Page 1

Diário Notícias 21­04­2013

Periodicidade: Diario

Temática:

Política

Classe:

Informação Geral

Dimensão:

3042

Âmbito:

Nacional

Imagem:

S/Cor

Tiragem:

56361

Página (s):

1/2 a 5


Diário Notícias 21­04­2013

Periodicidade: Diario

Temática:

Classe:

Informação Geral

Dimensão: 3042

Âmbito:

Nacional

Imagem:

Tiragem:

56361

Página (s): 1/2 a 5

Política

S/Cor

oqPorto Aconteça Menezes Filipe aLuís com de deixarei ao candidato lser acontecer nunca ei ue Considero me um pouco um animal político em vias de extinção Continuo a ser quer do ponto de vista ideológico quer do ponto de vista idiossincrático um social democrata nórdico

dos anos 60 Acredito que a economia serve para criar condições para haver um Estado igualitário um Estado em que todos têm as mesmas oportunidades Acredito nos políticos dessacralizados que andam na rua a conviver com o povo que vão ao cinema que arriscam até a ser mortos como OlofPalme no meio da rua Não acredito na democracia dos políticos distantes nos carros blindados com vidrosfumados nem acredito nas políticas liberais

Aconteça o que

acontecer com a lei nunca deixarei de ser candidato ao Porto Mas não importa Com o máximo res peito que temos pelos tribunais infe

riores que estão a pronunciar se em questões que são colaterais ao pro blema de fundo todos sabemos que a decisão final sobre este assunto é do

TC

E o problema de fundo é saber se a

lei fere ou não a constítucionalida A entrevista é viva e arranca a Luís

de

Filipe Menezes a afirmação quefaz o

Este combate à volta desta querela jurídica é eminentemente político e foi transposto para os tribunais E per doem me a imodéstia não é pormim mas penso que é mais pelo Porto pela importância que um Portugal bipo lar com um Porto forte passa a ter no

título principal Ele não a quer escla recer interpretem como entende rem masparececlaroqueseporacaso

visse a sua candidatura chumbada

pelo TribunalConstitucionalnãodei

xariadeseapresentaraoPortoporin

terposto candidato alguém da sua

País Acredito no Estado de direito de

toeasuavisãoparaacidadeeparaa

mocrático Há três questões essen ciais Primeiro lugar esta lei tem pais

confiança queassumisse o seu proje

região Como Putin também ele tem

o seu Medvedev Mas por enquan to acredita que não vaiserpreciso che garaessepontoequeofavoritismo pa tente nos estudos que tem mandado fazeracabaráporofazersucederaRui Rio

O Tribunal deu provimento à pro vidência cautelar interposta pelo movimento Revolução Branca proibindo o de se candidatar à

Câmara do Porto Só o Tribunal

Constitucional é que vai resolver em definitivo esta querela Que é

política Um bom trabalho que a comunica ção social faria e fará é elucidar os portugueses de que esta questão vai

ser decidida pelo TC e só pelo TC Porque por vezes vemos aí títulos Seara já não é candidato a Lisboa Há decisões intercalares

Marques Guedes Marques Mendes Vitalino Canas Vieirada Silva António Filipe PCP PS PSD Todos eles interrompendo António José

Seguro não vai apresentar nas lis tas do PS nenhum candidato que esteja nas circunstâncias de ter go

vernado uma câmara durante três mandatos

É uma opção política O PS também

diz que a lei é escorreita vai fazer essa opção política porrazões estritamen te de opção no seu conceito da sua ética política atual continuando Os pais da lei quem fez a lei explicaram o que a lei diz Depois cpnstitucionalistas não é ma

temáticos epolitólogos que vejo mui

tos por aí a teorizarsobre o problema agora constitucionalistas Vital

Moreira Vieira de Andrade António Cândido de Oliveira Paulo Otero Marcelo Rebelo de Sousa

também

são unânimes AprópriaCNE tem esta opinião de que os autarcas com três mandatos podem candidatar se a outra câmara portanto a partir daí quem tem uma convicção à volta de

uma candidatura que tem propostas e ideias para tomar um Porto forte e tem atrás de si um apoio popular si

gnificativo tem de acreditarno Estado

de direito Eu acredito no Estado de

direito Respeito as decisões dos tri

bunais intermédios mas é oTribunal Constitucional e só esse lá adiante que vai decidir este assunto

