram à disposição dos colegas a experiência adquirida em outras edições da Olimpíada e foram importantes para o sucesso do grupo. Além da medalhas, os judocas ganharão uma premiação especial pelo pódio olímpico. O banco Bradesco, patrocinador da seleção brasileira de judô, ofereceu um prêmio de R$ 50 mil pelo ouro e de R$ 10 mil pelo bronze. E a CBJ decidiu distribuir o mesmo valor para os medalhistas – somada a esta quantia está o R$ 1 milhão que será repartido pela entidade aos 14 atletas que representaram o Brasil nos Jogos de Londres. (AE)


2

Polícia Polícia Polícia Polícia

Polícia

Polícia Polícia Polícia Polícia

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

E1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Capacitação

Polícia Comunitária amplia o trabalho O Policiamento Comunitário é uma filosofia que proporciona uma nova parceria entre a população e a polícia

C

Divulgação

amPo Grande – A Secretaria de Justiça e Segurança Pública, por meio da Coordenaria Estadual de Polícia Comunitária, inicia nesta semana, a quarta edição do Curso Nacional de Multiplicador de Polícia Comunitária. A capacitação é voltada a policiais civis, militares, integrantes do Corpo de Bombeiro, Perícia Técnica, Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário, Superintendência de Assistência Socioeducativa e Guardas Municipais para atuarem como docentes da filosofia de Polícia Comunitária. Com carga horária de 80 horas/aula, o curso será ministrado no auditório da Sejusp, para turma composta Capacitação é voltada a policiais civis, militares, bombeiros, Perícia Técnica e outros por 50 participantes, em duas etapas. Na primeira semana de dos Conselhos Comunitários tratégia organizacional que troca de experiências. “Esta atividades, que acontece de 6 a de Segurança. proporciona uma nova parce- interação é muito importante 10 de agosto, integram a grade Para o coordenador esta- ria entre população e polícia, porque permite a troca de do curso as seguintes discipli- dual de Polícia Comunitária, baseada na premissa de que experiências entre as boas nas: Direitos Humanos, Teoria coronel Carlos de tanto a polícia, práticas do policiamento cosobre Polícia Comunitária, Santana Carneiquanto a comu- munitário que vem sendo Primeira Gestão pela Qualidade na ro, o curso reprenidade, devem aplicadas em outros estados, Segurança Pública, Resolução senta a evolução semana de trabalhar juntas além de enriquecer o debate”, Pacífica de Conflitos – Me- do policiamento para identificar, enfatizou Santana. atividades, diação Comunitária Aplicada comunitário no Nesta edição, segundo acontece de priorizar e resola Polícia Comunitária, Re- E s t a d o . “ E s t a ver problemas Santana, o curso contará hoje a 10 de lações Interpessoais, Polícia capacitação irá contemporâneos, com instrutores de outros agosto Comunitária e Sociedade e habilitar nossos tais como crime, estados. O coronel Lemos Mobilização Social. gestores para atudrogas, medo do Pita, da Polícia Militar do No período de 20 a 24 de arem como docentes, dissemi- crime, desordens físicas e mo- Distrito Federal, abordará o agosto, tem início a segunda nando a prática comunitária rais, e, em geral, a decadência tema “Polícia Comunitária etapa da capacitação abor- nas diversas instituições, para do bairro, com o objetivo de Comparada e Troca de Expedando os temas sobre Gestão que se torne uma filosofia no melhorar a qualidade de vida riências” e o capitão Cláudio de Projetos, Teoria e Práticas âmbito da Secretaria Seguran- da área. Leão, integrante da Polícia do Ensino, Polícia Comuni- ça Pública”, ressaltou. O coordenador estadual Militar de Goiás falará sobre tária Comparada e Troca de O Policiamento Comu- ainda avalia este intercâmbio “Gestão pela Qualidade na Experiências e Estruturação nitário é uma filosofia e es- como positivo por favorecer a Segurança Pública”.

São Paulo

Delegado é assassinato em tentativa de assalto

S

ão Paulo - Em uma suposta tentativa de roubo, o delegado Paulo Pereira de Paula, da Delegacia de Investigações sobre Entorpecente (Dise) de Guarulhos, na Grande São Paulo, foi morto por volta das 21h15 de sábado (4) na pista local da Marginal do Tietê, no sentido Ayrton Senna, na zona oeste da capital paulista. Baleado com três tiros e pilotando uma Honda Hornet preta, avaliada em mais de R$ 30 mil, o policial morreu no local. Conforme as informações fornecidas pela polícia, Paulo Pereira teria sido abordado por pelo menos dois homens que também ocupavam uma moto. Não se sabe se a vítima foi baleada em razão de uma suposta reação à abordagem dos criminosos. A moto não foi levada. Diversas viaturas da Polícia Civil e carros particulares de policiais civis que conheciam o delegado deslocaram-se para o endereço onde ocorreu o crime. Duas faixas da pista local da Marginal ficaram bloqueadas até o fim da noite. Parte dos dados do suposto latrocínio foi encaminhado para o plantão do 7º Distrito Policial, da Lapa. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). PASSiOnAl Em outro caso, um policial civil matou a mulher e se matou em seguida no sábado (4), em Itanhandu, no sul de Minas. O motivo do crime seria o ciúme excessivo do policial, que era motivo de brigas constantes entre o casal. Luís Gonçalves Amaro, 42 anos, matou Marta Gonçalves Amaro, 33, com dois tiros na

