Issuu on Google+

BELO HORIZONTE Diário Oficial do Município - DOM

Ano XX • N. 4.579 • R$ 0,90

Cabeça de chave do grupo H e uma das candidatas a fazer uma boa campanha na Copa do Mundo, a Bélgica estreia hoje, no Mineirão, às 13h, contra a Argélia. Vai ser o segundo jogo do Mundial no estádio, que recebeu mais de 57 mil pessoas na partida entre Colômbia e Grécia, no sábado, dia 14 (confira no box abaixo os detalhes deste jogo). O grupo H é formado também por Rússia e Coreia do Sul, que estreiam hoje, às 19h, em Cuiabá. A Bélgica já disputou 11 Copas e sua melhor campanha foi em 1986, quando terminou em quarto lugar. A Argélia, que tenta surpreender o time europeu hoje, jogou três Copas e nunca passou da primeira fase.

Ponto de embarque - ida ao estádio

Minas Shopping

Próximo da Estação de Metrô Minas Shopping

Av. das Palmeiras

Centro

Rua dos Goitacazes

Av. Fleming (Praça dos Esportes)

Expominas

Av. Amazonas (em frente ao Expominas)

Av. Fleming (Praça dos Esportes)

Savassi

Av. Getúlio Vargas

Av. Fleming (Praça dos Esportes)

Aeroporto de Confins

Aeroporto de Confins

Av. das Palmeiras

(entre as ruas Rio de Janeiro e Espírito Santo)

(entre as ruas Paraíba e Rio Grande do Norte)

Ponto de embarque - volta do estádio (entre as alamedas dos Jacarandás e das Falcatas)

(entre as alamedas das Falcatas e do Ipê Amarelo)

na Estação Mineirão do Move será disponibilizado um serviço de traslado até o estádio na ida e na volta. Os torcedores chegarão e sairão do estádio por rotas exclusivas para pedestres. Elas terão encaminhamento com gradis e sinalização indicativa para os destinos principais, estádio e Terminais Copa e Move. Táxis ficarão disponíveis na Avenida Otacílio Negrão de Lima, em frente ao Iate, e na Avenida

Carlos Luz, em frente à Usiminas. No entorno do Mineirão só será permitido o acesso de veículos credenciados. Em outras áreas será permitido o trânsito local para moradores e comerciantes, contudo, será proibido estacionar. A operação de trânsito no entorno do estádio começará a partir de 0h01, no dia do jogo, quando ficará proibido o estacionamento ao longo das áreas de restrição.

64 anos depois

Adão de Souza

Adão de Souza

Terminal

Quem optar pelo Move que liga a área central à Estação Pampulha, poderá parar nas Estações de Transferência UFMG e Mineirão. Os torcedores também terão o serviço regular de transporte coletivo, utilizando linhas que passam pela região. Elas poderão ser consultadas no site www.bhtrans. pbh.gov.br. Para os torcedores com mobilidade reduzida que desembarcarem nos Terminais Copa e

A torcida colombiana chegou vestida a caráter e coloriu o Mineirão, na vitória sobre a seleção da Grécia Adão de Souza

Adão de Souza Adão de Souza dom 4.579.indd 1

Os colombianos cantaram o hino a plenos pulmões, fizeram a ola nas arquibancadas e vibraram gritando olé a cada passe certo dado pela equipe. Belo Horizonte recebeu jornalistas e turistas de vários países no fim de semana.. A grega Dímitra Apostolopoulou aprovou o Mercado Central e o clima amistoso dos belo-horizontinos, enquanto Eva Volonaki, também grega, elogiou as praças da cidade. Colombiana de Medellín, Catalina Restrepo, passeou por Belo Horizonte e elegeu a Praça do Papa como o local mais bonito da cidade, e disse que BH é uma cidade muito agradável. “As pessoas são calorosas e amáveis, nos receberam muito bem”, comentou. O jornalista colombiano Juan Antonio Sanchez, do jornal El Colombiano, de Medellín, não poupou elogios à Pampulha. «É uma área muito bonita e organizada. Além disso, Belo Horizonte me transmitiu a sensação de ser uma cidade alegre e acolhedora», disse.

Argélia

As seleções de Bélgica e Argélia fazem a partida desta terça-feira, às 13 horas, no Mineirão

para ida acontecem das 8h às 12h e a volta, das 14h30 às 18h. Não haverá paradas ao longo do trajeto até o Mineirão. O torcedor deverá guardar o cartão bilhete, pois será a garantia de acesso aos ônibus especiais na volta, quando haverá paradas para desembarque ao longo do itinerário, nos pontos de ônibus convencionais. O cartão bilhete custa R$ 15, vale para ida e volta e será vendido nos dias de jogos nos Terminais Copa (até uma hora e meia antes da partida) e, antecipadamente, nos postos Transfácil (rua Aquiles Lobo, 504, Floresta, e rua Professor Moraes, 216, Savassi). Já o bilhete do Terminal Copa do Aeroporto de Confins custará R$ 20 para ida e volta ou R$ 10 por trecho, com venda no aeroporto e no Mineirão. Eles começarão a ser vendidos, na ida, 6 horas antes dos jogos e, na volta, a partir do término do jogo. Veja no box abaixo os detalhes dos terminais:

Transporte

No primeiro jogo de Copa do Mundo da história do Mineirão, a Colômbia venceu a Grécia com tranquilidade, por 3 a 0, pelo grupo C, no sábado, dia 14, gols de Armero, Gutierrez e James Rodriguez. A partida ficou marcada pela espetacular festa da torcida colombiana, que fez muita festa dentro e fora do estádio. Fantasiados e muito alegres, contagiaram os brasileiros que foram ao estádio e deram o tom nas ruas ao redor do Mineirão.

x Bélgica

Para o torcedor que vai acompanhar o jogo no Mineirão, a Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da BHTrans, preparou um esquema especial de transporte para o estádio. Os torcedores contarão com serviços de transporte especial partindo de Terminais Copa, com o Move e linhas regulares para chegar ao estádio. O Terminal Copa é o local de onde sairão os ônibus especiais. Cerca de 400 veículos farão o transporte daqueles que optarem pelo serviço. Os embarques

Festa colombiana

Divulgação

Mineirão vai ter mais um dia de festa Divulgação

Bélgica e Argélia estreiam hoje na Copa do Mundo e estádio da Pampulha vai receber novamente visitantes de todos os cantos do mundo

