Issuu on Google+

Gazeta DIVINÓPOLIS•MG | QUINTA-FEIRA, 25 de abril de 2013 | ANO XIX | N.º 2057 | R$ 2,50

DO OESTE

Mais de R$ 1 Milhão em economia Planejamento apresenta para MP primeira etapa do cumprimento ao TAC

Carla Mariela

Página 05

Praças Faxina no receberão Centro da cidade novo projeto de segurança

Prefeitura realiza fiscalização para combater a venda de produtos ilegais nas calçadas do Centro de Divinópolis. Grande maioria dos vendedores, principalmente nas calçadas da rua Goiás, saíram destes locais ao saberem da fiscalização.

Página 11

Ser verde está na nossa essência. O projeto Neutro do Sistema Unimed conta com a calculadora para medir a emissão do C02 em nossos processos. E você, o que faz pelo meio ambiente? Confira em www.unimed.me/ZmBRjE

05 de Junho. Dia Mundial do Meio Ambiente.

Página 05


02 política

Silvio França

silviocor@hotmail.com

Demétrius está de volta

Mitos A cada hora inventam um fato novo com o objetivo de denegrir ou desmoralizar alguém. É de conhecimento de todos que o secretário de Governo, Antônio Faraco, tem alguns desafetos. Normal devido ao cargo que ocupa. Mas inventar mentiras e espalhar boatos é de péssimo gosto e baixíssimo nível. Acredito que debater ideologias, propostas, discutir ações é saudável e democrático, mas quando a coisa se torna pessoal é lamentável. A última que inventaram é que uma sobrinha de Faraco, de apenas 17 anos, estaria trabalhando na Settrans, ocupando cargo de direção. Só para constar: o sobrinho mais velho de Faraco tem 16 anos de idade e trabalha em uma multinacional na cidade de Bangkok na Tailândia. Os demais sobrinhos não tem mais do que cinco anos de idade. Acredito que teriam que ser muito precoces para trabalhar na Settrans tendo esta idade. Só um detalhe que o autor da fofoca não atentou: é proibido o ingresso de menores de 18 anos no serviço público em cargos comissionados. Dr Francisco O ex-deputado federal Francisco Gonçalves contou a este colunista que esteve internado recentemente para tratar uma dengue muito forte que lhe acometeu. O ex-deputado que também é médico explicou que por ser cardíaco toma anticoagulantes que acabaram por agravar o seu quadro de saúde. Recuperado, Dr Francisco falou sobre as críticas que tem recebido por continuar trabalhando mesmo tendo se aposentado após sofrer dois infartos na Câmara dos Deputados. O médico contou que inclusive durante a terça-feira, um homem estava filmando seu consultório e sua pessoa, dizendo ser repórter de televisão e que estaria fazendo matéria sobre deputados aposentados que continuam trabalhando. Gonçalves diz que está totalmente dentro da legalidade de seu trabalho e que não se intimidou com a abordagem. O ex-deputado duvidou que o homem fosse mesmo um repórter, até por que estava vestido de maneira inadequada e não apresentou identificação. Dr Francisco chamou a polícia, mas o “tal repórter” fugiu antes da chegada da viatura. Nova sede do legislativo Apenas para constar. Os Vereadores Rodyson e Adilson Quadros, entregaram em mãos ao Governador Anastasia, um ofício pedindo que o prédio do atual Fórum de Divinópolis, localizado na rua Pernambuco, seja doado para o município. A ideia é que o local possa abrigar futuramente o Poder Legislativo já que a atual sede não comporta mais toda a estrutura utilizada. Como o Fórum será transferido para novo prédio no bairro Liberdade o Governador sinalizou de maneira positiva e deve providenciar para breve a carta de intenções. Para refletir “Quem nada faz, está prestes a fazer o mal.” - Benjamin Franklin

Código de Defesa do Consumidor recebe parecer favorável de deputado federal O projeto de lei que terá acréscimo é o de número 8.078 de 1990 Assessoria do deputado federal Jaime Martins Carla Mariela

Depois de cinco anos afastado dos holofotes, o ex-prefeito Demétrius Pereira está de volta e já participa de discussões sociais em Divinópolis. Nesta semana o político participou do “Bom Dia Divinópolis” programa que apresento na Rádio Minas e com exclusividade abordou diversos assuntos de interesse da população, inclusive temas polêmicos. O principal motivo da ida ao rádio foram as críticas que o Campus Dona Lindu da UFSJ tem recebido. Demétrius entende que a vinda da universidade para a cidade, mais do que valor econômico, tem impacto direto na área da saúde e da educação no município. Demétrius afirma que a Prefeitura tem sim que ser parceira da instituição e discorda dos argumentos de que a mesma aumenta os encargos do município. O Político afirma que tudo se trata de questão de prioridade Na entrevista, que diga-se de passagem deve ter sido um dos pontos altos em audiência do programa em 2013, Demétrius também explicou que não foi candidato a Prefeito no último ano porque temia o uso do episódio de sua prisão por parte dos adversários. Agora que sua inocência já foi provada e seu nome sequer consta no processo, Demétrius afirma que está disposto a voltar par a vida pública. Atualmente no PT, o Partido dos Trabalhadores, Demétrius poderá disputar as eleições do próximo ano como candidato a deputado estadual e pelo visto tem grandes chances de ser muito bem votado já que as manifestações favoráveis foram muitas, tanto por telefone, quanto por internet. Com certeza, uma disputa bastante acirrada se desenha no cenário político divinopolitano.

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Projeto de lei 5.259/01 que recebeu parecer favorável do deputado federal Jaime Martins proíbe os fornecedores de reduzir a quantidade e o peso dos produtos sem o conhecimento dos órgãos competentes. Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

O deputado federal, Jaime Martins (PR/MG), que faz parte da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), na Câmara dos Deputados, apresentou um parecer favorável ao projeto de lei 5.259/01, que tem como objetivo proibir os fornecedores de reduzir a quantidade e o peso dos produtos sem o conhecimento dos órgãos competentes e veiculação de publicidade informando ao consumidor. Esta proposta de lei 5.259/01 se for aprovada, vai ser acrescentada a lei de número 8.078, de 11 de setembro de 1.990. Este projeto de 1.990, em seu 1º artigo, estabelece normas de proteção e defesa do consumidor, de ordem pública e interesse social, nos termos dos artigos 5º da Constituição Federal. O 2º artigo aborda que o consumidor é toda a pessoa física ou jurídica que adquire ou utiliza produto ou serviço como destinatário final. Já o artigo 3º desta lei, ressalta sobre o fornecedor, que este, é toda pessoa física ou jurídica, pública ou privada, nacional ou

estrangeira, que desenvolvem atividades de produção, criação, montagem, construção, transformação, importação, exportação, distribuição, comercialização de produtos ou prestação de serviços. Além dos artigos citados, o 4º artigo, aborda sobre a política nacional das relações de consumo que tem como objetivo o atendimento das necessidades dos consumidores, o respeito na sua dignidade, saúde e segurança, a proteção de seus interesses econômicos, a melhoria da sua qualidade de vida, bem como a transparência e harmonia das relações de consumo. Ainda conforme a lei 8.078 de 1990, os direitos básicos do consumidor são: proteção da vida contra os riscos provocados por práticas no fornecimento de produtos e serviços considerados perigosos, além disso, o consumidor tem o direito à divulgação sobre o consumo adequado dos produtos e serviços, assegurados à liberdade de escolha e a igualdade nas contratações. É também de direito do consumidor conforme esta lei, a informação clara sobre os diferentes produ-

tos e serviços, com especificação correta de quantidade, características, composição, qualidade e preço, bem como sobre os riscos que apresentam. De acordo com o deputado federal, Jaime Martins, a função da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que ele faz parte, é analisar seguindo os fatores de constitucionalidade, juridicidade e por técnicas legislativas. Nesse sentido, apresentou um parecer favorável a lei 5.259/01, que servirá como acréscimo da lei 8.078. Seguindo a lei 8.078 de 1990, o artigo 66, das infrações penais, relatava sobre a informação falsa ou enganosa, omitir informação relevante sobre a natureza, característica, qualidade, quantidade, segurança, desempenho, durabilidade, preço ou garantia de produtos ou serviços. Segundo o deputado, neste caso, trata-se de uma lei federal de número 8.078, de 1990, que institui o Código de Defesa do Consumidor. Foi observado então, que a ideia da lei 5.259/01 foi transferir para o artigo 66 a vedação proposta, visando garantir uma punição mais severa à conduta que se pretende vedar.

Segundo o deputado federal, trata-se de uma matéria importante, tendo inclusive, recebida uma emenda considerando a iniciativa como prática criminosa, previsto no artigo 66 do Código de Defesa do Consumidor, que é fazer afirmação falsa ou enganosa sobre as características do produto. “Nesse ponto, fizemos a adequação do texto com a apresentação de uma subemenda à esta emenda da Comissão de Defesa do Consumidor, Meio ambiente e Minorias, para esclarecer o tema e apresentamos o voto pela constitucionalidade”, informou. Após o parecer favorável do deputado Jaime Martins, o projeto 5.259/01 está em tramitação aguardando deliberação na Comissão de Constituição de Justiça e de Cidadania (CCJC). O autor da identificação da proposição é Lincoln Portela (PSL/ MG). Entretanto, esta proposta 5.259/01 tem como objetivo proibir fornecedores de reduzir a quantidade e o peso dos produtos sem o conhecimento dos órgãos competentes e veiculação de publicidade informando ao consumidor.

Novo juiz substituto toma posse no TRE

Divulgação

O advogado Virgílio de Almeida Barreto (foto) tomou posse como novo juiz substituto do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), na classe dos juristas. A solenidade ocorreu durante a sessão da Corte Eleitoral. O magistrado foi nomeado pela presidente Dilma Rousseff no dia 15 de abril. O novo juiz foi saudado pelo desembargador Wander Marotta, vice-presidente do TRE, que presidiu a sessão da Corte. Os demais integrantes do Tribunal também teceram suas homenagens ao novo magistrado, também sau-

dado pelo procurador Patrick Salgado e pelo advogado Mauro Bonfim, que falou em nome daqueles que militam junto à Corte Eleitoral. Ao agradecer, Virgílio Barreto destacou sua satisfação pelo apoio dado pelo Tribunal de Justiça à sua indicação como integrante do TRE e ressaltou o seu “intuito de estudar, trabalhar muito e aprender com os colegas”. Trajetória Formado em Direito pela Pontifícia Universidade Cató-

lica de Minas Gerais, com pós-graduação pela Fundação Dom Cabral, Virgílio Barreto atua nas áreas cível, trabalhista e empresarial. Ele é filho do advogado Alberto Deodato Maia Barreto Filho e irmão do desembargador do TJMG Alberto Deodato Maia Barreto Neto. Foi professor de Direito do Trabalho e Processo do Trabalho na Fundação Universidade de Itaúna (MG) de 1993 a 1995; é membro do Instituto dos Advogados de Minas Gerais e da Associação Mineira dos Advogados Trabalhistas (Amat).

Novo juiz é empossado no Tribunal Regional de Minas Gerais.


