Page 1

ANO 60 Nº 11.068

DOURADOS/MS

Fundador: Weimar Torres

qUARtA-feiRA

24/11 de 2010 Divulgação

R$ 1,50 Diretora-presidente: Adiles do Amaral Torres

Estudantes voltam a pedir eleições diretas Eles pedem a cassação do prefeito afastado Ari Artuzi e do vice Carlinhos Cantor

Universitários da UEMS e da UFGD entregaram panfletos e adesivaram carros por eleições já em Dourados

uma manifestação pedindo eleições diretas em dourados mobilizou ontem estudantes da universidade estadual de mato grosso do sul (uems) e universidade Federal da grande dourados (uFgd). durante o ato, eles entregaram panfletos e adesivos pedindo a cassação do prefeito afastado ari artuzi

e do vice afastado, carlinhos cantor. o folheto entregue pelos estudantes trazia, ainda, os nomes e fotos dos 12 vereadores que atualmente integram a câmara. “estes são os vereadores que estão com a responsabilidade de cassar o mandato do prefeito ari artuzi e do vice carlinhos cantor”, dizia o folheto. Dia a Dia 2

Artuzi está na prisão há 85 dias Giuliano Lopes

Fonte: inmet - instituto nacional de meteorologia

Tempo parcialmente nublado a nublado com pancadas de chuva e trovoadas no norte e leste; parcialmente nublado no sudoeste. Demais áreas, parcialmente nublado a nublado com possibilidade de pancadas isoladas de chuva e trovoadas.Temperatura: estável. Max.: 34°C e Min.: 17°C. Vento direção: W-S, intensidade: fracos/moderados c/rajadas. Em Dourados, nublado com possibilidade de pancadas isoladas de chuva e trovoadas, passando a parcialmente nublado. Temperatura: estável. Max.: 31°C e Min.: 17°C.

Tetila desmente denúncias que o MP investiga Deputada será a primeira mulher a ocupar o cargo de conselheira no Tribunal de Contas do Estado

Celina vai ocupar vaga no TCE/MS a assembleia legislativa aprovou ontem a indicação da deputada estadual celina Jallad (PmdB) para o tce/ms (tribunal de contas do estado). ela substituirá o conselheiro osmar dutra, que aposentou-se compulsoriamente ao com-

pletar 70 anos. a vaga deixada por celina na assembleia legislativa será ocupada pelo Pastor oliveira, suplente da coligação amor, trabalho e Fé, que apoiou o governador reeleito andré Puccinelli. Página 3 A. frota

Custo da corrupção .........Página 2

Deputados federais são contra a CPMF

PÁGINA 5

Indicadores...................Página 6 DuplA-sEnA - Concurso 918 1º Sorteio: 01 - 19 - 21 - 24 - 26 - 42 2º Sorteio: 21 - 23 - 34 - 37 - 42 - 43 quinA - Concurso 2454 33 - 39 - 48 - 65 - 77

Caderno A Opinião................. 2 Política............3 a 5 Economia........6 e 7 Saúde...................8 Dia a Dia.........1 a 4 Esportes (incluindo

Polícia)............1 a 4 Cidades..........1 a 4 Classificados......1 a 8 Caderno B Cultura..................1 Variedades......2 e 3 Destaque..............4

enquanto a Justiça não julga o habeas corpus, o prefeito afastado ari artuzi (sem partido) está na prisão há 85 dias. ele foi preso pela Polícia Federal em 1º de setembro, acusado de comandar um esquema criminoso que teria provocado um prejuízo de quase r$ 35 milhões aos cofres da Prefeitura de dourados, segundo o ministério Público estadual (mPe). estão presas ainda mais nove pessoas, entre elas, a ex-primeira-dama maria de Freitas. Dia a Dia 4

Marçal quer votar PL dos aposentados

Prefeitos de MS querem garantia de mais recursos PÁGINA 7

Matrículas no Estado abrem no Instalado fim de semana semáforo em CIDADES 1

o deputado estadual eleito laerte tetila, do Pt, nega denúncias publicadas na imprensa local, que dizem que ele teria doado ilegalmente áreas públicas a grupos e pessoas ligadas à administração dele entre 2006 e 2008. o promotor de justiça amilcar araújo carneiro Júnior esclarece que chegou ao conhecimento do ministério Público que o acervo de imóveis pertencentes ao patrimônio do município estaria reduzido devido a doações irregulares feitas nos últimos anos em dourados. Dia a Dia 2

frente à Unigran

A Prefeitura de Dourados está instalando um semáforo de três tempos no cruzamento das ruas Manoel Santiago e Balbina de Matos, em frente à Unigran. O objetivo é reduzir o congestionamento na rua Manoel Santiago, por volta das 19h, início das aulas noturnas na Unigran e Anhanguera. Dia a Dia 1

o deputado federal marçal Filho (PmdB) ocupou a tribuna do auditório Petrônio Portela, ontem, no senado Federal, para defender os aposentados e pensionistas brasileiros, cobrando do Palácio do Planalto a adoção urgente de políticas públicas que atendam as necessidades dessas duas categorias. Página 4


2

Opinião Opinião Opinião Opinião

Opinião

Opinião Opinião Opinião Opinião

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

P1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Ensinar

Julio Capilé*

EDITORIal

Custo da corrupção A Controladoria-Geral da União (CGU) fez as contas e concluiu que 2.800 funcionários públicos civis federais foram exonerados entre 2003 e outubro de 2010, sendo que 2.500 foram expulsos do serviço público por corrupção ativa ou passiva. É isso mesmo! O país onde mais de R$ 60 bilhões se perdem todos os anos pelo ralo da corrupção conseguiu expulsar 2.500 servidores, o que é quase nada no universo de 2.039.499 servidores públicos federais, incluindo os militares. Como raramente se tem notícia de algum militar federal envolvido com a corrupção, fica claro que o governo federal não ataca esse mal com o rigor que deveria, ademais, deve ser difícil exonerar o servidor corrupto quando os próprios superiores não servem como modelo de probidade. O inverossímil é que o governo ainda faz festa para anunciar a demissão de 2.500 servidores corruptos ao longo dos últimos sete anos, como se esse número ínfimo fosse indicador de combate à corrupção na esfera federal, tanto que 1.471 perderam o emprego em virtude do uso indevido de cargo, contra 817 que foram dispensados por improbidade administrativa e apenas 257 por recebimento de propina. Alguém, em perfeito gozo das faculdades mentais seria capaz de acreditar que num universo de mais de 2 milhões de funcionários apenas 257 servidores públicos federais receberam propina nos últimos sete anos? O fato é que a corrupção está em todas as entranhas do serviço público, tanto que o Ministério da Previdência Social lidera a lista de demissões com 720 desligamento em sete anos, ou seja, um único ministério e, justamente o que trata de benefícios para idosos e trabalhadores, concentrou mais de 25% dos casos de corrupção. Paradoxalmente, o Ministério da Educação aparece em segundo lugar no ranking da corrupção funcional com 456 demissões, ou 16,27% do total, seguido pelo, ainda mais paradoxalmente, Ministério da Justiça com 370 exonerações, ou 13,20% do total. O Ministério da Fazenda, onde está a chave do cofre de todo dinheiro público federal,

demitiu 340 servidores nos últimos sete anos, quando, em tese, deveria ter exonerado muito mais diante das denúncias que envolvem esse setor. O fato é que se levasse a sério o relatório do Departamento de Competitividade e Tecnologia da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), que deu uma dimensão dos prejuízos econômicos e sociais que a corrupção causa ao País, o governo federal teria demitido muito mais de 2.500 servidores em sete anos. O estudo revela que o custo médio anual da corrupção no Brasil gira entre R$ 41,5 bilhões a R$ 69,1 bilhões, o que representa de 1,38% a 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB). É por essas e outras que entre 180 países pesquisados, o Brasil está na 75ª colocação no ranking da corrupção elaborado pela Transparência Internacional, de forma que, numa escala de zero a 10, sendo que números mais altos representam países menos corruptos, o Brasil tem nota 3,7. Fica comprovado que tudo que o Palácio do Planalto fala em relação à corrupção não passa de discurso, já que, efetivamente, o governo federal não consegue impedir que esse câncer continue sangrando os cofres públicos em todas as esferas do poder. Para que o leitor tenha ideia da gravidade do problema, o dinheiro que escoa pelo ralo da corrupção seria suficiente para elevar de 34,5 milhões para 51 milhões o número de alunos matriculados no Ensino Fundamental, assegurando a inclusão de mais de 16 milhões de jovens e crianças. Mais: os hospitais públicos mantidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), que hoje oferecem 367.397 leitos para internação, poderiam abrir mais 327.012 leitos para os pacientes, um aumento de quase 87%. O dinheiro que se perde com a corrupção também daria para construir, em apenas um ano, um total de 2.940.371 casas populares, elevando em 74,3% toda meta do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Os recursos dariam ainda para levar saneamento básico a mais 23.347.547 residências ou para construir mais 13.230 quilômetros de rodovias federais e, ainda, poderia ser utilizado para a construção de 277 novos aeroportos, acabando com o caos que ameaça a segurança aérea em todo o Brasil.

atendimento e vendas de final de ano Cersi Machado* Capriche nas vendas de Natal e obtenha uma ótima colheita comercial! As vendas de Natal são as mais importantes para as vendas no varejo. Pesquisas apontam que o comércio poderá ter um crescimento que supere a casa dos 6%. Com as vendas de final de ano, a contratação de vendedores temporários pode atingir 11% a mais que em 2009, conforme levantamento da Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho temporário (Asserttem). Um detalhe importante é que a maioria das empresas que contratam para o período esquece que não basta apenas contratar os temporários e colocá-los para trabalhar. É preciso treinar esses profissionais o quanto antes, pois a imagem da empresa é que está em jogo. O aumento das vendas de final de ano não deve ser motivo para que a empresa abra mão da qualidade do atendimento. O cliente quer ser bem atendido, com agilidade e atenção. Para ele, não importa se o atendente/ vendedor é temporário, se tem ou não experiência. Para o cliente, o atendimento é a empresa. Para o sucesso do atendimento, os gestores de vendas precisam criar as condições para que a equipe trabalhe unida e

focada nos resultados, pois agora é a época da grande colheita comercial de 2010. Incentivar os vendedores, criando, por exemplo, uma premiação individual e coletiva para o cumprimento dos objetivos é uma boa alternativa para estimular a produtividade. O líder deverá estabelecer objetivos possíveis de serem alcançados, porém, desafiadores a ponto de mobilizar toda a equipe, acompanhando cada vendedor para que o resultado positivo aconteça. Veja abaixo algumas dicas simples para alavancar as vendas de final de ano: - Capriche na vitrine. Estudos estimam que mais de 50% das vendas realizadas têm como atração principal a vitrine. Observe as tendências do mercado e procure inovar. Uma vitrine atraente faz com que mais clientes entrem na loja. - Abordar cada cliente com um sorriso, com um cumprimento alegre, demonstrando receptividade. Trate o cliente pelo nome durante todo o atendimento. - Não empurre qualquer coisa para o cliente, pois é importante para ele aquilo que foi buscar em sua empresa, então, faça perguntas objetivas e identifique o que é importante para ele. - Apresente os benefícios dos produtos. Mostre as vantagens e ajude o cliente a tomar a melhor decisão. - Não abandone seu cliente, acompanhe-o até o final. muitos vendedores, na ânsia de ganhar mais comissão, esquecem do cliente e vão atender outros. Evite isso. Ao finalizar a venda, agradeça e elogie a escolha que o cliente

fez e entregue um cartão. - Faça mais do que se julga capaz. Tenha disposição e entusiasmo. Ofereça de forma educada outros itens adicionais: outras cores, modelos etc. Mas faça isso de forma profissional, sempre apresentando opções que estejam de acordo com as características do cliente. - Todos na empresa precisam estar atentos na rapidez no atendimento, seja no caixa, no estacionamento, no pacote, etc. A maioria dos clientes vai às compras com pressa, portanto, vai se destacar nessa época quem for ágil. - Comprometa-se com os resultados, comprometa-se com o atendimento que supera as expectativas dos clientes. O maior atributo para o sucesso das vendas será o comprometimento de cada vendedor. Existem vários outros fatores que contribuem para o sucesso das vendas. O importante é que cada vendedor esteja consciente que pode fazer o melhor a cada dia, fazendo mais do que esperam dele. Então, rumo à colheita comercial e ótimas vendas a todos! *Autor dos livros: “Os 7 Fatores que Possibilitam o Êxito Pessoal e Profissional” e “Afie o seu Machado – Comprometa-se com o seu sucesso” (áudio book) e coautor dos livros ser + Líder e ser+ com PNL. Palestrante motivacional e comportamental, especializado em treinamento empresarial com foco em resultados, atuando em vários estados: www.cersimachado.com.br

“Ide e ensinai” Jesus (Mateus, 28:19) O discípulo de Jesus tem essa obrigação: ensinar sempre. Foi a recomendação do Mestre aos seus amigos de então. Mas Ele no sermão por seus seguidores (ou Sermão Sacerdotal conforme outra tradução) incluiu “os que virão”, portanto estamos incluídos na categoria de discípulos como se fôramos daquele tempo. Agora ainda mais, pois aqueles não sabiam do que aconteceria com Jesus nem tinham noção da Sua missão. Pensavam que modificaria politicamente o mundo. Tenho a impressão de que o único que não ignorava era Judas Iscariote (ou sicariote), por ser politizado. Nós, os discípulos de agora devemos compreender que deveremos estar sempre em condições de ensinar as melhores lições a nosso semelhante. Quanta gente que vive mergulhada nas coisas do mundo, sofrendo sem possibilidade de consolo por ignorar a grande medicina contida nos ensinamentos evangélicos! Embora

haja difusão de religiões ainda existem muitas pessoas céticas e indiferentes às coisas do espírito. E sofrem desconsoladamente. A esses cabe a nós, em momentos oportunos, levar o conhecimento das benesses do Reino. Esses “momentos oportunos” são principalmente quando passam por provações ou dores atrozes. Devem ser ensinamentos consoladores acompanhados de amparo amigo que deixe uma suave e grata recordação. Nossa obrigação de conhecedores da realidade cristã é transmitir o que já recebemos da Espiritualidade Maior. Por pouco conhecimento que tenhamos, sabemos disso. E, os ensinamentos a transmitirmos serão, principalmente, pelo exemplo. Palavras, ações, gestos e atitudes são lições eficazes. Daí nosso dever de pautar uma vida reta, conduta exemplar, vigilância constante em todo local e a toda hora, com sinceridade. Quem assim faz, sente autoridade moral para passar o consolo e o ensinamento. O ide e ensinai do tempo de Jesus na Terra era muito difícil. Os encarregados dessa missão andavam por caminhos ínvios arrostando perigos de toda ordem. Hoje não. Ninguém precisa fazer sacrifícios

para ir. Ainda mais que esse ir pode ser ao coração de um amigo ou de um parente. Dentro de casa. Tão fácil, mas para ensinar tem que saber e exemplificar. Esse saber é do espírito; é a evolução conquistada a cada dia; é o aprimoramento constante do sentimento do Amor e principalmente da Caridade. Se tivermos um deslize, por pequeno que seja, por ele seremos avaliados. Jesus veio e ensinou. Por isso é chamado o Divino Mestre, embora não tivesse uma escola, nem livros e nenhuma cátedra. Aliás, ninguém tem certeza de que Ele fosse letrado, pois nada deixou escrito. Eram poucos os hebreus que aprendiam a ler e escrever. Aprendiam a Lei pela cantilena repetida até a exaustão. Talvez por isso é que no sinédrio havia os escribas, os doutores da Lei. Os sacerdotes não tinham a obrigação de saber ler. Dos apóstolos o que era letrado era Levi Mateus. Cobrava impostos, portanto anotava isto é, escrevia. Jesus nada escreveu, mas ensinou a Verdade para a humanidade por todos os tempos. Seu exemplo é a nossa obrigação.

acontecer sempre entre os mais pobres, passariam a merecer os mesmos questionamentos. Penso que uma coisa é Deus intervir e propor sua vontade, dizendo: quero isso ou aquilo. Não quero isso e nem aquilo. E outra é permitir, pelo livre arbítrio humano que coisas e fatos se sucedam pela vontade do homem e também pelas circunstâncias dispostas pela natureza sem que Ele interfira, ainda que cause mal estar e desastre para outros. Haverá momentos, e não poucos, em que o conluio da vontade humana associada a acontecimentos gerados pelas intempéries podem causar desastres ainda maiores. É comum, assistirmos, diuturnamente, algumas pessoas desavisadas que se manifestam diante de uma calamidade, como se Deus fosse o grande e único culpado. E dizem: Se Ele não queria isso, pelo menos, poderia ter evitado. Poder, Ele tem para tanto. Ora, temos que entender que a natureza tem seu ritmo e trajetória de conduta. Vejamos: Em dia de muito calor, sol escaldante, é bem provável que tenhamos chuvas, denominadas de convectivas, no final da tarde. Alguém faz um agradecimento especial a Deus por ter enviado uma boa chuva para nos refrescar? Não é pelo fato de entendermos que nada acontece sem seu conhecimento que deveremos culpá-Lo ou agradecê-Lo por cada acontecimento. Moradores de locais íngremes e acidentados, isto é, morros e ladeiras que circundam cidades, ao exterminarem a vegetação que segura e mantêm o solo firme, colaboram para que haja desmoronamentos. E onde estaria a

culpa divina? Também há que considerar que o ser humano é um tanto quanto complicado, pois, para as benesses e benfeitorias que se sucedem no dia a dia, raros são os que dizem: como Deus é bom!!! No entanto, diante das calamidades ou tragédias, sempre haverá alguém para dizer: Se Deus existisse e fosse bom, com certeza, não permitira isso que aconteceu. Sempre sobra o pior para Deus. Para os cristãos resta, apenas e tão somente, obedecer e aceitar a Vontade de Deus. Por isso, é conveniente, nessas e tantas outras circunstâncias delegar a Ele a motivação e a nós o cumprimento pela obediência, pois como diz a Palavra: “É melhor obedecer do que sacrificar”. Com Ele não temos poder de barganha. Não tem como negociar. Prefiro fazer prova dEle e pedir como fez com o povo de Israel, descrito em Jeremias, 32, verso 39: Um coração para adorá-lo e um caminho por onde devemos andar, sempre na sua verdade. Delego a Ele meus horizontes, pois como dizia David: “Quem escaparia de seu juízo”? Finalizando, estampo aqui uma frase que fiz num momento de meditação e enviei a meus amigos: Saber e reconhecer que Deus é soberano e ciumento, ao extremo, nos coloca em posição e sujeição absoluta. Amá-lo ou amá-lo. Adorá-lo ou adorá-lo. Eis a única questão. Bom dia. Melhor semana.

*Médico. Escreve às 4ªs feiras no O PrOgrEssO. julio.capile@apis.com.br

Diferença entre vontade e permissão divinas Benê Cantelli*

Tarefa difícil, por vezes, impossível, distinguir, perfeitamente, o que é da Vontade de Deus e o que é fruto da sua Permissão. Dentro desse parâmetro imposto pela dificuldade, quero plantar aqui a minha opinião e observação, sem nenhum intento de amordaçar a verdade. E, nesse sentido, entendo que Vontade Divina tem a ver com o desejo de que as coisas ou circunstâncias aconteçam como Ele quer. Por sua vez, entendo que Permissão divina resulta do fato dele ser onisciente, isto é, sabe tudo o que vai acontecer mas não intervém, nem impedindo e nem sugerindo esta ou aquela direção. Se pudesse resumir, diria: Vontade divina: Deus quer e faz. Permissão divina: Deus pode mas não faz. Se compreendemos e confessamos que tudo o que acontece é derivado da Vontade divina, estamos prestes e questionar a Deus, fatos ou exemplos que nos motivam a pensar que Deus é injusto ou faz coisas das quais imaginaríamos não serem próprias de um verdadeiro “deus”. Corroborando nossa alusão, poderíamos lembrar as crianças que nascem cegas, coxas, surdo-mudas, e nesses casos Deus não escaparia do nosso julgamento, pelo fato de entendermos que as crianças não têm culpa e nem merecem tamanho castigo. Imaginou relatar como castigo essas deficiências?! De igual maneira as catástrofes e desgraças que soem

*Professor. cantelli@terra. com.br

EXPEDIENTE O PROGRESSO: O MAIS ANTIGO DO ESTADO E DE MAIOR CIRCULAÇÃO EM TODO O INTERIOR

Este jornal expressa sua opinião pelo Editorial. As demais opiniões são de responsabilidade de seus autores. EDItorA JorNAL o ProGrEsso LtDA CGC 03.356.425/0001-26 Departamento Comercial, Administração, redação e Parque Gráfico: Av. Presidente Vargas, 447 CEP 79804-030 Dourados-ms. Telefones Redação: (0xx) 67-3416-2600 Depto. Comercial: (0xx) 67-3416-2600 Depto. Assinaturas (Dourados): (0xx) 67-3421-2094 Fax: (0xx) 67-3421-1911 HomE PAGE: http://www.progresso.com.br E-mAIL: progresso@progresso.com.br Representantes: São Paulo: Contato - Rua Joinville, 654 - Fone (0xx) 11-5572-7577 -Fax 55796861; Rio de Janeiro: JC Representações - Av. Almirante Barroso, 97 - Fone (0xx) 21-3262-7469; Brasília - Armazém de Comunicação sCs Q. 1 BL. "K" - Ed. Denasa 13º andar - sala 1.301 Fone/fax (0XX) 61-3321-3440. Em Campo Grande: Departamento Comercial (Elaine e Alexandre) e redação: rua 13 de maio, 2118 - telefones (0xx) 67-3325-5343 - Fax 3325-1448

"o ProGrEsso" Registrado no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) sob o nº 812285964

ASSINATURAS DoUrADos, INtErIor E CAmPo GrANDE Anual ------------------------------------------ R$ Semestral ------------------------------------- R$ Trimestral ------------------------------------ R$ Bimestral ------------------------------------- R$ Mensal ---------------------------------------- R$ VENDA AVULsA Dourados, Interior e Campo Grande Do ano Do ano anterior

NúmEros AtrAsADos

Este jornal é filiado à:

ABRAJORI - ADJORI - ACOSMS - FEBRACOS

220,00 130,00 85,00 60,00 40,00 - R$ 1,50 - R$ 1,70 - R$ 2,50


P1

Política Política Política Política

Política

Política Política Política Política

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

3

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PrOGreSSO

Plenário

Hospital da Mulher para atender um Termo de ajustamento de Conduta (TaC) firmado entre a Secretaria Municipal de Saúde, ainda na gestão Ari Artuzi, e o Ministério Público Estadual (MPE), toda estrutura do Hospital da Mulher está sendo transferida para o Hospital Universitário (HU), que é administrado pela Universidade Federal da Grande Dourados. Até aí tudo bem, mas alguém poderia explicar como ficará a situação de uma gestante que, por ventura, resida no Parque das Nações II e entre em trabalho de parto às 2h da madrugada? Sem ônibus, com a Central de Ambulâncias sucateada e com o Samu fazendo charminho para atender, como essa parturiente vai percorrer os 30 quilômetros que separam o Parque das Nações II do Hospital Universitário?

Pracinha

Em resposta a e-mail publicado ontem nesta coluna o deputado federal Geraldo Resende elogiou a postura da leitora que questionou a demora na abertura da Praça do Parque Alvorada, e aproveitou para fazer alguns esclarecimentos. Geraldo explica que a parte que lhe cabe, que é viabilizar os recursos, já que a execução é de responsabilidade, em alguns casos, da Prefeitura, e em outros, do Estado.

Pracinha 2

Geraldo afirma que em seu trabalho como parlamentar tem ido além, ao cobrar, insistentemente, a correta aplicação do dinheiro que ele tão arduamente conquistou em Brasília. Sobre a Praça do Parque Alvorada o deputado diz que nem ele e nem o governador André Puccinelli vão aceitar a entrega dessa obra enquanto não forem corrigidas todas as falhas de responsabilidade da empreiteira.

Bombeiros

O tenente-coronel Jonys Cabrera Lopes, comandante do 2º Grupamento de Bombeiros, enviou e-mail ontem à coluna rebatendo as notas que apontaram falta de estrutura dos homens do fogo no combate a um incêndio que aconteceu na última quintafeira, na Vila Popular, no prolongamento da Avenida Weimar Torres, no Jardim Flórida.

Bombeiros 2

De acordo com o comandante, as informações causaram constrangimento e indignação. Sobre: “... ao chegar ao endereço do sinistro a guarnição não iniciou imediatamente o combate às chamas...”, esclarecemos que as duas primeiras viaturas que chegaram no local, dois Auto Bomba Rápido se anteciparam estabelecendo equipamentos de combate as chamas, logo em seguida teve a chegada de um Auto Bomba Tanque, viatura com maior capacidade de água.”

Bombeiros 3

Sobre: “os equipamentos são tão obsoletos, que quando os bombeiros conseguiram colocá-los em ação o fogo já havia destruído o imóvel”, explicamos que os bombeiros chegaram no local e prontamente estabeleceram os equipamentos de combate

aL aprova indicação de Celina Jallad para o TCe

Deputada substituirá Osmar Dutra, que se aposentou ao completar 70 anos Tião Guimarães

Willams Araújo

Poder é poder

a incêndio em duas viaturas, iniciando imediatamente a aplicação de jatos de água sobre as chamas, que já tomavam completamente o veículo Fiat Tempra.

Bombeiros 4

O comando garante que em nenhum momento houve interrupção no atendimento, as linhas de mangueira foram mantidas abastecidas para a aplicação dos jatos, inclusive houve o apoio da Prefeitura com dois caminhões-pipas, que não deixaram faltar água. As chamas se alastraram rapidamente pela tapeçaria, onde em seu interior havia 6 sofás e materiais para conserto e reformas, e mais 7 sofás nos fundos, materiais que serviram de combustível para alimentar as chamas.

Saneamento

A engenheira agrônoma Juliana Ferreira Simões enviou email à coluna com o seguinte teor: na edição deste dia 23, do jornal O PrOGrESSO, li a manchete em relação ao ótimo desempenho da Sanesul em Dourados. Fico realmente feliz pela nossa cidade ser contemplada por esta obra de extrema importância, mas estou realmente preocupada.

Saneamento 2

Segue a leitora: é visível, perceptível o quanto o serviço realizado após a instalação do sistema de esgoto é deficitário, de baixa qualidade, insuficiente, prejudicial ao trânsito de carros, motos e pedestres. Não estou dizendo que não deveríamos ter sistema de esgoto, claro que precisamos, mas o custo para a cidade é alto, com ruas cortadas e mal fechadas, onde foram realizadas emendas mal feitas, que já formam buracos, com depressões profundas nas valetas mal niveladas e tapa-buracos em desnível com o asfalto da rua.

Saneamento 3

Finaliza Juliana Ferreira Simões: só acho que entregar um serviço de péssima qualidade é um crime, já consumirá dinheiro público para operações de tapaburacos pois afeta a cidade toda e ainda causa acidentes de trânsito. Quem fiscaliza o serviço pago com dinheiro do cidadão? Poderia ser a obra da década na cidade, mas as cicatrizes e as conseqüências mancham nossa melhoria na qualidade de vida.

Ardidas

· Leitor enviou e-mail à coluna com o seguinte teor: relatos e fatos citados na coluna envolvendo a reitoria e a própria UFGD mostram para todos que a direção gasta muito tempo trabalhando com a política partidária e com isso não faz a tarefa de casa, como relatado na nota UFGDemora. · Segue o leitor: o chefão e seus seguidores têm tudo e os outros, a grande maioria, estão esperando realmente uma postura de administrador, já que é uma empresa pública. Isso foi dito por um conhecido que trabalha lá. O que realmente está acontecendo na UFGD? Douradenses, vão vendo... · A fase do Democratas não é boa no cenário nacional. Depois de ver sua bancada na Câmara Federal e no Senado reduzidas pela metade, o DEM acaba de perder a primeirasecretaria do Senado, que passará a ser controlada pelo PT a partir de fevereiro de 2011. Conhecida como prefeitura do Senado, a primeira-secretaria estava há sete anos em poder do DEM. · A farra com os recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) começa a fazer as primeiras vítimas. O deputado federal Paulo Pereira da Silva (PDT) e a Força Sindical foram condenados a devolver R$ 235,5 mil aos cofres públicos por improbidade administrativa na gestão de R$ 40 milhões do FAT.

Conjuntura

Deputada Celina Jallad e colegas na sessão em que foi aprovada a indicação para o TC de Dutra foi aprovado por 22 dos 23 parlamentares presenampo Grande - tes no plenário da Casa. “O nome de Celina Jallad A Assembleia Legislativa de Mato Grosso é um parâmetro da tenacidade, do Sul aprovou ontem dignidade e competência da a indicação da deputada esta- mulher sul-mato-grossense, dual Celina Jallad (PMDB) que sem abdicar da firmeza de para o TCE (Tribunal de Con- suas ações, consegue dar tom tas do Estado. Ela substituirá o de ternura próprio de quem conselheiro Osmar Dutra, que tem a exata compreensão da aposentou-se compulsoria- vida e de suas consequências”, mente ao completar 70 anos. elogiou o deputado Antonio As últimas vagas abertas Carlos Arroyo (PR), relator do projeto na no TCE se deCCJ (Comissão ram com no ano a vaga de de Constituição e passado com as Celina na Justiça), ao usar a aposentadorias assembleia tribuna. dos conselheiros será ocupada Ele disse Carlos Ronald pelo pastor ter plena certeza Albaneze, ocorOliveira que o Tribunal rida em novemde Contas ficará bro de 2008, e Augusto Maurício da Cunha maior e melhor, pois contará e Menezes Wanderley, em 23 com a presença de uma pessoa dedicada e profundamente de junho de 2009. Para o lugar de Maurício conhecedora da realidade do Wanderley, foi indicado ex- Estado. Em entrevista, Celina deputado federal Waldir Neves declarou-se ao mesmo tempo (PSDB), que tomou posse no dia 15 de julho daquele ano. feliz e motivada pelos novos Iran Coelho das Neves, no- desafios e triste por deixar a meado pelo governador André casa que ocupou por 16 anos. Ela afirmou que no TriPuccinelli (PMDB), ocupou a bunal será recebida por uma vaga aberta por Albaneze. A vaga deixada por Celi- equipe de inspetores efetivos na na Assembleia será ocupada que a acompanhará no trabapelo Pastor Oliveira, suplente lho de verificação da prestação da Coligação Amor, Trabalho de contas, atividade que – see Fé, que apoiou o governador gundo Celina – não traz mistérios, já que ocupou diversos reeleito André Puccinelli. A deputada, que não ten- cargos administrativos nos 40 tou a reeleição em 3 de outu- anos de carreira política em bro, será a primeira mulher a Mato Grosso do Sul. O presidente da Assemassumir vaga de conselheira bleia Legislativa, Jerson Dona Corte Fiscal desde a criação mingos (PMDB), quebrou o do Estado. O projeto de decreto legis- protocolo e fez uma homelativo (007/10) confirmando o nagem emocionada a Celina nome da deputada para o lugar Jallad, sua amiga de infância. Willams Araújo

C

Carreira Em seu primeiro mandato, de 1995 a 1999, Celina Jallad conquistou a presidência da CCJ da Assembleia e foi eleita vice-presidente da Mesa Diretora da Casa, sendo a primeira mulher a ocupar os cargos na história do Parlamento sulmato-grossense. A deputada, que é filha do ex-governador Wilson Martins (PMDB), retornou para um segundo mandato de 1999 a 2003. Em 2000, fez parte de Comissão Especial para Análise do Código do Contribuinte de Mato Grosso do Sul e da Comissão Especial de Reforma Constitucional (PEC 01/00). A partir de 2001, Celina Jallad passou a fazer parte da Frente Parlamentar da Criança e do Adolescente-MS e a presidir o Fórum Permanente da Mulher de Mato Grosso do Sul, além de presidir a Comissão de Representação para Acompanhamento da Aplicação de Recursos do FAT. No mesmo ano, fez parte da composição da Comissão Temporária de Representação para Intermediar junto a Cassems, quando os parlamentares lutaram pela não suspensão do atendimento dos aposentados e inativos de MS. No biênio 2001/2002, assumiu a segunda vice-presidência. Em 2002, Celina Jallad presidiu a Comissão de Turismo, Indústria e Comércio, oportunidade em que promoveu a audiência pública sobre a Política de Marketing para o Desenvolvimento do Turístico de Mato Grosso do Sul. Reeleita em 2002, retornou à Assembleia com 15.212 votos.

Até 17 de dezembro, os eleitos estarão diplomados pela Justiça Eleitoral. O diploma garante aos deputados federais e senadores duas importantes prerrogativas: eles não podem ser presos – a não ser em flagrante de crime inafiançável – e são julgados pelo STF. Por aqui desfrutam desse privilégio Delcídio do Amaral (PT), Waldemir Moka (PMDB) e a remanescente Marisa Serrano e os deputados eleitos e reeleitos Vander (PT), Biffi (PT), Geraldo (PMDB), Marçal (PMDB), Mandetta (DEM), Fabio Trad (PMDB), Giroto (PR) e Reinaldo Azambuja (PSDB).

Desova

A nova legislatura se aproxima no Congresso e com ela a vontade, pelo menos teoricamente, dos novatos atuarem com legitimidade em favor do eleitor. São 11 os representantes de MS, sendo 3 no Senado e 8 na Câmara. Resta saber se desta vez desengavetam temas como fidelidade partidária, o fim do cargo de suplentes, a extinção do instituto da reeleição, o sistema distrital misto, a adoção de lista fechada e o financiamento público de campanha.

Caminho incerto

Como em boca fechada não entra mosquito, o deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT) ainda não definiu seu destino político, ao menos não declarou publicamente o que pretende fazer em termos eleitorais. Derrotado nas eleições deste ano para o Senado, o brizolista deve retomar as articulações visando recompor os quadros do seu partido, o qual saiu enfraquecido desde que sofreu intervenção nacional, graças ao pedido do próprio parlamentar.

Avestruz

Aliás, entre os brizolistas, quem deve tomar um chá de sumiço é o presidente de honra do partido, João Leite Schmidt, depois do fiasco de sua turma nas urnas em 3 de outubro. Ele fez das tripas coração para eleger Zeca do PT governador, mas foi atropelado pela vontade do eleitorado. (e-mail: conjunturaonline.com.br)

Colono – Cumpádi, o árcool continua vantajosu em nossu Estadu... Ic, ic, ic... Zé Pinga - ... prámim, cumpádi, é vantajosu em quarqué época... ic, ic, ic...


4

Política Política Política Política

Política

Política Política Política Política

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

P1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Previdência

Marçal defende aposentados no Senado Deputado foi o único da bancada federal de MS a participar do Congresso Mundial dos Aposentados Divulgação

Informe C Na cumbuca?

Foi longo o debate na Câmara de Dourados, na noite de segunda-feira, sobre qual critério a ser adotado na distribuição de casas populares. Walter Hora (PPS) pediu o adiamento do projeto de Delia Razuk sobre o assunto por quatro sessões. Mas o líder da prefeita, Albino Mendes (PR) propôs duas semanas e acabou levando esse prazo. A questão em debate é se as casas devam ser entregues por sorteio ou por ordem de inscrição.

De mal, a pior

O leitor Valter Bigoni, depois que fazer um reclamação há 30 dias, voltou a cobrar uma solução da Secretaria de Obras, sobre a situação da rua Hayel Bon Faker após a rua Ponta Porã, que esta cheia de buracos e afundando em alguns lugares. E também sobre a entrada do jardim Mônaco (ruas Alemanha e Áustria), que tem uma quadra sem asfalto. “A situação em ambos os casos esta ficando intransitável e novamente eu peço a sua ajuda, pois o IPTU naquelas regiões é o de maior valor da cidade, e algo deveria reverter para a quem mora por ali”, pediu o contribuinte.

Cícero Faria cicerolfaria@gmail.com

Pro além...

Foi motivo de risos na sessão da Câmara, a votação de moções de pesar pelo falecimento de algumas pessoas em Dourados. Ocorreu que a secretaria do Legislativo preparou as moções. Mas ao invés de endereçá-las à família do homenageado, iria enviá-la ao falecido! Correção feita, a moção, agora, não precisará ser encaminhada ao cemitério...

Chocalho

Depois que a advogada Tatiana Ujacow foi ao Senado denunciar a situação da reserva indígena, o seu colega José Tibiriçá Ferreira comentou ao Informe C que “parece que virou moda só mostrar os erros cometidos em Dourados. O lado bom fica de lado. O que acontece em Dourados com os índios é problema que a Funai já sabe, mas parece de difícil solução. Por que não entregar a administração aos índios? Existem índios preparados, advogados, enfermeiros, contadores, professores... Por que trocam um branco por um branco? Passem a responsabilidade da administração para eles. Está na hora do índio ser tratado como capaz.”

Segura a peruca André!

Puchero

“Está na hora de políticos cobrarem do novo governo uma política voltada para o índio, senão daqui a alguns anos vai aparecer a mesma ladainha”, defendeu Tibiriçá. “Com o índio sendo tutelado, fica fácil para os candidatos sempre tirarem proveito de seus problemas. É aquele ditado: se não votar neles, pode perder muitos benefícios. As discussões sobre a situação indígena tem que ser debatida ouvindo a opinião dos índios.”

Omissos

E concluiu o advogado: “Não adianta esses assuntos serem debatidos no Senado para fazer de conta que vão resolver. No dia seguinte fica tudo como dantes. Será que o Paim conhece o nosso problema? Como Dourados e o nosso Estado comporta praticamente o maior percentual de indígenas, por que nenhum senador nosso participou do debate? Eles deveriam ter participado, como alguns deputados federais e até alguns deputados estaduais e vereadores.” De vereador, poderia ser o Dirceu Longhi (PT) que teve quase 1.000 votos na reserva em 2008.

E você, peão, o chapéu!

Bate-Rebate Os dois prefeitos interinos (Eduardo Rocha e Delia Razuk) conseguiram destravar licitações e obras paradas. O que será acontecia com Artuzi? Isso nem Freud explica... O tempo ajudou, com boas chuvas em outubro e novembro, e o plantio da soja na região de Dourados está concluído, segundo os agrônomos Sergio Miranda e Bruno Tomasini. Agora é torcer para que o clima continue ajudando até janeiro. A previsão é de que até 15 de dezembro a Câmara decida sobre a cassação (ou não) do prefeito e do seu vice, Carlinhos Cantor. Na quinta-feira a Comissão Processante ouve as testemunhas de defesa. Mas a outra CP já quer votar a cassação na sexta. A sede do antigo Clube Ubiratan, na Marcelino Pires, virou um minicentro comercial com várias lojas. Inaugura em breve. Biasotto, quem diria, está defendendo a união do PT com o PMDB para disputar a Prefeitura, em caso de eleição extra. Alega que os partidos estão unidos em Brasília, e qualquer diferença ideológica seria sepultada na terra de Marcelino Pires. A candidata seria Delia Razuk, cabendo os petistas indicar o vice, que poderia ser o próprio Biasotto ou João Grandão. Vai vendo... Como dizia o Albino Mendes nos tempos de outrora, “mudaram os homens, ou

Se você acordar com a boca cheia de formiga é porque dormiu chupando bala..

mudou a história”. E depois os políticos reclamam das críticas populares quanto aos conchavos! Lula, segundo a imprensa nacional, deixará uma “herança maldita” para Dilma: R$ 90 bilhões de restos a pagar. Dos nove cursos da UEMS avaliados pelo Enade/2009, cinco alcançaram os conceitos mais altos. Direito, em Dourados (5); Ciências Contábeis, de Ponta Porã; Turismo, de Jardim e Dourados; e Direito, de Paranaíba, conceito 4.

Paulo Paim, Warlei Gonçalves, ministro Gabas e deputado Marçal durante o Congresso

D

OURADOS – O de- pelos aposentados e pensioputado federal Mar- nistas, corrigindo as distorções çal Filho (PMDB) que existem entre a base de ocupou a tribuna do cálculo para contribuição e Auditório Petrônio Portela, o que é efetivamente pago ontem, no Senado Federal, quando a pessoa se aposenpara defender os aposentados ta”, enfatiza Marçal. “Além e pensionistas brasileiros, disto, precisamos acabar com cobrando do Palácio do Pla- o fator previdenciário, que nalto a adoção urgente de é altamente prejudicial às políticas públicas que atendam pessoas que passaram 25, 30, as necessidades dessas duas 35 anos contribuindo com a categorias. Marçal Filho foi Previdência Social”, conclui o único integrante da bancada o deputado. federal de Mato Grosso do Sul Marçal também defendeu a participar do I Congresso a votação imediata da Proposta Mundial dos Aposentados, de Emenda à Constituição promovido desde ontem pela (PEC) número 555, pela qual Confederação Brasileira de os aposentados do setor púAposentados e Pensionistas blico terão redução gradativa (Cobap) e entidades parcei- da contribuição previdenciáras, em Brasília. ria. A proposta, Além de Marçal, Deputado diz que já passou outro deputado que política p e l a s c o m i s presente no ensões da Câmara deve mudar contro foi Cledos Deputados, para atender dá ao parágrafo ber Verde, presiaposentados 21 do art. 40 da dente da Frente brasileiros Parlamentar em Constituição FeDefesa dos Apoderal, uma nova sentados. redação. “Além de isentar da Marçal Filho, que é coor- contribuição previdenciária denador em Mato Grosso do os aposentados por invalidez Sul da Frente Parlamentar em permanente, o valor da contriDefesa dos aposentados e Pen- buição será reduzido em 20% sionistas, lembrou durante o a cada ano, a partir do sexagédiscurso ontem em Brasília que simo primeiro aniversário do os problemas encontrados pe- titular do benefício, deixando los aposentados são idênticos de ser exigida quando compleem todas as partes do planeta tar a idade de 65 anos”, explica e lembrou o que ocorre hoje Marçal Filho. na França e na Inglaterra, onde Ainda ontem, Marçal iria os governos estão elevando o levar ao presidente da Câmatempo de idade mínima para ra dos Deputados um abaiaposentadorias. “Temos que xo assinado elaborado pela analisar os modelos globais Confederação Brasileira de de previdência para chegar a Aposentados e Pensionistas uma proposta universal, que pedindo que a Casa coloque atendas as necessidades de to- na pauta de votação o Projeto dos os aposentados”, defende de Lei 4434/08, que trata da Marçal Filho. recomposição das perdas das Antes que de encontrar aposentadorias, com o reajuste um consenso, porém, o de- dos benefícios mantidos pelo putado entende que os gover- regime geral de Previdência nantes devam adotar medidas Social com índice de correção emergenciais. “No Brasil, previdenciária. “A votação por exemplo, o Palácio do desse projeto ainda nesta lePlanalto deveria reconhecer gislatura é prioridade para a as dificuldades encontradas frente parlamentar que coor-

denamos e não mediremos esforços para garantir mais esta vitória aos aposentados”, enfatiza Marçal Filho. A programação do I Congresso Mundial dos Aposentados foi aberta ontem, às 9h30, com a palestra proferida pelo ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, que falou sobre as parcerias internacionais do Brasil em busca de um modelo universal de Previdência. O ministro enfatizou que o Brasil tem promovido o diálogo com outros países, buscando novas práticas que deram certo e que podem contribuir com a melhoria da Previdência Social no país. O encontro prossegue hoje com palestra do advogado Pedro Luciano Dornelles, que vai falar sobre “Uma Previdência Humana e Igualitária”. O público é formado por representantes de confederações e centrais de trabalhadores, além de convidados de outros países como Bolívia, Chile, Colômbia, Argentina, República do Congo, Itália, Espanha, França, Inglaterra e Estados Unidos. O senador Paulo Paim (PT), que fez pessoalmente o convite para que o deputado federal Marçal Filho, que é relator do PL 4434 sobre a recomposição dos valores das aposentadorias, participasse do I Congresso Mundial dos Aposentados, destacou a importância da discussão sobre as iniciativas de apoio a aposentados e pensionistas em outros países. “Pelo fato de ser um evento mundial, este tema naturalmente acaba tendo uma maior visibilidade. No Brasil, cada vez mais nós vamos caminhando para a ampliação dos direitos dos aposentados. Que este congresso sirva como ferramenta de compreensão do sistema previdenciário ao redor do mundo”, enfatizou Paim.


