Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, garantia de manejo florestal responsável.

LAUDO DIZ QUE YOKI PODE TER SIDO ESQUARTEJADO AINDA VIVO EM SP {pág 07} EXPOENTE ENTRE OS CINEASTAS DA BOCA DO LIXO, MORRE CARLOS REICHENBACH {pág 06}

NOVO CLÁSSICO? COM ‘PROMETHEUS’, RIDLEY SCOTT RETORNA À FICÇÃO DEPOIS DE 30 ANOS {pág 11}

RIO DE JANEIRO Sexta-feira,

15 de junho de 2012

Edição nº 418, ano 2 Mín 18°C Máx 30°C

Ninguém quer pagar a conta da economia verde Países desenvolvidos rejeitam fundo bilionário proposto por emergentes na Conferência da ONU Cúpula dos Povos começa hoje no Aterro do Flamengo e deve receber 30 mil participantes {págs 02 e 03} Celulares

Sete em cada dez pessoas querem trocar de operadora Levantamento mostra que 70% dos clientes estão insatisfeitos com os serviços oferecidos por suas operadoras de telefonia móvel {pág 08}

CPI evita Pagot e Cavendish Acordo partidário livra personagens importantes do caso Carlinhos Cachoeira {pág 07}

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Exemplo de sustentabilidade, o navio da ONG Greenpeace fica aberto à visitação neste final de semana no Píer Mauá BRUNA PRADO/ METRO RIO

Abraço simbólico contra venda do QG

Manifestantes protestam contra venda de Quartel-General da PM no Centro Governo pretende vender outros 27 bens públicos {pág 04}

Militares tomam o Egito, que teme golpe de Estado Corte dissolve Parlamento e população sai às ruas {pág 10}


especial

1

20

Rio+

ENTEND INSUST

foco

Altos e baixos Preços Os valores cobrados pelos alimentos na área da conferência não são nada sustentáveis. Sanduíches de salmão por R$ 33, cafezinho a R$ 4 e um prato de filé por nada menos do que R$ 58.

Reciclagem Todo carpete aplicado no Riocentro é de material reciclado, produzido a partir de 9,9 mil garrafas PET. Já os copos são de material biodegradável, feitos de fibra de milho.

Trânsito Os chefes de Estado ainda nem chegaram e a cidade já vive um caos no trânsito. Circular pela Barra da Tijuca exige paciência. Moradores reclamam que não conseguem andar de carro.

Um funcionário acerta os últimos detalhes da Cúpula dos Povos

BÁRBARA DE OLYVEYRAS/ FUTURA PRESS

ONU admite que negociações estão emperradas Proposta de emergentes é rejeitada Começa a Cúpula dos Povos

Combustível verde As vans usadas para o transporte das comitivas usam a segunda geração de etanol brasileiro, conhecido como E2G, que utiliza resíduos das plantações de cana-de-açúcar.

Ausência

Brigada de Artilharia Antiaérea posicionou lançadores de mísseis na defesa do Riocentro

Lula não vai – O expresidente Luiz Inácio Lula da Silva cancelou oficialmente sua participação amanhã na abertura da Arena Socioambiental, evento paralelo da Rio+20, por recomendações médicas. Ele foi internado no Hospital Sírio-Libanês na noite de terçafeira para reavaliar as condições da laringe e retirar um cateter. Há a expectativa da participação dele na quarta-feira. Lula já recebeu alta. Segundo o hospital, não há sinal do câncer na laringe.

C

hega ao fim hoje, terceiro dia de discussões, o prazo inicial estipulado para a conclusão do documento final da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, que vai até o dia 22. O texto-base, porém, não deve estar concluído ao final do dia. A Organização das Nações Unidas (ONU) já admite que os delegados dos 193 países participantes passem o fim de semana tentando chegar a um consenso. O documento será entregue aos chefes de Estado, que iniciam reunião de cúpula na quarta-feira. O diretor do Departamento de Desenvolvimento Sustentável, Assuntos Econômicos e Sociais da Organização das Nações Unidas, Nikhil Seth, disse que há uma série de dificuldades por causa das diferentes interpretações de cada país sobre questões específicas. A diplomacia brasileira também trabalha com a hipótese de adiamento. “Se for necessário (estender a negociação), isso poderá ocorrer. Estamos trabalhando ativamente para encontrar as convergências necessárias que possibilitem submeter aos chefes de Estado um texto limpo. É natural que haja dificuldades”, explicou o

ministro das Relações Exteriores, Antônio Patriota, em visita ao Humanidade 2012, em Copacabana. Se não houver um acerto até hoje à noite, a delegação brasileira pretende assumir a liderança das ações para pressionar os participantes a chegarem a um consenso. O papel de comandar as conversas atualmente pertence à delegação sul-coreana. Ontem, durante as negociações, o grupo de países desenvolvidos praticamente rejeitou a proposta do bloco G77+China de criação de um fundo de U$ 30 bilhões para financiar o desenvolvimento sustentável nos países emergentes. Os governos não querem ter novos gastos por causa da crise econômica na Europa. Há ainda a possibilidade de recuo dos países desenvolvidos em compromissos já assumidos anteriormente em outros acordos referentes ao desenvolvimento sustentável. Enquanto os governos não se entendem, os representantes da sociedade civil, de organizações e movimentos sociais dão início hoje à Cúpula dos Povos, no Aterro do Flamengo, que tem mais de 180 tendas montadas e previsão de receber mais de 30 mil participantes. JULIO CALMON

“Temos que ficar muito atentos para não transformarem objetivos futuros em barreiras ao comércio.” MINISTRO ANTÔNIO PATRIOTA CELSO PUPO/ FOTOARENA

“Algumas questões bloqueiam todos os parágrafos.” NIKHIL SETH, DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL, ASSUNTOS ECONÔMICOS DA ONU


03

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012 LUIZ ROBERTO LIMA/ FUTURA PRESS

DIMENTO TENTÁVEL

Embarcação tem cozinha para 32 pessoas e separação ecológica de resíduos

BRUNA PRADO / METRO RIO

Um veleiro em defesa do ambiente Um veleiro para cruzar desde o rio Amazonas até o oceano Atlântico em missões ecológicas que vão desde auxiliar comunidades ribeirinhas até protestos: esse é o navio Rainbow Warrior, da ONG Greenpeace, que após missão no Amazonas percorreu o litoral brasileiro até chegar ao Rio. A embarcação, construída em outubro do ano passado, tem capacidade para 32 pessoas e, atualmente, possui 30 tripulantes, sendo 15 fixos, de 12 nacionalidades. A proposta do veleiro é a mesma do grupo ativista: encontrar e empreender soluções que causem menos impacto para a natureza. “O princípio é ter eficiência com as normas ambientais mais rígidas que existem. Algumas ve-

zes até fazemos além dessas normas”, afirma Mário Kabilio, marinheiro da embarcação que começou como estagiário há seis anos. O navio pesa 800 toneladas, atinge até 27 km/h e evita ao máximo o uso de diesel. “Utilizamos a vela exatamente porque é uma forma de tentar não ter o uso de energia poluente. Só usamos diesel quando muito necessário”, comenta Mário. Além disso, toda água consumida é proveniente do mar, passa por um processo de dessalinização e após o uso recebe um tratamento antes de ser despejada no mar. O mesmo acontece com o lixo que é separado adequadamente. Já o lixo orgânico é congelado e depois despejado no mar, a milhas de dis-

Engajados

Artigo FLORESTAS: VOCÊ ASSINA EMBAIXO?

BRUNA PRADO / METRO RIO

Participantes do “Território da Juventude”, na UFRJ

TATIANA DE CARVALHO, GREENPEACE ESPECIAL PARA O METRO

1 RICARDO MORAES/ REUTERS

2 FOTOS CELSO PUPO/ FOTOARENA

Sem hotel, jovens acampam na UFRJ Enquanto o Riocentro é palco para os debates dos chefes de Estado, a sociedade civil começa a chegar na cidade para as reuniões da Cúpula dos Povos - sem muito luxo, mas com muitas ideias. Tisho Zhikov, 23 anos, e Darena Milkova, 24, vindos da Bulgária, se mostram descontentes com os rumos dis-

cutidos no Riocentro, mas acreditam nas discussões na Cúpula dos Povos. “O importante é continuar discutindo e tentar encontrar soluções e aplicá-las”, afirma Darena acampada no “Território da Juventude”, administrado pelo grupo “Enlace” no campus da UFRJ, da Praia Vermelha. METRO RIO

tância da costa, e vira alimento para peixes. “Nenhum resíduo sai do navio sem ter tido tratamento”, finaliza Mário. No navio, os espaços são reutilizados de acordo com a demanda. Uma sala que durante a Rio+20 serve para conferência, enquanto embarcado, se transforma em academia e até cinema. O 2o oficial finlandês Marttin, que trabalha com a ONG há seis anos, se mostra entusiasmado em estar no Brasil. “Viajo há dois anos neste veleiro, mas estar aqui é ótimo. Só torço para que não faça muito calor”, aponta Marttin. O navio estará aberto para o público no Píer Mauá amanhã e domingo, e nos dias 21 e 22 de junho, das 10h às 16h. METRO RIO