cabeça. Segundo informações da assessoria da Polícia Civil, o casal teria brigado na sexta-feira (3) e o policial teria saído de casa. Por volta das 18h do dia seguinte ele voltou até a residência do casal para conversar com a esposa, mas eles acabaram se desentendendo e o escrivão cometeu o crime. De acordo com testemunhas, as brigas eram frequentes entre o casal. Uma irmã de Marta saiu do local com os dois filhos do casal pouco antes de ouvir os disparos. Luís era escrivão da 39ª Delegacia de Itanhandu. MACOnhA Por outro lado, a Polícia Militar apreendeu 30 quilos de maconha dentro de uma casa no Setor O, em Ceilândia, região administrativa do Distrito Federal. Os policiais foram chamados na tarde de sábado (4) para atender uma ocorrência de briga de casal na QNO 6. Quando chegaram ao local, perceberam que a mulher havia sido agredida pelo companheiro. A vítima e o suposto agressor foram levados para prestar esclarecimentos. No entanto, na delegacia, os policiais receberam a informação que na residência do casal havia uma grande quantidade de droga. Eles retornaram à casa da dupla e encontraram 30 tabletes de maconha, cada um pesando aproximadamente um quilo. O homem, inicialmente acusado por lesão corporal, confirmou que a droga era dele e disse aos policias que havia comprado o entorpecente em Foz do Iguaçu (PR) para revender em Brasília. Agora, o homem vai responder também por tráfico de drogas e pode pegar até 15 anos de prisão.

Sonora

Acidente mata três pessoas na BR-163

C

amPo Grande Três pessoas morreram em um grave acidente, na manhã de ontem, na BR-163, a 10 km da cidade de Sonora, a 364 km de Campo Grande. O acidente envolveu uma camioneta e um caminhão. Na camioneta, uma S-350 com placa de Doutor Camargo/PR, estavam Paulo Cesar Nerotti, 21 anos, e Júnior dos Reis Ferreira, 27 anos, que morreram no local. O veículo bateu de frente com um caminhão Ford/Cargo, com placa também do Paraná, da cidade de Paranavaí. O motorista do caminhão, Antônio Peixoto Fernandes, 53 anos, também morreu. A força da batida foi tão grande que a caminhonete, que seguia no sentido Coxim-Sonora, rasgou-se ao meio. Um dos jovens teve o corpo partido, ficando metade dentro do veículo e outra parte às margens da rodovia. A outra vítima ficou dentro do veículo. Com a batida, o caminhão tombou e os bombeiros tiveram

dificuldade em retirar o corpo do motorista do veículo. O trânsito ficou bastante lento e chegou a ser totalmente interditado para o resgate do motorista do caminhão. GEStAntE Ontem, por volta das 0h20, na Santa Casa, morreu a gestante que ficou gravemente ferida após um acidente de trânsito ocorrido no sábado (4), na avenida Mascarenhas de Moraes com a rua Nápolis, em Campo Grande. Elaine Capistrano, de 25 anos, era passageira da motocicleta Yamaha pilotada pelo companheiro dela. Eles foram atingidos por um Fiat Pálio, no momento em que o motorista realizada uma conversão. A jovem foi parar a cerca de 10 metros do ponto de colisão. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a gestante deu entrada na Santa Casa com suspeita de traumatismo craniano e fraturas. (Campograndenews)


