Page 1

Gazeta DIVINÓPOLIS•MG | sábado e domingo 15 e 16 de junho de 2013 | ANO XX | N.º 2092 | R$ 2,50

DO OESTE

Mais de 15 mil eleitores já fizeram o recadastramento biométrico A expectativa da Justiça Eleitoral é que todos os eleitores, que somam um total de 158 mil, compareçam no Cartório até novembro. Na próxima segunda-feira (17), o diretor-geral do TRE, Adriano Denardi, visitará a sede da Justiça Eleitoral no município.

Página 03

Praça do Santuário: entre o lazer e a violência

Amilton Augusto

De um lado árvores, espaço e um aparente sossego, do outro, moradores e comerciantes do entorno da Praça do Santuário reclamam do alto número de mendigos que habitam a praça, do tráfico e consumo de drogas a luz do dia e de animais abandonados. A Matéria Especial conferiu as reclamações e buscou respostas para os problemas. Caderno variedades

Encontro debate montagem do Plano de Resíduos Sólidos de Divinópolis Na manhã de ontem foi realizada na FIEMG uma reunião para apresentar e mobilizar a sociedade a participar da criação das ações que irwão compor o Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos sólidos.

Página 05

Escolas Estaduais devem paralisar suas atividades novamente nesta segunda-feira Página 05

Assaltante fica ferido após trocar tiros com a PM Erik Ullysses

Dois homens haviam roubado uma motocicleta no bairro Santo Antônio utilizando uma arma de fogo. Durante perseguição os criminosos atiraram contra os militares, que revidaram para se defenderem. Um dos tiros acertou a perna de um dos assaltantes, que foi levado ao PSR.

Página 11 www.chiquinhonautica@hotmail.com - chiquinho.nautica@hotmail.com Telefones: (37) 3326-5194 - (37) 9983-9042

Revenda exclusiva Schaefer Yachts e Ventura Marine em Minas Gerais. Ventura 195 (Fábrica com sede em Capitólio/MG) - Pronta para Navegar

A partir de

R$ 65.000,00

Praça Marcos Valle Mendes, 36 Escarpas do Lago - Capitólio/MG


02 política

Silvio França

silviocor@hotmail.com

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Domingos Sávio apresenta proposta que obriga execução orçamentária de emendas parlamentares Estas emendas são relacionadas com orçamento da União Assessoria deputado federal Domingos Sávio

Muitos já me fizeram essa pergunta: se o Galileu foi tão bom prefeito, por que ele nunca se reelegeu e só ocupou o poder em mandatos alternados? A resposta é simples: o Estado Democrático de Direito foi criado e então decidiram que a sociedade precisava de representantes eleitos pela maioria para governar. Só que o modelo de Estado garantiu a liberdade dos que não elegeram seu representante continuar se manifestando. Os que não estão democraticamente representados fazem barulho suficiente para abafar as ações dos que foram democraticamente eleitos. Notícia ruim faz mais sucesso e dá mais “ibope”. Se você tem uma empresa, ou como dizem no popular, um comércio. Já sabe disso: 100 clientes atendidos não valem mais do que um mal atendido. Este que não obteve o bom atendimento consegue fazer barulho suficiente para que muitos deixem de comprar em sua loja. Contar para os outros que a sua loja é ruim é assunto, se ela é boa, é uma obrigação. Assim funciona a cabeça do brasileiro. Fui um forte opositor do governo Demétrius, ele lembra disso. Critiquei várias ações, inclusive o projeto Novo Centro. Hoje dou parabéns para o ex-prefeito toda vez que o vejo. Não consigo imaginar o tráfego de pedestres sem a primeiro de junho “alargada”. Cada gestor prioriza uma área. Governo Vladimir tem falhas? Claro que tem, algumas gravíssimas. A falta de água na cidade beira o absurdo. Mas tem muita coisa boa acontecendo também. Nossa cidade, por exemplo, oferece educação infantil a partir dos três anos de idade, uma meta do MEC para 2016 que a cidade atingiu com três anos de antecedência. O Hospital Público vai abrir 500 novos leitos para internação quando funcionar em sua totalidade. Para a primeira etapa já estão previstos 250 em funcionamento. Tem gente que fala que o Galileu só fez ponte. Tentem imaginar o trânsito da cidade se não fossem as pontes do Galileu! Ele deixou o passivo dos lotes vagos. Mas foi uma decisão de governo. Graças a esta decisão não temos favelas no modelo consensual. Mesmo quando não concordamos, temos que respeitar. Este é o problema. Não respeitamos a nossa própria democracia. Invadimos o espaço do outro. O cidadão protesta quando aumentam vinte centavos em sua passagem. Mas não dá a mínima quando a mãe do vizinho não consegue atendimento na saúde e não dá parabéns quando a filha da vizinha é aprovada no vestibular da federal. Estamos vivendo a era do “Umbigocentrismo”. Quando concordamos com nosso modelo de Estado, temos de aceitar que a decisão da maioria é que prevalece. Nosso modelo de democracia criou vários instrumentos de controle social. A dificuldade é fazer os cidadãos entenderem como usar estas ferramentas. Enquanto continuarmos a escolher a novela das oito ou o jogo de futebol ao invés das conferências dos conselhos, continuaremos vivendo em uma sociedade onde gabinete de vereador e órgãos de imprensa são ouvidorias. Quem está dentro não quer sair e quem está de fora quer entrar. Saudável em uma democracia. Mas, manifestações e protestos são válidos, são até bem vindos. Mas temos que nos perguntar se não estamos sendo platéia para um palco repleto de artistas políticos.

Para refletir Leia o texto novamente

Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

O deputado federal Domingos Sávio (PSDB), apresentou uma emenda substitutiva à proposta de emenda à constituição, tornando obrigatória a execução orçamentária das emendas parlamentares ao orçamento da União. Ontem, à tarde, ele explicou que o objetivo desta proposta é democratizar o orçamento, uma vez que o governo federal estaria usando as emendas parlamentares como um “balcão de negócio”. De acordo com Domingos Sávio o orçamento é um instrumento legal em toda a democracia para aplicar de forma adequada o dinheiro público. Ele esclareceu que se o Executivo apresenta para o Legislativo algum orçamento, não quer dizer que o Legislativo tem que aprovar do jeito que o orçamento foi apresentado, senão não é democracia. Para ele, a única maneira de votar o orçamento da União é conseguindo a garantia das solicitações vindas da população de cidades do interior, capital ou

cidades do porte de Divinópolis, para isso a forma de se chegar ao governo federal é por meio de emenda parlamentar para construir postos de saúde, pavimentações em estradas, construções de quadras nas escolas. O deputado refere a “balcão de negócio”, as emendas parlamentares no Brasil. Para ele, as emendas do país acabam sendo um problema para a democracia, uma vez que o parlamentar deve votar de forma livre, mas o governo segundo Sávio, negocia o voto. Ele alega que esta atitude é pior do que ditadura, uma espécie de chantagem com base governista oferecendo-lhe liberação de emendas em troca de votos a seu favor. Conforme Domingos Sávio, é como se fosse uma espécie de mensalão oficial. Um exemplo disso, ele citou a votação recente da medida provisória dos Portos. Entretanto, o que o político propõe com sua emenda é a forma de democratizar o orçamento. Ele afirma que o orçamento do governo deve ser participativo com o objetivo de ouvir a demanda da população e garantir

Domingos Sávio apresenta proposta obrigando execução orçamentária de emendas parlamentares

no orçamento, recursos para atender aos pedidos. “A emenda é a oportunidade que o cidadão brasileiro tem de apresentar, através de seu representante, as principais demandas de sua cidade, seja ela para um hospital, para uma escola pública ou para melhoria de uma rodovia. A oposição é perseguida com a não liberação das emendas e o prejudicado não é o deputado, e sim o cidadão que está esperando por uma obra que ele precisa e tem direito”, relatou. Contudo, a emenda substi-

tutiva está sendo analisada por uma comissão especial, na qual o deputado faz parte representando o PSDB, e tem, até o momento, o consentimento de cerca de 200 deputados, ou seja, quase a metade dos parlamentares da Câmara Federal. Na próxima semana, haverá a votação da sua proposta por meio da comissão e na sequência esta será levada para o plenário e então votada. A previsão de votação é ainda para este semestre, antes mesmo do recesso parlamentar que acontece no mês de julho.

Vladimir Participa do Fórum Municipal de Saúde Samuel do Valle

Com a presença do secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge, foi realizado ontem em Cláudio, o Fórum Municipal de Saúde. O encontro promovido pelo município anfitrião, secretaria de Estado de Saúde e Ministério Público, teve como tema central ‘Perspectivas para o atendimento hospitalar’. Prefeitos e secretários de saúde de várias cidades da região estiveram presentes. Antônio Jorge, que falou sobre as ‘estratégias e política estadual para o atendimento hospital’, destacou que o conjunto de ações na região tem apresentado avanços importantes. “Hoje estamos discutindo a questão da politica hospitalar de forma ampla. Minas Gerais está investimento este ano quase um bilhão de reais, através do Pro-Hosp. Mas temos um grande desafio que é qualificar a assistência hospitalar, superando um enorme déficit de escala na maioria dos estabelecimentos. As referências internacionais nos indicam que não devemos trabalhar com hospitais com menos de cem leitos, é um desafio social, político e institucional”, avaliou. Vladimir lembrou que a saúde tem que ter essa discussão regional. “Como presidente do Cisvi estamos discutindo a estruturação dos pequenos hospitais e todo o ciclo para que funcione bem, é importante estar bem harmonizado para que o sistema se auto ajude, e possa atender mais pessoas custando menos. O mapa da saúde não é o mesmo da cidade, por isso que os prefeitos devem ficar unidos e com um foco regional de planejamento,

Darcio Abud Lemos, Vladimir Azevedo e Antônio Jorge durante o Fórum Municipal de Saúde

buscando sempre soluções”, resumiu Azevedo. No encontro foi passado que a gestão da saúde, é baseada em evidências que podem propiciar tomadas de decisões para que a população viva mais e melhor. “É um evento das forças políticas da região, de modo a propiciar um debate amplo e o fortalecimento da rede de saúde. Ele serve para debater e consolidar um alinhamento de atuação”, ressaltou o promotor Ubiratan Domingues. A situação do atendimento hospitalar regional também foi outro tema debatido. “A saúde tem que ser pensado regionalmente, e nós do Centro-Oeste temos esse sentimento, que é cada vez mais fortalecer a união

do Estado com a nossa região. E temos em uma única semana por duas vezes, a presença do secretário Antônio Jorge, assumindo compromissos de parceria, e é fundamental esse entrosamento”, avaliou o deputado federal Domingos Sávio. Já Dárcio Lemos, secretário de Saúde, disse que o objetivo foi fomentar políticas públicas de saúde. “A gente vem conhecer os detalhes da parte de saúde de Cláudio, onde toda a rede se beneficia, já que é um evento para se pensar saúde, e isto se resume em planejamento, que é fazer com que toda a pessoa tenha acesso a todo o sistema disponível”, falou. Os deputados estaduais Fa-

biano Tolentino e Luzia Ferreira também participaram do Fórum. O deputado federal Jaime Martins, foi representado pelo assessor Hélio Alves Araújo. “Extremamente importante esse debate em Cláudio, e ficou bem claro pela palavra do secretário de Estado Antônio Jorge, a importância da regionalização dos municípios. Não adianta ter pequenos hospitais, divididos entre vários municípios. Precisamos de fortalecer e unificar no que que diz respeito ao hospital público. Divinópolis mostra que está no caminho certo” comentou Marco Aurélio de Oliveira, secretário executivo do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Itapecerica, Cisvi.


POLÍTICA 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Assembleia Legislativa apresenta debate sobre estadualização das fundações ligadas à UEMG O tema foi o projeto de lei 3.948/13 que prevê absorção de seis fundações educacionais Assessoria comunicação deputado estadual Fabiano Tolentino

Debate na Assembleia Legislativa sobre estadualização das fundações associadas à UEMG com a presença de deputados, reitores, professores e alunos Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

Após os deputados federais, Jaime Martins (PR) e Domingos Sávio (PSDB) reunirem com o governador de Minas, Antônio Anastasia, para discutir sobre o projeto 3.948/13; o deputado estadual Fabiano Tolentino (PSD) pronunciou sobre o assunto, na última quarta-feira, na Assembléia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). O projeto é referente à estadualização das fundações ligadas a UEMG. De acordo com Tolentino a proposta de lei chegou à assembléia para que houvesse o debate entre, deputados, reitores, professores e alunos. Segundo ele, a discussão foi apresentada pela comissão de Educação com

o intuito de apontar quais são os maiores desafios relacionados com esta estadualização e foi bastante produtiva. Esta foi a primeira audiência pública, mas conforme o deputado haverá novas até que o parecer ante o assunto seja definido. Além de encontros entre lideranças políticas, Tolentino informou que o debate também está acontecendo nos blocos das faculdades. Ele é favorável ao projeto que tem como ideia trazer o ensino educacional com maior qualidade para os universitários. Com a estadualização, a UEMG poderá marcar presença nas cidades de Passos, Ituiutaba, Fafile de Carangola, Divinópolis, Vale do Jequitinhonha e Campanha da Princesa. Estima-se que com a estadualização a universi-

dade se torne a terceira maior de Minas Gerais. Participação dos deputados federais em reunião com o governador de Minas em abril deste ano No dia 08 de abril de 2013, os deputados federais Jaime Martins (PR) e Domingos Sávio (PSDB) participaram de uma reunião com o governador de Minas Gerais, Antônio Anastasia. Durante o encontro, Anastasia assinou o projeto de lei, o qual estabelece critérios para que a estadualização seja realizada. Para Martins, a incorporação das fundações associadas à UEMG representa o fortalecimento da educação superior para todo o Centro Oeste mineiro, pois democratiza o acesso a universidade. Segundo ele, a estaduali-

zação, deve receber estudos de viabilidade e de financeiro para dar continuidade aos ótimos resultados que os alunos e os professores da Funedi vem obtendo, seja na graduação, na extensão e na pesquisa. O deputado Domingos Sávio pontuou que desde quando iniciou sua vida política, ainda quando deputado estadual, ele lutava pela estadualização das unidades. Ele relembrou que Anastasia já havia dito que seria encaminhado para a Assembleia Legislativa o projeto de lei estabelecendo o cronograma de trabalho com prazo de 18 meses para a completa estadualização. Opinião do diretor da Funedi Gilson Soares sobre a estadualização e a biografia

da instituição A estadualização, segundo Gilson Soares, já estava sendo prometida pelo governo. Conforme o diretor tem algumas unidades, por exemplo, que não tem como sobreviver mais, e por isso, ou elas se estadualizam ou elas fecham. Ele destacou que o projeto que seria encaminhado para a Assembleia, permitiria a realização da incorporação destas unidades. A Funedi surgiu em 1964, com a criação da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Divinópolis (FAFID). Esta instituição mantém sete unidades acadêmicas voltadas para a Educação de nível superior: INESP (Instituto de Ensino Superior e Pesquisa), ISED (Instituto Superior de Educação de Divinópo-

lis), ISEC (Instituto Superior de Educação de Cláudio), FACIG (Faculdade de Ciências Gerenciais de Cláudio), ISAF (Instituto Superior de Educação do Alto São Francisco), ISAB (Instituto Superior de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas), e ISAP (Instituto Superior de Ciências Agrárias). A Instituição oferece cursos de especialização. Além disso, oferece o mestrado profissional em desenvolvimento regional. A Funedi/UEMG visa apresentar um ensino de qualidade estendendo-se aos cursos de pós-graduação, ministrados por professores altamente capacitados que buscam articular o conhecimento com a experiência prática, a partir de olhares interdisciplinares.