3

1 2

O índio americano Tom Goldtooth discursa no Kari-Oca, em Jacarepaguá

3

Conferencistas do mundo inteiro circulam pelos pavilhões do Riocentro

Primeiro ônibus híbrido (movido a eletricidade e biodisel) brasileiro

Depois de permitir o esquartejamento do Código Florestal pelos ruralistas, o governo resolveu dourar a pílula para ver se os brasileiros engolem melhor o enorme retrocesso ambiental deste ano. E usou a queda – digna de aplausos – do desmatamento na Amazônia para fazer marketing na boca da Rio+20. Brasília chamou a si os méritos pela menor taxa de desmatamento desde 1988, esquecendo-se do papel fundamental desempenhado pela pressão das ONGs, de alguns (ainda) poucos segmentos empresariais, da imprensa e de parte da opinião pública convencida de que um país moderno não pode mais conviver com a destruição de seu maior patrimônio. Tudo bem, governo é sempre assim mesmo. Mas ele deveria ter explicado também que no mundo real a destruição da Amazônia continua escandalosa: os 6.418 km2 desmatados entre agosto de 2010 e julho de 2011 significam que uma área de floresta de aproximadamente 2,5 mil campos de futebol foi derrubada a cada dia. É muita coisa. Suficiente para que o Brasil continue entre os países que mais desmatam e que mais emitem gases de efeito estufa. Por outro lado, enquanto o desmatamento caiu, outra curva seguiu rumo oposto: na última década, o Brasil se tornou a 6a economia do mundo e um dos mais importantes atores mundiais na produção e exportação do agronegócio. Falar sobre o fim do desmatamento, portanto, não é de outro mundo: é necessário e perfeitamente alcançável. Por isso, às vésperas da Rio+20, o Greenpeace lançou um desafio que rapidamente ganhou eco entre diferentes setores da sociedade: um projeto de lei de iniciativa popular pelo desmatamento zero. A campanha está nas ruas, e já ganhou apoio de movimentos sociais, organizações indígenas e quilombolas, entidades ambientalistas e artistas. A proposta é tornar lei o fim do desmatamento, dando tratamento diferenciado à agricultura familiar. São necessárias 1,4 milhão de assinaturas para que o projeto seja encaminhado ao Congresso. Ele vai ser a prova de que, quando o assunto é florestas, os brasileiros assinam embaixo. Tatiana de Carvalho é coordenadora da campanha de Desmatamento Zero da ONG Greenpeace


04

www.readmetro.com

rio

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

Abraço em protesto contra venda de QG

Educação em greve

Manifestantes se reúnem em frente ao prédio da PM no centro para pedir a preservação do imóvel Governo pretende se desfazer de 27 bens públicos

O prédio do Quartel-General da Polícia Militar, na rua Evaristo da Veiga, no Centro, recebeu um grande abraço simbólico. Na tarde de ontem, cerca de 40 pessoas fizeram uma manifestação contra a venda do terreno, ocupado pelo prédio centenário. A negociação entre a PM e a Petrobras está avaliada em R$ 336 milhões. Com faixas e cartazes, os manifestantes defenderam a preservação e a manutenção do conjunto arquitetô-

nico. Entre eles estavam representantes da Associação dos Amigos do Centro e o deputado Paulo Ramos (PDT). O QG é apontado por historiadores como um dos prédios mais importantes para a história da cidade e também para a do Brasil. Apesar do protesto, o QG do Centro não é o único imóvel militar que o governo pretende se desfazer. Nas próximas semanas, o Poder Executivo vai enviar uma mensagem à Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) pe-

dindo autorização para vender 27 bens públicos. Entre eles, estão os terrenos do 2º BPM (Botafogo), do 6º BPM (Tijuca) e a área no Leblon onde ficam a 14ª DP (Leblon), a Delegacia Especial de Apoio ao Turista (Deat), a Delegacia Antissequestro (DAS) e o Juizado Especial Criminal. A justificativa para a venda dessas unidades, de acordo com o governo, fazem parte de um planejamento da Segurança Pública, que pretende implantar um no-

vo modelo de gestão para reduzir as funções administrativas e ampliar o número de policiais nas ruas. Além dos terrenos militares, o governo também quer vender outroos que considera subaproveitados e sinônimos de gastos desnecessários aos cofres públicos. Nessa lista aparece de restaurante, a apartamento, estacionamento e até igreja em bairros como Centro, Lapa, Saúde, Flamengo e Icaraí, em Niterói. METRO RIO

GUTO MAIA/BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

Em torno do terreno militar no centro, faixas e cartazes mostram o protesto contra a demolição do prédio

SANDROVOX/FOLHAPRESS

Na capela, manifestantes rezaram um pai-nosso

Estado autoriza venda da Barcas S.A.

O governo do Estado autorizou, ontem, a aquisição de 80% das ações da concessionária Barcas S.A. Transportes Marítimos pela Companhia Brasileira de Participações em Concessões (CPC), empresa controlada pelo grupo CCR. A autorização foi dada depois que o Ministério Pú-

blico do Estado do Rio investigou a transação de compra da Barcas S.A. pelo grupo CCR, para saber se esta feria a lei de licitações. O contrato de compra e venda entre as duas empresas foi firmado em abril, mas, segundo o governo, a conclusão do processo dependia do cumprimento de

algumas exigências. Com a autorização da transferência do controle acionário, o grupo CCR, que já administra a Ponte Rio-Niterói, passará a operar as seis linhas que estavam sob a responsabilidade da Barcas S.A., na Baía de Guanabara e na Baía de Angra dos Reis. METRO RIO

72

milhões de reais é o valor estipulado do acordo para a venda de 80% da Barcas S.A. para uma empresa controlada pelo grupo CCR.

FALE COM A REDAÇÃO

EXPEDIENTE

COMERCIAL: 021/2586-9570

Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa. Editor Chefe: Luiz Rivoiro. Editor de Arte: Vitor Iwasso. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Gerente Comercial Nacional: Ricardo Adamo.

leitor.rj@metrojornal.com.br 021/2586-9565

O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de 480 mil exemplares diários.

Metro Rio de Janeiro. Editora Executiva: Ana Lúcia do Vale. (MTB: 18.892) Editora de Arte: Cláudia Lorena. Gerente Comercial: Janaína Orlani. Grupo Bandeirantes de Comunicação RJ. Diretor Geral: Daruiz Paranhos

Servidores públicos fizeram passeata na av. Rio Branco GUTO MAIA/BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

Servidores protestam Os servidores públicos estaduais protestaram ontem na av. Rio Branco, no Centro, contra as alterações feitas pelo governo estadual na aposentadoria dos servidores e nos triênios. O Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Rio ainda decidiu por greve de 48h de advertência na segunda e na terça-feira.

Ônibus estava acima da velocidade permitida O ônibus da linha 484 (Olaria-Copacabana), que invadiu uma calçada na avenida Brasil, na noite de terçafeira, deixando cinco mortos e 21 feridos, estava quase 20 km acima da velocidade permitida. O delegado Maurício Luciano, da 17ª DP (São Cristóvão), informou ontem que o tacógrafo do veículo marcava quase 80 km/h no momento do acidente. O máximo permitido na pista do canto da avenida é de 60 km/h. O motorista André Martins Navarro, de 34 anos, já foi indiciado por cinco homicídios culposos e por lesões corporais. Ele admitiu ter ser distraído ao conversar com uma passageira. Ontem, os corpos das

amigas Thaís Fidélis da Silva, de 13 anos, e Kátya Cândido, de 15 - que foram atropeladas no ponto de ônibus - foram enterrados no cemitério do Caju. ‘Trabalho escravo’ O Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus do do Rio de Janeiro (SintraturbRio) entrou com uma ação no Ministério Público do Trabalho pedindo providências contra “trabalho escravo imposto pelas empresas”. Vice-presidente do sindicato, Sebastião José afirmou que motoristas não têm condições físicas e psicológicas de dirigir e cobrar ao mesmo tempo, e cumprir jornada de trabalho de até 16 horas. METRO RIO

Troca de tiros Homem que no Alemão estuprou Nem tudo está pacificado no Complexo do Alemão. Policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do complexo trocaram tiros com bandidos na localidade conhecida como Pedra do Sapo, na madrugada de ontem. Não há registro de que alguém tenha ficado ferido.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: Rua Álvaro Ramos, 350, 4º andar, Botafogo, CEP 22280-110, Rio de Janeiro, RJ. Tel.: 021/2586-9570. O jornal Metro Rio é impresso pela Editora O Dia S.A. A tiragem e distribuição desta edição de 100.000 exemplares são auditadas pela BDO.

em ônibus é condenado Paulo Roberto da Silva Dias foi condenado por ter estuprado uma menina de 12 anos dentro de um ônibus da linha 162 (Glória-Leblon), no Jardim Botânico. O juiz Luciano Silva Barreto o condenou a 16 anos e três meses de prisão. Paulo, que estava em liberdade condicional, coagiu a vítima para ir ao último banco do coletivo. O crime durou 14 minutos, câmeras registraram a entrada e saída do envolvido. METRO RIO


rio

06

www.readmetro.com SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

REPRODUÇÃO / BAND

Cidade mais iluminada

OPERAÇÃO RIO+20

Droga é apreendida pela PRF Durante as operações nas estradas federais que cortam o Estado do Rio, realizadas de terça-feira a ontem, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu 19 pessoas e apreendeu 13 quilos de cocaína. Dos presos, quatro foram detidos por contrabando, quatro por porte ilegal de armas, dois por embriaguez ao volante e quatro por receptação, além de quatro que já eram foragidos da Justiça. Um homem foi preso ontem com 13 quilos de cocaína. A apreensão ocorreu durante a Operação Rio+20, no Posto da PRF, na rodovia RioSantos, no bairro de Mambucaba, em Paraty, na Costa Verde. O Rio sedia a Rio+20 desde quarta-feira. METRO RIO