POLÍTICA 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Demétrius Arantes afirma estar disposto a voltar para a vida política Ex-prefeito disse que poderá ser candidato a deputado estadual

Divulgação

Carla Mariela

carla.mariela@gazetaoeste.com.br

O ex-prefeito do município de Divinópolis, Demétrius Arantes Pereira (PT), na última terça-feira (23), em entrevista a Rádio Minas, se pronunciou sobre as polêmicas envolvendo a UFSJ, em Divinópolis, uma vez que a universidade está com dificuldade em firmar convênios quanto aos estágios em órgãos públicos do município. Na ocasião, ele comentou sobre os seus projetos futuros na vida política. Demétrius Pereira anunciou que como a eleição para a escolha de deputados estaduais e federais está se aproximando, ele tem como projeto pessoal se candidatar a deputado estadual. Demétrius Pereira faz parte do Partido dos Trabalhadores, partido este, fundado em 1980. Este partido reconhece como membros notórios, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a atual presidente Dilma Rousseff. Entretanto, o PT é fruto da aproximação dos movimentos sindicais, a exemplo da conferência das classes trabalhadoras que veio a ser o embrião da Central Única dos Trabalhadores, grupo

do qual o ex-presidente Lula participou com antigos setores da esquerda brasileira. Para Demétrius Pereira, o nome do seu partido é significativo, pois apesar de pessoas às vezes criticarem o Partido dos Trabalhadores, é este o partido que acabou com a miséria do povo brasileiro e que isso ele vai carregar para sempre consigo em suas ações políticas. “Eu tenho orgulho de fazer parte do Partido dos Trabalhadores, PT, e quero dizer que o meu partido tem um projeto. Não serei candidato só por ser candidato, se o partido entender que eu posso colaborar com essa proposta que ele possui, para defender os interesses do município de Divinópolis e da região, e principalmente, do Estado de Minas Gerais, eu estarei a disposição. Eu já tenho o meu projeto pessoal, que é ser candidato a deputado estadual”, afirmou. Questionado se o candidato a prefeito de Divinópolis nas eleições passadas, Beto Cury, que também faz parte do Partido dos Trabalhadores (PT), poderia ser candidato a deputado federal representando o partido, Demétrius Pereira, respondeu que não

iria falar por Beto Cury, mas que se este fato ocorresse seria excelente. Para Demétrius Pereira, se Beto Cury, tivesse sido o prefeito escolhido pelo povo para administrar Divinópolis hoje, seria muito proveitoso. “Não estou dizendo que o projeto dos outros que estavam até então como candidatos eram ruins, mas a proposta do Beto era melhor. Primeiro, porque ele é amigo da presidente da República, Dilma Rousseff e nós teríamos um link direto com a presidente. Ele não venceu as eleições, mas fez um papel maravilhoso na campanha de 2012, foi uma votação não surpreendente, porque sabíamos que ele seria bem votado. Eu fiz campanha junto com Beto Cury porque acredito nele, eu pedi voto para ver se ganhávamos a eleição, fomos bem, defendi esse projeto por conhecê-lo. Nunca estive desatento aos problemas da cidade, estou à disposição de quem quer que seja, continuo sempre atento, pois Divinópolis vai crescer independente daqueles que torcem contra”, enfatizou. Demétrius Pereira ressaltou que em anos passados há quem dizia sobre os projetos que já tinham sido aplicados em Itaú-

na, em Contagem, destacando que em Divinópolis não se tinha nem uma universidade. Segundo Demétrius, hoje, já se tem a Universidade Federal, tem inúmeras indústrias, é uma cidade pujante que cresce por si só. Para ele, é preciso que os críticos deixem de falar demais, uma vez que quem está em Divinópolis hoje, tem o que tem, deve-se ao município. “Que estas pessoas pelo menos respeitem esta cidade pelos valores que ela adquiriu ao longo da sua história. Nós somos uma cidade hoje inserida no cenário nacional e poucas cidades possuem, por exemplo, uma Universidade Federal de medicina, onde se tem alunos maravilhosos. Se as pessoas não puderem falar bem que não falem mal, que isto já ajuda demais”, salientou. Demétrius Pereira finalizou dizendo que ele continua o Demétrius de sempre, pacato, tranquilo, fazendo suas compras no supermercado todos os sábados e conversando com as pessoas. Ele reforçou no final da entrevista que se ele tiver que ser candidato novamente para propor para a população um projeto novo, uma proposta diferente, ou até mesmo dar continuidade no

Internação compulsória de viciados é desafio em MG Especialistas apontam falta de estrutura para tratamento de dependentes químicos A necessidade de se criar instrumentos para a internação compulsória de usuários de crack e as formas de se fazer isso foram discutidas na manhã de ontem (24) em audiência pública na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). A Comissão de Prevenção e Combate ao uso de Crack e outras Drogas recebeu especialistas para falar sobre o assunto, que concordaram que a atual estrutura de tratamento é insuficiente e que para transformar a internação compulsória em política estadual é preciso melhorar a rede de atendimento. O debate foi solicitado pelo presidente da comissão, deputado Vanderlei Miranda (PMDB). Os convidados lembraram que a internação compulsória já é feita no Estado para cumprimento de mandados judiciais. É comum também a internação involuntária, quando o dependente não aceita o tratamento, mas a família o obriga, muitas vezes com a ajuda de órgãos como a Defensoria Pública. A diretora do SOS Drogas, Érica Barezani, informou que a instituição já recebeu, desde 2008, 381 pedidos de internações desse tipo. “Na maioria das vezes as famílias já não sabem mais o que fazer. Em alguns casos, nossa equipe, que visita essas famílias, consegue contornar a situação e

oferecer outras saídas, inclusive convencendo o usuário e conseguindo sua anuência para realizar o tratamento”, disse. O representante da Federação Nacional das Comunidades Terapêuticas Católicas e Instituições Afins, Wesley Freitas, defendeu as internações compulsórias. “Quando um paciente é diagnosticado com algumas doenças, ele é obrigado a se internar independentemente da sua vontade. Se não o fizer, ele e o médico podem até ser responsabilizados criminalmente. É o caso da tuberculose, por exemplo. É assim porque essa pessoa pode transmitir a doença e passa a ser um risco para outros. Com a droga é a mesma coisa”, disse ele, que também é enfermeiro em um hospital de Governador Valadares. Posição favorável também foi apresentada pelo coordenador terapêutico da comunidade Fazenda Renascer, Anderson Matos. Ele lembrou, porém, que é preciso construir outros dispositivos para receber esses casos. “As comunidades terapêuticas não conseguem trancafiar ninguém, os hospitais teriam sua rotina ainda mais tumultuada”, disse. O pastor Wellington Antônio Vieira, presidente da Federação das Comunidades Terapêuticas Evangélicas do Brasil, concordou com Anderson e contou que a

Guilherme Bergamini

A Comissão de Prevenção e Combate ao uso de Crack e outras Drogas recebeu especialistas.

comunidade que ele comanda recebeu, na semana passada, um usuário encaminhado judicialmente, que chegou algemado. “Recebemos porque não tínhamos opção, mas dois dias depois ele fugiu”, afirmou. O deputado Vanderlei Miranda (PMDB) acha que é necessário criar esses equipamentos de saúde e questionou o uso da mesma estrutura para tratar dependentes químicos e doentes mentais. Sobre o receio de que as internações sejam feitas indiscriminadamente, o presidente do Conselho Estadual de Políticas sobre Drogas, Aloísio Andrade, disse que a internação nunca é feita à revelia de um laudo psicológico. “Somos contra internações compulsórias mal indicadas, isso só será feito

para proteger as pessoas”, disse. A voluntária do projeto Resgate da Cidadania, Regina Coeli Rosa Neves, lembrou que é importante discutir também as formas de tratar os usuários menores de idade, já que a internação é mais burocrática nesses casos. “Não somos a favor da volta dos manicômios, mas somos favoráveis a um tratamento que possibilite um recomeço”, disse. O presidente da ONG Resgate Urbano, Helbert Souza, salientou que é preciso criar possibilidades de acompanhamento do usuário depois da internação. “Sou ex-dependente e a maior dificuldade para superar o vício surge sempre depois da saída das comunidades terapêuticas, quando perdemos todo o apoio”, disse.

Demétrius Arantes Pereira disse que poderá se candidatar a deputado estadual.

que ele já fez em prol do município, se as pessoas entenderem que o que ele já realizou valeu a pena, ele está à disposição para

trabalhar na vida política. Com informações: Sílvio França/Sistema MPA

5ª Audiência Pública é realizada na região Sudoeste A sede da Associação de Moradores do Catalão, São José e Bela Vista recebeu os moradores da região Sudoeste para a realização da 5ª audiência pública do Plano Diretor Participativo de Divinópolis. O encontro foi promovido na noite da última terça-feira (23). A mesa foi formada pelo assessor especial de governo, João Luiz de Oliveira, representante do prefeito de Divinópolis, Vladimir de Faria Azevedo; pelo coordenador geral do INESP (instituto mantido pela FUNEDI/ UEMG em Divinópolis), professor Fabrízio Furtado de Sousa, que representou o presidente do Conselho Gestor do Plano Diretor, professor Gilson Soares; e pelo diretor de Operações e Serviços Urbanos e representante do Poder Executivo Municipal, Hélio Alves Barros. Durante a audiência, a equipe técnica apresentou o diagnóstico do município e respondeu às perguntas feitas pela comunidade. Também foram eleitos 22 delegados que representarão a região Sudoeste na Conferência

da Cidade. Entre eles, estava o estudante Vinicius Almeida, que também participou da etapa dos encontros preparatórios. Ele explicou que voltou para a etapa das audiências porque percebeu a oportunidade de participar do processo de construção da cidade. “Eu acho que é importante voltar aqui, é a oportunidade que eu tenho para conhecer melhor a cidade e de fazer algo por Divinópolis. E, de certa forma, pensar no futuro e na cidade que eu quero viver nos próximos anos”, ressaltou. A próxima audiência pública será hoje (25), às 18h30, na região Nordeste, no CEMEI Miguel Rodrigues Filho que fica rua Gerson Antônio Souza, 11, bairro Lagoa dos Mandarins. Comunique-se com o Plano Diretor! Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail planodiretor@funedi.edu.br, pelo telefone (37) 3690-9207, pelo blog planodiretordedivinopolis. wordpress.com ou na sala do Plano Diretor, que fica na avenida Antônio Olímpio de Morais, 338, sala 2, no Centro de Divinópolis.


04 opinião

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

editorial

Transparência, um dever social!