P1

Política Política Política Política

Política

Política Política Política Política

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

5

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Novo imposto

Deputados são contra volta da CPMF Campanha do setor produtivo defende investimento em saúde, mas não por meio de novos impostos Divulgação

Eleições 2011

Marcondes defende candidatura de Murilo César Cordeiro

D

Outdoors em pontos estratégicos de Campo Grande fazem parte da campanha contra a volta da CPMF

C

ampo Grande - A exemplo do setor produtivo representado pela Fiems, Famasul e Fecomércio e dos senadores Delcídio do Amaral (PT), Marisa Serrano (PSDB) e Waldemir Moka (PMD), sete dos oito deputados federais eleitos e reeleitos nas eleições deste ano em Mato Grosso do Sul também são contrários à volta da CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira) repaginada como CSS (Contribuição Social da Saúde). Marçal Filho (PMDB), Fábio Trad (PMDB), Geraldo Resende (PMDB), Luiz Henrique Mandetta (DEM), Reinaldo Azambuja (PSDB), Antônio Carlos Biffi (PT) e Vander Loubet (PT) defendem mais recursos para a saúde, mas não por meio do retorno da CPMF, enquanto Edson Giroto (PR) não manifestou opinião a respeito até o fechamento desta matéria. Segundo o deputado federal reeleito Marçal Filho (PMDB), o retorno da CPMF apenas poderia ser cogitado caso o governo federal aceitasse abrir mão de um outro imposto que penaliza a sociedade. “Quando existia a CPMF, pelo menos aqui em Dourados, o atendimento nos hospitais era tão ruim quanto está hoje. O imposto não resolveu o problema na saúde para os usuários do SUS no passado e não acredito que vá resolver agora”, analisou, lembrando que a carga tributária brasileira já é muito alta e que a União deve encontrar outra fonte de recursos para a saúde que não seja a criação de um novo imposto. “Ninguém

agüenta mais, precisa ter uma Na avaliação do depureforma tributária com um tado federal reeleito Antônio direcionamento melhor para Carlos Biffi (PT), é inadmisos impostos”, finalizou. sível a volta da CPMF como Já o deputado federal era quando foi extinta em 1º eleito Fábio Trad (PMDB) de janeiro de 2008 e livrou destaca que o Brasil precisa o brasileiro de pagar uma melhorar o gerenciamento dos alíquota de 0,38% toda a vez recursos disponíveis e com- que fizesse uma transferência bater a corrupção, que é uma bancária. “Evidente que não prática tão sistêmica quanto podemos fugir de como regunociva por onde escoam os lamentar a questão de recursos recursos que deveriam salvar para a saúde, mas, isso terá de vidas. “A classe ser um apelo dos média já carrega prefeitos, gover“Não nadores, bancada um imenso fardo existe uma federal e presitributário e não justificativa dência da Repúsuporta mais conpara o retorno tribuir como se blica. Não pode da CPMF”, fosse um cidadão ser uma impodiz Loubet sição da União, de primeiro mundo, recebendo em mas uma ação troca serviços públicos de conjunta”, pontuou. terceiro mundo. Contudo, não O deputado federal rerejeito definitivamente a CSS, eleito Vander Loubet (PT) penso que até apoiaria desde ressalta que é preciso uma que fosse cobrada apenas so- melhor gestão da saúde e mais bre quem tem movimentação investimentos no setor. “Não financeira bem alta. Além do existe uma justificativa para mais, teria que haver garantia o retorno da CPMF que pode de que ela seria usada ex- penalizar toda a sociedade que clusivamente para a saúde”, vai amargar com o aumento mencionou. dos tributos. Ela, a CPMF, já O deputado federal reelei- morreu e deve ser devidamento Geraldo Resende (PMDB) te enterrada por vontade da também é contra qualquer tipo maioria dos brasileiros”, disse, de criação de novos impostos. completando que iniciar um “Entendo que será preciso novo governo criando imposto colocar em discussão a saúde seria inadequado, independenpública. No entanto, precisa- temente da finalidade. “A admos de outros caminhos para ministração da Dilma Rousseff resolver o problema de falta vai ser de consenso e a taxade recursos para a área que ção das contas bancárias dos não seja a criação de mais um brasileiros deve ser evitada. tributo”, declarou, cobrando Acredito na capacidade dela uma discussão séria a respeito de encontrar outras formas da questão da saúde para evitar de financiamento e gestão da que mais pessoas continuem a saúde no Brasil”, disse. morrer, principalmente aquelas O ex-secretário municipal que só têm acesso aos serviços de Saúde de Campo Grande, disponibilizados pelo SUS. deputado federal eleito Luiz

Henrique Mandetta, é mais um que engrossa o coro dos que são contrários ao retorno da CPMF repaginada como CSS. “É inconcebível o aumento da carga tributária no País. Que a Saúde precisa de mais recursos e melhor gestão ninguém discute, mas falar em inchar a tributação ainda mais depois desse excesso de arrecadação que o governo federal registrou neste ano é menosprezar a inteligência do cidadão, do eleitor e de todos os brasileiros. O que precisamos na verdade é uma reforma tributária urgente. Vir com esse discurso de aumento de tributo após fazer campanha dizendo totalmente o contrário é estelionato eleitoral, principalmente porque o governo acaba de eleger maioria na Câmara e no Senado”, criticou. Conforme o deputado federal eleito Reinaldo Azambuja (PSDB), não se justifica discutir a volta da CPMF. “Temos um aumento brutal da receita da União e, se falta dinheiro para a saúde, é por má gestão, falta é priorizar a saúde. A carga tributária brutal que temos hoje é um prejuízo para o País e a CPMF iria penalizar não só quem tem o maior volume de movimentação financeira, mas todo as classes sociais brasileiras. Outro ponto importante é que essa discussão de criar tributos não apareceu no discurso de ninguém na campanha à presidência da República, pelo contrário, todos disseram que precisava de uma desoneração da folha. Por isso afirmou que vou votar contra a CPMF e qualquer outro tributo que seja criado”, garantiu.

ourados – Embora filiado ao PMDB, que aponta o lançamento de candidatura própria numa eventual eleição direta para a Prefeitura de Dourados o ex-vereador Eduardo Marcondes prefere defender o nome de Murilo Zauith (DEM) para o cargo. Os argumentos são de que na eleição passada quando Murilo perdeu o pleito para Ari Artuzi (hoje sem partido), afastado e preso por corrupção, o PMDB estava coligado com Murilo e hoje existe uma obrigação moral em apoia-lo já que o projeto de Artuzi naufragou em fracasso. “Em política a gente tem que sempre analisar o momento, Ulisses Guimarães já dizia que política é como a nuvem, e hoje a gente analisa que existe um apelo da sociedade

em favor do nome do Murilo, pois ele representa o resgate da moralidade pública, da ética, da postura, o douradense demonstra isso nas pesquisas mas é necessário que haja uma união da classe política em cima desta realidade, ao defender o nome de Murilo não estou menosprezando os nomes que o PMDB dispõe, faço isso por uma questão de lógica”, disse Marcondes. Eduardo Marcondes, considerado um peemedebista histórico afirma que em breve deverá deixar o partido por falta de espaço político. “Faz muito tempo que estou a margem do partido, alijado das decisões, não vejo outra saída, mas não sei meu destino político, mas sempre quis o bem para a nossa cidade e vejo que neste momento apoiar o Murilo é mais que uma simples opção, e sim uma questão de coerência política”, encerrou. César Cordeiro

Eduardo Marcondes ainda está filiado ao PMDB


6

Economia Economia Economia

Economia

Economia Economia Economia

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

P1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

IBGE

Inflação pelo IPCA-15 fica em 0,86% Para economistas, o atual patamar do índice de preços eleva as expectativas de aperto monetário frente, em abril ou junho, por exemplo, como a maior parte das estimativas dos analistas começa a convergir, vai ter de começar com um ajuste de pelo menos 1 ponto”, disse. O economista-chefe da Prosper Corretora, Eduardo Velho, concorda que o IPCA15 acima do esperado reforça a projeção de aumento de juros nos próximos meses, mas acre-

Jacqueline Farid

R

io - A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor – 15 (IPCA-15) veio bem acima do esperado em novembro, chegando a 0,86%, ante 0,62% no mês anterior. Para economistas, o atual patamar do índice eleva as expectativas de aperto monetário, com um provável aumento da taxa de juros para segurar os preços. Segundo levantamento realizado pela Agência Estado, a taxa máxima esperada pelos analistas para o mês era de 0,77%. O IPCA-15 é uma espécie de prévia do IPCA, índice oficial de inflação e que é referência para as metas de Houve altas expressivas inflação do governo (4,5% em em outros alimentos importan2010). Os dois indicadores são tes nas despesas das famílias, calculados pelo IBGE, dife- como feijão carioca (10,83%), rindo-se apenas no período de açúcar cristal (14,05%), tomacoleta. No ano, a taxa acumula te (10,28%), batata-inglesa alta de 5,07% e em 12 meses, (9,96%), feijão preto (7,15%), de 5,47%. farinha de trigo (5,76%) e Mais uma açúcar refinado vez, os vilões da O IPCA-15 é (4,50%). inflação em noOs técnicos uma espécie d o I B G E n ã o vembro foram os de prévia do concedem entreprodutos alimenIPCA, índice vista sobre essa tícios, que contrioficial de buíram sozinhos pesquisa. Gian com mais da meBarbosa, analisinflação tade da taxa. Com ta da Tendências alta de 2,11% em novembro, Consultoria, acredita que a ante 1,70% em outubro, o gru- forte pressão dos alimentos po de alimentos e bebidas foi “é reflexo da valorização das pressionado sobretudo pelas cotações agrícolas decorrente carnes, que subiram 6,10% no de problemas climáticos domês e já acumulam reajuste de mésticos e também internaciomais de 20% este ano. nais”. Ele destacou também o

Produção

Simpósio da Cana atende demandas práticas do setor

Divulgação

espalhamento nos aumentos de preços e revisou a projeção de IPCA fechado em 2010 de 5,3% para 5,6%. O economista-chefe do Banco ABC Brasil, Luís Otávio de Souza Leal, trabalha com uma projeção ainda mais elevada para a taxa no ano (5,8%) e destaca que, apesar de os alimentos prosseguirem como principais responsáveis pela alta inflacionária, os reajustes nos serviços mostram que o atual cenário de aumento dos índices não é provocado apenas pelo comportamento elevado dos preços dos alimentos. Do lado dos não alimentícios, os destaques de alta do IPCA-15 em novembro ficaram com os combustíveis (2,22%), com aumentos no

etanol (6,75%) e na gasolina (1,92%). Além dos combustíveis, destacam-se as altas nos gastos com empregados domésticos (1,34%), artigos de vestuário (1,17%), aluguel residencial (1,05%) e condomínio (0,88%). JUROS Para Souza Leal, o índice acima do esperado comprova a necessidade de o Banco Central agir rapidamente para evitar um trabalho mais árduo da autoridade monetária em 2011 no cumprimento da meta inflacionária. “Se o BC começasse em dezembro com uma alta de 0,50 ponto porcentual (na Selic), já seria suficiente até para ancorar as expectativas do mercado. Se ele demorar e ajustar mais para

Indicadores Econômicos

BOLSAS Ibovespa: -2,41% Pontos: 67.952,55 Máxima de -0,01% : 69.629 pontos Mínima de -2,74% : 67.728 pontos Volume: 6,57 bilhões Variação em 2010: -0,93% Variação no mês: -3,85% Ibovespa Futuro: -2,56% Pontos: 68.210 Máxima (pontos): 69.595 Mínima (pontos : 68.040

Variação: -0,54%

BLUE CHIPS - Petrobras PN EJ (PETR4) Preço: R$ 24,65 Variação: -1,64% - Vale PNA N1 (VALE5): Preço: R$ 48,20 Variação: -2,23% - BMF Bovespa ON EJ NM (BVMF3): Preço: R$ 13,57 Variação: +0,52% - Bradesco PN N1 (BBDC4): Preço: R$ 33,92 Variação: -1,82% - Itaú Banco PN EDJ N1 (ITUB4): Preço: R$ 40,19 Variação: -2,64% - Sid Nacional ON (CSNA3): Preço: R$ 27,25 Variação: -2,92% - Vale ON N1 (VALE3): Preço: R$ 53,90 Variação: -2,53% - Gerdau PN N1 (GGBR4): Preço: R$ 20,50 Variação: -2,80% - Petrobras ON EJ (PETR3): Preço: R$ 27,30 Variação: -1,09% - Usiminas PNA EJ N1 (USIM5): Preço: R$ 19,85 Variação: -4,06% GLOBAL 40 Cotação: 138,750 centavos de dólar

INFLAÇÃO Índices IPCA (IBGE). INPC (IBGE). IGP-M (FGV).. IGP-DI (FGV).. IPA-DI (FGV). IPC-DI (FGV). INCC (FGV).. IPC (FIPE). ICV (DIEESE).

. . . . . . . . .

. . . . . . . . .

. . . . . . . . .

CÂMBIO - Dólar comercial no balcão Compra: R$ 1,7320 Venda: R$ 1,7340 Variação: +0,35% - Dólar Paralelo Compra: R$ 1,77 Venda: R$ 1,87 Variação: estável - Dólar Ptax Compra: R$ 1,7328 Venda: R$ 1,7336 Variação: +0,59% - Dólar Turismo Compra: R$ 1,7170 Venda: R$ 1,8270 Variação: +0,22% - Dólar Futuro (dezembro) Cotação: R$ 1,738,00 Variação: +0,78% - Euro Cotação: US$ 1,3370 (às 18h49) - Euro comercial Compra: R$ 2,3210 Venda: R$ 2,3230 Variação: -1,06% - Euro turismo Compra: R$ 2,3000 Venda: R$ 2,4670 Variação: -0,40% JUROS - CDB prefixado de 30 dias, 10,66 ao ano. - Capital de giro, 13,45 ao ano. - Hot money, 1,41 ao mês. - CDI, 10,64 ao ano. - Over a 10,66 OURO - Ouro na Comex de Nova York Cotação: US$ 1,376,00 a onça-troy (1 onça-troy equivale a 31,1035 gramas) Variação: +1,25% às 18h50 - Ouro na BM&F Cotação: R$ 88,500 Variação: +0,57%

AcUMULADO OutubroNo ano 12 meses . 0,75 4,38 5,20 . 0,92 4,75 5,39 . 1,01 8,98 8,81 . 1,03 9,16 9,11 . 1,32 11,40 11,04 . 0,59 4,43 4,96 . 0,20 6,66 7,08 . 1,04 5,08 4,74 . 0,93 5,14 5,85

IMPOSTO DE RENDA Base de cálculo

(desconto na fonte)

Até R$ 1.499,15. . De R$ 1.499,16..até R$ 2,246,75 De R$ 2.246,76 até R$ 2.995,70 De R$ 2.995,71 até R$ 3.743,19 Acima de R$ 3.743,19..

Alíquota %

7,5 15 22,5 27,5

Deduzir-R$

Isento 112,43 280,94 505,62 692,78

Deduções: R$ 150,69 por dependente; pensão alimentícia integral; contribuição ao INSS. Aposentado com 65 anos ou mais tem direito a uma dedução extra de R$ 1.499,15 no benefício recebido da previdência pública ou privada.

REAjUSTE DE ALUGUEL

- NOVEMBRO/2010

IGP-M (FGV) 1,0881 IPCA (IBGE) 1,0520 IGP-DI (FGV) 1,0911 INPC (IBGE) 1,0539 IPC- (FIPE) 1,0556 ICV (DIEESE) 1,0585 Obs.: Fatores válidos para contratos cujo último reajuste ocorreu há um ano.

POUPANÇA

UFIR

Novembro/2000 ----- R$ 1,0641

SALÁRIO MÍNIMO

NOVEMBRO.............. R$ 510,00

UFERMS

NOVEMBRO................ R$ 14,96

DÍVIDA EM TR ou TRD Dia do Vencimento

Fator de Atualização

NOvEMbRO 05..............................0,01227748 06..............................0,01220840 07..............................0,01218672 08..............................0,01215815 09..............................0,01207792 10..............................0,01223484 11..............................0,01224546 12..............................0,01218630 13..............................0,01195522 14..............................0,01188792 15..............................0,01195793 16..............................0,01205017 17..............................0,01225218 18..............................0,01230118 19..............................0,01241246 20..............................0,01232980 21..............................0,01234288 22..............................0,01235566 23..............................0,01231187

(Multiplique a quantidade de TR ou TRD do carnê pelo fator de atualização da data do vencimento. A aplicação desse fator único atualiza a dívida pela TR do dia do aniversário do contrato e converte o resultado para reais).

NOvEMbRO 12 ------------------------------ 0,5588% 13 ------------------------------ 0,5921% 14 ------------------------------ 0,5686% 15 ------------------------------ 0,5460% 16 ------------------------------ 0,5055% 17 ------------------------------ 0,5342% 18 ------------------------------ 0,5474% 19 ------------------------------ 0,5657% 20 ------------------------------ 0,5716% 21 ------------------------------ 0,5452% 22 ------------------------------ 0,5211% 23 ------------------------------ 0,5206% 24 ------------------------------ 0,5403% 25 ------------------------------ 0,5694% 26 ------------------------------ 0,5522% 27 ------------------------------ 0,5664% 28 ------------------------------ 0,5217%

TBF

NOvEMbRO 14 ------------------------------ 0,7663% 15 ------------------------------ 0,8047 % 16 ------------------------------ 0,8375% 17 ------------------------------ 0,8375% 18 ------------------------------ 0,8687% 19 ------------------------------ 0,8337% 20 ------------------------------ 0,7902% 21 ------------------------------ 0,8298% 22 ------------------------------ 0,8655%

TR

NOvEMbRO 14 ------------------------------ 0,0261% 15 ------------------------------ 0,0543% 16 ------------------------------ 0,0769% 17 ------------------------------ 0,8375% 18 ------------------------------ 0,0979% 19 ------------------------------ 0,0731% 20 ------------------------------ 0,0498% 21 ------------------------------ 0,0693% 22 ------------------------------ 0,0948%

AGROPECUÁRIA MILHO....................................................................R$ 21,00 (disponível) SOJA......................................................................R$ 48,00 (disponível)

dita que o aperto terá início no primeiro trimestre do ano que vem. A Prosper trabalha com um cenário de aumento de 1 ponto porcentual da Selic em 2011, com o começo do aperto em março. “Entretanto, com o cenário atual, já damos uma probabilidade positiva à elevação da meta da Selic a partir de janeiro de 2011”, apontou o economista. (AE)

bOI GORDO/à vista.....................................R$ 95,00 (Brasil Global - Frigoforte) vAcA GORDA/à vista..................................R$ 90,00 (Brasil Global - Frigoforte) * A partir de agora, preços pecuários só livres, com suspensão do Funrural

Fonte: GRANDE FM RURAL

Cerca de 200 pessoas prestigiaram o evento em Dourados

D

ourados - No último dia do II Simpósio Regional Sobre Produção de Cana-deAçúcar “Desafios e Inovações”, acadêmicos, professores e representantes de todas as usinas de açúcar e álcool de Mato Grosso do Sul se inteiraram das inovações do setor. Cerca de 200 pessoas prestigiaram o evento que buscou discutir novas tecnologias que já podem ser aplicadas na produção sustentável da cana e alternativas de correção e adubação para o plantio, temas que ganham importância diante do alto custo praticado no comércio dos fertilizantes minerais. Um dos grandes destaques apontados pelo coordenador do evento, professor Laércio Carvalho, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), é a discussão de uma nova tecnologia, o cultivo do sorgossacarino, que pode ser aproveitado para produção de álcool. Segundo ele, “a produção é mais simples, mais rápida e oferece maior rendimento”. Foi justamente por este tema que o fornecedor de cana, Alexandre Landim Garcia, que lida com o plantio e colheita, se interessou. “Eu trabalho também com o sorgo grão e selagem, produzindo ração animal;

mas essa nova tecnologia me interessa e acho que é a maior expectativa dos presentes”, destacou Garcia. Ele, que participou da 1ª edição do evento, em 2009, apontou que, com o Simpósio, “muitas coisas se aprendem e outras se reforçam, e isso é importante”. Uma das representantes da usina LDC Sev, Vanessa Faccin, que trabalha com o planejamento agrícola da Usina, disse estar satisfeita com os conteúdos abordados. Segundo ela, as novidades de expansão do setor sucroenergético, no contexto em que soja e milho perdem a hegemonia, são muito interessantes. Como trabalha com experimentos, Vanessa destacou a satisfação com o painel da Basf, em que se abordou a aplicação de produtos. “Essas explicações vão certamente me ajudar no dia a dia”, comentou. Vanessa, que atua há um ano na empresa, não participou da primeira edição do simpósio, mas já faz planos para o ano que vem. “Certamente participarei novamente”, ressaltou. A edição de 2011 já tem data marcada. “Acontece dias 21 e 22 de novembro com o mesmo objetivo de trazer inovações, atualizando os envolvidos no setor quanto às tendências do mercado”, finalizou Laércio.


P1

Economia Economia Economia

Economia

Economia Economia Economia

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

7

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------o ProGrESSo

Orçamento

Prefeitos querem inclusão de emendas Prazo final para emendas ao Orçamento da União leva prefeitos de Mato Grosso do Sul a Brasília passes sobre as diversas demandas e conflitos de interesse ampo Grande adiaram a votação da proposta – A correria é grande para o ano seguinte. Os relatores setoriais do de prefeitos de Mato projeto de Orçamento da União Grosso do Sul a Brasília na tentativa de garantir a para 2011 terão R$ 1,689 inclusão de emendas ao Orça- bilhão para atender as bancamento da União, cujo prazo se das e comissões permanentes encerra nesta quarta-feira (24). do Senado e da Câmara dos Na reta final, o foco é a banca- Deputados em suas emendas da federal, que tem recebido coletivas. O número foi anunciado a visita de muitos prefeitos. pelo relator-geral do projeto O presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de (PL 59/10-CN), senador Gim Argello (PTBMato Grosso do DF), durante reuSul), Beto Pereira o foco é a nião com os rela(sem partido), debancada tores setoriais na sembarcou ontem federal que manhã de ontem em Brasília, onde tem recebido a na CMO. percorre gabinetes visita de muitos A distribuia fim de garantir ção desse valor prefeitos recursos para sua pelas dez áreas tecidade, Terenos, e ajudar outros colegas prefeitos máticas do Orçamento depenque também tomaram o mesmo derá da quantidade de emendas destino, usando a influencia apresentadas. No Orçamento do seu pai, o senador Valter de 2010, as áreas campeãs no rateio dos recursos foram Pereira (PMDB). Outros prefeitos do Es- educação, cultura, ciência e tado também fazem o mesmo tecnologia e esporte (18,7%), percurso. Um dos gabinetes infraestrutura (15,9%) e fazenmais procurados é o do depu- da, desenvolvimento e turismo tado federal Waldemir Moka (14,5%). (PMDB-MS), presidente da Acordo CMO (Comissão Mista de Os relatores setoriais fePlanos, Orçamentos Públicos charam com o relator-geral do e Fiscalização). A votação final deve acon- Orçamento acordo pelo qual tecer ainda em 2010, antes do destinarão 60% do total dos início do recesso legislativo, recursos para atendimento das mas, em anos anteriores, im- emendas de bancadas e 40% Willams Araújo

C

para as emendas de comissão. Nesta quarta-feira encerra-se também o prazo para apresentação de emendas individuais ao Orçamento. Cada parlamentar pode propor 25 emendas que devem totalizar no máximo R$ 13 milhões. Gim Argello reservou para essas emendas R$ 7,7 bilhões, que correspondem a 0,38% do total das despesas federais previstas para o próximo ano – 2,048 trilhões. Com o fim do prazo para apresentação de emendas, a CMO dá início a uma nova etapa no exame do Orçamento, chamada de ciclo setorial. Nele, os relatores setoriais darão pareceres sobre as diversas áreas e subáreas temáticas, inclusive aproveitando as emendas. Pelo Senado, são relatores setoriais, além de Flexa Ribeiro, encarregado da área de saúde, Inácio Arruda (PCdoBCE), que cuida da integração nacional e do meio ambiente; Gilvam Borges (PMDB-AP); da justiça e da defesa; e Adelmir Santana (DEM-DF), dos poderes do estado e representação. Com base nos relatórios setoriais, Gim Argello elabora o seu relatório-geral, que, depois de votado pela CMO, se transforma em parecer da comissão e em substitutivo a ser apreciado pelo Plenário do Congresso Nacional.

Leonardo Prado – Agência Câmara

Deputado estadual Waldemir Moka, presidente da Comissão Mista de Orçamento

Senado

cAE aprova emenda com recursos para ZPEs

Divulgação

C

ampo Grande - A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou ontem quatro emendas ao Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2011 relatadas pelo senador Delcídio Amaral (PT-MS), no valor total de R$ 350 milhões. Uma das emendas destina recursos para a implantação de Zonas de Processamento de Exportações (ZPEs) em todo o Brasil e beneficia diretamente Mato Grosso do Sul. “O nosso estado já tem a ZPE de Bataguassu, que vai dar um grande impulso a economia dos municípios próximos a divisa com São Paulo. Trabalhamos agora no sentido de viabilizar a ZPE de Corumbá, muito importante para a região da fronteira com a Bolívia. São dois pó-

Delcídio com o presidente da CAE, Garibaldi Alves Filho los geradores de riquezas e empregos . Na medida em que garantimos, no Orçamento da União, verbas para o desenvolvimento de todas as Zonas de Processamento do Exportações, focamos

também Mato Grosso do Sul, que certamente precisará desses recursos”, avalia o senador, atual vice-presidente da CAE, comandada pelo senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN).

Comércio

Fiems e Apex-Brasil promovem seminário

C

ampo Grande - A Fiems e a ApexBrasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) vão promover, hoje (24), em Campo Grande e Dourados, os seminários de inteligência comercial e competitiva para fornecer aos empresários do Estado informações qualifica-

das e estratégicas na área de comércio exterior. Na Capital, o evento será às 8h30 no auditório da Incubadora Sindical da Fiems, enquanto em Dourados será às 19h15 no auditório do Cetec Senai Dourados. Em Campo Grande, a Apex-Brasil apresenta palestras sobre as exportações do Mato Grosso do Sul com foco

no segmento do vestuário e também sobre as oportunidades de negócios para as empresas brasileiras na Colômbia. Já em Dourados será apresentada a palestra sobre o panorama das exportações do Estado e do segmento de confecção e vestuário, sendo que ambas são abertas ao público em geral.


8

Saúde Saúde Saúde Saúde Saúde

Saúde

Saúde Saúde Saúde Saúde Saúde

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

P1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Esperança

Pesquisa sugere tratamento a autista Brasileiro detecta que neurônios de crianças com autismo têm menor extensão para ligar-se a células vizinhas

B

ELO HORIZONTE observação das células vivas - O biólogo brasilei- em microscópios. ro Alysson Muotri, Segundo o autor do esda Universidade da tudo, nas crianças com auCalifórnia em San Diego, tismo, os neurônios tinham que reproduziu o compor- menos extensões para fazer tamento dos neurônios de ligação com células vizinhas, crianças autiso que sugere tas em um pires que a técnica Biólogo de laboratório, tenha potencial brasileiro está próximo de de diagnóstico desenvolve atingir um passo e que pode autécnica para xiliar na criação crucial em seu possível trabalho. de um possível tratamento Ao recriar tratamento. neurônios a parÉ preciso tir de células retiradas da cuidado, pois a droga usada pele de crianças com sín- no experimento, a IGF-1, drome de autismo genética, altera os níveis de insulina o biólogo conseguiu identifi- no organismo e pode causar car características da doença efeitos colaterais no sistema independentes do sintoma nervoso de pessoas sem a comportamental por meio da doença. Por isso, Muotri está

elaborando testes com uma série de outras drogas em um sistema robótico de experimentação, como o usado por empresas farmacêuticas. DIAGNÓSTICO Um exame cerebral simples, que dura apenas 15 minutos, pode ser um grande aliado no diagnóstico do autismo – distúrbio neurológico que dificulta principalmente a interação pessoal. A nova técnica, que identifica diferenças estruturais nos órgãos dos pacientes, pode acelerar o processo de identificação da doença em crianças – que hoje acaba sendo demorado e tardio. A tecnologia utilizada é comum para o reconhecimento de rostos em programas de computador, mas nunca havia sido usada para imagens cerebrais. O diagnóstico preciso proporciona ao paciente a oportunidade de encontrar meios que melhorem sua qualidade de vida. SERVIÇO Associação dos Amigos dos Autistas (AMA): www. ama.org.br

Alerta

Efeito ‘sanfona’ causa danos à saúde Divulgação

Paula L. Cusinato Leitão*

D

OURADOS - Emagrecer e engordar. O ‘efeito sanfona’ causa danos à saúde, provoca celulite, estrias e envelhecimento da pele. A oscilação de peso igual ou maior que quatro quilos é perigosa porque o organismo tem memória e tende a voltar ao ‘tamanho’ original. As células gordurosas produzem a leptina, hormônio que informa ao cérebro que os estoques de gordura estão preenchidos. Quando há uma perda de peso significativa os níveis de leptina diminuem e o cérebro entende que é preciso comer mais para repor a quantidade de gordura no organismo. Nas dietas muito radicais o estômago também produz mais grelina, o hormônio da fome. O organismo precisa de um tempo para se acostumar com o novo peso, em média um mês para cada quilo perdido, por isto, nunca abandone a dieta radicalmente logo que alcançar o peso ideal. A pele sofre muito com isto, porque esta distensão e a recuperação daquela forma esticada vai causando estrias, dificuldades de circulação e o aspecto da pele piora causando um aspecto de envelhecimento precoce. Confira os dez mandamentos que evitam o efeito sanfona: 1º - Não deixe sua dieta ficar igual por mais de 40 dias. Isso atrapalha a aceleração do metabolismo. 2º - Troque as frutas da dieta pelo menos quatro vezes na semana. As frutas trazem vitaminas que auxiliam na queima eficaz de gordura. 3º - Troque as verduras da dieta pelo menos quatro vezes

Paula Leitão (destaque) da Farmácia Popular de Manipulação na semana. Os minerais das verduras são importantes para ativar o metabolismo. 4º - Beba sempre pelo menos dois litros de água por dia. Diminuir a ingestão de água provoca a redução da eficiência da queima de gordura. 5º - Observe seu sono. Um bom sono auxilia o orga-

nismo a queimar gordura. 6º - Mude a forma como você faz atividade física. A monotonia no estímulo físico atrasa sua queima de gordura. 7º - Controle seus níveis de estresse. O hormônio do estresse aumenta a gordura abdominal. 8º - Não cometa mais do

que um dia de erro na dieta. O organismo consegue lidar com excessos calóricos por um dia, mais do que isso ele volta a ficar preguiçoso. 9º - Não deixe de trocar os refrigerantes por sucos ou água. Refrigerantes ajudam a reduzir o cálcio do organismo e o cálcio é importante no emagrecimento. 10º - Continue evitando beliscar guloseimas sempre. Cair em tentação pode aumentar a produção de gordura no corpo em apenas sete dias. Cardápio e consciência reformulados, o próximo passo deve ser dado para longe do sedentarismo. Os exercícios físicos, além de queimarem calorias, liberam endorfinas – hormônio do bem-estar. Pode estar aí a força de vontade que você andava precisando. (*Farmacêutica responsável pela Farmácia Popular de Manipulação. Av. Marcelino Pires, 1.650, centro: 34238383/8585)


------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Educação Infantil

Sem estrutura, Ceims podem parar Representantes da Educação denunciam falta de merenda, materiais de limpeza e funcionários Valéria Araújo

D

Divulgação

OURADOS – O desabastecimento de insumos pode paralisar as atividades nos 27 Centros de Educação Infantis (Ceims) de Dourados e antecipar o encerramento o ano letivo. De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Simted), José Carlos Brumatti, faltam materiais de limpeza, funcionários e até mesmo alimentos para a merenda das crianças. Ontem os representantes dos Ceims decidiram dar um basta no problema. Em reunião juntamente com o Conselho Municipal de Educação, Secretaria de Educação e Simted, todos as dificuldades Representantes dos Ceims, Conselho e o Sindicato dos Professores em reunião ontem foram relatadas em ata. Tudo será encaminhado para o Mi- de merenda é uma das maiores rápido possível. frente da Educação. Para ela, nistério Público. A promotora de justiça o desabastecimento pode ter preocupações. Em 70% das De acordo com Brumatti, unidades, os estoques estão da Infância, Fabrícia Barbosa sido gerado por uma possível a preocupação dos trabalha- praticamente vazios, contando de Lima, disse que foi comu- falha no planejamento da dores é suprir a apenas com arroz nicada sobre o problema, mas quantidade de insumos, mas falta de insumos e feijão. “A quan- aguarda uma formalização da destacou que a hipótese ainda Secretária nos Ceims. Quesde Educação tidade é tão baixa denúncia. Segundo ela, após precisa ser comprovada. tionado se o ano Para resolver o problema, garante que que já é insufi- análise do caso, será possível letivo pode ser ciente até para a traçar uma estratégia para Margarida disse que fez uma materiais já chegada do fim resolver o problema com o dispensa de licitação autorizaprejudicado em estão sendo de semana, con- município. função do probleda para a compra dos produtos. comprados ma, ele confirma forme nos foi reSegundo ela, a partir de hoje a possibilidade, latado”, destaca. EDUCAÇÃO as unidades já começam a ser mas destaca que a decisão Segundo Brumatti, apeA secretária de Educa- abastecidas com alimentos deve partir do Comed ou do sar de informações de que o ção de Dourados, Margarida e produtos de limpeza. MarMinistério Público. Isso como problema já está sendo solu- Gaigher, disse que todas as garida garantiu que diante uma medida para evitar o so- cionado, as crianças sofrem providências estão sendo to- da ação, não será necessária frimento das crianças. com a espera. A expectativa, madas para reabastecer os a paralisação nos Ceims ou Segundo Brumatti, há segundo ele, é que os alimen- Ceims já nos próximos dias. encerramento do ano letivo uma estimativa de que a falta tos e insumos cheguem o mais Margarida está há 15 dias à mais cedo.

D

Tráfego

Semáforo vai disciplinar o trânsito em frente à Unigran

D

OURADOS - A Prefeitura de Dourados está instalando um semáforo de três tempos no cruzamento das ruas Manoel Santiago e Balbina de Matos, em frente à Unigran. De acordo com o secretário de Serviços Urbanos Tahan Salles Mustafa, a instalação do equipamento foi determinada pela prefeita Délia Razuk. O objetivo é reduzir o congestionamento na Manoel Santiago, por volta das 19h, início das aulas noturnas na Unigran

e Anhanguera A partir dos estudos feitos pela equipe de Trânsito da Semsur, foi decidido que seria feita a instalação do semáforo e que a rua Manoel Santiago deverá sre transformada em mão única no sentido da Avenida Presidente Vargas. O secretário acredita que em menos de um mês o equipamento já deverá estar funcionando. Segundo ele, se o congestionamento persistir, a saída será tornar mão única outras ruas de acesso às instituições de ensino. A. Frota

Semáforo de 3 tempos é instalado em frente à Unigran


2

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

D1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Ação Parlamentar

Geraldo atende prefeitos em Brasília Deputado firma compromissos de lutar pela viabilização de novos recursos para diversas áreas Rodrigo Pael

D

OURADOS - O deputado federal Geraldo Resende (PMDB), recebeu ontem prefeitos que foram a Brasília apresentar demandas de seus municípios. Mantiveram audiências com o parlamentar os prefeitos Antonio Cavalcante, o “Toninho da Importadora (Mundo Novo), Ilca Corral (Nioaque), Marcílio Álvaro (Novo Horizonte do Sul), Renato Câmara (Ivinhema), Jesus Baird (Costa Rica), Maura Teodora (Pedro Gomes), Carlos Porto (secretário executivo de Relações Institucionais de Corumbá), Maria Odeth (Caracol). No dia 18 o deputado já havia tido audiências com os prefeitos Arilson Nascimento (Jateí), Marcelo Duailibi (Camapuã) e Jun Iti Hada (Bodoquena). Em 10 de novembro, o parlamentar recebeu os prefeitos Marcos Antônio Pacco (Itaporã), Edson de David (Aral Moreira) e Edson Ibrahim (Batayporã) e o vice Ronaldo Botelho (Naviraí). Os administradores reafirmaram, nos encontros, confiança no caráter municipalista do parlamentar. Entre as demandas apresentadas pelos prefeitos está a construção de uma unidade de saúde em Pedro Gomes, já garantida pelo deputado. Com

Laerte Tetila desmente denúncias sobre terrenos

Geraldo Resende recebe o prefeito de Mundo Novo, o “Toninho da Importadora” o prefeito Toninho da Importa- de lixo. dora o deputado discutiu a Na audiência do dia 18 possibilidade de trabalhar um o prefeito de Jateí Arilson projeto para a pavimentação Nascimento apresentou o prode todas as ruas jeto de construção de Mundo Novo. de um terminal Prefeitos A prefeita Ilda rodoviário para o pediram Corral, de Niomunicípio. O carecursos aque, pediu para dastramento da para obras ação foi solicitao deputado articuem diversos do pelo deputado lação em favor do municípios Geraldo Resende projeto de revitalização da Praça no dia 8 de noda Rodoviária. Para Novo vembro, assim que o programa Horizonte do Sul, o prefeito apropriado foi reaberto pelo Marcílio Álvaro apresentou sistema de convênios na Pasta algumas demandas, sendo do Turismo. que a principal é a aquisição Marcelo Duailibi, prefeito de um caminhão para a coleta de Camapuã, apresentou as

Ato público

Trabalho

Universitários fazem manifesto e pedem eleições diretas

D

OURADOS - Um protesto pedindo eleições diretas em Dourados mobilizou ontem estudantes da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Durante a manifestação, eles entregaram panfletos e adesivos pedindo a cassação do prefeito afastado Ari Artuzi e do vice afastado, Carlinhos Cantor. O coordenador do Co-

demandas do município, sendo que a edificação da Praça Vale do Sol, com construção de campo de futebol, pista para caminhada e academia para exercícios físicos ao ar livre, foi citada como prioridade. No Ministério da Saúde, a administração municipal solicitou a construção de uma Unidade de Saúde para ser edificado com recursos da segunda etapa do PAC. Ainda no dia 18 o deputado se encontrou com o prefeito de Bodoquena Jun Iti Hada. Na reunião foram demonstradas as necessidades de asfaltamento de diversas vias do município.

mitê de Defesa Popular, Ronaldo Ferreira, participou da ação e convocou todos os setores organizados da sociedade a se manifestarem. Ferreira lançou ainda um desafio para que os cursos de Direito de Dourados se mobilizem em torno das questões políticas municipais. “Isso que está acontecendo em Dourados pode ser uma grande aula prática para os que lidam com Direito. É um momento inédito em todo o Brasil e nós precisamos

agir”, diz Ferreira. A maioria das pessoas abordadas durante o manifesto apoiava a ação dos estudantes e concordavam com a cassação dos políticos e o estabelecimento de eleições diretas imediatamente. Alguns, porém, agiam com repúdio ao movimento, inclusive, em alguns casos, acelerando os carros e colocando em risco a segurança dos manifestantes. O folheto entregue pelos estudantes trazia os nomes e fotos dos 12 vereadores que atualmente integram a Câmara. “Estes são os vereadores que estão com a responsabilidade de cassar o mandato do prefeito Ari Artuzi e do vice Carlinhos Cantor. Eles têm o poder de convocar novas eleições diretas para prefeito ainda em 2010. Cobrem desses vereadores o seu direito de votar para prefeito. Somente com a cassação ou renúncia dos corruptos é que Dourados poderá voltar a ter dignidade”, dizia o folheto.

Juarez propõe estágio para estudantes

Éder Gonçalves

Juarez do Esporte, do PRB

D

OURADOS - Promover estágio aos alunos com idade até 21 anos, que estejam cursando ensino médio de escolas públicas no município de Dourados foi a proposta encaminhada pelo vereador Juarez do Esporte (PRB) na sessão de segunda-feira, na Câmara Municipal. De acordo com a indicação protocolada na Câmara, o objetivo é oferecer aos estudantes cursando o ensino médio nas escolas públicas, oportunidade de entrar no mercado de trabalho, “afastando-os dos riscos da realidade em que vivem em condições socialmente adversas ou precárias”. A indicação propõe ainda que escolha dos estagiários deverá ocorrer através de processo seletivo simplificado, podendo concorrer alunos que ainda não tenham completado a idade estabelecida. O programa visa atender aos adolescentes e aos recém saídos da fase adolescente.

O deputado estadual eleito Laerte Tetila, do PT, encaminhou ao O PROGRESSO nota onde nega denúncias publicadas na imprensa local, que dizem que ele teria doado ilegalmente áreas públicas a grupos e pessoas ligadas à administração dele entre 2006 e 2008. O ex-prefeito deixou claro que o fato não procede, até porque, legalmente isso seria impossível de acontecer. Na tarde da última terça-feira (23), ele procurou o Ministério Público Estadual e obteve diretamente com o promotor Amílcar Carneiro a informação de que nem as supostas denúncias e muito menos o dossiê existiram perante a Justiça. Tetila disse que tomará as providências cabíveis contra os responsáveis pela publicação. Ele fez questão de esclarecer que o Executivo não tem o poder de doar áreas sem previsão legal e prévia autorização do Legislativo e no caso da gestão de Tetila, sem autorização do Conselho Municipal de Desenvolvimento – CMD. O CONSELHO O CMD foi criado na gestão do então prefeito Laerte Tetila para assessorar nas decisões do Município, dando poder de decisão à sociedade organizada e tendo papel consultivo e deliberativo quanto às questões ligadas à concessão de bens públicos. O Conselho é formado por entidades governamentais, pelas universidades da cidade (públicas e privadas), Associação de Engenheiros e Arquitetos, movimentos sociais, empresas privadas, sindicatos patronais e de trabalhadores entre outros, as quais se destacam o Senai, Sebrae, Aced, Banco do Brasil. Cabe à esse Conselho a responsabilidade de aprovar doações que o Município estiver disposto a fazer. CÂMARA Na época em que estão focadas as investigações, mesmo com decisão favorável no CMD, qualquer doação da Prefeitura precisava de aprovação na Câmara Municipal de Vereadores, que tinha por obrigação colocar o projeto em votação para que a sociedade pudesse tomar conhecimento das ações do Executivo, autorizadas pelo CMD. DIÁRIO OFICIAL Uma vez aprovada no CMD e na Câmara, o projeto de doação de área era devolvido ao Executivo que tinha por missão publicá-la, através de Lei, no Diário Oficial do Município, disponível gratuitamente para a população no site da prefeitura (WWW.dourados.ms.gov.br). A partir daí a empresa que recebia a doação tinha um período para tomar posse e edificar no local, caso contrário, a área era devolvida para a Prefeitura. DEFESA O deputado Tetila recebeu com surpresa a notícia da imprensa, uma vez que o nome dele foi citado sem que o assunto fosse contextualizado e sem que ele fosse ouvido a respeito. “Nossa administração sempre se pautou pela seriedade e lisura com a coisa pública. Nunca tomamos decisões sem que antes elas passassem pelo cunho do CMD e pela Câmara de Vereadores, local onde é bom lembrar, nunca contei com maioria absoluta, onde tivemos uma oposição fortíssima”, explica o ex-prefeito. Quanto ao problema da falta de terrenos para obras públicas, os problemas não são de hoje. Uma das maiores dificuldades da administração Tetila, foi exatamente a falta desses espaços para a edificação de novas obras. Quando prefeito Tetila teve que fazer um verdadeiro contorcionismo para resolver o problema, sendo obrigado inclusive, a investir na compra de terrenos para novas construções, dentre elas, a aquisição de aproximadamente 20 áreas para conjuntos habitacionais. “Na verdade foi uma questão de organização dos espaços públicos e nessa parte os Conselhos foram muito importantes, assim, não há porque suspeitar de qualquer irregularidade”, comenta Tetila.