Recadastramento biométrico em Divinópolis completa um mês O eleitor que não comparecer perderá os seus direitos políticos Carla Mariela

Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

O recadastramento biométrico teve início em Divinópolis no dia 15 de maio, no cartório eleitoral, situado na avenida Sete de Setembro, 818. Estiveram presentes na abertura do cadastro, o prefeito Vladimir Azevedo (PSDB), o juiz eleitoral Dr. Mauro Riuji Yamane, o assessor de comunicação do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE/MG), Rogério Tavares, o corregedor regional eleitoral de Minas Gerais, Wander Marotta, dentre outras autoridades. Hoje, completa um mês do início do recadastramento. Até o momento, compareceram ao cartório, cerca de 15.780 eleitores, ou seja, uma média de 10% do total dos votantes da cidade já registraram suas digitais e a fo-

tografia do rosto para inserção no banco de dados da Justiça Eleitoral. A expectativa é que compareçam todos os eleitores, que no geral somam 158 mil. Para o recadastramento, os eleitores divinopolitanos devem comparecer à sede dos Cartórios da 102ª e 103ª Zonas Eleitorais, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Também deve se recadastrar biometricamente o eleitor que tem título em Divinópolis e possui voto facultativo, ou seja, tem mais de 70 anos, menos de 18 ou é analfabeto. Os eleitores também tem a opção de agendar o seu recadastramento. O interessado deve acessar o portal do TRE, clicar em “Recadastramento biométrico em Minas” e preencher os dados do sistema de agendamento, podendo escolher o melhor dia e horário para comparecer aos cartórios.

O eleitor deve apresentar documento oficial de identificação: carteira de trabalho, identidade, certidão de nascimento ou casamento, comprovante de residência a partir do dia 15 de fevereiro, CPF e título eleitoral. O juiz eleitoral, Mauro Riuji Yamane, ressaltou que o recadastramento é fundamental porque além de ser uma revisão eleitoral, o eleitor que não comparecer perderá os seus direitos políticos porque terá o título cancelado. Riuji conclama a população para não deixar de fazer o recadastramento que vai até o dia 29 de novembro. Para conhecer a estrutura montada em Divinópolis para o recadastramento biométrico, o novo diretor-geral do TRE, Adriano Denardi, visitará a sede da Justiça Eleitoral do município nesta segunda-feira, dia 17 de junho.

Hoje faz um mês que o recadastramento biométrico teve início


04 opinião

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

editorial

Lei X Consciência Ambiental

Todo crescimento gera problemas as estruturas de uma comunidade. Esta afirmação é um fato presenciado em qualquer parte do planeta. Diante desta consequência o correto é se adaptar a esta realidade, mas de uma forma ambientalmente correta. Atualmente um dos grandes problemas enfrentados pela sociedade é o lixo excessivo produzido pelo ser humano. Mais propriamente falando de sua destinação. Um fator que tem gerado polêmicas e debates intensos. O tratamento dos resíduos sólidos de uma comunidade é apontado como um dos fatores primordiais para acabar com a degradação dos solos onde por muitos anos é depositado o lixo das populações mundo a fora. Claro que de localidade para localidade esta realidade muda. Tem países extremamente evoluídos com relação ao tratamento dos resíduos sólidos. Políticas já articulam meios que garantam a instalação deste processo de tratamento do lixo. No entanto já existe por lei até tempo determinado para que as cidades dêem a devida destinação aos seus dejetos. A Política Nacional de Resíduos Sólidos foi sancionado em 2010, de lá para cá muitas cidades tem tentado se adaptar a realidade exigida pela mesma. O prazo final para esta regularização é em 2014. A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), disciplina a coleta, o destino final e o tratamento de resíduos urbanos, perigosos e industriais, entre outros. De acordo com estudos recentes as responsabilidades definidas na PNRS reduzirá gastos públicos municipais e ampliará a capacidade de investimentos das prefeituras em sistemas de reaproveitamento de resíduos de forma consorciada, assim como compartilhamento de aterros sanitários entre municípios de uma mesma região. A PNRS também define metas para a redução da geração de resíduos no País. Mas para que isso ocorra é necessário investir em educação ambiental e assim mudar o comportamento da sociedade com relação a esse setor. De acordo com dados da Pesquisa Nacional de Saneamento Básico do Instituto Brasileiro de Estatística (IBGE), cerca de 27,7% das cidades do Brasil ainda tem o lixo destinado para aterros sanitários e em 22,5% delas, para aterros controlados. Mesmo com esse quadro, o páis alcançou importantes avanços nos últimos anos como aponta a secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do Ministério de Meio Ambiente. Em 2000, apenas 35% dos resíduos eram destinados aos aterros. Em 2008, esse número passou para 58%. Em um mesmo período, o número de programas de coleta seletiva mais que dobrou. Passou de 451, em 2000, para 994, em 2008. A maior concentração está nas regiões Sul e Sudeste, onde, respectivamente, 46% e 32,4% dos municípios informaram à pesquisa do IBGE que possuem coleta seletiva em todos os distritos. Em Divinópolis por muitos anos o lixo da cidade foi depositado em um terreno que também era habitado por inúmeras famílias que dali tiravam seu sustento por meio da separação, reciclagem do que a população descartava. Hoje estas famílias estão longe do local e o mesmo se tornou um espaço que ainda recebe o lixo, porém com mais cautela. Mas muito mais que um ajuste físico a consciência do tratamento do lixo deve partir da própria comunidade. Sem uma consciência ambiental bem definida as cidades só tem a perder. Os poderes municipais tomarão as providências necessárias como manda a lei, mas a eficácia do processo só será possível com o apoio da população, principalmente no que diz respeito a separação e condicionamento do lixo antes de seu descarte final. E você leitor já tem feito sua parte?

“Os poderes municipais tomarão as providências necessárias como manda a lei, mas a eficácia do processo só será possível com o apoio da população, principalmente no que diz respeito a separação e condicionamento do lixo antes de seu descarte final. E você leitor já tem feito sua parte?”

A VIDA BREVE, A MORTE APRESSADA De Alguns Poetas Clássicos Brasileiros Sabemos que o romantismo é a utopia que encontra seu entrave no realismo e fica entre dois itinerários antagônicos: o retorno da infância

EDITORA CHEFE Carina Lelles

Assessores Jurídicos Dr. Márcio F. Vaz • Dr. Mauro M. Nogueira • Dr. Flávio Vaz Administração, Redação E GRÁFICA: Rua Rio Branco, 948 - Porto Velho • Divinópolis (MG) • CEP 35.500-430 TELEFONE: (37) 3222-6322 • www.g37.com.br • gazeta@gazetaoeste.com.br O jornal não é solidário com conceitos emitidos em colunas e matérias assinadas.

Cristine Strassburger

psicologacristines@gmail.com

TRISTEZA PÓS DIA DOS NAMORADOS O Dia dos Namorados passou e agora é que vem os problemas. Esta semana o consultório fica cheio de pessoas que estão sozinhas ou que

e o desejo da morte. Para os românticos a eternidade está muito perto,

estão em um relacionamento onde não estão felizes! Por que será que

os círios são evocados em vez das estrelas. Castro Alves chega a falar no

nunca estamos satisfeitos?

“sono sob a laje fria” e também no pasto de larvas errantes nos fundos sepulcros. Assim o período clássico da poesia brasileira ficou marcado pela contradição do vislumbre do sublime e o presságio da fatalidade – e muitas vezes os poetas falavam diretamente à Indesejada das Gentes aos brados e exclamações, ojerizas e reclamações. No bojo da história de nossa literatura, atravessando fases, estilos e escolas desde o barroco de Gregório de Mattos ao pré-modernismo de Augusto dos Anjos, passando nas interseções do arcadismo, do parnasianismo e do simbolismo, dei-

Primeiramente, é porque temos uma visão de amor muito romântica que não condiz muito com a realidade concreta. Reparem que desde crianças ouvimos aquelas histórias infantis que assim que o príncipe chega em um cavalo branco, eles se casam e vivem felizes para sempre. Temos a visão então que a pessoa irá nos achar (não precisamos fazer força

xando em seus registros gráficos o florilégio das vivências e evocações,

alguma) e depois de casarmos seremos felizes para sempre... Será que

dos testemunhos e instantâneos que se eternizam constantemente no

a realidade é esta mesmo? Isso sem contar que depois de adultos ainda

céu das aspirações e dos encantamentos repassados de sobressaltos e fixações, os nossos poetas, em perpétuo transe, confinavam-se à avareza

vemos as novelas que sempre acabam com os “bonzinhos” casando ou

da expectativa da vida minguada daqueles tempos românticos.

tendo filhos e vivendo felizes para sempre... E depois do casamento? E

Gonçalves Dias (1823-1864) viveu apenas 41 anos de penas e desilusões (em 1844, retornando de Portugal, após bacharelar-se, conheceu Anna Amélia Ferreira do Valle, por quem se apaixonou, a quem em 1851 pediu a mão, prontamente recusada pelos pais dela). Alvarenga Peixoto (1744-1792), viveu um pouco mais: 48 anos. Outros não lograram mais

depois de termos filhos? Será que é tudo mil maravilhas? As pessoas chegam no consultório com esta visão de relacionamento e costumo dizer “ a expectativa é a mãe da desilusão”. Se imaginamos

tempo: Álvares de Azevedo (1831-1852): 21 anos. Junqueira Freire (1832-

que tudo será sempre um mar de rosas e que não teremos problemas,

1855): 23. Casemiro de Abreu (1839-1860): 21 anos ( o Mário de Oliveira,

o relacionamento por melhor que seja nunca será bom o suficiente. A

poeta e amigo, do Rio de Janeiro, está escrevendo sua biografia e já conta com mais de mil páginas digitadas). Castro Alves (1847-1871): 24 anos,

maioria das pessoas acham que o relacionamento dos outros é sempre

dos quais legou-nos alentada e propícia obra poética. Outros viveram um

melhor que os seus, isto se a mesmas tiverem um relacionamento, porque,

pouco mais, mesmo assim menos que a expectativa de vida dos anos que hoje correm, um tanto apocalípticos, outro tanto surrealistas. Fagundes Varela (1841-1875): 34 anos martirizados pela marginalidade social. Cruz e Souza (1861-1898): 36 anos, crucificado pelo preconceito racial. Alphonsus Guimarães (1870-1921): 51 anos (o mais longevo de todos

do contrário, se acham ainda pior. E com esta data de comemoração do Dia dos Namorados, a situação fica ainda mais complicada. Somente por curiosidade, o Dia dos Namorados foi inventado por uma empresa de

que citamos, nascido em Mariana e vivido em Conceição do Mato Dentro,

propaganda em São Paulo em 1949 para alavancar as vendas do comércio

bafejado pelo enluarado silêncio dos anjos da mais santa mineiridade).

e o dia 12 de junho foi escolhido por ser véspera de Santo Antônio (o Santo

Pedro Kilkerry (1885-1917), também tuberculoso – e rigorosamente inédito. Augusto dos Anjos (1884-1914), morto aos 30 anos, de pneumonia

Casamenteiro). Essa informação foi dada somente para retirar um pouco

dupla, na cidade mineira de Leopoldina, Zona da Mata.

a ilusão fantasiosa da data. Não estou falando aqui que esta comemo-

Mas se de tudo fica um pouco, como afirma o nosso bem vivido Carlos Drummond de Andrade, de alguns ficaram polpudas, generosas doações estéticas. Gregório de Mattos amava tanto a vida, a ponto de versejar “se a beleza hei de ver para matar-me, antes, olhos, cegueis, do que eu perder-me”. E muitas vezes ele culpa a si mesmo pelos dissabores:

ração é prejudicial - eu mesma a acho muito bonita - mas, somente para trabalharmos mais com a realidade das situações. Como nesta data os casais ficam muito envolvidos, as pessoas que

“Carregado de mim mesmo ando no mundo,

estão sozinhas passam por uma pressão social muito grande. Se sentem

e o grande peso embarga-me as passadas,

as piores de todas. A auto estima tende a ficar mais baixa ainda. E algu-

que como ando por vias desusadas, faço o peso crescer, e vou-me ao fundo”....

mas até tentam arrumar um namoro mesmo que sejam pessoas que não

E já em meados do século 18, outro poeta, Basílio da Gama, se

tem nada a ver com suas prioridades. Temos que ficar atentos a essas

penalizava: “Fiquei sentindo a dor que n’alma tinha. Não se lembra mais ela de que foi minha,

FUNDADOR: Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro (1947 2004)

Diretor DE MARKETING Leonardo Marcos Rodrigues

lbib@ig.com.br | http://lazarobarreto.blogspot.com

Eu cada vez mais firme, ela mais bela;

ÓRGÃO Do grupo Gazeta do Oeste de comunicação ltda

Diretor PRESIDENTE Fernando Marcos Rodrigues

Lázaro Barreto

Eu ainda me lembro que sou dela”.

pressões sociais para não acabarmos fazendo coisas que posteriormente venhamos a nos arrepender. As vezes as pessoas estão em um ótimo momento profissional e não estão com cabeça para se envolver. Outras estão trabalhando um pouco a sua individualidade ou acabaram de terminar

E a musicalidade dos poemas de Gonçalves Dias e Casemiro de Abreu? Seus poemas nem precisam de partituras e arranjos: cantam no ar, como

um relacionamento e precisam vivenciar aquela perda. Então para tudo

os passarinhos. E as obras primas de Álvares de Azevedo (“pálida à luz

existe um momento. Não é apenas uma data que fará com que as pessoas

da lâmpada sombria”), de Casemiro de Abreu (“minha alma é triste como

adequem suas vidas a ela! Trabalhar esses momentos em terapia pode

a rola”). E assim por diante. Cada poema abre uma paisagem cheia de vida, abre e entra, cintila e divaga. No sonho e na realidade da vida. E a morte espreitando.... Infelzmente.

ser muito vantajoso, pois quando formos nos relacionar novamente, será com muito mais consciência e de forma mais saudável.


