Issuu on Google+


2

www.jornaloaprendiz.com.br

FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRÃO PRETO - SP

Mandalas: emanando boas energias

andalas? Círculos com muita energia positiva concentrada, emanando em ambientes

M

através de cores, formas, simbologia, bases numéricas... Um centro onde revela a unidade, em um meio de comunicação sem ser verbal, organizadas harmoniosamente através da arte. Imagens que vieram de vários povos, religiões, civilizações, desde rodas medicinais indígenas até experiências terapêuticas, espa-

ços meditativos, e dizem alguns estudiosos ou filósofos que começamos nossa primeira experiência em uma forma mandálica... "Um óvulo", enf im passamos por várias experiências e sequer damos conta quantas no curso

até aceita-lo. Uma mandala quando bem elaborada carrega formas pensamentos de boas intenções de quem a produz, capazes de impregnar através de palavras pronunciadas verbalmente como mantras e ou ora-

Uma bela flor da roseira, um símbolo do amor, amor de Nossa Senhora, um vegetal na natureza, um ser vivo que perdurará em nossa mente mesmo fora de seu ambiente ou vida... Serão muitos os conceitos, mas apenas

esta idéia. E ao terminala uma consagração se faz necessário para que estas boas energias e intenções fiquem realmente impregnadas afinal consagrar é dedicar ao serviço de Deus (dicionário ilustrado). E como não somos Deus

de nossas vidas. Experiências que sequer percebemos, pois o ser humano tem este 'hábito' de só observar algo a partir do momento que despertou ou conheceu. Aí sim, passa a reconhece-lo em outras formas e lugares

ções, em pensamento ou escritas, com conceitos agregados. Por exemplo, uma rosa desenhada ou colada em papel ou pétalas desidratadas. O que simboliza uma rosa em nosso conceito?

um exemplo, pois em mandala nada é colocado ao acaso para meros fins decorativos, tudo tem um propósito maior. Este propósito é passar uma idéia, um ideal, uma energia bem representada em cada detalhe agregado á

determinamos com palavras como felicidade, prosperidade, saúde, amizade, amor... São colocadas bases numéricas compatíveis na numerologia ao ideal determinado, seja em uma mandala pessoal (elaborada com dados


www.jornaloaprendiz.com.br

FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRÃO PRETO - SP

pessoais) ou personalizada (para objetivos ou locais como consultório, escritório...), imagens que carreguem conceitos também compatíveis, enf im tudo deve estar em perfeita conexão. Tenho Mandalas em meu jardim, pois as plantinhas merecem, minha amiga encomendou mandala para o curral das vacas que cria, pois afinal todo e qualquer ser vivo gosta de boas

energias. E cabe á cada ser receber o que for de merecimento e necessidade como tudo em nosso universo. Uma mandala não é apenas decorativa, mas sim uma decoração com muito fundamento, e um fundamento com energias positivas. Produzi-la dentro dos padrões necessários é um ato de respeito ao próximo e responsabilidade com as leis cósmicas.

O que você sente quando pensa na palavra felicidade? Se for algo ruim então passe um tempo desenhando e ou colorindo muitas mandalas, pois elas também têm esta função terapêutica de colocar ordem. Como Jung observou em seus estudos. Assim como diz o dicionário 'felicidade é um estado de quem é feliz, ventura dita alegria, contentamento... ', e

cada um tem sua maneira de senti-la ou interpretá-la, mas todos a buscam. São muitas as formas de mandalas representadas na natureza, em plantas, frutas, minerais, ou ate mesmo numa gota de gelo observada no microscópio, comece trazendo boas imagens para sua memória, um pedacinho das mandalas criadas por Deus para nós.

Colaboração: Adriana Leonel | (16) 3011-6206 www.atelieadrianaleonel.com.br | atelieadrianaleonel@gmail.com

BAILE CIRCULAR 02 DE MARÇO, ÀS 19H30 A DANÇA ESTÁ PRESENTE EM TODAS AS CULTURAS PORQUE É PARTE ESSENCIAL DA VIDA DOS POVOS. Gostaríamos de oferecer a todos uma vivência das Danças Circulares. Venham dançar... Celebrar, se alegrar no ESPAÇO UBUNTU! CONTRIBUIÇÃO

R$

20,00

Inscrições e Informações: Espaço Ubuntu. contato@espaçoubuntu.com.br (16) 9261-7355 - Cristiane. evandro_jorda@hotmail.com (16) 92617 7847 - Evandro.