Nota do Ministério Público O Promotor de Justiça Amilcar Araújo Carneiro Júnior, em atenção à reportagem veiculada pelo jornal O PROGRESSO, dando conta de investigações sobre doações supostamente irregulares de imóveis pertencentes ao executivo municipal em administrações anteriores, esclarece: Chegou ao conhecimento do Ministério Público, durante a administração interina de Dourados que se findou recentemente, de que o acervo de imóveis pertencentes ao patrimônio do município estaria reduzido devido a doações irregulares feitas nos últimos anos. Por conta disso, com base na legislação, houve a requisição de documentos referentes às doações efetuadas nos anos de 2005 até 2010, visando à verificação de documentos e à apuração de possíveis ilegalidades. Tais documentos já foram encaminhados ao Ministério Público pela Prefeitura Municipal de Dourados e encontram-se em fase de análise e deliberação quanto às providências cabíveis.


D1 Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia

Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

3

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Fim de ano

Comércio aprova plano de policiamento Na Capital, 380 homens farão o policiamento a pé em duplas, apoiados pelo Esquadrão Independente de PM

C

ampo Grande – Os comerciantes que participaram da reunião de divulgação do plano de policiamento para o fim de ano na Capital ficaram satisfeitos com o esquema de segurança apresentado pelo Comando da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul. A ampliação do policiamento específico para os centros comerciais dos bairros e o contato direto com o policial mais próximo foram apontados como os pontos mais positivos. Somente em Campo Grande serão 380 homens fazendo policiamento a pé em duplas, apoiados pelo Esquadrão Independente de Polícia Militar Montado, Companhia Independente de Trânsito e patrulhamento motorizado. Ainda será instalado o Posto de Atendimento Comunitário, no canteiro da Avenida Afonso Pena, esquina com 14 de Julho, para atendimento de ocorrências e orientação à população. “Esse policiamento é diferente do ordinário habitual. São homens a mais, atuando especificamente, em três turnos, para dar segurança aos comerciantes e consumidores durante as compras de fim de ano”, explicou o comandante do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), coronel

Sebastião Henrique Bueno. A principal reivindicação dos comerciantes, a descentralização do plano, foi atendida. Isso porque apesar do grande fluxo de consumidores ser no quadrilátero Calógeras, 26 de Agosto, Rui Barbosa, Mato Grosso, muitas pessoas optam por comprar em outros pontos. Em atenção a esses consumidores e lojistas, a PM também atuará nos complexos comerciais de outras partes de Campo Grande como: Moreninhas, Jardim dos Estados, Monte Líbano, Coronel Antonino, e importantes avenidas, entre elas: Ceará, Eduardo Elias Zahran, Mascarenhas de Moraes, Bandeirantes e Salgado Filho. “Onde tiver complexo comercial funcionando, haverá policiamento a pé”, garantiu o coronel Bueno. A outra novidade que agradou os comerciantes foi a ligação direta com o policial que está na rua. No caso de qualquer problema, o lojista fala diretamente com o comandante da área ou com a patrulha motorizada mais próxima, via celular, o que irá agilizar ainda mais o atendimento, prevenção de crimes e minimização dos danos. “A Polícia Militar realmente nos ouviu. Esse é o diferencial. Este ano o plano

Edemir Rodrigues

Policiamento será intensificado no centro e bairros da Capital está muito mais completo e mercial e Industrial de Campo contemplou todas as nossas Grande (ACICG), João Carlos expectativas. A PM está cada Polidoro. vez mais preparada, mas com O presidente da Câmaa abertura que o coronel David ra de Diretores Lojistas da (comandante-gecapital, Ricardo ral) e o coronel Kuninari avalizou: Posto de Bueno (coman“O plano está mais atendimento dante do CPM) bem elaborado, foi Comunitário ampliado, atennos deram pudeestará no mos dizer nossas deu as reivindicacanteiro da ções dos lojistas angústias, porque afonso Pena dos bairros. Essa muitas vezes, a PM nem sabe o parceria é que dá que o empresário está sofren- tranquilidade para lojistas e do. Essa interação foi impor- clientes”. tante para que obtivéssemos êxito porque poder passar PaRCERia nossa vivência do dia a dia faz Os policiais militares aintoda a diferença”, disse o vice- da darão orientações diretas presidente da Associação Co- aos comerciantes para que

eles possam se precaver de eventuais problemas. Cuidados básicos na hora de abrir e fechar a loja; armazenamento e exposição de mercadorias; manejo com dinheiro; instalação de mecanismos de segurança como alarmes e câmeras de monitoramento serão repassados. Uma parceria com o Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura está sendo fechada para que os lojistas recebam consultoria especializada de modificações na estrutura dos prédios que podem aumentar a segurança do estabelecimento. “O comerciante precisa ficar atento para não facilitar a ação do bandido. É preciso tomar uma série de providências para evitar que roubos aconteçam e a PM nos ajuda nisso também. Com esse policial mais próximo, o diálogo acaba sendo mais franco e aberto, o que melhora o relacionamento”, avaliou o vice-presidente da ACICG. “Cada um tem que fazer sua parte para minimizar os riscos e dar mais tranquilidade para o consumidor. Com as lojas bem guardadas e o policiamento na rua, as pessoas se sentem mais à vontade para comprar e passear com suas famílias. Essa parceria com a PM favorece bastante o

comércio. Os lojistas estão de portas abertas para o policial que terá nos comércios pontos de apoio. As lojas colocarão sua estrutura à disposição dos policiais para que eles tenham um pouco de conforto durante o serviço. Todos estão prontos para receber bem o policial”, completou o presidente da CDL. O Comando da PMMS recebeu com satisfação as manifestações de apoio e a disposição dos comerciantes em ajudar na manutenção da segurança durante o período de fim de ano. “Precisamos desse apoio para que tenhamos êxito. Segurança pública não é só responsabilidade da PM. Os empresários terem a consciência disso é prova de que estamos no caminho certo, da gestão compartilhada de segurança. Isso é mais um exemplo da viabilidade do policiamento comunitário, feito em parceria com a sociedade. O consumidor pode ficar tranquilo que a PM estará nas ruas para que ele possa comprar sem preocupação”, disse o comandante da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, coronel Carlos Alberto David dos Santos. O plano de policiamento especial para o fim de ano começa a ser colocado em prática no próximo dia 1º.

Comunidade de Campo Grande. A solenidade de entrega dos certificados será às 19h na Casa Engenheiro Carlos Miguel Mônaco, na avenida Calógeras com avenida Mato Grosso, na Esplanada Ferroviária. Ao todo receberão certificados 66 formandos de 14 a 21 anos que participaram dos cursos de Mecânica de Motos (23 formandos), Mecânica de Bicicletas (17 formandos) e Informática Básica (26 formandos). Os cursos tiveram o acompanhamento da SAS e foram oferecidos pelo Sesi e Senai, em parceria com o Comando Militar do Oeste (CMO), que ofereceu local para realização das aulas. Os certificados habilitam os formandos a cadastro na Funsat (Fundação Social do Trabalho) e Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso

do Sul).

Campo Grande em Foco

amanhã é Dia D de combate à dengue em Campo Grande

Hedio Fazan

Controle da dengue requer conscientização e educação da sociedade para a saúde pública Campo Grande - O “Dia D” de prevenção e combate à dengue em Campo Grande será amanhã. Entre as ações definidas pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) estão o trabalho de orientação para os comerciantes da área central da cidade, a blitz educativa e a mobilização de todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) para a divulgação da atividade de prevenção contra a dengue. Os agentes e supervisores de saúde vão visitar o comércio da região central (ruas Antônio Maria Coelho e Rui Barbosa e avenidas Calógeras e Afonso Pena) para orientar as pessoas sobre a necessidade de fiscalizar todos os depósitos que acumulam água (calhas, caixas d’água, vasos de planta). A blitz educativa vai envolver agentes de saúde do Estado e do município. Eles estarão em pontos estratégicos da Capital com grande fluxo de pessoas, (avenida Afonso Pena com as ruas 14 de julho, 13 de Maio e Rui Barbosa), distribuindo folders com informações sobre a dengue e medidas preventivas. Nas UBS, agentes comunitários estarão incumbidos de prestar esclarecimentos e divulgar a prevenção contra o Aedes aegypti para a clientela que freqüenta as unidades. Todas as ações programadas para o “Dia D” começam às 7h30 e vão até o final da tarde.

Advocacia Pública de MS

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MS) promove sexta-feira o 1º Ciclo de Palestras da Advocacia Pública de Mato Grosso do Sul. Será no auditório da entidade, na Avenida Mato Grosso, a partir das 8h30. Durante o evento serão discutidos os temas: “Projeto de Execução Fiscal Administrativa”; “Postura Conciliatória do Poder Público”; e “A Defesa do Estado em Matéria Ambiental”. O ingresso é 1 quilo (ou

mais) de alimento não perecível. Informações podem ser obtidas pelo telefone 3318-4721 ou pelo endereço eletrônico: janaina@ oabms.org.br .

Prazo para Pré-matrícula

O prazo para a pré-matrícula dos alunos novos da Rede Municipal de Ensino (Reme) vai até o dia 16 de dezembro. A efetivação da matrícula será entre os dias 10 e 14 de janeiro. Quem já é aluno da Reme teve até o dia 7 de novembro para

fazer a pré-matrícula. O prazo para a efetivação da matrícula será de 13 a 17 de dezembro. Os pais que perderam os prazos ou os alunos que desejam trocar de escola devem fazer a pré-matrícula de de 4 a 16 de janeiro. A efetivação poderá ser feita de 25 a 28 de janeiro., também no www.capital.ms.gov.br; telefone: 08006151515; na na Central de Atendimento ao Cidadão (rua Cândido Mariano); na Central de Matrículas na rua Onocieto Severo Monteiro, 460, Vila Margarida; nos estabelecimentos de ensino que fazem

parte do projeto Escola-Viva e estão abertos nos fins de semana, no horário das 8h às 16h.

MS expõe artes

Um panorama do artesanato de Mato Grosso do Sul. É o que promete a próxima exposição temporária da Casa do Artesão, promovida pelo governo do Estado, por meio da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), a partir desta quarta, às 15h. A IV Coletiva de Artesanato do MS permanece até 16 de março de 2011, de segunda a sexta-feira das 8h às 18h e sábado das 8h às 12h. O projeto Artesania atua em Mato Grosso do Sul por meio de oficinas técnicas que abrangem programa de capacitação e/ou de reciclagem; oficinas de design, que visam desenvolver uma nova linha de produtos exclusivos que possam ter utilidade no dia a dia, tendo como meta final à conquista de novos mercados e oficinas de gestão, etapa em que são ministrados cursos de formação de preço de venda, de gerenciamento e de atendimento ao público, buscando a profissionalização do artesão. A Casa do Artesão de Campo Grande fica na Avenida Calógeras, 2050 – Centro. Mais informações 3383-2633 ou 3316-9107.

Qualificação de jovens

A Prefeitura de Campo Grande por meio da Secretaria Municipal de Políticas e Ações Sociais e Cidadania entregam amanhã os certificados dos cursos de qualificação profissional para adolescentes em cumprimento de Medida Socioeducatiava de Liberdade Assistida e de Prestação de Serviços à

Cidadania e trabalho

Os inscritos passam por uma semana de pré-cursos como noções de cidadania, mercado de trabalho, saúde e higiene. As aulas são ministradas em parceria com instituições diversas como Corpo de Bombeiros, Funsat e Detran. Durante todo o curso, a SAS realiza acompanhamento com a família do adolescente inscrito e também oferece cursos profissionalizantes aos pais e demais familiares. O Serviço tem por finalidade dar atenção socioassistencial e acompanhamento a adolescentes e jovens em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto, determinadas judicialmente.

Capital lança série de cartões postais Amanhã, a partir das 8h, a Prefeitura de Campo Grande lança sete exemplares de cartões postais, da série denominada “Cores em harmonia”. As imagens foram cedidas pelo fotógrafo Denílson Secreta e estarão expostas no gabinete da Casa da Esplanada, localizada na esquina da Avenida Calógeras com Mato Grosso, em frente à antiga estação ferroviária. O evento será aberto com um café da manhã tipicamente regional ao som da dupla campo-grandense Jean Carlos e Juliano que irá animar o encontro para os convidados das secretarias municipais, empresários de turismo e profissionais do setor. Entre os dias 20 e 22 de outubro, foi realizado o pré-lançamento da 1ª série de postais produzidas pela secretaria, por ocasião da Feira das Américas, realizada pela Associação Brasileira de Viagens (Abav), nesta edição, no Riocentro Exhibition & Convention Center, Rio de Janeiro. Segundo informações da superintendência de Turismo Ciência e Tecnologia da Sedesc, como a série é limitada não estará disponível para venda, tendo foco como ferramenta de apresentação em eventos, feiras, e como material publicitário em viagens do prefeito Nelson Trad Filho e seu secretariado. Artista do mês – Denílson de Souza Nantes, o “Secreta” também está com exposição fotográfica no gabinete do prefeito Nelson Trad Filho, durante o mês de novembro, por meio do projeto “Arte & Cores no Paço”, que objetiva abrir espaço para os artistas da Capital apresentarem os trabalhos ligados às artes plásticas.


4

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dia a Dia

Dia a Dia Dia a Dia Dia a Dia

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

D1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Escândalo

Ari Artuzi já está na prisão há 85 dias Habeas corpus ainda não foi julgado pelo STJ, antepenúltima instância antes de impetrar pedido ao Supremo a ex-primeira-dama Maria Freitas. Artuzi continua preso OURADOS – Enem uma das celas do presídio quanto a justiça não julga o habeas cor- federal em Campo Grande, pus, o prefeito afas- depois de ter passado por tado Ari Artuzi (sem partido) duas carceragens, também na está na prisão há exatamen- Capital. Ontem, o te 85 dias. Ele a d v ogado de foi preso pela Junior Artuzi, Carlos Polícia Federal Teixeira Marques, inforem 1º de setemjá teve mou que pode bro, acusado de pedido sair ainda esta comandar um indeferido semana o julgaesquema crimipelo STJ mento do habeas noso que teria corpus impetraprovocado um prejuízo de quase R$ 35 do no Superior Tribunal de milhões aos cofres da Prefei- Justiça (STJ), em Brasília, já tura de Dourados, segundo o que a justiça de Mato Grosso Ministério Público Estadual do Sul negou o pedido. O STJ é a antepenúltima (MPE). Estão presas ainda mais nove pessoas, entre elas instância para o prefeito afasMarli Lange

D

tado exercer seu direito de recorrer à decisão da justiça sul-mato-grossense para poder responder o processo em liberdade até o julgamento do mérito. Caso o STJ venha indeferir o pedido de habeas corpus, Artuzi ainda vai recorrer ao agravo regimental, que é um recurso onde a defesa aponta os itens que não concorda sobre a decisão e pede a reavaliação, pelo mesmo STJ. Essa decisão também pode ser indeferida pelo ministro que julgar o pedido. Neste caso, o prefeito afastado ainda pode recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF), que é a última instância. Caso também o STF venha indeferir o pedido de liberdade de Ari Artuzi, o prefeito afastado terá que ficar preso até o julgamento do processo pelo qual ele é acusado. Caso seja condenado, deverá cumprir a pena em regime aberto ou fechado. A justiça não sabe avaliar qual é a pena para esse tipo de crime, já que são várias acusações que lesaram os cofres do município. PRESOS AINDA Na mesma situação do prefeito afastado ainda está Maria de Freitas, mulher de

Hedio Fazan

Ex-secretário é considerado foragido da Justiça Divulgação

Ex-secretário Dilson de Sá

D Defesa de Artuzi aguarda decisão do habeas corpus no STJ Artuzi, as ex-secretárias Ignês Boschetti Medeiros e Tatiana Moreno, que continuam presas no semiaberto feminino, em Dourados. Também continuam presos na Penitenciária Harry Amorim Costa, os vereadores afastados, Sidlei Alves (DEM), Humberto Teixeira Júnior (PDT), Edvaldo Moreira (PDT) e o vice-prefeito

Reestruturação

Procuradoria assume a política de gestão jurídica

D

OURADOS - A Procuradoria Geral do Município está passando por um processo de reestruturação e fortalecimento do corpo de servidores, de forma a emprestar melhor serviço à população de Dourados ao mesmo tempo em que são valorizados os trabalhadores do setor. “Um dos primeiros atos de nossa gestão foi o de não renovar alguns contratos de assistência jurídica que existiam até então, com escritórios de advocacia, inclusive de outras regiões. A PGM assume de vez a política de gestão em assuntos jurídicos do Município e com isso, além de enorme economia de recursos públicos, pois alguns contratos eram excessivamente onerosos, podemos decidir sobre as teses jurídicas aplicadas nessas questões”, afirmou o procurador-geral Sérgio Henrique Pereira Martins de Araújo. O procurador-geral do Município acrescenta ainda que essa decisão foi possível diante da autorização da prefeita Délia Razuk,

para que fosse realizado o desdobramento da PGM com a criação de núcleos de atendimento nas diferentes áreas, assegurando mais eficiência aos serviços prestados para a população e confirmando a lisura e a probidade no acompanhamento de ações de interesse coletivo. “Além disso, estamos estudando a viabilidade de efetivarmos alguns advogados aprovados no último concurso público para o cargo de procurador, além de buscarmos meios de melhorar os salários do serviço público municipal”, afirmou o procurador. Sérgio Henrique observa, também, que a orientação da prefeita Délia Razuk é para que todos os colaboradores da administração atuem no sentido de oferecer o melhor em prestação de serviços, com qualidade e eficiência. “Não importa o espaço de tempo que há para essas ações, o determinante é que os trabalhos sejam realizados de forma a garantir eficiência e a satisfação do contribuinte”, conclui o procurador-geral.

afastado, Carlinhos Cantor, além dos ex-secretários de Artuzi, Cláudio Marcelo Hall (Marcelão) e Alziro Moreno. O vereador afastado Humberto Teixeira Júnior teve o pedido de habeas corpus indeferido pelo STJ na semana passada. Nesta semana, a defesa do vereador deve entrar com agravo regimental junto ao STJ, antes de recorrer ao STF.

Afastamento

Rigo se licencia do PSDB por três meses

C

AMPO GRANDE - O deputado estadual Ary Rigo (PSDB) encaminhou ontem pedido de licença à direção do partido por um período de três meses alegando questões pessoais. O deputado, que não conseguiu se reeleger, seria investigado pela Comissão de Ética e Disciplina Partidária do PSDB por causa de declarações nas quais apontou um suposto esquema de pagamento de propina a parlamentares, promotores de justiça e desembargadores. Divulgadas pelo site Youtube durante a campanha eleitoral, as declarações comprometedoras foram gravadas pelo ex-secretário de Governo de Dourados, jornalista Eleandro Passaia. “É um direito que o filiado tem. Não podemos fazer nada”, limitou-se a dizer o deputado estadual Reinaldo Azambuja, presidente regional do PSDB, durante entrevista ontem na Assembleia Legislativa. No começo deste mês, Rigo havia sido notificado pelo Conselho de Ética e recebeu um prazo para apresentar sua defesa. Pelo Estatuto do Partido, caso seja condenado, o parlamentar poderá receber uma simples advertência, ser afastado temporariamente ou até ser expulso do partido.

OURADOS – O ex-secretário de Obras do município, o engenheiro Dilson Cândido de Sá, é considerado foragido, já que não se entregou à justiça quando o Superior Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (STJ) revogou seu habeas corpus em outubro. Por conta disso, ele deveria ter sido reconduzido à prisão. Dilson Cândido de Sá deveria ter se entregado junto com os ex-secretários Alziro Moreno, Tatiane Moreno e Ignês Boschetti Medeiros, que na mesma época tiveram os habeas corpus revogados pelo STJ/MS. Fontes seguras teria informaram ao O PROGRESSO que o ex-secretário estaria no Paraguai. A advogada de Cândido de Sá, Andréa Flores, não confirma a informação, mas revela que ele estaria “viajando”. Ela disse que já impetrou no Superior Tribunal de Justiça (STJ) o pedido de habeas corpus e aguarda o julgamento. Dilson foi preso durante a Operação Uragano, deflagrada em 1º de setembro pela Polícia Federal. Contudo, no dia 14 do mesmo mês, ele acabou sendo solto por meio do habeas corpus. Cândido de Sá é apontado pelo Ministério Público Estadual (MPE) conhecedor de todo o esquema criminoso, que seria comandado pelo prefeito afastado, Ari Artuzi. Ele é acusado de ajudar na defraudação de medições, omitia-se no seu dever de fiscalização e contribuía nos atos de corrupção, envolvendo algumas empreiteiras que prestavam serviços para a Prefeitura de Dourados. (Marli Lange)


Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------o progresso

Festival Teatro de Objetos De quinta a domingo, 15 grupos de cinco países vão apresentar 76 espetáculos na Capital

U

m saca-rolha gigante que se move com graciosidade e se transmuta em bailarina, leques que adquirem o traquejo de pavões, torneiras que pingam e fazem lembrar um velhinho que derrama lágrimas. Essas são as algumas das soluções inusitadas que poderão ser conferidas durante o Fito (Festival Internacional de Teatro de Objetos), que será realizado pelo Sesi de 25 a 28 novembro, no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, em Campo Grande. Segundo a superintendente do Sesi, Maura Gabínio, trata-se de um evento que vem para destacar a atividade industrial em Mato Grosso do Sul de forma lúdica.

“Mostrar os objetos utilizados na indústria que podem expressar o dia a dia do trabalhador, dando

alma a esses objetos. Considero esta uma conquista importante em termos de demonstração do teatro

como ferramenta educadora da plateia e objeto cultural”, disse. O FITO

Pouco explorada no Brasil, a modalidade de teatro de objetos possui uma forte presença na Europa, continente de onde virá a maior parte das companhias cênicas. No total, o festival, que irá promover 76 apresentações com 15 companhias oriundas do Brasil, Argentina, Israel, Itália e França, foi idealizado pela curadora Lina Rosa e promove a democratização da cultura sob um formato inteligente e único. “O Teatro de Objetos é uma forma de metáfora crítica inteligente, que faz pensar, diverte, educa e sensibiliza a plateia”, explicou, lembrando que o festival funcionará das 16 às 22 horas nos quatro dias de evento em Campo Grande. Além das apresentações, o Festival incluirá ainda oficinas profissionais, feira de objetos e o espaço Fito Foto, bem como um show do artista Tom Zé, que apresentará o espetáculo

“Música/Contramúsica” no dia 27 de novembro à noite. Outras atrações serão Fito Mostra Viva, que reúne performances curtas realizadas por atores em quatro mini-salas para pequenos grupos, o Fito Feira, que mostra de objetos interessantes ou inusitados, além de antiguidades, que poderão ser adquiridos pelos visitantes, o Foto Fito, que será um espaço interativo cenográfico onde o público é fotografado ao ‘bailar’ com um cabideiro. O ambiente terá cinco salas para espetáculos nacionais e internacionais, sendo três delas com capacidade para receber até 200 pessoas e duas com capacidade para 50 espectadores. O local também irá abrigar tendas de alimentação e cenografia interativa onde os visitantes poderão manipular objetos gigantes com ajuda de arte-educadores e espaço cenográfico para cliques do público.


2

Variedades Variedades

Variedades

Variedades Variedades

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

B1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Canal Zap

Manoela reis

no elenco

Luiza Dantas/CZN

Patrícia Maldonado continua na Band no próximo ano. Só que em novo programa. A apresentadora comandará o “Infomaníacas”, produção voltada para o público feminino. “Será uma mistura de jornalismo com esquetes divertidos”, adianta Hélio Vargas, diretor de programação da emissora. Patrícia já está gravando os pilotos do programa, que ainda não tem data certa para estrear. A produção ainda terá mais três apresentadoras, que ainda não foram definidas.

Insistente

Luisa, papel de Guilhermina Guinle, continuará a investir em Edgar, vivido por Caio Castro. Em cenas que vão ao ar a partir deste sábado, dia 27, em “Ti-ti-ti”, ela seduz o jovem fotógrafo que, se deixa envolver pela ex-amante.

Coro sertanejo

Os sertanejos Bruno e Marrone participam do “Hoje

Horóscopo

em Dia” desta quarta. A dupla toca ao vivo na produção da Record. Depois da apresentação, Celso Zucatelli, Chris Flores e Gianne Albertoni entrevistam os músicos. Além disso, os dois ajudam o chef Edu Guedes a preparar um prato. O programa vai ao ar a partir de 9h30.

A volta da vilã

No próximo sábado, dia 27, o “Musicograma”, da TV

Brasil apresenta a trajetória de Arnaldo Antunes e Tom Zé. A produção conta a história dos importantes músicos e compositores brasileiros e vai ao ar às 21h30.

Demonstração

A Universidade de Coimbra recebe nesta semana profissionais do jornalismo da Globo. Os brasileiros vão apresentar práticas e compartilhar experiências sobre o modo de fazer jornalismo televisivo por aqui. William Bonner, editor-chefe e apresentador do “Jornal Nacional”, foi o primeiro a conversar com os estudantes no Seminário de Telejornalismo. O evento é realizado pela parceria entre a Secção de Comunicação da Faculdade de Letras e o “Globo Universidade”.

Paixão platônica

Hebe Camargo não poupou investidas em Roberto Carlos durante o show em prol do Projeto Velho Amigo, do Instituto do Câncer. A apresentadora, visivelmente emocionada, soltou: “Não perco as esperanças, um dia você será meu”. O evento aconteceu no último domingo, em São Paulo.

omar Cardoso

Mostre aos seus parceiros ou sócios de trabalho que você sabe respeitar regras justas. Tensão astral passageira desaconselha excessos nos esportes. Ótimo entrosamento amoroso. Mudança de ares fará bem a você.

Reforço especial no setor financeiro e de trabalho; entre com sua sensibilidade e imaginação. Respire fundo pra não cair em tentação consumista pela manhã. Solte sua criatividade em seu campo artístico preferido. Encanto.

Intuição a mais e inspiração de sobra! Ambas trazem sorte, antes de tudo. Ouça suas impressões e acertará em todos os campos. Mudança no visual provoca efeito mágico. Viagens, artes, amores: use a cor azul.

Boas noticias e alguma surpresa bacana trazem alento e esperança. De tarde, faça um contato importante de trabalho. Mercúrio e Júpiter tensos contra-indicam tratar de assuntos legais ou ligados a viagens. Amor em grande estilo!

Imaginação criativa, senso estratégico, visão global e audácia de sobra. Resta levar em conta se é o momento de embarcar numa luta com uma grande instituição. Um bom papo consertará tudo no amor. Presentinhos.

A cabeça está levando você pra longe do lugar onde as verdadeiras batalhas estão sendo travadas: sua interioridade! Em casa, o clima também não ajuda – farpas e recriminações. Parceiros não ajudam, adie esforços.

Saturno torna você mais seletivo, exigente e conservador. Você está mudando! Vênus e Lua em ótimo aspecto dão sinal verde pra você caprichar no visual e deixar sua simpatia fluir livremente. Amor em alta!

Clima astral confuso para os negócios e o setor financeiro, pense antes de entrar numa contenda. Gastos inesperados com filhos e/ou diversão abalam suas contas, surpresas exigem versatilidade e presença de espírito.

Inquieto, nervoso, preocupado e impaciente? Astral delicado para sua saúde e negócios. Trombadas com o ser amado podem acontecer por conta disso. Você não pode tudo. Evite pressionar ou exigir mais dos outros.

rápidas

# nesta quarta, no “Topa ou não Topa?”, a participante do game será surpreendida por dançarinos do clube das mulheres. o programa vai ao ar às 23h, no sBT. # A partir do próximo sábado, dia 27, a Rede Telecine exibe, com exclusividade, o trailer do filme “Bruna Surfistinha”. # Hoje, o “Comentário geral”, da TV Brasil, fala sobre o som. um dos convidados é o famoso sonoplasta geraldo José. o programa vai ao ar às 19:30h. # Na próxima quinta, o “Programa do Jô” recebe o humorista Beto Hora. A produção vai ao ar depois do “Jornal da Globo”.

Foi bem

Caio Castro, o Edgar de “Ti-ti-ti”. O jovem ator está ótimo no folhetim da Globo.

Foi mal

MV Bill, o Antônio de “Malhação”. O “rapper” não está bem na função de ator. e-mails para esta coluna: canalzap@cartaznoticias.com.br

Novelas

Rede Globo Rede Globo

ArAguAiA – Vitor permanece desacordado na mata. Max flagra Fred e Janaína se beijando. Bruno se incomoda com a música que Caroço compõe para ele e Terezinha. Geraldo conta para Max que o bispo mandou uma carta para Padre Emílio. Nancy conversa com Hector pelo computador. Padre Emílio conta para Solano que pode ser transferido de sua paróquia se o bispo considerar o espetáculo circense na igreja um desrespeito. Cirso comenta que o touro que Manuela comprou no leilão pode estar doente. Dora questiona Geraldo sobre as fotos que ele tirou de Safira. Estela entrega o carro de Beatriz para Tavinho e Lenita. Manuela se desculpa com Estela e lhe oferece uma carona até a estância. Geraldo entrega para Safira as fotos que tirou. Estela conta a Solano que vendeu toda a safra de girassol e Manuela vê a cena. Ti-Ti-Ti –Julinho avisa Bruna que Edgar foi para a casa de Giancarlo e ela e Gustavo vão atrás do filho. Giancarlo permite que Edgar entre para falar com Marcela. Jaqueline estranha as dúvidas de Thaísa sobre sua paternidade. Clotilde liga para todas as clientes de Jacques. Edgar volta para casa arrasado. Ariclenes comemora o lançamento do batom Tititi. Mabi recebe a edição comemorativa da Moda Brasil. Bruna vê o ensaio de Edgar e Marcela na revista. Desirée recebe uma proposta para trabalhar no exterior. Help passa o batom de Valentim e Adriano a beija. Gustavo procura Julinho e lhe oferece apoio. As clientes de Jacques reaparecem no ateliê. Jacques descobre que Clotilde foi responsável por trazer suas clientes de volta e procura a exsecretária. Breno se assusta com a maneira que Thaísa se veste. Jacques pede Clotilde em casamento. PAssione – Mauro tenta impedir Diana de ir embora. Jéssica se esconde no armário da quitinete quando Agostina entra. Olavo ameaça dormir longe de Clô enquanto ela não aceitar o seu trabalho. Fred intimida Myrna. Sinval segue Stela até o encontro com Agnello. Kelly emociona Clara e a família de Totó durante o jantar. Bete se incomoda ao descobrir que Totó voltou com Clara. Olga fica furiosa ao perceber que Diogo se apaixonou por Clara. Diana não consegue resistir a Mauro e os dois se beijam. Lorena conta para Melina que Laura viajou com Mauro. Sinval discute com Stela e Lorena fica indignada ao ouvir que a mãe se encontrou com Agnello. Diana conta para Mauro que se afastou por causa de Melina.

Palavras-cruzadas diretas

A resposta que procura será encontrada na reserva, na quietude e na observação do entorno. Trate de aprumar a coluna, sorrir mais, apresentar-se bem e deixe o destino agir. Intuição tem papel essencial nas finanças e amores.

Participação social chama você pra luta. Se você tem um talento mal explorado, solte a imaginação. Também no trabalho isso vai ajudá-lo a se distinguir. Ótimo astral para o amor, as amizades e a criatividade em geral!

De hoje ao final da semana contradições se destacam – abrir um espaço só seu demanda compromisso a mais, coisa que você não está a fim. Rebeldia é o nome disso. Você tem um causa pela qual lutar? Descubra qual.

solução do nº anterior


B1 Variedades Variedades VariedadesVariedades Variedades Variedades Variedades 3 Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Dom Bar aposta no som acústico O

Nêgo e PV (Cara e Coroa) e Alessandro e Tom Brasil vão ditar o ritmo toda quarta e sexta-feira

Dom Bar está apostando na música de qualidade para consolidar ainda mais sua clientela toda quarta e sextafeira. A missão ficará a cargo das duplas Nêgo e PV (Cara e Coroa) e de Alessandro e Tom Brasil, que prometem o melhor do pop-rock acompanhado por voz e violão. “Estamos oferecendo mais uma excelente opção para nosso público, que poderá curtir música de qualidade a partir das 20h, além, é claro, do serviço completo de bar que oferecemos”, enfatiza Thiago Pizzini, proprietário do Dom Bar. Além disso, nesta reta final do Campeonato Brasileiro e da Copa Sulamericana o Dom Bar segue abrindo suas suas portas às 18h, para o tradicional happy hour regado ao chopp mais gelado de Dou-

rados e, na sequência, exibe os jogos ao vivo. O Dom está consolidado como o endereço preferido dos douradenses que não abrem mão de curtir os jogos do Campeonato Brasileiro num ambiente requintado, seguro e repleto de gente bonita. Thiago Pizzini explica que o melhor é que o cliente Dom Bar não paga mais por isso, já que o acesso ao bar é gratuito e o happy hour ainda tem como atrativo o chopp mais gelado de Dourados por apenas R$ 2,50 das 18h às 20h. Outro atrativo do Dom Bar é o rodízio de sushi e sashimi por apenas R$ 30 por pessoa, mas quem preferir pode desfrutar do cardápio a la carte ou do completo serviço de porções. “Investimos na sofisticação do nosso ambiente para receber um público

exigente que gosta de relaxar depois de um dia de trabalho”, explica Thiago Pizzini, proprietário da casa. “Construimos um ambiente apropriado para um bom bapo, para se conhecer gente nova e para passar momentos agradáveis com a família, namorada ou amigos”, enfatiza. Além dos jogos do Brasileirão e da Sulamericana, o Dom Bar também oferece, sempre às sextas-feira, uma excelente opção em música. O Dom Bar iniciou a reserva de datas para festas de aniversários e para as tradicionais confraternizações de fim de ano. “As empresas podem selecionar uma data para comemorar o encerramento de mais um ano de sucesso na companhia dos seus funcionários, colaboradores e clientes com toda infraestru-

As aulas serão ministradas pela professora Noyde Maria Pael Lopes. Seu currículo, nessa área, consta de inúmeros cursos dados a alunos, professores e diferentes profissionais. As aulas serão nos dias 27 de novembro e 4, 11 e 18 de dezembro entre às 8h e as 10h30. “Com mais de dez anos de experiência, considero o mosaico uma arte; uma técnica simples, versátil e atemporal, porque encerra em si o mesmo processo da vida: juntar pedaços e construir o inteiro”, aponta a professora. “É a terapia da reconstrução que traba-

lha com materiais nobres com o mármore, as mais diferentes pastilhas lançadas a cada ano e até as sobras mais rústicas de louças, cerâmicas, seixos e outros”, completa. “Essa é uma oportunidade que a Fundac disponibiliza para que os interessados aprendam uma técnica que encanta com suas cores e diferentes possibilidades de utilização. É também uma alternativa de renda para os alunos, que podem continuar a produção utilizando materiais que, muitas vezes são descartados, especialmente em construções”, afirma Roberto Figueiredo, diretor presidente da Fundac. Mais informações podem ser obtidas pelo (67) 3314-3296 e 3306-0210 e 8121-5515.

Dom Bar agora tem som acústico toda quarta e sexta-feira tura oferecida pelo Dom Bar ou Dom Club e, para tanto,

basta entrar em contato pelo telefone (67) 9265-5987 e

Espaço de Arte promove curso de mosaico

C

om o objetivo de atender pessoas que trabalham durante a semana e dispõem do sábado livre, a Fundação Municipal de Cultura de Campo Grande (Fundac) promoverá oficina de mosaico no Espaço de Arte, Criação e Mostra no Camelódromo. O curso terá a duração de quatro manhãs e serão disponibilizadas 30 vagas. O curso será básico e programado para ter continuidade e aprimoramento da técnica. A participação é gratuita e os participantes terão apenas que adquirir seus respectivos materiais.

Divulgação

Mosaico é uma arte de técnica simples e versátil

agendar uma visita”, finaliza Thiago Pizzini.


Destaque COluna

"Estou contigo, para te guardar aonde quer que fores". (Gênesis 28,15)

O PROGRESSO

Mr. Kitsch

Foi inaugurada no último sábado a loja Mr. Kitsch no Shopping Avenida Center. Os convidados foram recepcionados com coquetel e conheceram a nova coleção que está belíssima. Veja flashs de algumas pessoas presentes. Fotos: Cristiano Santos

Proprietários da Mr. Kitsch, Clóvis e Kátia, com os filhos Joaquim e Camila Clóvis, Kátia, Zayra e Avelino

Renata, Marcos e Ana Cristina

Aniversariantes

Parabéns à nossa colega de trabalho Alice Sena, que aniversaria hoje. Na foto, com o esposo Leandro Echeverria. Cido Costa repórter fotográfico do site Douradosagora, comemora mais um ano de vida amanhã. Parabéns!

Endrigo, Kátia, Jaqueline e Sérgio Gledson, Kátia e Clóvis (supervisor nacional Mr. Kitsch)

Emerson, Yone, Kátia, Carol e Duarte

Cristiane Thaíse Rigon aniversaria hoje, recebendo os cumprimentos dos familiares e amigos. Suelen e Louise (Estivanelli) Tatiana, Fernanda, Alan, Kátia, Clóvis e Thiago

Nathan, Fábio, Tiago e Daniel

Silvana e Priscilla

Elisângela

Marta Campos e José Fernandes

Clemilda (Chica Chiclete), Mauro e Fabiane

Japão Fest Parabéns à diretoria da Associação Cultural e Esportiva Nipo-brasileira de Dourados pela organização do 9º Japão Fest, que aconteceu no período de 19 a 21 do corrente, com pratos típicos da culinária oriental e shows artísticos.

Tada, Eric, Claudio Honda e Renato Miazaki

Lucinete, Millena e Akira Oshiro

Dr. César Raslan e Mauricéia Anete e Jorge

Kosuke Ono, Junji e Mauro

Toninho, Nobuo e Dr. Nélio

Dep. Federal Geraldo Resende e Bárbara

Aniversariantes de HOJE Paulo de Tarso Nepomuceno Camilo José P. Neto Arthur Galba Diniz Magda Lopes Antonia Madalena Dutra Joaquim Soares Maria Silma Pena Moraes Marilane Borges Hespanhol Robert Van Riet José Flor Arleon Carlos Stelini Maria Fernanda Rosa Eugênio Ferreira Freire AmAnHã Roselaine Torres Álvarez Carlos Frank Afife Maksud Bussuan Jonas Alves Coutinho Antonio Carlos Oliveira Rui Aquilis Paulus Lídia de Souza Silva Hedi Gelain Cuel

Glaucia Zanforlin, funcionária deste jornal, aniversaria amanhã e recebe os parabéns dos familiares e amigos.

Quer crescer?

Karina Mara Oneda recebe os cumprimentos de seus pais Valter e Lurdes, do irmão Jonny e amigos pelo seu aniversário que transcorre amanhã.

Por que as pequenas firmas crescem? Porque divulgam. E por que as grandes não param de anunciar? Porque quem anuncia vende mais. Quem não é visto não é lembrado. Cresça e apareça... Anuncie! O PrOgrEssO, o jornal que dá retorno e é do .

Salmo

"Clamei a Deus com a minha voz, a Deus levantei a minha voz, e ele inclinou para mim os ouvidos".


Coluna Social de Nova Andradina Pedro Moreira está de volta com a coluna social, trazendo os destaques da sociedade de Nova Andradina e toda a região. Cidades 4

Pavimentação promete desenvolver o Conesul

Manezino comemora resultados do Censo

“Ponta-pé” para a pavimentação dos 337 km da rodovia já foi dado na MS-165, no trecho que sai de Sanga Puitã. Cidades 3

O prefeito do município de Deodápolis comemora os bons resultados apresentados pelo Censo 2010. Cidades 2

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Rede Estadual

Matrículas abrem neste fim de semana Governo do Estado inicia no dia 27 de novembro o período de matrícula na Rede Estadual de Ensino para o ano letivo de 2011

C

ampo Grande unidades escolares da Rede de (mS) – O governo Ensino Estadual. As inscrições do Estado inicia, no deverão ser efetuadas uma dia 27 de novembro, única vez, de 27 de novembro o período de matrícula na Rede a 7 de janeiro de 2011. Para Estadual de Ensino para o ano quem perder esse prazo, há letivo de 2011. A pré-inscrição uma nova chance, entre os dias deverá ser feita via internet, 9 e 28 de janeiro de 2011. nos sites www.sed.ms.gov. A pré-inscrição on-line, br ou www.matriculadigital. que inicia-se no dia 27 de ms.gov.br . novembro, é para alunos conPais, alunos e respon- cluintes do 9º ano em escola sáveis poderão que não ofereça acessar o sistema o ensino médio; caso a Matrícula Digimatrícula não alunos de escola tal em casa, no estadual que não seja efetuada, ofereça a série trabalho ou nas a vaga irá escolas estaduais subsequente; alupara outro de Aquidauana, nos novos ou aluestudante Anastácio, Camnos que desejem po Grande, Comudar de escola. xim, Dourados, Corumbá, Nos dias 9 de janeiro Ladário, Naviraí, Ponta Porã, e 30 de janeiro de 2011, os Terenos, Nova Andradina e candidatos deverão consultar Três Lagoas. Os interessados as escolas da Rede Estadual também podem procurar a ou os sites www.sed.ms.gov. Central de Atendimento à br ou www.matriculadigital. Matrícula. ms.gov.br a fim de saber para Nos municípios que ainda qual escola foram designados não contam com o sistema e efetuar a matrícula, dentro de matrícula digital, os inte- do prazo, munidos dos docuressados deverão procurar as mentos exigidos na ficha de

inscrição. Caso a matrícula não seja efetuada no prazo estipulado, a vaga será destinada a outro candidato. Não estará assegurada a vaga para o interessado quando as informações fornecidas na inscrição não corresponderem à documentação apresentada no ato da matrícula. Para efetuar a matrícula, os candidatos deverão apresentar os seguintes documentos: cópia da certidão de nascimento, casamento ou documento de identidade; guia de transferência e histórico escolar (quando necessário); comprovante de residência; carteira de trabalho (se o aluno for trabalhador); quatro últimos comprovantes de doação de sangue (se a opção for marcada na pré-inscrição) e laudo médico ou atestado (se o aluno possuir necessidades específicas). Renovação da MatRícula Os estudantes que quei-

Nova Andradina

decoração da Praça Brasil já foi iniciada

Natalho Cuer

Divulgação

Os interessados também podem procurar a Central de Atendimento à Matrícula ram permanecer na escola em que estudaram em 2010 ou os alunos que desistiram durante este ano deverão renovar sua matrícula na própria escola, entre os dias 25 de novembro e 7 de janeiro de 2011. Os alunos que perderem o prazo concorrerão com os candida-

tos às vagas remanescentes a partir de 9 de janeiro de 2011. Os alunos que necessitem do passe de estudante devem estar atentos aos prazos de cadastramento da Agetran. Para receber os passes na primeira remessa, no dia 3 de fevereiro

de 2011, é preciso que a inscrição para a matrícula seja feita até 23 de dezembro 2010. Dúvidas e informações, pelo telefone da Central de Matrícula, em Campo Grande, (67) 3314-1213 ou pelo e-mail matriculadigital@sed. ms.gov.br .

