Issuu on Google+

Gazeta DIVINÓPOLIS•MG | QUINTA-FEIRA, 20 de junho de 2013 | ANO XX | N.º 2095 | R$ 2,50

ni heli

ic iel M Dan

#

DO OESTE

“Embora todos os municípios tenham passado por uma situação financeira difícil, a culpa não é do prefeito, e sim do repasse do governo federal que tem sido aquém das necessidades dos municípios. Em Divinópolis fica 10% , no estado 20% e na União 70%, isto é muito desproporcional. Quero mais justiça neste sentido”

Página 02

Fomosprarua

Divinopolitanos atendem a chamados nas redes sociais e vão às ruas em manifestação pacífica Página 05 Carina Lelles - Erik Ullysses

Semana de prevenção as drogas é lançada em Divinópolis Daniel Michelini

Mariana Gonçalves

Oficialmente está aberta a Semana Nacional de Prevenção e Combate às Drogas. Na cerimônia realizada durante a tarde de ontem a prefeitura aproveitou para anunciar o programa “Legal é prevenir”, que visa o trabalho antidrogas principalmente nas escolas da cidade. Página 07

Do início ao fim

A falta de mais trechos duplicados faz com que momentos como esse registrado, de ultrapassagem proibida e invasão de pista contrária, sejam comuns ao longo da MG 050 Caderno Variedades


02 política

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Silvio França

silviocor@hotmail.com

MANIFESTANDO TAMBÉM Em um primeiro momento, quando surgiram as primeiras manifestações contra o atual sistema político, fiquei um pouco apreensivo. Meu temor era o uso político-partidário destes manifestos, fazendo com que a democracia fosse desrespeitada e que caminhássemos para um golpe militar. Não aconteceu. O movimento se mostrou legítimo, com a população indo às ruas independente de partidos, classe social ou qualquer outro fator segregador. É um movimento do povo. Pesquisa do DataFolha mostrou que 71% dos manifestantes são contra o envolvimento dos partidos políticos nas manifestações. Em várias passeatas estavam presentes os cartazes com os dizeres: aqui, a única bandeira é a do Brasil! Natural que alguns tentem se aproveitar do momento para colocar suas pautas individuais em evidência. Afinal, cada um tem um motivo pelo qual protestar. Os políticos precisam entender o que povo está dizendo: eles não estão sendo representados como esperavam. A questão da representatividade é realmente um ponto importante que merece análise por parte dos políticos. Sim, dos políticos. O eleitor já vem demonstrado o que espera, os agentes públicos é que não estão respondendo a altura. Quando se elege um político, espera-se que ele tenha posições, que vote, que decida em nome da população. Afinal, para isto este foi eleito.

Na teoria, o Congresso, por exemplo,

existe para equilibrar as decisões do Executivo. Hoje, grande parte dos parlamentares, usam seu voto nos projetos da presidência como moeda de barganha. A Presidência libera uma “emendinha” orçamentária e o Deputado libera o voto favorável. Este é sem dúvida nenhuma um dos piores tipos de corrupção. Afinal, o povo quer Deputados que cumpram sua função de fiscalizadores e não de negociadores. Esta prática nociva para o funcionamento de nossa Democracia se tornou comum no Congresso, nas Assembleias Legislativas e nas Câmaras Municipais. Outra prática comum, é a de enrolar questões polêmicas. São poucos os deputados que tem a coragem de se posicionar perante questões como pena de morte, casamento gay, aborto e outros temas polêmicos. Sabem que dependendo da opinião manifestada, desagradarão alguns eleitores. Mas eu quero saber, antes da eleição de preferência. Quando vou às urnas dar o meu voto, estou dando uma procuração para que aquele candidato, caso eleito, me represente! Não quero ser surpreendido por um deputado que não está sintonizado com minhas convicções e ideais. Abster-se do voto deveria ser crime, tendo como punição a perda do mandato. Afinal, não foram eleitos para votar? Abster-se do voto é fugir da responsabilidade que lhes foi delegada. A reforma política é outro tema vítima da enrolação. Uma das maiores necessidades do país. Mas os próprios políticos temem as consequências de se mudar o sistema eleitoral. Temem perder seus mandatos por não conseguirem se adaptar as novas regras. O próprio sistema eleitoral brasileiro favorece a manutenção do Status Quo. Quem está no poder faz uso indiscriminado da máquina para se manter no poder. O próprio horário eleitoral gratuito favorece os conchavos, ao distribuir o tempo de propaganda conforme o número de partidos. Entendo que embora seja importante o apoio dos partidos, esta união para ganhar mais tempo de televisão é desfavorável. Por que é que não colocam todos com o mesmo tempo? Tem ainda a interferência econômica que permite o uso de parafernálias técnicas e midiáticas para criar uma propaganda mais eficiente. Defendo que todos os candidatos deveriam usar o mesmo cenário. Tem que convencer pela proposta e não com truques audiovisuais. Não estou mais apreensivo com as manifestações, entendi pelo que o povo está brigando: menos corrupção e mais ação. Agora, falta os políticos entenderem. Para refletir “As revoluções, como os vulcões, tem os seus dias de chamas e os seus anos de fumaça.” - Victor Hugo

“É uma relação de muito respeito entre Câmara e Ministério Público. Eu que já militei na área jurídica, já advoguei e concordo que o Ministério Público tenha autonomia para fazer recomendações. Não tem nada errado quando há alguma recomendação vinda deste órgão” Carla Mariela

Daniel Michelini

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

Você faz parte além de outras comissões, da comissão de saúde, meio ambiente e ciência. Qual o trabalho que está sendo desenvolvido nesta comissão voltada para a saúde, uma vez que esta área é bastante comentada no plenário? Nós da comissão de saúde temos uma preocupação muito grande. O nosso papel é fiscalizar para que o governo cumpra a sua parte também em relação a este setor. Nas outras comissões, por exemplo, nós preocupamos se há uma rubrica necessária, preocupamos com a parte orçamentária. A comissão de justiça, legislação e redação, por exemplo, na qual também eu faço parte, procuramos verificar se há alguma coisa de ilegal ou legal ocorrendo. Graças a Deus nós temos uma assessoria jurídica muito boa na Câmara Municipal que nos acompanha. Sobre os projetos polêmicos que são votados na Câmara, mas que depois tem a interferência do Ministério Público; como foi o caso da capina química e venda dos imóveis; qual a sua opinião sobre a relação entre legislativo e Ministério Público? É uma relação de muito respeito. Eu que já militei na área jurídica, já advoguei e concordo que o Ministério Público tenha esta autonomia. Não tem nada errado quando há alguma recomendação vinda deste órgão. O Legislativo pode acatar ou não esta recomendação. A recomendação em relação ao projeto da capina química, na minha opinião, já temos capina química aqui há pelo menos 15 anos, nunca teve nenhum caso de intoxicação e nunca tivemos casos de contaminação de rio, mas obviamente que quando coloquei este projeto para ser votado a minha preocupação foi com a questão de trazer algum mal para a natureza. Aceitei a recomendação do Ministério Público e quem sou eu para contestar a recomendação vinda da Anvisa, se a Anvisa recomendou, eu aceitei. A minha intenção foi revogar a lei que proíbe para dar a liberdade para o cidadão. Qual o balanço que você faz destes seis primeiros meses de mandato da 23ª Legislatura? Consegui a participação da conclusão do projeto Olho Vivo. Quem iniciou o trabalho deste projeto há muitos anos atrás fui eu e um grupo de pessoas. Quando ocupamos um cargo de vereador, prefeito ou deputado, obviamente que a sua força é

Adilson Quadros (PSDB) faz parte efetivamente das comissões de: Justiça, Legislação e Redação; Fiscalização Financeira e Orçamentária; e Saúde, Meio Ambiente e Ciência. maior para reivindicar. Hoje tenho o apoio do coronel Santana que é meu amigo desde a época que era aspirante da polícia militar, tenho este apoio do Ministério Público, conseguimos a concretização do projeto acima de tudo com o apoio do deputado federal, Domingos Sávio. No meu mandato já percebi alguns avanços, trazer um número maior de policiais para Divinópolis e o sonho de trazer a Risp que era uma antiga luta. Tive em Belo Horizonte para sedimentar a sede definitiva das polícias civil e militar. Não constava na nossa região integrada de segurança pública a presença de bombeiros. É importante que tenhamos esta presença de bombeiros na Risp. Já consegui com o secretário de segurança uma audiência nesse sentido para dar mais agilidade no batalhão de bombeiros de Divinópolis. Sempre participo das reuniões da Acasp acompanhando o trabalho da polícia militar no trabalho que é desenvolvido nas escolas, principalmente, para ensinar os alunos sobre o combate as drogas. É uma série de ganhos que eu considero importante. E naturalmente apoio o prefeito que eu o conheço desde criança, que ajudei a eleger, fiz um trabalho dentro do partido para que ele fosse o candidato a prefeito a primeira vez, apoiando as suas decisões. Embora todos os municípios tenham passado por uma situação financeira difícil, a culpa não é do prefeito, e sim do repas-

se do governo federal que tem sido aquém das necessidades dos municípios. Em Divinópolis fica 10% no município, 20% no estado e 70% na União, fica muito desproporcional. Quero mais justiça neste sentido. Quais são os projetos que você pretende apresentar para votação em prol do município? Sou padrinho do grupo “fazendo arte” e o apoio. É um grupo que começou pequeno, mas que se tornou de utilidade pública municipal. Conseguimos reconduzir de onde ele saiu, uma vez que estava na praça da estação. É um grupo fantástico. Hoje, a assistência a este grupo é dada para cerca de 2.700 crianças e adolescentes. Este projeto é extremamente fundamental, pois colabora muito com o aprimoramento da educação das crianças. É um projeto que pretendo aprofundar um pouco mais. Também pretendo elaborar projetos voltados para segurança pública, educação buscando alternativas possíveis para apoiar o Poder Executivo. A princípio eu não tenho nenhum projeto diferente, extraordinário para apresentar, mas eu tenho me limitado a acompanhar e dar apoio aos meus colegas que tem algum tipo de trabalho importante. Achei o projeto do vereador José Wilson Piriquito, sobre o auxílio familiar no encontro de entes desaparecidos, sensacional. Aquele projeto

que for interessante estarei somando com o meu voto e com os vereadores; e na medida em que aparecer a inspiração, o conhecimento, durante o meu mandato pretendo apresentar propostas no sentido de melhorar a vida do cidadão. Vou trabalhar para aprimorar e votar em projetos e se for de minha autoria colocá-los em discussão. Antes de entrar de recesso, os parlamentares devem debater em audiência pública sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Qual a importância desta lei e qual o seu posicionamento diante da mesma? Sou favorável. No governo do Domingos Sávio, eu fui chefe de gabinete dele e nós chamávamos de LDO, o planejamento que tínhamos para Divinópolis. Agora estou tendo o privilégio de trabalhar como vereador na outra LDO, naturalmente mais moderna, com outras perspectivas, deslumbrando em outras expectativas. Deverá ter algumas emendas naturalmente, pois alguns vereadores poderão sugerir algumas coisas novas. Tem alguns ítens que devem ter ajuste, mas o parlamento serve para isso mesmo, é para se adequar dentro da nossa ótica, é para ter as oposições, é para ter as situações, é para ter a fiscalização com mais rigor. A participação popular também é importante e acredito que a LDO será aprovada.


CIDADES 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Vladimir Azevedo se pronuncia sobre a importância da Lei de Diretrizes Orçamentárias Esta Lei foi encaminha para a Câmara de vereadores para ser debatida em audiência pública Carla Mariela

Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

O prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo (PSDB), ontem pela manhã, na prefeitura, explicou qual é o significado da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), para o município de Divinópolis. Conforme o gestor, a lei já foi protocolada na casa legislativa com o intuito de ser debatida pelos parlamentares, amanhã, às 13h, no plenário. De acordo com Azevedo, o orçamento público do município dos estados da União é elaborado por meio de um tripé. Segundo ele, a Lei de Diretrizes Orçamentárias deve ser votada no primeiro semestre com validade para o ano seguinte. Para entendê-la, é necessário segundo o prefeito, saber quais são as outras leis que estão interligadas à LDO.

O administrador municipal esclareceu que depois que é estipulada a LDO, a lei votada no segundo semestre é a do orçamentária anual (LOA), a qual obedece às diretrizes, também para o ano vindouro. Entretanto, para Azevedo, existe ainda no primeiro ano do governo o plano plurianual que tem como objetivo prever os investimentos, as ações, os programas para os próximos quatro anos. “Este plano plurianual ocorre quando fazemos o planejamento orçamentário para daqui a quatro anos. Se estamos em 2013, haverá o planejamento que vai até 2017. Este é revisado todo o ano”, afirmou. Para o chefe do Poder Executivo, estas leis intercaladas e a audiência pública são fundamentais, porque tudo começa na LDO, a qual estruturará as medidas do orçamento para 2014. Entretanto,

a lei foi protocolada na Câmara Municipal no dia 15 de maio. Deve ser votada pelos vereadores antes do recesso parlamentar. O projeto encaminhado para o Legislativo é o de número EM 028/2013. Alguns detalhes da proposta EM 028/2013 Baseado no texto integral do projeto, o primeiro artigo da lei aborda que a LDO para 2014 deve ser estabelecida cumprindo: o disposto no artigo 165, inciso 2º, da constituição, às normas estabelecidas pela lei 4.320, de 17 de março de 1964, e suas alterações na lei complementar nº 101, de 04 de maio de 2000, e o disposto nos artigos 84, II, §2º e 88, §2º, e §4º II da lei orgânica do município. A proposta compreende as metas e prioridades da administração, as diretrizes e estrutura organizacional para elaboração

da Lei do Orçamento Anual, as disposições relativas às despesas do município com pessoal e encargos sociais, as diretrizes para execução e limitação dos orçamentos do município, as disposições sobre alterações na legislação tributária e as disposições gerais. A elaboração e a aprovação do projeto da lei orçamentária de 2014 e de créditos adicionais, bem como a execução das respectivas leis, deverão ser realizadas promovendo-se a transparência da gestão fiscal permitindo-se o amplo acesso da sociedade às informações. O Poder Executivo divulgará pelo Diário Oficial online do Município: estimativas das receitas de que trata o artigo 12, § 3º, da lei complementar nº 101, de 2000; a lei orçamentária de 2014 e seus anexos e os créditos.

