Issuu on Google+

Gazeta DIVINÓPOLIS•MG | 05 de maio de 2011 | ANO XIX | N.º 1.567 | R$ 2,50

DO OESTE

Tudo pronto para o 3° Encontro Nacional de Motociclistas Página 08

André Bernardes

Alto preço do combustível causa manifestação

Sarah Rodrigues

Insatisfeitos com o aumento nos combustíveis em Divinópolis, manifestantes fizeram uma carreata na noite de ontem por vários postos de combustíveis, abastecendo poucos valores e utilizando notas altas e cartões de crédito. Página 04

Mato alto cobre

calçadas e abriga peçonhentos A única entrada do bairro está coberta pelo mato alto e oferece risco para os pedestres e motoristas que passam pelo local. Em todo o bairro, lotes abandonados servem de abrigo para animais peçonhentos e marginais, colocando a vida dos moradores em risco. Página 05

Chapa de consenso do PSDB Municipal deverá ser definida hoje Presidente do partido, Luís Militão, afirma que chapa será apresentada na próxima Convenção Municipal do Partido, no sábado (7), quando haverá a renovação do Diretório Municipal e Comissão Executiva. Página 03 Marciel Muniz

Gepar promove projeto Comunidade Segura com mutirão de limpeza Página 09

Sarah Rodrigues

Comércio espera que vendas aumentem no final de semana A expectativa de vendas para o Dia das Mães é grande no comércio divinopolitano. Os lojistas relatam que a maioria dos filhos deixa para comprar os presentes de última hora, por isso esperam que na sexta e sábado as vendas aumentem em até 50%. O comércio funcionará em horário especial a partir de hoje com objetivo de atender a demanda. Página 08


02 OPINIÃO

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

editorial

Desavenças digitais

O

s microblogs são a nova febre chamada geração Y e para acompanhá-los as demais gerações X e Z se esforçam para se manter interligados na rede. Mas difícil é controlar o número de desavenças que o mundo digital ocasiona aqueles de pavio curto. O último exemplo que podemos citar é o caso do cantor sertanejo Luciano que faz dupla com Zezé Di Camargo. A polêmica começou após um post em comemoração ao Dia do Sertanejo, ou seja, de quem mora e trabalha no sertão. E como muitos por aí acham que liberdade de expressão é o mesmo que sair por aí dizendo besteiras, é aí que se enganam. O cantor postou no perfil oficial da dupla um comentário alertando os seguidores de que não era o dia de quem canta músicas do gênero. E em seguida, escreveu: “Para os internautas burros de plantão, hoje é dia do sertanejo e não do gênero musical!!!!!” Desde então as desavenças deslancharam, e foi o suficiente para alguns fãs se irritarem e acharem que o cantor os estava xingando. O sertanejo, então, justificou-se: “para os que estão se fazendo de mal-entendidos, não falei fã e sim INTERNAUTAS! Hoje é dia da liberdade de expressão, posso me expressar?” Oras bolas, é absurdo uma pessoa pública não saber a diferença entre liberdade de expressão e falta de educação, independente da palavra internautas, os fãs também se classificam como tais, uma vez que seguem fã-clubes online, microblogs dos artistas, sites da dupla e etc. Na verdade o ponto chave que deve ser analisado pelos frequentadores das redes, é que a partir desta proximidade que a internet nos proporciona, é que realmente as pessoas acabam conhecendo um pouco mais do tipo de pessoas pelas quais tem admiração! E quem sabe este não seja um dos meios mais rápidos de comunicação que possa banir o preconceito!

ÓRGÃO Do grupo Gazeta do Oeste de comunicação ltda

FUNDADOR: Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro (1947 2004)

Diretor PRESIDENTE Fernando Marcos Rodrigues

Diretor DE MARKETING Leonardo Marcos Rodrigues

EDITORA CHEFE Liziane Ricardo

Assessores Jurídicos Dr. Márcio F. Vaz • Dr. Mauro M. Nogueira • Dr. Breno M. de Faria Administração, Redação E GRÁFICA: Rua Rio Branco, 948 - Porto Velho • Divinópolis (MG) • CEP 35.500-430 TELEFONE: (37) 3222-6322 • www.g37.com.br • gazeta@gazetaoeste.com.br O jornal não é solidário com conceitos emitidos em colunas e matérias assinadas.

Wagner Oliveira

Francisco Resende

Preconceito e intolerância

Bin Laden e o espetáculo midiático

wagner@repensarndh.com.br

Preconceito significa julgamento prévio. Trata-se de uma atitude injustificável e em geral negativa em relação a um grupo – na maioria das vezes, um grupo cultural, étnico ou sexual diferente. Fica difícil acreditar que “nessa altura do campeonato” (tanto genocídio documentado em nossa história), o preconceito ainda sobreviva em nosso meio. Qual seria então a origem de uma atitude tão destrutiva? Quão preconceituosas são as pessoas? Por que o preconceito surge? Como todas as atitudes o preconceito é um misto de convicções (supergeneralizadas e chamadas de estereótipos), emoções (hostilidade, inveja ou medo) e predisposições à ação (para discriminar). Acreditar que um determinado grupo é perigoso, sentir antipatia pelo mesmo e hesitar ter contato com esse grupo é ser preconceituoso. Os preconceitos são esquemas que influenciam a maneira como notamos e interpretamos os eventos. Nossas ideias preconcebidas sobre as pessoas distorcem nossas impressões sobre seu comportamento. Os julgamentos prévios influenciam as percepções. Embora, segundo pesquisas recentes, o preconceito “ostensivo” tenha recuado, o preconceito sutil persiste. Em países como os Estados Unidos apesar de os casamentos inter-raciais tenha aumentado seis vezes desde 1960, isso ainda representa 2,4% de todos os casais. Em uma pesquisa com estudantes de 390 universidades, 53% dos estudantes afro-americanos sentiam-se excluídos das atividades escolares. Em alguns lugares mesmo o preconceito “ostensivo” continua ativo (entre palestinos e judeus em Israel, entre mulçumanos e sérvios, entre tutsis e hutus em Ruanda).No mundo inteiro também persistem o preconceito e a discriminação sexual. As desigualdades, divisões sócias e o que chamamos de “bode expiatório emocional” são fatores parcialmente responsáveis pelo surgimento de preconceito. Mas também o são os mecanismos pelos quais simplificamos nossos mundos. Quando algumas pessoas têm dinheiro, poder e prestígio, enquanto outras não têm, os que têm no geral desenvolvem atitudes que justificam a manutenção das coisas conforme estão. No caso extremo, os donos de escravos percebem os escravos como preguiçosos, ignorantes e irresponsáveis natos – como tendo os traços que “justificaram” o ato de escravizá-los. Em suma o preconceito “racionaliza” as desigualdades. A discriminação também aumenta o preconceito, através das reações que provoca em suas vítimas. As pessoas muitas vezes justificam seu preconceito culpando as vítimas, presumindo que o mundo é justo e que as pessoas recebem o que merecem. Conhecido como “fenômeno do mundo justo” esse raciocínio permite, por exemplo, que os ricos considerem sua riqueza - e os pobres, seu infortúnio – como justamente merecida. Com um civil alemão teria comentado ao visitar um campo de concentração logo depois da Segunda Guerra Mundial: “Que criminosos terríveis esses prisioneiros devem ter sido para receber um tratamento desses!” Quando as coisas saem erradas, encontrar alguém para culpar (bode expiatório) pode proporcionar um alvo para descarregar a própria raiva. Uma frustração temporária intensifica o preconceito. Traçar um limite mental que define “nós” sempre exclui “eles”. Essa identificação de grupo geralmente promove um favorecimento das pessoas de dentro do seu próprio grupo. Em uma pesquisa realizada ficou demonstrado que até mesmo uma distinção arbitrária entre nós-eles, criada, por exemplo, pelo agrupamento por cara ou coroa, leva as pessoas ao favoritismo por seu próprio grupo ao dividirem as recompensas. A necessidade de distinguir inimigos de amigos predispõe ao preconceito contra estranhos. O preconceito deriva das divisões da sociedade, das paixões do coração (bode expiatório) e também do funcionamento “natural” da mente. Estereótipos são um subproduto da maneira como simplificamos o mundo para entendê-lo. Uma maneira de simplificar o mundo é categorizarmos as coisas. Quando categorizamos as pessoas em grupos, muitas vezes criamos estereótipos. Embora possam conter um pouco da realidade, os estereótipos distorcem nossas percepções. Se pudéssemos nos ver da perspectiva de um pinguim, todos nós pareceríamos iguais, assim como todos os pinguins nos parecem iguais (embora não para os outros pinguins). Infelizmente, apesar de ter recuado, pesquisas ainda revelam fortes estereótipos sexuais e uma extensão considerável de preconceito racial e sexual. Embora menos óbvio o preconceito continua em nosso meio. Como podemos aprender com esse fenômeno e melhorar é uma resposta que cada um de nós deve dar, com mente aberta e sem preconceito.