Há constítucionalistas que dizem que o Tribunal Constitucional só

vai poder julgar sobre a inconstitu

cionalidade da lei em si e não sobre

a interpretação que dela fazem em tribunais cíveis No recurso para o Constitucional o que o PSD vai pedir é que se julgue a constitucio

de experiência para serpresidente de

Não não é isso que vai acontecer

É apontado claramente como o

nalidade desta lei

Aquilo que vai acontecer lá para dian te é perante uma candidatura em con creto apresentada no tribunal de co

marca havendo a não aceitação dessa candidatura ou um protesto que nessa altura só pode serfeito por um partido político e não por um cida dão qualquer como agora acontece há um recurso para oTC E aí o TC vai

dizerse há elegibilidade ou não há ele gibilidade do candidato em concre to Mas permita me só um pequeno fait divers que vale o que vale é cu

rioso que o líder da dita Revo lução Branca seja o mandatário de há três anos da candidatura de Narciso

Miranda à Câmara de Matosinhos e

que em cima do púlpito dizia que o que era bom mesmo era ter 27 anos

uma câmara

favorito à eleição no Porto mas

tem ainda de gerir algumas dificul

dades na sua própria área política Ser visto como um adversário de

deixar caracterizar diria que conti

nuo a ser querdo ponto de vista ideo lógico quer do ponto de vista idios sincrático umsocial democrata nór dico dos anos 60

um

RuiRioé is ainterrompendo rap pDizia ac ddis nah noiseu Sou o primeiro candidato à Câmara curso de apresentação de candida do Porto que tem o apoio da totalida tura que o meu projeto está no de da unanimidade dos presidentes centro esquerda de junta da cidade que trabalharam Precisamente por isso Isso é uma crítica ao atual PSD com o atual presidente da câmara Que teve em 30 votos de uma comis Acredito que a economia serve para são política de concelhia unanimi criar condições para haverum Estado dade Que em plenário concelhio teve igualitário um Estado em que todos 80 de votos a suportá lo Portanto têm as mesmas oportunidades tenho a consciência de ter a esmaga Acredito nos políticos dessacraliza dos que andam na rua a conviver doramaioria do partido comigo Mas para mim essa não é uma questão com o povo que vão ao cinema que Considero me um pouco um animal

político em vias de extinção Se me

arriscam até a ser mortos como Olof Palme no meio da rua Não acredi


Diário Notícias 21­04­2013

Periodicidade: Diario

Temática:

Classe:

Informação Geral

Dimensão: 3042

Âmbito:

Nacional

Imagem:

Tiragem:

56361

Página (s): 1/2 a 5

Política

S/Cor

Como vê a saúde da coligação

assisado como esses agentes po

Julgo que nas questões essenciais aquelas que decidem se um Governo cai porque há uma des conexão completa de uma coli

Como é que viu esta última re

de Governo PSD CDS PP

gação não corre riscos Aquilo

que tenho visto é a afirmação de princípios gerais de convergên cia nas questões fundamentais Agora se me pergunta se algu

líticos terão

modelação e a substituição de Miguel Relvas por outros dois ministros Marques Guedes e Poiares Maduro

Lembro me do professor Cavaco Silvahá20 anos quando fui mem

mas atitudes individuais de al

guns agentes políticos do CDS contribuem para a imagem pú blica da coesão da coligação não contribuem

Está a falar de António Pires de Lima

Não o dr Pires de lima não per

tence ao Governo E normalmen

te são as pessoas que não perten

cem ao Governo que são aquelas que são utilizadas para fazer o contraponto e ele tem no feito com grande elegância e com muita competência Portanto está a falar de Paulo Portas

Estou a falar das diatribes perma

nentes do dr Paulo Portas como

esta falta à tomada de posse dos novos ministros do Governo por que estava a 30 km de Lisboa e não pôde ir

Acha que teve um significado político de dizer ao Governo que não está de acordo com a remodelação