Escoamento da safra

Maracaju recupera máquinas e estradas

Divulgação

Trabalho de manutenção das estradas vicinais é prioridade no município de Maracaju Decoração de Natal já está sendo feita na Praça Brasil e em outros pontos da cidade

N

ova andradina - A Prefeitura Municipal, através do Departamento Municipal de Cultura, está iniciando a colocação da decoração natalina da Praça Brasil, Praça Teutly (do Museu) e obelisco, como parte das festas de final de ano. O município de Nova Andradina é decorado para as festas natalinas, como ocorre tradicionalmente todos os anos, atraindo os consumidores, que além de virem fazer suas compras, ainda podem desfrutar de um belo visual. De acordo com o De-

partamento de Cultura, neste ano estão sendo investidos cerca de R$ 25 mil. Todo o material para a confecção da decoração foi adquirido pelo Governo Municipal visando brindar a comunidade com um trabalho para proporcionar um clima de alegria, aproveitando a beleza do local, com uma decoração natalina lembrando o nascimento de Jesus Cristo e a fé cristã. Está sendo concluída a pintura de uma grande tela, em óleo, pelas artistas plásticas Ana Maria Vasconcelos e Izabel Cristina Garcia, que

será colocada no palco da Praça Brasil. Também estará sendo montado o grande presépio, sendo que a inauguração deverá acontecer no próximo dia 5 de dezembro, às 20h. A tela versará sobre o tema “Natal: uma questão de fé”. A Associação Comercial e Empresarial de Nova Andradina (Acina) já está também ultimando os preparativos para a ornamentação das Avenidas Moura Andrade e Eurico Soares, preparando a cidade para o espírito de Natal e do aniversário de Nova Andradina.

M

aracaju - Dos 520 mil hectares de extensão territorial, cerca de 220 mil hectares estão sendo cultivados na safra verão, sendo deste montante, cerca de 185 mil hectares de soja. Visando melhorar as estradas vicinais de toda extensão territorial do município de Maracaju, no tocante de oportunizar qualidade no transporte do escoamento da safra, que se iniciará daqui alguns meses, o setor de Gerenciamento de Transporte e Manutenção de Maracaju está realizando a manutenção e cascalhamento da malha vicinal municipal.

De acordo com o gerente Especial de Transporte e Manutenção, Almerindo Souza, o trabalho de manutenção e cascalhamento acontecerá em toda extensão territorial de estradas vicinais do município. Alguns trechos que estiverem em regular situação estaremos mantendo a sua conservação, agora os setores que necessitarem de cascalhamento, nossa equipe estará realizando um atendimento especial, visando, logicamente, a uma melhoria no escoamento da safra que se inicia em março do ano que vem”. Na avaliação do prefeito

Celso Vargas, o trabalho de manutenção e cascalhamento é uma prioridade. “Nosso município é extremamente voltado ao agronegócio, dos 520 mil hectares de extensão territorial, estaremos plantando cerca de 220 mil hectares na safra verão, sendo deste montante, cerca de 185 mil hectares de soja, além do plantio de cana-de-açúcar (anual), de milho (verão) e outros cultivares, ou seja, é de extrema importância que as estradas vicinais estejam prontas e aptas para o escoamento da safra, que alavanca a economia de nosso município”, finaliza o prefeito.


2

Cidades Cidades Cidade Cidades

Cidades

Cidades Cidades Cidade Cidades

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

C1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Deodápolis

Manezinho comemora resultado do Censo Censo estima 12.122 habitantes e destaca importantes obras da administração municipal, como asfalto e drenagem

D

edodápolis - Em Deodápolis tem ganhado Deodápolis o prefeito um novo impulso investidor, da cidade, Manoel graças a um programa de goverMartins (PSDB), co- no voltado ao desenvolvimento memora o resultado do Censo que se firma como celeiro 2010, que estima 12.122 habi- agrícola e pecuário, resultante tantes; e destaca importantes do marco de um novo tempo, obras em sua administração, que, antes de tudo, põem em como asfalto, drenagens, rede destaque a valorização do de esgoto, casas habitacionais, ser humano”. A estabilização construções e das indústrias já resgate de obras; existentes, bem Incentivo ações estás, que como, o incentidesperta o contribuíram vo desperta o ininteresse para esse cresteresse de novos de novos cimento. “Fizeempreendedores empreendedores que vêm surginmos bastante, na cidade mas muito há de do e apostando se fazer, estamos no potencial que no caminho certo e o Censo a cidade oferece. mostra esta realidade com o Deodápolis tem sido um crescimento da cidade. O de- coração de mãe e cada dia cabe safio continua ciente em fazer mais um e emprega diversas uma cidade cada dia melhor pessoas de outras cidades, para todos os deodapolenses. o mercado de trabalho está Agradeço a Deus, minha equi- aquecido, mas ainda falta mão pe de trabalho, vereadores e o de obra qualificada. povo que tem apoiado minha Com o Senai, implantado administração, ressalta o pre- na cidade no ano de 2007 com feito. apoio do prefeito Manezinho,

têm sido um formador de qualificação para as indústrias de cana-de-açúcar da região, exportando pessoas qualificadas para as usinas. Um fator apontado como responsável pelo crescimento na construção civil são os investimentos da atual administração na área de infraestrutura, como pavimentação asfáltica e galerias de águas pluviais, oferecendo maior comodidade à população e, consequentemente, valorização dos imóveis. Hoje, Deodápolis tem se transformado num rápido processo de desenvolvimento urbanístico, caracterizado pela mudança arquitetônica de novos imóveis construídos na cidade e isso gera riquezas por todos os lados, pois além de aumentar a população, aquece as lojas de materiais de construção, bem como todo o comércio local, além de empregar a mão de obra nas construções. Com os loteamentos e novos bairros

Audiência

Douradina

Ponta Porã debate segurança pública Eder Rubens

P

onta porã - As autoridades e representantes de diversos organismos da sociedade civil debateram mais uma vez a Segurança Pública, em audiência realizada na Câmara Municipal de Vereadores, que contou com a presença de um bom público. Durante a Audiência Pública, provocada pelo vereador Ludimar Novais, diversos temas apontaram como fator primordial para o clima de insegurança vivenciado pela população da fronteira. Entre elas a falta de repressão ao consumo de bebidas e drogas, que são feitos de forma liberal por crianças e jovens; o descaso das autoridades para estruturar o setor de segurança pública e a violência no trânsito que a cada dia causa mais vitimas, após o aumento significativo de veículos nas ruas de Ponta Porã, sem um maior rigor na fiscalização ou penalização aos infratores. A Audiência Pública foi provocada em virtude do aumento da criminalidade em 2010, que segundo dados, teve um índice superior a 20% em ocorrências como assaltos, furtos e homicídios. A vereadora Dulce Manosso criticou de forma veemente a total falta de apoio da classe política do Estado, que esqueceu da fronteira. “Ponta Porã está esquecida na área de segurança, é preciso que a fronteira tenha um tratamento diferenciado.Esta é mais uma audiência, onde são cobradas providências, mas será que vamos encontrar a solução para tais problemas?”, indagou a parlamentar. Na oportunidade, a parlamentar questionou a atuação da Força Nacional, que segundo Dulce Manosso, não possui uma estratégia definida. “Eles contam com total apoio do governo, estão bem estruturados, mas precisamos saber para que serve a Força Nacional, era necessário uma efetiva atuação deste organismo de segurança, para asse-

gurar a paz junto a população”. Dulce disse ainda que somente a presença da Força Nacional já inibiria a ação de criminosos na fronteira. A presidente do Simted – Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação, Denize de Oliveira, lembrou que antes de uma ação truculenta é precisa investir no serviço de inteligência, uma vez que a contravenção é algo que acontece normalmente no município, mas que existem pessoas de bem comprometidas com o bem estar social. “Mas temos problemas graves em relação a estrutura de nossas políticas para segurança pública.Um exemplo, é a delegacia da mulher, que vive em total abandono em um prédio que representa bem o descaso das autoridades”, explicou Denize, ressaltando que “não existe uma política de proteção a mulher”. O Delegado Marcelo Vargas Lopes, no ato representando a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, disse que a comunidade precisa ter consciência que a segurança pública é responsabilidade de todos. “O poder público vem investindo na formação e contratação de novos policiais, no entanto é preciso que a população colabore e cobre dos nossos políticos providências” frisou. Ele alertou ainda que “O problema enfrentado na segurança pública é uma realidade nacional. Se os políticos não atuarem com seriedade e responsabilidade, este problema ainda poderá ser maior em breve”. Em seu discurso, a presidente do Conselho Municipal dos Direitos das Crianças e Adolescente de Ponta Porã, Luzia Silva, falou da necessidade de haver uma plano de ação real e consistente, baseado na realidade do município. “É preciso um plano de ação feito com responsabilidade, que permita o efetivo exercício da cidadania. É necessário cobrar das autoridades competentes a criação de políticas sérias voltadas para a segurança pública”.

Divulgação

Hoje Deodápolis tem se transformado com o rápido processo de desenvolvimento urbanístico que surgem na cidade, o setor de construção é o mais movimentado, mas a falta de mão de obra qualificada nas construções também tem sido um problema para quem quer construir

rapidamente, pois falta pedreiro capacitado na cidade para acompanhar o crescimento. Deodápolis possui hoje 12.122 habitantes, tem uma área territorial de 833,378 km²,

possui quatro distritos: Lagoa Bonita, Presidente Castelo, Vila União e Porto Vilma. Hoje é uma das melhores cidades sul-mato-grossenses para se morar e investir.

Escola celebra o Dia da Consciência Negra

D

oUradina - A Escola Municipal Mirena Amélia Batista desenvolveu mais um de seus projetos. Desta vez foi o projeto “Todos somos iguais”, em comemoração ao Dia da Consciência Negra, que teve como finalidade ensinar e educar os alunos para que eles possam conhecer e entender porque é comemorado o Dia da Consciência Negra em Mato Grosso do Sul e, principalmente, que se conscientizem da importância de respeitar as diferentes raças que existem no mundo. O projeto teve duração de uma semana tendo várias atividades, dentre elas: os alunos pesquisaram sobre o assunto na sala de tecnologia, após a pesquisa, produziram um texto, responderam a questionários, fizeram cartazes, máscaras. No encerramento, os estudantes se reuniram para

Divulgação

Direção, professores, alunos da Escola Mirena com o Grupo de Capoeira do Mestre Guerreiro as apresentações, onde fizeram leituras sobre a história do Dia da Consciência Negra, poemas e uma apresentação do grupo da Associação de Capoeira

Baiana do Mestre Guerreiro, da cidade de Dourados. A diretora Norma Elichece disse que os alunos participaram e gostaram muito das

apresentações. Ela destacou a importância de se respeitar o próximo, pois todos são iguais, independente de raça, cor ou religião.

Peti

Alunos de Jateí visitam Dourados

J

ateí - Os alunos do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) de Jateí recentemente tiveram momentos de lazer e muita descontração no shopping center de Dourados, um presente da Prefeitura, administrada por Arilson Targino, por meio da Secretaria de Assistência Social, sob gerência de Mafalda Maria Targino. Acompanhados dos professores, coordenação e direção, os 79 alunos, incluindo os do distrito de Nova Esperança, participaram de muitas brincadeiras no Parks Games sem nenhum custo aos mesmos. “Foi muito gratificante ver a alegria estampada em cada rostinho das crianças, onde muitas não conheciam o shopping”, diz a diretora

Divulgação

Acompanhados dos professores, coordenação e direção, alunos visitaram o shopping Antonia Marcilia, que na oportunidade agradeceu à

dedicação da secretária Mafalda e do prefeito Arilson

por proporcionar um dia tão especial para as crianças.


E1

Cidades Cidades Cidade Cidades

Cidades

Cidades Cidades Cidade Cidades

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

3

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Sul-Fronteira

Pavimentação promete desenvolvimento O “ponta-pé” para a pavimentação dos 337 quilômetros da rodovia já foi dado na MS-165 em Sanga Puitã Vilson Nascimento

C

onesul - A pavimentação da rodovia denominada “SulFronteira”, interligando Sanga Puitã, em Ponta Porã, ao município de Mundo Novo, no extremo sul do Estado, pela linha internacional que separa Brasil e Paraguai, promete ser a redenção no que tange ao desenvolvimento da região de fronteira no Conesul

do Estado, em Mato Grosso do Sul. O “ponta-pé” para a pavimentação dos aproximados 337 quilômetros rodovia já foi dado na MS-165, no trecho interligando Sanga Puitã a Aral Moreira. Serão investidos R$ 28 milhões, recursos do Ministério da Integração Nacional e do Governo do Estado para pavimentar os 32 quilômetros da linha internacional

Amambai

Prefeitura reorganiza o transporte escolar

A

mambai - A Prefeitura Municipal de Amambai, através da Secretaria Municipal de Educação, está reorganizando o serviço de transporte escolar para melhor atender os alunos usuários do transporte escolar e para que isso aconteça centralizará as linhas em determinadas escolas, conforme relacionado abaixo e considerando ainda os seguintes aspectos: Dificuldade no trânsito devido à quantidade de veículos trafegando em todo o perimeto urbano bem como por questões de segurança dos próprios alunos; O grande tempo utilizado percorrendo todas as escolas; Possibilidade em diminuir o tempo dos alunos dentro do ônibus, podendo sair mais tarde e retornar mais cedo para casa; Diante do exposto solicitamos a compreensão dos pais em providenciar a matrícula do seu filho na escola em que o ônibus atenderá. Os alunos das linhas: Sertão Cascata, Albuquerque Agrícola e Sanga Morotim, Lagoa Bonita; só poderão efetuar a matricula nas Escolas: EM Antonio Pinto da Silva, EM Marlene Vilarinho de Albuquerque; CEI Recanto do Saber, EM Rachid Saldanha Derzi; EE Fernando Correa da Costa, EE. Cel Felipe de Brum. Os alunos das Linhas: Ta-

curu; Estrela, Nova Esperança, Viracatu, CasaBranca, Alexandria, Chorro, Rincão Vermelho, Novo Horizonte; Hípica (Vila Nossa Senhora Apaecida) os alunos dos 1º 2º e 3º ano só poderão fazer matricula na Escola Municipal Ayrton Senna, situada na Vila Jardim Durex, próximo a escola Julio Manvailer. Os alunos do 4º, 5º, 6º, 7º, 8º e 9º ano e Ensino Médio nas escolas: EM Flávio Derzi; EM Julio Manvailer; CEI Sonho de Criança, CEI Pequeno Aprendiz; EE Vespasiano Martins e EE Cel. Felipe de Brum. Os alunos das Linhas: Caarapó, Alegria, Piquinique, Alegrete e Sertão; só poderão fazer matrícula nas escolas: EM Profª Maria Bataglin Machado, CEI Nosso Mundo, EM Rachid Saldanha Derzi, EE Vespasiano Martins e EE Cel. Felipe de Brum e Apae. Sendo que os alunos do 1º, 2º e 3º anos a matricula deverá ser efetuada na escola Municipal Ayrton Senna, situada na Vila Jardim Durex. "Informamos ainda, que estamos à disposição através do setor de transporte escolar para as orientações e informações que forem necessárias bem como solucionar qualquer problema com vaga. Pedimos aos pais dos alunos para o 1º, 2º e 3º anos para Escola Municipal Ayrton Senna deverão efetuar a matrícula dos seus filhos nos dias 14, 15 e 16 de dezembro na Secretaria Municipal de Educação".

até Aral Moreira. Além de encurtar em 40 quilômetros a distância entre Aral Moreira e Ponta Porã e consequentemente ao resto do Estado, principalmente a Capital, Campo Grande, a pavimentação do trecho da MS-165 também vai cortar o Assentamento Santa Catarina, beneficiando as 78 famílias de pequenos produtores que habitam o assentamento rural, além de beneficiar várias propriedades rurais da região. “A pavimentação da SulFronteira significa a abertura das portas de Aral Moreira e da região para o desenvolvimento econômico. Para nós, aqui em Aral Moreira, além Obras da Sul-Fronteira na de encurtar da distância para a Capital do Estado, a rodovia imensos para Sete Quedas e vai proporcionar um novo toda a região, inclusive para canal para o escoamento da nosso país vizinho, o Parasafra, barateando o curso guai. A pavimentação dessa rodovia atraido frete e certamente atrairá Pavimentação rá indústrias e investimentos investidores, o significa a que garantirá o abertura das para a região dos dois lados desenvolvimenportas do da fronteira para to econômico município de gerar empregos, do município”, Aral Moreira vai melhorar o disse o prefeito escoamento da Edson David. O município de Sete Que- produção e abrir as portas das também vive clima de de nosso município para o otimismo com o anúncio, por desenvolvimento, além de parte do Governo do Estado, representar avanços também da pavimentação da Sul-Fron- em vários outros setores, inclusive na segurança, eduteira. “Os benefícios serão cação e na saúde”, disse o pre-

Vilson Nascimento

região de Sanga Puitã já avançaram dez quilômetros feito de Sete Quedas, Sérgio Mendes. O município de Sete Quedas seria beneficiado com mais de 120 quilômetros de linha internacional pavimentada com a implantação do asfalto da Sul-Fronteira. Serão 62 quilômetros entre Sete Quedas e Paranhos, passando pelas comunidades rurais da Vila Sulina e das Nove Casas e mais cerca de 60 quilômetros interligando a cidade de Sete Quedas a divisa com o município de Japorã, passando pelas comunidades rurais da Vila Miguel, Vila Junqueira e Vila Carioca, regiões voltadas para a agricultura

e a pecuária, que hoje enfrentam dificuldades extremas para escoar a produção por falta de estradas em condições adequadas. Além dos municípios de Aral Moreira e Sete Quedas, a pavimentação da Sul-Fronteira, cuja conclusão é uma das metas do Governo do Estado, segundo o governador André Puccinelli (PMDB), irá beneficiar diretamente outros quatro municípios da faixa de fronteira com o Paraguai, Coronel Sapucaia, Paranhos, Japorã e Mundo Novo. Indiretamente toda a região Conesul do Estado será beneficiada com a obra.

Prevenção

Douradina promove mutirão contra dengue Divulgação

D

ouradina – Uma equipe formada por agentes da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde está realizando esta semana um mutirão de coleta de pneus pela cidade e distritos com o objetivo de eliminar esse tipo de material que pode acumular água e tornarse um criadouro do mosquito transmissor da dengue. Os trabalhos estão sendo realizados nas borracharias e terrenos baldios. Os agentes de saúde realizam ações educativas com distribuição de materiais impressos, alertando sobre os cuidados necessários na eliminação dos criadouros do mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti, e também o monitoramento de possíveis criadouros, tanto em borracharias e terrenos baldios, e com visita domiciliares, entre outros. O agente de saúde Renan Barbosa de Oliveira destaca que a dengue é uma doença causada por um vírus e transmitida pela fêmea do mosquito Aedes aegypti. Em muitos casos seus sintomas são parecidos aos de uma gripe, com febre alta, fortes dores nas juntas e no fundo dos olhos e muito cansaço. Algumas vezes podem aparecer manchas avermelhadas no corpo, por isso é de suma importância ater quanto à prevenção da doença, que consiste em evitar os criadouros, em locais que acumulam água, onde o mosquito possa nascer. "Na sua casa, no seu local de trabalho e

Agentes de saúde durante o mutirão contra a dengue até mesmo na escola, atitudes simples como não deixar água parada nos pratos dos vasos e

nos pneus, virar as garrafas vazias de cabeça para baixo, para não acumular água e cui-

dar das plantas que acumulam água são algumas das maneiras de se evitar os criadouros do mosquito", destaca ele. Tendo em vista as constantes chuvas que estão ocorrendo na região, o que ocasionam acumulo de água nos locais mais imagináveis possíveis, a Secretaria de Saúde, preocupada em combater os possíveis focos do mosquito da dengue, convoca a população douradinense no engajamento ao combate dos possíveis focos do mosquito na cidade.


AdMilSoN FotÓgrAFo

Social

ivinhema

em ivinhema você assina o ProgreSSo ligando para o Admilson nos telefones 9961-6728 ou 3448-1191

Comissão organizadora da 1ª Expoivi

Edy, Diva, Cleonice e Rose. Parabéns pelo trabalho!

Deputado estadual Marum, falando na abertura da Expoivi ao lado do prefeito Renato Câmara, Deba, Robson e do presidente da câmara Municipal, João Tortinho.

Membros da comisão da Expoivi com os locutores do rodeio

Deputado federal Moka com o presidente do Sindicato Rural de Ivinhema, Mauro Jorge, esposa Silmara e filho

Prefeito Renato Câmara, Silmara e o esposo Mauro Jorge

Dupla sertaneja que vem se destacando em suas apresentações pelo Estado, João Felipe & Fabiano os ganhadores da calvagada recebendo o prêmio das mãos do prefeito Renato Câmara.

Prefeito Renato Câmara, vereador Adimilson Fotógrafo, deputado federal Moka e a primeira-dama Cristiane Câmara em recente encontro na Expoivi

Pedro MoreirA

Social

Nova Andradina

em Nova Andradina você assina o ProgreSSo entrando em contato com o Pedro Moreira pelo telefone (67) 9259-7432

NOTAS

Dr. Fabio, Daniela Albuquerque e Amicar (Rede TV)

Daniela e a mãe Eunice Albuquerque

Juninho e amigos (Gráfica Editora Cristo Rei)

Senador Delcidio do Amaral com o sindicalista Almir o médico Dr. Airton e esposa

Valter, da Marmoraria Gramares, e esposa

Sadal, Diego, Alessandro, Vania, Jomatan e Matheus formam a equipe Turbo Diesel

Almir e o filho

Na mira do SiG Elementos ainda não identificados pelos policiais do grupo de investigações gerais SIG estão apavorando os novandradinenses. Na cara dura eles chegam e anunciam o roubo à mão armada, até mesmo à luz do dia. O que mais chamou a atenção, foram malandros que de posse de uma arma, renderam uma criança de apenas 12 anos e subtraíram dela um aparelho de celular. A equipe do 1º Distrito Policial está trabalhando para colocar os culpados no seus devidos lugares: atrás das grades, onde, já deviam estar. decoração NataliNa A Praça Brasil, rotatória e parte da Praça do Museu receberão a decoração natalina, além do grande presépio. A inauguração vai acontecer no dia 5 de dezembro a partir das 20h. Haverá uma tela pintada pelas artistas plásticas Ana Maria Vasconcelos e Isabel Cristina Garcia, pintura a óleo, com o tema: Uma Questão de Fé. A iniciativa é do Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Educação. Foram investidos R$ 25.000,00 dos cofres públicos. E o que vale é o clima natalino que inundará a cidade. Vamos conferir... Somar e SoNhar Somar, sonhar ainda é possível entre as pessoas bem intencionadas? “Tudo posso naquele que me fortalece” Se tudo posso naquele que me fortalece, é evidente que, somando esforços jamais seremos motivos de fracasso, jamais teremos os nossos sonhos frustrados, jamais erraremos nos nossos afazeres do dia a dia, jamais cometeremos pecado naquilo que vamos fazer ou falar. Deus é o Deus do impossível, quando você deixa de acreditar naquele que é o responsável por tudo que é importante em nossas vidas, você passa a ser considerado um fracasso, e isso nos deixa a derrota... (Autor desconhecido)


InCluIndO

Polícia Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Grama sintética

Campeonato da Pro Gol mantém inscrição Primeira competição oficial realizada pela Pro Gol, Esporte e Lazer tem inscrição limitada a apenas oito equipes mos tendo uma grande procura. Mas só podemos confirmar OURADOS – A Pro realmente uma equipe quando Gol, Esporte e Lazer, ela pagar a taxa de inscrição”, que hoje mantém em destaca o empresário Regiatividade a Escola naldo Rosa, destacando que Oficial Zico 10, realiza a partir os jogos acontecerão sempre do dia 29 deste mês a I Taça às segundas, terças e quintasPro Gol de grama sintética nas feiras. E uma das categorias categorias Aberto e Veterano. que está tendo atenção da Na fase classificatória, a Taça, que será coordenada por Salim Pro Gol é a Veterano, que nos Raidan, terá quatro jogos. últimos meses em Dourados cresce e a busca A boa novidade por competição nesse minicamPonto ainda é pequena. peonato é o fato positivo é “Em Dourados dos jogos fugirem o horário temos um grando tradicional, sedos jogos, de número de rão realizados a sempre às atletas que hoje partir das 21h. estão competin21h “Eu vejo do e buscando como grande ponto esse horário, porque competição para entrar na todos estarão aptos a partici- Veterano. E a Pro Gol, que parem sem qualquer correria. chegou com a missão de E se houver algum imprevisto fomentar o esporte, está de no horário de trabalho, todos olho nesse setor que tem bons terão tempo para solucionar jogadores ainda em atividade, e irem para o jogo”, observa o que é muito bom”, destaca Reginaldo. Salim. Para competir na categoComo as vagas são limitadas a apenas oito clubes em ria Veterano, o jogador precisa cada categoria, a procura está estar acima dos 40 anos ou o sendo acima da média. “Esta- goleiro pesar 100 quilos. “É

Divulgação

Marcelo Humberto

D

Base

7 de Setembro realiza torneio para a Sub-12

D

OURADOS - Um torneio de futebol de campo entre garotos com idade a partir de 12 anos acontece no dia 12 de dezembro, no Centro Desportivo Sete de Setembro, no Jardim Guaicurus. A iniciativa faz parte das comemorações de 75 anos de emancipação político-administrativa do município, que festeja aniversário no dia 20 de dezembro. A prefeita Délia Razuk (PMDB) entende que o esporte de base merece atenção especial da administração, por ser o início da formação cidadã e por isso determinou empenho da equipe organizadora. “Tenho absoluta certeza no sucesso desse encontro que vai reunir diversos atletas numa faixa etária imprescindível para o desenvolvimento esportivo, intelectual e social”, enfatiza. Pela primeira vez Dourados sedia um evento dessa grandeza. A experiência está sendo aguardada com muita ansiedade por atletas, treinadores e responsáveis por escolinhas de Dourados e municípios da região, como Caarapó e Rio Brilhante, que estão confirmados nas disputas.

A competição é uma realização da prefeitura por meio da Funced e terá inicio às 8h30. “Estou feliz ao ver o projeto aprovado pela prefeita Délia Razuk. Sem dúvida, o segmento esportivo, principalmente o de base, tem que receber atenção especial dos governantes com visão futurista”, comenta o jornalista Silva Junior, idealizador do torneio. Não há cobrança de taxa de inscrição. A premiação será troféus para o campeão e o vice, além de medalhas a todos os atletas. O sistema de disputa, segundo Salim Raidan Neto, da comissão organizadora, será entre chaves. Serão formados três grupos de quatro times, classificando os dois primeiros colocados de cada chave e mais dois que serão escolhidos pelos organizadores pelo índice técnico para a composição da fase quartas de final, ou seja, haverá sorteio até se conhecer os finalistas. Para o diretor-presidente da Funced, Claudevir Winter, o Baresi, “mais do que competir é importante observar os valores morais que estão sendo discutidos nesse segmento”.

Categoria Mirim da Escola Zico 10, na Pro Gol, Esporte e Lazer, abrirá nova turma no período da manhã um item que merece atenção e que tem dado certo no society em Dourados”, destaca Salim. Informações sobre a Taça Pro Gol de Grama Sintética pelos telefones: (67) 34240401 ou 9972-1600.

ESCOla dO ZICO 10 A Pro Gol está a todo vapor com a Escola Oficial Zico 10 nas categorias de base. E é na categoria Mirim que as turmas estão em plena atividade. Tanto que a Pro Gol está abrindo uma nova turma no período da ma-

nhã das 8h às 11h. “O foco da Escola Zico 10 são as categorias de base, a formação do caráter como pessoa e atleta. E estamos tendo uma grande aceitação das famílias de Dourados que buscam uma boa educação para seus filhos. Aqui na Pro Gol, não

formaremos apenas atletas, mas sim cidadãos de bem”, observa Reginaldo. Informações sobre a Escola Zico 10 em Dourados pelo telefone: (67) 3423-0707 ou diretamente na Eulália Pires, 2.625.


2

Polícia Polícia Polícia Polícia

Polícia

Polícia Polícia Polícia Polícia

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

E1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Prejuízos

“Quebra-vidraças” voltam a atacar

Na madrugada de ontem, criminosos quebraram vidros de pelo menos quatro lojas para praticar pequenos furtos tular do Serviço de Investigações Gerais (SIG), não OURADOS – Os existe um bando específico criminosos conheci- realizando esse tipo crime no dos como “quebra- município, mas sim pessoas vidraças” voltaram a que são usuárias de drogas, que quebram as atacar no municívidraças das lojas pio de Dourados, “Esse tipo para cometerem em especial na de crime é pequenos furtos. região do Jardim praticado por O dinheiro ou Água Boa e na usuários de objetos furtados área central da drogas”, diz são usados para cidade. Na noite aquisição de endelegado de segunda-feira torpecentes. e madrugada de “Na maioria das vezes, o ontem, pelo menos quatro estabelecimentos comerciais prejuízo causado pelo criminotiveram portas de vidro tempe- so é bem maior do que o valor da objeto ou do volume de dirado e vidraças quebradas. Segundo o delegado ti- nheiro furtado. A Polícia Civil

Hedio Fazan

João Rocha

D

Fronteira

DOF apreende veículo com queixa de roubo Divulgação

Caminhonete Nissan Frontier foi apreendida na BR-463

P

ONTA PORÃ - Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), no contexto da Operação Sentinela, abordaram para fiscalização a caminhonete Nissan Frontier com placas de Campo Grande, ontem pela manhã, por volta das 6h30, durante policiamento ostensivo realizado na rodovia BR-463, na região de Ponta Porã. O veículo era conduzido por F.C.L., de 32 anos, tendo como passageira, L.M.P.O., de 24 anos, amobos moradores

em Campo Grande. Durante checagem no Sistema de Informações do DOF, foi verificado que havia uma queixa de roubo do veículo ocorrido na cidade de Campo Grande. O condutor informou que fora contratado para dirigir o veículo até o Paraguai. Motorista e passageira receberam voz de prisão e foram encaminhados com o veículo à Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã/MS, para as providências cabíveis.

Lojas tiveram portas e vidraças quebradas na 2ª e ontem busca investigar todos os casos, mas somente nos locais onde há

sistema de câmeras internas é possível fazer a identificação

do autor do furto”, enfatizou o delegado, explicando que a presença de viaturas da polícia nos pontos mais críticos da cidade pode inibir a ação dos quebra-vidraças. Um empresário, que foi vítima desses criminosos na noite de segunda-feira e não quis ter o nome revelado, disse que a loja dele, que fica no Jardim Água Boa, teve a porta de vidro quebrada. Do local foram furtados um computador e um aparelho de DVD. O prejuízo, segundo o comerciante, está avaliado em aproximadamente R$ 3 mil. Numa outra loja, localizada no centro da cidade, os

ladrões quebraram a vidraça para furtar apenas um pequeno cofre de moedas, usado para depositar doações para a construção do Hospital do Câncer de Dourados. Além desses estabelecimentos, uma mercearia teve a porta arrombada e uma lanchonete que vende empanados, também teve um dos vidros quebrados, pelos ladrões. Depois da prisão de vários quebra-vidraças, o comércio ficou um período de várias semanas sem o registro desse tipo de ocorrência, que voltou a acontecer na noite de segunda-feira e madrugada de ontem.

Operação Cadafalso

PF prende traficante em Ponta Porã

P

ONTA PORÃ - Mais uma operação deflagrada pela Polícia Federal tirou de circulação traficante que agia na cidade de Ponta Porã, além de outros criminosos em outros Estados. A “Operação Cadafalso”, realizada pela Polícia Federal nos Estados de Santa Catarina, Mato Grosso do Sul e Paraná, foi iniciada com a expedição de sete mandados de prisão e seis de busca e apreensão, contando com a mobilização de mais de 30 agentes federais. Há seis meses as investigações vêm sendo desenvolvidas pela Delegacia de Polícia Federal de Itajaí, e têm por objetivo a desarticulação de uma organização criminosa que, entre suas atividades, pratica tráfico internacional de entorpecentes e a falsificação de moeda. Ao longo da investigação foram apreendidos 13,3 quilos de cocaína em CuritibaPR, além de cerca de R$ 12 mil em cédulas falsas de R$ 100,00 e R$ 10,00 em Barra Velha-SC no dia 8 de julho deste ano. Essa foi a maior apreensão de notas falsas já

registrada pela Polícia Federal em Itajaí. Além dessa apreensão, foram encontradas diversas outras notas distribuídas pela quadrilha nos últimos meses circulando em municípios como Penha, Piçarras, Balneário Camboriú, Navegantes e Pomerode, todas em Santa Catarina. A perícia do Departamento de Polícia Federal apontou que as notas são produzidas utilizando-se impressão por jato de tinta. Todas as cédulas produzidas pela quadrilha são idênticas, mas a numeração era constantemente alterada. Os mandados de prisão e busca e apreensão estão sendo cumpridos em Navegantes-SC, Barra Velha-SC, Joinville-SC, Curitiba-PR e Ponta Porã. Os presos responderão por crimes como tráfico de drogas, associação ao tráfico, circulação de moeda falsa, formação de quadrilha e estelionato, visto que parte do grupo também se dedicava a golpes. Com um dos integrantes, no último dia 14, num ônibus que ia de Joinville a Florianópolis, foram encon-

Campanha

Divulgação

PF apreendeu um grande volume de notas falsas de real trados 64 cheques falsos em branco, de diversas instituições financeiras, que seriam distribuídos no comércio da capital catarinense. Até o presente momento quatro pessoas foram presas e localizadas cerca de 200

folhas de cheques em branco em Curitiba. Os presos serão recolhidos a estabelecimentos prisionais indicados pelo Departamento de Administração Prisional (Deap) e ficarão à disposição da 1ª Vara da Justiça Federal em Itajaí-SC.

Semiaberto

Comando de Saúde Polícia apreende droga acontece hoje na BR-163 durante 'pente fino'

D

OURADOS – Acontece hoje, na BR163, a terceira e última etapa da Campanha Comando da Saúde, de 2010, realizada através de ação conjunta entre Polícia Rodoviária Federal (PRF), e o Sest/Senat. As atividades também ocorrerão em outras rodovias federais do Estado. A campanha, que é educativa, tem por objetivo reforçar junto aos caminhoneiros e outros trabalhadores do transporte, a necessidade de se manter a saúde em dia para evitar acidentes nas estradas. A campanha já atendeu mais de 3 mil motoristas este ano. A ação visa a detectar fatores de risco à saúde nos trabalhadores que atuam na área de transporte, como pressão alta, obesidade, estresse e sonolência. Durante a campanha, os motoristas

serão orientados e os que apresentarem um desses fatores, receberão atendimento em uma das Unidades do Sest/Senat. Além disso, fisioterapeutas do órgão vão ensinar os motoristas sobre os benefícios de exercícios de alongamento. A abordagem dos motoristas ficará a cargo dos agentes da Polícia Rodoviária Federal, que orientam os caminhoneiros sobre a relação saúde e trânsito, buscando a redução do número de acidentes nas rodovias. SERVIÇO A última ação do “Comandos de Saúde 2010” será realizada a partir das 8h, no quilômetro 453, da BR-163, mais conhecido como Posto 21 e contará com diversos serviços gratuitos aos caminhoneiros.

Sidnei L. Bronka

Objetos apreendidos durante 'pente fino' no semiaberto

D

OURADOS - Operação “pente fino” no presídio semiaberto de Dourados apreendeu droga e até facas. A revista e apreensões ocorreram na noite de segunda-feira. Agentes penitenciários e policiais militares da Radiopatrulha e Força Tática revistaram as dependências do prédio

onde funciona o semiaberto de Dourados, na Rua Hayel Bon Faker, localizado num bairro nobre da cidade. No local foram apreendidos 11 “trouxinhas” de maconha, que pesaram 53 gramas, cinco carregadores de celular, cinco facas, um cachimbo para fumar crack, um telefone celular, entre outros materiais.


E1

Esporte Esporte Esporte

Esporte

Esporte Esporte Esporte

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

3

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Internacional

Após 10 anos, Palmeiras busca uma final Após vencer por 1 a 0 em Goiânia, o Palmeiras só precisa de um empate para enfrentar o ganhador de Independiente e LDU

S

ão Paulo - Não de torneio internacional. Em é exagero falar que o 2000, perdeu para o Vasco a torcedor palmeirense final da Mercosul. Felipão havia chegou a perder a fé no acabado de deixar o clube, no time nos últimos anos. Também qual havia levado a Copa Libernão é exagero dizer que Luiz tadores de 1999. Uma década Felipe Scolari foi um dos prin- depois de sua saída, ele voltou. cipais responsáveis por fazer a E nunca antes a torcida esteve torcida voltar a ter confiança na tão confiante em um título. equipe. A união e o apoio apareO Palmeiras não poupou ceram principalmente na Copa dinheiro nas últimas tempoSul-Americana e nesta quarta- radas. Contratou os técnicos feira, a partir das mais caros, mas 20h50(de MS), Palmeiras não só conquistou Felipão espera poupou dinheiro o Estadual de um Pacaembu 2008, com Vannas últimas vibrante na dederlei Luxemburtemporadas cisiva partida da go. Com Muricy para ganhar competição conRamalho, o time o título tinental contra o nunca esteve tão Goiás. próximo de levar Vale vaga na final. Após o Campeonato Brasileiro, no vencer por 1 a 0 em Goiânia, ano passado, mas de repente na semana passada, o Palmei- a crise chegou. Mesma crise ras só precisa de um empate que continuou com a chegada para enfrentar o ganhador de de Felipão, durante a Copa do Independiente e LDU, que jo- Mundo. gam nesta quinta na Argentina Os resultados demoraram - no jogo de ida, os equatoria- a surgir e a equipe patinou no nos fizeram 3 a 2 em casa. Nacional. Felipão nunca neFaz 10 anos que o Pal- gou que os atletas não eram os meiras não chega a uma final ideais e que a Sul-Americana

seria a competição a ser levada mais a sério no semestre. Deu certo. E o torcedor abraçou o time. Os 35 mil ingressos para o jogo foram vendidos antecipadamente. Contra o Atlético Mineiro, nas quartas de final, o clube já havia atingido seu recorde de público no ano: 35.054 pagantes. Número alcançado novamente. “Temos de fazer pressão no Goiás fora de campo também e contamos com o apoio do torcedor”, disse Felipão, feliz por ver as arquibancadas mais uma vez lotadas. “Chovendo ou com sol de noite, que os 35 mil lá estejam”, exagerou. “Não quero que ninguém fique em casa por causa de uma chuvinha”. O treinador tem usado os fatores extra-campo para motivar o grupo. “Mostramos aos jogadores o quanto o torcedor está esperando”, contou. “Para minha carreira é ótimo (passar pelo Goiás). É mais uma decisão. Foi importante ter antecipado a minha volta em seis meses”.

Luis Moura

Técnico Felipão conversa com o elenco antes do treino para enfrentar o Goiás

Cruzeiro

Roger cria polêmica com o Palmeiras no Brasileirão

B Fluminense evita praia Carioca

e treina nas Laranjeiras

R

io - Com cronistas e torcida a decretar o título brasileiro como garantido, a comissão técnica do Fluminense resolveu adotar a postura do “todo cuidado é pouco”. Ninguém quer ver o troféu escapar por entre os dedos contra um Palmeiras reserva e desmotivado e um Guarani provavelmente rebaixado. Seja por excesso de confiança, seja pelo consagrado e famigerado oba-oba. Por isso, o treino de ontem, marcado para a praia do Leme (zona sul do Rio de Janeiro), que certamente provocaria grande alvoroço de torcedores e clima festivo, foi transferido para as Laranjeiras, onde os titulares puderam se isolar do ambiente de alvoroço. “O torcedor está como a gente. Na expectativa de gritar

é campeão. É difícil controlar o clima de euforia. Temos que ter tranquilidade e controlar as emoções. Para a torcida é um pouco mais fácil, pois pode extravasar durante os jogos”, comentou Mariano, que confessou que a liderança a duas rodadas do fim e as ruas repletas de camisas tricolores só fazem aumentar a ansiedade por uma conquista que não vem há 26 anos. “A ansiedade aumenta a cada dia que passa. Mas ainda faltam 180 minutos para comemorarmos. Temos que saber administrar para que isso não nos atrapalhe”, ponderou o lateral. Segundo o jogador, fica mais difícil controlar os nervos com o falatório acerca da postura aparentemente desinteressada do São Paulo, na última

partida, e a possibilidade de que isso se repita contra os palmeirenses. Para Mariano, o mais importante neste momento é a equipe tricolor se preocupar apenas com suas próprias obrigações e ignorar tudo que diz respeito a Palmeiras, Corinthians e Cruzeiro. “Não posso dizer como o Palmeiras vai entrar em campo. Não nos interessa. Vamos fazer a nossa parte. Se eles vão entrar de corpo mole, com os reservas, com os juvenis, isso não interessa para a gente”, retrucou, dizendo não ter tomado conhecimento das declarações debochadas do técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, e que não poderia comentar se elas seriam indicativas do descaso do time alviverde com o confronto de domingo.

elo Horizonte - A forma desdenhosa com que o técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, tratou o confronto contra o Fluminense, no próximo domingo, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, não foi bem recebida na Toca da Raposa II. O meia Roger, do Cruzeiro, voltou a flertar com a polêmica ao afirmar ontem que considera que “tudo é possível” na partida entre o líder da competição e o time paulista, que tem priorizado a Copa Sul-Americana e deverá mais uma vez mandar a campo um time reserva. O jogo em Barueri interessa diretamente ao time mineiro, que está em terceiro lugar na tabela de classificação, com 63 pontos, e depende de tropeços do Corinthians (64) e do clube tricolor carioca (65) para continuar com esperança de conquistar o título. Interessa mais ainda ao time alvinegro paulista, maior rival do Palmeiras. Por conta da rivalidade, parte da torcida palmeirense pede que os jogadores entreguem o jogo.

“Você olha os últimos resultados do Palmeiras, você olha as últimas atuações e a gente tem uma conclusão que o Palmeiras hoje não está mais jogando aquilo que pode jogar no Campeonato Brasileiro. Isso é claro. Eu não falei nenhuma novidade”, disse Roger. “Acho que tudo é possível porque o Palmeiras não tem mais nada o que fazer dentro do Brasileiro, já deu várias declarações de que é uma competição que não os interessa mais”. Recentemente, o meia esteve ameaçado de processo por parte do presidente corintiano, Andrés Sanchez, por sugerir que haveria um esquema de favorecimento ao clube alvinegro paulista. Depois, recuou e disse que se referia à pressão sobre os árbitros, negando que estivesse se referindo a um “esquema por debaixo dos panos”. Já o técnico Cuca foi cauteloso ao comentar as declarações de Felipão. “Não adianta a gente entrar nesse tema (Palmeiras jogar para ganhar ou não) e dar mais ênfase a esse tema que ao próprio tra-

balho nosso da semana aqui. Agora, o pessoal aí que sabe, a diretoria. Sei lá, vão conversar com alguém. A minha parte eu quero fazer é no campo”, declarou o treinador celeste. Cuca ressaltou que o objetivo é se concentrar nos treinos para definir a equipe que entrará em campo contra o Flamengo, no domingo, em Volta Redonda (RJ). Com dores no abdome, Fabrício não participou das atividades de ontem e o técnico ainda aguarda resultado de uma ressonância para saber se poderá contar ou não com o volante. O zagueiro Gil também está liberado para atuar, após cumprir suspensão, mas Edcarlos teve bom desempenho na vitória sobre o Vasco e pode ser mantido no time titular. “À medida dos treinamentos, a gente vai tirando essas dúvidas. A minha preocupação é o jogo com o Flamengo. Não adianta nada ficar pensando em Corinthians, Vasco, Fluminense e Palmeiras. A gente tem que chegar vivo no último jogo. E tem que preparar bem o nosso espírito para fazer um jogo bom”, destacou Cuca.