franciscor@pitagoras.com.br

A última segunda-feira, dia 2 de maio de 2011, foi um dia marcante que jamais será esquecido na mente de milhões de telespectadores brasileiros. O casal de apresentadores do Jornal Nacional, William Bonner e Fátima Bernardes, apresentou o desfecho da maior e mais angustiante história já contada pela mídia, após 10 anos de espera: o anúncio da morte do terrorista Osama Bin Laden pelas forças armadas norte-americanas. Um espetáculo há muito tempo já preparado pela mídia ocidental, que contou com mobilizações nas ruas, anúncio oficial do presidente Barack Obama e depoimentos de quase todos os grandes líderes políticos mundiais. A produção global do Jornal Nacional de segunda-feira contou com trilha sonora especial para a data, efeitos especiais e um batalhão de correspondentes internacionais falando, ao vivo, de dezenas de lugares do mundo. A edição especial do Jornal Nacional demonstrou claramente o poder midiático da Rede Globo, ainda muito presente nos hábitos de consumo dos brasileiros. Willian Bonner, com seus vários anos de experiência como editor-chefe do telejornal, fugiu ao senso comum e relembrou a edição especial do Jornal Nacional, apresentado no dia 11 de setembro de 2001, dia dos ataques terroristas às Torres Gêmeas de Nova York. Matérias de Zileide Silva, Roberto Kovalic e Caco Barcellos, que estavam nos EUA naquele dia, ganharam enorme destaque e conquistaram a atenção dos telespectadores. Digno de uma produção hollywoodiana. É fato que os Estados Unidos estão tornando a morte de Osama Bin Laden num evento midiático buscando, acima de tudo, uma enorme projeção política para o atual presidente americano. Uma espécie de compensação à auto estima dos gringos, que sofreram um enorme abalo com os ataques às torres gêmeas em 2001 e outros que o sucederam depois. Além disso, o presidente Barack Obama enfrentará, em 2012, as mais concorridas eleições da história americana. A avaliação de seu governo por parte dos americanos, que não era positiva, subiu 9 pontos percentuais em pesquisa realizada no dia seguinte ao anúncio da morte de Bin Laden. O presidente, em seu discurso em rede nacional (e internacional), conseguiu mobilizar milhares de jovens americanos que foram às ruas imediatamente. Juventude que, com certeza, será o motor da campanha eleitoral de Obama. São muitos questionamentos que cercam este anúncio tão esperado por todo o mundo. Havia mesmo a necessidade de matá-lo? Ele realmente está morto? Porque jogaram o corpo no mar? Após este anúncio, os EUA vão retirar suas tropas do Iraque e do Afeganistão? Corremos risco de ataques terroristas como represália ou vingança? Como irão se posicionar os países do Ocidente? E, mais do que nunca, que será o novo inimigo público número um dos americanos, que vivem sempre dependentes de guerra para justificar seu amplo investimento armamentista? Muitas perguntas e poucas respostas, que virão estrategicamente em “conta-gotas” neste período pré-eleitoral americano. A justificativa de não se criar um mártir ou herói em torno das imagens de Osama Bin Laden é válida. Osama era um criminoso internacional, terrorista assumido e um indivíduo extremamente perverso, que utilizou seu carisma para arrebanhar seguidores para seus propósitos antiamericanos. Entretanto, após 10 anos de espera, o mundo clama por respostas mais objetivas e em espetáculo mais humano e menos midiático. Francisco Resende Costa Neto Coordenador dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda Faculdade Pitágoras / Divinópolis-MG


POLÍTICA 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Chapa de consenso do PSDB Municipal deverá ser definida hoje Luís Militão afirma que há possibilidade de sua permanência na presidência do partido flavia.brandao@gazetaoeste.com.br

A chapa de consenso do PSDB, que será apresentada na Convenção Municipal do partido, no próximo sábado (7), com objetivo de renovação de seu diretório será definida nessa quinta-feira (5). A informação foi confirmada pelo atual presidente do PSDB em Divinópolis, Luís Militão, ontem (4). Militão não confirmou sua permanência no cargo, mas destacou que existe sim essa possibilidade. Durante a Convenção Municipal, que será realizada no sábado (7), na sede do PSDB com seus filiados, haverá a eleição do Diretório Municipal, da Comissão Executiva, dos membros do Conselho de Ética e Disciplina e dos delegados à Convenção Estadual. Segundo Militão a chapa de consenso é formada analisando a disponibilidade, disposição

dos militantes, a capacidade de articulação, liderança e o respaldo político dentro do partido e com as lideranças. De acordo com o Militão, o PSDB tem o propósito de estabelecer nessa renovação a prática do consenso, como feito no PSDB Estadual, recentemente. “Na última renovação do diretório o deputado Domingos Sávio era pré-candidato a presidência do partido em Minas, o Marcus Pestana, também era pré-candidato, além do ex-governador Eduardo Azeredo. Foi feita uma composição e o Domingos ficou com vice-presidente com o Marcos Pestana na presidência, consensualmente. Essa é uma linha que o PSDB tem seguido e aqui em Divinópolis o propósito é fazer a mesma coisa. Ou seja, de tentar uma composição entre as lideranças dos partidos, entre elas prefeito, deputado federal, vereadores, para que a gente possa estar montando a

Flávia Brandão

Flávia Brandão

Militão afirma que há possibilidade de continuar como presidente do PSDB Divinópolis

chapa do PSDB, e depois disso a formação do PSDB Jovem e o PSDB Mulher”, declarou. Questionado a respeito da permanência a frente do PSDB, Militão não confirma, mas não descarta essa possibilidade. “É uma possibilidade para manter o momento e a união partidária”, declarou. Caso esteja à frente do PSDB, Militão afirma que irá continuar com o trabalho de popularização da idéia da social democrática e do partido em Divinópolis. Ele ressaltou também que o próximo ano será decisivo e que o PDSB irá se concentrar e ter como prioridade máxima a reeleição do prefeito Vladimir Azevedo. “Ano que vem nós teremos um grande desafio. O nosso prefeito é pré-candidato a reeleição e, portanto é um desafio a mais que nós vamos ter com prioridade máxima e absoluta. Isso requer trabalho no sentido de estar conversando com os demais

partidos porque o PSDB é apenas o partido do prefeito, mas que governa com uma correlação de forças partidárias e tem um governo suprapartidário, inclusive isso é um dos trabalhos, que nós teremos como nosso maior desafio nos próximos 12 meses. Pré-candidatos A respeito de possíveis pré-candidatos para o próximo pleito eleitoral, Militão afirma que é muito cedo para tratar do assunto. “Temos candidatos que querem ser candidatos novamente, e muitas outras lideranças, que virão para somar dentro do processo natural. Como todos os partidos tem novas candidaturas o PSDB também vai ter, mas isso é uma discussão posterior, nós não temos objetivo de antecipar essa discussão. Depois do novo diretório, novas filiações deverão vir, tudo é uma discussão, que não será feita agora”, finalizou.

Prefeitura irá nomear 56 candidatos aprovados no concurso para Agentes Comunitários de Saúde Secretário Adjunto de Saúde, Gilmar Santos, esclarece os impasses que atrasaram a nomeação flavia.brandao@gazetaoeste.com.br

A Prefeitura Municipal de Divinópolis irá nomear nas próximas semanas 56 candidatos aprovados no Processo Seletivo Simplificado nº01/2009, realizado em 2010, o qual previa 92 vagas imediatas. A informação foi confirmada, ontem (4), pelo Secretário Adjunto da Secretaria Municipal de Saúde - Semusa, Gilmar Santos. A Gazeta do Oeste, na última semana, abordou a situação que envolve os agentes de saúde concursados e contratados, e a revolta dos concursados, que alegaram que a cada hora a Prefeitura repassava uma informação a eles sobre a questão, sem dar uma previsão concreta para solução do problema. Diante dessa indefinição, os aprovados procuraram o Ministério Público, que por sua vez recomendou ao Executivo Municipal a nomeação dos aprovados no limite de vagas previstas em edital. A pretensão dos concursados era até mesmo fazer uma manifestação com nariz de palhaço e apitos após o dia 15 de maio, data em que vencia o prazo para que o Executivo se manifestasse sobre a recomendação do MP.

Segundo Gilmar Santos, o problema da situação dos agentes comunitários em Divinópolis começa com a publicação da Emenda Constitucional 51, em 14 de fevereiro de 2006 e Lei 11350, publicada em outubro do mesmo ano, que regulamenta a forma de contratação dos agentes de saúde comunitários. O parágrafo único, do art. 2º, da emenda 51, prevê que: “Os profissionais que, na data de promulgação desta Emenda e a qualquer título, desempenharem as atividades de agente comunitário de saúde ou de agente de combate às endemias, na forma da lei, ficam dispensados de se submeter ao processo seletivo público a que se refere o § 4º do art. 198 da Constituição Federal, desde que tenham sido contratados a partir de anterior processo de Seleção Pública efetuado por órgãos ou entes da administração direta ou indireta de Estado, Distrito Federal ou Município ou por outras instituições com a efetiva supervisão e autorização da administração direta dos entes da federação”. Para cumprir essa regulamentação, o secretário explica que a atual gestão criou o cargo de Agente Comunitário de Saúde

Flávia Brandão

Flávia Brandão

Secretário Adjunto da Semusa, Gilmar Santos, afirma que Prefeitura irá nomear 56 aprovados no concurso de Agente Comunitário de Saúde

no município, projeto que tramitou na Câmara Municipal e foi aprovado. Após essa criação, o município tinha duas situações de agentes comunitários de saúde: os que estavam trabalhando antes de 2006 e outra turma, que começou a trabalhar depois deste ano. Os agentes de saúde, que passaram pela seleção pública e foram indicados pela população e estavam trabalhando antes da publicação da emenda 51 foram certificados por uma comissão organizada pelo Executivo passando assim do regime comissionado para o estatutário, conforme prevê a legislação, sem

a necessidade de concurso público. “A emenda prevê que quem na data da sua publicação já estiver desempenhando as atividades e tiver passado pelo processo seletivo, monta-se uma comissão de certificação e certifica as pessoas. Então nós certificamos em torno de 42 agentes, que estavam desempenhando as atividades”, declarou o secretário Impasses Gilmar explica que os outros agentes de saúde, que começaram a trabalhar depois de 2006, esses não foram certificados já que a Prefeitura e o MP enten-

dem que os mesmos não tinham direito de permanecer. “Só que 49 funcionários, que entraram depois de 2006, mesmo alguns tendo feito o processo seletivo antes de 2006, no nosso entendimento jurídico e do MP quem não estivesse desempenhando as atividades não teriam o direito e deveriam fazer o concurso também”, declarou. Diante disso, o secretário afirma que a Prefeitura para preencher as vagas abriu o concurso publico e ressaltou que o Executivo tentou inclusive valorizar, dentro da lei, a turma de funcionários, que já estava trabalhando, concedendo títulos, mas o MP não permitiu. “Houve uma tentativa de dar títulos, nós consultamos, mas tudo dentro da Lei. Porque é melhor para nós o pessoal que já está treinado, que já conhece a comunidade e é da comunidade. Mas como fomos impedidos, nós fizemos o concurso generalizado para todos”, disse. Justificativa Questionado porque nenhum aprovado no concurso havia sido chamado, Gilmar afirma que os contratados entraram na justiça alegando que eles tinham o direito de permanecer no cargo

e a Prefeitura estava aguardando um posicionamento do Judiciário a respeito da questão por isso não haviam sido feitas as nomeações. Mas a Prefeitura decidiu resolver a questão baseada no entendimento jurídico do procurador do município e da recomendação do MP, já que a decisão da justiça poderia demorar. “Como entraram na Justiça, nós ficamos entre a cruz e a espada. Se a gente nomeia os que passaram no concurso e o Judiciário fala que os contratados têm direito, então a gente tinha que aguardar o posicionamento da Justiça”, declarou Nomeação Segundo Gilmar nas próximas semanas 56 candidatos aprovados já deverão ser nomeados e o restante dos candidatos classificados dentro das 92 vagas previstas em edital deverão ser chamados até o final de 2011. “Na semana que vem ou na outra semana já estaremos chamando porque o contrato vence em 30 de junho e área não pode ficar descoberta. Nós queremos fazer essa transição e como pela nomeação o candidato tem até 60 dias para tomar a posse, temos que adiantar esse processo”, finalizou.


