Page 1

Gazeta DIVINÓPOLIS•MG | 03 de maio de 2011 | ANO XIX | N.º 1.565 | R$ 2,50

rdes Berna André

Artesãos terão curso gratuito de capacitação Página 06

DO OESTE

Situação de usuários de drogas e alcoólatras preocupa as autoridades Sarah Rodrigues

Liberada a verba para reforma do velório municipal

Município economiza até R$ 40 mil com aquisição de transporte próprio Sarah Rodrigues

André Bernardes

Devido à situação da cidade com vários problemas causados por álcool e drogas, o município busca recursos para conseguir um Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas (CAPS- AD), que presta atendimentos psicossociais a pacientes com dependência ou uso abusivo de álcool e outras drogas e a familiares. O quadro mais preocupante é o ‘carrapateiro’, que acumula diversos usuários durante dia e noite. Página 07

Gazeta do Oeste inicia nova fase a partir desta edição Mateus Dias

O velório será no antigo prédio da Associação dos Moradores do bairro São José. As obras se iniciam na próxima semana e tem prazo de entrega de dois meses. A novidade está agradando a população, mas tem deixado os moradores do bairro inseguros quanto às normas de utilização do local. Página 05

Vereador Edson Sousa deixa o PDT Divulgação

A cidade recebeu por meio do programa SETS (Sistema Estadual de Transporte de Saúde) do governo do Estado e em parceria com o Consórcio Intermunicipal dos Municípios (Cisvi), dois microônibus a serem utilizados para o transporte de pacientes à várias cidades, principalmente Belo Horizonte.A aquisição gera uma economia mínima de R$ 25 mil ao município, que transportava os pacientes em carros e ambulâncias da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa). Página 05

28º Congresso Mineiro de Municípios debate a Comunicação como ferramenta de gestão Municipal Em reunião realizada na noite de ontem, o PDT aprovou por unanimidade a desfiliação do vereador Edson Sousa. A saída acontece sem a perda do mandato do parlamentar. Edson solicitou que a desfiliação seja oficializada no dia 13 de maio, às 13h30. Mais informações na próxima edição.

Promovido pela Associação Mineira de Municípios (AMM), o Congresso promete reunir 7 mil pessoas em Belo Horizonte. Ângelo Roncalli, prefeito de São Gonçalo do Pará, será empossado como o novo presidente da entidade para o biênio 2011/2013, na próxima quinta-feira (5). Página 03

A partir de hoje, a Gazeta do Oeste se torna diário nas páginas impressas e também no site que traz aos internautas informações em tempo real. Evento realizado no último fim de semana, contou com a participação de autoridades, políticos, colaboradores, empresários e todas as pessoas que de alguma forma marcaram as páginas do jornal. Ao iniciar a publicação diária do jornal, novas parcerias foram firmadas, junto ao jornal Minas e Negócio e também o Motor Gerais, que passam a circular como partes integrantes da Gazeta do Oeste. Especial


02 OPINIÃO editorial

Início de uma nova era

H

oje este impresso inicia uma nova era, com sua transição para diário, e traremos muitas novidades para os nossos leitores no decorrer desta semana. Em meio a inúmeras discussões abertas em nosso cotidiano, a ideia é de implantar neste editorial uma sequência de discussões sobre assuntos gerais em Divinópolis, Minas Gerais, no país e também no mundo! E abrindo a rodada de assuntos polêmicos desta semana, a pauta de hoje é a morte do terrorista Osama Bin Laden, acusado de ser o mandante do ataque terrorista de 11 de setembro de 2001, contra as torres gêmeas nos Estados Unidos, e também contra a sede do Pentágono, em Arlington, Virgínia, nos arredores de Washington. A notícia da morte de Bin Laden está repercutindo em todos os veículos de comunicação do mundo. E daí surgem as dúvidas sobre a veracidade desta morte, tendo em vista que o corpo do terrorista ainda não foi apresentado publicamente, e segundo as autoridades americanas será jogado ao mar! Mas e a foto do tiro na cabeça? Será verdadeira? Ou uma montagem de Photoshop conforme indagado por articulistas das redes sociais? Estas e muitas outras dúvidas irão pairar por muito tempo... O que não pode ser protelado é a prevenção constante dos EUA em relação aos contra ataques que partirão dos seguidores de Bin Laden! Pois, conforme intitulado em nosso editorial, este ‘Início de uma nova era’ pode estar atrelado também ao ‘Início de uma nova GUERRA’. Sobretudo, o presidente norte-americano Barack Obama vê a morte do terrorista como uma ação positiva, da inteligência do Exército americano em parceria com o governo do Paquistão, considerando que há dez anos Bin Laden era procurado pelas agências de diversos países do mundo inteiro. Já a CIA, acredita que a rede terrorista Al Qaeda tentará se vingar, por isto, os Estados Unidos permanecerão em estado de alerta e vigilância 24 horas. Para nós brasileiros, o momento agora é de espera por informações concretas e orações para que não surja uma terceira guerra mundial a qual necessite de reforços do nosso Exercito, e principalmente que os conflitos entre os EUA e os terroristas não respinguem em nossa nação!

Opinião

A

O conto de fadas do desarmamento

gora me vêm com essa história de desarmamento. Já vi tudo. É claro que é preciso fingir alguma atitude depois de um lamentável acontecimento como aquele. Pois é. Fico me perguntando o que se passava na cabeça daquele rapaz. Não consegui resposta. Só sei que com desarmamento ou não, ele teria comprado a ferramenta que matou doze vidas inocentes. Desde quando bandido, assassino ou outras coisas do tipo compram armas legalizadas? Também acho o mesmo, quase nenhum. Ao menos a solução que viram para impedir outros casos como esse, não é a situação na qual se encontrava aquelas armas. Seja o que for, e não que seja contra a iniciativa, só acho que é preciso muito mais. Claro. Pois se o brinquedinho assassino não é encontrado nas lojas, ainda assim pode facilmente ser adquirido ilegalmente. E de onde surgem então? Ah sim! Aposto que seriam de autoridades civis, nada honestas que colaboram com o tal esqueminha sujo. Não vou mais dizer nada a esse respeito. E nem mesmo estou generalizando. Apenas me sentindo no direito de me indignar. Posso? O fato mesmo é que não vou aguentar não dizer. Afinal essa história de que arma só é sinal de segurança se estiver na mão de autoridade é outro conto da carochinha. Agora vi que até promotor bota ela na cabeça de quem quiser e ameaça a hora que achar conveniente. Ou melhor, a hora em que seus nervos pedirem. Mesmo que seja apenas o som alto do vizinho que o incomode. Então qual a diferença entre o desequilíbrio psicológico de um jovem, como o desequilíbrio de humor de um promotor de justiça? É, eu também não sei. O desarmamento é bom? Eu até acho que sim, mas só se junto com ele estiverem outras ações eficazes, as quais quem sou eu pra ditar. Só não me venham com essa história de que essa é única medida preventiva que se pode tomar. É preciso muito mais. É preciso controlar ações corruptas partidas de autoridades, onde o buraco é muito mais embaixo. É isso mesmo. Ações permissivas que colaboram, e muito, com o armamento, isso sim. Eu, pelo menos, vejo apenas uma consequência se a medida for só o desarmamento: as armas concentradas nas mãos de autoridades (que nem sempre são tão confiáveis assim) e nas mãos de bandidos (que são menos ainda) e as consegue de uma forma ou de outra. E o resto da população? Ah tá! Reza pra que a medida realmente tenha valido a pena. Só digo uma coisa depois de tantas: me poupe. Jéssica Ramos

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Jiham Souki

Observatório de Mídia www.observatoriodemidia.blogspot.com | observatoriodemidia@pitagoras.com.br

jisouki@hotmail.com

PSICOTERAPIA, UM BICHO DE SETE CABEÇAS? De alguns anos para cá, a Psicologia tem conquistado respeito e compreensão. Sendo fundamental ao bem-estar ,além de proporcionar mudança no comportamento das pessoas em prol de uma vida, dinâmica criando harmonia e mais significado ao viver. A conquista vaiadiante dos consultórios e do trabalho individual. Atualmente a Psicologia está cada vez mais interligada a diversos setores tais como:orientação vocacional, no trânsito, esporte, comunidade desempenhando trabalho social,nas empresas, educação e saúde. O conceito de equipe multidisciplinar tem sido difundido,ampliando o entendimento sobre a função do Psicólogo. Porém ainda há distorção quanto à palavra psicoterapia. Na minha prática na área da saúde e da área social, percebi que as pessoas estão mais disponíveis a iniciar o atendimento. A procura pelo trabalho do psicólogo é elevada e a resistência é menor. Quanto à prática de consultório, a situação é diferente. O medo e a resistência dominam o cenário. Muitas pessoas estão sofrendo,em depressão,desmotivadas para viver,e com muitas fantasias no que se refere a psicoterapia. A psicoterapia tem como objetivo central, o autoconhecimento para através dele a pessoa compreender sua história e assim conseguir administrar sua própria vida. Muitos comentários e perguntas surgem diariamente,algumas delas são: Quanto tempo dura o processo terapêutico? Os comentários de maior relevância são: “...Isso sempre acontece comigo...” “... Já vivi tanto tempo assim que não conseguirei mudar...” “...Por que sempre faço tudo errado...” e a lista de reclamações e empecilhos para não mudar é grande. Então esclarecendo algumas questões rotineiras. Cada um de nós é único,com sua própria história,medos,dores,alegrias e sonhos.Então é complexo determinar quanto tempo duraráa psicoterapia.Há sim uma abordagem que delimita números de sessões,porém a maioria dos psicólogos não trabalha sobre essa vertente. Outro esclarecimento nunca é tarde para se sentir bem, para se libertar de culpas,alcançar o merecimento e se responsabilizar pelo seu próprio bem estar. A protelação do quando tiver tempo e dinheiro começarei a fazer psicoterapia, somente retardam a possibilidade de estar mais contente consigo mesmo. Afinal quem não se admira, dificilmente conseguirá admirar a vida e aos demais. Outra pergunta muito comum é todo mundo precisa fazer psicoterapia? Primeiramente a pessoa tem que estar disponível a ser auxiliada. Conheço pessoas que somente querem reclamar e não tem interesse de fazerem movimentos para melhorar sua vida. Posicionando-se sempre como vítimas, o que não contribui em nada, para melhorar a vida. Cada um de nós ,cresceu e desenvolveu o comportamento de preocupar com a opinião alheia, e se perder de si mesmo para ser aceito pelos outros. Desconheço alguém que não tenha se sentido assim. A psicoterapia irá auxiliar o individuo na construção de sua autoestima, ajudando a pessoa a se posicionar perante a vida. Os benefícios da psicoterapia não são somente para quem está no processo. Os movimentos propiciando mudanças, refletem nas relações,estas se tornam mais prazerosas, menos abusivas.Além do outro também mudar. Pois se você muda seu comportamentoe se respeita, o outro mudará a maneira de corresponder e de te respeitar. È impossível à relação permanecer da mesma forma, mas as mudanças com certeza são para melhor ,mais produtivas. Semana que vem continuarei discorrendo sobre esse tema. Podem enviar perguntas, e comentários para o e-mail que durante a semana estarei respondendo. Abraços e boa semana a todos.

A arte de “engolir sapos”

Atendendo a alguns pedidos, envio novamente o artigo publicado na Gazeta do Oeste edição do dia 15/05/10, há quase um ano. Pouca coisa mudou nos últimos 12 meses e a realidade é praticamente a mesma no mercado de trabalho, tanto para jornalistas quanto para publicitários. E o domínio da arte do título acima está cada vez mais em alta no mercado! De acordo com o dicionário popular, aquele que mais falamos em nosso dia-a-dia, o termo “engolir sapo” nada mais é do que ter que ouvir calado barbáries, agressões, ou argumentações sem noção de conseqüências, em geral de conotação e intenção de agredir aquele que está ouvindo. Outra definição mais realista do termo afirma que engole um sapo aquele que consegue suportar uma situação que, em tese, seria insuportável, em favor de evitar outra situação pior. Ultimamente, os “sapos engolidos” ganharam, inclusive, tamanho e espécies diversas: dependendo da amplitude do problema, ele se torna um sapão e, dependendo mais ainda da capacidade de reação de quem o engole, ele se torna um sapo-boi. Mais do que noticiar os fatos de forma imparcial ou criar imagens e sensações em seus consumidores, está na capacidade de “engolir sapos” o grande diferencial do bom jornalista ou do publicitário bem sucedido. Afinal de contas, quem trabalha com comunicação trabalha com pessoas e tem que desenvolver esta habilidade. Lidar com pessoas requer uma habilidade técnica e psicológica tão apuradas quanto conhecimento em língua portuguesa, elaboração de textos, criação em software ou na defesa de uma logomarca. Jornalistas trabalham o tempo todo com pessoas. Aliás, o produto final dos jornalistas depende diretamente de uma série de pessoas: do dono do veículo, do editor, das fontes, do cinegrafista... Muitas das vezes, a falta de habilidade no relacionamento acaba jogando por terra uma excelente pauta. Admiro profissionais que, com a maestria e a inteligência que, muitas vezes, são trabalhados em conjunto com a técnica apreendida na Faculdade, conseguem uma informação e a sabe trabalhar de forma ética e transparente. Fazer jornalismo é como a arte de jogar uma bela partida de sinuca: jamais se “mata” uma bola sem pensar na próxima jogada. Jamais pensamos em uma cobertura sem se lembrar que amanhã, ou depois, podemos depender daquela mesma fonte para outra matéria. Aos publicitários, a arte de “engolir sapos” com sabedoria se faz extremamente necessária, uma vez que ele trabalha com um bem intangível, mas extremamente valioso de uma empresa: a marca. Por isso, é normal escutar insultos e aberrações que, nem sempre, condizem com o contexto da situação nem com o pensamento formado pelo emissor a seu respeito. O empresário compreende sua marca da mesma forma que uma mãe percebe sua ninhada. Afinal de contas é o bem mais valioso para ele, assim como o filho é para a mãe. Neste sentido, é fundamental uma preparação para situações, no mínimo, desagradáveis e desconfortantes. Não sou adepto à filosofia de que o cliente sempre tem a razão, mas percebo que, cada vez mais, os profissionais que conseguem, com sutileza e habilidade, lidar com situações adversas, tem uma enorme chance de convencer e de estabelecer relacionamentos duradouros, cruciais para qualquer profissional de comunicação. Em um mundo extremamente competitivo e marcado por ambientes cada vez mais perversos e hostis em relação aos relacionamentos, a arte de “engolir sapos” tornou-se um grande diferencial. Ainda não a ponto de ser enaltecido em currículos profissionais, apesar de, em muitas situações e em perfis solicitados por empresas para cargos estratégicos, seja de fundamental importância na definição de um trabalho a ser desenvolvido. Francisco Resende Costa Neto Coordenador dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda Faculdade Pitágoras/Divinópolis

Jiham Souki é psicóloga Blog:psicologianavidajihamsouki@hotmail.com

ÓRGÃO Do grupo Gazeta do Oeste de comunicação ltda

FUNDADOR: Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro (1947 2004)

Diretor PRESIDENTE Fernando Marcos Rodrigues

Diretor DE MARKETING Leonardo Marcos Rodrigues

EDITORA CHEFE Liziane Ricardo

Assessores Jurídicos Dr. Márcio F. Vaz • Dr. Mauro M. Nogueira • Dr. Breno M. de Faria

www.g37.com.br gazeta@gazetaoeste.com.br

Administração, Redação E GRÁFICA: Rua Rio Branco, 948 - Porto Velho • Divinópolis (MG) • CEP 35.500-430 TELEFONE: (37) 3222-6322 • www.g37.com.br • gazeta@gazetaoeste.com.br O jornal não é solidário com conceitos emitidos em colunas e matérias assinadas.