CIDADES 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Escolas iniciam a semana com paralisação Luiz Felipe Enes

Luiz Felipe Enes

luiz.felipe@gazetaoeste.com.br

Os professores e demais profissionais da educação se reúnem novamente por um prazo determinado de quatro dias para paralisação no mês de junho, isto nos dias 17, 18, 22 e 27. A manifestação principal ocorrerá dia 17 em Belo Horizonte, quando uma vez mais serão encaminhados à Assembléia Legislativa, assuntos referentes à paralisação.O dia 18 será definido como ponto facultativo entre as escolas. Dentre os assuntos escolhidas para a discussão, estão o piso salarial e melhoria no atendimento do Ipsemg. Os profissionais da educação clamam por uma série de itens que não foram atendidos pelo Governo Estadual. O sindicato dos professores ainda não possui os dados oficiais de

quantas escolas irão parar. Porém, líderes do sindicato pedem para que as escolas realizem a paralisação. “A pressão dentro das escolas está grande e com isso temos trabalhadores cansados com o que fazem” afirma Marilda de Abreu Araújo, diretora Estadual do Sind-UTE. A pretensão de greve ocorre nos dias 17, 18, 22 e 27 de Junho. A perspectiva do sindicato é que aproximadamente 50% das escolas parem e participem da greve. É importante destacar que os profissionais não devem ter medo da greve. É a explicação fornecida pela diretora do Sindicato. “Chamamos a atenção para que os profissionais não tenham medo da greve, pois é um ato constitucional” declara Marilda. Baseado em uma lei, quem aderir à paralisação, o governo não pode fazer o corte na remu-

neração. Mesmo os profissionais realizando a greve, o aluno não sai prejudicado, pois o professor tem a consciência de que mesmo com as ações, as aulas devem ser repostas. Outros fatores deixam indignados os trabalhadores em educação e são situações que vem se arrastando desde 2011. Como exemplo a manifestação de mais de 153 mil profissionais da educação que não quiseram o subsídio como forma de remuneração. No entanto, o Governo do Estado impôs a toda a categoria essa condição, contrariando o acordo assinado pelo mesmo em 27 de setembro de 2011, e que negociava o pagamento do Piso Salarial. “Hoje, os educadores estão em piores condições do que em janeiro de 2011, daí a necessidade constante de fortalecermos a luta”, explica Beatriz Cerqueira.

Marilda afirma: “Com certeza é de interesse de todo profissional da educação defender os seus direitos”

Reunião discute ações para a montagem do plano de resíduos sólidos A intenção é que toda a população do município esteja envolvida no processo de desenvolvimento das ações para a destinação correta dos resíduos sólidos Mariana Gonçalves

“A proposta é que de forma integrada o plano possa ser algo concreto, que atenda as leis ambientais” diz o consultor ambiental, José Eustáquio Mendes Mariana Gonçalves

mariana.goncalves@gazetaoeste.com.br

De acordo com dados da Pesquisa Nacional de Saneamento Básico do Instituto Brasileiro de Estatística (IBGE). Cada brasileiro produz 1,1 quilograma de lixo em média por dia, no País são coletadas diariamente 188,8 toneladas de resíduos sólidos. Desse total, em 50,8% dos municípios, os resíduos ainda tem destino inadequado, pois vão para os 2.906 lixões que o Brasil possui. Em 27,7% das cidades o lixo vai para os aterros sanitários e em 22,5% delas, para os aterros controlados. Na manhã de ontem foi reali-

zada na Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) uma reunião com representantes da secretaria municipal de Meio Ambiente e Politicas Públicas, empresários e pessoas envolvidas nas causas ambientais da cidade. O objetivo foi apresentar e mobilizar a sociedade para participar da criação das ações que irão compor o Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos sólidos. Conforme explica o consultor de saneamento ambiental que atuará no desenvolvimento das ações junto a prefeitura, José Eustáquio Mendes, a proposta é que de forma integrada o plano possa ser algo concreto, que atenda as leis ambientais e dê um

fim correto aos resíduos sólidos de Divinópolis. Ainda de acordo com Mendes, as pessoas que não participaram desse encontro também podem ajudar nesse trabalho. “O plano está no site do município para que todos possam inserir suas sugestões e assim criarmos juntos ações que atendam a sociedade de uma forma geral” diz. No próximo dia 29, será realizada a audiência final para a definição do plano. O evento está agendado para as 9h no auditório da Fiemg. “Depois dessa audiência o plano terá a formatação final e será colocado no site para que todos tomem conhecido do que ficou definido. A execução deve começar logo

após o plano ser promulgado” conclui o consultor ambiental. O secretário municipal de Meio Ambiente, William Araújo, fala sobre a importância da cidade ter o plano de resíduos para a solução de um problema bastante polêmico, o aterro sanitário: “ O plano é necessário porque é o que vai direcionar as diretrizes pela qual será conduzida a limpeza e destinação do lixo na cidade. Hoje, o resíduo em Divinópolis é feito da seguinte forma: a Viasolo é a empresa responsável por recolher todo o resíduo da cidade. Esses restos são depositados no aterro controlado que fica na estrada que vai para Carmo do Cajuru. Então na verdade não é a forma

ideal de se fazer, isto é um processo paliativo dessa disposição. Inclusive o prazo final para que a cidade passe a ter um aterro dentro dos moldes permitidos na lei é no ano que vem, ou seja, o aterro controlado está com os dias contados. Por isso, logo que finalizarmos o plano vamos lançar o edital e a empresa que ganhar vai escolher um novo local para depositar o lixo em Divinópolis. Aquele local onde os dejetos é depositado hoje, do ponto de vista legal e ambiental, não pode continuar” finaliza. PARTICIPAÇÃO DAS INDÚSTRIAS Segundo o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG),

Afonso Gonzaga, a instituição trabalha com as empresas o pensamento de que o resíduo também pode gerar lucro. “Nosso trabalho está voltado para dentro das indústrias, estamos buscando fazer um levantamento tendo como base principalmente as normas e leis para o despejo correto dos resíduos”diz Gonzaga. Ainda conforme o presidente da Fiemg, a ACID e a CDL serão convocadas para ajudar a formar uma comissão de trabalho para planejar ações que envolvam as empresas da cidade, ou seja, de que forma as indústrias e o comércio poderão dar fim aos seus resíduos sem prejudicar o meio ambiente.


06 CIDADES

Gaudêncio Torquato

gt@gtmarketing.com.br

LEVIATÃ MANDA LEMBRANÇAS Incrível, porém verdadeiro. Cidadãos brasileiros estão sendo induzidos a praticar o “dedurismo”, denúncia contra pessoas físicas e jurídicas e, desse modo, a fazer parte de um exército de agentes especiais que o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF), órgão do Ministério da Fazenda, está organizando. Não se trata, como se pode pensar, da “delação premiada”, que réus usam para obter vantagens judiciais em processos criminais a que se submetem. A iniciativa, que agita prestadores de serviços e operadores do Direito, chama a atenção pelo abuso contra princípios constitucionais. Duas resoluções baixadas pela entidade (Resoluções 24 e 25, de janeiro passado), sob o escudo do combate aos crimes de lavagem de dinheiro, constituem o eixo da polêmica. Obrigam pessoas físicas ou jurídicas, que prestem serviços de assessoria, consultoria, contadoria, auditoria, aconselhamento ou assistência em operações, a fazer um cadastro de clientes e guardá-lo por cinco anos. A par da exigência de declarar bens ou serviços prestados no valor igual ou superior de R$ 5 mil, o “agente” que o Conselho está criando é obrigado a “denunciar” seu cliente, caso, seis meses depois, este fizer nova operação que implique valor igual ou superior a R$ 30 mil. E se o prestador se recusar a entrar nesse “grupamento”? Será submetido à multa de até R$ 200 mil, cassação do registro profissional e vedação do exercício da atividade. É mais que sabido que cabe ao Estado a tarefa de investigar, fiscalizar, controlar e combater todas as veredas que levam às ilicitudes, a partir do tráfico de drogas, de armas, lavagem de dinheiro, peculato, furtos e roubos. Passar o Brasil a limpo deve ser anseio contínuo dos órgãos públicos, o que demanda medidas e ações para defender a sociedade, investigar as máfias que agem nos intestinos do Estado e extirpar os tumores que corrompem os sistemas produtivos. A premissa se torna mais premente ante o paradigma do “puro caos”, que o professor Samuel P. Huntington tão bem descreve em seu Choque de Civilizações: “uma quebra no mundo inteiro da lei e da ordem, Estados fracassados, anarquia crescente, uma onda global de criminalidade, máfias transnacionais, cartéis de drogas, crescente número de viciados, debilitação generalizado da família, declínio na confiança e na solidariedade social em muitos países, violência étnica, religiosa e civilizacional e a lei do revólver predominando em grande parte do planeta”. Tal moldura sugere a maximização de energias por parte das estruturas que executam controles na frente das finanças. Mas qualquer ação ou medida há de se ajustar aos primados consagrados na Carta Magna. Emerge, aqui, a primeira indagação: a ordem de obrigações e punições emanadas nas duas resoluções do Conselho de Controle de Atividades Financeiras fere ou não princípios da livre iniciativa e do sigilo de dados pessoais, garantidos na Constituição? O tributarista Raul Haidar lembra que apenas leis abrigam o poder de gerar obrigações e sanções. O princípio de que o direito deve se fundar na Constituição, jamais em medidas, decretos, resoluções e até em leis consideradas inconstitucionais, é um dos mais sagrados das Nações democráticas. Desvios e ilegalidades que ocorrem na vida institucional revelam muito sobre o estado civilizatório que o país atravessa. É o caso de enxergar um viés politiqueiro na planificação e execução de políticas de monitoramento do universo dos negócios, não se descartando a hipótese de que grupos, hoje imperando na administração pública, se esforçam para impor uma visão onipotente, onisciente e onipresente. A onipresença fica patente na intenção escancarada de multiplicar os olhos do Big Brother, não deixando nenhum espaço fora de sua vista (George Orwell ficaria embasbacado); a onisciência se apresenta no modo unívoco de entender que o Estado encarna a moral, é a razão efetivada, um Todo ético organizado, na expressão de Hegel, não cometendo erros; e a onipotência se apresenta na atitude rude de rasgar a letra constitucional. Mais uma observação. Ao contrário da cultura anglosaxã, de rígida obediência à normas, a cultura tupiniquim usa frequentemente as curvas para se moldar aos climas impostos. Será que os inventivos controladores do Conselho não imaginaram o cadastramento de operações falsas, malandragem para atrapalhar concorrentes? Perfis mafiosos ou de má fé não produzirão denúncias apenas para embaralhar as cartas do jogo? É razoável a hipótese de que alguns, entre esses “agentes do Estado”, agirão em causa própria, usando a norma para preencher conveniências pessoais. Na conta das probabilidades, não se descarta a beligerância entre amigos e clientes, quando uns descobrirem que outros apontaram o “dedo duro”. Nessa moldura, entra bem a imagem de Sólon, um dos sete sábios da Grécia antiga, também conhecido como o pai da Democracia. Perguntaram a ele se as leis que outorgara aos atenienses eram as melhores. Respondeu: “dei-lhes as melhores que podiam eles aguentar”. A resposta do filósofo exprime moderação e clareza mental, valores que construíram a grandeza de Atenas. Ao longo da história da civilização, as Nações beberam nessa fonte de conhecimento, produzindo boas leis, plasmando bons princípios e sólidos valores sobre os quais repousam o edifício das liberdades e os fundamentos do Estado Democrático. É o caso de indagar aos dirigentes do COAF se as disposições que outorgaram aos brasileiros são condizentes com o império do Direito ou desenham a imagem do Leviatã, o monstro bíblico, cruel e invencível, plasmado pelo ideário absolutista de Thomas Hobbes. Talvez seja o caso de Suas Excelências refletirem sobre a lição de Montesquieu em seu Espírito das Leis: “a única vantagem que um povo livre exerce sobre outro é a segurança que tem de que o capricho de um ou de outro não lhe tirará seus bens ou sua vida. Um povo com esse bom senso seria tão feliz quanto um povo livre”. Gaudêncio Torquato, jornalista, professor titular da USP é consultor político e de comunicação. Twitter: @gaudtorquato

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Concurso incentiva alunos a praticar esporte e cuidar do meio ambiente Vencedor do projeto será agraciado com uma bicicleta. Secretaria de Educação trabalha junto a organização da 2ª Copa Internacional de Mountain Bike nesse concurso Daniel Michelini

Daniel michelini

daniel.resende@gazetaoeste.com.br

Dois objetivos em apenas um ato. É isso que espera a secretaria municipal de Educação de Divinópolis. Buscando conscientizar os alunos sobre a importância da preservação do meio ambiente e motivá-los a praticar atividades físicas, especialmente o ciclismo, a secretaria promoverá o Concurso de Redação e Desenho, juntamente com a organização da 2ª Copa Internacional de Moutain Bike, em Divinópolis. O tema do concurso é “Ciclismo Ecológico: como usar a bicicleta na preservação do meio ambiente?” e o trabalho deverá ter o título “Pedalando você se torna saudável, ecológico e econômico”. A coordenadora da Sala Verde, Sônia Diniz, revela que, no ano passado, o organizador da Copa Internacional procurou a coordenação e a secretaria com a ideia de associar a competição com o concurso: “Sabemos que, cada vez mais, esse incentivo ao uso da bike é importante. O trânsito está cada vez mais difícil, e as pessoas tem que ter uma nova maneira de pensamento”, afirmou Sônia, revelando a aceitação do convite pensando em projetos com os alunos: “Nos dispusemos a entrar em contato com as escolas, pois fazemos parte da secretaria de Educação. O nosso papel foi fomentar a participação dessas

escolas no concurso. Embora o prazo tenha sido curto, tivemos a participação de algumas escolas com muito entusiasmo”. Apenas o terceiro ano do ensino fundamental participa da categoria desenho. Já os alunos do oitavo e nono anos concorrem à categoria redação. As escolas se inscrevem a partir do momento que elas entregam os trabalhos, até o dia 25 de junho. Cada escola entregará apenas um trabalho: “Elaboraremos uma comissão na secretaria para destacar o trabalho vencedor”, disse Sônia. Os vencedores do concurso receberão uma bicicleta como prêmio. Além dos alunos, o professor orientador também será agraciado: “A bicicleta ainda encanta os jovens. Eles ficam entusiasmados. O concurso também valoriza o professor, o que é muito importante. A maioria dos concursos esquece deles, que possuem um papel fundamental dentro da sala de aula, pois estes motivam os alunos a participar”. Sônia diz que o projeto é muito importante para que as pessoas reflitam sobre a conscientização ecológica: “Os problemas chegam, e nós é quem temos que mudar. A bicicleta pode ser a solução para o meio ambiente e para o trânsito”. BENEFÍCIO À VIDA De acordo com a coordenadora, a bicicleta faz um bem enorme para o meio ambiente,

Coordenadores se mostram animados com o projeto

pois é um veículo limpo: “No nosso município, estamos vendo cada dia mais ciclistas nas ruas. Esse é um movimento mundial. As pesquisas confirmam o benefício da bicicleta para o corpo humano e vários países reconhecem a bicicleta como um veículo de transporte”. É uma opinião compartilhada por Rogério José da Silva, educador físico e ambiental. Segundo ele, vivemos hoje em um mundo corrido: “Os hábitos, na modernidade, mudaram. O avanço da tecnologia fez com que tornássemos mais sedentários. Nós não estamos caminhando mais para o trabalho, estamos indo apenas de carro

ou ônibus”, afirmou. Assim, Rogério aponta que o interessante do concurso é motivar os jovens a resgatar o uso da bicicleta: “As pessoas tem que utilizar mais a bicicleta para atividade física. Dessa maneira, a qualidade de vida será muito maior”. Para finalizar, o educador lembra que a bicicleta pode ser utilizada como uma academia: “Todas as academias são equipadas com bicicletas ergométricas, por exemplo”. O resultado do concurso será divulgado no dia 30 de junho no site da prefeitura, na secretaria municipal de Educação e por e-mail às escolas inscritas.

