Page 1

Gazeta DIVINÓPOLIS•MG | sábado e domingo 27 e 28 de abril de 2013 | ANO XIX | N.º 2059 | R$ 2,50

DO OESTE

Carla Mariela

Quarteirão fechado da São Paulo poderá ser aberto pela Settrans

Página 07

Mesmo com reajuste salarial, transporte coletivo poderá parar por um dia

Presidente do Sindicato dos Motoristas confirma que indecisão nas negociações em relação ao plano de saúde oferecido aos trabalhadores pode causar uma greve. Página 05

Banco Conheça a história, os “causos” da Torcida do Brasil Organizada do Guarani e a paixão pelo paralisa clube de Divinópolis atividades nesta terça Red Bugre

s

Página 05

e pe En

Caderno variedades

eli Luiz F

A greve de 24 horas é de âmbito nacional e os funcionários protestam contra o novo plano de funções da empresa.

Exposição É realizado na biblioteca municipal Ataliba Lago uma exposição de artes visuais. As esculturas são feitas principalmente com jornais. Caderno variedades

Festa da Cerveja terá fiscalização com bafômetro

Bafômetro da Polícia Rodoviária Estadual será utilizado para fiscalizar os motoristas que infringirem a Lei Seca. Efetivo da PM será disposto no interior e arredores da festa. Página 11


02 política

Silvio França

silviocor@hotmail.com

Plano Diretor Seguem as audiências públicas para elaboração do Plano Diretor de Divinópolis coordenadas pela FUNEDI/UEMG. A peça depois de finalizada, será apreciada pelo Executivo e Legislativo e define as diretrizes para o desenvolvimento de Divinópolis. Está sendo construída de maneira participativa e técnica, evitando ao máximo as interferências políticas. As audiências públicas estão sendo realizadas em vários pontos da cidade e são mais um instrumento de participação popular e controle social. Vale a pena acompanhar.

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Líder Comunitário convida população para novo manifesto Segundo José Nilton Teodoro a manifestação ocorrerá devido à demora na conclusão dos trabalhos no buraco da avenida Paraná. Carla Mariela

Entrevista com o Prefeito Vladimir Azevedo é o convidado de segunda-feira do Programa “Bom Dia Divinópolis” da Rádio Minas e na oportunidade serão abordados os assuntos “Olho Vivo”, “Quarteirão fechado da rua São Paulo” e outros de interesse popular. A entrevista será transmitida em cadeia com a TV Candidés a partir de 8 horas da manhã. Para acompanhar basta sintonizar 99.3 no FM ou 1140 no AM. Na televisão Canal 13 e na internet em www. sistemampa.com.br; O Destino de Tolentino O deputado estadual Fabiano Tolentino ainda não definiu se deixa o PSD e se filia ao MD, o novo partido político que no Estado tem o comando da Deputada Luzia Ferreira. O que tem desagradado Tolentino é a tendência Dilmista do MD sendo que o parlamentar atualmente faz parte da base de apoio do governo Anastásia. Fabiano Tolentino porém deverá avaliar ainda as chances de reeleição dentro de cada umas das sigas e então fará a sua escolha. Em entrevista ao Jornal Estado de Minas esta semana Tolentino declarou: “Neste primeiro momento ainda estou estudando. Fábio Cherem e o Hélio Gomes vão ficar no PSD. Estou incomodado com o posicionamento político da nacional em apoio à Dilma. Mas ainda não decidi para onde ir”. Congresso de Municípios Aprimorar a comunicação dos municípios com a população e ampliar o relacionamento com a imprensa é uma das propostas do 30º Congresso Mineiro de Municípios, que acontece em maio, no Expominas. A AMM leva para o congresso conferências que debatem o tema como elemento fundamental para os gestores públicos, assessores de comunicação e profissionais do segmento. O presidente da Rede Minas, Hugo Teixeira, abre a programação das salas técnicas com a palestra “O Município na Mídia: Como Transformar Trabalho em Notícia”, às 14h. No dia 8 de maio, segundo dia do evento, o jornalista Fernando Mitre apresenta, às 15h45, a conferência “Gestão da Comunicação e os Instrumentos de Transparência”. A entrada é gratuita, mas as inscrições deverão feitas antecipadamente pelo telefone (31) 2125-2400 ou pelo portal www. portalamm.org.br. PV

Ao contrário do que circulou nos bastidores políticos Íris Moreira continua a frente do Diretório Municipal do Partido Verde em Divinópolis. Especulava-se que Luís Cláudio, o Bezerro é quem teria assumido o comando. Apesar do apoio a criação da Rede Sustentável de Marina Silva, Íris afirma que sua identidade com o partido é muito forte e que não o abandonará. A ex-assessora parlamentar da Vereadora Dra. Heloisa Cerri trabalha agora nas articulações para que esta possa se lançar como candidata a deputada no próximo ano.

Convite à Cidadania O quadro “Convite à cidadania” que é veiculado todas as quintas-feiras na Rádio Minas está sob novo comando. Desta vez quem fala sobre participação popular e cidadã é o Professor Universitário Léo Santos que é também coordenador do MOVcidade. Logo nos primeiros programas o professor tem mostrado muita competência ao apresentar para a população os caminhos para se exercer de verdade a cidadania, longe de picuinhas políticas e partidarismos e dentro do que é a verdadeira participação popular. UED O novo Presidente da União dos Estudantes de Divinópolis, Felipe Alveoli está preparando uma atividade que deverá marcar as comemorações do aniversário da cidade. Trata-se de um encontro que irá reunir novos e antigos membros da UED para discutir o movimento estudantil e trocar experiências. A UED já contou com nomes expressivos de nossa sociedade em suas fileiras como ex-prefeito Demétrius, o historiador Flávio Flora, o jornalista Fernando Camilo e o vereador Rodrigo Kaboja. Alveoli está tentando reunir todos estes e mais alguns para que haja sucesso na iniciativa. Em breve mais detalhes. Para refletir “A política baseia-se na indiferença da maioria dos interessados, sem a qual não há política possível.” – Paul Valéry

José Nilton Teodoro está convocando a população para fazer parte do manifesto, onde haverá a queima do boneco. Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

Os líderes comunitários da Associação dos Amigos das Nascentes de Divinópolis (AMINAS) e da Frente Popular Compromisso com Divinópolis, estão há mais de um mês colhendo assinaturas de cidadãos que estão insatisfeitos com a administração do prefeito da cidade, Vladimir Azevedo (PSDB). O objetivo destes líderes é fazer com que haja o impeachment do gestor. As assinaturas estão ocorrendo no quarteirão fechado da rua São Paulo, próximo à Câmara. Ontem (26), o vice-presidente da Associação dos Amigos das Nascentes de Divinópolis, José Nilton Teodoro, disse que já recolheu aproximadamente 12.000 assinaturas e que hoje (27), haverá a queima de um boneco que foi elaborado pelos membros do movimento representando o prefeito, para mostrar que estão indignados com o buraco da avenida Paraná que até hoje não foi fechado. De acordo com José Nilton Teodoro, as pessoas que fazem parte deste movimento contra o governo do Vladimir Azevedo estão em vários pontos da cidade e sobre este movimento, está havendo segundo ele uma grande satisfação popular. As assinaturas estão sendo colhidas, inclusive, nas imediações do hospital do câncer, e do Hospital São João de Deus. “O povo está assinando em massa, uma vez que estes não estão satisfeitos com o governo do

prefeito de Divinópolis”, afirmou. Em relação ao boneco que foi elaborado representando Vladimir Azevedo, o vice- presidente da Associação dos Amigos das Nascentes de Divinópolis, José Nilton Teodoro, explicou que esta é uma maneira de manifestar o direito do povo, por estar insatisfeito com o prefeito atual e que uma vez que ele está junto com a população insatisfeita, ele luta para que haja o impeachment. De acordo com José Nilton Teodoro, ele tem fé em Deus que em conjunto com os cidadãos que estão apoiando o movimento vai conseguir o seu objetivo que é a saída do prefeito de Divinópolis do Poder Executivo. Ele ainda informou que houve uma exigência para que ele e os outros membros retirassem as faixas do quarteirão da rua São Paulo, onde eles estão recolhendo as assinaturas, alegando que as faixas com dizeres relacionados à administração estão ferindo o código de postura do município. Para ele, embora tenha tido esta solicitação, a própria prefeitura coloca faixas em pontos distintos da cidade, como por exemplo, quando houve a mudança da feira do Niterói segundo José Nilton, ele até tem fotos registradas, de mais de 15 faixas nas árvores, José Nilton conta que as faixas estavam nas árvores do local. “Nós tivemos uma retalhação, porque eles vieram aqui para retirar as nossas faixas dizendo que era crime ambiental, mas o que nós passamos para eles era que crime

ambiental estava acontecendo na cidade inteira, no bairro Niterói, várias faixas foram colocadas, eles vieram aqui notificar o nosso grupo, mas lá no Niterói em frente ao posto de saúde tem uma faixa que a própria prefeitura colocou”, destacou. José Nilton Teodoro ao final da entrevista convidou toda a população insatisfeita com a administração do atual gestor, para comparecer a Praça para assinar e apoiar o movimento e que também compareça no buraco da avenida Paraná, onde haverá um manifesto e o boneco será queimado. O ato é referente à indignação do povo pelo fato dos trabalhos no buraco ainda não terem sido finalizados. “Amanhã (28) de 13h às 14h o boneco será queimado na avenida Paraná próximo do buraco e espero que o povo esteja presente para juntarmos forças quanto este nosso movimento”, concluiu. Relembre quando as assinaturas começaram a serem colhidas por membros do movimento No dia 07 de março, a Praça da Catedral, tornou-se palco de uma passeata entre os líderes comunitários da Associação dos Amigos das Nascentes de Divinópolis (AMINAS) e da Frente Popular Compromisso com Divinópolis, com distribuição de panfletos em relação a atual administração. O movimento se estendeu até o quarteirão fechado da rua São Paulo para o

início das assinaturas de quem era contra o governo de Vladimir Azevedo. O presidente da Frente Popular Compromisso com Divinópolis, Arnaldo Batista, começava naquele momento a campanha “O povo põe, o povo tira - Fora Vladimir”. A intenção deste lema é chamar atenção da população do município relatando que assim como o povo tem o direito de colocar o gestor para atuar a frente do Poder Executivo, o povo também tem o direito de tirá-lo. “Nós achamos que já passou da hora desse prefeito sair, ele nem deveria ter sido reeleito, a nossa campanha é para tirá-lo e chamar novas eleições”, disse. Os principais fatores que estavam apresentados no panfleto e que estão deixando os líderes comunitários indignados são referentes à Copasa que apresentou um aumento de 50% a partir de janeiro deste ano nas contas mensais. Os consumidores tem relatado que as contas estão chegando com aumentos diferenciados. Há também a reivindicação do aumento da passagem do transporte coletivo de R$2,25 para R$2,45, o aumento dos salários dos vereadores, secretários, prefeito, enquanto o salário mínimo aumentou 6.8% e a aposentadoria 7.2%, além disso, também estão às obras do PAC que para os líderes comunitários estão paradas, a indústria das multas e do rotativo e a venda do patrimônio municipal.

ALMG prepara ciclo de debates sobre dependência química A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) realizou, na última quinta-feira (25), a 1ª reunião preparatória do Ciclo de Debates “Um Novo Olhar sobre a Questão da Dependência Química”. Quem conduziu os trabalhos foi o presidente da Comissão de Prevenção e Combate ao uso de Crack e outras Drogas, deputado Vanderlei Miranda (PMDB), que ressaltou a participação da juíza da Corte de Drogas do Condado

de Miami, Deborah White-Labora, no evento. Vanderlei Miranda anunciou que o ciclo de debates será aberto com palestra magna da magistrada. Ele relatou ainda a ida de delegação da ALMG aos Estados Unidos para conhecer a experiência da juíza, que, segundo ele, é referência em justiça terapêutica. “Teremos a oportunidade de ouvir uma autoridade pública engajada no combate às drogas

e que, efetivamente, tem obtido êxito no encaminhamento de dependentes químicos detidos a tratamento”, destacou o deputado. Sobre o ciclo de debates Durante o encontro, o parlamentar apresentou a programação proposta para o evento, que foi discutida e avaliada pelos representantes da secretaria de Estado de Defesa Social, da Polí-

cia Militar, da Defensoria Pública de Minas Gerais e de entidades de recuperação de dependentes químicos. Ficou definido que o ciclo de debates será realizado nos dias 24 e 25 de junho, no Plenário da ALMG. Está prevista a realização de dois painéis. O primeiro terá como eixo temático os desafios e as perspectivas da justiça terapêutica. Já o segundo vai focar as ações de tratamento dos dependentes.


POLÍTICA 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

AMM pretende auxiliar cobrança de reposição de receitas perdidas A ação judicial será realizada por meio do departamento jurídico da entidade, após amplas análises referente à situação Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

A Associação Mineira dos Municípios (AMM), através do seu departamento jurídico, decidiu ajudar os 853 municípios na cobrança para repor as receitas que perderam. Para o então presidente da AMM, Ângelo Roncalli, o departamento resolveu colaborar com os municípios porque realizou estudos sobre as receitas perdidas e pretende nesse sentido resolver o problema que tem afetado as cidades mineiras. No ano passado, os municípios mineiros sofreram com as constantes reduções do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), devido à política de desoneração de impostos praticada pelo Governo Federal na tentativa de aquecer a economia nacional frente à grave crise mundial, relacionadas ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM). A decisão atingiu as receitas dos municípios, que se sentiram afetados para cumprirem suas obrigações financeiras. Esta situação fez com que alguns municípios, inclusive, Divinópolis, tomassem algumas medidas de emergência. O prefeito Vladimir Azevedo (PSDB), por exemplo, teve que exonerar funcionários para trabalhar com uma equipe mínima. Após seis meses

desenvolvendo os trabalhos junto com esta equipe mínima, no dia 11 de março deste ano, o prefeito anunciou a nomeação dos novos secretários para dar a continuidade aos trabalhos, os quais foram realizados durante seis meses. Baseada, nestas circunstâncias que atingiram diretamente as receitas dos municípios, a AMM está auxiliando judicialmente para que as cidades sejam compensadas com a desoneração fiscal. Conforme Ângelo Roncalli, as medidas adotadas pelo Governo Federal agravaram o quadro, criando as políticas de desoneração fiscais que impactaram negativamente os cofres dos municípios e estados brasileiros em cerca de R$ 46 bilhões. Só com as desonerações do IPI concedidas em 2012 o governo renunciou R$ 8,34 bilhões, o que impactou em R$ 1,9 bilhão os cofres municipais no repasse do FPM. Até 2014 o Ministério da Fazenda estima que as desonerações do IPI cheguem a R$ 11,88 bilhões, e deste montante os municípios brasileiros terão perdido aproximadamente R$3,0 bilhões. Ainda segundo Roncalli, em Minas Gerais, a situação foi ainda pior, 70% dos municípios mineiros são dependentes do Fundo de Participação dos Municípios que é composto por

23,5% dos recursos provenientes do IPI, o que representou uma queda nas arrecadações municipais e colocou a maior parte das cidades mineiras em situação financeira complicada. Com isso, apenas com a redução do IPI, as cidades mineiras deixaram de arrecadar mais de R$ 287 milhões em 2012. Com a continuidade desta política, os municípios mineiros podem deixar de arrecadar, no ano de 2013, aproximadamente R$ 118 milhões, terminando o ano de 2013 com perdas acumuladas de R$ 405 milhões. Na tentativa de colaborar e auxiliar os municípios mineiros, a AMM, tomou a medida de solicitar dos municípios uma procuração, a qual as cidades que pretendam solucionar o problema encaminhe para a entidade até o dia 02 de maio, desta forma o departamento jurídico da AMM tomará as providências cabíveis, em relação à cobrança da União sobre à reposição das receitas perdidas pelos municípios. Ângelo Roncalli deixou claro que esta decisão foi tomada após estudos, análises amplas e depois do também entendimento da ministra Carmem Lúcia. Segundo informações da AMM, até o Supremo Tribunal Federal (STF), por meio do entendimento da ministra Carmem

Lúcia, ressalta que o governo federal quando desonera o IPI retira variáveis financeiras do montante pertencente aos municípios. As cidades precisam lutar pelos seus direitos, enfim serem recompensadas por esta desoneração. A AMM, por meio do seu corpo jurídico, estudou o caso e está preparando uma ação junto ao poder judiciário, pedindo a restituição desta receita aos cofres públicos. A Associação Mineira dos Municípios está defendendo que dentre as 853 cidades que a entidade engloba; aqueles municípios que querem ser ajudados não podem ser prejudicados por decisões aleatórias. Esta é uma medida inédita executada por uma Associação a favor dos municípios. A AMM, como representante das 853 cidades mineiras, defende a posição de que os municípios não podem pagar a conta da União. Assim, esta é uma ação gratuita da Associação para as cidades mineiras. Inclusive, pensando nesta dificuldade, os novos gestores participarão do 30º Congresso Mineiro dos Municípios no dia 08 de maio, às 10h, e pelo economista Gustavo Loyola, serão orientados sobre como enfrentar estas dificuldades, e como fazer para manter as contas em dia. Este evento

Assessoria de comunicação da AMM

Ângelo Roncalli afirmou que haverá uma ação judicial para ajudar os municípios mineiros.

contará com a presença de gestores, empresários e população e acontecerá nos dias, 07, 08 e 09 de maio, no Expominas, em Belo Horizonte. Promovido pela Associação Mineira de Municípios (AMM), o evento, que já é referência no cenário político nacional, traz

nesse ano o tema “Novos Desafios e Oportunidades da Gestão Municipal”. Dentre as atividades que compõem o evento estão palestras magnas, atividades temáticas e premiação. A entrada é gratuita. Para inscrições e informações acesse www.portalamm. org.br/congresso.

