Issuu on Google+

Gabarito JORNAL DA EDUCAÇÃO

Ano VII

Edição nº 331

Rio Branco-AC, 11 A 17 DE OUTUBRO DE 2010

Leia a versão online desta edição em

www.portalgabarito.com.br

E-MAIL: gabarito_ac@terra.com.br

Acadêmicos de Administração experimentam Jornalismo PáginaS 4 E 5

LIVRARIA PAIM APÓIA PROJETO SESC cIÊNCIA Página 8

PERSONAGEM Secretária Executiva do Emerson é exemplo de dedicação Página 2

Professora Esperanza Ângolo, Aires Pergentino, Socorro Pena e Elizete Carvalho no lançamento da Mostra Ciência do Cotidiano no Teatro Plácido de Castro

FACULDADE Equipe de Futsal da Uninorte representa Acre no JUBs 2010 Página 7

Dicas para o Vestibular A professora Leylane Hadad completa as dicas de Matemática iniciadas na edição passada pelo professor Uelder Teixeira. Leylane Hadad possui Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade Estadual do Pará (UEPa) e é professora do Curso Aprovação, do Colégio Acreano e da Escola Max. Página 7


Gabarito

-

Rio Branco-Acre, 11 a 17 de outubro de 2010

jornal da educação

2

PERSONAGEM

Secretária do Emerson é exemplo de dedicação Secretária Executiva comemora aniversário no Dia da Secretária

E

m 30 de setembro é comemorado o Dia da Secretária e neste dia, a secretária executiva Keitiana Carregosa dos Santos comemora, também, o seu aniversário. Formada em Secretariado Executivo pela Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO) Keity, como é carinhosamente tratada pelos amigos, é exemplo de dedicação à sua atividade profissional, sendo respeitada pelos Keitiana comemora aniversário no mesmo dia dedicado às secretárias executivas

alunos e colegas de trabalho. Como Secretária Executiva Keity é responsável pela parte administrativa e financeira do Emerson Pré-Concurso e Vestibulares, onde trabalha desde junho de 2007, sendo uma referência na empresa que atua. “No curso também sou responsável pela comodidade que a empresa oferece para nossos alunos e possíveis alunos que vêm ao Emerson em busca de realizar o sonho de ser aprovado em concursos públicos”. A formação de secretária executiva, segundo Keity, aprimorou

os conhecimentos na área em que atuava e fez com que crescesse profissionalmente, além de contribuir para o relacionamento com colegas de trabalho, amigos e alunos. Comemorar duas datas ao mesmo tempo é, para Keity, um momento de satisfação. “Comemorar meu aniversário no dia 30 de setembro é algo maravilhoso. Ter sua carreira profissional vinculado ao seu lado pessoal traz uma grande satisfação. É um fato e uma grande realização poder comemorar o meu aniversário no mesmo dia que se comemora o Dia da Secretária Executiva”.

Colégio Meta realiza atividades em outubro n No ano que comemora 32 anos de fundação, o Colégio Meta estará realizando neste mês de outubro várias atividades dentro do calendário aprovado no início do ano. O diretor do colégio, professor Itamar Zanin, destaca que as atividades serão desenvolvidas com o apoio dos diretores, coordenadores e professores, que estão empenhados com os alunos, para que os eventos sejam realizados com sucesso. De acordo com o calendário, o Dia das Crianças será comemorado o próximo sábado, 16, pela parte da manhã, no ginásio coberto do colégio. Esta atividade será coordenada pela professora Lídia Pinto, com o apoio dos professores que estarão participando das brincadeiras em que as crianças

Gabarito

Publicação dirigida para a área da Educação

Jornalista Responsável: Evaldo Pereira Ribeiro (164 DRT/AM) Contato: 8402-5842

estarão envolvidas. No dia 23, também um sábado, será realizada a tradicional MaraMeta, com a participação de pais, ex-alunos, alunos e amigos que anualmente prestigiam a maratona que sai do Horto Florestal até o Colégio Meta, no bairro Abrahão Alab. Nesta atividade o colégio conta com o apoio da Companhia de Trânsito (Ciatran), que organiza a passagem dos participantes no trajeto definido pela coordenação da MaraMeta. Dois eventos serão realizados no dia 27, sexta-feira: pela manhã os professores estarão participando do encontro pedagógico com a participação da equipe do Sistema Positivo de Ensino; e à tarde, um aulão do Sistema Positivo de Ensino para os alunos do 1º, 2º e 3º Anos do Ensino Médio, que será realizado no Teatro da Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO). Segundo o professor Itamar Zanin a participação dos professores, alunos e pais é fundamental para o sucesso das atividades, a exemplo dos anos anteriores.