E1

Esporte

Esporte

Esporte

Esporte

Esporte

Esporte

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Esporte

3

O PROGRESSO -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Em Casa

São Paulo sofre para vencer o Sport Com a derrota, pernambucanos continuam com 14 pontos na tabela, próximo à zona de rebaixamento zona de rebaixamento, queria voltar a vencer após quatro ÃO PAULO - O São partidas. O último triunfo Paulo venceu o Sport foi em 15 de julho, quando por 1 a 0, ontem, no bateu a Portuguesa por 2 a 1. estádio do Morumbi, De lá para cá, contando com pela 14.ª rodada, somando o jogo de ontem, foram três agora 25 pontos no Campeona- derrotas e dois empates. A equipe recifense to Brasileiro. Para não aparece entre a equipe tricolor, Agora são os dez primeio estádio foi uma 14 vitórias ros colocados importante arma em 14 jogos do Campeonato na busca por uma Brasileiro desde vaga no G-4. Para disputados os pernambucaentre ambos a 4.ª rodada. nos, foi o palco no Morumbi O JOGO de algo próximo Sem gols, o de uma missão primeiro tempo começou com impossível: vencer o São Paulo fora de casa. O histórico o São Paulo na ofensiva, indo do confronto entre as equipes mais para cima e pressionando tem agora 14 vitórias tricolo- os visitantes. A equipe tricolor res em 14 partidas disputadas teve dois lances impedidos, o segundo marcado incorretano local. Os momentos dos times mente, com os quais poderia eram bastante diferentes: o ter aberto o placar antes dos São Paulo vinha de duas vi- 11 minutos. Uma grande oportórias consecutivas e havia tunidade veio aos 12, com ganho injeção de ânimo com Willian José recebendo um o retorno do goleiro e capitão lindo lançamento e avançando Rogério Ceni, que se recu- sem marcação; mas o atacante perou de uma grave lesão no chutou fraco e o goleiro Maombro direito. Para a equipe grão impediu que Sport levastricolor, o principal objetivo é se o primeiro gol. Ademilson voltar a conquistar um título, o perdeu a principal chance de que não acontece desde 2008, marcar aos 15, quando chutou ou ao menos garantir uma vaga na cara do gol, mas teve a bola na Copa Libertadores de 2013. espalmada milagrosamente Apesar da campanha irregular, por Magrão. o time segue como a equipe O Sport demorou para paulista de melhor desempe- executar o primeiro lance nho nesta competição. perigoso. Somente aos 19 Já o Sport, que continua minutos Gilberto recebeu na com 14 pontos, próximo à entrada da área do São Paulo

Idário Café /Vipcomm

Gabriela Forlin

S

Atacante Willian José durante lance no confronto entre São Paulo e Sport ontem no estádio Morumbi e soltou uma bomba, mas Rogério Ceni entrou em cena e mostrou que o jogo estava bom para os goleiros. A partir daí, a equipe recifense começou a reagir e foi mais para o ataque, mas as finalizações deixaram a desejar, com muitos chutes fracos ou direto para fora. Ao final do primeiro tempo, foram três finalizações para o São Paulo e seis para o Sport, com duas chances reais de gol para

cada equipe. Apesar de Ademilson ter marcado o gol da vitória para o São Paulo, a estrela do segundo tempo foi Magrão. Com reflexo e agilidade impressionantes, o goleiro fechou o gol do Sport e poupou a equipe de levar, pelo menos, outros quatro gols, incluindo uma linda defesa no rebote. O time pernambucano começou bem, mantendo a reação da primeira

etapa até os 20 minutos, mas logo foi perdendo ritmo, facilitando o ataque do São Paulo. Foram apenas duas chances de gol para os visitantes: em um contra-ataque, com Felipe Azevedo e Gilberto, e em uma bomba de Hugo, defendida por Rogério Ceni. A partida foi definida aos 33 minutos, quando Cícero recebeu livre de marcação, invadiu a área do Sport e chutou

firme. Magrão salvou mais uma vez, mas o rebote ficou com Ademilson, que mandou a bola direto para o fundo das redes, sem chance de defesa. Além de nunca ter vencido o São Paulo no Morumbi, o Sport não derrota o time paulista há 11 anos, desde o Brasileirão de 2001. Na ocasião, o time do Recife venceu por 1 a 0, no estádio da Ilha do Retiro, com gol de Fabinho.

Embalado

Grêmio leva susto, mas derrota Bahia por 3 a 1 Lucas Azevedo

P

ORTO ALEGRE Com dois gols nos minutos finais, o Grêmio espantou a “zebra” ontem ao derrotar o ameaçado Bahia por 3 a 1, no estádio Olímpico, em Porto Alegre, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Souza, aos 42, e Marcelo Moreno, aos 47 minutos da segunda etapa, garantiram a nona vitória do time gaúcho na competição. O resultado manteve o Grêmio próximo aos líderes do campeonato. Com 27 pontos, está cinco atrás do líder Atlético Mineiro, e ocupa a

quarta colocação. O Bahia, por sua vez, segue na zona de rebaixamento, em 17.º, com apenas 12 pontos. O Grêmio entra em campo novamente na próxima quinta-feira para enfrentar a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. Já o Bahia recebe a Portuguesa na quarta, no estádio de Pituaçu, em Salvador. O JOGO Empurrado pela torcida, o Grêmio fez um primeiro tempo tranquilo, com bom domínio em campo, e vantagem no placar. Elano abriu o marcador aos 32 minutos em

cobrança de pênalti, sofrido por Kléber. A torcida estava feliz e a vitória parecia encaminhada. Mas o panorama do jogo mudou no segundo tempo. Com Lulinha no lugar de Ávine, o Bahia melhorou no setor ofensivo e começou a dar trabalho para a zaga gremista. E em uma vacilada sofreu o empate. Fahel cabeceou para as redes, aos 18 minutos, após assistência de Mancini. Um minuto depois, novo susto para o Grêmio. Lulinha chutou para o gol, o goleiro espalmou, a bola sobrou para Fahel, que aproveitou o rebote e mandou para as redes no-

vamente. O árbitro, contudo, assinalou impedimento. Abalado, o Grêmio só acordou nos minutos finais. E buscou a reação com gol de Souza, aos 42, de cabeça, após rápida cobrança de escanteio. O gol gerou muita reclamação por parte dos jogadores do Bahia e Mancini acabou sendo expulso. Jogando mais solto, o time da casa marcou mais um nos acréscimos Marcelo Moreno recebeu belo passe de Elano, entrou pela esquerda e tocou por cobertura na saída do goleiro Marcelo Lomba, concretizando a vitória gremista. (AE)