“Passado em Jornais” exposição conta a história dos primeiros 50 anos da cidade Luiz Felipe Enes

Luiz Felipe Enes

luiz.felipe@gazetaoeste.com.br

O museu de Divinópolis recebe a exposição “1° de Junho na imprensa Divinopolitana”. A amostra revela um pouco sobre a comemoração dos primeiros 50 anos da cidade por jornais da época. A exposição apresenta vários jornais da cidade, revelando as comemorações do tradicional 1° de Junho na cidade. A mostra se destaca imponente e relevante acerca do Jornal Impresso. Fatos curiosos podem ser vistos na exposição, como a questão da diagramação nos jornais daquela época. Não existiam computadores, tampouco publicidades nos jornais. Os espaços eram minuciosamente calculados. Os espaçamentos eram medidos à régua. Todos os textos eram redigidos nas máquinas de

escrever, ou seja, um trabalho totalmente manual. Os periódicos são registros importante de um período pelo qual Divinópolis passou. Jornais extintos como “A Estrella Do Oeste”, “Divinópolis Jornal”, “Voz Democrática” e “A Sogra” traziam em meio às palavras, um acervo jornalístico, revelando um vínculo forte, entre o passado e o presente. Os jornais eram como um pensamento revolucionador, mas que sempre trilhavam o mesmo caminho, a mesma meta. O primeiro Jornal chegou à cidade em 1917. O “Divinópolis Jornal”, de propriedade de J. Marcondes Ferraz era vendido a farmacêuticos e personalidades políticas, como Pedro X. Gontijo. O jornal até então, funcionava como diário oficial da Câmara. Na década de 1920, surgia o “Estrella do Oeste Clube”. For-

temente ligado à politicagem mineira da época, como o Partido Republicano Mineiro, e também por seus interesses em trabalhar pelo município, o “Estrella” possuiu grandes articulistas, e contava com a presença de um também farmacêutico, Raymundo Ferreira, Redator do Jornal. Divinópolis na década de 1940 já era uma cidade consolidada. Desenvolvida política e economicamente, já era cercada por grandes representantes que disputavam um lugar na política estadual. Surgia então nessa época o “Voz Democrática”. Criado especialmente para dar algumas opiniões na política e também discutir todo o processo massivo da cidade. Além desses, muitos outros jornais estão em exposição no museu e relatam de várias formas sobre o passado das comemorações de aniversário de Divinó-

“A Sogra” foi um jornal divinopolitano que circulou a partir de 1948 e possuia linguagem peculiar, e muito bem retratava a realidade daquela época

polis. “É um registro jornalístico muito interessante que temos, vale a pena conferir” afirma Welber Skaull, coordenador do Museu Histórico de Divinópolis. O acervo ficará disponível para exposição, até o dia 31 de agosto, no museu que fica na praça da Catedral.


CIDADES 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Ação em comemoração ao dia do doador de sangue é realizada A intenção é agradecer o gesto das pessoas que reconhecem a importância da doação de sangue Mariana Gonçalves

mariana.goncalves@gazetaoeste.com.br

Doar sangue além de ser um gesto de amor e cidadania é uma forma de salvar vidas, por isso, a data de ontem foi especialmente para agradecer e incentivar as milhares de pessoas no país que são voluntárias para a doação de sangue. No Dia Mundial do Doador de Sangue, celebrado ontem o Hemominas da cidade em parceria com o Instituto Estadual de Florestas, IEF, realizou uma ação especial no hemocentro, que envolveu doadores da cidade e região. Shirley Alves de Sousa Silva, responsável por captar doadores relata: “foi oferecido em nossa unidade um café da manhã especial para todos os candidatos a doação e doadores que compareceram na unidade. Além deste café nós distribuímos um material de apoio que foi uma caneta decorada simbolicamente em relação ao tema, e tivemos o apoio do IEF, na distribuição de mudas de plantas. Umas vez que no dia 5 de junho foi comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente, então unimos a causa da doação

de sangue ao meio ambiente que é a preservação da vida e do planeta. Tivemos um resultado muito bom, foram 100 mudas distribuídas das 7h até as 13h que é o horário de atendimento da unidade”relata. Enquanto a média mundial de doadores está entre 3% e 5%, no Brasil esse percentual tem sido 1,9% nos últimos cinco anos, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Neste ano, em que a data é comemorada pela décima vez, a OMS lançou a campanha global “Dê a vida de presente: doe sangue”. A organização alerta que com o aumento da expectativa de vida e, consequentemente, do número de doenças crônicas que demandam transfusão de sangue, a doação regular é cada vez mais necessária. Em Divinópolis, a captadora de doares faz uma importante convocação. “Nosso atendimento hoje é como uma Hemo-rede então junho começa o frio e é uma época que o número de candidatos e doadores caem. Então é importante que haja o comparecimento todos os dias daquelas pessoas que estão dentro das condições básicas

Shirley Alves de Sousa Silva

da doação de sangue para que nosso estoque não só o da unidade mais o da rede, permaneça regular durante todo esse período”completa Silva. CONDIÇÕES PARA DOAR De acordo com os critérios adotados pelo Hemominas podem doar sangue pessoas entre 16 e 67 anos. Mas, atenção: se o candidato à doação de sangue tiver entre 16 e 17 anos ou mais de 60 anos, é importante conhecer as normas e documentos necessários para doação de sangue. Podem doar pessoas com boa saúde, pesando acima de 50 kg; pessoas que dormiram bem na noite anterior à doação e mulheres, mesmo se menstruadas ou em uso de anticoncepcionais. Não podem doar; Quem teve hepatite após os 11 anos de idade, exceto se tiver comprovação laboratorial da época de que se tratou de hepatite. Quem tem exposição a situações de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis; Quem teve gripe, resfriado ou diarreia nos sete dias anteriores à doação; Quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas anteriores á doação; Quem usou ou usa dro-

Além do café oferecido aos doadores e voluntários, cerca de 100 mudas de plantas, foram distribuídas pelo IEF

gas injetáveis;Quem apresenta ferimento ainda não cicatrizado; Quem estiver grávida ou em período de amamentação; após o parto normal é necessário aguardar três (3) meses; após cesárea, seis (6) meses; Quem fez qualquer exame por endoscopia

nos seis (6) meses anteriores à doação; Quem fez cirurgia por laparoscopia nos seis (6) meses anteriores à doação; Quem fez tatuagem nos últimos 12 meses anteriores à doação. Quem fez ou faz tratamento dentário (a pessoa pode ser impedida de

doar por um período de 1 a 30 dias, conforme o caso). Quem colocou piercing nos últimos 12 meses anteriores à doação. Piercing localizado em área genital ou na boca, somente poderá ser liberada a doação, 12 meses após sua retirada.

65% de crianças já se vacinaram contra a poliomielite Contudo, meta imposta pelo Ministério da Saúde a todas as secretarias do Brasil é de 95% do público alvo. Campanha termina na próxima sexta-feira (21) Divulgação

Daniel michelini

daniel.resende@gazetaoeste.com.br

A adesão dos divinopolitanos à vacina contra a poliomielite não vem se mostrando igual à mobilização feita quando o assunto foi a Influenza H1N1. A meta, no entanto, é maior do que a da gripe, que era de 80%. Contra a poliomielite, a secretaria municipal de Saúde (Semusa) espera distribuir, pelo menos, 95% das mais de 11 mil doses disponibilizadas. No dia D, oficializado no último sábado (8), menos da metade do público alvo foi vacinado. Ao todo, são 11.710 doses, sendo que 5.021 foram vacinadas no sábado passado. Até ontem, de acordo com dados fornecidos por Marcela Machado Santos, Referência Técnica de ImunizaIDADE

ção da secretaria municipal de Saúde, 64,78% do público alvo havia sido vacinado, o que corresponde a aproximadamente 7.500 crianças. Contudo, a campanha de vacinação prossegue até sexta-feira da próxima semana. Em Divinópolis, 28 unidades de saúde estarão abertas, de 8h ás 17h, procurando atingir a meta imposta pelo órgão máximo de saúde do país. Somente podem ser vacinadas crianças a partir de seis meses de idade até cinco anos, exceto as que já tenham tido algum tipo de alergia à dose anterior. O governo federal oferece, desde sábado, 19,4 milhões de doses em 115 mil postos de saúde. Como esperado, a maior porcentagem de vacinas foi aplicada em crianças que fazem parte do

grupo de seis meses a um ano de vida, onde 75,68% delas foram levadas pelos pais às unidades de saúde da cidade. Mesmo com algumas restrições, Marcela Machado Santos, Referência Técnica de Imunização da secretaria municipal de Saúde, pede que os pais compareçam às unidades de saúde junto com os filhos para que sejam verificados os cartões de vacina e até mesmo a situação da criança em relação à vacina da poliomielite, uma vez que as alergias podem não ter sido provocadas pela vacina após a primeira dose. A poliomielite está erradicada no Brasil há mais de 30 anos. Mesmo assim, o Ministério da Saúde promove a campanha para que a doença continue erradicada no país por tempo

P OR C ENTAGE M

indeterminado. Algumas regiões do município exigem uma demanda maior devido ao número de bairros que as unidades de saúde atendem como o Centro da cidade, além das regiões dos bairros Niterói, Ipiranga e São José.

6 meses a um ano: 75,68% 1 ano a 1,11 ano: 60,60% 2 anos a 2,11 anos: 69,05% 3 anos a 3,11 anos: 60,02% 4 anos a 5 anos: 64,34% Total: 64,78%


08 Esporte

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Produtores rurais fecham rodovia em protesto Rita Campos

geram empregos e renda para os municípios. A manifestação aconteceu, de forma simultânea, em diversos

estados da Federação que enfrentam problemas com relação à causa indígena, dentre eles o Mato Grosso do Sul.

PROCLAMAS Leila Maria Fagundes Isolani, Oficiala e Tabeliã de Registro Civil das Pessoas Naturais do distrito de Santo Antônio dos Campos, município e comarca de Divinópolis- MG, situado na Rua João Martins Coelho, nº 331, em Santo Antônio dos Campos, município de Divinópolis-MG, em pleno exercício de seu cargo e na forma da lei, faz saber que pretendem se casar: BRUNO EDILSON SALOMÉ, Filho de Edilson Afonso Salomé e de Dª. Dezina Severino Ferreira Salomé e MARIA DOS REIS SANTOS, filha de Gonçalo Rodrigues dos Santos e de Dª. Maria Lúcia de Moraes Santos. Santo Antônio dos Campos, 14 de junho de 2.013.

Na manhã de ontem, produtores rurais de Pompéu e Martinho Campos fecharam a BR-352 no entroncamento com a MG-164 para protestar contra a demarcação de terras indígenas na região. O movimento aconteceu em todo o Brasil para chamar a atenção das autoridades para o assunto. De acordo com informações, cerca de 200 produtores rurais e moradores de Pompéu e Martinho Campos realizaram a manifestação devido a índios, incitados pela Funai e pelo Cimi, invadiram diversas fazendas em todo o país, gerando uma situação de insegurança aos produ-

tores rurais. A movimentação dos produtores, que interrompeu o fluxo nas duas rodovias, foi para mostrar a sociedade os problemas do setor em relação à questão indígena. A paralisação foi pacífica, utilizada apenas como um ato de indignação diante de um governo que não coloca limites aos índios. Organizado pela Associação de Proprietários Rurais do Vale do Rio Pará, o protesto procurou conscientizar o cidadão sobre o problema vivido por 41 produtores rurais de Pompéu e Martinho Campos. Os organizadores do movimento distribuíram cerca de 3.000 panfletos, expuseram

faixas e levaram tratores para as margens das rodovias. Após o protesto, os produtores realizaram carreata na cidade de Martinho Campos. Portaria da Funai, publicada em 26 de março de 2013, estipula área de 5.411 hectares a ser demarcada na zona rural dos dois municípios, a fim de instalar uma tribo indígena denominada Kaxixó. Títulos bicentenários O produtor rural do município de Pompéu, Álvaro de Campos, participou da manifestação e destacou que as terras possuem titulação bicentenária.

“Produzimos, geramos empregos e renda para os municípios. Temos títulos, vivemos da terra. Agora vem o Governo Federal e quer tomar as nossas propriedades? Como fica a situação das nossas famílias e das pessoas que trabalham conosco? Queremos chamar a atenção do Governo Federal, que tem sido omisso na questão indígena em todas as regiões do nosso país”, protestou. As propriedades rurais que podem ser atingidas estão em sua sétima, oitava geração de herdeiros, e possuem escrituras. Os produtores da região vivem exclusivamente das suas terras,

HOSPITAL E MATERNIDADE SANTA MÔNICA S/A CNPJ 23.772.726/0001-48 NIRE nº 31300009394 EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA E EXTRAORDINÁRIA

Ficam convocados os senhores acionistas do Hospital e Maternidade Santa Mônica S/A a se reunirem em Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária, a realizar-se no dia 27 de junho de 2013, às 15horas e 30 minutos, na Rua Pedro Ferreira do Amaral, nº 33, bairro Padre Libério, Divinópolis (MG), para: (i) tomar as contas dos administradores, examinar, discutir e votar as demonstrações financeiras relativas ao exercício de 2012; (ii) deliberar sobre a destinação do eventual lucro líquido do exercício de 2012 e sobre a eventual distribuição de dividendos; (iii) deliberar sobre a reforma e retificações do estatuto social, conforme proposta da Diretoria; (iv) apresentar sugestões de alteração ao regimento interno do Hospital, conforme proposta da Diretoria. Aviso: todos os documentos relativos à ordem do dia se encontram à disposição dos acionistas na sede da sociedade. Divinópolis, 18 de junho de 2013. Diretor Presidente, Dr. Bruno Franco Amaral.