Professor Itamar Zanin e a coordenadora do Ensino Médio, professora Fátima Zanin, convidam alunos e pais para os eventos

A palavra é... Informívoro É um termo utilizado para designar o ser humano que passou por diversos estágios evolutivos, no contexto da era da informação, onde para sobreviver necessita de acesso à informação, como forma de proporcionar energia (alimento) ao corpo. Marco Bonito, professor MSc. da Universidade Federal do Pampa (Unipampa) de São Borja (Rio Grande do Sul) Participe desta coluna enviando uma palavra que você acredita que tem um significado diferente para gabarito_ac@terra.com.br


Rio Branco-Acre, 11 a 17 de outubro de 2010

jornal da educação

-

Gabarito

3

ESCOLA

Simulado testa conhecimentos dos alunos antes do vestibular

Alunos e professores participam de atividade prática realizada pelos alunos do 4º Ano

Brechó do Vitória arrecada dinheiro para instituição Dinheiro arrecadado com as vendas será doado para instituição

B

aseado no texto “Brechó da Vovó”, estudado em sala de aula, os alunos do 4º Ano do Ensino Fundamental, orientados pela professora Aline Torres, organizaram uma feira para vender produtos que não tinham mais utilidade em casa. O resultado das vendas, no total de R$ 302,00 será destinado a uma instituição social, através de produtos de limpeza e gêneros de primeira necessidade. A professora Aline disse que o texto “Brechó da Vovó” é uma história em quadrinhos que fala da situação de uma menina que estava na rua, seu vestido rasgou e ela teve que comprar uma roupa usada no brechó. “A partir do texto foi realizada a atividade prática, com o envolvimento dos alunos que arrecadaram roupas e acessórios para que fossem ven-

didos no Brechó do Vitória”. Os alunos se envolveram desde o estudo do texto até a realização da atividade no pátio da escola, na manhã do dia 2 de setembro. “O dinheiro arrecadado será doado a uma instituição

de caridade. Estamos preparando a visita, para que os alunos acompanhem a entrega, pois foi a dedicação deles e a participação de professores e colegas que conseguimos arrecadar o dinheiro”.

Simulado prepara alunos do Colégio Alfa-COC para o vestibular da Ufac Os alunos do Ensino Médio do Colégio Alfa-COC, participaram do simulado realizado pelo Sistema COC de Ensino, visando acompanhar o desempenho dos alunos durante o ano letivo. Ao todo serão realizados sete simulados em 2010, sendo cinco para o 3º Ano e 2 para o 1º e 2º Anos do Ensino Médio. Os simulados têm como objetivo acompanhar o ensino que está sendo ministrado e preparar os alunos para os vestibulares. Após a realização de cada simulado, os alunos recebem o Relatório de Avaliação de Desempenho, onde eles têm acesso ao resultado. Os simulados são elaborados pela equipe de professores do Sistema COC de Ensino, com a participação de 32 escolas conveniadas. Dos cinco simulados para os alunos do 3º Ano do Ensino Médio, quatro são corrigidos em Ribeirão Preto (SP) e um é corrigido por uma equipe local de professores do Colégio Alfa. n

Além dos simulados preparatórios para os vestibulares que os alunos enfrentam o final do ano, o Colégio Alfa-COC oferece provas visando a preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), além de oferecer o Intensivo Pró-Enem para alunos e convidados de escolas públicas. As aulas, realizadas através de tele-sala, são comentadas e exemplificadas por professores do Sistema COC de Ensino. O Intensivo tem aulas e super dicas que são transmitidas nas datas e horários agendados. Segundo a diretora do Colégio Alfa-COC, Érica Smargiassi, este é mais um diferencial do colégio para preparar alunos para o Enem. “As aulas e super dicas podem ser acompanhadas tanto por alunos do Alfa-COC quanto de outros colégios, sejam particulares ou públicos”. As aulas do Intensivo PróEnem acontecem às terças e quintas-feiras, das 14 às 18 horas.

