Issuu on Google+

BELO HORIZONTE Diário Oficial do Município - DOM

Tiragem: 2.500 • 15/1/2014

Divulgação

Ano XX • N. 4.477 • R$ 0,85

Verão Arte Contemporânea agita cena cultural de BH, tem ampla programação e valoriza produção local

Oitava edição do evento apresenta mais de 50 atrações das mais variadas manifestações artísticas, que poderão ser acompanhadas gratuitamente ou a preços populares em dezenas de espaços da cidade

Divulgação

Roger Vieira

Felipe Thomaz

Mais de 30 espaços culturais da cidade vão ser ocupados por cerca de 60 atrações artísticas

Guto Muniz

A época mais quente do ano traz, além de calor e muito sol, diversas opções culturais e de entretenimento. É o caso do Verão Arte Contemporânea (VAC), evento que espalha pela cidade a partir de hoje atrações de teatro, dança, música, artes visuais, cinema e também literatura, moda, gastronomia e arquitetura. Em sua 8ª edição, que vai até o dia 16 de fevereiro, 57 opções artísticas nacionais e estrangeiras integram a programação, ocupando 31 espaços culturais de Belo Horizonte. Além de movimentar a cidade durante as férias, a iniciativa, que tem o apoio da Prefeitura promove a valorização da produção artística local. A programação completa e mais detalhes podem ser conferidos no site www.veraoarte.com.br. Segundo a idealizadora do VAC, Ione Medeiros, há uma dualidade na palavra verão do título do evento. “Verão é a estação do ano, mas também o verbo ver na terceira pessoa do plural”, explicou. “O verão é uma época muito boa, a cidade está com menos pessoas e mais acessível. Identificamos um público em BH que consome arte nesse período. Outros meses do ano já têm seus festivais”, completou. E nessa perspectiva os organizadores realizam o VAC 2014 mantendo a linha dos outros anos: diversidade cultural com entrada gratuita ou a preços populares, que variam de R$ 2 a R$ 16. O tema deste ano é a valorização das relações humanas, como antigamente, quando a tecnologia ainda não tinha influência direta. “Queremos promover a reaproximação entre as pessoas. A proposta vai um pouco na contramão desse relacionamento virtual que temos hoje em dia. Queremos mais contato físico, presença e afeto”, explica Ione. No primeiro evento, rea­lizado ontem no Centro Cultural Banco do Brasil, o mote foi evidenciado. Em “Desusáveis - Inventário Interativo”, objetos que caíram em desuso nas mãos de algumas pessoas passam a ter valor para outras. A instalação possibilitou uma mobilidade que relembra coisas esquecidas, mas que ainda são objetos de troca. Esse processo de permuta, consequentemente, gera a aproximação das pessoas. Outras atrações seguem também essa perspectiva. Ione, no entanto, ressalta que apesar de haver um mote, as intervenções da programação não estão condicionadas a ele. “O tema não é condição para que as coisas aconteçam, não há essa rigidez”, concluiu.

Tradicional x novidades Projetos tradicionais do VAC, como o Verão nos Ateliês e o Verão nos Museus, continuam sendo desfrutados pelo público, mas em 2014 o evento tem alguns diferenciais. Na área do cinema foi ampliado o circuito de visitação cultural, com a inserção do projeto Verão nos Cineclubes. Sete salas da cidade reproduzirão uma programação diferenciada e não comercial. Já nas artes visuais a novidade é a inserção da fotografia. O Verão na Moda inaugura uma proposta de venda de roupas e adereços, em um formato itinerante, com a circulação de uma kombi em diferentes pontos da cidade.

dom 4477.indd 1

A arte da gastronomia será levada mais uma vez para restaurantes populares de BH. Sucesso no ano passado na Unidade I (avenida do Contorno, 11.484, Centro), o projeto Encontro de chefes foi levado também para mais a Unidade IV, no Barreiro (avenida Afonso Vaz de Melo, 1.001). O projeto vai promover novas combinações culiná-

rias, valorizando ingredientes e sabores. No ano passado, apenas o Restaurante Popular I integrou a programação. O VAC 2014 tem o apoio cultural da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Fundação Municipal de Cultura, e é realizado com benefício da Lei de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte.

14/01/2014 18:25:11


BELO HORIZONTE 2

Diário Oficial do Município

Poder Executivo Quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Peça “O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá”, inspirada na obra de Jorge Amado, estreia hoje nos teatros de BH

No tempo da escola

Com a proposta de estimular a reflexão sobre adolescência e juventude, o espetáculo “Tudo de Nós” se despede hoje da campanha. Em cartaz no Teatro Bradesco (rua da Bahia, 2.224, Lourdes), a montagem conta a história de quatro jovens amigos que revivem e encenam experiências passadas. No palco, textos escritos pelos pró-

prios atores se unem a fragmentos do clássico romance “O Apanhador no Campo de Centeio”, do escritor J. D. Salinger. Os ingressos têm preço único de R$ 10 e o espetáculo começa às 20h.