04 CIDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Protesto contra preço dos combustíveis Manifestantes usaram nariz de palhaço durante a manifestação sarah.rodrigues@gazetaoeste.com.br

Uma manifestação contra o preço dos combustíveis tomou conta das ruas de Divinópolis na noite de ontem (4). A partir das 18h os consumidores se reuniram na Praça da Catedral e iniciaram uma carreata rumo aos postos de gasolina, abastecendo valores baixos, pagando em cartão de crédito e com notas de alto valor. Segundo um dos organizadores da manifestação, Gabriel Menezes o protesto não é original, já foi realizado em outras cidades. “Não é uma ideia original, não fomos nós que tivemos esta ideia. Este protesto já aconteceu em vários lugares e Estados. O intuito é chamar a atenção para o alto preço dos combustíveis não só em Divinópolis, mas no Brasil inteiro”. A manifestação passou pelos postos da avenida Sete de Setembro esquina com Espírito Santo, no Juruna e foi finalizada no posto da rua Goiás esquina com Getúlio Vargas, e em todos eles os manifestantes abasteceram valores bem baixos. “Fizemos um trajeto, passando por diversos postos de gasolina na cidade. Em cada posto de gasolina cada um

de nós abasteceu R$ 0,50 e pediu a nota fiscal. Nossa intenção além de dar trabalho e causar certo transtorno, é fazer com que os encargos embutidos no valor do combustível possam fazer com que os donos de postos de gasolinas se sintam lesados com esta ação”, esclareceu. O manifestante explica que a intenção é chamar a atenção das autoridades e da própria população. “Nós pensamos que isto é uma rede. Começa com a manifestação, causa um incômodo aqui e vai causar também um incômodo nos postos, que vão passar para as refinarias, para as distribuidoras e assim por diante. Entendemos que isto é uma rede que vem obtendo tributos no preço da gasolina até chegar a nós consumidores”. Sobre a forma como a manifestação começou o organizador explica que teve início através de discussões em redes sociais. “A ideia surgiu após ser divulgada a ação em Goiânia. Eles fizeram exatamente o que nós vamos fazer. A organização aconteceu toda pela rede social Facebook. Já que tem muitas pessoas querendo fazer, resolvemos colocar a ideia na internet. De início achamos que não teria muita adesão, mas temos confirmadas mais de

Sarah Rodrigues

Sarah Rodrigues

500 pessoas no Facebook. Não é todo mundo que vai de carro, mas acreditamos que terá uma boa aceitação”, conta. Menezes ressalta a intenção em realizar a carreta. “A intenção foi despertar a atenção da cidade, que o preço da gasolina está absurdo. Acredito que pessoas assim como eu, que tem carro e que está sentindo esta diferença no bolso mesmo. Queremos chamar estas pessoas para a ação, não ficar paradas reclamando”.

Gabriel enfatiza que o horário foi escolhido para causar um pouco de tumulto na cidade. “A intenção até com o horário foi de causar um transtorno. Meio que travar o trânsito na cidade mesmo. Queremos causar impacto, mas também não podemos travar a cidade”, concluiu. MINASPETRO Segundo o presidente da MinasPetro, Leopoldo Marques a manifestação é válida, mas que a

população precisa entender que o aumento não veio dos postos de gasolina,exclusivamente. “Toda manifestação é válida, desde que seja pacifica e de cunho positiva. o resultado só depois que nós podemos ver, o que não podemos deixar acontecer é que os postos sejam vistos como vilões da história, por que o que está aparentando é isso que o lucro é todo dos postos sendo que na realidade este preço nem é repassado, os postos não conseguem repassar para o consumidor”. Marques explica que a manifestação não será problema para os postos, mas os manifestantes precisam ter cautela. “Vejo que a única coisa que pode ocorrer é um transtorno, como falta de troco, ou se for no cartão de crédito pode ocorrer um congestionamento, uma demora para efetuar isso, então o cliente precisa de ter um pouco de paciência ao ser atendido, ele não terá o mesmo atendimento como diariamente”. Sobre as informações que de o álcool sofreu uma baixa e pode refletir no preço da gasolina, o presidente explica que o processo é vagaroso, e que reflete nos postos aos poucos. “Conforme informações da ANP (Agência Nacional de Petróleo), a

produção de álcool começa a aumentar, porém para isso chegar a um patamar de normalidade, primeiro é preciso ver o estoque dos usineiros, das distribuidoras, dos postos, para depois isso refletir no preço”, relata. O diretor enfatiza que a expectativa é de que o preço diminua. “A nossa esperança é essa, por que isso é prejudicial para nós revendedores”. BANDEIRAS O presidente esclarece sobre um equívoco em reportagem anterior. “Houve uma solicitação de alguns revendedores de “bandeira branca”, foi publicado que havíamos dado uma informação sobre a diferenciação de bandeiras na qualidade, onde “bandeira branca” sonega e o “bandeirado” compra produto em melhor qualidade. Em momento algum, nós do MinasPetro, ou eu como revendedor disse, nem dei a informação dessa forma, a informação clara a ser dada é que a única diferença que existe entre o “bandeira branca” e o “bandeirado” é que o “bandeira branca” tem a possibilidade de comprar de diversos distribuidores, ao contrário do “bandeirado” que está vinculado por contrato a um distribuidor”.


CIDADES 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Moradores do Walchir Rezende revoltados com descaso da prefeitura

André Bernardes

André Bernardes

andre.bernardes@gazetaoeste.com.br

Moradores do bairro Walchir Resende estão se sentindo abandonados pela prefeitura. O mato alto está cobrindo as calçadas, servindo de moradia para ani-

mais peçonhentos e marginais. O descaso começa já na entrada do bairro, a rua Alfeu de Oliveira Damaso,onde o mato tomou conta do passeio que dá acesso ao bairro e oferece risco tanto para pedestres quanto para motoristas. As pessoas que

Cobra coral encontrada esta semana no o bairro

passam a pé por aquele local têm que caminhar em meio aos veículos. Josiane Sousa Lopes é membro do conselho do bairro e conta que já aconteceram diversos acidentes no local. “O bairro só tem uma entrada e dos dois lados só tem mato. Quando vamos entrar e sair do bairro, temos que andar na rua no meio dos caminhões, carros, ônibus. Já aconteceu de bater bicicleta com ônibus, e eles não vem fazer a capina” diz. Devido a uma obra de canalização de um novo bairro próximo, o asfalto cedeu e ficou uma cratera aberta em toda sua extensão desde dezembro do ano passado. Os moradores ligaram para a prefeitura solicitando o fechamento do buraco, mas somente esta semana, depois de cinco meses, é que o problema foi solucionado. “Nós ligamos na prefeitura e eles disseram que não existe lei para autuar a empreiteira responsável” conta Josiane. Dentro do bairro, diversos lotes da prefeitura estão sem capina e são ambiente propício para animais peçonhentos e marginais. ”A prefeitura alega que não fazem a capina pois estão atendendo outros bairros" conta Josiane. Os moradores estão assustados com a quantidade de cobras aparecendo no bairro, ela

A rua que fica atrás da praça teve o calçamento coberto pela vegetação

conta ainda que os animais aparecem dentro das casas. A dona de casa mostrou uma cobra coral encontrada na rua um dia antes da nossa reportagem visitar o local. “É comum encontrar cobras nas casas. Muitos moradores já encontraram diversas espécies aqui” conta. A praça do bairro e a rua que fica atrás estão repletas de mato, o calçamento da rua inclusive

está coberto pela vegetação. Para piorar a situação, alguns moradores jogam lixo no meio do mato. A situação acontece em todo bairro. São diversas ruas sem passeio para os pedestres transitarem, sendo obrigados a andar no meio da rua. “Aqui tem muita criança, então fica muito perigoso” conta Josiane. Márcio José da Silva, secretário adjunto de Obras Públicas

afirma que existe uma grande demanda de capina nos bairros de Divinópolis, mas que a situação no Walchir Rezende irá ser resolvida em um prazo de quarenta dias. “Estamos atendendo pelo programa “Bairro novo” fazendo as melhorias nos bairros da cidade. O programa irá finalizar em agosto deste ano e o Walchir Rezende deve ser atendido no prazo de quarenta dias” declarou.

Estabelecimentos se adequam às novas regras do Programa Farmácia Popular do Brasil

Mister Brasil Diversidade Minas Gerais se prepara em Divinópolis

Em Divinópolis 31 farmácias são conveniadas ao Programa Farmácia Popular

sarah.rodrigues@gazetaoeste.com.br

Divulgação

Flaviane Oliveira

flaviane.oliveira@gazetaoeste.com.br

A partir desta semana entram em vigor as novas medidas de segurança para o programa "Aqui tem Farmácia Popular". Entre as novidades anunciadas está o cadastramento dos computadores de todas as farmácias conveniadas ao programa. O sistema que será instalado conta ainda com a emissão de recibo mais detalhado sobre o medicamento oferecido. O prazo para adequação do sistema do programa “Aqui Tem Farmácia Popular” às novas funcionalidades entrou em vigor definitivamente no início deste mês. As medidas foram tomadas após rastreamento do sistema feita pela Coordenação do Programa Farmácia Popular do Brasil onde se verificou que há empresas que não estão realizando o cadastramento integral, de vendedores e computadores. Em caso de não cadastrar algum desses itens, a empresa fica impossibilitada de realizar as vendas pelo Programa a partir

Em Divinópolis são 31 farmácias conveniadas

desta semana, uma vez que os dados não serão reconhecidos pelo sistema de vendas. Dessa forma entram em vigor a nova padronização do Cupom Vinculado, cadastramento dos computadores e cadastramento dos vendedores/atendentes. Em Divinópolis 31 farmácias são conveniadas ao Programa Farmácia Popular.

