Issuu on Google+

Agrupamento das Escolas de Lamaçães

POVOS E CULTURAS DO MUNDO

Ano lectivo 2010/2011

Nome: Ana Rita da Silva Pereira Marta Sofia Gonçalves Pereira Turma: 8º5 Nº: 4 e 19 Disciplina: TIC


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Conteúdo INTRODUÇÃO ................................................................................................................................ 3 INUIT.............................................................................................................................................. 4 Localização ................................................................................................................................ 4 Características ........................................................................................................................... 4 Cultura própria .......................................................................................................................... 4 Alimentação .............................................................................................................................. 5 Habitação .................................................................................................................................. 5 Religião ...................................................................................................................................... 6 TUAREGUE ..................................................................................................................................... 7 Localização ................................................................................................................................ 7 Características ........................................................................................................................... 7 Cultura própria .......................................................................................................................... 8 Alimentação .............................................................................................................................. 8 Habitação .................................................................................................................................. 9 Religião ...................................................................................................................................... 9 ÍNDIOS DA AMAZÓNIA ................................................................................................................ 10 Localização .............................................................................................................................. 10 Características ......................................................................................................................... 10 Cultura própria ........................................................................................................................ 11 Alimentação ............................................................................................................................ 12 Habitação ................................................................................................................................ 12 Religião .................................................................................................................................... 13 Aborígene Australiano................................................................................................................. 14 Localização .............................................................................................................................. 14 Características ......................................................................................................................... 14 Cultura própria ........................................................................................................................ 15 Alimentação ............................................................................................................................ 16 Habitação ................................................................................................................................ 16 Religião .................................................................................................................................... 17 CONCLUSÃO ................................................................................................................................ 18 Bibliografia .................................................................................................................................. 19

2 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

INTRODUÇÃO Neste trabalho vamos abordar um tema muito importante. Vamos retratar os diferentes povos que constituem o mundo e como a diferença é extremamente importante. Vamos aprofundar e relatar as diferentes formas como os povos Inuit, Índios da Amazónia, Tuaregues e os Aborígenes vivem e ultrapassam as dificuldades que a Natureza lhes apresentam a cada dia que passa. Vamos abordar este tema por acharmos necessário relembrarmos o quanto diferentes e iguais somos, ao mesmo tempo. São povos esquecidos e pouco falados e por isso poucas pessoas sabem realmente as histórias que cada povo retrata na maneira diferente de viver. Com este trabalho pretendemos divulgar e valorizar o nosso mundo, por termos apenas este. Este trabalho vai ser extremamente interessante devido aos novos conhecimentos que vamos adquirir sobre diferentes e antigas culturas.

3 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

INUIT

Localização O povo Inuit, mais conhecido por Esquimós, actualmente habitam as regiões árcticas do Canadá, do Alasca e da Gronelândia, portanto zonas desérticas de gelo.

Características O povo Inuit tem características físicas próprias que os ajudam a sobreviver ao clima extremamente frio. As suas características são: o corpo geralmente é baixo e robusto o que lhes permite conservar mais facilmente o calor. O seu idioma próprio é o inuktitut. As origens dos Inuit no Canadá datam de pelo menos 4.000 anos atrás. Observaram durante milhares de anos o clima dos locais onde habitavam e por isso recolheram uma vasta série de informações desenvolvendo habilidades e tecnologias próprias e adaptadas a um dos ambientes mais inóspitos e exigentes do planeta.

Cultura própria São também conhecidos por tratarem todos os seres deste planeta de igual forma, respeitandoos, tanto animais e plantas como seres humanos. Hoje, continuam a manter este relacionamento harmonioso. A sua forma de viver está igualmente associada aos recursos da terra e do mar e ao longo dos anos desenvolveram uma extrema sabedoria para preservá-los para as gerações futuras, talvez como nenhum outro povo existente neste planeta. Na sua cultura, foram criadas uma espécie de tradições e regras rigorosas com o intuito de manter o equilíbrio do ecossistema que os rodeia. A tradição oral e a narração de histórias são uma parte muito importante da sua cultura e define-os bastante, por isso ainda permanecem bem vivas na sua cultura, com lendas passadas entre as gerações ao longo dos séculos. As suas histórias falam, principalmente de espíritos poderosos que habitam a terra e o mar.

4 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Alimentação A sua alimentação consiste, principalmente em baleias, morsas, focas, peixes. Caçam e recolhem o seu próprio alimento.