Preto), às 20h30. R$ 12. • “#Tudodenós” – Teatro Bradesco (rua da Bahia, 2.224, Lourdes), às 20h. R$ 10. • “Aonde Está Você Agora?” - Tea­tro Sesi Holcim (rua Padre Marinho, 60, Santa Efigênia), às 21h. R$ 12. • “Agora sou homem mesmo” – Teatro do NET (rua dos Timbiras, 1605, Lourdes), às 20h. R$ 12. • “A Loja - Como Encantar seu Cliente” – Espaço Cultural Imaculada (rua Aimorés, 1.600, Lourdes), às 20h30. R$ 12. • “As Sereias da Zona Sul”

Confira a programação de hoje da Campanha de Popularização

Teatro infantil • “A Bruxinha que Era Boa” – Teatro da Biblioteca Pública (Praça da Liberdade, 21, Funcionários), às 16h. R$ 12. • “A Turma do Ursinho Puff” – Pátio Savassi - Anfiteatro Piso L2 (avenida do Contorno, 6.061, São Pedro), às 16h. R$ 12. • “O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá” - Tea­tro Shopping Estação BH (avenida Cristiano Machado, 11.833, Venda Nova), às 16h30. R$ 12. • “A Zeropeia” – Teatro Sesi Holcim (rua Padre Marinho, 60, Santa Efigênia), às 16h. R$ 12. • “Pedro e o Lobo” – Pátio Savassi - Anfiteatro Piso L2 (avenida do Contorno, 6.061, São Pedro), às 18h. R$ 12.

Teatro adulto • “7 Lições Para se Conquistar um Homem Quase Perfeito” – Teatro da Maçonaria (avenida Brasil, 478, Santa Efigênia), às 21h. R$ 12. • “10 Maneiras Incríveis De Destruir Seu Casamento” - Tea­tro Monte Calvário – Unidade Anchieta (avenida Contorno, 9384, Barro

História trata da impossibilidade da relação entre os dois animais

Divulgação

Secretaria de Planejamento divulga lista de servidores sorteados com ingressos de peças de teatro

dom 4477.indd 2

– Teatro Izabela Hendrix (rua da Bahia, 2020, Lourdes), às 20h. R$ 12. • “Absurdo” – Cine Theatro Brasil Vallourec (rua dos Carijós, 258, Centro), às 20h. R$ 12. • “Ai Meu Deus! Sonhei com a Empregada e Acordei com o Genro” - Teatro João Ceschiatti, no Palácio das Artes (avenida Afonso Pena, 1.537, Centro), às 20h. R$ 12. • “Amar é... Uma comédia!” - Tea­tro Dom Silvério (avenida Nossa Senhora do Carmo, 230, São Pedro), às 21h. R$ 12.

Divulgação

Estreia hoje, no Teatro do Shopping Estação BH (avenida Cristiano Machado, 11.833, Venda Nova), a montagem de “O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá”, peça inspirada na obra de Jorge Amado. A história gira em torno da condição de impossibilidade da relação entre um gato e uma andorinha, cujos mundos os tornam ‘naturalmente’ inimigos. A peça é uma das atrações da 40ª Campanha de Popularização da Dança e do Teatro e pode ser vista até sexta, dia 17, às 16h30. Os ingressos custam R$ 12 e, em fevereiro, o espetáculo migra para o Teatro Santo Agostinho, quando será encenado aos sábados e domingos. O cenário deste encontro é um parque no qual as mudanças das estações trazem uma atmosfera poética para a trama. O gato malhado, visto como uma figura antipática e amedrontadora, muda de humor nas diversas etapas da história. Os bichos se agitam e a vida no parque se transforma, à mercê do vento que leva e traz alegrias e tristezas e pode mudar tudo de lugar. O elenco é composto por Breno Gaglliard, Sheyla Barroso, Bruno Alexsander, Patrícia Thomaz e Jefferson de Medeiros. A direção é de Renato Millani.

A Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Informação (SMPL) sorteou ontem dois pares de convites para apresentações do espetáculo “Meu tio é tia”, em cartaz hoje, amanhã e nos dias 17, 18 e 19 deste mês no Tea­ tro Shopping Estação BH (avenida Cristiano Machado, 11.833, 3º Piso, Venda Nova). Outros cinco pares de convites foram sorteados para as apresentações da peça “A Loja – Como encantar seu cliente”, em cartaz hoje e amanhã, no Espaço Cultural Imaculada (rua Aimorés, 1.600, Lourdes). A lista com os nomes dos ganhadores e o horário de exibição das peças pode ser conferida abaixo e está disponível na internet, no site da Prefeitura de Belo Horizonte (www.pbh.gov.br).

• “Bastidores de uma nada mole vida” – Sala Juvenal Dias do Palácio das Artes (avenida Afonso Pena, 1.537, Centro), às 20h. R$ 10. • “Comi a galinha e tô pagando o pato” – Teatro Bradesco (rua da Bahia, 2.224, Lourdes), às 21h. R$ 12. • “Como fazer uma mulher feliz com apenas cinco reais!” - Tea­tro Santo Agostinho (rua Aimorés, 2.679, Santo Agostinho), às 20h30. R$ 12. • “É vira-lata, mas não tem rabo preso” – Teatro da Cidade (rua da Bahia, 1341, Centro), às 21h. R$ 12. • “Homem é Tudo Igual, Não Vale 1 Real” – Teatro da Maçonaria (avenida Brasil, 478, Santa Efigênia), às 19h. R$ 12. • “Juca, um jeca em dura vida de solteiro” – Teatro Júlio Mackenzie (rua Rio de Janeiro, 1.046, Centro), às 21h. R$ 12. • “Meu Tio é... Tia” – Shopping Estação BH (avenida Cristiano Machado, 11.833, Venda Nova), às 20h30. R$ 12. • “O Cigano e o Diletante” – Teatro do NET (rua dos Timbiras, 1605, Lourdes), às 21h30. R$ 12. • “Os Sem Vergonha” – Tea­ tro Alterosa (avenida Assis Chateubriand, 499, Floresta), às 21h. R$ 12. • “Tudo o Que Você Sempre Quis Saber Sobre Sexo, Está na Hora de Perguntar!” Teatro Nossa Senhora das Dores (avenida Francisco Sales, 77, Floresta), às 21h. R$ 12. • “Vulgaridades Sublimes” – Teatro Júlio Mackenzie (rua Rio de Janeiro, 1.046, Centro), às 21h. R$ 10.