Tiragem: 2.500 • 17/6/2014

O comerciante Ângelo Paulo tinha apenas oito anos quando saiu do bairro Santa Tereza e foi, caminhando, para o estádio Independência, no Horto, para ver um jogo que se tornaria histórico e um dos mais comentados em todos os tempos, a surpreendente vitória de 1 a 0 dos Estados Unidos contra a Inglaterra, em 1950, durante a primeira Copa do Mundo disputada no Brasil. Na época, foi levado ao estádio pelo pai, que ganhara os ingressos. Neste sábado, 64 anos depois de ter sido testemunha ocular da partida histórica, Ângelo voltou a ver, em Belo Horizonte, uma partida de Copa do Mundo. Levado pelo filho, o advogado Ângelo Santos, de 39 anos, o torcedor fez uma viagem no tempo, relembrou os fatos de mais de seis décadas e se divertiu com a festa dos colombianos. Pai e filho utilizaram os serviços oferecidos pelo Terminal Copa para chegar ao estádio e aprovaram. “É tudo muito diferente. Na Copa de 1950, por exemplo, praticamente não se via mulheres no estádio. Estou gostando demais da experiência e da organização”, disse. Satisfeito por levar o pai ao estádio, Ângelo Santos se emocionou. “Já vivi várias emoções em estádios de futebol e trazer meu pai hoje é uma das maiores que já senti”, revelou.

16/06/2014 17:02:20


BELO HORIZONTE 2

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

Terça-feira, 17 de junho de 2014

Axé music e atração internacional garantem a animação na Fan Fest O Mineirão recebe hoje o jogo entre Bélgica e Argélia, às 13h, e, mais tarde, às 16h, será a vez da Seleção Brasileira voltar a campo, contra o México, no estádio Castelão, em Fortaleza. Além dessas duas partidas, que mexem diretamente com o público belo-horizontino, Rússia e Coreia do Sul jogam às 19h, em Cuiabá. E, assim como está acontecendo desde o início da Copa, as partidas podem ser acompanhadas na Fan Fest, no bairro Gameleira. De quebra, com dois shows com entrada gratuita. Divulgação

SAIBA MAIS SOBRE A FAN FEST Local

Entrada

• Expominas

• A entrada é gratuita

Avenida Amazonas, 6.200, bairro Gameleira. Das 11h às 22h. Capacidade: 21 mil pessoas

O palco principal da festa de hoje recebe o cantor baiano Saulo Fernandes e o grupo argelino El Dey. Muito axé music e chaabi, ritmo musical tradicional na Argélia, vão animar o público. Saulo Fernandes, que se apresenta às 18h, logo após o jogo do Brasil, iniciou carreira solo neste ano, após 11 anos liderando a Banda Eva, grupo que revelou Ivete Sangalo. O baiano começou a cantar ainda criança e aos 14 já tinha um disco gravado. Aos 18 anos começou sua carreira na axé music. Em 2002, passou a integrar a Banda Eva, quebrando uma série de quase dez anos de mulheres no vocal do grupo. Com uma proposta que apresenta letras elaboradas e resgate da cultura africana, Saulo imprimiu sua marca na Banda Eva e conquistou fãs por todo o país. Na Fan Fest, o baiano traz o show da turnê “Saulo ao Vivo”, que já passou por São Paulo, Rio de Janeiro e Vitória, entre outras capitais. O repertório conta com músicas inéditas e regravações. Não vão faltar sucessos como “Preta”, “Rua 15”, “Tão Sonhada” e “Anjo”. Das canções da carreira solo de Saulo, destaque para “Raiz de Todo Bem”, “Vú” e “Zóio Teu”.

Divulgação

Da Bahia para a Argélia

Divulgação

Se a música brasileira fica por conta de Saulo Fernandes, a africana também terá seu representante hoje na Fan Fest. A banda El Dey, da Argélia, se apresenta às 15h, logo após a partida da sua seleção no Mineirão. A banda iniciou sua carreira em 2009, mas foi em 2011 que alcançou fama com a música “Ana Djazaïri”. O hit “Maria”, lançado em julho de 2013, deu ainda mais popularidade à banda que, atualmente, é um fenômeno no país africano. O primeiro álbum foi lançado neste ano, com canções que combinam o flamenco com reggae, jazz e boas doses de violões e saxofone. Tudo isso aliado ao ritmo das canções chaabi, música popular argelina. El Dey é conhecido por realizar shows de grande interatividade com o público. Recentemente, se apresentou no 8° Festival du Diwan, tradicional cerimônia religiosa da Argélia.

dom 4.579.indd 2

Não haverá ingresso ou cadastro prévio. Haverá um sistema de controle de acesso na entrada e saída do evento para contabilizar o público presente. De acordo com recomendação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), menores de 12 anos só poderão entrar acompanhados pelos pais ou responsáveis maiores de 18 anos, e menores de 12 a 16 anos devem estar acompanhados por pais ou responsáveis. Caso estejam sozinhos, é indispensável a apresentação do documento de identidade.

Acesso

Infraestrutura

• Pedestres

• Palco e telões

Os pontos de entrada e saída são diferentes. As rotas de pedestres são sinalizadas com gradis. Haverá pontos de verificação de pedestres nas ruas de acesso ao Expominas. - Pontos de Entrada: Avenida Amazonas e Rua Conde Pereira Carneiro, que dá acesso à estação Gameleira. - Ponto de Saída: Somente pela Rua Craveiro Lopes, que também leva ao metrô e à Avenida Amazonas.

• Carros - Estacionamento

O estacionamento do Expominas contará com 1.500 vagas disponíveis. O valor da diária será R$ 20, somente em dinheiro. O acesso é pela Avenida Amazonas. Não será permitido estacionar nas ruas do entorno.

• Transporte Coletivo

Além das 19 linhas de ônibus municipais e das 130 linhas metropolitanas que atendem a região, o Expominas é ligado diretamente à estação Gameleira de metrô. Os pontos de ônibus em frente ao Expominas serão deslocados para o quarteirão seguinte, sentido Contagem.

• Táxi

Haverá duas áreas reservadas para que os táxis possam estacionar durante o evento. Uma na Rua Cid Rabelo Horta, entre a avenida Amazonas e a Rua Craveiro Lopes, durante todo o evento. Após às 21h, haverá outra reserva de área para táxi localizada na Avenida Amazonas, sentido Centro.

O palco para os shows, que ficará no pavilhão 1, terá 35 x 20 metros e 14 metros de altura. Além disso, os jogos serão exibidos em uma tela com 80 metros quadrados de LED em alta resolução. Nos pavilhões 2 e 3, haverá quatro telões de 42 metros quadrados cada para transmissão das partidas.

• Alimentação

São seis bares, cada um com aproximadamente 60 metros quadrados, onde serão vendidos comidas típicas e bebidas. Além disso, haverá um restaurante self service para almoço e jantar, no foyer do nível 3, com capacidade para 500 pessoas.

• Banheiros

Além dos cerca de 100 banheiros do Expominas, serão colocados mais 140 banheiros químicos, inclusive para portadores de necessidades especiais.