O garoto, 3 anos, foi recebido com festa ontem no Galeão

Festival Luz na Cidade ilumina prédios históricos São 15 instalações entre a praça Tiradentes e a Lapa

DIVULGAÇÃO

Antônio volta para a mãe Após um drama de quase seis meses, o menino Antônio Bierrenbach Sicoli, de 3 anos, voltou ontem aos braços da mãe, Isabel Bierrenbach. No Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim (Galeão), na Ilha do Governador, o garoto foi recebido com festa, faixa, balões coloridos e chuva de papel picado por familiares e amigos. Em janeiro, Antônio foi levado para passar férias nos Estados Unidos com o pai, o ex- técnico de vôlei

Márcio Sicoli, e não voltou. Ele é disputado judicialmente entre os pais, que são separados. Sem desgrugar um momento do filho, Isabel contou que vai lutar pela guarda de Antônio: “Tenho a guarda provisória do meu filho. Agora, começa uma nova batalha, só que desta vez na Justiça brasileira. Acho que depois disso tudo que aconteceu, aqui vai ser muito mais fácil conseguir ficar com o Antônio”, desabafou a mãe. METRO RIO

A cidade do Rio já é considerada maravilhosa e ficará ainda mais bonita ao receber iluminação especial em prédios históricos. O Centro estará mais iluminado a partir de segundafeira, quando começa o festival “Luz na Cidade”, promovido pela Rioluz e pela Eletrobrás. As 15 instalações, que formam um corredor luminoso entre a Praça Tiradentes e a Lapa, enaltecem as estruturas arquitetônicas de locais como o Museu da Imagem e do Som, a Câmara Municipal, a Escola de Música da UFRJ e o monumento a Marechal Floriano. Nesses quatro pontos, as luzes serão definitivas, mesmo após o dia 22, fim do festival.

Palácio Pedro Ernesto é um dos locais que recebem nova luz

No clima da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, as lâmpadas têm potência e consumo energético limitado. E as

luzes não são só enfeite. O público pode interagir fazendo desenhos, que são projetados na fachada dos prédios públicos. METRO RIO

brasil RAFAEL HUPSEL/FOLHAPRESS

Adeus, Carlão Poucos cineastas souberam transportar para as telas a alma de São Paulo com tanta força quanto o gaúcho Carlos Reichenbach, morto ontem, aos 67, na capital paulista, vítima de uma parada cardíaca fulminante. Nos 22 filmes que dirigiu, Carlão (como era conhecido) trouxe à tona o subúrbio operário da cidade que abraçou desde cedo – aquele composto por quem acorda cedo, pega ônibus e batalha para pagar contas. Também partiu da mente dele alguns dos papéis femininos mais interessantes já criados pelo cinema nacional, como visto em “Lilian M.: Relatório Confidencial” (1975) ou mesmo em seus longas mais recentes, como “Garotas do ABC” (2003) ou “Falsa Loura” (2007). O trabalho de Reinchen-

bach foi reconhecido nacionalmente e internacionalmente. Em 2010, ele foi homenageado pelo Festival de Cinema de Brasília pelo conjunto de sua obra. Com sua partida, o Cinema Marginal paulista, já órfão de Rogério Sganzerla (1946-2004) e Walter Hugo Khuri (1929-2003), perde um de seus últimos seguidores. Segundo a produtora Sara Silveira, sócia dele na Dezenove Som e Imagens, Reichenbach trabalhava no roteiro de seu próximo longa, “Um Anjo Articulado”. O cineasta era casado com Lygia Reichenbach e deixa três filhos e uma neta. O velório ocorreria a partir das 23h de ontem no MIS-SP. Até o fechamento da edição não havia informação sobre hora e local do enterro. METRO

Voo NY-SP pode ir parar em Manaus Carlos Reichenbach em sua casa, em 2008

“O que fica do Carlão para mim é o modo contagiante com que ele falava de cinema.” ANDRÉ STURM, DIRETOR-EXECUTIVO DO MUSEU DA IMAGEM E DO SOM (MIS)

“Era meu mestre e uma pessoa muito generosa com a nova geração de cineastas.” CAO HAMBURGUER, DIRETOR

Filmografia Alguns títulos marcantes de Carlos Reichenbach Lilian M: Relatório Confidencial (1975) A Ilha dos Prazeres

Proibidos (1979) O Império do Desejo (1981) Filme Demência (1985) Anjos do Arrabalde (1986) Alma Corsária (1993) Garotas do ABC (2003) Bens Confiscados (2005) Falsa Loura (2007)

“Perco um grande amigo. Aprendi muito e devo coisas a ele em termos de colaboração.” UGO GIORGETTI, DIRETOR

Com o fechamento do Galeão durante a Rio+20, companhias aéreas devem criar novas rotas alternativas para o caso de problemas em Guarulhos

LUIZ GUARNIERI/FUTURA PRESS

Durante a Conferência do Clima Rio+20, os voos internacionais com destino ao aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, podem ser deslocados para Recife, Manaus, Fortaleza ou Viracopos, em Campinas. Um documento do Departamento de Controle do Espaço Aéreo do Comando da Aeronáutica (Decea) divulgado ontem orienta as companhias aéreas e os controladores de voo a preparem eventuais mudanças nas rotas. Normalmente, quando acontece um problema em Guarulhos, os aviões são desviados para o Galeão, no Rio. A Rio +20, no entanto, restringiu o número de pousos e decolagens fazendo com que o aeroporto

Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos

fluminense deixe, provisoriamente, de ser uma alternativa em situações de emergência. Até o dia 24, quando acaba a conferência, os voos vindos dos Estados Unidos e países da América Central devem ser transferidos para Manaus ou Campinas. Aeronaves oriundas da Europa pousariam em Fortaleza ou Recife. Caso haja algum imprevisto, os passageiros terão

de aguardar nos novos destinos até que o problema em Guarulhos seja solucionado. As empresas devem prestar assistência, alimentação e até hospedagem, caso necessário. A Aeronáutica esclareceu a mudança foi feita por uma questão logística.

MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA


www.readmetro.com

brasil

07

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

CPI livra Cavendish e Pagot de depor PT patrocinou um acordo para adiar os depoimentos e diminuir a temperatura da disputa política Ex-diretor do Dnit diz que quer falar

RICARDO MARQUES / METRO BRASILIA

Advogada Andressa Mendonça, noiva de Cachoeira

ELZA FIÚZA/ABR

A CPI do Cachoeira adiou ontem a convocação de dois personagens-chave das investigação do esquema de jogos ilegais: o ex-presidente da construtora Delta, Fernando Cavendish, e do ex-diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Luiz Antônio Pagot. O PT patrocinou um acordo para adiar a ida das duas testemunhas a fim de diminuir a temperatura da disputa política. “O depoimento deve ser motivado pela análise de documentos nesta CPI", decretou o relator Odair Cunha (PT-MG). Cavendish, que presidia a Delta até abril, aparece nas escutas telefônicas da Polícia Federal falando sobre a facilidade de obter contratos públicos. “Com R$ 30 milhões na mão de político qualquer negócio é fechado", disse. O empresário também foi flagrado em festa durante uma viagem à Paris com o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e

Noiva de Cachoeira é convocada Diante de críticas sobre os rumos das investigações, a CPI aprovou ontem a convocação da noiva do bicheiro Carlinhos Cachoeira, a advogada Andressa Mendon-

ça. Com a maioria folgada na comissão, os governistas também convocaram mais dez pessoas, cinco delas ligadas ao governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB).