EXIGÊNCIAS Para que as novas exigências sejam atendidas e se evite qualquer problema na implantação do novo modelo, as empresas que possuem sistema que limite a impressão de 999 caracteres por cupom vinculado deverão vender, no máximo, quatro medicamentos por autorização até que o sistema dessas empresas

esteja adequado para impressão do cupom vinculado com um número maior de caracteres. O novo sistema de controle do Ministério da Saúde vai contar, ainda, com um recibo mais detalhado, uma espécie de nota fiscal eletrônica com informações sobre os remédios, dados pessoais do paciente, CRM do médico e dados do responsável pela farmácia. REGRAS Dentro das novas funcionalidades que se referem ao ambiente de conexão e segurança do Programa Aqui Tem Farmácia Popular já está disponível o novo Portal da Farmácia, a nova padronização do Cupom Vinculado, além de módulo de segurança e o registro dos vendedores. Em nota, o Ministério da Saúde informa que as empresas poderão inserir as informações no ambiente de homologação, uma vez que essas informações serão sincronizadas pelo DATASUS para, posteriormente, serem migradas ao ambiente de produção.

Divulgação

Sarah Rodrigues

Tiago Douglas França da Silva, modelo de 24 anos venceu no último dia 30 de abril o concurso Mister Brasil Diversidade Minas Gerais, como representante de Belo Horizonte e disputará em junho o Mister Brasil Diversidade, concurso nacional que escolherá o modelo mais bonito do Brasil.Para sua preparação Tiago faz tratamento estético em Carmo do Cajuru e veio a Divinópolis na tarde de ontem (04), para cumprir agenda de trabalho e fazer cabelo e maquiagem. O modelo explica que no concurso em que foi consagrado Mister Brasil Diversidade Minas Gerais concorreram nove candidatos representando suas cidades. O concurso teve três etapas sendo a primeira seleção por fotos, a segunda etapa foi por questionário e a final ocorreu dia 30 de abril. Agora, Tiago disputa o Mister Brasil Diversidade, em São Paulo no mês de junho. Ele veio à cidade para cumprir uma agenda de trabalho e virá constantemente à Carmo do Cajuru para fazer tratamento de pele em uma clinica estética,

O modelo disputará em junho o concurso Mister Brasil Diversidade

além de fazer cabelo e maquiagem. “É muito gratificante, por que o concurso repercute na carreira, sempre tive vontade de trabalhar como modelo, e o concurso está refletindo isso, as pessoas estão reconhecendo mais, as oportunidades estão vindo”, conta.


VARIEDADES 03

S - 08/04/10 a 09/04/10

06 VARIEDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Marco Aurélio Braga braga.marco@gmail.com

sa nobre

egria de várias crianças

o e Valquíria Notini, da Cacau Show sucesso da campanha “Faça Sua nte pela Cacau Show, e em 2010 . No total, houve doação de 100 mil s e adolescentes carentes de todo o 00 instituições, todas localizadas em possui lojas, indicadas pelos franqueui, Roberto e Valquíria levaram ovos des: CMEI Maria A. Oliveira, CMEI ssociação Mãe do Perpétuo Socorro, Botelho Notini, Comunidade Servos entro Educacional Infantil Cantinho Cacau Show possui duas lojas, na rua meiro de Junho, 629.

oração dupla

tinua movimentando o meio social icas de seu Buffet Doce Procê, que s e Divinópolis. No próximo dia 17 é festa que irá marcar os aniversários ta e Nelma Freitas, no sítio da mãe

neficente

enda social se volta para o Show de empresária Dulcemar Rodrigues da A renda será destinada as obras de várias empresas disseram “sim” ao s para o evento, dentre elas a Classe la, Água de Cheiro, Restaurante Da onacelian, Sintonia, Espaço Vítor e a comunidade apoiar a causa nobre mios, que será no Lar dos Idosos, ás ida JK, com muitas novidades. Mais 37) 3221-3921.

Antiquário

Vou não

Laurinda Ferreira de Sousa, ainda a frente de seu antiquário, aguarda ansiosa a volta do irmão, Davi José Ferreira, que retornaque sempre aposA turma fashionista da cidade a Divinópolis depois de morar vários anos em Petrópolis. Lá, ele tou suas fichas no Rio a Porter, evento carioca que também trabalhava com antiquidades no Antiquário da Princesa, movimenta i país e o mundo, não irá participar da que funciona no palácio de Princesa Isabel e o Conde D `Eu. Agora edição de lançamento do verão O Sinvesd Laurinda irá contar com toda a bagagem e experiência que 2011/12. o bem queseu tentou fecharporo aqui. grupo mínimo de quatro irmão Davi possui para movimentar antiquário

empresas participantes mas os divinopolitanos do setor sucumbiram ao convite quando contabilizaStylist ram o alto investimento financeiro que feriam para participar da feira. Para o lançamento da temporada mais quente dos trópicos, a turma de cá optou em apresentar suas criações no Minas Trend Preview, que nesta edição sai de Alphaville e será realizada no, em Belo Horizonte.

20 e 40

Classe

Detalhista, criativa e de extremo bom gosto, Dulcemar Rodrigues da Cunha criou convite belo e interessante para convocar as amigas de uma vida toda para celebrar com ela seu aniversário. A festa será na próxima terça-feira, no restaurante Da Vinci e, com certeza, cheia de novidades. Detalhe nobre e importante: a empresária sugeriu as convidadas, como presente, doações para o Lar dos Idosos.

Mães Classe Ouro Jóias 2011

Momentos únicos os preparados por Aurélio e Adriana Nogueira para celebrar os 20 anos de feliz união do casal e os 40 anos dela. A festa, que movimentou a bela residência da família na vizinha Carmo do Cajurú, na última sexta-feira, foi perfeita e primou pelo bom gosto em todos os detalhes. Delícias Os irmãos Rodrigo Polack e Sérgia Maria gastronômicas e etílicas, aliadas a boa música quePolack levou todo O divinopolitano Rodrigo voltamundo a cenapara fashiom, sem a pista armada jardinsna da mídia nanunca ter saído dela. O personal stylist énos assunto casa, só não foram maiores do cional, que não cansa de elogiá-lo pelas produções que assina que a simpatia e finesse dos na retomada da Vide Bulaanfitriões. no mercado, depois que foi vendida

INVERNO 2010

Magna Aparecida Ferreira, mãe de Antônio e Agda

para o grupo capixaba PW Brasil (das marcas Missbella e Haus). Polack também assina as produções do catálogo da Coca-Cola Ilumina Clothing. O divinopolitano, queAmudou o perfil fashion da cantora empresária Marilene Aguiar trouxe várias novidades em Wanessa Camargo, agora tem feito consultoria para astudo para atender aos lustres e abajures paradea moda sua Ilumina, atrizes globais Paola de Oliveira, Castropresentear e PriscilanFantin. clientesCarol que querem o Dia das Mães com itens que já estão a sua espera na moderna loja.já E quem pensa que já é muita coisa, para o verão 2011 Polack está produzindo ensaios com a atriz Fernanda Machado para uma marca de jeans paulista e com a brasileira queridinha de Casamento pauta de junhoPolack e que promete ser dos mais hollywood, a atriz Alice Braga,Casamento para umana grife cearense. belos e concorridos o que unirá Larissa Diniz Gonçalves com é irmão da cantora Sérgia Maria.

Alesson Pereira Rodrigues. A cerimônia religiosa será ás dezessete horas do dia quatro, na Catedral do Divino Espírito Santo, seguida de recepção nos salões do Buffet Paulinelli. A noiva é filha de oFrancisco Gonçalves Filho e de Heloísa Na coluna social do último sábado troquei nome do candidaHelena Lopespelo Dinizdoemédico o noivo Francisco de Mateus José Rodrigues e de to a deputado federal Francisco Martins Aparecida Pereira.

Erramos

60

Foi cercado pelo carinho de familiares e amigos que Valdir Rodrigues Pereira comemorou seus 60 anos. A festa, realizada no salão de festas do Instituto Helena Antipoff, foi abrilhantada pela apresentação do grupo de serestas Trovadores de Divinópolis. O aniversariante é filho de Vanir Notini Pereira, que foi dono de cartório na cidade.

Noturno

O programa Noturno, que vai ao ar pela Rede Minas e é apresentado por Túlio Mourão, inicia uma nova fase com apresentações de vários shows. Neste domingo, ás 22 horas, será a vez da exibição da performance que Thiago Delegado mostrou no Outono da Serra, na Serra do Cipó.

Mau Mau

Os camarotes da edição 2011 da Festa da Cerveja terão a presença do Big Brother cairoca Maurício, o Mau Mau. Com uma agenda de shows super eclética, que vai desde o axé de Cláudia Leite ao pop rock do Skank e do Capital Inicial, ale da atração internacional Florida, o evento promete ser sucesso de público e de crítica.

Gonçalves, que já foi deputado federal mas que neste pleito nem pensa em entrar na disputa. Citei “Chiquinhos” diferentes no encontro que Macy de Paula organizou em sua residência para o lançamento oficial da candidatura de Francisco Martins. Errei! Quem nunca trocou um nome que atire o primeiro mouse. Já li na imprensa coisas de arrepiar os cabelos. Teve um colega que trocou Cordon Bleu por candomblé, inspirado, quem sabe, por algum Exu decidido a botar macumba na culinária francesa. Mas sou solidário com quem troca quem tem nomes e apelidos idênticos. É na seção Erramos, da Folha de São Paulo, que me av. 21 de abril, 444 - centro - divinópolis - mg - Animale Farm Alphorria - Dress To conforto e encontro sócios nessa amnésia onomástica. Me des(37)-3222-2764 --kabana@ig.com.br culpe pela falha! - Espaço Fashion - Carmim - Enjoy (tamanhos 38 ao 40)

a Copa do Mundo em um sofá bastante confortável, que se quer ficar deitado? Isso já é possível com um lançamento s. Trata-se do sofá Lego (8000), o primeiro conceito de sofá de Utilizando sistema de catracas importadas, e assento profundo, tem almofadas e módulos que lhe dão possibilidades de inquedo Lego. Design do italiano Ângelo Giandomênico.