Vladimir Azevedo afirmou que para entender a LDO é necessário saber quais são as outras leis que estão interligadas a esta

Gleide Andrade ressaltou fazer a descentralização do partido Naiara Santos

Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

Gleide Andrade disse que como candidata ela vai cuidar de Divinópolis, no sentido de que possa entrar para a eleição de 2014 com o time afinado

A secretária de finanças e planejamento, Gleide Andrade, ontem, à tarde, comentou sobre a sua candidatura à presidência estadual do Partido dos Trabalhadores (PT). Conforme Andrade a eleição será em novembro deste ano, na qual o PT mudará todas as suas direções: municipais, estaduais e nacional. Sobre as propostas que vai defender como candidata, Andrade afirmou que a frente do PT, a primeira coisa que ela quer fazer é a descentralização do partido, uma vez que o PT cresceu muito em Minas. Para ela, o estado de Minas Gerais é do tamanho da França. De 853 municípios, o PT existe com diretório organizado em 724. “Quero interiorizar o PT. Quero fazer um mandato itinerante, como eu não sou candidata à deputada eu tenho a integralidade do meu tempo para me dedicar ao estado. Portanto a minha ideia é estar numa se-

mana na zona da mata, na outra semana na região do triângulo, na outra semana na nossa querida Centro Oeste, no entendimento que Minas Gerais sofre de uma desigualdade econômica social e climática muito grande, portanto tenho que conhecer e combinar a nossa Minas com as suas mais adversas diferenças no sentido de ajudar ao Fernando Pimentel a montar um programa de governo para que possamos ir para a disputa em 2014 sendo vitoriosos”, afirmou. Segundo Andrade, ela é uma candidata apoiada pelos ex-ministros, Luiz Dulci e Patrus Ananias, pela deputada Maria do Carmo Lara que foi prefeita de Betim, pelo ex-deputado Virgílio Guimarães e em Divinópolis pelo Beto Cury. Ela afirmou que é de Carmo do Cajuru e como candidata ela quer a reeleição da presidente Dilma Rousseff, que é um projeto nacional; a eleição do ministro Fernando Pimentel ao governo de Minas e a ampliação das bancadas de deputados:

tanto estadual, quanto federal. Ela disse que está convicta de que é preciso que em Divinópolis, especificamente onde houve uma derrota eleitoral, haja uma vitória política nas eleições; o PT precisa se debruçar neste município. Conforme a candidata ela vai cuidar da capital do Centro Oeste, no sentido de que possa entrar para a eleição de 2014 com o time afinado, e quem sabe até com uma candidatura estadual do ex-prefeito Demétrius Arantes. Entretanto, ela finalizou dizendo que o PT deve preparar Divinópolis para uma mudança de conceito e de administração. “Divinópolis não pode ficar parada no tempo. Divinópolis não merece as administrações que vem tendo ultimamente. Divinópolis é uma cidade que produz, é cultural, é a cidade da Adélia Prado, temos que explorar as nossas potencialidades aqui e por isso terei o maior carinho e cuidado no sentido de fortalecer o nosso partido aqui”, enfatizou.

STF derruba limitações aos protestos em Minas Gerais Divulgação

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux defendeu, em decisão divulgada na tarde de ontem, o direito de movimentos sociais protestarem nas ruas. Ele suspendeu decisão do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, da última segunda-feira (17), que impedia manifestantes de interditar ruas durante protestos no estado.

De acordo com Fux, o direito de reunião é um “componente indispensável à vida das pessoas e à própria existência de um substancial Estado Democrático de Direito”. O ministro respaldou seu entendimento em decisão anterior da Corte, que revogou normas editadas no Distrito Federal em 2009 contra manifestações nas ruas de Brasília.

Fux defendeu a participação ativa dos cidadãos na vida pública para estimular a reflexão sobre temas jurídicos, políticos e econômicos em pauta no país. “É preciso abrir os canais de participação popular para que os rumos da nação não sejam definidos exclusivamente ao talante [desejos] dos governantes eleitos”, registrou. O ministro criticou o uso de

violência. Para ele, é contraditório protestar contra o mau uso do dinheiro público depredando prédios e bens que pertencem a toda a sociedade. “Esse tipo de conduta não deve ser tolerada, seja pelo seu caráter violento, seja porque não é capaz de transmitir qualquer tipo de mensagem útil ao debate democrático”. Fonte: Agência Brasil


04 opinião

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Francisco Resende

editorial

O poder popular

A onda da insurgência brasileira chama a atenção pelo seu poder de expandir-se. A população toma as ruas em protesto contra as

franciscor@pitagoras.com.br

políticas públicas, como se fosse o despertar de um gigante. Onde

Treinar é fundamental

ainda subsistem ordem e obediência civil, começam finalmente os

Mais de 100 gestores de empresas e líderes de Recursos Humanos

movimentos tendo por objetivo ouvir as queixas das comunidades para

participaram, na terça-feira da última semana, do Seminário “Talento

satisfazer-lhes as reivindicações, único meio de conter a fúria popular. Ao contrário da intransigência anterior. Os políticos, alvos principais pelos protestos em cascata, des-

nas Organizações”. O evento fez parte do lançamento oficial do Programa Aprimorar, da Faculdade Pitágoras, em Divinópolis e toda a região Centro-oeste. Além da apresentação oficial do programa e de todos os benefícios que ele pode trazer para as empresas da região, os

cobriram que não são semi-deuses e nem intocáveis. No Congresso

participantes foram agraciados com o aconchegante “coffee break” e

Nacional o meia culpa já faz parte dos discursos da maioria. Os governos

uma instigante palestra do professor e consultor Marcos Fábio Gomes

estaduais e municipais se fazem a pergunta: “Onde foi que erramos?”

Ferreira, que abordou temas extremamente funcionais para a gestão

Desceram do pedestal. Na cidade subsistem algumas práticas mais comezinhas encenadas a partir de uma cultura atávica, enferrujada, advinda do antigo

de carreira e de talentos nas organizações. Consultor há muitos anos e com diversas empresas em seu portfólio de clientes, a palestra do professor Marcos Fábio foi extremamente coerente com a realidade das empresas de nossa região. Abordando temas

coronelismo. Como se nada tivesse mudado no cenário nacional,

inerentes à gestão de pessoas e retenção e manutenção de talentos

a Câmara de Divinópolis oferece alguns rasgos de autoritarismo, a

nas organizações, o palestrante sensibilizou todos os participantes ao

exemplo de vereadores que se valem de autoridade maior do que a

contrastar a realidade das empresas com a necessidade dos colabora-

concedida pelo voto, para bater de frente com setoristas da imprensa – de um modo geral um pequeno contingente com problemas de ordem psíquica, sem qualquer habilidade ou condição para exercer um mandato popular. No mesmo ritmo a prática do predomínio pela conquista de setores classistas do trabalhismo e da produção, ainda que pelo

dores, ressaltando os caminhos mais fáceis para a implementação de programas de gestão de carreiras e retenção de talentos. O professor

“Não à corrupção; não aos vícios políticos; não aos vândalos e viva aos movimentos sociais protagonizados mais uma vez pela juventude”.

foi enfático em afirmar a importância de se identificar quais os talentos que o colaborador possui e entender se estes talentos são primordiais para a organização. Sem dúvidas, vale a pena investir nestes talentos, que estão cada vez mais raros no mercado. Entretanto, o consultor ressaltou a importância de se planejar também todos os aspectos que envolvem a retenção de talentos nas organizações. Segundo Marcos Fábio, é crucial planejar o quanto este colaborador é importante para a organização. Quanto será este investimento, por quanto tempo, para qual projeto, buscando quais resultados. Reter por reter pode trazer mais prejuízos do que lucros, se a organização não se planejar e não definir quais os objetivos deste plano

uso de terceiros, melhor dizendo,

de carreira para seus talentos. A palestra foi extremamente elogiada

laranjas e pelegos, segue elegendo parlamentares, como se fosse

pela maioria dos profissionais presentes no evento, o que enaltece

norma irrecorrível. São figuras ligadas ao sindicalismo de ontem, no uso dos esforços coletivos para se darem bem. É tudo o que as insurreições a pipocar por todo o Brasil rejeitam.

ainda mais a possibilidade de novos encontros com focos semelhantes. A partir do lançamento do Programa Aprimorar, uma série de ações junto as empresas da região Centro-oeste será iniciada pela Faculdade Pitágoras. A ideia é integrar as melhores e mais modernas práticas de

O Brasil que renascerá das cinzas da corrupção, a ressurgir com

Recursos Humanos e oferecer aos profissionais da área uma possibili-

a força dos movimentos sociais crescentes a partir das redes sociais,

dade de qualificação contínua e inédita em nossa região. É com estes

de certo que irá dar à luz a um outro sistema, capaz de fazer justiça à

objetivos que a Faculdade Pitágoras lançou o Programa Aprimorar.

população sacrificada pela falta de segurança, transportes decentes, saúde e educação, dentre os males que afligem os contribuintes. Não à corrupção; não aos vícios políticos; não aos vândalos e viva

O programa foi desenvolvido para facilitar o acesso à educação e qualificação profissional e aproximar gestores de RH, colaboradores e todas as faculdades do Grupo Kroton Educacional. O Programa oferece diversos benefícios e facilidades que estimulam a troca de conhecimen-

aos movimentos sociais protagonizados mais uma vez pela juventude.

to, o preparo para o mercado de trabalho e reforçam a parceria entre

Os brasileiros se cansaram das propagandas mentirosas e das pro-

faculdades e empresas.

messas vãs. Querem pouca lorota e muita objetividade. É para essa

O Programa Aprimorar consiste em um encontro periódico or-

finalidade que estão concentrados em todas as praças e ruas do país.

ganizado pela Faculdade Pitágoras e aberto a todos os interessados, e organizações públicas e privadas da região Centro-oeste. As empresas

ÓRGÃO Do grupo Gazeta do Oeste de comunicação ltda

de toda a região Centro-oeste poderão fomentar parceria para a capaci-

FUNDADOR: Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro (1947 2004)

Diretor PRESIDENTE Fernando Marcos Rodrigues

Diretor DE MARKETING Leonardo Marcos Rodrigues

principalmente gestores de Recursos Humanos das principais empresas

EDITORA CHEFE Carina Lelles

Assessores Jurídicos Dr. Márcio F. Vaz • Dr. Mauro M. Nogueira • Dr. Flávio Vaz Administração, Redação E GRÁFICA: Rua Rio Branco, 948 - Porto Velho • Divinópolis (MG) • CEP 35.500-430 TELEFONE: (37) 3222-6322 • www.g37.com.br • gazeta@gazetaoeste.com.br O jornal não é solidário com conceitos emitidos em colunas e matérias assinadas.

tação de seus colaboradores, além de oferecer o vestibular para cursos de Graduação dentro da própria empresa. Além disso, abre oportunidades para a customização de cursos “In Company” (oferecidos dentro da empresa), além de apoio à empresa em palestras e eventos, com cursos gratuitos com certificado. É extremamente importante que os gestores de empresas de nossa região se atenham para a importância de se investir em treinamento e capacitação. E o Aprimorar pode representar o início de uma mudança cultural da classe empresarial em nossa região.

Eduardo Augusto

easteduardo@yahoo.com.br

CORRUPÇÃO – A DOENÇA DO BRASIL Os brasileiros, já por muitos anos, tem motivos de sobra para se revoltar contra a democracia brasileira, devido a corrupção que permeia os poderes do Legislativo-Executivo, e verso. Juridicamente, a Constituição Federal de 1988, confere ao Poder Executivo e Legislativo, ampla independência entre si, mas, contudo, na prática, o Executivo é submisso às vontades de nossos senadores e deputados, o que torna a democracia um grande custo à sociedade. A chamada base aliada do governo, para os brasileiros custa muito caro, pois, o governante fica a mercê dos acordos políticos pré-campanha, inviabilizado a ideologia, os sonhos, os programas, os projetos do governante. Essa forma de fazer política é antiga em nosso Brasil, pois, a maioria dos candidatos e correligionários não entram na campanha política sem que haja algum interesse particular, ficando bem ao fundo, por último lugar o interesse comunitário, ou seja, o interesse da sociedade num todo. A prática citada acima, torna ainda mais nefasta quando de um lado estão empresas que patrocinam campanhas políticas em troca de um pedaço do orçamento municipal, estadual, ou federal. O Brasil inteiro está servindo de palco de várias manifestações de pessoas que querem um basta à corrupção, sobretudo a que envolve o dinheiro público, ou seja, o dinheiro arrecadado com os pesados impostos. O povo está cansado de tantas irregularidades, de tantas barganhas, de tanta malandragem com o dinheiro público, e mais ainda quando se observa a pilantragem que se montam na defesa dos bandidos de colarinho branco. Tudo isso está envolto partidos políticos, ONGs, Fundações Públicas e Privadas, empresas públicas e privadas, que fazem de tudo para garantir um espaço, uma verba, um trocado, um benefício, um cargo, etc. Infelizmente, a política brasileira está desvirtuada de seus objetivos, e com isso, o brasileiro paga caro, muito caro, inclusive com suas próprias vidas, a manutenção dessa dita democracia. Não que sou contra a democracia, pelo contrário, sou a favor de um país democrático, contudo, que fosse uma democracia verdadeiramente voltada para o povo e para o povo. A sociedade vem observando com mais atenção o que se gasta para a manutenção do luxo de nossos políticos, e constatando que precisamos dar um basta nessa farsa de regime em que vivemos. Defendo a manutenção do senado federal co diminuição e remanejamento das representações, com objetivo de ofertar equidade na representação dos estados brasileiros. O povo está nas ruas para demonstrar aos políticos que passou da hora de mudança, de mais compromisso, de mais verdade, de mais atuação, de mais honestidade por parte dos governantes. A sociedade em geral está exausta de pagar caros impostos, sobretudo quando temos a certeza de que não são revertidos em sua totalidade aos serviços públicos. Tenho que vivemos num país de reis, rainhas, príncipes, e princesas. Sim, isto mesmo! Isso tem que acabar. Em nosso Brasil, cada deputado estadual e federal, cada senador, cada secretário e ministro de estado, sem falar da presidente e do vice-presidente, vivem status de monarquia, onde quem paga seus luxos e suas contas é o povo trabalhador. Mais grave ainda, é quando pensamos que na prática cada rei ou rainha, cada príncipe ou princesa, consegue blindar seus atos, pois possuem poder constitucional de indicar seus próprios juízes, o que, evidencia uma possível troca de favores e interesses, pois, nenhum julgado seria certamente isento daquele que julga, para com aquele que indica, isso, parece ser óbvio. É muito dinheiro público jogado no ralo da corrupção. É muita ineficiência no sistema. Exemplo é o dinheiro usado nas copas, sem necessidade. Acontece que a política do pão e circo terminou para os nossos governantes, isso está evidente com as manifestações. O povo não tolera mais tanta enganação. Precisamos de políticas efetivas, que realmente sejam concretas em todas as áreas, saúde, segurança, educação, habitação, transporte, etc. Data Maxima Venia, o Brasil permanece pobre por culpa da corrupção dos governantes corruptos. O que pior é que a corrupção traz sérias conseqüências ao povo brasileiro. Tantos problemas vividos pela nossa sociedade, como a violência, a miséria, a ausência de infraestrutura nos portos, nos aeroportos, nas estradas e rodovias, na área da saúde, etc. O povo nada mais quer do que dignidade, nada mais quer do respeito e seriedade no trato público. Essa de pagar altíssimos impostos para garantir o luxo da máquina administrativa é do passado. Precisamos acabar com a malandragem da grande parte dos políticos, pois, o Estado toma do pobre na forma da lei e entrega ao político corrupto. A mídia em geral tem um papel importantíssimo no combate à corrupção, pois é através dela que o brasileiro tem a possibilidade de receber as informações da verdadeira situação do Brasil. Podemos constatar isso muito claramente com as divulgações das manifestações em todo país – o povo está atento. Já quanto as manifestações por si só, não vai mudar todos as questões postas, cada cidadão precisa questionar, cobrar e exigir novas posturas de todos políticos municipais, estaduais e federais, somente assim, teremos novas posturas por parte deles, pois, somente com a diminuição da corrupção em nosso país é que poderemos ter melhores condições de vida. Dr. Eduardo Augusto Silva Teixeira Advogado


CIDADES 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Cerca de seis mil pessoas tomam as ruas em um verdadeiro show de democracia Com uma pauta diversa de reivindicações, manifestantes encheram as ruas da cidade com seus cartazes, faixas e cantos. Em frente à prefeitura vários deles exigiram a saída do prefeito Vladimir Azevedo