Os servidores que ainda não foram contemplados podem continuar participando. O próximo sorteio será realizado na terça-feira, dia 21, às 10h, para a peça “A Loja – Como encantar seu cliente”, com apresentações dos dias 28 e 29. Para se inscrever é necessário acessar a “Sala do Servidor”, no site da Prefeitura, onde está localizado o banner do sorteio. Clicando nele, é possível efetuar a inscrição. Para que o link seja direcionado corretamente é necessário que um e-mail institucional da PBH esteja aberto antes do cadastramento. Somente será considerada uma inscrição por pessoa. Podem se inscrever servidores, empregados, terceirizados e estagiários das administrações direta e indireta.

14/01/2014 18:25:18


BELO HORIZONTE

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

Quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

3

Prefeitura abre inscrições de estágio para mais de 2 mil vagas em diversas áreas e Comunicação Social. O cadastro não garante acesso automático às vagas de estágio, mas insere todos os estudantes inscritos em um quadro de reservas, por meio do

Fotos: Smarh

Programa de Desenvolvimento do Estágio (PDEE) é um dos maiores do Brasil e recebe inscrições de estudantes de ensino médio e superior

qual os candidatos são convocados conforme a necessidade da administração municipal. Mais informações podem ser obtidas por meio do e-mail estagio@pbh.gov.br. Estudantes de famílias bene­ ficiárias dos programas Bolsa Família e Bolsa Escola Municipal, bem como os beneficiários de bolsas de estudos parciais ou integrais concedidas pelo ProUni, Financiamento Estudantil (Fies), programas para alunos carentes da Fundação Universitária Mendes Pimentel/ Universidade Federal de Minas Gerais (Fump/ UFMG), além de usuários de programas, benefícios e serviços executados pela Secretaria Municipal Adjunta de Assistência Social, terão preferência no acesso às vagas de estágio. Para ter direito ao benefício, é fundamental que o candidato informe o programa ao qual está vinculado no ato da inscrição.

Formação profissional

Estágio tem duração máxima de dois anos e os estudantes em estágio não obrigatório recebem bolsa de complementação educacional

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio do Programa de Desenvolvimento do Estágio (PDEE), abriu inscrições de estágio para mais de 2 mil vagas em diversas áreas do executivo municipal. O PDEE, coordenado pela Secretaria Municipal Adjunta de Recursos Humanos (Smarh), é um dos maiores programas de estágio do Brasil e recebe inscrições de estudantes do ensino médio e superior. Para se inscrever, o interessado deve ter idade mínima de 16 anos, residir em Belo Horizonte, estar regularmente matriculado e ser frequente em sua instituição de ensino. Todos os candidatos que se inscreveram para vagas de estágio na PBH nos anos anteriores e ainda não foram convocados devem realizar a inscrição novamente. O estágio possui duração máxima de dois anos, durante os quais os estudantes em estágio não obrigatório recebem bolsa de complementação educacional. Além da bolsa no valor de R$ 420 para ensino superior e de R$ 370 para o ensino médio, é concedido auxílio transporte pago por meio do cartão

A secretária municipal adjunta de Recursos Humanos, Tammy Claret Monteiro, ressaltou a importância do Programa de Desenvolvimento do Estágio, destacando os benefícios para os estudantes e para a administração pública. “O pro-

grama tem o objetivo de proporcionar a formação do educando, mediante a aprendizagem de competências próprias da atividade profissional e a contextualização curricular, possibilitando o desenvolvimento do estagiário para o trabalho e para a vida cidadã. Na PBH o estagiário tem a possibilidade de conviver em um ambiente profissional diariamente, o que resulta em uma melhor preparação para o mercado de trabalho”, ressaltou. Cursando o último ano do ensino médio, Laís Vitória, estagiá­ ria da Smarh, conta que o estágio está sendo uma boa oportunidade de aprender sobre o setor administrativo e uma chance de experiência que contribuirá para conseguir uma vaga no mercado de trabalho. Para a estudante de Comunicação Social Michelle Gomes, o estágio possibilita colocar em prática tudo que se aprende na faculdade e contribui para que todos possam ter uma ideia da futura área de trabalho. “O estágio é uma oportunidade de amadurecimento. É nessa fase que conseguimos saber se o curso que escolhemos é realmente a área na qual desejamos atuar”, disse.