POLÍTICA 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

28º Congresso Mineiro de Municípios tem início hoje Ângelo Roncalli, prefeito de São Gonçalo do Pará, toma posse na quintafeira (5) como presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM) Flávia Brandão

Flávia Brandão

flavia.brandao@gazetaoeste.com.br

Começa hoje (3), no Expominas, em Belo Horizonte, o 28º Congresso Mineiro de Municípios, que aborda o tema “Comunicação - Ferramenta de Gestão Municipal”. Promovido pela Associação Mineira de Municípios (AMM), o evento gratuito promete reunir cerca de 7 mil pessoas entre elas gestores públicos, empresários, prefeitos dos 853 municípios mineiros e outras autoridades. Ao todo serão realizadas 18 palestras técnicas, quatro conferências com 27 convidados participantes. A programação, que se estende até a próxima quinta-feira (5) se encerra com a posse da atual diretoria da AMM, para o biênio 2011/2013, que terá como presidente, Ângelo Roncalli (PR) , prefeito da cidade de São Gonçalo do Pará. Segundo informações da AMM mais de 80% dos municípios não têm uma comunicação adequada e, com isso, perdem negócios, não aproveitam todo o potencial municipal e, até mesmo, deixam de receber verbas públicas. O tema “Comunicação - Ferramenta de Gestão Municipal” vem ao encontro dessa necessidade e tem como objetivo principal a mudança desse cenário com a conscientização dos gestores para que os municípios façam uma comunicação efetiva e eficiente entre governos e população. Nesse sentido, serão discutidos e debatidos durante todo o Congresso assuntos ligados a formatos e ferramentas de comunicação, que podem ser utilizadas para melhorar o fluxo de informações nos municípios para que se alcance uma gestão eficiente e moderna. O evento será oportunidade também para que os gestores públicos troquem experiências e esclareçam dúvidas de como trabalhar a comunicação a favor da população e do governo. Vários aspectos da comunicação estão previstos para serem tratados durante o congresso, entre eles: endomarketing, assessoria de imprensa, ferramentas gratuitas de comunicação, marketing político, novas tecnologias de informação, transparência e governança, relacionamento entre administração pública e imprensa local, contratação de publicidade, entre outros. Palestras O Congresso irá trazer temas importantes e presença de profissionais de renome nacional. Entre os destaques está a

Ângelo Roncalli, presidente de São Gonçalo do Pará, será empossado como presidente da AMM

palestra magna, “Transparência e governança: Comunicar bem as ações governamentais é interagir com o cidadão”, que será ministrada pelo fundador e secretário-geral da ONG Contas Abertas, Gil Castello Branco. Outro destaque é a presença do jornalista Caco Barcellos, que irá apresentar o tema “Liberdade de Imprensa - Ética na Comunicação: Limites e Responsabilidades da Imprensa”, justamente no dia em que é comemorado Dia Internacional da Liberdade de Imprensa. Já no segundo dia o tema “Como as novas tecnologias de informação podem agregar valor às políticas públicas” será apresentado pela palestrante e deputada federal eleita pelo Rio Grande do Sul, Manuela D´Ávila (PCdoB). E no último dia do evento o jornalista e comentarista econômico dos programas da rádio CBN, do Jornal das Dez (da Globonews) e do Jornal da Globo, Carlos Sardenberg irá falar sobre “Os Desafios Econômicos do Brasil, de Minas e o Impacto nos Municípios na Aplicação de Políticas Públicas”. Também no encerramento os palestrantes Paulo Vasconcelos, Rui Resende e Marcos Coimbra se reúnem na conferência “Marketing Político: Gestão da comunicação – do governo as eleições”. O 28º Congresso reunirá também seis salas técnicas

que tratarão, simultaneamente, de assuntos de interesse dos representantes municipais. Além disso, haverá apresentações culturais como grupos de teatro, música, dança e coral. Durante a programação também estão previstas as entregas das Medalhas do Mérito Municipalista e do Prêmio Mineiro de Boas Práticas na Gestão Municipal. Nova Diretoria No encerramento do 28º Congresso Mineiro de Município, o prefeito de São Gonçalo do Pará, Ângelo Roncalli, irá tomar posse como presidente da AMM para o biênio 2011/2013. Para Ângelo o Congresso será espaço para debater a importância da comunicação como ferramenta fundamental para uma gestão eficiente e também oportunidade para levantar a pauta, que será discutida com os deputados federais, já que na próxima semana, quando está agendada a Marcha dos Prefeitos em Brasília. “Esse tema será grande palco para debatermos várias outras questões, que nós iremos utilizar para levantar as principais demandas a nível estadual e federal. Principalmente a nível federal, já que semana seguinte teremos a Marcha de Prefeitos em Brasília, e nós já teremos a atribuição, enquanto diretoria da AMM, de representar os prefeitos mineiros na

reunião com toda a bancada federal para mostrar qual a pauta do momento do movimento municipalista, onde estão os principais gargalos e como os deputados podem atuar a nosso favor”, declarou. Metas No movimento municipalista há alguns anos, Ângelo Roncalli destaca que tem acompanhado todas as ações no Estado e no Brasil. Ele afirma que o município é o ente mais fraco da federação, já que hoje quase 60% da concentração dos recursos se concentram no Governo Federal, cerca de 20% no Estado e pouco mais de 13% nos municípios, que é onde existe o maior ônus e as demandas são crescentes freqüentes e recurso menores. Diante disso, o novo presidente ressalta que é preciso que os municípios se organizem e destaca que a AMM tem justamente esse foro político de representação, na qual busca-se o diálogo com o Governo Federal, Estadual, com o Ministério Público, com os órgãos da imprensa, com o Tribunal de Contas do Estado, da União, etc com o objetivo de mostrar que os gestores têm procurado se modernizar e as políticas públicas tem avançado, mas é importante sensibilizar esses órgãos, principalmente o Governo Federal, no que tange a avançar e aprovar projetos como a emenda 29, que regulamenta e obriga o Governo Federal a gastar um percentual de 12% na Saúde. Também como frente de trabalho o novo presidente destaca a aprovação da Reforma Tributária, do Pré-Sal, que irão contemplar uma maior divisão de recursos para os municípios. Além disso, afirma que irá buscar o processo de interiorização dos serviços da AMM e a inauguração da TV AMM, que será a primeira TV municipalista do Brasil, e servirá como canal de informação permanente tanto das ações do Governo Estadual, Governo Federal e também para orientar os prefeitos e mostrar as boas práticas de gestão em diversos municípios, bem como espaço para passar a mensagem de mobilização da AMM em temas são relevante e precisam da união de todos os municípios. “Nosso objetivo não será só a representação política, mas também a orientação e qualificação dos servidores municipais e apoiando cada vez mais a melhoria da qualidade da gestão pública”, finalizou Ângelo.

Ex-vereador Antônio Gomes de Sousa “Bito” faleceu na tarde de ontem

Divulgação

O ex-vereador Antônio Gomes de Sousa morreu na tarde de ontem, por volta das 13 horas, de parada cardio-respiratória, aos 80 anos. Também conhecido pela alcunha de “Bito”, Antônio era natural de Divinópolis e nasceu no dia 21 de junho de 1930. Filho de Adelino Gomes dos Santos e Erotildes Gomes de Sousa foi casado com Nair Gomes de Sousa, pai de três filhos e quatro netos. Foi técnico em Contabilidade e formação superior. Eleito pelo PMDB em 15/11/1962 e empossado em 31/01/1963 com mandato até 30/01/1971. Ocupou a secretaria em 1968 e 1969. Na legislatura seguinte, foi suplente pela ARENA e substituiu Rafael José dos Santos, por seis meses, a partir de 1º de março de 1971. Eleito para o mandato 1973 a 1977 foi vice-presidente em 1974 e 1975; novamente, suplente, foi empossado em 06/04/1981, para substituir Januário de Souza Rocha Filho; também suplente

de 1989 a 1992, foi eleito em 03/10/1992 e empossado em 1º de janeiro de 1993, com mandato até 31 de dezembro de 1996. Antônio Gomes de Sousa participou de várias comissões. Bito também ocupou a função de Secretário Municipal da Fazenda no governo do prefeito Galileu Machado no período de 1º de janeiro de 1997 a 2001. O corpo de Antônio Gomes de Sousa será velado na Câmara Municipal de Divinópolis.

Anastasia participa de inaugurações no Centro-Oeste de Minas

Arquivo GO

O governador Antonio Anastasia participou ontem (02), em Piumhi no Centro-Oeste, da inauguração do Pronto-Socorro e da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) da Santa Casa de Misericórdia. O Governo de Minas investiu R$ 1,2 milhão nas duas novas unidades, que irão contribuir para melhorar a qualidade dos serviços de saúde prestados aos moradores de Piumhi e cidades vizinhas. De Piumhi, o governador seguiu para o Ginásio Polies-

portivo de Iguatama, também no Centro-Oeste do Estado, para inauguração de conjunto de obras, numa parceria do Governo de Minas com a Prefeitura Municipal. Serão entregues pavimentação de ruas; reforma da Praça da Cadeia e inaugurada usina geradora de oxigênio hospitalar do Hospital Municipal São Francisco. Ainda em Iguatama, o governador lançou a pedra fundamental de nova unidade habitacional da Cohab/MG.


04 CIDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11


CIDADES 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Transporte de usuários da saúde será feito com mais segurança Município recebeu dois novos veículos e a economia poderá chegar a R$ 40 mil

Sarah Rodrigues

Sarah Rodrigues

sarah.rodrigues@gazetaoeste.com.br

O município de Divinópolis recebeu dois microônibus destinados ao transporte de passageiros que fazem tratamento em outras cidades, especialmente à Belo Horizonte. Os veículos foram adquiridos através do programa SETS (Sistema Estadual de Transporte de Saúde), por intermédio do Consórcio Intermunicipal dos Municípios (Cisvi), do prefeito Vladimir Azevedo (PSDB), e do deputado federal Domingos Sávio (PSDB). Os dois microônibus, cada um com capacidade para 26 passageiros, levarão os usuários com mais segurança, que antes eram transportados por veículos da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), ambulâncias e ônibus comerciais com passagens pagas pela secretaria. Na manhã de ontem (02), uma solenidade marcou a entrega oficial dos microônibus ao município, e que serão utilizados a partir de hoje. Participaram da solenidade o prefeito Vladimir Azevedo, o vice-prefeito de São Gonçalo do Pará Libério de Souza Maia, a secretária Municipal de Saúde Rosenilce Cherie Mourão, o secretário adjunto de Saúde Gilmar Santos, o deputado federal Domingos Sávio, o secretário municipal de Saúde de São Gonçalo do Pará Jairo Moreira Mota, o coordenador do SETS/Cisvi José Salvador de Melo, o secretário de Operações Urbanas Adilson Quadros, funcionários da Semusa e pacientes que utilizarão o

Maria Antônia e Junior receberam das mãos do prefeito a passagem para viajar no microônibus

transporte. Um dos veículos recebidos pelo Programa será de uso exclusivo da prefeitura de Divinópolis, e outro será de uso compartilhado com a prefeitura de São Gonçalo do Pará, que também faz parte do Consórcio Intermunicipal do Vale do Itapecerica (Cisvi). A secretária de saúde ressaltou a importância de utilizar equipamentos próprios. “Teremos uma melhoria na qualidade de assistência aos nossos usuários, melhoria porque eles vão em uma condição muito mais confortável, mais segura.Eles fazem o trajeto diariamente a Belo Horizonte”. Cherie afirma que com os microônibus, além da qualidade de transporte, gastos serão cortados, e que uma economia de até R$ 40 mil será gerada mensalmente ao

município. “Um passo importante também é a economia que será gerada aos cofres municipais, nós já fizemos os cálculos, estamos calculando que no mínimo R$ 25 mil serão economizados, uma vez que não precisaremos mais de motoristas, combustível, e mesmo o ressarcimento das passagens dos ônibus de carreira”, enfatizou. Segundo a secretária os pacientes sentirão as melhorias. “Nós só temos a comemorar, porque os pacientes a partir de hoje, ficarão até surpresos porque o transporte será melhor”. MELHORIAS Maria Antônia Antero é mãe de Júnior Antero da Silva, que faz tratamento a cada dois meses em Belo Horizonte. Ela ficou muito feliz com a conquista, principal-

mente pela comodidade. “Vou para Belo Horizonte a cada dois meses e levo meu filho para fazer tratamento. Normalmente a gente vai de ambulância, de carro, de ônibus e com o microônibus vai ser mais fácil. Com o microônibus não terá tanta confusão, de alguns quererem ir na frente ou atrás, será melhor”. O paciente mal pode esperar para utilizar o transporte. “Com o ônibus próprio será mais fácil, mais tranquilo e confortável”, disse Júnior Antero. Durante a solenidade alguns pacientes receberam a primeira passagem para utilizarem o microônibus. PARCERIA O prefeito Vladimir Azevedo acredita que com o transporte os pacientes têm muito a ganhar.

“É um processo de humanização que a gente defende, antes eram muitas ambulâncias indo e vindo, que além do conforto ser menor, a segurança também, pelo volume de carros que saíam, e até pelo custo, é ganho em todos os sentidos”. Azevedo conta que os veículos foram conseguidos através de convênios e explica a parceria com a cidade vizinha. “Será um ônibus exclusivo para Divinópolis, e um que compartilharemos com a cidade de São Gonçalo do Pará, tudo isso gerido pelo consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Itapecerica, do qual sou presidente, em um convênio bem conquistado com o governo do Estado, e o deputado Federal Domingos Sávio foi um grande parceiro, para que tivéssemos esses ônibus, ganhamos em todos

os sentidos”, avaliou. Sobre o fato dos pacientes irem à Belo Horizonte se tratarem, Vladimir acredita ser natural e acrescenta que Divinópolis é polo na questão de saúde. “O mapa da saúde é compartilhado, e a gente faz isso em uma compactuação integrada, um plano de pactuação integrada, junto com a Gerência Regional de Saúde e Divinópolis por polo que é referencia para macrorregião oeste de 57 cidades e para uma microrregião oeste com 13 cidades, além de cumprir o papel da nossa cidade, com os cidadãos, ainda fazemos a articulação de toda a nossa macrorregião, da qual somos referência, e com muito orgulho”. O vice-prefeito de São Gonçalo do Pará, Libério de Souza Maia, relata que todos saem ganhando com a parceria tanto pelo transporte, quanto pela economia. “É uma demonstração muito bonita de parceria de Divinópolis com São Gonçalo, trazendo uma grande economia para a região e temos que agradecer”, afirmou. CONQUISTA O deputado federal Domingos Sávio ressaltou a importância da conquista dos ônibus para a cidade e acrescentou que para conseguir os ônibus lutou desde 2008. “Honrando este compromisso com a saúde, cumprindo o nosso dever, o processo de luta pela saúde tem que ser sempre continuado, é algo que às vezes demora um pouco, o que não pode servir de desânimo, pelo contrário”, finalizou o deputado.

Começa a reforma do velório municipal andre.bernardes@gazetaoeste.com.br

Começa na próxima semana a reforma do prédio que fica na Praça Elizeu Zica, no bairro São José, para sediar o velório municipal. A obra é uma reivindicação antiga da população, já que a cidade tem apenas salões particulares para velórios. O prédio abrigava o salão comunitário e era usado pela Associação dos Moradores do bairro São José, que era cedido pela presidência para fazer os velórios. O vereador Edmar Rodrigues (PMDB), que fez o pedido da reforma para a prefeitura, disse que o prédio não tinha a estrutura adequada para comportar um velório. “Nós tínhamos um transtorno muito grande porque lá nos temos uma

escada com vários degraus, e dificultava para as pessoas como cadeirantes ou com necessidades especiais e também os idosos. E existia uma gráfica na parte debaixo do salão comunitário, então nós pedimos que tirassem essa gráfica. Ficou este espaço vazio, onde será o velório municipal” conta o vereador. Edmar lembra que o velório já é uma reivindicação antiga da população. “Eu acho uma obra importante. Será reformado o espaço que nós estamos cobrando a muitos anos, desde a gestão passada, e agora nós sensibilizamos o prefeito e mostramos a importância deste velório no bairro São José. Agora o mais rápido possível, deverão ser feitas algumas adequações. Uma reforma no banheiro, uma troca de piso, uma porta, para que até

André Bernardes

André Bernardes

Serão gastos na obra a quantia de R$32.315 e a previsão de conclusão será de dois meses

o final do mês de maio nós possamos ter um espaço para velar os entes queridos daquela pessoas da região do São José” diz. O prédio comportará apenas um velório. Será feita uma sala

de descanso, uma cantina e dois banheiros. Serão gastos na obra a quantia de R$32.315 e a previsão de conclusão será de dois meses. A novidade agradou os moradores do bairro São José, porém

alguns ainda estão inseguros, pois acreditam que o velório poderá influenciar as ações que são realizadas na praça. Para Eli José de Faria, membro do conselho do bairro será preciso uma reunião

com a prefeitura para discutir os critérios de utilização do velório. “Já é uma reivindicação antiga, mas a única preocupação é que precisamos rever como ficará a situação da praça, pois sempre fazemos apresentações ali. Então temos que reunir com a prefeitura para ver como será administrada esta questão. Mas o velório é necessário, porque em cidade menores tem. Agora temos que ver como será administrado” diz Eli. De acordo com Simonides Quadros, secretário adjunto de Operação Urbanas da Semoudes, os critérios de utilização para usar o velório ainda não foram discutidos. “Depois da reforma vamos avaliar quais serão os critérios para uso do velório, se haverá alguma taxa e como será usado” conta.


06 CIDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Oficinas de capacitação de artesãos geram oportunidades de trabalho

André Bernardes

Estão sendo ofertadas aulas de fuxico, pintura em tecido, armadinho, boneca e patchwork André Bernardes

andre.bernardes@gazetaoeste.com.br

O setor de artesanato da secretaria Municipal de Cultura (SEMC), que funciona na Estação da Cultura, está promovendo cursos de capacitação para artesãos. Estão sendo ofertadas aulas de fuxico, pintura em tecido,armadinho, boneca e patchwork, tendo como matéria prima retalhos das confecções da cidade. Crochê, bordados e customatização são as novidades deste ano. Para a artesã e coordenadora das oficinas Lia Braga, essa é a oportunidade de criar uma identidade para o artesanato divinopolitano. “Nós temos alguns artesãos muito bons, que são valorizados até nacionalmente, mas não existe aqui uma identidade. Então é isso que nós estamos buscando, uma identidade do nosso artesanato. Se tiver um grupo que produz essa identidade, pode acontecer” diz. O curso acontece desde 2009 e hoje conta com mais de quarenta artesãos inscritos. “O objetivo maior é capacitar ao artesão. As oficinas são destinadas a pessoas que já tem um conhecimento básico das técnicas artesanais em fuxico, pintura, patchwork, todas voltadas para o para o aproveitamento do retalho de Divinópolis. Essas oficinas acontecem de manhã e à tarde, todo artesão que quiser participar pode comparecer a Estação da Cultura. Os encontros são uma vez por semana e expomos e comercializamos os trabalhos em nosso showroom” orienta Lia. Os objetos produzidos pelos artesãos são vendidos na Estação da Cultura. Lá se encontram colchas de retalhos e fuxico, almofadas, chaveiros e bonecas de tecido. Todo dinheiro arrecadado com as vendas é revertido aos artesãos. Para Lia, o desenvolvimento tecnológico é positivo para a valorização do trabalho artesanal.