• Estande turístico

No foyer de entrada, haverá um estande turístico da Prefeitura de Belo Horizonte e do Governo de Minas para distribuição de materiais sobre os atrativos da cidade e do Estado, além de atendimento da população e dos turistas.

• Atendimento médico

Durante todo o evento, haverá dois ambulatórios dentro dos pavilhões, um posto médico avançado, além de três UTIs médicas completas.

• Segurança

Para garantir a segurança e a tranquilidade do público, mais de 80 seguranças particulares e 40 brigadistas, por turno de trabalho, vão atuar na área interna do Expominas. A segurança na área externa será feita pela Polícia Militar.

• Embaixada dos fãs

No Foyer Superior, uma área com 112 m² estará à disposição das embaixadas e consulados das seleções que vão disputar a Copa do Mundo. Dividido em sete salas, o local será um ponto de referência para os turistas dos países que solicitarem a utilização do espaço. A gestão será de responsabilidade dos corpos consulares. Situações como perda de passaporte, roubo ou furto poderão ser solucionadas ou encaminhadas na base de atendimento das embaixadas e consulados no Expominas.

16/06/2014 17:02:28


BELO HORIZONTE

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

Terça-feira, 17 de junho de 2014

Projeto de bordado estimula o empreendedorismo em escola da região Centro-Sul

Pontos de acesso livre à

internet em BH

Divulgação

É possível fazer o uso dos hotspots, os pontos de acesso livre à internet, utilizando notebook, tablet ou celular, todos com placa de rede sem fio ou WiFi.

Os usuários podem acessar a internet gratuitamente, navegar por tempo indeterminado no site da Prefeitura de Belo Horizonte (www.pbh.gov.br) e por tempo limitado a três horas diárias em outras páginas. Para acessar a internet em um hotspot, o usuário deve acessar a rede BH Digital e preencher um cadastro, que pode ser feito por meio de um procedimento muito simples e rápido. Ao acessar o hotspot, o cadastro é exibido automaticamente na tela. Para o cadastro é preciso informar nome, data de nascimento, e-mail, endereço, telefone e o número do CPF. Para os estrangeiros, vale o número do passaporte. Os hotspots estão ativos em 12 praças, seis parques, 37 espaços públicos e 23 vilas e favelas da capital.

Onde acessar

Acesso Público

• Arquivo Público (rua Itambé, 227, Floresta) • BH Desemprego (rua Gonçalves Dias, 1.922, Lourdes) • BH Resolve (avenida Santos Dumont, 363, Centro) • BHTrans (avenida Engenheiro Carlos Gourlart, 900, Buritis) • Casa do Baile (avenida Otacílio Negrão de Lima, 751, Pampulha) • Centro de Apoio Comunitário Alto Vera Cruz (rua Padre Júlio Maria, 1.550, Alto Vera Cruz) • Centro de Cultura de Belo Horizonte (rua da Bahia, 1.149, Centro) • Centro de Referência Audiovisual (rua Álvares Cabral, 560, Centro) • Centro de Recondicionamento de Computadores (rua José Clemente Pereira, 440, Ipiranga) • Defesa Civil Municipal (rua dos Goitacazes, 1.752, Centro) • Expominas (avenida Amazonas, 6.030, Gameleira) • Fundação Municipal de Cultura (rua da Bahia, 888, Centro ) • Guarda Municipal (avenida dos Andradas, 881, Santa Efigênia) • Mirante dos Mangabeiras (Rua Pedro José Pardo, 1.000, Mangabeiras) • Museu de Arte da Pampulha (avenida Otacílio Negrão de Lima, 16.585, Pampulha) • Palácio das Artes (avenida Afonso Pena, 1.537, Centro) • Rodoviária (Praça Rio Branco, 100, Centro) • Zoológico e Aquário (avenida Otacílio Negrão de Lima, 8.000, Bandeirantes) • Museu Histórico Abilio Barreto (Av. Prudente de Morais, 202, Cidade Jardim) • Igreja da Pampulha e Praça Dino Barbiere • Centro Cultural Zilah Spósito (Rua Carnaúba, 286, Jaqueline) • Cras Apolônia (Rua Visconde de Itaboraí, 304 - Jardim Leblon) • Centro Cultural Jardim Guanabara (Rua João Álvares Cabral, 277, Floramar) • Escola Municipal Carmelita C. Garcia, na Vila Ouro Preto (Rua Aluízio Davis, 53, Ouro Preto) • Cras Vila Senhor dos Passos (Rua Evaristo da Veiga, 239, Vila Senhor dos Passos) • Teatro Francisco Nunes (No Parque Municipal, avenida Afonso Pena, 1.377, Centro) • Cras Mariano de Abreu (Rua 5 de Janeiro s\nº, Mariano de Abreu) • Centro Cultural Alto Vera Cruz (Rua Padre Júlio Maria, 1.577, Alto Vera Cruz) • Projeto Providência (rua Alair Pereira da Silva, 100, Conjunto Taquaril) • Umei Santa Isabel (Rua Argemiro Resende Costa, 380, Novo São Lucas) • Escola Municipal Theomar De Castro (Rua Mica, 144, Novo São Lucas) • Umei Padre Tarcisio (Rua Mangabeira da Serra, 280, Serra) • Cras Santa Rita de Cássia (Aglomerado Barragem Santa Lúcia) • Cras Vila Antena (Rua Central, 78, Vila Antena) • Cras Havaí (Av. Costa do Marfim, 480, bairro Estrela Dalva) • Crear Cabana (Rua da Mina, 70, Cabana) • Crear Vila Cemig (Rua Coletivo, 48, Vila Cemig)

• Praça Sete, no Centro • Praça Raul Soares, no Centro • Praça Rio Branco, no Centro • Praça Duque de Caxias, no bairro Santa Tereza • Praça da Savassi • Praça da Bandeira, no bairro Serra • Parque JK, no bairro Sion • Parque Santa Sofia, na Vila Santa Sofia (rua Alice, 197, Santa Sofia) • Praça da Saúde, no bairro Grajaú (Avenida Silva Lobo, 1.580, Grajaú)

