Page 1

Potiguar Capa:2.qxd 17/2/2012 19:26 Page 2

Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

www.potiguarnoticias.com.br

Ano 12 - número 412 - R$ 1.50

Potiguar Notícias

Vereador admite tráfico de influência no Itep Em Extremoz, parlamentar confessa em plenário que, através de cargo da esposa, tinha influência em emissão de identidades

››

Mun. Pág. 3

CARNAVAL Confira matérias sobre o Carnaval em diversos municípios do Rio Grande do Norte

Entrevista com Daliana Cascudo sobre cultura

TRE condena ex-prefeitos a devolver dinheiro Tribunal de Contas condena ex-gestores dew diversos municipios do RN

TRABALHOS LEGISLATIVOS

Mossoró: 9 vereadores são condenados

››

››

“O carnaval da minha dor: o amor do Pierrô e da Colombina...

››

Pág 7

Pág. 3

Artigo homenegeia maestro Osvaldo D´amore

Capa. Mun

O  professor  João  da Mata  escreve  texto  sobre o amigo falecido

››

literatura, escritos do avô e mundo editorial.

››

. Pág 7

MUNICÍPIOS NESTA EDIÇÃO

Resultado da Operação Sal Grosso: nove edis condenados pela Justiça.

Na Grande Natal, Câmaras iniciam trabalhos em 2012, e prefeitos fazem leitura de mensagens

Novidades e acontecimentos sobre gente que faz, produz, brilha e vive!

Cefas Carvalho

A neta de Câmara Cascudo  falou  ao  jor nalista José  Pinto  Junior  sobre

. Pág. 3

RN

CÂMARAS CAMARAS RETOMAM

››

Janduís Ceará-Mirim São Gonçalo Santa Cruz Extremoz Macaíba e outros

Pág. 7

Pinto Júnior

Valério Mesquita

Claudino Leite

Evandro Borges

Rômulo Estânrley

De leitura da mensagem dos prefeitos e de eleitorado

Padre Normando: Um homem amigo e fraternal

Pr. Martim Alves é o presidente da Assembleia de Deus

A gestão pública municipal e a lei da transparência

Cesário Batista: Símbolo do movimento sindical

›› Página 2

›› Mun. Página 8

›› Mun. Pág. 3

›› Mun. Pág. 6

›› Página 5

››

on no 4


Potiguar 2:2.qxd 17/2/2012 18:00 Page 2

PÁGINA 2

OpiniãO

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

ARTIGOS

Acolhedor, fraterno e amigo Valério Mesquita mesquita.valerio@gmail.ccom

Presidente do TCE/RN e escritor

Após o seu desaparecimento, o padre Normando se incorporou às nossas hostes por uma gama cumulativa de qualidades morais, somadas a uma obstinada dedicação à pesquisa. Sobretudo, por uma determinação inquestionável à fé católica. Historiador de pessoas, narrador de mitos, criador de lendas, ele foi, antes de tudo, um homem de Deus, porque Deus assim o quis, e tornou-lhe audível Sua vontade ao convocá-lo para Si, como o fez com Paulo na estrada de Damasco. A pedra de toque dessa maré montante cristã era a geração de um homem renovado pelo espírito do Evangelho. O encontro do jovem Normando com a nova doutrina que, soprando da Itália, inoculava um ardor renovado à fé nascida no Gólgota, foi a prova viva, em carne e espírito, de uma revelação em tudo conseqüente na vida de um novacruzense, cuja jornada existencial era,

1922: Arte verde-amarela? Vicente Vitoriano

Artista plástico e professor

Há noventa anos, entre os dias 11 e 18 de fevereiro, realizou-se, em São Paulo, a histórica Semana de Arte Moderna, reunindo poetas, músicos, escultores, pintores e arquitetos que pretenderam e conseguiram balançar as estruturas do cenário artístico brasileiro. Para Oswald de Andrade, escrevendo em jornal alguns dias antes, estes artistas formavam a vanguarda “de um movimento tão sério que é capaz de educar o Brasil e curá-lo do analfabetismo letrado em que lentamente vai para trás”. Louváveis pretensões à parte, o movimento ou a Semana teve, de fato, uma repercussão “escandalosa” naquele momento e, em sequência, estabeleceu novas direções para a produção artística no Brasil. Como todos os “modernismos” artísticos, o nosso também buscava lançar a arte na direção do futuro, como fica explícito na ironia oswaldiana: ir para trás, olhar o passado

Como se prevenir de um cafajeste Carpinejar

Poeta e escritor

É Carnaval, e são grandes as chances de encontrar um cafajeste e confundi-lo com o amor de sua vida. Prevenindo dorde-cotovelo, proponho um retrato falado da criatura. - O cafajeste faz propaganda enganosa para se dar bem. Tem todas as qualidades do universo, fala sem erro, ensaiado, jamais gagueja ou fica desconcertado. - O cafajeste sempre aparece em seu mundo e nunca mostra o dele. Parece te-

até então, um constante ir-e-vir sem meta definida. A partir dali, as idas e vindas, que lhe valeram como tempo de peregrinação-aprendizagem, ganhariam um norte, porque acima de qualquer coisa pairava a certeza do chamado, ou melhor, da exortação cristã que o guiava. Finalmente, em 1970, ele teve essa certeza. E, ano seguinte, ingressa no Instituto de Teologia do Recife e, já em 1972, recebe a Tonsura e as Ordens Menores. Mas, só em 1992, é nomeado pároco de Nova Cruz e Campestre e, no ano seguinte, renuncia ao paroquiato da terra natal. Em 1995, depois de uma viagem à Iugoslávia, vem morar na capital. No ano seguinte, é nomeado chanceler da Cúria Metropolitana. Em 1996, volta à Europa, iniciando por Portugal onde participa, no santuário de Fátima, do Primeiro Congresso Internacional de Sacerdotes. Segue para a Espanha – Barcelona, Santiago de Compostela, Ávila, Madri – e na França – Paris, Lisieux, Lyon, Ars, La Salette – e Marrocos, agora no continente africano. Em 2001, cria a paróquia de São Camilo de Lélis. Em 2002, assume como pároco dessa igreja e em 11 de março de 2005, publica o seu primeiro livro “Nova Cruz: Mito e História”. Na condição de pesquisador foi historiador de homens e narrador de mi-

tos. Publicou “Nova Cruz – Mito e História” que reúne, de forma harmoniosa, aristotélica, esse duplo viés de antípodas elementares com os quais convive o ser humano desde os tempos adâmicos. Fatos e fantasias alternam-se na crônica da humanidade, numa simbiose incontornável. Essa contextualização permite ao leitor perceber o fio sutil do historiador tecendo a narrativa global, a única própria a um mundo globalizado, no qual tudo se relaciona com tudo. Essa talvez seja a grande lição que se extrai da leitura de “Nova Cruz: Mito e História” e “As Floradas do Pau D”Arco”, que me deu a honra de prefaciar. Mas não é seu único mérito, pelo contrário, a criação de tipos, a descrição de personagens, a sensibilidade para pinçar o essencial dos fatos, dos costumes e a justeza das suas ponderações memorialísticas, aí incluídos os segmentos da cultura e da religiosidade, fazem de sua literatura um manual de lucidez e elegância, tão necessárias aos nossos dias. É, também, clarividente e apaixonante síntese do agreste potiguar. Jesus o chamou consentindo que deixasse um legado cultural e assinalados serviços prestados à fé cristã. Que repouse em paz na proteção do Senhor e na saudade de centenas de admiradores.

ou prender-se a ele foi um pecado capital para a “bíblia” modernista. Passado quase um século, a história já pode relativizar os limites do afã novista do modernismo artístico, não obstante, ainda de acordo com Oswald de Andrade, a seriedade de suas intenções, aqui no Brasil, particularmente. É fato que aquela vanguarda brasileira, alguns anos depois, já refletia a este respeito para reconhecer que as características “diferentes” ou novas em nossa arte estavam atreladas a um projeto de nacionalismo ou de nacionalização da forma e do conteúdo das suas obras de arte. Mas, quando se questiona a efetivação deste projeto, a história pode apontar vários poréns. Em primeiro lugar, o nacionalismo na arte brasileira já fora projeto ainda do Império, mesmo que o objetivo não fosse estritamente estético ou artístico. O Império determinou que se formulassem imagens, textos e música capazes de criar uma identidade diferenciadora do Brasil na cena internacional. O índio e a mata sintetizariam esta identidade, como atestam romances, pinturas, esculturas e músicas. Tratava-se, entretanto, de um empreendimento que atingia exclusivamente o que se pode individuar aqui como temática. Formalmente, to-

da essa produção obedecia ao padrão neoclássico importado da Europa, este já bastante abalado por vários movimentos ocorridos além-mar durante todo o século XIX. Em termos formais, o modernismo proposto pela Semana também não conseguiu, nem em longo prazo, desvencilhar-se das marcas dessa importação. Por exemplo, se tomamos a obra do excelente Vicente do Rego Monteiro, poderemos ver que a estrutura gráfica de suas pinturas são praticamente gêmeas daquelas desenvolvidas por Fernand Léger. Esta influência legeriana também é perceptível na obra madura de Tarsila do Amaral. De resto, Di Cavalcanti e os demais pintores da Semana, bebiam na fonte dos expressionismos, tanto francês quanto alemão. Por fim, e para os limites deste espaço, os revisores imediatos desse modernismo inicial compreenderam a impraticabilidade de uma independência absoluta. A solução ou o paliativo para tanto teve fulcro em metáforas requentadas da mata e do universo do homem autóctone: o pau-brasil e a antropofagia. Isto em meio ao um discurso paratático dos manifestos, como o Antropofágico, em que se lê: “só me interessa o que não é meu” (!).

le-entrega. Só realiza visitas. Com certeza, ele não pode mostrar onde vive, é casado e tem outra família. - O cafajeste quer casar no primeiro encontro. Somente um cafajeste quer casar no primeiro encontro. - O cafajeste avisa que não tem pressa para o sexo. - O cafajeste chama você de gatinha, de guria, de menina, menos de seu nome. Ele não sabe seu nome. - O cafajeste é aquele cara que não precisa mentir, você mente no lugar dele, antecipando desculpas ou justificando suas mancadas. - O cafajeste escolhe as mulheres mais possessivas e ciumentas, que se apegam rápido. - O cafajeste foge das discussões onde mostraria seus preconceitos.

- O cafajeste conhece de cor um poema de Neruda ou de Vinicius de Moraes. - O cafajeste está apaixonado. Por si mesmo. Vive se elogiando. - O cafajeste é um avatar, solteiro no facebook e nas páginas de relacionamento, comprometido na realidade. - O cafajeste não se arrisca na roupa. Prefere camisa polo. - Você pensa que o cafajeste está criando mistério ao não telefonar, mas ele simplesmente esqueceu de você. Suspense do cafajeste é abandonar a pessoa. - O cafajeste manda rosas depois da primeira noite. Você vai entender depois que não é um buquê, e sim uma coroa de flores. - O cafajeste é tudo o que a sua mãe sonhava para você, o que não é nada promissor.

DESTAQUES da semana Justiça

Assassino de Eloá é condenado a 98 anos Sentenciado a 98 anos e 10 meses, Lindemberg Alves terá de cumprir 30 anos em regime fechado pelo assassinato da ex-namorada Eloá Pimentel.

Religião

Igreja Católica quer luta interna contra pedofilia A Igreja Católica apresentou, na quinta-feira, um projeto de ensino digital destinado a ajudar clérigos de todo o mundo a erradicarem a pedofilia de suas fileiras e a protegerem menores de potenciais abusos de padres contra crianças de ambos os sexos.

Crime

Bola, do caso Bruno, tem princípio de infarto O preso Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, um dos acusados do caso Eliza Samudio, foi internado, na madrugada desta sexta-feira, (17) com princípio de infarto, em Betim, Minas Gerais.

Política

STF aprova Lei da Ficha Limpa para 2012 A validação da Lei da Ficha Limpa pelo Supremo Tribunal Federal (STF), na noite de ontem, levantou um arame farpado que deve manter alguns dos principais nomes da política nacional afastados das urnas por um bom tempo.


potiguar 3:2.qxd 17/2/2012 19:01 page 2

PÁGINA 3

Política

POTIGUAR NOTÍCIAS parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

operação sal grosso

Da Nove vereadores são condenados em Mossoró Redação

EDILSON DAMASCENO JORNAL DE FATO

Dos 12 vereadores que foram arrolados na Operação Sal Grosso, iniciada em novembro de 2007, para investigar esquema de corrupção na Câmara Municipal de Mossoró, nove foram condenados pelo juiz Cláudio Mendes Júnior, da 3ª Vara Criminal. O trabalho iniciado pelo Ministério Público - e o qual teve o reforço da Polícia Federal - baseou-se no não pagamento de empréstimos feitos pelos vereadores à Caixa Econômica Federal. O salário deles deixou de sair sem o desconto, resultando em inadimplência na instituição bancária. O promotor do Patrimônio Público de Mossoró, Eduardo Medeiros, afirmou ontem - depois da publicação da sentença do juiz Cláudio Mendes - que a condenação de nove dos 12 acusados reflete o "reconhecimento do trabalho do MP na defesa do patrimônio Público de Mossoró". O juiz pediu, além da pri-

Ex-presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Junior Escóssia

são dos vereadores e ex-vereadores investigados pela Operação Sal Grosso, a suspensão dos direitos políticos dos condenados e que a sentença fosse imediatamente comunicada ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Dos vereadores que se envolveram no esquema de corrupção na Câmara Municipal de Mossoró, o juiz

operação sal grosso

de olho

TCE condena ex-prefeitos a devolver dinheiro ao erário A ausência de documentação comprobatória de despesas relativas ao balancete do Fundef de julho de 1998 levou a Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE) a desaprovar as contas do ex-prefeito Mar cos Antônio Cabral, de Vera Cruz, ao ressarcimento da quantia de R$ 613.770,76 aos cofres do município. Em decorrência do elevado valor, os autos foram encaminhados para apreciação pelo Ministério Público Estadual e Federal para apuração de atos de improbidade administrativa e/ou ilícitos penais. Os casos serão investigados com apoio da Polícia Civil e Federal. O processo foi relatado pelo conselheiro Marco Antônio de Moraes Rêgo Montenegro na sessão da Primeira Câmara de Contas de quinta-feira (16/02) pela manhã. Ele ainda re-

não viu elementos suficientes para condenar Francisco José da Silveira Júnior (do PSD e atual presidente da Casa), Chico da Prefeitura (DEM) e o ex-vereador Renato Fernandes (PR). Já os ex-vereadores Izabel Montenegro (PMDB), Osnildo Morais, Gilvanda Peixoto, Benjamim Machado e Aluízio Feitoza foram condena-

dos a cinco anos e quatro meses de prisão pelos crimes de peculato e corrupção passiva. O ex-presidente da Câmara Municipal, Júnior Escóssia (DEM), foi condenado a uma pena diferenciada: seis anos e quatro meses de prisão pelos mesmos crimes. É que ele era, à época, da Operação Sal Grosso, responsável pela administração orçamentária e financeira do Legislativo. Na sentença, o juiz Cláudio Mendes Júnior afirmou que o não pagamento de empréstimos consignados causou prejuízo de R$ 600 mil ao patrimônio Público. Para o juiz, o ex-presidente da Câmara Municipal de Mossoró teria agido para beneficiar a ele e aos vereadores que fizeram empréstimo consignado (com desconto em folha). O juiz também afirmou que não ficou dúvida de que o motivo do dinheiro relacionado ao pagamento dos empréstimos estaria relacionado a um acordo entre os parlamentares para garantir a reeleição de Júnior Escóssia.

latou processo da prefeitura de Rio do Fogo, balancete referente ao mês de novembro de 2000 sob a responsabilidade do então prefeito Pedro Ribeiro da Silva. O voto foi pela irregularidade das contas, com ressarcimento ao erário da quantia de R$ 134.243,44, pertinentes a valores gastos e não comprovados. Da prefeitura de Rafael Fernandes, relatou processo de balancete referente a janeiro de 2000, sendo responsáveis Mário Costa de Oliveira e José de Nicodemos Ferreira. O voto foi pela irregularidade com restituição de R$ 178.220,00, cuja legalidade do seu emprego não foi comprovada. As explicações apresentadas pelos ex-gestores não convenceram o corpo técnico da inocência deles. O caso agora segue para apreciação da Câmara Municipal.

