Page 1

DESFILE DAS ESCOLAS

CARNAVAL 2019

Segue aberto edital de apoio às agremiações

Kamélia abre folia momesca na capital

PÁGINA 2

PÁGINA 8

JANEIRO DE 2019 - ANO 6 - N0 86 NATHALIE BRASIL/SEMCOM

SOLIDARIEDADE

Sentimento que uniu os manauaras pelas famílias do Educandos O povo de Manaus provou, mais uma vez, que o amor ao próximo pode, sim, fazer toda a diferença. Mais de 100 toneladas de mantimentos, entre alimentos, roupas e outros itens de limpeza e higiene pessoal foram doados e estão sendo entregues às famílias vítimas do incêndio no bairro Educandos, zona Sul.

ALEX PAZUELLO/SEMCOM

PÁGINAS 4 E 5

GESTÃO

‘JANEIRO ROXO’

SUSTENTABILIDADE

Centralização de serviços para reduzir custos

Movimento alerta para prevenção à hanseníase

Livros são arrecadados para Feira dos Bilhares

PÁGINA 3

PÁGINA 6

PÁGINA 7


2

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

| JANEIRO DE 2019

Serviço CARNAVAL 2019

ASSISTÊNCIA SOCIAL ALEX PAZUELLO/SEMCOM

Edital de apoio às Escolas segue disponível até fevereiro no DOM As Escolas de Samba dos Grupos Especial “A”, “B” e “C” têm até o dia 1º de fevereiro para apresentar as suas propostas e participarem do edital de apoio ao Carnaval de Manaus 2019. O edital de chamamento público nº 001/2019 destina apoio financeiro às Escolas de Samba dos Grupos Especial e foi publicado na edição 4508, do Diário Oficial do Município (DOM). O edital também pode ser consultado no portal Viva Manaus pelo link https://vivamanaus.com/carnaval-2019-edital-de-apoio-a-escolas-de-samba. O prazo para apresentação de propostas, para o edital destinado às Bandas e Blocos de Rua encerrou-se na primeira quinzena de janeiro.

Beneficiários do BPC têm novo prazo para realizar cadastro Populares com direito ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) dispõem de um novo cronograma para idosos e Pessoas Com Deficiência (PCDs) que ainda não realizaram a inscrição e atualização no Cadastro Único (CadÚnico). O novo prazo é dividido em um cronograma com quatro lotes, de acordo com o mês de aniversário do beneficiário. O público do BPC deve procurar os postos de atendimento nos 20 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) para inscrição e atualização do CadÚnico. Entretanto, quem precisar somente atualizar o cadastro, pode ser atendido na sede da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc) e na subcentral do Cadastro Único, no shopping Phelippe Daou, zona Leste.

APOSENTADOS E PENSIONISTAS

PATRIMÔNIO ALTEMAR ALCÂNTARA/SEMCOM

Bens inservíveis ao município serão leiloados no dia 25 de janeiro Um novo leilão de bens móveis inservíveis ao município será realizado no próximo dia 25/1, às 9h, na rua João Câmara, Nº 1.239, Novo Aleixo, zona Norte, o certame vai disponibilizar 102 lotes, entre veículos, material de informática, móveis, eletrodomésticos e utensílios de escritório entre outros materiais. O aviso de leilão foi publicado na sexta-feira, 11/1, no Diário Oficial do Município (DOM), e o edital completo está disponível no site do leiloeiro www.leiloesdonorte.com.br e na sede da Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), na rua São Luís, nº 416, na sala 505, 5º andar – Adrianópolis. O período de visitação dos lotes, conforme o secretário vai do dia 21 a 23/1, no horário das 9h às 12h e das 13h às 16h.