Transparência seja ela em qualquer situação ou setor da vida pública é um ato de extrema importância. Na política então é um fator determinante e acima de tudo um dever dos gestores e um direito do cidadão, já que grande parte da sociedade é movida pelo dinheiro dos impostos pagos. Durante muito tempo o Brasil ficou conhecido pelos inúmeros escândalos que mancharam a imagem da nação perante as demais. Aos poucos isto vem mudando. Claro, não podemos ser hipócritas de dizer que ações ilícitas não permeiam mais os lençóis do país. As manchetes dos jornais não escondem essas possibilidades e até confirmações. Estar diante de um governo e manter a seriedade de informar o que existe de real na vida de uma nação ou repartição é em suma uma obrigação dos gestores, pelo menos daqueles que tem a intenção de se manter no poder ou exercer cargos públicos. A confiança adquirida ao longo dos trabalhos realizados é um elo que se quebrado pode não ser mais reavido. A sociedade em si aponta sempre esta situação como primordial para o sucesso das relações. Se tudo transcorre como deve ser, porquê esconder ou omitir informações quanto ao andamento de um governo ou mesmo de uma repartição? Esconder, omitir pode ser em si o primeiro sinal de que algo está errado. Quanto a esfera política a sucessão de fraudes e atos ilegais já marcaram a população que vive apreensiva perante a ação destes representantes. Na verdade é um olho no peixe e outro no gato, como afirma o ditado. As pessoas não tem mais dormido no ponto quando o assunto é a ação política. Desta forma os políticos devem sempre manter uma conduta transparente no que diz respeito aos seus mandatos. Nos últimos tempos as prestações de contas dos períodos de mandato tem sido uma feliz ação dos políticos que além de se aproximarem da população garantem visibilidade dos trabalhos desenvolvidos, bem como das atitudes praticadas em prol da sociedade. Para garantir a transparência das ações governamentais e o direito dos cidadãos de conhecer dados dos órgãos públicos que sejam de seu interesse foi recentemente instituída a Lei de Acesso à Informação (nº 12.527/2011). A lei nada mais é do que a regulamentação do artigo 5º (inciso XXXIII, capítulo I) da Constituição Federal, que prega que “todos tem direito a receber dos órgãos públicos informações de seu interesse particular, ou de interesse coletivo ou geral, que serão prestadas no prazo da lei, sob pena de responsabilidade, ressalvadas aquelas cujo sigilo seja imprescindível à segurança da sociedade e do Estado”. A Constituição também trata do assunto nos artigos 5º (inciso XIV), 37º (§ 3º, inciso II) e 216º (§ 2º). Para se adequar às novas exigências, governos municipais, estaduais e federal devem rever seus procedimentos para responder às solicitações dentro dos prazos previstos na lei. As solicitações de informações não precisam ser justificadas e os órgãos tem até 20 dias para formular uma resposta. Esse prazo é prorrogável por mais 10 dias, se mais tempo for necessário. Os dados devem ser apresentados de maneira objetiva e traduzidos em linguagem clara. A regra também tem sua exceção: dados pessoais e considerados sigilosos, para a segurança do Estado ou da sociedade, por exemplo, não devem ser divulgados. Jogar limpo e manter uma sociedade cada vez mais parceira é um ato que deveria ser cultivado em todas as esferas públicas de governo. Temos sim leis, inclusive esta que garante a obrigatoriedade da transparência. Mas devemos ser sensatos em afirmar que isto só funcionará quando a população também não só esperar um retorno de “cima”. Lutar pelos direitos e exigi-los é uma bandeira que deve ser sempre posta como ponto norteador para uma coletividade mais verdadeira e legítima.

“Durante muito tempo o Brasil ficou conhecido pelos inúmeros escândalos que mancharam a imagem da nação perante as demais.”

Investindo em Mestres e Doutores

PEC 37, a quem beneficia?

franciscor@pitagoras.com.br

Pesquisa divulgada recentemente revela que, desde 1996, o número de Mestres e Doutores no País cresceu cerca de 10% ao ano. Percebe-se um avanço na mentalidade dos profissionais em buscar conhecimento e titulações além da graduação e especialização, mesmo que este crescimento ainda mantenha o Brasil bem distante dos índices de nações desenvolvidas. Isto porque, mesmo com estes dados animadores, quando se analisa o número total, profissionais com titulação acima de especialista ainda são poucos em relação à população total. Representam menos de 0,5% dos brasileiros. Os números, com base em dados oficiais, fazem parte de uma pesquisa divulgada pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos, uma organização não governamental sem fins lucrativos que atua em projetos de desenvolvimento científico. Entretanto, é fundamental analisar estes dados sob ponto de vista do crescimento percentual, uma vez que caminhamos para a oferta mais ampla da educação continuada. Estes profissionais, em resumo, possuem sob seus ombros uma parcela grande de responsabilidade no desenvolvimento científico e tecnológico do País. São 517 mil profissionais com curso de mestrado e 188 mil com título de doutor, atualmente. Com boas projeções de crescimentos para os próximos anos, o que nos faz acreditar em um desenvolvimento cada vez mais acentuado de nosso País, uma vez que a oferta de cursos em instituições particulares tem aumentado significativamente. Para se ter uma ideia, as instituições privadas já respondem por 20% da formação de mestres no País. As quatro áreas de conhecimento mais procuradas nesses programas são humanas (17,1% dos formados), ciências sociais aplicadas (15,5%), saúde (14,7%) e as engenharias (12,8%). Segundo o presidente da ONG que realizou o estudo, Mariano Francisco Laplane, alguns pontos podem ser destacados, com os quais concordo plenamente. “Vemos hoje que as engenharias estão na quarta posição em relação aos cursos que mais formam mestres. Em 1996, era a segunda maior demanda. Então, é preciso incentivar essa área do conhecimento, assim como as Exatas, responsáveis por 8% dos títulos de Mestre, para que o Brasil se desenvolva melhor e tenha competitividade”, declarou, ao Jornal do Commercio, do Rio de Janeiro. Fato é que o ritmo brasileiro de formação está em sintonia com a realidade do País. Tudo nos leva a concluir que o desenvolvimento do Brasil tende a se acelerar a medida que estes índices forem melhorando, com o passar dos anos. O resultado da consolidação dos dados disponíveis mostra que 40% dos programas de mestrado no Brasil têm conceito 3 da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) em uma escala que vai até 7. Lembrando que cursos com nota 1 e 2 não são permitidos. Ou seja, ainda necessitam de uma injeção de melhorias para que esta quantidade seja também acompanhada de qualidade. É interessante perceber como a educação tem ganhado contorGoverno, através de financiamentos facilitados, promove uma grande

FUNDADOR: Antônio Eustáquio Rodrigues Cassimiro (1947 2004)

Diretor DE MARKETING Leonardo Marcos Rodrigues

Eduardo Augusto

nos de seriedade e investimentos em nosso País nos últimos anos. O

ÓRGÃO Do grupo Gazeta do Oeste de comunicação ltda

Diretor PRESIDENTE Fernando Marcos Rodrigues

Francisco Resende

EDITORA CHEFE Carina Lelles

revolução no acesso ao Ensino Superior, sobretudo através do FIES. Os profissionais, percebendo esta entrada de concorrentes teoricamente preparados no mercado de trabalho, buscam qualificação e conhecimen-

Assessores Jurídicos Dr. Márcio F. Vaz • Dr. Mauro M. Nogueira • Dr. Flávio Vaz

to através de cursos de Mestrado e Doutorado. Este ciclo deixa evidente,

Administração, Redação E GRÁFICA: Rua Rio Branco, 948 - Porto Velho • Divinópolis (MG) • CEP 35.500-430 TELEFONE: (37) 3222-6322 • www.g37.com.br • gazeta@gazetaoeste.com.br

que o desenvolvimento sustentável de uma nação só acontece quando

O jornal não é solidário com conceitos emitidos em colunas e matérias assinadas.

aos olhos do mundo, a teoria defendida por muitos educadores: a de a educação recebe a prioridade necessária. Os resultados nós veremos ao longo dos próximos anos.

easteduardo@yahoo.com.br

Tramita no Congresso Nacional Brasileiro a Proposta de Emenda Constitucional 37, conhecida como PEC 37, que define exclusivamente a competência para a investigação criminal às Polícias Civis dos Estados e do Distrito Federal e para a Polícia Federal, com isso, retira do Ministério Público atuação de investigação criminal. A discussão, o debate está lançado em todos meios de comunicação, seja pela TV, pelos jornais escritos, pela internet. A corrente favorável alega que caberiam somente as Polícias Federais e civis o poder de investigação, pois a atuação do Ministério Público como investigador viola o sistema acusatório. A promotoria, unanimemente, é contrária a aprovação da Emenda. Dr. Gilberto Osório de Resende, promotor de justiça de Divinópolis/MG escreveu em seu artigo “OAB e a defesa da PEC 37” “que os procedimentos investigatórios criminais deflagrados pelo Ministério Público não são inquisições tendenciosas e de perseguição acusatória – têm regras certas, lastreadas em leis e previamente expostas aos investigados, a quem são assegurados todos os direitos consagrados pela Constituição.” O assunto vem sendo debatido pelo Supremo Tribunal Federal, e em todos os julgados jamais se chegou a decisão de negar a possibilidade de investigação criminal por membros do MP, o que se presume que o órgão possui sim legitimidade para tais procedimentos, pois, neste Tribunal não tem gente sem conhecimento jurídico, pelo contrário, são homens e mulheres que detêm relevante conhecimento técnico. Essa discussão é muito séria, e deve ser tratada como muito cuidado e cautela por todas as correntes, sobretudo, pelos nossos Congressistas que detêm o poder de legislar. Não é hora de atuar em causa própria, e sim, como deveria ser em todas as discussões e votações, a atuação deve se pautar pela coletividade, pois a decisão trará mudanças e conseqüências sérias e delicadas ao país. Particularmente, com respeito aos pensamentos da corrente favorável à aprovação da Emenda, tenho que essa Proposta somente contribuiu para o aumento da criminalidade em nosso país, criminalidade essa que possui números alarmantes, mesmo com atuação do Ministério Público. Assim, eu pergunto: a quem interessa a aprovação? Na prática, temos uma Polícia Federal e estadual com limitações, justamente pela inoperância do sistema e de nossos governantes. É muito inquérito parado sem investigação ou com demora alongada por falta de estrutura logística, por falta de delegacias, por falta de orçamento condizente, por falta de policiais. A verdade é que os números de atuação das polícias existem pela garra dos profissionais que trabalham ultrapassando suas limitações humanas, tudo pela profissão, pelo amor à camisa. Tirar a possibilidade de investigar pelo Ministério Público é contribuir para aumento da ineficiência e inoperância do sistema que já é falho. Nossos congressistas, em sua maioria, não se preocupam em aumentar os salários dos profissionais que trabalham contra a criminalidade, não se desassossegam a situação de precariedade das delegacias, não se impressionam em ver policiais sem viaturas, sem equipamentos de trabalho, e com armamentos defasados, não se inquietam em ver cidades sem delegacias, e as que possuem, sem detetives, escrivãs, e delegados. Data venia, o Ministério Público não instaura inquérito criminal a todo o momento. O Órgão é criterioso nesse sentido. Prestigiam a investigação pelas polícias. Pergunto: e quando a investigação for contra atos de vereadores, prefeito, deputados estaduais e federais, governadores, vice-presidente e presidente da república? Quem vai investigar? Na prática, se uma delegacia investigar atos de um prefeito, noutro dia o prefeito está batendo à porta do governador exigindo a transferência de todos os investigantes. E o fato é que se transfere. Isso acontecendo a todos em seus níveis de hierarquia, não é novidade para ninguém. Não vejo preocupação alguma para com os atos dos promotores na investigação criminal, pois, obedecem e seguem diretrizes do Conselho Nacional do Ministério Público, das Corregedorias. Além disso, temos a própria OAB, a imprensa, e o Judiciário que servem de fiscais de suas atuações. Pensar que o promotor define adversários, ou seja, alvos de investigação é pensar o mesmo dos policiais civis e federais. As regras devem existir justamente para definir as competências, isso é claro e evidente. O que não podemos é admitir que poucos consagrem normas a si mesmo. A persecução criminal já vem sendo desgastante com o Ministério Público atuando paralelamente às polícias, tirar essa competência é uma afronta aos mais amplos direitos fundamentais do cidadão, prestigiando por óbvio a criminalidade, sobretudo à mais seletiva desse país. Dr. Eduardo Augusto Silva Teixeira Advogado