Vereadores desconhecem acordo para reeleição de ex-presidente Uma observação feita pelo juiz Cláudio Mendes Júnior na sentença foi de que o esquema constatado na Câmara Municipal teria sido acordado entre os vereadores para beneficiar o então presidente Júnior Escóssia. Especificamente à sua reeleição nas eleições de 2008. Ontem, o também expresidente do Legislativo, Claudionor dos Santos (PMDB), bem como o atual presidente, Silveira Júnior (PSD) afirmaram que não houve acordo. "Acordo comigo nunca foi feito para a reeleição de Júnior Escóssia", afirmou Claudionor. "Desconheço esse acordo", disse Silveira. Claudionor dos Santos afirmou ainda que está esperando ser notificado para recorrer da sentença do juiz da 3ª Vara Criminal de Mossoró. "Não devo nada e estou tranquilo. Inclusive os comprovantes dos pagamentos constam dos autos (do processo)", afirmou, acrescentando que houve falha do setor contábil do Legislativo e

que todos os vereadores pagaram. "Só não entendo porque uns entraram (foram condenados) e outros ficaram fora", disse. Silveira Júnior, que foi inocentado das acusações juntamente com Chico da Prefeitura e o ex-vereador Renato Fernandes, disse que, quando o Ministério Público iniciou as investigações, em 2007, apresentou os comprovantes de pagamentos. "Todos os vereadores ressarciram à Câmara. No meu caso, quando detectei que não estava sendo descontado, devolvi os dois meses. Lamento a decisão e os vereadores devem recorrer. Enquanto (o processo) não for julgado na totalidade, não se pode condenar ninguém", disse. O atual presidente da Câmara Municipal disse ainda que o Legislativo está à disposição, tanto para vereadores, ex-vereadores quanto à Justiça, para colaborar. "Qualquer documento que quiserem, estamos prontos para colaborar. Nossos atos são transparentes", afirmou.

redacao@potiguarnoticias.com.br arquivo pn

pública, carnaval e mobilidade urbana. O encontro foi realizado na Governadoria, no Centro Administrativo.

Zé Lins

Fátima senadora Petistas que observam as seguidas derrocadas políticas de Henrique Alves, João Maia e Robinson Faria começam a acreditar que existe um clima favorável para a candidatura de Fátima Bezerra ao Senado em 2014. Neste sentido, a eleição de 2012 já seria um trampolim para este projeto do PT do Rio Grande do Norte.

Rosalba e Edivan A governadora Rosalba Ciarlini recebeu, na tarde da sexta-feira (17), uma visita de cortesia do prefeito em exercício de Natal, Edivan Martins, para tratar sobre segurança

No processo n° 000100073.2009.8.20.0103, o Juiz de Currais Novos, Marcus Vinícius Pereira Júnior, condenou Zé Lins (dir) e Vilton Cunha, por ato de improbidade administrativa, resultando na pena de: a) suspensão dos direitos políticos pelo prazo de quatro anos; b) multa civil em 30 (trinta) vezes R$ 1.397,00 (um mil trezentos e noventa e sete reais); c) proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.

Rogério tuiteiro O deputado federal Rogério Marinho (PSDB) comentou a sua inclusão no levantamento feito pelo site internacional “Los 30 tuiteros”, entre os 30 políticos mais influentes do Brasil no Twitter.

Candidatura de Hermano a perigo divulgação

Sem conseguir crescer na preferência do eleitorado potiguar, o deputado estadual Hermano Morais (PMDB) poderá ter sua candidatura preterida novamente pelo PMDB em 2012. Segundo informações extraoficiais, existe uma articulação do senador José Agripino Maia (DEM) para oferecer o apoio do DEM à candidatura do deputado federal Henrique Eduardo (PMDB) à presidência da Câmara Federal em troca do apoio do PMDB ao candidato da base da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), o deputado federal Rogério Marinho (PSDB).


Potiguar 4:2.qxd 17/2/2012 19:20 Page 2

PÁGINA 4

EntrEvista

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

Daliana Cascudo Daliana Cascudo concedeu entrevista ao jornalista José Pinto Junior para o programa Conexão Potiguar. Confira: Qual a missão do Instituto Câmara Cascudo? O Instituto Câmara Cascudo funciona na casa onde vovô morou por quarenta anos, e a nossa intenção é preservar e divulgar cada vez mais o nome desse potiguar tão ilustre que é Câmara Cascudo. O Instituto está aberto de Terça a Sábado, das 9h às 17h. As pessoas que querem conhecer mais sobre Câmara Cascudo e suas obras podem se dirigir ao Instituto? Podem sim. A casa está aberta e não tem nenhuma burocracia, nesse horário que eu disse anteriormente. Nós atendemos escolas, turistas, e lá eles encontrarão não só todo o acervo museológico dele como todo o acervo bibliográfico também. Isso é uma aula de cultura e história do Rio Grande do Norte. Hoje faz 90 anos da Semana da Arte Moderna. Coincidentemente, hoje, dia 13 de fevereiro, nos 90 anos da Semana da Arte Moderna. É uma semana muito especial para a gente como também para a literatura brasileira. Câmara Cascudo teve uma amizade muito estreita com Mário de Andrade, os dois produziram muito, sendo ícones da cultura brasileira. Inclusive, há as cartas entre os dois que viraram um livro. Nós temos a grande honra dessa correspondência, que virou livro, ter ganhado, no ano passado, no quinquagésimo terceiro prêmio Jabuti, o prêmio na categoria de teoria crítica literária. Ele foi feito em uma parceria entre o Instituto Câmara Cascudo e o Instituto de Estudos Brasileiros (IEB). E, no livro, nós temos a troca

de correspondências deles, que se corresponderam por mais de 20 anos. Nesse livro, há muito da história e cultura brasileira. O interessante é que eles começaram a se corresponder em 1924 e isso se estendeu até 1944. Mário faleceu em 45, mas em 1928, ele esteve aqui a convite de Cascudo e conheceu o Rio Grande do Norte, ficando maravilhado. Inclusive, muitas das pesquisas, Cascudo que mandava as informações para o Mário, então ele era quase que um pesquisador de Mário também. É verdade. Vovô dizia muito que as cartas eram “cartas perguntadeiras”, então, a pesquisa não era feita no Google, era feita em livros realmente, e tudo o que eles queriam saber um do outro, eles se perguntavam através das cartas. Tem uma carta muito interessante em que Mário pergunta ao vovô “Ô Cascudo, jacaré dorme de olho aberto?” e ele responde que sim e dá milhões de informações e exemplos sobre isso. Esse é um exemplo bem humorado de como um ajudou e influenciou a obra do outro. Nessas cartas, há esse desenrolar da história de ambos, os livros que estavam produzindo, os sucessos, os fracasso, os que não conseguiram produzir nem terminar, a vida pessoal como a perda de um pai, o casamento de um, tudo isso de uma maneira muito amigável e muito íntima. Na forma de pensar o Brasil, parece que Mário era mais radical e defendia uma língua mais brasileira, enquanto que Cascudo era mais apaixonado pelo português mesmo. É verdade. O Mário era realmente o grande inovador, mas eu acho que uma coisa importante que essa correspondência mostra é ele (Mário) ter visto nesse intelectual de província, que era o vovô, em pleno anos 20 e que era um iniciante, e Mário viu naquele intelectual potiguar, lá na província pequenininha, um valor e uma brasilidade que ele tanto procurava. Foi um elo muito importante que uniu os dois. Mário terminou sendo padrinho do meu tio, do primeiro filho de vovô.

A semana de 22 mudou, inegavelmente, os rumos da cultura no Brasil, sobretudo na área da poesia, por exemplo. Mudou muito e a gente nota como eles discutem e debatem isso. A necessidade da literatura, da cultura e de tudo se debruçar sobre o Brasil. Por que a gente tinha que valorizar sempre o que vinha de fora, normalmente da Europa? A França era o grande berço que era tão imitado, tão valorizado. É verdade que Cascudo não gostava muito de escrever em forma de verso e que preferia a prosa? É verdade. Ele escreveu

alguns poucos poemas e normalmente não achava que eram dignos de publicação. Ele sempre gostou muito mais da prosa, até porque começou em jornal, sendo jornalista, em 1918. Essa foi a primeira vez que ele se colocou como escritor, não de livro, mas inicialmente de jornal. Poemas, ele fazia e mandava para os amigos como Mário e Manuel Bandeira, mas nunca fez um livro de poesia, ele não achava que era a sua seara em termos literários. Dizem que, por ele escrever muito, essas poucas poesias são numa quantidade que não cabem em um livro. Dizem também que elas estão escondidas, é verdade? É verdade e ele cita um

livro de poemas chamado “Brouhaha”, existe até um cd lançado pela Capitania das Artes que reuniu algumas dessas poesias e as musicou, resultando num trabalho muito bonito. Mas esse livro até hoje é inédito, nunca foi descoberto. Talvez, a gente possa encontrá-lo ainda e, quem sabe, publicá-lo. É verdade que são duzentas e trinta e duas obras? Sim. Temos 232 obras entre livros e opúsculos, que são com menos de 50 páginas, isso tudo é o que foi publicado. Após o falecimento dele, nós descobrimos duas obras inéditas que

já saíram: “A casa de Cunhaú” que saiu pelo Senado e fala sobre a genealogia da família Albuquerque Maranhão e tem “No Caminho do Avião”, que é interessantíssimo, onde ele era repórter que cobriu todos os aviões que vieram a Natal, entre 1932/1933, em forma de reportagem. Como se dá o encontro da obra de Câmara Cascudo com as novas gerações, com as escolas públicas e privadas? As escolas estão de parabéns. De uns cinco anos para cá, a gente nota uma evolução grande, uma proximidade maior de Cascudo com a escola, com o ensino fundamental. Nós vemos no Instituto Câmara Cascudo que 60% da nossa visitação são de escola, seja pública Diretor: José Pinto Júnior - DRT-RN nº 848

Um jornal a serviço de Parnamirim e do RN C.N.P.J: 05.585.247/0001-30 - Insc.mun. 004.456-3 Rua José Serafim Nunes, 145 - Vale do Sol, Parnamirim - RN - CEP: 59.143-265 - Telefax: 3272-1919 Home page:www.potiguarnoticias.com.br E-mail:redacao@potiguarnoticias.com.br / admpotiguarnoticias@gmail.com

Diretoria Comercial: (84) 3272-1919

“As escolas estão se aproximando mais da obra de Cascudo”

ou privada. Desde uma idade muito tenra, muito pequenininhos, eles já vão e já têm conhecimento da obra dele. O que ajudou muito nessa difusão foi que determinadas obras dele como “contos tradicionais do Brasil” foram adaptados para jovens e crianças, por exemplo, o conto “Princesa de Bambuluá” que foi feito um livro separado e ilustrado. Essa literatura, esses livrinhos têm servido como paradidáticos de escolas, desde muito pequeninos. Um episódio que eu sempre lembro com muita alegria, foi quando me convidaram para dar uma palestra sobre Câmara Cascudo, no colégio das Neves, e eu perguntei que idade tinham os alunos. Responderam-me que tinham quatro anos e eu pensei: nessa idade não tem que ser dada palestra nenhuma, então eu vou lá é conversar. Quando cheguei lá, eles estavam sentadinhos e todos tinham feito um monte de desenhos sobre Cascudo, sobre as lendas, motivados pela leitura desses livros paradidáticos, e eu perguntei se eles sabiam quem foi Luís da Câmara Cascudo. Eles disseram que sim e eu perguntei “quem foi?”, eles disseram: Era o homem que contava as histórias! Eu achei uma percepção bela e é uma esperança que nós temos de que as futuras gerações realmente cheguem com um conhecimento maior sobre ele e sobre a sua obra. Gostaria que você comentasse sobre o 53º prêmio Jabuti e outras publicações sobre Câmara Cascudo. Nós ganhamos esse prêmio de teoria e crítica literária com a obra “Cartas 1924-1944” de Cascudo com Mário de Andrade; e temos uma revista lançada pelo TCE em 30 de dezembro no Instituto, em homenagem ao aniversário dele que fala tanto de suas obras e do Instituto. O livro “Religião no Povo” foi relançado agora em 2011 pela editora Global de São Paulo que está relançando toda a obra de Cascudo. Desse selo da editora Global, quantos já foram lançados? Já temos trinta e cinco Editor: Cefas Carvalho

obras e vamos caminhando para chegar às famosas duzentas e trinta e duas. Onde os nossos leitores podem encontrar esses livros? Todos eles existem nas livrarias de Natal e, no próprio Instituto Câmara Cascudo, nós temos uma lojinha onde é possível encontrar todo esse material sobre ele. Fale-nos sobre o livro “Actas Diurnas”. Esse livro foi feito em parceria entre o Instituto e o Novo jornal com seleção de textos do jornalista Franklin Jorge das famosas Actas Diurnas que são artigos de jornal que ele escreveu de 1939 a 1960, então, algumas delas foram publicadas e estão nessa obra intitulada “Actas Diurnas”. A ideia de criar um instituto foi interessante porque tem um objetivo só, focado num nome só, com uma missão só que é fazer a obra de Câmara Cascudo permanecer viva no cotidiano potiguar. Nós temos muitos intelectuais potiguares como Diógenes da Cunha Lima, Vicente Cerejo, Deífilo Gurgel que faleceu recentemente, Enélio Lima Petrovick, também falecido, do Instituto Histórico-Geográfico, a nova geração como o professor Severino Vicente, Gutemberg Costa, que trilham esse difícil caminho do folclore, mas que são pessoas que trabalham com essa área. Em letras nós no núcleo de estudos Câmara Cascudo da UFRN o professor Humberto Hermenegildo, então temos muita gente nova pesquisando sobre cascudo. A gente quer mudar um famoso jargão que diz que Câmara Cascudo é muito comentando e pouco lido, então nós queremos dar condições para que ele seja muito comentado, mas também muito lido! Obras é o que não falta. São 232! Pode faltar leitor, mas obra não falta! Não, não falta! No nosso site, do Instituto, temos toda a biografia dele presente e muitas entrevistas e textos inéditos que os interessados encontram também. Basta acessar o site www.cascudo.org.br Administração e Finanças: Irandi M. Dantas Pinto Assinatura: (84) 3272-1919

Circulação :PARNAMIRIM, NATAL, MOSSORÓ, SÃO JOSE DO MIPIBU, NISIA FLORESTA, SENADOR GEORGINO AVELINO, GOIANINHA, CEARÁ-MIRIM, EXTREMOZ, SÃO GONÇALO, MACAÍBA, MONTE ALEGRE, GUAMARÉ, AREZ, BREJINHO, BOM JESUS, PASSA E FICA, CAMPESTRE, VERA CRUZ E NOVA CRUZ.