Tem um significado político O dr Paulo Portas continua igual a ele

to na democracia dos políticos dis

tantes nos carros blindados com vi dros fumados nem acredito nas po líticas liberais Por isso como sabe

eu fui eleito há três anos toda a gente conhecendo as minhas qualidades

colhem a pessoa e não o partido Será por isso que o CDS não o podia apoiar formalmente Não posso dizer que o CDS não me apoia porque seria uma redundân cia Aliás aproveito para afirmar que

e os meus defeitos

há dois dias fez 70 anos

dado que já era presi

que nasceu Adelino AmarodaCosta Um

dente da câmara há dez

anos por 62 de votos E as sondagens no Porto dizem o mesmo

homem que eu en quanto jovem tive oportunidade de co

que esses 62 de votos de Gaia ou seja que

nhecer Fiz a primeira campanha da Aliança

há eleitores comunis

Democrática com ele

tas socialistas do Bloco

no Porto

de Esquerda e nomea

Fezvinte e poucos

damente muitos elei

anos que morreu

tores à esquerda que em eleições locais es

Era um grande demo

crata e um homem im

portantíssimo para aprimeira vitória da coligação daAD em 1979 Mas não posso dizer que o CDS não me apoia quando Eugênio Anacoreta Correia João Anacoreta Correia Ribeiro e

Castro Sílvio Cervan ArturJorge Basto Pedro D Orey Mónica Baldaque

remodelar Eu não sou tão radical

quanto o professor Cavaco Silva mas considero que as remodela ções são momentos muito difí ceis e que é particularmente difí cil remodelar em baixa ou seja quando um Governo não está com índices de popularidades muito elevados o campo de re crutamento é muito menor a

como parceiro da coligação Quando se tem a responsabilida de de encontrar uma maioria para

mente pessoal o dr Marques Guedes manter se no lugar em que estava de coordenador da parte mais administrativa mais burocrática mais jurídica do

tro confiava em Paulo Portas

governar um país tem de se fazer tudo para que se criem as condi ções para que isso aconteça E o

Moreira também pode dizer que o PSD o apoia Ou seja fundadores do CDS do Porto

possibilidade de construir uma

identificam se comigo Ou quandoo coordenadorautárquico do CDS que vaiservereadoremGaia dizqueapoia

Portas

de uma forma entusiástica

remodelações Dizia que normal mente remodelações era sempre para pior Era muito renitente a

pressão para a decisão é muito maior e portanto não é fácil re modelar Quanto aos resultados desta remodelação não tenho ainda neste momento condições para dizer se ela vai ser esplendo rosa Aliás ela acaba por ser uma microrremodelação mas eu por exemplo veria com melhores

PSD só tinha manifestamente a

a gestão de Gaia dos últimos 12 anos

fessor Cavaco Silva tinha horror a

próprio Tem muitas qualidades é um homem inteligentíssimo tem feito um bom trabalho por exemplo na diplomacia econó mica reconheço o Mas aquela pequena tentação para a diatribe de adolescente não lhe passa Foi líder do PSD Se fosse hoje líder do PSD e primeiro minis

Sim mas neste sentido Rui

estão na minha comissão de honra e

bro do Governo com ele O pro

maioria nestas circunstâncias

com o CDS Agora na política do dia a dia confiar em Paulo

É melhor perguntar a

opinião ao dr Marcelo Rebelo de Sousa ao dr Durão Barroso ao dr Santana ao dr Passos Coelho daqui a uns tempos do que a mim que nunca tive a possibili dade de trabalhar tão de perto quanto isso para terum juízo tão

olhos mas é uma opinião mera

Conselho de Ministros e ter um

ministro de Estado com perfil mais político com mais experiên cia de coordenação política Por exemplo o dr Marco António Costa Mas é uma opinião pes soal respeito completamente as opções do primeiro ministro De Marco António Costa fala se

mas é para o substituir a si no Porto se não puder avançar com a sua candidatura

risos Essa questão não se co

loca


Diário Notícias 21­04­2013

Periodicidade: Diario

Temática:

Classe:

Informação Geral

Dimensão: 3042

Âmbito:

Nacional

Imagem:

Tiragem:

56361

Página (s): 1/2 a 5

Política

S/Cor

viremmais30milpessoasparaoPorto ou que o Porto não tinha perdido ha bitantes só que eles iam dormir fora do Porto Fiquei completamenteper plexo com essa observação porque os senhores andam no Porto e o Porto

do século XX que era Cedofeita Santo Ildefonso e Bonfim está deserto O

Porto do século XIX que eram as fre

guesias ribeirinhas está deserto E

mais é uma desertificação perigosa porque é qualitativa Há velhos ido

sos há bairros sociais e há gente rica de classe A Faltam jovens e classe média Perguntam me como é que

vamos conquistá los numa década Com uma estratégia Essa estratégia passa porvários parâmetros Tem de haver políticas sociais atrativas O

Estado social a nível nacional está a recuar

interrompendo Comoéquevai

fazerissoemcontraciclocomo País

qestá O que significa Rui apoia também Que lá ele oP Moreira atem dmuitos ue izer SD militantesdoPSD

Há militantes do PSD que apoiam o dr Rui Moreira quatro ou cinco os mesmos que não me apoiavam quan

do eu era líder do partido Não houve aí grande mudança Quem são os mi litantes do PSD que apoiam Rui Moreira

São vários que anunciaram

São quatro ou cinco que respeito muito Mas como é que me posso

queixar de quatro ou cinco militan tes do PSD que apoiam o dr Rui Moreira quando tenho milhares de dirigentes do CDS do PS do PC a apoiarem me Homens de esquerda como o arquiteto Massena Quando ouve Rui Moreira a falar

que uma das suas bandeiras para a

cidade é que continue a ter contas à moda do Porto o que pensa

Com ironia Não sei se o dr Rui Moreira se está a referir às contas da

nãoSRU foram

aprovadas e sobre as quais ele vai ter de dar justificações Creio antes que esta

que

ria a falar das contas

da Câmara de Gaia

Aí há uma grande dife rença entre mim e o dr

amigo do senhor Pinto da Costa no ano A e inimigo no ano B não adulo o dr Menezes no anoA e sou inimigo dele no ano B não digo que o dr Rui Rio é o pior dos presidentes de câma ra em exercício no ano A e depois passa a ser o maior no ano B Esta é

uma grande diferença entre mim e o

cimento e desenvolvimento As con tas de Gaia

Escorreitas As contas de

Gaia estão entre as 25

boas contas com desenvolvimento

País Porque o senhor não pode cair naquele erro que é maldoso e perver

ça substancial É que eu acredito nas Ainda hoje publico emjornais publi cidade paga até as contas da Câmara de Gaia A Câmara de Gaia se fosse uma empresa este ano tinha dado um lucro de quase dois milhões de euros Mas no entanto o investimen to não parou As escolas o saneamen to a recuperação da costa de mar da

costa de rio Ou seja não se pode ter é dois discursos não se pode é ser con

traa troikaàsegunda feira como algunsdes

ses candidatos ao Porto

e depois serpeias contas espartanas do ponto de

vista contabilístico à

quarta ou à quinta

O endividamento de

Gaianão o preocupa Responda me a essa pergunta

Vou responder a essa pergunta O homem que

lidade em relação ao

António de Oliveira

mundo à vida e às pessoas Não sou

tem de ser compatibilizado com cres

dr Rui Moreira Mas há outra diferen

Rui Moreira Em primei

ro lugar não mudo de opinião com muita faci

reitas Só que nos deixouna cauda do mundo e eu não quero esse caminho O discurso hoje moderno na Europa é o de que este excesso de austerida de de troikanismo que anda por aí

melhores contas teve em

Portugal chamava se

Salazar Pôs as contas do País escor

melhores do

so de dizer a Câmara de Gaia é a se

gunda câmara que emvalorabsolu to tem maiorpassivofinanceiro Bem

mas depois também não dizem que

Lisboa é a primeira Nunca se fala de Lisboa E Lisboa tem um passivo qua tro ou cinco vezes superior a todas as outras nomeadamente Gaia Aquilo que para o Estado afere o endivida mento do município é o endivida mento percapita por pessoa e o en dividamento líquido E é em função desses dois parâmetros que as câma ras são castigadas ou não castigadas Nesse particular a Câmara de Gaia fez mais de mil milhões de euros de

investimento Significa o quê O se nhor conhecia Gaia Significa as me lhores praias do País significaum cen tro histórico recuperado significa 14 mil crianças ao fim da tarde a fazer desporto significa escolas que a Administração Obama vem aqui re conhecer E mesmo assim estamos entre as 25 melhores câmaras do