No Dia das Mães dê um presente KABANNA Av. 21 de Abril, 444 - Centro - (37) 3222-2764


VAREIDADES 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Mães Classe Ouro Jóias 2011

Pop Era

Vale a pena conferir a edição 2011 da Pop Era, festa que reúne gente interessante e que terá a banda Dib Six como atração principal. O evento será na Lux Lounge, neste sábado, e promete várias novidades. Depois eu conto!

Morana, única como toda mãe!

A Morana comemora o Dia das Mães com uma campanha que envolve a mulher moderna representada pela beleza e glamour de Cláudia Raia, em elegância e sofisticação, lembrando as consumidoras o quanto cada mãe é única e merece comemorar seu dia especial recebendo como presente um acessório Morana. Dias das Mães MORANA. Inspiração, poder e estilo. Com amor, sempre.

CD e DVD

Já tem data e local o pré-lançamento do CD e DVD de Rodrigo Lemos. O violeiro irá se apresentar acompanhado por Roberto Iglesias, Daniel Penido e Sebastian Bauxita no próximo dia 20, ás 20 horas, na Casa Arte e Cultura. Rodrigo convidou Sérgio Castro, Gê Lara, Gabriel Silva e Túlio Rios para participar do show, um encontro de feras da música.

Maísa Freitas de Oliveira Rodrigues, mãe de Vinícius Oliveira Rodrigues

Data

Palestras

Adélia Prado será uma das palestrantes do X Congresso Brasileiro de Medicina Antroposófica e V Simpósio das Terapias Antroposóficas que serão realizados de 27 a 30 de julho no Instituto de Educação de Minas Gerias, em Belo Horizonte.

Cifras

Toda última segunda-feira do mês, uma reunião em Salvador trata de cifras altíssimas. É por lá que o divinopolitano Ricardo Nunes, da Ricardo Eletro e o diretor comercial da City Lar, Carlos Dias, fazem as negociações com fornecedores para abastecer as lojas da Ricardo Eletro, da Insinuante e da City Lar. O encontro da gestão tripartite da Máquina de Vendas é chamado de "360º" e chega a durar três dias. Juntas, a três redes tem R$ 1 bilhão para aquisições, o capital bilionário foi obtido por meio da parceria com o HSBC. Em fevereiro, a empresa criou uma promotora de vendas com a Losango, financeira do banco. Para ter exclusividade no financiamento das vendas das três redes, o HSBC pagou R$ 500 milhões para a Máquina de Vendas, dinheiro que está no caixa da empresa. Além disso, o banco deixou disponível uma linha de financiamento de outros R$ 500 milhões para a varejista.

O Instituto Cultural GTO alterou a data para entrega do Projeto Revitalização do Museu/Residência GTO coordenado pela prefeitura de Divinópolis. A previsão seria para as comemorações de aniversário do município em junho deste ano, mas uma negociação para adquirir o imóvel necessitará de mais tempo e uma nova data foi estabelecida: dezembro de 2011.

Mensagem

“Que em qualquer momento, meus filhos, sendo eu qualquer mãe, de qualquer raça, credo, idade ou instrução, vocês possam perceber em mim, ainda que numa cintilação breve, a inapagável sensação de quando vocês foram colocados pela primeira vez nos meus braços: misto de susto, plenitude e ternura, maior e mais importante do que todas as glórias da arte e da ciência, mais sério do que as tentativas dos filósofos de explicar os enigmas da existência. A sensação que vinha do seu cheiro, da sua pele, de seu rostinho, e da consciência de que ali havia, a partir de mim e desse amor, uma nova pessoa, com seu destino e sua vida, nesta bela e complicada terra. E assim sendo, meus filhos, vocês terão sempre me dado muito mais do que esperei ou mereci ou imaginei ter.” Lya Luft

Feliz Dia das Mães Equipe

Dênia Gomes Av. Antônio Olímpio de Morais, 451 Divinópolis / MG (37) 3216-1319


08 CIDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Vendas para o Dia das Mães serão aquecidas a partir de amanhã Comércio passa a ficar aberto até mais tarde Sarah Rodrigues

Sarah Rodrigues

sarah.rodrigues@gazetaoeste.com.br

Para o comércio, o Dia das Mães que sempre é comemorado no segundo domingo de maio é também a 2a data comercial mais importante no Brasil. No geral os comerciantes trabalham com a expectativa de vender 10% a mais, em 2011, do que no mesmo período do ano passado. Em Divinópolis as lojas já estão com as vitrines cheias decoradas para a data e os vendedores esperam que as vendas se aqueçam a partir de amanhã. Para atender a demanda do período as lojas trabalharão em horário especial a partir de hoje, nesta quinta e sexta-feira (06) o comércio poderá trabalhar até as 20h. No sábado (07), os atendimentos aos clientes serão feitos até as 20h. Segundo pesquisa da Fecomércio, somente o Natal ultrapassa o volume de vendas registrado no período. Os principais setores beneficiados com a data são os de vestuário, de eletrodomésticos e de perfumes. Um estudo mostra ainda que os brasileiros pretendem gastar entre R$ 30 e R$ 70 com o presente para as mães. De acordo com a vendedora de uma loja de perfumes, Franciele

O vendedor mostra a preferência dos filhos

Azevedo os clientes sempre deixam para comprar presentes de última hora, por isso a expectativa é de que as vendas aumentem no final de semana.“O pessoal geralmente deixa para comprar presentes na última hora, então alguns estão vindo agora, mas a maioria com certeza deixará para sexta e sábado. Nós esperamos uma venda de pelo menos 50% em relação aos outros dias”. Alguns produtos são mais procurados, dentre eles estão jóias, perfumes, sapatos, bolsas e outros. A vendedora Kelly Silva, conta que as jóias estão sendo procuradas, mas não tanto quanto esperado. Ela explica que o fato das pessoas deixarem para última hora, causa certa expectativa no

comércio. Kelston Silva, vendedor de uma loja especializada em sapatos femininos conta que muitos calçados já estão sendo procurados, mas que sexta e sábado são os dias que as vendas devem aumentar. “Os sapatos mais procurados são os pepitus, com o saltinho mais grosso, com o peito do pé aberto e o bico pode ser fechado ou não. A procura dos filhos geralmente nesta data é pelos de salto grosso, que não deixa de ficar elegante e fica bonito. E os dias de pico aqui na loja serão na sexta e sábado, em que esperamos o aumento nas vendas em geral. Tem gosto para tudo, tem mães mais modernas que gostam de botas, saltos, sapatos e até sapatilhas”, frisa o vendedor.

AMODIV realiza 3º Encontro Nacional de Motociclistas Sarah Rodrigues

sarah.rodrigues@gazetaoeste.com.br

A Associação dos Moto Clubes de Divinópolis realiza entre os dias 06 e 08 de Maio o 3° Encontro Nacional de Motociclistas em Santo Antônio dos Campos.Com muito rock e presença confirmada de diversos moto clubes de todo o país o evento promete agradar o público local e confirmar a unificação dos clubes da cidade. Segundo o presidente da Associação dos Moto Clubes de Divinópolis, (AMODIV), Edgar Nolasco esta edição conta com uma programação variada e será comandada pelo motoclubista DJ do clube Sete Galo. Nolasco explica que muitas instituições darão apoio ao encontro e divulgarão suas ações. “Trabalharão com a gente a AMODIV, a instituição Coração de Criança, os Vincentinos de Ermida e a Casa de Amparo São Francisco, que fica no Belvedere”. O 3° Encontro é organizado pela AMODIV, Prefeitura Municipal de Divinópolis e o vereador Beto Machado, o motociclista ressalta que muitas organizações apoiarão o evento. “Nós temos a colaboração e presença em massa da Polícia Militar, que sempre deu apoio para gente, nenhuma

ocorrência foi registrada nos anos do evento, o Corpo de Bombeiros, a Copasa que fornece água para os participantes, e o Resgate, que fica no evento para possíveis eventualidades”, observa o presidente. Mais de 250 moto clubes são esperados nos três dias de evento, nos anos anteriores foi registrada a presença de mais de dez mil pessoas e a expectativa é de que esse número aumente, devido a união dos moto clubes.“Quando nós fizemos o primeiro evento contamos com a presença de 160 a 180 moto clubes, no segundo tivemos quase 250 moto clubes participando e para o terceiro mobilizamos toda a Associação que participa do evento e também da divulgação”, conta Nolasco. Treze bandas se apresentarão durante as duas noites e a tarde do domingo, durante todo o evento haverá sorteio de brindes. Para os motociclistas visitantes estará disponível área de camping coberta com banho quente e café da manhã. O presidente enfatiza que para o encerramento o padre da Paróquia de Santo Antônio dos Campos fará uma benção especial para todos os presentes e suas motos. “Teremos o café da manhã, a missa campal, quando o padre do distrito realizará a benção a todo o pessoal e às motos presentes

e o término com apresentações musicais e palhaços para alegrar a criançada”. AMODIV De acordo com Nolasco como existem muitos moto clubes na cidade e devido a intensidade de eventos os motociclistas decidiram unificar os encontros criando a AMODIV. “Nós sabemos da dificuldade que existe para cada motoclube fazer o seu evento, porque daria mais de dois eventos por mês. Há dificuldade para policiamento, para a segurança do evento. Então reunimos todos os motoclubes para um só evento e fundamos a AMODIV, porque fica mais fácil para tudo”. O moto clubista enfatiza que a AMODIV trabalha por todos os moto clubes e faz um trabalho conjunto. “Assim que passar o evento, o pessoal conhecerá melhor a AMODIV, porque temos muitos passos a serem dados, junto com os outros moto clubes, todos os motoclubes em prol de uma coisa só”. Ele ressalta a importância da união. “A intenção é unificar os motoclubes e fazer um só evento. Tivemos muitos elogios pelas cidades que passamos, por ter fundado a associação em Divinópolis, todo mundo está apoiando”, finaliza Nolasco.