Potiguar 5:Coluna de Pinto Jr.qxd 17/2/2012 19:12 Page 1

Política

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

PÁGINA 5

José Pinto Junior jornalistapintojunior@gmail.com

De leitura e eleitorado Cultura popular O escritor Gutemberg Costa defende que as faculdades do Rio Grande do Norte criem uma especialização em Cultura Popular, a exemplo do de outros estados da federação. “Como isto, pode acontecer na terra de Câmara Cascudo?”, indaga.

O carnaval de Gutemberg O escritor Gutemberg Costa aprontou o livro: História do Carnaval de Natal, o qual inclui 500 fotografias. Agora luta por patrocínio para viabilizar a publicação.

Instituto Câmara Cascudo Bastante comentada a entrevista da neta de Câmara Cascudo sobre o Instituto Câmara Cascuso, na Band Natal. O vídeo pode ser conferido no portal: www.potiguarnoticias.com.br

Haja folia O prefeito Bibi Costa (PR) decretou ponto facultativo em todos os órgãos da prefeitura de Caicó nos dias 20 e 21 deste mês (segunda e terça-feira), em virtude da realização do carnaval. O mesmo decreto de número 282 determina que o expediente da quarta-feira de cinzas (22) será das 12 às 17 horas, e normalizado a partir da quinta-feira (23).

Ficha Limpa Candidtos condenados não poderão serem candidatos este ano. A decisão do Supremo decidiu sobre uma lei de iniciativa popular prevista na Constituição de 1988.

Cruz Vermelha A Cruz Vermelha Brasileira, filial do Rio Grande do Norte, lançará, logo após o carnaval, a ‘Campanha Abraçando a Vida’, com o apoio do Norte Shopping, Cidade Jardim e Praia Shopping. Contato: 84.3201.6400.

Os prefeitos da Grande Natal e do Rio Grande do Norte fazem a leitura da mensagem anual, como é de praxe, na metade do mês de fevereiro. Todos vão à Câmara Municipal e lá fazem uma prestação de contas do que foi executado e também do que se pretende executar. Mas, os prefeitos estão interessados mesmo na leitura que fazem os eleitores de seus mandatos. Afinal, ou deseja se reeleger ou eleger o seu sucessor. Os resultados das eleições de 2012, nos municípios, montará o quebra-cabeça do mapa de 2014. Neste aspecto, a Grande Natal, que concentra quase metade do eleitorado do Rio Grande do Norte, é observada com atenção. Para onde for o eleitor de Natal em 2012, apntará a estratégia de 2014. Se a oposição vence este ano, planta-se o discurso de eleição do ano da Copa. Se ganha um governista, renova o discurso da Rosa rumo à reeleição. O município de Parnamirim, terceiro maior do Estado, tem papel importante, na cidade Trampolim da Vitória três nomes se colocam: Maurício Marques, que busca a reeleição. Epifânio Bezerra, que tenta reunir a oposição; e Gilson Moura, que tenta viabilizar sua candidatura. Em São Gonçalo do Amarante, o prefeito Jaime Calado luta pela reeleição. Durante a leitura da mensagem, foi pacificador, como quem acredita numa composição com o grpo do Deputado Poti Junior. Por outro lado, este nem disse sim e nem disse não. Em Ceará Mirim, o prefeito Antônio Peixoto irá para a reeleição e enfrentará um nome do grupo de Geraldo Melo, ainda não definido.

Também concorrerão nomes como: Marcílio Dantas, Ronaldo Venancio e, possívelmente, um candidato do Partido dos Tranbalhadores. Em Mipibu, a prefeita Norma Ferreira perdeu força, e Arlindo Dantas deverá vencer as eleições. Em Nísia Floresta, até esta data, não foi anunciado o candidato de oposição à sobrinha do prefeito George Ney, Camila Ferreira. Graça Marques brigará pela reeleição ao enfrentar, pela segunda vez , o empresário Severino da Farmácia. Em Macaíba, importante colégio eleitoral, haverá uma briga familiar, envolvendo a prefeita Marília Dias, que deseja continuar no cargo, e seu ex-padrinho político, Fernando Cunha. Mas há mistério envolvendo três outras possíveis candidaturas: a do ex-prefeito Luizinho; a do PT e a de Valério Mesquita, que está momentaneamente impedido de se pronunciar sobre política partidária em função do Cargo que ocupa no TCE. O mesmo acontece em relação ao governo do Estado. A governadora Rosalba Ciarlini foi à Assembleia Legislativa ler a mensagem anual. Os aliados dizem que a fala é o prenúncio de um recomeço rumo ao desenvolvimento do Estado. Os adversários apresentam lacunas na fala da governadora. A leitura ainda não lida de todas as leituras até agora será feita após abrir as urnas em outubro. Desta leitura, será composto o mata da briga de 2014. Inclusive, com sugestões de nomes ou do nome que enfrentará Rosalba na luta de 2014.

Papo rápido com Fátima Bezerra É deputada federal pelo PT em seu terceiro mandato e já foi candidata a Prefeita de Natal Qual o seu olhar do PT de Natal? O PT está fazendo seu dever de casa, ele está se estruturando, se organizando, através das quatro regiões da cidade. E a senhora está otimista em relação as próximas eleições, porque pelas pesquisas Carlos Eduardo e Vilma de Farias dominam. Rogério Marinho cresceu, mas parece que estagnou, o DEM não disse exatamente a quem apóia. Qual o seu olhar sobre as eleições de 2012? Eu acho que o campo desses partidos que dão sustentação ao governo Dilma, campo esse que reúne o deputado Fernando Mineiro, nosso candidato pelo PT, Carlos Eduardo pelo PDT, e que, portanto, fazem oposição real ao governo municipal. Acredito que esse campo sairá vitorioso nas eleições de 2012. Eu acho que Natal aprendeu a lição, infeliz-

mente a gestão atual de Natal é um fiasco, é um desastre. As pesquisas mostram a situação do momento, o jogo mesmo só começa a partir do inicio do ano que vem, o momento de agora é para os partidos se organizarem, de regimentar forças, mostrar sua cara. E eu não tenho duvidas que estaremos juntos no ano que vem, e montado esse quadro de múltiplas candidaturas

eu não tenho nenhuma dúvida de que no segundo turno nós estaremos todos juntos pela cidade. E no âmbito do PT, o deputado Fernando está bastante motivado, preparado e o partido está unido em torno do nome dele e nós vamos para a luta. Agora, quero dizer que não estamos focados apenas nas eleições de Natal, por exemplo, temos Parnamirim onde somos aliados do prefeito Maurício Marques, que é um dos melhores gestores que esse Estado tem. E nós estamos empenhados na renovação do mandato de Maurício, assim como nos demais municípios da Grande Natal, o PT está se articulando. E em São Gonçalo, me parece que o PT apóia o prefeito Jaime Calado. Isso. Jaime Calado que vai para reeleição. Em Extremoz nós estamos com o nome do vice-prefeito atual que é o Gileno.

Ensino Superior I

Ensino superior II

Perda

Tramita no MEC a autorização que transforma a Facex em Centro de Ensino. O passo seguinte é o grau de Universidade.

A FARN conseguiu aprovar junto ao MEC a transformação de Faculdade em Centro de Ensino. Por isto mesmo, passa a ser chamada de UNI-RN.

A música do RN está de luto. Morreu o maestro Oswaldo D´Amore que consolidou a Orquestra Sinfônica do Estado (OSRN). O cancer o matou.

Esta estranha mania de ter fé na vida”

Milton Nascimento/Fernando Brant

Ielmo na Grande Natal O prefeito de Ielmo Marinho,Germano Patriota (PSD), reivindica que o município de Ielmo Marinho, que fica a 50 km de Natal, seja incluído na Região Metropolitana de Natal. “Com a construção do Aeroporto de São Gonçalo, ficamos muito próximos”, argumenta.

Mais carnaval Hoje (20), o bloco carnavalesco Sonífera Ilha irradiará alegria pelas ruas da Redinha. A concentração começa ao meio-dia no bar Pé do Gavião. O Sonífera Ilha é um resgate do bloco fundado na Lagoa da Ilhota duas décadas atrás.

Cursos O Projeto Miscelânea Cultural está com inscrições abertas, de forma gratuita, para os cursos que serão realizados em parceria com a Associação de Orientação aos Deficientes – ADOTE . Os cursos terão duração de cinco meses. Contato: 3205 – 2300.

Combater a pobreza Rosalba Ciarlini esteve com Dilma na última quinta-feira (16), em Brasília, na solenidade para anúncio de ampliação de crédito fiscal do Rio Grande do Norte em mais R$ 643 milhões para investimentos nas obras do PAC e em programas de combate à erradicação da pobreza.


máro 300 vestir esenover-

Potiguar 6:2.qxd 17/2/2012 19:03 Page 2

PÁGINA 6

Economia

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

história de sucesso

João Bezerra de Medeiros joaobezerra@digizap.com.br

Colaborou: rodrigo freire

Quebrando mais um paradigma

Outra vez o país presenciou mais uma quebra de paradigma nos seus mais de 500 anos de história. No último dia 13 de fevereiro, a Petrobras empossou a primeira mulher a presidir a empresa. Trata-se da engenheira fluminense Maria das Graças Silva Foster. Eleita pelo Conselho de Administração da Petrobras, Graça Foster substitui o economista baiano José Sérgio Gabrielli, que estava à frente da empresa desde 2005. Funcionária de carreira, com mais de 30 anos trabalhados, Foster atuava como diretora da Área de Gás e Energia e presidia desde 2007 a Petrobras Gás S.A (Gaspetro). Sob as bênçãos da presidente Dilma Rousseff, Graça Foster vai comandar uma das maiores empresas petrolífera de capital aberto do mundo. A primeira presidente da Petrobras, e a primeira mulher a presidir uma companhia petrolífera em todo o mundo, possui estreita relação com o estado do Rio Grande do Norte. Ela morou no estado onde atuou na implantação do Pólo Petroquímico de Guamaré e do Centro de Tecnologia do Gás (CTGás). Foster presidirá uma empresa que em 2011 obteve um lucro líquido de R$ 33, 313 bilhões.

Hotelaria espera um bom carnaval

Depois de ver o turista estrangeiro sumir das suas praias e amargar, em baixa, uma estação que deveria ser alta, o setor hoteleiro do RN ganha fôlego com o carnaval. A expectativa da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH/RN) é que o período de momo mantenha a taxa de ocupação entre 90 a 95%. O turista “galego” sumiu com a crise europeia; agora, quem marca presença é a classe média brasileira com o seu poder de consumo.

Vendas no varejo têm alta de 6,7%

Levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) destacou o volume de vendas do comércio varejista brasileiro que cresceu 0,3% em dezembro, em relação a novembro, e fechou o ano de 2011 com alta de 6,7. No último mês de 2011, a receita nominal também cresceu 0,3%, completando o 38º mês seguido de taxas positivas. No acumulado no ano, a alta foi de 11,5%. O setor de móveis e eletrodomésticos puxou crescimento no período.

Comemoração com promoção

O Boticário, maior rede de franquia de perfumaria e cosméticos do mundo, com 3.220 lojas em todo o País, comemora seus 35 anos de história – celebrados em 22 de março deste ano – com grandes surpresas para presentear o público ao longo de 2012. A primeira delas é a promoção O Boticário 35 anos, que vai distribuir, até dezembro, mais de R$ 1 milhão em prêmios.

Natal Shopping com nova comunicação

Dentro do seu processo de reformulação, o Natal Shopping mexeu na sua área de comunicação. Profissional já bastante conhecida no mercado, Suzana Schott assumiu a Assessoria de Comunicação do shopping com a missão de trabalhar o relacionamento entre lojistas, shopping e imprensa.

Dragagem do porto perto do fim

A Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN) anunciou que retomará as obras de dragagem do Porto de Natal ainda este mês com previsão de conclusão em março. O objetivo é aumentar a profundidade do Rio Potengi em 2,5 m, passando dos atuais 10m para 12,5m, permitindo a navegação de navios de até 60 toneladas e, consequentemente, viabilizando o sistema de cabotagem. 98% da drenagem já estão concluídos. O investimento total é de R$ 34,4 milhões em recursos do programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Frase que virou polêmica Desde 1986, durante o Plano Cruzado, desenvolvido pelo governo do presidente José Sarney, que a frase “Deus seja louvado” estampa as cédulas de dinheiro brasileiro. Porém, o Ministério Público Federal (MPF) solicitou a retirada da menção junto ao Banco Central. O motivo é que o Brasil é um país laico – independente de religião – e que tal frase é dispensável. Aguardemos novos passos dessa polêmica.

Os números da arrecadação

O Governo do Estado e o Sindicato dos Auditores Fiscais do RN se envolveram numa discussão esta semana sobre os valores da arrecadação de impostos. A divergência foi no número final da arrecadação. “De qualquer forma, sejam R$ 315 milhões, sejam R$ 308 milhões, obtivemos, em janeiro de 2012, a maior arrecadação de ICMS mensal da história do RN!”, disse em nota o SINDIFERN . Da contenda, a certeza: a máquina de fiscalização está eficiente, o contribuinte paga seus impostos e o governo... Bem, o governo precisa melhorar seus serviços.