“As pessoas estão nesta geração eletrônica, ai eles valorizam mais o trabalho do artesão” afirma. Para quem quer aprender artesanato, a Estação da Cultura irá lançar no próximo mês o programa “Quinta do Artesanato”, onde serão realizadas exposições em frente à antiga estação e oficinas de artesanato para iniciantes. O trabalho artesanal está ganhando cada vez mais adeptos. Além de ser uma boa oportunidade de ganhar dinheiro é uma forma de cuidar da saúde. As atividades manuais, principalmente as que utilizam fios (tricô, crochê e tecelagem), possuem imenso valor na terapia biográfica, pois a pessoa participa da própria criação, de cada etapa do processo: começo, meio e fim. Ela visualiza o produto terminado e isso fortalece a vontade, a coordenação psicomotora, além de organizar emoções. “O artesanato, enquanto as mãos trabalham a mente descansa. É terapêutico, traz calma, você elabora, planeja, desenvolve” diz Lia. Os interessados podem procurar a Estação da Cultura, que fica atrás do Pronto Socorro Regional, de segunda a sexta de 9 as 17h. As oficinas são gratuitas. Projeto Somos Amados Outra oportunidade para quem quer aprender artesanato são as oficinas oferecidas pelo projeto “Somos amados”. Além do artesanato, o projeto oferece oficinas de teatro, artes, dança e violão. De acordo com o Pastor Arlem, criador do projeto, essas oficinas são uma forma e proteger e prevenir os jovens de ter contato com as drogas e a valorização da família. “Trabalhamos com todas as idades. Além das oficinas temos apoio jurídico e psicológico e acompanhamento escolar” informa o pastor. O projeto que é mantido por doações e parcerias abre inscrições para toda a população.

Os objetos produzidos pelos artesãos são vendidos na Estação da Cultura

Os interessados podem entrar em contato com o projeto pelo

telefone 3214-5502 ou comparecer a sede do projeto na rua

SID ER UR G IC A U NIÃ O S/A

Carlos Gualberto da Fonseca 105, bairro Alvorada. As aulas

CNPJ: 00.668.173/0001-82

RELATÓRIO DA DIRETORIA Temos a satisfação de submeter para apreciação de V.Sas. as Demonstrações Contábeis e Notas Explicativas relativas ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2010. A Diretoria Balanço Patrimonial Levantado em 31 de Dezembro ATIVO Circulante Caixa Bancos c/Movimentos Aplicações Financeiras Clientes Impostos a Recuperar Valores em Transito Estoques Adiantamentos Creditos Diversos Empréstimos Não Circulante Realizável a Longo Prazo Creditos aos Socios Creditos de Mutuo Depositos Judiciais Imobilizado Construções e Edificações Equipamentos Alto Forno Veículos Terrenos Móveis e Utensílios Equipamentos de Informática Software Instalações Reflorestamento Depreciações Amortizações Bens em Construção Diferido Gasto de Implantação e Pre-operacional Amortização Acumulada TOTAL DO ATIVO

2010

2009

277.679,43 8.114.686,84 8.407.922,98 4.851.781,02 800,00 29.343.040,05 9.829.213,86 574.607,10

0,00 171.839,06 39.678,12 5.318.887,38 2.965.802,09 800,00 11.584.777,18 5.412.250,62 2.625.285,17

61.399.731,28

28.119.319,62

1.400.079,28 17.105.694,11 39.191,97 18.544.965,36

1.400.079,28 4.863.903,24 32.776,97 6.296.759,49

8.099.806,60 8.099.806,60 589.201,30 585.201,30 8.398.343,36 8.398.343,36 593.365,37 523.249,07 100.000,00 100.000,00 34.096,11 14.125,32 99.744,54 95.616,54 5.134,52 2.300,00 3.766.197,44 3.758.600,44 2.378.321,53 642.099,98 (6.580.235,69) (3.942.088,27) (2.138,23) (1.111,35) 244.378,43 17.726.215,28 18.276.142,99

PASSIVO

2010

2009

5.054.113,25

4.546.556,84

346.405,60

319.335,65

1.881.212,54

889.907,84

Bancos

388.564,52

368.755,52

Outras Obrigações

130.022,82

546.823,41

4.819.376,98

31.354.588,32

31.767.970,74

0,00

Circulante Obrigações e Encargos Fornecedores Obrigações Tributárias Salários e Contribuições

Empréstimos e Financeiros Receitas a Apropriar Armazenagem Terceiros

44.393.238,26

38.025.967,58

Emprestimos Financeiros

33.395.401,87

44.761.250,90

Contrato de Mutuo

88.354.093,78

32.686.377,98

121.749.495,65

77.447.628,88

9.600.000,00

9.600.000,00

Não Circulante Exigível a Longo Prazo

Patrimônio Líquido Capital Social Reservas Especiais Lei 6404

994.789,23

994.789,23

Lucro /Prejuízo Acumulados (73.299.767,51)

(1.526.586,06)

Lucro /Prejuízo Exercício 147.052,26 (100.037,72) 47.014,54 97.717.926,46

147.052,26 (70.656,18) 76.396,08 52.768.618,18

5.571,81

(5.719.829,17) (71.773.181,45) (68.424.807,45) (62.704.978,28)

TOTAL DO PASSIVO

97.717.926,46

52.768.618,18

NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS EM 01/01/2010 E 31/12/2010 (em Milhares de Reais) 1 – CONTEXTO OPERACIONAL A Siderúrgica União S/A de capital fechado tem por objeto social: a industrialização e comercialização de ferro gusa, participação societária em outras empresas, empreendimentos agro-pecuários e a elaboração e acompanhamento de projetos técnicos, consultoria e assistência técnica aos m esm os ou a projetos de terceiros, exportação e im portação de ferro gusa e outros produtos m etalúrgicos, florestam ento e reflorestam ento, bem com o carvoejamento. 2 - APRESENTAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS As dem onstrações financeiras foram preparadas e estão apresentadas de acordo com o disposto na Lei das Sociedades por Ações (Lei nº 6.404/76). As principais práticas contábeis estão descritas a seguir: a) Apuração do resultado: o resultado é apurado pelo regime de competência de exercícios, e é ajustado pela parcela tributável de imposto de renda e contribuição social incidentes sobre os lucros tributáveis e pelos créditos tributários de imposto de renda e contribuição social sobre provisões efetuadas. b) Ativos circulantes: os ativos são apresentados pelo valor de realização, incluindo, quando aplicável, os rendimentos de aplicações financeiras auferidos. c) Permanente: O ativo imobilizado é demonstrado ao custo de aquisição combinado com a depreciação de bens, calculada pelo método linear. d) Passivos circulantes: são demonstrados pelos valores conhecidos ou calculáveis, acrescidos, quando aplicável, dos correspondentes encargos e variações monetárias incorridas. 3 – PRINCIPAIS PRÁTICAS CONTÁBEIS (a) Apuração do resultado O procedimento contábil de apuração do resultado é pelo regime de competência, bem como a apuração de custos. (b) Registro e classificação A classificação em circulante e não circulante, obedece aos artigos 179 e 180 da Lei nº 6.404/1976. Os direitos são demonstrados pelo custo de aquisição, incluídos os rendimentos e as variações monetárias incorridas quando aplicável. (c) Disponibilidades Incluem aplicações financeiras com rendimentos auferidos até a data do balanço, de acordo com as taxas pactuadas com as instituições financeiras, ajustadas a seu valor de mercado, quando esse for inferior ao valor ajustado. Conta Bancos C/Movimento Aplicações Financeiras Total

2010 277 8.114 8.391

2009 171 39 210

O valor expresso em bancos conta movimento são numerários em conta corrente. d) Créditos e valores a receber Contas Clientes Créditos Diversos Créditos Fiscais Total

2010 8.558 134 4.851 13.543

2009 5.381 569 2.965 8.852

Os Clientes mercado interno possuem prazo médio de 30 dias para pagamento. Os valores de créditos diversos são créditos de ICMS a recuperar, transferidos a outras empresas do estado de Minas Gerais, conforme autorização da secretaria do estado, com um prazo m édio de recebimento de 30 a 60 dias de prazo. O valor de créditos fiscais refere-se a credito IRRF, retidos até 2009, e ICMS, PIS, COFINS e IPI objeto da legislação em vigor, sendo recuperados com vendas ao mercado interno. e) Adiantamentos A empresa efetuou adiantamentos a diversos fornecedores para aquisição de matérias primas e materiais para uso e consumo durante o 2010. Conta Adiantamentos

2010 9.773

2009 5.427

f) Estoques Em agosto/2007 iniciou a produção de ferro gusa no Alto Forno I . Os estoques são compostos de Ferro Gusa e Materiais Primas e materiais de uso e consumo, registrados pelo custo incorrido de produção e aquisição. Contas Produtos Acabados Mercadoria Mercadoria Armazenada Matéria Prima Almoxarifado Total

2010 8.558 134 4.851 1.169 1.485 13.543

2009 1.606 2.356 2.757 1.169 1.485 9.373

Ativo Não Circulante g) Outros Créditos Foi adiantado para os sócios a quantia de R$ 1.400.079,28 (um milhão e quatrocentos mil e setenta e nove reais e vinte e oito centavos) a ser descontado em dividendos futuros. O valor de R$ 17.105.694,11 (dezessete milhões cento e cinco mil seiscentos e noventa e quatro reais e onze centavos) refere-se ao contrato de mutuo, em parcelas de 24 meses com juros de 1% (um por cento) ao ano e tratando-se de empresa do mesmo grupo societário não foi necessário garantia de contrato. Ativo Permanente h) Imobilizado O ativo imobilizado é demonstrado ao custo de aquisição combinado com a depreciação de bens, calculada pelo método linear. Em 31/ 12/2009 a composição é: Edificações R$ 8.099 Máquinas e Equipamentos R$ 589 Altos Fornos R$ 8.398 Veículos R$ 593 Terrenos R$ 100 Moveis e Utensílios R$ 34 Equipamentos Informática R$ 99 Software R$ 5 Instalações R$ 3.766 Reflorestamento R$ 2.378 Bens em Construção R$ 244 Total R$ 24.305

começam na próxima segunda e são gratuitas.

Demonstração de Resultado Exercício Findo em 31 de Dezembro 2010 2009 RECEITA OPERACIONAL Receita Bruta de Venda 117.014.940,55 126.699.345,89 Devolução de Vendas (261.451,65) (34.586,10) Abatimentos Incondicionais Impostos sobre Vendas (18.073.951,11) (16.652.616,78) Receita Líquida 98.679.537,79 110.012.143,01 Custo dos Produtos Vendidos (75.113.270,78) (114.428.958,02) Custo dos Merc. Vendidas (16.352.667,90) Lucro/Prejuízo Bruto 7.213.599,11 (4.416.815,01) Despesas Financeiras (13.562.897,51) (76.429.364,06) Receitas Financeiras 3.680.155,56 4.624.461,56 Despesas C/Vendas (1.032.167,63) (649.750,78) Despesas Tributárias (28.066,21) (13.613,25) Despesas Administrativas (1.063.999,29) (1.696.171,61) Outras Receitas 865,92 2.033,00 Despesas C/Manutenção (948.225,63) (1.306.895,65) Lucro ou prejuízo Operacional (5.740.735,68) (79.886.115,80) Receita Não Operacional Venda Ativo Imobilizado 45.000,00 Custo Ativo Imobilizado (23.216,67) Despesas não Operacionais (876,82) (5.637,63) Resultado do Exercício antes da CSLL e do IR (5.719.829,17) (79.891.753,43) Provisão para Contribuição Social Provisão para Imposto de Renda Lucro Prejuízo Líquido do Exercício (5.719.829,17) (79.891.753,43) Lucro Líquido por Quota -0,60 -8,32 i) Diferido Possui despesas pré-operacionais que serão amortizadas de acordo com a legislação vigente. j) Passivo circulante As obrigações são dem onstradas por valores conhecidos ou calculáveis, incluindo os encargos e as variações monetárias. k) Fornecedores As obrigações são dem onstradas por valores conhecidos ou calculáveis, abrangendo os fornecedores de imobilizado, matériasprimas, serviços e manutenções, etc, com prazo médio de 60 dias para pagamento l) Obrigações tributárias Os valores de obrigações tributárias referem-se a ICMS a recolher e retenções federais. Empréstimos Adiantamento Contrato de Cambio m) O valor de R$ 156.349,56 (cento e cinqüenta e seis mil trezentos e quarenta e nove reias e cinqüenta e seis centavos) refere-se a saldos devedores de bancos, e R$ 232.214,96 (duzentos e trinta e dois mil duzentos e quatorze reais e noventa e seis centavos) são cheques em transito, e mais R$ 130.022,82 (cento e trinta mil e vinte e dois reais e oitenta e dois centavos) de adiantamento de clientes. n) Empréstimos Bancários O valor de R$ 4.819.376,98 refere-se a parcela 04/09 do empréstimo firmado entre banco citibank , de US$ 2.083.604,40 dolares americano com vencimento prorrogado para o anode 2011. o) Receitas a Apropriar O valor de R$ 31.767.970,70 (Trinta e um milhões setecentos e sessenta e sete mil novecentos e setenta reais e setenta centavos) refere-se a produtos industrializados a serem embarcados para exportação. Passivo Não Circulante p) Empréstimos e Financiamentos O valor de R$ 2.043.517,05 (Dois milhões e quarenta e três mil quinhentos e dezessete reais e cinco centavos) refere-se ao adiantamento de contrato de câmbio firmado entre bancos, em um período variável de 90 a 360 (noventa a trezentos e sessenta) dias, a uma taxa variável de 5% a 8% (cinco a oito por cento) ao ano e como garantia é a própria mercadoria que fica no porto. O valor de R$ 7.255.000,00 (sete milhões duzentos e cinqüenta e cinco mil reais) empréstimo junto ao citibank. O valor de R$ 24.096.884,82 (vinte e quatro milhões e noventa e seis mil oitocentos e oitenta e quatro reais e oitenta e dois centavos) refere-se a parte do empréstimo com o Banco citibank 05 parcelas de US$ 2.083.604,40 dolares americano com vencimentos de 07/ 02/2011, 06/05/2011, 08/08/2011, 07/11/2011 e 06/02/2012. q) Contrato de Mutuo O valor de R$ 88.354.093,78 (Oitenta e oito milhões trezentos e cinqüenta e quatro mil noventa e três reais e setenta e oito centavos), refere-se ao empréstimo com a Sidepar - Siderúrgica do Pará S/A, parcelado em 24 (vinte e quatro) meses com juros de 1% ao ano e como trata-se do mesmo grupo não foi necessário ter garantias no contrato. 4 – Patrimônio líquido a) Capital social O capital social, subscrito e integralizado, está representado por 9.600.000 ações ordinárias nom inativas, sem valor nom inal, devidamente registradas nos livros societários da Companhia. 5 – Resultado do Exercício A empresa apresentou um prejuízo no exercício de 2010 R$ 5.719.829,17 (Cinco milhões setecentos e dezenove mil oitocentos e vinte e nove reais e dezessete centavos). Siderúrgica União S.A Rogério Valadares Gontijo CPF: 228.596.75-04

Valter Faustino Contador CRC: MG - 071460/O-1 CPF: 704.656.496-53


CIDADES 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Condutores desrespeitam legislação Número de infrações vem acarretando aumento de reclamações Venilton Ferreira

Venilton Ferreira Da Redação

Devido às recentes reclamações e acusações por parte de algumas pessoas, segundo as quais os agentes da Settrans – Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes estariam cometendo abusos na fiscalização de trânsito, a equipe de reportagens da Gazeta do Oeste, ouviu pessoas que convivem constantemente, porém, sem se envolverem diretamente com esta questão. Neste sentido foi necessário colher a opinião de moradores e comerciantes da área central, para saber se realmente está havendo excesso por parte da fiscalização conforme denunciado. No cruzamento das avenidas 21 de Abril com rua Sergipe, local de grande movimento e onde existe uma rotatória, conversamos com o Sr. Aluisio Silva (53), morador há vinte e cinco anos nas proximidades. Ele informou que, como trabalha há 10 metros do cruzamento, passa todo o tempo observando o movimento no local. Segundo o morador a grande maioria dos motoristas e motociclistas não respeita a sinalização e nem tampouco os pedestres, sejam eles idosos, crianças ou deficientes. “Sou a favor de campanhas educativas para o público usuário da via em

Cruzamento da avenida 21 de Abril com rua Sergipe, local de tráfego intenso

geral, mas os agentes estão cumprindo o seu papel. Não acho que esteja havendo abuso. O que falta é educação no trânsito”, disse o morador. Em outro cruzamento, desta vez na rua Sergipe com avenida Sete de Setembro, o comerciante Henrique Azevedo, 46, que trabalha no local há 10 anos, tem a mesma opinião do Sr. Aluisio.

Para ele os agentes estão certos ao punirem os infratores, pois a maioria dos condutores não respeita a sinalização, os demais motoristas e motociclistas e muito menos os pedestres. Para ele quem reclama é porque cometeu alguma infração. De acordo com o comerciante não está havendo abuso. As pessoas são muito mal educadas “Acho que

as autoescolas poderiam conscientizar melhor os candidatos a motoristas, além de campanhas nas escolas e na própria família, ensinando boas maneiras aos filhos”, comenta Henrique. O capitão Gerson Luiz de Freitas, Coordenador de Educação e Fiscalização de Trânsito da Settrans não entende os motivos dessas acusações contra a

secretaria e os agentes. Todos os agentes recebem treinamento e capacitação de acordo com as normas. Todas as denúncias formalizadas são rigorosamente apuradas e, ao serem detectadas irregularidades por parte do servidor, são tomadas as medidas administrativas cabíveis de acordo com cada caso. Não existe nenhum incentivo para

a confecção de multas, elas são consequência da fiscalização. Em cerca de 40% das abordagens os agentes apenas orientam os infratores. Como a secretaria também realiza várias operações é natural o aumento do número de notificações em alguns períodos. Operações como Patrulha do Sossego realizada em conjunto com o Ministério Público, Polícia Militar do Meio Ambiente e outros órgãos, Operação Natalina, Volta às Aulas, Trânsito Seguro, Escolar, dentre outras, fazem com que haja mais autuações. Como exemplo, o Capitão Gerson citou o cumprimento de uma determinação do Ministério Público no sentido de disciplinar o trânsito no cruzamento das ruas Francisco de Carvalho e Esmeraldas. No local os moradores reclamavam bastante dos constantes avanços de sinal e outras infrações. “É natural que algumas pessoas reclamem da atuação dos agentes porque são penalizadas com multas pelo cometimento de infrações. A Settrans trabalha em prol da comunidade. O objetivo é o bem coletivo e não o individual. Todas as ações são planejadas após levantamento da inadimplência dos proprietários de veículos e dos locais de maior incidência de cometimento de infrações”, informou o Capitão.