POLÍCIA 09

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Polícia Militar realiza mutirão de limpeza no bairro São João de Deus Através do projeto o índice de criminalidade na região teve uma redução significativa Marciel Muniz

Marciel Muniz

marciel.muniz@gazetaoeste.com.br

Policiais do Grupo Especializado em Policiamento de Áreas de Risco (GEPAR) do 23° Batalhão promoveram no bairro Alto São João de Deus, na manhã desta quarta (04) o projeto de ação social Comunidade Segura. A operação é mais uma iniciativa da Polícia Militar em parceria com o Batalhão de Bombeiros Militar (BBM) e o apoio da Prefeitura Municipal através dos funcionários da Empresa Municipal de Obras Públicas e Serviços de Divinópolis (EMOP). O Projeto Comunidade Segura, compreende várias ações que vão desde a doação de cestas básicas, roupas e material escolar, acesso à cultura (cinema), educação (palestras, inclusão digital, programas educacionais como o Proerd, JCC), lazer (brincadeiras), com o intuito de contribuir para o cumprimento da missão da PM de promover a segurança e a paz social. A realização da operação contou com a presença do responsável pelo 23° BPM de Divinópolis tenente coronel Júlio Teodoro

Um trator foi usado para demolir construções que serviam de esconderijo para os marginais

dos Santos, o capitão Jocimar Lúcio dos Santos chefe da Seção de Comunicação da Unidade, o tenente Hélio Ananias Francisco e tenente Stanley Araújo Pena coordenadores do Gepar. Além do assessor de Obras da Prefeitura Municipal Dreyffus Rabello e o sargento Anderson Barbosa Calixto. Ao final da operação a banda de música da PM se apresentou para os moradores da comunidade, e se tornou uma grande atração também para as crianças que tiveram a oportunidade de participar

efetivamente da apresentação. As ações dos militares, bombeiros e funcionários da prefeitura foram acompanhadas de perto pelos moradores do bairro que elogiaram e agradeceram a Polícia Militar pela iniciativa. A moradora Jovelina Conceição de Oliveira mora na região a mais de 40 anos, e destaca o programa Comunidade Segura da Polícia Militar como uma melhora significativa para o bairro e seus moradores. “Desde a presença da Polícia Militar em nossa comunidade a segurança

A droga foi encontrada escondida entre os lotes do bairro

nas ruas tem aumentado bastante, trazendo cada vez mais tranquilidade para todos” ressalva Jovelina. O capitão Jocimar destacou a ação conjunta desencadeada pela polícia com apoio de vários segmentos , tendo como objetivo trazer uma melhoria significativa na questão do meio ambiente, da higiene e limpeza e principalmente a segurança dos moradores do bairro. “O Gepar já está presente no bairro no intuito de assegurar uma maior confortabilidade para

os moradores”. Um dos principais trabalhos desenvolvidos pelo grupo é a promoção social. “A ação promovida é de cunho social e tem como objetivo maior o bem estar da comunidade local assim como a sua segurança que é uma preocupação primordial da Policia Militar” destaca o capitão. Segundo o capitão Jocimar esta já é a segunda operação ocorrida no bairro, e desde que foi implantado, em agosto de 2009, o Gepar tem realizado importantes

trabalhos no campo da prevenção, repressão qualificada e da promoção social.Outras iniciativas como essa serão promovidas em outros bairros da cidade que apresentem prioridade dentre os cronogramas de operações da Polícia Militar. Drogas Através do mapeamento feito pelos militares do Gepar,os funcionários da EMOP realizaram a limpeza dos lotes e ruas do bairro, além da capina e a poda de árvores colaborando para a higienização do bairro. A ação facilitará no trabalho de rastreamento dos infratores e usuários de drogas que se escondem nas entranhas e becos da região, os quais são transformados em pontos de uso e tráfico de drogas. As construções que facilitavam o esconderijo de marginais foram demolidas por tratores da EMOP. Em uma pequena construção foram encontradas 50 g de cocaína escondidas entre os tijolos de um muro tombado. Desta forma os esforços voltados à capina e limpeza dos lotes ou casas abandonadas facilitam o trabalho do policiamento dos militares da Gepar.

Homem é baleado com seis tiros em Divinópolis Os suspeitos fugiram com a chegada da polícia Marciel Muniz

marciel.muniz@gazetaoeste.com.br

Um homem foi baleado com seis tiros, no bairro Nossa Senhora das Graças em Divinópolis, segundo informações da Polícia Militar, o crime ocorreu em meio a um matagal na rua José Fernandes, entre 23 e 24h da

última terça-feira.Policiais que faziam ronda nas proximidades do bairro ouviram de disparos de arma de fogo e quando se deslocaram para o local depararam com uma motocicleta preta com dois homens. Ao notar a chegada da viatura, os suspeitos fugiram em direção ao bairro Nova Holanda.

Ao retornarem para a região onde haviam ouvido os disparos os policiais encontraram um homem caído e gravemente ferido, com várias perfurações de arma de fogo pelo corpo. A vítima identificada como Cloves Alcindo Pereira, 30 anos foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para o

Pronto Socorro Regional. Como seu estado era grave, Cloves foi transferido para o CTI do Hospital São João de Deus. Segundo a PM foram efetuados seis disparos contra a vítima. De acordo com informações da assessoria de comunicação do HSJD o estado de saúde de Cloves é estável, mas ele ainda

corre risco de morte. A vítima segue internada no CTI do hospital. Segundo a Polícia Militar a maior suspeita é que a tentativa de homicídio pode ter sido um acerto de conta ou mesmo uma disputa por território entre traficantes ou usuários de droga. As causas da tentativa de

homicídio ainda não foram identificadas. Para a Polícia Civil a maior suspeita é de que o crime pode estar relacionado ao tráfico de drogas. O delegado Marcelo Nunes da divisão de homicídios da delegacia regional do 7° departamento de Polícia Civil será o responsável pela condução das investigações.


10 GERAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Entrevista da Semana

“Vejo de forma muito sólida estes primeiros meses do governo de Dilma, e até mesmo as pesquisas mostram que a população está aceitando de forma muito boa a sua gestão” Liziane Ricardo

liziane.ricardo@gazetaoeste.com.br

como não se pode comparar o Cerrado, com a Caatinga, são vegetações de características muito específicas, e quando se faz uma legislação que abrange todo o país certamente é difícil encaixar de maneira uniforme em todas as regiões. Mas minha expectativa é de sairá uma boa legislação que possa atender o anseio dos produtores e ao mesmo tempo, que seja rígida com relação aos que teimam em agredir o meio ambiente.

Dentre os assuntos discutidos recentemente na Câmara Federal, está em pauta ainda a aprovação do Código Florestal. Qual seu ponto de vista sobre a matéria? A matéria do Código Florestal tem uma polêmica nacional, tendo de um lado os produtores rurais que desejam uma atualização do código para saírem da marginalidade, sendo Qual foi o resultado da pessoas dedicadas em produzir audiência sobre o Hospio alimento para a população, e tal Público Regional de que em função de uma legisla- Divinópolis, no qual foram ção inadequada ao nosso país, pontuados o custeio, equinecessitam da revisão deste pamentos e recursos para código. A proposta de atualizar o finalizar a obra? código conta com um desejo da Chegamos a conclusão que grande maioria dos parlamenta- a prefeitura e o Estado de Minas res federais de que a atualização Gerais, não terão condições de da matéria seja aprovada. Já em concluir o Hospital Público e relação à polêmica, é revestida ainda fazer sua manutenção. de alguns pontos que segundo Este hospital deve gastar algo entendem os ambientalistas, em torno de R$ 40 e R$ 60 mipodem provocar aumento no lhões por ano, e isto não cabe desmatamento. Eu no orçamento da já assisti mais de de Divi“O Ministério dos prefeitura 50 debates sobre o nópolis. Buscamos assunto, o relator Esportes considerou apoio para que o da matéria deixa um grave sinal hospital não tenha claro que a legislasuas obras paralide desinteresse sadas, e precisamos ção possa contemplar os pequenos de recursos para a por parte dos produtores, mas Eu como municípios que conclusão. que não seja algo deputado federal que possa trazer ficaram mais de majoritário na ciqualquer prejuízo e na maioria cinco anos sem dade ao meio ambiente. dos municípios da aplicar a verba” região, compreenEntão a nossa tendência é de apoiar do que a situação esta revisão para atualizar a da saúde em Divinópolis é legislação de forma que ajude- realmente caótica, então não mos os produtores rurais. Com a podemos virar as costas e deielevação de renda do brasileiro, xar que esta obra se torne um cada vez mais o povo quer ter grande elefante branco. Na uma mesa farta, sobretudo isto conversa com o ministro da só é possível através da produ- Saúde, já marcamos uma nova ção de alimentos. audiência para que seja levada a direção do Hospital São João Um dos pontos mais debati- de Deus para que o HPR seja dos é o fato de algumas re- contemplado e quem sabe até giões do Brasil não terem absorvido pela Empresa Federal espaço para o replantio de Hospitais Públicos, e assim de mudas, e assim alguns o governo federal assumiria a produtores teriam que se gestão e custeio do HPR. deslocar para efetuar o replantio. O senhor acre- Na última semana o prefeidita que haverá uma resis- to anunciou que em maio tência em relação a esta já terá um planejamento dificuldade? para revitalizar o Rio ItapeAcho que os replantios de- cerica. Há também a possibivem ser feitos sempre dentro lidade do governo federal da mesma bacia hidrográfica disponibilizar recursos? devido já terem uma determiSim! Este é um desejo nosso, nada característica geográfica. e uma causa muito importanNa verdade a grande dificuldade te. O governo federal já está de se elaborar uma legislação repassando recursos através que atinge um país do tamanho do Programa de Aceleração do do Brasil, é porque de fato no Crescimento (PAC) para que seque se refere as questões am- jam feitos o planejamento para bientais, é difícil comparar os a revitalização do rio. Acho que pampas do Sul com a vegetação este projeto passa também pela da Floresta Amazônica, assim recuperação de nascentes, o

da a existência de um terreno, e assim que for determinado o cronograma de obras, vamos buscar o dinheiro, seja de uma, duas, três ou quantas vezes forem necessárias.