BHBus e recesso de 30 dias, quando o estágio for igual ou superior a um ano. A jornada de estágio é de quatro horas diárias, um total de 20 horas semanais. As inscrições devem ser feitas somente pela internet, no site da PBH, www.pbh.gov.br. No menu à esquerda da página principal do portal da Prefeitura, abaixo do item “Acesso Rápido”, existe a opção “Estágios”, por meio da qual um link direciona o interessado para a página em que a inscrição deve ser realizada. O cadastro só será efetivado após o preenchimento completo da ficha e o fornecimento, pelo sistema, do número de inscrição na Prefeitura, que é enviado para o endereço de e-mail cadastrado pelo candidato no ato da inscrição. As vagas de estágio oferecidas pela Prefeitura abrangem diversas áreas da administração municipal, mas a maior demanda é por estagiários de nível médio. No caso de nível superior, o maior número de vagas destina-se às áreas de Educação Física, Arquitetura, Engenharia Civil, Serviço Social, Administração, Direito, Psicologia

Comunicado Concurso Sudecap

Estão abertas as inscrições para o concurso público para provimento dos empregos públicos de assistente administrativo, assistente técnico, arquiteto, engenheiro e técnico de nível superior da Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap). A remuneração varia de R$ 1.572 a R$ R$ 6.043. As inscrições deverão ser feitas pelo site www.fumarc.com.br até o dia 13 de fevereiro.  As inscrições custam R$ 60 (nível médio) e R$ 80 (nível superior). A prova será realizada no dia 16 de março deste ano.

Diário Oficial do Município de Belo Horizonte

Instituído pela Lei nº 6.470 de 06/12/1993 e alterado pela Lei nº 9.492 de 18/01/2008 • Endereço eletrônico: www.pbh.gov.br/dom Composição, Produção e Edição Assessoria de Comunicação Social - Prefeitura de Belo Horizonte Av. Afonso Pena, 1.212 - 4º andar - Tel.: (31) 3277-4246

dom 4477.indd 3

Impressão Distribuição e Assinaturas Gráfica 101 - Rua Francisco Soucasseaux, 220 Ricci Diários & Publicações Ltda - Rua Curitiba, 1.592 - Loja 01 Bairro Lagoinha - CEP 31110-310 - Belo Horizonte - MG - Tel.: (31) 3421-5000 Lourdes - Belo Horizonte - MG - Tel.: (31) 3274-4136

14/01/2014 18:25:22


BELO HORIZONTE

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

14

Quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Indicadores Econômicos de Belo Horizonte Taxas de Juros – Dezembro de 2013

Evolução dos Preços ao Consumidor IPCA(1) Período

IPCR(2) Variação (%)

Índice de Base Fixa (4ª Jul/94=100)

ago/13

403,59

0,10

3,92

Últimos 12 Meses 5,85

set/13

404,56

0,24

4,17

5,76

No mês

No ano

Variação (%)

Índice de Base Fixa (4ª Jul/94=100)

Taxas médias praticadas(1)

Setores

403,00

-0,12

2,69

Últimos 12 Meses 4,23

404,09

0,27

2,97

4,24

No mês

No ano

Menor

Maior

Diferença (%)

Média

1,99

5,90

196,48

4,75

Prefixada (montadoras)

1,10

2,54

130,91

1,63

Prefixada (multimarcas)

1,41

2,64

87,23

1,88

1,85

Empréstimos pessoa física Alimentício Automóveis Novos

out/13

406,05

0,37

4,56

5,53

405,26

0,29

3,27

4,07

nov/13

408,69

0,65

5,24

5,76

407,86

0,64

3,93

4,51

Prefixada (montadoras)

1,37

2,83

106,57

dez/13

412,25

0,87

6,15

6,15

410,67

0,69

4,64

4,64

Prefixada (multimarcas)

1,44

2,94

104,17

2,16

1ª jan/14

435,05 (3)

0,98

0,98

5,89

433,05 (3)

0,67

0,67

4,36

Cartão de Crédito

4,14

17,89

332,13

10,96

(1) IPCA= Índice de Preços ao Consumidor Amplo: mede a evolução dos gastos das famílias com renda de 1 a 40 salários mínimos na cidade de Belo Horizonte

Cheque Especial (2) (8)

4,24

10,52

148,11

8,14

(2) IPCR= Índice de Preços ao Consumidor Restrito: mede a evolução dos gastos das famílias com renda de 1 a 5 salários mínimos na cidade de Belo Horizonte

Combustíveis

3,57

17,97

403,36

8,70

Imóveis Construídos

0,05

1,60

3.100,00

1,05

Imóveis na Planta

0,20

1,60

700,00

0,41

0,79

2,65

235,44

1,88

CDC - Financeiro (8)

3,27

5,17

58,10

4,18

CDC - Bens Alienáveis (8)

1,40

2,09

49,29

1,61

Eletroeletrônicos

1,99

6,92

247,74

3,67

Mobiliário

0,70

5,44

677,14

2,70

11,86

14,62

23,27

13,58

Automóveis Usados

Construção Civil (3) (7)

Evolução da inflação, salário mínimo e cesta básica

Período

jul/13

Variação (%)

Índice de Base Fixa (Jul/94=100) IPCA(1)

Salário Mínimo

403,18

1046,46

No mês

Cesta Básica(2) 537,31

No ano

IPCA

Salário Mínimo

Cesta Básica

0,06

0,00

-5,97

Cooperativas de Crédito (empréstimo)

Últimos 12 Meses

IPCA

Salário Mínimo

Cesta Básica

3,82

9,00

8,21

IPCA

Salário Mínimo

Cesta Básica

5,75

9,00

8,88

Crédito Direto ao Consumidor (CDC)

ago/13

403,59

1046,46

522,71

0,10

0,00

-2,72

3,92

9,00

5,27

5,85

9,00

4,42

set/13

404,56

1046,46

513,64

0,24

0,00

-1,73

4,17

9,00

3,45

5,76

9,00

0,63

Financeiras Independentes Turismo

out/13

406,05

1046,46

540,14

0,37

0,00

5,16

4,56

9,00

8,78

5,53

9,00

5,87

nov/13

408,69

1046,46

545,56

0,65

0,00

1,00

5,24

9,00

9,87

5,76

9,00

11,20

dez/13

412,25

1046,46

541,66

0,87

0,00

-0,72

6,15

9,00

9,09

6,15

9,00

9,09

2,21

154,02

1,47

1,08

2,21

104,63

1,54

0,67

6,90

929,85

3,52

Empréstimos pessoa jurídica

(2) Cesta Básica: representa os gastos de um trabalhador adulto com a alimentação definida pelo Decreto-lei 399/38 FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