QUE O Ã X M PAI CORRE O C A VIV SSO Ê E C U S O VOC DE ATRÁS

3224-0726


Gabarito

-

Rio Branco-Acre, 11 a 17 de outubro de 2010

jornal da educação

4

ESPECIAL

Administradores x Jornalismo: uma

Atividade de experimentação na disciplina Gestão do Conhecimento leva acadêmicos do curso de Administração do Ins

O

s formandos do 8º período do curso de Administração do Instituto de Ensino Superior do Acre (Iesacre), Turmas 801 e 802, participam de uma experiência que agrega valor para a vida profissional. Como desafio, foi proposto pelo professor Evaldo Ribeiro na disciplina Gestão do Conhecimento que os futuros administradores realizassem uma atividade prática de experimentação sobre a importância da Gestão do Conhecimento nas empresas na Era da Informação. As turmas foram divididas em 5 grupos para participação de uma experimentação nas áreas de TV, jornal impresso, fotografia, blog e rádio, integrando assim todos os conhecimentos não só na área administrativa, mas em todas as

áreas profissionais. Ao grupo formado pelos acadêmicos Elizonir Lima da Silva, Fernanda Caren Lima Freias, Marluce Souza Santos Filha, Núbia da Silva Neves e Roseane Lima de Farias, coube a elaboração de textos para jornal impresso, com artigo sobre a importância da Gestão do Conhecimento para os administradores, uma pesquisa com alunos de 1º, 2º, 3º , 5º e 8º períodos dos cursos de Administração, Contabilidade, Gestão Ambiental e Serviço Social, mostrando assim, que cada pessoa possui um conceito sobre o que é Gestão do Conhecimento. Além desse material, entrevistaram a gerente da Unidade de Acesso de Mercado, Informação e Tecnologia (UAMIT) do SEBRAE-AC, sobre o tema.

ARTIGO A importância da Gestão do Conhecimento na Administração

Roseane Lima de Farias Todos nós somos um pouco de tudo, mas em análise bem profunda somos mais administradores. Administramos nosso lar, nosso tempo, nossos relacionamentos e quando não temos o conhecimento adequado sobre determinada situação ela acaba saindo do que planejamos e desejamos realmente, isto é, a forma simples de entender como uma empresa chega a falência. O que mais influencia nas decisões corretas n

na vida pessoal e profissional é a quantidade de conhecimento que adquirimos em toda nossa jornada. A Gestão do Conhecimento deve estar presente em todas as áreas profissionais. Diferente do que muitas pessoas acham, o conhecimento é um diferencial competitivo e aliado daquele que quer fazer o melhor. As habilidades e qualidades que aplicamos em todas as áreas de nossa vida nos engrandecem enquanto cidadãos, em busca não só de ser mais um, mas de ser aquele que pode ser diferente, como a lenda do beija flor: sozinho ele não apaga o fogo, mas motiva para que todos os outros pensem de forma diferente e comecem a agir para tornar um mundo melhor, um país melhor e detentor do maior diferencial competitivo, o Conhecimento. Lembrando sempre que no mundo em que vivemos Conhecimento e Capital Intelectual caminham juntos, onde a informação e o saber é a arma mais forte para ser um bom profissional.

Acadêmicos do 8º período, Turma 802 do curso de Administração, responsáveis pelos textos para jornal impresso