4

Esporte Esporte Esporte Esporte

Esporte

Esporte Esporte Esporte Esporte

Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

E1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Brasileirão

Palmeiras ‘namora’ com rebaixamento Derrota em casa para o Internacional deixa o time paulista perto da lanterna do Campeonato Brasileiro segunda-feira. Pode ser mais um a entrar na lista E Felipão nem tem cerÃO PAULO - Para teza de quando os jogadores conquistar a Copa do estarão à disposição. Valdivia Brasil, o Palmeiras teve de correr um risco e Thiago Heleno, por exemplo, bem calculado: tirar o máximo estavam em boas condições e na parte física de todos os atle- garantidos no jogo até a última tas. Veio o título, mas o efeito segunda. Na terça, o chileno colateral está sendo sentido voltou a reclamar de dores e agora. A cada rodada, uma foi vetado, enquanto o zagueiextensa lista de desfalques ro demonstrou em campo que atrapalha Luiz Felipe Scolari ainda não estava totalmente na montagem da equipe. O recuperado. Os médicos já treinador avisa que antes do nem fazem mais previsões término do primeiro turno não para o retorno dos lesionados. Para Felipão, tudo por é para esperar grandes muculpa do desgasdanças. “Vamos te excessivo dos trabalhar porFlamengo jogadores duque precisamos tenta levar rante a Copa do ganhar pontos. Valdívia e Brasil. “Como Provavelmenabre crise na posso convencer te, até o fim do diretoria do esses jogadores turno vamos esVerdão a sair do departar em situação tamento médico ruim. Tem seis no departamento médico e não se têm lesão? Não adianta sei quando saem”, lamentou o saírem de lá machucados. Para vencer a Copa do Brasil, fotreinador. Para o jogo contra o Inter- mos ao máximo. Foram muitas nacional, quando o Palmeiras lesões que abalaram o grupo”, perdeu em casa por 1 a 0, na disse Felipão. E para dificultar ainda noite de sábado, Felipão não mais a vida do treinador, o contou com Román, Thiago Palmeiras tem uma sequência Heleno, Valdivia, Daniel Carvalho, Luan e Wesley, com complicada até o fim do turno. problemas físicos. Sem contar Enfrenta Botafogo e FlumiHenrique, que estava suspen- nense (ambos no Rio de Janeiso. E durante o jogo Márcio ro), Flamengo (casa), Atlético Araújo saiu com dores mus- Goianiense (fora) e Santos culares e será avaliado nesta (casa). Entre os confrontos

Divulgação

Daniel Batista

S

Presença na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro deixa o time do Palmeiras em estado de alerta contra os times rubro-negros, o time ainda joga a partida de volta contra o Botafogo, no Engenhão, pela fase nacional da Copa Sul-Americana. Mas o lateral-esquerdo Juninho não quer esperar tanto tempo para a reviravolta do time. “Segundo turno é ainda mais difícil e o Brasileirão não

perdoa. A água já está batendo na bunda. Temos que acordar logo, porque se deixar para depois pode ser tarde demais”. VALDÍVIA O presidente do Palmeiras, Arnaldo Tirone, garante que o meia Valdivia, embora esteja longe de sua família no Chile,

está feliz no Palmeiras e não pensar em deixar o clube, ainda mais para uma outra equipe brasileira. O dirigente ainda aproveitou para alfinetar o Flamengo, que mostrou interesse na contratação do chileno. “O Flamengo avançou mais uma vez o sinal. O Valdivia nunca esteve à venda para

o futebol brasileiro e nem para o exterior. Ele não quer jogar em outro lugar que não seja o Palmeiras. O contrato dele é bom e ele está feliz no Palmeiras. Tanto que dispensou os seguranças que oferecemos, mas a gente volta com isso na hora que ele quiser”, disse o dirigente.