Vilas e aglomerados • Jardim Leblon • Jardim Guanabara

Um pedaço de tecido, mesmo que pequeno, agulha, linha, disposição e um pouco de imaginação. Estes são alguns requisitos para um bom bordado, prática milenar que, passada por gerações, tornou-se uma das principais formas de artesanato e até de renda. Na região Centro-Sul, a Escola Municipal Maria das Neves desenvolve o projeto Bordando Vidas, que tem como público alvo os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Além de reavivar a prática, a iniciativa tem o objetivo de agregar valor aos participantes, estimulando a atividade empreendedora. Participam do projeto cerca de 70 alunos, divididos nas turmas em processo de alfabetização e de certificação do EJA. Idealizadora do projeto, a professora Gisele Assunção Outeiro explica que a escolha pelo bordado foi feita com base na faixa etária dos alunos, alegando que Cerca de 70 alunos participam das aulas, boa parte já teve contadivididas em partes teóricas e práticas to com a prática ou que era algo antes praticado por familiares. É o caso de Arlete de Paula Araújo, que viu a irmã bordar na máquina. Agora, a estudante se destaca no trabalho manual e a dedicação chama a atenção da auxiliar de biblioteca Dácia Arantes. “Normalmente, ela é a primeira a começar e a última a sair da sala”, observa. O Bordando Vidas é a integração da parte teórica, ensinada em sala, e prática, realizada às quintas-feiras, na biblioteca da escola. Três estilos de bordado estão sendo ministrados: Arpilleras, Bispo do Rosário e Ponto Cruz. A história de cada um foi passada para os alunos desde o início do ano e, agora, eles escolhem quais vão praticar nos dias de execução. O projeto também tem ligação com o conteúdo programático das aulas, a exemplo de Português e Matemática, e é desenvolvido em parceria com a biblioteca da escola. Segundo Gisele, o desenvolvimento do Bordando Vidas é uma forma da escola reconhecer os alunos, já que boa parte deles frequenta as aulas há cerca de quatro anos. Quando as aulas práticas do projeto forem concluídas, as peças serão fotografadas e um scrapbook, álbum de fotos feito com recortes, será montado para mostrar como foi o processo de confecção. Cada aluno receberá um exemplar. “É uma forma de deixar algo marcante para eles, já que estão de saída”, destaca a professora.

• Mariano de Abreu

Secretaria de Recursos Humanos promove evento para novos servidores

• Morro do Papagaio • Pedreira Prado Lopes • Vila Antena • Vila Aparecida • Vila Cabana • Vila Cemig • Vila Conceição • Vila Fazendinha • Vila Fátima • Vila Havai • Vila Ipiranga • Vila Jaqueline • Vila Mantiqueira • Vila Marçola • Vila Novo São Lucas • Vila Ouro Preto • Vila Pompéia • Vila Santana Cafezal • Vila Taquaril • Vila Vera Cruz

SMPL

Parques e Praças

• Parque Ecológico da Pampulha (avenida Otacílio Negrão de Lima, 7.111, Pampulha) • Parque Mangabeiras (avenida José do Patrocínio Pontes, 580, Mangabeiras) • Parque Municipal (avenida Afonso Pena, 1.377, Centro) • Parque Serra do Curral (avenida José do Patrocínio Pontes, 1.951, Mangabeiras) • Praça da Assembleia (avenida Olegário Maciel, 2.050, Santo Agostinho) • Complexo da Estação, o que inclui a Praça da Estação, a Praça Rui Barbosa e a avenida Santos Dumont • Praça Floriano Peixoto, no bairro Santa Efigênia • Praça da Liberdade, no bairro Funcionários • Praça do Papa, no bairro Mangabeiras

3

Conhecer melhor a organização na qual vai trabalhar é uma oportunidade importante oferecida por meio de cursos ou eventos de inserção. Com o objetivo de consolidar essa prática, a Secretaria Municipal Adjunta de Recursos Humanos (Smarh), por meio da Escola Virtual de Governo (EVG), promoveu na última semana o evento Orientações Para o Novo Servidor, voltado para os servidores recém-admitidos pela Prefeitura de Belo Horizonte. O encontro foi realizado no auditório da Smarh, no Barro Preto, para cerca de 40 servidores. Reunindo palestras realizadas por representantes de gerências da Smarh, da Secretaria Municipal Adjunta de Gestão Previdenciária e da Corregedoria Geral do Município, o evento apresenta regras e procedimentos inerentes às atividades do servidor público municipal. Um material para consultas, no formato de cartilha, foi distribuído, contendo informações essenciais para que o servidor possa gerenciar sua carreira profissional na PBH. Victor Alisson, da Gerência Orçamentária da Assistência Social, disse que a palestra mais importante foi a relacionada aos direitos e deveres dos servidores. O próximo evento está previsto para o mês de julho e será realizado para os servidores que tomaram posse no mês de maio.

Diário Oficial do Município de Belo Horizonte

Instituído pela Lei nº 6.470 de 06/12/1993 e alterado pela Lei nº 9.492 de 18/01/2008 • Endereço eletrônico: www.pbh.gov.br/dom Composição, Produção e Edição Assessoria de Comunicação Social - Prefeitura de Belo Horizonte Av. Afonso Pena, 1.212 - 4º andar - Tel.: (31) 3277-4246

dom 4.579.indd 3

Impressão Didática Editora do Brasil Ltda - ME - Rua Custódio Maia, 469 Bairro Darcy Vargas - CEP 32372-160 - Contagem - MG - Tel.: (31) 2557-8030

Distribuição e Assinaturas Ricci Diários & Publicações Ltda - Rua Curitiba, 1.592 - Loja 01 Lourdes - Belo Horizonte - MG - Tel.: (31) 3274-4136

16/06/2014 17:02:31


BELO HORIZONTE

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

18

Terça-feira, 17 de junho de 2014

Indicadores Econômicos de Belo Horizonte Taxas de Juros – Maio de 2014

Evolução dos Preços ao Consumidor IPCA(1) Período

IPCR(2) Variação (%)

Índice de Base Fixa (4ª Jul/94=100)

Variação (%)

Índice de Base Fixa (4ª Jul/94=100)

jan/14

419,05

1,65

1,65

Últimos 12 Meses 5,40

413,63

0,72

0,72

Últimos 12 Meses 3,32

fev/14

420,06

0,24

1,89

5,86

415,12

0,36

1,08

4,11

mar/14

422,79

0,65

2,56

6,02

418,39

0,79

1,88

4,31

No mês

No ano

Taxas médias praticadas(1)

Setores

No mês

No ano

Menor

Maior

Diferença (%)

Média

3,00

5,90

96,67

5,08

Prefixada (montadoras)

1,22

2,27

86,07

1,57

Prefixada (multimarcas)

1,34

2,90

116,42

2,07

1,78

Empréstimos pessoa física Alimentício Automóveis Novos

Automóveis Usados

abr/14

426,68

0,92

3,50

6,47

422,12

0,89

2,79

4,67

Prefixada (montadoras)

1,39

2,14

53,96

mai/14

429,41

0,64

4,16

6,84

426,47

1,03

3,85

5,45

Prefixada (multimarcas)

1,55

2,99

92,90

2,23

1ª jun/14

451,10 (3)