BISCOITO DA SORTE “Viajar é preciso. De qualquer jeito” fotógrafo argemiro Lima, que adotou a bicicleta para viajar pelo rN

TettoSul: Telha de porcelanato e qualidade foto: revista deguste

Da reDação Do PN Entrevista com Gilson Ferreira, gerente de vendas da TettoSul Sua empresa é oriunda de Santa Catarina, o que motivou essa vinda para o RN, especificamente, para a cidade de Parnamirim? Qual o olhar dos empresários de Santa Catarina para o nordeste? A TettoSul é uma filial da cerâmica Ouro Branco, com sede na cidade de Sangão. São quatro unidades, das quais três fabricam telhas naturais e uma, a TettoGres, fabrica telha de porcelanato. Qual a diferença da telha de porcelanato para a telha que comumente vemos no RN? A telha de porcelanato é um produto inovador no mercado, a qual apenas 5% da população brasileira conhece e a diferença está no processo de fabricação. É um processo industrializado, onde as micropartículas são juntadas e colocadas num forno a 1.140 graus e saem revestidas com esmalte de porcelana. Diferente das cerâmicas naturais, convencionais, as cerâmicas de porcelanato levam até 8 dias para ficarem prontas. Devido a esse processo, ela tem uma durabilidade maior? Com certeza. A relação custo/benefício tem muita diferença da telha convencional. Em primeiro lugar, ela só usa 12 telhas por metro quadrado; em segundo; ela pesa 30 quilos por metro

quadrado, então o cliente tem uma série de vantagens ao comprar esse produto. Além disso, a telha de porcelanato é um produto para a vida inteira, pois ela não pega limo, não pega impureza da natureza, não fica verde, não pega mofo, tem fácil aplicação e lavagem. A telha de cerâmica atende a um público em geral ou é direcionada ao público A? Tendo em vista o custo

do produto, ele tem sim um público direcionado. É direcionado mais para a classe A e B. Além disso, é um produto muito indicado por profissionais da área, como arquitetos, engenheiros e construtores. Por sermos uma loja de fábrica, nós temos o produto no pátio à pronta-entrega, enquanto que os concorrentes chegam a levar até 30 dias para entregar o produto ao consumidor.


Potiguar 7:2.qxd 17/2/2012 18:04 Page 2

Cultura

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

Cefas Carvalho E-mail: cefascarvalho@gmail.com

Blog: www.cefascarvalho.blogspot.com

O CARNVAL DA MINHA DOR Cefas CaRVaLho O carnaval da minha dor começou em uma sexta-feira ensolarada como têm início os carnavais - sejam dolorosos ou não - em um ano qualquer e em uma cidade igualmente qualquer (o carnaval é igual em qualquer cidade quando o objetivo é sofrer, e não se alegrar. parafraseando Tolstói, todos os carnavais infelizes se parecem, os carnavais alegres é que são diferentes...) Mas, voltemos à minha dor... toda ela gerada pela Colombina, posto que eu era, novamente, o Pierrô. Há quantos carnavais vivíamos esta história insana, excitante, mal contada?... Havia uma década, suponho. Eu não sabia nada sobre ela, apenas seu nome - Miriam - que ela revelou por um deslize enquanto fazíamos amor embaixo do palco das autoridades que assistiam ao desfile das escolas de samba na cidade de... deixemos para lá. E chamemos minha amada de Colombina, que é como sempre a chamei e como ela gosta de ser chamada (isso a excita, presumo). O fato era que o que havia começado como uma fantasia (em todos os sentidos) passara a ser –pelo menos para mim – uma obsessão. Primeiro, nos conhecemos, entre o confete, a serpentina, o álcool e o loló, como todos se conhecem durante a folia, entre a superficialidade e o desejo... depois o beijo, o desencontro e, por fim, o reencontro na noite de terça-feira e terminar a noite – e aquele carnaval – entre lençóis no meu quarto de hotel. Trocamos telefone, mas, para quê? Jamais nos tele-

Candidatura Mineiro ainda não une o Pt Apesar de o Partido dos Trabalhadores (PT) ter fechado questão em torno da candidatura do deputado estadual Fernando Mineiro (PT) a prefeito de Natal, o partido não está fechado com o nome dele. Há uma ala petista que defende o apoio do partido ao ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), para formar um grupo forte em 2012 com a perspectiva de lançar a deputada federal Fátima Bezerra (PT) para o Senado em 2014.

fonamos. A não ser na véspera do carnaval do ano seguinte, quando ela avisou que novamente se fantasiaria de Colombina e que queria me ver outra vez de Pierrô. Passamos o carnaval entre encontros e desencontros, ela com Arlequins, eu com Odaliscas... tentei brigar, mas ela só queria se divertir. Jurei que no carnaval seguinte não passaria mais por aquilo. Tolice. Uma semana antes da festa momesca, a Colombina me ligou dizendo em que cidade passaria o carnaval lá fui eu atrás dela, rumo a prazeres carnais rápidos e uma dose considerável de sofrimento. Identifiquei-me com a música... "Um pierrô apaixonado, que vivia só chorando, por causa de uma colombina acabou chorando, acabou chorando...” (Pierrô Apaixonado, de Noel Rosa e Heitor Prazeres) Lá pelo quatro ou quinto carnaval que passávamos da mesma maneira, encontrando e desencontrando entre ladeiras, becos e multidões, tomei coragem e a pedi em casamento. Ela riu, argumentando que eu sequer a conhecia e continuou sua caminhada de Colombina desvairada, à procura de outras bocas, outros braços, outros pierrôs... Mas, na quarta-feira de cinzas

lá estava ela em meus braços... E eu tentando fazer com que nos víssemos em outro período que não no carnaval. Inútil. “Eu gosto das coisas assim...”, enfatizou, despindo suas roupas de Colombina. Enquanto ela pegava um táxi ao aeroporto (já morávamos em cidades diferentes) "O pierrô apaixonado chora pelo amor da colombina..." (Pierrot, de Marcelo Camelo, da banda Los Hermanos). Passam os meses e fevereiro se aproximou, como sempre, trazendo consigo o Carnaval. Não telefonei para a Colombina e tampouco ela me ligou. Fiquei em minha cidade, e vestime de Pierrô – pela última vez – para pular sozinho meu carnaval. Eis então que, entre lágrimas e cerveja, vi a Colombina – sim, só podia ser ela, era seu andar, seu jeito de mover os braços, de balançar os cabelos, de rir ao vento... - aos beijos com um Arlequim. Olhei fixamente para ela. Ela me viu e não esboçou qualquer reação. Era uma Colombina, mas, seria a minha Colombina? Que importava? Que mais havia a fazer? Comprei outra latinha de Skol e me entreguei à multidão que entoava uma marchinha qualquer, que aos meus ouvidos soava como a marcha fúnebre: eu estava condenado a ficar apaixonado pela imagem (literal e simbólica) da Colombina até o fim dos carnavais, ainda que toda Colombina que cruzasse meu infeliz caminho não fosse a minha... “Quanto riso, ó, quanta alegria, mais de mil palhaços no salão... O pierrô está chorando pelo amor da Colombina no meio da multidão...”

Vai que é sua, Galvão! A Associação Beneficente Galvão Bueno aprovou projeto de 2 milhões e 200 mil reais no Ministério do Esporte - informa o portal da FOLHA. O dinheiro é destinado à Escola de Formação de Pilotos. Procurado pela FOLHA, Galvão Bueno disse que vai pedir o cancelamento do projeto.

Centrais do Cidadão A Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (Sejuc), através da Coordenadoria de Atendimento ao Cidadão (Codaci), informa à população que, neste sábado (18), todas as centrais estarão fechadas para o período de carnaval. As 22 unidades reabrirão na quinta-feira (23).

PÁGINA 7

HOMENAGEM

Luto na música do RN João da Mata Faleceu um dos músicos e professor da nossa Universidade, maestro e violinista Osvaldo D’Amore que vinha lutando pela vida contra um linfoma (tipo de câncer que ataca o sangue). Nascido em Buenos Aires, Argentina, OsvaldoD’Amore começou estudar música com o pai aos 7 anos de idade. Radicado em Natal desde a década de setenta, recebeu da Assembleia Legislativa o título de Cidadão Norte-riograndense em 1994. Um dos criadores do Quarteto de Cordas da UFRN, Osvaldo esteve à frente da Orquestra Sinfônica do RN por quase vinte anos. Nos últimos anos, sem a OSRN e quase aposentado da UFRN, Osvaldo D’Amore vinha se dedicando ao projeto “Tocando a Vida”, onde desenvolvia aulas de iniciação musical com alunos da Escola Estadual Jean Mermoz, no bairro de Bom Pastor. À família nossos pêsames e o desejo de que Deus os

Maestro Osvando D´amore: Artista e pessoa querida no Estado conforte, ficando as boas lembranças e a saudade; aos seus alunos fica o aprendizado e a experiência passada pelo mestre; aos colegas professores a convivência compartilhada e voltada para cooperação e aos funcionários a espontaneidade e ações prestativas. “Não devemos nos lembrar deles com tristeza e sofrimento. Oremos, desejando-lhes paz, harmonia e felicidade. Assim, estaremos

ajudando os que nos são caros, os que deixaram o corpo carnal e continuam vivos!” Torcia muito pela recuperação do amigo Oswaldo. Maestro da Sinfônica. Integrante do quarteto de Cordas da UFRN que festejou muitas datas, inclusive a do dia dos mortos. Há poucos anos, o quarteto perdeu Miguel, seu violoncelista. Oswaldo tentava uma operação delicada. Melindrosa.


Potiguar 8:2.qxd 17/2/2012 19:09 Page 2

8

Potiguar Notícias | Segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

FESTA

FOLIA

SOLIDARIEDADE

Cepe: Carnaval da Saudade Cruz Vermelha lança campanha Santa Cruz realiza animada é sucesso e atrai público prévia carnavalesca “Abraçando a vida”

Foliões animados com o carnaval da Saudade do Clube da petrobras

No sábado dia 11, o salão de festas do Clube dos Empregados da Petrobras – CEPE, foi palco do 2° Carnaval da Saudade, um evento que tinha o objetivo de resgatar os antigos bailes de carnaval. O Clube gostaria de agradecer a todos que participaram e contribuíram para o sucesso da festa. Foi prazeroso ver muitas pessoas compreendendo o espírito da nossa prévia carnavalesca, vindo vestidos de fantasia, dançando frevo e cantando junto das orquestras que por aqui

passaram. Foram dois grupos musicais que lideraram a animação: a Orquestra Unidos no Frevo e Orquestra Reviver. Esperamos todos no próximo ano para dar continuação ao show. O carnaval foi registrado e podendo-se conferir as fotos de toda animação no site do clube: www.cepenatal.com.br. Segundo o presidente do clube Valcimar Meira, o sucesso do evento motiva a diretotia atual a investir em mais eventos do gênero durante o ano de 2012.

Contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas, cuidando da saúde e do meio ambiente, educando e contribuindo para a criação de emprego e renda. Com este objetivo a Cruz Vermelha Brasileira, filial do Rio Grande do Norte, lançará, logo após o carnaval, a Campanha ‘Abraçando a Vida’, com o apoio do Norte Shopping, Cidade Jardim e Praia Shopping. A Campanha ‘Abraçando a Vida’ terá início na Quarta-feira de Cinzas, dia 22, às 14h, no Norte Shopping e se encerrará em 15 de abril. Neste período, equipes da Cruz Vermelha manterão estande permanente nos três shoppings que apoiam a Campanha, para arrecadar donativos que serão utilizados em ações sociais nas comunidades carentes. As doações deverão ser produtos novos, principalmente material escolar. Além da arrecadação de donativos, a presença da

Cruz Vermelha no Norte Shopping, Cidade Jardim e Praia Shopping tem a finalidade de divulgar os programas sociais da entidade, engajar parceiros que possam contribuir financeiramente com as ações sociais e cadastrar novos voluntários. A Campanha ‘Abraçando a Vida’ tem como público alvo comunidades carentes e crianças e adolescentes em conflitos com a lei e suas famílias. A intervenção da Cruz Vermelha visa prevenir doenças e acidentes; reduzir a criminalidade, a violência doméstica e urbana, o uso de drogas e álcool, DSTs e gravidez na adolescência; preservar o meio ambiente; e criar meios de produzir empregos e renda. A Cruz Vermelha, Filial do Rio Grande do Norte, está localizada na Avenida Prudente de Moraes, 74, Petrópolis, em Natal, e atende pelo telefone 84.3201.6400. Veja: www.cruzvermelha.org.br

Moradores de Santa Cruz curtiram a festa da prévia de carnaval

A prévia carnavalesca do Centro, que aconteceu neste último sábado, dia 11, surpreendeu a população, aos turistas e toda a comunidade política que estava presente na cidade de Santa Cruz. A grandiosidade do evento de rua, que arrastou uma multidão de foliões desde o Bairro Paraíso, tomou conta das principais ruas da cidade embalados pelo som do Trio Paradise, tendo como folião mais animado o prefeito, Péricles Rocha, e a 1ª dama, Olga Medeiros. O cenário de grande festa já ia sendo determinado

desde o início da noite, durante a concentração carnavalesca no centro do Bairro Paraíso. O evento marcou a estréia do Trio Paradise, grande estrutura tecnológica de som, que irá embalar todos os dias do Carnaval de Santa Cruz. A prévia também mostrou a aprovação do povo ao novo modelo de carnaval instituído pelo prefeito, um carnaval feito pelo povo e para o povo. “O carnaval de Santa Cruz é 100% de rua. Hoje nosso folião tem total acesso a um carnaval tradicional, enraizado no frevo”, afirmou Péricles.


Municipios Capa_Cor:2.qxd 17/2/2012 16:55 Page 2

www.potiguarnoticias.com.br

Municípios Edição 412 | Parnamirim, 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

››

Vereador confessa influência no ITEP Pág. 3

legislativo

Câmaras Municipais da RMN iniciam trabalhos em 2012 Em todos os municípios da Grande Natal, as Câmaras Municipais iniciaram os trabalhos do ano com primeira sessão solene e a tradicional leitura da mensagem dos prefeitos. Em Natal, capital do Estado, a sessão foi realizada sob a presidência de Edivan Martins e, contradizendo as expectativas, a prefeita Micarla de Sousa apareceu na casa para fazer a leitura de sua mensagem. Em Parnamirim, o presidente da Câmara Rosano Taveira abriu os trabalhos e o prefeito Maurício Marques leu sua mensagem anual para os vereadores e os presentes (veja matéria completa na Capa do cader-

no Parnamirim). EXTREMOZ O prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, realizou, na manhã da quarta-feira, 15, a leitura anual da mensagem do executivo à Câmara Municipal de Vereadores. A cessão solene foi presidida pela presidente da casa, vereadora Lúcia Ramalho, com a presença dos vereadores Valdemir Cordeiro, Gilson Sales, Joaz Oliveira, Bruno Diniz, Djalma Sales, Arilândia Gomes e Kiara Lucy. A sessão recebeu a visita de lideranças, secretários municipais e do Comandante da Polícia Militar de Extremoz, tenente Leão. Em sua mensagem, o pre-

Prefeito KLauss, presidente Lucia Ramalho conduziram a sessão feito Klauss relembrou o caos administrativo que encontrou na prefeitura ao as-

sumir e da luta para conseguir trazer o desenvolvimento para o município. Entre

as inúmeras obras realizadas nos seus três anos de mandato ele frisou a recupe-

ração das estradas, reabertura de postos de saúde, valorização do funcionalismo público e da evolução na área da educação. O prefeito anunciou a construção de duas academias populares com recursos já garantidos, incentivo para agentes de saúde por meio da doação de uma bicicleta para cada um e a urbanização das barracas das praias de Pitangui e Genipabu. A presidente da Câmara, vereadora Lúcia Ramalho, reafirmou apoio a continuidade da atual administração, que, segundo ela, tem trazido obras revolucionárias para o município de Extremoz.

legislativo

sessão

São Gonçalo: Câmara inicia ano Legislativo Câmara de C. Mirim também abre trabalhos O presidente da Câmara Municipal de São Gonçalo do Amarante, vereador Geraldo Veríssimo, abriu na quarta-feiradia 15, às 10h, a sessão solene que oficializa o retorno das atividades legislativas, quando foi lida a mensagem anual do Prefeito Jaime Calado. A solenidade contou com diversas autoridades locais e a sociedade sãogonçalense. As dependências da Câmara Municipal ficaram lotadas. com centenas de populares querendo ver a sessão. Na ocasião, o presidente Geraldo falou sobre a harmonia entre os

Vereadores, pres. Geraldo Veríssimo e prefeito Jaime Calado poderes Legislativo e Executivo e falou sobre a dinâmica da Câmara. O prefeito jaime disser-

tou sobre as ações realizadas pela sua administração em 2011 e os projetos para este ano de 2012.