CIDADES 05

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Prefeitura cumpre TAC e inicia recadastramento de servidores municipais Planejamento visa economizar R$ 1,3 milhão após o levantamento Liziane Ricardo

liziane.ricardo@gazetaoeste.com.br

Em cumprimento ao Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado em 19 de dezembro de 2012, no início deste mandato do prefeito Vladimir Azevedo 2013-2016 a Prefeitura Municipal de Divinópolis através da secretaria de Planejamento e Gestão já iniciou a primeira etapa do levantamento e recadastramento dos servidores municipais. Com o intuito de prestar contas ao Ministério Público, o secretário Paulo Adriano Cunha esteve na tarde de ontem (24) em reunião junto a Promotoria para apresentar as ações cumpridas conforme o que foi acordado no TAC. Inicialmente foi nomeada uma Comissão composta por seis funcionários públicos que irão efetuar o recadastramento dos servidores. Outra medida foi a instalação do Ponto Biométrico

em dez órgãos públicos, além da auditoria da folha de pagamento da prefeitura para correção de custos indevidos. Estão sendo fiscalizadas também as extensões de carga horária, além da extinção efetiva das horas extras administrativas. Hoje a prefeitura de Divinópolis agrega 5.552 servidores dentre eles: concursados, contratados, seletistas e cargos comissionados os quais passaram pelo recadastramento junto a Comissão criada pela secretaria de Planejamento e Gestão. Segundo o secretário da pasta, Adriano Cunha, o intuito deste levantamento é adequar a administração do setor de Recursos Humanos quanto a este amplo universo de servidores. “Este recadastramento deve ser realizado periodicamente dentre as administrações, uma vez que é natural o falecimento de servidores, afastamento, aposentadorias,

abandono de serviço, transferências de setores os quais acarretam em reflexo direto na folha de pagamento”, destacou. Já a questão do servidor que tiver vínculo com outra instituição ou for sócio-proprietário deverá ter cada caso analisado em suas especificidades, considerando que a lei permite que servidores municipais podem ter vínculo com empresas de educação como é o caso de professores que também atuam no funcionalismo público. “O que não é permitido, é que o servidor tenha gerência e sociedade direta em empresas privadas, uma vez que a mesma esteja também vinculada a prefeitura.Tudo deve ser muito bem analisado para que o servidor não seja passivo de cair em algum erro. Na ocasião a comissão irá orientar o servidor a corrigir o erro dependendo de cada caso”, explicou Cunha.

Membros da Comissão de Recadastramento dos Servidores Municipais: I – Grasiane Conceição Corsino - Presidente II - Michele Aparecida Costa Oliveira; III - Karolina Luisa Todoroki; IV – Isabela Rochelle Silva; V – Maria Isabel da silva VI - Quirino Pereira Quadro Filho Observação: serão destituídos da Comissão os membros que, durante o encargo, tiverem: • duas faltas injustificadas em duas reuniões consecutivas; • três faltas injustificadas em quatro reuniões intercaladas.

Liziane Ricardo

RECADASTRAMENTO O recadastramento é um raio X de todos os seus servidores o qual aponta seus locais de trabalhos, cargas horárias, produção e remunerações relacionadas as funções atribuídas. Neste sentido, Cunha avalia que este comportamento mostra a austeridade da atual gestão. “Nós temos que fazer uma gestão austera e responsável conforme tem pregado diariamente o prefeito Vladimir a todos os secretários das pastas” frisou. Já com relação a aplicabilidade do recadastramento, serão feitos vários questionários dos quais posteriormente os servidores devem apresentar documentos como comprovante de endereço, declaração de vínculos com outras instituições ou empresa em seu nome. Outro fator importante de se abolir com o levantamento é a extinção do Desvio de Função em todas as secretarias municipais. ECONOMIA A iniciativa de se fazer este levantamento, pode ser considerado também como um meio de enxugar os cofres públicos. Todavia a estimativa da secretaria de Planejamento com relação a economia que se espera ter após o recadastramento é de 10% a menos na folha de pagamento do município. Hoje a folha de pagamento gira em torno de R$ 13 milhões, no entanto calcula-se que serão economizados cerca de R$ 1,3 milhão aos cofres públicos. Porém o secretário reafirma que este tipo de atividade como o levantamento de servidores, é algo normal e corriqueiro em qual-

Para Adriano Cunha, um dos grandes interesses da sociedade é que a cidade tenha uma prefeitura austera e eficiente.

quer tipo de ambiente público. “Um dos grandes interesses da sociedade é que a cidade tenha uma prefeitura austera, eficiente e que todos os gestores públicos trabalhem com qualidade durante a administração”disse. PRÓXIMO PASSO Já numa segunda etapa do levantamento, os membros da Comissão irão em todas as secre-

tarias municipais para confirmar se os questionários refletem a verdade perante as informações repassadas pelos servidores. E por fim em uma terceira fase será feita uma condensada apuração de todos os formulários a partir dos quais será emitido um relatório final que será repassado ao Sistema de Recursos Humanos que se refletirá numa devida adequação da folha de pagamento.

Prefeitura realiza ações contra vendedores ambulantes irregulares Luiz Felipe Enes

Luiz Felipe Enes

pauta@gazetaoeste.com.br

Uma operação de fiscalização e apreensão de produtos vendidos nas ruas no Centro de Divinópolis sem autorização da prefeitura foi realizada na tarde de ontem, (24). O alvo da ação foram os vendedores, chamados “toureiros”. Os fiscais de postura do município, com apoio da Polícia Militar, iniciaram a operação por volta das 14 h30 de ontem (24), a fim de fiscalizar e apreender mercadorias expostas e vendidas nas calçadas, principalmente da rua Goiás e avenida Primeiro de Junho, no Centro. A primeira abordagem foi na rua Goiás esquina com a avenida 21 de abril. Alberto Junio de Almeida estava com várias caixas de pêra. O ambulante, que é morador de Contagem, região metropolitana de Belo Hori-

zonte, disse que sempre passa por Divinópolis para vender sua mercadoria, juntamente com a família. Os fiscais fizeram a apreensão das caixas de pêra e irão averiguar se ele é incidente ou reincidente neste tipo de infração. Caso seja a primeira apreensão, segundo a fiscal Daniela Luzia Elói, Alberto receberá uma multa de no mínimo quatro vezes R$ 53,74, o que totaliza R$214, 96. Ainda de acordo com a fiscal, a mercadoria apreendida fica cerca de 24h com os fiscais e por se tratar de alimentos, depois são encaminhados à Vigilância Sanitária que decidirá se as frutas serão descartadas ou doadas a entidades. “Muitos desses vendedores ambulantes são de fora e sem qualquer tipo de orientação acabam vindo parar nas ruas de Divinópolis”, ressalta a fiscal. A fiscalização pretende colocar em ordem as ruas e calçadas

da cidade, que estão praticamente lotadas de vendedores ambulantes, sejam eles de frutas, chips para telefone celulares, antenas, facas, controles remotos para aparelhos eletrônicos, dentre outros. A fiscalização continuará em diferentes períodos do dia, bem como a noite, em praças próximo a algumas faculdades. Já estão sendo estruturadas escalas para realizar as tarefas. Grande parte dos vendedores de rua, principalmente na rua Goiás, foram embora ao saber da fiscalização e não chegaram a ser abordadas pelos fiscais da prefeitura. As pessoas interessadas em realizar suas vendas devem regularizar a situação por meio da prefeitura. O procedimento é feito via protocolo e a prefeitura, se estiver de acordo com a venda, concederá ao vendedor um alvará, liberando um espaço apropriado para o trabalho.


06 CIDADES

bobclementinoo@gmail.com

Caos urbano herdado: Plano Diretor é a solução Sabem aquela historia do otimista e do pessimista diante de um copo com água pela metade? O pessimista diz que ele está meio vazio e o otimista retruca, dizendo que ele está meio cheio. Pois é, eu com relação a Divinópolis tenho a visão de um otimista.Acho que a situação sócio – econômica de Divinópolis, considerando todas as dificuldades, pode ser vista como boa. Explico porque: o prefeito Vladimir e seu antecessor ao chegarem a prefeitura, receberam para administrar um caos urbano e apesar de todas as dificuldades administrativas, Divinópolis evoluiu. Nos últimos dez anos, a cidade recebeu uma Universidade Federal, obras do PAC, milhares de casas populares advindas do Projeto Minha Casa Minha Vida, a ampliação do Cefet, a Unidade de Pronto Atendimento/Upa da Ponte Funda, sede administrativa e a segunda grande obra da administração Vladimir Azevedo: o Hospital Público. Por que a classifico como a segunda grande obra? Porque para mim a grande obra que será reconhecida e reverenciada no futuro será o tratamento do esgoto e a despoluição do rio Itapecerica. Obras que são fundamentais para qualquer projeto de desenvolvimento para Divinópolis no futuro. Mas tão importante como as obras citadas está a intenção do governo Vladimir Azevedo de cumprir na íntegra e com urgência o Plano Diretor Participativo de Divinópolis. Plano diretor :solução para caos urbano Sempre afirmei nas redes sociais e aqui na coluna da Gazeta do Oeste que em Divinópolis existe um caos urbano herdado. Digo isso baseado nas minhas experiências como assessor político na Câmara Municipal e no governo. No dia 23 passado, ao participar da Audiência Pública do Plano Diretor Participativo de Divinópolis,constatei por meio do diagnóstico apresentado pela equipe técnica da FUNEDI/UEMG esta realidade. O caos urbano tem dimensões gigantescas que de fato só serão sanadas se o atual prefeito e os vindouros cumprirem as metas que serão propostas pelo Plano Diretor, em discussão. Uma das causas do caos urbano Uma das causas pode ter sido a absurda aprovação de loteamentos, ocorridas no Governo Galileu Machado “sem que houvesse demanda real de criação de novos lotes, nesta escala. Estes loteamentos foram aprovados em um curto espaço de tempo e a suspeita é que isso aconteceu porque na época, estava tramitando no Congresso Nacional a Lei Federal 6.766, de 1979, que regulamentaria o parcelamento do solo urbano e estabeleceria padrões urbanísticos mínimos de infraestrutura e de equipamentos urbanos. Assim, a urgência na aprovação de tais loteamentos pode ter sido causada por uma preocupação particular do empreendedor e dos políticos, buscando evitar que tais empreendimentos se submetessem às novas regras” diz a síntese do diagnóstico participativo do município de Divinópolis, sem citar o prefeito Galileu Machado, esta citação é de minha responsabilidade. Sem dúvidas uma das causas do caos urbano que afeta Divinópolis vem desta aprovação de loteamentos citados. São loteamentos distantes do Centro e com pouquíssima ocupação, o que impossibilita a chegada da urbanização, a que tem direito. Em função desta citada aprovação de loteamentos em Divinópolis ainda existem 63.175 lotes vagos na área urbana, “suficientes para o assentamento de aproximadamente 221.000 habitantes, caso fosse ocupado apenas pelo uso residencial unifamiliar com freqüência de 3,18 moradores por domicílio.” Uma falácia : Divinópolis não tem favela Para justificar a absurda aprovação de tantos loteamentos na década de 1980 em Divinópolis, algumas pessoas dizem que por causa destes loteamentos, na cidade não tem favelas. Breve engano. Dizem isso porque no inconsciente coletivo, a imagem de uma favela está muito ligada a um aglomerado de casebres construídos morro acima. Não! Favela são aglomerados de casas construídas em áreas degradadas, com moradias precárias e onde falta infraestrutura urbana como eletricidade, saneamento, água potável, policiamento, posto de saúde, transporte urbano, escola e etc. Como se vê esta realidade urbana existe em Divinópolis e a aprovação de inúmeros loteamentos sem infraestrutura só agravou este quadro!