“A Gestão do Conhecimento é um valioso recurso estratégico utilizado nas empresas” Gestão do Conhecimento significa organizar os principais processos e ferramentas gerenciais e tecnológicas objetivando uma melhor compreensão dos processos de geração, identificação, validação, disseminação, compartilhamento e uso dos conhecimentos estratégicos para gerar resultados econômicos para a empresa e benefícios para os colaboradores. O propósito da gestão do conhecimento é organizar e sistematizar a capacidade da empresa de captar, gerar, criar, analisar, transformar, armazenar, disseminar, implantar e gerenciar a informação, tanto interna como externa. Em seguida, esta informação deve ser transformada efetivamente em conhecimento e transmitida a quem interessar. Atualmente, há uma grande quantidade de informação disponível nos mais diferentes n

meios em jornal, revistas, rádio, televisão, bibliotecas, internet, etc. Essas informações, quando úteis e aplicáveis, geram conhecimento dentro da empresa, o que é fundamental para a inovação de produtos, serviços, processos, marketing e organizacional. A gestão do conhecimento é um valioso recurso estratégico utilizado nas empresas. Cada vez mais a gestão do conhecimento é considerada como um elemento central no desempenho organizacional. É tão importante como todos os outros recursos existentes numa organização. Oferece maior agilidade e capacidade de resposta, sendo que aumenta o rendimento dos colaboradores e contribui para que estes se tornem mais competitivos e rentáveis. Além disso, aumenta a produtividade e melhora a tomada de decisão,

neste caso a tomada de decisão será feita com maior rapidez e eficiência, maximizando a obtenção de melhores resultados. Soraya Neves, gerente da Unidade de Acesso de Mercado, Informação e Tecnologia (UAMIT) do SEBRAE-AC


Rio Branco-Acre, 11 a 17 de outubro de 2010

jornal da educação

-

Gabarito

5

ESPECIAL

a experiência inovadora no Iesacre

stituto de Ensino Superior do Acre (Iesacre) a produzirem textos para jornal, programas de TV e Rádio, blog e fotografia

Pesquisa: Gestão do Conhecimento - que bicho é esse? A pesquisa foi realizada com acadêmicos da Faculdade Barão do Rio Branco que integra a União Educacional do Norte (Uninorte). Em um universo de 7 mil acadêmicos, foram entrevistados 100 universitários do 1º, 2º, 3º, 5º e 8º períodos dos cursos de Administração, Gestão Ambiental e Contabilidade. O tema central da entrevista foi Gestão de Conhecimento: o que é, qual sua importância, quais etapas e qual o conceito individual de cada um. Constatou-se que hoje as pessoas já reconhecem a importância de adquirir Conhecimento e se qualificar, independente da faculdade que está cursando. A Gestão do Conhecimento é considerada uma das maiores ferramentas impulsionadoras do crescimento profissional. De forma mais simples, os acadêmicos acreditam que se qualificar e conhecer aquilo em que trabalha contribui para o desempenho da profissão. Hoje, a velha frase “não basta ser bom, tem que ser o melhor” está em evidência. E o que proporciona tudo isto é o Conhecimento que o profissional agrega na faculdade ou mesmo durante a trajetória enquanto cidadãos. Pode-se constatar que a maioria das pessoas detém um conceito formado sobre Conhecimento, identificando as etapas que são percorridas e onde pode leva tal Conhecimento. Entretanto, algumas ainda têm dúvidas e imaginam que o Conhecimento n

é apenas algo para passar em concurso público e ter estabilidade. De forma mais ampla, os acadêmicos destacam que esta é a Era do Capital Intelectual, onde as organizações avaliam o conhecimento de cada um. Em outras palavras “o que vou agregar a minha organização se contratar um profissional de marketing?” Durante a pesquisa surgiu a pergunta: será que o Conhecimento é tão importante assim e faz com que se cresça profissionalmente? Percebeu-se que os nossos conhecimentos geram um fluxo de informação corrente que auxiliam o profissional diante de situações que exigem técnica, atitude e conhecimento da área em que atua. Os entrevistados sabem que o Conhecimento tem várias etapas distintas. Primeiramente tem-se a aprendizagem onde se coleta as informações, depois este Conhecimento é externado para a organização; tem-se as lições de aprendizagem o que se prende ao longo da vida pessoal e profissional e com todos esses conhecimentos agregados tem-se a última etapa, a do pensamento criativo, o que se coloca prática todo o Conhecimento. Na pesquisa realizada, o grupo selecionou algumas frases de cada faixa etária que ilustram o que os acadêmicos pensam sobre a Gestão e Conhecimento e sua importância para a sociedade (leia ao lado).