Na segunda Sessão Ordinária do ano, da Câmara Municipal de Ceará Mirim, realizada na terça-feira (14), os vereadores reiniciaram os trabalhos, apresentando várias reivindicações da população em plenário. As indicações presentes na pauta correspondem às necessidades da população residente na zona urbana e área rural do município. O presidente do Legislativo, vereador Ronaldo Venâncio (PMN), enviou ofício ao prefeito Antônio Peixoto, com cópia à Secretária Municipal de Educação, sugerindo a inclusão de mais um ônibus estudantil no período matutino com destino à cidade de João

Câmara para o Instituto Federal de Educação Ciências e Tecnologia do Rio Grande do Norte – IFRN. Carlos Alberto de Carvalho Pereira, vereador do (PSDB), também encaminhou ofício ao prefeito, com cópias ao secretário de Infraestrutura, sugerindo que parte do asfalto recebido como doação do Governo do Estado seja destinada para completar a RN-160, trecho que se inicia no CERU em Coqueiros até o trevo da BR-101 em Caiana. Franklin Marinho Barbosa de Queiroz Júnior, único vereador representante do (DEM) na Casa, solicita do Poder Executivo informações no tocante

ao corte de energia elétrica em vários prédios públicos de nosso município e sugere a reposição ou troca das lâmpadas queimadas das ruas Vereador Aurelino Marinho Queiroz e Heraclio Vilar, Coronel Felismino Dantas e Travessa São Francisco. Já o vereador Júlio César fez quatro indicações, a primeira delas, que seja encaminhado ofício à governadora Rosalba Ciarline e ao prefeito Antonio Marcos de Abreu Peixoto, solicitando informações sobre o local da construção do Centro Profissionalizante do município, a segunda, endereçada à Secretaria de Educação.


Municipios 2:2.qxd 17/2/2012 17:01 Page 2

PÁGINA 2

Municípios

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

são gonçalo do amarante

Prefeitura entrega incentivo cultural a blocos A prefeitura de São Gonçalo, por meio da Fundação Cultural Dona Militana e Secretaria Municipal de Comunicação e Eventos, reuniu no teatro municipal, na tarde de ontem (15), os representantes das tribos de índio e blocos carnavalescos do município. Na ocasião, o prefeito Jaime Calado realizou a entrega do incentivo cultural aos três grupos que ainda mantém a tradição das danças indígenas, e ainda distribuiu as camisas aos blocos de carnaval. Esse ano, a prefeitura atendeu a solicitação dos 57 blocos que vão cair na folia. Os integrantes das tribos e blocos agradeceram a Jaime por oferecer apoio ao movimento de carnaval das comunidades. “É com muito esforço que lutamos para manter viva essa tradição dos índios no carnaval e esse apoio que recebemos do prefeito Jaime Calado pelo terceiro ano é fundamental para a realização desse traba-

Equipe de Petróleo do MTE interdita guindaste da PUB-3 Em visita à PUB-3, nesta quarta-feira, 8 de fevereiro, a Equipe da área de Petróleo do Ministério do Trabalho e do Emprego interditou o guindaste com defeito o qual ocasionou o acidente que matou o técnico de segurança da Petrobras, Aldo Dias. Para o grupo de Auditores Fiscais, a medida extrema foi tomada por considerarem que o uso do equipamento significa um grave e iminente risco à segurança dos trabalhadores. Para que a empresa volte a utilizar o guindaste, terá de protocolar junto ao Ministério do Trabalho e do Emprego

lho”, disse Paulo, diretor da tribo Tupi Guarani. “Assim como outros municípios da Grande Natal, não temos uma tradição for-

te de carnaval, mas não podemos deixar de apoiar a festa daqueles que preferem ficar no município e brincar com suas famílias. Os diri-

gentes de blocos e tribos de índio estão de parabéns pela batalha de não deixar essa tradição cair no esquecimento”, declarou Jaime.

ação

MP dá prazo para Prefeitura apresentar documentos participaram os diretores Ibamar Costa e Josenilda Alves, além do assessor sindical Aldeirton Pereira. O objetivo do promotor era intermediar um acordo entre as partes para implantação do piso do magistério, no que não obteve sucesso. Mais uma vez, os representantes da prefeitura alegaram que não existem recursos para o pagamento do piso. O promotor Clayton Barreto de Oliveira então estipulou prazo de dez dias úteis, a contar da última quarta-feira, 15, para que a prefeitura apresente informações.

Ex-prefeito de Tibau diz que estranha decisão do TCE O ex-prefeito Sidrônio Freire, de Tibau, declarou que estranha a decisão do Tribunal de Contas do Estado em condená-lo a devolver mais de meio milhão de reais aos cofres públicos do município, assim como enviar a documentação para investigação do Ministério Público Estadual e Federal. Sidrônio Freire declarou que as contas dele referentes ao período de 1997 a 2003 foram todas aprovadas pelos vereadores de Tibau. Assegurou que as contas referentes ao período de 2004, último ano de sua gestão, ain-

uma solicitação de desinterdição, apresentando todas as providências constatadas pelos fiscais, que farão uma nova visita para averiguar as condições de uso do equipamento e, somente após isso, decidirão se o guindaste poderá ser utilizado ou não. A equipe de fiscalização também entregou à companhia vários autos de infração, alertando para focos de insegurança no local. Ao final, essas medidas, junto ao Laudo dos Auditores, serão encaminhadas ao Ministério Público para que este possa prosseguir com as medidas de sua alçada.

Petrobras é chamada ao MTE

Prefeito Jaime entrega material aos blocos

upanema

A implantação do piso salarial do magistério no município de Upanema foi parar no Ministério Público. Na última terça-feira, 14, o promotor público Clayton Barreto de Oliveira realizou audiência entre representantes da Prefeitura de Upanema e do Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais de Upanema (SINDSERPUP). Pela prefeitura, participaram a prefeita Maristela Freire, o secretário de Educação Inácio Araújo, o Controlador Gilvandro Fernandes, além de assessores jurídicos, enquanto que, pelo sindicato,

Sindipetro-RNotícias

da não foram apreciadas pelos vereadores de Tibau. Observou que o processo que o condenou refere-se ao ano de 2003. "Tô com minhas contas aprovadas". O ex-prefeito disse que tem, em mãos, certidões que lhe dão a certeza de que não existem contas para serem analisadas no Tribunal de Contas do Estado referente ao período de 2003, considerando que documentalmente consta que ele já teve as contas referentes ao período de 1997 a 2003 todas as aprovadas na Câmara Municipal de Tibau.

Nesta quinta, 9 de fevereiro, representantes da Petrobras foram convidados a comparecer à sede da DRT, na Ribeira, em Natal, para entregar documentos pendentes e a prontificar-se a estabelecer um diálogo com a equipe do TEM. A expectativa é de que as providências possam ser tomadas de maneira consensual o mais rapidamente possível. Entretanto, caso essa atitudes não sejam tomadas e a Petrobras discorde dos prazos que serão estabelecidos em um segundo momento pelos Auditores para resolução dos problemas, o embate partirá para o judiciário. No momento, como a equipe está no meio da elaboração do Laudo Técnico, o grupo prefere não divulgar detalhes de seus levantamentos. Porém, sabemos que os jornais e documentos que o SINDIPETRO-

RN entregou aos auditores orientaram a visita. Eles alertam que é necessária uma vigília permanente dos trabalhadores em relação à existência de focos de insegurança em seus locais de trabalho, e a denúncia dessas situações de risco ao sindicato, pois este é o principal elo de comunicação com o MTE. Neste momento, o anonimato será garantido. Em entrevista à assessoria de imprensa do SINDIPETRO-RN, os auditores lembraram que “para um trabalhador chegar a falecer, é porque houve uma série de irregularidades, procedimentos não cumpridos, além de manutenções que poderiam ter sido realizadas de forma diferente, que contribuíram para esta fatalidade. Também há agravantes como o fato do heliponto estar ocupado por containers”.

Ação itinerante Segundo o coordenador deste grupo de auditores fiscais, Rinaldo Gonçalves, essa ação de fiscalização vem sendo desenvolvida desde ano passado em todo Brasil. Sua atuação mais intensa fora na Bacia de Campos no ano passado, que obteve avanços consideráveis no quesito segurança. A vinda ao Nordeste já estava prevista, inclusive estavam sendo realizadas ações em Sergipe e no Ceará, porém, o acidente fatal do último dia 26 de dezembro acelerou a visita ao Rio Grande do Norte. Para o SINDIPETRO-RN existe na Petrobrás um descaso com a segurança. A empresa ainda é blindada ao cumprimento das recomendações do sindicato, mesmo com alguns instrumentos ainda tímidos como o Fórum de ESMS. No último dia 7 de fevereiro, por exemplo, a gerência do E&P respondeu à pauta de reivindicações desta entidade com declarações vagas em relação às exigências do SINDIPETRO-RN para a saúde e se-

gurança dos trabalhadores. Sem datas, sem precisar providências objetivas. Uma atitude que agrava ainda mais o sentimento de insegurança que trouxe a morte do petroleiro Aldo Dias. Apesar da ciência dos trabalhadores acerca dos riscos iminentes em seu ambiente de trabalho, a morte do colega gritou ao mundo que a Petrobras no RN é insegura, e nenhuma atitude preventiva foi tomada até agora, quase dois meses após o acidente. Para Márcio Dias, Coordenador Geral do SINDIPETRO-RN, as medidas rigorosas que o MTE está tomando estão de acordo com as expectativas da diretoria deste sindicato “Nós insistimos que a Petrobras deve atender toda a pauta de reivindicações entregue no último dia 27 de janeiro". Segundo ele, há ainda outro agravante à insegurança: a banalização dos contratos pela Petrobras e a licitação com base no menor preço, o que faz dos trabalhadores do setor privado as maiores vítimas de acidentes de trabalho.

Leia mais na página do Sindicato: www.sindipetrorn.org.br


Municipios 3:2.qxd 17/2/2012 16:23 Page 2

Municípios Evandro Vereador confessa influência no itep

POTIGUAR NOTÍCIAS

PÁGINA 3

Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

extremoz

Gilmara Costa Em sessão solene – para leitura de mensagem do prefeito de Extremoz - realizada na última quarta-feira, 15, na Câmara Municipal de Vereadores de Extremoz, o vereador e vice-presidente daquela Casa de Leis, Gilson Sales, confessou a sua influência no Instituto Técnico-científico de Polícia do Rio Grande do Norte (ITEP) por meio de sua esposa, Marcela Ferreira, que coordenava até o início desta semana o setor de identificação do órgão. Com o plenário repleto de populares e autoridades civis e militares, o vereador afirmou ter emitido mais de três mil carteiras de identificação para o município de Extremoz no último ano. A

facilidade, segundo ele, teria sido por causa de sua esposa, que é filha da prefeita de São José de Mipibu, a advogada Marcela Ferreira. Gilson é pré-candidato ao cargo de prefeito no município de Extremoz. O vereador também disse que a exoneração da esposa não os incomodou, pois a mesma poderá ocupar uma secretaria no município de São José de Mipibu, uma vez que sua mãe é a prefeita da cidade “ou até mesmo ficar em casa”, enfatizou. O vice-presidente da Câmara de vereadores de Extremoz disse só lamentar a exoneração da sua esposa por agora não poder mais trazer carteiras de identidades para Extremoz com tanta facilidade.

Borges

evandroborges@supercabo.com.br

a gestão pública municipal e a lei da transparência Normas legais. Modernização administrativa dos municípios. Encargos para o erário

Vereador Gilson Sales admitiu tráfico de influência dentro do Itep

saúde

rN registra mais dois casos de H1N1 A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), através da área técnica de vigilância da influenza e doenças agudas respiratórias, confirmou, nesta quinta (16), a identificação de mais

dois casos de H1N1 no Rio Grande do Norte. Um dos pacientes já está em casa e passa bem, e o outro ainda está hospitalizado, com quadro estável. Em 2012, já foram notifi-

currais novos

Contas de Geraldo Gomes e Zé lins analisadas na Câmara Vlaudey liberato Nos próximos meses, deverão estar chegando à Câmara Municipal de Currais Novos as contas do prefeito Geraldo Gomes, relativas ao ano de 2004, que tiveram parecer prévio contrário do Tribunal de Contas do Estado. Por sua vez, o ex-prefeito Zé Lins defendeu-se junto ao TCE sobre irregularidades nas contas da sua gestão no ano de 2005 e o relatório também passará pela votação dos vereadores. Para derrubar o parecer do Tribunal, serão necessários seis votos. Quem teria esses votos?

Geraldo Gomes, por exemplo, para os observadores, só reuniria esse número, se pudesse contar com os votos dos vereadores ligados ao deputado Ezequiel Ferreira e à viceprefeita Milena Galvão. Não é muito lembrar que a Lei da Ficha Limpa aprovada nesta quinta-feira (16) pelo STF estabelece: Rejeição de contas por irregularidades também serão consideradas ato doloso de improbidade administrativa. Por isso, a candidatura só será permitida se a decisão do Tribunal de Contas for suspensa ou anulada pela Justiça.

cados 11 casos suspeitos de H1N1, sendo 03 descartados e 04 confirmados, com 1 óbito. Os outros 04 casos ainda estão em análise. De acordo com Juliana Araújo, subcoordenadora de

Vigilância Epidemiológica, a Sesap já tomou todas as medidas necessárias para o controle da doença, como a descentralização de medicamentos para os hospitais e capacitação de profissionais.

