Issuu on Google+

Recortes nº 2 Índice – 3 de janeiro de 2012 • • • • • • •

Aumento de tráfego automóvel no porto de Setúbal dinamiza região APSS: Prémio de Logística entregue a 10 de Janeiro Porto de Setúbal bate recorde de transporte de viaturas Terminal XXI de Sines já tem cinco pórticos Vendas automóveis caem um terço em 2011 ‘Mercadorias e Logística’ em debate ‘Mercadorias e Logística’ hoje em debate

APSS, SA Praça da República 2904-508 Setúbal Portugal Nº Reg. Comercial e NPC: 502256869 Tel.: +351 265 542000 Fax: +351 265 230992 Sítio Internet: www.portodesetubal.pt Email: geral@portodesetubal.pt


Setúbal na Rede – 2 de janeiro de 2012

Aumento de tráfego automóvel no porto de Setúbal dinamiza região O aumento nas exportações no segmento Roll On Roll Off do porto de Setúbal 2011 face ao ano de 2010 representa um sinal de desenvolvimento económico para a região, “que se torna assim mais competitiva”. Carlos Lopes, presidente do conselho de Administração do Porto de Setúbal e Sesimbra (APSS), afirma que “em termos gerais, o porto de Setúbal posiciona-se em Portugal como o grande porto de veículos, praticamente o único da orla atlântica, e como grande centro ro-ro da Europa e na Península Ibérica, com ligação directa ao Extremo Oriente”. “Futuramente, o terminal roll on roll off pode ser aproveitado para a realização de operações de transhipment, ou trânsito marítimo, de veículos entre o Mediterrâneo, o Norte da Europa, a Ásia e a América do Sul, designadamente pela rede da Volkswagen”, diz Carlos Lopes, que atribui à Autoeuropa a responsabilidade por este aumento nas exportações. O porto de Setúbal obteve o valor mais alto nas operações no terminal roll on roll off desde 2006, evidenciado pelo crescimento nas exportações de 44,5 % face a 2010. Porém, o presidente da APSS perspetiva uma redução nas importações neste novo ano. “É natural que as importações de veículos pelo porto de Setúbal venham a sofrer algum impacto com a perspectivada redução da procura interna”, declara Carlos Lopes. As perspetivas deixam de ser pessimistas quando se trata de exportações, já que “devido ao dinamismo das empresas exportadoras, como a Autoeuropa, que pretendem apostar em novos mercados, é de esperar que a atividade aumente num ano que se adivinha difícil para o país, numa conjuntura de austeridade”, prossegue o presidente da APSS. As recentes escalas quinzenais de viaturas da Autoeuropa para a China, promovidas pela NYK Line “podem ser potenciadas com a função de entreposto entre as rotas do Brasil-Alemanha e a Rota do Mediterrâneo-China, trazendo novas actividades para a região”, declara Carlos Lopes. “A Autoeuropa e a Volkswagen Logistics têm realizado um excelente trabalho para o desenvolvimento das capacidades do porto de Setúbal, colocando-o no topo da rede logística da marca alemã e aproveitando as suas excelentes condições e localização geo-estratégica”, prossegue. O presidente do conselho de administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra prevê ainda possibilidade de “o porto de Setúbal vir a oferecer no seu interior serviços logísticos de elevado valor acrescentado aos veículos”. Esta medida, para Carlos Lopes, “configuraria uma nova e importante âncora para o trânsito marítimo e terrestre internacional de veículos através do porto, segmentos que podem assim vir a ser atraídos”. Rogério Matos - 02-01-2012 15:42


Cargo News – 2 de janeiro de 2012

APSS: Prémio de Logística entregue a 10 de janeiro A APSS – Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra, SA e a ESCE – Escola Superior de Ciências Empresariais do Instituto Politécnico de Setúbal irão proceder à entrega do Prémio de Logística do Porto de Setúbal numa cerimónia simbólica, a realizar no próximo dia 10 de janeiro, pelas 17 horas. Dos trabalhos apresentados a concurso, destacaram-se dois que mereceram a distinção do júri, composto por dois representantes da APSS, dois representantes da ESCE, e pelo Professor Doutor Crespo de Carvalho, cujos temas são “Intermodalidade e Multimodalidade” e “Análise da Capacidade do Terminal Roll-on Roll-off”. À semelhança da edição anterior, o evento irá decorrer no Auditório do Edifício Sede da APSS, SA e o programa, para além das apresentações institucionais dos dois promotores, contará com a apresentação de cada um dos trabalhos, culminando a cerimónia com a entrega dos respetivos prémios.