Esporte 09

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Brasil estreia hoje na Copa das Confederações

Luciano Eurides

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

TRANCOS E BARRANCOS Estou um pouco cansado da Copa Rural. A competição é tradicional

Rafael Ribeiro/CBF

acolhe um público maior que muitos jogos profissionais e ainda assim

A seleção Brasileira estreia hoje, 16h, na Copa das Confederações FIFA Brasil 2013. A partida é contra o Japão, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. O time treinou à tarde no Centro de Capacitação Física do Corpo de Bombeiros, localizado na Asa Sul de Brasília, em atividade que foi aberta para a imprensa na sua segunda parte. A Seleção Brasileira treinou também no Estádio Nacional de Brasília, o Mané Garrincha, local do jogo contra o Japão. Os jogadores da Seleção Brasileira são, em sua maioria, craques consagrados, realizados profissional e financeiramente. Famosos, assediados em todo o mundo, muita gente imagina que sejam “mascarados”, arredios ao contato com os torcedores. Muito ao contrário. São pessoas simples, amigos e atenciosos no trato com as pessoas. Claro que não dá para uma proximidade maior e frequente com os torcedores. Seria impossível, devido aos compromissos de treinos e estada nos hotéis onde ficam concentrados. Mas, quando as oportunidades aparecem, eles mostram toda a sua simpatia e disposição para atender aos torcedores. Ao final dos treinos, estão sempre juntos a eles, dando autógrafos

não tem tido respeito algum por parte da organização. A secretaria de Esportes faz essa competição anualmente, ou seja, um ano para se preparar e começa tudo aos trancos e barrancos. A tabela ainda é uma bagunça jamais vista. Os jogos que eram de uma rodada serão na outra e os da outra serão aqui e nem sequer onde serão os jogos se é informado. O regulamento mais uma vez não foi divulgado, vamos nós da imprensa atrás das equipes para fazer cópia. Os resultados dos jogos é outra luta para se conseguir, aí me falam que estão na internet, como se na zona rural tivesse acesso a rede mundial de computadores. Coloquei um pedido de desculpas pelo atraso na divulgação dos resultados e fiquei pasmo ao saber que o único órgão que pode divulga-los é a comunicação da prefeitura. Até então entendia que era uma competição pública, realizada com dinheiro nosso e direito de todos saberem, no mínimo o placar dos jogos. Péssima intervenção da secretaria. Sei da seriedade dos jogadores que esperam o ano todo por essa competição, dos árbitros que deixam suas famílias em pleno domingo para trabalhar em benefício do esporte. O investimento financeiro feito pelas comunidades é alto e honesto. Tudo tem de ser respeitado por mim e por todos, mas a competição que ano que vem comemora 30 anos, está ultrapassada e deixa de ser grande, por culpa de poucos. CRAQUE É RARO Encontrar um bom jogador de futebol, aquele que faz a diferença nos jogos e leva o time a grandes conquistas é tão raro quanto encontrar uma pedra preciosa. Por isso quando se encontra tem de tomar todos os cuidados para não o perder. A busca por esses jogadores leva as disputas financeiras de alto valor. E não raras vezes a brigas judiciais. Falo tudo isso para os dirigentes de futebol não deixarem passar algumas jóias que estão soltas na cidade a procura de uma lapidação. Thalles Alvim, por exemplo, jogando no Flamengo a Imef, importante sim, mas será que o Vasco da Gama na disputa da competição mais importante

Ministro Gilmar Mendes visitou a Seleção Brasileira

e tirando fotos. Nos hotéis onde eles ficam concentrados, o contato se torna maior. Os funcionários que os atendem, por todos os lugares onde a Seleção passa, procuram fazê-lo da maneira mais bem-feita possível. Conversam com os jogadores, recebem atenção. Nesta sexta-feira, na véspera do jogo contra o Japão, os atletas

fizeram questão de confraternizar com os funcionários do Brasília Palace. O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, visitou também a delegação da Seleção Brasileira nesta sexta-feira no Brasília Palace Hotel. Apaixonado por futebol, torcedor do Santos, Gilmar Mendes conversou demoradamente com Felipão e o seu auxiliar

Murtosa e foi convidado para almoçar. O ministro agradeceu, mas alegou que preferia não mudar a rotina da delegação, de preservar a privacidade aos jogadores. O ministro Gilmar Mendes fez questão, no entanto, de cumprimentar todos os jogadores à entrada do grupo no refeitório do hotel e se pôr à disposição da delegação em Brasília.

do estado, o time está atento que ele (Thalles Alvim) é o melhor atleta da categoria, com experiência competitiva internacional e pode ser uma

Faltam definições para a sequência da Taça Amobi

importante conquista cruzmaltina? PROTESTOS

Divulgação

No último sábado foram definidas as duas equipes que irão disputar a semifinal da Taça Amobi de futebol amador, no bairro Ipiranga, em Divinópolis. No primeiro jogo da tarde o Colorado marcou quatro gols contra a equipe do Padre Eustáquio, sendo assim o Colorado se classificou para a próxima fase. Já no jogo de fundo a equipe do Manchester perdeu para equipe da Construtora Solidez pelo placar de 1x9 e de acordo com o público presente foi um golaço de Filipinho, com um bom chute fora da área. Os outros jogos para determinar os próximos semifinalistas serão realizados na tarde de hoje.

A onda de manifestações que começou em São Paulo, inicialmente contra o aumento das tarifas de transporte público, chegou a Brasília na véspera da estreia da seleção brasileira na Copa das Confederações. Nesta sexta-feira, um dia antes do jogo contra o Japão, mais de uma centena de pessoas desfilou diante do Estádio Mané Garrincha para protestar. Os manifestantes levaram muitas faixas e até atearam fogo em uma barricada de pneus, com o intuito de fechar o fluxo de veículos em uma das vias de acesso à arena. Suas faixas reclamavam do “AI6 da Copa” (em alusão ao Ato Institucional número 5, o mais duro da ditadura militar brasileira), pediam liberdade aos manifestantes de São Paulo, reforçavam que não se tratavam de terroristas e criticavam principalmente os gastos do governo para a realização da Copa do Mundo de 2014 no Brasil. Havia também quem lutasse por habitação. Ao contrário do que ocorreu em São Paulo, não houve violência, pelo menos durante a manhã em Brasília. Policiais acompanharam a manifestação de perto, alguns com armas à mostra, mas não fizeram uso de força para dispersar os manifestantes, escoltados por inúmeras viaturas, observados à distância e até por um helicóptero.

CADEIRA GIRATÓRIA SECRETÁRIA

Proporciona as melhores promoções do mês de Junho pra você! Avenida Antônio Olimpio de Morais, 41 Centro – (37) 3221-4876

Equipe do Manchester foi surpreendida dentro da competição da Taça Amobi

TECLADO

19,90

R$

109,00

R$

LEITOR DE CÓDIGO DE BARRAS

R$

219,90

IMPRESSORAS A PARTIR DE

199,90

R$


10 Esporte

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Vasco da Gama viaja para Araxá para se firmar definitivamente no Campeonato Mineiro LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

O Vasco da Gama de Divinópolis encara na manhã desse sábado o time do Araxá, dentro do Fausto Alvim, pelas categorias infantil e juvenil. No infantil a expectativa é de uma boa partida, um resultado positivo e até mesmo a primeira vitória. Para o juvenil os três pontos são essenciais para uma futura classificação ao hexagonal final. Para a categoria infantil o time que esteve com dez atletas em campo frente a equipe do Araxá lutou muito e acabou sendo goleado. Para o jogo de volta, é uma oportunidade de devolver a derrota em casa, se com dez atletas o time teve oportunidades, a motivação está no fato de que com o grupo completo a primeira

vitória na competição aconteça naturalmente. Ainda hoje esta mesma categoria regressa para Divinópolis e joga às 15h30 o clássico no Mendes Mourão. Na categoria juvenil o treinador Gilmar Lopes Rosa ainda tem dúvidas para escalar o time. Vinícius expulso terá de cumprir suspensão e Leonardo Costa joga na zaga e Tulio ganha a vaga no meio campo. “Tenho duas dúvidas, os garotos estão com febre e caso venham para o jogo começaremos com (Gabriel no gol). Diogo, Cromado e Léo. Batata na direita, Daniel e Tulio no meio, Junior na esquerda. Léo Ribeiro e João Pedro no meio e Bruno na frente. Se o Diogo não for para o jogo devo entrar com dois zagueiros e colocar o Leozinho na frente”, adiantou o treinador. O jogador Léo Amaral garan-

tiu que iniciando ou não a partida o objetivo é toda a equipe se unir em busca da vitória e a classificação. “Ansiedade sempre tem para conseguirmos a vitória e quanto a mantermos a esperança basta agora o time jogar o que sabe. Se vou ser titular ou não, depende do Gilmar e a qualquer hora que eu entrar vou fazer meu melhor e se não entrar também já estou fazendo meu melhor”, garantiu ele. A delegação deixou Divinópolis por volta de meia noite, previsão de chegada em Araxá para as 5h, onde descansam da viagem e já entram em campo. O regresso será logo após a partida. A Federação Mineira de Futebol escalou a arbitragem da partida com Elmivan Alves Andrade (Especial FMF), Giancarlo Machado (FMF) e Luiz Carlos Brum (FMF).

Luciano Eurides

Vasco tem novo desafio frente o Araxá

Mesmo com muita confusão, tem sequência a Copa Rural Luciano Eurides

LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

A Copa Rural 2013 terá sequência no final de semana, depois de alterações nos jogos, inscrições, mandos de campo e arbitragem, a competição entra na segunda rodada com ar de tragédia anunciada. A primeira rodada foi marcada por dupla jornada para a arbitragem, o trio que apitou dois jogos pela manhã na comunidade dos Lopes foi repetido em Santo Antônio dos Campos em cerca de apenas duas horas de

Choro irá a Djalma Dutra pela segunda rodada da Copa Rural

intervalo entre a última partida da manhã e a primeira da tarde, total de 360 minutos de arbitragem para cada membro do trio. Em Choro a confusão foi na lista de atletas, nomes acrescentados e inexistentes, sem considerar os erros de digitação. A tabela enviada aos órgãos de comunicação é diferente da tabela de jogos das equipes. Segundo o coordenador Cleber Buglê a quarta rodada será antecipada a pedido do Gabinete do Prefeito, para que o mesmo possa participar da assinatura de uma ordem de serviço em

Córrego Falso. A coordenação confirmou a rodada com Cachoeirinha que recebe os Branquinhos, a Mata dos Coqueiros vai ao Quilombo e Djalma Dutra recebe o Choro. Folga os Costas. Na outra chave jogam Amadeu Lacerda e Lopes em partida na comunidade de Amadeu. Cacôco de Cima e Perobas jogam em Lopes e Campista e Inhame se enfrentam em Santo Antônio dos Campos. Folga Córrego Falso. Todos os jogos serão em duas categorias, sendo aspirante e titular.

Inscrições da Série B do Divinópolis Clube estão a todo vapor Divulgação

Para o associado participar deste torneio, deverá preencher devidamente a ficha de inscrição nas secretarias da Sede Campestre ou Urbana até o dia 23 de Junho e aguardar o sorteio que deverá acontecer na semana posterior ao encerramento das inscrições. CAMPEONATO ADULTO já tem 8 equipes confirmadas Considerado um dos melhores campeonatos de Futebol Society da Região Centro Oeste em Clubes, o Divinó-

A Série B do Divinópolis Clube está sendo esperada por um grande número de partici-

pantes para a temporada 2013, implantada então na Gestão do Diretor de Futebol, José Gui-

lherme. A proposta deste torneio é reunir os jovens talentos e aqueles jogadores que não

estão ligados a uma competição mais apurada como Adulto e Máster do Divinópolis Clube.

polis Clube vem realizando ajustes finais para abertura de mais uma competição na temporada 2013, com a realização do Campeonato Adulto que irá reunir grandes nomes do futebol de Divinópolis e região Centro Oeste. Até o momento oito equipes já estão confirmadas sendo estas representadas por: Rafael Antenor, Euller Carneirinho, José Maria, Leandro Greco, Daniel Carregal, Eduardo Tavares, Gilmar e Claudinei.


polícia 11

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Homens roubam moto na rua Goiás e são presos pela PM no bairro São José Durante a fuga um dos assaltantes disparou contra a Polícia Militar, que revidou atingindo a perna do homem. A motocicleta roubada foi recuperada Erik Ullysses

Polícia Militar agiu rapidamente e conseguiu prender os dois suspeitos de terem roubado a motocicleta Erik Ullysses

erik.ullysses@gazetaoeste.com.br

No final da tarde de ontem dois homens suspeitos de roubarem uma motocicleta a mão armada na rua Goiás, bairro Santo Antônio, foram presos pela Polícia Militar. Durante a perseguição aos dois indivíduos houve troca de tiros e um dos assaltantes acabou sendo baleado na perna. Os

dois foram detidos próximo à praça da Bíblia, no bairro São José. A motocicleta roubada foi recuperada pela PM. De acordo com o capitão Alexander de Oliveira, o assalto aconteceu próximo à Cimcal, quando a vítima foi abordada pelos dois indivíduos, momento em que um deles sacou a arma de fogo e anunciou o assalto, levando sua motocicleta. “Houve dois cidadão que

Motocicleta roubada foi recuperada pela Polícia militar no bairro São José durante a tarde de ontem

cometeram um roubo a mão armada a uma motocicleta lá no alto da Goiás, próximo da Cimcal, e assim que nossa central tomou conhecimento, passou na rede de rádio, as viaturas que estavam no turno realizaram o cerco e bloqueio e eles fugiram em direção ao São José. As motos policiais estavam posicionadas estrategicamente aqui no São José e depararam com a moto tomada

de assalto ” contou o capitão. Após avistarem a motocicleta foi feito o acompanhamento dos autores, que em dado momento atiraram contra os militares. Para se defenderem, os militares utilizaram suas armas e um dos tiros acabou acertando a perna de um dos indivíduos. “Na hora em que eles viram que estavam sendo acompanhados o que estava sentado na garupa sacou uma

arma de fogo, efetuou um disparo em direção aos policiais. Então em defesa da vida dos policiais, de forma proporcional, necessária, os policiais utilizaram suas armas de fogo, sendo que um dos disparos veio a acertar a perna de um dos cidadãos” explicou. Os dois foram presos, sendo que o ferido na perna foi levado para a o Pronto socorro, onde foi atendido por um médico. O

segundo suspeito foi encaminhado para a Delegacia, bem como a arma de fogo apreendida. De acordo com o capitão Alexander, os dois autores já possuem uma extensa ficha criminal, tendo passagens pela polícia por roubo a mão armada, tráfico de drogas, receptação e porte de arma de fogo. Um deles inclusive havia sido preso há cerca de um mês no bairro Catalão por tráfico de drogas.

Loja de celulares na 1° de Polícia Civil prende cinco suspeitos de Junho é assaltada durante a tarde terem arrombado a Delegacia da Mulher Dois homens, estando um deles armado com uma réplica, levaram cerca de dez Suspeitos foram presos no bairro Nações durante a noite de quinta-feira (13), dois celulares da loja. Durante a fuga os assaltantes deixaram os aparelhos roubados na dias após o furto. PC apreendeu com os suspeitos duas armas que haviam sido roubadas da Delegacia e munições rua Rio de Janeiro Erik Ullysses

Uma loja de telefonia celular foi assaltada em plena luz do dia na avenida 1° de Junho. O assalto ocorreu no início da tarde de ontem. Segundo a vendedora da loja, dois indivíduos armados realizaram o assalto e roubaram aproximadamente dez celulares. durante a fuga dos assaltantes os aparelhos foram deixados na rua Rio de Janeiro. A vendedora relatou que os dois indivíduos chegaram à loja, sendo que um entrou e o outro ficou parado na porta do lado de fora impedindo a passagem. A vítima contou que o indivíduo que entrou na loja mostrou a arma (posteriormente foi descoberto que se tratava de uma réplica), anunciou o assalto e disse que era para ela passar os celulares e que não faria nada com ela. Logo em seguida ele pegou os celulares que estavam guardados dentro de uma gaveta e tentou levar as capas dos aparelhos que estavam na vitrine, mas não conseguiu. Logo em seguida a vendedora começou a gritar por socorro e os assaltantes então fugiram, os

A Polícia Civil de Divinópolis prendeu durante a noite de quinta-feira (13) cinco homens suspeitos de serem os responsáveis pelo arrombamento e furto de materiais na Delegacia da Mulher, ocorrido na noite de terça-feira (11). Com os suspeitos os policias apreenderam ainda

duas armas de fogo e munições que haviam sido levadas da delegacia na ocasião. A PC informou que os suspeitos foram presos em duas residências no bairro Nações. Desde o dia do furto a polícia já suspeitava de quem havia cometido o crime e vinha inves-

tigando. Mesmo com a prisão de cinco pessoas, a Polícia Civil informou que o mandante do crime continua foragido. As duas armas recuperadas faziam parte do total de oito que os criminosos roubaram da Delegacia. ( E. U.)