A Lei denominada de transparência da gestão pública foi sancionada, ainda pelo Presidente Lula em 2009 – Lei Complementar 131/2009, alterando e aperfeiçoando a Lei de Responsabilidade Fiscal, no que diz respeito à visibilidade das contas públicas, pela via da informação pela internet. Com a edição da Lei da transparência, as contas públicas, em tempo real, serão informadas de toda a sua movimentação, desde a expedição na Nota Fiscal, o empenho, o comprometimento orçamentário, quem foi beneficiado com o pagamento, o contrato, enfim, a cidadania e a opinião pública poderão tomar conhecimento de todas as operações financeiras. A lei estabeleceu prazos para cumprimento dos entes federativos, chegando à previsão para os municípios, com até 50.000 habitantes, adaptarem-se até maio de 2013, sendo uma obrigação legal, para os gestores que tomarem posse a partir de janeiro de 2013. No texto da Lei, há uma asseveração à participação popular e o controle social, para o trato das finanças públicas, e a recomendação explicita para as audiências públicas na elaboração da Lei de Diretriz Orçamentária e na Orçamentária Anual, também contida, em outros diplomas legais, como é o exemplo do Art. 44 da Lei intitulada ‘Estatuto da Cidade’. O sistema jurídico nacional de natureza democrática, tendo como marco a promulgação da Constituição de 1988, incorporou a gestão democrática, estando incluída a participação popular e da cidadania, o controle social e as audiências públicas, colocando, lado a lado, o agente político e o cidadão, contribuindo para o debate das ideias, dos programas e das políticas, e do planejamento. A globalização da economia, com uma competição de mercado exigente, com novos conceitos e o ingresso do Brasil no rol dos

países emergentes, com crescimento econômico elevado acima da média dos países considerados do bem estar social, obriga uma contínua modernização no aparelho do Estado. Os municípios que se encontram apenados pela divisão do bolo tributário nacional, tendo chegado proporcionalmente a índices históricos de participação na partilha tributária com recordes negativos, além da estratégia escolhida para combate aos efeitos da crise internacional que afetou significativamente o Fundo de participação, somandose aos encargos administrativos e financeiros da descentralização administrativa em curso, imprime um aprendizado e desafios que precisam ser enfrentados. Desde a entrada em vigência da Lei de Responsabilidade Fiscal e as cobranças institucionais do Ministério Público e Tribunais de Contas, que se exige dos municípios uma transformação administrativa, com aquisição de sistemas de informática para a execução financeira e orçamentária, para a contratação de contadores e advogados com conhecimento de causa e permanente capacitação dos servidores. Esse novo contexto trouxe o planejamento para o cotidiano das administrações municipais, impondo reformas na organização administrativa, incluindo o controle geral e o funcionamento verdadeiro das Comissões Permanentes de Licitações, além de novos métodos e rotinas que anteriormente não ocorriam e, de certa forma, que oneram o erário. A gestão pública municipal, em face de todas as mudanças que estão sendo operadas, precisam ser revistas, atuarem de forma dinâmica e com eficiência, a fim de poderem corresponder a este novo quadro da contemporaneidade, chamando à participação os atores sociais para se cobrar a divisão das responsabilidades e mais solidariedade, e respondendo as exigências das normas legais.


Municipios 4 e 5 cor:2.qxd 17/2/2012 16:42 Page 2

PÁGINA 4

Municípios

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2011 - segunda-feira

produção

Clesio Breseghello Temos realmente privacidade em nosso lar? CLESIO BRESEGHELLO Construtor por opção Criador do Conceito Veredas de urbanizar A busca por privacidade, no aconchego do lar, é desejo de todos. Quando se tem a verdadeira privacidade e consciência de que ela existe, goza-se de liberdade, e o ser humano é o que realmente carrega na sua essência, pois acredita não estar sendo “observado” de nenhuma forma. A privacidade, no tocante ao seu lar especificamente, é algo muito difícil de alcançar com as formas de urbanização que predominam no Brasil. Isto porque, a concentração urbana caminha na contra mão da privacidade. Falo da privacidade não só em relação à visão mas também dos sons e odores. A escolha de morar em um apartamento que, de imediato, mostra privacidade, pelo bloqueio da visão direta às suas janelas, traz consigo um relativo isolamento, mas, faz com que seu vizinho de baixo conheça a sua maneira de viver, seus horários de chegar e sair, seu temperamento e tudo o mais, pelo som propagado através do piso. É claro que também você se torna conhecedor do que se passa acima do seu teto. Não estou falando do ruído que incomoda pela altura, e sim daquele que lhe conta a vida alheia e faz saber ao outro, da sua vida, comprometendo a privacidade de ambos, através dos passos e outros sons que expõem a sua maneira de viver, fazendo com que, após algum tempo, você seja “íntimo” de quem vive acima ou abaixo. Cabe salientar que, ao escolher um edifício com um único apartamento por andar, você foge dos ruídos perturbadores, mas não goza da mistura de sons que pode lhe dar um pouco de privacidade. Antes da compra ou aluguel de um apartamento, permaneça no mesmo por algum tempo, em horários diferentes, converse sobre isso com os vizinhos e, principalmente, procure saber quem construiu os mesmos, pois existem construtoras que os fazem com maior

observância do quesito ruído inferior e superior. Observe também que, em áreas de grande densidade e verticalização, o morador de um apartamento também está sujeito à questão visual e odores, não só dos vizinhos, mas da região onde se localizam. Quando a escolha é por morar em uma casa, não se tem a intimidade dos sons, acima e abaixo, mas dos lados, tendo que se levar em conta a visão direta das janelas, os aromas e odores. Discute-se muito, nas revisões de Planos Diretores dos Municípios, sobre qual seria o tamanho mínimo ideal de um lote residencial, para trazer conforto e privacidade, porque não dizer dignidade, a uma moradia, algo que ainda não foi solucionado. A valorização do m² de áreas urbanas trouxe consigo o adensamento, com diminuição do tamanho dos lotes, que, em alguns municípios, em caso de construções geminadas, podem estar abaixo dos 80m² para cada moradia, comprometendo diretamente a privacidade. A colocação de muros altos, afastando a visão direta, não afasta o reconhecimento de sons e cheiros e ainda compromete grandemente a ventilação e a livre incidência do sol, recursos naturais tão importantes à qualidade de vida buscada por todos. Se finda, criando pequenos recipientes, abertos apenas na parte superior e, como o homem não pode voar, está preso em sua “gaiola” chamada lar, onde, apesar de fechado, continua não tendo a tão buscada privacidade. Ao escolher uma casa para alugar, ou um local para construir , não deixe de observar estas condições. Não é por ser um lote pequeno que deve ter muros altos; não é por ser uma casa pequena, que deve ser fechada, quente ou escura. Os princípios de sustentabilidade trazem consigo a privacidade tão desejada, ao utilizá-los em sua casa, a atenção principal dos vizinhos, deixa de ser a moradia e as pessoas que ali estão e passam a observar o conjunto formado, o que sempre aumenta a sua privacidade.

Lavoura de acacaxi muda vida de assentados em Ielmo Marinho Com organização e força de trabalho, o assentamento “Ramada I” no município de Ielmo Marinho, a 57 km de Natal, transformou-se em um eficiente e prolífico produtor de abacaxi. Pelas grandes potencialidades na produção da fruta, incentivos e uma cultura já consolidada, o município é o maior produtor da fruta do Rio Grande do Norte.

As 30 famílias que fazem parte da Associação de Desenvolvimento Rural Sustentável produzem as frutas em suas próprias terras no assentamento. A coletividade dos agricultores tornouse modelo no Estado pela sustentabilidade, já que o que se ganha com a venda dos abacaxis, retorna para o assentamento em forma de investimento.

PARCERIA Além do cultivo da fruta, foi realizada uma parceria entre o Banco Mundial e a Prefeitura da cidade para a criação da fábrica de polpas de frutas e doces, que aumenta ainda mais os recursos para o município. O prefeito Germano Patriota é entusiasta da cultura do abacaxi e da produção da fruta em assentamentos.

agricultura

Prefeitura de Apodi lança programa de corte de terras Mais de seis mil horas de trator para o corte de terras para os Agricultores da Agricultura Familiar serão garantidas pela Prefeitura do Apodi via Programa de Corte de Terras que será lançado na cidade na manha dessa terça-feira no largo da Igreja Matriz da cidade. De acordo com o secretario de Agricultura, Elton Rosenberg, através do Programa Corte de Terra, nos últimos três anos, foram cortadas mais de 10 mil ho-

ras de terras sendo em: 2009: 2.500 horas; 2010: 3.000 horas; 2011: 4.500 horas e, para 2012, temos uma meta de cortamos mais de 6.000 horas. Esse programa tem melhorado muito a renda dos agricultores do nosso município, garantindo, assim, uma economia no preparo da terra de 70% e, em algumas situações, em até 100%. A prefeita, Goreti Silveira Pinto, vem dando todas as condições necessárias à coordenação do Programa

Corte de Terra 2012 para que os pequenos produtores rurais e agricultores familiares do município venham a ser atendidos com o programa. Nesses três anos de gestão, a prefeita Goreti Silveira Pinto fez a aquisição de novas máquinas e implementos como: 03 tratores 4x4 e uma grade aradora no valor de R$ 240 mil; compramos mais 02 tratores 4x4 no valor de R$ 166 mil e vários implementos agrícolas.


Municipios 4 e 5 cor:2.qxd 17/2/2012 16:42 Page 3

Municípios

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2011 - segunda-feira

PÁGINA 5

Claudino Janduís inaugura reforma de unidade de saúde Leite obra

proporObjetivando cionar um melhor atendimento em saúde nas comunidades rurais do município de Janduís, a Prefeitura inaugurou, no dia 12, a reforma da Unidade de Saúde Dionísia Ferreira da Silva. Recursos da ordem de R$ 110 mil do Ministério da Saúde, através de emenda parlamentar da deputada federal Fátima Bezerra, com contrapartida da Prefeitura de Janduís, foram investidos na reforma da antiga Casa de Parto da comunidade de Permissão, inaugurada durante a primeira gestão do prefeito Salomão Gurgel, no ano de 1986. Cerca de 500 pessoas compareceram à cerimônia, inclusive a família da home-

nageada que, ao ler sua biografia, lembrou o espírito abnegado e a disposição de ajudar ao próximo da senhora Dionísia Ferreira da Silva, escolhida pela própria comunidade, para dar seu nome à “Casa de Parto”, na época em que foi inaugurada. No evento, estavam presentes o prefeito Salomão Gurgel, secretários e coordenadores municipais, vereadores, representantes de partidos políticos, associações comunitárias da zona rural e de organizações nãogovernamentais, representantes da empresa responsável pela obra e a comunidade, como um todo. O gestor lembra que a Casa de Parto foi uma experiência que, efetivamente,

claudinoleite@bol.com.br

PR Martim Alves é o novo presidente da Assembleia de Deus

funcionou. Contudo, ao assumir o seu segundo mandato, no ano de 2005, o local estava destruído e sem condição alguma de prestar qualquer tipo de serviço à comunidade. “Então, veio a ideia de re-

cuperação da Casa de Parto com uma nova visão na área de saúde”, afirmou o prefeito de Janduís, que garantiu recursos junto ao Ministério da Saúde para a realização da obra.

ação

Prefeito de Carnaubais trabalha pelo município A Prefeitura de Carnaubais vem investindo no município. A Secretaria de Educação do município estará entregando quatro laboratórios de informática, serão contempladas as escolas Scília Medice na Vila nova, Antonio Oliveira na Arenosa, Padre José de An-

chieta no Pacheco e Escola Frei Damião no Assentamento Canto Comprido. “Desta forma, estaremos levando às comunidades rurais do nosso município este revolucionário instrumento para o desenvolvimento do conhecimento. Todos os centros serão dotados com

internet”, afirmou o prefeito Luizinho Cavalcante. “Estive, mais uma vez, na capital do estado, fui especificamente, mais uma vez, à Caixa Econômica, tratar sobre a liberação dos recursos do campo de futebol e da quadra. Graças a Deus que conseguimos liberar as duas

medições, Estamos trabalhando mais um projeto habitacional para o nosso município, será construído mais um conjunto residencial no perímetro urbano e demais na zona rural substituindo casas de taipa por casas de alvenaria”, completou o prefeito.

festa

Carnaval em Guamaré tem Saia Rodada e Grafith

“Deus me revelou que eu seria presidente da Igreja Assembleia de Deus no Estado do Rio Grande do Norte”, disse o pastor Martim Alves da Silva, após tomar conhecimento do resultado da eleição ocorrida sábado, dia 11 de fevereiro, elegendo-o como o novo presidente da maior igreja evangélica do Estado que, pela segunda vez durante sua história, teve um processo eleitoral para escolher o seu novo líder, face a jubilação do pastor Raimundo João de Santana, que completou 87 anos. O processo sucessório é resultante da determinação estatutária que prevê a eleição do substituto pela Assembleia Ministerial, por ocasião da vacância do cargo. Aos 58 anos, o pastor Martim Alves da Silva, da cidade de Mossoró, Oeste potiguar, comandará a maior agremiação religiosa norte-rio-grandense. Ele obteve 190 votos, o que representa 61% dos votos válidos, enquanto o seu concorrente, pastor Ivan Gonçalves de Oliveira, de Nova Cruz, na região Agreste, teve 122 votos, representando um percentual de 39% dos votos válidos. O colégio eleitoral que elegeu o novo presidente da Assembleia de Deus foi constituído por pastores evangelistas, totalizou um universo de 360 eleitores. A votação aconteceu das 9 às 15 horas, do sábado, 11 de fevereiro, transcorrendo dentro de um clima de normalidade e espírito cristão. O pastor Ivan Gonçalves reconheceu com grandeza de espírito o resultado das urnas, parabenizando o presidente eleito e rearfirmando o seu desejo de colaborar com a sua administração para que realize um trabalho de reestruturação da Assembleia de Deus em todo o Rio Grande do Norte. Na próxima sexta-feira, dia 2 de março, às 19 horas, a Assembleia de Deus se reunirá em Assembleia Geral, com seus membros, para homologar a decisão da Assembleia Ministerial, visto que a Igreja jamais irá se opor ao resultado obtido nas urnas. A posse do novo presidente deverá ocorrer até o final de abril. Após os cumprimentos e as felicitações recebidas, o pastor Martim Alves concedeu entrevista à Rádio Nordeste Evangélica, agradecendo a confiança daqueles que optaram por ele, expondo seus planos e projetos para um novo desafio em sua vida ministerial.

Seminário de Missões

Está previsto, para realizar-se quinta-feira, dia 5 de abril vindouro, às 18h30, o 1º Seminário de Missões em Natal, organizado pelas agências missionárias Povos e Apologética Cristã. O evento será realizado no Complexo Cultural de Natal, na Zona Norte, prédio onde funcionou a antiga Penitenciária João Chaves. Na oportunidade, o pastor Russel Shedd, boliviano radicado há anos no Brasil, ministrará palestra sobre Bibliologia e Missões, além do pastor Jamierson Oliveira, jornalista e editor editor, paulista, também estará presente abordando o tema Missões Apologética.

Evangélica

A cidade de Guamaré consagrou-se como um dos melhores destinos para quem procura alegria e diversão no carnaval. Com uma programação de grandes atrações e festa aberta ao público, a Prefeitura da cidade aguarda por cerca de 60 mil pessoas nos seis dias de folia. Atrações como Ricardo

Chaves, Chicabana e Forró Pegado levaram centenas de foliões às ruas nos primeiros dias da festa. A programação continua com Banda Grafith e Inala, no dia 20; Banda Voa Dois e Phapirô na terça-feira (21); e, no encerramento, Aviões do Forró Elétrico; e Banda Saia Rodada na quarta-feira (22).