Carina Lelles - Erik Ullysses - Jessica Riegg

Erik Ullysses

erik.ullysses@gazetaoeste.com.br

Uma semana após o início das manifestações que tomaram conta do Brasil, chegou a vez da população de Divinópolis sair as ruas. E as pessoas não foram em pequeno número. Foram quase seis mil vozes que cobravam de nossos governantes melhores condições de saúde, de educação, exigiam um combate mais enérgico contra corrupção, e que a PEC 37 não fosse aprovada. Entoando vários cânticos, como o “Vem pra rua” que se tornou o símbolo do movimento a nível nacional, até contrários à administração de Divinópolis, estudantes, professores, empresários, administradores, donas de casa, ocuparam as ruas do centro da cidade. Um dos organizadores do protesto na cidade foi o estudante Luis Otávio, de 18 anos. Aluno do 3° ano do ensino médio, Luis disse que a idéia, assim como em quase todas as cidades do Brasil, partiu através das redes sociais. Instigados pelas diversas manifestações, inclusive fora do país, um grupo de jovens decidiu criar um evento no facebook, o que teve uma grande adesão. “Vendo todos os protestos que estavam acontecendo pelo Brasil e até mesmo fora do Brasil, como na Alemanha e na França onde brasileiros estão protestando lá, vimos que Divinópolis não podia passar em branco, queríamos protestar também. A idéia surgiu no facebook, então criamos um evento no facebook. Foram cerca de 80 mil convidados e oito mil confirmações e na terça-feira (18) teve uma reunião em frente à Câmara e ficou decidido as ações e o foco que seria dado para o protesto aqui” afirmou. O movimento em Divinópolis teve como objetivo a exigência do passe livre para estudantes, o fim da impunidade, a não aprovação da PEC 33 (todas as decisões tomadas pelo STF terão que passar pela aprovação do Congresso Nacional) e a PEC 37 (que tira o poder de investigação do Ministério Público, deixando apenas a cargo da Polícia Federal), além de reivindicações de uma melhor educação e saúde em Divinópolis. Assim como em todas as cidades brasileiras, o movimento em Divinópolis foi apartidário e sem líderes. Para a psicóloga Graziele Gontijo, as manifestações tem um caráter ainda mais importante, já que foi feita pelos jovens do país, muitas vezes taxados de acomodados e que não lutam por seus direitos. “É bastante relevante porque esta juventude era vista como a juventude do facebook, então quando a gente

resolve sair, reivindicar nossos direitos a gente percebe que tem poder e assim poderemos mudar o Brasil” exaltou. A manifestação estava marcada para ter início às 18 horas na praça do Santuário, mas as 16 horas a movimentação no local já era intensa. Diversos estudantes confeccionavam cartazes, pintavam a cara, levantavam bandeiras e ensaiavam os primeiros gritos da manifestação. A medida que o tempo ia passando a praça ia sendo tomada por mães e pais, adultos, idosos e crianças, pessoas de todas as classes sociais. As 18 horas a passeata teve início e desceu a rua São Paulo, pegando a Antônio Olímpio, a medida que a marcha ia andando mais adeptos iam aderindo ao movimento. Logo em seguida a manifestação foi para a 1° de junho e durante todo o percurso recebeu apoio de moradores e trabalhadores dos comércios espalhados pelas ruas. O Hino Nacional era entoado a todo o momento a plenos pulmões e chuvas de papel picado e confete eram atirados dos prédios. Aplausos de pessoas que estavam nas lojas e novos gritos de “vem pra rua” eram constantes. Fogos de artifício também. Entre as milhares de pessoas que protestavam estava a empregada doméstica Inês Silva, de 55 anos. Entre os vários motivos para estar participando, Inês apontou a saúde como o principal fator. “As pessoas vão para o Pronto Socorre e não são bem atendidas. Eu tenho uma mãe idosa de 78 e ela fica lá cinco ou seis horas aguardando por uma consulta sendo que é uma coisa de internação” disse. Para Francisco Carlos Eloi, administrador de empresas, os movimentos em todo o país servem para acordar a população para os desmandos por parte dos governantes. Ele ainda ironizou a fala do presidente da FIFA Joseph Blatter, que pediu educação para o público brasileiro que vaiava a presidente Dilma Rousseff durante a inauguração da Copa das Confederações. “O Joseph Blatter falou que nós não temos educação e ele tem razão! Nós não temos educação, não temos saúde, não temos moradia, não temos nada!” exclamou. O protesto, sempre pacífico, seguiu para a porta da Prefeitura Municipal de Divinópolis, onde milhares de pessoas gritavam palavras contrárias aos políticos divinopolitanos, especialmente ao prefeito Vladimir Azevedo. Muitos deles exigiam a saída do governante. Faixas e cartazes foram estendidas em frente à prefeitura e para evitar que o prédio fosse invadido ou que gerasse tumulto, a Polícia Militar precisou intervir pela primeira vez e criou um cordão de isolamento na

frente da Prefeitura. Em dado momento algumas pessoas começaram a atirar mexericas contra o prédio, o que foi reprimido pela maioria dos manifestantes com

vaias e gritos que pediam para não haver violência. Dali, os manifestantes se dispersaram. Vários se dirigiram para a praça do Santuário, outros

subiram a Getúlio Vargas com destino a praça da Catedral e outros tantos ficaram espalhados pelas ruas do Centro. Assim terminou um dos momentos

mais marcantes e da mais pura expressão de democracia da população de Divinópolis, sem brigas, confusão ou atos de vandalismo.


06 Cidades

Roberto Clementino bobclementinoo@gmail.com

Os vampiros da política querem sugar o sangue novo O que é o novo e o velho em política? O novo está necessariamente em políticos jovens ou pode estar num idoso de 90 anos? Ora o novo que se sustenta na política, independente da idade de quem propõe, é aquele projeto político que encanta e emociona o eleitor pela sua intenção de criar uma sociedade socialmente justa.Tem algumas pessoas com idades entre 18 e 40 anos que politicamente são retrogrados e tem idosos como foi o Dr Simão Salomé que na casa dos noventa anos, continuava um revolucionário nas formulações de saídas políticas para resolver as demandas urbanas de Divinpolis. Estão perambulando pelos becos, ruas e praças alguns militantes políticos, cujos prazos de validade se esgotaram. Eles se tornaram personagem de uma frase que Karl Marx escreveu no Manifesto Comunista que diz “Nenhuma ordem social, deixa a cena da história antes de haver esgotado todas as suas possibilidades e mesmo quando a ordem social caduca não cede seu lugar sem opor resistência”. Pois bem, estes “caducos” como vampiros da política, ficam iludindo jovens militantes desejosos de mudanças sociais no Brasil, com propostas inviáveis politicamente. Agora que a juventude brasileira, se despertou para ações políticas de mudanças, estes “dinossauros” tentam atrair para seus movimentos sociais inconseqüentes, jovens, que serão usados como inocentes úteis. Tem sido comum nos movimentos de protestos em Divinópolis ver estas figuras do passado ainda tentando uma sobrevida política se alimentando da coragem e disposição da juventude. Como disse no início deste texto, não há da nossa parte nenhum preconceito, contra a integração de idosos e experientes políticos com juventude ávida por participar da vida pública da cidade. A repulsa é contra antigos militantes de esquerda e de direita, frustrados politicamente e rechaçados pelos eleitores nos pleitos eleitorais, ficarem iludindo jovens com uma visão política retrograda, sem conseguir apresentar uma alternativa para solução dos problemas do município. Felizmente a maioria dos jovens já perceberam que os “Vampiros” só querem alimentar do seu sangue novo para se reabilitarem, e assumirem surpreendentemente, uma pauta própria elaborada sem a presença dos Dinossauros da Política.Porque os jovens protestam em todo o Brasil? Contra a corrupção, a falta de infraestrutura, a violência da polícia, serviço público precário e contra o fato do Governo Lula/Dilma ter gasto bilhões para financiar a Copa do Mundo em detrimento da saúde e educação. Os Vampiros? Caminham lentos para os sarcófagos do anonimato. Prefeitura vai construir viaduto interligando os bairros Jardim Candidés, Grajaú, Davanuze e Santa Lúcia, a rua Bom Sucesso O prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo, assinou na manhã desta terça-feira (18), ordem de serviço para implantação da 1ª etapa da construção do Anel Viário Urbano. Serão investidos cerca de R$ 7 milhões na execução das obras, em uma parceria entre município e governo do Estado, sendo de aproximadamente R$ 2 milhões a contrapartida da prefeitura de Divinópolis. De acordo com o prefeito Vladimir Azevedo, a aquisição pelo município de um terreno de quase um milhão de metros quadrados, somada às obras do anel urbano, propiciarão a expansão do Centro Industrial e melhoria no acesso entre diversas regiões do município. Segundo o superintendente da Usina de Projetos, Lúcio Espíndola, será construído um viaduto com um vão de 40 metros, em concreto armado, e a estrada terá uma plataforma de 8 metros de largura em toda a extensão de 3,5 quilômetros, interligando bairros como Jardim Candidés, Grajaú a outros bairros, como Davanuze e Santa Lúcia, fazendo a integração com a rua Bom Sucesso. “O grande objetivo é fazer uma parte do anel urbano, ligando o Centro Industrial até a rodovia Divinópolis-Cajuru. Ela passa pelo Complexo da Ferradura, onde termina o asfalto que vem do Centro Industrial, que é a continuação da rua Rosana Noronha. Ali, vai ser implantado um trevo com um viaduto sobre a linha férrea. Depois, a estrada segue o traçado até um outro trevo que vai ser executado ali na rodovia MG 345. Então, não só pelo lado econômico, mas pela própria questão da integração regional, a obra é muito importante”, declarou.

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Cruzes fixadas por manifestantes são retiradas pela Nascentes das Gerais Manifesto realizado na segunda feira abordou a questão dos acidentes no trecho do bairro Quintino. No mesmo dia, a concessionária retirou as 24 cruzes colocadas pelos moradores Daniel Michelini

Cruzes fixadas no chão foram retiradas Daniel michelini

daniel.resende@gazetaoeste.com.br

Como noticiado pela Gazeta do Oeste na edição da última terça-feira (18), moradores do bairro Quintino realizaram uma pequena e pacífica manifestação às margens da principal rodovia que corta Divinópolis, a MG-050, caminho alternativo para diversos locais, como o estado de São Paulo. O manifesto consistia em alertar motoristas sobre o perigo do trecho, situado no quilômetro 132 da rodovia, onde o espaço é considerado estreito e movimentado. Para simbolizar o perigo, os moradores fixaram 24 cruzes no local, além de duas faixas com os dizeres: “Perímetro urbano, chega de mortes na MG-050” e “Ato pela vida! MG 050 Km 132”. Durante a última semana, o ato pela vida, assim chamado pelos moradores, obteve grande repercussão e, consequentemente, divulgação nas redes sociais,

especialmente em páginas do facebook, onde vários divinopolitanos, mesmo os que não compareceram à manifestação, publicaram em seus perfis a foto com os dizeres sobre o protesto. Contudo, as cruzes viraram motivos de uma revolta ainda maior para os residentes do bairro. Colocadas para alertar os motoristas que trafegam pelo trecho sobre o perigo, mesmo o local sendo próximo aos postos de atendimento da Nascentes das Gerais e Polícia Rodoviária Estadual, moradores denunciam que, na tarde de segunda-feira, dia do protesto, funcionários da concessionária responsável por grande parte da rodovia retiraram todas as 24 cruzes, sem dar nenhuma satisfação. Ontem, a moradora Ana Paula de Oliveira, ex-líder da associação de moradores do bairro Quintino, apresentou à reportagem um documento recebido, em 2007, onde consta o projeto

de uma construção da terceira faixa no local, obra que deveria ter sido feita ainda no primeiro ano de concessão da empresa sobre a rodovia. Entretanto, até hoje não houve a obra, o que deixa os moradores preocupados. Recentemente, ocorreu um acidente exatamente naquele trecho, onde faleceu Júlio César Pereira, de 39 anos, ex-presidente da Associação Comercial e Industrial de Divinópolis - ACID. Em meio a todos os protestos, o pedágio cobrado ao longo da rodovia (ao todo são seis espaços pedagiados) recebeu reajuste de 7,31%. Com o acréscimo, a tarifa básica cobrada para os carros de passeio passa de R$ 4,10 para R$ 4,40. A menor tarifa da nova tabela é a cobrada para motos, que passou de R$ 2,10 para R$2,20. Para caminhões leves, ônibus, caminhão trator e furgão, a tarifa passou de R$ 8,20 para R$ 8,80 e, para os caminhões de maior porte

e os chamados “especiais”, que transportam cargas superpesadas e indivisíveis, o valor passa de R$ 24,60 para R$ 26,40. Nossa reportagem entrou em contato com a Concessionária Nascentes das Gerais que informou realizar diariamente a limpeza da faixa de domínio no Sistema MG-050/BR-265/ BR-491. A ação visa a manter a visibilidade dos usuários, permitindo, assim, uma viagem segura e confortável. Com relação ao fato relatado pela reportagem na altura do quilômetro 132 da rodovia, em Divinópolis, a concessionária enfatiza que a retirada de objetos na faixa de domínio é fundamental para garantir a segurança dos usuários da via. Sobre as intervenções no local, a Nascentes das Gerais tem o compromisso contratual de construir uma rotatória alongada, conforme consta no contrato de concessão, cujo prazo é abril de 2015.

Escola de música abre vagas para interessados em aprender novos instrumentos Luiz Felipe Enes

luiz.felipe@gazetaoeste.com.br

A escola municipal de música Maestro Ivan Silva, de Divinópolis abre 175 novas vagas para pessoas interessadas em aprender e dar seguimento a carreira musical. Cerca de 10 cursos serão ofertados aos alunos. Os seguintes cursos serão disponibilizados como canto e coral, flauta, musicalização infantil, percussão, bateria, saxofone, trombone, trompete, violão, e também os instrumentos da Orquestra Jovem, como o contrabaixo, viola de arco, violino e violoncelo. No domingo, (23), ocorre a primeira etapa do processo seletivo. Não se exige conhecimento avançado em música. Todos os conceitos são avaliados durante o teste, na prova objetiva. As inscrições podem ser feitas até às 12h de sábado, através do site

da prefeitura www.divinopolis. mg.gov.br. Por enquanto ainda não foi criado o sistema que gera o boleto, por hora, as inscrições são gratuitas. A escola surgiu pela necessidade de ensinar e aprimorar a qualidade dos próprios alunos. Como a demanda era alta, professores se uniram e resolveram crescer junto à escola de música. Há vários anos atendendo aos alunos interessados em aprender um pouco mais sobre música, a instituição já faz jus ao nome. Como os alunos, a partir do momento em que ingressam no ensino musical, despertam grande interesse, com o passar do tempo, fica complicado abandonarem a música, e então prosseguem na carreira. “Então é difícil o pessoal deixar os instrumentos e o aprendizado adquirido. A escola já se tornou referência, pois já tem nome consolidado na região”. Decla-

rou a supervisora de ensino Musical, Maria Tereza da Cruz Mimoso. Atualmente, a escola já possui dois próprios corais, um regido pelo maestro José Carlos e outro regido pelo maestro Eduardo Laudares. Além de um grupo de trompetes. Orquestra de Violão Clássico. A duração do curso, para qualquer instrumento é de quatro anos. Canto e coral duram aproximadamente três anos. A musicalização infantil é um curso destinado às crianças. Dos sete aos 10 anos, elas tem oportunidades de aprender e dar os primeiros passos no conhecimento musical. De forma lúdica, aprendem a lidar com os instrumentos e também uma introdução a música, aprendendo inicialmente a tocar flauta doce. Após isso, as crianças tem oportunidade de continuar na escola, aprendendo a fazer o uso de outros instrumentos.