Evolução do Mercado Imobiliário: Aluguéis Residenciais Índice de Base Fixa (Jul/94=100)

0,87

Internacional Vestuário e Calçados

(1) IPCA= Índice de Preços ao Consumidor Amplo: mede a evolução dos gastos das famílias com renda de 1 a 40 salários mínimos na cidade de Belo Horizonte

Período

Nacional

Comerciais

Variação (%)

jul/13

459,78

0,51

3,80

Últimos 12 Meses 7,24

ago/13

461,16

0,30

4,11

set/13

463,14

0,43

4,56

out/13

464,62

0,32

nov/13

466,81

dez/13

468,30

Índice de Base Fixa (Jul/94=100)

Desconto de Duplicatas (8)

1,01

2,80

177,23

2,03

Capital de Giro (8)

1,24

2,51

102,42

1,69

Conta Garantida (8)

1,92

4,21

119,27

2,84

Captação CDB 30 dias (4)

Variação (%)

0,66

639,95

0,73

5,10

Últimos 12 Meses 9,88

6,25

643,47

0,55

5,68

9,60

Poupança (5)

6,40

646,62

0,49

6,19

9,32

Taxa SELIC (6)

4,89

6,35

649,72

0,48

6,70

8,76

(1) Considera-se a média das taxas praticadas pelos informantes

(5) Taxa referente ao primeiro dia do mês subsequente

(2) Não são consideradas vantagens progressivas

(6) Média ponderada pela vigência

0,47

5,39

6,23

652,91

0,49

7,23

8,38

(3) Inclui a variação dos indexadores CUB, TR, INCC e IGP-M

(7) Novo cálculo considerando o período dos índices que compõem a estimativa (8) Dados coletados a partir de informações consolidadas no Banco Central do Brasil

0,32

5,72

5,72

656,56

0,56

7,83

7,83

No mês

No ano

No mês

No ano

Cooperativas de Crédito (aplicação)

0,70

Fundo de Investimento Curto Prazo

0,33

0,68

106,06

0,54

Fundo de Investimento Longo Prazo

0,60

0,71

18,33

0,66 0,57 0,80

(4) Taxa ANBID do primeiro dia útil do mês e projetada para 30 dias

.. Não se aplica dados numéricos

Tarifas Bancárias – Dezembro de 2013

Valores médios (em R$) dos aluguéis residenciais por classe de bairro(*) - Dezembro de 2013 Imóveis

Apartamentos

Popular

Médio

Alto

Luxo

(3)

776,38 (47)

1288,53 (150)

Apartamento 2 Quartos

716,75 (142)

992,72 (149)

1150,41 (235)

2069,84 (200)

Apartamento 3 Quartos 1 Banho

858,83 (35)

1010,67 (45)

1253,51 (47)

1634,21 (19)

1239,19 (77)

1373,15 (162)

1640,89 (353)

2441,83 (415)

Apartamento 4 Quartos e até 2 Banhos

(3)

(2)

2218,63 (8)

3100,00 (26)

Apartamento acima de 4 Quartos e 2 Banhos

(1)

2318,00 (5)

2668,18 (40)

4603,14 (210)

454,35 (23)

600,00 (18)

(1)

-

Barracão 2 Quartos

596,82 (22)

701,11 (9)

(1)

-

Casa 1 Quarto

608,89 (9)

662,50 (4)

(3)

(2)

Casa 2 Quartos

806,83 (48)

962,69 (26)

1233,33 (12)

1925,00 (4)

Casa 3 Quartos e 1 Banho

1031,07 (28)

1307,14 (7)

(1)

-

Casa 3 Quartos e 2 ou mais Banhos

1371,67 (30)

1800,00 (19)

2918,32 (19)

6246,00 (15)

(3)

2290,00 (10)

5060,00 (5)

(2)

3037,50 (8)

4157,00 (7)

5683,33 (12)

8514,80 (54)

Confecção de cadastro para início de relacionamento - CADASTRO

por evento

0,00

59,00

..

20,68

CARTÃO - Fornecimento de 2º via de cartão com função débito

por cliente

5,30

10,00

88,68

6,37

CARTÃO - Fornec. de 2ª via de cartão com função mov. conta de poupança

por cliente

5,30

10,00

88,68

6,37

por Operação

28,50

52,00

82,46

42,58

CHEQUE - Contra-ordem e oposição ao pagamento de cheque

por cheque

10,35

15,00

44,93

11,68

CHEQUE - Fornecimento de folhas de cheque

por cheque

1,00

1,50

50,00

1,27

CHEQUE - Cheque Administrativo

por Cheque

20,00

30,00

50,00

23,89 10,50

CONTAS DE DEPÓSITOS

CHEQUE - Exclusão do Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundo (CCF)

CHEQUE - Cheque Visado

por cheque

0,00

21,00

..