Governador anuncia pavimentação de rodovia no Vale do Aço Durante visita à sede da ARMVA, em Ipatinga, Antonio Anastasia assinou despacho governamental determinando prioridade na elaboração do Plano Diretor da região. Divulgação

O governador Antônio Anastasia anuncia obras de pavimentação incluídas no programa Caminhos de Minas.

O governador Antonio Anastasia anunciou, na última quinta-feira (25), durante visita à sede da Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Aço (ARMVA), em Ipatinga, o início, nos próximos 60 dias, das obras de pavimentação de trecho de 56,8 quilômetros da MG-760 – São José do Goiabal – Timóteo – Cava Grande, incluído no programa Caminhos de Minas. No Vale do Aço, foram incluídos nove trechos, que totalizam 277 quilômetros e previsão de investimentos de R$ 313 milhões em projetos e obras. “A obra já foi priorizada, o projeto já foi licitado e contratado, estamos agora na fase final da licença ambiental. Eu acredito que, em até 60 dias, vamos estar aqui novamente, para assinar o início das obras e, certamente, iniciar aquele que é um sonho antigo da região, resgatando esse nosso compromisso que fizemos com muito gosto com o Vale do Aço”, afirmou o governador. O Caminho de Minas tem como objetivo possibilitar maior

integração entre os municípios e regiões, encurtar distâncias e diminuir custos de transporte, com reflexo direto no desempenho da economia mineira. A redução no tempo de deslocamento de pessoas, bens e cargas é fator determinante para a melhoria da qualidade de vida dos moradores das regiões beneficiadas, dos que visitam o Estado ou daqueles que precisam utilizar a infraestrutura rodoviária mineira. Também vai impulsionar a comunicação nas diversas regiões do Estado e entre uma e outra, além de desviar tráfego das rodovias troncais, o que fará com que aqueles que trafegarem por todas as rodovias mineiras, o façam com mais segurança, tranquilidade e rapidez. Durante a visita à sede da ARMVA, Antonio Anastasia assinou despacho governamental determinando à secretaria de Estado Extraordinária de Gestão Metropolitana (Segem) prioridade na elaboração do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI) da RMVA. O PDDI vai definir diretrizes

de políticas públicas integradas na região em áreas como mobilidade urbana, tratamento dos resíduos sólidos, ordenamento territorial com regras para ocupação do solo e licenciamento ambiental. Também foi assinado, durante o evento, contrato entre a Segem e o Centro Universitário do Leste de Minas Gerais (Unileste), representado pelo reitor Genésio Zeferino da Silva Filho, para a elaboração do Plano, que deverá estar concluído em 18 meses. O secretário de Gestão Metropolitana, Alexandre Silveira, em seu pronunciamento, destacou estar cumprindo a missão de fortalecer o arranjo institucional da região metropolitana de Belo Horizonte e tirar do papel a criação da região metropolitana do Vale do Aço, “concretizando-a de forma a implementar as políticas públicas comuns aos municípios do núcleo e colar metropolitano, com planejamento nas áreas da educação, saúde, segurança, mobilidade, meio ambiente,

desenvolvimento econômico”. Sobre ARMVA É a entidade estadual responsável por promover o desenvolvimento econômico na região, realizar o planejamento urbano integrado e fiscalizar o uso do solo nos municípios integrantes da RMVA e do seu Colar Metropolitano. Foi criada em 2012 e está vinculada à secretaria Extraordinária de Gestão Metropolitana (Segem). A RMVA é constituída pelos municípios de Ipatinga, Coronel Fabriciano, Timóteo e Santana do Paraíso. Outros 22 compõem o Colar Metropolitano: Açucena, Antônio Dias, Belo Oriente, Braúnas, Bugre, Córrego Novo, Dom Cavati, Dionísio, Entre-Folhas, Iapu, Ipaba, Jaguaraçu, Joanésia, Marliéria, Mesquita, Naque, Periquito, Pingo d’Água, São José do Goiabal, São João do Oriente, Sobrália e Vargem Alegre. A RMVA abriga uma população de cerca de 800 mil habitantes.


04 opinião

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

editorial

Jornalismo e Sociedade

A relação jornalismo e sociedade é uma parceria que deve sempre se manter dinâmica. O escrever deve ir muito além que do simples fato de registrar um determinado momento social. E a participação da sociedade para que isso ocorra e ainda que haja o bom funcionamento da máquina comunicativa é indispensável. Para muitos o jornalismo é tido como algo especulativo, tendencioso e até malicioso. Se é ou não, cabe a cada cidadão discernir. Essa liberdade de assimilação e compreensão a cerca dos temas expostos pelo trabalho jornalístico é de suma relevância para o direcionamento das ações dos profissionais que se dedicam a esta área. Como em qualquer outra função o jornalismo tem a força de construir, de mudar. Esse contato da sociedade para com os articuladores da informação só tem a render frutos. Prova disto é a rapidez com que melhorias são feitas na cidade. Um dia problema, no outro solução. Acaba que essa prática desenvolvida entre a comunidade e os meios de comunicação se transforma numa “ponte” de possibilidades. A comunidade alerta sobre os problemas, o meio de comunicação expõe a situação e ainda dando direito de resposta aos órgãos competentes, sugere-se uma solução. A estrutura com que a notícia é construída denota o compromisso do meio de comunicação com a população que direta ou indiretamente recebe estas informações. Não é segredo para ninguém que um bom comunicador recebe informações por meio de pessoas que ele fideliza no decorrer da profissão. A presença das tradicionais “fontes” na vida dos jornalistas tem todo um diferencial. Devemos ter ciência de que na verdade é a população que dita a maior parte dos temas a serem noticiados de um jornal. Os demais são assuntos que tem projeção nacional ou internacional. A arte de fazer jornal, principalmente diário, reside na se“A prática do fazer jornalismo riedade de observar o que uma sociedade expõe de maior necesconsiste na busca da verdade, sidade. Falar de temas aleatórios questionando, suspeitando, e à isso configura o termo “encher confrontando o velho ou o novo linguiça”. Uma das funções do comunicador é estar em plena com o apurado.” sincronia com a população. Acolher as ideias, filtrá-las e transforma-las em temas de crescimento é em si um compromisso. Fazer jornalismo não é um ato completo, nem definitivo, nem imediato. Jornalismo é uma série que o tempo completa ou nega. Então, é possível dividirmos o Jornalismo em 30% de verdade, 30% especulação e 30% tese e teoria. E os 10%? São inverdades? A apuração da notícia ou dos fatos que se tornam notícia envolve tudo isso. Ela pode até nem ser apurada ou bem apurada, mas só reproduzida. No dia a dia do fazer jornalismo, em particular da cobertura dos grandes escândalos ou dos crimes bárbaros ou dos exemplos de vitórias, estão lá os percentuais. Em que proporção ficarão na versão final, isto é um outro conteúdo. Fazer jornalismo é simples, por isso é necessário ter critérios para acesso e ética para o exercício. E será sempre melhor se tiver conhecimento acumulado. Porque o fato é único e a verdade é uma só, mas as versões podem ser várias. De mãos dadas a comunidade e a imprensa vai aos poucos alicerçando uma sociedade mais justa e humana. Devemos ressaltar que existem profissionais e profissionais e que uma carreira não se constrói com suposições e “achismos”. O jornalista precisa, ao longo de sua jornada funcional, primar pela prática de registros que venham a agregar valores. Ser o agente da informação, porém com flexibilidade e abertura as possibilidades de erros. Na verdade ninguém, nem mesmo os comunicadores são donos da verdade, devem ser condutores da verdade, da eficácia, do crescimento. Todavia, um fator enfático na relação jornalismo e sociedade é a confiança, bem como a credibilidade que o jornalista alcança perante o público. Cabe, por tanto, ao jornalista se especializar, se atualizar e se interessar pelos novos aparatos tecnológicos, pois o seu papel não mudou. O que tem mudado são as ferramentas, mas sua principal função continua sendo a de informar a população aquilo que lhe é de interesse, sempre com compromisso com a verdade e respeitando os códigos da profissão. A prática do fazer jornalismo consiste na busca da verdade, questionando, suspeitando, e confrontando o velho ou o novo com o apurado. ÓRGÃO Do grupo Gazeta do Oeste de comunicação ltda

Diretor DE MARKETING Leonardo Marcos Rodrigues

lbib@ig.com.br | http://lazarobarreto.blogspot.com

A ECOLOGIA É A SAÚDE DO MUNDO E DA VIDA

EDITORA CHEFE Carina Lelles

Assessores Jurídicos Dr. Márcio F. Vaz • Dr. Mauro M. Nogueira • Dr. Flávio Vaz Administração, Redação E GRÁFICA: Rua Rio Branco, 948 - Porto Velho • Divinópolis (MG) • CEP 35.500-430 TELEFONE: (37) 3222-6322 • www.g37.com.br • gazeta@gazetaoeste.com.br O jornal não é solidário com conceitos emitidos em colunas e matérias assinadas.

Cristine Strassburger

psicologacristines@gmail.com

COMO EMAGRECER COM TERAPIA?

Uma criança em relação ao começo do mundo (que deve ter acon-

Todos nós sabemos o que é preciso para emagrecer mas por que

tecido em época imemorial) é mais idosa do que o velho mais velho. A

não conseguimos? Emagrecimento pressupõe mudança de hábitos, de

questão de idade é, pois, muito relativa. E a Vida no Mundo está sempre

comportamento. Mais que perder peso, emagrecer é mudar a cabeça

dependente da Saúde. E o que é a Saúde? A Saúde é a Ecologia. E o que é

para, consequentemente, mudar peso. Mudanças mobilizam ansiedade,

a Ecologia? Está no Aurélio: é o estudo da planta e do animal e do homem

incerteza, medo do desconhecido. A própria natureza do comportamento

em relação com o meio ou com o ambiente. E qual é o produto visado por esse estudo? A saúde animal, vegetal e mineral, claro. Sabemos sobejamente que a palavra Ecologia quer dizer Saúde. E foi assim acreditando que cometo o poema abaixo, sobre um lugar emblemático do Município de Valinhos, Estado de São Paulo, chamado apropriadamente Vale Verde, esperando que o leitor consciencioso considere a importância da ECOLOGIA na Vida de Todo o Mundo, assim como belamente acontece no maravilhoso local.

alimentar inadequado, que leva à comida, é complexa. Muitas vezes é ligado a sentimentos de culpa, ansiedade, angustia, raiva, preocupação, depressão, stress, obsessões, insônia, ciúmes. Problemas afetivos, sexuais, de relacionamento, conjugais, desajuste familiar, podem ter na comida um “remédio” indevido, sem que a pessoa se dê conta. Conscientemente a pessoa quer sim emagrecer, mas inconscientemente existem muitas razões para que ela não consiga. Emagrecer não é apenas fazer mais uma dieta por algum tempo para perder algum peso. É, em muitos casos, fazer uma revisão da parte afetiva, da ligação da mesma com o alimento e o que ele representa para você.

VALE VERDE O silêncio volumoso dos mimos e quimeras. A cantoria esvoaçante na brisa oportuna. O negrume translúcido das névoas fugazes. O arvoredo diáfano a oxigenar a memória. Um azul transparente e retroativo. O verde secular nas entrelinhas climáticas.

Um dos primeiros casos que trabalhei no consultório foi de uma mulher que queria emagrecer mas não conseguia. Já havia tentado quase todos os regimes que existem, alguns nada saudáveis. Dentro de um ano, a mesma havia conseguido na terapia perder seus 15 kg. Isso já fazem praticamente uns 6 anos e a paciente nunca mais voltou a engordar. Será algum milagre? Claro que não! Este foi um dos meus vários casos sobre este mesmo tema. Então irei explicar um pouco como isto acontece. Desde criança tentamos nos comunicar com nossos pais através de choros, resmungos etc. Algumas vezes, esses choros representam fome, outras vezes frio, carência e por ai vai. Normalmente os nossos

As melodias implícitas nas moitas e coivaras.

pais tentam interpretar essa comunicação não verbal. Começamos assim

A flor das águas nos recantos lacustres,

a entender o mundo. Os pais podem achar que toda vez que choramos

E ao longo das casas respiráveis e dos jardins

estamos com fome e nos oferece uma mamadeira. Tive uma paciente uma

Entrelaçados das folhas, flores e frutas Nas trigueiras árvores dos amplos arredores... Aqui e agora, lá e depois, a fusão das cores Vivifica e embeleza a paisagem mimética, Em lentos e airosos e sussurrantes momentos. É só ver para amar, prontamente.

vez que disse que a mãe deixava preparada 8 mamadeiras prontas durante a noite e toda vez que a criança resmungava ela a amamentava. Então se a criança estava com frio, a mãe lhe dava comida, se estava carente, a mãe lhe dava comida e todos os outros sentimentos eram supridos com comida. Como é que esta criança irá reagir depois de adulta quando estivesse carente, triste etc? Comendo é claro! Existem os casos também em que os pais quando estão alegres comemoram com comida! Se a mãe perceber que o filho está triste, faz uma comida especial para alegrá-lo e muitos outros casos onde a pessoa

É só deitar para dormir, prontamente, No começo, no meio e nos confins Dos sonhos pretéritos e proféticos...

transforma a comida em muito mais do que ela realmente representa. Precisamos também entender a questão da ansiedade. Quando ficamos ansiosos ou com uma sensação de vazio dentro da gente tentamos preenchê-los com a alimentação, de preferência algo bem doce ou

De repente o chão é outro jardim,

gorduroso, o que faz com que engordemos mais ainda, causando assim,

E o sol: uma lua diurna...

um ciclo vicioso. Comemos para não nos sentirmos tristes e ficamos mais

A alma das coisas e dos seres

tristes ainda porque engordamos. Aliás, se todas as vezes que tivermos

Desprende-se numa quietude risonha para harmonizar

ansiosos formos comer um chocolate, cada vez mais teremos esta vontade

Outras alegrias nos possíveis descampados, Nas asas da clorofila e no embalo da fotossíntese,

FUNDADOR: Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro (1947 2004)

Diretor PRESIDENTE Fernando Marcos Rodrigues

Lázaro Barreto

Suscitando a algazarra das maitacas E os monólogos e duetos da passarada Nas proximidades onde o sol e a lua trocam beijos,

pois acabamos por dar um prêmio (o chocolate) para nós mesmos ao invés de tentarmos diminuir o estado ansioso. O sobrepeso possui também algumas “vantagens” inconscientes. Se temos dificuldade em nos relacionar, por exemplo, é mais fácil usar a justificativa do peso para ficarmos longe dos relacionamentos. Se temos também, dificuldades de receber elogios e de chamar a atenção podemos nos “esconder” atrás do corpo insatisfeito. Então, na terapia, tentamos entender este histórico alimentar para

Numa carícia sobrenatural, sobrehumana,

colocar a comida realmente no lugar dela (aquele de alimentar) e não para

A favor da realidade vitalícia dos seres vivos

preencher algum vazio ou fugir de algum sentimento negativo. Colocamos

Ali

cada coisa em seu lugar. Aprendemos a lidar com a ansiedade, aumen-

Tão harmoniosos da Santa Natureza.

tamos a autoestima e conseguimos ficar com o corpo que gostaríamos.


