Page 1

AVISO DE PROTEÇÃO CIVIL Serviço Municipal de Proteção Civil spc@cm-camaradelobos.pt + 351 913 312 929

Câmara Municipal Praça da Autonomia 9304-001 Câmara de Lobos geral@cm-camaradelobos.pt t: 291 911 080 f. 291 944 499 NIF: 511 233 620

Município de Câmara de Lobos

ASSUNTO:

AVISO PREVENTIVO DE PROTEÇÃO CIVIL | CONDIÇÕES METEOROLÓGICAS ADVERSAS

PAG(S).:

2

ANEXO(S):

-

REF.ª:

DATA:

HORA:

GDH:

AV/01/2019

04DEZ2019

21H30

042130UTCDEZ2019

ALTERA:

REVOGA:

EXECUÇÃO:

-

-

POPULAÇÃO

Consciente do papel de destaque que se encontra reservado ao domínio da Segurança, Saúde Pública e Proteção Civil e dando continuidade ao seu empenho numa política de bem-estar, salvaguarda e proteção da Comunidade, o Serviço Municipal de Proteção Civil (SMPC) da Câmara Municipal de Câmara de Lobos (CMCL), no âmbito das suas atribuições e competências, vem, por este meio, proceder à difusão do seguinte comunicado à População:

01 | SITUAÇÃO O estado do tempo no Arquipélago da Madeira encontrar-se-á condicionado, nos próximos dias, pela influência e/ou ação direta do Anticiclone dos Açores [centrado na Sudoeste do Arquipélago dos Açores e em situação de bloqueio], conjuntamente com a aproximação e passagem de uma superfície frontal, associada a uma massa de ar frio proveniente da Gronelândia. A instabilidade atmosférica associada, ao presente quadro sinótico, determinará a eventual ocorrência de episódios de ventos fortes, em todo o Arquipélago da Madeira, para o período compreendido entre a noite do dia 4 (quarta-feira) e a manhã do dia 6 (sexta-feira), sendo expectável o registo de rajadas até 90km/hora, nas regiões costeiras, enquanto que, nas regiões montanhosas, prevê-se a ocorrência de rajadas na ordem dos 120km/h. De acordo com as previsões disponibilizadas pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), toda a Ilha da Madeira encontra-se sob Aviso Laranja relativamente ao vento forte. De igual forma, e para o mesmo período, prevê-se a ocorrência de agitação marítima forte, do quadrante Norte, com o registo de uma ondulação na ordem de 4 a 5m de altura; bem como, de períodos de chuva ou aguaceiros fortes.

02 | EFEITOS EXPETÁVEIS Em função das condições meteorológicas atuais e previsíveis, são expectáveis os seguintes efeitos ou ocorrências: • Inundações urbanas, em zonas mais vulneráveis (por exemplo, caves), por escorrência superficial e acumulação de águas pluviais, bem como por insuficiência dos sistemas de drenagem. • Inundações urbanas, como resultado da obstrução de passagens hidráulicas subdimensionadas e, consequentemente, o extravasamento do caudal associado às linhas de água. • Danos em estruturas montadas ou suspensas. www.cm-camaradelobos.pt /municipiodecamaradelobos @CmClobos /município_camaradelobos

CMCL | Página 1

• Aumento do número de acidentes de viação, devido: ao piso escorregadio; de materiais sólidos na via de circulação, por arrastamento do escoamento superficial; ou, eventualmente, por formação de lençóis água. • Dificuldades na circulação apeada, em zonas mais expostas ao vento.


AVISO DE PROTEÇÃO CIVIL Serviço Municipal de Proteção Civil spc@cm-camaradelobos.pt + 351 913 312 929

• A queda de ramos ou árvores, bem como de outros detritos lenhosos. Câmara Municipal Praça da Autonomia 9304-001 Câmara de Lobos geral@cm-camaradelobos.pt t: 291 911 080 f. 291 944 499 NIF: 511 233 620

03 | MEDIDAS DE AUTOPROTEÇÃO O SMPC procede, de igual forma, à transmissão das seguintes recomendações gerais, associadas às medidas de prevenção e autoproteção a adotar pela população, nomeadamente: • Tendo em consideração as respetivas condições meteorológicas, sobretudo nas zonas montanhosas, devem ser evitados os percursos auto e apeados em zonas críticas e/ou de risco; • A circulação automóvel deverá reduzir-se ao estritamente necessário, sobretudo durante os períodos de maior

Município de Câmara de Lobos

intensidade, e devem ser respeitados os avisos, sinalização e recomendações das autoridades competentes e forças de segurança. • Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo em especial atenção à existência de lençóis de água nas vias de circulação. • Evitar o atravessamento de zonas inundadas, de modo a prevenir o arrastamento de pessoas ou viaturas. • Garantir uma adequada fixação de estruturas, nomeadamente de andaimes, placards e outras estruturas suspensas. • Manter-se informado do evoluir da situação, sobretudo através dos canais de comunicação apropriados, tais como dos comunicados do Serviço Regional de Proteção Civil, IP-RAM (SRPC), do SMPC de Câmara de Lobos, e do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). • Proceder à monitorização efetiva e permanente de infraestruturas de drenagem (por exemplo, obstrução de sistemas de escoamento de águas), nomeadamente as possam ser danificadas ou afetadas pelas condições meteorológicas previstas.

A Câmara Municipal de Câmara de Lobos, através do Serviço Municipal de Proteção Civil, encontra-se disponível para qualquer esclarecimento adicional, bem como apela ao bom-senso e compreensão da população, uma vez que “A prevenção começa em cada um de nós!”.

Com os nossos cumprimentos,

O PRESIDENTE1, ASSINADO NO ORIGINAL

(Pedro Emanuel Abreu Coelho)

www.cm-camaradelobos.pt /municipiodecamaradelobos @CmClobos /município_camaradelobos

CMCL | Página 2

Competências próprias e delegadas pela Câmara Municipal, Proposta GPR-PR-093-2017, de 17 de outubro, publicada pelo Edital n.º 0105.2017.ED.SAG, de 20 de outubro. 1

Profile for PROCIV_CLobos

COMUNICADO À POPULAÇÃO // CONDIÇÕES METEOROLÓGICAS ADVERSAS  

Comunicado à População

COMUNICADO À POPULAÇÃO // CONDIÇÕES METEOROLÓGICAS ADVERSAS  

Comunicado à População

Advertisement