Divinópolis próximo de conseguir um CAPS- AD Situação do carrapateiro preocupa sarah.rodrigues@gazetaoeste.com.br

Devido aos inúmeros problemas com drogas e álcool vivenciados pelo município, atualmente os órgãos públicos estão cada vez mais preocupados com a situação e tentam instalar um Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas (CAPS- AD). O maior foco de preocupação é o ‘carrapateiro’, ponto próximo à ponte do Niterói onde muitos usuários se reúnem e fazem uso de drogas e álcool. Um CAPS-AD trata-se de um serviço de atenção extra-hospitalar, instituído pela portaria ministerial 336/02, destinado a prestar assistência psicossocial à pacientes com dependência ou uso abusivo de álcool e outras drogas, com ênfase na reabilitação e re-inserção social de seus usuários. Itaúna atualmente possui o CAPS-AD, enquanto Divinópolis ainda não tem. O Centro oferece atendimento psicológico para o usuário e familiares de acordo com idade e diagnóstico. Segundo o vereador Geraldinho da Saúde (PR), a cidade precisa urgente de um centro,

pela situação que vive e principalmente para assistência aos familiares de usuários de álcool e drogas. “Como vereador tenho debatido tanto a questão das drogas, e dentro desta preocupação sabemos que a gente precisa ter um CAPS- AD, que é um centro que atenderá os alcoólatras e drogados, dará atendimento prioritário aos pacientes e familiares”. O parlamentar foi à Brasília para pedir intercessão ao Ministério da Saúde para implantação de uma unidade de CAPS-AD no município. “Levei à Brasília diretamente, protocolei em mãos do Ministro da Saúde Alexandre Padilha, que se prontificou a analisar a parte que compete ao Ministério, para que faça um investimento e tenhamos um CAPS-AD”, relata. Geraldinho explica que cabe ao município apresentar um projeto, para captar recursos para o centro. “Agora a prefeitura de Divinópolis, através da Secretaria de Saúde precisa apresentar um projeto, porque já fiz o pedido e o deputado Jaime Martins (PR) é solidário, quer dizer, avalizou o nosso pedido junto ao Ministro da Saúde e teremos o mais

Sarah Rodrigues

Sarah Rodrigues

O parlamentar fala sobre a necessidade de um CAPS - AD

rápido o possível a questão do CAPS- AD”. Sobre as articulações da Secretaria Municipal de Saúde em colocar em funcionamento uma unidade de CAPS-AD, o

parlamentar acrescenta que a secretaria está interagindo com a ideia. “Nesse primeiro momento a Semusa coloca os seus técnicos e na semana que vem terá uma audiência pública na Câmara

para tratar sobre o CAPS- AD, que é desconhecido do público.Na verdade nós temos um serviço de saúde mental em Divinópolis que trata os pacientes portadores de sofrimento mental, mas também trata os pacientes usuários de entorpecentes e alcoólatras e este tratamento não é o ideal. Nós lutamos por uma estrutura diferenciada, com profissionais que se dediquem ao tratamento especifico para cuidar dos pacientes”, enfatiza o vereador. CARRAPATEIRO Próximo à ponte que liga o centro ao bairro Niterói existe um ponto denominado popularmente por ‘carrapateiro’, onde usuários de álcool e drogas fazem uso das substâncias durante todo o dia e noite, preocupando a população. “Não podemos fechar os olhos para esta questão que estamos vivendo, tão difícil como as drogas, e que nós temos um exemplo muito claro próximo de nós que é o ‘carrapateiro’, principalmente na questão do vício de drogas e muitas famílias tombando porque infelizmente ainda não temos uma política definida sobre a questão de combate às drogas”, finalizou o

parlamentar. PROJETO A secretária municipal de Saúde Rosenilce Cherie Mourão, conta que a cidade tem a capacidade para ter um CAPS-AD, mas precisa captar recursos. “Acredito que o município possa ter um CAPS-AD, já temos um projeto para isso, a nossa dificuldade é que além das dificuldades inerentes à natureza do projeto, que é trabalhar com álcool e drogas, que são extremamente complexos, envolve várias faces, mas considerando apenas o aspecto financeiro dependemos de conseguir um suporte financeiro”. Segundo Cherie a maior dificuldade é a de conseguir investimentos para o projeto que já está em andamento. “O município não tem como arcar com isso. O projeto seguramente depende de maneira direta, das outras instâncias de governo, federal e estadual. Nós estamos justamente correndo atrás disso, para ver se viabilizamos. O projeto já está pronto, agora o recurso financeiro para que ele seja implantado é a bola da vez, estamos correndo atrás”, avalia a secretária.


08 VARIEDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Dra. Karla Faria

Carol Corrêa

karlafaria@ortodontista.com.br

carolina@lacuisinecorrea.com.br

Tecnologia ajuda no tratamento da gageira

A gagueira é um distúrbio que afeta não apenas a saúde, na maioria dos casos afeta também a auto-estima e até a vida social de quem tem esse problema. A maioria das pessoas, segundo especialistas, acredita que traumas de infância são o que causam a gagueira, o que não é verdade. O neurologista Marco Antônio Arruda, da Academia Brasileira de Neurologia, diz que esse distúrbio está ligado aos genes. “Hoje, sabemos que a causa está em genes que interferem na formação e no funcionamento de áreas cerebrais que gerenciam a emissão da fala”. Os primeiros genes responsáveis pela gagueira foram descobertos há apenas um ano. Essas descobertas sobre bases genéticas da gagueira e funcionamento cerebral podem trazer novas formas de tratar o problema que, no Brasil, é crônico para

cerca de 2 milhões de pessoas, segundo Ignês Maria Ribeiro, presidente da IBF (Instituto Brasileiro de Fluência). O neurologista Arruda conta que, estudos controlados com um antagonista da dopamina (medicamento que anula a ação do neurotransmissor), estão mostrando bons resultados. Mas, esse remédio ainda não chegou às farmácias, e para suprir esse ”vazio”, novas tecnologias já estão sendo incorporadas aos tratamentos, como o aplicativo que a fonoaudióloga brasileira, Barbara Fernandes criou, o Fluency Tracker, para ser utilizado no IPhone e IPad (febre mundial). A versão em inglês do programa já está a venda na Apple Store . Segundo sua criadora Barbara, a versão em espanhol será lançada agora e a versão em português neste semestre. Esse aplicativo mapeia as situações relacionadas á gagueira para que o paciente identifique em que momento precisa usar técnicas aprendidas em consultório, além de acompanhar o seu progresso no dia a dia. Os usuários desse pro-

grama podem introduzir as vezes que gaguejam ao longo do dia, podem indicar também aonde e com quem gaguerajam. O aplicativo irá manter um registro destas informações ao longo do tempo. Além disso, os usuários podem entrar em cada vez que evitaram falar devido ao medo de gaguejar, e as situações em que esse comportamento aconteceu. Uma outra característica do Fluency Tracker é a capacidade de acompanhar os sentimentos em relação a fala, em um determinado dia. Sabemos que as pessoas que gaguejam, às vezes se sentem frustradas e impotentes em relação a suas habilidades de comunicação. E para isso, o Fluency Tracker irá codificar um perfil no qual será apresentado um gráfico de mudanças nos comportamentos de fala (momentos de disfluência, esquiva, e sentimentos em relação a fala); Desta forma, usuários poderão acompanhar seu progresso rumo a um discurso mais fluente, ou para uma atitude mais positiva sobre suas habilidades de comunicação.

Gastronomia canina Bom dia queridos leitores!!! Preciso contar-lhes que ganhei 2 filhotinhos marronzinhos de Labrador: o Toddy e a Cacau!!! E em função deles, hoje escrevo a coluna sobre Gastronomia Canina. Uma das chefs de cozinha que mais admiro é a Roberta Sudbrack, gaúcha, proprietária do Restaurante Roberta Sudbrack no Rio de Janeiro e hoje uma das melhores chefs de todo o mundo. Ela foi a primeira chef do Palácio da Alvorada, em Brasília, cozinhando para o então presidente Fernando Henrique Cardoso, onde ficou por 7 anos. Mas, dentre sua trajetória como chef, houve um momento em que ela se dedicou aos cães, em razão de uma doença que o seu cachorro, um Golden Retriever chamado o Júnior, teve e que fez com que não tivesse interesse em se alimentar. E à partir das receitas que criou,

escreveu um livro chamado “Bom pra cachorro – Gastronomia Canina”, da Editora Senac. Ela não nega a importância das rações e das ordens veterinárias e, por isso mesmo, suas receitas foram acompanhadas por médicos veterinários. Na verdade, apresenta que “Bom para Cachorro – Gastronomia Canina” é apenas uma maneira divertida de dono e cão passarem seus momentos juntos enquanto a saúde e alimentação canina são beneficiadas. Conheci também uma senhora completamente louca por seu cão que, uma vez, me disse que as rações contêm muito sal, que seu cãozinho tinha que passar por uma dieta sem sal, e que por isso ela temia sobre como fazer para cuidá-lo. Mesmo sem saber se a informação sobre o sal nas rações era real e sem ainda ter lido o livro, o indiquei e o resultado parece ter sido bem positivo! Mas confesso que achava bobeira e um tanto quanto frescura tudo isso em função de um cachorro, mas, depois de ganhar estes meus 2 labradores, sinto que me tornei mais uma “babona” por cães. Não há

por que não se dedicar a eles e não amá-los para ter em troca uma companhia tão fiel e carinhosa quando é a deles! Bem, historicamente, os primeiros cães domesticados eram alimentados por pães e carnes, buscando a vitalidade que esperavam que os cães tivessem para exercer trabalho doméstico. Os primeiros registros de alimentos exclusivamente fabricados e comercializados para cães são de meados de 1900. Voltando ao livro, as receitas que lá contém podem também ser consumidas por humanos, e algumas delas são: quenelles de salmão, risotto de codorna com arroz integral, contra-filé com batata-doce. Há uma receita de músculos com legumes bem interessante, leva couve-flor, abóbora, vagem, chuchu, alho, sal e azeite. Com tanto ingrediente bom, não há como dar errado, não? Enfim, se você também é um babão por gastronomia e por cães, converse com o seu veterinário e veja até onde você pode unir os seus dotes gourmets e a saúde do seu animal!

Fonte: DENTALPRESS

Dra. Karla Faria Especialista em Ortodontia Mestre em Ortodontia pela SLM – Campinas – SP Membro da Associação Brasileira de Ortodontia (37) 3222.7932

Carol Corrêa Administradora, Chef de Cozinha Proprietária do La cuisine Corrêa - (37) 8838-8825


VARIEDADES 09

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Marco Aurélio Braga braga.marco@gmail.com

A festa

Foi cercada pelo carinho de amigos de uma vida toda que a família Rodrigues celebrou, em grande estilo, os 18 anos da Gazeta do Oeste. A festa, que reuniu políticos, parceiros e empresários movimentou o salão nobre da sede campestre do Estrela do Oeste Clube, neste sábado, e foi marcada pela emoção. Os breves discursos carregados de emoções proferidos pelos deputados Fabiano Tolentino, Domingos Sávio e Jaiminho Martins, destacaram a importância que a Gazeta do Oeste sempre teve na história do município e região com sua informação ética e transparente. Em sua fala, o presidente da Câmara Municipal, pastor Paulo Cesár comparou a sua história com a dos irmãos Rodrigues. Já o prefeito Vladimir Azevedo foi enfático ao microfone ao destacar que a nova fase diária da Gazeta do Oeste é mais um presente para o Centenário de Divinópolis. As delícias gastronômicas e etílicas, assinadas pelo Rosa Buffet, e a decoração moderna, também elaborada por eles, aliadas a tecnologia do som e iluminação de Sander Sound, foram pontos altos da noite. A M Martan apresentou as novidades da marca com a exposição de um quarto com itens da nova coleção M Martan. A Rosvan também montou um corner com perfumes, jóias e relógios e a Estância Stela Máris ofereceu mimos que agradaram em cheio os convivas. A Jequiti presenteou com perfumes e o Grupo Minauto expôs os carros que acabam de chegar no mercado. O cerimonial da noite foi de Nelson Porto e os clicks de Mateus Dias. A música ficou a cargo da DJ Taty e de Luciano Melgaço e banda. Ao final, a direção da Gazeta do Oeste convocou toda a equipe de jornalistas, diagramadores, editores e colunistas para, ao lado deles, receber o carinho dos convivas com calorosas palmas. Um belo exemplo de que ninguém cresce sozinho e que, na Gazeta do Oeste, valorizar o trabalho em equipe é ponto fundamental.

Mães Classe Ouro Jóias 2011

Maísa Freitas de Oliveira Rodrigues, mãe de Vinícius Oliveira Rodrigues

Av. Antônio Olímpio de Morais, 303 Fone: (37) 3221-3921

Rua São Paulo, 462 • Centro Fone: (37) 3216.5555


10 VARIEDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Resumos de Novelas Malhação Globo - 17h30

Cordel Encantado Globo - 18h

Morde e Assopra Globo - 19h

Insensato Coração Globo - 21h

Amor e Revolução SBT - 22h15

Rebelde Record - 19h

3 de Maio Catarina tenta acalmar Pedro. Theo se sente culpado por mentir para Lurdes por causa de Railda. Tereza libera os alunos das aulas para que se mobilizem para encontrar Raquel. Dona Zica fica furiosa ao saber que Babi não quer deixar Maicon cuidar de seu neto. Andrea pensa em pedir para João anunciar o desaparecimento de Raquel no rádio. Fausto se recrimina e Agenor pergunta se ele está envolvido no sumiço de sua neta. Dona Zica discute com Babi por causa de Maicon. Fausto chora com o sumiço de Raquel e Agenor o consola. Lorelai aconselha Theo a impedir Railda de ir à reunião de pais. Catarina vai com Pedro ao posto de gasolina onde Raquel sumiu. Roberto não acredita que Raquel tenha sido sequestrada. Catarina tenta animar Pedro. Theo se emociona ao ver as fotos que Railda mostra. Duda faz um vídeo pedindo para Raquel voltar e o divulga em seu blog. Dodói e Obama fazem um blog para procurar Raquel. Guilherme avisa a Catarina que uma menina parecida com Raquel deu entrada no hospital. Theo acaba deixando Railda ir à reunião de pais. Pedro acompanha Guilherme para checar se é Raquel a menina no hospital. Dona Zica fala para Maicon que ele precisa provar a Babi que pode cuidar de uma criança. Catarina pergunta a Pedro se a menina encontrada é Raquel.

3 de Maio Timóteo e Jesuíno sofrem com a morte de coronel Januário. Bel avisa Herculano sobre a morte de Januário e Virtuosa proíbe Açucena de ir à casa do coronel. Úrsula obriga Nicolau a procurar Lilica. Inácio tenta falar com Antônia, mas é impedido por Cícero. Virtuosa e Euzébio descobrem Açucena escondida na carroça. Cícero e Inácio se enfrentam. Felipe vê Açucena. Dora é picada por uma abelha e Jesuíno cuida dela. Lilica fala de Açucena para Nicolau e entrega a ele o colar que Carlota lhe deu. Bartira encontra uma foto de Neusa dentro da mala de Tufik/Farid. Herculano fala para Cândida que chegou a hora de buscar Jesuíno. Tufik/Farid diz a Bartira que Neusa é sua irmã. Petrus tem uma lembrança ao ver a medalha de Cecília. Cícero ouve Timóteo tratando o noivado de Antônia com Batoré. Açucena fica furiosa ao ver Dora e Jesuíno juntos. Cícero avisa a Antônia sobre o trato que Timóteo fez com Batoré e a chama para fugir com ele. Úrsula ouve Felipe afirmar a Augusto que a princesa está viva e que mora na casa de um dos empregados de Januário. Herculano revela a Jesuíno que é seu pai.

3 de Maio Ícaro conversa com Júlia quando Naomi aparece. Ícaro tem dúvidas se Rafael é mesmo seu filho. Josué, Daniel, Bento, Abner, Celeste, Marcos, Dinorá, Natália e Cleonice visitam Nivaldo no hospital.Minerva diz a Guilherme que não gosta de Dulce. Guilherme pede demissão do consultório de Eliseu para dirigir o posto médico. Ícaro pede para fazer um teste de DNA para confirmar se é pai de Rafael. Naomi diz que fará o teste e que Ícaro ainda vai acreditar nela. Júlia passa pela praça e Dulce percebe o quanto ela está triste. Dulce diz que ela deve lutar por seu amor. Júlia vai até a fazenda e joga uma pedra no quarto de Abner com um bilhete marcando um encontro. Os dois se encontram e Júlia confessa que largaria tudo, até as pesquisas, por Abner. Ela pede que Abner não se case com Celeste. Abner diz que seu coração está fechado e queestádecidido:vaicasarcomCeleste.Evertonavisa a Minerva e Isaías que encontrou Áureo. Herculano é nomeado escrivão da delegacia. Salomé humilha Natália. Celeste propõe mudanças na casa de Abner para afastar a família do fazendeiro. Herculano assume seu posto na delegacia. Fernando e Lara se beijam. Lavínia confronta Oséas. Herculano pressiona Guilherme a assumir seu namoro com Márcia. Márcia questiona Guilherme sobre sua ida à casa do prefeito. Leandro leva uma flor para Naomi e ela fica surpresa. Chega o dia do casamento de Celeste e Abner. Cristiano tenta confortar Júlia. Plínio vê Hortência na igreja e se aproxima. Wilson avista Keiko e os dois se olham. Guilherme finge que está doente para não ir ao casamento. Celeste entra na igreja conduzida por Marcos.