PATRULHA DO SOSSEGO

Secretaria pretende iniciar novas operações contra a perturbação do sossego em maio Liziane Ricardo

liziane.ricardo@gazetaoeste.com.br

Carro rebaixado, com rodas de liga leve, e uma aparelhagem de som recheada de potências, cornetas, graves e agudos. Este é o tipo de veículo propício a se tornar alvo de fiscalizações da Patrulha do Sossego. É só ir se aproximando o fim de semana e períodos festivos na cidade que o número de reclamações da população contra veículos que transitam com som alto, aumenta significativamente. Visando evitar este tipo de transtorno e a perturbação do sossego dos divinopolitanos, que a secretaria de Trânsito e Transportes (Settrans) planeja novas operações em diversos pontos de Divinópolis. Em 2012 inúmeras foram as blitze entre Settrans e Polícia Militar no sentido de coibir a circulação de veículos com Carina Lelles

Roberto Clementino

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

De acordo com a secretária de Trânsito e Transportes, Rosemary Lasmar está prevista uma reunião entre os órgãos envolvidos na ação para iniciar as operação já no mês de maio.

som alto pela cidade. De acordo com a secretária de Trânsito e Transportes, Rosemary Lasmar está prevista uma reunião entre os órgãos envolvidos na ação para que já no mês de maio, sejam retomadas as operações da Patrulha do Sossego em Divinópolis. “Nosso intuito é de coibir o uso de som alto e perturbador próximo a residências”, frisou. Considerando o anteprojeto de Lei Municipal criada pelo vereador Rodyson Kristnamurti, o qual já teve sua minuta enviada à Settrans, segundo a secretária, é preciso ser feita ainda analise jurídica do ponto de vista do trânsito junto a Procuradoria do Município para que seja adequada posteriormente aos rigores da secretaria de Trânsito. “Entendemos que o projeto é muito interessante a partir do momento em que a pessoa que for instalar no seu veículo o som com potência superior aos sons mais comuns, que o mesmo seja feito em oficinas autorizadas e credenciadas pelo município, tendo ainda o porte de uma carteirinha de autorização para transitar com a aparelhagem pelas ruas da cidade”, explicou Lasmar. A legislação que coíbe a utilização de alto som, já existe conforme o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) sendo assim, Lasmar avalia que perante os dispositivos legais a Settrans se encontra respaldada pela lei para iniciar as operações da Patrulha do Sossego. ANTEPROJETO O projeto de autoria do Presi-

Liziane Ricardo

No caso de abordagens pelos Agentes e Policiais Militares, o condutor que apresentar a carteira permissionária estará liberado de notificações e multas.

dente da Câmara Rodyson Kristinamurti (PSDB) tem o cunho preventivo com relação ao mau uso do som automotivo na cidade. As empresas especializadas em som, e oficinas mecânicas que fazem a instalação do mesmo, devem ser cadastradas junto a prefeitura no sentido de prestar serviço ao município. No entanto as empresas credenciadas fariam um Termo de Responsabilidade com os proprietários dos veículos, e dentro dos critérios de utilização, seria concedida uma carterinha de permissão do condutor para circular na cidade com o equipamento de som. “Nós não temos que proibir o equipamento instalado nos veículos, e sim a forma inadequada na utilização do som. O condutor que quiser utilizar o som deverá fazer o uso do mesmo nos locais e horários apropriados”, destacou o parlamentar. No caso de abordagens pelos Agentes e Policiais Militares,

o condutor que apresentar a carteira permissionária estará liberado de notificações e multas. Já aquele que não portar o documento, será notificado, terá o som apreendido e multado. Os documentos necessários para o cadastramento dos condutores são: Xérox da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), xérox do documento do veículo, comprovante de endereço, características do veículo e o pagamento de uma taxa de manutenção para a Prefeitura (alvará anual). IRREGULARES Outro ponto que o anteprojeto poderá atingir são as oficinas irregulares as quais são oriundas de furtos, considerando que por diversas vezes os clientes são enganados por estas oficinas com a utilização de peças e materiais de veículos furtados. “Com o tempo iremos também eliminar estas oficinas irregulares”, finalizou o vereador.

Buracos e falta de pavimentação são motivos de reclamações no Campina Verde Daniel michelini

daniel.resende@gazetaoeste.com.br

Vias em mau estado, dificuldades de tráfego e perigo para quem passa pelos locais. Estes problemas vem se tornando freqüentes em bairros mais afastados do centro de Divinópolis. No ano passado, a equipe de reportagem da Gazeta do Oeste registrou reclamações de moradores de regiões como as dos bairros Terra Azul e Conjunto Elizabeth Nogueira, justamente em relação às ruas, seja por mato alto ou buracos. Desta vez, residentes da avenida Almeida Júnior e rua Asa Delta, no bairro Campina Verde, reclamam de problemas envolvendo o não asfaltamento das vias, aliado às dificuldades de se andar de carro ou até mesmo a pé. O bairro é consideravelmente afastado do Centro da cidade, o que diminui bastante o fluxo de veículos que utilizam as ruas do bairro.

O comerciante Antônio Carlos Ribeiro, de 41 anos, afirma que, em períodos chuvosos, a situação em parte da rua Asa Delta fica péssima, prejudicando o tráfego dos moradores pelo local: “Fica parecendo uma roça mesmo quando acontece isso. Precisam pelo menos calçar a rua”, comparou, em tom de brincadeira, o vendedor. Com as ruas esburacadas, os carros passam com dificuldades mesmo com o chão seco, onde o que se vê em meio ao trânsito é apenas poeira. E muita! Antônio conta que o único jeito, na opinião dele, é asfaltar a rua, facilitando a passagem de veículos: “Temos muitas coisas importantes aqui por perto, como o acesso à MG 050 e outros bairros. Não acredito que irão deixar da maneira que está”, disse, ressaltando ainda que, no bairro Campina Verde, é normal o tráfego de veículos pesados, o que aumenta ainda mais a necessidade de melhorias nas ruas. As dificuldades encontradas

Daniel Michelini

Carros passam com dificuldade pelo local.

na via deixam os pais preocupados com os filhos. Antônio conta que tem um filho de 9 anos que utiliza serviços de van para ir à escola. Ele confirma que, em dias de chuva, a van não consegue chegar à porta de sua casa, fazendo com que o filho tenha que subir, pelo menos, três quarteirões: “Meu filho reclamou disso. Quando a van chega até aqui em dias secos, a gente vê balançando quando esta passa pelos buracos”, reclama Antônio, isentando o motorista de qualquer culpa: “O problema

é a rua, e não a van”, aponta a moradora. De acordo com a secretaria municipal de Operações Urbanas e Defesa Social (Semoudes), por meio do secretário, Simonides Quadros, a pavimentação das ruas dependem de uma verba que deverá ser liberada em 30 dias, para que o órgão trabalhe em parceira com a comunidade: “A prefeitura oferece o material e, caso os moradores queiram melhorias, eles arcam com a mão de obra”, confirmou.


CIDADES 07

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Escola técnica do município inicia projeto “Gentiliza no Trânsito” O trabalho está sendo desenvolvido pelo Senac em parceria com a secretaria municipal de Trânsito

Mariana Gonçalves

O projeto propõe duas fases: a primeira já está concluída com a palestra dos Agentes da Settrans e a segunda será uma panfletagem. Mariana Gonçalves

mariana.goncalves@gazetaoeste.com.br

O Senac de Divinópolis iniciou na tarde de ontem (24) o projeto “Gentiliza no trânsito”, que tem como objetivo conscientizar os alunos da importância e dos benefícios de se usar a educação e a paciência no trânsito. O orientador de curso do Senac Tiago Emanuel Caetano explica que esse projeto está dentro dos trabalhos de aprendizagem comercial que a escola técnica desenvolve com os estudantes. Conforme Caetano o

“Gentiliza no Trânsito” visa além de repassar informações de segurança aos futuros condutores , mostrar para estes jovens que para um trânsito saudável os motoristas e pedestres precisam ser parceiros. “Para um trânsito mais harmonioso e com respeito todos precisam colaborar, pois não adianta apenas o condutor ou só o pedestre fazer sua parte, é preciso que os dois trabalhem juntos”afirma Tiago. Ainda conforme Caetano os trabalhos serão desenvolvidos em duas partes: a primeira foi a palestra realizada ontem (24)

com alunos e funcionários da secretaria municipal de Trânsito e Transportes, Settrans, e a segunda etapa será uma panfletagem. Os alunos irão distribuir informações sobre as estatísticas dos acidentes e as precauções para um trânsito seguro. A estudante Bruna Alves de Oliveira, fala sobre a importância dessa iniciativa e diz que a partir de hoje vai fazer de tudo para seguir as orientações passadas pelos profissionais, “acho bem legal e importante essas ações, pois nos ajudam a conscientizar e ainda sermos pessoas me-

O projeto “Gentiliza no trânsito”, tem como objetivo conscientizar os alunos da importância e dos benefícios de se usar a educação e a paciência no trânsito.

lhores no trânsito agora como pedestres e futuramente como motoristas”conclui. Consuêlo dos Santos Toledo, educadora de trânsito da Settrans, desenvolve na cidade alguns trabalhos em parceria com as escolas do município. Há um ano nos tornamos parceiros do Senac e estas iniciativas fazem toda a diferença para estimular a mudança de comportamento das pessoas principalmente em relação as práticas no trânsito, “o Senac é uma instituição de formação profissionalizante o que deixa o nosso trabalho ainda

mais importante, não que aqui os alunos estejam estudando para serem condutores mas se essa ideia do bom comportamento no trânsito já vem amadurecendo com eles com certeza no futuro vamos ter menos problemas em relação a isso”avalia. Durante a apresentação os funcionários da secretaria de Trânsito mostraram algumas informações e as consequências sobre a mistura de direção e bebida alcoólica, o uso correto da faixa de pedestres entre outras situações que colocam em risco diariamente a vida das pessoas.

“Divinópolis é uma cidade festiva, e até mesmo pelas estatísticas vemos que o numero de adolescentes alcoolizados na direção tem crescido bastante, então nossa intenção foi mostrar para esses jovens a importância de quando sair e beber acionar um taxi ou contar com um motorista que não tenha ingerido nada alcoólico para levar as outras pessoas com segurança para casa. Falamos também dos riscos de conversar ao celular quando se estiver dirigindo e aproveitamos para tirar as dúvidas desses futuros condutores”finaliza.

Ruas do Chanadour são motivos de reclamação Segundo residentes da região, situação de uma está a mesma há três anos. Em dias de chuva, o trecho fica intransitável Daniel Michelini

Daniel michelini

daniel.resende@gazetaoeste.com.br

Reclamações sobre falta de pavimentação de ruas em Divinópolis vem sendo constantes. Assim, moradores da rua Diógenes Duque Duarte, no bairro Chanadour, na região sudoeste do município, estão revoltados com os buracos que tomaram conta do local. Segundo os residentes, em dias de chuva, a situação é ainda pior, pois acumula grande quantidade de lama em frente às casas. Segundo Cléber Ferreira, proprietário de um lote na região, o trânsito no entorno das casas está ruim, mesmo em dias sem chuva: “Não há possibilidade de trafegar por aqui. Algumas pessoas ainda se arriscam, mas acabam dando volta no quarteirão”, disse Cléber. O proprietário do terreno, localizado em uma das esquinas da rua, afirma que nos períodos chuvosos, a rua fica intransitável:

“Não tem como andar nem de carro ou a pé. A chuva traz lixo para a rua, provoca lama e, se tentarmos pisar na rua, atolamos o pé. Precisam tomar alguma providência, pois é uma região que se tornará muito importante para a cidade”. Para ele, a única solução é o calçamento da rua “É urgente. Numa parte da rua, não tem jeito de virar o carro, pois os buracos tomaram conta do cruzamento. Alguns motociclistas se arriscam na rua, pois há jeito de se passar com motos e bicicletas”. Cléber diz que, desde que adquiriu o lote, a situação piorou, especialmente devido às chuvas, que provocaram aberturas de buracos nessa via. Segundo ele, o mesmo problema aconteceu em várias ruas do bairro e também da região onde ele reside, no bairro Serra Verde. Ainda de acordo com ele, as portas das casas ficam todas sujas de poeira no tempo seco mas, se

chover muito, chega até a entrar barro em garagens: “Fica nojento”. Ele reforça que não é possível sair de casa depois da chuva: “Em dias que chove, temos de torcer para ser na parte da noite para ter tempo de amenizar quando saírmos na parte da manhã”. Cléber ressalta que o problema não se resume só aos lotes e moradores, mas também aos motoristas que utilizam a via como acesso à outros lugares: “Dizem que vão pavimentar assim que conseguirem a verba, mas isso foi prometido em outubro do ano passado, na época das eleições. Não deram mais nenhum parecer para nós”. Além do calçamento, Cléber fala sobre o mato alto, que preocupa os residentes da região: “Precisa de uma capina também. O mato está invadindo as ruas, algumas calçadas estão tomadas e, com a epidemia de dengue, a preocupação é muito maior”, finaliza.