EXPEDIENTE

ALTEMAR ALCÂNTARA/SEMCOM

DIVULGAÇÃO/MANAUS PREVIDÊNCIA

Aniversariantes de janeiro são convocados para recadastramento Os aposentados e pensionistas do município que aniversariam em janeiro devem comparecer à Manaus Previdência para realizar o recadastramento anual obrigatório. A autarquia funciona na avenida Constantino Nery, 2.480, Chapada, zona Centro-Sul, das 7h às 14h, de segunda a sexta-feira. Levantamento do Setor de Atendimento (Sate) aponta para 390 aposentados e 90 pensionistas que devem se regularizar junto ao órgão no primeiro mês do ano. Para o recadastramento, o segurado deve apresentar os originais do Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência atual. Em caso de dependentes, deve ser apresentada a certidão de nascimento (menores de 18 anos) e, se for cônjuge/companheiro (a), a certidão de casamento ou da declaração de união estável. Dúvidas sobre o procedimento podem ser esclarecidas pelo telefone (92) 3186-8000, das 8h às 17h, ou webchat (http://manausprevidencia.manaus.am.gov.br/).

Secretário de Comunicação: Eric Gamboa - Subsecretária de Comunicação: Elendrea Cavalcante - Jornalista Responsável: Alita Falcão MTB 00699-AM Revisão: Dernando Monteiro - Fotos e Textos: Assessorias - Diagramação: Aline Ribeiro


PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

JANEIRO DE 2019 |

3

AUSTERIDADE

Despesas de secretarias municipais são centralizadas para combater desperdícios MÁRIO OLIVEIRA/SEMCOM

Serviços como limpeza, manutenção e outros terão único contrato centralizado na Semad

N

a primeira quinzena de janeiro teve início uma grande ação de combate ao desperdício nas despesas de custeio do poder público municipal, com a criação da Centralização de Serviços Compartilhados (CSC) e que tem por meta ampliar o superávit conquistado em 2018 e fechar 2020, último ano da atual gestão, com déficit zero. A CSC vincula a gestão de todos os serviços de natureza comum das secretarias municipais à Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad). A medida atende à diretriz de Eficiência e Gestão do “Planejamento Estratégico Manaus 2030” e vem para efetivar a economia em gastos públicos, para que sejam direcionados para

Comunidades do bairro Cidade de Deus recebem infraestrutura e acessibilidade

D

uas comunidades do bairro Cidade de Deus, na zona Norte, localizadas em áreas de risco e alta vulnerabilidade estão recebendo, desde o final de dezembro, obras de infraestrutura, acessibilidade e serviços públicos que garantem cidadania e melhores condições de vida à população. Implantação de ruas, drenagem profunda e superficial, além de serviços como coleta de lixo, iluminação e água já começam a se tornar realidade nas duas áreas. Na comunidade Alfredo Nascimento, três ruas estão sendo im-

plantadas, uma rede de drenagem profunda está sendo instalada, além de outros serviços, como construção de escada e contenções, que já estão planejados. Vendo o asfalto chegar, pela primeira vez, na porta de sua casa, Paulo Sergio, de 58 anos, já espera pela chegada de novos serviços, como a coleta domiciliar do lixo e policiamento. “É mais dignidade! Até para construirmos nossas casas tínhamos que carregar o material, porque não tinha como descer carro na ribanceira. Hoje, estamos vendo uma rua nascer na nossa comunidade e que vai melhorar muito a vida

das pessoas”, comemorou. Paulo é um dos moradores da nova rua Pinheiro Prateado, que está sendo implantada pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) na comunidade Alfredo Nascimento. Além dessa, a travessa da Amizade e a rua da Amizade também recebem melhorias viárias. Já o beco Frazão, que interliga as comunidades Fazendinha e Alfredo Nascimento, está situado em uma área de charco, com habitações rústicas e nenhuma infraestrutura. O local é uma espécie de labirinto de aproximadamente 300 metros,

outras áreas de investimento no município de Manaus. Como órgão centralizador, a Semad vai poder padronizar e normatizar todos esses serviços comuns, como limpeza e conservação, segurança patrimonial, manutenção em refrigeração, elétrica e hidráulica, outsourcing e a frota municipal, cabendo às demais secretarias a responsabilidade no controle de utilização de suas cotas, predeterminadas pela Secretaria de Administração e em consonância com o planejamento orçamentário. Ao longo do tempo, a partir de análises técnico-administrativas, novos serviços poderão ser avaliados, centralizados e compartilhados com as unidades administrativas municipais.