CIDADES 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Trabalhadores do transporte coletivo tem salários reajustados, mas paralisação ainda poderá ser feita Reajuste atingiu o percentual de 8,46%, ainda menor do que os 12% reivindicados no início das negociações. Impasse por plano de saúde pode causar greve Daniel Michelini

Daniel michelini

daniel.resende@gazetaoeste.com.br

Em difíceis negociações desde o início do ano, empregados do setor de transporte em Divinópolis ainda não definiram todas as condições impostas pelos trabalhadores. Desde 2012, os representantes da classe patronal possuem conhecimento das reivindicações feitas. Assim, durante boa parte das negociações, alegaram não ter uma decisão definida a ser repassada aos trabalhadores, devido a diversos fatores. No entanto, a classe apresentou, há algumas semanas, uma contraproposta aos trabalhadores, considerada abaixo do esperado,

sendo, posteriormente, rejeitada. Porém, a situação está se resolvendo. Segundo Erivaldo Adami, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Coletivo de Divinópolis, já foi acertado o reajuste salarial com a empresa responsável pelo transporte na cidade. Inicialmente, a reivindicação era de aumento taxado em 12%. A penúltima contraproposta foi de 7,7%, considerada inaceitável pela classe dos empregados. Recentemente, o acerto saiu, com o reajuste fixado em 8,46%. Além disso, Erivaldo destaca o sucesso nas negociações em relação a participações nos lucros da empresa e ticket alimentação. Mesmo com o sa-

Erivaldo Adami revela impasse nas negociações

lário reajustado, o presidente do sindicado diz que ainda aguarda a confirmação: “Estamos aguardando o pagamento do salário já reajustado”. Anteriormente, o motorista recebia um valor bruto de R1.300,00, com o cobrador ganhando R$678,00. Entretanto, uma negociação em aberto pode causar grande impacto na cidade. A renovação por direito a plano de saúde ainda não está definida. Segundo Adami, a expectativa é de que este impasse seja resolvido o mais breve possível. A situação está parada, pois as condições impostas pela operadora de serviço de plano de saúde à empresa responsável pelo trabalho dos motoristas não estão sendo aceitas pelo órgão: “Estão dizendo que não irão oferecer mais o plano. Se isso for feito, vamos ter que fazer uma paralisação do transporte coletivo na cidade”, revelou Erivaldo Adami. Ainda de acordo com o presidente do sindicato, o não direito a usufruir do plano de saúde está fora de cogitação: “Nós não vamos aceitar essa situação. O plano de saúde é uma conquista que tivemos”. A empresa não está querendo reajustar as condições do plano conforme o que a operadora está pedindo: “Isso não é problema dos motoristas e cobradores. Eles não podem ficar sem o plano de saúde. A operadora diz que se a empresa não

Motoristas poderão fazer paralisação

reajustar nas condições impostas por ela, não terá negociação”, argumentou. Outra reivindicação feita pela classe dos trabalhadores no início das negociações era em relação ao tempo diário de trabalho. Na oportunidade, Erivaldo Adami confirmou que alguns motoristas e cobradores chegavam a trabalhar durante onze horas por dia, sem receber qualquer bonificação de hora extra. Isso também foi resolvido: “A carga horária foi acertada, cumprindo a lei. Estão cumprindo corretamente, pagando as horas extras trabalhadas, o que não acontecia”, disse. O ideal, para Adami, seriam três turnos de sete horas de trabalho. Assim,

evitaria o cansaço excessivo dos trabalhadores, não alteraria em nada na empresa e atenderia os usuários em perfeitas condições: “Toda a equipe do veículo, se possuir melhores condições de trabalho, o realizará de forma ainda melhor”. Serão realizadas mais reuniões a partir da próxima segunda-feira (29) buscando resolver este impasse “A decisão é definitiva: se a empresa não acertar a questão do plano de saúde, não vamos trabalhar. A paralisação será feita. Há o risco até de fazermos greve. Estamos reivindicando a manutenção do plano de saúde, pois é um direito adquirido que não abrimos mão. É uma conquista

nos anos de luta que tivemos”, enfatizou. Se a operadora suspender o atendimento, Erivaldo garante que os trabalhos também não serão feitos: ”Faltam alguns fechamentos. Caso eles não sejam negociados de acordo com a vontade dos trabalhadores, não teremos dia de serviço. Tudo que está sendo feito é de interesse dos próprios trabalhadores”. Essa situação está criando um desgaste para os trabalhadores. Apesar de haver uma ata assinada pela empresa, nem todas as negociações estão fechadas: ”Isso envolve apenas o transporte coletivo urbano, não o intermunicipal”, lembra Erivaldo Adami.

Bancários do Banco Brigadeiro Cabral terá memorial no aeroporto do Brasil param atividades por 24 horas Luiz Felipe Enes

Divulgação/PMD

A greve de 24 horas é de âmbito nacional e os funcionários protestam contra o novo plano de funções da empresa. Carina Lelles

carina.lelles@gazetaoeste.com.br

Os funcionários do Banco do Brasil paralisam as atividades por 24 horas nesta terça-feira (30) para protestar contra o novo plano de funções da empresa. O novo instrumento retira direitos e conquistas dos empregados e foi implantado sem negociação com as entidades representativas dos trabalhadores. De acordo com o secretário geral do Sindicato dos Bancários de Divinópolis e Região, Dálber Lúcio de Faria, a greve é nacional e visa pressionar a direção do banco para que negocie alterações no plano. Há mais de dois meses os bancários do Banco do Brasil e os sindicatos da categoria vem intensificando a mobilização em âmbito nacional. Além da greve de 24 horas na terça-feira, outras

paralisações podem ocorrer em maio se o banco não abrir as negociações. O novo plano de funções mexe com o Valor de Referência (VR) dos cargos comissionados, o valor das funções gratificadas e o Adicional de Função de Confiança, entre outros ítens. Ontem (26) foi publicado um edital comunicando a greve. Todas as agências do Banco do Brasil em Divinópolis deverão ficar fechadas na terça-feira por causa da paralisação, voltando as atividades normais na quinta-feira (02) já que na quarta-feira (1º) é feriado nacional. Nesta segunda-feira (29), haverá novamente uma assembleia para ratificar a decisão da paralisação e preparar a greve de 24 horas da terça. Hoje, no Banco do Brasil, o quadro de funcionários é composto por mais de 120 mil trabalhadores.

Casa onde será o memorial de Brigadeiro Cabral Luiz Felipe Enes

pauta@gazetaoeste.com.br

Ontem, (26) o prefeito Vladimir Azevedo recebeu Alayde Cabral, filha de Brigadeiro Cabral. Durante o encontro, foram discutidos a criação de um memorial no Aeroporto Municipal, onde prestigiará Divinópolis nos seus 101 anos. Alayde Cabral, filha de Brigadeiro Cabral, idealizador do aeroporto da cidade esteve em Divinópolis com o prefeito Vladi-

mir Azevedo e de integrantes da Secretaria Municipal de Cultura. Ela, que vive no Rio de Janeiro, veio à cidade oferecer os acervos que possui do pai. O projeto já vem sendo idealizado há mais de um ano pela Secretaria de Cultura. A ideia é criar um memorial, onde mostre um pouco da história do aeroporto, de sua construção e desenvolvimento até os dias atuais. Atualmente o aeroporto tem um terminal bem adequado para receber os passageiros.

Encontro do Prefeito Vladimir Azevedo, Deputado Estadual Fabiano Tolentino, Equipe da Secretaria de Cultura e Alayde Cabral, filha de Brigadeiro Cabral.

O projeto não só pretende mostrar a história do aeroporto, como também um pouco de quem foi o divinopolitano Brigadeiro Cabral Neto, pessoa que tinha grandes contatos, inclusive com a aeronáutica, na época de sua inauguração, com o até então presidente na época Juscelino Kubitschek, que esteve lado a lado com Brigadeiro naquele período. Acontecerão seminários dentre outros eventos para difundir informações sobre Brigadeiro

Cabral e trazer à sociedade um pouco de cultura e de conhecimento de uma época em que Divinópolis teve grandes conquistas. O memorial será instalado no próprio saguão do aeroporto e da casa onde hoje funciona a lanchonete no local. “Pretendemos também junto à prefeitura tombar a antiga fachada do Aeroporto Municipal, conservando aquilo que nos foi deixado”, afirma o secretário municipal de Cultura Bernardo Espíndola Rodrigues.


06 CIDADES

Gaudêncio Torquato

gt@gtmarketing.com.br

A EQUAÇÃO BO+BA+CO+CA E O X DA QUESTÃO

Tráfico é o crime que mais prende no Brasil Especialista em criminologia debate Lei de Tóxicos e o envolvimento do advogado com o cliente em conflito

Liziane Ricardo

O especialista em criminologia Adilson Rocha, informou que nos últimos anos, houve um aumento no número de advogados respondendo por processos criminais. Liziane Ricardo

liziane.ricardo@gazetaoeste.com.br

A Presidência da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Divinópolis, através de seu representante Íris José de Almeida, realizou ontem (26) na sede da instituição um debate sobre a Lei de Tóxicos e o Envolvimento do Advogado com o cliente em conflito. Hoje no Brasil cerca de 30% do sistema penitenciário é composto de prisões por tráfico de drogas, o que gira em média de 140 mil detentos em todo o país. Segundo o novo titular da secretaria nacional de Políticas sobre Drogas, Vitore André Zílio Maximiano, o Brasil nunca prendeu tanto por tráfico. “Temos hoje 140 mil presos por tráfico de drogas no país. Até 2006, o número de presos por tráfico representava 10% do total. Hoje, são 30%. O fato é: o aumento é tão grande que nos obriga a pensar em alternativas, porque o custo social é grande”, completou Vitore Maximiano. O Especialista em Criminologia, Adilson Rocha já advoga há 22 anos, e atua também como Conselheiro da OAB de Minas Gerais, e ao ministrar a palestra na 48ª Subseção em Divinópolis, foi possível aprofundar nas dicas de como os advogados devem se portar ou se resguarda diante de um cliente envolvido no processo de tóxicos. “Abordamos as situações do cliente do advogado em con-

Corte de árvore Na edição de sábado (20), foi publicada uma matéria no bairro Porto Velho, falando sobre o problema de uma árvore condenada nas esquinas das Ruas Joaquim Nabuco e Gonçalves Ledo. Os moradores temiam que a árvore caísse sobre a rede elétrica e até mesmo em cima de pessoas. Na manhã de ontem (26), funcionários da prefeitura estiveram no local e realizaram o corte da árvore, levando mais tranqüilidade aos moradores.

flito com a Lei 11.343/2006 que trata dos crimes de tóxicos. O que nós temos constatado nos últimos anos é um aumento no número de advogados respondendo por processos criminais, e em alguns casos chegam a ser condenados por não ter conseguido administrar de forma adequada a sua relação: Cliente – Advogado”,ponderou. Adilson Rocha explicou ainda que a relação do advogado com o cliente que está respondendo processo por tráfico de drogas é uma relação extremamente perigosa. “Existe um crime denominado associação para o tráfico, e caso o advogado não se respalde de cuidados para com o seu envolvimento com o cliente, o processo e a família, o mesmo acaba sendo incluso em razão de suas orientações e ou prestação de serviços ao cliente. Há casos em que o advogado é apontado como envolvido no tráfico de drogas junto com o cliente”, frisou. No entanto, o especialista alertou aos cerca de 30 advogados presentes na palestra, de como devem agir preventivamente para que não haja envolvimento no aspecto criminal com o cliente. “Divinópolis tem um percentual muito grande envolvendo menores no tráfico de drogas, contudo, um advogado que é contratado pela família para cuidar do processo de um menor, não pode se descuidar de pequenos detalhes como o ato de entregar recados na

Advogados de Divinópolis participaram de palestra sobre Lei de Tóxicos e o Envolvimento do Advogado com o Cliente em Conflito.

prisão, dar orientações, ter os telefones grampeados e ou receber/ transportar quantias diretamente ligadas ao cliente, são algumas ações que o advogado não deve praticar durante o processo” alertou. Do ponto de vista do presidente da OAB, o advogado que não fizer uma boa defesa técnica o processo está sujeito a ser nulo. “É importante alertarmos nossos colegas através destes encontros e palestras para que eles não se deixem envolver ou enganar diante de processo deste cunho, tomando certos cuidados para não se envolver em processo investigatório de participação e investigação de formação de quadrilha”, avaliou Íris Almeida. DE DEFENSOR A USUÁRIO Outro ponto de extrema relevância na palestra foram os casos em que advogados são usuários de drogas, uma vez que o vício não escolhe classe social ou profissão, no entanto há também casos de advogados usuários e que acabam identificando a defesa de determinado cliente como moeda de troca. “Este tipo de relação também deve ser combatido e evitado pela classe, considerando uma condição muito maior de estar envolvido com o tráfico”, finalizou Rocha. NOVO TITULAR Acostumado a trabalhar com

casos de pequenos traficantes e dependentes químicos que cometem crimes para manter o vício e são levados para trás das grades, o novo titular da secretaria nacional de Políticas sobre Drogas, Vitore André Zílio Maximiano assume a pasta preocupado com o alto número de prisões por tráfico no país, que representam, segundo ele, 30% do sistema penitenciário atualmente. “O envolvimento com o tráfico é o crime que mais leva ao encarceramento no país. E isso é lamentável. A população carcerária brasileira, tem cerca de 500 mil presos, sob um custo de R$ 13 bilhões por ano”, disse Maximiano. O novo secretário defendeu que haja uma “distinção entre o tráfico vinculado a organizações criminosas e o pequeno traficante”, alegando que até mesmo o Supremo Tribunal Federal “já admitiu penas alternativas por tráfico” em uma decisão em 2010. O Programa Nacional de Combate ao Crack é uma das prioridades de Maximiano. E ele afirma que ainda há carência de leitos e unidades de tratamento no país e que a prevenção “necessita de uma ação efetiva do governo em todas as esferas”, não só sob a ótica da saúde, mas incluindo capacitação profissional, recuperação de valores, e um “conjunto de medidas que deve escapar da repressão” finalizou.