3


4

www.jornaloaprendiz.com.br

FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRÃO PRETO - SP

O Lado Sagrado do Aniversário Uma Reflexão Sobre o Ciclo Anual da Alma uando, af inal, começa o ano novo? Na contagem cristã o ano inicia em primeiro de janeiro. Para o povo judaico, ele começa em setembro. Pela contagem lunar do extremo oriente, o ano inicia em uma data variável de janeiro ou fevereiro. Para cada um de nós, no entanto, o ano novo começa no dia do nosso aniversário. É certo que todas as celebrações são bonitas - quando sinceras. Mas para marcar o nosso ano novo pessoal talvez não sejam necessárias grandes festas. Muitos sentem que o dia do aniversário é um renascimento demasiado importante para ser motivo de agitação externa.

Q

"O que pode haver de sagrado em um aniversário?", pergunta um cético. "Para o budismo, o 'eu' pessoal é ilusório. Seria correto comemorar sinceramente o aniversário de um 'eu' que não existe?" Em "Cartas dos Mestres de Sabedoria", um Iogue dos Himalaias admite: para o profano, que vive inconscientemente, um aniversário signif ica "apenas mais doze meses em direção à sepultura" [1]. É triste, mas é verdade. No entanto, esse é só um lado da moeda. "O tempo que nos é dado viver só parece curto quando vivemos de modo errado", ensinou Sêneca. Na realidade, há algo de substancial e divino a ser

celebrado. Especialmente quando um ano a mais de vida significa um passo adiante na evolução e no autoaperfeiçoamento - um ano mais de experiência e aprendizado. Sem dúvida, tudo no universo é provisório. De eterno, mesmo, só a lei da evolução através da verdade, do amor e da justiça. O fato de que uma vida humana é um processo provisório a torna ainda mais preciosa e digna de celebração. Nossos aniversários devem celebrar a presença passageira, na terra, da nossa alma imortal. Escrevendo sobre a mitologia clássica, Thomas Bulf inch af irma: "Os romanos acreditavam que cada homem tinha seu Gênio e cada mulher sua Juno, isto é, um espírito que lhe dera vida e que era seu protetor, durante toda a vida. No dia do seu aniversário, os homens faziam oferendas a seu Gênio, e as mulheres à sua Juno." [2] O Gênio romano ("daimon") é nosso próprio espírito, nosso

A ampulheta, o relógio da passagem anjo da guarda e mestre interior. Nada mais justo, em nosso aniversário, que prestarmos homenagem a essa nossa alma imortal. O imperador romano Marco Aurélio escreveu em seu cader-


www.jornaloaprendiz.com.br

FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRÃO PRETO - SP

no de meditações: "Vive com os deuses quem mostra constantemente a eles que sua alma está satisfeita

o de areia, é um símbolo m do tempo. com o que lhe foi aquinhoado e que ela satisfaz todos os desejos do Gênio que Zeus deu a cada homem para seu guardião e guia, uma parcela dele mesmo." Em outro trecho, ele anotou: "O que é pecu-

liar ao homem bom é estar feliz e contentarse com o que acontece e com a urdidura dos acontecimentos de sua vida; e não aviltar o Gênio implantado dentro de seu peito, e não perturbá-lo com pensamentos demais, mas conservá-lo tranqüilo, seguindo-o obedientemente como a um deus, e não dizer nada contrário à verdade nem fazer nada contrário à justiça." [3] O verdadeiro aniversariante, pois, é nosso espírito imortal. De fato, do ponto de vista astrológico, nosso verdadeiro eu é do tamanho do sistema solar. Cada planeta ou asteróide que gira em torno do nosso sol faz parte da nossa personalidade - ou pelo menos exerce uma viva influência sobre ela. Esse processo psicológico tem como pano de fundo, e como testemunha, a Via Láctea. Como se sabe, é possível conhecer nossa natureza e missão através de uma análise dos raios cósmicos que os planetas derramaram sobre nós no momento em que nascemos. O retrato dessas energias inaugurais é chamado de mapa natal. Além disso, temos um certo "renascimen-