0,53

4,71

6,62

449,44 (3)

0,91

4,48

5,40

Cartão de Crédito

4,14

17,89

332,13

10,96

(1) IPCA= Índice de Preços ao Consumidor Amplo: mede a evolução dos gastos das famílias com renda de 1 a 40 salários mínimos na cidade de Belo Horizonte

Cheque Especial (2) (8)

6,01

10,80

79,70

9,06

(2) IPCR= Índice de Preços ao Consumidor Restrito: mede a evolução dos gastos das famílias com renda de 1 a 5 salários mínimos na cidade de Belo Horizonte

Combustíveis

5,66

8,04

42,05

6,73

Imóveis Construídos

0,06

2,69

4.383,33

1,79

Imóveis na Planta

0,28

1,79

539,29

0,89

0,79

2,55

222,78

1,88

CDC - Financeiro (8)

3,39

5,79

70,80

4,29

CDC - Bens Alienáveis (8)

1,57

2,21

40,76

1,75

Eletroeletrônicos

2,08

4,88

134,62

3,22

Mobiliário

1,96

5,46

178,57

3,59

10,31

12,81

24,25

11,56

Nacional

1,11

1,63

46,85

1,35

Internacional

1,32

1,63

23,48

1,51

1,74

6,00

244,83

3,36

Construção Civil (3) (7)

Evolução da inflação, salário mínimo e cesta básica Variação (%)

Índice de Base Fixa (Jul/94=100)

Período

IPCA(1)

Salário Mínimo

412,25

1046,46

dez/13

No mês

Cesta Básica(2) 541,66

No ano

IPCA

Salário Mínimo

Cesta Básica

0,87

0,00

-0,72

Cooperativas de Crédito (empréstimo)

Últimos 12 Meses

IPCA

Salário Mínimo

Cesta Básica

6,15

9,00

9,09

IPCA

Salário Mínimo

Cesta Básica

6,15

9,00

9,09

Crédito Direto ao Consumidor (CDC)

jan/14

419,05

1117,46

532,22

1,65

6,78

-1,74

1,65

6,78

-1,74

5,40

6,78

-2,29

fev/14

420,06

1117,46

537,15

0,24

0,00

0,93

1,89

6,78

-0,83

5,86

6,78

-2,40

Financeiras Independentes Turismo

mar/14

422,79

1117,46

581,80

0,65

0,00

8,31

2,56

6,78

7,41

6,02

6,78

3,23

abr/14

426,68

1117,46

593,43

0,92

0,00

2,00

3,50

6,78

9,56

6,47

6,78

2,53

mai/14

429,41

1117,46

598,45

0,64

0,00

0,85

4,16

6,78

10,49

6,84

6,78

3,45

Vestuário e Calçados

(1) IPCA= Índice de Preços ao Consumidor Amplo: mede a evolução dos gastos das famílias com renda de 1 a 40 salários mínimos na cidade de Belo Horizonte

Empréstimos pessoa jurídica

(2) Cesta Básica: representa os gastos de um trabalhador adulto com a alimentação definida pelo Decreto-lei 399/38 FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

Evolução do Mercado Imobiliário: Aluguéis Residenciais Período

Índice de Base Fixa (Jul/94=100)

Comerciais

Variação (%)

nov/13

466,81

0,47

5,39

Últimos 12 Meses 6,23

dez/13

468,30

0,32

5,72

jan/14

469,38

0,23

fev/14

472,10

mar/14 abr/14

1,08

2,87

165,74

2,20

1,20

2,87

139,17

1,93

Conta Garantida (8)

2,17

4,55

109,68

2,95

Captação CDB 30 dias (4)

Variação (%)

Índice de Base Fixa (Jul/94=100)

Desconto de Duplicatas (8) Capital de Giro (8)

0,82

652,91

0,49

7,23

Últimos 12 Meses 8,38

5,72

656,56

0,56

7,83

7,83

Poupança (5)

0,23

5,19

661,55

0,76

0,76

7,94

Taxa SELIC (6)

0,58

0,81

5,48

665,32

0,57

1,33

7,70

(1) Considera-se a média das taxas praticadas pelos informantes

(5) Taxa referente ao primeiro dia do mês subsequente

(2) Não são consideradas vantagens progressivas

(6) Média ponderada pela vigência

474,84

0,58

1,40

5,49

669,71

0,66

2,00

7,38

(3) Inclui a variação dos indexadores CUB, TR, INCC e IGP-M

(7) Novo cálculo considerando o período dos índices que compõem a estimativa (8) Dados coletados a partir de informações consolidadas no Banco Central do Brasil

476,02

0,25

1,65

5,31

673,13

0,51

2,52

7,26

No mês

No ano

No mês

No ano

Cooperativas de Crédito (aplicação)

0,71

Fundo de Investimento Curto Prazo

0,40

0,74

85,00

0,60

Fundo de Investimento Longo Prazo

0,67

0,82

22,39

0,73 0,55 0,87

(4) Taxa ANBID do primeiro dia útil do mês e projetada para 30 dias

.. Não se aplica dados numéricos

Tarifas Bancárias – Maio de 2014

Valores médios (em R$) dos aluguéis residenciais por classe de bairro(*) - Abril de 2014

Forma de Cobrança

Produtos / serviços(1)

Imóveis

Popular

Médio

Alto

Luxo

540,91 (11)

1046,25 (8)

798,86 (44)

1318,50 (40)

2 Quartos e 1 banheiro ou mais

738,70 (146)

1016,99 (122)

1180,87 (219)

2036,07 (206)

3 Quartos e 1 banheiro

887,25 (44)

1034,03 (32)

1285,82 (39)

1615,74 (19)

1263,05 (85)

1406,49 (160)

1672,29 (361)

2480,15 (458)

(2)

(1)

2323,08 (13)

3211,90 (21)

4 Quartos e até 2 banheiros 4 Quartos e acima de 2 banheiros / 5 Quartos ou mais e 1 banheiro ou mais

(2)

2114,29 (7)

2574,82 (49)

4583,87 (266)

1 Quarto e 1 banheiro ou mais

467,89 (19)

606,67 (18)

712,50 (4)

-

Confecção de cadastro para início de relacionamento - CADASTRO

por evento

0,00

30,00

..

15,32

CARTÃO - Fornecimento de 2º via de cartão com função débito

por cliente

5,30

15,00

183,02

7,05

CARTÃO - Fornec. de 2ª via de cartão com função mov. conta de poupança

por cliente

5,30

15,00

183,02

7,05

por Operação

28,50

52,00

82,46

42,77

CHEQUE - Contra-ordem e oposição ao pagamento de cheque

por cheque

10,35

15,00

44,93

11,69

CHEQUE - Fornecimento de folhas de cheque

por cheque

1,00

1,60

60,00

1,28

CHEQUE - Cheque Administrativo

por Cheque

20,00

30,00

50,00

24,14 10,50

CHEQUE - Exclusão do Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundo (CCF)

2 Quartos e 1 banheiro ou mais

601,52 (23)

730,00 (10)

(1)

-

por cheque

0,00

21,00

..