4

Esporte Esporte Esporte Esporte

Esporte

Esporte Esporte Esporte Esporte

Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010

E1

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO

Brasileirão

Andrés culpa o Timão por perda da ponta Para presidente, time não está na ponta da tabela por causa dos pontos desperdiçados em casa

S

ÃO PAULO - O Na opinião do presidente maior motivo de ir- corintiano, o time só não está ritação do presiden- em situação mais confortável te do Corinthians, na tabela por causa dos muiAndrés Sanchez, no fim de tos pontos que perdeu dentro semana, não foi a atuação do de casa. Depois de ostentar o árbitro Carlos Eugênio Simon, rótulo de 100% de aproveitaque marcou mão na bola de mento no Pacaembu nas priRalf, lance que resultou em pê- meiras rodadas, quando ainda nalti e, consequentemente, no era comandado por Mano Meempate do Vitónezes, hoje na ria, domingo, em Time só não está seleção brasileiSalvador, e nem ra, o Corinthians em situação o comportamenperdeu o embaconfortável to do São Paulo lo, sobretudo no por causa dos ao ser goleado curto período pontos que por 4 a 1 pelo sob a batuta de perdeu em casa Adilson Batista. Fluminense. “O que mais me irri“Passamos um tou foi o Corinthians”, afirmou período de sete, oito jogos em à Agência Estado, já com a que só marcamos quatro ou adrenalina mais baixa. “Se cinco pontos”, lembrou. “Agonão tivéssemos oscilado tanto, ra sentimos falta daqueles desperdiçado as três oportu- pontos que perdemos em casa nidades em que estivemos na contra o Ceará, o Atlético-GO liderança, não precisaríamos e o Botafogo, que jogou sem nos preocupar com a atuação nove titulares.” do juiz ou do São Paulo.” O desempenho do time

em Salvador, no domingo, também não foi aprovado por Andrés. “A equipe sentiu muito a saída do Ronaldo. Com ele em campo, parece que os outros ficam mais seguros, pois acham que podem errar que ele (Ronaldo) vai segurar”, analisou. “Mas não pode ser assim. Chegamos a ter o melhor ataque da competição sem o Ronaldo.” Quanto ao rumor de que contrataria o atacante Adriano para 2011, mandou outro recado: “Só se o Ronaldo bancar”. O fato de o técnico Tite ter desistido de fazer a terceira substituição na Bahia, mesmo depois de anunciá-la no fim da partida, deixou uma interrogação na cabeça do presidente. “Não entendi direito o que aconteceu, mas tudo bem. Vamos tocar o barco.” Ao contrário de muitos corintianos, que dividiam a atenção entre a partida da

Divulgação

“Agora sentimos falta dos pontos que perdemos em casa contra Ceará, Atlético-GO e Botafogo” equipe contra o Vitória e o confronto entre os tricolores, no mesmo horário, na Arena Barueri, o dirigente minimizou o jogo do rival. “É uma vergonha (o campeonato viver esse tipo de situação), mas

nem quero falar do São Paulo. Não vi o jogo nem os melhores momentos.” Sanchez reconhece que a busca pelo título, aquele que coroaria a temporada do centenário, ficou complicada,

mas apela a um chavão para manter o sonho. “Enquanto há uma chance, o corintiano se agarra a ela. Diziam que o Fluminense atropelaria o Goiás e eles tiveram dificuldade para empatar”, lembrou.

Basquete

Caarapó realiza final da Copa de Integração

Divulgação

C

AARAPÓ - A Prefeitura de Caarapó, através do Departamento de Esportes e Lazer, realiza no dia 28, a final da 6ª Copa de Integração de Basquetebol. A competição será realizada no Ginásio de Esportes a partir das 14h30, com a disputa do 3º lugar entre Amambai x Juti, e às 16h a grande final entre Caaraponews e Sacramento Kings. Segundo o chefe do Departamento de Esportes e Lazer, Paulo Roberto de Souza, a competição teve início no dia 24 de outubro deste ano com a participação das seguintes equipes: Amambai, Juti, Sacramento Kings, Locomotiva e Caaraponews. Para chegar à final todas as equipes jogaram entre si. Na semifinal, a equipe do Sacramento Kings venceu o time de Juti pelo placar de 50 a 43. No outro jogo, Caarapó venceu Amambai por 60 a 47. A Prefeitura de Caarapó premiará com troféu e meda-

Final da 6ª Copa de Integração de Basquetebol será dia 28 lhas os três primeiros colocados. A entrada é franca. MASTER Acontece também no próximo (28), em Caarapó, a grande final do Campeonato Master de Futebol. A decisão será entre as equipes do Esporte Clube Apec, jogando contra o time do Laguna Esporte Clube. A partida está prevista para às 15h30 no Estádio Carecão, com entrada franca. De acordo com o presi-

dente da Liga Esportiva Caarapoense (LEC), Edson Gazola, a competição teve início em setembro deste ano com a participação de oito equipes divididas em duas chaves de quatro. Segundo o regulamento, as equipes jogaram entre si em cada grupo, classificandose as duas primeiras para a semifinal. A competição está sendo realizada pela LEC com o apoio da Prefeitura de Caarapó e da Câmara Municipal de Vereadores.


Classificados

Classificados Classificados

Classificados Classificados

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO


2

Classificados Classificados

Classificados

Classificados Classificados

C2

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

42058

41936

PQ. ALVORADA

VILA ARAPONGAS

KITINETE NO CENTRO

2 qtos, sl/coz, wc + varanda + qto. 9937-9676

2 salas, copa, coz, 1 apto, 2 qts, edícula, desp, poço, portão aut. cerca elétrica, piscina. R$ 220.000,00. 3423-2255 9957-4597 Imob. Athenas

1 apto c/ AE, 2 qts c/ AE, 2 salas, coz c/ AE, varanda c/ churrasqueira. R$ 250.000,00. 3423-2255 9957-4597 Imob. Athenas

Casa c/ sala, coz, copa, 3 qtos, wc, varanda c/ área de serviço, edícula c/ 2 qtos, wc e churrasqueira, garagem p/ 2 carros e poço artesiano. Aceita-se carro, moto ou terreno no negócio. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J

1 sala, coz, 4 qts, coz, wc c/ box, salão comercial. R$ 130.000,00. 3423-2255 9957-4597 Imob. Athenas

Rua João Rosa Góes, nº 60. 9636-5138 ou 9971-8404

CANAÃ IV R$ 28 MIL

42017

CASA EM PONTA PORÃ Vendo ou troco. 96125558

41329

CASA PARQUE ALVORADA

ALTO DAS PAINEIRAS Casa c/ sala, coz, 2 qts, 1 suíte, wc, garagem p/ 2 carros, lavanderia s/ cobertura e quintal pequeno. 34219888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J 41765

ALTOS DO INDAIÁ P/ fianciamento, c/ 2 qtos, sala, coz, varanda. Creci 3484. 9601-6106 Ademar 41638

BARRACÃO PRÉ MOLDADO De 12x65 metros. 96535691 só interessados 36473

BNH 4º PLANO Casa de alvenaria c/ 100m² de construção, 2 qts, wc, coz, área de ser viço coberta, garagem p/ 3 carros. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba.Creci 820-J

41475

BNH III PLANO 1 suíte, 2 qtos, c/ edícula. Telefone para contato 99452978 40348

CAMPO DOURADO Casa c/ sala, cozinha, 2 qtos, wc, murada, varanda, garagem p/ 2 carros, laje, área de serviço coberta e despesa. Dá financiamento. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J

41696

JD. VALÉRIA

Rua 08 n.45, troco por casa no Joquei ou Pq. I ou II. 3424-8603 ou 9298-9190

39721

42057

JARDIM STO ANDRÉ 38564

CASA-VENDA

40828

42059

CANAÃ IV

R: Eduardo C. Souza n.538. Gondim Creci 2645. 34210034

41328

CASA PORTAL Al. Hortencia 200. Gondim Creci 2645. 3421-0034

41715

41914

JARDIM TROPICAL Casa c/ 2 qtos, 1 apto, WC, 2 salas uma c/ 2 ambientes, coz, lavanderia, edícula, churrasqueira c/ pia e garagem. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J 41809

JD COLIBRI Alvenaria 8x9m. R$ 45 mil. Aceito carro Telefone 9631-2012 41717

CENTRO SALÃO COML

JD MÔNACO R$ 198 MIL

380M², alugado, investimento seguro. 9972-2521

1 suíte, 2 qts, 2 sls, coz. planejada. 9972-2521

FINANCIA PELA CEF

JD. FLÓRIDA

4º plano, aceita carro. 3422-1135

Casa c/ + ou - 80m² de construção com1 suíte, 1 quarto, 2 salas, coz, wc, lavanderia coberta nos fundos. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba Creci 820-J

41513

41912

FLÓRIDA II Casa com +/- 173,27m² de construção, contendo 1 suíte, 2 qtos, sala c/ 2 amb., WC, coz, garagem p/ 3 carros, edícula c/ 2 peças e WC. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J 41910

GOL 99 BORDÔ AL, TE, som, roda. 96714378 41764

I PLANO Toda reformada, aceita financiamento. Creci 3684. 9601-6106/3422-5445 Ademar 41718

I.PEDROSO 98 MIL 2 qts, 2 SLS, coz, laje. 3423-0329 ou 9972-2521 41719

II PLANO 125 MIL 2 qts, 1 sls, coz, disp. 34230329 ou 9972-2521

38573

41871

JD. PANTANAL 25 MIL Asfalto, qto, sl, coz. 99720436 37461

JD. PAULISTA Casa de alvenaria + salão comercial, fundos do ginásio de esportes, pego apto no resd. Caiuás ou proximidades, casa de menor valor, lote ou carro. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J 42065

JD. PAULISTA Casa c/ sala c/ 2 amb, coz, 1 apto, 2 qts, wc social, murada, garagem c/ 3 carros, salão na frente. Aceito carro, lote ou casa de (-) valor. 3421-9888 Imob. Ajurycaba Creci 820-J

41173

JD. ÁGUA BOA Rua José Garcia Pires 890. 9964-0072 ou 3425-5636

38643

41359

JD. ÁGUA BOA W10

PQ. ALVORADA 160 MIL

Vendo casa de madeira, excelente local. Terreno 12x32. 9904-0518

3 Qts, sl, coz, gar, piscina, 1 apto. 9971-9664

JEQUITIBÁS 78 MIL

Gondim Creci 2645. 34210034

41722

2 qts, sl, coz, const. 67m². 3423-0329 9972-2521 40631

JOÃO PAULO II Casa c/ suítte, 2 qtos, sala, coz, WC, lavandeira, garagem p/ 2 carros, + ou - 170m². Dá financiamento, aceita-se carro, moto, casa de menor valor ou terreno no negócio. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J 41872

LARANJA DOCE Edícula. R$ 12 mil + parc. Aceito moto. 9671-4246

40347

PARQUE ALVORADA Sobrado c/ +ou - 225m², c/ sala, copa, coz, área de serviço, 3 qtos, wc, em cima 1 suíte, garagem p/ 3 carros. Dá financiamento. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J. 41735

PARQUE ALVORADA Rosman Gebara, 835. Gondim Creci 2645 34210034 41926

PARQUE ALVORADA Asfalto, 3 quartos, R$ 150 mil. 9297-5747 41930

41737

PQ. NOVA DOURADOS 41733

PRÓX. COLÉGIO IRMÃS Rua Albino Torraca, 1780, 3 suítes, 3 salas, coz. planejada e demais dependências. Gondim Creci 2645. 99711320 41602

TERRA ROXA I 65 MIL

41248

VILA MATOS Casa de alvenaria com + ou - 170m² de construção c/ sala, copa, coz, 2 wc, 5 qtos e área coberta nos fundos, lote 14x28. 34219888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J

42014

VILA ADELINA R: W-5, n. 390, c/ 2 qtos + apto, sl, coz, garagem, área de serviço. 3427-0765 Navair

41879

RES. OURO PRETO 118M². Rua Oliveira Marques, 2600. 9999-4717

RES. PRIMAVERA

RESID. CAIUÁS

Duas casas no mesmo lote. 9971-8966

Todo reformado, c/ 3 qts. Dá financ. 9672-0801

VILA TONANI II

ZAGAIA RESIDENCE

41977

42061

41716

VENDO OU TROCO

2 casas e 2 freezer, somente interessados ligar. 9905-0007 c/ Nildo

1 suíte, 2 qts, 2 sls, coz. 3423-0329 ou 9972-2521

41298

ÁGUA BOA

41861

Alugo Barracão, 390m². 9994-3830

41721

VILA PLANALTO 270MIL

1 suíte, 2 qts, 2 sls, coz. 3423-0329 9972-2521

VENDO PQ. DO LAGO I

RES. MÔNACO 220 MIL

42019

Próx. Pq. Dos Ipês c/ suíte, qto, sala 2 amb. R$ 85.000,00. 3423-2255 9957-4597 Imob. Athenas

VENDO IMÓVEL

Kitinetes em Dourados por sítio em Glória de Dourados. 9643-7448 ou 8457-1725

WEIMAR TORRES 5140

42056

Próximo ao Banco do Brasil. 9971-4823

41983

3 qtos, sl, coz, troco por casa. 9672-0801. Creci 4510

VILA PLANALTO

VL TONANI R$ 350 MIL

41621

41750

RES. CAIUÁS 135 MIL

2 apto c/ AE, 1 qto c/ AE, 2 salas, coz c/ AE, lavabo, varanda c/ Churrasqueira R$ 320.000,00. 3423-2255 99574597 Imob. Athenas

Com 28 tanques, completa, doc. ok. (67) 9618-1586

41499

VENDE-SE PSICULTURA

QUARTO FAMILIAR

Creci-4239. 9616-4677

Próx. á feira, Av: Pres. Vargas 40, Centro.

42060

2 qts c/ AE, 3 salas, 2 qtos c/ AE, esq lavabo, coz c/ AE, despensa, área de serv, piscina, churrasqueira. R$ 480.000,00. 3423-2255 9957-4597 Imob. Athenas

C/ 3 qtos + apto. 34252473 ou 9289-8674

40915

42005

RES. AMARILIS

41913

Casa de 215m² c/ 2 qtos, sala, cop. coz, WC, churrasqueira, garagem p/ 3 carros e portão de elvação. 34219888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J 41899

ÁGUA BOA R$ 130 MIL Casa 3qts + edícula 2qts. Financia 8426-2743

CASA-ALUGA

41898

42047

PARQUE DO LAGO

VILA ADELINA W2

AV, 140m², R$ 90 mil. 3426-6490 ou 9971-3166

ALUGO KITINET PARTIC

C/ 120m², 2 qts. R$ 145 mil. 9238-2659 8426-2743

Qto, coz, wc. 9251-6234 ou 8171-3306

41734

APTO-VENDA 41559

APARTAMENTOS Obra em andamento e pronto. Creci 2556. 3427-6100 ou 8118-8184

42068

APTOS STA CATARINA 2 qts, todo reformado. R$ 140 mil. 68m² Tel 96720801 39315

EDIFÍCIO LARANJEIRAS

Rua Balbina de Matos, 2131, lado Unigran, c/ 2 qts, sala, coz, a. serv, sac, garagem, tipo cond. fechado. Gondim creci 2645 3421-0034 41738

ZAGAIA RESIDENCE Condomínio fechado, ao lado da Unigran, 2qts. Gondim Creci 2645 99711320

APTO-ALUGA 41843

Apto térreo 66,88m², sala conjugada c/ coz planejada, área de serviço, sacada, 2 qtos, wc, garagem, próx. a Unigran. 3421-9888 Imobiliária Ajur ycaba. Creci 820-J.

Próx. shopping, c/ 2 qts, sala, coz, wc, garagem. R$ 470,00. 3423-2255 creci 779-J. (Imobiliaria Athenas)

NO CENTRO

EDIF. MILTON BARBOSA

C/ 1 qto, sala, coz, todos c/ armários, excelente acabamento. Creci 3684. 9601-6106 ou 3422-5445 Ademar

Próx. Unigran c/ 01 suíte, 1 qto, sala, coz, garagem, elevador, churrasqueira. R$ 1.100,00. 3423-2255 Creci 779-J (Imob. Athenas)

41766

APARTAMENTOS NOVOS

42064


C2

Classificados Classificados

Classificados

Classificados Classificados

3

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

42055

WEIMAR TORRES

TERRENOS

Esq. c/ Quintino 20x20=400m². R$ 450.000,00. 3423-2255 9957-4597 Imob. Athenas Creci 779-J

41959

2 C/ 800M² CADA Vl Ubiratan. R$ 100 mil cada. Creci 4510 96720801

CHÁCARAS

41412

3 TERR. NO COLIBRI

42030

15x30 cada e 1 de esquina. 8405-5083

CHÁCARA ABAETÉ

ALTOS DO INDAIÁ

5000M², casa, luz, caixa d.água taça. 9109-1443

41666

CHÁCARA PRÓX. SEARA

ALTOS DO INDAIÁ

2 hectares. R$ 150 mil. 9951-4839 ou 9957-6513

41906

CHÁCARA PTE 5.000M²

41929

41982

41889

525m², asfalto. 3426-6490 ou 9971-3166

SAVEIRO 98 VERDE

De alvenaria + salão. 96119173 ou 9133-7030

Completo (-) DH. 99475425

ALTOS INDAIÁ 45 MIL

JD. COLIBRI 35 MIL

SITIÓCA CAMP. VERDE

Q 20, L11. Preço de ocasião. 8404-1985

20X50, lote esq, água energia. 22 mil. 9975-4722

41973

Próximo ao HU. 91130514 41411

CACHOEIRINHA 16 MIL C/ água/energia, murado c/ escritura. 9290-3294

42050

CENTRO Rua Quintino entre Weimar e Major , 29x58= 1682m². R$ 850.000,00. 34232255 9957-4597 Imob. Athenas

42053

CHÁCARA PEDROSO Lateral murada 541.25m². R$ 80.000,00. 3423-2255 ou 9909-7609 Imob. Athenas 41917

ECO VILLE 465M² 15,5X30, R$ 100 mil + 26x de R$ 2 mil. 9972-2146 c/ proprietário 41915

JARDIM ALINE Ótima localzação, um terreno com 481,70m². 34219888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J 41860

JARDIM EUROPA 490M² Rua Espanha, 14x35. 99719737 41736

JARDIM GIRASOL Prolongamento do bairro, 600m². Gondim Creci 2645 3421-0034 39975

JARDIM MÁRCIA

41880

42038

42051

JARDIM OLIVEIRA Próx. a Prefeitura vários. 3423-2255 ou 9909-7609 Imob. Athenas

41803

JD. MÔNACO 12X30

SITIÓCA CAMPO BELO 1000m². R$ 13.000,00. 9975-4722

CHÁCARAS CALIFÓRNIA

41785

SÍTIO EM DOURADINA 10 alqueires. Tratar 34210504 Fernandes

41353

VILA VARGAS 5 ALQ.

JD. PRIMAVERAS

SITIÓCA ESQUINA

R$ 22 mil + 84 parcelas de R$ 245,00. 9218-2954

Chácara Bela Vista. R$ 15 mil. 1000,² 9672-0801

FAZENDAS

41994

42069

41960

JD. VISTA ALEGRE

TERRENO + BARRACÃO

12X32, rua Rouxinol n. 1173. 9975-3476

Jd. Márcia R$ 130 mil, 720m². Creci 4510. 96720801

41919

PART. R$ 95 MIL

41901

Rua Pedro Rigoti 23, atrás 1. DP. 9998-8371/91181663 42054

PORTAL

TERRENO 15X50 Próximo ao atacadão, excelente para oficina. 84231882 c/ Silvio

41712

Alameda das Acácias 1.800m² c/ início de constr. R$ 350.000,00. 34232255 ou 9957-4597 Imob. Athenas 42067

PORTALZINHO Ótima localização. Terreno c/ 979,03m², lote 4, quadra 16. 3421-9888 Imobiliária Ajurycaba 37964

TERRENO DIREITO Na vila Indio, no asfalto. 9967-7239

41537

TERRENO ECOVILLE Ótima localização na parte alta, quitado, 525m². 99199201

42066

TERRENO NO CENTRO Rua Cuiabá, próx. a feira. 600m². R$ 150 mil.96720801

41723

1.500 HA ANT. JOÃO Pasto, lavoura, montada c/ água. 9972-2521 41895

140 HA 18 ALQ. PASTO Água corrente. 8411-1927 www.satorreimoveis.com. br 41894

236 ALQ. BONITO Pasto, montada. www.satorreimoveis.com.br. 84111927

42015

FAZENDA 200HA Em Rio Verde-MS, vendo ou troco. 9612-5558

Prata, G3, completo. 34217755 ou 9672-2211

Completa, 4P. 9639-7762

GOL 1.6 POWER 08/09

01/02, compl. R$ 17.500,00. 9662-9650

41835

1.500m² e 4.000m², vizinhas. 8144-4146 34217855

Br 163, Km 27. 3423-2567 ou 9609-1285

54869

GOL MI 98

Cor cinza, Vidro e trava elétrica, R$ 11mil - 9935-1949

45863

FUSCA 77

Cor branca, Telefone 96424000 45963

GOL QUADRADO 93/94

Cor prata, motor 1.8 AP, pneus novos, doc pago, final 0 - 9214-8234

41903

FOX 1.0 4PTS 07/07

GOL 01/01 PRATA 4P 41921

GOL 04/04 CITY 8V

TEMPRA STILLE 95 4P

GOL 94 1.8 BRANCO

VENDO LOGUS URGENTE

GOL 95 1.6 PRATA

FIAT

41798

Básico, álcool, lic. pago. R$ 10.500,00 9282-5169 42031

GOL 96 2P 1.6 Bom estado. 9641-0192

41322

GOL 99/00 4P C/ TE Alarme, cinza, 16V. 92436541

41933

GOL ESPECIAL 02/03 Álcool, VE, trava, alarme. 9601-3688

41392

42024

GOL G4 ANO 07/07 Vermelho, completo. 92379382

41763

GOL G5 08/09 VERM. Completo, baixa km. 84671359/8467-0615

Rua Monte Alegre, 390m². 9978-6293

GOL 1.0 2003/2004

Prata, 4P. Telefone 99030809

VENDE-SE OU TROCA-SE

4 portas, cinza c/ ar. 34203000

GOL POWER 04 COMPL.

PQ. JEQUITIBÁS 14X44

2 terrenos 12x30, Pq. Do Lago, doc. ok. 9273-3500

GOL 1.0 8V PRATA

De fábrica, 1.6, flex, revisado. 9922-3960

41125

41126

Ótima localização, atrás do douradão. 9959-7338

VENDO/TROCO 2 TERR.

PRÓX. M. FORTALEZA

Pq. Alvorada, esquina, 14x30, doc. ok. 9273-3500

42052

Murado 12x57= 684m² a 1.500m do Shopping. R$ 55.000,00. Aceita-se carro 9957-4597 Imob. Athenas

41720

W.G.TORRES 250 MIL 28X32=896M², final da Weimar. 9972-2521

36782

40981

Flex, 06/06, Completo. 9972-5523 ou 81394691

42039

GOL 1.6 PARTICULAR 4pts, compl, 06/07, prata, total flex. Telefone 92435622

41692

Ano 94, verde, completo. 8135-2343

TERRENO VL ALVORADA

42045

39841

Santana 97, 4p, completo. 9971-1525

Terreno com área de 445m², possui um barracão de estrutura metálica nos fundos, terreno todo murado. 34219888 Imobiliária Ajurycaba Creci 820-J

PQ. DOS COQUEIROS

41833

STILO 2003 1.8 8V

POLO HATCH 06/07

FOX CITY 07/08

Completo. R$ 16.500,00. 8405-1504

PALIO WK AD. LOCKE 2009/2010, c/ 5Mkm. 9699-3738

Preto, completo. 34203000

GOL G3 02/02 TREEND

41955

41703

PARATI SURF 09 PRATA

42009

Completo, rodas 17. R$ 16.500 + parc. 99067874

1.0, 2P, rodas, TE, AL, DH, Rabicho e Opala 75 Relíquia. 9611-2100

4P, R$ 24.600. 99048822

PARATI 16V TURBO

97/98, prata, comp. R$ 14.200,00. 9997-5198

GOL 88/88 BRANCO

Flex, prata, AR, DH, LDT. Troco (-) valor. 9978-7186

41986

41495

Particular, segundo dono, AR, AL, TR, VE, impecável, gas, roda esportiva. 96050506 41819

VOLKSVAGEM

PALIO WEEKEND 1.6

Completa, vendo ou troco. 9996-7046

4P,som, ar,roda, AL, R$ 19 mil. 9657-7732 c/ Hércules

42063

Terreno com 360m², 12x30, em ótima localização. 34219888 Imobiliária Ajurycaba. Creci 820-J

41802

R$ 80 mil. Ligar só interessados 9987-3745

41481

Vendo na Presidente Vargas. 9971-4496

40392

JD CLIMAX C/ 2 CASAS

PARATI 03 1.6

G5, completo + roda +c. bordo, cinza, 21MKm, R$ 36.000. 9607-2251

41891

41755

GOL 1.6 POWER 04/05 41675

41782

364m², R$ 52 mil, aceito carro e propostas. 84151200

ALTOS DO INDAIÁ

41952

41596

3 terrenos juntos ou separados. 9971-4374

41916

GOL MIL 8V 2004/2004 42000

40254

GOLF SPORTLINE 08 Preto, completo. 84250572

39840

41864

8V, azul, compl, bancos couro, c/ reg. elet., rodas 15 esportivas, ar, digital, som c/ módulo + caixa selada. 9928-8098 42004

TIPO 1.6 94/94 4P

DOBLÔ FIRE 1.3 03/03

R$ 5.900, cinza. 96347068

Azul, 16V, completo, 7 lugares. 9983-3005

UNO 07/08 PRATA 4P

39314

41420

09/10, cinza. 3420-3000

28.800km, super conservado. 8111-7957 34225869

PALIO 05/06 PRATA

UNO 07/08 PRATA 4P

Completo, flex. 3420-3000

Completo (-) DH. 96333494

41685

FIAT PUNTO ELX 1.4

41693

41684

41897

PALIO 07/08 23.900 Flex, 4 portas, modelo novo. 9238-2659 41989

PALIO 1.4 08/09 4P

41940

UNO 93/94 CONZA 2P Eletrônico. R$ 7.900,00. 9628-3508

41907

UNO 94 R$ 9.000,00

Modelo novo, prata, completo + roda + sensor, 1. dono. 9972-3322

Prata, 4P, ar, roda. 99771229

PALIO 4P 04/05 PRATA

UNO 94/95 AZUL 4P

Ar, VE, TE, AL, som, lic/2010. 9971-5161

AL, VE, TE, LDT, R$ 9.500, conservado. 961-4019

PALIO ELX 05 PRATA

UNO 95 1.5 PRATA 2P

1.3, completo + comp. bordo. Telefone para contato 9601-3688

Básico. Ur gente 99597338

PALIO ELX 1.4 PRATA

R$ 10.900,00. 92237713

41997

41431

41931

40982

Attractive, 08/08, comp,flex. 9972-5523 8139-4691

41466

PALIO FIRE 09/10 Prata, ar, direção, vidro, trava. Telefone contato 8405-2746 42027

PARATI 01/01

PALIO FIRE 2006

Prata, completa. 34203000

Completo, prata. 92379382

42062

42040

UNO 96 VINHO 4P 41892

UNO BRANCO 85/85 Trava e alarme, não aceito troca. Telefone para contato 9991-2112 41845

UNO FIRE 07/08 C/ AR Branco, kit way. Vendo ou troco. Telefone contato 9955-0078


4

Classificados Classificados

Classificados

Classificados Classificados

C2

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 41969

41713

UNO FIRE WAY 2008 4P

F1000 84 PRETA

Compl. cinza. R$ 21.800. Troco (-) vlr. 8401-5374

Revisada, teto, couro, troco (-) vlr. 9926-5712

UNO MILLE SMART

F1000 95/95

41990

01/01, prata, 4P, VE, TE, excelente estado. 99723322

41858

UNO PRATA 1.0 4P 04/04, AL, TE, R$ 15.500. 9253-4168

42070

Completa. 9971-9439

42026

FIORINO 1.5 ANO 97 Vendo 9237-9382

41670

HILUX 28 C. SIMPLES

UNO SMART 2001 CINZA

R$ 33 mil, 95, cinza, completa, pneus novos, revisada. 3423-0606

2P, básico. R$ 11.500. 9982-5947

PICK UP STRADA 06/06

41886

CHEVROLET 41956

ASTRA 99/99 SEDAN 1.8, branco, completo. R$ 20.500,00. 8405-1504

42023

ASTRA HATCH 2007 Preto, completo. 92379382

41667

ASTRA SEDAN 03 Prata, completo. 81253335 41896

ASTRA SEDAN 03/03 R$ 23.500, 1.8, completo. 9238-2659

41924

ASTRA SEDAN 06/07 Prata, advantage, R$ 31.800. 9923-0196

41656

CELTA 1.0 09 C/ AR Life, 4p, c/ ar, al, som, preto. R$ 23.700,00. 81271648

41818

CORSA 96 1.6 BORDÔ 9971-1525

41943

CORSA HATCH 02 1.0 Branca, 4p, AR, TE, AL. R$ 18 mil. 9987-0670

41884

CORSA SEDAN 07/08 Prata, completo, 4P. R$ 30.000,00. 9982-5947 41769

CORSA SEDAN 08 PRATA Completo, R$ 23.700. 9995-0113

41873

CORSA SUPER 97/97 C/ LDT, TE e AL. 3426-0216 ou 9916-6564 Hilda

41264

MERIVA JOY 05/05 1.8, Completa. R$ 26.000,00. 9238-2659

41962

MONTANA 1.8 2006 Vermelha c/ DH . Troco (-) valor. 8401-5374 41584

MONZA 2.0 88 ÁLCOOL Completo. R$ 7.500,00, ótimo. 9201-3559

41925

OMEGA 93 2.2 CD Branco. 9957-6554

41923

VECTRA 09/10 Elegance, preto metálico. 8412-5382

41987

VECTRA 95 8V R$ 12.000. 9607-3010

41875

VECTRA CD 2.2 2000 Cinza, 2º dono, revisado, comp, 16v. 9972-2521

41961

VECTRA EXP 2008 Prata. R$ 39.500, troco (-) valor. 8401-5374 41526

VECTRA GLS 98/98 2.2 Ve r d e , c o m p l e t o , R $ 16.900. 9960-7002

FORD

41697

Flex, 1.0, básica. 99567723

41770

PICK-UP STRADA 02 Completa, preta. 91177203/3424-7452 41550

S10 2.8 4X4 PRATA Executive, ótimo estado. R$ 47.850,00. 9971-0777

41849

S10 2.8 4X4 PRETA Executive, 03/03, ótimo estado. 8123-9935

41445

S10 ANO 2001 Motor 2.8, CD, compl. 9971-9664

41189

S10 COLINA 4X4 07/08 Cabine simples, prata. 3420-2000 41779

S10 DLX BORDÔ 02/03 Completa, boa. 99714496 41778

S10 EXECUTIVA 03/03 Preta, 4x4, completa. 99714496

41908

S10 GÁS ADIVANT 06 Cabine Dupla, 4P, R$ 41.800. 9971-3212 41878

SAVEIRO 00/00 1.6 Branca, ar, vidro, DH, air bag. 8125-8799

41967

SAVEIRO 1.6 2001 Cinza, comp. R$ 19 mil. Troco (-) vlr. 8429-7196

42049

ESCORT 1.6 ÁLCOOL 87 Vendo/troco por moto, R$ 4.500. 9947-2413 Nilson

9971-1525

41176

PAJERO FULL HPE AT 06/07, prata, 15 meses de garantia. 3420-2000

42007

PAJERO SPORT 04/05 Automático, prata, 140mKm, R$ 65 mil. 9971-8274 40003

PAJERO TR4 06/06 41869

VAN L300 97/98

Vendo/troco por + novo. 9958-2164

SAVEIRO S.SURF 04/04

HONDA

42046

9972-4750

Cinza, completo. 34202000

SAVEIRO SPORT LINE

CIVIC 05/06 COMPLETO

Compl, toda orignal, preta, 06, G4, particular. 84230161

41911

SILVERADO DLX 98/99 Preta, ótimo estado, trocase. 8163-2004

41669

STRADA 2001 CE Completa, azul, R$ 18.800. 9971-8388

41951

STRADA ADVENTURE Preta, completa. R$ 29 mil. 3426-2590

41757

STRADA TREK CE FLEX 2009/2010. 9972-0568

41883

STRADA TREKING 07/08 Prata, completa. R$ 32.500,00. 9982-5947 41874

VENDO SCANIA 112H Ano 87, c/ carreta graneleira noma, ano 83, pneus novos. R$ 90.000,00. 9609-0839

À VISTA CONSÓRCIO Compro não contemplado de caminhão ou carreta. 8401-3639 ou 9280-1678

42032

Automático, bco couro. 8177-1967

41184

CIVIC AT 02/03 PRETO Completo. 3420-2000

39513

CIVIC LX MT 04/05 Preto, completo. 34203000

41817

CIVIC LX R$ 23.000 2001, couro, rodas. 99719737

41963

CIVIC LXS 2007 Autom, couro, prata. R$ 46.500. Troco. 8401-5374

ESCORT HOBBY 95/96

FIESTA STREET 03 Part., R$ 15 mil, troco por Montana. 9983-9482 41840

KA 01/02 PRETO Completo. R$ 14.000,00. 9971-5456

UTILITARIOS 41780

CAMINHÃO AGRALE 90/9 Cab. dupla, car. nova, filé. 9971-4496

41948

CAMINHÃO FNM 180 76 Telefones 9969-0558 ou 9927-8887 37446

CAMINHÃO VW 8.150E Delivery 2007/2007, branco. 3420-3000

41753

D20 DUPLA 91 MOD 5 Completa, 2 pneus novos. 9974-6064 41863

F 250 XLT L 2000/2000, R$ 42.000. 9925-6258

MITSUBISHI 41181

L200 GLS MT 05/06 Branca, revisado. 34202000 41183

L200 HPE MT 05/05

L200 TRITON AT

CB 300 09/10 DOURADA

TWISTER 04/04 VERM.

41932

Alarme. 9601-3688

41808

CB 300R AMARELO OURO 41902

CB 450 DX 86/87 42011

CG 125 TITAN 98 41690

CG 150 ESD 3.380 MIL 41968

PEUGEOT 1.6 03/04 206, preto, 4pts, comp. R$ 16.500,00. 8429-7196

Azul, bom estado, 05/05. 8121-4995

COMPRO LANDER Azul, pago á vista. 96214628 16.000Km, estado de zera. 9943-8286

41939

FAN 2006 PRETA Final 07 ok. R$ 3.300,00. 9972-8667

Com 4000km, escape esportivo, coyote legalizado no documento. R$ 33.900,00. 8100-8687 c/ Willian 41456

2 BIZ NOVAS 1º ESI, 09/10 c/ 3.000km, 2º ks c/ 13mkm. 99300193 41259

2 TITAN 150 ESD 1º 09 c/ 1.000km, 2º 08 c/ 7.000km, novas. 99300193

Prata, bco couro, único dono, XLX. R$ 50.000,00. 8145-4470

Amarela c/ partida e roda. 8125-8799

NEW CIVIC LXS-AT

11mkm. R$ 4.600,00. 9625-0017 ou 9692-7781

BIZ 125 + 06/07 41814

BIZ 125 ES AZUL 07 41981

BIZ 125 ES VINHO 09/09, único dono, quitada. 9915-3466

41651

COROLLA 06 AUT. XEI 42006

41888

Preto, 4 pneus novos, impecável. Telefone cont 9961-9867 41957

COROLLA SEG 06/07 Preto. R$ 46.000,00. 84051504

41966

COROLLA SEG 2006 Preto. R$ 45.500. Troco (-) vlr. 8401-5374

Preta. 9902-4907 ou 34258872

VIRAGO 535 94 Vinho, 2. dono, impecável. 8151-2668

YAMAHA XTZ 2007 Azul, completa. 9941-3347

RENAULT 41928

CLIO SEDAN 1.6 04/04 Cinza, completo. 34203000

41887

LOGAN 1.6 PRATA 9/10 Comp. R$ 19 mil + 33 parc. R$ 516,00. 9218-2954

CITROEN

41570

HORNET 600F 2009

41877

TOYOTA

41866

V BLADE 2006/2006

42020

FAN 07/08 CINZA

41711

07/07, preto, completo. 3420-3000

R$ 5.500. 9971-4944 c/ Carlos

41942

R$ 2.500. 9611-1930

PEUGEOT

41995

41775

42008

COROLLA SEG 04/04

Gasolina, V6, 09/09, prata, pouco rodado. Telefone 3420-2000

Completo, 23mkm. R$ 55.000,00. c/ Mário 84478787

FIT LX MT 05/06

L200 OUTDOOR GLS

41179

Ótimo estado. 8414-6114 ou 3425-8484

Preta, cinza, troco por biz ou CG. 9978-7186

41836

41682

SEG, 09/10, prata, 50mKm, R$ 75 mil. 9971-8274

08/09, azul, ótimo estado. 3420-2000

Preta, roda liga, freio disco. 9971-5161

TUCSON 08/09 PRATA

Completo. 9972-3914

Automática, prata, filé. 9971-4496

41182

TORNADO 08 VERMELHA

09/10, 8.000KM. 34285993 ou 9200-7816

42018

COROLLA AUTOMÁTICO

L200 OUTDOOR GLS

SENIC 2.0 03/04

BIZ TRAXX 08/08

Prata, aut., único dono, super consevado. 99634709

FIT LX 05/05 PRATA

L200 OUTDOOR 07/08

06/07, prata, revisada. 3420-2000

41991

FIT LX 04/05 PRATA

Completo, bx km, particular. 9294-0290

41178

AUDI A4 1.8 TURBO 95 AR, teto, completo,comp. bordo. 9622-7445

Completo. 9237-9382

Prata, ótimo estado. 34202000

41781

41938

42025

39836

41743

41432

Completo, banco de couro, som. 9971-5161

NEW CIVIC 08/08

41857

Preto, aut, cour o. R$ 44.000,00. 9982-5947

FIT LX 04/04 DOURADO

Prata, completo, novissímo. 8123-9935

Flex, 1.6, completo + rodas. 3421-7855 8144-4146

41885

COROLLA XXEI 06/07

41430

HONDA FIT 07/07

40756

1.8, flex, couro, aut, 4 pneus michelin novos, particular. 9971-3156

CR-V LX AT 08/08

41848

FIESTA SEDAN 08/08

COROLLA XLI 07/08

Preta, completa. 34203000

Vendo ou troco por + novo. 8121-8939

Cinza, impecável. R$ 7.900,00. 8429-7196

Prata, automático. R$ 63.500,00. 9206-7340

41664

HONDA FIT 04/05

41971

42041

COROLLA XEI 08/09

41927

41882

KA 00, azul. 9975-1525

Autom, couro, preto. R$ 45 mil. 8429-2196

41859

Vermelho, completo. 34203000

ESCORT 89 MET.

41965

COROLLA XEI 06/07

41185

ACORD LX AT 07/07

Azul, compl. R$ 23.500. Troco (-) vlr. 8401-5374

41909

2º Dono, mecânico, novissímo. Part. 9971-3097

OUTROS

41964

SAVEIRO S.SURF 2004

41850

COROLLA XEI 05/05

41851

Preta, completa. 34203000

11 Pas, c/ ar, DH, AL. Bem conservada, aceito troca. 9935-3448

SAVEIRO 91 BRANCA

33567

41935

41820

LANCE 96/97 COMPLETO

41941

BIZ 125 KS 06/07 Conservada. R$ 3.750,00 Urgente. 9244-0833 41998

BIZ ES 07 PRATA 9269-6632 ou 8162-5477

SUZUKI PRETA 06/07 Final 5, quitada, R$ 2.500. 9953-2323 João

41870

C3 XTR 06/07 Carro excelente. 99363554 41970

C4 PALAS 2008 Exclusive, preto. R$ 48.500. Troco (-). 8401-5374

42033

TITAN 125 01/02 Prata. 9958-9311

41920

TITAN 125 02/03 Azul. 9676-1749

41842

TITAN 125 2003 Vermelha, KS. 9243-1748 ou 9218-6947

41826

TITAN 125 99/00 AZUL R$ 3.000,00. Telefone 9948-1887

41996

TITAN 150 ESD 06/07

56624

VENDO MODULO

R$ 5.500, preta, única dona. 9648-1189 c/ Lucia

Pyramid 800w, R$ 150,00, 9214-8234

TITAN 99

AC PORTÕES

9905-6725 ou 9911-2776 Gevanei

Automatização, conser to. 8466-9793 ou 9996-3534

TITAN ES 00/00 PRATA

ALUGA CAMA ELÁSTICA

R$ 2.700,00. Telefone 9946-2635

Novas c/ ótimos preços. 9928-1949

41881

41958

41811

31010


C2

Classificados/Atos Oficiais

5

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------2026

42001

ALUGA-SE BRINQUEDOS

MĂ QUINA SEMI-NOVA

Tobogã, cama e recreaçþes. 3421-6380 e 9286-4992

Sor vete italiano Tecsoft. 9637-5218

ALUGA-SE BRINQUEDOS

PLAYSTATION II

E decoraçþes infantil. 84690109 9918-4027

ALUGO BECAS

em Ăłtimo estado,2 controles originais,1 memory card + jogos, R$ 250,00. 9664-4122

De 6 a 12 anos. 34232211

PROMOĂ‡ĂƒO ESTÉTICA

25341

40781

31298

ALUGO CAMA ELĂ STICA Piscina e inflĂĄveis. 81636022 ou 9905-8391

41890

ALUGO CAMA ELĂ STICA E piscina de bolinhas. 96752729 e 3021-1400

42010

42037

10 sessĂľes Drenagem linfĂĄtica, ultrason, forno. R$ 200,00, bronzeamento natural. R$ 35,00 ou 2 por R$ 60,00. 3421-8070 36686

SERRALHERIA EM GERAL

ALUGO FANTASIAS

Fabricamos grades, portas, portþes, estruturas metålicas entre outros serviços. Ligue para nós e faça seu orçamento sem compromisso. Serviço de qualidade 9227-5357 Nivaldo

Adulto e infantil. 34232211

TRAILLER UNIGRAN

ALUGO SOM ILUMINAĂ‡ĂƒO

Completo, vendo por motivo de mudança. 9999-9524

E data show p/ festa em geral 9242-0258 Wellington

VENDE-SE LOJA

AMOR TRAGO JĂ !!!