APRESENTAÇÕES EM PARCERIA COM A ESCOLA A escola municipal de música realiza durante todo o ano, várias ações voltadas ao contexto musical. Hoje à noite a escola apresenta em sua própria sede o “Grupo de Cordas”, constituído pelos alunos da instituição e é aberto ao público. Além disso, amanhã (21) a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, em parceria com a escola se apresenta na Praça da Catedral, às 20h. A Orquestra Filarmônica de Minas Gerais foi criada em 2008 pelo Governo de Minas, com o intuito de inserir o Estado nos circuitos nacional e internacional da música clássica. Excelência artística e vigorosa programação, esse é o perfil da Filarmônica de Minas Gerais, formada por 90 músicos, provenientes de todo o Brasil, além de países da Europa, da Ásia e das Américas.


Cidades 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Prefeitura inicia programa de prevenção às drogas na cidade Aproveitando as comemorações da Semana Nacional de Prevenção e Combate às Drogas a prefeitura lança o programa “Legal é prevenir” Mariana Gonçalves

Mariana Gonçalves

mariana.goncalves@gazetaoeste.com.br

A secretaria adjunta de Desenvolvimento Comunitário, em parceria com a Polícia Militar de Minas Gerais, Tiro de Guerra, o grupo de apoio Amor Exigente e o Conselho Municipal sobre Drogas realizou na tarde de ontem a cerimônia oficial de abertura da Semana Nacional de Prevenção e Combate às Drogas. Na oportunidade a prefeitura anunciou também a abertura do programa municipal de prevenção e combate as drogas, intitulado “Legal é prevenir”. Luiz Militão, secretário adjunto Antidrogas e de Direitos Humanos fala sobre esse novo projeto do município. “É um programa que tende a ser permanente, o grande objetivo é a prevenção das drogas, com isso a proposta é construir uma rede de proteção aos nossos jovens quanto aos males da drogas fazendo uma interação entre as famílias e as escolas”explica. Ainda de acordo com Militão, durante esta semana serão realizadas ciclos de palestras envolvendo as escolas, os alunos

e os pais. “Teremos palestras em seis Escolas Estaduais e seis Escolas Municipais. Essas ações serão proferidas pelo pessoal do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), a equipe do Conselho Municipal Antidrogas (Comad) e o pessoal do Amor Exigente. Durante o dia vamos trabalhar com os alunos e a noite será feito uma roda de debates com os pais”conclui. O Conselho Municipal Sobre Drogas é responsável por fiscalizar se as ações empregadas no combate as drogas na cidade estão trazendo os resultados esperados. Francisco Araújo, presidente do conselho avalia de forma positiva a participação do órgão junto ao trabalho realizado no município. “O conselho esta bem junto com a secretaria antidrogas e nós podemos até dizer que aqui em Divinópolis temos o privilégio de trabalhar lado a lado. Pois, constantemente o secretário faz contato direto comigo e juntos fazemos um bom intercambio com a questão das drogas em Divinópolis” conta. Ainda de acordo com Araújo, a cidade está bem encaminhada

no que se refere aos programas de prevenção a tóxicos. “Estamos com muita coisa já em andamento para dar certo, dentre eles temos o programa ‘Crack é possível vencer’ que é uma iniciativa do governo federal, mas que o município já vai assinar a proposta e temos também programas estaduais. O Comad ajuda visitando as casas de tratamento, fazendo laudos para que esses locais possam receber auxílios, e recursos também do estado” afirma. O presidente do Comad ainda ressalta: “hoje a questão das drogas é crescente no país todo, isso não é só uma situação de Divinópolis. A oferta está grande e nós temos que trabalhar principalmente na fase da prevenção para que diminua essa questão” conclui Araújo. As ações do município para barrar o crescimento do número de usuários de drogas incluem capacitar a secretaria de Desenvolvimento Social (Semds), por meio do Centro de Referência em Assistência Social (Cras). PROGRAMAÇÃO Será realizado às 9h a palestra de prevenção para os alunos da E.

E Manoel Corrêa Filho. Ás 16h o encontro será com os alunos da Escola Odilon Santiago e da E. E Manoel Corrêa Filho. Ás 19h será a palestra sobre prevenção para familiares também nas escolas Odilon Santiago e Manoel Corrêa Filho. No dia 26/06, às 8h será realizada a palestra de Prevenção para os alunos da E.M. João Gontijo da Fonseca. Ás 16h será a palestra de Prevenção para os alunos da E.E. Nossa Senhora do Sagrado Coração. Ás 18h será a palestra sobre prevenção para familiares também na escola Nossa Senhora do Sagrado Coração. No dia 24/06, às 8h palestra de Prevenção para os alunos E.E. São Francisco de Paula. Às 15h30 Palestra de Prevenção para os alunos E.M. Sidney José de Oliveira. Ás 19h00 palestra sobre prevenção para familiares na escola E.E. São Francisco de Paula. E às 19h30 Palestra sobre prevenção para familiares também na Sidney José de Oliveira. Dia 25/06 às 8h palestra de Prevenção para os alunos E.E. Antônio da Costa Pereira. Ás 16h palestra de Prevenção para

“Teremos palestras em seis Escolas Estaduais e seis Escolas Municipais”conta Luiz Militão, secretário adjunto Antidrogas e de Direitos Humanos

os alunos E.M. João Severino de Azevedo. Ás 19h palestra sobre prevenção para familiares na escola E.E. Antônio da Costa Pereira. E às 19h30 Palestra sobre prevenção para familiares nas escolas E.M.João Severino de Azevedo e E.M João Gontijo da Fonseca. No dia 26/06 às 8h palestra de Prevenção para os alunos E.E. Antônio Gonçalves de Matos.

Manhã- Blitz Educativa (Panfletagem); Tarde – Blitz Educativa (Panfletagem). Já às 16h palestra de Prevenção para os alunos E.M. Antonieta Fonseca. Às 19h palestra sobre prevenção para familiares na escola E.M. Antonieta Fonseca e E.E Antônio Gonçalves de Matos. Ás 19h30 - Encerramento: Teatro Usina Gravatá, palestra de encerramento com evento cultural.

“IPTU da Prêmios”

Concede em segundo sorteio televisores para quem está em dia com prestações Luiz Felipe Enes

Luiz Felipe Enes

luiz.felipe@gazetaoeste.com.br

O programa “IPTU da Prêmios” reuniu na manhã de ontem, no gabinete do Prefeito Vladimir Azevedo, cinco ganhadores de uma TV 32 polegadas. Em solenidade ocorrida na manhã de ontem, na prefeitura municipal de Divinópolis, cinco cidadãos, contribuintes em dia com o IPTU ganharam televisores de 32 polegadas. Entre os beneficiados estão Erêotides Soares Filho, Gláecio Silvério Gomes de Camargos, João Paulo Alves da Silva, José Egídio Filho e Nayara Fátima Bueno. “Eu nunca ganhei um presente e acho que todos que contribuem em dia, podem somar resultados em melhorias para nossa cidade”. Declara com ar contente, o aposentado de 71 anos José Egídio Filho. Os premiados com essa etapa do “IPTU da Prêmios” participaram de uma total inovação criada

pela Prefeitura. Atualmente, o IPTU é um imposto obrigatório e todas as pessoas sabem da necessidade de sua arrecadação. É um instrumento totalmente voltado para o cidadão, e a partir disso a administração resolveu criar o benefício para quem faz a contribuição em dia. A contribuição em dia do imposto resulta não só em gerar arrecadações. Além de ser um ato de cidadania pode também ser considerado de sorte. O prefeito ainda comentou com os ganhadores, que através disso, poderão assistir aos jogos da Copa das Confederações e também aos atuais protestos pelo Brasil. “Vivemos em uma democracia e todos tem o direito de ir à luta, e disputarmos por melhorias” afirma Vladimir Azevedo. Conforme explicado pelo diretor de Arrecadação e Tributos, Fernando Ferreira da Silva, no ano de 2013 foi registrado grande avanço nos pagamentos à vista do IPTU. “Em relação aos

contribuintes que pagaram o imposto à vista no ano passado, nós tivemos um acréscimo de 17% em contraposição ao IPTU deste ano. Uma avaliação geral só será possível no final do exercício, mas nós já temos uma antecipação de receita da ordem de R$ 2,4 milhões. Portanto, neste primeiro momento, o programa é exitoso, tanto pela arrecadação quanto pela premiação dos contribuintes”, declara o diretor. Pretende-se também, em breve, criar a dedução do cupom fiscal, revertendo esse, em vantagens para a população, assim como foi realizado com o IPTU. A expectativa é que o projeto continue, e beneficie àqueles que contribuem em dia com o imposto. O próximo sorteio ocorre dia 27 de julho, quando se sorteará duas motos e 20 notebooks. O último sorteio, previsto para o dia 26 de outubro também beneficiará quem estiver em dia com o IPTU.

Cinco ganhadores dos televisores reunidos no gabinete do prefeito, recebendo o prêmio

A TV que faz a cobertura dos principais eventos da cidade para levar a notícia em primeira mão ao cidadão divinopolitano. Obrigado pela audiência.


08 CIDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Moradores denunciam falta de segurança devido ao mato alto a beira das linhas férreas Denunciantes de duas regiões reclamaram sobre o assunto. FCA é a responsável pela capina, mas espera a resolução do problema envolvendo a capina química, em Divinópolis

Daniel Michelini

Moradores do Belvedere II precisaram pagar um serviço terceirizado de capina para resolver o problema na região

Próximo ao pontilhão, mato alto toma conta da linha férrea Daniel michelini

daniel.resende@gazetaoeste.com.br

Antigos problemas na cidade continuam atormentando moradores de diversas regiões, sejam na área central ou dos bairros. Nos últimos meses, várias reclamações de residentes de bairros afastados, como Floresta e Costa Azul, chegaram até a equipe de reportagem da Gazeta, revoltados com situações de ruas, especialmente devido a buracos, mato alto e difícil locomoção, seja a pé ou carro. Além disso, em algumas dessas vias, não

passam ônibus coletivo, fazendo com que os moradores precisem enfrentar as ruas esburacadas para chegarem aos pontos. Contudo, a reclamação dessa vez não tem a ver com as ruas, e sim, com o desleixo de regiões próximas às linhas férreas. O mato alto, nesses lugares, favorece o aparecimento de animais peçonhentos, o que pode causar doenças. Mas, por incrível que pareça, esse vem sendo o menor dos problemas enfrentados pelos moradores. A grande preocupação é quanto à segurança. De acordo

com relatos de residentes da região, espaços tomados pelo mato alto vem sendo usados como pontos de tráfico, uso de drogas e prostituição. Além disso, há casas que já foram alvo de vandalismo. No bairro Belvedere II, a situação é classificada como crítica pelos moradores, especialmente na rua Francisco Sales Marques, onde diversas residências já foram danificadas por bandidos, tornando a situação no local bastante preocupante. Na linha férrea situada no fim da rua, aconteceu a capina, buscando amenizar

a situação. Entretanto, a ação foi bancada pelos moradores, que tiveram que pagar um serviço terceirizado para limpar o espaço, que é de propriedade e responsabilidade da FCA (Ferrovia Centro-Atlântica). No último sábado, a casa do morador Bernardo Resende foi, novamente, alvo dos bandidos. Segundo ele, isso vem acontecendo frequentemente, o que o levou a colocar diversos equipamentos de segurança em sua residência, incluindo cerca elétrica e câmeras. Outro local alvo de críticas

é a rua do Comércio, localizada próximo à ponte que dá acesos ao bairro Niterói. Segundo Maria Pia Amaral, moradora e representante da Rede de Vizinhos Protegidos do local, o próprio programa já fez vários pedidos e protestos contra a falta de compromisso da Ferrovia com a limpeza nas proximidades das linhas férreas. Assim, nas próximas reuniões da RVD, o assunto continuará a ser abordado, procurando uma rápida solução para o problema. A equipe de reportagem entrou em contato com a Ferrovia

Centro-Atlântica, em Belo Horizonte. De acordo com a assessoria de imprensa, a FCA recebeu alguns pedidos de melhorias vindas dos moradores da cidade quanto aos problemas. No entanto é preciso esperar a resolução do problema envolvendo a capina química, cuja lei sobre proibição ainda está em trâmite. A assessoria ficou de mandar uma nota oficial da empresa sobre o assunto. No entanto, até o fechamento dessa edição, não obtivemos resposta.


esporte 09

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Chico Maia

chicomaiabd@gmail.com

Ronaldinho diz que fica

Jefferson Bernardes/VIPCOMM

Hora de agradecer ao Ricardo Teixeira este bem ao Brasil Desiludido com a não concretização do que seria o ponto positivo da Copa do Mundo no Brasil (obras de infra-estrutura), andei escrevendo que só restava sonhar que o evento servisse ao menos como palanque de luxo para manifestações populares diante dos holofotes internacionais que estariam sobre o Brasil neste período. Pois não é que este “legado” está chegando bem antes do previsto!? Graças a Ricardo Teixeira, que foi o primeiro a cair, da poderosa cadeira chefe da CBF, em função da mídia sobre ele e suas tramóias. Só dá Brasil! Desde as primeiras horas de segunda-feira, “só dá Brasil”, nos principais jornais, rádios e TVs de onde tenho passado aqui na Europa. O melhor de tudo é que a imprensa europeia se aprofunda nos temas, convoca especialistas locais e estrangeiros a opinar sobre o país em questão e não deixa perguntas sem repostas. Inclusive os jornalistas enviados ao Brasil para a cobertura da Copa das Confederações. O comentarista político mineiro, Rudá Ricci, BandNews FM, ocupa meia página, da 7, do Libération, de ontem, dando a visão dele dos protestos. Privilégio para poucos brasileiros na história da nossa imprensa. Visão global Os repórteres estrangeiros enviados ao Brasil não ficam apenas no tema futebol e entram nas questões políticas e sociais. Como é o caso do Jéròme Toubul, do L’Equipe, da França, dos mais respeitados jornais exclusivos de esportes, do mundo. Da abertura da Copa das Confederações em Brasília, o correspondente do L’Equipe foi para Fortaleza, de onde escreveu na edição de ontem, dentre outras coisas: “o Brasil é a sexta economia no mundo, mas por apenas ‘um sétimo’ de euro no aumento dos preços das passagens em São Paulo, viu explodir manifestações em todo o país; vividas pela última vez há mais de 20 anos com a derrubada do presidente Fernando Collor, por corrupção”. Dá uma derrapada quando diz que o salário mínimo dos brasileiros é de 650 “euros”; conta que a repressão inicial aos protestos em São Paulo foi o estopim da revolta contra os gastos exagerados para a Copa e Olimpíadas, já que a população é carente de serviços básicos na educação, saúde e infra-estrutura; “aliados à corrupção e inflação galopantes”, diz. PM no L’Equipe Jèróme Touboul cita frases dos cartazes dos protestos: “Copa para quem?”; “para quê?”, e ilustra a reportagem com uma enorme foto (Marcelo Casa/AP) da PM de Brasília jogando gás lacrimogênio nos manifestantes. Sobre Belo Horizonte o enviado do L’Equipe escreveu que os jogadores do Thaití reclamaram que a segurança foi tão rígida que eles não puderam conversar com calma com a imprensa, pois não os deixaram permanecer o tempo suficiente na zona mista do Mineirão. Máscara no chão O analista do jornal Le Telegramme, Henry Lauret, diz que “caiu a máscara do milagroso Lula”, e disseca a política econômica do ex-presidente, que segundo ele, deixou uma bomba explodindo no colo da Dilma, a sua “delfin”. Neste mesmo jornal uma charge com Pelé, de terno, fazendo embaixadas tendo um cartola fumando um charuto atrás e o povo mais atrás, descendo do ônibus, dizendo, “e nós ferrados”. Chargista Nono, quase tão bom quanto o nosso Duke! Esperto A correspondente do Le Figaro no Rio, Lamia Qualalou, ouviu José Dirceu, figura que continua mandando no PT, ainda forte no governo, apesar de condenado pelo mensalão e ainda solto. Esperto, ele usou velhas e estratégicas palavras: “... o partido precisa dialogar com as novas forças sociais; ‘democratizar os meios de comunicação’, apostar na educação, na cultura ...” Quando fala em “democratizar” a comunicação ele quer exatamente o contrário, pois trata-se do maior defensor da aprovação de leis pelo Congresso que controlem o que a imprensa diz. Se dependesse dele não sairia nada sobre mensalão, julgamento, impunidade e essas coisas. Futebol e economia Trecho do que disse o analista econômico Henry Lauret: “Caiu a máscara do milagroso Lula. O Brasil vinha vivendo de investimentos estrangeiros, que com a crise externa, deixaram de ocorrer na intensidade de antes; a sua afilhada e sucessora na presidência, Dilma Roussef, passou a adotar medidas protecionistas; os investidores perderam a confiança no país e puseram o pé no freio; enquanto isso os gastos públicos só crescem...”