FAIXA ETÁRIA

As melhores frases de acordo com a faixa etária dos entrevistados A pergunta feita para os acadêmicos foi: defina o que é, para você, Gestão do Conhecimento e o que ela pode contribuir na sua vida profissional? n

De 16 a 24 “Conhecimento é a capacidade que cada ser humano possui de descobrir onde está sua ignorância. A partir do momento que a pessoa conhece sua falha, com leituras e compartilhamento de informações, ela pode estar colaborando para a boa opção de vida como também para a sociedade”. De 25 a 29 “Capacidade de gerenciar conhecimento próprio e alheio para aplicá-lo com a finalidade de disseminação de informações e busca de melhores resultados pessoais e empresariais”. De 30 a 39 anos “Gestão do conhecimento é um meio de disseminar e distribuir informações corporativas entre os membros de uma equipe, incluindo novos conhecimentos e novas formas de administrar”. De 40 a 49 anos “É importante porque é através da Gestão do Conhecimento que podemos alcançar o sucesso”. De 50 a 59 anos “Através do conhecimento podemos transmitir experiências e com isso melhorar minha auto-estima e minha vida profissional.”

A Gestão do Conhecimento nas empresas A globalização está fazendo com que as empresas, sem as proteções oficiais das reservas de mercado, tenham que se ajustar à Nova Economia. Precisam adequar seus custos e aumentar a produtividade para serem competitivas. Por isso, muitas empresas já estão pensando em seus funcionários operacionais, administrativos e administradores, não mais como simples “Recursos Humanos”, mas sim, como “Capital Humano”. Esse novo enfoque enfatiza que as pessoas são parte crucial de uma empresa e como tal, têm necessidade de serem desenvolvidas, gerenciadas e tratadas com o mesmo respeito distinguido a todos os outros capitais. Na Nova Economia, as mudanças ocorrem com extrema rapidez e as pessoas apesar de não acompanharem essas mudanças com a mesma velocidade, têm que se moldar às novas situações, necessitando de atenção para reduzirem ou eliminarem essa diferença e conseguirem atingir os objetivos empresariais. Por outro lado, as empresas por muito tempo subestimaram o valor dos conhecimentos de seus funcionários. Hoje, sabese que a soma desse conhecimento tem um valor e que mensurá-lo e tê-lo sob controle, e acima de tudo, aplicá-lo em favor da empresa, torna-se um diferencial competitivo. Mas para ser aplicado, não basta tê-lo. Nesse momento entra outro importante e decisivo componente: a motivação do n

funcionário para aplicá-lo. Somente empresas atentas ao seu Capital Humano, conseguem reter os talentos e motivá-los a utilizar o seu conhecimento em benefício de ambos. A relação ganha/ ganha faz parte dos valores dessas empresas. E somente o desenvolvimento contínuo do conhecimento humano e de suas formas de aplicação permitirá o atendimento das necessidades dessa nova Era. Assim, o grande desafio das Organizações do Século XXI será atrair e reter clientes, fornecedores e criadores de conhecimento. A estratégia empresarial necessitará estar fortemente apoiada em uma estratégia de educação continuada dos empresários, executivos e técnicos que compõem o capital humano das Organizações. Isto se fará por meio de programas estruturados sob medida para as necessidades específicas do negócio e que valorizem o raciocínio criativo, a resolução de problemas, o desenvolvimento de lideranças, o autogerenciamento da carreira, a efetividade na comunicação e na colaboração, além do desenvolvimento tecnológico. Nesse contexto de grandes transformações, de economia globalizada, de mercados cada vez mais concorrentes entre si, o instrumento de competitividade das Organizações necessariamente deverá ser baseado em conhecimento. Francisco Marnilson, Gilney, Luciano, Maxwell, Sandro e Laura, Acadêmicos do 8º período, turma 801

Acadêmicos do 8º período, Turma 801 do curso de Administração produziram o texto sobre Gestão do Conhecimento nas empresas