3 de Maio Leila convida Beto para jogar sinuca e André se surpreende com a atitude da jovem. Oscar recebe o telefonema de uma mulher, mas não dá atenção. Natalie vai ao escritório de Cortez. Raul reclama de Carol com Pedro. Bibi e Douglas trocam olhares sem que Henrique perceba. Eduardo se incomoda com um comentário preconceituoso de Paula. Leila vai para a casa de Beto. Rafa e Cecília namoram. Marina e Pedro encontram André e William na boate. Raul conta para Léo que alugará um lugar para morar sozinho. Jandira ensina Norma a andar com elegância. André, William e Beto comentam sobre uma mulher e Júlio fica furioso, mesmo sem saber que se trata de Leila. Wagner convida Natalie para viajar no cruzeiro Delamare. Eunice descobre que Leila trabalha em uma sapataria. Marina pede para Zulmira lhe ensinar a cozinhar. Léo diz que Pedro pode ficar em sua casa com a namorada enquanto ele está viajando. Rafa pede para conversar com Cortez. Wagner informa a Cortez que as investigações sobre ele foram encerradas. Cortez procura Natalie.

3 de Maio Jandira diz que Dr. Ruy está blefando, pois é uma ambulância. Dr. Ruy e a enfermeira são amarrados e amordaçados. No corredor do hospital, um militar reconhece o rosto de Batistelli, que lhe dá um soco. Batistelli troca tiros com militares no Hospital. Jandira, Maria, Davi e Bartolomeu seguem com Geraldo de maca pelos corredores do hospital. Um militar ferido pede ajuda a Maria. Ingênua, ela abaixa para ajudá-lo e ele a agarra. Os dois começam a lutar. No teatro, Nina revela a Stela sua insegurança em seguir na luta armada. Jandira, Bartolomeu e Davi conseguem chegar ao carro com Geraldo. Os militares atiram contra eles. Batistelli e Maria ficam para trás, mas chegam ao carro, que deixa o hospital. Lobo Guerra recebe a notícia de que o grupo guerrilheiro entrou no Hospital das Força Armadas e levou Geraldo Cordeiro. Lobo Guerra ordena que Filinto coloque o Delegado Aranha e todo o pessoal do Dops atrás dos subversivos. Aranha tortura o estudante Henrique Luz, que se recusa a entregar os nomes dos companheiros. Fritz chega à sala de tortura e conta ao delegado que Geraldo Cordeiro foi resgatado do hospital. Batistelli, Jandira, Maria, Bartolomeu, Davi e Geraldo chegam ao sítio. O estado de saúde de Geraldo é preocupante. Durante a troca de tiros Bartolomeu é atingido no braço novamente. Batistelli planeja deixar o sítio com a melhora de Geraldo. À paisana, Tenente Telmo segue Bianca, a diretora da escola de Alice e Lara. Filinto joga o carro na direção de Bianca e manda ela entrar no carro. Em pânico, ela começa a correr, mas é raptada pelos dois militares. No Dops, o Delegado Aranha espanca o estudante Henrique Luiz. De tanto apanhar, Henrique revela que Batistelli frequenta a cantina de Beto, que fica no Bixiga. Telmo e Filinto levam Bianca para o galpão de torturas. Filinto pergunta o que ela sabe sobre a família de Lara e Alice, alunas de seu colégio. Ela diz que descobriu que os avós das meninas moram fora do Brasil. Maria avista carro suspeito rondando o sítio e avisa Batistelli.

3 de maio Pilar defende Diego das ameaças de Jonas. Pilar diz que Diego está devendo uma e ele fica com ódio. Pedro e Diego tentam descobrir por que Pilar ajudou o mauricinho. Tomás conta para eles que beijou Pilar. Vicente fala sobre pessoas diferentes que, juntas, podem ser algo novo. Carla e Tomás, Pedro e Alice e Roberta e Diego se entreolham. Pilar diz a Diego que ela esta a fim dele e, por isso, ele também tem que estar a fim dela. Ele diz que nunca ficará com ela, pois gosta de Roberta. Ele larga Pilar e dá de cara com Roberta que pergunta se é verdade o que ele falou.

4 de Maio Pedro garante que a menina encontrada não é Raquel. Roberto e Cláudia avisam a Guilherme para se prepararem para a avaliação dos internos. Duda chama Josiane para ir com ela ao posto onde Raquel sumiu. Lúcio tenta mostrar para Catarina que Pedro não gosta mais dela e Guilherme a defende. Vera torce para Lurdes ir à reunião de pais para conversar com ela sobre Theo. Maicon pede para tomar conta de Julinha. Railda chega para a reunião de pais e Tereza pede para falar com Theo. Obama conta para Catarina que Duda foi com Josiane ao posto de gasolina onde Raquel sumiu. Guilherme leva Catarina ao posto de gasolina para encontrar Duda. Theo fica constrangido quando Vera comenta com Railda que ele está com notas baixas em matemática. Lúcio ouve Tereza e Vera falarem da doença de Railda. Guilherme ajuda uma criança ferida no caminho para o posto. Catarina descobre que Guilherme perdeu sua avaliação por sua causa. Lúcio tenta constranger Railda diante das pessoas no colégio. O mesmo homem que saiu com Raquel da loja de conveniência oferece carona a Duda e Josiane na estrada próxima ao posto. 5 de Maio Duda e Josiane fogem do homem. Theo defende Railda de Lúcio. Geraldo se preocupa com Pedro. Catarina agradece Guilherme com um beijo. Maicon tenta cuidar de Julinha. Pedro diz ao inspetor Moraes que Rique teria motivos para sumir com Raquel. Railda agradece Theo por tê-la defendido de Lúcio. Maicon conta para Catarina sua ideia para convencer Babi de que ele é um bom pai. Theo tenta fazer Lurdes esquecer a ideia de ir ao colégio. Cláudia e Roberto dão uma segunda chance para Guilherme depois de Catarina contar que ele ajudou uma criança ferida. Pedro consegue um carregador para o celular de Raquel e descobre ligações de Lúcio em seu celular. Ângela conversa com Theo sobre Railda. Fausto afirma a Cláudia que não está aliviado com o desaparecimento de Raquel. Guilherme dá um buquê de flores para Catarina, em agradecimento. Maicon pede para cuidar novamente de Julinha. Tereza, Vera e Odilon cogitam a ideia de que Rique possa estar envolvido no desaparecimento de Raquel. Pedro questiona Lúcio sobre o paradeiro de Raquel. 6 de Maio Pedro fica transtornado com a ironia de Lúcio. Lurdes vê o entrosamento entre Theo e Railda e fica magoada. Babi chega para estudar com Catarina e fica preocupada ao ver Maicon cuidando de Julinha. Pedro pede a ajuda de Catarina para revistar o carro de Lúcio. Pedro entra no carro de Lúcio e encontra um dossiê sobre Raquel. Babi repreende Maicon por dormir enquanto cuida de Julinha. Theo estuda matemática com Railda. Josiane tenta fazer Duda comer. O inspetor Moraes explica a Fausto e Agenor o andamento das investigações sobre o desaparecimento de Raquel. Pedro pede para conversar com o inspetor Moraes sobre Lúcio. Josiane descobre que Duda parou de comer novamente. Lúcio é obrigado a deixar o inspetor Moraes revistar o seu carro. Lurdes pergunta se Theo a está trocando por Railda. O inspetor Moares encontra o dossiê sobre Raquel no carro de Lúcio e o leva para prestar depoimento na delegacia. Rique aparece no colégio e culpa Pedro pelo desaparecimento de Raquel.

4 de Maio Úrsula fica aflita com a insistência de Felipe em querer levar Augusto até a casa de Açucena. Antônia aceita fugir com Cícero. Açucena teme não se mudar mais para Vila da Cruz com Jesuíno. Felipe conta para Efigênia que viu a princesa. Dora acredita que Jesuíno sente alguma coisa por ela. Jesuíno se revolta quando Benvinda lhe conta a verdade sobre sua vida. Petrus tem um pesadelo e bate com a cabeça na parede. Nidinho inventa uma história para impedir Setembrino e Quiquiqui de ir ao sótão. Carlota conta a Dora que vai se casar com Timóteo. Úrsula obriga Nicolau a colocar um sonífero no chá servido para a corte. Herculano afirma para Cândida que seu filho seguirá o cangaço. Úrsula e Nicolau seguem a carroça de Jesuíno e Açucena até Vila da Cruz. Miguezim pergunta se Jesuíno é rei e ele fica atordoado ao se lembrar de Herculano. Zenóbio conta para os filhos a história do homem da máscara de ferro. Felipe e o rei chegam tarde à casa de Euzébio e descobrem que a família se mudou. 5 de Maio Úrsula conta seu plano para Timóteo ficar com Açucena. Petrus não consegue escrever o nome de quem o colocou atrás da máscara de ferro. Felipe convence Augusto a procurar a princesa. Açucena se preocupa com a decisão de Jesuíno em continuar trabalhando na fazenda de Timóteo. Tibungo reclama com Lilica ao vê-la namorando Nicolau. Salim ameaça descobrir o segredo de seu pai, Tufik/Farid. Jesuíno diz a Açucena que cumprirá o último pedido de Januário e procura Timóteo. Úrsula e Açucena chegam a uma casa abandonada e Timóteo as surpreende. Lilica flagra Antônia pegando o dinheiro que o pai escondia no colchão. Augusto chama Cesária para ir com ele para Seráfia. Zóio-Furado invade a casa onde Timóteo está com Açucena e a leva até Úrsula. Açucena cai da carroça e desmaia.

4 de Maio chega ao altar, mas Abner não está. Celeste diz que não sai da igreja sem se casar. Os convidados percebem que Abner fugiu. Minerva anuncia que seu filho Áureo vai voltar. Abner procura Júlia e conta que não se casou. Naomi pergunta a Ícaro se havia uma mulher parecida com ela na casa. Akira confirma que marcou a data do casamento e Keiko se desespera. Abner anuncia para a família que vai se casar com Júlia. Minerva pressiona Oséas a leiloar a fazenda de Abner. Minerva planeja a volta de Áureo para o dia da inauguraçãodogalpãodosfósseis.Efraimencomenda um pote de chocolate para vender no SPA. Carolina vê Efraim falando com Pink e desconfia que ele seja o traficante de calorias. Julia dá força para Abner lutar pela fazenda. Tonica convoca Zariguim e Nelsinho para caçar ossos de dinossauro. Dulce comenta que o pai de Guilherme era rico e a deixou quando soube que ela estava grávida. Isaías visita Virgínia no galpão. Herculano tenta se impor na delegacia. Abelha deixa a casa de Xuxu. Marcos ajuda Abelha e ela consegue um emprego no hotel. Celeste diz a Natália que irá usar todo o dinheiro que recebeu da mãe para se vingar de Abner. Duda pega o pote de chocolate de Efraim e é surpreendida por Augusta e Carolina. Pimentel vai a casa de Ícaro e faz perguntas sobre Naomi. Márcia flagra Guilherme e Alice namorando.

6 de Maio Úrsula e Nicolau procuram Açucena para conferir se ela está viva. Antônia engana Lilica e guarda o dinheiro que conseguiu pegar. Virtuosa e Euzébio descobrem que suas economias sumiram e desconfiam de Cícero. Efigênia diz a Augusto que ele precisará ter paciência para compreender Cesária. Tufik/Farid coloca Salim de castigo. Úrsula e Nicolau comentam com Timóteo sobre o acidente que sofreram. Timóteo se desespera ao encontrar Açucena desacordada na mata. Amália chega à fazenda para ajudar Antônia a fugir. Zóio-Furado conta para Úrsula e Nicolau que Açucena foi resgatada. Tibungo vê Amália e Antônia falando com Cícero. Euzébio insiste com Virtuosa para contar a Açucena que ela é uma princesa.

5 de Maio interroga Palmira. Naomi confessa para Ícaro que atropelou um homem na estrada. Ela conta que tentou pedir socorro, mas não conseguiu. Ícaro tenta consertar a Naomi andróide. Márcia descobre que Guilherme mentiu. Cristiano encontra Abelha trabalhando na recepção do hotel. Augusta pune Duda por ser traficante de chocolate. Elaine questiona Lara sobre seu encontro com Fernando no SPA. Eliseu flagra Inês e Caco se beijando e insinua para Elaine que sente falta de uma mãe para as filhas. Dulce teme que Guilherme perca Márcia. Hortência sugere que Abner peça desculpa a Celeste. Júlia visita Oséas com Aquiles e tenta negociar a dívida de Abner. Tiago se recusa a levar seus fósseis para o galpão. Celeste planeja comprar a fazenda de Abner no leilão e propõe sociedade a Marcos. Júlia se exalta com Oséas e é expulsa do banco. Márcia cruza com Alice e arma um plano para se aproximar dela. Minerva suborna o povo para apoiar o discurso do marido na inauguração do galpão. Alice conta para Márcia que vai se casar com Guilherme. Áureo chega à cidade.

7 de Maio Jesuíno estranha a discussão entre Virtuosa e Euzébio. Antônia se despede de Amália e pede para que ela entregue sua carta a Inácio. Felipe segue o conselho de Dora e vai à fazenda procurar a princesa. Doutor Sérgio avisa que o estado de Açucena é muito grave. Jesuíno ameaça Timóteo. Tibungo avisa a Batoré que Antônia está fugindo com Cícero. Jesuíno encontra Felipe e Dora na casa de Euzébio e o príncipe vê o retrato de Açucena. Benvinda procura Amália. Inácio chora pensando em Antônia. Batoré intercepta Cícero e Antônia na estrada. Felipe reconhece Açucena assim que a vê e Virtuosa se desespera. Zoio-Furado fica aflito com a ameaça de Herculano a quem armou contra Açucena. Benvinda fica feliz ao saber que Antônia fugiu com Cícero. Timóteo manda Tibungo dar uma lição em Cícero. Euzébio e padre Joaquim pedem que Virtuosa conte a verdade sobre Açucena.

6 de Maio Áureo afirma que voltou para ficar. Abner pede perdão a Celeste. Pimentel vê o carro de Naomi na concessionária de Fernando. Marcos avisa a Celeste que Áureo está de volta à cidade. Márcia conta para Guilherme que o viu beijando Alice. Celeste visita Áureo e exige que ele lhe explique por que a abandonou. Virgínia aceita sair com Josué. Zariguim diz para Tonica que encontrou algo precioso sob as terras da fazenda. Naomi fica intrigada com a intimidade que Leandro demonstra ter com ela. Keiko e Wilson se beijam. Tieko critica Hoshi. Júlia conversa com Naomi enquanto espera para falar com Ícaro. Abelha vê Cristiano sozinho no hotel e se aproxima. Nelsinho e Tonica vigiam o namoro de Xavier e Maria João. Áureo sugere que Guilherme dê um anel de noivado para Alice. Júlia sugere que Ícaro faça uma oferta pela fazenda de Abner no leilão. Naomi se aproxima de Ícaro e o beija.

4 de Maio Haidê pede para Cortez ficar longe de Natalie. Marina e Pedro ficam juntos na casa de Léo. Cortez pede para Douglas entregar um buquê de rosas para Natalie. Gilda vê Oscar desligar o telefone e desconfia do marido. Carol fala para Cláudia e Alice que sonha em demitir Raul. Natalie aceita viajar com Wagner. Douglas entrega as flores de Cortez para a irmã e ela resolve encontrá-lo. Daisy observa Olívia ensinar Kléber a mexer no computador. Marina sugere que ela e Pedro morem juntos em um de seus apartamentos. Roni sugere a Nelson que Daisy seja a secretária de Beto. Wanda convida Helena para ir à casa de Neném. Kléber pressiona Cortez durante uma entrevista coletiva. Raul estranha o comportamento de Carol. Gilda segue Oscar até uma casa em Niterói. Carol explica para Marina por que se afastou dela. Norma recebe a liberdade condicional. Natalie se encontra com Cortez. Gilda vê Oscar falando com uma mulher. Henrique telefona para Cortez com a voz disfarçada e ameaça colocá-lo na cadeia. 5 de Maio Gilda estranha a presença de Eunice em sua casa, mas desabafa sobre a suposta traição de Oscar. Júlio procura Leila na sapataria e ela fica aflita ao ver que André está na loja. Cortez recebe o DVD enviado por Henrique. Wanda convence Neném a aceitar a visita de Helena e Peter. Carol não consegue ser simpática com Raul. Cortez manda Rubens descobrir se Aderbal é uma pessoa de confiança. Paula recrimina Bibi por levar Douglas para o cruzeiro. Gabino leva flores para Fabíola, mas desiste de entregá-las ao encontrar Milton. Natalie termina com Wagner. Rubens fala para Cortez que Aderbal é honesto. Wagner confessa a Henrique que desconfia de que ele seja o chantageador de Cortez. Neném pega o cartão de crédito de Helena e entrega para Wanda fazer compras. Henrique reúne possíveis provas que poderiam incriminá-lo. Oscar conta para Gilda que tem outro filho. Serginho e Olívia se interessam um pelo outro. Henrique esconde o DVD de Cortez na casa de Bibi. Helena sente falta de um dos seus cartões e Wanda a aconselha a cancelá-lo. Norma se prepara para sair da cadeia. Eduardo conta para Raul o porquê da hostilidade de Carol e ele pede demissão. 6 de Maio Carol se surpreende com o pedido de demissão de Raul. Leila tenta convencer André de que não está mais interessada nele. William e Beto fazem uma aposta com André. Serginho e Olívia se aproximam. Cortez é grosseiro ao falar com Natalie. Eunice se fragiliza depois de contar para Júlio o que aconteceu entre Oscar e Gilda. Raul insiste para conversar com Carol. Alice não coloca o cinto em Antônio e ele cai do carrinho. Wagner tira satisfações com Cortez por estar sendo seguido. Henrique se assusta ao ver que seu apartamento foi revistado e aceita o convite para viajar com Bibi. Cortez descobre que Henrique é o chantagista. Natalie arruma sua mala para viajar com Cortez. Cecília tenta convencer Leila a desistir de André. Norma ouve a leitura da sentença de sua libertação e se emociona. Bibi encontra Marina no cruzeiro. Norma se despede de Jandira. Léo reclama de Marina para Manolo. Cortez planeja se vingar de Henrique. Norma sai do presídio e encontra Cida. Kátia observa as duas, disfarçada e sem ser vista.