33o São Paulo Fashion Week

Luiz Antônio Pagot pede para ser ouvido

há um temor entre os governistas que o episódio volte à tona.Além disso, a construtora é apontada como braço financeiro da quadrilha de Cachoeira. Pagot se ofereceu espontaneamente para apresentar denúncias das elei-

ções de 2010. Ele alegou que recursos para a obra do Rodoanel de São Paulo foram repassadas para a campanha de José Serra e Geraldo Alckmin, em 2010 e que teria indicado empresas para a campanha presidencial de

Dilma Rousssef. “Se alguém quiser denunciar algum crime com urgência procure a Polícia Federal", sustentou Odair Cunha. MARCELO FREITAS METRO BRASÍLIA

Neon

Neon

João Pimenta

Juliana Jabour

Polícia acredita que executivo da Yoki foi decapitado ainda vivo CARLOS PESSUTO/FUTURA PRESS

Elize Matsunaga matou e esquartejou o marido

A Polícia Civil investiga se o executivo Marcos Matsunaga, de 42 anos, foi decapitado pela mulher, Elize Matsunga, de 30 anos, quando ainda agonizava, após ser baleado por ela com um tiro de pistola 380 na cabeça. A suspeita veio depois que os investigadores analisaram o laudo necroscópico. O documento diz que a causa da morte foi “choque traumático (traumatismo craniano) associado a asfixia respiratória por sangue aspirado devido a decapitação”. A suspeita será ou não confirmada quando os laudos da reconstituição ficarem prontos. Se comprovada, a versão contraria o depoimento de

Elize. Ela afirmou que, por ciúmes, atirou contra a cabeça do marido, arrastou o corpo até um quarto, esperou cerca de 10 horas até o corpo esfriar para, em seguida, esquartejá-lo. O laudo atesta que o tiro foi dado à queima-roupa. Por causa do assassinato, Elize, que está presa, pode ficar impedida de receber a herança e o direito a administrar os bens da filha do casal, estimados em R$ 218 milhões. Mas, para isso, o Ministério Público ou a família precisam entrar com ação na Justiça. A criança está com uma tia. A Justiça recebeu ontem o inquérito do caso. METRO

FOTOS: AMANA SALLES/FOTOARENA

Extravagante e retrô Comandada pelos estilistas Dudu Bertholini e Rita Comparato, a marca Neon apostou de novo em suas principais características: exuberância e extravagância, com muitas cores, em desfile realizado ontem, durante o 33o SPFW, na área aberta do parque Ibirapuera. No Pavilhão da Bienal, o mineiro João Pimenta mostrou looks masculinos com referências à Folia de Reis, tradicional festejo religioso. A grife Juliana Jabour preferiu mergulhar na cultura e no glamour de peças clássicas dos anos 1970. Hoje o SPFW recebe desfiles de Reinaldo Lourenço e as roupas para homens criadas por Alexandre Herchcovitch. Amanhã, Samuel Cirnansck encerra o evento.


08

Governo adota medida para segurar dólar O governo mudou as regras para empréstimos feitos por empresas brasileiras no exterior. A partir de agora, os empréstimos externos com prazos acima de dois anos passam a ter alíquota zero de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). Antes, esse prazo estava em cinco anos. A expectativa é que a mudança reduza a pressão sobre a cotação do dólar, que vinha aumentando nos últimos dias e ultrapassou R$ 2,05. O ministro da Fazenda, Guido Mantega, negou, no entanto, que o objetivo seja conter a alta da moeda norte-americana. “Fundamentalmente [é] uma medida de liquidez e aumento da disponibilidade financeira para as instituições e empresas brasileiras”, avaliou. Em março, o governo havia feito duas alterações no prazo: a primeira am-

Impactos Por que o governo adotou a medida? Em meio à crise no exterior, o dólar vem operando com as maiores cotações em mais de três anos. Com a medida, o governo estimula bancos e empresas a tomar crédito no exterior para aumentar a entrada da moeda norte-americana no país. Por que o dólar sobe aqui? Em períodos de crise o investidor busca aplicações tradicionais, como o dólar e o ouro. Com a maior procura, diminuiu a sua oferta e os preços sobem.

RESTITUIÇÃO DO IR

Receita libera hoje o 1º lote A Receita Federal deposita hoje o primeiro lote de restituição do Imposto de Renda declarado neste ano. Ao todo, 1,844 milhão de contribuintes --

www.readmetro.com

economia

“A medida tem mais a ver com crédito do que com câmbio.” GUIDO MANTEGA, MINISTRO DA FAZENDA

pliou para três anos a cobrança de 6% do IOF nas liquidações de operações de câmbio contratadas a partir dessa data, para empréstimos externos. A segunda aumentou esse prazo para cinco anos. METRO

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

70% trocariam de operadora de celular Clientes estão insatisfeitos com a ausência de sinal do serviço e o atendimento oferecido pelas empresas Site também é motivo de queixa Sete em cada dez clientes de serviços de celular afirmam que mudariam de operadora por estarem insatisfeitos com o serviço. Segundo levantamento da CVA Solutions, feito com 7,2 mil usuários em março, quase 70% dos entrevistados que usam pré-pago gostariam de mudar de empresa. No pós-pago, o índice é de 67,3%. Os consumidores estão cada vez mais atentos aos benefícios e serviços oferecidos pelas operadoras, diz a pesquisa. No momento que o Brasil dá os primeiros passos para implantação da tecnologia 4G, a principal reclamação é a ausência de sinal. Mais de 70% dos clientes tanto de serviço pré como de pós-pago citaram o problema. O atendimento insatisfatório, o que inclui espera e problema não resolvido, é

ACESSO RESTRITO

Principais problemas Índice de insatisfação dos clientes por operadora, em % TIM Vivo Oi Claro PRÉ

PÓS

PRÉ

PÓS

PRÉ

Ausência 75,3 82,3 62,9 61,8 de sinal Atendimento 34,1 48,3 46,1 51,2 insatisfatório* Site sem clareza 33,5 42,7 37,1 41,6 de informações

PÓS

PRÉ

PÓS

CTBC Nextel PÓS

PÓS

69,6 76,7 73,3 74,4 65,0 80,5 49,9 64,9 46,9 50,6 65,0 41,5 37,9 50,9 40,8 39,1 35,0 43,1

Total do segmento 80 70 60 50 40 30 20 10 0

PRÉ

70,2% 72,5% 43,1%

Ausência de sinal

53,0%

Atendimento insatisfatório*

PÓS

36,8% 43,3%

Site sem clareza de informações

Fonte: Fonte: CVA Solutions Entrevista com 7,2 mil clientes pré e pós-pagos

a queixa de 53% dos clientes de planos pós-pago. Entre os usuários de serviço pré-pago, o percentual também é elevado: 43%. A pesquisa mostra ainda que

Como essa alta do dólar afeta a minha vida? Além de encarecer as viagens internacionais, a valorização do dólar eleva o preço de importados que usam insumos de outros países, como eletrônicos e até o pãozinho.

*espera e problemas não resolvidos

37% dos clientes de pré-pago reclamam da falta de clareza nas informações do site da operadora. No póspago, o índice é maior, de 43,3%. METRO

RENATO ARAÚJO/ABR

Rio+20 testa 4G A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20) terá internet 4G funcionando em caráter experimental. Uma parceria entre o Ministério das Comunicações e as empresas Vivo e Huawei possibilitará, pela primeira vez no Brasil, testes desse tipo de conexão. A rede será montada no Pavilhão do Riocentro. Serão doados 400 modens a membros das delegações estrangeiras para que acessem a rede. METRO

FABIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

Reação Bovespa

Dólar Taxa para financiar veículo “verde” varia de 0,75% a 1,32%

- 0,54% (55.351 pts)

- 0,67% (R$ 2,06)

a maioria idosos-- receberão R$ 2,4 bilhões na restituição. A consulta ao lote está disponível, no site www.receita.gov.br ou pelo Receitafone (146). O dinheiro será depositado na conta informada na declaração. Caso não seja creditado, o contribuinte pode procurar qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a central de atendimento da Receita. METRO

Comércio cresce 6%

Caixa reduz juros para veículos ‘verdes’ A Caixa Econômica Federal lançou ontem a linha de Crédito Verde para atividades sustentáveis, aproveitando a realização da Conferência Rio+20. Entre as opções está o crédito com taxas de juros reduzidas para a aquisição de veículos novos ecoeficientes. Na nova linha de crédito, as taxas que antes variavam de 0,75% a 1,60% ao mês, foram reduzidas para o intervalo de 0,75% a 1,32% ao mês. A classificação de ecoefi-

ciente é conferida a veículos com menor índice de emissão de poluentes, classificados com cinco estrelas no Programa Nota Verde, do Ibama. Na lista de automóveis ecoeficientes o consumidor pode escolher entre diversos modelos de grandes montadoras, com motores de 1.0 a 2.0, e modelos que variam do esportivo ao off-road. A Caixa também lançou uma nova linha com taxas de juros reduzidas para veículos híbridos. Neste caso,

as taxas de juros variam de 0,75% a 0,99% ao mês, com prazo de até 60 meses. Os híbridos são carros que possuem um motor de combustão interna, normalmente a gasolina, e um motor elétrico que permite reduzir a utilização do motor de combustão e assim diminuir a emissão de poluentes. Para as empresas, a Caixa possui a linha de Ecoeficiência Empresarial, que inclui produtos com vantagens nas taxas de juros, prazos e carências. METRO

Corte de IPI já melhora as vendas As vendas no varejo registraram em abril um crescimento de 0,8% em relação a março. No confronto com abril de 2011, a alta foi de 6%. O maior impacto no crescimento das vendas foi o comércio de móveis e eletrodomésticos, com variação de 12,1%. Segundo o IBGE, esse resultado reflete a redução das alíquotas do IPI para a linha branca, além da manutenção do crédito, da estabilidade no emprego e do crescimento da renda. METRO


10

www.readmetro.com

mundo

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

Junta militar reassume o parlamento do Egito

Malvinas?

Manifestantes tomam as ruas após decisão que dissolveu Legislativo Há o temor de que os militares queiram dar golpe na recém-nascida democracia SUHAIB SALEM / REUTERS

Veteranos fazem saudações aos mortos em combate ENRIQUE MARCARIAN / REUTERS

Ilhas lembram a guerra Os kelpers, como são chamados os moradores das Malvinas - Falklands pra os britânicos - , celebraram ontem os 30 anos do fim do conflito militar contra a Argentina. Veteranos de guerra fizeram saudações aos mortos em combate e hastearam a bandeira do arquipélago, que traz estampada a do Reino Unido. No mesmo dia, a presidente argentina, Cristina Kirchner, falou a membros do Comitê de Descolonialização das Nações Unidas. Cristina quer que os britânicos aceitem negociar a soberania das ilhas. O governo da Grã-Bretanha anunciou a realização de um referendo para saber o que os kelpers pensam.