Gabarito

-

Rio Branco-Acre, 11 a 17 de outubro de 2010

jornal da educação

6

ATUALIDADE

Professora elogia espaço infantil da Livraria Betel

Alunos do 5º Ano da Escola SESI visitam espaço infantil da livraria

Professora Socorro: incentivo para a confecção de brinquedo

Brinquedos são produzidos com material reciclado Os alunos da professora Socorro Melo de Souza, do 1º Ano do Ensino Fundamental do Colégio Padrão, realizou uma atividade com as disciplinas de Inglês e Artes, onde os alunos produziram brinquedos a partir de materiais reciclados. A atividade aconteceu na sexta-feira, 24 de setembro, envolvendo os alunos que sugeriram à professora que organizasse uma tarefa onde eles próprios produziriam os brinquedos. Diante da proposta, a professora pediu que os alunos levassem de suas casas, objetos que seriam jogados no lixo, como garrafas PETs, barbante, latas de leite, garrafinhas, meias e tampas de refrigerante. “Além de se divertir n

nas atividades, os alunos aprenderam técnicas de artes e palavras em inglês. Eles produziram brinquedos como bilboquê, carrinho de lata, telefone sem fio, fantoche com meias, carrinho de boneca, jogo de damas, entre outros”. A atividade foi desenvolvida em duas semanas, com os alunos preparando todos os brinquedos que seriam expostos para os colegas de outras turmas do colégio. “Durante a exposição os alunos explicaram como produziram os brinquedos e mostraram a importância de se reutilizar materiais recicláveis que seriam jogados e que são prejudiciais ao meio ambiente”, enfatizou a professora Socorro.

A

professora Angélica de Sousa Dourado, do 5º Ano, Turma B do turno da Manhã da Escola do SESI esteve acompanhando os alunos durante uma visita ao espaço infantil da Livraria Betel, na manhã da terça-feira, 5, como atividade prática para a leitura de livros e compra de literatura infantil. A visita, previamente agendada, tem o acompanhamento de profissionais da Livraria Betel, além de ter o apoio do animador cultural e divulgador Diego Torres. A professora Angélica Dourado teve o apoio de Micilânia Ximendes Costa, que ajudou

Alunos da Escola SESI com a professora Angélica Dourado no espaço infantil da Livraria Betel “Telefone sem fio” feito com copos descartáveis: brincadeira de criança

na organização dos 23 alunos durante a atividade. Segundo a professora Angélica, o espaço é interessante e contribui para a aprendizagem. “Este espaço é maravilhoso porque é um ambiente a mais para que os alunos desfrutem da leitura e se divirtam comprando alguns livros da literatura infantil”. Cada aluno utiliza um valor que traz de casa para adquirir os livros que são previamente escolhidos e lidos pela professora. Além dos livros, os alunos aproveitaram o espaço para conhecer outros tipos de literatura, livros de jogos e brinquedos, para uma posterior visita com os

pais. “Neste momento os alunos só podem adquirir os livros que selecionamos. Outros tipos de literatura só podem se adquiridos com a presença dos pais”, lembra a professora. Entre os livros indicados pela professora Angélica estão os de literatura juvenil e infanto-juvenil de autores renomados como José Paulo Paes, Fernanda Monteiro, Luiz Braz e José Américo de Lima. As escolas interessadas em agendar uma visita à Livraria Betel devem entrar em contato através dos telefones 3223-8909 ou 3223-8945. O contato também pode ser feito através do e-mail betel.livro@hotmail.com.


Rio Branco-Acre, 11 a 17 de outubro de 2010

jornal da educação

-

Gabarito

7

FACULDADE

Equipe da Uninorte no JUBs 2010 Equipe de Futsal do curso de Educação Física vai representar o Acre na Liga de Desporto Universitário e no JUBs

E

quipe de Futsal do curso de Educação Física da União Educacional do Norte (Uninorte) vence mais uma seletiva estadual e vai representar o Acre na Liga de Desporto Universitário de Futsal - Norte/Nordeste, e Jogos Universitários Brasileiro (JUBs). A expectativa dos acadêmicos que compõem a equipe, segundo o coordenador do curso, professor Clodoaldo de Melo Castro, é muito grande para representar bem o Acre e a instituição. Coordenador do curso de Educação Física, Clodoaldo Castro (primeiro da esquerda para a direita) diz que expectativa dos jogadores é representar bem o Estado nos Jogos Universitários

A seletiva foi realizada entre a Universidade Federal do Acre (Ufac), Faculdade Barão do Rio Branco (FAB) e a Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO). A equipe da Uninorte venceu de forma invicta a competição, mostrando assim a força do Futsal universitário da Faculdade Barão do Rio Branco. A primeira competição nacional para qual a equipe se classificou já aconteceu no período de 26 a 31 de julho de 2010 na Cidade de Maceió (AL). “Estamos agora buscando patrocínio e apoio da nossa instituição para participar da segunda competição em nível nacional, que será os Jogos Universitários Brasileiros que irá acontecer na cidade de Joinville (SC) no mês de Novembro”, diz o coordenador.