Nos últimos dias o nome do craque Ronaldinho Gaúcho começou a ser ventilado no Besiktas, da Turquia, que já teria inclusive acertado salários com o jogador. Diante das notícias sobre uma possível saída do Galo, o atleta usou as redes sociais para afirmar que não existe nenhum tipo de negociação para deixar o Atlético. Ele postou: “Queria avisar a massa atleticana que estou 100% focado no título da Libertadores. O meu foco está em realizar o sonho dessa torcida. Qualquer notícia é pura especulação. AQUI É GALOOOO !!! GALO DOIDO !!!”, postou Ronaldinho no Facebook. A informação oficial do Atlético é que não existe nenhum tipo de negociação envolvendo Ronaldinho ou qualquer outro jogador do elenco alvinegro. O jogador é dono dos direitos econômicos e tem contrato com o Galo até o final desta temporada. Assim como os demais atletas do Atlético, Ronaldinho está de folga e só volta aos trabalhos na próxima sexta-feira, quando o Galo inicia a preparação para o jogo do dia 3 de julho, contra os argentinos do Newell’s Old Boys, partida válida pela semifinal da

Concentrado com a Seleção para disputa da Copa das Confederações, Réver recebeu a notícia da suspensão e não enfrentará o Newell’s Old Boys nas semifinais da Taça Libertadores

Libertadores. Concentrado com a Seleção para disputa da Copa das Confederações, Réver recebeu uma péssima notícia nesta terça-feira. Pela expulsão no jogo de volta das quartas de final, contra o Tijuana, o zagueiro recebeu dois jogos de suspensão e não enfrentará o Newell’s Old Boys nas semifinais da Taça Libertadores.

Segundo Lásaro Cândido, chefe do departamento jurídico do clube, a defesa do Atlético-MG ajudou para que o camisa 4 não sofresse uma punição ainda maior “Não ficamos satisfeitos, mas temos que lembrar que a Conmebol acolheu nossa tese na defesa do atleta e decidiu dar dois jogos de suspensão para o Réver. Caiu de quatro para apenas dois”, afirmou.

Para este tipo de julgamento disciplinar, a Conmebol não possibilita a entrada de um recurso ou efeito suspensivo da pena. Assim, fica descartado uma mudança de panorama no caso. Na vaga de Réver, o técnico Cuca deve escalar Gilberto Silva. Rafael Marques corre por fora pela chance de jogar uma semifinal de Libertadores.

Com multidão contra 11, Brasil vence México e se aproxima da semifinal Empolgada por show da torcida no Hino Nacional, Seleção garante triunfo com atuação inspirada de Neymar, autor do primeiro gol e passe para Jô marcar o segundo Divulgação

De Neymar para José. De José para Fred. De Fred para Antônio. De Antônio para Oscar. De Oscar para João... O Brasil apelou. Burlou as regras. Usou mais de 50 mil pessoas para vencer apenas 11 mexicanos. Uma vitória garantida antes de a bola rolar, quando o povo ignorou o protocolo que só toca 50 segundos do hino nacional, e, na garganta, de peito aberto e orgulhoso, entoou palavra por palavra até o “Pátria amada, Brasil”. Um golaço inesquecível. A Seleção derrotou o México por 2 a 0 numa interação poucas vezes vista, principalmente na história recente. Uma manifestação. Por um ataque mais rápido, por uma defesa mais segura, por um time mais apaixonado. Uma manifestação de amor que en-

cantou e fez brilhar os olhos dos jogadores. O gol de Neymar, aos nove minutos, assim como o passeio do começo do jogo, foi embalado pela torcida. Ricos, pobres, turistas, cearenses, apaixonados ou os famosos “coxinhas”, termo

bem atual. Não importa. Eles apoiaram, tabelaram, deram o gás necessário a uma equipe que ainda comete falhas. No fim, ainda festejaram com o gol de Jô, aos 48 do segundo tempo, em nova jogada genial do camisa 10 da Seleção.

NÚMEROS DO JOGO: Posse de bola: Brasil 51% / México 49% Finalizações: Brasil 13 / México 8 Roubadas de bola: Brasil 14 / México 5 Passes errados: Brasil 25 / México 21 Faltas cometidas: Brasil 25 / México 15


10 esporte

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Palmeiras vence o Gol Brasil e está na semifinal da Imef Luciano Eurides

LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

O Palmeiras de Divinópolis, na categoria infantil está classificado para a semifinal do Campeonato do Instituto Mineiro de Escolas de Futebol (Imef ). O time se classificou em primeiro e deve fazer o jogo da semifinal em seus domínios, mas a entidade exige campo gramado e o clube deve definir o local desse jogo. Em uma partida de excelente qualidade o Gol Brasil foi logo para cima do Palmeiras e no primeiro lance do jogo poderia ter feito o gol. O Palmeiras respondeu com uma boa cobrança de falta, a bola chegou a tocar o poste do goleiro da capital mineira. O gol saiu aos

13 minutos, Diego fez boa jogada pela direita e tocou para Gabriel Pelé completar e classificar o Palmeiras para a próxima fase. O zagueiro Felipe é um importante atleta para a equipe, mesmo atuando na defesa ainda não recebeu sequer um cartão amarelo. “Foi difícil, apertado e foi bom o resultado. Até agora recebi apenas um cartão vermelho e nenhum amarelo, tento pegar somente a bola e não falar com o juiz”, garantiu. O jogador Talles foi perseguido pelos companheiros que atiram terra e água nele. “Me sujaram tudo por conta do meu aniversário e não consegui fugir e somos amigos, isso faz parte. O sol quente, campo ruim, foi

desgastante e mesmo assim conseguimos a vitória”, falou. O treinador Artur Silva destacou a equipe unida e o fator de decidir em casa. “No nosso campo sabemos jogar e o deles não, nos portamos bem, faltou um pouco colocar a bola no chão, mas decisão é assim, com muita vontade. Para o próximo jogo o Juninho volta, Lucas será deslocado para outra posição dentro do meio campo e André volta a ser atacante, podemos mudar isso nos treinos, esse time está em formação, não vivenciaram tantas decisões e a vontade de ganhar que vi, tenho certeza que eles tomaram gosto pela vitória”, disse. Para a próxima partida o treinador terá a volta de Juninho, ele

Palmeiras enfrentou uma verdadeira batalha para se classificar à semifinais da Imef na categoria infantil

acompanhou a partida e não conseguiu esconder a ansiedade. “Um

jogo importante, difícil e eu de fora assistindo se isso acontecer

de novo o coração não aguenta”, comentou.

Flamengo goleia o Vasco pelas quartas de final da Imef Luciano Eurides

LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

Flamengo venceu com toda facilidade a equipe do Vasco da Gama na categoria infantil

O Flamengo venceu por 9x0 o Vasco da Gama pelas quartas de final do Instituto Mineiro de Escolinhas de Futebol (Imef). O time Rubro Negro mandou no jogo. O Vasco da Gama entrou com dez atletas em campo e goleiro improvisado. O resultado elástico não era esperado nem pelo mais fanático torcedor o time da Estação velha. Com três minutos de jogo, bola enfiada para Bernardo abrir o marcador. Com seis minutos de jogo, Felipe Alexandre chutou forte e Cruzado, André dentro da pequena área completou para o gol. Aos 15, Lucas Gago invadiu a área pela direita e chutou forte para fazer 3x0.

No segundo tempo o Vasco da Gama até tentou uma reação, mas com cinco minutos de jogo, cruzamento da direita e Denildo subiu com estilo para fazer 4x0. Aos nove Bernardo invadiu a área pela esquerda e tocou para André Maluco fazer 5x0. Desse momento em diante os gols saíram em sequencia, Bernardo, Lucas Gago, André Maluco e Bernardo novamente para fechar o placar. O treinador Paulinho afirmou que a equipe jogou dentro do planejado e o placar realmente não era o esperado. “No jogo foi esse resultado e buscamos ele o tempo todo. O Vasco tem uma grande equipe, disputa uma competição importante e seja um reflexo desse trabalho, mas aproveitamos isso. O André Maluco é um atleta de muita força física, já atuou de ata-

cante, lateral e volante e precisava desse vigor físico, ele também é explosivo e comete muitas faltas, para o jogo dentro de casa não poderia ter ele recuado. Treinamos as finalizações e confio na movimentação e passes do time, cobrei os chutes e eles fizeram”, garantiu. O atleta Ruan, aniversariante do dia foi vítima de uma ação conjunta dos colegas e não se irritou e ainda teve tempo de comentar que o jogo foi mais fácil do que se esperava. “Meu aniversário e esta é a comemoração, esperava um time mais forte por parte do Vasco, mas teve bom, esse resultado nos motiva muito”, disse. André Maluco jogou, foi o centro avante da equipe e marcou três gols. Ele ainda não definiu qual a posição dele em campo. “Não tenho posição

definida, vou jogando onde encaixar melhor, daqui uns dias roupeiro ou treinador quem sabe. Jogo não estava difícil, três gols foi pouco, errei outros dois, podia ter feito cinco, não tem de elogiar, tem de cobrar e treinar mais”, falou ele que se fosse pedir a música seria Vida Loka (Racionais). Rafael, goleiro Rubro Negro não teve trabalho no jogo. “Eles não vieram para cima, tocamos a bola, envolvemos eles e marcamos nove gols. Não se pode é criar salto alto e não será sempre assim”, falou. O adversário do Flamengo saiu do Confronto Comercial e Liga Mineira. O Imef ainda não confirmou a partida, mas o pedido é de que a mesma seja realizada na tarde do sábado.

Amadeu Lacerda perde pontos e mando de campo LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

A confusão na partida entre Amadeu Lacerda e Lopes resultou na perda dos pontos do jogo, eliminação de dois atletas e ainda esta não poder jogar na comunidade por duas partidas. A decisão foi da coordenação Geral da Copa Rural de Futebol Divinópolis. De acordo com nota oficial emitida pela secretaria de Esportes e Juventude foram eliminados, ou seja, não mais poderão jogar a Copa Rural os atletas Sérgio Henrique Souza e Platini de Freitas Ferreira incursos no Artigo 23º do regulamento da competição, onde ainda de

acordo com a nota diz: “Art.23º - Agressão física praticada pelo atleta(s) contra dirigentes Árbitros, Auxiliares, adversários, representantes, coordenadores ou pessoas relacionadas á competição. Implicam na expulsão dos infratores ou infrator, que serão eliminados da competição e vetados suas participações na próxima edição em 2014”. Utilizando o relatório do árbitro houve invasão de campo ao término do primeiro período e ameaça de agressões a equipe de arbitragem por parte de torcedores da equipe local. Por medida de segurança conforme, segundo a nota oficial, é previsto no artigo 25º do regulamento. “Se o Árbitro

entender que não há segurança para dar continuidade ao jogo, o mesmo será imediatamente encerrado independentemente do tempo de jogo. A(s) equipes causadora(s) perderão os pontos (02). Havendo reincidência da equipe ela será eliminada da competição, e no entendimento da Coordenação da Copa poderá ser vetada a sua participação na próxima edição em 2014” e assim aplicada a punição onde a equipe Amadeu Lacerda perde os dois pontos em disputa na partida em favor da equipe dos Lopes e o mando de campo de dois jogos nas rodadas desta competição. A rodada do final de semana então está definida com os

seguintes jogos Branquinhos x Choro, em Branquinhos. Djalma Dutra x Costas, em Djalma Dutra. Cachoeirinha x Mata dos Coqueiros, em Cachoeirinha. Córrego Falso x Cacoco de Cima, em Córrego Falso. Inhame x Amadeu Lacerda, em local a definir e ser divulgado pela coordenação. Perobas x Campista, em Perobas. Folgam Quilombo e Lopes. AMADEU LACERDA O representante da equipe de Amadeu Lacerda procurou a reportagem da Gazeta do Oeste para esclarecer os fatos ocorridos na partida envolvendo os Lopes, segundo Benício após as expulsões o jogo teve continui-

dade e somente no intervalo da partida que houve a suspensão por parte da arbitragem, assim não concorda com o relatório de falta de segurança para a realização da partida. O espaço para a manifestação da equipe está aberto para a publicação da versão da equipe sobre os acontecimentos na segunda rodada da Copa Rural.

NOTA As partes do regulamento citadas nessa matéria foram informadas pela nota oficial da secretaria de Esportes de Divinópolis, o regulamento completo e até mesmo os critérios para desempate após fase de classificação ainda não foram fornecidos a este órgão de imprensa.


polícia 11

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Polícia Militar de Bom Despacho apreende quase três quilos de entorpecentes no bairro São Vicente Menor foi apreendido com mais de dois quilos de maconha, bem como crack e cocaína. Além de ter sido preso em flagrante por tráfico, o menor era foragido da justiça e estava escondido há cerca de 45 dias no local Divulgação PM

Erik Ullysses

erik.ullysses@gazetaoeste.com.br

A Polícia Militar recolheu grande quantidade de drogas em Bom Despacho durante a tarde de terça-feira (18). Além do confisco dos entorpecentes um menor infrator foi apreendido por portar os materiais e ser suspeito de tráfico dos mesmos. Segundo a PM, policiais militares receberam uma denúncia anônima por meio do Copom informando que em uma residência do bairro São Vicente estaria ocorrendo uma grande movimentação, possivelmente ligada ao tráfico de drogas. Além disso, foram repassadas in-

formações de que um foragido da justiça estaria escondido na casa. De posse das informações, policiais militares do Tático Móvel e do Gepmor se deslocaram para a referida residência, onde realizaram um cerco ao local. Na casa foi abordado um menor, já conhecido no meio policial, que tinha um mandado de apreensão em seu desfavor. Em continuação à ocorrência, os militares realizaram buscas domiciliar, sendo encontrado dois quilos e 344 gramas de maconha prensada, bem como 393 gramas de crack e 322 buchas de maconha. além dos entorpecentes também foram apreendidos no local uma

balança de precisão, um capacete, um computador e uma faca. A Polícia Militar disse que o local funcionava como um centro de distribuição para todo o bairro São Vicente. A droga chegaria ao lugar em maior quantidade e em seguida ela era fracionada e repassada para os traficantes para serem revendidas. O menor relatou aos militares que estava escondido na residência há 45 dias. Diante dos fatos, ele foi apreendido e encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil, onde foi autuado. Os entorpecentes recolhidos também foram levados para a Delegacia.