J

aime Martins Filho (PR), deputado federal eleito para seu quinto mandato 2011-2014 na Câmara Federal. O republicano defende em sua pauta de projetos para Divinópolis e região: Código Florestal, Transposição dos Trilhos, Centro de Excelência Ferroviária, Centro de Treinamento do Guarani, Centro Universitário Esportivo e a revitalização do Rio Itapecerica.

desassoreamento de parte do rio, e para fazer um projeto que torne o rio menos agressivo em relação à cidade. A ideia é fazer um projeto que evite enchentes, tendo um rio vivo, mas em condições de retenção sobre a vazão normalizada. Divinópolis espera a transposição dos trilhos. Há quantas anda o projeto que já foi aprovado e licitado? É, a transposição já está com projeto aprovado, licitado, contratado, com dinheiro em caixa e só estamos dependendo da licença ambiental. Há mais de um ano que estamos aguardando esta licença ambiental. Já foram feitos inúmeros esforços junto da prefeitura e ao Dnit, mas infelizmente nas reuniões do Copam não ficaram suficientemente claros alguns pontos, sendo apresentadas um número de condicionantes muito elevado, então estamos tentando solucionar uma a uma. Em matérias recentes acompanhamos que a população está incomodada com a passagem dos trilhos na região urbana, por isto, desejamos muito que está seja realizada o quanto antes. O senhor acredita que o município corre o mesmo risco de perder as verbas por causa de burocracias? Bom, o contrato está assinado, e acho que deve ser levado adiante. Por hora acre-

dito que não, mas esperamos que nos próximos meses esta licença seja concedida pois, é inconcebível que um projeto desta natureza não seja feito em consequência de pequenas questões ambientais. Respeito muito o meio ambiente, mas vejo que não é este o caso da transposição, pois o projeto não traz nenhum dano ambiental. O CT do Guarani passou pela mesma dificuldade por causa de burocracia. O senhor acredita que antes do Centenário esta construção seja ao menos iniciada? Na verdade, o governo federal tomou a decisão, não apenas em Divinópolis, mas em todos os municípios que os valores estavam empenhados anteriores ao ano de 2006 que fossem cancelados. O Ministério dos Esportes considerou um grave sinal de desinteresse por parte dos municípios que ficaram mais de cinco anos sem aplicar a verba. E foi isto que aconteceu em Divinópolis. Estou sempre pronto para ajudar o Guarani, lamento muito o ocorrido, mas agora o município se responsabilizou em arrumar um terreno, e consigam fazer o projeto me entregar junto com o valor. Não vou novamente passar na frente e arrumar a verba, sem ter o terreno e o projeto, porque não quero passar pelo constrangimento de ver o recurso perdido. Mas uma vez que for determina-

Qual o resultado da última reunião onde foi discutida a proposta do Centro Esportivo Universitário? Apresentei esta idéia para a Universidade Federal, para o Cefet, e estaremos apresentando também para a Uemg, sobre o propósito de ao invés de construir quadras isoladas, podermos juntar tudo num espaço único e otimizar a utilização deste espaço. O Centro Esportivo Universitário poderá inclusive ser palco de treinamento de atletas para as Olimpíadas. A ideia é atender cerca de 5 a 7 mil usuários entre alunos do Cefet, UFJS e Uemg. No local podem ser construídas quadras, campos de futebol, piscinas, entre outras modalidades. E mais uma vez pedi que arrumem o terreno e se organizem no sentido de estabelecer que tipo de projeto será e quanto custará aos cofres do governo federal.

um trabalho à altura dentro das comissões, mas também estou atento as questões de interesses municipais. Qual é de fato a nova proposta na área ferroviária que será trabalhada no projeto do Centro de Excelência Ferroviária? Venho trabalhando neste tema, por que Divinópolis é uma cidade que tem vocação para ferrovia, e temos uma grande oficina e uma concessionária muito grande. Então, junto deste projeto da retirada dos trilhos quero também trazer a criação de um Centro de Excelência em Educação Tecnológica Ferroviária para Divinópolis. Com esta proposta será feito um termo de convênio entre os Ministérios dos Transportes, da Educação através do Cefet e entre a Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários que são as entidades do setor e o sistema Sest/Senat. O objetivo é iniciar o curso de técnico de ferrovia, passando para o curso superior de engenharia ferroviária e para que também o local possa se tornar um Centro de Treinamentos dos trabalhadores das ferrovias e ainda de pesquisa e extensão.

Como o senhor está conciliando o trabalho parlamentar com a atenção redobrada nas Comissões Qual a sua avaliação do da Câmara e Congresso governo da presidente Dilma Rousseff nestes priNacional? As responsabilidades redo- meiros meses? Acho que a Dilma começou braram. Continuamos na comissão de Viação e Transporte, bem, num estilo mais discreestou na Comissão de Constitui- to, com menos estardalhaço. ção e Justiça, sou presidente da A presidente não é o ‘showsubcomissão especial do Trem -man’ que era o presidente Lula, que com seu carisde Alta Velocidama naturalmente de, e ainda estou transformava cada à frente dos traba“Não vou aparição pública lhos das ferrovias no Brasil em geral. novamente passar num grande evento. Hoje me considero na frente e arrumar Já a Dilma atua de mais discreo maior especialisa verba sem ter forma ta, mas atua de forta em logística de o terreno e o ma aparentemente ferrovias do Congresso Nacional e projeto porque não muito eficiente, despachando e ainda componho a vice-presidência da quero passar pelo trabalhando muito Comissão Especial constrangimento dentro do seu estilo mulher firme. destinada a analisar de ver o recurso ser de Mas acho que ela e acompanhar as perdido” está dentro de uma obras e os trabalhos linha de coerência dos aeroportos, e na qual ela propôs faço parte do conselho de altos estudos, com durante a campanha de conter restrito número de deputados a inflação, de continuar o prono qual estou trabalhando na cesso de crescimento no Brasil modificação do marco regula- e descentralizar renda e dar tório do setor mineral do Brasil. sequência aos programas e proFoi marcado inclusive para dia 8 jetos sociais do governo Lula, e de junho o lançamento de mais também de dar sequência ao um caderno de altos estudos PAC. Então vejo de forma muito para ampliar este debate a nível sólida estes primeiros meses do do Congresso Nacional. E para governo de Dilma, e até mesmo Minas Gerais este debate poderá as pesquisas mostram que a propiciar recursos vultuosos população está aceitando de para o Estado. Procuro fazer forma muito boa a sua gestão.


ESPORTES 11

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

Chico Maia

chicomaiabd@gmail.com

Respeito é sempre imprescindível na vida Em qualquer setor da vida, mas como o nosso papo aqui é sobre futebol, a lembrança vale para hoje e para domingo. O Cruzeiro é muito melhor que o Once Caldas, porém o adversário é experiente e veio com muita vontade de se recuperar da derrota de Manizales e se classificar. Chegou na segunda-feira, fez dois treinos em Sete Lagoas; um na Arena e outro no Clube Náutico. Terá que se abrir, por isso, corre risco de ser goleado, mas precisa ser respeitado. Decisão Domingotemoclássico;primeiro da decisão do Mineiro. O Cruzeiro tem o melhor ataque e melhor defesa da disputa; um meio-campo de causar inveja a qualquer time do país, mas o clássico é imprevisível. O Atlético está voltando às suas origens, de acreditar em sua própria base, e o time voltou a ser vibrante e solidário, como no ano passado, quando o Dorival Júnior assumiu. Oito de casa Nos 2 x 1 contra o América jogaram Renan Ribeiro, Werley, Fillipe Soutto, Serginho, Giovanni, Renan Oliveira e Mancini, mais o Leleu, que entrou no lugar de Magno Alves. Quando alguém perde a bola ou dá passe errado, se vira para recuperar e conta com a ajuda dos companheiros. Parece que o ambiente melhorou e o grupo está unido. Ambiente Qualquer clube de futebol está acima de qualquer jogador. Nos esportes coletivos, ambiente é tudo, e por mais que o sujeito seja um craque, não pode estar acima do bem e do mal. Ontem saiu em manchete no Globo.com: “Sheik sem freio: atacante distribui críticas na saída do Fluminense -Indiretamente, Emerson diz que Fred influencia nas decisões de Enderson, confirma que cantou hit do Fla, mas ressalta: ‘Outros jogadores também’”. Ora, ora, o cidadão é demitido por tumultuar o ambiente do clube e alguns dias depois tem grandes espaços na mídia para continuar detonando. Fez lembrar os casos de Ricardinho e Zé Luiz no Atlético. Na dúvida Segunda-feira e ontem revi o histórico de expulsões do Richarlyson no São Paulo e conclui que exagerei na defesa dele depois da expulsão contra o América. Não me importa o que o Cléber Abade escreveu na súmula, porque é a palavra de um contra a do outro. O problema é o retrospecto do jogador em situações semelhantes. Não fez nenhum jogo na Copa do Brasil pelo Galo porque estava cumprindo suspensão, dos tempos de São Paulo. Agora desfalca o time na decisão do Campeonato, quando poderia começar a justificar a sua contratação. O Atlético precisa ter uma conversa com ele, pois todo investimento tem que ter retorno; ainda mais quando o custo é alto. Acredito Pegando carona na frase do Bruno Azevedo, acredito no América no Brasileiro. Com isso respondo ao leitor Mauricio Faria que pediu a minha opinião. Mas o Coelho precisa da união total de todos que querem o seu sucesso, neste momento. Há muitos torcedores chateados, pedindo a