Saque de conta de depósitos à vista e de poupança - SAQUE pessoal

por operação

2,00

3,00

50,00

2,19

Saque de conta de depósitos à vista e de poupança - SAQUE Terminal

por operação

1,15

3,00

160,87

1,82

Saque de conta de dep. à vista e de poupança - SAQUE correspondente

por operação

1,15

2,15

86,96

1,50

DEPÓSITO - Depósito Identificado

por operação

0,00

4,65

..

2,08

Forn. de ext. de um periodo conta dep. à vista e poup. - EXTRATO (P)

por operação

1,45

6,00

313,79

3,08

Forn. de ext. de um periodo conta dep. à vista e poup. - EXTRATO (E)

por operação

1,35

3,00

122,22

2,00

Forn. de ext. de um periodo conta dep. à vista e poup. - EXTRATO (C)

por operação

1,20

1,40

16,67

1,29

Ext. mensal de conta de dep. à vista e poup. p/um período -EXTRATO(P)

por operação

2,00

6,00

200,00

3,19

Ext. mensal de conta de dep. à vista e Poup. p/um período - EXTRATO(E)

por operação

1,35

4,00

196,30

2,31

Ext. mensal de conta de dep. à vista e poup. p/um período - EXTRATO(C)

por operação

1,20

4,00

233,33

1,81

Fornecimento de cópia de microfilme, microficha ou assemelhado

por operação

0,00

6,00

..

4,75

TRANSFERÊNCIA DE RECURSOS

Barracões

1 Quartos e 1 banheiro ou mais

607,14 (7)

812,50 (4)

-

2 Quartos e 1 banheiro ou mais

841,61 (49)

995,19 (21)

1254,08 (12)

(3)

1051,71 (35)

1438,90 (9)

1491,67 (6)

-

1404,00 (25)

1853,96 (25)

3002,63 (19)

6332,78 (18)

(3)

(2)

-

7900,00 (6)

3 Quartos e 1 banheiro

Média(2) (R$)

CONTAS DE DEPÓSITOS

CHEQUE - Cheque Visado

3 Quartos e 2 banheiros ou mais

Menor (R$) Maior (R$) Diferença (%)

CADASTRO

1 Quarto e 1 banheiro ou mais

Apartamentos

Casas

ND - não disponível

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

(1)

Transferência agendada por meio de DOC/TED - DOC/TED agendado(P)

por operação

0,00

19,90

..

13,16

Transferência agendada por meio de DOC/TED - DOC/TED agendado(E)

por operação

0,00

9,50

..

7,08

Transferência agendada por meio de DOC/TED - DOC/TED agendado(I)

por operação

6,50

9,00

38,46

7,62

Transferência entre contas na própria instituição- TRANSF. RECURSOS(P)

por operação

1,00

2,00

100,00

1,17

Transferência entre contas na própria instituição-TRANSF.RECURSOS(E/I)

por operação

0,00

1,20

..

0,87

Ordem de Pagamento - ORDEM PAGAMENTO

por operação

23,80

27,00

13,45

25,02

Transferência por meio de DOC - DOC Pessoal (3)

por evento

12,85

20,00

55,64

15,03

Transferência por meio de DOC - DOC eletrônico (3)

por evento

0,00

9,50

..

7,14

Transferência por meio de DOC - DOC internet (3)

por evento

6,50

9,00

38,46

7,63

Transferência por meio de TED - TED pessoal (3)

por evento

12,85

20,00

55,64

15,03

Transferência por meio de TED - TED eletrônico (3)

por evento

0,00

9,50

..

7,14

Transferência por meio de TED - TED internet (3)

por evento

0,00

9,00

..

7,70

por operação

30,00

54,70

82,33

44,62

OPERAÇÕES DE CRÉDITO

3 Quartos e 2 banheiros ou mais

Concessão de adiantamento a depositante - ADIANT. DEPOSITANTE PACOTE PADRONIZADO PESSOA FÍSICA PACOTE PADRONIZADO PESSOA FÍSICA

4 Quartos e até 2 banheiros 4 Quartos e acima de 2 banheiros / 5 Quartos ou mais e 1 banheiro ou mais

3000,00 (7)

3600,00 (6)

5358,00 (10)

8845,45 (44)

por evento

9,50

14,50

52,63

10,98

a cada 365 dias

39,00

54,00

38,46

46,29

Fornecimento de 2ª via de cartão com função crédito

por evento

5,00

15,00

200,00

7,67

Utilização de canais de atend. para retirada em espécie - no país

por evento

4,00

15,00

275,00

7,94

Pagamento de contas utilizando a função crédito em espécie

por evento

1,99

19,90

900,00

10,40

Avaliação emergencial de crédito

por evento

10,00

18,00

80,00

15,00

a cada 365 dias

0,00

90,00

..

55,00

por evento

8,00

30,00

275,00

15,13

CARTÃO DE CRÉDITO (3) Anuidade - cartão básico nacional

Anuidade - cartão básico internacional

(*) O valor entre parênteses representa o número de imóveis utilizados no cálculo da respectiva média. Na maioria das vezes, somente são publicados valores médios obtidos a partir de quatro imóveis pesquisados. Os casos em que não foi pesquisado nenhum imóvel são indicados por hífen (-). Os valores médios referentes a apartamentos de 1 e 2 quartos da classe luxo são influenciados pela oferta de Flats.

Utilização de canais de atend. para retirada em espécie - no exterior

(2) Considera-se a média das tarifas praticadas pelos bancos pesquisados

(1) Não são consideradas vantagens progressivas Fonte: Banco Central do Brasil / Bancos - Dados trabalhados pela Fundação IPEAD/UFMG

..

Não se aplica dados numéricos

ND: não disponível

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG Custo da Cesta Básica(*) – Maio de 2014

Índice de Confiança do Consumidor

Período

ICCBH

(2)

IEE

IEF

No mês (3)

Últimos 12 Meses

No ano

ICCBH

IEE

IEF

ICCBH

IEE

IEF

ICCBH

IEE

IEF

Contribuição na variação (p.p.)