A população egípcia, que após violentos protestos conseguiu derrubar um regime ditatorial de 30 anos, se viu ontem diante de nova ameaça à recém inaugurada democracia no país. A Suprema Corte acabou com o parlamento, sob argumento de que os deputados teriam sido eleitos com base em leis inconstitucionais. Com a decisão, o poder volta para as mãos dos militares, o que aumenta o temor de que o autoritarismo ainda não tenha chegado ao fim. A dissolução do parlamento foi anunciada pela Corte como vitória da democracia. Mas muitos egípcios acreditam que se trata de um golpe camuflado. Na tentativa de conter as re-

Egípcios foram para a frente da Suprema Corte protestar contra a decisão

voltas, os juízes garantiram que o 2º turno da eleição presidencial, previsto para este fim de semana, está mantido. O problema é que um dos candidatos é Ahmed Shafik, que foi primei-

ro-ministro no governo do ex-ditador Hosni Mubarak. Shafik, que disputa a presidência com um candidato da Irmandade Muçulmana, também comemorou a decisão da Suprema

Corte. “A mensagem desse veredicto histórico é que a era da colonização política acabou”, disse ele a uma multidão no Cairo, capital do Egito. “O Tribunal reforçou a legitimidade dessa eleição.” Do outro lado da disputa, Esam el Erian, vice-presidente do Partido Liberdade e Justiça, o braço político da Irmandade Muçulmana, afirmou que, com a dissolução do parlamento, o Egito entra em um “túnel escuro”. “Há um estado de confusão e muitas questões estão no ar”, afirmou à agência de notícias Reuters. CAROLINA VICENTIN METRO SÃO PAULO


www.readmetro.com

cultura

11

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

FOTOS: DIVULGAÇÃO

2

60 segundos

Theron em cena do filme

cultura

CHARLIZE THERON Vencedora de um Oscar, a atriz encarna a ambígua Meredith Vickers em “Prometheus”. Ela falou ao Metro sobre a experiência de ser dirigida por Ridley Scott. Você é fã de Scott. Que filme dele é seu favorito?

Adoro “Alien”. Tinha 16 anos quando assisti pela primeira vez. Achava Ripley (personagem de Sigourney Weaver) incrível. Naquela época, era raro ter uma mulher protagonizando um filme de homem. Também amo “Blade Runner” e “Thelma e Louise”. Ele é simplesmente muito bom no que faz e sabe contar uma boa história independentemente de seu gênero. Como você reagiu quando recebeu o convite ?

Fiquei muito animada! O melhor é que foi um filme de ficção científica, um gênero que ele mesmo reinventou. Como você descreveria sua personagem?

Ela é bem corporativa e trabalha na empresa que financia a missão. É a única da equipe que não é religiosa nem cientista. Suas intenções são ambíguas. Que tipo de diretor é Ridley Scott?

Já ouvi que, quando ele estava começando, não sabia falar com os atores ou liderá-los. Ele me disse uma vez que pulou em Sigourney Weaver no set de “Alien” só para assustá-la e, logo em seguida, gritar “ação!”. Em um filme grandioso como “Prometheus”, você precisa saber como lidar com tantos atores, e Ridley fez um belo trabalho. JÉROME VERMELIN, METRO WORLD NEWS

Palavra de diretor A atriz Noomi Rapace estrela “Prometheus”

O renascimento do mito O aguardado ‘Prometheus’, de Ridley Scott, marca a volta do cineasta ao universo de ‘Alien’ Superprodução, que estreia hoje, tem visual futurista Reconhecido por dois grandes clássicos de ficção cientítica – “Alien, o 8o Passageiro” (1979) e “Blade Runner” (1982)– o diretor inglês Ridley Scott volta ao gênero com outra produção inquietante: “Prometheus”, que estreia hoje. As mais de duas horas de projeção levam o público a cenários deslumbrantes, nos quais o cineasta se permite tudo em se tratando de invencionices tecnológicas e projeções futuristas. A trama se passa em

2093, quando a nave que dá título ao filme leva uma tripulação de terráqueos a uma lua distante, onde um casal de arqueólogos (Logan Marshall-Green e Noomi Rapace) espera encontrar a resposta para a origem do homem e do universo. A equipe inclui ainda um androide culto e aparentemente submisso vivido por Michael Fassbender. Quando chegam na tal lua, os cientistas encontram cavernas com oxigênio, ruínas e restos mor-

tais dos prováveis antecessores da humanidade, mas a experiência acaba sendo reveladora demais e não tão positiva quanto a tripulação esperava. Do alto do seus 74 anos, Ridley Scott coloca em discussão, por meio dos personagens, crenças e teorias sobre o surgimento do universo, mas questiona especialmente o status de superioridade do ser humano. Segundo a mitologia grega, Prometeu roubou o fogo do Olimpo e o entregou aos

homens, que assim ganharam condição divina – e castigos à altura desse status. Como todo bom filme de ficção científica, em um dado momento os terráqueos de “Prometheus” vão enfrentar uma criatura horrenda e mortífera – episódio que explica, finalmente, a origem do Alien de 1979 e deve render uma continuação nos cinemas. MÔNICA KANITZ

METRO PORTO ALEGRE

Outras estreias

‘Apenas uma noite’

‘A primeira coisa bela’

‘Amor Impossível’

[EUA/Fra, 2010], de Massy Tadjedin Com Keira Knightley, Sam Worthington Michael e Joanna parecem ter tudo, mas os dois questionam a relação a partir de uma noite na qual ficam separados. Ele faz uma viagem de trabalho com uma colega por quem sente atração e ela reencontra um amor antigo. Será que o casamento sobreviverá?

[Itália, 2010], de Paolo Virzì Com Valério Mastandrea Extrovertida e bela, a mãe de Bruno era apelidada de “Miss Mamma” pelos coleguinhas dele, o que rendia certo constrangimento ao menino. Já adulto e distante da família, Bruno é convencido a voltar quando descobre que ela está com uma doença terminal.

[Reino Unido, 2011], de Lasse Hallström Com Ewan McGregor e Emily Blunt Do mesmo roteirista de “Quem Quer Ser um Milionário”, essa comédia é um típico caso de filme que ganhou título bem diferente do original (algo como “pesca de salmão no Iêmen”). Nela, um cientista é convidado por um xeique a implantar o pescado em seu país.

Para Ridley Scott, o ano de 2093 terá capacetes de astronauta inteiramente feitos de vidro e à prova de balas, além de androides idênticos a humanos. A pergunta que não quer calar é se o universo que ele cria em “Prometheus” serve mesmo de prólogo para “Alien”. A despeito da ligação entre um e outro, Scott sabe que seu trabalho é simples: assustar o público. Para ele, há apenas dois filmes de horror realmente incríveis: “O Massacre da Serra Elétrica” e “O Exorcista”. “Desde então, deve ter havido uns 900 mil clones em cima das ideias deles.” METRO


12

www.readmetro.com

cultura

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

FOTOS MARCELO CORTES/ FOTOARENA

O homenageado João Bosco acompanhado de estrelas da MPB, como Ivete Sangalo, Milton Nascimento, Zeca Pagodinho,Ney Matogrosso e Arlindo Cruz

Noite de gala da

canção 23o Prêmio da Música Brasileira reúne os melhores da MPB João Bosco foi o homenageado da noite A noite era para celebrar os grandes destaques da canção nacional, mas o discurso emocionado do cantor e compositor João Bosco, que está completando 40 anos de carreira, deu o tom do 23o Prêmio da Música Brasileira, realizado quarta-feira, no Theatro Municipal. Os grandes consagrados foram o rapper paulista Criolo e o cantor pernambucano Herbert Lucena, que ganharam troféus em três categorias. Marisa Monte, Alcione e Dori Caymmi também foram premiados.

35

foram os artistas ganhadores, em categorias da MPB à música clássica, passando por pop, rock, samba, regional, eletrônico e projeto especial.

“Eu entendo essa homenagem como uma homenagem à música brasileira, aos grandes compositores que deixaram esse legado para continuarmos cantando, sempre sorrindo e tocando a vida. Agradeço aos meus parceiros desde Vinicius de Moraes e, principalmente, ao meu parceiro de fé Aldir Blanc”, disse João Bosco, sob aplausos calorosos. Conduzida pelas mestres de cerimônia Luana Piovani e Zélia Duncan, a festa que teve cenografia e direção de arte assinadas por Gringo Cardia, reuniu um time de estrelas da MPB, que subiu ao palco para cantar músicas de João Bosco: Milton Nascimento (“Agnus Sei”), Ney Matogrosso (“O Cavaleiro e os Moinhos”), Alcione (“Quando o Amor Acontece”), Ivete Sangalo (“Corsário”), Arlindo Cruz e Mariene de Castro (“Nação”) e Zeca Baleiro e Blubell (“Miss Suéter”).