País do ponto de vista financeiro

Afirmou que os agentes políticos

do Norte os seus cidadãos e diver

sos grupos profissionais tinham razões de sobra para se sentirem

diminuídos e injustiçados O queé que estas críticas dizem da relação com o seu partido e a forma como está a governar O centralismo português há muito que é traiçoeiro e perverso para com o Porto e para com o Norte Mas penso que já estávisto queo caminho não é

o do Calimero entristecido É de pe

garmos naqueles sete milhões de pes soas que estão entre Coimbra e as Astúrias pegarmos numa coisa que

é fantástica que é a marca Porto que é o vinho do Porto que é o FC Porto

que é o Porto património da Huma nidade que são as pontes do Porto a escola de arquitetura do Porto a Universidade do Porto pegar nesta

marca e acreditar numa coisa a

Europa de futuro vai ser a Europa das cidades região Eumacidade região com um projeto e boa liderança pode crescer mais depressa do que cresce o próprio País Daí a ambição que co loco Eu coloco a ambição de um Porto que perdeu 90 mil habitantes nas úl

timas duas décadas recuperar 50 niil

numa década

Como vai fazer isso Como vai con

seguir que a habitação seja mais barata

Recuperar 50 mil habitantes é recu perar riqueza para a cidade Fiquei

perplexo quando ontem vi um co mentário a dizer que era perigoso

Deixe me tentar explicar O Estado social recuou e está a recuar por ra zões conhecidas e óbvias a nível na

cional Mas o Estado social a nível au

tárquico tem condições financeiras a avançar Porquê Porque afase das grandes infraestruturas do sanea mento da água da habitação social passou E portanto as cidadesdevem entrar na lógica da competitividade pelo social Eu vou dar aquilo que dou em Gaia o que faço em Gaia livros escolares gratuitos para as crianças Ou seja um jovem casal com 25 anos com dois filhos sabe que se for viver para Gaia não paga livros escolares durante os nove anos da escolarida

de obrigatória Eu vou dar bolsas de estudo para a universidade para os jovens que fazendo este ciclo tenham


Diário Notícias 21­04­2013

boas notas e fiquem a estudar no Porto Eu vou apoiar os pais dessesjo vens que vivam sozinhos com apoio domiciliário permanente Eu vou dar determinadas condições vantajosas de acesso a creches para crianças nas cidas no Porto Mas vou ter também

uma política fiscal amigável de quem quer ir viver para o Porto OIMI tem de ser reduzido a quase zero não é só no centro histórico é na cidade toda

E vai conseguir fazer isso tudo Já sei a pergunta que me vai fazer de onde vem a receita Se o IMI já é zero se não há transações nenhu mas então mais vale que ele seja zero porque decorre de habitantes que vão para lá habitar e que depois passam a ser consumidores pagam IRS e isso vai refletir se por exem plo na receita que o Orçamento do Estado transfere Tem de haver po líticas fiscais amigáveis políticas so ciais amigáveis tem de haver uma outra política de regeneração urba

Periodicidade: Diario

Temática:

Classe:

Informação Geral

Dimensão: 3042

Âmbito:

Nacional

Imagem:

Tiragem:

56361

Página (s): 1/2 a 5

tituições democráticas Havia dois possíveis candidatos Pessoalmente como militante preferia o dr José Guilherme Aguiar Houve uma si tuação praticamente de um empa te e eu com o partido completa mente dividido a meio em Gaia con

siderei que essa divisão seria com pletamente autofágica para os in tuitos do partido E daí ter se esco lhido uma outra figura que é uma pessoa que conseguiu a unanimi dade do apoio dos presidentes de junta o que em Gaia é muito muito importante a unanimidade do apoio da comissão política do par tido e eu diria o apoio esmagador de 90