4 de Maio Batistelli planeja estratégia rapidamente e todos se posicionam. Geraldo está deitado na cama e Bartolomeu lhe entrega uma arma. Chegam mais dois carros ao sítio. José revela à mãe que sente o desejo de deixar o Exército. Augusto Santos Fiel, o avô de Lara e Alice, chega ao Brasil e vai ao quartel procurar pelo General Lobo Guerra. Alice e Lara perguntam a Olivia se ela foi à escola falar com Bianca, a diretora do colégio. No galpão de tortura, o Tenente Telmo algema e amarra Bianca. Ela o chama de monstro e diz que não é uma comunista. O Delegado Aranha vai à redação do Jornal Brasileiro conversar com Thiago Paixão. Luis o vê e fica perturbado. Na Universidade, Bete, Edith, Marta, Monica, Tatiana e Heloisa estão discutindo sobre a realidade política e econômica do país. Militares infiltrados observam e escutam a conversa das universitárias. O General Lobo Guerra diz para Filinto ir conversar com Augusto, o avô de Lara e Alice. Filinto vai até Augusto, que pergunta o que aconteceu com seu filho Carlo e sua nora Odete. Delegado Aranha vê Luis na redação. Aranha entra na sala de Marina e manda ela parar de publicar mentiras. No sítio, militares atiram contra a casa. Delegado Aranha ameaça prender Marina e Dra. Marcela. No sítio, os militares invadem a casa de Batistelli e Jandira. Fritz fica cara a cara com Batistelli. Jandira está sob a mira de uma arma. E Maria é imobilizada por policial. Batistelli e Fritz começam a lutar.

Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora, estando sujeitos a eventuais alterações.

4 de maio Pedro diz a Franco que está namorando Alice e que ela quis ficar na escola por causa dele. Diego diz a Roberta que não se lembra do que falou a Pilar e que foi tudo invenção para ela sair do pé dele. Ela segura as lágrimas e ele percebe que foi muito duro. Pedro conta a Alice que falou para Franco que estava apaixonado e que estão namorando. A patricinha fica feliz com a atitude de Pedro e o beija. Pilar encontra Tomás no porão. Ela o agarra e o beija novamente. Os dois falam verdades, que intercalam com beijos, e não conseguem parar. 5 de maio Pedro defende Roberta, deixa Diego irritado e os dois acabam brigando. Tomás tenta amenizar o clima. Pedro convence Roberta de que ela gosta de Diego. Tomás diz a Vitória que não ficará mais com ela. Pilar escuta a conversa escondida e fica feliz com o que ouve. Carla e Alice perguntam a Pedro como ele volta para escola quando foge. O namorado de Alice diz que é pelo muro, mas ressalta que elas não conseguirão subir. Alice e Carla acham o muro realmente alto, mas Pedro diz que colocará dois bancos para que elas consigam entrar no colégio escondidas. Carla e Alice pulam o muram e dão de cara com Jonas. 6 de maio Diego e Pedro brigam por causa da amizade de Pedro e Roberta. Tomás tenta impedir, acaba caindo e decide não se meter mais. Pedro e Diego desistem de brigar. Alice e Carla pulam o muro da escola. Tomás e Pedro ajudam as meninas a se esconderem de Jonas. Rola um clima entre Diego e Roberta, mas a menina não dá o braço a torcer. Tomás defende Pilar e Carla não gosta. Os rebeldes brigam entre si e perdem a vontade de tocar.


:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Settrans insere novos agentes em blitz educativa Os novos agentes irão reforçar as operações de patrulhamento

Marciel Muniz

Marciel Muniz

marciel.muniz@gazetaoeste.com.br

Uma blitz promovida pela Secretaria de Trânsito e Transportes de Divinópolis (Settrans) em parceria com a Polícia Militar teve início na manhã desta segunda (2). As abordagens feitas aos condutores foram realizadas na rua Gabriel Passos. A operação foi instalada em um ponto estratégico onde existe grande tráfego de veículos. Segundo informações do responsável pela operação o capitão Gerson Luiz de Freitas a blitz teve como principal objetivo inserir os alunos do curso de formação de agentes nas operações da Settrans, colocando em prática seus aprendizados. “A participação dos agentes alunos é para treiná-los como se deve proceder em uma eventual blitz, seja ela repressiva ou educativa”, destaca o capitão. A operação ocorrida nesta manhã está dentro dos cro-

Veículo apreendido durante a blitz

nogramas da parceria elaborada entre a Polícia Militar e secretaria de Trânsito. Com base em dados da Settrans a blitz teve duração de 5 horas, foi iniciada às 6 horas e terminou por volta de 11 horas.

Pela blitz passaram cerca de 201 veículos, foram retidos 5 veículos, mais 7 apreendidos e removidos.No decorrer da operação foram expedidos 11 boletins de ocorrência, no qual foram distribuídas 22 infrações de trânsito:

por falta da pagamento da taxa de licenciamento(2010), falta de uso do cinto de segurança, ausência de documentos do veículo, e ainda 5 condutores foram abordados dirigindo sem habilitação.

Os agentes-alunos têm uma carga horária de 160 h aula com um conteúdo pedagógico dividido entre dezoito disciplinas. Todos serão submetidos a uma avaliação final, se obtiverem êxito os novos agentes serão efetivados na corporação a partir do próximo sábado (7). Todos estarão aptos a atuar nas operações de trânsito, nas blitze educativas e repressivas. Os agentes que forem aprovados também serão escalados para trabalharem na cobertura da Festa da Cerveja, evento que irá ocorrer no Parque de Exposições no fim de semana. Diante das abordagens a secretaria de Trânsito e Transportes de Divinópolis destacou a importância das operações promovidas, uma vez que o índice de negligência dos condutores ainda é muito alto. Com o novo reforço que a secretaria está recebendo, operações como esta poderão ocorrer com maior frequência no município.

Nova campanha de desarmamento será lançada no dia 6 de maio Nesta edição da campanha as armas serão inutilizadas no ato da entrega lização de Produtos controlados do Exército mostram que este tipo de negócio cresce cada vez mais no país.Em cinco anos, houve aumento de 81,2% na venda legal de armas em todo o país. De 2005 à março deste ano, 635.251 unidades foram comercializadas, sendo 43.374 delas em Minas Gerais, o que representa 6,8% das armas negociadas no Brasil.

Marciel Muniz

marciel.muniz@gazetaoeste.com.br

Será lançada pelo Ministério da Justiça no próximo dia 06 uma nova campanha de desarmamento em todo o Brasil. A criação da Rede Nacional de Recolhimento de Armas de Fogo foi anunciada no dia 18 de Abril pelo secretário - executivo do Ministério da Justiça Luiz Paulo Barreto. O delegado da Polícia Federal de Divinópolis, Daniel Souza Silva se pronunciará a respeito do assunto na próxima quarta (04). Daniel dará informações sobre o posicionamento do município na nova campanha, e sobre os postos de recolhimento na cidade e dará outros detalhes, visando informar melhor a população. A nova campanha tem como objetivo a redução do índice de violência e criminalidade no país. A decisão de antecipar a edição deste ano foi tomada pelo governo após a tragédia ocorrida no Rio de Janeiro. O lançamento da nova campanha estava previsto para se iniciar em junho, porém a edição foi antecipada pelo go-

verno após o atentado ocorrido na escola municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na qual 12 alunos foram mortos e outros 14 ficaram feridos. Nas duas campanhas nacionais anteriores, o cidadão que devolvia uma arma de fogo tinha de dar informações pessoais, como o número do CPF e de uma conta bancária, para o governo depositar a indenização. Esta edição da campanha apresenta algumas novidades tais como a garantia de anonimato às pessoas que cooperarem, além da inutilização das armas no ato da entrega e a ampliação do número

de postos de recolhimento. Com essa nova estratégia de manter o anonimato, o governo espera receber mais armas em comparação às outras campanhas. As pessoas que quiserem entregar as armas que têm em casa já podem procurar a Polícia Federal e retirar uma guia. Ela deve ser preenchida e entregue junto com a arma a Polícia Federal ou as instituições parceiras da campanha. Segundo dados do Ministério da Justiça as indenizações, cujos valores variam em função da arma, continuarão a ser pagas como nas últimas edições. Dados da Diretoria de Fisca-

Postos de Recolhimento Em todo o pais haverá postos cadastrados para o recebimento das armas, sejam elas registradas ou não,diferente das últimas edições da campanha em que apenas os postos policiais podiam receber as armas. Nesta edição o recolhimento será feito pelas polícias civil, militar e federal e até mesmo guardas municipais e organizações não governamentais (ONGs) e igrejas também poderão se cadastrar como postos de recolhimento, além da Polícia Rodoviária Federal e das Forças Armadas. A ideia é que o serviço esteja presente em todo o território nacional. Os órgãos que funcionarem

como postos de coleta vão ter que seguir algumas regras para dar segurança ao processo. Os locais cadastrados deverão contar sempre com a presença de um agente público em seu endereço (policial federal, civil ou militar, por exemplo), condições de gerar o protocolo de pagamento e local adequado para recolher as armas. Estatuto do Desarmamento O Estatuto do Desarmamento (Lei nº 10.826/2003) entrou em vigor em 2003 e regulamenta o registro, a posse, o porte e a comercialização de armas de fogo e munição no Brasil. Com o Estatuto, o país passou a ter critérios mais rigorosos para o controle das armas. O registro é o primeiro passo para ter uma arma em casa ou portá-la na rua. O certificado de registro é o documento que atesta que a arma é de origem legal e permite que ela seja mantida sob guarda, ou seja, autoriza a posse da arma. Assim, o cidadão pode mantê-la em casa ou no local de trabalho, desde que seja o responsável legal pelo estabelecimento.

POLÍCIA 11

Regionais Nova Serrana

Um homem foi morto na noite do último sábado (30) no bairro Santa Maria, em Nova Serrana. De acordo com a Polícia Militar, vizinhos acionaram o 190 após ouvirem o barulho de tiros. Ao chegarem ao local, os militares encontraram Geraldo Alves da Cruz caído no chão já sem vida. Ele foi morto com quatro tiros, sendo três na cabeça e um nas costas. Ainda segundo a PM, a vítima teria saído da prisão há pouco menos de um mês, após cumprir pena por roubo. A polícia fez rastreamento, mas até o momento nenhum suspeito foi encontrado.

Itaúna

Na última sexta (29), durante operação “Prevenção Ativa em Área de Risco” militares abordaram os autores M.F.A.de 16 anos e D.W.O.de 17 anos, que segundo denúncia estariam vendendo pedras de crack na Praça Francisca Balbina Coelho.Foi procedida busca pessoal nos autores, sendo encontrada a quantia de R$30,00 em dinheiro no bolso de M.F.A. Ainda conforme a denúncia, foi encontrado ao lado de uma árvore, próximo de onde estavam os suspeitos, dez pedras de crack embaladas e prontas para serem comercializadas. Os policiais se deslocaram até a residência de um dos suspeitos situada a Rua Enfermeiro Josias, nº 456, Bairro Jadir Marinho. Durante busca no interior da residência, a PM encontrou dentro de uma embalagem de cigarros, trinta e quatro munições de festim calibre .22, e sob a cama, dentro de um tênis, um revólver calibre .22 sem registro, carregado com 5 munições de festim intactas e uma deflagrada. Foi encontrada uma tesoura e vários pedaços de plásticos utilizados para embalagem de drogas e um PlayStation2 que não teve sua aquisição legal comprovada. O menor M. disse ser o dono do revólver e negou a propriedade das drogas. Diante da situação, foi dada voz de prisão em flagrante aos menores infratores por tráfico de entorpecentes e posse ilegal de arma de fogo, sendo conduzidos à Delegacia de Polícia, juntamente com o material apreendido.


12 ESPORTES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Chico Maia

chicomaiabd@gmail.com

Certezas e dúvidas

Preocupação Muitos torcedores do América enviaram e-mail, preocupados com a situação do time no Brasileiro. Vários pedem a cabeça do técnico Mauro Fernandes, o que considero um exagero. Outros reclamam que o treinador não usou o Mineiro para testar jovens promessas, como o atacante Caleb e o volante China. Nisso concordo, porém, jamais seria motivo para a dispensa de Mauro Fernandes. Decisões O Brasileiro começa dia 21 e o Cruzeiro é o único mineiro a jogar fora de casa; contra o Figueirense. Mas suas atenções certamente estarão concentradas ainda na Libertadores. O Atlético recebe o xará do Paraná, e o América, o Bahia. Todo jogo é decisivo, pois todo ponto fará falta na classificação final, para brigar na parte de cima ou de baixo da tabela.

Dúvida A grande dúvida em relação ao América é se o elenco está em condições de permanecer na Série A nacional de 2012, ano do seu centenário. É uma previsão difícil de se fazer. Quem imaginaria que ano passado, com Vanderlei Luxemburgo e um bom plantel, no papel, o Atlético brigaria para ficar no G-16? E ficou a duras penas, numa missão quase impossível. Semelhantes Para mim, a frase esportiva do ano até agora pertence ao Jonas Oliveira, mineiro, editor da revista Placar, que twittou ontem: “Fase final do Campeonato Mineiro é aquela em que se substituem os árbitros ruins de MG por árbitros ruins de outros estados.” Por um custo muito mais alto, com passagens aéreas e estadia. E acredite: o o árbitro reserva, ontem era do Espírito Santo.

Luciano Eurides

Atlético e América fizeram um bom jogo e o fato negativo foi a expulsão do Richarlyson, aos 25 segundos do segundo tempo, pelo árbitro paulista Cléber Wellington Ababe. Possivelmente resultado de alguma rixa antiga entre eles, dos tempos em que o jogador pertencia ao São Paulo e teve polêmicas com algumas arbitragens. Tem gente que guarda ódio na geladeira e usa em situações futuras contra seus desafetos. Pode ter sido o caso. O América tinha que sair para o jogo e esbarrou num Atlético bem posicionado em campo, errando menos passes e correndo muito. O Cruzeiro oficializou a sua classificação para a final, usando time misto contra o América-TO. Mas foi bom para a torcida ver jogadores que prometem, como o goleiro Rafael e o meia Dudu, que marcou um belo gol. A final promete grandes jogos entre Atlético e Cruzeiro. A Raposa tem mais time, porém, quando se trata deste clássico, tudo pode acontecer. A dificuldade aumenta para o Atlético porque em 2011 foram raros os jogos em que a sua defesa não tomou pelo menos um gol. Devido à melhor campanha, o Cruzeiro tem a vantagem do empate, ou seja: o Galo terá que correr dobrado para conseguir mudar a situação.

Tupy vence a Copa Centro Oeste de forma invicta LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

O time do Tupy de Carmo do Cajuru sagrou-se campeão da Copa Centro Oeste de Futebol Amador. O título conquistado de forma invicta premiou a boa equipe formada pelo alvinegro cajuruense e a força da torcida, sempre presente em todos os jogos. O Independente de São José dos Salgados foi um adversário difícil e o empate sem gols demonstrou muito nervosismo na grande final e a vontade de ambas as equipes ficarem com o título. O jogo foi bom, o Independente precisava da vitória, pois havia perdido a primeira decisão por 1x0 e entrou em campo com a postura tática definida em não sofrer gols, assim poderia piorar a situação e matar o jogo em uma falha da defesa alvinegra. O Tupy esperou a definição do adversário, afinal a vantagem do empate o dava certa tranquilidade. As poucas investidas ao ataque eram feitas com pouca qualidade de finalização. Tebinha tentou, chutou no travessão e no rebote Lalade passou da bola. Gú perdeu a bola no meio, Juliano correu com ela e chutou para a defesa do excelente goleiro Tebinha. O jogo começou a mudar após o lateral esquerdo e grande revelação do Tupy perder a cabeça. Em uma disputa de bola na lateral do campo Pablinho revidou uma agressão de Willian e foi expulso. O Tupy teria de se segurar com um homem a menos. O técnico Amarildo tentou explorar ainda mais esse setor. Tirou Willian e colocou o meia Mosquito em campo, o habilidoso Vinícius veio para a lateral. O segundo tempo foi ainda melhor, com oportunidades

CURIOSIDADE O presidente do Fluminense é o camisa 10 da equipe do Independente. A rivalidade foi colocada a parte e as equipes se uniram para a disputa. Leandro conta que tudo foi feito para o crescimento das equipes. “A rivalidade sempre existiu. Unimos os jogadores e conseguimos entrar em mais de uma competição com força máxima. Sempre vamos tentar nos ajudar, infelizmente perdemos gols que não poderíamos perder e méritos para o goleiro deles”, falou. O fato não deixa de ser curioso. Passarinho, presidente do Tupy, admite ser complicada a mesma situação se repetir em Carmo do Cajuru. O presidente perguntado se disputaria uma competição para o Sport responde: “Não. De jeito nenhum. Fica muito difícil”, falou o diretor.