Zélia Duncan entregou o prêmio de Melhor Cantor Regional a Herbert Lucena

Zeca Pagodinho e Gaby Amarantos arrancaram risos do público ao trocarem um selinho, enquanto cantavam “Coisa Feita” e “Incompatibilidade de Gênios”. “Participar desse prêmio é muito importante. Eu estava ansioso, nem dormi direito essa noite”, confessou Cauby Peixoto, que levou o prêmio de Melhor Cantor e foi aplaudido de pé. Coube ao ator José Wilker um dos momentos mais bonitos, quando ele leu texto inédito de Aldir Blanc sobre Bosco, em que citava momentos difíceis que ele viveu e foi incompreendido. Em seguida, o homenageado interpretou alguns de seus sucessos memoráveis, como “Papel Marchê” e “O Mestre Sala dos Mares”, levando o público ao êxtase.

GISLANDIA GOVERNO METRO RIO

O rapper Criolo levou três troféus, inclusive o de “Revelação”

Vencedores Arranjador Gilson Peranzzetta álbum “Iluminado”, de Dominguinhos Melhor Canção “Sinhá”, de João Bosco e Chico Buarque Projeto Visual Herbert Lucena - álbum “Não Me Peçam Jamais Que Eu Dê De Graça Tudo Aquilo Que Eu Tenho Para Vender” Projeto: Evandro Borel Revelação Criolo Canção Popular Álbum: “Duas Faces - Jam Session” , de Alcione Dupla: Chitãozinho & Xororó - “Sinfônico 40 anos” Grupo: Banda Calypso - “Meu Encanto Vol. 16” Cantor: Cauby Peixoto - “Ao Vivo – 60 Anos de Música” Cantora: Alcione - “Duas Faces – Jam Session” Instrumental Álbum: “The Art of Samba Jazz”, de Dom Salvador Sextet Solista: Hamilton de Holanda - “Brasilianos 3” Grupo: Zimbo Trio - “Autoral” MPB Álbum: “Poesia Musicada”, de Dori Caymmi Grupo: Passo Torto “Passo Torto” Cantor: Dori Caymmi Cantora: Mônica Salmaso “Alma Lírica Brasileira” Pop/ Rock/ Brega/Hip Hop/ Funk Álbum: “Nó na Orelha”, de Criolo Grupo: Mundo Livre S/A “Novas Lendas da Etnia Toshi Babaa” Cantor: Criolo Cantora: Marisa Monte “O que Você quer Saber de Verdade” Regional Álbum: “Não Me Peçam (...)”, de Herbert Lucena Dupla: Kleuton e Karen “Genuinamente Caipira” Grupo: Ponto Br - “Na Eira” Cantor: Herbert Lucena Cantora: Socorro Lira - “Lua Bonita - Zé do Norte” Samba Álbum: “Nosso Samba Tá Na Rua”, de Beth Carvalho Grupo: Fundo de Quintal “Nossa Verdade” Cantor: Arlindo Cruz “Batuques e Romances" Cantora: Fabiana Cozza Álbuns Especiais DVD: Chitãozinho & Xororó - “Sinfônico 40 anos” Língua estrangeira: “Goodnight Kiss” - Delicatessen Erudito: “Liszt: Harmonies Du Soir” - Nelson Freire Infantil: “Embolada” - Rita Rameh e Luiz Waack Projeto especial: “O Samba Carioca de Wilson Baptista” Eletrônico: “Lá Onde Eu Moro” - João Hermeto Concurso Vale Cantar Thiago Miranda


www.readmetro.com

cultura

Balanço bom na Lapa ‘Festival Santa Música’ levará shows e cortejos à região do Rio Antigo

FOTO ISABEL ACOSTA/ DIVULGAÇÃO

Músicos de algumas das bandas que serão atração no evento musical

Lapa, Praça Tiradentes e todo o Rio Antigo serão embalados pelo “Festival Santa Música”, evento que acontece amanhã e envolve quatro espaços musicais, uma rua de cortejos, 42 shows e mais de 250 músicos. Em época de Rio+20, o festival engrossa o coro contra a poluição, convocando o público a ir de bicicleta. “Temos ações diferentes em cada evento. Mas uma é fixa: o

‘Eu sou catador’, no qual catadoras da Coope Quintungo recolhem tudo o que é jogado pelo público no chão. Elas fazem coleta seletiva e ficam com o lixo, que é rateado entre as 15 catadoras que trabalham no projeto”, destaca David Miguel, da Roda de Produção. GISLANDIA GOVERNO METRO RIO

13

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

Programe-se! Confira a programação em: festivalsantamusica.com.br Estação Cortejos Praça Cardeal Câmara, Lapa: Afoxé Filhos de Ghandi (14h), Rio Maracatu (15h), Multibloco (16h), Hare Krishna (17h), Candomblé (18h), Sinfônica Ambulante

(20h) e Orunmilá (21h). Espaço Eletrônico na rua do Lavradio, 71: Batalha do Real (14h30), DJ Zod (16h), Vinil é Arte (17h30), DJ Montano (19h) e Tata Ogan (20h30). Estação Praça Tiradentes Lu Baratz aCRUstico (14h45), Tai (16h), Uzoto (17h15), Rockz (18h30), El Efecto (19h45) e Posada e o Clã (21h).

Imperator: homenagem ao bamba O saudoso João Nogueira é celebrado no projeto “Sambabook”, que terá lançamento aberto ao público no palco do recém-inaugurado Imperator - Centro Cultural João Nogueira, no Méier. Herdeiro do mestre, Diogo Nogueira será o anfitrião, hoje e amanhã, nos shows da banda formada por músicos que conviveram de perto com o sambista, e que contarão com a participação da Bateria da Portela. Já no domingo, o pro-

jeto “Imperator de Portas abertas” receberá a população para conhecerem o espaço, sem pagar nada por isso. Entre as atrações, contação de histórias com bonecos com Fátima Café e shows em homenagem ao Clube do Samba. Programação completa em: www.imperator.art.br. METRO RIO

No Imperator Projeto Sambabook (rua Dias da Cruz, 170, Méier. Tel.: 3259-1998). Hoje e amanhã, às 21h. R$ 50. 18 anos. De Portas Abertas Atrações das 9h às 19h. Grátis. Livre.

Diogo Nogueira será o anfitrião dos shows

FOTO FELIPE PANFILI/ DIVULGAÇÃO

Panorama da canção carioca Ferveção colorida

Moyseis Marques toca amanhã

O projeto “Panorama da Nova Canção Carioca” promove uma série de shows com os nomes da nova safra de compositores da MPB, no palco da Caixa Cultural, de hoje até domingo. A cada dia subirão ao palco quatro artistas, mostrando a diversidade de estilos de composição, novos arranjos, músicas inéditas e parcerias entre eles. Mauro Aguiar, Edu

Kneip, Thiago Amud e Pedro Moraes são a atração desta noite. Amanhã, o destaque é a participação do cantor Marcos Sacramento, apresentando algumas das canções do novo CD “Todo Mundo Quer Amar”, de Zé Paulo Becker em parceria com o compositor Paulo César Pinheiro, em show que terá Moyseis Marques, Zé Paulo Becker, Vidal Assis e Júlio Dain.

E encerrando a mostra musical, no domingo, o show fica por conta do quarteto formado pelos cantores e instrumentistas Rodrigo Maranhão, Fabio Luna, Marcelo Caldi e Edu Krieger. METRO RIO Na Caixa Cultural (av. Chile, 230, Centro. Tel.: 2262-5183. De hoje a domingo. Todos os shows a partir das 19h30. R$ 10. Livre.

Um dos principais clubes da cidade, o Freedom Space Luxury, que recebe semanalmente programações voltadas ao público hétero, estreia neste domingo sua primeira balada com uma programação voltada especialmente ao público da diversidade LGBT. A DJ Anne Louise comandará a pista com um repertório de muita música eletrônica e pop. O agito tam-

bém ficará a cargo dos DJs Léo Maia, que é o responsável pelo sucesso do remix da cantora Rihana, “Where Have You Been”, Ivyz Santos, Thiago Dukky, Vinny Motta e Bruno Silver. METRO RIO

No Freedom Space Luxury (av. Augusto Severo, 200, Glória. Tel.: 2224-4363). Domingo, a partir das 16h. R$ 30. 18 anos.

MÁRCIO DE ANDRADE/ DIVULGAÇÃO

O Metro indica

DIVULGAÇÃO

Exposição “Arte Múltipla”. O escultor Hildebrando Lima e o artista plástico Clauber Cecconi abrem hoje mostra com suas obras, celebrando, também, os 50 anos de carreira de Cecconi. No Espaço Via Alternativa (Estrada dos Bandeirantes, 12.320, Vargem Pequena. Tel.: 2428-2839. Hoje, das 9h30 às 19h30. Amanhã, das 9h30 às 18h30. Domingo, das 11h às 18h. Terça a quinta, das 9h30 às 19h30. Grátis. Livre. Até 15 de julho.

Show “Planeta no Parque”. O cantor Pedro Luis, um duelo de DJs com participação de Vivi Seixas, filha de Raul Seixas, e do americano Mike Frugaletti, e outras atividades culturais gratuitas, como exposição de fotos e apresentação de dança, animam o público hoje e amanhã no evento promovido pelo projeto Planeta Sustentável. No Parque Garota de Ipanema, Arpoador. Hoje e amanhã, das 10h às 18h. Grátis. Livre.