dos militantes

Senão conseguiu que essa sua su gestão fosse acolhida vai conse guir ter uma palavra a dizer na es colha dos potenciais candidatos às freguesias do Porto Em relaçãoàprimeira questão eusou

na completamente diferente da que tem sido seguida nos últimos anos

dos 800 prédios para recuperar Ao ritmo da recuperação dos últimos

prédio no centro histórico Portanto

estar envolvidos Temos de consti

proprietários têm de entrar num

fundo global coercivamente para poder participar na recuperação da

cidade É uma filosofia completa

mente diferente desta paquidérmi ca que transformou casas velhas

devolutas em casas novas devolu

tas o que é altamente desmorali zante

O senhor tinhaproposto que José Guilherme de Aguiar fosse candi dato a Gaia No entanto isso não foi aceite pelo partido e vai avan

çar CarlosAbreu Amorim O que é

que isso diz da sua influência na região

É o funcionamento normal das ins

ses emergentes para viver e para gas tar no Porto na Universidade do Porto E depois os presidentes de

junta fazem a gestão do território por proximidade Serão pessoas conhecidas ou pes soas que precisam de legenda Há alguns que vêm de trás que são muito bons presidentes de junta como o presidente da junta de Paranhos que é um médico muito prestigiado a presidente da junta de Massarelos que também é uma mu lher muito dinâmica de Lordelo e Massarelos

Fale me dos novos

Vamos ter novidades com quadros colegas seus jornalistas de primeira linha de televisão

dicos de prestígio da cidade Vamos ter uma equipa de presidentes de junta de luxo a apresentar para a se mana Aliás como é de luxo o presi dente da Assembleia Municipal o meu amigo ministro da Defesa Fiquei perplexo quando ouvi um candida to um dia destes dizer como é que era possível um ministro ser candi dato à Assembleia porque era em part time Fico completamente per

a filosofia tem de ser recuperar toda a cidade Campanhã o Bonfim Cedofeita Há quarteirões inteiros em Santos Pousada por exemplo que custam o mesmo que um único

tuir uma SRU diferente em que os

Olhe

um dos grandes projetos que temos por exemplo é conseguir numa dé cada trazer25 mil estudantes dos paí

bons comunicadores Vamos termé

anos demorávamos 80 anos a recu perar só o centro histórico Portanto

sistema financeiro e a banca têm de

mover o turismo da cidade

Então é que vai garantir boa im prensa nessa altura Vamos ter jornalistas experientes

Nos últimos anos foram recensea

se aumentarmos a mancha do que tem as vantagens do ponto de vista por exemplo fiscal e social da re generação urbana estamos a fazer baixar os preços Temos de consti tuir uma SRU diferente em que o

os grandes problemas parair buscar investimento ao estrangeiro parapro

plexo Manuela Ferreira Leite foi mi nistra e presidente pela Assembleia

um democrata Pus a minha posição cingi me à maioria e a maioria deci

Municipal Marcelo Rebelo de Sousa foi presidente e bom presidente do Conselho Diretivo da Universidade

diu e decidiu bem e tem todo o meu

de Direito de Lisboa e muitos anos

apoio

presidente de uma Assembleia Não me consta que o dr Daniel Bessa vá deixar de dar pareceres e dedicar se em exclusivo a vogal da Assembleia Municipal E se não puder ser por deliberação

Em relação à segunda Em relação às juntas de freguesia

tenho neste momento um consen

so com o partido com o engenhei ro Ricardo Almeida e com a direção do partido Já temos neste momen

to no essencial os candidatos àsjun tas escolhidos Em princípio iremos anunciá los para a semana É um upgrade

Pode destacar um ou dois neste momento

Posso dizer lhe que fundamental

mente vai transmitir esta ideia um

pouco o modelo francês parisiense e agora londrino o mayor está lá em

cima para as grandes questões para

do TC candidato à Câmara do Porto

Vou ser candidato ao Porto éum pro blema de convicção Vou ser candi dato ao Porto porque acredito no

Estado de direito Vou ser candidato ao Porto e nunca em nenhuma cir

cunstância e agora faça a interpreta

ção que entender eu deixarei de ser

Política

S/Cor

A propósito da remodelação tem dito que gostaria de um ministro das Finanças com maior sensibi lidade social Chegou o tempo de trocar na sua opinião de minis tro das Finanças