Da Assembleia de Deus em Brasília (DF), ex-presidencial Marina Silva trabalha para sair o isolamento imposto pela derrota nas eleições de 2010. Sem filiação partidária desde que se desligou do PV, sigla pela qual conquistou quase 20 milhões de votos como candidata à Presidência da República, tem encontrado dificuldades para criar uma legenda a sua imagem e semelhança.

Vereador

Osório Jácome de Mesquita, um dos pastores da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo de Natal, suplente de vereador pelo PMN, assumiu a titularidade do cargo, na vacância do titular Heráclito Noé, que foi designado, pela prefeita Micarla de Souza, chefe de Gabinete Civil da Prefeitura de Natal.


Municipios 6:Potiguar 6 x 3.qxd 17/2/2012 17:04 Page 2

PÁGINA 6

Municípios

POTIGUAR NOTÍCIAS

Cesário Batista um símbolo do movimento social camponês

eclodiu a Ditadura Militar. “Em 1964, acabou-se tudo mesmo!”, comenta Batista, acrescentando que, depois do exílio de Zé Rodrigues, assumiram a Fetarn José da Cruz (Ceará-Mirim), Joaquim Coutinho e Francisco Urbano (São Paulo do Potengi). Cesário chegou a presidir a entidade de 1974 a 1978. “Eu era da direção estadual e fazia reuniões em todo o Estado, mas sempre acompanhado de um militar”, cita o agricultor, que se despediu do movimento sindical em 1983.

RÔMULO ESTÂNRLEY Reconhecido em todo RN como um grande ativista na história do movimento social camponês, Cesário Batista da Cruz nasceu no dia 11 de fevereiro de 1924, no município de Ipanguaçu. É o segundo de onze filhos do casal Gonçalo Batista da Cruz e Maria Petronila Rodrigues. Durante sua adolescência, se mudou, juntamente com sua família, para vários municípios do RN, talvez pela atividade do seu pai, que era salineiro (vendia e trocava sal). Mas Cesário confessa que nunca estudou, talvez pelas dificuldades do seu tempo, embora seja alfabetizado. “Fui matuto na estrada tangendo burro. Foi essa a minha escola”, diz, com bom humor. Aos 12 anos, saiu de Ipanguaçu para São Tomé. Após seis anos, foi para Lagoa Nova, hoje Riachuelo. Depois de uma década, já com quase 30 anos, retornou para sua terra natal, para trabalhar com carnaubais (palha da palmeira da carnaúba). Após essa fase, se mudou novamente, desta vez para Ceará-Mirim, para trabalhar em vazante (plantação de milho e feijão). A vinda de Cesário Batista para Macaíba foi motivada pela prisão de seu pai, Gonçalo Batista, na Colônia Penal e Agrícola João Chaves, em Jundiaí, que havia começado a ser construída em 1953, durante o governo Silvio Pedroza (somente foi concluída por Monsenhor Walfredo Gurgel, em 1968). Naquela época, os detentos tinham o direito de trazer suas famílias para as proximidades do presídio de segurança máxima estadual. Por volta de 1960, casou-se com Anália Bernardo Torres, com quem teve cinco filhas: Maria da Conceição, Maria de Lourdes, Maria dos Prazeres, Maria Bernadete e Maria Auxiliadora. Hoje, aos 88 anos, é avô de cinco netos e bisavô de três bisnetos. LUTA SINDICAL Numa entrevista, Cesário Batista contou que ingressou no movimento sindical rural atendendo convite do padre Alcides Pereira da Silva, pároco de Macaíba, de 1960 a 1972. Ao comparecer a uma das missas celebradas pelo pároco, este o convidou para uma reunião com vários trabalhadores

Ex-sindicalista, hoje com 88 anos de idade, atuou num período conturbado da política nacional

rurais. O objetivo era fundar o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Macaíba, o que de fato ocorreu, em 1º de fevereiro de 1963. “Como sempre gostei de participar das coisas, fui para esse aí”, justificou Batista, que entrou na história como o primeiro presidente do sindicalismo rural macaibense. Exerceu o cargo por dois mandatos. Para entender melhor o contexto histórico, em meados de 1950, a Igreja acompanhava a tensão no campo, atenta não só à pobreza crônica mas também ao surgimento e à expansão das Ligas Camponesas, que atuavam junto ao Partido Comunista, considerado ateísta pela instituição, que não se contentava em agir apenas junto à população, como também procurava provocar a ação do poder público, propondo e cobrando iniciativas governamentais para melhoria na vida dos trabalhadores rurais. A Igreja procurava manter uma posição de centro, na qual padres e bispos se pronunciavam contrários ao comunismo, embora também rejeitassem os efeitos negativos do capitalismo. Isso os colocou numa posição de relativa ambigüidade. Diante do contato com a realidade dos trabalhadores no interior, parte da Igreja passou a ver, nos sindicatos, uma perspectiva de avanço social. Sob a orientação de Dom Eugênio de Araújo Sales, os padres tomaram para si a res-

ponsabilidade de orientar os trabalhadores rurais a fundar sindicatos rurais, com autorização governamental. Tratavase de atuar politicamente em defesa da fé católica, conforme declarou certa vez monsenhor João Penha Filho. Cesário Batista militou ao lado do jovem agricultor de Pendências, José Rodrigues Sobrinho – hoje, presidente da Cut –, recrutado por João Penha para participar da Juventude Agrária Católica (Jac), cujas perspectivas de mobilização social eram incentivadas também pelo padre José Luiz (pai do nosso editor Cefas Carvalho). Os primeiros sindicatos, a exemplo das Ligas Camponesas, foram organizados legalmente sob forma de associações. Assim, driblavam a retrógrada legislação trabalhista. Mais tarde, com as melhorias na legislação sindical do governo João Goulart, o reconhecimento dos sindicatos potiguares foi rápido e fácil. O primeiro a ser fundado no RN foi o de Serra Caiada, sucedido pelos de Macaíba, São José do Mipibu, São Paulo do Potengi, Pendências, Ceará-Mirim, Canguaretama e Santana do Matos. Juntos, eles deram origem à Federação dos Trabalhadores Rurais do RN (Fetarn), em 1º de janeiro de 1962. O primeiro presidente da entidade foi o próprio Zé Rodrigues. Mas a luta sindical sofreu um duro golpe em 1964, quando

POLÍTICA No início dos anos 80, Cesário Batista fez a ponte do sindicalismo com a política partidária, ajudando a fundar o PT. Mas, antes, consultou monsenhor Expedito e este teria lhe alertado: “Cesário, não se meta nisso, não, que isso é difícil”. Mas o futuro petista perseverou. “Como eu disse que topava...”. Percorreu novamente o RN, ao lado de professores e universitários (entre eles, Fernando Mineiro, hoje deputado estadual), para fundar trinta diretórios da legenda, a pedido do próprio Lula, que chamava Batista de “Rio Grande”. “Foi muito pesado e muito difícil”, relembra. Em 1981, para fundar o diretório do PT macaibense, convidou primeiramente Romeu Bezerra, que era filho do seu amigo Romão. Depois, vieram João César, Chagas, Chico Lezo e Gunter. O primeiro candidato a prefeito foi Zé Vicente, em 1982. Cesário Batista foi candidato a deputado federal. Indagado do porquê não ter mais se candidatado a cargos eletivos, respondeu: “Não fui mais candidato porque tinha medo... de ganhar”, brincou. Ele mencionou que acreditava que teria sido eleito para vereador. “Eu queria algo mais difícil”. O aposentado hoje desfruta a vida numa granja na zona rural de Macaíba. “Não quis mais saber de política. O que eu já tinha de contribuir, eu já contribui”, finalizou, avaliando que a sua luta e de seus companheiros foi importante, porque, ao longo da história, foi possível colocar as reivindicações da agricultura camponesa na agenda política dos governos, além de ver Lula presidente do Brasil e a continuidade do sonho que ainda não é o ideal, mas que foi um grande passo para o fortalecimento da democracia.

Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

Rômulo Estânrley romulocidadania@bol.com.br

Vereadores votarão prestação de contas de Dr. Fernando

A Câmara Municipal de Macaíba estará votando, nos próximos vinte dias, a prestação de contas referente ao ano de 2008 da segunda gestão do ex-prefeito Fernando Cunha Lima Bezerra (PMN). A papelada foi encaminhada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) em meados do ano passado. O órgão estadual aprovou os números apresentados, mas são os vereadores que darão a palavra final. Segundo o presidente Thomás Sena (PMDB), a Câmara tem um prazo de 15 dias para devolver o processo para o TCE, a contar da data de votação dos vereadores, prevista para o dia 8 de março. No último dia 16, o processo foi submetido para a Comissão de Finanças e Orçamento, cujos integrantes são Rita de Cássia de Oliveira Pereira (PMDB), Silvan Freitas (PSL) e Socorro Nogueira (PT do B). A polêmica foi puxada por Francisco Fernandes Maia (PSDB), que pediu vistas do processo “para analisar e dar um voto consciente”. Os colegas Eduardo Santos (PR), Aluísio Sílvio Soares (PMDB) e Antônio França Sobrinho (PTN) rebateram o tucano alegando que o processo enviado pelo TCE, para que a Câmara possa dar o seu veredicto, não caberia mais apreciação, tendo em vista o tempo em que se encontra naquela Casa.

Piolho

Maia argumentou justificando que a mesa diretora estava descumprindo o Regimento Interno em não acatar o seu pedido, afirmando que o processo nunca foi colocado em pauta. “Eu não posso ir na cabeça dos outros como piolho”, disse Maia. Para minimizar o impasse, Sena, que respondeu que havia colocado em pauta em sessões anteriores, submeteu o pedido de Maia para votação, sendo rejeitado por 9 votos contra 1.

Estranho

No calor das discussões, o vereador Maia falou que exerce o mandato de parlamentar há quase vinte anos, dezesseis deles na oposição. Ao concordar com o colega, Eduar do Santos (Rôdo) confessou estar estranhando o fato de Francisco Maia estar questionando a decisão da Câmara, uma vez que o parlamentar passou os oito anos da gestão anterior na oposição.

Murro na mesa

O pedido de vistas do processo foi feito por Socorro Nogueira e, depois, pelo Rôdo, meses atrás. Eduardo contratou uma assessoria para analisar os balancetes e alega ter encontrado indícios de irregularidades. Mas o estresse tomou conta da sessão, com direito a murro do Rôdo na sua mesa: “Peça vistas na ‘roubalheira’ que vou apresentar aqui”, bradou Eduardo, sendo aplaudido pela platéia presente, que lotou o prédio.

Reprovação

Nos bastidores da política macaibense, comentase que a maioria dos vereadores estaria disposta a reprovar as contas do ano de 2008 do ex-prefeito Fernando Cunha. Há quem acredite que isso o impedirá de concorrer a eleição para prefeito deste ano. Se tal entendimento ganhar forma, o caminho estaria livre para a reeleição da prefeita Marília Dias (PMDB).


Municipios 7:2.qxd 17/2/2012 17:09 Page 2

EspEcial

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

PÁGINA 7

Silvio Santiago O jornalista e militante cultural Silvio Santiago completou idade nova na sexta dia 17. A coluna deseja sucesso e felicidade a Silvio.

Baile das Kengas Na sexta dia 10, foi realizada, na boate Vogue, a festa do Baile das Kengas, organizada por Lula Belmont (na foto com amigas e com Shakira). Um sucesso que reuniu centenas de pessoas.

Idade nova

A jornalista e marketing Gleide Geane Alves, que trabalha no jornal Metropolitano e já foi funcionária deste PN, mudou de idade no último sábado dia 18. A equipe do PN deseja os parabéns e felicidade.

Nahud e Paula Braz

Roberto Lucena

Teotônio Roque

O jornalista Antônio Nahud Jr. comPaula Braz é diretora e coreógrafa da Cia Xamã Tribal em Rio Claro (SP). Está em Natal para apresentar a coreografia autoral intitulada "Que Tem a Capacidade de Voar".

O jornalista Roberto Lucena - ex-repórter deste PN comemorou aniversário no último dia 17.

O fotógrafo e militante cultural Teotônio Roque fez aniversário no sábado dia 18. A coluna deseja felicidades ao amigo.

Shows no Beco da Lama

Durante a manifestação contra a proibição de shows no Beco da Lama, Ricardo Nelson, Marcelo Veni e Neide (do Bar da Meladinha).

Exposição fotográfica Aberta há duas semanas, a exposição de fotografias de Antonius Manso (Delirius Cristivus) com o tema das Kengas ficará no Bardallos até o dia 29 deste mês. Na foto, o artista com o também fotógrafo Hugo Macedo.


Municipios 8:2.qxd 17/2/2012 17:13 Page 2

PÁGINA 8

Municípios-parnaMiriM

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira


Parnamirim Capa:2.qxd 17/2/2012 18:45 Page 2

www.potiguarnoticias.com.br

Parnamirim Edição 412 | Parnamirim, 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

››

Oposições se unem para campanha eleitoral Pág. 2

legislativo

Câmara inicia trabalhos e prefeito lê mensagem Com a leitura da mensagem anual, o prefeito Maurício Marques dos Santos abriu, na tarde da quartafeira (15), os trabalhos legislativos de 2012 na Câmara Municipal de Parnamirim. A abertura da sessão ficou a cargo do presidente da Casa, Rosano Taveira. Além dele, outros sete vereadores, secretários municipais, servidores públicos, líderes comunitários e um grande número de cidadãos prestigiaram a solenidade em que o chefe do Executivo do Município prestou contas dos três anos de administração, falou sobre os próximos desafios e anunciou novos investimentos para a cidade. No início da mensagem, Maurício Marques disse ter “certeza” de haver cumprido as metas traçadas em

seu plano de governo. “Posso afirmar que chegamos muito mais longe do que aquilo que planejamos para nossa cidade”, afirmou, acrescentando que tem consciência da necessidade de “fazer mais” para a cidade e sua população. O prefeito agradeceu sua equipe, o apoio dos vereadores e exaltou o “espírito democrático” demonstrado pela Câmara Municipal, inclusive pela bancada da oposição. Maurício usou novamente a palavra “certeza” para dizer que “este será o ano do coroamento” do trabalho realizado pela sua gestão. “É bem verdade que existem muitas realizações que não são obras de pedra e cal, mas nossos conterrâneos estão vendo e utilizando os serviços que estamos oferecendo, pois os resultados já

Câmara ficou lotada para sessão inaugural do ano de 2012

aparecem em todos os bairros”, ressaltou. Ao destacar os indicadores que comprovam o desenvolvimento urbano, social e humano de Parnamirim, o prefeito disse que o “futuro chegou mais cedo que o que imaginávamos”. Na educação, sublinhou

tráfego

que o município vem colhendo os “resultados positivos” dos investimentos na área. Lembrou que a cidade tem a menor taxa de analfabetismo do Rio Grande do Norte (7,6% entre a população acima de 10 anos de idade), o melhor ensino

fundamental da Região Metropolitana de Natal e o melhor piso salarial do magistério do Estado. Os dados foram divulgados no final do ano passado pelo Censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e pelo Ministério da Educação (MEC). Na área da saúde, o prefeito observou que, desde 2009, o município investiu R$ 193,1 milhões, média anual superior a 40% das receitas de impostos e transferências constitucionais – muito acima dos 15% exigidos e dos 22% aplicados pela maioria dos municípios brasileiros. Ainda falando sobre a saúde pública, Maurício Marques registrou a queda na taxa de mortalidade infantil, que passou de 38,1 para 11,6, uma redução de

quase 70% de 2000 a 2009. O êxito chegou a ser destaque na revista “Veja”: “É o melhor exemplo de que o dinheiro dos impostos, quando bem aplicado, salva vidas. Se as demais cidades seguissem o exemplo, a tragédia da mortalidade infantil logo seria relegada ao passado”, destacou a publicação em trecho da reportagem de novembro de 2011. A construção de sete novas unidades básicas de saúde, a reforma e ampliação de outras 16, a construção do Centro Clínico Dr. Sadi Mendes, a construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Rosa dos Ventos e a Central de Medicamentos também foram destacadas pelo prefeito em sua mensagem aos vereadores e à população.

oportunidade

Santos Reis tem trânsito mudado Concurso público divulga notas dia 22

A Secretaria de Trânsito e Transportes de Parnamirim promoveu, na manhã de quinta(17), uma mudança para otimizar o fluxo de veículos na rua Pedro Bezerra Filho, o bairro de Santos Reis. A partir de então, o motorista não poderá prosseguir até o final da Pedro Bezerra Filho, terá de obrigatoriamente entrar à direita ou à esquerda na altura do Comercial Nova Aliança, na rua Pedro N. Ferreira. A modificação é

justamente para facilitar o tráfego de veículos e evitar transtornos, já que nesse trecho encontra-se uma

escola privada e um grande movimento no horário de entrada e saída dos alunos.