MÁRIO OLIVEIRA/SEMCOM

Obras levam mais dignidade à zona Leste

onde vivem dezenas de famílias. Agora, os moradores humildes dessa área começam a se sentir como autênticos cidadãos manauaras, recebendo benefícios de acessibilidade com implantação de passarelas, calçadas, meios-fios, sarjetas, além de uma escadaria e asfaltamento.

Professora recebe Medalha Ordem Nacional do Mérito Educativo Maior honraria da área educacional concedida pelo Ministério da Educação (MEC), a professora da Escola Municipal Thomas Meireles, no bairro Petrópolis, zona Sul, Soraya Freire, foi agraciada com a Medalha Ordem Nacional do Mérito Educativo. A educadora foi a única professora da rede básica municipal do Amazonas a receber a homenagem, concedida a 50 pes-

soas ligadas à Educação em todo o país, sendo um reconhecimento ao trabalho desenvolvido por ela há 27 anos, na unidade de ensino municipal. Professora da Secretaria Municipal de Educação (Semed) há 28 anos, Soraya já foi premiada nacionalmente nove vezes, tendo quatro vezes recebido o Prêmio Professores do Brasil e uma vez o Prêmio Denatran

de Trânsito. “A educação tem a possibilidade de transpor os muros da escola. Enquanto nós, professores, não conseguimos alinhar esses dois mundos, ficamos amarrados a um conteúdo fora da realidade. Você não precisa parar a aula para falar sobre trânsito, por exemplo, mas articular a aula ao contexto em que os alunos vivem”, declarou a professora, que trabalha

com turmas de 1º ao 5º ano do ensino fundamental. Entre os projetos realizados com os alunos e premiados, estão o “Leitura e escrita: uma viagem fascinante” e “Educação para o trânsito na escola: uma questão de direitos humanos”, campeões do prêmio Professores do Brasil e “Trânsito: educação, respeito e amor à vida”, vencedor do Prêmio Denatran.


4

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

| JANEIRO DE 2019

MANAUS SOLIDÁRIA

Campanha arrecada donativos e distribui solidariedade na capital NATHALIE BRASIL/SEMCOM

Laços de amor e solidariedade uniram centenas de voluntários aos serviços de atendimento às vítimas do incêndio em Educandos e mais de 100 toneladas de donativos foram arrecadados

O

ano de 2019 começou valorizando um dos sentimentos mais bonitos e que naturalmente vêm à tona nesta época do ano, a solidariedade. Motivados pelo amor ao próximo e pela vontade de ajudar, a população de Manaus promoveu uma verdadeira corrente do bem em prol das famílias que foram vítimas do incêndio no bairro Educandos, zona Sul, ocorrido no dia

17 de dezembro do ano passado. Foram mais de 100 toneladas de donativos arrecadados pela campanha #ManausSolidária, entre alimentos, roupas e itens de limpeza e higiene pessoal, além de dezenas de pessoas que se voluntariaram para auxiliar nas ações de atenção às mais de 800 vítimas da calamidade. Coordenada pelo Fundo Manaus Solidária, a campanha mobilizou todos os setores da sociedade, ALTEMAR ALCÂNTARA/SEMCOM