Equipamentos furtados em uma empresa são recuperados pela PM durante a madrugada Loja foi assaltada em plena luz do dia no Centro da cidade. Vendedora contou que um dos homens portava uma réplica de arma de fogo

suspeitos foram perseguidos por vendedores de lojas próximas à telefonia. Em dado momento da fuga, os dois criminosos jogaram ao chão os aparelhos roubados quando passavam pela rua Rio de Janeiro. Segundo testemunhas, na avenida Antônio Olímpio os homens dispersaram a réplica de arma de fogo. A vendedora contou ainda

que os dois indivíduos eram gordos, sendo um baixo e um alto. O mais alto deles foi o que entrou na loja e trajava uma blusa preta e calça jeans e aparentava ser mais velho. Já o mais baixo estava com uma blusa branca, calça jeans e boné. A Polícia Militar segue fazendo o rastreamento em busca dos autores. ( E. U.)

Foram presos dois homens que transportavam os materiais furtados pelas ruas do bairro Vila Belo Horizonte. Ação da PM aconteceu durante a madrugada de ontem A Polícia Militar de Divinópolis recuperou diversos materiais furtados em uma empresa da cidade durante a madrugada de ontem. Os materiais eram carregados por dois indivíduos na Vila Belo Horizonte. A PM informou que por volta de 02h45, durante um patrulhamento pela rua José Onésimo de Andrade, militares

avistaram dois indivíduos carregando um monitor, uma CPU, um teclado e uma fonte. Quando os militares foram abordar os suspeitos H.A.S, de 25 anos, e R.M.J, de 19 anos, estes iniciaram uma fuga, mas foram contidos e abordados. Posteriormente o proprietário de uma empresa compareceu

ao local onde os suspeitos foram detidos e reconheceu as peças furtadas como sendo o computador de seu estabelecimento. Dessa forma, os dois suspeitos foram presos e levados para a Delegacia da Polícia Civil, bem como os materiais furtados, onde foram autuados. ( E. U.)


12 geral

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

ÁGUA DA GENTE. O MAIOR PROGRAMA DE ÁGUA E ESGOTO DA HISTÓRIA DE MINAS.

O programa Água da Gente é o resultado de um compromisso do Governo de Minas e da Copasa com a melhoria das condições de vida dos mineiros e um marco na história de Minas. O programa irá melhorar e modernizar os sistemas de tratamento de água e de esgoto em todo o Estado.

O Governo de Minas e a Copasa deixam claro e transparente o futuro de milhões de mineiros. O maior investimento da nossa história: até 2016, mais de

4,5 BILHÕES DE REAIS

Em 2003, apenas 10,4 milhões de mineiros tinham água tratada da Copasa.

Em 2003, apenas 4,8 milhões de mineiros tinham rede de esgoto da Copasa.

Em 2016, serão mais de

Em 2016, serão mais de

15,2 MILHÕES

10 MILHÕES

Em 2016, onde tem Copasa

85%

da população terá esgoto tratado

Levar água com a máxima qualidade e garantir tratamento de esgoto para milhões de pessoas abrem caminho para o desenvolvimento, para gerar empregos, para melhorar a saúde, para evitar doenças, para preservar os nossos rios e para garantir melhor qualidade de vida para as pessoas.

ATÉ O FINAL DE 2016,

107 NOVAS ETE

S

(ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE ESGOTO)

PRODUTOS PARA CALÇADOS

Nos 50 anos da Copasa, o programa Água da Gente mostra que Minas tem trabalho eficiente e resultados para as pessoas.


Praça do Santuário

Entre o lazer e a violência

Moradores e comerciantes do entorno da Praça do Santuário reclamam do alto número de mendigos que habitam a praça, do tráfico e consumo de drogas a luz do dia e de animais abandonados. A Matéria Especial conferiu as reclamações e buscou respostas para os problemas. Amilton Augusto amilton.augusto@gazetaoeste.com.br

Os problemas de mendicância, desigualdade social, tráfico e consumo de drogas são enfrentados por quase todos os cidadãos de municípios de médio e grande porte. Em Divinópolis, problemas típicos, estão chamando atenção de moradores e comerciantes do entorno da Praça do Santuário, no Centro. A praça, inaugurada em 1954, atualmente serve de abrigo para moradores de rua e cães abandonados, ponto de tráfico e consumo de drogas a luz do dia e de painel para pichadores. Os problemas recorrentes incomodam a população do entorno e frequentadores, que move reclamações na mídia e nos órgãos públicos competentes. A Gazeta do Oeste levantou os problemas apontados por comerciantes e moradores da região, apurou como praça está sendo utilizada e buscou respostas nos órgãos públicos relacionados. Confira qual a real situação da Praça do Santuário. Problemas Esta reportagem acompanhou a rotina da praça durante um dia útil. Rodeada de prédios e comércios destinados às classes média e alta, o cartão-postal é frequentado por pessoas de todas as idades sem distinção. Pela manhã, crianças acompanhadas de babás se divertem, enquanto no final da tarde e a noite, casais de namorados ocupam os bancos. Duas escolas e o Santuário de Santo Antônio compõem o cenário. Nos últimos meses os moradores e comerciantes estão reclamando na mídia, nos órgãos públicos e nas redes sociais sobre o suposto descaso que a praça enfrenta. A maioria das reclamações tange a respeito da ocupação da praça por mendigos, o uso de drogas por adolescentes e adultos, pichações, invasão de cães abandonados e furtos no comércio local. Outro incomodo é o barulho causado por grupos de jovens que usam a praça para beber e tocar violão. O comerciante de uma sorveteria, Túlio Martins, fez duras críticas ao Poder Público e nos relatou os principais problemas enfrentados em seu comércio. “Aqui na praça tem muitos usuários de crack e mendigos. Eles atrapalham o comércio quando

veem pedir dinheiro aqui na porta, incomoda os clientes e isso acaba afastando a freguesia? Tem também o problema do lixo espalhado. De madrugada eles rasgam as sacolas de lixo procurando algum alimento. A prefeitura já pediu para o pessoal da região para colocar o lixo em um único horário, mas é difícil, como eu vou armazenar lixo com alimento aqui na loja? Não posso fazer isso. Já conversamos com a prefeitura, já reclamamos na imprensa e nosso problema não é resolvido. O papel da prefeitura deveria ser retirar os mendigos daqui, dar um tratamento mais adequado para eles em outro local. Aqui atrapalha todo mundo”, criticou o comerciante. Outro sério problema denunciado é sobre o tráfico e uso de drogas. A praça é habitada por adictos em crack, que utilizam a concha acústica como abrigo e proteção. No momento desta reportagem havia três moradores de rua dormindo no local. O comerciante Túlio Martins também relatou o flagrante de uso de drogas por adolescentes. “Aqui fica perto de escola e eu já vi sim muitas vezes pessoas usando drogas aqui na praça. Basta ficar atento algumas vezes que é possível ver adolescentes de 14, 15 anos fumando maconha. Tráfico acontece sim, porque já vimos até pessoas sendo presas por este motivo. A polícia faz o patrulhamento aqui, mas na hora que está acontecendo o tráfico eles não estão na praça”, finalizou. Outro comerciante que preferiu não se identificar alegou que os problemas que acontecem na praça são comuns em todas as cidades como Divinópolis. “Estou aqui há oito anos e nunca fui assaltado. Sempre procuro tratar com humanidade os mendigos que moram aqui, vez ou outra eles passam aqui pedindo comida... As pessoas que moram aqui na região reclamam sim, mas esquecem de ver que na cidade toda há problemas com roubo, drogas e mendigos. Não que eu sou a favor destes problemas. Já vi sim algumas pessoas fumando maconha na praça, mas isso acontece em todos os lugares da cidade e ainda temos um diferencial, pois só vi usuários de maconha. Acho que é porque a praça tem uma visibilidade maior, tem muitas pessoas frequentando, talvez isso incomode os moradores, no meu comércio nunca tive problemas”, contou.

Carina Lelles

Amilton Augusto

Barulho e Desordem Durante os dias úteis da semana é comum que grupos de jovens se encontrarem na praça para beber e tocar violão. O incômodo maior neste caso é dos moradores que reclamam do barulho. Fernanda Santos é frequentadora das rodas de violão na praça sai em defesa do uso público da praça. “A praça é utilizada por vários tipos pessoas, crianças, jovens, adultos, idosos, ricos, pobres, pedintes, usuários de droga, estudantes, trabalhadores, afinal é um espaço de convivência, de socialização, trata-se de um espaço público. Na Praça do Santuário em especial, vejo turmas novas de adolescentes e jovens que se formam e passam a frequentá-la a cada dia, seja para beber, pra fumar, para andar de skate, para tocar violão, para conversar, para namorar... Existe a má utilização do espaço público por toda a cidade, nas escolas, hospitais, nas ruas, no trânsito, pichações, lixo revirado, depredação. É possível ver vários exemplos desse uso indevido, não só por parte da população, mas também das autoridades. No caso da praça, a maioria a utiliza em seu momento de lazer, eu, por exemplo, passo por lá pra encontrar velhos amigos, beber alguma bebida e ouvir ou mesmo tocar um som. Houve um boato de que estaria proibido o uso do violão na praça porque ali no prédio próximo mora um Juiz que fez a proibição. Acho que não deveriam proibir o uso do violão na praça, mas estipular um horário, ou um local adequado pra isso, porque fica parecendo que só tem direito ao lazer e a cultura quem tem dinheiro pra consumi-los”, argumentou a freqüentadora. De acordo com a Polícia Mili-

tar, não houve reclamação através do 190 ou 181 a respeito de desordem ou barulho indevido. Animais abandonados Um grande número de cães abandonados, alguns doentes, também são moradores da praça, transitam normalmente entre os bancos e as pessoas. Para a Sociedade Protetora dos Animais de Divinópolis (Spad), os cães abandonados são provenientes de maus tratos e abandono. “A Spad faz um trabalho de conscientização, recolhimento de animais em estado de emergência, tratamento, encaminhamento para adoção, castração, enfim. Dentro do possível, os animais doentes da praça e de outros pontos da cidade recebem nossa assistência, sendo que não contamos com ajuda do Poder Público”, contou. A ONG fez a denúncia de que alguns animais saudáveis já morreram por envenenamento na Praça do Santuário. “Muitos animais saudáveis, estão sendo mortos, envenenados na praça do Santuário, isso é crime, e dá cadeia. Inclusive, uma cachorra que foi castrada pela ONG no ano passado, e era monitorada por voluntários da ONG, morreu envenenada na praça. Ficamos muito tristes”, relatou. A prefeitura, através do Diretor de Vigilância em Saúde, Gilmar Santos, informou que há um serviço permanente de acompanhamento e controle dos animais de rua. O Crevisa, unidade de saúde responsável, realiza castrações e doações destes animais. Cerca de 170 castrações, 70 doações e 120 eutanásias são realizadas mensalmente pelo órgão. “Os animais que ficam junto a Praça, nas ruas é por que alguns moradores fornecem ali-

mento e água para eles na própria calçada das ruas ou praça ou nas imediações da praça. Não que eu seja contra esse ato humanizado, mas, isso faz com que os animais se adaptem a região. Temos que fazer um trabalho educativo com a população que alimenta esses animais e encontrarmos uma maneira de tratá-los com humanidade sem também proporcionar meios que promovam a sua adaptação na praça ou na rua”, concluiu Gilmar Santos. Policiamento e Projeto de Segurança Entre os anos de 2012 e 2013 apenas duas denúncias anônimas foram registradas no 181 em relação aos crimes na Praça do Santuário. Neste período, foram detidas nove pessoas em oito ocorrências, todas envolvidas com tráfico de drogas. Apenas duas buchas de maconha e quatro porções de cocaína foram encontradas em mais de 250 operações na praça e em seu entorno. O número é considerado pequeno para os padrões de tráfico na cidade. Sobre pichações e depredação da praça não há um registro sequer. Para o Tenente Sales, responsável pelo patrulhamento na Praça do Santuário, o apoio efetivo da população é a maior arma contra a criminalidade no local. Para a PM os crimes que acontecem no entorno da praça são característicos dos crimes em toda a cidade, sem nenhum agravante e a quantidade de drogas apreendidas não é alarmante. Em entrevista exclusiva, Ten. Sales contou a esta reportagem sobre o novo projeto de segurança da PM para as praças de Divinópolis. O “Praça Segura”

consistirá na aproximação dos comerciantes e moradores do entorno das praças com a PM para discutir juntos o problema de segurança das praças. “Inicialmente vamos levar o Projeto “Praça Segura” para a Praça do Santuário e Praça da Catedral. Cada praça terá um oficial da PM como padrinho. Através de um e-mail que será disponibilizado aos moradores e comerciantes, o cidadão poderá comunicar diretamente com o padrinho daquela praça para propor medidas, fazer sugestões e contar sobre o que vê na rotina da praça. Somente com a ajuda da população é que conseguiremos combater o crime. Quando um criminoso avista um policial à distância ele se esconde, vai embora... Por isso preciso ter informações do que esta acontecendo na praça. Tivemos apenas duas denúncias anônimas através do 181 em todo ano de 2012”. Uma reunião está marcada para o próximo dia 27 às 19h30 horas no Salão Paroquial do Santuário de Santo Antônio. A intenção é divulgar para comerciantes e moradores o projeto e estreitar os laços de relação entre a PM e a população. O email para que os moradores da Praça do Santuário façam contato com a PM é pracasantuario@pmmg. mg.gov.br. A respeito dos moradores de rua, desde que não sejam flagrados cometendo delitos ou infrações, não há embasamento legal para a PM impedir a livre circulação destas pessoas. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social foi procurada para falar sobre os moradores de rua que habitam a praça, mas não respondeu até o fechamento desta matéria.


02 variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Eduardo Jáber dudu@jaber.net.br

Batata Baroa A mandioquinha é uma raiz conhecida por vários nomes: batata baroa, batata baronesa, batata cenoura e cerofolho. Embora seja uma hortaliça bastante rica em nutrientes, seu consumo é restrito devido ao sabor adocicado, que algumas pessoas acham enjoativo. Na cozinha, seu uso mais comum é em sopas e purês, ou frita como acompanhamento de carnes. A mandioquinha é rica em vitaminas do complexo B e em alguns sais minerais, como potássio e ferro. A mandioquinha de boa qualidade é firme, lisa e de cor amarelo clara. Na hora de comprar, prefira as raízes mais retas, sem muitas reentrâncias e pontos escuros. Para saber quanto comprar, calcule 1/2 kg de mandioquinha para 4 pessoas. Durante uma semana, a mandioquinha se conserva bem dentro da gaveta da geladeira. Passado esse tempo, ela se torna mole e começa a enrugar, perdendo o sabor. Depois de especialmente preparada, a mandioquinha pode ser congelada. Uma porção de 100 g de mandioquinha fornece cerca de 125 calorias. Popular no mundo todo A mandioquinha-salsa, também conhecida por batata-baroa, batata-salsa ou cenoura amarela é uma hortaliça rica em fósforo, vitamina A e niacina, sendo também uma importante fonte de energia em função do seu alto teor de carboidratos. Devido a fácil digestibilidade de seu amido, é amplamente recomendada para alimentação infantil, de pessoas idosas e con-

Creme de Baroa com Camarões

valescentes. É uma raiz tuberosa originária dos países andinos (Equador-Peru), introduzida no Brasil no início deste século, provavelmente a partir da Colômbia. Pertence à família Apiácea, como a cenoura, a salsa, o coentro, o anis, o salsão ou aipo e o funcho. COMO COMPRAR A mandioquinha-salsa é produzida durante todo o ano, entretanto a safra se concentra no período mais frio, quando os preços são mais acessíveis. As raízes frescas, recém colhidas, devem apresentar cor amarelo-intensa. Algumas cultivares produzem raízes brancas, porém estas não são comuns no mercado brasileiro. Evite comprar raízes cortadas, com ferimentos, áreas amolecidas ou manchas escuras, que podem apodrecer mais rapidamente. O tamanho das raízes não é muito importante, mas deve-se evitar aquelas com tamanho superior a 25cm, que podem ser fibrosas por terem sido colhidas de plantas velhas. COMO CONSERVAR As raízes se deterioram muito rapidamente, chegando a apodrecer em 24 horas em temperatura ambiente. Raízes frescas se conservam por até cinco dias, quando embaladas em saco de plástico e mantidas em geladeira doméstica. Em condição ambiente, deve-se evitar embalar as raízes com plástico. A mandioquinha-salsa crua pode ser congelada. As raízes devem ser lavadas, secas com papel absorvente e colocadas em saco de plástico, do qual se retira todo o ar com um bombinha de vácuo.