A comissão do concurso público de Parnamirim divulgou na sexta-feira, dia 17, o resultado dos recursos apresentados pelos candidatos que fizeram as provas no primeiro domingo de fevereiro em vinte escolas públicas da cidade. De um total de mais de 10 mil candidatos, a comissão recebeu apenas 193 recursos que estão sendo

analisados. Na quarta-feira, dia 22, será publicada a lista com as notas de todos os candidatos, sem ordem de classificação. A partir daí, começa a contar o prazo para apresentação dos títulos, que contam pontos para o pessoal da área da saúde. A lista será divulgada nas páginas eletrônicas da prefeitura e da Funcern

(responsável pela elaboração das provas e execução do concurso) e também no Diário Oficial do Município. Quanto ao concurso de agente fiscal, a comissão aguarda a votação do projeto na Câmara Municipal para marcar a data de aplicação das provas. A previsão é que isso ocorra até o final de março.


Parnamirim 2:2.qxd 17/2/2012 18:51 Page 2

PÁGINA 2

Parnamirim

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

“A humanidade está sempre duas doses de uísque abaixo”

“Obrigado à vida, que me deu tanto!”

Humphrey Bogart

Violeta Parra

Polícia com câmeras em Pirangi A Prefeitura de Parnamirim mandou instalar, através do Grupo de Ciência e Tecnologia da Informação, em parceria com as Empresas Rolland Segurança Eletrônica e RN-Net, câmeras no corredor da folia para ajudar a polícia na segurança do Carnaval de Pirangi. O sistema foi testado com sucesso no Ensaio Geral, que levou uma multidão à Cohabinal no final da semana passada, abrindo a programação festiva. Tendo como base os números de edições anteriores, os organizadores esperam 50 mil pessoas por dia em Pirangi, onde o carnaval começou como uma brincadeira de moradores que saíam às ruas e deram origem ao bloco mais irreverente do carnaval potiguar: "As Virgens".

Selo Unicef

Oposição O vice-prefeito, Epifânio Bezerra tenta reunir a oposição em Parnamirim. Gilson Moura e Paulo Wagner participaram do encontro dos oposicionistas na casa de Walter Fernandes. Resta saber se esse bloco marchará unido na campanha eleitoral.

Concurso público A comissão do concurso público de Parnamirim divulgou nesta sexta-feira, dia 17, o resultado dos recursos apresentados pelos candidatos que fizeram as provas no primeiro domingo de fevereiro em vinte escolas públicas da cidade.

Obras em rua

Elienai vice?

Na Rua Anibal Brandão, em Nova Parnamirim, está sendo concluída a extremidade que liga à Maria Lacerda Montenegro. No caso, a segunda via. A estrada é saída e ainda está sendo feita por uma única via.

No PMDB, é no segmento evangélico, há uma expectativa de que Elianai Cartaxo seja a companheira de chapa de Maurício Marques. Garibalde e Henrique Alves apóiam a reeleição do prefeito.

Quantos?

Os representantes das secretarias municipais de Assistência Social, Saúde e Educação se reuniram na última quarta-feira (15) com a articuladora do Selo Unicef em Parnamirim, Raimunda Basílio, para definir a programação do “Dia da Pessoa Especial – Abrace a Diferença”, previsto para acontecer no mês de março. O evento é voltado para as pessoas portadoras de deficiência em Parnamirim e deverá ser realizado no Auditório Vinicius de Medeiros, na Escola Municipal Augusto Severo. De acordo com Raimunda Basílio, este é o primeiro de uma série de quatro eventos a serem executados ao longo do ano. “É importante chamar à atenção da sociedade para esse público dos portadores de deficiência, porque são pessoas que, muitas vezes, têm seus direitos negados. O poder público tem a obrigação de criar políticas que promovam e assegurem esses direitos”, declarou.

ENQUETE!

Rosalba apoiará Larissa para prefeita de Mossoró? Vote em: www.potiguarnoticias.com.br

O Perguntar não ofende. Quantos vereadores que apoiaram Maurício Marques por três anos marcharão no bloco da reeleição?.

Dona Celina A Dona Celina vai participar ativamente da campanha de Maurício Marques. Ajudará o marido, Agnelo Alves.

“Namoro” Clênio Santos estaria “namorando” a candidatura de Maurício Marques. Clênio estaria estudando voltar a apoiar o prefeito.

Sem secretaria O prefeito Maurício Marques não deu a secretaria de Saúde de “portas fechadas” ao vereador Sergio Andrade.

Dalila Cascudo Muito elogiada a postura de Dalila Cascudo no Conexão Potiguar. A entrevista pode ser conferida no portal:www.potiguarnoticias.co m.br

Bloco

O bloco dos pegadores de onça do Parque Industrial saíu pela primeira vez este ano. Miguel do Jornal e amigos comandam a festa.


Parnamirim 3:2.qxd 17/2/2012 18:56 Page 2

Parnamirim Francisca Sadi Ritzel fala sobre a Astomp

POTIGUAR NOTÍCIAS

PÁGINA 3

Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

No programa de rádio No Alpendre do PN da última quinta-feira (16), pela 87.7 FM, o jornalista Pinto Junior entrevistou o presidente da Astomp, Sadi Ritzel.Confira: A Associação é do transporte intermunicipal, não é apenas de Parnamirim, o que eu vejo, também, é que Astomp é a nível estadual ou tem uma cooperativa que é a nível estadual? Sadi Ritzel- No caso, a gente tem uma cooperativa que é a nível estadual. Ela atua em linhas do intermunicipal em geral, como Santa Cruz e outros municípios que engloba a gente aqui de Parnamirim. Essa associação tem apenas 28 veículos que fazem a linha Natal|Parnamirim. Por falar nessas linhas,

está suspensa a linha de Ponta Negra? Houve uma briga na justiça, gostaria que você nos explicasse. Isso já vem rolando desde abril do ano passado. Dois de nossos associados fizeram a aquisição de dois novos veículos, que a população já deve ter conhecimento, dois carros que faziam a linha Ponta Negra. Antes de comprar, a gente registrou, passou por todas as vistorias, fez todos os procedimentos legais, só que causou um certo constrangimento entre a classe empresarial, uma vez que o pessoal não gostou muito, pelo tamanho do veículo, pois o mesmo se enquadra no regulamento dos transporte que nos rege. Então, legalmente, o carro não tinha nenhum problema. Dessa vez, entraram com uma ação judicial e os carros

“Parcela da população está excluída do transporte” -Com relação ao saneamento, eu li que, apesar de ser uma obra muito boa, para o transporte, pode ocasionar alguns transtornos iniciais? É, com certeza. Inclusive temos recebido algumas ligações para nossa garagem com questão ao atraso de veículos e a gente espera até que a população compreenda que não é culpa da gente, estamos sempre tentando fazer o melhor, só que ocorrem atrasos sim. Tem uma discussão que diz respeito à pessoa ou às

pessoas mais importantes do sistema de transporte que é justamente o usuário. O usuário reclama do preço da passagem, diz que é caro para o nível salarial. Mesmo o salário mínimo tendo sofrido reajustes ao longo dos anos. Qual o seu olhar a respeito dessa questão? Sabemos perfeitamente que a tarifa é bastante alta, a gente fez uma pesquisa um tempo atrás, eu fui pessoalmente, e vimos que uma grande parcela da população está excluída do sistema de transporte.

estão na garagem, parados, prejudicando a população da cidade. E como está a questão em nível de justiça? Há um prazo de quando esses carros poderão voltar ou, se não vão voltarem, qual a expectativa da Astomp? A gente tem esperança de que eles voltem, se não me engano, já foi para a segunda instância. Agora, é questão de tempo, e ninguém sabe ao certo, questão judicial, você sabe como é! Mais complicado, mais demorado. Infelizmente, a gente teve que recolocar dois veículos que estavam na linha antes, os quais iriam ser substituídos por dois carros novos, que são carros com acessibilidade, com três portas, infelizmente, tiveram de voltar os antigos veículos, e a população ficou prejudicada.

Eu gostaria de ouvir sua opinião sobre o anel viário de Parnamirim, como é esse projeto? A gente está em contato com nosso prefeito, que tem dado uma contribuição significativa para o setor de transporte, que, com toda a sua sensibilidade, tem ouvido as partes, não só a Astomp como também o pessoal do municipal e as empresas que trabalham aqui na cidade. E agora com a questão do saneamento, a gente vai ter de esperar um pouco para conclusão das obras, até porque não tem como fazer um asfaltamento e depois ter de quebrar para passar a tubulação. Então, vamos esperar terminar essa questão do saneamento. O prefeito já sinalizou que está empenhado, inclusive em Brasília.

Espaço

entrevista

Henrique

Por Francisca Henrique Diretora – SPC / CDL e Diretora do PH3

Na coluna anterior, comentei sobre a educação do séc. XXI e o mercado de trabalho. Hoje, vou falar sobre os parâmetros curriculares nacionais que falam dos 4 pilares da educação nacional. As escolas, na sua maioria, desenvolvem bem ou mal o primeiro pilar que é aprender a conhecer. O conhecimento adquirido é o que vai desenvolver as competências técnicas, que é um passaporte para o mercado de trabalho. Mas isso é uma questão a ser avaliada, pois, como citei na coluna anterior, a sociedade está com uma sobrecarga de “analfabetos funcionais” e a escassez de mão-de-obra qualificada. Este é o cenário atual. Apesar do esforço do governo em promover cursos técnicos, mas isso ainda não é suficiente. Na minha experiência e ponto de vista, um aspecto crucial na qualificação profissional é o desenvolvimento pessoal. Este desenvolvimento não está acontecendo porque os pilares SER e CONVIVER não estão sendo trabalhados na sua essência . SER é um pilar tão importante quanto o CONHECER. Pois não adianta o profissional ter conhecimento se não possui competências e habilidades do ponto de vista dos valores humanos, o respeito, o trabalho em equipe, o equilíbrio emocional, iniciativa, honestidade, verdade. Toda empresa precisa de colaboradores que preencham esses requisitos, para prestar um trabalho de excelência, porque qualidade não é mais diferencial, é obrigação para o profissional e a empresa se manter no mercado de trabalho. Hoje, temos de estar além da excelência, sendo que a empresa só presta serviço de excelência com profissionais qualificados, capacitados e disponível para servir. Nunca o mercado de trabalho foi tão exigente quanto na atualidade, mas a grande dificuldade de encontrar o profissio-

nal é que leva a empresa que deseja ter sucesso a formar e treinar sua própria equipe. É um grande paradoxo, a sociedade não ensina valores, mas exige o profissional completo, sabemos que ninguém nasce sabendo, é preciso que as instituições de ensino, desde a educação básica até o ensino superior, ofereçam oportunidade para formar as novas gerações. Gosto muito do pensamento que Celso Antunes escreveu:

“A escola, em seu currículo, contempla os conteúdos programáticos, as áreas do conhecimento, mas esquece de valorizar a área psíquica, as emoções e a espiritualidade, o homem holístico." É preciso refletir sobre essa realidade sob pena da escola perder sua função social e se tornar desnecessária. Felizmente, o PH3 completou 20 anos de paixão pela educação, fazendo uma educação diferente, valorizando o ser humano na sua totalidade, é muito mais que isso, no ph3, formamos os alunos, desdeque as famílias permitam. Também formamos os nossos profissionais através de formação continuada que a nossa escola oferece. Os profissionais participam de cursos de tecnologia humana e digital. Os conteúdos ministrados são avançados e inovadores, por isso o PH3 está anos a frente do nosso tempo. Cada instituição de ensino tem sua filosofia, não adianta discurso colado e copiado, pois a diferença está nas crenças e valores do fundador da instituição.


Parnamirim 4:2.qxd 17/2/2012 18:57 Page 2

PÁGINA 4

Parnamirim

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira


Calssificados 1:2.qxd 17/2/2012 13:55 Page 2

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

ClassifiCados

PÁGINA 1


Classificados 2:2.qxd 17/2/2012 13:58 Page 2

PÁGINA 2

ClassifiCados

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira


Calssificados 3:2.qxd 17/2/2012 14:01 Page 2

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

ClassifiCados

PÁGINA 3

Ração Animal Medicamentos veterinários Utensílios Agrícolas Acessórios Pet

Av. Piloto Pereira Tim, 4440 - BR 101 Vale do Sol | Parnamirim/RN Cep: 59140-660 84 3272 8125 - 9996 3486

Visite nossa loja e venha conferir muitas ofertas todos os dias. Temos a Quarta da Moeda, a Quinta de Frutas e Verduras, a Sexta da Carne e u fim de semana recheado de promoções. Aceitamos todos os cartões, entregamos em domicílio e funcionamos de segunda a sábado, das 7:00 às 20:00 e aos domingos das 7:00 às 13:00.

imoveislancamentosnovoseusados.blogspot.com j.maiacorretor@gmail.com


Calssificados 4:2.qxd 17/2/2012 14:05 Page 2

PÁGINA 4

ClassifiCados

POTIGUAR NOTÍCIAS Parnamirim - 20 de fevereiro de 2012 - segunda-feira

Potiguar Notícias Edição 412  

Potiguar Notícias Edição 412

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you