Classificados Classificados

Classificados

Classificados Classificados

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

O PROGRESSO


2

Classificados Classificados

Classificados

Classificados Classificados

C2

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

11584

KITINETE PARTICULAR Quar to, coz, banheiro. 8171-3306 ou 9251-6034 00011876

KITINETE PQ LAGO I 11790

KITINET NOVA 30M²

R. Riachuelo, próx. praça Paraguaia. 9916-0184

P/ solteiros ou casal, c/ estac. R. Isabel Cardoso 2520, Jd. Guaicurus. telefone para contato 84147449

9022

CASA JD. PELICANO Próx. mercado Pérola, c/ 2 qts. 9825-5485 / 92281919 11727

CASA-ALUGA 11506

ALUGA-SE KITINETE

02 qtos, sala, coz, garagem, área de ser v., cober ta, Jd. Colibri. 3425-1691 ou 9639-8364

00011673

ALUGO CASA C/ MÓVEIS

Próx. merc. São Franscisco. qto, 1 sla, coz., wc, área, gar. Máximo 2 pessoas, R$ 650,00. 9274-5783.

00011824

CASA 03 QUARTOS

JD NOVO HORIZONTE

C/ 02 quartos, sala, cozinha, garagem. R$ 690,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

00011915

KIT 9621-5389 Sala, cozinha, 2 qtos, wc, área de serviço.

10245

KIT PRÓX. SHOPPING R: Gaspar Alencastro, 562. telefone para contato 99718404 ou 9636-5138

R$ 350,00, recém construída. 9606-6496 Cícero

11723

KITINETE JD. ITÁLIA C/ 02 quartos, sala, cozinha, garagem. R$ 480,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

11724

KITINETE NOVA

Jd. Santo André, rua Humaita c/ 01 quarto, sala, coz, garagem. R$ 450,00. Tel: 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

11719

C/ 3 quartos, sala, cozinha, garagem. R$ 580,00. 34232255. Creci 779J (Imob. Athenas). 8565

PQ. ALVORADA/O.VERDE

11731

Tratar 9971-8404 ou 96365138

C/ 01 suíte c/ AE, 02 quartos c/ AE, 03 salas, cozinha c/ AE, churrasqueira, garagem, dep. de empregada. R$ 2.600,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

PQ NOVA DOURADOS

11909

KITINETE CENTRO

11735

PORTAL C/ PISCINA

KITINETE PRÓX DETRAN

C/ 02 quartos, sala, cozinha, garagem. R$ 300,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

11722

PARQUE ALVORADA

C/ 03 quartos, sala, cozinha, piscina, varanda, garagem. R$ 1.100,00. Tel: 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas) 10690

PENSIONATO FEMININO 3426-1292 ou 9615-4405 Próx. Unigran

BNH 1º P, outros bairros, R$ 1.250, 780 e R$ 700,00. 3421-1996 11894

SALÃO COMERCIAL

C/ 120m², cozinha, 02 banheiros e varanda coberta, ponto de esquina no Izidro Pedroso. R$ 1.000,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas) 11728

SALÃO NOVO ESQUINA

Jd Santo André, rua Mato Grosso c/ + ou - 55m², 2 banheiros e depósito. R$ 1.350,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

11730

00011743

SOBRADO NOVO

ALTOS DO INDAIÁ

Próx. Unigran, individual c/ 02 suítes, sala, cozinha c/ AE, garagem. R$1.000,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

4 peças, terreno 12x45. 9948-7925

11968

ALTOS DO INDAIÁ

11720

TERRA ROXA

C/ 03 quartos, sala, cozinha, garagem, despensa. R$ 550,00. 3423-2255. Creci 779J (Imob. Athenas)

11738

VILA MAXWELL

00011953

ALTO PADRÃO 175 MIL Altos do Indaiá. 8466-2237 classinet.com.br

11698

Próx. Shopping c/ 01 suíte c/ AE, 02 quartos c/ AE, 02 salas c/ AE, cozinha c/ AE, churrasqueira, dep. de empregada, despensa, garagem p/ 04 carros. R$ 1.500,00. 3423-2255. Creci 779J. (Imob. Athenas)

CASA-VENDA 11964

ÁGUA BOA 03 quar tos, 01 apto, 218m² c/ coz, área de serviço, próx. escola. R$ 300.000,00. Imob. Athenas. 3423-2255 ou 92831665. Creci 779J.

ALTOS DAS PAINEIRAS Casa c/ 160m², suíte, 2 qtos, sala estar/jantar, coz, wc, lavabo, garagem, portão, dá financiamento. Imob. Ajurycaba. 820-J. 3421-9888 11097

11838

ALTOS DO INDAIÁ

150m², 01 apto, 02 dorm. 3426-6490 ou 9971-3166. Creci 2694.

00011562

ALTOS DO INDAIÁ

Suíte, 02 qtos, garagem, wc, R$ 250 mil. 9956-1718 11695

ALTOS DO INDAIÁ

Casa de alvenaria c/ 3 qtos, sala, coz, área de serv., garagem. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888 11696

ALTOS DO INDAIÁ

03 quartos, 2 salas, 2 wc, garagem p/ 03 carros, varanda, portão eletrônico, 540m², terreno 192m² const. Imob. Athenas. 3423-2255 ou 9283-1665 Creci 779J.

