Issuu on Google+

Prof. Adriano J. AraĂşjo Souza


Com espessura de aproximadamente 800 quilômetros, a atmosfera é a camada gasosa que envolve e acompanha a Terra em todos os seus movimentos, devido a força da gravidade. Além de partículas de poeira e vapor de água, essa camada contém os seguintes gases: nitrogênio(78%), oxigênio(21%) e gás carbônico. Contem ainda gases raros, assim chamados por que existem em quantidades muito pequenas no ar.


Existe diferenรงa entre o tempo e o clima?


CONCEITOS

*O

tempo atmosférico deve ser definido como o estado momentâneo da atmosfera de um determinado lugar. Isso significa que ele pode variar rapidamente em muitas localidades da superfície terrestre. Essas mudanças estão relacionadas a combinação de fenômenos como temperatura, umidade, pressão do ar, ventos e nebulosidade. *O clima corresponde ao comportamento do tempo em um determinado lugar durante um período longo, de pelo menos 30 anos. O clima é a sucessão habitual dos diferentes tipos de tempo que resultam do movimento constante da atmosfera. O clima também pode mudar, mas, ao contrario do tempo atmosférico, a alteração climática se dá em um período mais longo.


Os fatores climĂĄticos sĂŁo:

* Latitude; * Altitude; * Massas de Ar; * Continentalidade e Maritimidade; * Correntes marĂ­timas; * Cobertura vegetal; * Relevo;


De forma geral, quanto maior a latitude, ou seja, quanto mais nos afastamos do Equador, em direção aos polos, menores são as temperaturas médias anuais.


Quanto maior a altitude , menor a temperatura média do ar. Isso porque quanto maior a altitude, menor a pressão atmosférica, o que torna o ar mais rarefeito, ou seja, há uma menor concentração de gases, umidade e materiais particulados. Como há menor densidade de gases e partículas de vapor de água e poeira, diminui a retenção de calor nas camadas mais elevadas da atmosfera e, em consequência, a temperatura é menor.


São grandes porções da atmosfera que possuem características comuns de temperatura, umidade e pressão e podem se estender por milhares de quilômetros. Formam-se quando o ar permanece estável por um tempo sobre uma superfície homogênea (o oceano, as calotas polares ou uma floresta) e se deslocam por diferença de pressão, levando consigo a condições de temperatura e umidade da região em que se originaram.


A maior ou menor proximidade de grandes corpos de água, como oceano e mares, exerce forte influência não só sobre a umidade relativa do ar, mas também sobre a temperatura. Em áreas que sofrem influência da continentalidade(localizada no interior do continente, distante do litoral), há maior variação de temperatura ao longo de um dia, ou mesmo de uma estação, do que em áreas que sofrem influência da maritimidade(próximas dos oceanos e mares). Isso ocorre porque a capacidade de retenção de calor da água é maior que a do continente.


São extensas porções de água que se deslocam pelo oceano, quase sempre nas mesmas direções, como se fossem “rios” dentro do mar, movimentadas pela ação dos ventos e pela influência da rotação da Terra, deslocando-se para oeste.


O diferentes tipos de cobertura vegetal apresentam grande variação de densidade, o que influencia diretamente a absorção de irradiação de calor, além da umidade do ar.


Além de estar associado à altitude, que é um fator climático, o relevo influi na temperatura e na umidade, ao facilitar ou dificultar a circulação das massas de ar.


* Temperatura; * Umidade; * Pressão Atmosférica; * Precipitação;


A temperatura é a intensidade de calor existente na atmosfera. Ela é medida por meio de aparelhos chamados termômetros, que podem ser a base de álcool, para medir mínimas temperaturas, e mercúrio para medir as máximas temperaturas. Quanto a escala de temperatura são Celcius e Fahrenheit.


A umidade é a quantidade de vapor de água presente na atmosfera num determinado momento, resultando do processo de evaporação das águas da superfície terrestre e da evapotranspiração.


A famosa experiência do físico italiano Evangelista Torricelli(16081647) comprovou que o ar exerce uma pressão sobre os corpos(pressão atmosférica). De acordo com seus estudo, quanto maior a altitude menor a pressão atmosférica. Além de variar em função da altitude, a pressão atmosférica varia também em função da temperatura. A medida que a temperatura se eleva, o ar torna-se rarefeito e, portanto, com menor pressão. Quando a temperatura diminui, o ar torna-se mais denso e, consequentemente, com maior pressão.


Tornado é um redemoinho de ventos girando com muita velocidade e que se forma em condições especiais num ambiente de tempestade muito forte. Este redemoinho descende de uma nuvem de tempestade (cumulunimbus) muitas vezes, atinge o chão, causando destruição por onde passa. A dimensão espacial do tornado é de centenas de metros e ele, normalmente, tem uma vida média de poucos minutos e percorre uma extensão de 500 a 1500 metros, ainda que na sua trajetória os ventos passem comumente de 200 km/h.


http://www.cptec.inpe.br/glossario.shtml#12


Climatologia