to" a cada ano. Quando o Sol passa pela mesma posição do céu em que ele estava quando nascemos, toda nossa energia vital renasce e é renovada. É depois do aniversário que sentimos o alívio maior chegar e a presença de uma nova força magnética à nossa disposição. Astrologicamente, o aniversário não se dá só no dia em que nascemos, mas inclui os três dias anteriores e os três dias

posteriores. Assim, dura um total de sete dias a conjunção do sol-em-trânsito com o sol-natal, mais conhecida como aniversário. Esse é um tempo para resgatar a energia vital. Para recordar e renascer. Para meditar e conversar com a Alma. Para receber com calma e humildade a bênção da energia espiritual renovada. Colaboração: Carlos Cardoso Aveline

NOTAS: [1] "Cartas dos Mestres de Sabedoria", Editora Teosófica, Brasília, 1996, 295 pp., ver p. 145. [2] "O Livro de Ouro da Mitologia", Thomas Bulfinch, Ediouro, RJ, 2002, p. 16. [3] "Meditações", Marco Aurélio, Ediouro, RJ. O primeiro trecho citado está na p. 61, livro V. O segundo, na p. 42, livro III.

Visite sempre www.FilosofiaEsoterica.com , www.TeosofiaOriginal.com e www.VislumbresdaOutraMargem.com . Acompanhe nosso trabalho no Facebook . Siga-nos pelo Twitter . Para ter acesso a um estudo diário da teosofia original, escreva a lutbr@terra.com.br e pergunte como é possível acompanhar o trabalho do e-grupo SerAtento.

5


6

www.jornaloaprendiz.com.br

FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRÃO PRETO - SP

Anjos e ETs

e madrugada tenho por hábito levantar, ler, meditar alguns minutos e olhar estrelas. Alimento um pensamento de que, num momento especial possa surgir numa dessas noites, uma luz mais forte, seja ela um astro, um ser angélico ou disco voador. Estico segundos com a onipotência de um merecimento: um riso interior me acompanha com certa dose de cinismo, que eu apague esse pensamento mágico, essas projeções em Anjos e Ets, pare de delirar. Teimoso, busco livros sobre anjos, reviro reportagens sobre a zona 51 nos EUA. Tudo não passa de fantasias, ficção científica, literatura de autoajuda? Essas histórias de seres alados e objetos não identificados, não acompanham durantes

D

milênios o imaginário da humanidade? Espero o amanhecer. Do meu canto nada acontece fora de mim, apenas um silêncio quebrado pelo barulho de algum inseto e por centenas de pensamentos que se movimentam sem repouso, como se eu fosse um teatro vazio. Apenas fantasmas circulam em cena. Nada a declarar, aplaudir. Entretanto, por que não posso considerar essas imagens que se sucedem e desvanecem como partes importantes da minha realidade palpável? Se a física quântica lida com esse mundo invisível e sutil com mais mistério a ser revelado com a mecânica incerta das partículas, por que as declarações de muitas pessoas sensíveis que dizem sentir a presença de outros seres, sejam eles Anjos, ETS, ou espíritos que se dizem amigos, não podem fazer parte dessa energia sutil do mundo atômico, apesar das incertezas que habitam por esses portais? Por que devo considerar real somente aquilo que os meus cinco sentidos percebem, vêem, sentem, tocam, chei-

Revista dos Vegetarianos - Edição 76 PRÉ-VENDA com envio previsto para o dia 04/02/2013 Sucos superpoderosos - 17 receitas de sucos que podem fazer verdadeiros "milagres" para melhorar seu humor, emagrecer, aumentar a disposição e ficar muito mais saudável. Lentilhas - Rica em fibras ajuda a controlar a glicemia e o colesterol. Cinema veg - As Aventuras de Pi e outros filmes com protagonistas vegetarianos. Probióticos - Saiba em quais alimentos encontrar as bactérias do bem que previnem doenças. Hummm... 6 receitas de doces deliciosos. Disponibilidade de estoque: 3 dias úteis após a confirmação de pagamento