As famílias que tiveram o cadastro aprovado, além de doações, receberam o Auxílio Aluguel

de grandes empresas a instituições sociais, servidores do município e pessoas de todas as idades, que levaram e ajudaram a organizar os itens arrecadados. Tendo como base oficial de coleta a Casa Militar de Manaus, a força da campanha fez com que, rapidamente, as necessidades básicas dos cidadãos atingidos pelo incêndio fossem supridas. Para prestar um melhor apoio a essas pessoas, a Prefeitura de Manaus montou um ponto de distribuição de donativos na Agência de Desenvolvimento Local (ADL) Cajual, no Morro da Liberdade. No local, além do reforço na triagem das vítimas bem como na confirmação do questionário quanto às perdas, foi feita a entrega do kit de doações e da liberação para o Auxílio Aluguel, que foi pago para as 735 famílias que tiveram o cadastro aprovado. Composto por cesta básica, leite, roupas e sapatos; itens de limpeza e de higiene pessoal; o kit também continha, em caso de crianças, fraldas descartáveis. As doações são feitas a cada semana ou conforme a identificação de ne-

cessidades. Durante todo o processo de triagem e de entrega das doações, mais de 1,1 mil voluntários estiveram auxiliando nos trabalhos executados na Casa Militar e na ADL Cajual. ATENDIMENTOS DE SAÚDE E SOCIAL Desde a noite do dia 17 de dezembro de 2018, assim que as primeiras informações sobre as proporções do incêndio foram confirmadas, toda a estrutura da Prefeitura de Manaus foi colocada à disposição dos moradores daquela área da cidade. Atendimentos médico e social foram os primeiros serviços a serem disponibilizados, permitindo que a assistência básica fosse ofertada em meio ao caos da perda total das residências. A ação integrada com a Igreja Batista de Constantinópolis e a Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro permitiu que, ainda na noite do incêndio, 17 de dezembro do ano passado, os primeiros cadastros fossem efetuados, norteando as ações que foram adotadas.


PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

JANEIRO DE 2019 |

5

MANAUS SOLIDÁRIA

Gratidão e respeito por quem mais precisa

U

ALEX PAZUELLO/SEMCOM

RÉVEILLON SOLIDÁRIO Além das doações voluntárias encaminhadas para a Casa Militar de Manaus, a população foi motivada a participar do primeiro Réveillon Solidário, promovido pela Prefeitura de Manaus. Como parte da campanha #ManausSolidária, em favor das vítimas do incêndio, a população levou alimentos para os três principais locais da festa da virada – Ponta Negra, Shopping Phelippe Daou e Amarelinho -, gerando a arrecadação de aproximadamente quatro toneladas de alimentos.

ALTEMAR ALCÂNTARA/SEMCOM

NATHALIE BRASIL/SEMCOM

ma das pessoas que foram ajudadas pelas doações entregues na Casa Militar de Manaus e distribuídas pelo Fundo Manaus Solidária foi a dona de casa Eliete Leal Bruce. Ela morava com o marido, dois filhos e uma neta, há 23 anos, em um dos imóveis que foram destruídos pelas chamas. Mesmo diante da situação de calamidade, tendo que dividir um quarto com outras pessoas, a dona de casa sorri quando fala das doações que vem recebendo. Ajuda não só material, como fralda e brinquedos para a neta, utensílios domésticos, roupas, material de higiene pessoal, mas também ajuda psicológica, carinho e atenção. “Tem gente que vem aqui apenas para conversar conosco, dar um abraço, fazer uma oração. Os irmãos da igreja também têm estado conosco a todo momento. Isso nos dá um fôlego e uma esperança tão grande, pois percebemos o quanto somos importantes aos olhos dos outros”, relatou Eliete. Acompanhada do marido, Gelso Bruce, a expectativa da família da dona de casa agora será organizar as doações recebidas para se estabelecer em um novo local. “Toda cidade se mobilizou para nos ajudar. Recebemos doações de vários bairros. Nos sentimos valorizados. Agora é seguir em frente em um novo local”, afirmou confiante.