Tupy fica com o título da Copa Centro Oeste de futebol amador

mais claras de gols e o destaque foi Liquinho. Ele defendeu tudo e garantiu o título para o Tupy. O time de Carmo do Cajuru apenas se defendia e o de São José dos Salgados pecava no pouco poder de criação. Então Amarildo colocou em campo Fabrício, o destaque da equipe que não jogou na primeira partida por estar suspenso pelo terceiro cartão amarelo. A esperança no ex-jogador do Guarani foi grande, mas o Tupy fechou a marcação. Recuou Gú, colocou Lajinha no lugar de Rafael e Fabrício teve nova função: marcar Lajinha. Outra importante substituição de Amarildo foi a entrada de Bonieck, ele assumiu a ala pela esquerda e aos 15 minutos colocou a bola na área, um verdadeiro passe para Wesley que dominou e chutou para a defesa de Liquinho. Foi a melhor oportunidade do jogo. Logo depois foi a vez de Leandro chutar e Liquinho defender. Assim seguiu o jogo. Liquinho fechando o gol e o Tupy tentando os contra ataques com Gustavo Lajinha. O placar terminou mesmo 0x0. O técnico campeão Chico Preto destacou o trabalho em equipe. “Hoje nosso time perdeu um jogador com 15 minutos de jogo e tínhamos de jogar pelo resultado, isso nos deixou enfra-

Tebinha e hoje devem estar com uma saudade tremenda. Este homem foi mandado embora porque diziam ser ele mau elemento. Chamei-o e falei que bola ele tem. Quis um Deus amantíssimo que ele voltasse e provasse a essa pessoa que o mandou embora e aqui dar muita alegria”, falou e entregou o troféu ao capitão da equipe do Tupy.

quecidos no ataque e felizmente acabou bem. Cada jogo é uma história. Tivemos um trabalho e uma luta, hoje perdemos o primeiro ponto e mesmo assim o objetivo foi alcançado”, falou ele que revelou tantos jogadores enquanto técnico das categorias de base, com importantes passagens pelo Ferroviário, Guarani, Recreativo onde ficou oito anos. “Este é trabalho que temos feito, o lateral que foi infantil na jogada era nossa grande revelação”, destacou. O jogador Lalade é um dos experientes do grupo do Tupy, ele anunciou que após o terceiro título pelo Tupy deixa os gramados para ajudar na comissão técnica. “O elenco é bom, temos muito respeito pelo Independente, boa equipe. O título vem desde o início do campeonato onde fizemos um papel bonito e precisávamos muito dele. Foi meu último campeonato pelo Tupy, mas continuo ajudando por fora e não farei igual o Romário”, brincou o grande atacante alvirrubro.

ORGANIZAÇÃO A competição terminou de forma agradável, com muita festa, premiaram-se os melhores jogadores e como grande destaque a organização. Todas as decisões e regulamentos foram cumpridos. Os horários respeitados. As arbitragens de alto nível. A torcida e imprensa informada de todos os encaminhamentos e como começou certo, terminou muito bem. Edilson Evangelista, coordenador fez um excelente trabalho.

EMOÇÃO Durante a entrega do troféu de campeão, João Careca fez uma declaração emocionante ao atacante Tebinha. “Eu tive uma passagem aqui pelo Tupy, quando mandaram embora o atacante

EOC arranca aplausos no Campeonato Mineiro de Judô Vanessa Metzker

Os trinta e um atletas de judô do Estrela do Oeste Clube que participaram neste fim de semana do Campeonato Mineiro de Judô sub 17 e sub 20 e do festival promovido pela Federação Mineira, foram saudados e aplaudidos de pé pelos demais participantes. A delegação foi acompanhada pelo sensei Wilson Corrêa, responsável técnico do EOC e pelos professores Roberto Ribeiro e Karla Michel. No decorrer da competição, os atletas do Estrela apresentaram um judô de alto nível,o que foi comentado por todos os presentes. Segundo os professores, Karla e Roberto, seria impossível destacar apenas um atleta, pois todos apresentaram garra, equilíbrio, determinação e domínio das técnicas judoísticas. A equipe do Estrela do Oeste Clube foi composta pelos seguin-

Delegação de Judô do Estrela do Oeste Clube

tes atletas: Flávio Júnior Araújo – sub 17 – 2º colocado, classificado para brasileiro; Gabriel Silva Araújo – sub 17 – 4º colocado e Maurício Benício de Souza – sub 20 – 3º colocado.

Com o calendário recheado de competições, os judocas retornam firmes e animados para os treinos, já de olho no próximo campeonato marcado para o final do mês de maio.

Participantes do Festival Gustavo Rezende Assis Ribeiro, Alexandre Gomide A. Campos, Vitor Guimarães Silva, Caio Bueno Finocchio Martins, João Marcelo Marynoni Pinto Aguiar, Pedro Henrique Zambonetti Ramos, Gabriel Meireles Prado, Gabriel Mendes Henriques de Abreu, Enzo Ferrazzoli, João Vitor Souza Andrade, Gabriel Guimarães Silva, Ezequiel Starling de Castro, Diego Caldeira Marques, Gabriel Oliveira Natividade, Pedro Souza Vilela, Gabriel Barros de Figueiredo, Gabriel Silvério Tavares, Júlia Andrade Henriques, Lívia Júlio Freitas, Rafaela Souza Andrade, Júlia Silva Araújo, André de Souza Vilela, Ian Soares Machado, Vinícius Penoni Silva, Breno Rodarte Pinto de Aguiar, Guilherme de Abreu Santana, Angélica Silva Lemos Santos e Camila Simões de Freita.


ESPORTES 13

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Taylor de Freitas

taylor.divi@hotmail.com

E AGORA?

Eu pergunto. Até quando serão descarados em fugir das responsabilidades e despejá-las nos outros. PÉ NO CHÃO, FELIPÃO Coisa feia, mas normal, o Felipão esquecer dos erros da sua equipe, da incompetência de alguns. Esquecer que é o mais bem pago do elenco, aliás o grande erro do Palmeiras, gastar com treinador e não gastar com futebol. Não pode esquecer essas coisas Luiz Felipe. É muita simples criar todo o alvoroço que fora criado em cima do nome de Paulo Cezar de Oliveira que ainda é um dos melhores árbitros do Brasil. Resultado: o Palmeiras já entrou descontrolado, nervoso dentro de campo e mesmo jogando na maior parte do tempo melhor do que o Corintians, ficou de fora das finais. Para com isso. Se trabalhasse mais e falasse menos o resultado talvez fosse outro.

SERÁ QUE O PROBLEMA TÁ MESMO NO GALO Luxemburgo saiu de Minas Gerais quase que excomungado pelos atleticanos. Deixou o time em situação difícil no Brasileiro mas pelo menos ganhou o mineiro. No rio, foi campeão Carioca e não deixou sujar a manteiga. Dorival pelo menos já está na final do Mineiro. Se não conseguir o título já vão ficar meio chateados com ele. Em seguida vem a prova de fogo, em 2011 teremos o galo forte do Dorival ou o repeteco do Luxemburgo. A resposta começa a ser dada em 21/05/2011, data do início do Brasileiro. DENTRO DE CASA O Tupi de Carmo do Cajuru fez uma grande festa conquistando o título da Copa Regional ao empatar com o Independente em 0 x 0. Sem dúvida merecido. Em Itapecerica uma grande festa com Estádio lotada, transmissão ao vivo do jogo e tudo mais. O Guarani foi campeão com direito a carreata, churrasco e muita alegria. Organização perfeita da competição sendo que o mesmo se aplica a Edilson Valter que comandou a Copa Regional Centro Oeste.

www.g37.com.br gazeta@gazetaoeste.com.br

Washington Alves/VIPCOMM

Após a goleada de 5 x 1 que o Cruzeiro aplicou sobre o América-TO neste domingo, o técnico Cuca fez sua análise da partida que confirmou a Raposa na grande final do Campeonato Mineiro. O comandante estrelado enalteceu a força do grupo azul e branco e se mostrou satisfeito com a atuação dos atletas suplentes, que mesmo sem sequência de jogos, tiveram uma atuação louvável e fizeram a Raposa emplacar 11 triunfos consecutivos em 2011. O time celeste vai enfrentar o Atlético-MG na decisão. A Raposa terminou a semifinal com o placar geral de 13 x 2, construído em duas goleadas: 8 x 1 em Teófilo Otoni, no jogo de ida no sábado passado, e 5 x 1 na Arena do Jacaré, neste domingo, na partida de volta da semifinal. Mesmo com dois placares elásticos, Cuca pondera que o Cruzeiro precisou ser firme e superar os obstáculos para avançar de fase. “Eu não entendo que os jogos tenham sido fáceis, estamos envolvidos em duas competições e já temos a Libertadores na sequência. Não foi nada fácil”, disse o treinador celeste, que enalteceu o crescimento do time na segunda etapa de jogo. “O segundo tempo foi melhor, conduzimos a bola de maneira mais certa, no geral a equipe toda jogou bem,

Cruzeiro alcançou a marca de 17 partidas de invencibilidade em 2011

cada um na sua função, tivemos um momento ruim no fim do primeiro tempo, não conseguimos encaixar”, completou. Mais uma goleada, que marcou a 11ª vitória seguida do time cinco estrelas na temporada, foi comentada por Cuca. Ele afirmou que o objetivo do Cruzeiro neste domingo era vencer, sem mirar um placar largo. O comandante frisa a chance que teve de poder preservar alguns atletas, tendo em vista a movimentada sequência de jogos decisivos que

a Raposa vem enfrentando. “O bom de tudo isso é que a gente cumpriu a nossa função de uma forma boa. A gente não esperava vir aqui e golear. Viemos jogar bem. E o placar fica secundário ao se jogar bem. Mas nós jogamos bem, vencemos de 5 x 1 e deu para equilibrar o grupo em termos de descanso e cansaço. Quem estava mais cansado, descansou. Quem jogou menos, jogou um pouco mais hoje. Deu para dar uma equilibrada boa. A gente vai estar inteiro para

quarta-feira”, observou. Além de ter conquistado a 11ª vitória consecutiva na temporada, o Cruzeiro alcançou a marca de 17 partidas de invencibilidade em 2011. Aliás, este ano tem sido espetacular para a equipe estrelada, em 21 jogos disputados até aqui, foram 17 triunfos, dois empates e apenas um revés, aproveitamento de 84,12%. O ataque celeste marcou 64 gols (média de 3,04 por jogo) no ano e sofreu apenas 12 (média de 0,57), saldo de 52.

Galo confirma presença na final do Campeonato Mineiro Reafirmando a força do trabalho de base realizado pelo Atlético, o técnico Dorival Júnior utilizou nada menos que oito atletas formados no Clube, sete deles como titulares, na vitória por 2 a 1 sobre o América. O triunfo no clássico deste sábado, disputado em Sete Lagoas, garantiu a presença atleticana na decisão do Campeonato mineiro. Renan Ribeiro, Werley, Fillipe Soutto, Serginho, Giovanni Augusto, Renan Oliveira e Mancini começaram jogando e, no final da partida, o jovem Leleu entrou no lugar de Magno Alves. Com quatro jogadores oriundos das categorias de base, o meio-campo alvinegro foi bastante elogiado por Dorival Júnior. “A reação do meio foi muito positiva, marcamos com muita intensidade, bem postados, era difícil o America penetrar. Acho que esse foi o fator decisivo para que alcançássemos um belo resultado”, analisou o treinador, que também destacou a evolução do meia Giovanni. “É, apenas, tudo aquilo que ele fez ao longo da temporada. Ele treinou, se preparou e, no momento em que surgiu a oportunidade, se sente preparado. E, acima de

Bruno Cantini

COITADO DO RICHARLYSON Fiquei com “muita dó” do Richarlyson. Nunca foi expulso, é um jogador exemplar. Não deve ter falado nada para o árbitro. Deve ter tido que admirava muito o trabalho dele, deve ter dado a ele os parabéns por ter sido escolhido entre tantos outros para vir de outro estado e trabalhar em Minas Gerais. E mesmo assim foi expulso. Que pena. Acho até que o Richarlyson deve estar muito triste, preocupado pois se pegar mais de um jogo fica suspenso e ai vai ser obrigado a não jogar e ficar descansando. Só para recordar vamos a algumas das expulsões de Richarlyson após uma pesquisa rápida no Google. 28/04/2010 – Pela SÉTIMA vez desde que chegou ao São Paulo Richarlysson foi expulso. / 02/05/2010 – Ricardo Gomes condena atitude de Richarlyson após expulsão. / 21/10/2010 – Richarlyson já foi expulso 02 vezes em 03 jogos. / 18/10/2010 – Expulsão de Richarlyson é repreendida no São Paulo. / RIcharlyson é expulso e se descontrola. / 06/02/2011 – Aos 12 minutos Richarlyson levou o 2º amarelo e foi expulso. / Richarlyson é expulso e desfalca o Atlético no clássico com o Cruzeiro. / 21/11/2010 – Expulsão de Richarlyson em goleada do Fluminense gera polêmica. / 08/02/2011 – Em confronto com o Avaí Richarlyson foi expulso por

ter ofendido o árbitro Alício Pena Junior. / 20/10/2010 – Richarlyson é expulso no clássico contra o Santos. / 03/12/2010 – Punido, Rycharlyson terá que cumprir suspensão em 2011. / 20/10/2009 – Rycharlyson expulso contra o Náutico pode pegar até 03 jogos de gancho. / 22/11/2009 – Botafogo vira com Richarlyson expulso aos 25 minutos. / 24/05/2009 – Palmeiras e São Paulo empatam e Richarlyson é novamente expulso. / 04/03/2008 – Na estréia do time no Estadual Rycharlyson foi expulso. / 03/05/2008 – A terceira expulsão de Richarlyson no ano irritou Murucy Ramalho. 01/06/2008 – Richarlyson faz falta dura na lateral e é expulso. / 09/06/2008 – Má fase e muitas expulsões agravam a situação de Richarlyson no São Paulo. 04/03/2008 – Richarlyson é punido com 02 jogos no STJD. Pois é. Tô aqui pensando. Ainda acho que o Richarlyson foi expulso injustamente.

Cruzeiro mostra força do elenco ao golear América-TO

O elenco atleticano se reapresenta às 9h de hoje, na Cidade do Galo

tudo, ele está querendo. Mesmo não tendo a característica de ser um jogador de marcação, ele está se posicionando bem, brigando por posse de bola. Então, é tudo que nós queremos”, comentou Dorival. “Gosto de uma equipe que se doe, que jogue com intensidade e isso daí ele tem feito. Ele está ganhando a posição natural-

mente”, completou o treinador atleticano. O elenco atleticano se reapresenta às 9h de hoje, na Cidade do Galo. O dia será de treino em dois períodos. Os trabalhos marcarão o início da preparação atleticana para o primeiro clássico da decisão do Campeonato Mineiro.

Richarlyson A versão do árbitro paulista Cléber Wellington Abade sobre a expulsão do volante Richarlyson foi conhecida na tarde desta segunda-feira, com a divulgação da súmula do jogo entre Atlético e América. Segundo o documento divulgado pela Federação Mineira de Futebol, o jogador proferiu xingamentos ao árbitro. Cléber Wellington Abade escreveu: “No primeiro minuto do segundo tempo, expulsei com cartão vermelho direto o jogador de número 14 do Clube Atlético Mineiro, sr. Richarlyson Barbosa Felisbino, que, após perder a bola na disputa com o adversário, correu em minha direção e disse-me o seguinte: 'já vai começar, seu filho da p.'. Após a expulsão, imediatamente foi retirado de campo e o jogo prosseguiu dentro das normalidades.” Richarlyson recebeu o cartão vermelho 25 segundos depois de entrar em campo. Ele entrou no começo do segundo tempo no lugar de Renan Oliveira. Ao deixar o gramado, o volante garantiu que não ofendeu Cléber Wellington Abade: “O Sheslon fez a falta em mim, eu falei 'Abade, foi falta' e ele foi e me expulsou.”