Eusou um fidelíssimo apoiante deste primeiro ministro Acho que é o pri meiro ministro mais sério intelec

tualmente que Portugal teve depois do 25 de Abril Agora não significa

que eu seja cego surdo e mudo Não acredito nestas políticas Primeiro não acredito nesta Europa transfor mada num grande espaço de con sumidores que levou à desindus trialização e principalmente nos paí ses do Sul que a colocou nas mãos de países emergentes que fazem dumpingsocial que não cumprem as regras do jogo nos direitos

na economia

Não é fácil a este primeiro ministro ou qualquer outro primeiro minis

tro na Europa remar contra esta

maré Este problema é um proble ma muito europeu Por exemplo quando se diz agora Portugal devia ter pedido mais tempo Portugal devia ter pedido mais apoio finan ceiro Portugal devia ter sido menos

do homem ambientais de uma

Europa que não se federalizou em matérias de política económica fi nanceira e orçamental Não acredi to nesta Europa Esta Europa vai ter de mudar Não acredito no essencial

das teorias impostas pelas instân cias internacionais tipo FMI e Banco Central Europeu Ao Governo português Não é a Portugal à Europa em geral Estamos de facto perante uma clas

se dirigente a nível internacional que se viciou demasiado nos lugares de primeira classe dos aviões que fez carreira a circular de Singapura para Bruxelas de Bruxelas para Washington e que tem muito pouca vivência do mundo real e se preocu pa só com indicadores e índices

É aíque colocaVítor Gaspar

Amaioria dos ministros das Finanças da Europa tem esse perfil E a maio ria dos ministros das Finanças em Portugal ao longo dos anos têm tido esse perfil Olhe via um ministro das Finanças e até vou utilizar um nome que é um nome que não está na cor rida nem podia estar mas para per ceberem o perfil que eu desenhava Por exemplo um engenheiro Mira Amaral alguém da economia real Um dr Silva Peneda alguém da eco nomia real alguém que compagina a ideia de que é preciso rigor orça mental que há metas do ponto de vista financeiroedejusteza das con

tas públicas que têm de ser perse

guidas mas que depois vai ao super mercado sabe quanto custa um bi lhete de cinema sabe quanto custa um bilhetede metro sabeoque custa pagar ordenados numa empresa ao fim do mês E a maioria dos nossos

candidato ao Porto Aconteça o que

ministros das Finanças não sabe Tem esperança de que esse pri

de ser E vou ganhar as eleições

faça as alterações necessárias

acontecer com a lei nunca deixarei

para que haja uma maior aposta

meiro ministro que elogia tanto

espartano nas políticas de austeri dade Porventura mas ninguém

em consciência pode dizer que os resultados não teriam sido muito

piores porque ostais mercados pre dadores que andam à solta podiam ter nos castigado de uma forma de molidora se nós tivéssemos dado

um pequeno sinal de frouxidão em relação a uma destas questões Eu

discordo delas todas Agora o que acho é que sozinhos porventura não teríamos tido oportunidade de

remar ministroteve contra eventualmente a maré O primeiro asen

satez de perceber que sozinho não podia contrariar esta lógica euro peia Agora como se sabe a Europa começa a dar sinais de mudança Vê essa mudança Muito discreta e muito lenta Mas já se fala em alterações que têm a ver com condições diferentes para os países a quem foram impostos estes programas já se falacom outra força e outra convicção da possibilidade de chegarem as eurobondse serres tituída uma outra justiça Só vimos George Soros talar disso

Éverdade que sim

Eéum grande especulador

mundial da bolsa

Mas já se começa a falar até agora não sefalava E o problema está iden tificado Realmente não é justo que Portugal pague por ano oito mil mi

lhões de euros de juros para que por exemplo aAlemanha ou Chipre que é um país mais pequeno tenham condições muito maisvantajosasno que diz respeito àquilo que são os resultados da concretização dos em

préstimos que contraem

20130421 Entrevista Luís Filipe Menezes TSF / DN  

20130421 Entrevista Luís Filipe Menezes TSF / DN

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you