Público. Online – Carga & Transportes – 26 de dezembro de 2011 Mais de 115 mil VW da Autoeuropa

Porto de Setúbal bate recorde de transporte de viaturas O embarque de viaturas no porto de Setúbal ultrapassará as 115 mil unidades em 2011, número que constituirá o melhor valor da exportação do segmento ‘Roll/onRoll-off” desde 2006. Trata-se de um crescimento alavancado pela exportação de viaturas fabricadas na Autoeuropa, nomeadamente, pelos modelos Volkswagen Eos, Sharan e Scirocco e Seat Alhambra, que viram a sua produção atingir, de Janeiro a Novembro de 2011, as 126 mil unidades, um aumento de 38,5% face ao mesmo período de 2010. A Autoeuropa exporta cerca de 99% da sua produção, tendo como principais destinos a Europa, Estados Unidos e China. Em Novembro, arrancaram as escalas quinzenais da NYK Line para embarque de viaturas da Autoeuropa para a China, posicionando o porto de Setúbal na primeira linha da rede logística da Wolkswagen, com ligações directas para outros continentes sem passar pelo porto de Emden, o principal do grupo. .


Público. Online – Carga & Transportes – 26 de dezembro de 2011 E em 2012 terá 6 pórticos para navios megacarries

Terminal XXI de Sines já tem cinco pórticos No âmbito do plano de expansão do Terminal XXI do porto de Sines foi já colocado no cais o 5º pórtico super-post panamax. Trata-se de mais um equipamento de última geração que permite um alcance de 22 fiadas de contentores a bordo dos navios, estando assim vocacionado para operar os megacarriers de última geração inseridos nas principais rotas marítimas intercontinentais, bem como os de 16.000 e 18.000 TEU que estão agora a ser construídos. Desde 25 de Novembro, a Administração do Porto de Sines está a dragar os acessos marítimos ao terminal de contentores. Oferecendo já um cais de acostagem com 730 metros de comprimento e fundos de 17,5 metros, o Terminal XXI contará ainda em 2012 com um 6.º pórtico de características similares a este, preparando-se, assim, para continuar a crescer e a reforçar o posicionamento de Portugal na rota dos principais fluxos de mercadorias entre as grandes regiões do globo.


Jornal de Negócios – 3 de janeiro de 2012 – Pág. 40

.


Público. Online – Carga & Transportes – 26 de dezembro de 2011

Dia 3 de Janeiro em Lisboa

‘Mercadorias e Logística’ em debate 26.12.11 - 10:20 Por Paulo Vilarinho “Mercadorias e Logística” é o tema da conferência que se realiza dia 3 de Janeiro de 2012 no Palácio da Independência, em Lisboa. Promovidas pela Associação Seaborne Portugal, Associação Portuguesa para o Desenvolvimento de Sistemas Integrados de Transportes (Adfersit) e pela Cargo edições, esta conferência é a segunda do ciclo “Transportes ao serviço da economia”, iniciado dia 13 de Dezembro. A conferência começa ás 17h45m, com moderação de Gonçalo oliveira, e serão oradores a professora de transportes Rosário Macário, o especialista em gestão portuária Vitor Caldeirinha, o consultor dos caminhos de ferro de Luanda, Acúrcio dos Santos, o especialista em transportes Pires da Fonseca e o director-geral da CPLP, Hélder Vaz. A conferência seguinte, que encerrra o ciclo, será dia 17 de Janeiro, esperando-se a presença do director da revista Cargo, Luís Filipe Duarte.


Cargo News – 2 de janeiro de 2012

‘Mercadorias e Logística’ hoje em debate A Conferência "Mercadorias e Logística", inserida no Ciclo de Conferências intitulado "Transportes ao Serviço da Economia", irá realizar-se hoje (terça-feira) no Palácio da Independência (Lisboa). O evento, promovido pela Revista CARGO, a Associação Seaborne Portugal e a ADFERSIT, e com o apoio do Grupo de Transportes do Instituto Superior Técnico (IST) terá início às 17.45h. Esta será a segunda conferência do Ciclo "Transportes ao Serviço da Economia", depois do bem-sucedido debate sobre Mobilidade Urbana, promovido a meados de dezembro. Moderada por Gonçalo Oliveira, contará com intervenções de Rosário Macário (IST e MIT), Vítor Caldeirinha (professor universitário e especialista em Gestão Portuária), Acúrcio dos Santos (consultor dos Caminhos de Ferro de Luanda), José Pires da Fonseca (Especialista em Transportes) e Hélder Vaz (CPLP). Recorde-se que as entradas são livres e não requerem qualquer tipo de inscrição prévia.


Recortes Nº2 de 2012