Drogas foram encontradas em uma residência no bairro São Vicente durante a noite de terça-feira. A suspeita é que o local funcionava como um centro de distribuição de entorpecentes no bairro

Acidente na BR-262 em Nova Serrana deixa dois feridos

Ônibus escolar bate em carreta em Oliveira

Acidente ocorreu no final da tarde de terça-feira (18) e envolveu um veículo Gol e um Cross Fox. O condutor e a passageira do Cross Fox tiveram ferimentos leves

Um ônibus escolar colidiu contra a traseira de uma carreta na manhã de ontem em Oliveira. Testemunhas relataram que a carreta estava estacionada no acostamento da avenida Miguel Resende no momento da colisão. Quando o acidente ocorreu não haviam crianças no veículo. Com o impacto da batida o para-brisa do ônibus acabou sendo arrancado e vários estilhaços de vidro ficaram espalhados pela pista. O condutor do veículo acabou sofrendo algumas escoriações e foi encaminhado para o Pronto Atendimento Municipal (PAM) e foi liberado após ser atendido. (E.U.)

O Popular/Nova Serrana

Acidente ocorreu no final da tarde de terça-feira (18) na BR-262 em Nova Serrana. Duas pessoas ficaram feridas na colisão entre um Gol e um Cross Fox

Um acidente envolvendo dois carros foi registrado durante o final da tarde de terça-feira (18) na BR-262, em Nova Serrana. A colisão entre dois carros, um Gol e um Cross Fox, ambos com placas de Nova Serrana, deixou duas pessoas com ferimentos leves. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu por volta de 17 horas. Segundo as informações, o

veículo Gol seguia com sentido a Bom Despacho, quando colidiu contra a traseira do Cross Fox. Como o motorista e a passageira do Gol não utilizavam o cinto de segurança, eles foram arremessados para frente e tiveram ferimentos leves, sendo socorridos por uma Unidade do Corpo de Bombeiros e levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Os ocupantes do Cross Fox

não tiveram ferimentos. O condutor do Cross fox passou pelo teste do bafômetro para conferir o teor de álcool em seu sangue, e logo em seguida foi liberado. Segundo a Polícia Federal, a área de dez quilômetros da BR-262 que passa em Nova Serrana é a que registra o maior número de acidentes na região, que se estende de Pará de minas até Bambuí. (E.U.)

Acidente ocorreu na manhã de ontem (19). Carreta estava estacionada no acostamento e o ônibus colidiu contra o veículo Sérgio Henrique/Jornal UAI

Ônibus escolar colidiu com a traseira da carreta que estava estacionada na avenida Miguel Resende, em Oliveira

Armas de fogo são apreendidas em Nova Serrana durante ação da PM Revólver e espingarda foram apreendidas no bairro Romeu Duarte durante a segunda-feira (17). No local também foram recolhidas 30 buchas de maconha Duas armas de fogo foram apreendidas pela Polícia Militar em Nova Serrana durante a segunda-feira (17) no bairro Romeu Duarte. A apreensão que ocorreu durante a tarde terminou ainda com o recolhimento de várias buchas de maconha. Segundo a PM, haviam sido registrados vários disparos de arma de fogo no bairro Romeu Duarte no decorrer de domingo (16) contra um dos autores que foram presos. Os disparos teriam sido motivados por disputas do tráfico de drogas. Mesmo tendo

sido vítima dos disparos, o mesmo negou ter envolvimento com o caso e não quis delatar os rivais. Na residência do autor foi localizada as duas armas de fogo, sendo um revólver calibre 32 e uma espingarda de cano serrado, do tipo escopeta de calibre 20, com quatro munições. Em continuidade à ocorrência, foi feita uma varredura em um lote próximo da residência, onde foram encontradas cerca de 30 buchas de maconha prontas para o comércio. (E.U.)

Divulgação PM

Duas armas de fogo foram apreendidas durante a segundafeira (17) no bairro Romeu Duarte, em Nova Serrana


12 geral

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13


R$4,40. Vale o investimento? Reportagem percorre toda a MG-050, observando os problemas ao longo da via

O aumento de R$ 0,30 no preço do Pedágio para carros de passeio é contestado pelos usuários da Rodovia, que ainda não viram o recurso transformar-se em benefícios

Mesmo com obras de pintura e recapeamento sendo executadas na rodovia, atualmente não há construção de passarelas, apesar de existir apenas duas ao longo dos 344,4 km de concessão

Pedágio caro, estrada perigosa e curva da morte. Adjetivos e locais fáceis de serem compreendidos por quem trafega pela MG-050, que tem início na cidade de Betim, e se prolonga até próximo à divisa com o estado de São Paulo, na cidade mineira de São Sebastião do Paraíso, 372 quilômetros após o “marco zero” da pista, segundo o Governo de Minas. A concessionária Nascentes das Gerais, responsável pelas obras de melhoria e manutenção de quase todo o trecho, é uma empresa da holding AB CONCESSÕES S/A e, pelo contrato assinado junto ao Governo do Estado e o DER/MG,, administrará a rodovia por 25 anos. É a primeira Parceria Público-Privada de Sistema Rodoviário do Brasil Segundo o site da concessionária, o trecho da rodovia objeto de concessão fica entre os quilômetros 57,6 e 402, contemplando exatos 344,4 km. E este foi o desafio proposto e encarado pela reportagem: rodar os 688,8 quilômetros “pedagiados” da MG-050, num único dia, para trazer aos leitores o que de fato vem mudando após a cobrança feita aos usuários. Em diversas partes da rodovia, podemos perceber, ainda, algumas falhas na pista, como trechos sem acabamento e pequenos espaços sem acostamentos. Motoristas e pedestres

sua maioria acompanhados por um posto da Polícia Rodoviária Estadual.

creditam isso a não duplicação da pista, o que diminuiria, de acordo com eles, o número de acidentes na MG-050. Dessa maneira, algumas pessoas estão relutando em passar pela rodovia, especialmente quando saem de cidades próximas à Divinópolis e vão para Belo Horizonte. Um caminho alternativo para a rota é passar por dentro da cidade de São Gonçalo do Pará, até chegar à BR-262. Apesar de o percurso ser mais longo, o tempo gasto pode ser o mesmo, devido ao baixo fluxo. Ao longo da MG-050 estão sendo feitas diversas obras para que a situação melhore, tanto de terceira faixa, como de recapeamento de pista. Entretanto, apesar do iminente perigo em alguns trechos, diversos comerciantes tiram seu sustento de produtos vendidos na beira da rodovia, como no início do local onde começa a concessão da empresa Nascentes das Gerais, no município de Juatuba. O vendedor Jackson Moreira comercializa seus produtos artesanais aos sábados na calçada que divide as faixas da pista em Juatuba. Segundo ele, as vendas possuem um número considerado satisfatório, pois há muitos pedestres que cruzam a rodovia todos os dias. Porém, esse é um dos problemas apontados pelo comerciante. Apesar de não ter presenciado nenhum acidente

grave, ele cobra a instalação de uma passarela no local. “Não podem esperar o pior acontecer para tomar uma medida”, disse Jackson, batendo duas colheres artesanais uma à outra enquanto falava sobre o tráfego no trecho. “As pessoas têm que atravessar correndo”, disse. O vendedor se mostra a favor da duplicação da pista, devido ao grande fluxo de veículos, tendo em vista que o trecho serve como ligação à BR-262, cuja rodovia já é duplicada. No local, Jackson cobra também uma melhor sinalização: “Precisa de um semáforo. Já vi pequenos atropelamentos, mas poderia ter sido mais grave”. A preocupação do comerciante é válida. Ao todo, no percurso de 344,4 quilômetros de concessão, existem apenas duas passarelas: uma em Juatuba e outra Divinópolis. Além delas, há uma passagem subterrânea também em Divinópolis, ligando a rua Pitangui à rua Mar e Terra, no bairro Candelária. Em diversos trechos, o motorista é obrigado a parar para que os outros carros da faixa contrária possam seguir viagem. Isto é uma das consequências de algumas obras que estão sendo feitas ao longo da MG-050, obrigando a idealização do tradicional “Pare e Siga”. Próximo à Itaúna, por exemplo, existem obras de recuperação de ponte, pintura de faixas, recapeamento de pista e terceira faixa. Futuramente, o trecho deverá ser desviado, pelo fato de haver a obra de duplicação, iniciada no perímetro urbano de Divinópolis, com a duplicação da ponte próxima ao Clube dos Servidores Municipais. Um fato importante e favorável a ser levado em conta é o grande número de guaritas de atendimento da concessionária Nascentes das Gerais ao longo do trecho em que é responsável. Ao todo, são seis postos de atendimento da empresa, em

O Lado B da duplicação O projeto de duplicação da MG-050 é antigo. Há muito tempo fala-se da ideia de promover melhorias em diversos trechos da via. Com o tempo, as obras começaram a aparecer e o que era apenas um sonho para motoristas viajantes está se tornando realidade. Pelo menos para quem utiliza o espaço entre Divinópolis e Itaúna. A ordem de serviço já foi assinada e os trabalhos já começaram. No entanto, nem todos estão seguros dos benefícios que a duplicação da pista supostamente trará. No trecho que pertence à Carmo do Cajuru, próximo ao restaurante Campeiro, alguns comerciantes se mostram preocupados com a situação. É o caso de José Sebastião Lopes Silva, trabalhador no local há 30 anos, juntamente com seu pai. Eles vendem produtos alimentícios, como frutas e pimentas, mas temem alguma espécie de “desapropriação” no momento em que as obras começarem naquele lugar. José enfatiza que os comerciantes de beira de estrada trabalham também como ajudantes para a Nascentes das Gerais, pois dão informações aos motoristas que param no local. “Alguns não sabem chegar ao lugar que querem e nos perguntam”, afirmou. Na pequena cabana onde trabalham, José Sebastião e seu pai montaram uma área de descanso, com cadeiras e rádios, para que os motoristas possam sair do carro e se sentir à vontade. “As pessoas gostam muito de parar aqui”, contou. No entanto, a preocupação com o futuro do trabalho é grande. Em caso de duplicação, a pista supostamente passaria pelo lugar onde está localizada a cabana.

Porém, de acordo com José Sebastião, o prefeito de Carmo do Cajuru, José Clarete Pimenta, já se mostrou solidário aos trabalhadores e prometeu todo o tipo de ajuda necessária em caso de algum imprevisto: “O pessoal da Nascentes já nos deixou cientes da situação também”, garantiu o comerciante. Eles são a favor de melhoria na pista, desde que sejam boas para todos. “Não adianta duplicar e tirar o trabalho de muita gente”, disparou José Sebastião, apontando algumas falhas na terceira faixa localizada próximo ao seu comércio: “Quase todas as estradas do Brasil são duplicadas e há trabalhadores nelas. Aqui também tem que ter”. Em relação à segurança, o vendedor brinca e diz que o local aparenta ser abençoado. “Em 30 anos, nunca vi nenhum tipo de acidente nesse trecho”, garantiu Sebastião. Ele disse que o trecho próximo e mais perigoso para ele é o trevo de São José dos Salgados. Foi feito sem nenhuma ordem. É uma bagunça”, opinou. O caminhoneiro Moisés Silveira, natural de Paulínia, interior de São Paulo, também se mostra favorável às melhorias na pista, mas diz que apenas a duplicação não adiantará. “Tem muitos trechos ruins e mal acabados. Precisam melhorar as atuais condições para, depois, construir mais”, disse.

os problemas nela contidos, além de procurar solucioná-los, apresentando o balanço à população. A concessionária responsável pela rodovia acompanhou os políticos. De posse da concessão desde junho de 2007, a Nascentes das Gerais já investiu R$ 434 milhões ao longo da via. O pedágio, que antes era R$4,10, foi reajustado nesse mês para R$4,40. Ou seja, o motorista que quiser seguir o mesmo caminho dos políticos, ida e volta, terá que desembolsar R$51,60, sem contabilizar os gastos com a gasolina. A deputada estadual Luzia Ferreira contou que a caravana feita pelos políticos parou em nove municípios ao longo da rodovia para ouvir as reivindicações das lideranças locais, como prefeito e vereadores. “Cada uma delas tem uma demanda diferente. Em Divinópolis, por exemplo, é a duplicação até o trecho de Mateus Leme, obra já garantida pelo governador. Esperamos iniciá-la até o início de 2014”, revelou. A reclamação colhida junto ao comerciante Jackson, em Juatuba, é mais uma das diversas recebidas pela comissão. “Muitas cidades possuem problemas de passarelas e trevos para entrada e saída. O secretário de obras do Estado, deputado Carlos Melles, se comprometeu a resolver cada reivindicação”, finalizou Luzia Ferreira.

Resolução Recentemente, os deputados estaduais Ivair Nogueira, Anselmo José Domingos, Antônio Carlos Arantes, Neider Moreira, Dilzon Mello, Fabiano Tolentino e Luzia Ferreira, além de representantes do Departamento de Estradas e Rodagem (DER/MG) e da Secretaria Estadual de Transportes e Obras Públicas de Minas Gerais (Setop-MG), fizeram uma expedição onde percorreram toda a rodovia, buscando apontar

Reportagem produzida pelos alunos do curso de Jornalismo da Faculdade Pitágoras Divinópolis/MG: Daniel Michelini, Nayara Lopes e Sílvio de Freitas Júnior (3º período) Fotos: Daniel Michelini Edição e Supervisão: Prof. Ricardo Nogueira (MG 11.295 JP)


02 Variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Marco Aurélio Braga braga.marco@gmail.com

Dúvidas

Velho Mundo

Não convidem para a mesma mesa, o empresário Luis Cláudio Martins (Bezerro) e o jornalista Juca Mariano. Segundo fontes, os dois sócios da Festa da Cerveja, se conflitaram depois da prestação de contas da última edição da Festa da Cerveja. Juca Mariano já teria até contratado um advogado e um administrador de empresa e, segundo a mesma fonte, poderá acionar a justiça requerendo a Prestação de Conta das últimas cinco festas ocorridas nos anos de 2013, 2012, 2011, 2010 e 2009. O jornalista já recebeu oferta para vender sua parte na Festa da Cerveja e está analisando a proposta.

Salete Michelini, que mora há vários anos na Europa, prepara a casa para receber o filho João Paulo e a nora Camila D’Alessandro. Os noivos seguem para a Alemanha no próximo mês, onde passarão vários dias conferindo as maravilhas do Velho Mundo, no roteiro, além da Alemanha, serão visitadas a França, Luxemburgo, Bélgica, entre outras.

Vinhos

João Paulo e Camila rumo a Europa

Recebemos o convite para, no próximo dia 27, o Hotel Max Savassi, em Belo Horizonte, participar de uma degustação de Vinhos do Tejo. Ao todo, rótulos de 14 produtores da região serão apresentados a distribuidores, donos de lojas, proprietários de restaurantes, sommeliers, chefs de cozinha, enófilos, formadores de opinião e jornalistas da capital mineira. A degustação será das 16h às 20h para convidados. Entre 17h e 18h, haverá seminário e degustação comentada por Márcio Oliveira - editor do blog Vinoticias, orientador de confrarias de vinho, professor de Gastronomia, Vinhos e Harmonização, master em Vin de Provence, consultor para montagem de Cartas de Vinho para restaurantes, importadoras e caves, diretor e professor na seccional mineira da Associação Brasileira de Sommeliers (ABS-MG).