Casa c/ 2 qtos, sala, coz, wc, edícula c/ qtos, sala, coz, wc + salão comercial na frente, financia. Imob. Ajurycaba. 820J. 3421-9888

ALTOS MONTE ALEGRE

Casa c/ 160m², c/ suíte, 2 qtos, sala, jantar/estar, coz, wc, lavabo, garagem, dá financiamento. Imob. Ajurycaba. 820J. 3421-9888

11101

BNH 4º PLANO

Casa c/ 4 qts, sala, coz, wc, garagem, área de serv, sala comercial. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888


C2

Classificados Classificados

Classificados

Classificados Classificados

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

11116

CACHOERINHA

11699

CHÁCARA DOS CAIUÁS

Casa 78m² c/ 2 qtos, sala, coz, área de serviço, wc, forro PVC. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888

2 casas c/ 2 qtos, sala, coz, wc, lavanderia, dá financiamento. Imob. Ajur ycaba. 820-J. 3421-9888

CANAÂ III

ECOVILLE

00011926

11803

Aceito terreno ou carro. Casa c/ suíte + edícula. 9934-5058

Sobrado novo, maravilhoso. 9971-1759 ou 9965-5200. Creci 0808J. Imob. Tuiuiu.

CANAÃ III

IZIDRO PEDROSO

11544

Sem piso e reboco. 99062628

00011846

CANAÃ III

11120

Casa c/ 79m² c/ 2 qtos, sala, coz, wc, varanda, garagem. R$ 90 mil. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888 00011569

Vendo ou troco por casa em outros bairros. 9934-2135 00011938

CASA ECOVILLE LINDA Finíssima, recém construída c/ 04 suítes, toda mobiliada, iluminação impecável. Gondim. Creci 2645. 9971-1320

9928

CASA NOVA

00011795

IZIDRO PEDROSO

00011900

CASA R$ 50.000,00 Alvenaria. Creci 485. Tratar 8187-7188. 00011945

CASA V. PLANALTO R$ 350.000,00 Ac. carro. Gondim. Creci 2645. 34210034 / 9971-1320 ou 9692-4433

00011950

CASA/SALÃO 207/290M² R$ 125.000,00 e R$ 120.000,00. Jd. Maracanã e Guaicurus. 3421-1996 11802

CASA/VENDA

Jd Água Boa. 3422-0080 ou 9965-5200. Creci 0808J. Imob. Tuiuiu.

Casa c/ 192m², 2 qts, suítes, 2 salas, wc, coz, garagem, edícula c/ 2 qto, wc, churrasqueira, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888

8 kitinetes, vendo/troco por chácara. 9938-6850

00011681

JARDIM MARACANÃ 3 dormitórios, varanda c/ churrasq. 8411-7852

11505

JARDIM OURO VERDE 01 apto, 02 qtos, piscina. 8405-1927 Creci 2877

00011886

Área 2.200m², murado, esquina, c/ 02 casas. 9999-4387

JARDIM AMÉRICA

Casa c/ 132m² c/ 2 qts, suíte, 2 salas, coz, wc, edícula c/ 3 qts e wc, lavanderia, garagem. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888 11652

JARDIM CENTRAL 300M²

Rua Benjamim Constant, nº703, Centro. 3426-6490 ou 9971-3166

11127

JARDIM LONDRINA

Casa c/ 79m² c/ 2 qts, sala, copa, coz, wc, edícula, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888 11130

JARDIM MARACANÃ

Casa c/ 180m², 2 qts, 2 salas, suíte, coz, 3wc, churrasqueira, garagem, área de serviço, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888

10203

JD. GIRASSOL NOVA Sobrado, c/ 1 suíte, 3 aptos, 2 sls, piscina... 96016106 Creci 3684 00011390

JD. GUAICURUS 2 qtos, 2 wc, cozinha grande. R$ 70 mil. 9917-3434 10608

JD. GUAICURUS 85 MIL 01 suíte, 02 qtos, sala, coz, varanda, ac. carro. 9953-6791 11620

JD. MÔNACO

4 qtos, 1 sala, coz, 2 wc, varanda. 9995-3202

C/ 02 apts + 01 suíte c/ closed, escritório, demais dependências, piscina, terreno 14x45, R$ 450 mil. 9999-8808

JD. ÁGUA BOA

JD. MÔNACO

00011847

03 qtos, 2 sls. coz, wc, c/ edícula no fundo c/ sl, coz, wc, qto. 3021-2192 ou 9117-0833

00011423

JD. FLÓRIDA II

JD DOS ESTADOS

IZIDRO PEDROSO

02 qtos, sala, coz, wc, varanda + edícula. 9909-3110

11123

P/ financiar, Pq. dos Coqueiros, R. W, nº 2245, R$ 170 mil. 9615-6367

11133

JARDIM MARACANÃ

JD SANTA HERMÍNIA

10809

10552

Suíte, 02 qtos, sala. 9955-9950 ou 9972-2521Creci 4796

11969

JD. CANAÃ III

00011432

R$ 120.000,00 c/ sala, cozinha, 03 quartos, banheiro, varanda. Imob. Athenas 3423-2255 ou 9293-1665 Creci 779J. 11966