De Roupa Infantil. 99718500

42048

ALUGO CAMA ELĂ STICA E piscina de bolinhas. 9972-5420 40782

32585

41865

Atenção!Buzios e baralhos. Chega de sofrer e venha ser feliz trago de volta o seu AMOR em atÊ 78h, tenha quem voçê ama aos seus pÊs p/ sempre sem falsas promessas ou decepçþes. Esteja ele ou ela onde estiver. Eu garanto o que eu faço, não me confunda com outros, trabalhos råpidos e garantidos. Sigilo absoluto. Ligue jå, não impor ta a distância (67) 9916-4988/9232-3235. Lurdez 33230

ANTENA PARABÓLICA Receptores/peças/assist. TÊc. 9211-4884 99711951 42034

ANTENA PARABÓLICA Nova, conser tos, peças. 3421-0896 ou 9615-4015 42044

ANTENA PARABÓLICA R$ 380,00. Peças e assist. tÊcnica. 3421-0845

27714

AULAS DE REFORÇO Sou formada em letras e na Cultura Inglesa. Interessados ligar 8118-7842 C/ Dharana

41795

CERCA ELÉTRICA 3,00 o metro, motor p/ portão. 3x 90,00 3421-0485

42035

CERCA ELÉTRICA Motor para portão, alarme. 3421-0896 ou 9615-4015

42042

CERCA ELÉTRICA R$ 3,00 o metro, venda, assist. tÊcnica 3421-0845

41847

41705

VENDO

Completa, R$ 25.000. 9957-5063

41867

VENDO ESTOQUE 36136

VENDO FARMà CIA De manipulação em Dourados, aceito carro. 92519061

41525

VENDO FLORICULTURA E ar tigos p/ presentes, Ăłtima clientela em NaviraĂ­/ MS. (67) 8136-8504/34619095 41761

VENDO FĂ BRICA D/GELO Completa. 8409-5752

42012

VENDO GUITARRAS Cort c/ ponte wilkinson, R$ 700,00, guitarra strato c/ captador duplo, R$ 250,00, goldem c/ micro afinação R$ 400,00, pedal heavy metal boss, R$ 150,00, pedal oliver chorus R$ 100,00, case p/ contra-baixo, R$ 250,00 e cubo gianinni baguinho R$ 400,00. 8136-1233 41784

VENDO LOJA NOVA

41900

41807

DISK ENTREGA FRALDAS

VENDO OU TROCO

DISK FRETE MUDANÇAS

Casa de carnes. 34262590

41905

FORNO INDUSTRIAL Vendo. 3428-2401 ou 9917-0706

41571

FORNO Ă LENHA 10 esteiras, super conservado. 9941-6494

41937

GELADEIRA ELETROLUX 280Lts. R$ 280,00, 1 tanquinho colormaq 7kg, 6 meses uso, R$ 250,00. 9668-2628 41433

JOGO JANTAR/SOFĂ Rack, 6 cadeiras, balcĂŁo tampĂŁo vidro. 9971-5161

42029

LIMPEZA EM TERRENOS Passamos veneno. 84737564 Luiz 41979

LOJA CONF. ACESSĂ“RIO No Centro. R$ 30 mil. SĂł interessados 9235-3455 41534

LOJA DE SEMI-JĂ“IAS Vendo com estoque e mĂłveis. 9906-5420 34224488

41988

MESA DE SINUCA MĂĄrmore, R$ 1.200,00. 9607-3010

42043

41950

IMPLEMENTOS AGRĂ?COLAS 56894

VENDO COLHEDEIRA MF 3640 ano 84, pego camioneta tratar 9934-9033 com JosĂŠ 29/11

TRATOR FORD 6600

41700

AJUDANTE PIZZAIOLO Precisa-se. Tratar 92276711 ou 9239-5354

CONTRATA-SE Açougueiro. 3426-2590

41984

CONTRATA-SE Concessionåria de veículos admite motorista, sexo feminino, c/ experiência. Enviar currículo p/ Depto de serviços. Avenida Marcelino Pires, 3330, Centro.

41922

COZINHEIRA Ou p/ cuidar de idosos, tenho referĂŞncia e exp. 9622-9288/ 3424-0370 Marlene

41663

DIARISTA Com referĂŞncia. 99169696 41804

DIARISTA 9272-8445 Bruna

41918

DIARISTA

COZINHEIRA NOITE

Ou mensal de segunda ĂĄ sexta. 9259-9158 Neide

Exp, lanches, alacar te e porçþes. 8118-2134

DIARISTA

41482

41944

DIARISTA 2X SEMANA P/ limpar, lavar, passar p/ 2 pessoas. Pago diĂĄria de R$ 40,00. 9287-6634 41837

EMPREGADA De outra cidade, para morar o emprego. 9971-3724

41838

EMPREGADA P/ Cozinhar e cuidar de criança de 5 meses, que more próx. ao shopping, c/ disponibilidade de horårio e p/ viajar. 9971-3724 41504

GERENTE E VENDEDOR Habilidade em vendas e rotina de loja. CurrĂ­culos para: a.staciarini@hotmail.com

41972

LAVA RĂ PIDO Procura acabador (a) p/ trabalhar. 8441-8897 41810

PRECISA-SE Rapaz p/ entrega e vendas, c/ CNH AB, atĂŠ 30 anos, 2Âş grau completo. CurrĂ­culo para Rua Hayel B. Faker, 1410 Loja.

42036

PRECISA-SE DE BABĂ P/ morar no emprego, urgente. Ă“timo salĂĄrio. 3427-0700

41587

PRECISA-SE MECĂ‚NICO De automĂłveis. 9955-4823 ou 3421-6451 41772

PRECISA-SE MONTADOR De carros c/ prĂĄtica. 34211172

27/11

TRATOR ESTEIRA 79 Fiat, conservado, Rodante novo - 9971-2959

41440

80 BOIS DE 24 MESES Vende-se. Telefone 96627633 35900

BULDOG FRANCĂŠS/PUG Shitzu, Gatos Persas e Hotweiller. 3422-1724/96023131. Av: Weimar Torres, 1312, Centro 42016

COMPRA-SE CARNEIRO

      

DOMÉSTICA/BABà P/ todo o serviço9-0 cozinhar, ou para limpeza de escritório. 3428-1376 JÊssica

41993

GARÇONETE/DOMÉSTICA Ou cozinheira, ou ajudante. 9937-6522 Cida

41999

PINTOR Grafiato, verniz, mudanças de cor em geral. 9229-3047 Everton

Telefone para contato 96125558

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€ƒď€†ď€‡ď€‰ď€Šď€†ď€‚ď€‚ď€†ď€‡ď€…ď€†ď€‡ď€‚ď€‹ď€Œď€‡ ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€?ď€‘ď€Žď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€Šď€„ď€?

42022

ď€

PINTOR Grafiato, verniz, mudanças de cor em geral. 9229-3047 Everton 42002

SERVIÇOS GERAIS P/ limpeza, lavar, passar ou atendimento ao público ou empacotadora com pråtica. 9654-2042 Juliana

P/ pacientes c/ patologia especializada hospitalar ou residencial, com Ăłtimas referĂŞncias. 9946-9400 Maria Aparecida

  )"%$& #!!+

 )!$( #!!+ 

 ,

, 

Entregador de GĂĄs com experiĂŞncia e referencias Tratar Coronel Pociano, 2570 Vila Industrial





   

 ,$$$$$

$$$$$

,$$$$$$$$  ! $ $  $ $$

ď€

$

$

&%$*/$ $!$ $+)*)'$

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€ƒď€†ď€‡ď€‰ď€Šď€†ď€‚ď€‚ď€†ď€‡ď€…ď€†ď€‡ď€‚ď€‹ď€Œď€‡ ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€?ď€‘ď€Žď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€Šď€„ď€? ď€‚ď€ ď€?ď€Šď€ ď€ƒď€„ď€Šď€Žď€„ď€‡ď€ˆď€‹ď€?ď€“ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€„ď€…ď€ˆď€Žď€?ď€Žď€‚ď€ƒď€Šď€„ď€”ď€•ď€†ď€–ď€‡ď€‘ď€Œď€„ď€?ď€ ď€’ď€„ď€ˆď€ ď€?ď€ƒď€†ď€‡ď€ ď€‡ď€—ď€„ď€˜ď€ ď€? ď€…ď€ ď€‘ď€„ď€Šď€ƒď€„ď€ˆď€ ď€?ď€ƒď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€Œď€Žď€?ď€Žď€ƒď€„ď€”ď€•ď€†ď€–ď€‡ď€?ď€†ď€ˆď€‘ď€Šď€„ď€‚ď€‡ď€ ď€‡ď€?ď€?ď€?

41868

ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€

ď€…ď€šď€Žď€ƒď€‡ď€ ď€†ď€‚ď€ ď€œď€‡ď€ˆď€‡ď€Œď€‡ď€‰ď€…ď€”ď€•ď€‡ď€

41134

EXCURSĂƒO ITAPEMA SC Meia Praia, SaĂ­da 10/02/11. 3423-3503 9662-3487

ď€ ď€ ď€ ď€ ď€ ď€ ď€ ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€ˆď€ƒď€ ď€‰ď€ ď€Šď€ƒď€„ď€ƒď€‹ď€ƒď€Œď€‰ď€?ď€Žď€ƒď€?ď€ ď€?ď€‘ď€„ď€ ď€ˆď€ƒď€„ď€ƒď€ ď€‰ď€ ď€‰ď€’ď€“ď€…ď€’ď€‡ď€ˆď€‰ď€?ď€Žď€ƒď€ ď€’ď€ƒď€ ď€ƒď€?ď€“ď€‘ď€”ď€ƒď€ ď€‰ď€•ď€ ď€‹ď€‡ď€ˆď€‡ď€”ď€‰ď€†ď€”ď€‘ď€•ď€ ď€–ď€‘ď€†ď€ˆď€‘ď€’ď€ƒď€—ď€‰ď€•ď€ ď€’ď€ƒď€ ď€˜ď€—ď€ƒď€ˆď€‘ď€’ď€‡ď€„ď€‘ď€†ď€”ď€ƒď€ ď€‹ď€‡ď€ˆď€‡ď€”ď€‰ď€”ď€™ď€—ď€‡ď€ƒď€ ď€„ď€ƒď€’ď€‰ď€‹ď€‡ď€’ď€‰ď€’ď€‘ď€ ď€šď€—ď€‘ď€Œď€Žď€ƒď€ ď€šď€—ď€‘ď€•ď€‘ď€†ď€ˆď€‡ď€‰ď€‹ď€ ď€†ď€›ď€ ď€œď€?ď€&#x;ď€ ď€?ď€?ď€?ď€ ď€•ď€‘ď€†ď€’ď€ƒď€ ď€‘ď€‹ď€‰ď€•ď€˘ď€ ď€‚ď€?ď€&#x;ď€ ď€šď€ ď€Ąď€˘ď€Łď€¤ď€&#x;ď€Ľď€ ď€Œď€Śď€§ď€¨ď€–ď€ ď€†ď€ƒď€•ď€ ď€”ď€‘ď€—ď€„ď€ƒď€•ď€ ď€’ď€ƒď€ ď€šď€—ď€ƒď€ˆď€‘ď€•ď€•ď€ƒď€ ď€Łď€’ď€„ď€‡ď€†ď€‡ď€•ď€”ď€—ď€‰ď€”ď€‡ď€–ď€ƒď€ ď€’ď€‘ď€ ď€†ď€›ď€ ď€?ď€¤ď€œď€Ľď€žď€&#x;ď€?ď€?ď€ ď€ ď€ ď€ˆď€¨ď€Šď€¨ď€˘ď€¨ď€Şď€Łď€Ťď€ ď€ˆď€ƒď€–ď€ ď€Źď€­ď€ ď€§ď€ ď€ ď€?ď€&#x;ď€&#x;ď€ ď€§ď€ ď€ ď€Źď€“ď€ąď€˛ď€ąď€“ď€ ď€ ď€?ď€‚ď€Œď€ƒď€‡ď€ ď€Œď€‹ď€Žď€˜ď€ ď€†ď€…ď€ ď€ƒď€Žď€Œď€šď€…ď€ ď€šď€…ď€Šď€‰ď€…ď€ƒď€ ď€‘ď€Šď€ ď€łď€ ď€´ď€Śď€&#x;ď€ ď€ˆď€Łď€?ď€

41194

Meia praia, 11 ĂĄ 18 janeiro. 3421-5124 9927-5237

ď€

"1"  " "5"  " " 4 "   9""7" 8"

         ""  """)$"

 " "  "  " 2-#"  " !" "$"'0#"#"*."%"(,#"#"" "  "1"3$////%6+$"

  "

"

!2-"

 "

"

%"

" !" " "  2-" "  4" "  2-" $"

#"((" " !" "(&'&$"

        """"""""" "

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€ƒď€†ď€‡ď€‰ď€Šď€†ď€‚ď€‚ď€†ď€‡ď€…ď€†ď€‡ď€‚ď€‹ď€Œď€‡ 

ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€?ď€‘ď€Žď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€Šď€„ď€? ď€

$3$  $"!$7$ "!$ $"6 $   !9$   $ !$ !%$    !!$ $ !$ "/ $  !$  !$ "$

       

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€ƒď€†ď€‡ď€‰ď€Šď€†ď€‚ď€‚ď€†ď€‡ď€…ď€†ď€‡ď€‚ď€‹ď€Œď€‡ď€‡ ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€?ď€‘ď€Žď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€Šď€„ď€?

MOTOR P/ PORTĂƒO

  $  $  $ %$  $ !  $ $ $  %*+)$ $ &$

%$    $ $$ $)-..+062()))*&*+$ $  $ ('$ $$  $ !$  %$ $ $    $ $ $  $ )-$ "7#$ $ $ $   $ $ $ $$  $ $ $'$$$ $/$   $8$    $ 4/$ ,$$! $ $  $!$  $%$ $$'+--$$+-1$$ $   $3$)+6(+))1'$

MUDANÇAS/MONTAGENS

ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€?ď€‘ď€Žď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€Šď€„ď€?

EXCURSĂƒO SC

R$ 350,00, peças e assist. tÊcnica. Telefone 34210845 Para todo o Brasil. 99716897 Jucelino

ď€‘ď€—ď€“ď€™ď€“ď€šď€›ď€–ď€‡ď€ˆď€œď€”ď€šď€?ď€&#x;ď€ ď€‡



  

41365

ď€ƒď€“ď€•ď€‚ď€”ď€™ď€“ď€›ď€‡ ď€…ď€œď€?   ď€?ď€? ď€&#x;  ď€&#x;ď€&#x; ď€—ď€“ď€ ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€Ąď€–ď€Łď€˜ď€‡ ď€&#x;ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€&#x;ď€‡ď€ˆď€œď€”ď€šď€?ď€&#x;ď€ ď€‡ď€Ąď€“ď€‡ď€ ď€Ąď€œď€?ď€&#x;ď€Ľď€¨ď€–ď€˜ď€‡ď€?ď€œď€ ď€›ď€œď€—ď€&#x;ď€‡ď€“ď€‡ď€…ď€“ď€Łď€žď€–ď€—ď€›ď€–ď€Łď€˜ď€‡ď€žď€“ď€—ď€›ď€“ď€”ď€?ď€&#x; ď€Żď€œď€&#x;ď€Ąď€—ď€–ď€‡ď€ ď€™ď€“ď€›ď€šď€°ď€–ď€˜ď€‡ď€ ď€œď€žď€&#x;ď€žď€ ď€Ąď€žď€‡ď€™ď€˘ď€œď€?ď€Łď€¤ď€Ľď€Śď€˜ď€‡ď€?ď€–ď€ąď€‡ď€™ď€œď€”ď€Ąď€&#x; ď€&#x;ď€&#x; ď€Œď€“ď€šď€‡ ď€?ď€&#x;ď€—ď€‡ď€”ď€­ď€ľď€‡ď€łď€łď€śď€ˇď€¸ď€šď€˜ď€‡ď€Ąď€“ď€‡ď€şď€ťď€‡ď€Ąď€“ď€‡ď€Łď€“ď€›ď€“ď€ąď€¤ď€—ď€–ď€‡ď€Ąď€“ď€‡ď€ťď€¸ď€¸ď€šď€˜ď€‡ď€“ď€‡ď€…ď€“ď€?ď€—ď€“ď€›ď€–ď€‡ď€”ď€­ď€ľď€‡ď€łď€˛ď€¸ď€ˇď€¸ď€¸ď€˜ď€‡ď€Ąď€“ď€‡ ď€&#x;  ď€ ď€ƒď€‚ď€§ď€“ď€•ď€•ď€‚ď€ƒď€“ď€•ď€‡ ď€ˆď€‚ď€¨ď€“ď€‡ ď€¨ď€…ď€„ď€ƒď€Šď€’ď€‡ ď€ˆď€Šď€™ď€“ď€”ď€‡ ď€ ď€Žď€‡ď€‚ď€‡ď€ˆď€Šď€™ď€“ď€”ď€‡ ď€…ď€‡ď€ ď€…ď€ƒď€„ď€†ď€ƒď€‡ ď€ ď€•ď€Żď€†ď€†ď€‡ ď€ ď€•ď€Żď€†ď€†ď€†ď€‡ ď€?  ď€ƒď€žď€Źď€Ľď€‡  ď€?  ď€?ď€? ď€˜ď€Ľď€Śď€‡  ď€…ď€œď€? ď€?  ď€ ď€Łď€›ď€&#x; ď€&#x;ď€&#x; ď€&#x;   ď€&#x; ď€&#x;ď€&#x;  ď€Łď€œď€&#x; ď€žď€œď€¤ď€ ď€šď€?ď€&#x;ď€Ľď€¨ď€–ď€˜ď€‡ď€—ď€“ď€°ď€–ď€Šď€&#x;ď€&#x;ď€&#x;ď€?  ď€ˆď€&#x;ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€˘ď€œď€Źď€ˆď€‚ď€˜ď€‡ď€&#x;ď€&#x;ď€?  ď€Šď€ ď€‰ď€Žď€‚ď€ƒď€Šď€„ď€Źď€‚ď€ ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€„ď€žď€Žď€żď€ ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€‡ď€?ď€‹ď€ˆď€‘ď€Šď€„ď€Źď€‚ď€ ď€‡  ď€’ď€“ď€”ď€•ď€‚ď€‡ď€”ď€–ď€†ď€—ď€‡ď€˜ď€…ď€‡ď€•ď€†ď€”ď€™ď€…ď€‡ď€™ď€…ď€ƒď€šď€…ď€•ď€‡ď€‡



ď€„ď€™ď€Žď€‚ď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€Šď€ ď€‚ď€‹ď€Œď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€ ď€†ď€‚ď€ ď€ˆď€…ď€„ď€‡ď€ ď€‰ď€Šď€‡ď€ƒď€ƒď€‡ď€ ď€†ď€‡ď€ ď€ƒď€‹ď€Œď€ ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€?ď€‘ď€Žď€‡ď€ ď€†ď€‚ď€ ď€ˆď€…ď€Šď€…ď€?ď€…ď€’ď€‹ď€ ď€ƒď€‚ď€?ď€Šď€‚ď€„ď€…ď€Šď€Žď€…ď€ ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€“ď€ ď€†ď€‚ď€ ď€…ď€†ď€ˆď€Žď€?ď€Žď€ƒď€„ď€Šď€…ď€”ď€•ď€‡ď€–ď€ ď€‘ď€Œď€…ď€?ď€‚ď€’ď€…ď€ˆď€‚ď€?ď€„ď€‡ď€ ď€‚ď€ ď€—ď€…ď€˜ď€‚ď€?ď€†ď€…ď€ ď€†ď€‚ď€‘ď€…ď€Šď€„ď€…ď€ˆď€‚ď€?ď€„ď€‡ď€ ď€†ď€‚ď€ ď€Œď€Žď€?ď€Žď€„ď€…ď€”ď€™ď€‚ď€ƒď€–ď€ ď€?ď€‡ď€ˆď€‘ď€Šď€…ď€ƒď€ ď€‚ď€ ď€?ď€?ď€?ď€Žď€‡ď€ƒď€“ď€

TURISMO

    ď€˜ď€…ď€‡  ď€™ď€…ď€ƒď€šď€…ď€•ď€˜ď€‡  ď€ˆď€œď€”ď€šď€?ď€&#x;ď€ ď€‡  ď€ˆď€&#x;ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€˘ď€œď€˜ď€‡ ď€ ď€Łď€›ď€&#x;  ď€ˆď€&#x;   ď€‚ď€œď€ ď€˜ď€‡ ď€œď€Łď€&#x; ď€&#x; ď€&#x;ď€›ď€—ď€šď€¤ď€œď€šď€Ľď€Śď€“ď€Łď€‡ ď€§ď€œď€“ď€‡   ď€?ď€&#x; ď€&#x; ď€Œď€“ď€šď€‡ ď€?ď€&#x;ď€‡ď€Ąď€–ď€‡ď€ˆď€œď€”ď€šď€?ď€Ťď€žď€šď€–ď€‡ď€Ąď€“ď€‡ď€ˆď€&#x;ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€˘ď€œď€Źď€ˆď€‚ď€­ď€‡

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€ƒď€†ď€‡ď€‰ď€Šď€†ď€‚ď€‚ď€†ď€‡ď€…ď€†ď€‡ď€‚ď€‹ď€Œď€‡

ď€

ď€ ď€†ď€‡ ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€? ď€…ď€ ď€‡ ď€ˆď€„ď€Šď€„ď€? ď€ ď€›ď€œď€?ď€&#x; ď€žď€ ď€‡ ď€ˆď€?ď€œď€&#x; ď€&#x;ď€&#x; ď€&#x; ď€‚ď€˘ď€Łď€†ď€ ď€‡ď€ˆď€‰ď€‡ď€Šď€‹ď€Œď€ ď€?ď€Žď€ ď€?ď€?ď€‘ď€‡ď€‰ď€ˆď€‡ď€’ď€?ď€“ď€ˆď€Žď€ ď€?ď€?ď€ ď€”ď€•ď€–ď€•ď€ˆď€‡ď€—ď€˜ď€Žď€†ď€ ď€™ď€Žď€’ď€‘ď€‰ď€‡ď€Œď€ ď€?ď€ ď€™ď€Žď€“ď€Šď€šď€“ď€•ď€Žď€Œď€†ď€ ď€ˆď€Žď€‰ď€“ď€‡ď€ ď€‘ď€›ď€œď€?ď€•ď€–ď€Žď€ ď€‘ď€‡ď€‰ď€‡ď€ ď€–ď€Žď€“ď€žď€?ď€?ď€“ď€ˆď€Žď€ ď€?ď€?ď€ ď€ˆď€Žď€?ď€Žď€Œď€ ď€Žď€Œď€ ď€•ď€“ď€ˆď€?ď€?ď€Œď€Œď€‡ď€?ď€Žď€Œď€ ď€&#x;ď€?ď€ ď€“ď€Žď€ ď€‘ď€‰ď€Žď€–ď€?ď€Œď€Œď€Žď€ ď€?ď€•ď€–ď€•ď€ˆď€‡ď€ˆď€Ąď€‰ď€•ď€Žď€ ď€’ď€Žď€?ď€?ď€?ď€?ď€?ď€ ď€‘ď€Ąď€ ď€¤ď€Ľď€&#x;ď€? ď€Śď€Šď€‡ď€Şď€Ťď€Źď€­ď€Ťď€Žď€Ťď€†ď€ ď€&#x;ď€?ď€ ď€Šď€?ď€‰ď€Œď€‡ď€ ď€Œď€Žď€œď€‰ď€?ď€ ď€?ď€&#x;ď€&#x;ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€&#x;ď€&#x; ď€?ď€&#x;ď€?ď€œď€ ď€Śď€žď€ ď€Ąď€‡ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€‡ď€žď€ ď€‡ď€ƒď€Ąď€?ď€?ď€&#x;ď€&#x;ď€&#x;ď€?ď€?ď€?ď€?ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€&#x; ď€? ď€‰ď€ ď€›ď€œď€Ľď€&#x; ď€„ď€žď€ąď€¨ď€Śď€¨ď€›ď€œď€Ąď€?ď€œď€¨ď€˛ď€?  ď€? ď€&#x; ď€ˆď€˘ď€Śď€¨ď€§ď€łď€ˇď€¨ď€&#x; ď€?ď€&#x;  ď€?ď€„ď€—ď€ˆď€–ď€‡ ď€&#x;ď€&#x; ď€&#x;ď€Śď€œď€Ąď€?ď€œď€&#x;  ď€‚ď€˘ď€ľď€ ď€ąď€ˇď€Ąď€ťď€›ď€œď€¨ď€ąď€&#x;  ď€Ťď€Ťď€źď€˝ď€“ď€Žď€žď€Ťď€żď €ď€Şď€Źď€Ťď€Şď€‡ ď€ ď€Śď€œď€Ąď€ ď€‡ ď€?ď€?ď ď€? ď€ ď€§ď€&#x;ď€Śď ‚ď€ąď€¨ď€§ď€?ď€?ď€&#x;ď€‡ď€ˆď€˘ď€Śď€¨ď€§ď€łď€ˇď€¨ď€&#x;ď€‡ď€žď€ ď€‡ď€ˆď€?ď€?ď€?ď ƒď€˘ď€‡ď€žď€ ď€‡ď€?ď€&#x;ď€&#x;ď€&#x;ď€?ď€&#x;ď€?ď€&#x;   ď€?ď€&#x;ď€Śď€œď€Ąď€?ď€œď€&#x;  ď€ ď€ąď€ˇď€Ąď€ťď€›ď€œď€¨ď€ąď€&#x;  ď€Žď€Žď „ď€žď€Źď€†ď€? ď€?ď€&#x; ď€&#x; ď€&#x; ď€&#x;ď€&#x; ď€?ď€&#x;ď€–ď€ ď€–ď€Žď€’ď€ ď€•ď€“ď€˘ď€–ď€•ď€Žď€ ď€Łď€Œď€ ď€¤ď€Ľď€ ď€žď€†ď€ ď€?ď€Žď€ ď€?ď€•ď€‡ď€ ď€Śď€§ď€¨ď€Śď€Śď€¨ď€Šď€¤ď€Śď€¤ď€Şď€ ď€Ťď€‡ď€Źď€‰ď€Žď€ ď€­ď€Œď€?ď€ ď€Šď€?ď€?ď€?ď€Žď€‰ď€‡ď€ ď€?ď€Žď€ ď€–ď€?ď€‰ď€ˆď€‡ď€’ď€?ď€ ď€‘ď€Žď€‰ď€ ď€‡ď€‘ď€‰ď€?ď€Œď€?ď€“ď€ˆď€‡ď€‰ď€ ď€Žď€ ď€’ď€?ď€“ď€Žď€‰ď€ ď€‘ď€‰ď€?ď€—ď€Žď€ ď€‡ď€ ď€?ď€•ď€–ď€•ď€ˆď€‡ď€“ď€ˆď€?ď€Žď€ ď€ ď€Śď …ď€&#x;ď€&#x;ď€›ď€‡ď€Œď€œď€žď€?ď€†ď€ ď€•ď€ˆď€?ď€’ď€ ď€“ď€Żď€ ď€¤ď€Śď€ ď€ˆď€Žď€ˆď€‡ď€?ď€?ď€Žď€ ď€Žď€ ď€Šď€‡ď€?ď€Žď€‰ď€ ď€?ď€?ď€ ď€‚ď€ąď€ ď€˛ď€˛ď€Şď€¤ď€¤ď€¤ď€†ď€¤ď€¤ď€ ď€łď€ˆď€‰ď€•ď€“ď€ˆď€‡ď€ ď€?ď€ ď€ˆď€‰ď€šď€Œď€ ď€’ď€•ď€?ď€ ď€‰ď€?ď€‡ď€•ď€Œď€´ď€Şď€ ď€ ď€ľď€‡ď€‰ď€‡ď€–ď€‡ď€śď€ ď€¨ď€ľď€Ťď€†ď€ ď€Šď€˛ď€ ď€?ď€?ď€ ď€“ď€Žď€Šď€?ď€’ď€œď€‰ď€Žď€ ď€?ď€?ď€ ď€Šď€Şď€¤ď€Śď€¤ď€Şď€ ď€‡ ď€‘ď€„ď€ƒď€Šď€?ď€?ď€Žď€„ď€‡ď€…ď€„ď€‡ď€‚ď€Žď€Œď€™ď€„ď€‡ď€—ď€ ď€Šď€Šď€ ď€Žď€Šď€„ď€‡ ď€&#x;ď€? 

TEMOS VAGAS



ď€

   , '$13%$$''$9$+4$$ $  $4$6'222(7.

$

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€ƒď€†ď€‡ď€‰ď€Šď€†ď€‚ď€‚ď€†ď€‡ď€…ď€†ď€‡ď€‚ď€‹ď€Œď€‡ ď€ˆď€‹ď€?ď€?ď€?ď€‘ď€Žď€†ď€‡ď€…ď€ ď€‡ď€ˆď€„ď€Šď€„ď€?

ď€ ď€‚ď€ƒď€„ď€…ď€ƒď€†ď€…ď€‡ď€ˆď€‰ď€Šď€‡ď€‹ď€Œď€?ď€?ď€?ď€?

  '       -*   -* 

$    $   $ $  $ $ ! $ $ 50$ $ $  $8$  $$ -$$$ $ $ 4$*)1(+))7'$$  $0$ $$    %$$ $ $ ,$ $ *+$" #$  %$$ $ $8$  $$ -$$ $ $ $4$*)1(+))7%$$$ $*1')/'+)*)'$

Precisa-se

                *&"*A*002.4020*  ;*  "!**A*002.4020* " H*  "* "!* * 6 !,* ***3$*"-*

' H* J! *   !* &&+* * J! * '" +* 6!+* "%"* * !* * * ""*" & *"*  ""* "!* * '"-* * #"!H* "* " "* "* & 9"*  * /,204-C<2+00* ( * * * &!* * *= "* *&* ")+*    *"**F-:0C1**"!* "!* * "+*  * "6* "* & 9"*  * /,2-2F?-0@2+00* (&* &!;* * * "* * *&!* *  "* *&* ")-* "& * "!H* *  "!*C-???.F8+*I2D**?<+***"!5 "**7'>*-* ""B;H*"&*"""*"* &"*!6!"**"*008.4020-* "&H*" !* G*"*E* !"* "" * ****************!" &* G"*!  !**E* !"* """* 6 !,+**20* * &'* *4020*

    !!"       )"!% #!!+

41830

TĂ&#x2030;CNICA ENFERMAGEM

P/ preparador feminino e masculino. Rua Wanilton Finamore, 1135. 34241001

Com pråtica em confeccþes e ar tigos sociais. Levar currículum na Av: Weimar Gonçalves Torres, 2430

2 &,#&&#'%&%

41992

42028

41844

2 %(#&%#'%&%

DIARISTA DOMĂ&#x2030;STICA Juraci 9921-8926

Cozinheira. Telefone 34236397

VENDEDORAS

2 &&#&&#'%&%

                  

41828

PRECISA-SE URGENTE

Dourados, 2. grau completo, exp. em vendas, dip. p/ viagens, veĂ­culo prĂłprio. Oferecemos: treinamento, ajuda de custo e salĂĄrio compatĂ­vel. Produto lĂ­der de mercado, exclusividade na ĂĄrea. Interessados enviar currĂ­culum p/ este jornal atĂŠ 30/11/2010

2 &&#&&#'%&%

 (*(+)(.1(( (( $%(( ((.,-,(

2X na semana. 9942-3067 Simony

VENDEDOR(A)

ANIMAIS

2 %0#&&#'%&%

2( (( !( $( (  (   4)( ( !((($ ( ($!42( ! (( !* (!(  %  $(!($!46 )(!$((    ( $!( (    ( ! ( 7( $ !   $(   ( !% !)(  & & )+& (& $,%& & .'& & & & & &  0/&)( !!(  ! $(( ( !!$ )( (  0( (  !( $($ !(  (!! (( $(  (!$!)( $( ( !% $ (%!0)((! $(!(!6 ( ((!( !)(!(  (0)( !((  )(!(2($ ! 4!$+(

42021

41832

82/82 - 1 Pulverizador Berthold 2000lts - 1 Plantadeira 9 linhas Fankauser - 9971-8136 ou 3421-8393 R$ 30mil

$$)   $73:)/9-//-0./.))#:).05181)) :)$#$) )$$' )  ):)&)())))))))))))))))))))))))) )1521.90690.))))))))   7:)!)1/)) ) *)22.)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))  2  )  2 "'*(, + 2 &0#&%#'%&% " $2 '%-!&%  /      2      $$)   $73:)/9-//-0./.))#:).0512.)) :)$#$) )$$' )  ):)  )) )))))))))))))))))))) ).0898821/28))))))))   7:)!)) *)/55)+)).2))))))))))))))))))))))))))  2  )  2 %%&*&0#& + 2 '.#&%#'%&% " $2 1%!%%  /      2    # $$)   $73:)/9-//-0./.))#:).05119)) :)$#$) )$$' )  ):) ))),)))))))))))))))))) ).06//011///))))))))   7:)!))))%*)/.86)))))))))))))))))))))))  2  )  2 '&%,#%+ 2 '&#%,#'%&% " $2 0(!(,  /      2    # $$)   $73:)/9-//-0./.))#:).05164)) :)$#$) )$$' )  ):) )) )))))))))))))))))))) ".928219..../96)))))   7:)!)"!))%)25.)))))))))))))))))))))))))))))))  2  )  2 %%%&&, + 2 '%#%,#'%&% " $2 ("&'.!'1  /      2      $$)   $73:)/9-//-0./.))#:).05118)) :)$#$) )$$' )  ):)&  )%))!))))))))))))))))) )..596008//8))))))))   7:),) )*)5/4*)%,) !)))))))))))))))))))))))  2  )  2 0. + 2 &*#%0#'%&% " $2 (%%!%%  /      2   

BALCONISTA

41949

De auto-elÊtrica (peças novas). 8158-5458

! ( !(+( (  !(*( # -& &  & &*& &&" & &* (!( $!!( ( !)(!( (!((( )(!($!(!( )( +((  & (!( $(   !( !)( ( ( !&$'( ( #  &  )((7(! !(   ("!!)( 3(1.5)( !!( & $'(  !&')( ( ! !(  ( !!$ )(&'( / &'(!%!#&'( &'+(

41725

SecretĂĄria (s/ experiĂŞncia) ou diarista 9115-6330 ou 9953-1613

41862

Pampers R$ 28,00, HGGIES R$ 29,00. 9904-5508

Comercial, predial. 81763050 ou 9639-0082

"  & & &(& & & &&&&      



 

41980

VENDO CONVENIĂ&#x160;NCIA

Completa, aceito carro no negĂłcio. 8448-3309

39335

BABĂ

 &&!&&&&&&&&&&&&&&&&

BABĂ OU DOMĂ&#x2030;STICA

Ibanez RBX774, ativo e cabeçote gianinni valvulado. 9905-7154

VENDO MECĂ&#x201A;NICA

ELETRICISTA RESID.

           

3X semana. 9976-6327

VENDO CONTRA-BAIXO

E patchcolagem. 34236342 ou 9293-6849

BaĂş. montagem de mĂłveis. 9609-1756 JoĂ o Carlos

Diarista e ajudante de cozinha de restaurante. 96523864/8435-5444 Sandra 9241-8201 Julcenara

42013

CURSO DE BORDADO

33238

De idoso noturno. 34227607/9917-1103 Eunice 42003

Chiqueirinho p/ bebĂŞ, na cor rosa e cadeirinha bebĂŞ conforto burigotto. 34260363

Em Dourados. (67) 99718641

36987

41668

ACOMPANHANTE

41839

VENDO LOTĂ&#x2030;RICA

41953

PROCURA-SE EMPREGO

VENDO BORDER COLLIE Filhotes nascidos dia 20/09. 3427-0024

41691

COMPRO SEMI NOVOS

41283

41771

AUX. DE LIMPEZA

Roupas, calçados e acessórios. 9603-0594

Overloque e galoneira. 9904-5508

3428-2401 ou 9917-0706

41277

Loja inf, 6 meses de func, mĂłveis em MDF da Aretha MĂłveis, informatizada, estoque de 1Âş linha, enxoval atĂŠ tam 16 R$ 80 mil. Aceito carro. 9975-3430

COMPRO 2 MĂ QUINAS

41904

FILHOTES POODLE TOY

    

))-'*.6'*5*&+. $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$ $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$&%$+-$ $  !$ $+)*)'$

" $$!  $!$!!$+!&$

! $ !$  !$  $ !4/%$ "$ #$ $!&$)2%$%$,0$'$*.%$%$!$ $  ! $3$5&1111'8-&$

 "$

!$

!#!4/$

 $

!$

'$

!$ # !$ !!$ !$ "! !4/$ $  6$ $   !!4/$"! &$

!!!%$**$ $ "#$ $*()(&$         $$$$$$$$$ $


6

Atos Oficiais Atos Oficiais

Atos Oficiais

Atos Oficiais Atos Oficiais

C2

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 PREFEITURA MUNICIPAL DE MARACAJU PORTARIA PREVMMAR/MS N 183/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

Parågrafo único. A Servidora beneficiåria exerce sua atividade de professora somente em um período. Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia. 13.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

Maracaju/MS, 11 de Novembro de 2010.

RESOLVEM: CONCEDER a servidora Jussara Mendes Ferreira, 30 (trinta) dias de LICENĂ&#x2021;A INICIAL, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.151/2010, no perĂ­odo de 08.11.2010 a 07.12.2010.

Solange Ferreira Santos Souza Diretora-Presidenta

REGISTRE-SE AFIXE

CUMPRA-SE Wolfe de Freitas Diretor Fin. e BenefĂ­cios

ParĂĄgrafo Ăşnico. A Servidora beneficiĂĄria exerce sua atividade de professora somente em um perĂ­odo.

PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 188/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia. 08.11.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

Maracaju/MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e Benefícios PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 184/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

RESOLVEM: CONCEDER a servidora Ticiana Ducel Romeiro Pereira, 30 (trinta) dias de LICENĂ&#x2021;A INICIAL, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.137/2010, no perĂ­odo de 18.10.2010 a 16.11.2010. ParĂĄgrafo Ăşnico. A Servidora beneficiĂĄria exerce sua atividade de professora somente em um perĂ­odo. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia. 18.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

Maracaju/MS, 11 de Novembro de 2010.

RESOLVEM: CONCEDER a servidora Maristela Ferraz de Barros, 29 (vinte e nove) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.135/2010, no perĂ­odo de 01.10.2010 a 29.10.2010.

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios

Parågrafo único. A Servidora beneficiåria exerce sua atividade de professora somente em um período. Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia. 01.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju/MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 185/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: CONCEDER a servidora Deolinda Paes, 51 (cinqĂźenta e um) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.141/2010, no perĂ­odo de 21.10.2010 a 10.12.2010. ParĂĄgrafo Ăşnico. A Servidora beneficiĂĄria exerce sua atividade de professora somente em um perĂ­odo. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia. 21.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju/MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 186/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: CONCEDER a servidora ClĂŠlia Oliveira Fernandes, 62 (sessenta e dois) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.140/2010, no perĂ­odo de 31.10.2010 a 31.12.2010. ParĂĄgrafo Ăşnico. A Servidora beneficiĂĄria exerce sua atividade de professora somente em um perĂ­odo. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia. 31.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju/MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 187/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: CONCEDER a servidora GlĂłria Maria da Silva, 30 (trinta) dias de LICENĂ&#x2021;A INICIAL, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.139/2010, no perĂ­odo de 13.10.2010 a 11.11.2010.

ď&#x20AC; ď&#x20AC;&#x201A;ď&#x20AC;&#x192;ď&#x20AC;&#x201E;ď&#x20AC;&#x2026;ď&#x20AC;&#x2020;ď&#x20AC;&#x2021;ď&#x20AC;&#x2026;ď&#x20AC; ď&#x20AC;&#x2021;ď&#x20AC;&#x2C6;ď&#x20AC;&#x201E;ď&#x20AC;&#x192;ď&#x20AC;&#x2020;ď&#x20AC;&#x2021;ď&#x20AC;&#x2030;ď&#x20AC;&#x160;ď&#x20AC;&#x2020;ď&#x20AC;&#x201A;ď&#x20AC;&#x201A;ď&#x20AC;&#x2020;ď&#x20AC;&#x2021;ď&#x20AC;&#x2026;ď&#x20AC;&#x2020;ď&#x20AC;&#x2021;ď&#x20AC;&#x201A;ď&#x20AC;&#x2039;ď&#x20AC;&#x152;ď&#x20AC;&#x2021; ď&#x20AC;&#x2C6;ď&#x20AC;&#x2039;ď&#x20AC;?ď&#x20AC;&#x17D;ď&#x20AC;?ď&#x20AC;?ď&#x20AC;&#x2018;ď&#x20AC;&#x17D;ď&#x20AC;&#x2020;ď&#x20AC;&#x2021;ď&#x20AC;&#x2026;ď&#x20AC; ď&#x20AC;&#x2021;ď&#x20AC;&#x2C6;ď&#x20AC;&#x201E;ď&#x20AC;&#x160;ď&#x20AC;&#x201E;ď&#x20AC;?ď&#x20AC;&#x201E;ď&#x20AC;&#x2019;ď&#x20AC;&#x2039;ď&#x20AC; ď&#x20AC;

  

#      & !(" !  

  & $ " ! 

   )

  %   

 )



     

(    ( >(  $( ( % (  ! ( ! ( (

   '( !( ! (  ( !!!( !!(  !( !#0 ( !(  ! !95((78(((!9( $ (2 !((!96)(!( ! !* (( 0(  ( .:( ?( /.(  (  $%(  ( /-.-( $( ( $0 )( $ (  $(( !( (!%! (! !+((   ( ! (  ( !!( !(  ! !95(   ( >( ;(  ( ,( .-+---)--( & (  (  !')( !(  ( !( $( -.( &$!'( 4!( ! !(  ( ( !( (>!+( #  (    ( >(  1( >!( ( 0(  ( -3( &>'( $  ( !;( !( !!(  ( -:+-/+/-..)(  (  ( !  !( $( !(  1 !( ( 9= )(!(!  ( $ )( ($4( $ ( ( (!1)((  ($! !* *1(!!;( ( $(+(   



   )(( ( ( (

 <((

( ( ( (

((!( !("!!(  +(!((  ( (

(

!!!*)(-:( (  $%( (/-.-+(

REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 189/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 192/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER a servidora, LUCIENE SOUZA DA SILVA, 45(quarenta e cinco) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 148/2010, no perĂ­odo de 01.11. 2010 ĂĄ 15.12.2010. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 01.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE AFIXE Solange Ferreira Santos Souza Diretora-Presidenta

CUMPRA-SE Wolfe de Freitas Diretor Fin. e BenefĂ­cios

PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 193/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER a servidora, NELI DA SILVA NEVES, 30(trinta) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 147/2010, no perĂ­odo de 08.10. 2010 ĂĄ 06.11.2010. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 08.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 197/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER ao servidor, HĂ&#x2030;LIO HANIU, 55(cinqĂźenta e cinco) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 145/2010, no perĂ­odo de 18.10. 2010 ĂĄ 12.12.2010. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 18.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 198/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER ao servidor, JOSĂ&#x2030; PAULO SILVA SANTOS, 38(trinta e oito) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 153/2010, no perĂ­odo de 31.10. 2010 ĂĄ 07.12.2010. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 31.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios

RESOLVEM: CONCEDER a servidora EloĂ­sa S. Lopes da Silva Figueiredo, 32(trinta e dois) dias de LICENĂ&#x2021;AINICIAL, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.136/2010, no perĂ­odo de 25.10.2010 a 25.11.2010.

PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 194/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

ParĂĄgrafo Ăşnico. A Servidora beneficiĂĄria exerce sua atividade de professora em dois perĂ­odos, sendo que o Atestado mĂŠdico apresentado ampara a ambos.

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 25.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER a servidora, MĂ RCIAELIZANGELATEIXEIRA MARTINS, 61(sessenta e um) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 149/2010, no perĂ­odo de 01.11. 2010 ĂĄ 31.12.2010.

RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER ao servidor, NELCIRIO MACHADO DA SILVA, 31(trinta e um) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 150/2010, no perĂ­odo de 07.11. 2010 ĂĄ 07.12.2010.