Escultura de Hildebrando Lima

Teatro, exposição de fotos e performance “Vem!”. Hoje, a inauguração do projeto reúne três eventos: o lançamento do site Specific de

Tam Aroba (às 18h), com intervenção artística da cantora Janaina, a mostra de fotos de Sergio Santoian (às 19h), que exibe cliques de atores como Alexandre Nero e Eriberto Leão, e o espetáculo “Carroça dos Desejos”, dirigido por Eduardo Vaccari (às 20h). Tati da Vila com o grupo de DJs da casa

No Teatro Gonzaguinha Centro de Artes Calouste Gulbenkian (rua Benedito Hipólito, 125, Praça Onze. Tel.: 2224-2746). Hoje. Exposição, lançamento do site e intervenção artística: Grátis. Livre. Espetáculo teatral: R$ 20. 14 anos. Nas carrapetas “Pista dançante”. Após o show de

Bárbara Mendes & Os Refinados, a DJ Tati da Vila apresenta sua mixagem de samba-rock e sambalanço. No Casarão Ameno Resedá (rua Bento Lisboa, 4, Catete. Tel.: 2556-2427). Hoje, às 22h. R$ 25. 16 anos.


14

www.readmetro.com

variedades

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

Os invasores ABC DIGIPRESS

Receita Minuto

Leitor fala Trânsito caótico

DANIEL BORK

BOLO CREMOSO DE FUBÁ Cruzadas

E

m junho, mês de festa junina, as comidas típicas não podem faltar. O bolo cremoso de fubá é um desses pratos típicos. A palavra fubá foi herdada dos africanos que trouxeram para o Brasil a receita do bolo na época da escravidão. RODOLFO BARTOLINI/PORTAL DA BAND

Não estou nada satisfeita com o sistema de trânsito por causa da Rio + 20. A princípio, sem qualquer intenção de ser pessimista, mas já sendo, não acredito em nada do que esse povo trata. Li um acordo para preservação das margens ribeirinhas, em torno de 15/20 metros. É piada? Mas bem que o trâsito está uma graça. Já não bastasse o cotidiano, ainda terão áreas que precisamos evitar. E olha que já levamos duas horas para chegar ao trabalho, já que eu moro em Caxias. E os moradores de Queimados, Bangu, Deodoro? Eu levo somente 30 minutos do Caju à Rodoviária Novo Rio. A linha seletiva da Avenida Brasil não tem nada de seletiva. E a Francisco Bicalho? É um terror. Devia ter uma linha seletiva também na Vermelha, na Amarela, na Perimetral, principalmente para os trabalhadores que fazem essa nação. Jessica Hunt – Rio de Janeiro, RJ

Problemas na Lapa Moro na Lapa e a região está cada vez mais suja. Final de semana enche de gente e fica insuportável ver tanto lixo na rua. Já nos dias de semana, quando não tem tanto movimento, fica perigoso demais. Sempre tem uma briga ou confusão. A polícia fica rondando, mas eles não param para resolver nada. Já liguei para o 190 uma vez por causa disso, e nada melhorou. Juliana Pimenta – Rio de Janeiro, RJ

Pergunta Quais medidas sustentáveis você toma no seu dia a dia?

Ingredientes 3 xícaras (chá) de açúcar 1 e ½ xícara (chá) de fubá 2 colheres (sopa) de farinha de trigo 3 colheres (sopa) de margarina

3 ovos 1 colher (sopa) de fermento químico em pó 3 xícaras de leite raspas de ½ limão e ½ laranja a gosto 1 xícara (chá) de parmesão ralado

Sudoku

@hugoaguiar31: Tento evitar o uso de sacolas e copos plásticos. Uso a coleta seletiva de lixo e também reaproveito materiais de descarte. @thaynacrj: Valorizo produtos locais e rejeito papéis em comércio.

Modo de preparo

@ledoanalu: Separo o lixo para a reciclagem e, sempre que posso, vou a pé ou de bicicleta aos compromissos.

Bata na batedeira os ovos junto com a margarina e o açúcar até ficarem fofos. Á parte em uma vasilha misture o fubá junto com a farinha e o fermento, na sequência coloque na batedeira, misture delicadamente e coloque o restante dos ingredientes, aos poucos. Coloque em uma assadeira retangular com papel manteiga e leve ao forno quente (180º) em banho-maria por aproximadamente 50 minutos ou até dourar bem. Tire do forno, espere amornar, desenforme e sirva.

Horóscopo

Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroRJ

Web Para falar com a redação: leitor.rj@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Deixe o mundo lhe ajudar, evite interferir ou encucar certas coisas que não cabem a você realizar, mas sim esperar. Deixe as pessoas agirem sem pressões. Touro (21/4 a 20/5) Dependência dos outros para se sentir mais feliz e realizado, mas não adianta investir demais nas pessoas sozinho, é preciso que elas também invistam em você. Gêmeos (21/5 a 20/6) Atropelos no amor. Sua vida afetiva pode ser bem agitada no dia de hoje, altos e baixos irão garantir muita emoção e fazer você ferver e suar frio de amor. Câncer (21/6 a 22/7) Dia de lidar com as pessoas e o público, promover o seu marketing ou ter destaque na mídia. Ideias inteligentes podem promover soluções ou curas repentinas.

www.estrelaguia.com.br Leão (23/7 a 22/8) Bom dia para sair de cena e aguardar os acontecimentos. Deixe para os outros a tarefa de achar soluções e mostrar os melhores caminhos a serem seguidos. Virgem (23/8 a 22/9) Hoje as coisas tendem a correr mais rapidamente, soluções e ideias mais profundas podem trazer resultados imediatos, vai ser preciso voar junto com o relógio. Libra (23/9 a 22/10) Dia de transformações interiores que podem ajudar você a amadurecer nos seus relacionamentos. Procure ser mais profundo e mais objetivo em suas decisões. Escorpião (23/10 a 21/11) Não é a hora de chutar o pau da barraca para conseguir o que você quer, e sim de utilizar a sua capacidade de transformação para se adaptar e ser vencedor.

Sagitário (22/11 a 21/12) Dia de ouvir mais as outras pessoas e escutar conselhos que irão lhe agradar e ajudar a diminuir a sua ansiedade. Mantenha-se firme nas situações. Capricórnio (22/12 a 20/1) Não pense que a pressa em resolver as coisas pode te ajudar. O dia pede transformações pessoais e não atalhos e remendos, que não irão adiantar de nada. Aquário (21/1 a 19/2) Atitudes radicais e teimosas só irão complicar as situações e arrastar pendências arriscadas que tendem a permanecer do seu lado sem lhe dar nenhum refresco. Peixes (20/2 a 20/3) Dia de modificar o seu jeito de agir para que as coisas fiquem mais tranquilas. Hoje o mundo material está governando e você precisa se adequar a isso.


Andreoli une humor e esporte na tela da Band

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

Oswaldo barra Loco Abreu e Maicosuel O técnico do Botafogo, Oswaldo de Oliveira, deve barrar Loco Abreu e Maicosuel para o jogo contra o Internacional, amanhã, às 18h30, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. No treino de ontem, ele optou por manter Herrera no ataque e Andrezinho entrou no meio. Fellype Ga-

briel foi a opção no lugar de Elkeson. Expulso na derrota por 3 a 2 para o Náutico, Márcio Azevedo será substituído por John Lennon, que fará sua estreia no time. Sexto colocado com seis pontos, o Botafogo, que tinha vencido os dois primeiro jogos, vem de duas derrotas consecutivas. METRO RIO

FABIO CASTRO/AGIF

Andrezinho deve enfrentar o Inter amanhã

Repórter do ‘CQC’ terá a companhia de Denílson e Paloma Tocci no ‘Deu Olé!’, aos sábados, sempre às 14h15 A partir de amanhã, as tardes de sábado terão Felipe Andreoli, Denílson e Paloma Tocci no ‘Deu Olé!’, novo programa da Band, que além de tratar de futebol, vai cobrir todos os esportes e tem como proposta trazer informação esportiva com humor e descontração. Dentre as atrações do ‘Deu Olé!’, o ‘Quadro dos Sonhos’ vai colocar um esportista sob uma ótica diferente, mostrando um lado que ninguém jamais viu. O ‘Jogo da Verdade’ vai trazer reve-

lações bombásticas sobre a vida e a carreira de um famoso esportista. Outro destaque é o ‘Lição de Casa’, um quadro que promete interação com o público. Telespectadores e internautas poderão enviar vídeos mostrando alguma habilidade atlética e desafiar um esportista a tentar o mesmo. Outro quadro reescreve a história do esporte e vai criar hipóteses de como seriam as coisas se elas tivessem acontecido de maneira diferente. METRO

3

esporte

CLASSIFICAÇÃO BRASILEIRO SÉRIE A

VASCO ATLÉTICO-MG GRÊMIO INTER CRUZEIRO BOTAFOGO SÃO PAULO FLAMENGO FIGUEIRENSE FLUMINENSE SPORT PORTUGUESA NÁUTICO CORITIBA PONTE PRETA SANTOS BAHIA ATLÉTICO-GO PALMEIRAS CORINTHIANS

