Issuu on Google+

JORNADA DE EXTENSÃO EM NÚMEROS

Ano 2015


XVII JORNADA DE EXTENSÃO EM NÚMEROS


Apresentação

A UFPA registrou nos últimos anos um aumento crescente das ações de extensão apoiadas ou não pela PROEX. Dentre as principais ações que compõem a política de extensão universitária destacam-se as normativas e documentais (Estatuto, Regimento e Regulamento do Ensino de Graduação, Instruções Normativas, Editais; Relatórios e Projetos Pedagógicos de Cursos de Graduação). Os editais disciplinam as concessões de bolsas e, em casos específicos, até a realização de despesas de capital e custeio à extensão. A Extensão na UFPA realiza-se por meio de programas, projetos, cursos, eventos e serviços como: Programa Institucional de Bolsas de Extensão Universitária (PIBEX), programas de concessão de bolsas de extensão da UFPA, Navega Saberes/Infocentros, Conexão de Saberes, Eixo Transversal. O Programa de Extensão Universitária (PROEXT) do MEC/SESu, que também apoia a realização da extensão universitária. Há, também, projetos de apoio à Cultura como Quinta Cultural e o Multicampiartes; destaca- se a realização de eventos como: Cursos de educação continuada apoiados pelo MEC/SECADI; Prêmio jovem Extensionista, Prêmio de Arte, Cultura e Literatura; Fóruns de Extensão, Jornada de Extensão Universitária, Recepção aos Calouros e Feira do Vestibular; Shows; Feiras, Congressos, Encontros, Exposições; Festivais; Jogos Universitários Internos; Jogos Universitários Externos e publicações: Revistas e Anais. O expressivo volume de ações extensionistas em execução na PROEX é avaliado pelo encaminhamento de aproximadamente 1.200 relatórios dos programas e projetos (Parcial e Final), duas vezes por ano e por apresentações de trabalhos discentes na Jornada anual de extensão que completou 18 anos. Nos últimos processos de gestão da extensão, foi adotado um sistema de gerenciamento das ações de extensão (SISAE) apoiado pela tecnologia da informação. Em decorrência, no ano de 2014 e 2015, foi possível obter o seguinte cenário parcial da avaliação da extensão da UFPA a partir de dados do maior evento avaliativo de extensão da UFPA: a Jornada de Extensão. A Jornada em números é importante pois sistematiza as ações desenvolvidas anualmente na UFPA possibilitando a realização de analises e diversos estudos além de dá transparência a ação pública. O objetivo do presente é elucidar de maneira simplificada e numérica dados importantes retirados majoritariamente do Relatório da XVII e XVIII Jornada de Extensão. Deste modo, servindo como material de consulta rápida. Esta primeira versão constitui-se em um marco, pois em 2016 a PROEX irá realizar o I Congresso de Ensino e Extensão da UFPA em substituição à Jornada


XVII - JORNADA DE EXTENSÃO – 2014 1

INSCRIÇÃO Do universo de 386 inscritos, 312 tiveram suas inscrições completas e destes, 256

bolsistas conseguiram aprovação (média aritmética superior a 7). Mostrando um percentual de reprovação de aproximadamente 18%. Tabela 01 – Inscrição e seleção dos bolsistas na XVII Jornada de Extensão da UFPA - 2014

Fonte: DPP-PROEX - 2014

Tabela 02 – Inscrição e seleção dos bolsistas na XVII Jornada de Extensão da UFPA - 2014

Fonte: DPP-PROEX - 2014

2

PROGRAMAÇÃO ACADÊMICA

APRENSETAÇÃO DE TRABALHOS Em relação às áreas temáticas, assim como nos anos anteriores, a maioria dos trabalhos foram oriundos das áreas de educação e saúde que comportaram juntas aproximadamente 70% dos trabalhos aprovados. Abaixo uma síntese dos trabalhos por área temática.