Histórias de superação, como a de Eliete Leal, motivam os envolvidos na ajuda humanitária prestada às vítimas do incêndio do Educandos

Triagem com cruzamentos de dados no combate a fraudes Para minimizar ao máximo a ocorrência de fraudes, a Prefeitura de Manaus estabeleceu a Casa Militar como posto oficial de coleta de doações e aperfeiçoou os métodos de triagem já utilizados pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc). Mais de 60 técnicos cruzaram os dados reunidos

na Operação SOS Enchente 2018, Cadastro Único, Auxílio Aluguel já pago pelo município, além da avaliação ficha a ficha. Das 841 famílias que se apresentaram para cadastramento, 74 tiveram seus cadastros invalidados, por apresentarem inconsistência nas informações fornecidas, e 735 famílias foram consideradas ap-

tas a receber o benefício do Auxílio Aluguel. Outros 32 cadastros ainda estão em análise. O Auxílio Aluguel é um benefício social, pago com recursos públicos do município, destinado às famílias que foram vítimas de alguma calamidade. O valor repassado é de R$ 300, pelo período de um ano, podendo ser

prorrogado por mais seis meses, de acordo com a Lei Municipal nº 1.666, de 25 de abril de 2012. Atualmente, 824 famílias recebem o auxílio. Além do Cajual, as doações são entregues em seis abrigos que ainda possuem cerca de 100 pessoas vítimas do incêndio em Educandos.


6

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

| JANEIRO DE 2019

EDUCAÇÃO

Começa ano letivo das escolas municipais da Calha do Rio Negro

J

á começou o Ano Letivo 2019 para as 29 escolas municipais da zona ribeirinha localizadas na Calha do Rio Negro. A abertura foi realizada no início de janeiro, na primeira escola ribeirinha de educação integral, a escola municipal Professora Dian Kelly do Nascimento Mota, no Tarumã-Mirim. No total, a Prefeitura de Manaus atende nesta área, aproximadamente, 2 mil alunos da educação infantil, do 1º ao 9º ano do ensino fundamental e da educação de jovens e adultos, contando com 133 professores. O calendário escolar nas unidades de ensino do rio Negro é antecipado por questões ambientais, uma vez que o período de vazante não possibilita o transporte e dificulta o acesso dos estudantes às escolas durante a seca do rio. Assim, as aulas se iniciam em janeiro, durante a cheia, e seguem até o mês de outubro, sem recesso escolar no meio do ano, garantindo o cumprimento dos 200 dias letivos. Natural de Maués, o marinheiro de convés Carlos Alberto Belizario, 64, mora na comunidade ribeirinha do Abelha há 16 anos. Para ele, pai da aluna do 1º período, Sarah Vitória Belizario, 5, a escola municipal

NATHALIE BRASIL/SEMCOM

As escolas da zona ribeirinha de Manaus têm calendário diferenciado para início e término das aulas por conta da cheia e da seca dos rios

Professora Dian Kelly é uma conquista de todos. “A escola representa muita coisa, porque quando minha menina começou a estudar não conhecia nada e agora escreve

os nomes de todos. Para mim é um orgulho, porque agora as crianças estudam o dia inteiro”, disse. A Divisão Distrital Zonal Rural (DDZ Rural), da Secretaria Muni-

cipal de Educação (Semed), conta com 84 unidades de ensino, das quais 29 estão localizadas no rio Negro, 21 no rio Amazonas e 34 na zona rural/rodoviária de Manaus.

Foi destaque MARINHO RAMOS/SEMCOM

‘JANEIRO ROXO’ A Prefeitura de Manaus reforça as ações de combate à hanseníase com a programação do “Janeiro Roxo. As equipes de saúde atuam nas quatro zonas da cidade e na área rural e fluvial, estão engajadas em ações educativas, de acolhimento, diagnóstico e tratamento da população, gratuitamente, além de exames dermatológicos, rodas de conversa, entre outros trabalhos.