JD. DAS PRIMAVERAS

02 qtos, sala, coz, 02 varandas, portão eletrônico. R$ 100.000,00. Imob. Athenas. 3423-2255 ou 9283-1665 Creci 779J. 11701

JD. FLÓRIDA II

Novinha, piscina, móveis planejados, poço artesiano, gás encanado. 9971-9397

Casa c/ 1 qto, suíte, área de serviço, sala estar, wc, coz, garagem, no asfalto, dá financiamento. Imob. Ajurycaba. 820-J. 3421-9888

JD. MONTE LÍBANO No asfalto, quitada. 99139804 ou 9602-4131 11136

JD. PIRATININGA Casa c/ 54m², 2 qts, sala, copa, wc, coz, área de ser viço, garagem. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888 00010235

JOÃO PAULO 9622-9285 Casa ótima, telha, laje, no asfalto, 12 peças.

11148

MONTE CARLO

Casa de 64m² c/ sala, copa, coz, wc, qto, suíte, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888

3


4

Classificados Classificados

Classificados

Classificados Classificados

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, segunda-feira, 6 de agosto de 2012

7842

00011616

11967

11064

00011628

ÓTIMAS CASAS

PROCURANDO IMÓVEIS?

TERRA ROXA

VILA ROSA R$ 62 MIL

SITIOCA CAMPO BELO

Pq. Alvorada, Novo Horizonte, Altos do Indaiá. 8121-7776

Tenho casas p/ vender. 9972-3410 Leonardo

Quarto, sala, coz, wc. 92589205

Cercada com tela, 20 x 50. Particular. 9673-4565

PARQUE ALVORADA

CHÁCARAS

VENDE 34,30HA

Gondim. Creci 2645. 34210034

R$ 150.000,00, 03 quartos, sala, copa, coz. Imob. Athenas. 34232255 ou 9283-1665. Creci 779J.

00011765

2 suítes , 1 qto, + dependências. 8402-4671 ou 8121-7776

00011943

PRÓX. COLÉG. IRMÃS 00011278

PRÓX. COLÉGIO IRMÃS

00011818

00011650

TERRA ROXA II

10 ALQ ITAPORÃ

00010611

C/ 02 granjas, padrão, a 10Km de Dourados. 99714126 11864

11973

CAMPO DOURADO

Casa c/ 66m², sala, coz, lavanderia, wc, 2 qts, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-988

PRÓX. FÓRUM 280 MIL

Casa c/ 02 qtos, suíte, 2 salas, coz, wc, R$ 190.000,00, dá financiamento. 8465-5580 ou 8441-4336.

Casa comercial + edícula. 8405-1927 Creci 2877

VENDO CASA

PARQUE ALVORADA

RESIDENCIAL DALLAS

Em Campo Grande, 105m². 9971-4374

P/ psicultura, pesqueiro, camping, excel. p/ comércio e lazer c/ riacho. 99970788

Suíte, 2 qtos, coz planejada, churrasq. 9955-9950 Creci 4796

Casa 73m², 2 qts, wc, sala, coz, área de serviço, garagem, varanda coberta, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888

VENDO EDÍCULA

SAÍDA P CAMPO GRANDE

Jd. Novo Horizonte, murada. R$ 50.000,00. Aceito carro ou moto. 9638-6651

06 alqueires, 175m, frente BR 163. 8405-1927 Creci 2877

RIO BRILHANTE 42M²

VILA ALVORADA

Dá financiamento, no asfalto, bairro Benedito Rondon. R$ 110.000,00. Ac. carro. 9903-0809

R$ 35.000,00, 04 qtos, sala, 1 apto, coz, wc, garagem, desp. 600m², terreno de esquina. Imob. Athenas. 3423-2255 ou 9283-1665 Creci 779J

FAZENDAS 45 ALQ ARAL MOREIRA

R. Persegueiros, Q03, L17. 9972-2440 ou 9971-2574.

Roxa, plana, lavoura, 700 sacas/alqueire. 9948-9530

Gondim. Creci 2645. 34210034 ou 9971-1320

ADQUIRA JÁ 1.000M²

ECOVILLE FASE I

VILA INDUSTRIAL

FAZENDAS E SÍTIOS

11150

PARQUE ALVORADA

7613

11703

PELICANO Chácara c/ 5.000m², c/ casa, 2 qtos, suíte, wc, sala, coz, área de serviço, piscina, edícula, financia. Imob. Ajur ycaba. 820-J. 3421-9888 00011439

4 dormitórios, 3 salas. Creci 2645 9971-1320

11501

11119

11880

11895

PQ. ALVORADA 180 MIL

SALA EDIFÍCIO JUNE

80m² const., área nobre. 9808-7007 Creci 2988

Centro, av. Marc. Pires esq. c/ av. Pres. Vargas. 7º andar c/ 76m², em frente Praça Antônio João. R$ 120.000,00. 3423-2255 e 9283-1665. Creci 779J. (Imob. Athenas).