Dicas para o Vestibular 2011 Matemática II

n A Universidade Federal do Acre (Ufac) nos últimos anos tem premiado os seus vestibulandos com uma prova de Matemática rica em detalhes por isso é importante que você faça exercícios, resolva as provas de vestibulares anteriores e é claro: Leia! Leia muito! Jornais, revistas, HQs (Histórias em Quadrinhos), livros, não importa. Quem lê mais, tem um bom vocabulário, consequentemente melhor interpretação. Afinal, a Matemática sofreu grandes mudanças ao longo dos anos, dentre elas a necessidade da interdisciplinaridade e obrigou os professores a mudar radicalmente a maneira de ver e ensinar a disciplina. Antes de qualquer coisa, dominar a Matemática básica é fundamental. É importante atentar para casos de produtos notáveis e fatoração, bem como aos problemas de equações, sistemas, razão e proporção, porcentagem, juros e estatística.

Apesar de a Álgebra continuar reinando absoluta no vestibular da Ufac (e, diga-se de passagem, também no resto do país) não se pode deixar a geometria de lado. Portanto revise o cálculo de áreas das principais figuras planas e as particularidades dos polígonos regulares como inscrição, circunscrição e elementos desses polígonos. Uma boa pedida da aritmética é também o cálculo de probabilidades. É bom lembrar que a análise combinatória mostrou suas garras na última prova e não esqueça que o acúmulo de fórmulas na cabeça não é tudo: é o raciocínio lógico e a interpretação textual que fazem a diferença nessas questões. Todos os anos a Ufac traz em sua prova uma questão de função que exige do candidato ter muito bem definido os conceitos, condições de existência e uma interpretação da forma literal da questão, portanto é necessário revisar também todas as funções. Lembra das questões “Dado o triângulo retângulo a seguir calcule o seno, cosseno e tangente do ângulo α”? Já faz um tempão que não é mais assim, no entanto a trigonometria no triângulo retângulo deve ser bem amadurecida incluindo aí a interpretação dessas razões na circunferência trigonométrica, já que esse tópico é bem requisitado não só na prova de Matemática como em inúmeras

situações da Física. E por que não apostar nos tópicos de menor frequência como a geometria espacial e suas enormes questões sobre cálculo de áreas e volumes de pirâmides? Revise definições e as diversas variações de modelos de pirâmides. Dê ênfase ao tetraedro regular, já que para ele é definido um quadro de fórmulas, não se esquecendo de revisar também os sólidos de revolução como, por exemplo, cilindros e cones. Função polinomial e equações algébricas são assuntos batidos já na prova da Ufac, no entanto, no ano passado não apareceram, o que esse ano pode ser um prato cheio. Então é bom reservar um tempo para rever operações com polinômios (principalmente divisão), a divisão de polinômios através do dispositivo prático de BriotRuffini, o Teorema Fundamental da Álgebra e as relações de Girard. É bom dar uma olhada também em logaritmos analisando as condições de existência e principalmente suas propriedades. Na última prova se relacionou logaritmos e cálculo de probabilidades, o que não impede de relacioná-los com a Química e a Física. Procure interligar os assuntos, nada caminha sozinho e isolado, tudo acaba se encontrando no final. A correria contra o tempo, a sensação de não saber nada, a

falta de sono, são só alguns dos sintomas que antecedem o tão esperado vestibular, mas não se preocupe, é sempre assim. Faça a sua prova com muita tranquilidade e deixe que esse ano de abdicações e restrições exploda em alegria e recompensa através do

n

grito enlouquecedor de “EU PASSEI!” (GAROTO DE SUCESSO!!). A sua aprovação também nos trará imensa satisfação. Tenha confiança, porque nós do Aprovação confiamos em você. Boa Prova.