Rua Diógenes Duque Duarte é motivo de reclamação no bairro

Segundo a secretaria municipal de Obras Urbanas e Defesa Social (Semoudes), o bairro

Chanadour fará parte do grupo de regiões beneficiadas pelo PAC (Programa de Aceleração

do Crescimento), cujas obras deverão ser iniciadas em junho deste ano.


08 CIDADES

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Quatro mil postes serão pintados com nomes de ruas do município A medida visa facilitar a identificação da população dentro dos bairros de Divinópolis. Mariana Gonçalves

mariana.goncalves@gazetaoeste.com.br

Procurar um endereço em um bairro desconhecido seria fácil se as ruas estivessem sinalizadas corretamente. Em Divinópolis este problema gera grande transtorno a população como por exemplo no caso da comerciante Elisa Guimarães

“Esse contrato dispõe da pintura de 4 mil postes com nomes de rua e também o CEP do local” conta Leandro Silva gerente de projetos.

que afirma “trabalho com vendas de roupas e na maioria das vezes vou a casa da cliente, mas, nestas idas costumo me perder dentro de alguns bairros aqui da cidade. As ruas não tem placa com nome e os locais são muito parecidos, isso acaba que nos confunde, inclusive, essa semana mesmo fui na casa de uma cliente no bairro Vila Romana e fiquei confusa porque tinha o endereço mas não sabia chegar na rua porque faltava sinalização”conta. Ainda conforme Guimarães como forma de ajudar outras pessoas a comerciante colocou em seu portão uma placa com o nome da rua, mas, salienta que essa medida infelizmente não atende toda a demanda da população. A reportagem procurou a secretaria municipal de Trânsito e Transportes, Settrans, que através do gerente de projetos e operação de trânsito, Leandro Teixeira Silva, nos informou que o município já planeja uma solução para este problema, “estamos com um contrato para que as ruas nos bairros

também sejam sinalizadas, esse contrato dispõe da pintura de 4 mil postes com nomes de rua e também o CEP do local. Temos uma importante parceria com a Cemig que nos permite usar uma determinada parte do poste para realizar estas pinturas”explica Silva. Conforme o gerente de projetos a secretaria sabe das dificuldades da população em localizar alguns endereços no município, e como essa pintura em postes já foi realizada e mostrou resultados satisfatórios a Settrans decidiu novamente investir nessa ideia. “Nesse momento estamos aguardando o projeto ficar pronto porque é ele que vai decidir por qual região esse serviço de pintura vai começar. São muitos postes, diante disso não há como fazer tudo de uma vez, mas, logo teremos esse projeto pronto e ai será feita a ordem de serviço”afirma Leandro. Nos bairros Nossa Senhora da Conceição, Serra Verde, Nova Fortaleza, São Roque, Tietê, e Ponte Funda as nomenclaturas

Fotos: Mariana Gonçalves

Nos bairros Nossa Senhora da Conceição, Serra Verde, Nova Fortaleza, São Roque, Tietê, e Ponte Funda as nomenclaturas das ruas podem ser encontradas em alguns postes.

das ruas podem ser encontradas em alguns postes, porém, como este serviço foi feito há bastante tempo algumas dessas pinturas já estão deterioradas. SINALIZAÇÃO CENTRAL Desde o ano passado a Settrans está instalando nos cruzamentos das ruas e avenidas do

Centro de Divinópolis placas toponímicas, ou seja, placas com a nomenclatura da via. A intenção é que todo o Centro receba essa sinalização que conforme a secretaria objetiva fornecer informação não só a população do município, mas também ajudar aos turistas a se localizarem dentro da cidade. O

gerente de projetos e operação de trânsito conta que além da instalação das placas a empresa vencedora da licitação também oferece junto a este serviço de sinalização um espaço para publicidade, assim os comerciantes do município tem a opção de deixar sua marca bem mais visível.


esporte 09

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Chico Maia

chicomaiabd@gmail.com

Perdas e danos Com a aproximação da Copa o principal questionamento que era feito antes de o país ser confirmado como palco, volta a ser feito: organizar a competição é positivo para o Brasil? Continuo entendendo que sim, com a mesma ressalva que fiz anos atrás: era preciso conter a roubalheira e abusos de autoridades públicas e empresas aliadas. Não deu Isso não foi possível e o que estamos vendo são absurdos em todas as cidades sedes, com gastos acima do previsto, orçamentos estourados e obras atrasadas. Os erros já começaram com a quantidade de cidades sede: 12, onde 9 bastariam. Natal, Manaus e Cuiabá entraram na fita por questões políticas; Brasília constrói o maior e mais caro estádio, que se tornará também, o maior elefante branco do país; com dinheiro público que deveria ter destino de maior utilidade para a população. Sem chance A esperança que eu tinha quando a Fifa confirmou o Brasil é que fôssemos ganhar o que o país precisa: estradas, aeroportos e telecomunicações decentes; metrô e sistema viário condizente com as cidades sedes, como é o sonho de todo belorizontino que pena no dia a dia em um dos piores sistemas de transporte de massa do planeta.

Cruzeiro anuncia Leandrinho

Washington Alves/VIPCOMM

O Cruzeiro anunciou, nesta quarta-feira (24), a contratação do lateral-direito Leandrinho, do CSA-AL. O Clube estrelado adquiriu em definitivo 100% dos direitos econômicos do jogador que pertenciam à equipe Alagoana. O atleta, de 26 anos, assinou um contrato de dois anos com o Maior de Minas. Ao final do compromisso pode ser acertada a renovação com o Clube por mais três anos. O jogador foi a Belo Horizonte nesta segunda-feira para realização de exames médicos e já retornou para Maceió-AL. Leandrinho chega à Raposa para compor o elenco celeste desta temporada. O lateral já vinha sendo observado e chamou ainda mais a atenção após a sua atuação na partida de ida da Copa do Brasil deste ano

Leandrinho chega para reforçar o elenco Cruzeirense.

entre CSA e Cruzeiro, vencida pela equipe estrelada por 3 a 0.

O jogador se apresenta ao Clube cinco estrelas ao final da partici-

pação do CSA no Campeonato Alagoano.

Bernard está recuperado Reviravolta no Bruno Cantini

Promessa e acordo Em Minas, o então governador Aécio Neves convenceu seus aliados políticos, Zezé Perrella e Ziza Valadares a desistirem da ideia de construir estádios próprios para Cruzeiro e Atlético, sob a promessa pública que o Mineirão seria deles depois da Copa, como Internazionale e Milan fazem com o San Siro/Giuseppe Meazza, em Milão. Obedientes e recompensados em seus projetos, os então presidentes dos nossos maiores clubes aceitaram e anos depois, o governo do estado não permitiu que Galo e Raposa sequer participassem da licitação, que teve “concorrente” único, o consórcio formado pelas três empreiteiras que constituem a Minas Arena, que ficou com a parte do leão.

campeonato Mineiro

Jornal de Muriaé

Os donos do pedaço Os clubes levam a torcida, mas a maior parte do lucro fica com os empreiteiros. No Maracanã, a mesma coisa, onde Eike Batista, o filho do ex-ministro da ditadura militar, Eliezer Batista, está abocanhando o filé. Os estádios estão ficando ótimos. O Mineirão, por exemplo, lá dentro, faz lembrar o Allianz Arena, de Munique, porém, inacessível ao povão, que não tem condição de pagar preço mínimo de R$ 60,00 por um ingresso para ver seu time. Estádio da Tombense recebe jogo da semifinal

Ingresso VIP da Copa 2014 é para quem tem bala na gulha Do site do ESPN: “Fifa abre pré-venda de ingressos VIP para a Copa-2014; final custa R$ 9 mil” A Fifa deu início, nesta segunda-feira, à pré-venda de ingressos VIP para a Copa do Mundo de 2014. Por enquanto, apenas clientes da Visa, patrocinadora oficial do evento, podem adquirir as entradas; ontem (24), a venda foi aberta ao restante do público. Os ingressos, no entanto, são apenas para áreas VIP e camarotes especiais. No site de vendas para consumidores brasileiros, os preços das entradas para a semifinal e a final custam US$ 4.543, cerca de R$ 9 mil reais. Segundo o site disponibilizado pela Fifa, ingressos para os jogos do Brasil nas oitavas e quartas de final já estão esgotadas. Os jogos do Brasil na fase de grupos custam R$ 5 mil para o primeiro jogo, que também será a abertura do Mundial, e R$ 3,2 mil para as duas outras partidas. A venda de bilhetes comuns só começará depois da Copa das Confederações, que termina em 30 de junho. No dia 1º de julho, a Fifa deve anunciar os preços e condições de compras.

Bernard é a grande esperança do Galo para as semifinais do Mineiro

Recuperando-se de uma luxação no ombro esquerdo, Bernard vive a expectativa de enfrentar o Tombense neste sábado (27), no jogo de ida da semifinal do Campeonato Mineiro. “Estou parado há quase três semanas, fazendo bicicleta e musculação, então, não perdi muito condicionamento. Espero estar o mais preparado possível no sábado para voltar a jogar logo”, disse o atleta. Bernard se contundiu na

goleada por 4 a 1 sobre o Tupi, pela 8ª rodada do Campeonato Mineiro. Ele espera que, atuando pelo Estadual, chegue com mais confiança ao jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores, contra o São Paulo, no Morumbi. “Participando desse jogo no sábado, vou ganhar um pouco de ritmo para que, em São Paulo, eu sinta menos do que nesse primeiro jogo”, acrescentou o jovem talento alvinegro.

A Federação Mineira de Futebol (FMF) já havia confirmado os jogos de ida da semifinal do Mineiro, para o estádio Independência, mas uma decisão do presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de Minas Gerais (TJD-MG), Guilherme Otávio Rodrigues, mudou a decisão da FMF. O TJD aceitou liminar do procurador-geral Antônio Augusto Mesquita Fonte Boa, que alegou que inverter o mando de campo é ilegal. Villa Nova e Tombense são mandantes nos jogos de ida contra Cruzeiro e Atlético-MG, mas fizeram um acordo com os clubes da capital para jogarem no Independência, prevendo renda maior. De acordo com o

entendimento de Fonte Boa, a inversão do mando de campo caracteriza infração ao regulamento do Mineiro. “Os jogos deveriam ter sido marcados para Tombos e para Nova Lima. A não ser que haja algum recurso dos clubes ou até mesmo da Federação Mineira, Belo Horizonte não receberá jogos neste fim de semana”, disse Fonte Boa, em entrevista à Rádio Itatiaia. Curiosamente, com a mesma alegação de Fonte Boa, a FMF não permitiu que o Villa Nova atuasse no Mineirão na partida contra o Cruzeiro pela fase de classificação do Estadual, mas aceitou que a inversão de mando de campo fosse realizada na semifinal.