Habitação As suas habitações são construídas com pedra e madeira. Porém, quando fazem expedições de caça que não lhes permitem regressar a casa no final do dia constroem umas cabanas com gelo a que se dá o nome de iglos.

5 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Religião A mitologia Inuit está composta por uma extensa comunidade de Deuses e Deusas. Criaturas e espíritos que possuem diversas nomes e estão ligados a diferentes crenças: Aipaloovik | A'akuluujjusi | Adlet | Adlivun | Akycha | Akna | Agloolik | Akhlut | crenças Alignak | Arnakuagsak | Amarok | Anguta | Amaguq | Arnapkapfaaluk Atshen | Aumanil | religiosas e Eeyeekalduk | | Asiaq | Ataksak | Ishigaq | Keelut | culturais, Idliragijenget | Aulanerk | Kigatilik | Qiqirn | Igaluk | Mãe Caribou | Tizheruk | Tupilak | acreditando em Ignirtoq | Kadlu | Malina | Wentshukumishiteu Issitoq | Nerrivik | Nujalik | gnomos, duendes, Nanook | Pinga | Negafook | Pukkeenegak | fantasmas, entre Nootaikok | Sedna | Tootega Pana | outros. Tarquiup Inua | Tekkeitsertok | Tornarsuk | Tornat.

6 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

TUAREGUE

Localização Os tuaregues ("berberes"), que significa "abandonados pelos deuses" ou de preferência denominados de Kel Tamasheq ou Kel Tamajaq e ainda Imouhar, Imuhagh, ou Imashaghen ("os livres") são um grupo étnico da região do Sahara, da Argélia e do norte do Mali, do Níger e do Tchad.

Características O povo Tuaregue é o povo mais representativo da vida nómada. Em tempos viviam do comércio feito pelas suas caravanas de camelos. Os homens usam um véu azul índigo característico, denominado de Tagelmust, que usam mesmo entre os familiares. Dizem que os protege dos maus espíritos, e tem a função prática de proteger contra a inclemência do sol do deserto e das rajadas de areia durante todas as viagens que realizam ao longo de toda a vida. Usam-no como um turbante que cobre também todo o rosto, excepto os olhos. As comunidades de tuaregues têm por norma oferecer chá de menta aos grupos de turistas. O Tamashek é o idioma destes povos. Provavelmente, este povo tem parentesco com Egípcios e Marroquinos, com quem partilham trechos culturais e a religião Muçulmana. No passado, este povo não era pacífico e por isso, a todos os viajantes que passassem nos desertos que eles também ocupavam, cobravam pedágios altíssimos assaltando e massacrando os que não pagassem. Com a intervenção de governos e com várias guerras que este modo de vida provocou alteraram o estilo de vida e como tal, agora dedicam-se principalmente à música, ao artesanato e ao pastoreio de animais como o dromedário. 7 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Cultura própria Os homens são tipicamente pastores, mas há tribos que têm outras funções que ainda perduram de tempos passados: - A casta nobre, os Imajeren, são os guerreiros. - Os homens religiosos são os Ineselmen, os “sacerdotes” entre o povo. - A maioria dos homens são denominados de homens livres, Ikelan. As mulheres ocupam a função principalmente de mães e donas de casa, mas também realizam trabalhos ligados com artesanatos úteis para o dia-a-dia e para eventuais vendas. Os tuaregues não se distinguem por traços físicos comuns. Costumam ser altos e delgados, de pele clara, de rosto alargado, olhos escuros e cabelo ondulados e negros.

Alimentação A alimentação tuaregue é composta por carnes de caprinos, ovinos e camelo, leite de cabra, queijos, tâmaras, amendoins, cereais e grãos. O peixe, raríssimo, é formalmente proibido, por motivos religiosos.

8 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Habitação Os tuaregues são um grande grupo de nómadas, como tal não possuem habitação fixa. Vivem a fazer grandes viagens pelos desertos fazendo casas provisórias com blocos de terra e palha misturada, denominadas de tub. Também constroem a zeriba que é feita de folhagens.

Religião A religião fica a cargo dos Ineselmen, que significa os Muçulmanos. Estes dedicam-se ao cuidado da observação das leis do Corão. Desde o século XVI os Tuaregues têm sido Muçulmanos. Exercem sem muito rigor, devido, principalmente ao nomadismo, que os impossibilita de algumas obrigações, como do Ramadão. Combinam a tradição Sunita (Maliki madhhab) com algumas crenças pré-islâmicas animísticas (ligação com todos os cosmos, Sol, Lua) como a presença dos espíritos Kel Asuf e a divinização do Qur'an.