Leylane Hadad possui Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade Estadual do Pará (UEPa) e atua como professora de Matemática no Curso Aprovação, no Colégio Acreano e na Escola Max.


Gabarito

-

Rio Branco-Acre, 11 a 17 de outubro de 2010

jornal da educação

8

ACONTECEU

LIVRARIA PAIM APÓIA projeto sesc ciência Abertura de evento tem apoio das Editoras Ática e Scipione

A

Livraria Paim, representante no Acre das Editoras Scipione e Ática, participou do lançamento da Mostra Ciência do Cotidiano, realizada pelo SESC Acre, dentro do Projeto SESC Ciência. O lançamento ocorreu na quarta-feira, 6, no Teatro Plácido de Castro, com as presenças do coordenador nacional do Projeto SESC Ciência, Andres Sabilia e do coordenador regional do Projeto SESC Ciência, Aires Pergentino. A professora da Universidade Federal do Acre (Ufac), Esperanza Lucila Ângolo, doutora em Física, realizou palestra para professores e alunos presentes sobre “Ciência do Cotidiano”, tema da mostra que acontece no período de 7 a 30 de outubro, no SESC Centro. As editoras Scipione e Ática montaram um stand com livros voltados para a área, coordenada pela representante das editoras, Elizete Carvalho. O Projeto SESC Ciência é uma iniciativa do Departamento Nacional do SESC, através da Gerência de Educação e Ação Social (GEA), cujo objetivo é fomentar uma visão renovada da Ciência, de forma acessível e dinâmica, fornecendo ao indivíduos instrumentos para a compreensão

de sua realidade e do mundo em que vivem. “Através do projeto estamos com a Mostra Ciência do Cotidiano, voltado para alunos dos Ensinos Fundamental e Ensino Médio, além da população em geral, que tem interesse em conhecer um pouco mais sobre Física”, diz o professor de Física, Aires Pergentino. Segundo o coordenador regional do evento, o apoio da Livraria Paim, através das Editoras Scipione e Ática, é fundamental para a divulgação do evento. “Estas parcerias são importantes porque nos ajudam a divulgar o projeto e popularizar a Ciência”. A representante das editoras, Elizete Carvalho, destaca que um dos objetivos da parceria é tornar acessível a participação do público em eventos que divulguem o conhecimento. O coordenador nacional do Projeto SESC Ciência, Andres Sabilia, que está atuando no projeto há 15 anos, diz que a participação das escolas é fundamental para o sucesso das mostras que percorrem o Brasil. “Estamos comemorando 23 anos de realização do projeto, que traz exemplos de valorização da Ciência, nos Estados em que esta Mostra Ciência do Cotidiano e outras que já foram realizadas”.

Escolas visitam Mostra da Ciência do Cotidiano Alunos da Escola Jovem da Boa União estiveram visitando a Mostra da Ciência do Cotidiano na manhã da sexta-feira, 7, acompanhados por uma equipe do SESC, que orientam quanto à utilização dos equipamentos que reproduzem fenômenos físicos, além da exibição de vídeos educativos. O objetivo do evento é mostrar aos visitantes que a ciência está presente no dia a dia de estudantes, professores e cidadãos em geral, através de equipamentos como Torre de Pisa, Cadeira Giratória, Sistema de Roldana, Casinha de Consumo, Globo de Plasma e outros. Durante a visita monitorada os alunos podem conhecer a Sala de Experimentação, Sala Escura, Sala de Vídeo e o Salão de Exposição, onde estão instalados os equipamentos. A mostra está funcionando no SESC Centro, localizado na Avenida Brasil, 713 – Centro e está aberta ao público de segunda a sexta-feira, das 8 às 12h, das 14 às 17h e das 18 às 21h. As n

Coordenador Nacional do Projeto Sesc Ciência abre evento no Teatrão

escolas interessadas em visitar a Mostra da Ciência do Cotidiano deverão entrar em contato com

o SESC para o agendamento da visita através dos telefones 9282-5570 ou 3212-2815. Aires Pergentino com a representante da Livraria Paim, Elizete Carvalho


Gabarito Edição nº 331