Status A Agência Status foi a vencedora do concurso organizado por Clícia Machado e Luiza Oliveira, professoras do cursos de Comunicação Social da Faculdade Pitágoras, e que fez parte de um trabalho interdisciplinar para as turmas do sétimo período de Jornalismo e de Publicidade, englobando as disciplinas Comunicação Integrada e Agência Experimental, respectivamente. A campeã irá desenvolver projetos para a marca de moda divinopolitana Território Nacional para a divulgação, assessoria de imprensa e ações para captação de novos clientes da marca no evento “Minas veste Minas, Minas veste Brasil”, projeto da secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais que objetiva o aumento da visibilidade do polo de moda de Divinópolis no mercado mineiro e nacional.

Livros

Os baixistas Victor Wooten e Vagner Faria

DVD

Robervan Faria e Juliana Maia na Divinaexpo

O Centro Cultural da UFSJ lança, nesta quinta-feira (20), os livros Perfume dos Laranjais, volumes 1 e 2, da escritora Sada Ali. O romance conta um dos mais tristes períodos da história do Brasil: a ditadura militar. Em meio a esse contexto, aparece com força o idealismo das jovens Vitória e Camila e do jornalista Justo. Neste romance, que se passa em fazendas mineiras, inclusive em São João del-Rei, o alento do amor concede uma trégua à violência e à crueldade dos anos de chumbo. No segundo volume, tem destaque a história de amor e preconceito vivida por Davi e Olga. Mais informações sobre a escritora e as obras: www. sadaali.com.br

Vlamir Cordeiro, Luiz Eduardo Notini, Edinho Cordeiro, Reverton Pereira, Públio Mourão e Lino Quadros

Esta semana foi divulgada a data e o local onde será realizado o show da Banda Lex Luthor e que irá marcar os 20 anos no mercado com a gravação de um DVD. Sávio Fernatti optou em presentear a cidade pelos seus 101 anos e escolheu fazer a apresentação na rua Pitangui, no dia 17 de julho, ás 19 horas, com entrada franca. As duas décadas de sucesso da banda serão comemorados em grande estilo e contará com a participação de ex integrantes, que fizeram a história do Lex Luthor. A produção do DVD guarda grandes números: só para o figurino foram feitos cerca de 1.000 peças e acessórios. O Lex Luthor foi fundado em 1993 pelo empresário, Sávio Fernatti, e hoje arrasta milhares de fãs Brasil afora.

Dormir bem muda o seu dia inteiro. Conheça a linha de colchões Lider na loja e no liderinteriores.com.br.

MG | Divinópolis - Rua Goiás, 219 | Centro - (37) 3221-9466 | SP | RJ | ES | DF | BA

l iderinterioresper fil

@LiderI nteriores


Variedades 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Aeroporto Esta semana, o vice-governador Alberto Pinto Coelho anunciou que “serão investidos R$ 369 milhões em 23 aeroportos localizados no estado. O acesso da população ao transporte aéreo vem crescendo substantivamente no país. Especificamente em Governador Valadares, o aeroporto já teve melhorias significativas e tem agora a garantia das obras que faltam para colocá-lo à altura do desenvolvimento não somente da cidade, mas de toda a região”. Tomara que o nosso aeroporto Brigadeiro Cabral esteja nesta lista.

A partir de agora Divinópolis vai dormir melhor! Aniversário Os 10 anos de Maria Elvira serão comemorados neste sábado (20), com uma super festa arquitetada por sua mãe, a advogada Adriana Ferreira, do Escritório Ferreira Advocacia. O evento será no sítio “Sossego da Hélia” e a aniversariante, como fez todos os anos, solicitou como presente doações para instituições que serão também indicadas por seus convidados.

Semana imperdível de descontos. No Rio

Boa causa O Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculo Vila de Nazaré inaugurou sua sede própria na última sexta-feira (14) com uma Missa em Ação de Graças, seguida de solenidade com a presença de autoridades locais. O vice-prefeito Rodrigo Resende anunciou no evento o retorno do convênio entre o Centro de Convivência e a Prefeitura Municipal, que estava suspenso e que garantirá mais recursos para investir no atendimento e assistência às crianças.

O jornal carioca Extra publicou em sua edição desta segunda-feira (17) matéria sobre a Ricardo Eletro onde relata: “A 3ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa do Consumidor e do Contribuinte conseguiu uma liminar na Justiça que obriga a empresa Ricardo Eletro Divinópolis S/A a regularizar a entrega de produtos comprados em suas lojas, em até dez dias, sob pena de multa de R$ 10 mil para cada descumprimento registrado. A decisão favorável ao Ministério Público é da 5ª Vara Empresarial da Capital.A ação se baseou em inquérito civil, que verificou a ocorrência de milhares de reclamações contra a empresa por atraso na entrega de produtos, o que fere o Código de Defesa do Consumidor. Na ação, o promotor requer a condenação da ré à reparação dos danos materiais e morais causados de forma individual em decorrência de prática abusiva. O processo também pede o pagamento de indenização por danos morais coletivos, no valor mínimo de R$ 1 milhão”.

Financiamos em até 60 vezes pelo MÓVEIS CARD da Caixa Av. Antônio Olímpio de Morais, n°747 Centro - Divinópolis Telefone: (37) 3071-3236


04 Variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Horóscopo

Novelas Flor do caribe Globo - 18h Alberto alerta o avô de que ele está sen-

Jogue suas energias no trabalho e veja como seu humor melhora a olhos vistos. Hoje é um dia de conquistas importantes. Reforma ou mudanças de residência virão a calhar.

do acusado de roubo de obras de arte. Isabel avisa a Dionísio que confiscará

Você vai estar com uma consciência mais crítica acerca das coisas que estão em sua vida. Nada vai cair do céu, mas tudo o que fizer será devidamente recompensado.

obriga Amaralina a ir para a escola. Isabel

O dia pode ser muito produtivo, principalmente para quem trabalha em casa, por conta própria ou como profissional liberal. Conhecimentos ou experiências anteriores podem ser muito úteis agora.

das fotos foram descontextualizados para

escondido da casa.

prejudicar Helena. Olívia chama Renê para

Sangue bom Globo - 19h leva Nestor, Odila e Giane até o hospital. Bento conversa com Malu. Tio Lili e Vanessa contam aos policiais o que viram

embora. Valéria está no banheiro e escuta Suzana falando sozinha. A megera diz que não gosta de Helena e que se ela quer ficar com Renê, também ficará sem o emprego. Suzana vê Valéria e tenta coibir a menina a não dizer nada o que ouviu. Olívia ouve as explicações de Renê e diz que ele pode estar dizendo a verdade, mas os pais não

com Charlene. Bárbara convence Natan

irão compreender. Suzana rasga o diário

a enganar Maurício. Dorothy, Kevin e

de classe de Helena na frente de Valéria

Luz aceitam manter segredo sobre o

e diz que irá incriminá-la e assim acabar com ela e Helena de uma só vez. Olívia demite Renê.

e o denuncia. Verônica vê Érico chegar

dona xepa Record - 22h15

ao hospital e vai embora. Tito consegue

Júlio César revela que está doente e pede

-la. Lara marca de se encontrar com Tito

Vitinho convide Filipinho para atuar no

o apoio de Meg, que se comove. Édison conta a Xepa que Rosália destruiu a família de Marcos, deixando sua irmã furiosa.

seriado que ele vai dirigir. Tina vê Luz e

Pérola ameaça demitir François e exige

Xande se beijando. Irene ouve Fabinho

os exames de Júlio César. O jovem pede

mentir para Mel. Tito liga para Sheila.

a Chiara os detalhes sobre a companhia

Amora o postal de Simone. Irene fala por telefone com Fabinho.

que instalou as câmeras de segurança. Rosália acusa Yasmin de mentirosa, irritando Édison. O jovem decide tirar satisfações com a namorada, que revela a verdade e o casal termina o namoro.

Amor à VIDA

Dafne conta a Graxinha que vai ser a nova

Globo - 21h

se aproximar da mãe, que a repreende,

Bruno sai do CTI arrasado. Félix se revolta loma. Amarilys conta que perdeu todas as

estrela da “Sabor e Luxo”. Rosália tenta e a jovem finge tristeza pela briga com o irmão. François promete a Lis manter Rosália afastada de Vitor Hugo e Isabela. Geni é a mediadora do debate entre

suas economias e Eron a observa. Carlito

Dorivaldo, Ângelo, Matilda e Teresinha.

avisa a Valdirene para tomar cuidado com

Os candidatos tentam defender suas

os homens do baile funk. Aline menos-

ideias para a Vila, mas acabam discutindo,

Patrícia não consegue ficar com Adoni-

Você saberá estreitar os seus vínculos de trabalho, amizade e afeto. Tenderá a buscar o sentido mais profundo de todos os acontecimentos e situações. É uma fase promissora às mudanças. Sua vida amorosa conta com ótimas vibrações neste dia.

Helena e diz que acha que será mandado

do acidente. Wilson pensa em se casar

preza Pilar para César. Valdirene é presa. Você pode exercer a sua autoridade ou liderança de forma discreta. Alguém que faz parte do seu cotidiano pode se revelar uma pessoa muito especial.

conversar na sala. As crianças tentam consolar Helena. O professor passa na sala de

com o resultado do exame de DNA de PaOs amigos podem desempenhar um papel importante na concretização de seus objetivos. Plutão em seu signo enfatiza o seu domínio e a capacidade de influenciar as pessoas com as quais convive.

Carrossel SBT - 20h30

da mansão que leva para outro cômodo

Natan procura Maurício. Bento entrega a

Há boas chances de melhorar os seus rendimentos, só não vale abrir mão da sua privacidade. Um certo mistério pode envolver a sua vida amorosa.

normalmente na sexta-feira.

Graça chegam à conclusão que o texto

fugir dos policiais. Brenda sugere que

Não tenha medo de revelar o que pensa e sabe, pois tudo indica que você saberá convencer as pessoas que fazem parte do seu cotidiano. Na vida a dois, o clima é dos mais felizes.

Confederações. A novela volta ao ar

mostra para Ester a chave do elevador

manda Xande levar Filipinho para visitá-

Alguém da família precisar da sua ajuda financeira, mas a recíproca pode ser verdadeira. Não tenha receio em aceitar a generosidade das pessoas que fazem parte da sua intimidade.

quinta, devido à transmissão da Copa das

Helena dá aula preocupada. Firmino e

envolvimento de Amora e Bento. Bárbara Bom dia para expressar o seu lado mais criativo. A chave do sucesso está em se fazer o que gosta, por isso agarre o momento de se dedicar a uma atividade com a qual se identifica.

Não haverá exibição de Malhação nesta

Mantovani é apenas profissional. Samuca

Tito foge pelas ruas de São Paulo. Érico Ótimo dia para coligações, acordos e alianças. O seu progresso vai estar na dependência das associações que fizer. Some forças com quem comunga dos mesmos interesses.

Divulgação

seus quadros para averiguação. Duque comunica a Taís que sua relação com

Bom dia para ampliar a sua área de atuação profissional. Este é o momento de fazer contato com pessoas que estão distantes. Bom astral no romance. Hoje, você saberá como convencer ou seduzir quem ama.

malhação Globo - 17h30

Lista traz 20 celebridades que não eram populares na escola

ram. Félix revela a Edith que sumiu com

enquanto são avaliados como possíveis presidentes para a associação de moradores. Dafne diz que não poderá trabalhar para Robério, que mesmo decepcionado

o bebê de Paloma quando nasceu. Ninho

mostra o folheto do“Relax do Escovão”. Os

convence Ciça a deixá-lo ver Paloma. Félix

dois acabam trocando um beijo caloroso.

estranha quando César chega tarde em

A periguete se afasta e relembra o estra-

casa. Tamara induz o genro a pensar em como se livrar de Paulinha.. Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora, estando sujeitos a eventuais alterações.

nho telefonema do amigo. Rosália finge preocupação ao saber que Isabela passou mal e deixa Vitor Hugo desconfortável. Dafne procura consolo com Gisele, que questiona se Miro é seu pai.

Megan Fox

Steven Spielberg

Hoje em dia, eles são algumas das pessoas mais populares do planeta. Não faltam convites para festas e baladas e os fãs esperam horas espremidos contra alambrados e se-

guranças só para tirar uma foto. Porém, nos tempos de colégio, alguns atores que atualmente atraem olhares por onde passam, estavam longe de ser o centro das atenções.

Entre as celebridades estão Cameron Diaz, Demi Lovato, Jessica Alba, Kristen Stewart, Lady Gaga, Megan Fox, Selena Gomez, Steven Spielberg, Taylor Swift, Zac Efron

Cleo Pires é recebida com beijão por Rômulo Arantes Neto em aeroporto, após viagem internacional Depois de 20 dias viajando por países da Europa e da África, Cleo Pires foi recebida assim, pelo namoradão Rômulo Arantes Neto. Quanto amor! O ator não aguentou de saudade e acordou bem cedo para ir buscar a amada no aeroporto Tom Jobim, no Rio, nesta quarta-feira. Cleo Pires é recebida com beijão de Rômulo Arantes Neto em aeroporto, após viagem internacional Foto: Xande Nolasco Assim que avistou Cleo, Rômulo não se conteve de felicidade e

Divulgação

tratou logo de tascar um beijão (que durou cerca de cinco minutos!) na namorada. Todos que estavam no aeroporto pararam para ver como o

amor do casal é lindo. E de suspirar, não? Depois dos beijos calientes, o casal deixou o aeroporto agarradinho, pronto para matar a saudade...

Juarez de Fausto Prestupa

ciencia.estelar@gmail.com

Os movimentos sociais e o esoterismo Ao ler o título deste artigo a pessoa pode logo se perguntar: “Mas, o que o esoterismo tem a ver com os movimentos sociais?” Tudo! Absolutamente tudo. Em diversos artigos já afirmamos anteriormente que o verdadeiro esoterismo não está nos livros, dentro de templos ou escolas, mas sim na vida cotidiana de todos nós. Esoterismo é vivência, sentimentos, compreensão. A despeito do ceticismo de grande parte da população o fato é que estamos vivendo um momento de profundas mudanças de antigos paradigmas, hábitos, costumes, práticas que não eram antes questionadas. Trata-se de um processo evolutivo que acontece com as massas e reflete a mudança de consciência geral. Para muitos os tempos atuais estão piores, mas na verdade os problemas sempre existiram, a diferença é que agora são divulgados, conhecidos e ocorrem em uma escala maior visto o aumento da população e da economia. Sempre existiram favorecimentos, ganância, mortes, violência, pedofilia, etc. Temos o privilégio de sermos testemunhas históricas de uma grande mudança da humanidade. Esta mudança surge de dentro de todos nós na forma de uma grande, profunda e inevitável insatisfação. Mas, esta insatisfação não aparece com um motivo claro, evidente, um foco específico. Então as pessoas começam a “procurar culpados” em todos os lugares, que possam ser responsabilidades por seu sentimento de infelicidade, de insatisfação e de frustração. Os primeiros “escolhidos” são os familiares. Depois a insatisfação tende a atingir o universo profissional e os chefes em geral, pois se entende que eles deveriam resolver todas as questões. Chega um momento em que se questionam os líderes políticos em geral. Na verdade a insatisfação e a frustração afeta a todos nós, desde o mais simples popular até o mais elevado dos cidadãos de uma nação. É importante observar que os movimentos sociais ocorrem no âmbito municipal, estadual, nacional e também internacional. Este é o momento que toda a humanidade passa, capa povo vivencia a seu modo, elege as questões que julga ser a fonte da insatisfação, mas trata-se de uma questão antropológica, que talvez transcenda a questão sociológica. O tempo do patriarcado está no fim, já não é mais tempo para gurus e santos místicos que dizem o que devemos fazer.