COMO CONSUMIR Tradicionalmente consumida como sopa, papinha para alimentação de bebês e ensopados, a mandioquinha-salsa é muito saborosa quando utilizada na elaboração de pães, canjas, nhoque, suflês, biscoitos, bolos ou em saladas frias e maionese. Também substitui a batata na forma de chip ou palha. As raízes congeladas não se prestam para a elaboração de frituras, devendo ser utilizadas no preparo de pratos cozidos. Para a retirada da casca, as raízes são raspadas com uma faca sob água corrente, imediatamente após tirá-las do congelador. O descongelamento é feito diretamente ao fogo, durante o preparo do prato.

Ingredientes • 1 kg de camarão cinza limpo sem casca • 2 kg de batata baroa • 2 cebolas médias raladas • 4 dentes de alho amassados • 1/3 xicara de azeite • Pimenta-do-reino e sal a gosto • 1 maço de coentro • 1/2 litro de água Modo de Preparo 1. Cozinhe as batatas e amasse, reserve 2. Em uma panela coloque o alho as cebolas e refogue no azeite até as cebolas ficarem transparentes 3. Refogue os camarões rapidamente até ficarem rosados, se deixar demais eles ficam borrachudos 4. Misture as batatas com o camarão acrescente a água acerte o sal quando começar a ferver, coloque o coentro e desligue o fogo 5. Sirva a seguir como entrada

Eduardo Jáber é Engenheiro de Alimentos, Chef de Cozinha e Sommelier, trabalha com jantares, cursos e eventos. (37) 9937-1826

DICAS Experimente fazer purê de mandioquinha; faça como o purê de batata, somente substitua a batata por mandioquinha. A mandioquinha é um alimento recomendado para atletas e profissionais com alto gasto energético. Pessoas em regime de emagrecimento devem consumi-la com moderação, pois possui muita caloria

VENHA CONHECER O MÁXIMO DA TECNOLOGIA.

• Alfenas • Barbacena • Belo Horizonte • Belo Horizonte • Belo Horizonte • Belo Horizonte • Bom Despacho • Caratinga • Caxambu • Cons. Lafaiete • Divinópolis

Supra Serrana BH For Inova Jorlan Pisa Bovepe Auto Motobrás Mandala New For Automac

Preços válidos até 02/07/2013 ou enquanto durarem os estoques - 50 unidades. Ford Fiesta RoCam Sedan 1.6l 2014 (cat SEA4) a partir de R$ 36.490,00 à vista ou financiado com taxa de 0,00% a.m. e 0,00% a.a, 62,35% de entrada (R$ 22.751,52) e saldo em 24 parcelas de R$ 599 na modalidade CDC com 30 dias de carência para pagamento da 1ª parcela, incluindo tarifas, custos e impostos (IOF). Valor total a prazo de R$ 37.127,52. Custo Efetivo Total (CET) calculado na data de 03/06/2013 a partir de 0,37% a.m. e 4,48% a.a., por meio AutoOeste (35) 3292-5000 do•Programa Formiga (33) 3241-2242 (37) 3322-2000 • Mantena Ford Credit. Não abrange seguro, acessórios, documentaçãoPomal e serviços de despachante, manutenção ou qualquer outro Crevac (38) 3690-7900 • Montes Claros Pomal (32) 3332-1677 • Gov. Valadares (33) 3279-6300 Santos Carvalho 3729-2400 • Muriaé (31) 3489-9000 serviço • Guanhães 3421-1713 prestado peloVesp Distribuidor. Sujeito à(33) aprovação de crédito. O valor de composição do (32) CET poderá sofrer alteração, quando Ímpar (37) 3231-7000 • Pará de Minas Brasauto (31) 3359-9400 • Ipatinga (31) 2109-3003 Sanvel (31) 3881-3600 Nova Gomes Pereira considerando (31) 2122-8000 da•data Itabira efetiva da contratação, (31)o 3831-6221 valor do•• Ponte bem adquirido, as despesas contratadas pelo cliente, custos de Registros de Trevauto (35) 3449-3000 Pouso Alegre Ímpar (31) 3388-2020 • Itaúna (37) 3241-7000 Delfor • São João Del Rey variáveis deEmbrauto acordo com a UF (não valor das parcelas e no cálculo da CET)(32) a3373-2000 data da contratação. Contratos de (37) 3522-1144 Cartórios • Juiz de Fora (32)incluso 3690-3300 no Motorsete (31) 3779-8888 • Sete Lagoas Original (33) 3321-4311 • Juiz de Fora (32) 3236-5000 Martins Pereira (33) 3522-2092 • Teófilo Otoni e Arrendamento Ford Credit (35) são3821-6588 operacionalizados pelo Banco Bradesco Financiamentos S.A. Frete incluso. Viva (35) 3341-3200 Financiamento • Lavras Pomal (73) 3292-7000 • Texeira de Freitas (31) 3761-6000 (37) 3215-5000

• Leopoldina • Manhuaçu

Level Diga

(32) 3441-4068 (33) 3331-1085

• Ubá • Varginha

Sanvel Supra

Respeite os limites de velocidade. FordCredit Consórcio Nacional Ford

Anel Rod. Trevo do Bom Pastor Divinópolis/MG

(32) 3531-2066 (35) 3223-6060

Four (37) 2101-3260


VAriedades 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Prefeito Vladimir Azevedo recebe homenagem por incentivo à Cultura Letícia Enes / PMD

O prefeito Vladimir Azevedo participou nesta quinta-feira (13) da abertura da 8ª Mostra de Dança de Divinópolis (Unidance), realizada no Poliesportivo Dr. Fábio Botelho Notini, com entrada franca. A Prefeitura de Divinópolis é parceira na realização deste evento, que acontece entre os dias 13 e 16 de junho, reunindo cerca de 700 profissionais de dança de Divinópolis e de diversas regiões do país. Durante a solenidade, o chefe do Executivo

recebeu homenagem, preparada pela coordenação do evento, em agradecimento ao incentivo à Cultura e à Arte no município. O evento foi acompanhado por um grande público e por convidados de honra. Estiveram presentes as coordenadoras Cristiane Moreira e Mírian Lopes, secretário municipal de Cultura, Bernardo Rodrigues, secretário municipal de Esporte e Juventude, Rômulo Duarte, delegada da dança em Minas Gerais, Cristina

Helena, diretor da Exdil, Henrique Magela. Em pronunciamento, Mírian Lopes destacou a importância da parceria com a Prefeitura de Divinópolis para realizar o evento que busca promover a cultura e propiciar lazer e entretenimento à população de Divinópolis e região. “Já tivemos incentivo da Lei Estadual, e não conseguimos captar recursos por ela no ano passado, mas conseguimos pela Lei Municipal de Cultura. A

Prefeitura vem nos incentivando e, graças a esse apoio com as secretarias e aprovação do projeto, é possível realizar esta mostra, ressaltando ainda participação dos incentivadores, como a Exdil, pois sem eles não conseguiríamos captar os recursos”, ressaltou a organizadora. Para o prefeito Vladimir Azevedo, o festival demonstra a consolidação do Fundo Municipal de Cultura com o importante agente de incentivo à cultura. “Sabemos

da importância das diversas esferas de governo na promoção e incentivo às demonstrações de arte e cultura. A administração municipal, através da secretaria de Cultura, e contando com a parceria do empresariado, tem feito sua parte. Só este ano foram aprovados 14 projetos através da Lei Municipal de Incentivo, em recursos que chegam a algo próximo de R$ 28 mil por projeto”, informou. “Portanto, é uma alegria prestigiar eventos como este, que

nos dão a certeza de que estamos promovendo a cultura através de ferramentas inteligentes de gestão, beneficiando os artistas e também o cidadão divinopolitano”, declarou. Além do prefeito e do representante da empresa Exdil, foram homenageados ainda os secretários municipais de Esporte e Cultura e o representante da imprensa oficial e presidente da Academia Divinopolitana de Letras, Augusto Fidelis.

FIEMG: 80 Anos de participação no desenvolvimento de Minas Sebastião Jacinto

Na quarta-feira, 12 de Junho, a FIEMG Centro-Oeste comemorou 80 anos de fundação e 18 anos de criação de sua Regional

instalada em Divinópolis em um evento no Yellow Hall com apresentação da Orquestra, Coral, e Cia, de Dança do SE-

SIMINAS/BH. De reconhecida importância para o desenvolvimento de Minas, o Sistema FIEMG completou, em 2013, 80

anos de presença nas rotinas da comunidade mineira, ofertando serviços e produtos essenciais e estratégicos, especialmente

na área da educação. Marca forte, de atuação destacada nas principais decisões do estado, a FIEMG cresceu com a economia

mineira, junto com o SENAI, SESI, IEL, CIEMG e o Instituto Estrada Real, com o apoio dos Sindicatos filiados.


04 variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Rayssa Trindade www.rayssatrindade.com

GERAÇÃO INSTAGRAM E O LOOK DO DIA

O instagram é uma rede social viciante na qual os usuários compartilham fotos de viagens, festas, eventos cotidianos em geral e os looks do dia. Junto com a febre dos blogs de moda, veio a foto da roupa, sapatos e acessórios que você está usando. A foto pode ser feita no espelho ou despretensiosamente, só não pode faltar a hashtag #lookdodia!

MARCELA CABRAL Como se já não bastasse toda a beleza, Marcela possui gosto refinado, principalmente quando o assunto é moda festa. A morena sempre arrasa em um belo modelito da Versatili Etiquetas exclusivas, como o da foto, que possui recortes nas costas formando um desenho belíssimo e uma estampa divina.

LARA OLIVEIRA Com um vestido de fazer qualquer mulher suspirar, Lara sabe o que é bom gosto e elegância. O tule da a ilusão de transparência de um modo sofisticado, com a sensualidade na medida. Os bordados de pedraria são um caso a parte, puro luxo e exuberância. Look perfeito para festas de 15 anos e casamentos.

LORENA AGUIAR Quando me falam em estilo próprio, uma das primeiras pessoas em que penso é na Lorena. Proprietária da loja que exala bom gosto Kabanna, ela dificultou a minha vida para decidir qual foto apareceria por aqui. Escolhi um look que é elegante e despretensioso ao mesmo tempo, estou apaixonada com esta saia.

ANA LAURA BORGES Para os looks diurnos, a t-shirt é campeã de audiência. Além de muito confortável, ela é estilosa e tem para todos os gostos. A da Ana Laura é daquelas com estampas fofinhas, o que chamamos de “fun t-shirts”. Outro item destaque no look é o cinto da Lilly Sarti, um dos acessórios mais bombados do momento.

GABRIELA TRINDADE Queridinhas das fashionistas também são as t-shirts com logos de marcas desejadas, Gabriela escolheu a da Chanel bordada em pérolas. O look do dia vai além das roupas, existe também a moda das capinhas de celular e no instagram podemos ver vários modelos, como este da foto assinado por Romero Britto.

JÚLIA CHULA A mistura mais clássica de cores invadiu de vez o closet das mulheres. O preto e branco, ou simplesmente P&B, deixa qualquer mulher mais elegante. Júlia deu um toque de rock and roll no seu look escolhendo a t-shirt com o símbolo da banda Kiss, com direito a trocadilho e tudo mais.


variedades 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Marco Aurélio Braga braga.marco@gmail.com

AUTOREDE RENAULT ABRE AS PORTAS EM GRANDE ESTILO A AutoRede Renault abriu oficialmente as portas para funcionamento no dia 3 de junho, mas a inauguração ocorreu na última sexta-feira, dia 7. Um coquetel na própria unidade reuniu cerca de 400 convidados, como gestores da Renault do Brasil, imprensa local, colaboradores e formadores de opinião da cidade e região. Os convidados puderam conhecer a AutoRede Renault, que se destaca como a maior e mais moderna concessionária do Centro Oeste Mineiro. O ponto alto da noite foi marcado pelos pronunciamentos oficiais do prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo; de Gustavo Schmidt, vice-presidente comercial da Renault do Brasil, e pelos diretores Cristiano Corrêa, Marcelo Corrêa e Ruy Carlos. No dia seguinte, a “Operação Portas Abertas Renault” englobou todas as concessionárias da montadora no Brasil, isto movimentou a concessionária. Abaixo flashes do coquetel de inauguração. Fotos: Bárbara Machado

As recepcionistas Thayssa e Thayná

Convidado participando da Operação Portas Abertas Renault

Cristiano Corrêa, Gustavo Schmidt, Ruy Carlos e Marcelo Corrêa

Gerentes do Grupo AutoRede com Melissa Rezende

Gustavo Schmidt, vice presidente comercial da Renault do Brasil, é entrevistado por Giovani Lima

O gerente da unidade, Daniel DeMattos (o segundo da esq para dir) com consultores de vendas da AutoRede Renault

O vice presidente comercial da Renault do Brasil, Gustavo Schmidt, em pronunciamento oficial de inauguração

Vinícius Soares, gerente de Marketing do Grupo AutoRede, e representantes da Renault do Brasil

Vinícius Soares, gerente de Marketing do Grupo AutoRede, com representantes da imprensa local

Os diretores do Grupo AutoRede com os gerentes da AutoRede Renault

Representantes da Renault do Brasil, Diretoria do Grupo AutoRede e o prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo

Coquetel de Lançamento AutoRede Renault


06 variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13


variedades 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Bem Feminina

contato@revistabemfeminina.com.br

Pés saudáveis!