Saque de conta de depósitos à vista e de poupança - SAQUE pessoal

por operação

2,00

3,00

50,00

2,18

Saque de conta de depósitos à vista e de poupança - SAQUE Terminal

por operação

1,15

3,00

160,87

1,77

Saque de conta de dep. à vista e de poupança - SAQUE correspondente

por operação

1,15

2,15

86,96

1,50

DEPÓSITO - Depósito Identificado

por operação

0,00

3,00

..

1,90

Forn. de ext. de um periodo conta dep. à vista e poup. - EXTRATO (P)

por operação

1,45

6,00

313,79

3,04

Forn. de ext. de um periodo conta dep. à vista e poup. - EXTRATO (E)

por operação

1,35

3,00

122,22

2,01

Forn. de ext. de um periodo conta dep. à vista e poup. - EXTRATO (C)

por operação

1,20

1,40

16,67

1,29

Ext. mensal de conta de dep. à vista e poup. p/um período -EXTRATO(P)

por operação

2,00

6,00

200,00

3,18

Ext. mensal de conta de dep. à vista e Poup. p/um período - EXTRATO(E)

por operação

1,35

4,00

196,30

2,17

Ext. mensal de conta de dep. à vista e poup. p/um período - EXTRATO(C)

por operação

1,20

4,00

233,33

1,81

Fornecimento de cópia de microfilme, microficha ou assemelhado

por operação

0,00

6,00

..

4,75

Transferência agendada por meio de DOC/TED - DOC/TED agendado(P)

por operação

0,00

19,00

..

13,03

Transferência agendada por meio de DOC/TED - DOC/TED agendado(E)

por operação

0,00

9,50

..

7,04

Transferência agendada por meio de DOC/TED - DOC/TED agendado(I)

por operação

6,50

8,60

32,31

7,54

Transferência entre contas na própria instituição- TRANSF. RECURSOS(P)

por operação

1,00

2,00

100,00

1,17

Transferência entre contas na própria instituição-TRANSF.RECURSOS(E/I)

por operação

0,00

1,20

..

0,86

Ordem de Pagamento - ORDEM PAGAMENTO

por operação

23,80

27,00

13,45

24,98

Transferência por meio de DOC - DOC Pessoal (3)

por evento

12,85

20,00

55,64

14,85

Transferência por meio de DOC - DOC eletrônico (3)

por evento

0,00

9,50

..

7,07

Transferência por meio de DOC - DOC internet (3)

por evento

6,50

8,60

32,31

7,52

Transferência por meio de TED - TED pessoal (3)

por evento

12,85

20,00

55,64

14,85

Transferência por meio de TED - TED eletrônico (3)

por evento

0,00

9,50

..

7,07

Transferência por meio de TED - TED internet (3)

por evento

0,00

8,60

..

7,59

por operação

30,00

51,80

72,67

43,56

OPERAÇÕES DE CRÉDITO

Casa 4 Quartos e até 2 Banhos Casa 4 Quartos e 2 Banhos

(*) O valor entre parênteses representa o número de imóveis utilizados no cálculo da respectiva média. Na maioria das vezes, somente são publicados valores médios obtidos a partir de quatro imóveis pesquisados. Os casos em que não foi pesquisado nenhum imóvel são indicados por hífen (-). Os valores médios referentes a apartamentos de 1 e 2 quartos da classe luxo são influenciados pela oferta de Flats.

Concessão de adiantamento a depositante - ADIANT. DEPOSITANTE PACOTE PADRONIZADO PESSOA FÍSICA PACOTE PADRONIZADO PESSOA FÍSICA

por evento

9,50

32,00

236,84

12,62

a cada 365 dias

24,00

54,00

125,00

44,00

Fornecimento de 2ª via de cartão com função crédito

por evento

0,00

15,00

..

6,52

Utilização de canais de atend. para retirada em espécie - no país

por evento

4,00

15,00

275,00

8,16

CARTÃO DE CRÉDITO (3) Anuidade - cartão básico nacional

Pagamento de contas utilizando a função crédito em espécie

por evento

1,99

16,00

704,02

9,75

Avaliação emergencial de crédito

por evento

15,00

18,00

20,00

15,63

a cada 365 dias

0,00

90,00

..

73,33

por evento

10,00

30,00

200,00

15,86

Anuidade - cartão básico internacional Utilização de canais de atend. para retirada em espécie - no exterior

(2) Considera-se a média das tarifas praticadas pelos bancos pesquisados

(1) Não são consideradas vantagens progressivas

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

Fonte: Banco Central do Brasil / Bancos - Dados trabalhados pela Fundação IPEAD/UFMG

..

Não se aplica dados numéricos

ICCBH

(1)

(2)

IEE

IEF

Quantidade

Valores (em R$)

Contribuição na variação (p.p.)

Açúcar cristal

3,00 kg

4,33

0,00

Arroz

3,00 kg

7,19

0,04

Banana caturra

12,00 kg

27,83

-0,01

Produto

Variação (%)

Índice de Base Fixa (Maio/04=100)

No mês (3)