Tabela 03 – Trabalhos por Área Temática

Fonte: DPP-PROEX - 2014

2.1

ATIVIDADES EDUCATIVAS, CURSOS, MINICURSOS, PALESTRAS E

OFICINAS As atividades educativas realizadas na XVII Jornada de Extensão foram elaboradas com o intuito de informar e debater com a sociedade assuntos importantes e atuais, como a violência contra a mulher e o meio ambiente. Ao todo foram realizadas 32 atividades de extensão divididas em cursos, minicursos, oficinas e palestras. Tabela 04 – Quantidade e Ouvintes por Atividade

Fonte: DPP-PROEX - 2014

2.2

LOCAIS DAS APRESENTAÇÕES

A XVII Jornada de Extensão contou com dois tipos de apresentações por parte dos bolsistas, a comunicação oral, que é uma apresentação do resumo expandido através do auxílio de data show para os ouvintes e o avaliador presencial em um auditório e o pôster,


que como sugere o nome necessita de um pôster explicativo e geralmente são apresentados em locais abertos, permitindo o acesso de mais pessoas às explanações. Por este motivo, optou-se por cinco locais para apresentação de comunicações orais e um para os pôsteres. Deste modo, as apresentações ocorreram sem maiores problemas e podem servir como modelo para realização das apresentações de anos posteriores.

2.2.1 Apresentações em Belém

2.2.1.1 Primeiro dia de apresentações (25/11/2014) No dia 25, primeiro dia das apresentações, nos 5 locais, no entanto, por indisponibilidade do turno da tarde nas salas cedidas pela AED apenas 3 foram usadas no período vespertino, o que, graças ao planejamento realizado, não surtiu efeitos negativos no andamento do evento. Tabela 05 – Quantidade de Trabalhos tipo Comunicação Oral por Local

Fonte: DPP-PROEX - 2014

Tabela 06 – Quantidade de Trabalhos tipo Pôster por Local

Fonte: DPP-PROEX - 2014

2.2.1.2 Segundo dia de apresentações (26/11/2014) No segundo dia de apresentações, foram utilizados 3 locais para as apresentações de comunicação oral.


Tabela 07 – Quantidade de Trabalhos tipo Comunicação Oral por Local

Fonte: DPP-PROEX - 2014

Tabela 08 – Quantidade de Trabalhos tipo Pôster por Local

Fonte: DPP-PROEX - 2014

2.2.2 Apresentação nos Campi Como um dos grandes diferenciais da XVII Jornada de Extensão, tivemos a realização do evento nos Campi que se disponibilizaram a fazer essa parceria, muito em função dos representantes da extensão nos campi de Breves, Bragança, Castanhal e Cametá. Nestes, ocorreram as apresentações no formato de comunicação oral e pôster.

Tabela 09 - Quantidade de Trabalhos por Campi

Fonte: DPP-PROEX - 2014


XVIII JORNADA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA – 2015 1

INSCRIÇÃO Do universo de 410 inscritos, todos tiveram suas inscrições completas e destes, 374

bolsistas conseguiram aprovação (média aritmética superior a 7). Mostrando um percentual de reprovação de aproximadamente 9%. Tabela 10 – Inscrição dos Bolsistas

Fonte: DPP-PROEX – 2015C

Tabela 11 – Avaliação dos resumos expandidos

Fonte: DPP-PROEX - 2015

2.

PROGRAMAÇÃO ACADÊMICA

APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CLASSIFICADOS Em relação às áreas temáticas, assim como nos anos anteriores, a maioria dos trabalhos inscreveram-se nas áreas de educação e saúde perfazendo mais da metade do total dos trabalhos aprovados. Abaixo uma síntese dos trabalhos por área temática.