9 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

ÍNDIOS DA AMAZÓNIA

Localização Os índios da Amazónia são um conjunto de tribos isoladas do resto do mundo que habitam que habitam a zona circundante do rio Amazonas, na floresta da Amazónia localizada no Brasil.

Características Os índios da Amazónia são uma tribo isolada que se mantêm com as suas tradições e características particulares desde a época dos Descobrimentos. Ao longo dos anos, estes mantiveram-se afastados de todas as alterações e actualizações ocorridas no seu país, Brasil. Mantém-se fiéis à sua cultura e não comunicam com nenhum outro grupo de indígenas. Este povo defende bravamente seu território e continuam a ser os verdadeiros guardiães da floresta. A sua presença é fundamental para conter o avanço da fronteira agropecuária e das acções predatórias do homem. O seu idioma denominado de tucana, apesar do pequeno número de palavras, é comparado por linguistas com a língua grega, por a sua riqueza estrutural. São um povo extremamente rico no que toca a ritos e mitos da antiguidade. Realizam diferentes rituais de gestação e ligados também ao nascimento, à iniciação na vida adulta, ao casamento, à morte e a outras situações. Sobrevivem utilizando os recursos naturais oferecidos pelo meio ambiente com a ajuda de processos rudimentares. A terra pertence a todos os membros do grupo e cada um tira dela seu próprio sustento.

10 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Cultura própria Os índios da Amazónia andavam nus e não tinham vergonha do corpo. Esse hábito chocava os europeus, cuja cultura considerava a nudez pública imoral e pecaminosa. Na sua cultura e forma de viver não acumulam riquezas pessoais. Quase todos os bens eram de uso comum da tribo. Somente objectos como armas e enfeites são de uso individual. A divisão do trabalho na tribo é feita conforme o sexo e da idade dos membros da tribo. As mulheres cuidam das crianças, preparam a comida, fazem potes e cestos, cuidam das lavouras. Os homens dedicam-se à guerra, caça, pesca, construíam canoas, limpam a mata para a lavoura. Existem famílias monogâmicas, quando um homem é casado com uma só mulher e também famílias poligâmicas, quando um homem é casado com varias mulheres. Em geral, chefes e guerreiros tinham várias mulheres, como sinal de prestígio e liderança. A guerra tinha muita importância para muitos povos indígenas. Estas ocorriam quando os povos queriam vingar parentes mortos, conquistar terras mais produtivas, espantar maus espíritos. Acreditavam que devorando o prisioneiro incorporavam suas virtudes e vingavam os amigos mortos pelas tribos inimigas. Vivem em aldeias e, muitas vezes, são comandados por chefes, que são chamados de cacique, tuxánas ou morubixabas. A transmissão da chefia pode ser hereditária (de pai para filho) ou não. Os chefes devem conduzir a aldeia nas mudanças, na guerra, devem manter a tradição, determinar as atividades diárias e responsabilizar-se pelo contato com outras aldeias ou com os civilizados. Muitas vezes o chefe é assessorado por um conselho de homens que o auxiliam em suas decisões.

11 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Alimentação Além de um conhecimento profundo da vida e dos hábitos dos animais, os índios possuem técnicas que variam de povo para povo. Na pesca, é comum o uso de substâncias vegetais (tingui e timbó, entre outras) que intoxicam e atordoam os peixes, tornandoos presas mais fáceis. Há também armadilhas para pesca, como o pari dos teneteharas - um cesto fundo com uma abertura pela qual o peixe entra atrás da isca, mas não consegue sair. Principais alimentos dos índios: frutas, verduras, legumes, raízes, carne de animais caçados na floresta (capivara, porco-do-mato, macaco, etc.), peixes, cereais e castanhas. Alguns pratos típicos da culinária indígena: tapioca (espécie de pão fino feito com mandioca); pirão (caldo grosso feito de farinha de mandioca e caldo de peixe); pipoca; bei ju (espécie de bolo de formato enrolado feito com massa de farinha de mandioca fina).