Açúcar cristal

3,00 kg

4,38

0,01

Arroz

3,00 kg

7,28

0,02

Banana caturra

12,00 kg

30,66

-0,60 -1,36

dez/13

120,48

159,06

118,51

-2,28

-6,50

1,20

-13,20

-21,76

0,24

-13,20

-21,76

0,24

Batata inglesa

6,00 kg

18,98

jan/14

121,76

162,09

119,03

1,06

1,90

0,43

1,06

1,90

0,43

-7,50

-15,78

6,09

Café moído

0,60 kg

8,40

0,11

fev/14

117,25

156,21

114,56

-3,70

-3,63

-3,75

-2,68

-1,79

-3,34

-8,20

-17,16

5,80

Chã de dentro

6,00 kg

113,53

-1,13

Farinha de trigo

1,50 kg

4,44

0,02

mar/14

117,67

155,39

115,78

0,36

-0,53

1,06

-2,34

-2,31

-2,31

-7,67

-14,69

-1,40

Feijão carioquinha

4,50 kg

17,94

-0,25

Leite pasteurizado

7,50 lt

17,33

0,12

750,00 gr

17,20

-0,05

abr/14

112,27

141,04

114,62

-4,59

-9,23

-1,00

-6,82

-11,33

-3,28

-11,78

-24,27

-0,09

mai/14

108,49

141,26

107,91

-3,37

0,15

-5,86

-9,95

-11,19

-8,95

-14,34

-20,73

-8,77

(1) ICCBH: Índice de Confiança do Consumidor de Belo Horizonte: trata-se de um indicador que tem por finalidade sintetizar a opinião dos consumidores em Belo Horizonte quanto aos aspectos capazes de afetar as suas decisões de consumo atual e futuro (2) IEE: Índice de Expectativa Econômica: retrata a expectativa do consumidor em relação aos indicadores macroeconômicos

dom 4.579.indd 18

Valores (em R$)

Variação (%)

Índice de Base Fixa (Maio/04=100) (1)

Quantidade

Produto

Manteiga Óleo de soja

1,00 un

3,15

0,01

Pão francês

6,00 kg

54,25

0,58

Tomate Santa Cruz

9,00 kg

49,14

3,36

(3) IEF: Índice de Expectativa Financeira: retrata a confiança do consumidor a respeito de alguns indicadores microeconômicos

(*) Cesta Básica: representa os gastos de um trabalhador adulto com a alimentação definida pelo Decreto-lei 399/38

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

FONTE: Fundação IPEAD/UFMG

16/06/2014 17:02:32


BELO HORIZONTE

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

Terça-feira, 17 de junho de 2014

CAC São Francisco e Cras Santa Rosa promovem arraial na Pampulha Em comemoração às festividades do mês de junho, o Centro de Apoio Comunitário (CAC) São Francisco e o Centro de Referência da Assistência Social (Cras) do bairro Santa Rosa realizaram em conjunto, na última semana, um arraial. O evento aconteceu na quadra poliesportiva do CAC (Avenida Major Delfino de Paula, 2.553, São Francisco) e contou com a presença de 180 usuários. A tradicional quadrilha, coreografada pelo líder comunitário Dennisson Domingues, teve a participação dos alunos do curso de cabeleireiros do CAC. Ao final da dança, todos os participantes foram premiados com um troféu. O evento ainda contou com a música ao vivo do cantor e tecladista Anderson Alves. Como não poderia faltar, quem participou do evento se deliciou com saborosas comidas típicas das festas juninas, como caldos e canjica. Gerente do CAC São Francisco, Maria Célia Nogueira, res-

úteis em

BELO HORIZONTE  

Serviços gerais

• Atendimento ao cidadão 156 • Atendimento ao cidadão fora da cidade de Belo Horizonte (31) 3429-0405 • Coordenadoria de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BH) 156 • Defesa Civil 199 • Limpeza urbana 156 3003-0100 • Correios • Disque previsão do tempo 3291-1494 • Lig Minas (Atendimento telefônico do Governo do Estado) 155  

nossos programas”, disse. Além de preservar a tradição de festas folclóricas e resgatar a cultura popular, o Arraial do CAC e do Cras proporcionou um momento de interação entre os usuários dos serviços do Cras Santa Rosa e os participantes das atividades que acontecem no CAC São Francisco.

Valorização da cultura e do folclore foram ressaltados durante o evento

CRAS Santa Rosa

Turismo

saltou a importância deste evento para a comunidade do entorno. “A realização da festa junina já é tradicional no CAC São Francisco, pois é um evento que contempla as dimensões religiosas, culturais e sociais. É importante valorizar nossa cultura, conservar nosso folclore e propiciar convivência e integração social aos usuários dos C[elia Nogueira

Telefones

• Alô Turismo 156 (BH) - 3429-0405 (outros locais) • Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte (Belotur) 3277-9754 • Associação Brasileira de Agências de viagem 3213-3433 • Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo (ABRAJET) 9236-0358 3261-2233 • Associação Brasileira de Hotéis • Associação Federativa de Executivas de Turismo (AFEET) 3281-9222  

19

Saúde

• Serviço Médico de Atendimento de Urgência (Samu) 192 • Centro Metrop. de Especialidades Médicas-Santa Casa 3238-8037/3238-8048 • Hospital Risoleta Tolentino Neves 3459-3200 • Hospital Municipal Odilon Behrens 3277-6198 / 3277-6199 3239-9200 / 3239-9300 • Hospital João XXIII • Hospital Alberto Cavalcanti 3469-1860 / 3469-1812 • Hospital Júlia Kubitschek 3389-7800 • Hospital das Clínicas 3248-9300 3239-9000 • Hospital Infantil João Paulo II (Fhemig)  

Cras Apolônia promove ação de combate à exploração sexual infantojuvenil

Transporte/ Aeroportos

• Terminal Rodoviário de Belo Horizonte 3271-3000 / 3271-8933 • Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) 156 (de BH) (31) 3429-0405 (de outras localidades) • Aeroporto da Pampulha 3490-2001 • Aeroporto Carlos Prates 3462-6455 • Aeroporto Internacional de Confins 3689-2701 / 3689-2702 • Estação Ferroviária 0800-285 7000 • Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) / Metrô BH 3250-3901 • Táxi BH 0800-0301414 • Ônibus convencional para o Aeroporto Internacional Tancredo Neves 3271-1335 • Ônibus executivo para o Aeroporto Internacional Tancredo Neves 3274-5152  

O combate à exploração sexual de crianças e adolescentes foi tema da campanha realizada pelo Centro de Referência da Assistência Social (Cras) Apolônia no final de maio com o apoio dos integrantes da sua comissão de coordenação local. Representantes do Cras, do Centro de Prevenção à Criminalidade Fica Vivo, do posto do Sistema Nacional de Emprego (Sine) Venda Nova, das obras sociais Madre Maria de Jesus, do programa Vila Viva da Companhia Urbanizadora de Belo Horizonte (Urbel) e do Lar Espírita Francisco Cândido Xavier participaram da ação. A Providência Nossa Senhora da Conceição, por meio do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para Crianças Peque-