14 GERAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11


Nova fase se torna marco na história da comunicação em Divinópolis Homenagens e novas parcerias foram anunciadas durante evento realizado neste fim de semana Flaviane Oliveira

flaviane.oliveira@gazetaoeste.com.br

Ao completar a maioridade e iniciar sua fase diária, a Gazeta do Oeste realizou no último fim de semana o evento que reuniu todas as pessoas que fazem parte da história de sucesso do jornal e contribuíram de forma significativa para que a cidade e região crescessem junto à informação de qualidade. O evento realizado na sede campestre do Estrela do Oeste, contou com a participação de autoridades, políticos, colaboradores, empresários e todas as pessoas que de alguma forma marcaram as páginas do jornal. A partir de hoje, a Gazeta do Oeste se torna diária nas páginas impressas e também no novo site que traz aos internautas muitas novidades e informações em tempo real. Durante o evento, vários empresários de destaque na região aproveitaram para prestar homenagens à Gazeta e reforçar a opinião de que a nova fase do jornal será de grande importância para toda a cidade. Fundada em 1993, através do sonho do jornalista Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro, a Gazeta do Oeste tem sido testemunha e ao mesmo tempo, porta-voz das transformações que Divinópolis e a região registram a cada nova edição que chega às mãos do leitor. A abertura do evento ficou por conta do Diretor Executivo do Grupo Gazeta do Oeste de Comunicação, Fernando Marcos Rodrigues. HOMENAGENS Ao longo dos anos, muitas pessoas estiveram ao lado do jornal na busca pela imparcialidade e divulgação da informação de qualidade. Em nome da Câmara Municipal de Divinópolis, a Gazeta do Oeste recebeu uma moção congratulatória proposta pelo vereador Rodyson do Zé Milton e aprovada por unanimidade pelos

13 vereadores. Durante o pronunciamento, o vereador destacou a seriedade do jornal, “Com certeza é um jornal que mostra uma imparcialidade e credibilidade que vem crescendo de forma assustadora, mostrando o caminho do jornalismo sério. Isso é bom para Divinópolis e tenho certeza de que temos que nos envaidecer por ter em nossa cidade um jornal que mostra a verdade. A moção entregue hoje não é nada mais que o merecido” afirma. Parte da equipe de articulistas da Gazeta do Oeste e o deputado estadual Fabiano Tolentino, também estiveram presentes no evento. O deputado considera que ao ser diário, o jornal vai possibilitar a cobertura de uma maior gama de informações e destacou ainda sobre a coluna que escreve, “Temos a coluna no jornal Gazeta do Oeste, Campo & Negócio que traz as matérias rurais, que sairá na terça feira, então eu tenho certeza que dará muito certo. Em Minas Gerais temos somente 19 jornais que são diários, então realmente é um avanço” destacou. Representando o governador Antonio Anastasia e o senador Aécio Neves, também esteve presente no evento o deputado federal Domingos Sávio. O parlamentar considera que o fato do jornal passar a ser diário é a melhor notícia que a cidade poderia receber ,o que significa mais informação atualizada de forma democrática, de forma séria e competente para os divinopolitanos. Convidado a prestar sua homenagem, o deputado federal Jaime Martins, figura marcante nos18 anos de Gazeta do Oeste, considerou, “Acompanhei de perto a trajetória do jornal Gazeta do Oeste praticamente desde a sua fundação. O jornal se manteve numa linha de independência, sempre em uma linha de privilegiar a transparência e a verdade e com muito respeito à opinião

publica e aquilo que leva de informação aos seus leitores. A Gazeta superou todas as dificuldades e completa 18 anos e nós sabemos que não são 18 dias e nem 18 edições” destacou o deputado. Como um dos incentivadores da Gazeta, o prefeito municipal também fez o uso da palavra. Vladimir Azevedo afirma que o jornal atingindo a maioridade dá mais um passo sólido e decisivo, “Essa nova fase da Gazeta do Oeste significa uma importância histórica, ainda mais nesse ano do centenário, com o fortalecimento da democracia em Divinópolis, da informação responsável e de uma imprensa séria, ganhando com certeza a sociedade” considera. HOMENAGEADOS Durante o evento, a direção da Gazeta do Oeste também prestou homenagens a figuras marcantes nesses 18 anos de muito trabalho e dedicação. Os homenageados são pessoas e empresas que desde as primeiras edições do jornal, apoiaram, acreditaram e se fizeram presentes. Para representar os leitores e assinantes da Gazeta do Oeste, o empresário José Luiz Seabra um dos primeiros assinantes do jornal foi homenageado. Parcerias sólidas e verdadeiras são de extrema importância para que os meios de comunicação cresçam de forma segura e bem sucedida. O empresário Mayrink Pinto de Aguiar Júnior, diretor do Sistema MPA de Comunicação, também foi um dos homenageados da noite, sempre presente ao lado da Gazeta nos 18 anos de história do jornal. Um dos momentos mais emocionantes do evento ficou por conta da homenagem prestada à Maria Marcos Rodrigues, matriarca da família Gazeta do Oeste, que acompanhou diariamente o crescimento do jornal, desde seus primeiros passos até os dias atuais.

PARCERIAS Com o início da fase diária da Gazeta do Oeste, novas parcerias foram firmadas e anunciadas durante o evento, à partir de agora passa a circular como parte integrante e exclusiva da Gazeta do Oeste, o jornal Minas e Negócio, considerado um dos maiores guias de negócios e classificados do interior de Minas Gerais. Durante o evento os diretores da Gazeta do Oeste, Fernando Rodrigues e Leonardo Rodrigues, juntamente com o diretor do jornal Minas e Negócio, Cláudio Chaves, assinaram o termo de colaboração que possibilitará a união. Além da parceria com o jornal Minas e Negócio, outro importante termo de colaboração foi assinado. O diretor do jornal Motor Gerais, Bruno Freitas esteve presente para o anúncio da circulação do jornal como parte integrante da Gazeta, colocando o jornal no seleto grupo de jornais impressos que possuem caderno próprio e especializado no segmento automotivo em Minas Gerais. Todos os presentes assim como a equipe da Gazeta do Oeste acreditam que esta nova fase se transforma em marco para a comunicação em Divinópolis e região. O Tenente Coronel Luiz Antônio Alves de Matos, aproveitou para externar suas expectativas frente a fase iniciada a partir desta edição, “O jornal é um meio de comunicação sério. Vemos a seriedade com que são feitas as matérias, que é feita a divulgação dos fatos acontecidos na cidade. Temos uma gama muito grande de notícias e se a gente não tiver um jornal da natureza que é a Gazeta do Oeste, para repassar as informações diariamente, a gente fica com um certo vazio, então o jornal vem para preencher um certo vazio que toda sociedade divinopolitana tem” finalizou.

Mateus Dias


02 ESPECIAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Nosso jornal oferece a melhor notícia... ... além dos melhores negócios. Muito fácil de ler e manusear, interessante para os leitores e anunciantes. Essa é a Gazeta do Oeste, um jornal moderno e agradável para você. Notícias sobre esportes, economia, política, polícia, cultura, lazer, moda, gastronomia, turismo, sociedade, automóveis, saúde, meio rural, além da maior e melhor equipe de articulistas e colunistas do interior de Minas Gerais. Tudo isso em um jornal com o melhor projeto gráfico e uma qualidade de impressão infinitamente superior aos concorrentes. Ler, anunciar e se informar nunca foi tão agradável. Tanta qualidade assim, só poderia vir de um jornal que carrega no seu slogan a frase mais falada na imprensa do interior do estado: “Quem lê, sabe mais”.


ESPECIAL 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

18 anos

De lá pra cá... Lidiane Medeiros

Especial para a Gazeta do Oeste

A Gazeta completa 18 anos não apenas com esse motivo para comemorar, a partir de hoje circularemos diariamente levando muito mais informações aos nossos leitores. Mas nem só de rosas se sustenta a história deste que hoje é considerado o melhor jornal de Divinópolis. O sonho foi de Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro que com garra e coragem fundou a Gazeta em 1993. A época não era das melhores, principalmente para uma pequena empresa recém-instalada no mercado. Para não fugir à regra, assim

como existiam aqueles que incentivavam, havia também os que apostavam numa derrota inerente de toda aquela utopia de se fazer jornalismo alicerçado na verdade. Se formos analisar a situação, era bem mais fácil ver o barco passar sem nem mesmo pensar em embarcar. Olhando pelos dados do Sebrae que mostram que metade das pequenas empresas criadas no Brasil não chegam a completar dois anos, a inflação que na época desestruturava até os mais comedidos... Enfim, nada disso serviu de desculpa para que Antônio Eustáquio deixasse seus ideais de lado. Para entrar na disputa e ga-

rantir um lugar ao sol era preciso inovar, apresentar algo que não fosse simplesmente mais uma publicação. Então, estudou, pesquisou e o primeiro passo foi apresentar um jornal que saísse do tradicional e desconfortável formato standart, assim adotou o tabloide americano. Para não ousar demais e dar um passo maior que as pernas a Gazeta veio chegando de mansinho, circulando semanalmente durante 15 anos, passando a duas vezes por semana e em seguida três. Hoje você acaba de receber a primeira edição da era diária deste Jornal. É visto que desde aquela primeira edição, na qual o ideal

Gazeta, um bom investimento

era mais alicerçado num sonho que propriamente num mercado propício, muita coisa mudou. Daí para frente o trabalho incansável e o compromisso com a verdade se encarregaram de fazer a Gazeta chegar onde está hoje. Como o melhor jornal de Divinópolis, com parque gráfico atendendo a toda a região e um portal que traz as notícias tão logo elas aconteçam. Penso que de onde estiver o fundador e idealizador de tudo isso aplauda orgulhosamente a seus filhos. Vendo que eles abraçaram sua causa e lutaram para que o seu sonho se realizasse de uma maneira muito além do que ele próprio tenha imaginado.

QUANDO PENSAR EM UM JORNAL PARA LER E ANUNCIAR, PENSE EM UM VEÍCULO QUE REALMENTE TEM IDENTIDADE COM O SEU PÚBLICO.

A Gazeta do Oeste completa seus 18 anos e o melhor, com muitos motivos para comemorar. E um dos principais é saber que uma boa impressão e um layout diferenciado chamam mais atenção dos leitores e consequentemente os anunciantes percebem isso e querem as páginas da Gazeta para expor suas marcas. O publicitário Paulo Bocca, proprietário da Agencia PRP diz que a Gazeta já era um bom espaço para investir no campo de propagandas, mas que a circulação diária abre ainda mais esse espaço. “Principalmente agora, com a edição diária e consequentemente mais circulação, se ampliarão muito as possibilidades de investimento dos anunciantes. Os responsáveis pelo setor no jornal têm um grande desafio, mas também uma grande oportunidade de novos negócios” comenta. Ele ainda reforça. “A marca Gazeta tende a se fortalecer, com maior e mais regular presença no cenário local e regional, o que o torna mais atraente como veículo publicitário, desde que a distribuição e a visibilidade do jornal sejam sempre estrategicamente consideradas”, alerta Paulo. O publicitário conta que acompanha a Gazeta desde o início e como sua evolução tem sido percebida. “Acompanho a Gazeta desde o início, inclusive já escrevi regularmente em suas páginas. Assim, como amigo de duas gerações à frente do jornal, cidadão e profissional da comunicação, fico triplamente orgulhoso em ver o crescimento deste veículo, que vem evoluindo a olhos vistos”, considera.

Para finalizar Paulo destaca que um jornal para ter bons anunciantes antes de mais nada é necessário ter uma boa equipe de redação e produção. “A Gazeta tem bons redatores, editores, uma safra nova com garra. Também uma diagramação moderna e ágil, uma excelente impressão, dentre outras qualidades”, recomenda. Assinantes também aprovam A Gazeta se orgulha por ter bons e fiéis assinantes, alguns desde os primórdios como o diretor da Seabra Center, Jose Luíz Seabra Santiago. Um de nossos primeiros anunciantes, José Luíz fala do porque escolheu a Gazeta. “Acreditei na competência e confiei no profissionalismo do Sr. Antônio Eustáquio Rodrigues, o fundador deste jornal, e em toda sua família”, lembra. Ele explica também porque se manteve fiel por todos esses anos. “Sempre fui fiel à Gazeta do Oeste devido ao fato de ser um jornal que traz as notícias em primeiro lugar com bastante ética e transparência”, disse. Como empresário ele também acredita no potencial dos anúncios divulgados na Gazeta. “É um ótimo meio de divulgação. Como marketing o retorno é certeiro! Digo por experiência própria e por isso sempre indico”, afirma. Sobre aumentar a credibilidade José Luís é taxativo. “A credibilidade já é uma realidade e por se tornar um diário com certeza atrairá novos assinantes e fidelizará os que já são”, finaliza.


04 ESPECIAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11


:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

ESPECIAL 05


06 ESPECIAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11


:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

ESPECIAL 07


08 ESPECIAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11


:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

ESPECIAL 09


10 ESPECIAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

É temPo De obras em DivinóPolis. após um longo período de chuvas, a Prefeitura coloca nas ruas sua renovada frota de máquinas pesadas. uma verdadeira Força-tarefa em diferentes canteiros de obras.

Pavimentação. oito milhões de reais de investimentos em mais de 15 quilômetros de pavimentação asfáltica de qualidade e nova sinalização completa nas principais vias centrais e em vários bairros.

melhoria nas estraDas rurais. somente em abril, já foram 40 quilômetros de estradas conservadas. agora, 1,5 milhão de reais está sendo investido para recuperar e ampliar mais 40 quilômetros.

Drenagem Pluvial. a ampliação da rede pluvial foi intensificada: abertura de ruas, pavimentação e patrolamento em diversos bairros. É assim, com honestidade e trabalho, que Divinópolis cresce de verdade.


ESPECIAL 11

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

SEU JORNAL FAVORITO VAI SE TORNAR DIÁRIO

A GAZETA DO OESTE ESTÁ COMPLETANDO 18 ANOS. E PARA COMEMORAR, PASSA A CIRCULAR DIARIAMENTE A PARTIR DE MAIO. O CONTEÚDO QUE VOCÊ CONHECE, MAIS VEZES POR SEMANA.

(37) 3222.6322 | www.g37.com.br gazeta@gazetaoeste.com.br twitter.com/portalg37


12 ESPECIAL

Um velho amigo e novo Deputado Lidiane Medeiros

Especial para a Gazeta do Oeste

Colunista da Gazeta, ex-vereador e atual deputado estadual representando nossa região, Fabiano Tolentino também comemora esses 18 anos de história.

Através do programa Campo e Negócio, Fabiano começou como colunista de nossas páginas e há cinco anos complementa a história de sucesso da Gazeta. “É uma grande alegria fazer parte desta equipe e saber que todos os esforços não têm

sido em vão e que esse trabalho é reconhecido tanto por leitores quanto por anunciantes que a cada dia vemos que aumentam muito”, diz. O deputado também comentou a relação amigável que tem com os proprietários. “Os irmãos

que estão à frente do Jornal trabalharam sério para fazer o sonho do pai se tornar realidade. O Fernando vestiu a camisa e levou o nome da Gazeta ao alto nível dos veículos de comunicação de nossa região. Merecem e muito todo esse reconhecimento”, avaliou.

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11


ESPECIAL 13

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11

Domingos Sávio e Gazeta: uma história que evoluiu junto Lidiane Medeiros

Especial para a Gazeta do Oeste

A história da Gazeta do Oeste nesses 18 anos se funde com a trajetória política do Deputado Federal Domingos Sávio. Na primeira edição deste jornal, Domingos atendia na Câmara Municipal em seu primeiro mandato político, na época como vereador, de lá para cá ele já foi prefeito de Divinópolis, deputado estadual e agora junto com nossa maioridade ele chegou ao Congresso Nacional. Domingos Sávio, em entrevista à Gazeta comentou sobre o desenrolar das duas histórias. “Tive a alegria de acompanhar desde o primeiro momento, fui vereador quando nascia a Gazeta do Oeste, hoje represento nossa região no Congresso Nacional quando a Gazeta adquire a sua maioridade. É como se fosse também a minha maioridade política, eu me sinto preparado, amadurecido, mas ao mesmo tempo tendo a consciência de que nós ainda temos muito que aprender e crescer. Isso é da

natureza do jovem e eu me sinto um político jovem, que está chegando à Brasília com a disposição de mudar alguns conceitos na forma de fazer política, manter uma relação muito próxima com a população. Para isso os veículos de comunicação como a Gazeta são fundamentais, ser um canal de ligação entre o homem público e o cidadão e naturalmente levar a minha contribuição ao Congresso Nacional, tendo uma via de mão dupla que traz informações, mas colhe também sugestões e reivindicações diretamente com a população, diretamente ou através de um veículo sério como a Gazeta do Oeste”, disse. O deputado já está a duas décadas na carreira política, mas assim como a Gazeta sabe que ainda vem muito trabalho pela frente. “A verdade é que 18 anos ainda é também muito jovem e é assim que eu também me sinto como homem público e que percebo a Gazeta, maduro, mas com a força da juventude. com a vitalidade de um veículo de co-

municação que renasce em cada edição e mais ainda agora que se propõe a ser um veículo diário. Portanto, passa a ter um peso maior na vida de toda a nossa comunidade, trazendo informações confiáveis, independente e com uma abrangência que vai dos nossos bairros ao Congresso Nacional”, analisa Domingos. Como homem público Domingos Sávio percebe também a evolução da cidadania e com ela

a necessidade de bons veículos de comunicação. “Hoje felizmente no Brasil estamos vivendo um momento de amadurecimento na cidadania, cada vez mais o cidadão quer a verdade e quer debater as opiniões. O cidadão deixa de ser aquela presa fácil que pode ser manipulada seja por políticos inescrupulosos ou por veículos de comunicação que não se preocupam com a verdade. Portanto, a tendência

GAZETA DO OESTE parabéns por abrir suas páginas diariamente para divulgação do polo de moda de Divinópolis.

é que sobrevivam e que se fortaleçam veículos de comunicação que se pautem pela verdade e eu acredito que isso vale também para os homens públicos. Não por acaso que a Gazeta do Oeste chega aos 18 anos fortalecida, crescendo porque tem se pautado pela verdade da mesma forma eu olho para trás e vejo com alegria cada dia dessa trajetória de duas décadas de dedicação a vida pública”, comenta. Hoje em dia o que se cobra tanto dos veículos de comunicação quanto daqueles que se dispõem a vida pública é no mínimo compromisso com a verdade. “Durante todo esse período eu participei ativamente em todos os momentos sejam eles de alegria, de polêmica, de dificuldade, mas graças a Deus tenho o nome limpo e nenhum processo ou ação de natureza cível contra a minha honra, ou minhas ações como vereador, prefeito, deputado estadual ou federal. Claro que isso não é mais que obrigação, o homem público

deve se pautar pela verdade e pela honestidade, isso é obrigação, porém, infelizmente uma grande parcela não cumpre essa obrigação. O diferencial que nós temos que oferecer é de sermos um agente político sério, honesto e trabalhador e eu vejo que a imprensa também tem essa missão, que deve ser uma imprensa séria, atuante, livre e que se preocupe com o que é de interesse público”, analisa o deputado. Domingos Sávio diz que a evolução da Gazeta é motivo de orgulho para Divinópolis. “É uma ótima oportunidade para não apenas homenagearmos a Gazeta, mas para refletirmos sobre um período importante da história de Divinópolis e que para minha felicidade eu faço parte ativamente, crescendo, aprendendo me amadurecendo como homem público ao lado da Gazeta do Oeste que também cresceu, amadureceu e é hoje um veículo de comunicação consolidado que para nós é motivo de orgulho”, conclui.


14 ESPECIAL

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - 03/05/11


Gazeta do Oeste - Edição 1565  

Gazeta do Oeste - Edição 1565

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you