Saiba como prevenir calos, bolhas, fungos e frieiras Durante o inverno, os pés ficam escondidos embaixo das meias e dos sapatos fechados e acabamos esquecendo de cuidar das unhas e deixá-las sempre saudáveis. Alguns simples cuidados como sempre enxugar bem os pés e expor as unhas ao sol podem ajudar na prevenção de algumas doenças das unhas, mas não são suficientes. Confira algumas dicas dadas por Michelle Almeida, formada em podologia pelo IBRAP (Instituto Brasileiro de Podologia) no Rio de Janeiro há oito anos, onde atua como podóloga na renomada franquia Dr Scholl’s em Ipanema. Calos e Bolhas

Fungos (onicomicoses) Causa: Surgem nas unhas devido ao atrito do calçado, ou manipulação com palito nas laterais das unhas causando descolamentos e facilitando a contaminação por fungos e bactérias. Prevenção: Não permitir que a manicure retire grandes quantidades de cutícula. São elas que protegem a saúde da unha contra a entrada de doenças. Também deve-se manter as unhas bem aparadas e retas para não encravar, e nunca arredondar os cantos mesmo que seja para ficar mais “bonitinho”, pois o que vale mesmo é ter pés saudáveis. E lembre-se: use tesouras e alicates sempre limpos e evitar compartilhar este tipo de ferramenta.

Manchas Brancas nas Unhas

Frieiras e Fissuras (dermatomicoses) Causa: As manchinhas brancas são um tipo de fungo que acometem o dorso das unhas pelo excesso de esmalte e acetona. Prevenção: O esmalte, apesar de deixar os pés bonitos e na moda, deve ser evitado. O ideal é deixá-lo por apenas três dias para que depois as unhas possam “respirar”. Descuidei na Prevenção, e agora? Se você se descuidou na hora da prevenção, e precisa tratar o problema que surgiu, lembre-se: os pés devem ser cuidados por um especialista em podologia uma vez por mês. Uma visita ao podólogo garante tratamento para calos e calosidades, bolhas, corte correto das unhas, limpeza e auxílio no tratamento de fungos. E ele poderá encaminhar o cliente para um dermatologista nos casos de micoses ou inflamações mais graves. Causa: Uso de calçados inadequados, excessos de corridas e caminhadas. Prevenção: O ideal é que na prática destes, deve-se usar tênis confortáveis e específicos, protetores de dedos nos locais de grande atrito e meias de algodão que absorvem bem o suor, evitando assim o mau cheiro.

Causa: Na pele, as famosas frieiras acometem os espaços entre os dedos devido ao excesso de umidade. Prevenção: No dia-a-dia, secar muito bem os pés previne micoses e frieiras. O uso de hidratantes também é muito importante para evitar as fissuras, assim como o de esfoliantes uma vez por semana.

Destaque da Semana

Promoção

Dica importante: A manicure não possui as ferramentas corretas e não está apta a tratar quaisquer doenças nas unhas. O máximo que ela pode fazer para ajudar é observar qualquer alteração na aparência das unhas ou dos pés das clientes e sugerir uma avaliação com um podólogo ou dermatologista. Se você tiver problemas, como dor nas laterais das unhas, ou calos, o ideal é procurar um podólogo.

#FicaaDica

Esponja para maquiar

A Plataforma de Divinópolis começa nessa segunda-feira, dia 17 de junho, uma promoção com descontos de até 50%. Todas as peças da coleção outono/inverno (lindas por sinal) podem ser adquiridas com ótimos preços. De acordo com a proprietária, Claudinha, a promoção vai até o dia 06 de julho. Então corra e garanta! Av. Antônio Olímpio de Morais, 477, Centro. O look abaixo é um dos que você vai poder conferir na loja.

Você sabia que ter uma esponja dentro do kit maquiagem é essencial? Esse tipo de esponja (foto) pode ser encontrada por preços bem baratos, na Vitaderm, na Rua Rio de Janeiro, em Divinópolis, e ajuda a espalhar bem a base e o corretivo. Além disso, pode ajudar a corrigir imperfeições ou retirar um pouco da sombra que cair na pele, sem estragar todo o trabalho já feito. Inclusive, essa é a esponja usada pelos grandes maquiadores. Confira!

(37) 3213-8792

Coluna Semanal Escrita por: Jessica Ramos e Jessica Riegg E a cada dois meses, nos melhores pontos da cidade:

facebook.com/revistabemfeminina @bemfeminina (37) 3213 8792 | 8807 5058 | 9135 6786 contato@revistabemfeminina.com.br


08 variedades

Horóscopo

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 15 e 16/06/13

Novelas Flor do caribe Globo - 18H

Fazer planos mais humildes e ficar rigorosamente dentro dos seus limites o(a) ajudará a manter a situação sob controle. Convém agir sem chamar a atenção no trabalho. No amor, valorize o que já conquistou.

O dia favorece a conquista de uma nova clientela que poderá se tornar habitual. Você pode, ainda, concretizar um investimento imobiliário neste sábado. Nos assuntos do coração, o clima é de grande entusiasmo.

O dia pode ser muito mais produtivo para quem trabalha em casa ou por conta própria. Assuntos ligados a herança podem ser desenrolados com facilidade.

Bom dia para lidar com papéis, escritos, documentos e assinaturas. A realidade e a imaginação se colocam frente a frente, favorecendo as atividades mais criativas. No romance, tudo azul.

Quem é autônomo ou profissional liberal conta com ótimas vibrações das estrelas. Alguém da família pode precisar da sua ajuda financeira ou vice-versa. O dia requer cuidado com falsos amigos.

Concentre-se nas tarefas de rotina e tudo ocorrerá bem. Este é um bom dia para trabalhar em equipe ou com atividades ligadas ao público, só tenha cuidado com a concorrência.

O seu dia será mais produtivo se puder agir sem chamar a atenção. Quanto mais discreta for sua atuação, mais fácil será conseguir o que quer. A dois, confie na sua intuição e tudo sairá bem.

Um acontecimento vai lhe mostrar que é importante aceitar a ajuda que os outros oferecem. Trabalhar em equipe pode ser muito prazeroso. Alguns vínculos e objetivos de vida podem ser cortados.

Evite ficar em evidência no trabalho. O astral revela que o dia pode ser altamente produtivo, se souber preservar o seu anonimato. Há sinal de altos e baixos na área afetiva.

O trabalho de rotina vai exigir mais zelo e dedicação, em compensação os seus esforços serão valorizados. Contatos com gente de fora serão especialmente favorecidos.

A disciplina, a organização e a atenção aos detalhes vão ajudar você a chegar aonde quer. Já é hora de ser mais realista com a sua vida financeira, Aquário.

Não deixe de se aconselhar com pessoas mais velhas ou experientes. As alianças e parcerias de trabalho contam com boas vibrações neste sábado. Problemas familiares podem tumultuar a sua tarde.

Cassiano e os tenentes comemoram a volta para casa. Duque chama Guiomar para cantar no Flor do Caribe. Taís tenta convencer Ester da inocência de Cassiano. Mantovani pede para investigar a coleção de obras de arte de Dionísio. Nicole não entende por que Guiomar decidiu cantar no Flor do Caribe. Mila e Hélio saem juntos. Amaralina diz a Duque que Guiomar gosta dele. Mila se diverte com Hélio. Ester enfrenta Alberto. Duque e Guiomar se beijam. Alberto provoca Ester. Cassiano encontra Ester chorando.

sangue bom Globo - 19h

Irene pede que Madá a ajude a se reaproximar de Fabinho. Fabinho faz intriga contra Bento para Sueli Pedrosa. Lara fica irritada com o surto de Vitinho. Tito destrata Renata. Um cartão-postal internacional chega para Amora na casa de Gilson. Maurício não deixa Bento falar com Amora. Bento fala para Douglas que Giane gosta dele. Amora e Maurício posam para as fotos da campanha. Tábata consegue colocar Filipinho na lista de convidados de um grande evento e deixa Rosemere contrariada. Brenda ameaça Perácio para que ele continue fazendo as falsificações. Natan tenta se desculpar com Sílvia. Bárbara decide fazer fotos com os filhos e Xande em sua casa. Douglas começa a se aproximar de Giane. Filipinho discute com Rosemere por causa de Tábata. Bárbara engana os filhos com a ajuda de Tina. Bento leva as crianças da Toca do Saci para passear. Sílvia conta para Verônica que Natan mentiu para Maurício sobre Bárbara. Érico pensa em Palmira Valente. Malu fica emocionada com Bento. Tito intimida Sheila. Lara manipula Vitinho para que Amora a entreviste. Irene procura o endereço da empresa de Verônica. Renata pensa em se vingar de Tito. Érico oferece uma rosa para Verônica/Palmira Valente. Plínio vê Irene.

Amor à vida Globo - 21h

Paloma estranha a reação de Bruno ao saber que não é o pai biológico de Paulinha. Aline conta para César sua conversa com Bernarda. Bruno fala para Glauce que contará a verdade sobre Paulinha para Paloma depois da cirurgia. Glauce pede para Perséfone o prontuário de Luana. Atílio aceita se casar com Márcia. Jacques ouve Lutero falar para Joana que não pode fazer a cirurgia de Paloma. Eron e Niko recebem Sibila, uma candidata à mãe de aluguel. Neco vê Glauce retirar o prontuário de Luana do arquivo. César deixa a casa de Aline levando o bracelete. Valentin conta para Ninho que Paloma doará parte do fígado para Paulinha. César dá o bracelete para Priscila, e Pilar fica aliviada. Paloma questiona Pilar sobre sua maternidade. Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora, estando sujeitos a eventuais alterações.

Miss Brasil de 2010, Debora Lyra, é perseguida no ES e homem é preso Modelo conta que ele ligava para o salão dela de 20 a 30 vezes por dia Divulgação

Ele deu a entender que se relaciona com a miss, o que foi negado por ela. Um homem foi detido por assediar e perseguir a Miss Brasil 2010 Débora Lyra, na noite desta quinta-feira (13), em Vila Velha, na Grande Vitória. De acordo com a modelo, tudo começou há quatro meses, quando ela abriu um salão de beleza na cidade e divulgou o telefone nas redes sociais. Desde então, ela passou a receber mais de 20 ligações por dia de Alcimar Azevedo Silveira, que continuaram mesmo depois de Débora registrar um Boletim de Ocorrência. Nesta quinta, o homem foi levado para o Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) do município após fazer um escândalo na frente do estabelecimento da miss. Na delegacia, o suspeito

disse que ligava para a modelo, que negou qualquer tipo de relacionamento. De acordo com o depoimento de Débora, Alcimar, que tem 49 anos, foi até o salão por volta de 19h e começou a gritar, exigindo que ela saísse do local para se encontrar com ele. A modelo contou ainda que o homem dançava na frente do estabelecimento, parecendo bastante alterado.“Ele já ligou para o meu salão várias vezes, de 20 a 30 vezes por dia, falando que está apaixonado. Quando ele veio para frente do salão nesta noite eu chamei a polícia, mas quando eles chegaram o homem já tinha ido embora. Não satisfeita, saí com a minha amiga, começamos a procurá-lo e o encontramos na praia tomando cerveja. Mas quando a polícia chegou ele já havia sumido no-

vamente”, disse a ex-miss. Segundo Débora Lyra, a polícia chegou a localizar Alcimar, mas o liberou por não encontrar nada de suspeito. “O que sempre me preocupou é que ele sabia de tudo da minha vida. Me ligava falando que havia me conhecido em uma festa e me chamava para sair para beber com ele. Uma vez, ele chegou a falar comigo que estava vendo uma menina de laranja enquanto falava ao telefone, e por coincidência eu estava de laranja no dia. Dava para perceber que ele não era normal”, contou. Alcimar disse para a polícia que ligava para a modelo. “Eu só quero o bem da Débora. Em relacionamento de homem e mulher ninguém mete a colher”, explicou o homem, dando a entender que tem um relacionamento

escondido com a miss, o que foi negado por ela. Débora Lyra tem um relacionamento público com o cantor Daniel Caon.

Ainda sem diagnóstico, Dani Calabresa segue fazendo exames Divulgação

Desde a quarta-feira (12) Dani Calabresa não anda nada bem. A humorista do CQC, da Band, começou a sentir dores no corpo, febre e percebeu algumas manchas na pele, tendo ido para um hospital onde ficou internada para realizar exames. Na tarde de quinta-feira, Dani Calabresa contou em seu perfil do Instagram sobre a sus-

peita dos médicos. Logo que saiu do hospital, seguiu para casa onde permaneceu em repouso, por determinação médica. Na página da rede social ela escreveu: “Look do dia: veia pra tirar sangue, outra pra receber soro, corticoide e um antialérgico que tive reação. Fiquei sufocada e tive que fazer uma gasometria arterial, que dói

pra car....! Continua o bolão pra descobrirem o que eu tenho,

rubéola, dengue ou muito azar mesmo rs”.

Leonardo de Castro Insistir Será que vale a pena insistir no que a pessoa pretende? Sabe lá qual o final terá isso ou não. Algumas vezes a pessoa fica insistindo incansavelmente num objetivo emocional, profissional, financeiro, num sonho, etc... Emocional Tem que haver um limite nestes objetivos. Talvez você esteja bastante interessado e se a outra parte não ta nem aí pra você, por favor, se dê valor! Onde está seu orgulho, o seu íntimo? Por favor criem vergonha na cara e sigam seu caminho sem olhar para trás! Profissional Se você gosta do que faz vá em frente! Tenha consciência que em todo novo trabalho é você quem vai se adaptar ao ritmo, não o contrário. Tem que haver complacência porque às vezes insistimos para conseguir um emprego e quando o alcançamos aquele sonho já virou pesadelo. Dinheiro Muitos insistem em ficar ricos e quando conseguem perdem o sossego. A tal sonhada tranqüilidade foi-se embora. Vejo o dinheiro como um complemento para a vida. De que adianta tê-lo sem saúde para gastar, por exemplo. Ter dinheiro e não poder sair na rua por medo de seqüestro, de assalto, com isso a tranqüilidade vira um inferno. Insistir Num sonho sim desde que ele esteja dentro das suas condições, pois não adianta nada ter o sonho de possuir um avião a jato para amanhã. Sabendo que não teremos. Então tenha consciência do que você sonha, para não virar frustração ou como já dissemos um grande pesadelo.

Sonhar acordado é bem melhor! Santo Antônio Coitado do Santo quando se aproxima seu dia! Tanto homens, quanto mulheres se desesperam e pegam no pé do padroeiro dos casamentos. Eu acho incrível como as pessoas procuram pelo Santo para arrumar namorado (a) e consequentemente ter um casamento. O que é válido mesmo é a fé, que move quem acredita em qualquer Santo ou crença. Eu penso que a fé é a propulsora de muitas conquistas que o ser humano alcança. Pode pedir ajuda, mas tem que acreditar! Santo Antônio não vai fazer uma pessoa cair de paraquedas na sua casa, muito menos no seu quarto. Mas quando a pessoa está designada a ficar pra sempre sozinha, não adianta pedir ajuda para todos os Santos que existirem no céu, que não obterá êxito. Quando alguém for pedir algo para Santo Antônio faça o seguinte: peça antes do dia 13 de junho! Provavelmente ele terá menos pedidos do que no seu dia. Haja paciência pro coitado! Como se não bastassem as mulheres, os homens agora também aderiram a ajuda de Santo Antônio... “Oh meu Santo Antônio tenha pena, tenha dó, tô ficando velho, tô ficando só...” Coitado!!! Abraço Para Sirlei e Túlio da loja Total Máquinas que fica na rua Maranhão quase esquina com Pernambuco. Para a Jaqueline e a Wanessa do salão de beleza Vip, que está localizado na rua Maranhão 420, sala número 4.

Edição Gazeta do Oeste 2092  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you