ILUMINAÇÃO A Prefeitura de Manaus realizou uma audiência pública para discutir a concessão da prestação de Serviço de Gestão Completa, Modernização e Execução do Sistema de Iluminação Pública (SIP) do município. Foi apresentado um balanço dos investimentos feitos no setor e o estudo que propõe a substituição das luminárias em 100% LED, bem como a manutenção, expansão e modernização para os próximos 15 anos. MARCIO JAMES/SEMCOM

MÁRIO OLIVEIRA/SEMCOM

RECONHECIMENTO Mais de 20 motoristas de ônibus foram certificados por se destacarem no Programa de Méritos. O reconhecimento faz parte das Ações e Metas do Planejamento Estratégico em Transportes Urbanos da Prefeitura de Manaus, em parceria com as empresas concessionárias do sistema, e é mais uma medida para qualificar os trabalhadores rodoviários e promover o melhor atendimento.

ARTESANATO A Prefeitura de Manaus lançou uma coleção inédita de produtos decorativos, utilitários, joias e acessórios elaborados por 30 artesãos do projeto “Manaus Feita à Mão”, desenvolvido pela Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi) e com a curadoria Sebrae-AM. O Portal do Artesanato cataloga o trabalho dos artesãos cadastrados pela prefeitura na internet. NATHALIE BRASIL/SEMCOM


PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

JANEIRO DE 2019 |

7

SAÚDE

Novo Decreto de Emergência garante ações para erradicar o sarampo em Manaus ALTEMAR ALCÂNTARA/SEMCOM

DIVULGAÇÃO/SEMSA

Há mais de 30 dias Manaus se mantém sem novos casos de sarampo, mas ações reforçadas de combate ao vírus continuam em todas as unidades de saúde até que a doença possa ser erradicada

O

s últimos Boletins Epidemiológicos de Monitoramento do Sarampo divulgados pela Prefeitura de Manaus apontam que não houve notificação ou confirmação de novos casos de sarampo. Desde o dia 22 de novembro do ano passado, não há registro de novos casos confirmados da doença na capital.  Essa estabilização na notificação é resultado da força-tarefa montada pelo município, em parceria com

outros órgãos estaduais, federais e até internacionais, para combater o sarampo na capital. E para garantir a erradicação da doença, a prefeitura publicou um novo Decreto de Situação de Emergência de 180 dias, publicado na edição 4.507 do Diário Oficial do Município (DOM). A  Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) tem mantido um intenso trabalho de  monitoramento nas unidades de Saúde, sobretudo em relação às crianças menores de cinco anos. O

objetivo é que se possa realizar, de forma imediata, as ações de controle em cada notificação, quebrando a cadeia de transmissão do sarampo. Desde o mês de fevereiro de 2018, foram notificados 8.973 casos de sarampo em Manaus, o que abrange 7.126 casos confirmados, 1.842 descartados e cincos casos que ainda estão em investigação. Do total de 7.126 casos confirmados, 24,6% estão na faixa etária de 20 a 29 anos, seguida da faixa etária de 15 a 19 anos

(21,2%), menores de um ano (17,4%), de 30 a 49 anos (14,4%) e de 1 a 5 anos (11,9%). Em Manaus, a vacina tríplice viral, que imuniza contra sarampo, rubéola e caxumba, é recomendada para pessoas na faixa etária de seis meses a 49 anos e está disponível em 183 salas de  vacina da rede municipal. A lista com o endereço das Salas de Vacina pode ser acessada no site da Semsa  (https://semsa2018.manaus. am.gov.br/).