Já não é mais tempo dos salvadores da pátria e dos heróis. Não haverá mais um líder para conduzir a massa rumo à terra prometida, à felicidade e à paz. Isso fica claro quando se procura um líder dos movimentos sociais e existe uma grande dificuldade ou mesmo impossibilidade de encontrá-lo. A grande liderança desta nova era é a consciência, a verdade, a justiça. Mas, muito além da verdade ou justiça social, esta liderança que surge diz respeito à verdade interior, ao conceito pessoal de justiça e correção aos quais cada um de nós deve abrir espaço. São as pessoas, na intimidade de suas vidas particulares, que devem mudar hábitos e valores. Aonde esta insatisfação chegará? Bem, a sabedoria esotérica nos assinala que o objetivo desta insatisfação é o próprio indivíduo. Ele deve parar de projetar para fora de si a responsabilidade de suas insatisfações, parar de exigir uma atenção especial como uma criança. Quando exigimos da família direitos, atenção especial e flexibilidade nas responsabilidades estamos agindo com imaturidade. Quando temos este tipo de comportamento na sociedade indiretamente estamos exigindo privilégios especiais e um comportamento patriarcal dos governos. Ora, nenhum governo deve privilegiar quem quer que seja, todos devem ser iguais, ter seus direitos e também deveres e todos devem contribuir para o bem geral, ninguém pode se escusar disso. A reforma que a humanidade precisa e que ocorrerá de uma forma ou outra é a reforma pessoal e interna, de valores, princípios, prioridades, conceitos e práticas. Devemos nos abrir para a maturidade e a consciência de que as vidas de todos nós estão interligadas e por isso o momento é de consciência individual e social. Sejam todos bem-vindos à Era de Aquário!


Editor: Cláudio Soares

São Joaquim: parece Europa, mas é Brasil mesmo!

Divulgação

Quem pensa que ver paisagens cobertas por flocos de neve é privilégio apenas de europeus e norte-americanos está enganado. Aqui mesmo, no Brasil tropical, é possível presenciar esse mágico fenômeno da natureza. Nos meses do inverno, os municípios localizados nos pontos mais altos dos Estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, são agraciados com a neve. São Joaquim, na Serra Catarinense, é um deles. Leia mais na página 3


02 turismo

Viaje sem enjoos

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

Turismo aposta no mercado interno para impulsionar economia Fotos: Divulgação

O “mal do movimento” pode transformar o tão sonhado cruzeiro de verão, o passeio romântico pela serra e até mesmo uma divertida tarde no parque de diversão em um pesadelo. Náuseas, enjoos e até vômitos podem atingir as pessoas mais sensíveis à cinetose – um tipo de labirintopatia que pode ocorrer quando o corpo está parado e o entorno está em movimento ou o inverso. “O cérebro fica confuso com as informações conflitantes entre o labirinto e a visão. Essa confusão pode provocar tontura, náusea, vômito e desconforto físico”, explica o otorrinolaringologista Ektor Tsuneo Onishi (CRM-SP 80.498). A cinetose pode ocorrer em qualquer fase da vida e é mais incidente em mulheres e crianças. Não há necessidade de se privar de nenhuma atividade por conta da cinetose, basta se prevenir. “Normalmente, quem sofre desse problema já passou por situações semelhantes e sabe que tem grande possibilidade de passar mal durante uma viagem, independente do meio de transporte utilizado. Assim, é recomendável fazer um tratamento preventivo para evitar o distúrbio”, aconselha o

especialista. O tratamento com um antiemético - isto é um medicamento que alivia os sintomas relacionados ao enjoo, às náuseas e aos vômitos - deve começar alguns dias antes da viagem e terminar alguns dias depois, para evitar o “mal de desembarque” - uma sensação desconfortável que ocorre, principalmente, em quem faz viagens de navios, mesmo após o termino da viagem. Os antieméticos podem provocar diferentes níveis de sonolência, é importante conversar com o médico sobre essa questão. O cloridrato de meclizina, produzido e comercializado com o nome de Meclin pelo laboratório Apsen Farmacêutica, inibe a ativação do centro do vômito no Sistema Nervoso Central e trata a cinetose, além de reduzir a severidade e a frequência dos sintomas associados à vertigem. O que fazer para evitar o mal-estar durante a viagem? • Mantenha os olhos fixos em um ponto imóvel no horizonte. • Evite olhar objetos ou situações em movimento como as ondas do mar. • Não fique muito tempo em

jejum e cuidado com as dietas radicais. Procure ter uma alimentação balanceada, comendo a cada três horas. • Aumente a ingestão de água: beba pelo menos seis copos por dia. • Evite ingerir café, doces ou alimentos muito gordurosos. • Fique em locais bem ventilados. • Evite comer muito antes de se expor a situações estimulantes (barco, brinquedos de diversão, simuladores, viagem de carro, etc.). • Evite bebidas alcoólicas durante essa exposição. • Evite contato com cheiros fortes (do motor da embarcação, do escapamento do carro, de cigarro). • Tente se posicionar em região próxima ao meio da embarcação, onde balança menos.

O governo aposta no fortalecimento do mercado interno e na qualificação do turismo internacional para o Brasil figurar entre as três maiores economias do turismo do mundo em 2022. Para estimular as viagens internas, o governo anuncia para o próximo mês o lançamento do Viaja Mais Melhor Idade, programa que oferece vantagens aos brasileiros com 60 anos que decidem viajar pelo país. O programa

também prevê a ampliação dos benefícios para os trabalhadores até o fim do ano, como linhas de financiamento especiais e descontos em pacotes. Os atrativos naturais e culturais do Brasil foram destacados como importantes diferenciais para o crescimento do país. De acordo com estudo do Fórum Econômico Mundial, o Brasil está no topo do ranking em capital ambiental numa lista de

mais de 130 países. A entrevista coletiva foi acompanhada pela imprensa nacional e internacional. Entre os participantes, estava o secretário especial de Turismo do Rio de Janeiro, Antônio Pedro Viegas, o subsecretário estadual de Turismo do Rio de Janeiro, Cláudio Magnavita, e o presidente do Convention Visitors & Boureau do Rio de Janeiro, Paulo Senise.

Hotéis ibis se convertem em 100% não fumantes

Como agir durante uma crise • Vá para um lugar ventilado. • Fique sentado, de olhos abertos, olhando para um ponto fixo na parede. • Procure um médico. • Não dirija ou manuseie máquinas ou equipamentos cortantes. • Nunca se automedique.

Aeroporto da Pampulha amplia sala de desembarque A Infraero concluiu as obras de readequação da sala de desembarque do Aeroporto da Pampulha, em Belo horizonte. Com investimento de R$ 219,7 mil, as obras contemplaram, entre outras melhorias, a ampliação em 110 m² da sala de desembarque, que recebeu uma nova esteira para restituição de bagagens. Com 22 metros de comprimento, o novo equipamento aumenta a capacidade de devolução das bagagens. A remoção da antiga Sala de Informações Aeronáuticas (sala AIS) permitiu que o espaço fosse ampliado. Outras

melhorias, como a substituição do piso, instalação de monitores informativos e a criação de dois banheiros, também foram entregues. A sala possui ainda uma ampla área envidraça-

da, que permite ao passageiro acompanhar o manuseio de suas bagagens pelos funcionários das companhias aéreas. Também foram instalados 19 novos assentos.

A Accor Hotéis, rede mundial de operação hoteleira, apoia a luta contra o fumo e pensando na saúde e bem estar dos colaboradores e hóspedes, converteu todos os hotéis ibis e ibis budget na América Latina em 100% não fumantes. Essa prática vem sendo adotada em algumas unidades na América Latina desde 2007 e em 2013, toda a rede foi convertida. “A medida vem ao encontro da proposta da família ibis de estimular hábitos saudáveis e sustentáveis”, afirma Veridiana Furtado, gerente de Marketing da família ibis para América

Latina. Os hóspedes da rede ibis e ibis budget são informados sobre o conceito de 100% não fumante desde a reserva até a estadia. A comunicação se dá pela Central de Reservas Accor, pelo site www. accorhotels.com ou pessoalmente no caso de reservas feitas no hotel. Além disso, o cliente é comunicado no check in e todas as unidades dispõem de material de comunicação sobre o assunto como posters, móbiles e flyers. A equipe também foi treinada para orientar os clientes e esclarecer possíveis dúvidas. Em apenas um mês, as me-

lhorias já podem ser sentidas. “Diminuímos o consumo de produtos químicos usados na limpeza dos quartos e áreas comuns e para lavagens das roupas de cama e de banho. Essa mudança está alinhada com os princípios de sustentabilidade do Grupo Accor e da familia ibis, contribuindo com a saúde de colaboradores e clientes e com a proteção da natureza”, comenta Rogério Giacomelli, Gerente Geral do ibis São Paulo Paulista, um dos primeiros hotéis que adotou a medida, sendo 100% não fumante desde setembro de 2007.


turismo 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

São Joaquim: parece Europa, mas é Brasil mesmo!

Fotos: Divulgação

A Igreja Matriz de São Joaquim

Considerada a cidade mais fria do país, entre os meses de maio a agosto, São Joaquim é tomada por temperaturas de até 14º negativos, geadas, nevoeiros intensos e a tão esperada neve, que a cada ano, pelo menos por duas a três vezes, dá ar de sua graça. E quando ela chega, anunciada pelo vento sul, todos saem às ruas. Nessa hora, jovens, adultos, e idosos também viram crianças. São muito vivas, gargalhadas de emoção e guerra de flocos. Alguém sempre se lembra de construir um boneco de neve. Velho conhecido das crianças, ele saiu das revistas, do cinema e dos desenhos animados para freqüentar o inverno joaquinense. O fascínio pelo fenômeno da neve é tão forte, que basta a notícia de uma frente fria com a

Produção de maçã é o carro-chefe da economia local

mínima possibilidade de neve, para a cidade ficar lotada de turistas de todas as partes do Brasil e até do exterior. E não é por menos, apenas aqueles que já tiveram a oportunidade de presenciá-la, com seu branco alvíssimo a contrastar com os campos, os pinheiros araucárias típicos da vegetação serrana, os telhados e as taipas centenárias, sabem o quanto é indescritível a sua beleza. Antigos muros de pedras sobrepostas, as taipas eram utilizadas pelo homem serrano do início do século para demarcar as fazendas e cercar o gado. Hoje são importantes referências históricas da região. Depois de passada a euforia, quando começam a gelar as mãos e os pés, é chegada a hora do aconchego junto à lareira, outra parte boa do in-

Boneco de neve feito por moradores e turistas

verno, pois não há nada como sentir calor quando o clima é frio. E isso São Joaquim oferece o melhor. É o calor dos fogões a lenha, dos ponchos, cachecóis e gorros confeccionados artesanalmente com a pura lã de ovelha, calor das bebidas quentes, como o chá-de-maçã e o quentão de vinho encontrados nas lanchonetes e bares da cidade. A gastronomia através do delicioso churrasco “Frescal” e dos apetitosos e irresistíveis fondues de queijo e chocolate. Calor humano joaquinense, que na sua simplicidade de perfeito anfitrião, transcende num segundo o significado da palavra hospitalidade. Mas não é apenas no inverno que São Joaquim é interessante. Em cada estação do ano é possível vivenciar uma sensação

diferente. Na primavera, à florada das macieiras e das cerejeiras propiciam espetáculo à parte, enchendo os olhos e o ar com o suave e adocicado perfume das flores. No verão, o clima ameno e o ar puro, aliado à tranqüilidade das pousadas rurais, fazem da cidade um lugar ideal para o descanso e encontro com a natureza. Também é nessa época que pode provar o mel serrano, que pela pureza e sabor já recebeu título Internacional de melhor mel. Por fim o outono, onde são colhidas as deliciosas maçãs, que desde os tempos de Adão e Eva, continuam tentadoras, mas com uma diferença, agora o pecado é não comer. Favorecido pela altitude de mais de 1.300 metros acima do nível do mar, o município de São Joaquim, produz uma das

Carros encobertos de neve lembram paisagens europeias

melhores maçãs do Brasil, destacando-se entre os três maiores produtores do país. Vermelhas, doces, apetitosas, suculentas e tentadoras, assim são as maçãs joaquinenses. Carro-chefe da economia joaquinense, movimentando mais de R$ 50 milhões a cada safra, a maçã começou a ser produzida em escala comercial no município por volta de 1975. Terceiro maior produtor a nível nacional e segundo no Estado, São Joaquim colhe anualmente cerca de 80 mil toneladas de maçãs. A atividade envolve 675 fruticultores, na sua maioria pequenos, em uma área de 4.100 hectares. As variedades mais produzidas são a gala, colhida entre os meses de fevereiro e março, e a Fuji nos meses de março e abril. Novos plantios

estão dando destaque também à maçã Catarina, que é resistente a principal doença da cultura, a sarna. Além de diminuir custos com a produção, pois requer menos uso de agroquímicos e é mais resistente ao armazenamento em câmaras frias, a nova variedade também é mais saudável. A colheita da Catarina acontece no mês de abril. Em virtude do clima frio, além da maçã, nos últimos anos a expectativa também é grande com relação a produção de uvas para a fabricação de vinhos. A atividade já iniciou e se for concretizada, São Joaquim poderá ser chamada de cidade paraíso, onde é possível desfrutar do prazer de saborear as tentadoras maçãs, o doce mel e o delicioso vinho. Tudo isso ao aconchego de uma lareira nas noites frias.


04 turismo

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 20/06/13

FéRIAS de JULHo No CeARÁ

pRomoÇÃ

CRIANÇA GRÁTIS No AéReo e HoSpedAGem

Aéreo + 7 noites de hospedagem + alimentação + traslados + cartão assistência de viagem

Fortaleza (Café da manhã + city tour*)

Aquiraz (Café da manhã e jantar)

Saídas 24,25, e 26/JUL

Saída 26/JUL

Hotel Adaba Mistral A partir de R$ 1.511,

125,

ou R$ 386, + ................................................. 9x R$

Água Marinha Hotel A partir de R$ 1.536,

128,

ou R$ 384, + ..................................................9x R$

Hotel Blue Adaba Ocean A partir de R$ 1.544,

129,

Dom Pedro Laguna Resort A partir de R$ 3.124,

143,

Consulte outros destinos, hotéis e datas de saídas.

ou R$ 383, + ..................................................9x R$

Hotel Magna Praia Hotel A partir de R$ 1.716,

ou R$ 429, + ..................................................9x R$

ou R$ 784, + .................................................9x R$

260,

Compre com seu agente de viagens e peça produtos da Viagens Master. Prezados clientes, os preços são por pessoa, em apartamento duplo e estão sujeitos a reajuste sem prévio aviso. Preços válidos para as datas específicas, consulte. Aéreo Belo Horizonte / Destino/ Belo Horizonte. Não inclui taxas como a de embarque. *City tour com Cumbuco ou Beach park sem ingresso. Financiamos com cartões Visa e Mastercard, cheques, boleto bancário e débito em conta corrente, consulte-nos. Confirmação de reservas sujeita à disponibilidade de lugares em voos e hotéis. Material liberado para publicação em 19/06/2013.

Presença no Brasil Minas Gerais | São Paulo | Rio de Janeiro | Vitória

www.viagensmaster.com.br facebook.com/viagensmaster

@viagensmaster


Edição Gazeta do Oeste 2095