Page 1

Recortes nº 023 Índice – 2 de Fevereiro de 2011 - Porto de Setúbal com endividamento zero - Porto de Setúbal ‘limpa’ endividamento - APSS com endividamento zero - Ministro António Mendonça no Porto de Sines - Portos recuperam 6,3% de cargas em 2010 mas ficam ainda abaixo de anos anteriores - Automóveis – Vendas caem menos do que o esperado - Vendas de carros novos caem 9,7% em Janeiro com fim de incentivos ao abate - Vendas de automóveis caem 9,2% em Janeiro - João Carvalho: Nomeação para a presidência do IPTM já em Diário da República - João Carvalho preside ao IPTM - Encomendas de porta-contentores chegarão aos 1,6 milhões de TEU - Cabeça do molhe do porto das Lajes das Flores - Pesqueiro ‘Desterrado’ meteu água mas conseguiu chegar a Sesimbra

1


Cargo News, 1 de Fevereiro de 2011

Porto de Setúbal com endividamento zero A Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra (APSS) amortizou, em 24 de janeiro, o último empréstimo bancário, passando a ter uma situação financeira de endividamento zero. Em 2005, o valor da dívida remunerada era superior a 12 milhões de euros. A administração de Carlos Gouveia Lopes refere que "o sucesso deste desiderato deve-se à rigorosa política financeira da APSS, que conseguiu aliar o desenvolvimento à sustentabilidade, bem como, ao empenhamento dos colaboradores. A actual saúde económico-financeira tornará a empresa mais forte para enfrentar os desafios futuros".

2


Transportes & Negócios, 1 de Fevereiro de 2011

Porto de Setúbal ‘limpa’ endividamento A Administração do Porto de Setúbal anunciou ter amortizado em Janeiro o último empréstimo bancário. [+]

3


Newsletter APP, 1 de Fevereiro de 2011

PORTOS DE SETÚBAL E SESIMBRA

APSS com endividamento zero A APSS, SA amortizou, em 24 de Janeiro, o último empréstimo bancário, passando a ter uma situação financeira de endividamento zero. Em 2005, o valor da dívida remunerada era superior a 12 milhões de euros. O sucesso deste desiderato deve-se à rigorosa política financeira da APSS, SA, que conseguiu aliar o desenvolvimento à sustentabilidade, bem como ao empenhamento dos colaboradores. A actual saúde económico-financeira tornará a empresa mais forte para enfrentar os desafios futuros, anuncia a administraçao dos portos de Setúbal e Sesimbra.

4


Newsletter APP, 1 de Fevereiro de 2011

Ministro António Mendonça no Porto de Sines A 28 de Janeiro o Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, António Mendonça esteve no Porto de Sines, acompanhado pelo Secretário de Estado dos Transportes, Carlos Correia da Fonseca, para inaugurar o Porto de Abrigo, presidir à cerimónia de aumento ao efectivo de uma nova viatura de segurança e lançar a primeira pedra da obra de ampliação do Molhe Leste, visitando ainda as obras de expansão do Terminal XXI. António Mendonça presidiu ao auto de consignação da empreitada da ampliação do Molhe Leste, lançando a primeira pedra desta obra orçada em cerca de 40 milhões de Euros e que representa a ampliação da infra-estrutura existente em mais 400 metros, cuja extensão final será de 1.500 metros, garantindo assim as melhores condições de abrigo e operacionalidade dos navios no Terminal XXI, tendo em conta a continuidade de expansão do cais e terraplenos. Por outro lado, pretende-se igualmente assegurar fundos de -17 metros ZH de forma a reforçar as condições de manobra aos navios de maior calado, O governante inaugurou o Porto de Abrigo do Trem Naval das Autoridades do Porto de Sines, localizado numa zona abrigada, situada entre o Terminal de Contentores e o Terminal Multipurpose, com capacidade para 25 embarcações. O investimento nesta infra-estrutura foi de 401.300 Euros e ali ficarão localizados os meios de apoio naval da APS, assim como as embarcações das entidades marítimas com funções de fiscalização na área portuária e zona costeira. A nova viatura de segurança VETA 02 - Veículo com Equipamento Técnico de Apoio é todo-o-terreno polivalente, apto a transportar contentores especializados e adequados para intervenções em situações de emergência nos mais variados cenários, tendo o investimento representado 108.000 Euros. A esta viatura foi dado a nome de “Joaquim Porfírio dos Reis”, ex-funcionário da APS que desempenhou funções de bombeiro-chefe no Porto de Sines até se aposentar. Nas declarações proferidas no decurso da visita às obras de expansão do Terminal XXI, cuja conclusão vai permitir, já em 2011, a operação em simultâneo de 2 navios “megacarriers” de 14.000 TEU, António Mendonça abordou os resultados atingidos pela APS no ano transacto, em que o tráfego de contentores cresceu mais de 50%, destacando a consagração de Sines como o principal porto exportador do país, elogiando a capacidade desta infra-estrutura em atrair agentes económicos de capacidade internacional, deixando ainda a garantia da aposta na continuidade dos trabalhos de melhoria da ferrovia.