Livros usados já podem ser doados para a Feira no Parque dos Bilhares C omo forma de incentivar a sustentabilidade, por meio do reaproveitamento, a Prefeitura de Manaus dá início neste mês de janeiro à campanha de coleta de livros usados que serão doados, em abril próximo, durante a 5ª Feira de Livros do Parque Ponte dos Bilhares. A feira já integra o calendário de eventos do parque e consegue doar, todos os anos, milhares de títulos a pessoas que se interessam pela prática da leitura e a troca de conhecimentos. O evento é realizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), que no ano passado conseguiu o recorde de 8,2 mil livros arrecadados. A previsão é de que este ano a arrecadação su-

pere a anterior. Quem tiver livros em casa e queira doar, já pode fazer a entrega na administração do parque Ponte dos Bilhares, situada na segunda etapa, com acesso pela Constantino Nery. O evento conta também com a parceria de instituições de ensino privadas que, além de montarem postos de coleta nas suas sedes, participarão da feira com atividades realizadas por alunos e professores. A Feira de Livros dos Bilhares acontece em alusão ao Dia Nacional do Livro Infantil, comemorado em 18 de abril, e ao Dia Internacional do Livro, 23 de abril. Durante a feira, os livros são distribuídos gratuitamente. Cada pessoa tem direito de levar para casa até dez títulos.

ALTEMAR ALCÂNTARA/SEMCOM

A Feira de Livros dos Bilhares marca a comemoração dos dias nacional e internacional do livro


8

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

| JANEIRO DE 2019

FESTIVIDADES

Primeiro Réveillon Solidário atrai mais de 255 mil pessoas A

NATHALIE BRASIL/SEMCOM

NATHALIE BRASIL/SEMCOM

MARCIO JAMES/SEMCOM

MARCIO JAMES/SEMCOM

população manauara aderiu ao chamado para começar 2019 com gestos de solidariedade e lotou as três grandes festas de réveillon organizadas pela Prefeitura de Manaus nas zonas Leste, Sul e Oeste. Nos três pontos, mais de 255 mil pessoas celebraram a chegada do novo ano prestigiando grandes artistas locais e nacionais, além do show pirotécnico, e entregando donativos que foram destinados às famílias vítimas do incêndio ocorrido no bairro Educandos.

MARCIO JAMES/SEMCOM

Chegada da Kamélia marca abertura do Carnaval 2019 NATHALIE BRASIL/SEMCOM

A Kamélia é Patrimônio Cultural do Amazonas

A

o som das tradicionais marchinhas de Carnaval, seguindo o legado de 80 anos, a boneca Kamélia chegou a Manaus abrindo oficialmente o Carnaval 2019 na cidade. Reunindo vários foliões, a boneca que é uma tradição da folia de Momo na capital amazonense “chegou” no sábado, 5/1, no salão de desembarque do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, Tarumã, zona Oeste. No local, ela foi recepcionada com muita música e alegria por representantes de várias escolas de samba e o público em geral. Conforme manda a tradição de

mais de 60 anos, a chave da cidade foi entregue à “Nega do Carnaval”. “É uma tradição longeva e que virou Lei, em 2013, a entrega da chave à Kamélia. Manaus tem um carnaval muito bonito e que já é reconhecido pelos turistas tanto pelo Carnaval de Rua, com as bandas e blocos que tomam conta da cidade por mais de um mês, quanto pelo Desfile Oficial das Escolas de Samba, consolidando essa tradição como um produto turístico da cidade”, afirmou o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo

Monteiro de Paula. Em 2015, a Kamélia foi declarada Patrimônio Cultural Imaterial do Estado do Amazonas, o que é um ganho para a história do Carnaval de salão que marcou a história de Manaus. Após sair do aeroporto, a boneca seguiu em carreata para o baile de abertura que estava sendo realizado no Olímpico Clube, no bairro São Geraldo, zona Centro-Sul da capital, onde foi recebida com alegria e fogos de artifícios. Dezenas de foliões brincaram e dançaram ao som da bateria da Escola de Samba Vitória Régia e da banda de Metais da Kamélia.

Profile for Prefeitura de Manaus

Informativo Janeiro 2019  

Informativo Janeiro 2019  

Advertisement