‘DEU OLÉ’ FELIPE ANDREOLI ESPECIAL PARA O METRO

Lembro-me de quando era criança e usava meu kichute para jogar bola. Eu era um menino quase gordinho, tinha um traseiro avantajado e coxas tão grossas que roçavam uma na outra. Sonhava em ser o camisa 11 da Seleção, que nem o Romário. E mais do que fazer um golaço, a gente queria dar olé. O drible, a bela jogada, é daquele que vai ser falado depois da pelada. A bola debaixo das pernas, o chapéu, o drible da vaca, essa é a jogada que vai ficar eternizada, ao menos para quem fez o lance. Eu era aquele garoto esforçado, que corria, brigava, e de vez em quando, ok, bem de vez em quando, fazia uns gols. Mas apaixonado pelo futebol e pelo esporte. Enquanto eu me esforçava para acertar a bola na rede, em Diadema, um garoto um pouco mais velho parecia ter nascido para jogar bola, ou melhor, para dar olé. Denílson era o típico peladeiro. Peralta, preferia driblar do que fazer o gol. Enquanto o Brasil ganhava pela 4a vez a Copa do Mundo nos EUA-94, o futuro pentacampeão empinava pipa na laje. Fazia fintas com a pipa no ar, sem saber que Roberto Baggio fazia os brasileiros sorrirem após 24 anos. O amor pelo futebol veio depois, como uma paixão arrebatadora, daquelas que os garotos, já homens, sentem quando passa um rabo de saia. Em outro ponto de São Paulo uma menina brincava de boneca sem saber que um dia trabalharia com o assunto preferido dos homens, o futebol. A garota cresceu, ficou bonita e muito jogador gostaria de dar olé na patroa para passar uns minutos com ela. Mas Paloma também sabe driblar o assédio dos mais saidinhos. Hoje fala sobre qualquer esporte, e com muito mais graça do que os marmanjos. Esse é o time que vai dar olé aos sábados na Band, um trio com as mesmas paixões e que quer dividir o amor pelo esporte com quem está do outro lado da telinha. Eu, Denílson e Paloma vamos jogar do jeito que a torcida gosta, com alegria, bom humor, e, claro, muita categoria. Um time que você nunca viu. Bem-vindos ao “Deu Olé!”.

15

www.readmetro.com

esporte

P

V

GP SG

12 10 9 8 8 6 6 6 6 6 5 4 4 3 3 3 2 2 1 1

4 3 3 2 2 2 2 1 1 1 1 1 1 1 0 0 0 0 0 0

9 4 5 6 4 11 4 9 5 4 3 3 6 5 3 1 2 1 2 1

5 3 3 3 2 1 -1 2 1 1 0 -1 -2 -3 -1 -1 -2 -3 -3 -4

5ª RODADA AMANHÃ 18h30 - Internacional x Botafogo 18h30 - Cruzeiro x Figueirense 21h - Fluminense x Portuguesa

Etapa de Milwaukee começa bem para Helio Castroneves

CHRIS TROTMAN/GETTY IMAGES

Na briga direta pelo título da Fórmula Indy-2012, o piloto brasileiro Helio Castroneves começa o fim de semana da etapa de Milwaukee com uma boa notícia. Dois de seus principais rivais diretos na tabela, o australiano Will Power, seu companheiro na Penske, e o neozolandês Scott Dixon, da Ganassi, foram punidos e perderão dez posições no grid de largada da corrida de amanhã, às 15h. No último teste em Iowa, ambos tiveram problemas

em seus motores, que terão de ser trocados antes do prazo estipulado pelo regulamento para a duração das unidades. Após sete etapas, Power lidera a classificação geral com 256 pontos, seguido por Dixon, com 220. James Hinchcliffe, da Andretti, é o terceiro, com 208 pontos, cinco a mais do que Castroneves, que ocupa a quarta colocação. A BandSports e a TV Bandeirantes transmitem. METRO RIO

Líder da Indy, Will Power perderá 10 posições no grid

DOMINGO 16h - Flamengo x Santos 16h - Palmeiras x Vasco 16h - São Paulo x Atlético-MG 16h - Bahia x Sport 18h30 - Ponte Preta x Corinthians 18h30 - Coritiba x Atlético-GO 18h30 - Náutico x Grêmio


16

www.readmetro.com

esporte

SEXTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2012

Fla pega o Peixe com zaga nova

Dedé diz que quer permanecer no Vasco

FÁBIO BORGES/VIPCOMM MARCELO SADIO/VASCO.COM.BR

Joel barra Welinton e confirma Marllon e Marcos González na defesa

Consultor confirma que Milan quer Dedé O ex-jogador Serginho, que é consultor do Milan no Brasil, confirmou ontem o interesse do clube rossonero no zagueiro Dedé, do Vasco. “É um jogador que todo grande clube europeu observa. Há algum tempo estou nesta missão. Ele é um dos nomes que está na minha pauta”, disse Serginho, ontem, à Rádio Tupi. A diretoria do Vasco, no entanto, segue dizendo que não vai negociar Dedé antes do fim do ano.

O cruz-maltino é líder isolado do Campeonato Brasileiro com 12 pontos em quatro jogos, e único time 100% na competição. O adversário, pela quinta rodada, domingo, é o Palmeiras, às 16h, na Arena Barueri. O time paulista, que disputa as semifinais da Copa do Brasil, deve escalar time misto. No entanto, como é apenas vice-lanterna do Brasileiro com um ponto, o Verdão precisa vencer. METRO RIO

Desenho animado

Após defender a seleção chilena, Marcos González está de volta ao Fla

O Flamengo vai encarar o Santos, domingo, às 16h, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, na Vila Belmiro, com uma nova dupla de zaga. Após o treino de ontem, o técnico Joel Santana confirmou a saída de Welinton por opção técnica. Marllon, de 20 anos, será o companheiro de Marcos González, que ficou fora das partidas contra Ponte Preta e Coritiba por estar servindo à Seleção Chilena. O Santos provavelmente não terá o atacante Neymar, já que o Peixe está envolvido nas semifinais da Libertadores e deve poupar a maioria dos titulares. O último Santos x Flamengo na Vila foi o jogo mais eletrizante do Brasileiro de 2011. O rubro-negro venceu por 5 a 4, depois de estar perdendo por 3 a 0. Ronaldinho, hoje no AtléticoMG, marcou três vezes.

2007 é o ano da última derrota sofrida pelo Flamengo para Santos na história. Naquele 5 de agosto, Joel Santana estreava no comando do Rubro-negro e foi goleado por 3 a 0.

Conca O diretor de futebol, Zinho, confirmou ontem o interesse do Flamengo no meia Conca, campeão brasileiro com o Fluminense em 2010 e hoje no futebol chinês: “É excelente jogador, mas precisa se enquadrar na realidade financeira do clube. Se quiser ganhar os números que ganha na China, não há possibilidade nenhuma”, disse. O Flamengo é oitavo colocado no Brasileiro com seis pontos. METRO RIO

Itália empata e se complica

CLAUDIO VILLA/GETTY IMAGES

Ronaldinho é a estrela de 52 episódios na Rai Yo Yo

Campeã mundial, a Espanha goleou a Irlanda por 4 a 0, ontem, em Gdnask, pela segunda rodada do Grupo C da Eurocopa, assumiu a liderança da chave, com 4 pontos e, de quebra, eliminou o rival. Fernando Torres (2), David Silva e Fábregas marcaram para a Fúria. No primeiro jogo da chave, em Poznan, a Itália empatou a segunda partida consecutiva, ocupa o terceiro lugar com dois pontos e vê sua classificação às quartas de final ameaçada.

Pirlo abriu o placar e Mandzukic deixou tudo igual. A Croácia ocupa a segunda posição, mas tem o mesmo número de pontos da líder Espanha (quatro). Segunda-feira, a Itália precisa vencer a eliminada Irlanda e, se ganhar por rês ou mais gols de diferença, avança independentemente do resultado de Espanha x Croácia. Hoje, pelo Grupo D, jogam Suécia x França, às 13h, e Inglaterra x Ucrânia, às 15h45, com transmissão da Band. METRO RIO

Italiano Pirlo vibra após marcar gol de falta

DIVULGAÇÃO

R10 na televisão italiana Se o Ronaldinho de verdade vive um momento negativo na carreira, o do desenho animado está em alta. A série de desenhos animados do jogador, produzida pela TV italiana GIG Itália, com base em histórias em quadrinhos do personagem criado por Mauricio de Sousa, entrou no ar na programação infantil da RAI YO YO na semana passada. R10 é a estrela da série de 52 episódios de 11 minutos cada um. As histórias em quadrinhos já foram publicadas em 48 idiomas em jornais e revistas que atingem 82 países.

Fred nega proposta Boca vence La U e árabe e diz que fica fica perto da vaga Após notícia de que o clube Al Sadd, do Qatar, que estaria disposto a desembolsar US$ 50 milhões para contratá-lo por três anos, o atacante Fred disse ontem que vai

permanecer no Fluminense. Décimo colocado no Brasileirão com seis pontos, o tricolor enfrenta a Portuguesa, amanhã, às 21h, no Engenhão. METRO RIO

O Boca Juniors derrotou a Universidad de Chile por 2 a 0, ontem, na Bombonera, pela partida de ida da semifinal da Libertadores, e pode até perder por 1 a 0 quinta-

feira, em Santiago. Na outra semifinal, o Corinthians venceu o Santos, quarta-feira, na Vila, por 1 a 0, e joga pelo empate no jogo de volta, no Pacaembu. METRO RIO

metro rio, news, brasil, portugues  

metro rio, news, brasil, portugues

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you