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 01.11.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 07.11.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 190/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: CONCEDER a servidora Nercina Pereira da Silva, 30(trinta) dias de LICENĂ&#x2021;A INICIAL, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.135/2010, no perĂ­odo de 03.11.2010 a 02.12.2010. ParĂĄgrafo Ăşnico. A Servidora beneficiĂĄria exerce sua atividade de professora em dois perĂ­odos, sendo que o Atestado mĂŠdico apresentado ampara a ambos. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 03.11.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios PORTARIA PREVMMAR/MS NÂş 191/2010 PREVMMAR - Serviço de PrevidĂŞncia dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de BenefĂ­cios, usando das atribuiçþes que lhes sĂŁo conferidas por Lei; CONSIDERANDO, a previsĂŁo legal contida no art. 59, da Lei NÂş 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciĂĄria aplicĂĄvel Ă matĂŠria; RESOLVEM: CONCEDER a servidora Avelina Souza Brites, 45(quarenta e cinco) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica NÂş.142/2010, no perĂ­odo de 19.10.2010 a 02.12.2010. ParĂĄgrafo Ăşnico. A Servidora beneficiĂĄria exerce sua atividade de professora em dois perĂ­odos, sendo que o Atestado mĂŠdico apresentado ampara a ambos. Art. 2Âş - Esta Portaria entrarĂĄ em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 19.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario. Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010. REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e Benefícios PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 199/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010.

Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010.

REGISTRE-SE

REGISTRE-SE

AFIXE

Solange Ferreira Santos Souza Diretora-Presidenta

CUMPRA-SE Wolfe de Freitas Diretor Fin. e BenefĂ­cios

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios

PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 195/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 200/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER a servidora, ANTONIA APARECIDA GONĂ&#x2021;ALVES, 30(trinta) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 152/2010, no perĂ­odo de 03.11. 2010 ĂĄ 12.12.2010.

RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER ao servidor, RUBENS DE OLIVEIRA BASILIO, 70(setenta) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 143/2010, no perĂ­odo de 23.10. 2010 ĂĄ 31.12.2010.

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 03.11.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 23.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010.

Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010.

REGISTRE-SE

REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios

PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 196/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

PORTARIA PREVMMAR/MS Nº 201/2010 PREVMMAR - Serviço de Previdência dos Servidores Municipais de Maracaju, Estado de Mato Grosso do Sul, neste ato representado pela Diretora Presidenta e Diretor Financeiro e de Benefícios, usando das atribuiçþes que lhes são conferidas por Lei;

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

CONSIDERANDO, a previsão legal contida no art. 59, da Lei Nº 1.433/2005, de 23.09.2005 em consonância com o disposto na Constituição Federal e legislação previdenciåria aplicåvel à matÊria;

RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER ao servidor, JOSĂ&#x2030; MARCONDES RIBEIRO, 120(cento e vinte) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 146/2010, no perĂ­odo de 01.11. 2010 ĂĄ 18.02.2011.

RESOLVEM: Art. 1Âş - CONCEDER ao servidor, CARLOS DE OLIVEIRA BASILIO, 70(setenta) dias de PRORROGAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE LICENĂ&#x2021;A, para tratamento de saĂşde, conforme Boletim de Inspeção MĂŠdica nÂş 144/2010, no perĂ­odo de 23.10. 2010 ĂĄ 31.12.2010.

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 01.11.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

Art. 2º - Esta Portaria entrarå em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos ao dia 23.10.2010, revogadas as disposiçþes em contrario.

Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010.

Maracaju-MS, 11 de Novembro de 2010.

REGISTRE-SE

REGISTRE-SE

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios

AFIXE

CUMPRA-SE

Solange Ferreira Santos Souza Wolfe de Freitas Diretora-Presidenta Diretor Fin. e BenefĂ­cios


C2

Atos Oficiais Atos Oficiais

Atos Oficiais

7

Atos Oficiais Atos Oficiais

O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo das Receitas e Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

Lei 9.394/96 Art. 72 - Anexo X

23/11/2010

ADCT, art. 77 - Anexo XVI

RECEITAS DE IMPOSTOS

Receitas Realizadas

Previsão Atualizada (a)

Previsão Inicial

No Bimestre

Até o Bimestre (b)

% (c)=(b / a) x100

550.000,00

142.690,09

841.992,65

153,09

204.999,96

205.000,00

14.694,73

191.934,72

93,63

124.999,98

125.000,00

3.863,48

97.048,85

77,64

Multas E Juros De Mora Do IPTU

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Receita Da Dívida Ativa Do IPTU

79.999,98

80.000,00

10.831,25

94.885,87

118,61

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana - IPTU

Multas E Juros De Mora Da Dívida Ativa Do IPTU

Imposto sobre Transmissão Inter Vivos de Bens Imóveis e de Direitos

Impostos

444.999,96

445.000,00

747.106,78

167,89

Multa, Juros de Mora e Dívida Ativa dos Impostos

104.999,94

105.000,00

94.885,87

90,37

0,00

0,00

0,00

0,00

104.999,94

105.000,00

94.885,87

90,37

Dívida Ativa dos Impostos Receitas de Transferências Constitucionais e Legais

0,00

0,00

0,00

0,00

TOTAL DAS RECEITAS PREVIDENCIÁRIAS RPPS (III)=(I+II)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

298.943,66

213,53

Do Estado para o Município

199.999,98

200.000,00

52.060,00

26,03

TRANSF. DE RECURSOS DO SIST. ÚNICO DE SAÚDE - SUS(II)

Demais Municípios para o Município

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

5.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO VINCULADAS À SAÚDE (III)

0,00

0,00

0,00

0,00

OUTRAS RECEITAS ORÇAMENTÁRIAS

4.184.600,04

4.184.600,00

3.801.448,48

90,84

231.737,65

144,84

(-) DEDUÇÕES PARA O FUNDEB

1.943.900,00

1.943.900,00

1.574.142,28

80,98

139.999,98

140.000,00

58.618,83

231.737,65

165,53

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

TOTAL

13.283.999,98

13.284.000,00

12.164.841,03

91,58

Imposto sobre a Renda e Proventos de Qualquer Natureza - IR

40.000,02

40.000,00

38.541,47

119.376,62

298,44

Multas E Juros De Mora Impostos De Renda E Proventos De Qualquer

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Receita Da Dívida Ativa Do Imposto Sobre A Renda E Proventos De

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Multas E Juros De Mora Da Dívida Ativa Do IRPQN

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Deduções da Receita do IRRF

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Receita Resultante do Imposto Territorial Rural ITR (CF, art. 153, §4º,

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Multas e Juros de Mora do Imposto sobre a Propriedade Territorial

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Receita da Dívida Ativa do Imposto sobre a Propriedade Territorial

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Multas e Juros de Mora da Dívida Ativa do Imposto sobre a

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Deduções da Receita do ITR

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

9.509.300,04

9.509.300,00

1.588.137,26

8.139.376,33

85,59

Cota-Parte do Fundo de Participação dos Municípios - FPM

6.000.000,00

6.000.000,00

936.198,31

5.048.028,85

84,13

Cota-Parte do ICMS

3.218.800,02

3.218.800,00

584.941,44

2.785.226,64

86,53

17.500,02

17.500,00

5.511,32

15.145,68

86,55

11.000,00

47.207,69

52.868,45

480,62

10.999,98

Cota-Parte do Imp. sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro ou

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

262.000,02

262.000,00

14.278,50

238.106,71

90,88

Transferência Financeira do ICMS - Desoneração - L.C. Nº 87/96 TOTAL DA RECEITA BRUTA DE IMPOSTOS

0,00 114,23

0,00

58.618,83

298,44

Cota-Parte do IPVA

0,00 116.512,73

0,00

0,00

119.376,62

Cota-Parte do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural - ITR

0,00 102.000,00

0,00

160.000,00

38.541,47

Cota-Parte do IPI sobre Exportação

0,00 102.000,00

0,00

40.000,00

RECEITAS DE TRANSFERENCIAS CONSTITUCIONAIS E LEGAIS

Outras Receitas do SUS

159.999,96

40.000,02

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

10.059.299,94

10.059.300,00

1.730.827,35

8.981.368,98

89,28

Dotação

Despesas com Saúde (Por Grupo de Natureza de Despesa)

Atualizada (c)

DESPESAS CORRENTES

RECEITA DA APLICAÇÃO FINANCEIRA DE OUTROS RECURSOS DE TRANSFERÊNCIAS DO FNDE Transferências do Salário-Educação Outras Transferências do FNDE

Transferências de Convênios

Até o Bimestre

%

0,00

0,00

0,00

94.482,46

352.081,51

92,90

79.999,98

80.000,00

20.104,66

46.897,62

58,62

298.999,98

299.000,00

74.377,80

305.183,89

102,07

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

49.999,98

50.000,00

0,00

0,00

0,00

49.999,98

50.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

RECEITA DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO

Aplicação Financeira dos Recursos de Convênios

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

OUTRAS RECEITAS PARA FINANCIAMENTO DO ENSINO

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

428.999,94

429.000,00

94.482,46

352.081,51

82,07

TOTAL DAS OUTRAS RECEITAS DESTINAS AO ENSINO

DESPESAS PREVIDENCIÁRIAS - RPPS (Exceto Intra-Orçamentária)(IV)

% (d / c)

Receitas do FUNDEB Receitas Destinadas ao FUNDEB Cota Parte FPM Destinadas ao FUNDEB (20%)

No Bimestre

Até o Bimestre

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Despesas Correntes

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Despesas de Capital

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

PREVIDÊNCIA SOCIAL

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Aposentadorias

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Pensões

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Outros Benefícios Previdenciários

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Compensação Prev. Entre Regime Geral e os Regimes

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Demais Despesas Previdenciárias

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

ADMINISTRAÇÃO GERAL

Outros Despesas Previdenciárias

Pessoal e Encargos Sociais

1.200.000,00

1.804.600,00

1.207.571,33

66,92

Juros e Encargos da Dívida

0,00

0,00

0,00

0,00

Outras Despesas Correntes

1.398.000,00

1.669.700,00

842.629,89

50,47

DESPESAS PREVIDENCIÁRIAS - RPPS (Intra-Orçamentária)(V)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

220.000,00

353.200,00

75.617,57

21,41

TOTAL DAS DESPESAS PREVIDENCIÁRIAS (VI)=(IV+V)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

220.000,00

353.200,00

75.617,57

21,41

RESULTADO PREVIDENCIÁRIO (VII)=(III-IV)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Inversões Financeiras

0,00

0,00

0,00

0,00

Amortização da Dívida

0,00

0,00

0,00

0,00

2.818.000,00

3.827.500,00

2.125.818,79

55,54

DESPESAS DE CAPITAL Investimentos

TOTAL (IV)

RESERVA ORÇAMENTÁRIA DO RPPS

Dotação

Despesas Próprias com Ações e Serviços Públicos e de Saúde

(-) DESPESAS CUSTEADAS COM OUTROS RECURSOS DESTINADOS

TOTAL DESP. PRÓP. COM AÇÕES E SERV. PÚB. DE SAÚDE(V)

3.827.500,00

BENS E DIREITOS DO RPPS

% (e) / desp. saúde

2.125.818,79

100,00

0,00

0,00

0,00

0,00

312.000,00

312.000,00

171.288,16

8,06

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

312.000,00

312.000,00

171.288,16

8,06

0,00

0,00

0,00

0,00

2.506.000,00

3.515.500,00

1.954.530,63

91,94

Aplicação Mínima em 2009 (f)

Controle de Restos a Pagar Inscritos em Exercícios Anteriores Vinculados à Saúde

Até o Bimestre (e)

Atualizada

2.818.000,00

(-) DESPESAS COM INATIVOS E PENSIONISTAS

Restos a Pagar

Aplicação Apurada em 2009 (g)

RP DE DESPESAS PRÓPRIAS COM AÇÕES EM SERVIÇOS

Inscritos em 31/12/ 2009

0,00

Cancelados em 2010 (VI)

0,00

0,00

0,00

PARTICIPAÇÃO DAS DESPESAS COM AÇÕES E SERVIÇOS PÚBLICOS DE SAÚDE NA RECEITA DE IMPOSTOS E TRANSFERÊNCIAS CONTITUCIONAIS E LEGAIS - LIMITE CONSTITUCIONAL (15%) [(V-VI)/I]

313.669,35

1.574.142,28

80,98

1.300.000,00

1.300.000,00

187.239,63

1.009.605,54

77,66

ICMS - Desoneração Destinadas ao FUNDEB (20%)

0,00

Cota Parte ICMS Destinadas ao FUNDEB (20%)

0,00

0,00

0,00

0,00

4.600,00

4.600,00

0,00

0,00

0,00

Cota Parte ITR Destinadas ao FUNDEB (20%)

9.000,00

9.000,00

9.441,49

10.573,51

117,48

630.300,00

630.300,00

116.988,23

553.963,23

87,89

880.000,02

880.000,00

171.462,16

838.018,24

95,23

880.000,02

880.000,00

171.462,16

838.018,24

95,23

Cota Parte IPVA Destinadas ao FUNDEB (20%) RECEITAS RECEBIDAS DO FUNDEB Transferencias de Recursos do FUNDEB Complementação da União ao FUNDEB

0,00

Receita de Aplicação Financeira dos Recursos do FUNDEB RESULTADO LÍQUIDO DAS TRANSFERÊNCIAS DO FUNDEB (11.1.0 -

0,00

Com Ensino Fundamental Com Educação Infantil Com Ensino Fundamental TOTAL DAS DESPESAS DO FUNDEB (13.0.0+14.0.0)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

-1.063.900,00

-142.207,19

-736.124,04

69,19

0,00

0,00

-736.124,04

0,00

0,00

Despesas Liquidadas

Dotação Atualizada (d)

No Bimestre

Até o Bimestre

1.954.635,58

198.286,88

1.734.816,70

88,75

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

3.560.000,00

1.954.635,58

198.286,88

1.734.816,70

88,75

6.748.000,00

7.057.100,00

193.188,78

1.809.666,58

25,64

1.064.000,00

3.257.300,00

5.524,92

61.263,00

1,88

5.684.000,00

3.799.800,00

187.663,86

1.748.403,58

46,01

10.308.000,00

9.011.735,58

391.475,66

3.544.483,28

39,33

DEDUÇÕES PARA FINS DE LIMITE DO FUNDEB PARA PAGAMENTO DOS PROFISSIONAIS DO

Valor 0,00

DESPESAS CUSTEADAS COM O SUPERÁVIT FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR DO FUNDEB

0,00

TOTAL DAS DEDUÇÕES CONSIDERADAS PARA FINS DE LIMITE DO FUNDEB (16.0.0 + 17.0.0)

0,00

MÍNIMO DE 60% DO FUNDEB NA REMUNERAÇÃO DO MAGISTÉRIO COM EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL((13-18)/11*100)

207,01

Valor

99,98

Vigilância Sanitária

35.000,00

0,00

0,00

0,00

Vigilância Epidemiológica

15.000,00

1.900,00

760,52

0,02

3.008.000,00

3.980.000,00

3.313.786,42

100,00

TOTAL

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demostrativo das Despesas de Caráter Continuado Derivadas das Parcerias Público-Privadas Contratadas Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

IMPOSTOS E TRANSFERÊNCIAS DESTINADAS À MDE

2.514.824,99

Despesas com Ações Típicas de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino

2.514.825,00

Educação Infantil

522.000,00

0,00

0,00

0,00

Outras Bens e Direitos

0,00

0,00

0,00

Investimentos

0,00

0,00

0,00

Receitas Intra-Orçamentárias - RPPS

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

9.011.735,58

Até o Bimestre

%

0,00

Receita de Contribuições

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Patronal

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Para Cobertura de Déficit Atuarial

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Em Regime de Débitos e Parcelamentos

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

RECEITAS DE CAPITAL (IX)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

DEDUÇÕES DA RECEITA (X)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

TOTAL DAS RECEITAS PREVIDENCIÁRIAS INTRA-ORÇAMENTÁRIAS

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

13.284.000,00

2.546.769,39

19,17

12.164.841,03

91,58

1.119.158,97

12.684.000,00

2.257.484,29

17,80

11.062.616,83

87,22

1.621.383,17

1.1.00.00.00

RECEITA TRIBUTáRIA

580.099,92

1.1.20.00.00 1.1.30.00.00

14,04

76.777,25

63,98

43.222,75

49.257,69

17,59

301.451,04

107,66

-21.451,04

55.000,08

55.000,00

45.078,90

81,96

9.921,10

1.3.00.00.00

RECEITA PATRIMONIAL

1.3.10.00.00

Receitas Imobiliárias

1.3.20.00.00

Receitas de Valores Mobiliários

1.3.30.00.00

Receitas de Concessões e Permissões

1.3.40.00.00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Outras

1.470.000,00

0,00

0,00

537.107,82

0,00

TOTAL DAS DESPESAS COM AÇÕES TÍPICAS DE MDE

7.504.000,00

14.766.171,16

29.657.897,56

141.276.353,84

956,76

Deduções / Adições Consideradas para Fins de Limite Constitucional

Valor

RESULTADO LÍQUIDO DA TRANSFERÊNCIAS DO FUNDEB

-736.124,04

DESPESAS CUSTEADAS COM A COMPLEMENTAÇÃO DO FUNDEB NO EXERCÍCIO

0,00

RECEITA DE APLICAÇÃO FINANCEIRA DOS RECURSOS DO FUNDEB ATÉ O BIMESTRE

0,00

DESPESAS CUSTEADAS COM O SUPERÁVIT FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR, DO FUNDEB

0,00

DESPESAS CUSTEADAS COM O SUPERÁVIT FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ANTERIOR, DE OUTROS RECURSOS DE IMPOSTOS

350.493,56

RESTOS A PAGAR INSCRITOS NO EXERCÍCIO SEM DISPONIBILIDADE FINANCEIRA DE RECURSOS DE IMPOSTOS VINCULADOS AO

0,00

CANCELAMENTO, NO EXERCÍCIO, DE RESTOS A PAGAR INSCRITOS COM DISPONIBILIDADE FINANCEIRA DE RECURSOS DE

0,00

TOTAL DAS DEDUÇÕES/ADIÇÕES CONSIDERADAS PARA FINS DE LIMITE CONSTITUCIONAL

-385.630,48

TOTAL DAS DESPESAS PARA FINS DE LIMITE ((23+24)-37)

141.124.876,50

MÍNIMO DE 25% DAS RECEITAS RESULTANTE DE IMPOSTOS EM MDE (38/3)x100

1.571,31

0,00

0,00

45.078,90

81,96

9.921,10

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

7.504.000,00

14.766.171,16

29.657.897,56

141.276.353,84

956,76

TOTAL GERAL DAS DESPESAS COM MDE

Restos a Pagar Inscritos com Disponibilidade Financeira de Recurso de Impostos Vinculados ao Ensino

Saldo Até o Bimestre

RESTOS A PAGAR DE DESPESAS COM MDE

0,00

0,00

INGRESSO DE RECURSOS DO FUNDEB ATÉ O BIMESTRE PAGAMENTOS EFETUADOS ATÉ O BIMESTRE

0,00

10.726.900,00

1.869.451,42

17,43

9.291.263,43

86,62

1.435.636,57

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

1.7.50.00.00

Transferências de Pessoas

1.7.60.00.00

Transferências de Convênios

1.7.70.00.00

Transferências para Combate à Fome OUTRAS RECEITAS CORRENTES

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

731.999,94

732.000,00

45.756,33

6,25

256.775,14

35,08

475.224,86

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

219.999,96

220.000,00

136.923,48

62,24

265.754,58

120,80

-45.754,58

1.9.10.00.00

Multas e Juros de Mora

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

1.9.20.00.00

Indenizações e Restituições

100.000,02

100.000,00

4.307,53

4,31

26.391,06

26,39

73.608,94

Receita da Dívida Ativa

104.999,94

105.000,00

10.831,25

10,32

94.885,87

90,37

10.114,13

15.000,00

15.000,00

121.784,70

811,90

144.477,65

963,18

-129.477,65

600.000,00

600.000,00

289.285,10

48,21

1.102.224,20

183,70

-502.224,20

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Operações de Crédito Internas

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Operações de Crédito Externas

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Receitas Diversas RECEITAS DE CAPITAL OPERAçõES DE CRéDITO

ALIENAçãO DE BENS Alienação de Bens Móveis

0,00

Alienação de Bens Imóveis

2.3.00.00.00

AMORTIZAçãO DE EMPRéSTIMOS

2.4.00.00.00

TRANSFERêNCIAS DE CAPITAL

DESPESAS DE CAPITAL

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

183,70

-502.224,20

0,00

0,00

0,00

2.4.30.00.00

Transferências de Instituições Privadas

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

2.4.40.00.00

Transferências do Exterior

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

2.4.50.00.00

Transferências de Pessoas Transferências de outras instituições públicas

2.4.70.00.00

Transferências de Convênios

2.4.80.00.00

Transferências para Combate à Fome

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

5.399.891,33

0,00

0,00

Apuração da Regra de Ouro (I-II)

0,00

0,00

6.633.900,00

1.234.008,67

0,00

5.399.891,33

-6.633.900,00

-1.234.008,67

0,00

-5.399.891,33

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

600.000,00

600.000,00

289.285,10

48,21

1.102.224,20

183,70

-502.224,20

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Previsão Atualizada (a)

ALIENAÇÃO DE ATIVOS

0,00

0,00

0,00

Alienação de Bens Móveis

0,00

0,00

0,00

Alienação de Bens Imóveis

0,00

0,00

0,00

Dotação Atualizada (d)

Liquidadas (e)

Saldo a Executar (g)=(d)-(e+f)

APLICAÇÃO DOS RECURSOS DA ALIENAÇÃO DE ATIVOS II

0,00

0,00

0,00

0,00

DESPESAS DE CAPITAL

0,00

0,00

0,00

0,00

Investimentos

0,00

0,00

0,00

0,00

Inversões Financeiras

0,00

0,00

0,00

0,00

Amortização da Dívida

0,00

0,00

0,00

0,00

Despesas Correntes Previdenciárias

0,00

0,00

0,00

0,00

Regime Próprio de Previdência dos Servidores

0,00

0,00

0,00

0,00

SALDO FINANCEIRO A APLICAR

Do Exercício (i) = (b) - (e+f)

Saldo Atual (j) = (h+i)

0,00

0,00

0,00

Em 31 Dez 2009 (a)

DÍVIDA CONSOLIDADA (I) DEDUÇÕES (II) Ativo Disponível Haveres Financeiros (-) Restos a Pagar Processados DÍVIDA CONSOLIDADA LÍQUIDA (III)=(I-II) RECEITAS DE PRIVATIZAÇÕES (IV) PASSIVOS RECONHECIDOS (V) DÍVIDA FISCAL LÍQUIDA (VI)=(III+IV-V)

751.649,23

1.238.621,63

1.636.183,00

751.649,23

690.808,37

890.560,16

0,00

0,00

0,00

0,00

-547.813,26

-745.622,84

-751.649,23

-1.238.621,63

5.475.996,02

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

-751.649,23

-1.238.621,63

5.475.996,02

No Bimestre (c - b)

Até o Bimestre (c - a)

RESULTADO NOMINAL

6.714.617,65

1.102.224,20

852.402,82

13.229.000,00

2.544.775,62

12.119.762,13

10.562.406,80

RECEITAS PRIMÁRIAS TOTAL (VII)=(I+VI)

10.950.375,31

10.126.247,37

Pessoal e Encargos Sociais

6.340.920,77

1.114.560,77

5.749.060,80

5.151.524,33

32.000,00

0,00

0,00

8.789.196,00

819.030,71

5.201.314,51

4.967.619,49

15.130.116,77

1.933.591,48

10.950.375,31

10.119.143,82

6.633.900,00

112.586,82

1.234.008,67

874.316,36

5.940.600,00

112.586,82

1.200.164,81

752.735,06

140.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

DESPESAS DE CAPITAL (XI)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

2.546.769,39

19,17

12.164.841,03

91,58

1.119.158,97

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

2.1.10.00.00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Para Refinanciamento da Dívida Mobiliária

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Para Refinanciamento de Outras Dívidas

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Concessão de Empréstimos (XII)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Demais Inversões Financeiras

Para Refinanciamento da Dívida Mobiliária

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

2.1.25.00.00

Para Refinanciamento de Outras Dívidas

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

13.283.999,98

13.284.000,00

2.546.769,39

19,17

12.164.841,03

91,58

1.119.158,97

0,00

0,00

0,00

0,00

13.283.999,98

13.284.000,00

2.546.769,39

19,17

0,00

0,00

0,00

0,00

Dotação Inicial (a)

Créditos Adicionais (b)

Dotação Atualizada (c)=(a+b)

Despesas Empenhadas No Bimestre (d)

19.542,95

0,00

12.184.383,98

91,72

0,00

0,00

0,00 1.099.616,02 0,00

Despesas Liquidadas

Até o Bimestre (e)

No Bimestre (f)

Até o Bimestre (g)

% (g/c)

12.486.656,00

9.517.560,77

22.004.216,77

1.932.966,60

15.042.847,26

2.046.178,30

12.184.383,98

55,37

9.819.832,79

3.0.00.00.00

10.049.056,00

5.113.060,77

15.162.116,77

1.860.315,31

12.066.832,00

1.933.591,48

10.950.375,31

72,22

4.211.741,46

4.382.000,00

1.958.920,77

6.340.920,77

1.225.199,51

6.126.967,33

1.114.560,77

5.749.060,80

90,67

DESPESAS CORRENTES

4.0.00.00.00

PESSOAL E ENCARGOS SOCIAIS

DESPESAS DE CAPITAL

16.000,00

32.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

32.000,00

3.138.140,00

8.789.196,00

635.115,80

5.939.864,67

819.030,71

5.201.314,51

59,18

3.587.881,49

2.333.500,00

4.300.400,00

2.083.500,00

6.633.900,00

72.651,29

2.976.015,26

112.586,82

1.234.008,67

18,60

5.399.891,33

INVESTIMENTOS

3.857.100,00

5.940.600,00

72.651,29

2.942.171,60

112.586,82

1.200.164,81

20,20

4.740.435,19

4.5.00.00.00

INVERSÕES FINANCEIRAS

70.000,00

70.000,00

140.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

140.000,00

4.6.00.00.00

AMORTIZAÇÃO DA DÍVIDA

180.000,00

373.300,00

553.300,00

0,00

33.843,66

0,00

33.843,86

6,12

519.456,14

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

104.100,00

104.100,00

208.200,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

208.200,00

RESERVA DE RPPS

9.9.99.99.99

RESERVA DE CONTINGêNCIA

6.9.99.99.99 DESPESAS (INTRA-ORÇAMENTÁRIAS) IX SUB TOTAL DAS DESPESAS (X)=(VIII+IX)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

12.486.656,00

9.517.560,77

22.004.216,77

1.932.966,60

15.042.847,26

2.046.178,30

12.184.383,98

55,37

9.819.832,79

4.6.80.00.00 AMORTIZAçãO DA DíVIDA/REFINANCIAMENTO

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

4.6.80.01.00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

AMORTIZAçãO DA DíVIDA INTERNA

4.6.80.01.01

Dívida mobiliária

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Outras dívidas

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

12.486.656,00

9.517.560,77

22.004.216,77

1.932.966,60

15.042.847,26

2.046.178,30

12.184.383,98

55,37

9.819.832,79

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

12.486.656,00

9.517.560,77

22.004.216,77

1.932.966,60

15.042.847,26

2.046.178,30

12.184.383,98

55,37

9.819.832,79

AMORTIZAçãO DA DíVIDA EXTERNA

4.6.90.01.01

Dívida mobiliária

4.6.90.01.02

Outras dívidas SUB TOTAL COM REFINANC.(XII)=(X+XI) SUPERAVIT (XIII) TOTAL (XIV)=(XII+XIII)

Aquisição de Títulos Representativos de Capital já Integralizado (XIII)

Amortização da Dívida (XIV) DESPESAS PRIMÁRIAS DE CAPITAL (XV)=(XI-XII-XIII-XIV)

Despesas Empenhadas

Dotação Dotação Atualizada Inicial (a)

DESPESAS EXCETO INTRA-ORÇAMENTÁRIA

No Bimestre (b)

12.486.656,00 15.291.046,77

LEGISLATIVA

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Até o Bimestre (c)

No Bimestre (d)

0,00 0,00

23/11/2010

1.932.966,60 15.042.847,26 0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

2.046.178,30 12.184.383,98 0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Saldo (a-e)

% (e/a)

100,00

79,68

3.106.662,79

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

643.457,36 4.261.402,48

695.544,85 3.992.877,49

32,77

93,03

299.328,51

3.093.056,00 3.594.006,00

617.275,79 3.569.355,19

651.402,28 3.466.385,62

28,45

96,45

127.620,38

71,33

107.642,35

267.857,65

2,20

Formação de Recursos Humanos

15.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Comunicação Social

90.000,00

140.000,00

5.700,00

139.902,40

14.800,00

77.512,40

0,64

55,37

62.487,60

Outros Encargos Especiais

76.000,00

182.700,00

260,00

181.682,82

1.185,00

181.121,82

1,49

99,14

1.578,18

DEFESA NACIONAL

375.500,00

20.221,57

370.462,07

28.157,57

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

55.000,00

28.400,00

0,00

28.166,30

0,00

28.676,30

0,24

100,97

-276,30

55.000,00

28.400,00

0,00

28.166,30

0,00

28.676,30

0,24

100,97

-276,30

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

ASSISTÊNCIA SOCIAL

919.000,00

618.815,00

145.337,31

586.748,86

103.715,60

508.612,57

4,17

82,19

110.202,43

Assistência ao Idoso

13.000,00

4.265,00

1.053,58

4.098,58

1.053,58

4.098,58

0,03

96,10

166,42

SEGURANÇA PÚBLICA Defesa Civil

Atenção Básica

85.000,00

44.600,00

7.781,32

38.429,00

11.085,72

38.429,71

0,32

86,17

6.170,29

821.000,00

569.950,00

136.502,41

544.221,28

91.576,30

466.084,28

3,83

81,78

103.865,72

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

LRF, Art. 52, inciso V - Anexo IX

Exercícios Anteriores

0,00

0,00

0,00

0,00

462.849,39 3.352.418,87

27,51

74,40

1.153.448,92

40.250,12

0,33

58,33

28.749,88

447.063,78 2.600.790,67

21,35

90,39

276.427,12

2.582.000,00 4.505.867,79

Alimentação e Nutrição

45.000,00

408.718,14 4.401.540,77

69.000,00

0,00

2.309.000,00 2.877.217,79 5.000,00

CULTURA DIREITOS DA CIDADANIA

60.606,04

12.729,66

394.753,01 2.791.142,79

0,00

0,00

221.000,00 1.559.650,00

Educação Especial

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

13.965,13 1.549.791,94

3.055,95

711.378,08

5,84

45,61

848.271,92

2.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

1.101.500,00

875.870,00

57.267,02

871.102,96

110.406,66

418.868,04

3,44

47,82

457.001,96

InfraEstrutura Urbana

170.000,00

19.000,00

797,62

18.262,27

3.999,44

19.694,77

0,16

103,66

-694,77

Serviços Urbanos

412.500,00

471.760,00

20.659,40

468.892,92

95.991,26

168.973,07

1,39

35,82

302.786,93

Transportes Coletivos Urbanos Saneamento Básico Urbano HABITAÇÃO Habitação Urbana

19.000,00

9.310,00

0,00

8.201,46

0,00

8.201,46

0,07

88,09

1.108,54

500.000,00

375.800,00

35.810,00

375.746,31

10.415,96

221.998,74

1,82

59,07

153.801,26

100.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

100.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

210.000,00

122.700,00

-8.292,50

113.376,50

0,00

106.567,50

0,87

86,85

16.132,50

210.000,00

122.700,00

-8.292,50

113.376,50

0,00

106.567,50

0,87

86,85

16.132,50

GESTÃO AMBIENTAL

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

CIÊNCIA E TECNOLOGIA

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

SANEAMENTO

AGRICULTURA

375.000,00

491.387,98

24.933,38

487.784,34

28.392,10

228.713,23

1,88

46,54

262.674,75

Promoção da Produção Vegetal

359.000,00

491.387,98

24.933,38

487.784,34

28.392,10

228.713,23

1,88

46,54

262.674,75

Promoção da Produção Animal

16.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

9.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

9.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Energia Elétrica TRANSPORTE

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

27.000,00

28.700,00

0,00

28.384,66

0,00

4.884,76

0,00

28.384,66

0,23

98,90

0,00

315,34

27.000,00

28.700,00

0,00

28.384,66

4.884,76

28.384,66

0,23

98,90

315,34

111.500,00

164.200,00

35.261,00

161.512,06

36.386,95

102.611,44

0,84

62,49

61.588,56

111.500,00

164.200,00

35.261,00

161.512,06

36.386,95

102.611,44

0,84

62,49

61.588,56

104.000,00

142.900,00

900,00

142.395,40

900,00

69.023,60

0,57

48,30

73.876,40

91.000,00

142.900,00

900,00

142.395,40

900,00

69.023,60

0,57

48,30

73.876,40

Lazer

13.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

ENCARGOS ESPECIAIS

301.100,00

40.000,00

0,00

33.843,66

0,00

33.843,86

0,28

84,61

6.156,14

Transporte Rodoviário

7.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

190.000,00

40.000,00

0,00

33.843,66

0,00

33.843,86

0,28

84,61

6.156,14

104.100,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

2.046.178,30 12.184.383,98

100,00

79,68

3.106.662,79

Refinanciamento da Dívida Interna Outros Encargos Especiais RESERVA DE CONTINGÊNCIA RESERVA RPPS

12.486.656,00 15.291.046,77

1.932.966,60 15.042.847,26

0,00

0,00

0,00

0,00

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demostrativo da Receita Corrente Líquida Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

Dez/2009

Jan/2010

Fev/2010

Mar/2010

Abr/2010

Mai/2010

23/11/2010

Jun/2010

Jul/2010

Ago/2010

Set/2010

Out/2010

Total (Últ. 12 m.)

Previsão Atualizada 2010

1.209.123,30

1.729.290,33

1.039.288,45

1.154.436,17

1.134.606,58

1.289.085,46

1.538.555,63

1.284.861,79

1.399.967,68

1.224.803,71

1.196.597,88

1.374.555,76

15.575.172,74

14.627.900,00

54.017,29

124.541,69

29.892,44

39.451,25

78.624,86

91.755,23

63.221,16

85.331,86

256.556,23

43.433,86

53.533,57

2.314,63

25.143,90

36.582,05

13.308,74

5.848,08

1.919,33

0,00

83.716,03

1.004.075,47

550.100,00

1.881,56

101.728,62

125.000,00

4.623,22

33.918,25

136.111,10

1.441,22

22.880,41

13.849,91

93.761,60

7.125,48

6.744,82

18.151,08

8.722,04

12.700,40

9.175,32

200.559,51

4.929,95

15.261,59

15.573,47

404.430,24

140.000,00

16.420,90

11.177,67

18.917,78

15.384,30

20.562,10

29.479,22

37.484,33

21.002,23

19.111,19

28.191,29

30.427,54

272.907,34

140.000,00

5.576,90

4.911,56

5.945,96

9.554,69

10.739,57

23.599,25

5.813,47

7.300,89

5.963,53

4.101,59

3.475,55

1.915,21

88.898,17

105.100,00

Receitas de Contribuições

9.379,84

9.369,25

9.369,25

8.426,00

10.025,17

9.603,98

149.448,51

30.848,32

76.304,37

18.093,00

45.660,23

20.449,46

396.977,38

400.000,00

Receita Patrimonial

9.447,63

2.396,20

1.981,92

6.150,55

25.523,24

11.724,98 24.748,79

3.247,13

1.919,33

9.206,01

2.289,79

40.000,00

1.360,43

13.102,50

20.885,71

1.949,74

1.995,14

1.510,42

10.117,64

1.572,58

1.028,28

4.025,62

904,77

1.089,00

59.541,83

55.000,00

Receita Agropecuária

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Receita Industrial

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Receita de Serviços

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

1.135.462,06

1.570.733,63

972.979,37

1.099.736,62

1.027.367,47

1.170.993,56

1.273.531,52

1.152.363,93

1.046.563,23

1.149.768,05

1.081.669,21

1.147.207,89

13.828.376,54

13.402.800,00

569.758,85

876.762,18

471.980,88

576.254,64

428.074,29

512.897,25

631.480,95

548.045,15

402.998,68

540.098,70

450.856,53

485.341,78

6.494.549,88

6.000.000,00

3.965,33

3.065,78

1.574,50

187,04

217,42

173,47

110,24

118,77

213,54

825,66

46.382,03

62.427,99

11.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Cota-Parte do ICMS

306.122,39

287.503,03

249.062,85

231.492,85

283.564,55

292.558,39

273.333,95

278.790,64

294.388,56

297.093,41

292.571,69

292.369,75

3.378.852,06

3.218.800,00

Cota-Parte do IPVA

3.153,70

2.734,32

12.884,93

111.183,08

28.741,39

31.627,88

13.395,30

12.062,01

6.709,58

7.224,04

7.748,60

6.529,90

243.994,73

262.000,00

0,00

3.627,07

212,20

0,00

0,00

4.709,63

0,00

0,00

4.712,53

0,00

0,00

5.511,32

18.772,75

17.500,00

0,00

0,00

Outras Receitas Correntes

DÍVIDA CONSOLIDADA LÍQUIDA PREVIDENCIÁRIA (IX)=(VII-VIII)

0,00

0,00

0,00

DEDUÇÕES (II)

RECEITAS DE PRIVATIZAÇÕES (IV)

0,00

0,00

0,00

PASSIVOS RECONHECIDOS (V)

0,00

0,00

0,00

Compensação Financeira entre Regimes Previdenciários

0,00

Dedução de Receita para a Formação do FUNDEB

Contribuição plano seg. social Servidor

RECEITA CORRENTE LÍQUIDA (I-II)

80.505,81

68.179,14

75.895,45

87.138,61

83.648,03

90.249,39

85.392,63

81.855,14

77.662,37

84.714,46

82.333,72

89.128,44

986.703,19

880.000,00

170.327,10

327.962,56

159.877,28

92.092,94

203.152,17

238.733,60

269.755,22

231.500,75

259.972,74

220.423,90

247.333,01

221.944,67

2.643.075,94

3.013.500,00

8.903,68

11.543,26

6.161,68

4.872,56

16.593,94

15.222,27

42.236,80

14.745,10

19.515,57

9.483,18

14.830,10

122.093,38

286.201,52

220.000,00

176.295,00

181.156,38

144.821,83

161.864,35

142.365,10

161.134,54

180.997,60

165.389,12

136.419,31

167.481,08

148.850,72

164.818,63

1.931.593,66

1.943.900,00

0,00 0,00

539.201,82

-745.622,84

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

206.421,02

539.201,82

-745.622,84

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

206.421,02

539.201,82

-745.622,84

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Pessoal e Encargos Sociais

0,00

0,00

170.792,29

93.802,79

-264.595,08

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Juros e Encargos da Dívida

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Outras Despesas Correntes

0,00

0,00

35.628,73

386.459,34

-422.088,07

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Investimentos

0,00

0,00

0,00

58.939,69

-58.939,69

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Inversões Financeiras

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Amortização da Dívida

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Pessoal e Encargos Sociais

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Juros e Encargos da Dívida

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Outras Despesas Correntes

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Investimentos

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Inversões Financeiras

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Amortização da Dívida

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

RESTOS A PAGAR (Intra-Orçamentários)(II)

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

TOTAL(III)=(I+II)

0,00

0,00

206.421,02

539.201,82

-745.622,84

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo Simplificado do Relatório Resumido da Execução Orçamentária Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

LRF, Art. 48 - Anexo Resumido

Balanço Orçamentário - Receitas

No Bimestre

23/11/2010 Até o Bimestre

Previsão Inicial da Receita

13.283.999,98

13.283.999,98

Previsão Atualizada da Receita

13.284.000,00

13.284.000,00

Receitas Realizadas

2.546.769,39

12.164.841,03

Deficit Orçamentário

0,00

19.542,95

Saldo de Exercícios Anteriores

0,00

0,00

Balanço Orçamentário - Despesas

No Bimestre

Até o Bimestre

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

Superavit Orçamentário

Despesas por Função / Subfunção

No Bimestre

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

Até o Bimestre

Despesas Empenhadas

1.932.966,60

15.042.847,26

Despesas Liquidadas

2.046.178,30

12.184.383,98

Receita Corrente Líquida - RCL

Até o Bimestre

RECEITA CORRENTE LÍQUIDA

13.643.579,08

Receitas / Despesas dos Regimes de Previdência

No Bimestre

Até o Bimestre

REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES PÚBLICOS

0,00

0,00

Receitas Previdenciárias (III)

0,00

0,00

Despesas Previdenciárias (IV)

0,00

0,00

Resultado Previdenciário (V)

0,00

0,00

Resultado Nominal e Primário

Meta Fixada no Anexo de Metas Fiscais da LDO (a)

% em Relação à Meta (b / a)

Resultado Apurado Até o Bimestre

Resultado Nominal

645.095,42

6.227.645,25

965,38

Resultado Primário

190.681,54

-30.777,99

-16,14

Movimentação dos Restos à Pagar POR PODER RESTOS A PAGAR PROCESSADOS

Cancelamento Apurado Até o Bimestre

Inscrição

Pagamento Até o Bimestre

Saldo

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

206.421,02

539.201,82

-745.622,84

Poder Executivo

0,00

206.421,02

539.201,82

-745.622,84

Poder Legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

Poder Executivo

0,00

0,00

0,00

Poder Legislativo

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

206.421,02

539.201,82

-745.622,84

RESTOS A PAGAR NÃO-PROCESSADOS

TOTAL

Despesas com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE Mínimo Anual de 25% das Receitas de Impostos na Manutenção e Desenvolvimento do Ensino - MDE

0,00

0,00 0,00

0,00 0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

0,00

176.295,00

181.156,38

144.821,83

161.864,35

142.365,10

161.134,54

180.997,60

165.389,12

136.419,31

167.481,08

148.850,72

164.818,63

1.931.593,66

1.943.900,00

1.032.828,30

1.548.133,95

894.466,62

992.571,82

992.241,48

1.127.950,92

1.357.558,03

1.119.472,67

1.263.548,37

1.057.322,63

1.047.747,16

1.209.737,13

13.643.579,08

12.684.000,00

Receitas de Operações de Crédito e Despesas de Capital

Limites Contitucionais Anuais

Valor Apurado Até o Bimestre

% Mínimo a Aplicar no Exercício

141.124.876,50

1.571,31

60%

207,01

0,00

0

0,00

Valor Apurado Até o Bimestre

Saldo a Realizar

Receita de Operação de Crédito Despesa de Capital Líquida

Projeção Atuarial dos Regimes de Previdência

% Aplicado Até o Bimestre

25%

1.734.816,70

Complementação da União ao FUNDEB

Imposto sobre Transmissão Inter Vivos de Bens Imóveis e de

0,00

206.421,02

0,00

Mínimo Anual de 60% do FUNDEF na Remuneração dos Professores do Ensino Infantil e Fundamental

Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza - ISSQN

(-) Restos a Pagar Processados

0,00

0,00

0,00

0,00

Evolução da Receita Realizada nos últimos 12 meses

Outras Transferencias Correntes

A Pagar

0,00

0,00

Desporto Comunitário

Transferências de Recursos do Fundo de Manutenção e

2009

Pagos

0,00

0,00

0,00

Cancelados

12.184.383,98

0,00

0,00

Exercícios Anteriores

15.042.847,26

0,00

0,00

A Pagar

0,00

0,00

Haveres Financeiros

2009

Pagos

22.004.216,77

0,00

5.594,21

RP Não-Processados Inscritos

Cancelados

2.046.178,30

TRABALHO

Cota-Parte do IPI sobre Exportação

23/11/2010

RP Processados Inscritos

Poder / Órgão

Despesas Liquidadas

1.139,48

Cota-Parte do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural -

190.681,54

12.486.656,00

40,03

Transferência Financeira do ICMS - Desoneração - L.C. Nº

0,00

Valor

1.932.966,60

0,01

0,00

0,00

Despesas Empenhadas

760,52

0,00

0,00

665.074,10

0,00

0,00

0,00

83,28

760,52

0,00

-309.472,08

27,19

0,00

0,00

-30.777,99

603.097,99 3.313.025,90

1.900,00

0,00

498.597,32

625.384,89 3.925.828,75

15.000,00

0,00

0,00

2.958.000,00 3.978.100,00

Vigilância Epidemiológica

0,00

0,00 10.871.878,88

22.004.216,77

0,00

0,00

0,00 12.150.540,12

12.486.656,00

0,00

Ativo Disponível

0,00

0,00 2.046.178,30

Dotação Atualizada

0,00

Cota-Parte do Fundo de Participação dos Municípios - FPM

0,00

208.200,00 21.418.916,77

Dotação Inicial

0,00

7.286,85

752.735,06

666.213,58

0,00

4.679,77

1.200.164,81

83,26

0,00

Nov/2009

112.586,82

27,20

0,00

TOTAL

6.080.600,00

0,00

0,00

603.097,99 3.313.786,42

0,00

URBANISMO

121.581,30

625.384,89 3.926.589,27

35.000,00

Ensino Fundamental (Educação Básica)

33.843,86

3.008.000,00 3.980.000,00

Vigilância Sanitária

EDUCAÇÃO

0,00

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demostrativo dos Restos a Pagar por Poder e Órgão Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

0,00

0,00

3.583.556,00 4.292.206,00 309.500,00

0,00

553.300,00

META DE RESULTADO PRIMÁRIO FIXADA NO ANEXO DE METAS FISCAIS DA LDO PARA O EXERCÍCIO DE REFERÊNCIA

Administração Indireta (Exceto Intra-Orçamentário)

% (e/total e)

0,00

Discriminação da Meta Fiscal

Administração Direta (Exceto Intra-Orçamentário)

Até o Bimestre (e)

0,00

0,00

SALDO DE EXERCÍCIOS ANTERIORES

EXECUTIVO (Exceto Intra-Orçamentário)

Despesas Liquidadas

0,00

0,00

RESTOS A PAGAR (Exceto Intra-Orçamentários)(I)

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demostrativo da Execução das Despesas por Função/Subfunção Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

0,00 140.000,00

RESERVA DE RPPS (XVI) RESERVA DE CONTINGÊNCIA (XVII)

7.103,55

591.859,97

16.000,00 5.651.056,00

4.4.00.00.00

9.9.99.99.98

Inversões Financeiras

RESULTADO PRIMÁRIO (VII-XVIII)

0.0.00.00.00 DESPESAS (EXCETO INTRA-ORÇAMENTÁRIAS) VIII 3.1.00.00.00

Investimentos

DESPESAS PRIMÁRIAS TOTAL (XVIII)=(X+XV+XVI+XVII)

Saldo (c-g)

2009

1.933.591,48

0,00

2.1.24.00.00

Até o Bimestre

Até o Bimestre

15.162.116,77

0,00

0,00

No Bimestre

DESPESAS CORRENTES (VIII)

13.284.000,00

OPERAçõES DE CRéDITO EXTERNAS

0,00

Despesas Liquidadas

Dotação Atualizada

Despesas Primárias

0,00

DEDUÇÕES (VIII)

0,00

289.285,10

0,00

DÍVIDA CONSOLIDADA (I)

0,00

0,00

600.000,00

RECEITAS PRIMÁRIAS DE CAPITAL (VI)=(II-III-IV-V)

13.283.999,98

Transferências Correntes

Em 5º Bimestre/2010

0,00

2.1.00.00.00 OPERAÇÕES DE CRÉDITO/REFINANCIAMENTO (IV)

Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana -

Saldo

0,00

0,00

DESPESAS PRIMÁRIAS CORRENTES (X)=(VIII-IX)

Outras Receitas Tributárias

Em 4º Bimestre/2010

0,00

0,00

0,00

0,00

Imposto sobre a Renda e Proventos de Qualquer Natureza - IR

Em 31 Dez 2009

0,00

0,00

0,00

Receita Tributária

Regime Previdenciário

0,00

Receita de Capital (Intra Orçamentária)

0,00

RECEITAS CORRENTES (I)

645.095,42

0,00

Outras Transferências de Capital

0,00

Outras Receitas de Capital

0,00

LRF, Art. 52, inciso I - Anexo III

Valor

852.402,82

0,00

Especificação

Discriminação da Meta Fiscal

1.102.224,20

0,00

6.227.645,25

META DE RESULTADO NOMINAL FIXADA NO ANEXO DE METAS FISCAIS DA LDO PARA O EXERCÍCIO DE REFERÊNCIA

289.285,10

0,00

Período de Referência

Especificação

600.000,00

Convênios

Receita da dívida ativa proveniente da amortização de empréstimos e financiamentos

DESPORTO E LAZER

7.112.179,02

852.402,82

2.5.50.00.00

Transporte Rodoviário Em 5º Bimestre/2010 (c)

1.102.224,20

Outras Despesas Correntes

ENERGIA

0,00

289.285,10

0,00

COMUNICAÇÕES

Em 4º Bimestre/2010 (b)

0,00

600.000,00

Transferências de Capital

0,00

COMÉRCIO E SERVIÇOS

0,00

0,00

0,00

Promoção Industrial

23/11/2010

0,00

0,00

0,00

INDÚSTRIA

Saldo

0,00

0,00

0,00

ORGANIZAÇÃO AGRÁRIA

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo do Resultado Nominal Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

0,00

Amostização de Empréstimos (IV)

0,00

Saneamento Básico Urbano

Exercício Anterior (h)

0,00

Alienação de Ativos (V)

0,00

Educação Infantil (Educação Básica)

Inscritas em restos a pagar não Processados (f)

852.402,82

0,00

0,00

Ensino Superior Despesas Executadas Até o Bimestre

1.102.224,20

0,00

0,00

SAÚDE

Saldo a Realizar (c)=(a-b)

289.285,10

0,00

0,00

Assistência Comunitária

Receitas Realizadas (b)

600.000,00

Operações de Crédito (III)

0,00

Assistência à Criança e ao Adolescente

23/11/2010

0,00

RECEITAS DE CAPITAL (II)

0,00

PREVIDÊNCIA SOCIAL

LRF, Art. 53, § 1º, inciso I - Anexo XIV

70.077,11

0,00

2.1.20.00.00

177.348,22 107.271,11

0,00

2.1.15.00.00

2.495.536,12

265.754,58

0,00

Remuneração Das Disponibilidades Do Tesouro Nacional

2.1.16.00.00

2.759.116,71

136.923,48

94.885,87

Integralização Do Capital Social

OPERAçõES DE CRéDITO INTERNAS

583.692,82

220.000,00

170.868,71

2.5.40.00.00

0,00

0,00

3.454.000,00

0,00

2.5.20.00.00

0,00

0,00

10.831,25

Juros e Encargos da Dívida (IX)

0,00

0,00

126.092,23

0,00

0,00

50.000,00

0,00

0,00

0,00

171.592,22

115.000,00

0,00

Receitas de Capital Diversas

39.152,54

168.572,73

105.000,00

0,00

SUB TOTAL DAS RECEITAS (III)=(I+II)

55.115,08

38.045,10

Receitas Correntes Diversas

0,00

6.9.99.99.99 RECEITAS (INTRA-ORÇAMENTÁRIAS) II

19.001,92

Dívida Ativa

0,00

2.5.90.00.00

12.027,99

87.500,00 302.000,00

Receita Corrente (Intra Orçamentária)

0,00

RELAÇÕES EXTERIORES

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo das Receitas de Alienação de Ativos e Aplicacão de Recursos Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

Outras Transferências Correntes Demais Receitas Correntes

OUTRAS RECEITAS DE CAPITAL

Administração Financeira

0,00

-377.344,66

2.5.00.00.00

Administração Geral

0,00

20.892,28 2.851.189,10

0,00

0,00 1.102.224,20

0,00

2.4.60.00.00

3.788.294,10

0,00

0,00

0,00 48,21

0,00

ADMINISTRAÇÃO

1.234.008,67

0,00

DESPESA DE CAPITAL LÍQUIDA (II)

DÍVIDA FISCAL LÍQUIDA PREVIDENCIÁRIA (XI)=(IX-X)

0,00

0,00

0,00 289.285,10

0,00

ESSENCIAL À JUSTIÇA

Saldo a Executar (g)=(d)-(e+f)

0,00

(-) Incentivos Fiscais a Contribuintes por Instituições Financeiras

Especificação

0,00

0,00

0,00 600.000,00

0,00

Função/Subfunção

6.633.900,00

(-) Incentivos Fiscais a Contribuintes

Especificação

0,00

0,00

0,00

Transferências Intergovernamentais

JUDICIÁRIA

LRF, Art. 53, inciso III - Anexo VI

0,00

0,00 600.000,00

2.4.20.00.00

Saldo a Realizar c = (a - b)

Despesas Executadas Até o Bimestre Incritas em Liquidadas Restos a Pagar (e) Não Processados (f)

Dotação Atualizada (d)

Despesas (Aplicação dos Recursos da Alienação de Ativos)

0,00 0,00 1.910.861,43

0,00

23/11/2010

Até o Bimestre (b)

RECEITAS DE OPERAÇÕES DE CRÉDITOS (I)

Receitas

0,00

0,00 0,00

LRF, Art. 52, inciso II, alíneas "c" - Anexo II

Receitas Realizadas

Previsão Atualizada (a)

Despesas

0,00

0,00

83,32

0,00

LRF, Art. 53, § 1º, inciso I - Anexo XI

Receitas

0,00

0,00 0,00

4.038.423,31

15.145,68

0,00

9.548.038,57

748.958,68

42.294,94

0,00

0,00

4.700.000,00

-315.856,52

0,00

16,71

40.996,27 9.001.339,69

2.785.226,64

0,00

0,00

41.035,33

45.078,90 9.548.038,57

5.511,32

0,00

1.915.207,75

45.078,90

1.993,77 1.915.207,75 37.766,20

0,00

0,00

1.993,77

55.000,00

584.941,44

0,00

0,00

39,06

-102.709,73

0,00

0,00

118.279,28

0,00

2.000,00

0,00

0,00

378.228,29

0,00

12.900,00

0,00

0,00

66.109,69

0,00

-368.300,00

0,00

0,00

0,00

400.000,00

3.218.800,00

0,00

0,00

0,00

IPVA

0,00

0,00

0,00

ICMS

0,00

0,00

0,00

ITR

Convênios de Educação

0,00

0,00 118.279,28

11.458.900,00

FPM

0,00

0,00

1.935,26 378.228,29

55.000,00

0,00

0,00

62.572,91

0,00 66.109,69

(-) Aplicações Financeiras

0,00

11.458.900,00

76.474,45

0,00

Receita Patrimonial Transferencias Correntes

0,00

-184.556,72

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo das Receitas de Operações de Crédito e Despesas de Capital Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

Outras Contribuições

5.390,76

73.793,91

400.000,00

Receita Patrimonial Líquida

0,00

10.726.900,06

1.022.574,96

RECEITA DE APLICAÇÃO FINANCEIRA DOS RECURSOS DO FUNDEB ATÉ O BIMESTRE

105.100,00

0,00

Transferências do Exterior

838.018,24

SALDO FINANCEIRO DO EXERCÍCIO ATUAL

Taxas

0,00

Transferências de Instituições Privadas

4.6.90.01.00

Valor

101.997,99

0,00

Transferências Intergovernamentais

4.6.80.01.02

Fluxo Financeiro dos Recursos do FUNDEB SALDO FINANCEIRO DO FUNDEB DO EXERCÍCIO ANTERIOR

231.737,65

0,00

1.7.40.00.00

Cancelado em 2010 0,00

58.618,83

0,00

JUROS E ENCARGOS DA DÍVIDA

0,00

140.000,00

0,00

OUTRAS DESPESAS CORRENTES

0,00

ISS

0,00

3.2.00.00.00

0,00

125.830,38

0,00

3.3.00.00.00

0,00

298.943,66

0,00

0,00

0,00

30.835,06

Outras Receitas Agropecuárias

0,00

0,00

140.000,00

Receita Da Produção Animal E Derivados

0,00

0,00

48.802,54

ITBI

Convênios de Saúde

0,00

0,00

119.376,62

CIDE

0,00

0,00

38.541,47

0,00

0,00

0,00

40.000,00

0,00

0,00 0,00

IRRF

0,00

0,00

0,00

97.048,85

0,00

0,00 0,00

3.863,48

0,00

0,00 0,00

125.000,00

0,00

DESPESAS CUSTEADAS COM A CONTRIBUIÇÃO SOCIAL DO SALÁRIO-EDUCAÇÃO

TOTAL DAS OUTRAS DESPESAS CUSTEADAS COM RECEITAS ADICIONAIS PARA

412.997,73

IPTU

0,00

DESPESAS CUSTEADAS COM A APLICAÇÃO FINANCEIRA DE OUTROS RECURSOS

DESPESAS CUSTEADAS COM OUTRAS RECEITAS PARA FINANCIAMENTO DO

825.516,49

0,00

Despesas

DESPESAS CUSTEADAS COM OPERAÇÕES DE CRÉDITO

9.710.003,98

137.249,60

0,00

0,00

2009

550.100,00

0,00

0,00

Até o Bimestre

Até o Bimestre 11.017.537,93

0,00

0,00

No Bimestre 2.255.490,52

0,00

11.458.900,00

23/11/2010

Receitas Realizadas

Previsão Atualizada 12.629.000,00

0,00

0,00

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo do Resultado Primário Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

RECEITAS PRIMÁRIAS CORRENTES (I)

0,00

TOTAL (VII)=(V+VI)

%

0,00

0,00

DEFICIT (VI)

Até o Bimestre

0,00

0,00

0,00

Despesas Liquidadas No Bimestre

0,00

0,00

0,00

SALDO DE EXERC. ANTERIORES (Créd. Adic.)

Dotação Inicial

0,00

0,00

0,00

1.7.30.00.00

Outras Informações para Controle Financeiro Outras Despesas Custeadas com Recursos Destinados à MDE

0,00

0,00

0,00

SUB TOTAL COM REFINANCIAMENTO (V)=(III+IV)

Dotação Atualizada (d)

0,00

0,00

1.7.20.00.00

2.2.10.00.00

0,00

Despesas de Capital TOTAL DAS DESPESAS PREVIDENCIÁRIAS INTRA-ORÇAMENTÁRIAS

0,00

Outras Receitas Industriais

2.2.20.00.00

0,00

0,00

Receita Da Indústria De Construção

2.2.00.00.00

0,00

0,00

Receita Da Indústria De Transformação

2.1.00.00.00

0,00

0,00

TRANSFERêNCIAS CORRENTES

2.0.00.00.00

0,00

0,00

RECEITA DE SERVIçOS

2.1.20.00.00

0,00

0,00

3,63

Receita da Indústria Extrativa Mineral

1.9.90.00.00

0,00

Despesas Correntes

0,00

1.7.00.00.00

2.1.10.00.00

0,00

0,00

0,00

RECEITA INDUSTRIAL

1.9.30.00.00

0,00

0,00

1.6.00.00.00

1.031,77

0,00

0,00 1.993,77

0,00

2009

0,00

0,00

1.4.90.00.00

59.372.255,86

0,00

3,63

0,00 55.000,00

0,00

Até o Bimestre

Até o Bimestre

0,00

Compensações Financeiras

1.4.20.00.00

No Bimestre

0,00

Outras Receitas Patrimoniais Receita Da Produção Vegetal

11.579.986,32

0,00

1.993,77

0,00 55.000,08

RECEITA AGROPECUáRIA

Despesas Liquidadas

Dotação Atualizada

ADMINISTRAÇÃO (XII)

IPI

1.4.10.00.00

5.754.435,58

Ensino Profissional Não Integrado ao Ensino Regular

-1.935,26 21.771,71

16.852,00

5.512.000,00

Ensino Superior

28.625,55

0,00 94,56

280.000,00

896,22

Ensino Médio

-302.106,78

72,76

1.935,26 378.228,29

120.000,00

914,70

0,00

167,89

76.474,45

0,00 16,53

250.000,02

902,90

1.031,77

-275.416,49

747.106,78

5,13

0,00

120.000,00

51.572.327,16

0,00

150,07

29,63

5.390,76 66.109,69

Contribuições Econômicas

29.794.663,00

59.372.255,86

825.516,49

131.858,84

0,00 400.000,00

Contribuições Sociais

81.366.990,16

0,00

24,95

445.000,00 105.100,00

30.000,00 370.000,02

1.2.20.00.00

6.497.924,92

11.579.986,32

137.249,60

444.999,96 105.099,96

RECEITAS DE CONTRIBUIçõES

1.2.10.00.00

11.579.986,32

0,00

550.100,00

Impostos Taxas Contribuição de Melhoria

1.2.00.00.00

Dotação Inicial

Despesas Intra-Orçamentárias - RPPS

Receita Previdenciária

12.683.999,98

18.077.911,24

5.754.435,58

Até o Bimestre (c)

13.283.999,98

5.754.435,58

890.000,00

% (b/a)

2009

0,00

Receita de Contribuições

RECEITAS CORRENTES

1.9.00.00.00

4.622.000,00

Despesas Custeadas com Outros Recursos de Impostos

No Bimestre (b)

Até o Bimestre

Até o Bimestre 0,00

Contribuição de Melhoria Saldo a Realizar (a-c)

% (c/a)

1.0.00.00.00

3.257.300,00

Despesas Custeadas com Recursos do FUNDEB

23/11/2010 Receitas Realizadas

Atualizada (a)

0.0.00.00.00 RECEITAS (EXCETO INTRA-ORÇAMENTÁRIAS) I

0,00

Despesas Custeadas com Outros Recursos de Impostos

Previsão Inicial

No Bimestre 0,00

Receita Tributária

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Balanço Orçamentário Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

Receitas

Receitas Realizadas

Previsão Atualizada 0,00

Receitas Primárias

0,00

LRF, Art. 52, inciso I, alíneas "a" e "b" do inciso II e §1º - Anexo I

Previsão Inicial

RECEITAS CORRENTES (VIII)

2019

0,00

522.000,00

Despesas Custeadas com Recursos do FUNDEB Ensino Fundamental

No Bimestre

2018

0,00

1.5.90.00.00

89,28

2017

2010 0,00

0,00

23/11/2010

2016

13.643.579,08

1.5.30.00.00

2.245.342,25

2015

0,00

1.5.20.00.00

Despesas Liquidadas

Dotação Atualizada (d)

Dotação Inicial

432.706,84

2014

0,00

1.5.10.00.00

%

2013

0,00

1.5.00.00.00

Até o Bimestre

2012

TOTAL DAS DESPESAS/RCL(%)

1.4.00.00.00

Receitas Realizadas

2011

RECEITA CORRENTE LÍQUIDA (RCL)

1.3.90.00.00

No Bimestre

Exercício Corrente

TOTAL DAS DESPESAS

0,00

Previsão Atualizada (a)

Exercício Anterior

Despesas Contratadas

2009 0,00

Bancos Conta Movimento

LRF, Art. 53, inciso III - Anexo VII

Lei nº 11.079, de 30.12.2004, arts. 22 e 28 - Anexo XVII

0,00

Previsão Inicial

% (i / total i)

3.313.025,90

DESPESAS CUSTEADAS COM O SALDO DO ITEM 20 ATÉ O BIMESTRE

Receitas com Ações Típicas de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino

Até o Bimestre (i)

3.978.100,00

RECURSOS RECEBIDOS DO FUNDEB EM EXERCÍCIO ANTERIOR QUE NÃO FORAM UTILIZADOS

Cálculo do Limite Mínimo com Manutenção e Desenvolvimento do Ensino

Despesas Liquidadas

Dotacão Atualizada

Período Referência

4º Bimestre/2010

Caixa

21,76

2.958.000,00

1.1.10.00.00

RESTOS A PAGAR INSCRITOS NO EXERCÍCIO SEM DISPONIBILIDADE FINANCEIRA DE RECURSOS DO FUNDEB

CONTROLE DA UTILIZAÇÃO DE RECURSOS NO EXERCÍCIO SUBSEQUENTE

Atenção Básica

%

3.560.000,00

Com Educação Infantil Outras Despesas

0,00

0,00

0,00

Dotação Inicial

Pagamento dos Profissionais do Magistério

0,00

-1.063.899,98

DECRÉSCIMO RESULTANTE DAS TRANSERÊNCIAS DO FUNDEB

Despesas do FUNDEB

0,00

0,00

0,00

Cota Parte IPI Exportação Destinadas ao FUNDEB (20%)

Dotação Inicial

0,00

Despesas Liquidadas

Inicial

DESPESAS COM SAÚDE

%

1.943.900,00

Previsão Orçamentária

Valor

Despesas com Saúde (Por Subfunção)

1.943.900,00

2009

0,00

59,01

Receitas Realizadas

Previsão Atualizada (a)

Até o Bimestre

Até o Bimestre

0,00

FUNDEB Previsão Inicial

No Bimestre

0,00

2.050.201,22

(-) RP INSCRITOS NO EXERCÍCIO SEM DISPONIBILIDADE

0,00 379.000,00

Aplicação Financeira dos Recursos do FNDE RECEITAS DE TRANSFERÊNCIAS DE CONVÊNIOS

No Bimestre

0,00

Despesas Previdenciárias

Despesas Liquidadas

Dotação Atualizada

3.474.300,00

Outros Recursos

378.999,96

Dotação Inicial

2.598.000,00

Recursos de Operações de Crédito

Receitas Realizadas

Previsão Atualizada (a)

Previsão Inicial

Até o Bimestre (d)

Demais Receitas Correntes

Pessoal Civil

Despesas Liquidadas

Inicial

Recursos do Sistema Único de Saúde - SUS

Receitas Adicionais para Financiamento do Ensino

0,00

0,00

30.835,06

Receita Resultante do Imposto de Renda Retido na Fonte - IRRF

0,00

0,00

140.000,00

0,00

0,00

RECEITAS PREVIDENCIÁRIAS - RPPS (Intra-Orçamentária) (II)

139.999,98

0,00

0,00

86,86 97,17

0,00

0,00

0,00

3.038.479,03

115,48

0,00

0,00

3.498.300,00

787.593,12

0,00

0,00

3.498.300,06

956.165,85

Deduções da Receita do ISS

0,00

Do Estado

682.000,00

0,00

0,00

0,00

0,00

984.000,00

0,00

0,00

0,00

682.000,02

0,00

0,00

0,00

984.000,00

0,00

0,00

0,00

Da União para o Município

0,00

0,00

0,00

Outras Receitas de Capital

0,00

Multas E Juros De Mora Da Dívida Ativa Do ISS

0,00

84,86

206,17

0,00

0,00

85,59

0,00

0,00

0,00

5.100.897,30

298.943,66

0,00

0,00

0,00

8.139.376,33

0,00

20.000,00

0,00

6.011.000,00

30.835,06

19.999,98

Outras Receitas Correntes

2009

0,00

9.509.300,00

4.999,98

Receita Da Dívida Ativa Do ISS

Pessoal Civil

Até o Bimestre

Até o Bimestre

0,00

6.010.999,98

0,00

Multas E Juros De Mora Do ISSQN

Receitas de Contribuições dos Segurados

No Bimestre

0,00

9.509.300,04

145.000,00

Deduções da Receita do ITBI

Previsão Atualizada

RECEITAS PREVIDENCIÁRIAS - RPPS (Exceto Intra-Orç.) (I)

23/11/2010

Receitas Realizadas

Da União

0,00

Multas E Juros De Mora Da Dívida Ativa Do ITBI

Previsão Inicial

Receitas Previdenciárias 89,28

Multa, Juros de Mora e Outros Encargos dos Impostos

LRF, Art. 53, inciso II - Anexo V

% (b / a)

8.981.368,98

Receita Da Dívida Ativa Do ITBI

Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza - ISSQN

Até o Bimestre (b)

10.059.300,00

Multas E Juros De Mora Do ITBI

Receita Resultante do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza -

Atualizada (a)

10.059.299,94

144.999,96

Deduções da Receita do IPTU Receita Resultante do Imposto Sobre Transmissão Inter Vivos - ITBI

23/11/2010

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo das Receitas e Despesas Previdenciárias do Regime Próprio dos Servidores Públicos Orçamento da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

Receitas Realizadas

Inicial

RECEITAS DE IMP. E TRANSF. CONST. E LEGAIS (I)

549.999,90

Receita Resultante do Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial

Previsão

Receitas

Receitas do Ensino Receita Bruta de Impostos

Município de DEODAPOLIS Relatório Resumido da Execução Orçamentária Demonstrativo da Receitas de Impostos e das Despesas Próprias com Saúde Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Janeiro à Outubro de 2010 / 5º Bimestre

0,00

0,00

1.234.008,67

5.399.891,33

Exercício em Referência

REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES PÚBLICOS

10º Exercício

20º Exercício

35º Exercício

0,00

0,00

0,00

0,00

Receitas Previdenciárias (IV)

0,00

0,00

0,00

0,00

Despesas Previdenciárias (V)

0,00

0,00

0,00

0,00

Resultado Previdenciário (IV-V)

0,00

0,00

0,00

0,00

Receita da Alienação de Ativos e Aplicação dos Recursos

Valor Apurado Até o Bimestre

Saldo a Realizar

Receita de Capital Resultante da Alienação de Ativos

0,00

0,00

Aplicação dos Recursos da Alienação de Ativos

0,00

0,00

Despesas com Ações e Serviços Públicos de Saúde Despesas Próprias com Ações e Serviços Públicos de Saúde

Valor Apurado Até o Bimestre 1.954.530,63

Limite Cosntitucional Anual % Mínimo a Aplicar no Exercício

% Aplicado até o semestre 15,00%

21,76


8

Espaço Ecumênico Espaço Ecumênico

Espaço Ecumênico

Espaço Ecumênico Espaço Ecumênico

C2

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------O PROGRESSO - Dourados, Mato Grosso do Sul, quarta-feira, 24 de novembro de 2010 ERIVELTON S. DEMARI*

Ousadia e amor na educação dos filhos “Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho não se desviará dele”. (Pv 22.6). Você já ouviu a história do menino que era tão levado, mas tão levado que, quando tinha 7 anos, seus pais fugiram de casa? Nós rimos, mas, infelizmente, em muitos casos este é o quadro dos nossos lares “cristãos”. Nós estamos vivendo em dias de permissividade e desrespeito às autoridades. A falta de respeito às leis e aos pais está causando muitos transtornos nos lares brasileiros. Além disso, os jovens estão enfrentando pressões que nenhuma outra geração jamais enfrentou. Portanto, quando falamos sobre com criar filhos no caminho do Senhor, estamos nos referindo a um desafio que vai exigir toda criatividade e energia possível por parte dos pais. Nasci e cresci dentro de um lar cristão, com muitas dificuldades, é claro. Mas o exemplo de meus pais em frequentar uma igreja e nos levar com eles aos cultos, estudos bíblicos e o incentivo à participação no culto infantil, foi fundamental para o crescimento na fé. Um versículo que sempre

me acompanhou e vale também como princípio na educação de meus filhos está em provérbios, capítulo 22, versículo 6 que diz: “Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho não se desviará dele”. Foi Deus quem instituiu a família. A família precisa voltar aos princípios eternos da Palavra de Deus para saber como construir um lar feliz. A responsabilidade principal na educação e disciplina dos filhos é dos pais; não da igreja, nem da escola. E para que haja uma boa educação, é necessário uma boa comunicação com os filhos. É de suma importância que os filhos saibam quais os seus limites. Isso cria segurança na criança. Uma das razões pelas quais os filhos são tão inseguros é porque não sabem quais são os seus limites. Portanto, os pais devem comunicar claramente aos filhos a vontade deles. Percebo que no mundo moderno em que as crianças estão inseridas, muitas são as influências, que podem ser positivas ou negativas, que afetam o desenvolvimento social, moral e religioso. Uma

destas influências são os meios de comunicação que bombardeiam nossas crianças com informações e conceitos que não condizem com nossos princípios éticos e cristãos. Também precisamos estar atentos ao mundo adolescente, que por si só quer satisfazer suas necessidades de imediato, resiste às regras como forma de contestar o mundo, buscando mecanismos para burlá-las. Todo esse “pacote” exige de nós pais- educadores uma dose fenomenal de paciência, perseverança, atenção, persistência, pois a mesma mensagem poderá ter de ser repetida inúmeras vezes, para que o adolescente a coloque em prática. O diálogo aberto é fundamental para que conheçamos nossos filhos e saibamos como ajudá-los, mas acima de tudo, nossas ações devem estar pautadas naquilo que acreditamos. No meu caso, procuro buscar orientação nas Sagradas Escrituras e na comunhão com meus irmãos e irmãs na fé. Diante de tantos desafios que o mundo moderno nos impõe, das inúmeras influências

que atingem nossas crianças e adolescentes, está cada vez mais difícil educar nossas crianças na disciplina e dentro dos conceitos éticos, morais e religiosos de que acreditamos. Sinto que a imposição dos limites apesar de árdua é absolutamente necessária. A firmeza, a coerência, o amor, a consistência nas nossas ações, que precisam ser pontuais, dão sustentação ao encaminhamento de limites. Portanto, criar filhos não é brincadeira. A tarefa realmente é difícil. Mas, para os que procuram ser fiéis, Deus promete: “E quando os filhos forem velhos não se desviarão dos ensinos da Palavra de Deus”. Que este versículo nos desafie e encoraje a buscarmos no Senhor Jesus Cristo toda orientação de que precisamos, pois Ele é fiel em suas promessas. Texto da Psicopedagoga Angela Lili Heidrich dos Santos - angelaheidrich@hotmail.com. *Erivelton S. Demari -teólogo e pastor da IECLB- www.luteranos.com.br – eriveltonsdemari@ yahoo.com.br

PAULO AMENDOLA FILHO*

Solidão, deserto, feras e anjos Para o título desta coluna, baseio-me no que narra o evangelista Marcos, no primeiro capítulo de seu evangelho, no versículo de número 13. Marcos relembra ali o início do ministério de Jesus, quando, logo depois de seu batismo ministrado por João Batista no rio Jordão, foi passar um período no deserto. Cita o evangelista que, no deserto, Jesus ‘esteve quarenta dias, tentado por Satanás.Vivia entre as feras, e os anjos o serviam’. Quarenta dias, só, num deserto, cercado de feras e servido por anjos. Esta é a condição na qual Jesus dá início aos seus feitos como ‘Messias’, quando tinha em média trinta anos de idade. E, olhando para o testemunho do Mestre narrado pelo evangelista, fico tendido a comparar o começo do ministério de Jesus com a vida ministerial de qualquer servo dEle, seja qual for sua ‘patente’: bispo, pastor, diácono, presbítero, líder de célula, ministro de louvor, e qualquer homem ou mulher de Deus comprometido em salvar vidas, sem que tenha necessariamente uma função das descritas acima ou de tantas outras que existem por aí. Comparo assim porque acho que solidão, deserto, feras e anjos são elementos comuns na vida daqueles que verdadeiramente buscam viver o Evangelho de Cristo. Sim, evangelho de Cristo, porque nos dias atuais, prega-se tanto sobre o ‘evangelho’, mas diz-se pouco da solidão, do deserto e das feras. O evangelho que ‘dá ibope’, o dos anjos que servem, esse é o mais difundido. O ensino do próprio Jesus,

de que ‘no mundo passareis por aflições’ (Jô 16.33) é ‘marketing contra o produto’do evangelho barato. O ensino do apóstolo Pedro, então, nem se fala! ‘Se sofrer como cristão, não se envergonhe disto. Antes, glorifique a Deus com este nome’ (1 Pe 4.16). Um pouco mais esperançoso que Pedro, Paulo cita que ‘os sofrimentos do tempo presente não podem ser comparados com a glória a ser revelada a nós’ (Rm 8.18). Como desmembrar do Evangelho as dificuldades? Como desmembrar as provas de Cristo e do cristão? Só inventando um novo (e fajuto) ‘evangelho’. E muitos têm se empenhado nisso, com triste êxito confirmado pelas massas sem conhecimento bíblico, mas cheias de desejos a serem realizados pela varinha mágica do ‘mago Jesus’, que resolve todos os problemas da humanidade. No entanto, enxergo o que é nítido: o verdadeiro Evangelho lembra o Jesus que passou pela terra, pregando salvação ao justo e inferno ao pecador hipócrita. O verdadeiro Evangelho mostra Jesus como Advogado de defesa da humanidade (bem lembrado por João em sua primeira carta, capítulo 2 e versículo 1), mas preparando-se para voltar como Juiz da humanidade, esta agora porém, sem um advogado (o que, também João, registra no Apocalipse, capítulo 20, versos 11 a 15). O verdadeiro Evangelho prega a cruz, como ponto chave da vida de Cristo (sim, pois nela Ele venceu a morte), e especialmente, da vida do cristão (Mt 10.38, 16.24, Lc 9.23, 14.27, Mc 8.34, Gl6.12-14). Evangelho

sem cruz não existe! Logo, não existe evangelho sem solidão, deserto e feras! A solidão representa o aspecto da salvação de nossas almas. Somos salvos ou condenados por nossas próprias obras. Por mais santa que uma Igreja possa parecer, cada pessoa que ali adentrar carrega consigo um testemunho, uma fé, um compromisso. E isso é pessoal! Seria uma atitude ‘bairrista’de Deus salvar apenas uma porção que tem seu nome registrado no ‘rol de membros’da Igreja ‘X’, não é mesmo? Pois bem: Deus não guia-se por ‘róis de membros’, mas sim por corações. Diz o salmista que Ele nos sonda, nos conhece (Sl 139.1). É... Deus é mais bem informado do que os livros das igrejas! Estes são incapazes de salvar. Mas Ele, e só Ele, pode salvar a quem verdadeiramente se ache em conformidade com o que Ele procura (Jô 4.23-24). O deserto representou para Jesus, no nosso texto básico, o período de consagração pré-ministério. Entendo que a vida do cristão verdadeiro precise também de deserto.Aliás, de muito deserto. Deserto lembra privação, mas privacidade. Privação de determinados hábitos que, conforme o apóstolo Paulo, são-nos lícitos, mas não convenientes, ou porque querem nos dominar, ou porque não nos edificam (1 Co 6.12 e 10.23). Não só privação, mas também privacidade, e privacidade com Deus. Jesus ensina-nos isso, não somente indo para o deserto, mas recomendando-nos o mesmo (não na fórma, mas na essência – Mt 6.6). Orando em secreto, ten-

do momentos a sós com Deus no local da máxima intimidade e do máximo refúgio: nosso quarto. E as feras? As feras, ao derredor de Jesus, não podiam atacá-lo, porque diz o texto que os anjos o serviam. Outro evangelista lembra que Jesus só foi servido de alimentos pelos anjos após os quarenta dias aqui narrados (Mt 4.2 e 11). Então, que ‘serviço’ é esse que ocorreu no decorrer dos dias de deserto? É o serviço previsto pelo salmista (Sl 34.7), quando nos antecipa que ‘o anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que O teme, e os livra’. As feras (as aflições deste mundo) vão vir, babando e espumando. Fazendo muito barulho. Em tom ameaçador. Aos bandos. No entanto, ao servo do Senhor, que tem o Evangelho puro e real em seu coração, o serviço dos anjos lhe é de proteção. Entendo que dia após dia somos ameaçados por muitas coisas. No entanto, a alegria da salvação motiva-nos a dizer: Deus é bom! Fortaleza no dia da angustia! Ele conhece os que nEle confiam! (Na 1.7). Espero que sua fé esteja baseada no Evangelho real, que prevê solidão, deserto, feras e anjos. O evangelho da cruz, que, apesar de todas as aflições, te declara: você pode tudo, desde que esteja em Cristo (Fp 4.13). Ótima quarta-feira! *Pastor da Igreja Metodista Central em Dourados – Av. Joaquim T. Alves, 2214 – Cultos aos domingos (9h e 19h), terças (19h) e sábados (jovens, 19h30). E-mail: prpaulinhoamendola@mail.org

PAULO DA SILVA NETO SOBRINHO*

O Sacrifício vicário Afamília Nogueira, vivia num pequeno vilarejo, perto de um grande centro urbano, mudara-se para lá há muito tempo, fugindo dos problemas da cidade grande. Helena, já viúva, morava com seus três filhos, fruto do seu feliz casamento. Enviuvara-se fazia uns dez anos. Isso aconteceu após um desastre de avião, que vitimou seu marido e toda a tripulação do pequeno bimotor.Após esse tempo, sentia-se mais conformada com a situação, pois, na trágica viagem, era para ter dizimado toda sua família, entretanto, naquele dia, por ter acordado muito indisposta, resolveu não ir, e achou melhor que seus filhos também não fossem, para ficarem sem sua companhia. Apesar de ser uma mulher trabalhadora, dependia muito de seus filhos para administrar os bens da família. Seu marido foi um próspero industrial, cujo patrimônio o colocara entre os homens mais ricos de seu país, herança essa que agora teria que ser administrada por ela e seus filhos. Dos filhos, somente Roberto, o mais velho,

assumiu o encargo de ajudar a mãe. Era extremamente dedicado, trabalhava doze horas ou mais por dia, cuidando dos negócios da família. Ao contrário dos outros dois, Cristiano e Roger, que não queriam nada com a “dureza”, passavam o dia inteiro malandrando. Eram dos tais que diziam que “sonhar com trabalho” não era sonho, era pesadelo. Tinham mesa cativa num barzinho da cidade, onde, junto com os “amigos”, ficavam quase o dia inteiro entre “um gole e outro”, e, pelos boatos, já estariam iniciados nas drogas. Mas o destino, esse destino cruel que sempre nos pega peças, trouxe, a cada um dos dois irmãos, inimigos declarados do trabalho, uma doença fatal. Cristiano, necessitava urgente de um transplante de coração, sob risco de não sobreviver por nem mais um mês. Roger, por sua vez, com problemas renais, também não tinha nenhuma perspectiva de vida longa para o seu futuro, a não ser que encontrasse um doador compatível.

Imaginem agora como estava o coração de Helena, a mãe amorosa, desses jovens. Tomou uma decisão que parecerá muito estranha, mas ela queria resolver, de uma vez por todas, o problema de saúde de Cristiano e Roger, assim determinou aos médicos que retirassem o coração e os rins de Roberto para salvar a vida dos outros dois filhos. É isso mesmo! Iria sacrificar um dos filhos para salvar os outros dois. Já até sabemos o que você está pensando, “que coisa maluca” é essa que está nos contando? Como uma mãe iria sacrificar um filho mesmo que fosse para salvar vários outros? Isso é inconcebível, só doido proporia uma coisa dessas. É claro que concordamos com você, caro leitor, mas diremos que não perdemos o juízo, pelo menos “ainda” não. Se existe alguém pinel nessa história, só pode ser muitos dos que nos lêem. Espere, não apelamos não, quer ver porque dizemos isso? Tá bom, vamos lá. É aceito por muitos, que não uma mãe, mas

um pai tenha sacrificado um filho para salvar outros, muitos dos quais nem mesmo querem ser salvos? De onde tiramos isso? Ora, não é o que a maioria diz de Deus, em relação a Jesus? Não é exatamente isso que dizem que Deus fez? Como sacrificar um filho para salvar outros que não querem nada com a dureza, que se comportam egoisticamente, não se preocupam em melhorar-se? Como sacrificar alguém em favor de muitos criminosos, estupradores, corruptos, pervertidos sexuais, ladrões e inúmeros outros que não dão a mínima para valores morais? Deixamos, a cada um de vocês, caro leitor, a resposta aos questionamentos acima. *Paulo da Silva Neto Sobrinho, é natural de Guanhães, MG; formado em Ciências Contábeis e Administração de Empresas pela Universidade Católica (PUC-MG); Coordenador de Reunião de Desobsessão e Coordenador de Reunião de Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita.

SEICHO-NO-IÊ

Atraindo a nuvem da paz e da prosperidade A relação correta entre Deus e o homem: “Seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu”, apesar de assim orarem, seus desejos não se concretizavam porque eram poucos os cristãos que tinham uma idéia correta do que fosse o “céu” e do que fosse a “terra”; a reza deles era vazia. Pensavam que o “céu” fosse aquilo que estivesse acima das nuvens, e que Deus fosse um juiz vingativo que ficasse espreitando lá de cima à espera de algum pecado que o homem terreno viesse a cometer, para castigá-lo. Em outras palavras, seria como não saber sequer onde se encontra o filme e esperar que a imagem seja projetada com perfeição. Se orarmos a Deus imaginando que Deus é um ente que fica acima da nuvens e que castiga os homens, esse pensamento de que Deus castiga funciona como um filme e se projeta neste mundo do fenômeno, resultando obviamente em infelicidades, desgraças e doenças.

O “céu” é o mundo inteiro transcendental: Deus criou o mundo com a sua idéia. Idéia é a vibração da Vida de Deus, é o movimento da Sabedoria (Mente) de Deus, a que chamamos palavra. Na Sutra Sagrada Chuva de Néctar da Verdade está escrito: “Quando a mente deste Deus onipotente entra em vibração e se torna palavra, todas as coisas passam a ser”. Tanto a vida, como a sabedoria, como a mente são coisas espirituais e não materiais. Portanto, o mundo que Deus criou é um mundo espiritual; não é matéria. E este mundo imaterial não está acima das nuvens; está no íntimo transcendental aqui e agora. É existência interna como o arquétipo da flor que existe dentro da semente. Porém, mesmo que se corte a semente em lâminas e as examine ao microscópio, este arquétipo de flor não será visto. Da mesma forma, este céu não está no mundo das três dimensões; ele transcende o mundo das três dimensões. A isto se

diz “mundo da realidade transcendental”. Comparando com a televisão: O mundo da criação original de Deus é o mundo espiritual interno e transcendental. Por ser transcendental é que exprimimos com a palavra “Céu”, que transcende a “terra”. É também dito “Reino do Mar (RyuguKai) porque é um mundo profundamente imerso no interior. De um lado, Jesus expressou a natureza transcendental do reino de Deus empregando as palavras “reino dos céus” ou “céu” e por outro lado disse: “O reino de Deus está dentro de vós”, para indicar essa imanência. Por meio da comparação não se pode expressar perfeitamente a coisa em si, mas tomemos como exemplo a transição de um programa de televisão: as suas onda estão “dentro” do aparelho e ao mesmo tempo numa dimensão transcendental e invisível. E enquanto não sintonizarmos o comprimento das ondas do aparelho com o das ondas da emissora, o programa não poderá

aparecer no mundo visível aos olhos carnais. De modo análogo, o mundo espiritual criado por Deus não poderá aparecer no mundo de tempo e espaço visível aos olhos carnais, enquanto não sintonizarmos a freqüência das ondas da nossa mente com a freqüência desse mundo criado por Deus. Convite Especial: Dia 27 próximo, sábado, teremos uma Grande Conferência da Prosperidade, com o preletor Eduardo Crivellente de Campo Grande, às 19:3, à Rua Monte Alegre, 2270. Convites no local. Livro: Convite à Prosperidade, volume 1, de Masaharu Taniguchi, páginas 20 a 22. Endereço: Rua Monte Alegre, 2.280, fone (67) 3421-8083, Reuniões: domingos às 9h; quintas às 20h; primeiras terças às 20h. Aos sábados às 20h, Rua Nocka Dauzacker, 1.050, entre Hayel B. Faker e Bela Vista.

Edição de 24/novembro de 2010  

Deputada será a primeira mulher a ocupar o cargo de conselheira no Tribunal de Contas do Estado Universitários da UEMS e da UFGD entregaram...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you