R$ 10,90

http://www.europanet.com.br/site/index.php?cat_id=936&pag_id=24307

ram, como a única expressão da realidade, como afirmam os Investigadores Céticos? A sedução do oculto, cego e misterioso, que se passa num sonho ou num estado de consciência intensificada, assim como uma hipótese da ciência que se desfaz a cada década, isto não faz parte do grande mistério do Universo, que nós como seres adolescentes ainda, teimamos negar, atribuindo às crendices, sem um aprofundamento mais sério e livre de preconceitos? Jung estava errado, ao considerar anjos e discos voadores como forças arquetípicas, portadoras de símbolos, intuições e sincronicidades

importantes para que os humanos? Quem é Real, o Observador desse texto, ou esse mim que fala e move dedos no computador combinando palavras e sentidos que se perdem sempre em mais perguntas, em incertezas de um teorema de Godel? Os delírios de um cérebro não são partes de um holograma que ainda nos escapa de uma compreensão mais profunda? Existem anjos e ETS? Esses seres de fora e dentro não são partes da unidade? No silêncio e na experiência de uma meditação profunda está a resposta e ela é intransferível. Vale à pena buscar e pagar para ver.

Colaboração: Marcos Zeri Ferreira Empresário, membro da Academia Ribeirãopretana de Letras e da Ordem dos Velhos Jornalistas - (16) 3237-3696 ferreirajoias@terra.com.br


www.jornaloaprendiz.com.br

FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRÃO PRETO - SP

Vem, acorda!

em, acorda! Pula da tristeza, e deixa esse sol maravilhoso banhar as tuas

V

decepções e mostrar que tudo se renova, até os velhos sonhos. Vai, pula desse medo e deixa a chuva molhar o teu rosto e despertar velhas emoções e com o vento, que sopra nesta manhã tão doce, redescobrir que você é importante. Vem, pula dessa angústia, deixa o perfume da terra molhada invadir os seus pulmões e

lembrar-te que somos nós que plantamos as nossas sementes. Vai, toma um bocado dessas sementes de amor e

espalha pelo chão fértil. Pula agora das lágrimas inquietas que te atormentaram e deixa o mar te agraciar com

Revista Sophia já nas bancas A Sophia se propõe a promover uma cultura de paz em nível mundial, levando seus leitores a refletirem sobre temas relacionados com a vida espiritual, sustentabilidade, ética e valores humanos. Está implícita a idéia que um mundo melhor e mais fraterno só será possível na medida em que as pessoas modifiquem seus hábitos de consumo e seus paradigmas, desenvolvendo uma nova consciência de união e uma cultura de cooperação. Para tal, ela publica artigos e entrevistas preparados por uma equipe multidisciplinar de articulistas brasileiros e estrangeiros, levando a seus leitores conceitos, opiniões e práticas do que há de mais inovativo e inspirador nas áreas científica, religiosa, filosófica, cultural e ambiental. Visite nosso site: www.editorateosofica.com.br Ligação gratuita: 0800-610020 editorateosofica@editorateosofica.com.br

essa força, força que habita em você e agora preenche o seu ser. Vem, pula da ansiedade e respira a paz dessa tarde onde as crianças brincam no parque mais simples da cidade, a areia é onde elas constroem castelos e sonhos, e você, é o terreno fértil onde Deus deposita a espe-

7

rança de um mundo melhor. Vai, pula dessa cama e se prepara, um novo amor vem chegando, um novo trabalho, uma nova oportunidade para ser feliz. Vai penteia esse cabelo, coloca a roupa de festa para tomar café, abra a porta e sorria, creia, tenha a mais absoluta certeza de que o mundo é todo seu e nada, absolutamente nada, poderá estragar a sua vontade de vencer. PREPARA-TE PARA RECOMEÇAR.

Colaboração: Profa. Dra. Maria do Vale Oba Especialista em Acupuntura (16) 3234-3862 / 9196-5217 / 3904-8414 mariaoba@hotmail.com


8

www.jornaloaprendiz.com.br www.jornaloaprendiz.com.br

FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRテグ PRETO - SP FEVEREIRO DE 2013 - RIBEIRテグ PRETO - SP


Jornal o Aprendiz Fevereiro 2013