cabeça do Mauro Fernandes, mas não é hora disso. Além de competente, trata-se de um estrategista, que sabe utilizar o material humano do qual dispõe. Erra sim, igual a qualquer treinador, mas acerta mais. A diretoria está correndo atrás de peças que acrescentem e certamente o time vai melhorar. Todo jogo precisa ser encarado como decisão, a começar contra o Bahia, dia 22, em casa. A nova filial Quando Itair Machado resolveu se distanciar do Zezé Perrella, a imprensa e torcedores, principalmente da cidade de Ipatinga previram que o pior poderia acontecer. O jovem clube, fundado em 21 de maio de 1998, conquistou um Mineiro, foi vice de outro, disputou bem a Copa do Brasil e chegou à Série A do Brasileiro. Com tanto sucesso, ser chamado de “filial do Cruzeiro” começou incomodar ao comandante do clube que resolveu alçar voo solo. Deu no que deu! Zezé Perrella e Paulo César de Freitas eram deputados estaduais, pelo PDT, e ficaram amigos. O Paulo, inclusive, presidente do partido. Ano passado resolveram implantar o futebol profissional na cidade de Nova Serrana, Centro-Oeste mineiro, onde o Paulo se elegeu prefeito em 2008. Adotaram o que sobrou do Social de Cel. Fabriciano, e daí nasceu o Nacional Esporte Clube Ltda. Já no ano passado subiu da terceira para a segunda divisão mineira e este ano para a primeira de 2012. Apoio total do Cruzeiro, com direito à presença da alta cúpula em jogos do time. Em sua coluna de hoje, no Jornal do Vale do Aço, Fernando Rocha, dá mais detalhes do Nacional e do Boa, o outro integrante da primeirona em 2012: * “O futebol é movido pela paixão, mas para se obter sucesso é preciso um mínimo de organização e planejamento. O Boa, ex-Ituiutaba, agora com sede em Varginha e o Nacional, ex-Fabriciano Futebol Clube, abrigado em Nova Serrana, são times de empresários, que não estão nem aí para a torcida, mas conseguiram através de um bom planejamento, organização dentro e fora de campo, além de uma pitada de sorte, se classificar à 1ª Divisão estadual em 2012, substituindo os rebaixados Funorte de Montes Claros e Ipatinga. Ironia do destino, o auxiliar-técnico do Nacional é Gerson Evaristo, que dirigiu o Tigre em boa parte do Mineiro e contribuiu para sua queda, mas acabou ajudando o Nova Serrana a subir. O Nacional, apoiado financeiramente pelo presidente do Cruzeiro, Zezé Perrela e pela Prefeitura da cidade, tem ainda outros ex-ipatinguenses, como o atacante Diego Silva; o diretor de futebol, Amarildo Ribeiro; preparador de goleiros, Luisinho; massagista Bié, entre outros.”

Corinthians continua invicto no Infantil da LMDD

Luciano Eurides

LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

O Corinthians do bairro São Miguel está invicto na categoria infantil e mostrando futebol de gente grande. Recebeu no último domingo a equipe do Tupi, empatou sem gols e não foi um resultado ruim para nenhuma das equipes, pois a partida foi muito disputada. O primeiro tempo foi muito igual com os dois sistemas defensivos levando vantagem sobre os atacantes. O time do Corinthians com atacantes perigosos, porém ainda não tinham recebido uma bola com qualidade para finalizar a gol. No segundo tempo o Tupy voltou melhor, até chegou ao gol aos seis minutos de jogo, mas por inocência do atacante, em posição de impedimento tocou na bola antes de marcar o gol. O lance acordou o Corinthians que passou a atacar mais obrigando o goleiro Ronaldinho a fazer boas defesas. Para o jogador Ariel, um dos destaques da equipe faltou acertar, para o clube vencer e não gostou do empate dentro de casa. “Dentro de casa temos de ganhar, melhorar a formação no meio campo e encarar o Belvedere e ganhar”, falou. O treinador Jeremias, do alvinegro cajuruense destacou o fato da equipe não vir de bons resultados, assim um empate fora de casa se torna um bom resultado e o início de uma crescente para o time. “Trabalhar, estudar ,ver se é possível fazer algumas mudanças para melhorar, precisamos

Corinthians perde a liderança, mas não perde a invencibilidade

treinar muito. Importante esse resultado, o fator campo influencia muito e sendo fora de casa, o empate ficou de bom tamanho”, considerou. O comandante técnico do Corinthians é Neivaldo Ronald, o popular Zunzum da Ambulância. Ele ressaltou as potencialidades do time e as dificuldades também. A união dos jogadores é o grande diferencial garante o treinador. “O empate ficou de bom tamanho, o futebol está equilibrado, nivelado e a meta é classificar. O segredo desse time é a união. Muitos jogadores foram embora para o Guarani e outros em um trabalho com o Caju, os que ficaram estão trabalhando e eu acredito neles. Temos bons destaques, até nosso banco contribui para uma boa partida, talvez hoje o goleiro, com uma tranquilidade que atinge toda a equipe esteja assumindo essa condição”, declarou. O goleiro do Corinthians é Sérgio, ele fez uma participação impecável embora o ataque do

Tupy não tenha exigido muito dele. Alto, boa saída de bola e como destacou o treinador passa muita tranquilidade a equipe. Nossa reportagem estará de olho nesse jogador que se desponta como grande revelação da competição ao lado de Mateus centroavante do Minas, Helbert meia da Associação Atlética Danilo Passos, Pedro meia-atacante do Padre Eustáquio e Wemerson atacante do Padre Eustáquio. Na categoria infantil a liderança foi para o Jusa Fonseca que foi beneficiado pelo Palmeiras. O time do Afonso Pena não compareceu. De acordo com o regulamento o placar passa a assinalar 3x0 para o time presente. O Corinthians com o empate caiu para a segunda colocação com 11 pontos e o Bela Vista vem em terceiro com 10. A quarta colocação é de Padre Eustáquio e Flamengo, cada um nove pontos, o Padre Eustáquio não jogou com o Sport por conta da festa do trabalhador, realizada no estádio Batista Leite, assim

há uma vantagem para o time do bairro Planalto. Palmeiras e Vasco da Gama têm oito pontos cada, Sport e São Lázaro somam sete pontos. Tupy e Associação (5). Belvedere (3). Fluminense e Minas apenas um ponto. Na categoria mirim o Flamengo é líder isolado com 15 pontos e seguido de perto de Palmeiras, Tupi e Vasco da Gama (12). Estes seriam os classificados. O União Belvedere tem 10 pontos, o Bela Vista (9), Associação Atlética Danilo Passos (7), Jusa Fonseca (6), Corinthians (4), Sport, Fluminense, Minas e Padre Eustáquio (3). Na categoria pré-mirim o Bela Vista, Palmeiras e Flamengo dividem a liderança com 12 pontos. O União Belvedere estaria classificado, pois chega a quinta rodada com nove pontos. O Tupy e o Minas chegam com seis pontos. Ainda buscando um espaço estão Corinthians (5), Jusa Fonseca e Vasco da Gama (4), Sport (3). Associação e Fluminense não têm pontos.

Tarde de apresentações na Cidade do Galo

Bruno Cantini

O Atlético Mineiro apresentou na tarde de ontem o atacante Jônatas Obina, o jogador de destacou ao fazer dez gols pelo América-TO no Campeonato Mineiro deste ano. Apresentado também o volante Gilberto, este se impressionou com a estrutura do Centro de Treinamento. Para o jogador Jônatas Obina a data é marcada por ser um sonho realizado. “Cada jogador sempre tem um sonho e o meu, todos os meus amigos já sabem, sempre torci pelo Atlético, então, hoje, posso dizer que foi uma conquista muito grande. Meu trabalho foi reconhecido no América e, hoje, posso defender o Galo. Espero poder dar muitas alegrias aqui”, afirmou o atacante, que assinou contrato por quatro anos com o Atlético. De acordo com o diretor de futebol Eduardo Maluf, o clube adquiriu 50% dos direitos econômicos do atleta por R$ 500 mil. Segundo o diretor, o atleta mereceu a oportunidade por ter feito um grande estadual. “É um

contrato de quatro anos e ele fez por merecer, com um Campeonato Mineiro muito bom. O América-TO fez uma campanha muito boa e é um jogador que estamos observando há muito tempo”, ressaltou Eduardo Maluf. O atacante almeja corresponder às expectativas com muitos gols. “Espero mostrar o porquê da minha contratação. A equipe tem vários atacantes de qualidade e será uma briga sadia, uma dor de cabeça para o Dorival. Vou procurar o meu espaço e buscar sempre fazer os gols”, disse Jônatas Obina.

GILBERTO O volante espera aproveitar aquela que considera a grande oportunidade da carreira. “A minha expectativa é muito grande. É o meu primeiro clube grande como profissional, uma dimensão muito grande, uma estrutura muito grande, sem palavras. Espero mostrar o meu trabalho e dar alegrias para a diretoria, comissão técnica e torcida”, disse. Segundo o diretor de futebol Eduardo Maluf, o atleta vem por empréstimo até o final desta temporada, com o passe fixado

em R$ 1 milhão. “O Gilberto fez um campeonato catarinense muito bom pelo Marcílio Dias, é um jogador jovem e que se sobressaiu na competição. É um atleta promissor que contratamos”, comentou Eduardo Maluf. Gilberto garantiu que a massa pode esperar bastante empenho quando ele estiver em campo com a camisa alvinegra. “A torcida pode esperar bastante empenho. Sou um jogador que gosta de correr durante os 90 minutos e que vai estar sempre ajudando a equipe”, afirmou.


12 GERAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 05/05/11

A INFORMAÇÃO DO MELHOR E MAIS NOVO DIÁRIO DA REGIÃO, TAMBÉM NA INTERNET

G37.com.br Quem acessa, sabe mais.

É pro Park que eu vou! DIA

07

06 e 07

DIA

06

DIA

06 DIA

07

DIA

07

DIA

06

MAIO Postos de Venda:

Belo Horizonte: (31) 3221-0860 (31) 3228-4107 Bom Despacho: (37) 3521-3834 Divinópolis: (37) 3222-6242 (37) 3214-5830 Itaúna: (37) 3241-0357 Nova Serrana: (37) 3226-2245 Pará de Minas: (37) 3231-4354 Pitangui: (37) 9976-6845

Central dos Eventos Universo Garden B.D. Útil Universo Garden Chilli Beans Planeta Radical Drogamed Planeta Radical Baixinha

Posto de Venda Oficial

Divinópolis | Belo Horizonte

www.bezerro.com


Gazeta do Oeste - Edição 1567