Luiz Felipe Enes

O jogo de 2014 começa a ser jogado. Os primeiros movimentos sinalizam a intenção por parte dos eventuais jogadores de sair da toca, correr o país, formar parcerias, consolidar alianças eleitorais, cada qual oferecendo as linhas mestras de discursos que embalarão o pleito. A presidente Dilma Rousseff, do alto de boa avaliação, exibe otimismo e os feitos do governo em muitas frentes, tarefa que já conta com o clarim tonitruante do ex-presidente Lula. O senador tucano Aécio Neves, do PSDB, sugere férias ao PT, apostando na polarização entre os dois partidos. O governador Eduardo Campos, do PSB, abre o portão para sair da casa governista, sugerindo em campanha publicitária que “o país nos pede para fazer muito mais”. Diante da demonstração de uma peroração de matiz eleitoreira, cabe perguntar: “é possível analisar com tanta antecedência a viabilidade política dos possíveis contendores e evitar erros de calculo político”? Sim. Quem garante é Carlus Matus, o papa do Planejamento Estratégico Situacional, que empregou sua bagagem como ministro da economia de Salvador Allende, no Chile (1965-1970). Tudo depende, segundo o cientista social, de saber jogar, pois “um jogador, mesmo tendo boas cartas em um jogo de baralho, pode não saber jogar e perder o jogo para outro que recebeu cartas inferiores, mas tem melhor estratégia de jogo”. Planejar uma estratégia implica administrar um conjunto de variáveis, algumas complexas, outras imponderáveis. Mesmo assim, é possível alinhar fatores centrais que terão forte influência no próximo embate presidencial. Como é sabido, o fator econômico é o primeiro a ser considerado na análise de viabilidade. Foi ele que propiciou os mandatos de Fernando Henrique, de Luiz Inácio e a atual administração sob o bastão da primeira mulher a comandar o país. O Plano Real, que trouxe a estabilidade econômica, permitiu ao governo petista alongar os braços sociais e com eles implantar o mais abrangente programa de distribuição de renda e inserção social do mundo contemporâneo. O cinturão econômico é ciclicamente usado pelos governos para afrouxar ou apertar a barriga do eleitor. O X da questão resume-se na equação: BO+BA+CO+CA. Bolso (BO) suprido enche a geladeira, satisfaz a barriga (BA), massageia o coração (CO) e induz a cabeça (CA) dos bem alimentados a recompensar os patrocinadores do pão sobre a mesa. A recompensa? O voto na urna. O primeiro cenário que cobrirá a contenda de 2014 é, portanto, o da economia. Se o cinto econômico apertar o estômago social, pior para a presidente Dilma; a recíproca é verdadeira. Os eventuais riscos que ameaçam a primeira mandatária se apresentam nas frentes do desemprego e da inflação. Bolso esvaziado provocará roncos (de fome) no estômago de contingentes desempregados. Sintoma que pode se agravar ante uma inflação que restrinja o menu do consumidor. Ou que o afaste de rotinas que prezava. É razoável imaginar que a manutenção do assistencialismo, mesmo com baixo crescimento do país, consiga manter a boa avaliação da presidente Rousseff, dando sustentação à hipótese de que “pibinhos” não desestabilizarão o produto nacional bruto da satisfação social. O perigo mesmo é o bolso vazio, o desemprego em massa, a alta inflação. A segunda ordem de fatores com peso no tabuleiro situa-se nas frentes dos serviços públicos, que costumam afetar diretamente a população. Inserem-se aí demandas e deficiências nas áreas da saúde e educação, a insegurança pública, que assume graus de indignação na esteira de eventos de alto impacto social, como estupros, assassinatos de crianças, gangues assaltando a torto e a direito. Os serviços públicos no país exibem fortes traços de corrosão, não chegando, porém, a provocar mobilização face ao cobertor protecionista estendido pela administração federal. O “ponto de quebra” do sistema seria um cinturão econômico muito apertado. A terceira vertente a influir no pleito é a da política. Neste caso, estarão em jogo articulações partidárias visando ganhos de espaços na mídia eleitoral, criação de novos partidos e reordenação de forças congressuais. Algumas pedras começam a se movimentar no tabuleiro. Percebe-se a formação de três novas siglas – a Mobilização Democrática – resultante da fusão entre PPS e PMN; a Rede Sustentabilidade, da ex-senadora Marina Silva, para abrigar sua eventual candidatura à presidência; e o partido Solidariedade, sob a égide da Força Sindical. O primeiro é uma alternativa para propiciar a saída de parlamentares insatisfeitos nos atuais partidos e brecha que perfis proeminentes, como o de José Serra, podem aproveitar para trocar de moradia. A criação de uma entidade, por meio de fusão, permite o troca-troca partidário sem apenar parlamentares. Quanto mais candidatos de bom potencial, mais viável a hipótese de um segundo turno, cenário que aumenta as chances de sucesso do bloco oposicionista. Por último, descortina-se o fator novidadeiro. Nele se abrigam perfis identificados com inovação, capazes de sepultar o status quo e sinalizar a abertura de um novo tempo, e discursos impactantes. Nem sempre os “novos”, porém, conciliam identidade e imagem. O que se vê é mercador tentando vender gato por lebre, principalmente quem, até ontem, figurava no velho álbum da política. Esse é o desafio dos novos - velhos. As circunstâncias ditarão as cores das vestes de candidatos, fazendo distinções entre eles. Fechando a planilha, depara-se com a imponderabilidade, espaço das coisas imprevisíveis, onde verso e anverso se cruzam conferindo à política o lugar onde tudo é possível. Aos que já começam a ensaiar jogadas arriscadas, aconselha-se distinguir o que pode ser feito do que deve ser feito e, sobretudo, ter a capacidade de formular, decidir e melhorar o que funciona razoavelmente. O conselho final aos protagonistas vem de Carlos Matus: pensar com a cabeça e arremeter com o coração, evitando a síndrome do touro, que faz exatamente o contrário.

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13


CIDADES 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Lideranças discutem mudanças no quarteirão fechado da Rua São Paulo Abertura da via pode ser uma alternativa para ampliar estacionamentos na região

Divulgação Carla Mariela

Do ponto de vista de trânsito a ideia de abrir a rua para o fluxo de veículos será também benéfica com a possibilidade de termos novas vagas de estacionamento. Liziane Ricardo

liziane.ricardo@gazetaoeste.com.br

Lixo no chão, mendigos dormindo debaixo dos bancos, má iluminação nos postes, craqueiros vagando pela madrugada e ponto de prostituição! Este cenário descrito é a Praça Jovelino Rabelo no quarteirão fechado da rua São Paulo, no Centro de Divinópolis. Com o intuito de melhorar esta região que poderia ser um dos cartões postais da cidade, lideranças políticas e sociais do município se reuniram no fim da tarde de ontem (26) na Câmara Municipal para discutir uma solução à localidade. Ainda nesta semana durante a reunião da Associação Comunitária para Assuntos de Segurança

Pública (Acasp) a Praça da rua São Paulo foi tema de debate por parte dos órgãos de segurança, uma vez que será implantado nas principais Praças da cidade um projeto de fixar um oficial responsável em monitorar os problemas enfrentados pelos moradores destas regiões. No entanto, a secretária de Trânsito e Transportes Rosemary Lasmar adiantou que ainda não foram feitos estudos técnicos relacionadas a localidade, porém na reunião de ontem foi discutida a possibilidade de fazer a abertura do quarteirão proposta durante a reunião da Acasp. “Hoje o quarteirão da São Paulo entre 1º de Junho e Antônio Olímpio de Morais não tem trânsito de veículos, entretanto conta com uma pequena área

de estacionamento. E do ponto de vista de trânsito a ideia de abrir a rua para o fluxo de veículos será também benéfica com a possibilidade de termos novas vagas de estacionamento na região”. No caso da abertura da via, além de um estudo técnico por parte da Settrans é necessário também viabilizar autorizações ambientais, uma vez que a região conta com árvores centenárias. Sobretudo, Lasmar destaca que a intenção inicial do quarteirão fechado há muitos anos atrás, era para que os moradores tivessem uma área de lazer e com circulação de pedestres. Contudo o local tem sido usado com outros objetivos por andarilhos e infratores que acabam ofuscando e inibindo os cidadãos comuns que precisam

Conforme citado pelo presidente do Legislativo, caso a mudança seja firmada, o projeto para a São Paulo seria parecido com a rua Halfade em Juiz de Fora.

ir à Câmara Municipal, a Receita Federal, ao clube da cidade, aos comércios e demais instituições instaladas no quarteirão. “Em um primeiro momento acho a idéia interessante e muito válida por criar novas vagas de estacionamento no Centro, principalmente considerando o grande fluxo de pessoas que trabalham e visitam o edifício Costa Rangel durante o dia e não conseguem vaga para estacionar” finalizou a secretária. Outro que aceitou bem a proposta de mudança da via, foi o representante do Poder Legislativo, Rodyson Kristnamuti (PSDB). Segundo o parlamentar que convive diariamente na região, a Praça da rua São Paulo está abandonada em vista das demais praças de Divinópolis. Mesmo com a limpeza

diária por parte dos garis, a praça amanhece cheia de lixos deixados por mendigos que lá habitam durante as madrugadas. “Caso a mudança seja firmada, já vislumbramos um projeto parecido com a rua Halfade em Juiz de Fora que contam com inúmeros postes de iluminação, um calçadão bem planejado e uma área livre para o acesso de pedestres. A ideia de novas vagas de estacionamento também é válida considerando o grande fluxo de veículos que circulam no centro de Divinópolis”, destacou Rodyson. O presidente do Legislativo, informou ainda que já teve a iniciativa de verificar se a região seria tombada pelo Patrimônio Público, e conforme os registros municipais não é o caso da Praça

Jovelino Rabelo. “Já que não é um local tombado pelo Patrimônio Histórico, fica até mais fácil planejarmos modificações futuras. Já tivemos uma previa conversa também com os comerciantes da região e a maioria é favorável à mudança, trazendo inclusive mais segurança e fomento para seu comércio”, finalizou Kristnamurti. Já o quarteirão abaixo da avenida 1º de junho, onde se localiza o Centro Popular de Comércio (CPC) mais conhecido por ‘camelódromo’, em nada seria modificado inicialmente. A reunião realizada na Câmara Municipal foi composta por: Polícia Militar, Prefeitura Municipal, comerciantes, entidades estabelecidas no quarteirão e vereadores.

Semusa e UFSJ realizam palestra orientando agentes sobre a leishmaniose Luiz Felipe Enes

pauta@gazetaoeste.com.br

A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) juntamente com a Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ), realizou nessa sexta feita (26), uma palestra de capacitação para os agentes de saúde sobre a leishmaniose. A realização desse treinamento para os agentes de saúde ocorreu devido a uma parceria da UFSJ e da Secretaria de Saúde de Divinópolis. O objetivo é capacitar todos os profissionais a diversos tipos de endemias, como a leishmaniose. “É preciso fazer um levantamento na cidade para ver quais regiões demandam mais atenção e verificar se os cães possuem potencial para desenvolver a doença”, explica o diretor da UFSJ, Eduardo Sérgio da Silva. Devido a grande urbanização da cidade já desperta um alerta

sobre a doença. A atenção central é desenvolver neles atitudes que remetam na busca de focos e controle da doença. São aproximadamente 152 agentes trabalhando coletivamente em combate à dengue e a outros tipos de endemia como a leishmaniose. Somente no ano passado, foram registrados em Divinópolis sete casos da doença. “Queremos pessoal nas ruas capacitadas para qualquer tipo de doença epidemiológica”, afirma Gilmar Santos, diretor da vigilância sanitária de Divinópolis. Entenda mais sobre a doença A leishmaniose é uma doença transmitida pela picada do mosquito vetor conhecido como flebótomos. A sua picada pode ser tanto nas pessoas, como nos animais, principalmente nos cachorros. É infectuosa, mas não contagia. É causada por parasitas do gênero Leishmania. Existem dos tipos de leishmaniose, a cutânea e a visceral. A cutânea

caracteriza-se por feridas expostas no corpo. Consequentemente não tratando, pode se desenvolver nas partes internas do corpo, como nas mucosas nasais e na garganta. A leishmaniose visceral é uma doença sistêmica, pois, acomete vários órgãos internos, principalmente o fígado, o baço e a medula óssea. Esse tipo de leishmaniose acomete essencialmente crianças de até dez anos; após esta idade se torna menos frequente. É uma doença de evolução longa, podendo durar alguns meses ou até ultrapassar o período de um ano. O diagnóstico é feito através de exames clínicos que comprovem a presença da doença. O tratamento deve ser constantemente acompanhado por um médico, no qual passará as medicações e os tratamentos necessários aos doentes. Prevenção Os métodos para impedir

o surgimento da doença são de grande importância e começa pelo cidadão. Evitar acampar em áreas próximas a matas, fazer dedetizações em locais propícios ao surgimento do mosquito conforme explicado pelo agente de saúde, não nadar em lagos ou rios próximos a matas fechadas, usar repelentes em áreas onde existem casos da doença, usar tela e protetores de portas em casas localizadas próximo às matas fechadas e por fim, eliminar cães com possível diagnóstico para leishmaniose visceral, o que representa riscos aos humanos.

PROCLAMAS

Leila Maria Fagundes Isolani, Oficiala e Tabeliã de Registro Civil das Pessoas Naturais do distrito de Santo Antônio dos Campos, município e comarca de Divinópolis- MG, situado na Rua João Martins Coelho, nº 331, em Santo Antônio dos Campos, município de Divinópolis-MG, em pleno exercício de seu cargo e na forma da lei, faz saber que pretendem se casar: RAPHAEL NOVAES MELASIPO, Filho de Paulo Augusto Duarte Melasipo e de Dª. Maria José Novaes Pinto e DRIELE AMÉRICA DE SENA, filha de Antônio Bernardino de Sena e de Dª. Eni Maria Caetano de Sena. Santo Antônio dos Campos, 26 de abril de 2.013.

Leilão Presencial e "On-line" - 87 Imóveis • SP • MT • MS • PE • RJ • GO • ES Dia: 18 de maio de 2013, às 10h • Local: Hotel Maksoud Plaza - Alameda Campinas, 150 - Bela Vista - São Paulo - SP

CASA EM DIVINÓPOLIS - MG

Divinópolis (Lote 14) - Halim Souki. Rua Safari, 804. Casa. Áreas totais aprox.: terr. 300m² e constr. 199m². Matr. 102.986 – RI local. Obs.: Ocupada. (AF). Lance mínimo: R$ 196.000,00. Para Par�cipar "On-line", cadastre-se no site: www.sodresantoro.com.br • Relação completa, fotos dos imóveis e condições de venda e pagamento nos sites: www.bradesco.com.br/imoveis e www.sodresantoro.com.br Informações pelo Tel. (11) 2464-6464 • Otavio Lauro Sodré Santoro - Leiloeiro Oficial - Jucesp nº 607


08 cidades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

doação de sangue

Hemominas convoca população O estoque da instituição ainda precisa aumentar para que a demanda diária não seja prejudicada

Mariana Gonçalves

Mariana Gonçalves

mariana.goncalves@gazetaoeste.com.br

O Hemominas de Divinópolis está convocando voluntários para a doação de sangue, a unidade teve uma baixa nos estoques e para que os atendimentos não fiquem prejudicados a população está sendo solicitada a ajudar. De acordo com a responsável pelo setor de captação do Hemominas, Shirley Alves de Sousa Silva, mesmo com o aumento no número de voluntários a meta de 80 doadores por dia não foi alcançada, por isso a instituição conta com a ajuda dos voluntários. Ainda conforme Silva no momento é importante a doação de todos os tipos sanguíneos principalmente para manter o estoque em dia, e para ajudar a unidade a cumprir com o plano de contingência elaborado para a Copa das Confederações, “esse plano é uma preparação para conter a queda de doadores que a unidade terá com a proximidade da copa, então a nossa intenção é aproveitar esse e o próximo mês para conseguir o máximo de doações possível em todas as nossas unidades”, explica Shirley

O doador deve procurar o Hemominas de segunda à sexta, entre 07h30 às 13h30 ou ligar no telefone 37-3216-6514 para agendar a doação. O Hemominas avalia alguns critérios antes de liberar o voluntário para a doação, por isso normalmente podem doar sangue pessoas entre 16 e 67 anos. É preciso ter boa saúde e pesar acima de 50 kg também e importante que o dia anterior da doação a pessoa durma bem e não faça ingestão de nada alcoólico. Não podem doar sangue pessoas que tiveram hepatite após os 11 anos de idade, exceto se tiver comprovação laboratorial da época de que se tratou de hepatite. Quem tem exposição a situações de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis, quem teve gripe resfriado ou diarréia nos sete dias anteriores à doação, quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas anteriores à doação, quem usou ou usa drogas injetáveis, quem apresenta ferimento ainda não cicatrizado, gestantes ou mulheres em período de amamentação lembrando que após o parto normal é necessário aguardar

três meses ou após cesárea, seis meses para se realizar uma doação. Também não podem doar pessoas que fizeram qualquer exame por endoscopia nos seis meses anteriores à doação e pessoas que fizeram tatuagem ou possuem piercing em área genital ou na boca, num período menor que um ano. DOAÇÃO DE MEDULA ÓSSEA O Hemominas trabalha em parceria com o Instituto Nacional do Câncer, INCA, no cadastro de novos doadores de medula. As pessoas interessadas em serem candidatas as doações devem procurar o Hemocentro mais próximo e se cadastrarem no Redome – Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea. Para ser um doador de medula óssea é preciso ter entre 18 e 54 anos completos, estar em boas condições de saúde e não apresentar doenças, como as infecciosas ou hematológicas. As chances de encontrar um doador compatível é de aproximadamente entre 25% a 30% entre irmãos, podendo chegar a 1 em 100.000 entre as pessoas não aparentadas. Portanto, quanto

O hemocentro precisa da doação de todos os tipos sanguíneos no momento.

maior o número de candidatos cadastrados, maior a chance de se encontrar o doador ideal para os pacientes que precisam de transplante. No ano de 2012, o Hemominas de Divinópolis conseguiu cadastrar 1712 candidatos à doação. Depois de confirmada a compatibilidade entre doador

e paciente, o doador será novamente consultado para decidir sobre a doação caso concorde será submetido a outros exames de saúde. A doação de medula óssea pode ser realizada em duas formas básicas, o médico decidirá qual será a mais indicada. A mais utilizada é a punção no osso da bacia, em que o doador passará

por uma pequena cirurgia de aproximadamente 90 minutos. São realizadas punções através de agulhas especiais, sob anestesia. O método conhecido como aférese é um procedimento de coleta por via periférica, que se assemelha a uma doação de sangue. Todo o procedimento é custeado pelo Governo Federal.


:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Chico Maia

chicomaiabd@gmail.com

Omissão e incompetência Todos os anos o Tribunal de Justiça Desportiva entra “em campo” no Campeonato Mineiro, na primeira e segunda divisões. Na segunda-feira (22) a FMF divulgou os locais e horários das semifinais: Tombense x Atlético, sábado (27), 16 horas no Independência; Villa Nova x Cruzeiro, domingo (28), 16 horas, também no Independência, depois de acordo entre os presidentes dos quatro clubes na sede da entidade. Na terça-feira (23) um membro do TJD contestou oficialmente, pedindo que as partidas fossem remarcadas para Tombos e Nova Lima. O presidente do tribunal acatou e a FMF, cordeiramente, aceitou, abrindo mão do seu direito de recorrer para defender o interesse dos quatro que vão decidir o Campeonato. Numa situação rara, houve unanimidade em querer jogar as semifinais em um estádio para 20 mil pessoas e não em 3 mil, capacidade dos estádios do Tombense e Villa. E o mais incrível: todo ano ocorre este tipo de discussão, mas os clubes e a Federação não emendam e não põem essa alternativa no regulamento. Preferem dar essa oportunidade de alguns minutos de fama a membros da justiça desportiva e gerar mais descrédito do torcedor. Pires na mão Os clubes do interior vivem de pires na mão, uns desaparecendo do cenário profissional ou fechando as portas. Os novos que surgem ou os antigos que saem do amadorismo, puxados por algum empresário, tem vida curta. Uma chance como essa, para Villa e Tombense pagarem todas as suas contas da temporada é rara, e terão de se contentar com as migalhas que sobrarão dos jogos em seus estadinhos. Sobrevivência Tudo bem que tecnicamente a dupla da capital tem menores dificuldades jogando aqui, mas aquele tempo das torcidas pressionando em “alçapões” do interior já não existe mais. O rigor das leis, as punições severas e limitações da capacidade acabaram com isso. Clubes pequenos que conseguem chegar às finais do Mineiro tem isso como prêmio, pois é garantia de sobrevivência no ano seguinte. Fusão Li no site do companheiro Adamar Gomes, de Patos de Minas que Mamoré e Nacional itinerante

Atlético ainda indefinido para encarar a Tombense Bruno Cantini

O Atlético-MG encerrou ontem (26), a preparação para o jogo deste sábado (27), contra o Tombense, no estádio Almeidão. O técnico Cuca ainda tem algumas dúvidas na formação da equipe, mas a ausência de Ronaldinho Gaúcho já é certa. O jogador não apresenta nenhuma lesão e será apenas poupado para o jogo contra o São Paulo, pela Libertadores. “O Ronaldo jogou na quarta contra o São Paulo, domingo contra o Villa, quarta pela seleção e hoje tem o Tombense. Tem o desgaste do jogo de quarta, chega de madrugada, não dorme direito, sente o cansaço, você sente isso e o jogador fala que está muito cansado. A gente respeita isso, jogador de 32 anos, sabe melhor do que a gente”, disse Cuca explicando a ausência de R10. Sem Ronaldinho, Cuca tem dúvida na zaga e no ataque. No setor defensivo, Gilberto Silva e Leonardo Silva brigam por um lugar no time. Léo Silva é considerado titular, mas o atleta está suspenso na Libertadores e pode ficar de fora em Tombos, para Gilberto Silva ganhar ritmo. No ataque, Jô sente dores muscu-

caminham para a fusão, e ainda este ano já poderão iniciar este processo, no Campeonato Mineiro de Juniores: o Nacional mandaria seus jogos no “Bernardo Rubinger”, com a camisa do Mamoré e escudo do NEC. Na verdade é uma saída de cena “honrosa” do Nacional de Nova Serrana. Não deu O Nacional nasceu pelas mãos do então prefeito de Nova Serrana, Paulo César, e do então presidente do Cruzeiro, Zezé Perrella. Companheiros de mesma sigla partidária, PDT, que montaram quatro anos atrás um clube-empresa. Mas o Paulo perdeu as eleições municipais do ano passado e Perrella deixou o Cruzeiro, virou Senador e mudou-se para Brasília. Fim dos principais sustentáculos do Nacional, que mandou seus jogos este ano em Patos de Minas. Frase “Clubes e FMF dão sempre chance de alguns minutos de fama a membros da justiça desportiva, gerando mais descrédito do torcedor.” Divulgação

Foto jogo Nacional.

Esporte 09

Elion Quintasi, de 18 anos, deixou a cidade de La Paz e viajou por cinco dias, de ônibus, para conhecer Ronaldinho Gaúcho.

lares e pode ser substituído por Alecsandro. “Tenho dúvida do Gilberto Silva e Léo. O Gilberto pelo tempo que não está jogando, necessita pegar ritmo de jogo, estou pensando nisso. O Jô ficou fora de quase metade dos treinos, fez trabalho de fortalecimento, a probabilidade é até de ficar fora do time”, comentou. O meia-atacante Bernard e o atacante Diego Tardelli estão recuperados de lesões e tem presença confirmada em Tombos, no primeiro jogo das semifinais do Mineiro. Visita O jovem boliviano Elion Quintasi, de 18 anos, deixou a cidade de La Paz e viajou por cinco dias, de ônibus, para conhecer Ronaldinho Gaúcho. “É meu ídolo, vejo Ronaldinho jogar desde pequeno e sempre quis ser como ele“, disse Elion Quintasi, que foi apresentado ao elenco atleticano e ganhou de presente uma camisa autografada de Ronaldinho. Sensibilizados com o gesto de carinho do torcedor, comissão técnica e jogadores se uniram e compraram uma passagem aérea para o garoto regressar à Bolívia.

Após treinar na Toca I, Cruzeiro está quase pronto Com a Toca da Raposa II cedida para a seleção brasileira, o Cruzeiro tem treinado na Toca da Raposa I, local que traz boas recordações para o técnico Marcelo Oliveira, que lembra que já ficou concentrado na Toca I na década de 70, quando defendeu o Brasil, na Copa da América. O treinador revela satisfação com o desempenho da equipe na primeira fase do Mineiro, mas quer o Cruzeiro forte até o fim da competição. “A semana começa de forma positiva. Cumprimos a primeira meta e nos mobilizamos completamente para jogar a primeira fase, fórmula diferente, é um novo campeonato. Vamos fortes fazer uma semana forte de preparação. As circunstâncias nos trouxeram para a Toca I. Aqui tem história, tradição. Eu mesmo já me concentrei aqui em 1975, pela seleção da Copa América. Estamos em casa. Quinta-feira (02) retornamos para a Toca II e complementamos o trabalho”, disse. Para enfrentar o Villa Nova, o treinador cruzeirense terá time

Washington Alves/VIPCOMM

Torcida do Cruzeiro acompanha o time.

praticamente completo, a única ausência será o atacante Borges, que vai cumprir suspensão, pelo excesso de cartões amarelos. Sem mistério, Marcelo Oliveira já confirmou que Anselmo vai ficar com a vaga no ataque celeste. Na defesa, o zagueiro Paulão está recuperado de contusão e já voltou a treinar com os companheiros, mas o defensor terá que

esperar nova oportunidade, já que Léo e Bruno Rodrigo serão mantidos entre os titulares. “A zaga tem se comportado bem, até porque o time todo tem ajudado na marcação, vai ser com o Léo e o Bruno Rodrigo. O Paulão fica como opção, os dois estão mantidos”, afirmou. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou na última quinta-feira, dia 25, as datas das

partidas de ida da segunda fase da Copa do Brasil. O Cruzeiro, que eliminou o CSA-AL na primeira fase, enfrenta o Resende, em Volta Redonda, no Rio de Janeiro. A partida será realizada na próxima quarta-feira, dia 1º, às 21h50. Pelo regulamento da competição, se vencer por dois ou mais gols de vantagem, a Raposa elimina a necessidade do jogo de volta.


10 Esporte

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

FMF divulga regulamento do Campeonato Mineiro Juvenil e Infantil A competição será dividida em fase preliminar dos campeonatos das categorias básicas de futebol, Infantil e Juvenil, será disputada pelas 18 associações, divididas em três chaves denominadas “A”, “B” e “C”, em dois turnos corridos, no sistema de ida e volta, de modo que cada associação jogue uma partida em seu campo e outra no de seu adversário. Chave “A”: América, Araxá, Vasco Da Gama, Coimbra/Villa Nova, Santa Cruz, Amdh. Chave “B”: Atlético, CGP, Sindufla, Uberabinha, Sport, Vila Nova. Chave

“C”: Cruzeiro, Acesita/Desportivo Minas, João Pinheiro, Estrada Real, Contagem, Riachinho. Ao término dos jogos previstos para a fase preliminar, ficarão classificadas para a fase hexagonal final, as duas agremiações melhores classificadas em cada chave, por pontos ganhos, perfazendo o total seis associações. A fase hexagonal final dos Campeonatos em tela, será disputada pelas seis associações classificadas na fase preliminar, que irão compor a chave única, cada qual na respectiva categoria: Infantil e Juvenil. As partidas

Taxas de arbitragem TAXAS DO INFANTIL A

Árbitro Básico

B

Assistente do Árbitro

C

R$ 130,00 (cento e trinta reais)

Representante

50% (cinquenta por cento) taxa paga Árbitro Básico 50% (cinquenta por cento) taxa paga Árbitro Básico

TAXAS DO JUVENIL A

Árbitro Básico

R$ 150,00 (cento e cinquenta reais)

B

Assistente do Árbitro

50% (cinquenta por cento) taxa paga Árbitro Básico

C

Representante

50% (cinquenta por cento) taxa paga Árbitro Básico

serão disputadas em dois turnos corridos, no sistema de ida e volta, de modo que cada associação jogue uma partida em seu campo e outra no campo do seu adversário. Ao término dos jogos previstos na Fase Hexagonal Final, a associação que obtiver o maior número de pontos ganhos será proclamada Campeã, sendo a segunda colocada Vice-Campeã da temporada de 2013. Os jogos na categoria Juvenil terão dois tempos de 40 minutos, na categoria infantil, terá duração de dois tempos de 35 minutos. Em ambas as categorias haverá intervalo de 15 minutos. A associação que tiver o mando de campo, além das demais medidas de ordens administrativas e técnicas, deverá providenciar a segurança de seus jogos, requisitando policiamento (Polícia Militar) em número adequado, bem com manter uma ambulância (com tamanho suficiente para transportar uma pessoa deitada), munida de paramédico, um técnico em enfermagem, maleta de primeiros socorros, bem como equipamento para procedimento de reanimação

Vasco da Gama vence o jogo de ida da Copa Super Craque Divulgação

Vasco sai na frente pela Copa Super Craque.

O Vasco da Gama de Divinópolis venceu fora de casa a forte equipe do América de Perdigão em jogo válido pela semifinal da Copa Super Craque, na categoria 2002 por 2 a 0 com gols de Daniel e Gabriel Lucas. Na terça dia 30 o Vasco faz o jogo de volta com

a vantagem do empate, antes disso o Vasco vai a Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro na Toca da Raposa. Nas outras Categorias as partidas acontecem no fim de semana. Destaque para os confrontos na Categoria 98/99 que tendem ser muito equilibrados.

A equipe A E I - Itatiaiuçu recebe o Craque do Futuro de Lagoa da Prata enquanto em Formiga, o Vila Esporte recebe o Vasco da Gama. Na outra semifinal Categoria 2002/2003 o Flamengo de Itaúna vai até Lagoa da Prata enfrentar o Craque do Futuro.

Luciano Eurides

Vasco da Gama irá representar Divinópolis e para isso faz um amistoso contra o Cruzeiro, em Belo Horizonte.

cardio-pulmonar. Somente poderão participar da categoria básica de futebol Juvenil, os atletas regularmente registrados na Federação Mineira de Futebol, observados os limites de idade 15 a 17 anos, inclusive, completos no ano da competição e, cujo nome conste

do BID (Boletim Informativo Diário) da Confederação Brasileira de Futebol. Poderão também participar do Campeonato Juvenil três atletas com idade de Infantil, desde que devidamente inscritos e cujo nome conste do BID. Somente poderão participar da categoria básica de futebol

Infantil, os atletas regularmente inscritos na Federação Mineira de Futebol, observados os limites de idade de 13 a 15 anos, inclusive, completos no ano da competição e cujo nome conste do BID (Boletim Informativo Diário) da Confederação Brasileira de Futebol.

Taça Pará de Minas movimenta o final de semana Luciano Eurides

LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

A Taça Pará de Minas de Futebol teve na última rodada 54 gols marcados, uma média de 3.3 gols por partida. As equipes do Vasco da Gama, Jusa Fonseca, Palmeiras e Flamengo entram em campo na competição. No final de semana na categoria 2003 o Bela Vista 1x3 Vasco, na 2002 Bela Vista 0x7 Vasco, na 2001 Bela Vista 2x5 Vasco. Em Pará de Minas, categoria 2002, Guarany 1x1 Jusa Fonseca. Na 2000 Guarany 4x2 Jusa Fonseca e 1998 Guarany 4x1 jusa Fonseca. Em Bom Despacho, 2003 Famorine 0x2 Flamengo Divinópolis, na 2002 Famorine 1x1 Flamengo e na 2001 Famorine 1x2 Flamengo. Ainda na categoria 2003, Araguaia 3 x1 Palmeiras. 2002 Araguaia 2x1 Palmeiras e 2001 Araguaia 1x3 Palmeiras. A sétima rodada terá início no sábado (27) em Divinópolis, Campo do Jusa Fonseca nas categorias 02/00/98, às 14h Jusa Fonseca X Palmeiras Divinópolis. No domingo (28), Campo do Flamengo nas categorias 00/99/98, às 9h Flamengo Divinópolis X Bela Vista Cláudio. Em Divinópolis ainda, Campo do Vasco, nas categorias 01/99, às 9h Vasco X Flamengo Conceição do Pará.

Vasco tem compromissos pela Taça Pará de Minas.


polícia 11

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Fiscalização da Polícia Militar na Festa da Cerveja contará com bafômetro Será empregado efetivo no interior da Estância Marisa e em seu entorno, além da fiscalização da Polícia Rodoviária Estadual ao longo da BR-494. Bafômetro da PRE será utilizado

Erik Ullysses

Erik Ullysses

erik.ullysses@gazetaoeste.com.br

A Polícia Militar contará com um esquema especial no policiamento e fiscalização da Festa da Cerveja, realizada às margens da BR-494, na Estância Marisa. Devido a localização da festa, os Militares do 23° BPM terão o reforço da Polícia Rodoviária Estadual, que ficará por conta da fiscalização ao longo da rodovia. Também serão dispostos Militares no interior da festa e em seus arredores. De acordo com o responsável pelo policiamento do evento, o capitão Marco Paulo, o efetivo será reforçado, principalmente no interior da Estância Marisa. “Nós vamos estar com um efetivo reforçado na festa, principalmente no interior da Estância Marisa, que

é o local de realização. Além disso, também temos o reforço da Polícia Rodoviária Estadual, ao longo da BR-494, para garantir a segurança das pessoas que se direcionam ao local da festa, ou mesmo que passem por ali” assegurou. O número de Militares empregados e as medidas que serão adotadas foram feitas a partir da experiência das outras edições do evento. Além daqueles que estarão diretamente envolvidos no policiamento, outros Militares na cidade ficarão à disposição caso ocorra alguma emergência. “Diretamente envolvido dentro do local da festa nós teremos 45 Militares. Nós temos também outros Policiais no entorno da festa, temos estes que estarão na rodovia, e na cidade teremos aqueles que por ventura podem ser acionados em

caso de uma eventualidade. Então tem um contingente considerável e tomando como base os outros anos da festa, o necessário para uma boa realização do evento” afirmou o capitão. Um ponto importante que foi destacado pelo capitão Marco Paulo se refere ao consumo de bebidas alcoólicas por aqueles que participarão da festa. Como a festa acontecerá às margens de uma rodovia, o capitão aconselhou a todos que façam um uso moderado de tais bebidas, evitando assim maiores problemas. Aqueles que pegarão o volante não devem consumir bebida alcoólica. Para fiscalizar os motoristas, os Militares contarão com a utilização de bafômetro da Polícia Rodoviária Estadual e aqueles que forem pegos infringindo a Lei Seca serão

conduzidos para a Delegacia. “A Polícia Rodoviária Estadual levará o bafômetro para o local. Todos os policiais que estão ali no entorno estão envolvidos nessa questão. Então, infelizmente para o condutor que for flagrado nesta situação, ele será conduzido para a Delegacia e serão tomadas as devidas providências legais” assegurou capitão. A PM aconselha que as pessoas optem por se deslocarem até a Festa da Cerveja em grupos de quatro ou cinco em um mesmo carro, praticando assim o chamado “transporte solidário”. Outra dica é chegar mais cedo, evitando assim tumultos na porta. As pessoas devem ficar atentas também aos seus celulares, carteiras e documentos, para evitar perda ou furto dos mesmos.

Policiamento na Festa da Cerveja contará com um bafômetro para a fiscalização de motoristas que infringirem a Lei Seca.