ND: não disponível

Custo da Cesta Básica(*) – Dezembro de 2013

Índice de Confiança do Consumidor

No ano

Últimos 12 Meses

ICCBH

IEE

IEF

ICCBH

IEE

IEF

ICCBH

IEE

IEF

jul/13

120,17

166,15

113,94

0,28

-2,88

3,13

-13,43

-18,28

-3,62

-11,12

-16,86

-0,52

Batata inglesa

6,00 kg

15,04

-0,58

ago/13

126,79

180,41

117,28

5,51

8,58

2,93

-8,66

-11,26

-0,80

-4,98

-8,02

3,43

Café moído

0,60 kg

7,68

0,06

set/13

118,32

160,27

114,11

-6,68

-11,16

-2,70

-14,76

-21,17

-3,48

-10,58

-16,48

0,73

Chã de dentro

6,00 kg

113,27

1,03

Farinha de trigo

1,50 kg

4,26

0,01

out/13

120,41

161,61

116,97

1,76

0,84

2,51

-13,26

-20,51

-1,06

-11,39

-19,19

1,36

Feijão carioquinha

4,50 kg

16,59

-0,25

nov/13

123,30

170,12

117,11

2,40

5,27

0,12

-11,17

-16,32

-0,94

-8,51

-15,95

3,51

Leite pasteurizado

dez/13

120,48

159,06

118,51

-2,28

-6,50

1,20

-13,20

-21,76

0,24

-13,20

-21,76

0,24

(1) ICCBH: Índice de Confiança do Consumidor de Belo Horizonte: trata-se de um indicador que tem por finalidade sintetizar a opinião dos consumidores em Belo Horizonte quanto aos aspectos capazes de afetar as suas decisões de consumo atual e futuro (2) IEE: Índice de Expectativa Econômica: retrata a expectativa do consumidor em relação aos indicadores macroeconômicos

dom 4477.indd 14

Média(2) (R$)

TRANSFERÊNCIA DE RECURSOS

Barracões

Período

Menor (R$) Maior (R$) Diferença (%)

CADASTRO

512,86 (7)

Apartamento 3 Quartos 2 ou mais Banhos

Forma de Cobrança

Produtos / serviços(1)

Apartamento 1 Quarto

Barracão 1 Quarto

Casas

ND - não disponível

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

7,50 lt

17,15

-0,25

750,00 gr

17,08

0,14

Óleo de soja

1,00 un

2,83

0,01

Pão francês

6,00 kg

51,52

0,10

Tomate Santa Cruz

9,00 kg

29,00

-1,01

Manteiga

(3) IEF: Índice de Expectativa Financeira: retrata a confiança do consumidor a respeito de alguns indicadores microeconômicos

(*) Cesta Básica: representa os gastos de um trabalhador adulto com a alimentação definida pelo Decreto-lei 399/38

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

14/01/2014 18:25:23


BELO HORIZONTE

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

Quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

15

Torneio de basquete de rua vai tomar conta do Barreiro durante 12 horas A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), em parceria com a equipe UUUIII Thug Life, realizará no próximo sábado, dia 18, no Point Barreiro (avenida Menelick de Carvalho, s/nº), o primeiro torneio de Basquete de Rua na modalidade 3x3, evento que terá a duração de 12 horas. A competição começa às 8h e termina às 20h. A iniciativa tem como objetivo promover nos jovens da capital mineira o interesse por essa nova modalidade esportiva, que, a partir de 2020, provavelmente será uma das novas competições dos Jogos Olímpicos. Para a primeira edição, espera-se que 200 atletas participem desta maratona de basquete 3x3. Os inscritos serão agraciados com medalhas e camisetas do evento. Segundo um dos organizadores do torneio, Hertz Ferreira, a realização desta atividade esportiva promove a inclusão social, além de potencializar a participação de Minas Gerais nas seletivas para as Olímpiadas. “Pretendemos incentivar o público de Belo Horizonte e da Região Metropolitana a perceber a importância dessa nova modalidade e quebrar o paradigma de que Minas Gerais não tem representatividade no basquete de rua 3x3”, disse. Segundo o secretário municipal de Esporte e Lazer, Bruno Miranda, a Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Smel, pretende desenvolver ações que estimulem as crianças, adolescentes e jovens a praticar diversos segmentos esportivos. “Através desta maratona de basquete pretendemos intensificar a realização de atividades para esse gênero esportivo, além de possibilitar novas competições que atendam outras modalidades”, ressaltou. Mais informações podem ser obtidas por meio dos telefones 8764-6431 e 9179-3551 ou pelo e-mail thuglifebasquete@gmail.com.

Inscrições para a Corte Momesca do Carnaval de BH se encerram hoje receberão da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, o prêmio de R$ 5 mil. Já a princesa Robson Vasconcelos

da folia belo-horizontina. A eleição para escolha da corte será realizada no sábado, dia 18, às 20h, no Music Hall, no bairro Santa Efigênia. As candidatas ao posto de rainha serão julgadas pela beleza do rosto e pela harmonia das formas físicas. O rei do Carnaval será avaliado pela qualidade do samba e alegria. Quesitos como domínio do samba, espírito carnavalesco, expressão e simpatia também serão avaliados. Os eleitos como rei e rainha do Carnaval de 2014

tidade, CPF, comprovante de residência, certificado ou declaração de escolaridade, número de inscrição no INSS/PIS ou Pasep (se tiver), atestado de bons antecedentes, atestado médico de aptidão física, comprovando ótimas condições de saúde do candidato e certificado de reservista para os candidatos a rei momo.  