5


Jornal de Negócios, 2 de Fevereiro de 2011 – Pág. 12

6


Jornal de Notícias, 2 de Fevereiro de 2011 – Pág. 38

7


Diário Económico, 2 de Fevereiro de 2011 – Pág. 26

8


Jornal de Negócios, 2 de Fevereiro de 2011 – Pág. 18

9


Cargo News, 1 de Fevereiro de 2011

João Carvalho: Nomeação para a presidência do IPTM já em Diário da República Já foi publicada em Diário da República a nomeação de João Carvalho para a presidência do Instituto Portuário e de Transportes Marítimos (IPTM). João Carvalho é uma figura incontornável do shipping nacional, que a CARGO teve a honra de entrevistar no seu primeiro número, em Março de 1991 quando o agora presidente do IPTM estava à frente do amor de quase toda a vida profissional: a Transinsular, um armador então na esfera da Compagnie Maritime Belge (CMB). Licenciado em Economia pelo Instituto Superior de Economia da Universidade Técnica de Lisboa e diplomado pela Escola Náutica Infante D. Henrique, João Carvalho seguiu a carreira de oficial da marinha mercante até 1975, na Companhia Colonial de Navegação e depois na CTM — Companhia Portuguesa de Transportes Marítimos. Do ponto de vista associativo, presidiu à AAMC — Associação de Armadores da Marinha de Comércio, à CPL - Comunidade Portuária de Lisboa e foi membro da direcção da ECSA — European Community Shipowners’Association, entre outras batalhas que foi travando ao longo de toda uma vida dedicada aos assuntos do mar. Do seu vasto currículo destaque ainda para a qualidade de membro de direcção do Fórum Permanente para os Assuntos do Mar (outra menina dos seus olhos); e presidência do conselho geral da ENIDH — Escola Superior Náutica Infante D. Henrique desde 2009. Também desde esse ano é membro do Conselho Consultivo de Obras Públicas, Transportes e Comunicações (CCOPTC). Foram ainda nomeados para o conselho diretivo do IPTM, como vogais, os economistas Maria Elisa Silva Saloio e Guilherme Gottschalk Mata da Silva, reduzindo-se a três os membros deste órgão por necessidade de redução da despesa, lê-se no D.R..

10


Transportes & Negócios, 1 de Fevereiro de 2011

João Carvalho preside ao IPTM João Carvalho é o novo presidente do Conselho Directivo do IPTM, sucedendo a Miguel Sequeira, recentemente nomeado para a presidência do Registo Internacional de Navios da Madeira (MAR). [+]

11


Transportes & Negócios, 1 de Fevereiro de 2011

Encomendas de porta-contentores chegarão aos 1,6 milhões de TEU As encomendas de navios porta-contentores caíram 21% no ano passado, para um nível normal, abrindo espaço para o regresso às compras, mas com cautela, prevê a BIMCO. [+]

12


Newsletter APP, 1 de Fevereiro de 2011

CABEÇA DO MOLHE DO PORTO DAS LAJES DAS FLORES

APTO adjudica empreitada que ascende a quase 3 milhões de euros A Administração dos Portos do Triângulo e do Grupo Ocidental (APTO), S.A., adjudicou a empreitada para reparação da cabeça do molhe do porto das Lajes, na ilha das Flores, Açores, num investimento que ascende a € 2.849.750,50 (dois milhões, oitocentos e quarenta e nove mil, setecentos e cinquenta euros e cinquenta cêntimos). A empreitada em causa estará a cargo do consórcio Somague Engenharia, S.A. e Somague Ediçor, Engenharia, S.A., desenvolvendo-se na extremidade nordeste do cais comercial das Lajes das Flores, a qual se apresentava desgastada face ao efeito produzido por diversos temporais de grande intensidade ocorridos nos últimos anos. A intervenção agora projectada para a cabeça do molhe do porto das Lajes das Flores traduz-se na adopção de uma solução de reparação que consiste na reconstrução do manto de protecção acima de -4 m (ZH). Recorde-se que naquela mesma infraestrutura portuária da ilha açoriana das Flores tem vindo a ser construído ao longo dos últimos meses um núcleo de recreio náutico, com capacidade para cerca de 70 embarcações, uma gare de passageiros – comportando também armazéns e instalações para as autoridades portuária, marítima, aduaneira e de fronteiras –, e, ainda, uma rampa para operação de navios ro-ro (Roll on / Roll off) e ferry, obras que juntando à empreitada agora prestes a arrancar representam, no seu conjunto, mais de € 13.600.000,00 (treze milhões e seiscentos mil euros) de investimento do Governo dos Açores naquele que é o porto comercial mais ocidental da Europa.

13


Jornal de Negócios, 2 de Fevereiro de 2011 – Pág. 18

14

Recortes Nº023 de 2011  

- Porto de Setúbal com endividamento zero - Porto de Setúbal ‘limpa’ endividamento - APSS com endividamento zero - Ministro António Mendonça...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you