Presidente da OAB Divinópolis e conselheiro da OAB Agentes penitenciários Minas são contrários a redução da maioridade penal encontram drogas Para os dois diminuir a idade penal não resolveria o problema dos crimes cometidos por menores, servindo apenas para aumentar ainda mais a superlotação das cadeias do país. Educação, mudanças em alguns termos do ECA e incentivo a uma profissão podem ser caminhos eficazes

Liziane Ricardo

Uma discussão vem tomando conta dos noticiários, envolve especialistas e leigos, chegando até as rodas de conversas em todo o país: A possibilidade da redução da idade penal no Brasil. Atualmente no país a pessoa só é considerada maior de idade após completar 18 anos. A proposta que tramita no Congresso Federal e deverá ser posta em discussão em breve é a redução da maioridade penal para 16 anos. A reportagem da Gazeta do Oeste conversou com o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) da cidade, Íris José de Almeida, e com Adilson Rocha, conselheiro da OAB Minas Gerais e criminalista, para saber a opinião dos mesmos sobre o assunto. Ambos foram enfáticos: não aprovam a redução e nem acreditam que isto possa ocorrer. Íris Almeida acredita que a solução para o problema da criminalidade praticada por menores pode ser resolvida por meio de um apoio maior para a educação. Com a criação de escolas em tempo integral e que também ensinem uma profissão para os adolescentes, estes jovens manteriam a mente ocupada e assim, se afastariam do mundo dos crimes. “É preciso fazer alguns investimentos na área social. Por exemplo, eu acho que a escola deveria ser em tempo integral, para que o aluno freqüentasse o dia todo a escola. Que eles desenvolvessem também a parte profissional, não apenas o estudo. Mas ele tem que ter o tempo ocupado. Mente vazia

é oficina do diabo” disse. Para Íris, reduzir a idade penal dos adolescentes só geraria mais problemas para as já superlotadas cadeias brasileiras. Mudanças em algumas condições do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) também foram apontadas por ele como uma forma que pode surtir efeitos. “Reduzir a maioridade penal de 18 anos para 16 para mim é encher nossa penitenciária de meninos. Isso não deve acontecer. O que deve acontecer é repensar a lei do Estatuto do menor, aumentar algumas condições dessa punição a ser feita. Mas também não é meramente colocar lá em um local fechado não. Tem que ter escola, parte profissional, porque senão vai sair de lá pior do que entrou” assegurou, lembrando dos problemas enfrentados nas cadeias do Brasil com a baixa recuperação de seus presos. A visão de Íris também é compartilhada por Adílson Rocha. Ele aponta que a maioridade penal do Brasil atualmente foi uma grande evolução e uma conquista que levou anos para ser assegurada. “Eu sou radicalmente contra essa redução da maioridade penal. Mesmo porque, estar hoje em 18 anos foi evolução. No Brasil, a maioridade penal já foi de 14 anos. Já teve pena de morte. Hoje estamos em 18 anos e não há mais pena de morte. Isto é um processo de evolução da sociedade. Se o Congresso Nacional resolver alterar a Constituição Federal, porque vai

em celas do Floramar Agentes penitenciários encontram na quinta-feira (25) uma pequena porção de entorpecentes em duas das celas do presídio Floramar, em Divinópolis. A Polícia Militar informou que foi acionada no presídio, situado a rua Paquetá, bairro Jardim Floramar, onde um agente teria encontrado drogas nas celas após uma vistoria de rotina nos pavilhões. No local, os Militares constataram que havia sido localizado

pelos agentes duas pedras de substância semelhante ao crack com o detento K.S.S, de 27 anos, na cela número 7. Em prosseguimento a revista das celas, foi localizado um cigarro de maconha na cela 4, com o detento G.H.E.L, de 19 anos. Diante dos fatos, os Policiais apreenderam os entorpecentes, que foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil. (E.U.)

Drogas são apreendidas no Maria Helena e no Orion Para o presidente da OAB Divinópolis, Íris José de Almeida, e o conselheiro da OAB de Minas Gerais, Adilson Rocha, a redução da maioridade só aumentaria os problemas relacionados aos menores infratores, além de punir pessoas que, segundo eles ainda são imaturas

ter que mudar já que a mesma é expressa ao dizer que o menor de 18 é imputável, para depois alterar o Código Penal e haver efetivamente a redução da maioridade penal para 16 anos vai ser uma tragédia para a sociedade brasileira. Nós vamos passar a responsabilizar estas pessoas que são comprovadamente imaturo, inconseqüentes. O menor de 18 anos é ainda uma pessoa em formação, é uma pessoa que carece de cuidados especiais como determina o ECA” garantiu. Ele lembrou ainda que na maioria dos países a maioridade penal também é adotada a partir dos 18 anos.

Os dois foram categóricos ainda em afirmar que um menor condenado a cumprir pena sócio-educativa pode ficar fora do convívio social por até três anos. Mesmo tempo, por exemplo, de um adulto condenado a uma pena de 15 anos de detenção. “Ele pode ficar internado até por três anos. Três anos representa em um caso de crime, uma condenação equivalente a 15 anos. Se você for condenado a 15 anos você ficará preso por três anos. É tempo mais que suficiente. O ECA está certo, e o que precisamos fazer é dar efetividade ao ECA. É o estado preocupar com o adolescente infrator” concluiu. (E.U.)

No decorrer da última quinta-feira (25), a Polícia Militar de Divinópolis realizou a apreensão de drogas em dois bairros distintos da cidade. A primeira apreensão aconteceu no bairro Maria Helena, onde visualizaram uma movimentação estranha próximo a uma oficina mecânica. Quando os Militares foram proceder a abordagem os suspeitos perceberam a presença deles e fugiram. Após buscas nas proximidades foram encontradas 114 pedras de uma substância semelhante ao crack, prontas para serem comercializadas no tráfico de entorpecentes. Diante dos fatos, os materiais foram apreendidos e encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil. A segunda apreensão aconteceu no bairro Orion. Durante um patrulhamento pela rua Pernambuco, Policiais Militares

se depararam com o suspeito G.E.L , 25 anos, que fazia contato com outros três suspeitos, M.H.T.S, de 22 anos, O.E.L.J, de 33 anos e A.H.J, de 28 anos, os quais estavam em um veículo Citroen Xsara Picasso, placa HGO-2714, de cor prata. Os três indivíduos que estavam no carro confessaram que iriam comprar entorpecentes de G.E.L. Os Militares procederam buscas, onde conseguiram encontrar um tablete de substância análoga à maconha de tamanho considerável. Dessa forma, foi dada voz de prisão aos autores, que foram conduzidos para a Delegacia da Polícia Civil. O automóvel foi recolhido e levado para o pátio de um socorro credenciado. Na delegacia os autores foram ouvidos, e logo em seguida liberados. (E.U.)


12 geral

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Veja o que a Prefeitura está fazendo. E participe. • Visitas a residências e estabelecimentos comerciais pelos agentes de saúde (são 112 agentes), que fazem eliminação direta dos focos e utilizam um produto que mata tanto as larvas quanto os mosquitos adultos. Eles também realizam um trabalho de educação e orientação.

• Reuniões comunitárias, apresentação de peças e palestras sobre a dengue.

• Contratação imediata de mais 75 profissionais em caráter de urgência, por tempo determinado, para trabalhar na campanha de combate à dengue.

• Criação de um comitê de combate à dengue, que reúne: Polícia Militar, Bombeiros, Tiro de Guerra, secretarias de Saúde, Planejamento e Gestão, Meio Ambiente, Operações Urbanas, Educação, lideranças religiosas, comunitárias e sociais.

• Combate ao inseto adulto com o carro fumacê.

• Blitz no trânsito. • Campanhas educativas.

Qualidade é importante para você? Sim, escolha Gazeta do Oeste.

Agora, se você optar pela concorrência...

Gazeta DO OESTE

Assine - Acesse o Portal G37 em www.g37.com.br Facebook: Portal G37 Twitter: @portalg37

Quem lê, SABE mais

www.g37.com.br

Preços válidos até 30/04/2013 ou enquanto durarem os estoques - 50 unidades. Ford Fiesta RoCam Hatch 1.0l 2013 (cat FBP3) a partir de R$ 25.990 à vista ou financiado com taxa de 1,27% a.m. e 16,38% a.a, 50% de entrada (R$ 7.800) e saldo em 60 parcelas de R$ 457,00 na modalidade CDC com 30 dias de carência para pagamento da 1ª parcela, incluindo tarifas, custos e impostos (IOF). Valor total a prazo de R$ 35.220,00. Custo Efetivo Total calculado na data de 03/04/2013 a partir de 1,46% a.m. meio do Programa Ford Credit. Ford Fiesta RoCam Sedan 1.6l 2013 (cat SEQ3) a partir de R$ 36.190,00 à vista. Não abrange seguro, acessórios, AutoOeste Pomale 18,95% a.a., por (35) 3292-5000(CET) • Formiga (33) 3241-2242 (37) 3322-2000 • Mantena (38) 3690-7900 • Montes Claros (32) 3332-1677 • Gov. Valadares (33) 3279-6300 e Pomal serviços de despachante, manutenção ouCrevac qualquer outro serviço Santos Carvalho (32) 3729-2400prestado pelo Distribuidor. Sujeito à aprovação de crédito. O valor de composição do CET poderá sofrer alteração, quando da data efetiva da • Muriaé Vesp (31) 3489-9000documentação • Guanhães (33) 3421-1713 Ímpar (37) 3231-7000 • Pará de Minas Brasauto (31) 3359-9400 • Ipatinga (31) 2109-3003 Sanvel (31) 3881-3600 • Ponte Nova considerando o valor do bem adquirido, as despesas contratadas pelo cliente, custos de Registros de Cartórios variáveis de acordo com a UF (não incluso no valor das parcelas e no cálculo da CET) a data da Gomes Pereira (31) 2122-8000contratação, • Itabira (31) 3831-6221 Trevauto (35) 3449-3000 • Pouso Alegre Ímpar (31) 3388-2020 • Itaúna (37) 3241-7000 Delfor Credit são operacionalizados (32) 3373-2000 • São João Del Rey contratação. Contratos e Arrendamento Ford pelo Banco Bradesco Financiamentos S.A. Frete incluso. Embrauto de Financiamento (37) 3522-1144 • Juiz de Fora (32) 3690-3300 Motorsete (31) 3779-8888 • Sete Lagoas (33) 3321-4311 (35) 3341-3200 (31) 3761-6000 (37) 3215-5000

• Juiz de Fora • Lavras • Leopoldina • Manhuaçu

Original Viva Level Diga

(32) 3236-5000 (35) 3821-6588 (32) 3441-4068 (33) 3331-1085

• Teófilo Otoni • Texeira de Freitas • Ubá • Varginha

Martins Pereira Pomal Sanvel Supra

Respeite os limites de velocidade. FordCredit Consórcio Nacional Ford

(33) 3522-2092 (73) 3292-7000 (32) 3531-2066 (35) 3223-6060

Anel Rod. Trevo do Bom Pastor Divinópolis/MG

(37) 2101-3260

Four


Avante Guarani!

A Matéria Especial desta semana aproveita a despedida do Guarani do Campeonato Mineiro para fazer uma homenagem ao clube e a torcida. Conheça a história e os causos da Torcida Organizada Red Bugre e sua paixão pelo clube de Divinópolis

Amilton Augusto

amilton.augusto@gazetaoeste.com.br

As tardes de domingo no Estádio Farião deixaram de fazer parte de muitas famílias divinopolitanas que acompanhavam o Guarani. Com o mando dos jogos na Arena do Calçado, em Nova Serrana, acompanhar o Bugre no Campeonato Mineiro ficou mais difícil para muitos torcedores, pois a distância de 45 km gera mais custos e demanda mais tempo. O time conquistou seu objetivo no Campeonato Mineiro de 2013 não caindo para a segunda divisão. Terminou a disputa em sétimo lugar, uma posição a frente do América de Belo Horizonte. A campanha não foi tão brilhante, com apenas 14 pontos (dos 33 disputados), quatro vitórias, dois empates (um contra o Cruzeiro) e cinco derrotas, o aproveitamento foi de 42,5%. Diante da despedida do Campeonato Mineiro, a Matéria Especial buscou homenagear o time e a torcida, contando as histórias e os causos da Torcida Organizada Red Bugre. Início A Torcida Organizada Red Bugre, ou apenas Red Bugre,

surgiu no dia 03 de março de 2005, quando três amigos empresários se reuniram para discutir uma forma de apoiar o Guarani. Diante da idéia de criar uma torcida organizada, o grupo inicial buscou ajuda e investimentos de empresários da cidade. A primeira aparição da Red Bugre em público foi em uma tradicional festa à fantasia, em que os poucos integrantes, com o apoio de suas namoradas e amigos, foram todos uniformizados com as cores do clube. Para Maurício, atual presidente da torcida, ali nascia a nova torcida: “ela começou na festa a fantasia. Todos foram fantasiados de Red Bugre, todo mundo levou as namoradas. Nessa época eu ainda não fazia parte. Só fui entrar para a torcida em 2007, quando esse grupo entrou em contato comigo e me convidou para fazer a nova torcida. Como eu já era presidente da Máfia Azul em Divinópolis, já tinha experiência em organizar esse tipo de coisa e também por torcer muito pelo Guarani, eu aceitei. Os fundadores da torcida foram o Fábio Leleta, o Mateus e o Rodrigo Romano. Eu convidei também o Eduardo da Print Júnior e o Otacílio Andrade”, contou como nasceu a organizada. Já em campo, a primeira

participação aconteceu no Mineiro de 2006, quando o Guarani empatou em 2 a 2 com a equipe do Democrata de Governador Valadares. Eram cerca de 25 pessoas fixas que participavam em todos os jogos que podiam, se juntavam durante a semana para ensaiar os coros e discutir os rumos que seriam tomados. No ano de 2007, os diretores se organizaram para conseguir patrocínios e durante toda a temporada foram investidos 15 mil reais para que os torcedores acompanhassem o Guarani onde ele fosse. Neste período, mais de 150 pessoas se juntaram nas arquibancadas para empurrarem o time contra os adversários. Foram fornecidos gratuitamente ingressos, transporte e até a tradicional cerveja nos encontros. Na ocasião três ônibus lotados foram para Belo Horizonte acompanhar o Guarani contra o Cruzeiro. Mesmo sofrendo uma goleada de 4 a 0, a Red Bugre não parou de incentivar o time até o último minuto. O fato foi reconhecido pelos radialistas da capital, que parabenizaram os torcedores e zombaram chamando-os de “malucos”, devido a força de vontade, mesmo diante da derrota esmagadora. De 2007 até hoje, os membros

da diretoria se dedicaram a outros projetos pessoais, e hoje apenas Maurício atua como presidente. Para Maurício, a ida do Guarani para Nova Serrana dificultou muito a participação dos torcedores: “fica difícil para todos saírem de Divinópolis, às vezes no dia de semana à noite, e ir acompanhar o time, que nem fez uma campanha tão boa. No último jogo em Nova Serrana havia pouco mais de 100 torcedores na Arena do Calçado, eu não deixei de comparecer com a bandeira da Red Bugre, não deixamos de incentivar nunca, mesmo quando a campanha não está muito boa. Quando era aqui em Divinópolis, a família se juntava depois do almoço de domingo e ia para o Farião. Muitas vezes ia a família toda caminhando pelo calçadão. Era uma forma de lazer da cidade, uma cultura que foi criada. Mas eu também reconheço, como empresário que sou, que foi uma boa opção para o time, já que a oferta para jogar em Nova Serrana compensava mais que jogar aqui”, relatou. Viagens A paixão e a vontade destes torcedores em mover o Bugre são tão grandes, que não existe distância que impeça a presença das bandeiras vermelhas tremulando no estádio. Somadas todas as viagens, a Red Bugre já percorreu pelo menos 7 mil quilômetros em Minas Gerais. Cidades como Juiz de Fora, Poços de Caldas, Andradas, Ipatinga, Governador Valadares, Formiga, Sete Lagoas, Itabira, Itaúna, Uberaba, Belo Horizonte, Patos de Minas, Nova Lima e Nova Serrana já foram destinos. Houve também a presença da bandeira do time vermelho e branco no Paraguai, em um jogo pela Copa Libertadores da América. As comitivas que saem de Divinópolis levam um bandeirão de 30x9 metros, bateria com participação de 10 pessoas, bandeiras,

várias faixas, sinalizadores e fogos de artifícios. Cidadania Além de torcer, a Red Bugre também promove ações solidárias em prol de pessoas carentes. Durante os campeonatos regionais dos últimos anos houve arrecadações de alimentos não perecíveis, inclusive, em uma delas, o material foi todo destinado para pessoas do Vale do Jequitinhonha e Mucuri. Outra ação cidadã é a presença nos desfiles cívico-militar em comemoração ao aniversário de Divinópolis. Desde a criação, todos os anos a torcida marca presença na avenida Primeiro de Junho. Quem se interessar em participar do desfile basta comparecer na Praça da Catedral com uma camisa do Guarani e procurar os organizadores: “convido todo mundo que quiser participar do desfile, quem tem vontade de homenagear a cidade e o clube. Nossa torcida tenta ser amiga de todos para acabar com aquela idéia de que torcida organizada é só baderna. Somos amigos de todas as torcidas do interior de Minas, para mantermos a paz entre as torcidas organizadas, neste meio também há pessoas de bem”, falou. Causos O ambiente entre os torcedores é de muita descontração. Não é por menos que histórias inusitadas e engraçadas acontecem.