Habitação A sua habitação denomina-se de oca. Esta palavra tem origem na família linguística tupi-guarani. Esta sua forma de habitação é construída colectivamente, ou seja, com a participação de várias integrantes da tribo. São grandes podendo chegar aos 40 metros. Isto acontece porque em algumas ocas habitam várias famílias da tribo. Internamente este tipo de habitação não possui divisões. São instaladas na parte interna da oca diversas redes, que os índios usam para dormir. A estrutura das ocas é bastante resistente, podendo durar até 20 anos. As folhas que a compõem são bastante resistentes de palmeira ou palha. 12 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Religião Cada nação indígena possui crenças e rituais religiosos diferentes. Porém, todas as tribos têm a crença comum nas forças da natureza e nos espíritos dos antepassados. Para celebrar e prestar culto aos deuses e aos espíritos fazem rituais, cerimónias e festas. Algumas tribos chegavam a enterrar o corpo dos índios em grandes vasos de cerâmica, onde além do cadáver ficavam os objectos pessoais. Isto mostra que estas tribos acreditavam numa vida para além da morte.

13 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Aborígene Australiano

Localização Os aborígenes australianos são uma população nativa australiana. Actualmente, representam apenas duzentos mil dos vinte milhões de habitantes da Austrália.

Características Os aborígenes australianos têm a pele negra, como os negros africanos, embora se diferenciem destes por diversos outros traços físicos. Sofreram um grande decréscimo populacional com o início da invasão europeia em 1770. Descendem, provavelmente, de emigrantes africanos que, há cerca de cinquenta mil anos, cruzaram o mar, usando canoas e toscas embarcações. Nessa época, a Austrália era ligada à Nova Guiné. Os ingleses colonizaram a ilha no século dezoito. Encontraram trezentos mil aborígenes, divididos em mais de quinhentos grupos. Uns com apenas cem membros, outros com mil e quinhentos, conforme a diversidade e abundância de recursos alimentares. Falavam duzentas línguas, hoje apenas vinte se mantêm fortes. Os Ingleses trataram os aborígenes como pessoas de segunda categoria e foram bastante violentos com eles. Houve massacres enormes, leis discriminatórias. Actualmente, a Austrália tem 20 milhões de habitantes, mas os aborígenes são apenas 200 mil. Outras curiosidades são também: para os aborígenes, a Lua é um ser masculino, enquanto o Sol é uma figura feminina. A razão é a importância que dedica à mulher, sem a qual não é possível a vida. Sem o Sol também não é possível a vida na Terra. 14 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Cultura própria A cultura aborígene Australiana pode orgulhosamente afirmar que é a cultura mais antiga do planeta. Centenas de línguas diferentes são faladas em diferentes regiões e muitos costumes e hábitos que desenvolveram ao longo dos tempos que se adaptaram à vida dentro de ecossistemas variados no continente da Oceânia. Deu origem a muitos distintos e bem conhecidos artefactos: Boomeranqs, são exemplos únicos na Austrália. Clapsticks e bulloroares, são instrumentos de exemplo de uma cultura extremamente desenvolvida a nível cultural e muito própria que nos leva aos nossos antepassados, de certa forma. No deserto, as populações concentram-se onde há água, em acampamentos temporários. As famílias erguem pára-vento com ramos e moitas e, se o solo for arenoso, escavam covas para ficarem mais protegidas do vento. Nas noites frias, dormem ao redor do fogo. O cão é o único animal doméstico. Os homens caçam grandes animais, como o canguru, e pescam. São pacientes. A caça obriga-os a permanecer horas à espera, ocultos, atrás dos arbustos. As mulheres recolhem os vegetais e o mel, caçam animais pequenos e apanham crustáceos. Os aborígenes não usam o arco e a flecha para caçar, mas servem-se de lanças, bastões e bumerangues. Para a recolecção utilizam o machado de pedra e o pau de escavar. Fabricam estes utensílios com madeira, ossos e pedra. Preparam a comida directamente sobre as brasas: não têm recipientes de cozinha resistentes ao fogo. Existem divisões próprias: os clãs. Identificam-se com um totem, que é a representação da divindade de que se dizem descendentes. O totem costuma ter a figura de um animal, uma planta ou um objecto, que não podem ser mortos, comidos ou destruídos, porque são sagrados. Cada clã tem um território próprio, mas não possui direitos exclusivos sobre ele, já que outro clã pode obter autorização ou ser convidado a caçar lá. Os casamentos fazem-se entre segundos primos. Em condições extremas, são possíveis as uniões entre clãs. Não existe um governo tribal. Quando necessários, os chefes familiares desempenham transitoriamente o papel de chefes locais. Os aborígenes não são guerreiros. Só recorrem à guerra em ocasiões raras, sobretudo para aplicar a justiça. A cultura aborígene Australiana está bastante segura e com certeza vai continuar a sobreviver, pois cada vez mais desperta interesse a nível mundial.