Tabela 12 – Resumos Expandidos por Área Temática

Fonte: DPP-PROEX - 2015

Fonte: DPP-PROEX - 2015


Tabela 13 – Itens/subitens da avaliação relacionados à desclassificação dos resumos expandidos

Fonte: DPP-PROEX - 2015

Itens da Tabela:

Normativos

1.1

bservar se o trabalho submetido está em conformidade com o edital e estão

presentes título, autores, resumos, palavras-chaves, introdução, desenvolvimento e conclusão; 1.2

Observar as regras ortográficas;

1.3

Verificar se há referência na bibliografia utilizada no corpo do trabalho.

Diretrizes de extensão

2.1

Observar o público atendido pela extensão;

2.2

Verificar se houve a participação da comunidade na ação de extensão.

Objetivos e resultados

3.1

Observar se os objetivos do trabalho foram apresentados;

3.2

Verificar se são apresentados os resultados parciais e totais alcançados;

3.3

Indicação de produtos de extensão no resultado parcial ou final.


Fonte: DPP-PROEX - 2015

3

PROGRAMAÇÃO ACADÊMICA

3.1

APRESENTAÇÕES DE TRABALHOS

Tabela 14 – Quantidade de comunicação oral/poster por area temática (Total Geral)

Fonte: DPP-PROEX – 2015


Fonte: DPP-PROEX - 2015

3.2

Apresentações em Belém

Tabela 15 – Quantidade de Comunicação Oral/Pôster por Área Temática (Belém).

Fonte: DPP-PROEX - 2015


Fonte: DPP-PROEX - 2015

3.3.1 Primeiro dia de apresentações (10/11/2015) Tabela 16 – Quantidade de Trabalhos tipo Comunicação Oral por Local/Turno.

Fonte: DPP-PROEX - 2015

Tabela 17 – Quantidade de Trabalhos tipo Pôster por Local/Turno

Fonte: DPP-PROEX - 2015


3.3.2 Segundo dia de apresentações (11/11/2015) Tabela 18 – Quantidade de Trabalhos tipo Comunicação Oral por Local/turno.

Fonte: DPP-PROEX - 2015

3.4 Apresentações nos Campi Tabela 19 – Quantidade de resumos expandidos (Comunicação Oral) por CAMPI

*Participação somente em Serviços. Fonte: DPP-PROEX - 2015


Fonte: DPP-PROEX - 2015

Tabela 20 – Quantidade de Resumos Expandidos (Pôster) por CAMPUS.

*Participação somente em Serviços. Fonte: DPP-PROEX - 2015


Fonte: DPP-PROEX - 2015

4

ATIVIDADES

EDUCATIVAS,

CURSOS,

MINICURSOS,

PALESTRAS

E

OFICINAS (Total Geral)

As atividades educativas realizadas na XVIII Jornada de Extensão foram pensadas a fim de informar e debater com a sociedade assuntos importantes e atuais. Ao todo foram realizadas 66 atividades de extensão divididas em cursos, minicursos, oficinas e palestras. Nota-se que a atividade oficina ofertou maior quantidade de ações extensionistas, entretanto o maior alcance junto aos seguimentos sociais foram os serviços de saúde com um público de 1965 pessoas. Tabela 21 – Quantidade e Ouvintes por Atividade

Fonte: DPP-PROEX - 2015


5

SÍNTESE COMPARATIVA ENTRE A JORNADA DE EXTENSÃO DOS ANOS DE

2014 E 2015 Tabela 22 – Total de inscritos/classificados nas Jornadas de Extensão - 2014/2015

Fonte: DPP-PROEX - 2015

Fonte: DPP-PROEX - 2015

Tabela 23 – Quantidade de atividades realizadas - 2014/2015

Fonte: DPP-PROEX - 2015


Fonte: DPP-PROEX - 2015

Tabela 24 – Quantidade de locais usados para as apresentações - 2014/2015 - Belém

Fonte: DPP-PROEX - 2015

Fonte: DPP-PROEX - 2015


Tabela 25 – Total de Campi e trabalhos apresentados pelos Campi- 2014/2015.

Fonte: DPP-PROEX - 2015

Fonte: DPP-PROEX - 2015


Jornada de Extensão em Números