10 esporte

Flamengo treina para encarar o Bela Vista

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Goleadas marcam a rodada do Soçaite do EOC

Luciano Eurides

Luciano Eurides

LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

O Flamengo categorias 98 e 99 treinaram no estádio Mendes Mourão, local onde tem o próximo compromisso, pela Taça Pará de Minas de Futebol. A categoria 99 teve o desfalque de Vanderlan, o treinador está de dengue. Paulinho que é o treinador da categoria 98 fez a dupla função, Zezé comandou o treino da categoria 2000. Na categoria 99, o time do Flamengo mostrou uma importante evolução em vários setores, especialmente no ataque pela esquerda. Bruno fez jogadas inteligentes e mostrou ser uma arma de habilidade para os próximos jogos, tanto contra o Bela Vista da cidade de Cláudio, pela Taça Minas Gerais, quanto pela competição do Instituto Mineiro de Escolinhas de futebol, contra o Gol Brasil, dia 4 de maio. A categoria 98 treinou com 16 atletas, sendo Kaio (99) e Gustavo Bueno (97) reforçando o elenco. Romenigue e Denildo treinam de manhã. Talles Gaucho treinou, mas ainda correndo um pouco

travado da contusão no joelho e a expectativa é que esteja 100% para o compromisso pela Imef. Já pela Taça Pará de Minas depende do treinamento apronto da tarde de hoje para a definição da equipe. O atacante Bruno fez um excelente treino, um trabalho muito interessante pela esquerda conduzindo a bola sempre para dentro da área onde as situações de gols eram sempre perigosas. “Eu tenho de fazer isso todo treino sendo o trabalho dos atacantes”, disse ele e garante que vai contar ao treinador Vanderlan o bom treino com o treinador Paulinho. “Vou falar com ele para ficar de olho em mim e quem sabe surja mais uma oportunidade. O treinador vai trabalhar especificamente para a partida e a saída é usar a linha de fundo, temos de trabalhar mais a bola no chão”, disse Bruno. Na categoria 2000 Zezé recebeu um grande número de jogadores e teve dificuldades para colocar todos para treinarem em tempo igual, fica para hoje o treino apronto da equipe que enfrenta o Bela Vista de Cláudio.

Jogos do Campeonato do EOC cada vez mais acirrados LUCIANO EURIDES

luciano.eurides@gazetaoeste.com.br

O Campeonato de Futebol Soçaite do Estrela do Oeste Clube (EOC) teve goleadas em todos os jogos, foram marcados 20 gols, em três jogos. O artilheiro, Bruno Tonelle da Da Vinci, teve dois gols marcados. Já Phillipe Salles continua artilheiro da competição com oito gols. K-Tispero Lanches / Bikewear perdeu por 6x1 frente a Da Vinci / Oxigênio Divinópolis. Marcaram para a Da Vinci Bruno Tonelli (2), Daniel Lara, Fredinho, Iury e Túlio. Já para K-Tispero Caio fez o gol de honra. A Cimcal / Verona goleou por 4x2 a Cromia Rótulos e Embalagens. Marcaram para a Cimcal, Jáder, Paulo Jatobá, Pedro Chula e RoEquipe do Flamengo se prepara para jogo importante pela Taça Pará de Minas.

Equipe SESI Atleta do Futuro Divinópolis se destaca na Copa Pitangui de Handebol

Divulgação

Equipe divinopolitana de Handebol em mais uma excelente participação em torneio regional.

Nos dias 19, 20 e 21 de abril foi realizada a Copa Pitangui de Handebol, na cidade de Pitangui. A Escola de Esportes SESI Atleta do Futuro de Divinópolis participou da competição com quatro categorias adulto e júnior feminino e masculino. O adulto feminino perdeu as duas partidas na fase classificatória para Pitangui e Arcos e foi eliminado na primeira fase, destaque para a goleira Danielly Aparecida Batista Rodrigues que fez defesas espetaculares nos jogos.

O adulto masculino perdeu o primeiro jogo para Carmo da Mata 34 a 18 e venceu o Social por 1x0, na disputa de Terceiro lugar no primeiro tempo a abriu oito gols de vantagem sobre a equipe de Pitangui que não resistiu a experiência e perdeu o jogo por 26 a 23 ficando com o quarto lugar. A técnica Jordana Mondayle recebeu o troféu de melhor técnica nessa categoria. O Júnior masculino na fase classificatória perdeu o primeiro jogo para a A.A. Internacional por 24 a 10 e venceu a grande

equipe de Pitangui por 16 a 15, disputando o terceiro lugar contra a Equipe de Ibirité, vencendo a partida por 1 x 0. O destaque da equipe de Divinópolis foi o atleta Luiz Henrique de Medeiros tanto na defesa quanto na eficiência do ataque. Já a equipe feminina Júnior venceu as duas partidas na fase classificatória contra a equipe A.A. Internacional por 14 a 10 e a equipe de Pitangui por 21 a 15, na grande final a equipe teve bastante dificuldades no início do jogo onde a A.A. Internacional abriu

10 gols e a equipe não conseguiu recuperar o placar perdendo por 25 a 13, ficando com o segundo lugar. Destaque para Joana Darc Tatiane Pinto artilheira da competição. Segundo a técnica das equipes Jordana Mondayle o Handebol de Divinópolis vem evoluindo muito e hoje é respeitado e conhecido na região, o trabalho desenvolvido é a longo prazo e vamos colher bons frutos nos próximos campeonatos que participarmos.

bert. Para a Cromia descontaram Alex e Marco Túlio. Masterçucar/ Precred goleou por 5x2 a Cofepe / Gerais Imobiliária. Marcaram os gols Breno Hulk, Fabrício (Contra), João Paulo, Marcelinho, Phillipe Sales. O artilheiro da categoria adulto é Phillipe Sales da Masterçúcar/Precred que tem oito gols. Com quatro gols marcados estão Tony Nobre e Murilo da k-Tispero Lanches / Bikewear, ainda Bruno Tonelli e Leandro Greco, ambos Da Vinci/Oxigênio Divinópolis. Os resultados na categoria veterano: A Fiber 2x1 Cimento Minas / Primavinil / Divichapas, Mart Minas 3X7 Loja Elétrica Catedral / Unimed / Nat Contábil, Lugar Seguros / Max Shop / Minauto 1X5 Confiança Seguros, Inal 3X1 Bell Temper.

Classificação adulto CLAS. Nº PON- N U M E - N U M E - SALDO N º G O TOS GA- R O J O - RO VITÓ- GOOLS OLS PRO NHOS GOS RIAS DA VINCI / OXI- 1º 8 4 4 13 17 GÊNIO DIVINÓPOLIS MASTERÇÚCAR 2º 6 4 3 8 18 / PRECRED 6 4 3 4 14 K - T I S P E R O 3º LANCHES / BIKEWEAR 2 4 1 -4 10 COFEPE / GE- 4º RAIS IMOBILIÁRIA 2 4 1 -8 12 CIMCAL / VE- 5º RONA CROMIA RÓTU- 6º 0 4 0 -13 5 LOS E EMBALAGENS Categoria adulto EQUIPES CLAS. Nº PON- N U M E - N U M E - SALDO N º G O TOS GA- R O J O - RO VITÓ- GOOLS OLS PRO NHOS GOS RIAS CIMENTO MI- 1º 8 5 4 9 18 NAS / PRIMAVINIL / DIVICHAPAS LOJA ELÉTRI- 2º 8 5 4 7 20 CA CATEDRAL / UNIMED / NAT CONTÁBIL FIBER 3º 6 5 2 1 11 5 5 2 -1 13 CONFIANÇA SE- 4º GUROS MART MINAS 5º 5 5 2 -3 20 INAL 6º 3 5 1 -1 9 BELL TEMPER 7º 2 5 2 1 9 L U G A R S E - 8º 0 5 0 -13 9 GUROS / MAX SHOP / MINAUTO EQUIPES

Nº GOO L S CONTRA 4 10 10 14 20 18

Nº GOO L S CONTRA 9

13

10 14 23 10 8 22


polícia 11

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Acidente no bairro Porto Velho deixa trânsito lento próximo a praça Dulphe Pinto de Aguiar Caminhão colidiu com um Voyage quando entrava na rotatória da praça Dulphe Pinto de Aguiar. O carro foi arrastado até bater em um poste. Ninguém se feriu no acidente Erik Ullysses

Caminhão quase não teve danos. O local ficou cheio de curiosos e o trânsito esteve lento. Erik Ullysses

erik.ullysses@gazetaoeste.com.br

Um acidente no início da tarde de ontem (24) na praça Dulphe Pinto de Aguiar, bairro Porto Velho, deixou o trânsito tumultuado, além de ter chamado a atenção de quem passava pelo local. Ao entrar na rotatória da praça, um caminhão colidiu na lateral es-

querda de um Voyage, que acabou sendo arrastado até se chocar com um poste. O carro era dirigido por uma senhora de 60 anos. Apesar do susto, e do estado que o carro ficou, ninguém se feriu. De acordo com o tenente Wellington Campos Silva, os dois veículos faziam a conversão na rotatória, quando o caminhão acabou por atingir o carro. “As

informações que nós obtivemos é que essa senhora estava à direita do caminhão e ao realizar a conversão aqui na praça ela foi abalroada pelo lado esquerdo, sendo arrastada até colidir com o poste, onde parou” explicou. Segundo ele, testemunhas contaram que o caminhoneiro não avistou o carro no momento em que entrava na rotatória.

Carro foi arrastado pelo caminhão até colidir no poste. Apesar do estado que ficou o carro, a condutora não se feriu

Iara Ferreira, de 60 anos, que dirigia o Voyage, placa GQY-1981, reforçou o que foi dito pelo tenente Wellington, e explicou que mostrou a seta indicando que iria entrar na rotatória. “Eu e o caminhão estávamos vindo. Ele a minha esquerda e eu a direita, dando seta para entrar quando ele entrou junto comigo. O caminhão foi chegando. Aí pensei: ‘Nossa o

Praças da Catedral e do Santuário receberão novo projeto de segurança Objetivo é que tenha um tenente responsável por manter contato com a população e com os comerciantes em cada uma delas A Polícia Militar adotará novas medidas com o objetivo de aumentar a segurança nas principais praças da cidade. Devido ao número de delitos cada vez mais crescentes nestes locais, as praças da Catedral e a do Santuário receberão um novo projeto implantado pela PM. O projeto consiste em um maior contato entre a Polícia Militar, moradores e comerciantes da localidade. Segundo o comandante do 23° BPM, o tenente coronel Marcelo Carlos, o projeto está a cargo do capitão Alexander e dos Militares que compõem a 53ª Cia. Ele contou que a PM adota estas medidas como forma de setorizar os pontos da cidade e que cada uma das praças contará com um tenente específico que ficará em contato direto com as pessoas que habitam as imediações. “Nós estamos buscando priorizar alguns setores, que identificamos através das nossas estatísticas, que merece uma atenção por parte da Polícia Militar. Então, a 53ª Companhia, na pessoa do capitão Alexander está desenvolvendo este trabalho nas duas principais praças da cidade, onde ocorrem grandes problemas e tem grande fluxo de pessoas e de veículos. Pra cada praça dessas terá um tenente responsável.

caminhão bateu na minha traseira’. Aí ele foi se aproximando, bateu em minha porta e veio arrastando, até aqui. O caminhão por ser muito pesado me jogou no poste” afirmou. Ela relatou que conseguiu soltar o sinto de segurança e pulou a janela do veículo com a ajuda de um homem que passava pelo local. Na fração de segundos em que se passou o acidente, D. Iara

pensou que estava morta. Ela considera um milagre ter saído sem ferimentos do veículo, já que o mesmo ficou destruído. “O susto foi muito grande, muito grande mesmo! Na hora eu pensei que iria morrer. Os vidros começaram todos a quebrar em cima de mim, quando o carro bateu aqui no poste. Mas eu estou viva e com um alívio muito grande” falou.