15 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Alimentação A alimentação dos aborígenes baseia-se em vegetais e frutas. Os vegetais que consomem são raízes, sementes e bagas, inhame e mel. Comem apenas o que está disponível no mato. Não criam gado, nem cultivam a terra. Alimentam-se de carne de canguru que é extremamente saudável. Outros alimentos nativos nãos são muito ao gosto de hoje: wichetty, larvas, cobras e, também, borboletas.

Habitação A habitação aborígene, em grande parte, consiste em simples abrigos feitos de uma estrutura de ramos rectos, coberto com galhos de folhas ou folhas de casca. Esta cobertura é dependente dos materiais disponíveis no momento.

16 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Religião A religião aborígene, como muitas outras religiões, é caracterizada por possuir um deus ou deuses, que criou as pessoas e ao ambiente envolvente durante um período de criação especial no início do tempo. Este povo é realmente, muito religiosos e espiritual, mas ao invés de orar a um deus único que não pode ver, cada grupo em geral acredita em um número de diferentes divindades, cuja imagem é muitas vezes representado em alguma forma tangível, reconhecível.

17 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

CONCLUSÃO Com este trabalho podemos concluir que a diversidade de povos no mundo é imensa e que existem imensas culturas diferentes e muito interessantes para explorar. Concluímos também que a natureza é o aspecto que mais influencia na sobrevivência de todos estes povos. A diferença cultural é exactamente a característica que nos difere de todos os outros seres vivos. A diferença está na capacidade que nós temos de nos diferenciar e seguir diferentes caminhos que a vida nos proporciona, algo que os animais e plantas não conseguem. É exactamente toda esta diferença que faz com que este planeta seja de uma extrema beleza. Para podermos comparar todos os modos de vida que cada povo tem é preciso conhecer alguns das suas imensas e próprias características e este trabalho fez com que a nossa cultura geral e conhecimento de toda uma vida de rica, a nível cultural.

18 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

Bibliografia

INUIT: http://www.windows2universe.org/earth/polar/inuit_culture.html http://pt.wikipedia.org/wiki/Inu%C3%ADtes http://www.canadainternational.gc.ca/brazil-bresil/about_apropos/inuit.aspx?lang=por http://www.google.pt/images?hl=ptpt&biw=1280&bih=843&q=inuit&um=1&ie=UTF-8&source=og&sa=N&tab=wi

TUAREGUES: http://www.google.pt/#hl=ptPT&biw=1280&bih=843&q=TUAREGUES&aq=f&aqi=g4&aql=&oq=&fp=2436b718 da180ee0 http://pt.wikipedia.org/wiki/Tuaregues http://www.rituais.com/Paginas_I/Povos_e_Culturas.htm http://www.rotasdovento.pt/viagem/23/litua

ÍNDIOS DA AMAZÓNIA: http://www.notapositiva.com/trab_estudantes/trab_estudantes/portugues/portu gues_trabalhos/indiosdaamazoniahoje.htm http://pt.scribd.com/doc/11723548/Indios-Da-Amazonia http://pt.shvoong.com/humanities/1672051-indio-na-amazonia/ http://www.google.pt/images?hl=ptpt&q=INDIOS%20DA%20AMAZONIA&um=1&ie=UTF8&source=og&sa=N&tab=wi&biw=1280&bih=843

19 Ana Rita e Marta Pereira


Povos e culturas do Mundo

Agrupamento de Escolas de Lamaçães

ABORÍGENES AUSTRALIANOS: http://pt.wikipedia.org/wiki/Abor%C3%ADgene_australiano http://www.google.pt/images?hl=ptpt&q=aborigenes+australianos&um=1&ie=UTF8&source=univ&sa=X&ei=hJdmTarZBdGJhQeBhdSWDg&ved=0CDoQsAQ&biw=12 80&bih=843 http://www.portaloceania.com/au-life-aborigenes-port.htm http://www.infopedia.pt/$aborigenes-australianos

20 Ana Rita e Marta Pereira


Ana_Rita e Marta Pereira