Durante o jogo contra o América, no Farião, em 2007, o Guarani perdia por 3 a 0. Já no segundo tempo o Guarani conseguiu uma virada histórica, com a presença do atacante Jajá. Empolgada com a reação do time, a torcida comemorou o placar achando que o jogo tinha terminado empatado em 3 a 3, quando na verdade o Bugre havia ganhado o jogo por 4 a 3. Muitos só foram saber do resultado real depois que chegaram em casa. Já em outro jogo no Independência, contra o Atlético, uma torcida organizada do clube de BH foi até os integrantes da Red Bugre para os parabenizarem, devido a força e ao incentivo que deram ao time. Projetos Maurício nos revelou que está traçando um projeto para médio prazo. A partir de 2020 ele pretende se tornar presidente do Guarani. Questionado se ele se acha preparado para o desafio, ele foi certeiro: “acompanho o time há muitos anos, conheço de perto todas as demandas do Guarani. Quero me preparar até lá e poder continuar no sonho de ajudar o Guarani. Hoje ajudo com a torcida e no futuro vou ajudar como diretor. Até lá ainda vou participando do conselho do clube, discutindo idéias e angariando apoio de empresários fortes da cidade, que eu tenho certeza que estarão do meu lado”, finalizou.


02 variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Rayssa Trindade www.rayssatrindade.com

FENACER: APOSTE NO LOOK

Ontem começou um dos eventos mais aguardados do calendário divinopolitano, a Festa da Cerveja. Muita gente bonita e boa música pedem um visual mais elaborado, mas para aproveitar bem o evento, não vale esquecer do conforto!

Regra número 1, sem saltos para garantir aproveitamento máximo. Saltos são lindos e femininos, mas nada confortáveis para quem vai passar a noite dançando com os amigos. Confie em sua postura elegante e arrase com uma bota estilosa, além dos pés aquecidos, o conforto fica garantido e você não fica com a cara emburrada de dor nos pés (quem nunca?!). Aposte nas ankle boots, as queridinhas do momento, pode ser com spikes ou sem, o importante é ela combinar com a sua personalidade.

Dica da vovó, se vai desfilar de shorts ou saia na FENACER invista na meia-calça. São diversos modelos no mercado, do fio 7 ao 120, das transparentes às coloridas, lisas e com texturas, até mesmo meias com bordados e aplicações de pedrarias. Pode ser de renda para as fashionistas e até fio 60 para as friorentas, o importante é que além de disfarçar a malvada celulite (que só a gente enxerga!) suas pernas vão ficar quentinhas e protegidas.

Clássica dos anos 80, a jaqueta de couro preta é item indispensável no guarda-roupa feminino. Aposte na peça com uma T-shirt divertida para um look rocker ou combine com uma blusa tecido leve ou de renda para um estilo lady like. Para alegrar o look nada melhor que apostar em uma jaqueta colorida, aliás, o burgundy (que é uma mistura do vermelho com o roxo) é a cor do inverno e é escolha certeira.

Indispensável, a maquiagem é um item fundamental para o look. Escolha o que for o seu estilo, seja um batom vermelhão para quebrar o look preto e branco, um olho esfumado para o look sexy ou até mesmo a sombra super colorida para descontrair. Só vale lembrar que você tem que escolher uma área para destaque, olhos ou boca. Ou seja, se for de olho pretão, batom nude, se for de batom forte, olhos só com côncavo marcado e delineador.

Dica de amiga para a vida toda: Ame o seu cabelo do jeito que ele é. Se o seu cabelo é liso, faça uma bela escova ou um rabo bem alto. Se o seu cabelo for anelado, capriche no babyliss e arrase a la Taís Araújo. O melhor para festas que duram muito tempo é o cabelo estar o mais natural possível para evitar imprevistos, como ser surpreendida pela chuva e o cabelo encolher e até mesmo um penteado desmontado depois de dançar!

Símbolo da feminilidade, as unhas vêm ganhando destaque maior a cada dia, com os esmaltes em gel, esmaltes magnéticos e até mesmo películas adesivas para unhas. Aliás, nos camarotes Kuringa e Lounge da FENACER, as suas unhas terão cuidados especiais: no espaço da Artistic Nail Design, serão demonstradas incríveis técnicas da Designer de unhas mexicana Dafne Fernandes e da educadora nacional Artistic, Dayane de Souza.


VAriedades 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Festival de dança será realizado no teatro Gravatá As apresentações começam na próxima quinta-feira (2) a partir das 19h30

Mariana Gonçalves

O objetivo é mostrar para os pais e a população o nosso trabalho através das bailarinas no palco” afirma a coordenadora da escola Maria Geralda da Silva Ferreira Mariana Gonçalves

mariana.goncalves@gazetaoeste.com.br

A escola de dança Tablado realizará na próxima quinta-feira (2) e sexta-feira (3) o festival anual de ballet que esse ano traz o tema “Heróis”. O evento será no teatro Usina Gravatá a partir das 19h30, os ingressos estão sendo comercializados a R$25 reais na sede da escola que fica na rua Canápolis 410, bairro São José. Na data do festival não serão vendidos ingressos na bilheteria do teatro. A responsável pelo evento, Maria Geralda da Silva Ferrei-

ra, explica que ao todo serão 34 apresentações “sendo 17 na quinta-feira e mais 17 na sexta-feira, vamos ter mais de 60 bailarinas se apresentando. Esse nosso festival acontece anualmente e não é uma competição como geralmente outras escolas fazem, o objetivo é mostrar para os pais e a população o nosso trabalho e é só através das bailarinas no palco que eles tem a chance de conferir o que ensinamos”diz. Ainda conforme Ferreira o tema das apresentações foi escolhido pelas alunas, segundo conta, para cada festival ela

apresenta algumas sugestões de tema e fica a cargo das bailarinas escolherem qual título mais gostaram. Todos os figurinos são confeccionados por Maria, que mesmo cheia de trabalho não abre mão desta tarefa. Em entrevista a Gazeta a bailarina Ana Flávia Ferreira Albino diz que o interesse pela dança veio após o convite de uma ex aluna da escola e ainda conta que a cada ano a satisfação de participar desse festival só aumenta, “essa é a 6° vez que me apresento e a cada ano sinto uma emoção diferente. É muito bom aprender novas coreografias e

também escolher as roupas que vamos usar no dia da apresentação”, conclui. Além da emoção outro sentimento toma conta das bailarinas, conforme explica Jeine Gonçalves Campos, “ficamos todas bem ansiosas e às vezes nem dormimos direito por imaginar como será apresentação e se vai dar tudo certo”, conta. A bailarina salienta que ao final todos ficam satisfeitos e que os esforços não só das alunas, mas também das professoras são compensados com os aplausos da platéia. A oportunidade para dançar

surgiu após uma apresentação em sua escola, a aluna conta que uma antiga professora de ballet da escola tablado esteve em sua escola mostrando algumas coreografias e a partir daí Jeine despertou o gosto pela dança. A bailarina já faz parte da escola desde 2009 e esta será a sua quarta apresentação. A escola de ballet já está na cidade há 40 anos e objetiva oferecer para a comunidade um ensino profissionalizante de dança principalmente para as alunas que queiram seguir carreira, a escola oferece todo o treinamento necessário.

UNIDANCE DIVINÓPOLIS De 13 à 16 de junho será realizado a Mostra de Dança de Divinópolis, Unidance, o evento é uma competição entre as escolas do município e envolve variadas modalidades de dança. As escolas interessadas em participar podem fazer a inscrição através do portal www.unidancedivinopolis.com.br. O evento oferece premiações em dinheiro para as três melhores coreografias, a primeira coreografia vencedora irá levar mil reais, a segunda receberá R$600 e a terceira R$400. Já o melhor bailarino(a) sairá do festival com R$300.

Projeto de artes visuais é exposto na Biblioteca Municipal Luiz Felipe Enes

Esculturas criadas principalmente a partir de jornais. Luiz Felipe Enes

pauta@gazetaoeste.com.br

Acontece em Divinópolis até no dia 16 de maio, na Biblioteca Municipal Ataliba Lago, uma exposição de artes visuais, realizada com o apoio do Ministério da Cultura e da Fundação Nacional

de Artes (Funarte). A exposição é resultado do projeto “Papientando” que reúne arte e cidadania. O projeto nasceu no momento em que precisavam tornar a arte mais acessível e democrática a todos. A iniciativa começou em outubro de 2012 e teve término em março deste ano.

Contaram com a participação de pessoas de 17 a 29 anos, interessadas em desenvolver habilidades artísticas. Foram oferecidas duas oficinas, uma no Centro Gerador de Cultura (CEGEC) e na Escola Estadual Joaquim Nabuco. Com isso, foram capacitadas 12 pessoas, que conheceram mais afundo

técnicas de modelagem em esculturas com argila, papietagem e papel marchê na confecção das obras plásticas decorativas e utilitárias, inclusive técnicas de acabamentos diversos. As oficinas foram de grande ajuda aos participantes. Além de elevar a autoestima, conseguiram

despertar o lado artístico e crítico dos responsáveis pelo desenvolvimento das obras. “Trabalhamos cerca de 20 anos com esse trabalho, e o mais interessante foi a disposição das pessoas participantes em realizar o projeto. Vimos que quem foi conosco até o fim, obteve uma satisfação muito grande, pois

nós só ensinamos a técnica, já o talento é de cada um”, ressalta o agente Cultural Sérgio Rezende. A exposição permanece na Biblioteca Municipal Ataliba, localizada na Avenida Sete de Setembro, 1148 no Centro de Divinópolis até no dia 16 de maio, podendo ser vista no horário das 9h às 19h.


04 variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Eduardo Jáber dudu@jaber.net.br

Cocktail

Desde tempos imemoriais, o ser humano, assim como diversos outros animais da natureza, buscou maneiras naturais de relaxar o corpo e o cérebro. A produção de álcool a partir de diversos tipos de vegetais sempre foi uma prática comum a quase todas as culturas primitivas, e essa tradição se mantém até hoje. Com bilhões de adeptos espalhados por todas as partes do mundo, a bebedeira é a única cola que ainda consegue manter a humanidade unida. Quando as pessoas começaram a misturar essas bebidas para criar misturas mais interessantes, é impossível afirmar. Mas a “cultura do cocktail” começou a se refinar e se tornar uma coisa séria na mesma época em que o resto do mundo: no final do século XVIII e início do século XIX, durante a tão falada Revolução Industrial. A origem da palavra “cocktail”, especificamente, não tem nenhum registro histórico, mas as teorias são tão variadas e absurdas que vale a pena conferir algumas delas: • As palavras “cock tail” significam, em inglês literal, “rabo de galo”. Dizem que antigamente as pessoas enfeitavam os copos de bebidas misturadas com uma pena arrancada do rabo de um galo. • A palavra francesa para “casca de ovo” é “coquetel”. Dizem que um médico francês, que atendia seus pacientes americanos de Nova Orleans com um bitters medicinal que ele mesmo fabricava, servia a bebida em uma casca de ovo. Seus pacientes, não conseguindo pronunciar “coquetel” corretamente, teriam anglicanizado a palavra para “cocktail”. • A palavra “cocktail” pode ser uma derivação do nome de uma deusa asteca chamada Xochitl. Havia uma princesa mexicana chamada Xochitl que servia bebidas aos turistas americanos. • Outro teoria diz que “cock tail” era o apelido dado pelos ingleses da era vitoriana às prostitutas, e teria sido usada então para descrever as bebidas que os americanos faziam adicionando “impurezas” ao tradicional gin britânico, “prostituindo” a bebida com misturas. Mais recentemente, podemos citar a fundação, em 24 de Fevereiro de 1951, da IBA - International Bartenders Association - uma espécie de FIFA dos drinks, que promove anualmente um concurso de bartenders. A história dos drinks no século XX é muito mais bem-documentada e por isso mesmo daria muito trabalho falar dela por aqui, mas com o tempo eu vou acrescentando algumas informações sobre cada bebida!

Eduardo Jáber é Engenheiro de Alimentos, Chef de Cozinha e Sommelier, trabalha com jantares, cursos e eventos. (37) 9937-1826

benefícios das frutas

Benefícios das frutas vermelhas as cores delas poderão variar do vermelho ao roxo, como as uvas,framboesa, morango, cereja, amoras e açai, estas frutas vermelhas e roxas são ricas em minerais, vitaminas, fibras alimentares e fitoquímicos. Esta variação de cores das frutas e essencial porque oferecem excelentes benefícios para a saúde como a antocianina e o licopeno que são antioxidantes essenciais para eliminar os radicais livres e seus efeitos maléficos como o envelhecimento precoce das células. Os radicais livres são criados diariamente pelo nosso corpo eles são formados pelos processos naturais do corpo,como a nossa respiração, sendo os antioxidantes e seus benefícios responsáveis em não deixar que eles aumentem, os maiores responsáveis pelo aumento dos radicais livres são as bebidas alcoólicas, os cigarros e os alimentos gordurosos como as carnes gordas. ocorrendo dos radicais livres estarem em excesso no corpo poderão causar além doenvelhecimento, doenças como diabetes, câncer e aterosclerose, por este motivo precisamos nos alimentar corretamente com verduras, frutas e legumes ricos em antioxidantes para assim evitarmos os efeitos maléficos dos radicais livres. Outro beneficio excelente das frutas e serem ricas em licopeno que também e encontrado no tomate, este carotenoide e fundamental para se evitar as doenças cancerígenas como o câncer de próstata estas do-

enças como sabemos são provocadas pelos radicais livres. Os benefícios do licopeno são essenciais também para evitar que o colesterol ruim( LDL) atinja as veias artérias com isto evita-se as doenças cardiovasculares, ainda estimulam o correto funcionamento do sistema imunológico. Nas frutas vermelhas encontramos também a antocianina que e o flavonoide responsável em criar a cor arroxeada dos alimentos como as uvas, açaí ameixa preta e amora, quanto mais forte for esta cor nos alimentos mais ricas elas são em antocianinas. As antocianinas e o licopeno são excelentes antioxidantes essenciais para se evitar a aparência envelhecida da pele e as rugas, evitarem os coágulos sanguíneos e doenças cardíacas. Os benefícios das frutas como já sabemos são essenciais para evitarmos as doenças como os câncer, os benefícios destas frutas são

excelentes também para evitarmos vários problemas no organismo como as gripes e resfriados e prisão de ventre por serem ricas em fibras alimentares e vitamina C. o ácido elágico que e outro beneficio das frutas vermelhas e fundamental para ajudar os antioxidantes a eliminarem os radicais livres.

Para uma vida saudável devemos mudar nossos hábitos alimentares para uma alimentação saudável que seja rica em alimentos naturais com antioxidantes, praticarmos exercícios físicos, evitarmos fumar e beber desta maneira evitamos o aparecimento das doenças e que nossa pele seja afetada pelos radicais livres.

Bruschetta de Frutas Vermelhas • • • • • • • • •

1 unidade(s) de baguete em rodelas quanto baste de manteiga quanto baste de canela-da-china em pó quanto baste de açúcar 200 gr de requeijão light 1/2 colher(es) (chá) de raspas de limão quanto baste de frutas vermelhas 1/4 copo(s) de iogurte de baunilha quanto baste de hortelã para decorar

Passe uma leve camada de manteiga dos dois lados de cada fatia, polvilhe com canela e açúcar, coloque numa assadeira e leve ao forno para dourar. Retire a assadeira do forno e deixe as fatias de pão esfriarem completamente. Em uma tigela pequena misture o requeijão, as raspas de limão, 2 colheres(sopa) de açúcar e o iogurte e bata até ficar homogêneo. Espalhe uma colher de sopa da mistura do creme sobre cada fatia de pão torrado. Cubra com frutas de sua escolha e enfeite com hortelã fresca. Leve à geladeira até o momento de servir. Dica: não espere mais do que duas horas para comer as bruschettas, porque depois elas podem ficar um pouco moles.


variedades 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Marco Aurélio Braga braga.marco@gmail.com

Mérito A jornalista Isabel de Andrade, filha de Roberto Andrade que administrou o Estrela do Oeste Clube por muitos anos e de Marília Andrade, comemora merecida honraria que recebeu. A equipe do seu programa Planeta, exibido pela Rede Minas às 22 horas das segundas-feiras, conquistou o 1º lugar no Prêmio Sebrae de Jornalismo com o programa “Sobrevivência Empresas”. A reportagem é da repórter Simone Pio, a produção é de Marina Mendes, o assistente de Produção foi Mateus Fagundes e os repórteres cinematográficos foram Daniel Diniz, Dirceu Alves e Wagner Marzagão. A edição de texto foi de Isabel Andrade. Outros três programas do Planeta ficaram entre os cinco finalistas. Planeta é um programa semanal de reportagens especiais que traz para Minas Gerais os grandes temas da atualidade. A atração possui quatro linhas temáticas - Geral, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia e Planeta Minas Convida - que abordam pautas diversas, em formato que mistura jornalismo e documentário.