00011691

PQ. ALVORADA 190M² 01 apto, 3 qtos, piscina, financia. 9951-7641 8564

PQ. ALVORADA/EUROPA Vários bairros, R$ 190; 310; 450 e 550 mil 34211996 9952-5959

11153

PQ. DAS NAÇÕES 4 Salas comerciais em laje c/ estrutura p/ sobrado c/ casa 2 qts, sala, coz, wc, área de ser viço. Imob. Ajur ycaba 820J. 34219888 11157

PQ. NOVA DOURADOS Casa c/ 189m² c/ sala de estar e jantar, escritório, 3 suítes, 2 wc, área de lazer, garagem, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888

11167

SANTA FÉ Casa c/ 100m² c/ suíte, 2 qts, wc, sala, copa, coz, dá financiamento. Imob. Ajur ycaba 820J. 3421-9888 11705

SANTA FÉ Casa de laje c/ coz, copa, sala, 2 qtos, wc, área de serviço, garagem, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820-J. 3421-9888 11169

SANTA FÉ Casa c/ 79m², sala, copa, coz, 2 qts, wc, área de serviço, dá financiamento. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888

8773

00011849

Bem estruturado, 480 mil. 9987-4429

00011904

2 ALQ. C/ CASAS

VENDE-SE 02 ALQ. C/ 03 aviários em Itaporã. 9914-5905

11502

CENTRO AVENIDAS Av. Marcelino Pires e Weimar G. Torres. 8405-1927 Creci 2877

11970

COLIBRI R$ 68 MIL

11963

11704

Casa c/ 3 qtos, sala, coz, lavabo, área de ser viço. Imob. Ajur ycaba, 820J. 3421-9888 00011247

VILA INDUSTRIAL C/ 03 qtos, sala, coz, wc, nova, R$ 110 mil, financia. 9601-6106 Creci 3684 11965

VILA INDUSTRIAL C/ sala, coz, 03 quartos, wc, varanda, 01 apto nos fundos, R$ 140.000,00 financia. Imob. Athenas. 3423-2255 ou 9283-1665 Creci 779J. 11961

VILA INDUSTRIAL Conj. de casas e kitinetes c/ área total de 750m², próx. atacadão. R$ 450.000,00. Imob. Athenas. 3423-2255 ou 9283-1665 Creci 779J.

00011668

00011438

P/ soja, cana, gado. 98087007 Creci 2988 Pereira 11424

VENDO 12,5 ALQUEIRES Em Glória de Dourados, 5ª linha Km 5,5, nascente, c/ água ,c/ 3 aviários aut, 1 barracão p/ leite, 2 casas sendo uma de madeira e outra de alvenaria, cercada, c/ reserva de mata. (67) 9974-4077 ou 3466-1400 Joelson

SÍTIOS 00011437

15 ALQ. 600 MIL

20Km de Dourados, lindo sítio produtivo, lazer, pomar. 9808-7007 Creci 2988 00011648

SÍTIO POTREIRITO

Ótimo, c/ água e casa no 4º plano. 9658-2455

11503

CENTRO AV. WEIMAR 15m, frente. 8405-1927 Creci 2877

TERRENOS

11504

00010873

R$ 38.000,00, aceito carro. 9917-9135

15X30 COLIBRI 4562

Lotes 20x50, residencial e comercial, saída para Caarapó, BR 163, plantão de vendas. 9971-3855 ou 8411-1927 www.satorreimoveis.com.br Creci 2649 11956

ÁGUA BOA Próx. Abevê Hayel Bon Facker R$ 150.000,00 12x30. Imob. Athenas 3423-2255 / 9283-1665 Creci 779J 11177

ALTOS DO INDAIÁ C/ 623m² na Av: Indaiá, ótima localização p/ comércio. Imob. Ajurycaba 820J. 3421-9888 00011782

ALTOS DO INDAIÁ 15x35, murado, ótimo p/ comércio. 8463-1935

2870

ALTOS DO INDAIÁ 12x45=540m². Creci 3022. 9955-9950, 3423-0329 ou 9972-2521

Aceito financiamento. 99179135 00011944

ECOVILLE 180 MIL

00011931

450m². R$ 150.000,00 Tratar 8106-8854 ou 34217055 00011764

ECOVILLE FASES 1 E 2 9235-4203 Roberto. Creci 4960

00011947

JARDIM GIRASOL Gondim. Creci 2645. 34210034 ou 9971-1320

00011907

JARDIM GUANABARA Terreno de esquina. telefone para contato 99786292. 10622

JARDIM MÔNACO Já esta financiado pela Caixa R$ 714,00 a parcela + R$ 61 mil. Creci 2645. 9971-1320 00010621

JARDIM MÔNACO

A melhor localização. Creci 2645. telefone para contato 9971-1320

C2


Edição de 06/agosto de 2012