Adão de Souza

As inscrições para a Corte Momesca de Belo Horizonte foram prorrogadas pela Belotur até hoje, com o objetivo de dar mais oportunidades para os interessados a se candidatar ao concurso que abre oficialmente o calendário do Carnaval de 2014 na cidade. Portanto, homens e mulheres, maiores de 18 anos, moradores de Belo Horizonte e com o primeiro grau completo, amantes do samba e da folia carnavalesca, poderão se inscrever para os postos de rei, rainha e princesa

escolhida receberá R$ 3 mil.  A inscrição é gratuita e pode ser feita pessoalmente, das 10h às 17h, no Departamento de Operações e Eventos da Belotur (rua da Bahia, 888, 4º andar, Centro). No ato da inscrição os candidatos deverão apresentar cópias, acompanhadas dos originais, dos seguintes documentos: carteira de iden-

Eleição para a escolha da Corte Momesca acontece no sábado, no Music Hall

dom 4477.indd 15

14/01/2014 18:25:29


BELO HORIZONTE Diário Oficial do Município

16

Poder Executivo Quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

lanço positivo de 2013, com 18 vias inauguradas do programa No Domingo a Rua é Nossa. A equipe técnica da Smel ofereceu várias opções de diver-

Graziele Souza

Smel

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), em parceria com as regionais e com a BHTrans, comemorou o ba-

Ad’ao de Souza

Programa No Domingo a Rua é Nossa fecha 2013 com 18 vias inauguradas

Várias opções de diversão para o público são oferecidas em diversas regiões da cidade Julie Christie

são para o público presente em todas as ruas e avenidas interditadas. Além do tradicional cooper matinal, os adultos puderam levar seus

filhos e familiares para jogar peteca, vôlei, squash, totó, andar de perna de pau e pular na cama elástica, entre outras atividades. As equipes dos programas Caminhar e Vida Ativa, ambos da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer, estiveram presentes nas inaugurações para auxiliar e conscientizar a população sobre a importância da realização de atividades físicas e também para aferir a pressão arterial dos participantes e calcular o Índice de Massa Corporal (IMC). “A cada inauguração de uma via buscamos a colaboração da sociedade para abraçar o espaço, tornando-o mais uma opção de lazer e convivência para a comunidade”, disse o secretário municipal adjunto de Lazer, Roberto Tross. Criado em 1999, o No Domingo a Rua é Nossa acontece sempre aos domingos, das 7h às 14h, estimulando a comunidade a cuidar do espaço público, ao mesmo tempo que proporciona interação e entretenimento para toda a família. De acordo com o secretário municipal de Esporte e Lazer, Bruno Miranda, a Prefeitura trabalha para ampliar os espaços para prática de esportes e de atividades de lazer na cidade, contemplando a­ lém de avenidas, cuja prática de esportes já está consolidada, ruas menores dentro dos bairros, proporcionando ainda mais opções para o cidadão de Belo Horizonte.

As ruas atendidas pelo programa: • Rua Matutina, no Barreiro • Avenida Olinto Meireles, no Barreiro • Rua Jeribá, na praça entre a av. Ágave e a rua Telaviv, no Barreiro • Praça Raul Soares, na região Centro-Sul • Avenida Prudente de Moraes, na região Centro-Sul • Avenida Bandeirantes, na região Centro-Sul • Avenida Petrolina, na região Leste • Rua Sarandi, na região Leste • Avenida José Cândido da Silveira, na região Nordeste • Avenida Bernardo Vasconcelos, na região Nordeste • Rua Manoel Alexandrino, na região Nordeste • Rua Branca, na região Nordeste • Rua Alberto Cintra, na região Nordeste • Rua Jornalista Nicolau Neto, na região Nordeste • Avenida Dr. Cristiano Guimarães, na região Norte • Avenida Silva Lobo, na região Oeste • Avenida Senador Lima Guimarães, na região Oeste • Avenida Otacílio Negrão de Lima, na Pampulha

dom 4477.indd 16

Comerciante é parceira do programa Adote o Verde há mais de dois anos Gercom Centro-Sul

A praça Lia Salgado, localizada na rua Professor Estevão Pinto, 1.111, esquina com a rua Arassuaí, no bairro Serra, na região Centro-Sul da cidade, há mais de dois anos é cuidada pela comerciante Vera Lucia e Silva, parceira do programa Adote o Verde, da Prefeitura de Belo Horizonte. O jardim e as flores que hoje enfeitam o local substituem a aparência da praça antes da adoção, degradada pelo uso indevido de seus antigos frequentadores.  No início, segundo Vera, não foi fácil. Ela conseguiu ajuda da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Regional Centro-Sul, que repassou as mudas de árvores. “Eu percebi que se deixasse daquela maneira só poderia piorar a situação, atraindo coisas ruins e trazendo transtorno para os moradores que já tinham medo de passar perto da praça à noite por causa das pessoas que ficavam por ali”, disse Vera Lúcia.  “Antes só tinham pessoas

Praça Lia Salgado, no bairro Serra, é cuidada por Vera Lúcia e Silva, que trata o local como uma extensão do seu quintal

usando entorpecentes e o local era muito sujo, então decidi cuidar dessa praça e comecei a plantar. Ganhamos também mudas de fazendas de conhecidos”, acrescentou.  A comerciante Vera Lúcia conta que cuida da área como se fosse uma extensão do seu quintal. “Sempre molho as plantas, tiro o excesso de mato e tenho o maior amor pelo local”. Perguntada sobre as dificuldades para cuidar do espaço, ela diz que dá trabalho cuidar sozinha do local. “Dá um pouco sim, mas apesar disso me dá prazer e realização. Acho que a população deveria preservar melhor as praças”, enfatizou a adotante.  Segundo a comerciante, toda a sociedade tem responsabilidade de cuidar dos espaços públicos, principalmente praças que todos os dias são utilizadas pela população. “Se cada um fizesse a sua parte, a cidade poderia ser ainda melhor. Os cidadãos têm responsabilidades também”, concluiu.

14/01/2014 18:25:40


DOM - 15/01/2014