Visita Nesta sexta-feira (26), Divinópolis recebeu a visita de Alaíde Alves Cabral da Fonseca, filha do Brigadeiro Cabral. Ela veio para tratar da criação de um memorial em homenagem ao pai e responsável pela construção do aeroporto de Divinópolis, em 1947. Um grande acervo documental estará exposto, com importantes registros da história da nossa cidade e do nosso país.

Thulyo Ribeiro e Amanda Santiago com os internacionais Javier Gómez e Daniel Alaui

Internacional

Amanda Santiago e Thulyo Ribeiro acabam de retornar de Punta Can, na República Dominicana, onde fizeram um curso de técnicas internacionais de corte e cores, ministrado pelos internacionais Javier Gómez e Daniel Alaui, onde ficaram sabendo de tudo o que há de melhor no segmento para os próximos seis meses de tendências mundiais. O Espaço Amanda Santiago se destaca por sempre buscar o que existe de melhor nos grandes centros mundiais para atender aos divinopolitanos.

Congado O empresário Paulo Jack irá trocar as fotos antigas de Divinópolis, que fazem parte da decoração dos ambientes de seu Chef’s Sabores de Minas por belos cliques do Congado, tudo com muita cor e valorizando esta manifestação cultural.

Bons tempos Ricardo Clementino, que há vários anos reside no Rio de Janeiro e foi o precursor no comando das carrapetas na boate do Divinópolis Clube, será uma das atrações da noite desta terça-feira (30). Neste dia será lançada, oficialmente, a edição 2013 da festa Pop Era, de Roberto Fabrini (Lelé) e Rodrigo Maldonado (Bareta). O evento será no Cipriano.

Telinha

O empresário Rafael Mendonça e a design de interiores Stefanie Magalhães aguardam ansiosos a chegada de Matheus

Neste final de semana estreou no Cinemark do Pátio Savassi, em Belo Horizonte, o documentário “Algodão entre Espelhos”, de Celso Machado e Nara Sbreedow. O filme narra o papel do ex-governador de Minas Rondon Pacheco no desenvolvimento de Minas. Entre os muitos feitos de Rondon à frente do governo de Minas está a criação da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a vinda da Fiat para o Brasil e a construção da Usina de São Simão. Com quase 100 anos de idade, e vivendo em Uberlândia, Rondon esteve presente no lançamento do filme, que fica em cartaz na capital mineira até o dia 28 de abril. A entrada é franca.

Mães são jóias especiais Até 10 de maio: 10% desc. à prazo, 20% a 30% desc. à vista

Avenida Antônio Olímpio de Morais, 303 Centro - (37) 3221-3921 - Divinópolis


06 variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13


variedades 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Bem Feminina

contato@revistabemfeminina.com.br

Aparelho Lingual A inovação da estética dentária

gens são grandes, e elas já estão sendo aproveitadas pelos artistas de televisão, políticos e pessoas que precisam falar frente ao público sem mostrar o aparelho e aparentar muito jovens” acrescenta o ortodentista Fernando Franco, especialista em Ortodontia pela Faculdade de São Leopoldo Mandique. O design também é inovador, um pouco mais arredondado para impedir que os brackets não machuquem a língua. Outra vantagem é o fato de ele não projetar os lábios para frente, como o aparelho convencional e de evitar que as peças quebrem, pois são fixados com resina. Além disso, não possui nenhuma restrição quanto ao uso e você ainda pode fazer o clareamento durante o processo.

Safira/porcelana

Outro aparelho discreto na nova ortodontia são aqueles em que os brackets são feitos de safira ou porcelana, imitando as cores do dente. O tratamento é bem parecido com o convencional e também não há restrições. Alinhador Imagine usar aparelho dentário sem que ninguém perceba. Agora isso já é possível! Com a inovação da estética dentária os especialistas criaram um aparelho que é fixado na parte de trás dos dentes, de modo que você não precisa mais se preocupar com o acúmulo de alimentos. Chamado de aparelho lingual, ele corrige a posição dos dentes da mesma maneira, e além da estética, tem uma grande vantagem: em alguns casos pode ser 40% mais rápido que o tratamento convencional. “As vanta-

Autoligado

Os brackets autoligados também são mais um diferencial da ortodontia moderna, que reduz o tempo de uso do aparelho (podendo chegar até a 40%) e de consultas. Segundo Fernando, ele apresenta uma redução no acúmulo de alimentos nos dentes principalmente devido a ausência da ligadura elástica (ou borrachinhas) e menos agressivo à mucosa bucal por não necessitar de amarrilhos metálicos.

Fernando Franco.

Destaque da Semana

Loucas por Carmen Steffens

A Carmen Steffens entrou em promoção nessa semana para acabar com o estoque de outono. São diversos modelos com até 50% de desconto. A loja já se prepara para trazer as últimas tendências de inverno, vistas nas passarelas. Aproveite, pois a promoção termina hoje.

O alinhador, ou aparelho invisível, é uma serie de placas de acetato (plástico), como as de tratamento para bruxismo, que copiam o formato dos dentes. A cada 15 dias, há a troca das placas, o que garante a movimentação dentária necessária para correção dos dentes. A maior vantagem é poder retirá-lo para comer e escovar os dentes. “Mas, ele não pode ser usado em todos os tipos de tratamento” alerta o profissional.

#FicaaDica

Sem perder o tom Você sabia que passar o Fixador nos olhos, antes de se maquiar, ajuda a sombra a fixar por muito mais tempo e ainda deixa as cores mais vivas? Indicamos o da Yes!Cosmetics por ser barato (R$18.90) e dar um resultado de atriz de cinema por muito mais tempo.

Válido na quinta-feira, dia 09 de maio

Coluna Semanal Escrita por: Jessica Ramos e Jessica Riegg E a cada dois meses, nos melhores pontos da cidade:

facebook.com/revistabemfeminina @bemfeminina (37) 3213 8792 | 8807 5058 | 9135 6786 contato@revistabemfeminina.com.br

(37) 3221-1582 Rua Rio de Janeiro, 280, Centro


08 variedades

Horóscopo

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS -SÁBADO E DOMINGO, 27 e 28/04/13

Novelas Flor do caribe Globo - 18H

Hoje, você pode mostrar muita garra para melhorar as suas condições financeiras. A Lua indica que é um bom dia para investir em cursos de aperfeiçoamento, viajar ou ampliar os seus contatos.

A vida vai fluir com mais facilidade e leveza neste momento. À tarde, sua consciência estará mais crítica, favorecendo as reflexões sobre sua vida.

Alberto avisa a Ester que pedirá a guarda das crianças se ela se separar dele. Ester finge acreditar em Gonzalo e afirma para o delegado que ele deve prender Cassiano. Ester pede a Doralice que ligue para Cassiano e avise para ele se esconder. Doralice pede a Juliano que esconda Cassiano em seu barco. Ester avisa a Cassiano que Alberto trouxe um delegado para prendê-lo. Olívia não deixa Gonzalo entrar em sua casa. Alberto mostra a Ester o CD e a carta de Cristal para Cassiano. Ester se sente traída por Cassiano.

Michel Teló recebe 2 prêmios no Billboard Latin Music Awards Michel Teló levou dois prêmios das sete categorias nas quais concorria no Prêmio Billboard da Música Latina, que aconteceu no Bank United Center da Universidade de Miami na noite desta quinta-feira (25). O músico brasileiro recebeu os prêmios de Canção Pop Latina do Ano e Canção do Ano com o hit Ai Se Eu Te Pego. Teló concorria também aos prêmios de Novo Artista, Artista Social,

Príncipes e princesa inauguram estúdios da Warner Bros Divulgação

Quanto mais discreta for a sua atuação profissional, melhores serão os resultados alcançados. Poderá se destacar em tarefas que exijam inspiração, criatividade e imaginação.

O astral deste sábado revela que você vai estar em sintonia com as pessoas que fazem parte do seu universo. A Lua indica que este é um bom dia para cuidar da sua saúde.

Kate Middleton, 32, já não está conseguindo mais fazer sua famosa pose de duquesa por conta da barriga de seis meses de gestação. Nesta sexta-feira (26), a duquesa de Cambridge inaugurou ao lado do marido, o príncipe William, e do cunhado, o príncipe Harry, os estúdios da Warner Bros em Leavesden, Hertfordshire. O trio acompanhou um grupo de 500 pessoas, a maioria crianças, para conhecer a exposição dedicada aos filmes de Harry Potter. Empolgado, William chegou até a testar uma das motos do longa Batman: O Cavalheiro das Trevas,

Guerra dos sexos Globo - 19h

Acompanhe as emoções da reapresentação do último capítulo de Guerra dos Sexos.

salve jorge Globo - 21h

Não faltará criatividade para iniciar um projeto neste sábado. Bom dia para agitar o convívio com os amigos e dinamizar a sua vida social. Este dia pede um pouco mais de alegria.

Atividades feitas em equipe contam com boas energias astrais neste dia. A Lua indica a possibilidade de melhorar a sua situação financeira, mas deve ter cuidado com excessos ou extravagâncias.

Não perca a chance de exercitar a sua autonomia. A Lua ingressa em seu signo, indicando que você poderá sentir o reflexo de suas ações e obter o reconhecimento que merece.

Dedique-se a tarefas prazerosas e não terá do que se arrepender. Após o meio-dia, as tarefas que exijam sigilo, concentração e silêncio serão as mais favorecidas. Nos assuntos amorosos, mentiras ou segredinhos podem vir à tona.

É hora de arregaçar as mangas e seguir em busca dos seus sonhos. Os amigos podem desempenhar um papel importante em seus projetos de vida.

A realidade e a imaginação se colocam frente a frente, favorecendo as tarefas que exijam criatividade. À noite, o astral sinaliza um dilema: os seus ideais afetivos podem se chocar com a realidade.

e arrancou risadas da mulher. “Deveriamos pegar essa moto emprestada para o fim de semana”, brincou William com o irmão, segundo o Daily Mail. “É incrível, absolutamente incrível.” Normalmente, Kate Middleton caminha e posa para fotos com as mãos cruzadas em frente à barriga, como pede o protocolo real. A barriguinha bastante saliente de sua primeira gestação já não permite mais a postura. Como apontou o Daily Mail, a duquesa usava vestido de poá de R$ 150 da rede de fast fashion Topshop e jaqueta de veludo Ralph Lauren.

Leonardo de Castro

Não faltará criatividade para iniciar um projeto neste sábado. Bom dia para agitar o convívio com os amigos e dinamizar a sua vida social. Este dia pede um pouco mais de alegria.

Mostre mais interesse por sua profissão e só terá a ganhar. Atividades ligadas a arte, cultura e profissões em que possa conciliar dinamismo e competitividade estão em alta.

Divulgação

Canção Digital, Canção Airplay, Artistas com Canções Latinas. Teló foi o único músico brasileiro a participar do evento. “Estou muito feliz de estar aqui. Pois hoje somos indicados em sete categorias”, disse o popstar no tapete vermelho dos Prêmios Billboard. Mais tarde, na rede social, o loiro postou a foto já com os prêmios nas mãos, disse o cantor em entrevista ao canal E!.

Um policial disfarçado protege Morena e Russo não consegue se aproximar. Morena conta para Jô como foi sua chegada à boate. Russo fala para Irina que sabe onde Morena está. Lucimar adverte Nilceia a não levar o homem suspeito para sua casa. Rayanne pega o resultado do exame de DNA de Lurdinha. Pescoço pede para Sidney comentar com Delzuite que ele irá para a Estudantina. Érica avisa a Élcio que ele será o culpado caso algo aconteça com ela ou seu bebê. Théo chega mais cedo para o embarque e vê Lívia no aeroporto. Almir explica a Morena como ela trabalhará disfarçada. Sheila afirma a Lucimar que conseguirá ajudar Helô na investigação contra a máfia de Lívia. Maitê fica interessada em Ricardo. Bianca diz a Demir que voltou à Capadócia para ficar com Zyah. Cyla tenta convencer Ayla a desistir de dançar em seu restaurante. Helô orienta Sheila a se aproximar de Rosângela. Caíque avisa a Antonia que Amanda e Celso procuram informações sobre Wanda. Isaurinha pede para Arturo não falar de Wanda para Celso. Áurea e Cacilda assistem ao DVD de Lívia com Théo, e a mãe do capitão passa mal. Aisha não conta para Mustafa que esteve com Wanda. Almir avisa a Morena que ela se encontrará com Russo. Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora, estando sujeitos a eventuais alterações.

A energia de Maio Uma energia material e sensual domina este mês de maio. Vênus estimula o amor, tudo que é belo e prazeroso. Este mês é satisfatório aos cinco sentidos, que ficam mais aguçados agora, torna-se quase uma necessidade. O pecado da gula fica mais tentador, portanto olho na balança! O mês de maio é bom para adquirir objetivos de valor, cuidar do dinheiro e de posses materiais. Ótimo para reunir amigos e parentes para fazer aquela festa descontraída. Embelezar o corpo, a casa e dedicar-se a causas que beneficiem a natureza são ações igualmente indicadas. A energia neste mês vibra na cor verde, associada à saúde e ao dinheiro. Flores esverdeadas tem essa energia, assim como jasmim pelo seu perfume adocicado e forte. As pedras esmeralda e Turmalinas, se sentir alguma dor pelo corpo coloque essas sobre o local, pode ser a solução para diminuir ou acabar com o problema. A pedra suga esta dor, depois coloque a pedra no sol. A energia ágil mutável e alegre torna-se dominante neste mês. Um mês excelente para lembrar de pessoas que andam meio afastadas do seu convívio. Para colocar suas ideias em prática é preciso pensar bastante no que pode ser mudado não é hora de tomar conclusões precipitadas. Um passo errado pode trazer consequências lá na frente. Aproveite o mês de maio e prepare-se para viver um mês de calmaria e amor. Bom dia Touro O signo de touro agora iluminado por saturno nos revela a disposição fraternal do ser humano, o anseio por ser participante da ordem que reina na natureza e do cosmo. Essa disposição associada ao seu planeta regente é cultivada por meio do estudo e do aprimoramento da mente. A compreensão é a maior das benções num momento de crise emocional, financeiro ou de saúde. É tempo de ampliar a compreensão a respeito de uma atividade profissional estudando e desenvolvendo a sensibilidade. Mais do que produzir um trabalho pede-se nesse período uma atitude aberta e um espírito que abrace tudo. O taurino é muito ligado aos mistérios da vida e aquilo que lhe coloque em contato com o desconhecido.

Momento de sair do seu mundo e conhecer a vastidão a sua volta. A relação pessoal agora será marcada por especial disposição à dedicação emocional e a devoção àqueles que amam e se entregam. Esta é uma época propícia para várias formas de enlace e alianças. Há muito o que aprender em seu modo de trabalhar, é hora de aprender novas técnicas e alargar o conhecimento sobre aquilo que faz. Não basta fazer bem feito é preciso conhecer o sentido do que faz a essência lá no fundo do seu ímpeto. Taurino é a hora de pensar menos nas finanças e ser mais sensibilizado no amor. Afinal dinheiro ajuda, mas não é tudo. Bom dia Touro! Casamento

Este é o casal Jaime e Douglas. Dia três de maio eles vão se casar às 20h, no Largo das Carpas em Nova Serrana. Ela é sobrinha do meu amigo Anselmo Queiros. Muita felicidade, amor e saúde. Absurdo Certos lugares onde se serve café, na verdade é uma sujeira. As mesas parecem um chiqueiro de porco. Tem espaços em que você é o lixo no local ou local no lixo. Tem até pão com presunto, mussarela e bicho misturado. Pior que eu vi!!!

Edição Gazeta do Oeste - 2059  
Advertisement