• Polícia Civil de Minas Gerais • Polícia Militar do Estado de Minas Gerais • Polícia Rodoviária Federal • Polícia Federal – Passaporte • Polícia Rodoviária Estadual • Guarda Municipal • Corpo de Bombeiros • Departamento de Estradas e Rodagem (DER) • Departamento de Trânsito (Detran) • Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais

dom 4.579.indd 19

197 190 191 3291-2359 / 3291-6845 2123-1903 3277-4241 / 3277-4335 193 155 0800-940 2000 193 

Fotos: Gercom Venda Nova

Segurança

nas e seus familiares, promoveu um cortejo lúdico, conduzido por uma equipe de brincantes e por um animado palhaço em pernas de pau, birutas coloridas e muita cantoria, estratégia que chamou a atenção das crianças e de seus responsáveis, nos becos e ruas por onde passou. A ação foi realizada na Vila Apolônia, que faz parte da área de abrangência do Cras, onde vivem centenas de famílias em situação de vulnerabilidade e risco social. Foram distribuídos panfletos, marcadores de livros e balões temáticos, orientando como o adulto deve agir, caso suspeite ou presencie qualquer ato de violência contra uma criança ou adolescente. Segundo o coordenador do Cras, Leonardo Silva, o objetivo da ação

foi alertar e sensibilizar as famílias para os cuidados na prevenção às situações de violência contra as crianças dentro e fora de casa. “É preciso desnaturalizar as situações de violência vivenciadas pelas

crianças e adolescentes. Muitos pais acham normal desrespeitar os direitos das crianças e adolescentes, alegando que, quando crianças, também eram maltratadas. É preciso manter um diálogo constante com os filhos para prevenir e evitar que eles sofram abusos”, destaca Leonardo.

16/06/2014 17:02:39


BELO HORIZONTE

Poder Executivo

Diário Oficial do Município

20

Terça-feira, 17 de junho de 2014

Serviço de Atenção à Saúde do Viajante oferece orientações pré-viagens, consultas e vacinas Fotos: Isabel Baldoni

de (Cievs), da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA). Além das orientações pré-viagem, profissionais da unidade também fornecem informações via telefone (3246-5026 e 3277-5300) ou pelo e-mail saúde.viajante@ pbh.gov.br. O Cievs obtém informações de doenças pouco comuns ou não existentes em Belo Horizonte e que, geralmente, são trazidas por turistas. Em seguida, as repassa à central para que os viajantes possam ser orientados. O centro também é responsável pela liberação do Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP).

Como funciona?

Confira o funcionamento dos Centros de Atendimento ao Turista durante a Copa do Mundo

Central de informações atende moradores da cidade que pretendem viajar e turistas que visitam a capital mineira, realizando cerca de 1.500 atendimentos mensais

Aeroporto Internacional de Confins (Rodovia MG-010, Km 39, Confins) Atendimento 24 horas Telefone: (31) 3689-2557

Atendimento durante a Copa

Centro de Referência Turística Álvaro Hardy (Veveco) (Avenida Otacílio Negrão de Lima, 855, Pampulha) Aberto de diariamente, das 9h às 18h. Telefone: 3277-9987

Aeroporto da Pampulha

(Praça Bagatelle, 204, Pampulha) Aberto diariamente, das 8h às 19h. Telefone: 3246-8015

Mercado Central

(Avenida Augusto de Lima, 744, Centro) Aberto segunda, das 9h40 às 18h, terça, das 8h às 16h20, de quarta a sábado, das 8h às 18h, domingos e feriados, das 8h às 13h. Telefone: 3277-4691

Mercado das Flores

(Avenida Afonso Pena. 1.055, Centro) Funciona de segunda a sexta, das 8h30 às 18h30, e aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 17h. Telefone: 3277-7666

Rodoviária

(Praça Rio Branco s/nº, Centro) Aberto diariamente das 8h às 22h. Telefone: 3277-6907

Alô Turismo

Atendimento 24 horas. Telefone: 156 (BH) e (31) 3429-0405 (outros locais)

dom 4.579.indd 20

A pessoa que for viajar pode, por exemplo, atualizar o cartão no local, se for detectado no serviço, no momento da consulta, que ela está com alguma vacina atrasada. Caso a vacina exigida não seja fornecida pelo SUS, é feita a indicação de um serviço particular. Além das orientações pré-viagem, a unidade também orienta, via telefone ou internet, profissionais de saúde de outras unidades que atendem viajantes estrangeiros ou mesmo brasileiros com suspeita de infecções contraídas durante uma viagem, para diagnóstico e tratamento adequados. A unidade possui um consultório onde são feitos atendimentos agendados previamente (a consulta pode ser marcada pelo telefone 32465026). O médico faz uma avaliação do paciente, passa orientações e, caso seja necessário, encaminha-o para o serviço de saúde mais indicado. Todas as vacinas fornecidas no local são gratuitas.

Turistas que visitam BH e belo-horizontinos que vão viajar são os beneficiários do serviço

Com o objetivo de orientar turistas sobre doenças transmissíveis, cuidados com higiene, medicações e vacinações pendentes, recomendadas e/ou exigidas, a Prefeitura de Belo Horizonte oferece, desde 2012, o Serviço de Atenção à Saúde do Viajante, uma central de informações e orientações que atende tanto os moradores da cidade que pretendem viajar quanto os turistas que visitam a capital mineira. A unidade fica na Rua Paraíba, 890, no bairro Funcionários. Além das orientações pré-viagem, a unidade também orienta, por telefone ou pela internet, profissionais de saúde de outras unidades que atendem viajantes, estrangeiros ou mesmo brasileiros com suspeita de infecções contraídas durante viagens, para diagnóstico e tratamentos adequados. Atualmente, o Centro de Atenção à Saúde do Viajante realiza cerca de 1,5 mil atendimentos mensalmente por meio de uma equipe composta por dois médicos

infectologistas, três enfermeiras e três auxiliares de enfermagem, além de dois profissionais de enfermagem contratados temporariamente. Para dar respostas mais ágeis e efetivas aos atendimentos que exigem maior urgência, a unidade funciona de maneira integrada ao Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saú-

O Serviço de Atenção à Saúde do Viajante funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Nos dias de jogos do Brasil e de jogos em Belo Horizonte, o serviço irá funcionar com horário estendido. Os atendimentos começam três horas antes, continuam durante os jogos e se encerram três horas após o término das partidas. O local disponibiliza um médico e uma enfermeira para atender pacientes com sintomas e também oferece eventuais orientações por telefone para profissionais de saúde.

16/06/2014 17:02:43


DOM - 17/06/2014