Adolescente é apreendido enquanto tentava roubar a mão armada uma motocicleta Vítima chegou a entrar em vias de fato com o assaltante. O menor infrator de 16 anos estava com um revólver calibre 38 com três munições Erik Ullysses

Praça do Santuário é um dos pontos que fará parte do novo projeto da PM que visa reduzir o número de delitos nestes locais.

Ele vai visitar os moradores, os comerciantes, buscar soluções conjuntas para minimizar os problemas naquelas localidades” explicou. Os tenentes responsáveis pelas praças farão reuniões com os moradores e comerciantes para conhecer os principais problemas que cada uma das praças enfrentam. Ele ressaltou a importância do envolvimento da comunidade local para que o projeto possa dar resultados. “A mobilização é de extrema importância. A própria comunidade pode verificar uma falha na iluminação, uma poda de árvore, algum lote ou terreno que por ventura esteja preci-

sando cercar, de capinar. Tudo isso favorece a nossa segurança pública” afirmou. O comandante disse ainda que os Militares trocarão e-mails com os moradores e comerciantes, criando assim grupos que facilitarão na comunicação da população com a PM. “Serão formados grupos dentro dos sistemas de mensagens, para poder facilitar esta comunicação, o acesso a Polícia Militar por meio de denúncias, de informações” garantiu. Como o projeto está em fase implantação, precisa de um período de avaliação de seus resultados. Se for considerado satisfatório, o projeto poderá se estender para

outras praças da cidade. Enquanto isso não ocorre, a melhor forma de afastar a criminalidade das praças, de acordo com o comandante, é a população ocupando tais locais. “É importante que a população de bem ocupe as praças para evitar que o infrator ocupe. A população de bem ocupando, acionando a Polícia Militar, rechaçando o infrator, aquele usuário de drogas ou até mesmo alguns moradores de rua que estão ali para extorquir no estacionamento, com certeza melhorará o local e a praça poderá ser novamente aquele ponto de encontro, de levar as crianças, de estar com a família em lazer e descanso” concluiu. (E.U)

Adolescente foi apreendido no momento em que tentava roubar uma motocicleta no bairro Santa Clara.

No início da noite de ontem (24), por volta de 18h20, um homem foi preso no momento em que tentava roubar uma motocicleta Falcon, de cor preta, em frente a um supermercado da avenida Sete de Setembro, bairro Bom Pastor. De acordo com testemunhas, a motocicleta estava estacionada em frente ao supermercado, quando um indivíduo armado com um revólver anunciou o assalto. Em um momento de distração do assaltante, a vítima saltou sobre ele e entrou

em luta corporal. A PM informou que neste momento uma equipe do Gepmor passava pelo local e evitou que o roubo se consumasse ou alguém ficasse ferido. De acordo com a PM, o assaltante era um menor infrator de 16 anos. Com ele foi encontrado um revólver calibre 38, que estava com três munições intactas. O menor já possuía passagens pela polícia. Ele foi apreendido e encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil. (E.U)


12 geral

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13


Trocando as chuteiras pela raquete Prática do tênis se populariza e torna cada vez mais comum encontrar crianças apaixonadas pelo esporte

Philipe Lopes

Quando uma criança é questionada sobre “o que vai ser quando crescer?”, a resposta já está quase sempre formada e na ponta da língua: “Ser jogador de futebol e brilhar como os craques da atualidade”. Resposta mais que esperada, afinal estamos no país do futebol! No entanto, os tempos mudam e as respostas também. O futebol deixou de ser unanimidade entre as crianças e agora há espaço para todos os esportes e gostos. Se a resposta não for jogador de futebol, e sim tenista, muitos vão estranhar, mas o tênis conquistou um público que não para de crescer, atingindo as diferentes classes sociais. Depois do auge de Gustavo Kuerten, o Guga, o tênis ganhou muitos atletas e uma grande popularidade no Brasil, aumentando significantemente o número de adeptos do esporte. A inclusão social pode ser apontada como um dos motivos para esse fato. O projeto “Tênis para todos”, por exemplo, desenvolvido em Divinópolis, tem por objetivo oferecer aulas de tênis para crianças e adolescentes carentes. As aulas são gratuitas e acontecem no Ginásio Poliesportivo do Bairro Niterói. Rômulo Duarte, secretário municipal de Esportes e Lazer, foi o idealizador da iniciativa. O projeto “Tênis para todos” nasceu da ideia de popularizar o esporte que já foi tema de grandes discussões, devido ao fato de

ser julgado como um esporte elitizado. Ao todo, hoje participam cerca de 100 crianças, divididas entre os turnos da manhã e da tarde. O aluno Ranther Sousa é um exemplo desses atletas mirins. O primeiro contato que o garoto teve com o tênis foi no projeto e, agora, ele se destaca pela dedicação e empenho nos treinos. “Já descobrimos alunos que levam jeito para este esporte. Nós damos os primeiros passos e depois, caso os alunos desejarem aprimorar, encaminhamos para um local onde possam treinar mais vezes e crescer nesse esporte”, explica Antônio Gryllo, que trabalha como professor no projeto desde a sua instalação na cidade. Investimento Para quem pretende iniciar no esporte é necessário um investimento inicial considerável. Bolinhas, raquetes, roupas e calçados específicos farão parte dos itens básicos para a iniciação no tênis. O consultor de vendas Edson Barbosa pratica o esporte há um ano e oito meses e conta que, quando começou, teve um gasto médio de R$800 para a compra dos equipamentos. “No começo não há com não ter um gasto mais alto. Além do tênis ser um esporte em que cada jogador precisa ter seus pertences, ele não é igual ao futebol, que pode ser praticado em qualquer lugar”, conta o atleta, que largou o futebol e se iniciou no tênis depois de

Dedicados nos treinos, os atletas mirins de Divinópolis já possuem importantes conquistas em seus currículos e pretendem seguir no esporte

ter uma lesão no joelho, devido ao contato “corpo a corpo” que o futebol necessita. “O tênis é um esporte limpo, ou seja, não se aceita o termo ‘roubar’. É um jogo honesto e sem muito contato”, acrescenta o jogador, que possui outros motivos para a sua migração do futebol para o tênis. O condicionamento físico e mental foram fatores fundamentais para a mudança de esporte. “Preciso estar preparado por completo. As partidas não possuem tempo determinado, podendo durar mais de duas horas”, completa Edson. Tempo é o que os atletas mirins Felipe Coelho, Enzo Morato e Gabriel Daldegan não desperdiçam. São fortes e perseverantes quando o assunto é praticar tênis. Já participam de torneios nas cidades vizinhas de Divinópolis e são “feras” no esporte, colocando muitos adversários para suar e, no final, deixando eles não no pódio, mas sim “dentro do bolso”. ”No começo das partidas eu sempre ficava muito nervoso e ansioso, mas agora já me acostumei e sempre entro concentrado, pois sei que treinei bastante”, conta Felipe Coelho, que pratica o esporte há seis anos e considera o tênis como parte de sua vida. “Não consigo mais viver sem praticar tênis, ele já faz parte da minha rotina”, brinca o garoto, que joga tênis desde os seis anos de idade e já conquistou vitórias importantes para sua carreira. Apesar da pouca idade, já possui grandes experiências jogando com praticantes de diferentes idades. Para Adão Morato, pai do atleta Enzo, é muito importante a família apoiar e acompanhar o filho nas competições. “Acompanho as competições em que o Enzo participa. Quando não posso ir, tem uma turma daqui da cidade que ele vai junto”, comenta Adão, que também é praticante do esporte. O pai sempre levou o filho para os treinos e ainda é o maior incentivador do atleta, junto com seu filho mais velho, Yan, de 16 anos, que também joga tênis e participa dos torneios. O pai de Enzo explica que ele já é credenciado na Federação Brasileira de Tênis (CBT), podendo participar de torneios em todo o país. Já para Gabriel Daldegan a história foi um pouco diferente. Ele começou a jogar tênis depois que seu tio, que já praticava o esporte, resolveu investir e dar aulas de tênis. Antes Gabriel praticava futebol e laço de bezerro. Mas, agora, não troca o tênis por nada. Para o atleta mirim, ter dedicação e focar nos treinos é fundamental para alcançar os re-

O número de praticantes do tênis tem aumentado anualmente na cidade, em consonância com o crescimento da prática em todo o país

sultados. “Meus pais me ajudam e incentivam. Gosto muito de trazer resultados bons para eles. Ter dedicação nos treinos é essencial. Se você vai bem nos treinos, com certeza no jogo você também se sairá bem”, explica Gabriel, que sempre participa dos torneios do clube onde ele pratica o esporte. Benefícios Durante todo o ano acontecem etapas e campeonatos em várias cidades, como Belo Horizonte, Sete Lagoas e Divinópolis. “De dois em dois meses vamos a

Belo Horizonte participar de jogos com atletas do Brasil inteiro”, conta Enzo, que indica o tênis para todas as pessoas que têm vontade de jogar. “Além de ser um esporte fantástico, ele ajuda na saúde e qualquer pessoa pode praticar. É um esporte adaptável”, acrescenta. Nesta adaptação já é possível ver resultados. Moisés Reis, que atualmente é professor e instrutor de tênis em um clube de Divinópolis, já trabalhou em Belo Horizonte com atletas paraolímpicos que hoje são

campeões. “Já dei aula para cadeirantes que puderam participar das Paraolimpíadas de Londres”, conta o instrutor, que trabalha há 18 anos na área e já ganhou vários prêmios e títulos. “Me sinto orgulhoso de ver onde meus ex-alunos, com quem pude compartilhar algum conhecimento, estão, e saber que muitos deles já brilham no mundo do tênis”, se emociona o instrutor, apaixonado pela profissão. Para quem se interessou pelo esporte, a nossa reportagem fez uma cotação dos preços dos equipamentos básicos para quem deseja iniciar no esporte. A pesquisa foi realizada nas lojas da cidade. A dica é “pesquisar bem os preços e marcas antes de efetuar as compras, pois a variação de preço é bem grande de uma marca para outra”, explica o vendedor Túlio Santo, que há três anos trabalha em uma loja especializada em materiais esportivos.

Reportagem produzida pelos alunos do curso de Jornalismo da Faculdade Pitágoras Divinópolis/MG: Bárbara Almeida e Philipe Lopes (3º período) Fotos e Infográfico: Philipe Lopes (3º período) Edição e Supervisão: Professor Ricardo Nogueira (MG 11.295 JP)


02 Variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Marco Aurélio Braga braga.marco@gmail.com

Na Playboy

Milhões

Depois da blondie Cláudia Silva ter causado frisson com a publicação de sua nudez, a edição de abril da revista Playboy trouxe várias páginas com ensaio fotográfico da bela modelo, também divinopolitana, Gabriela Milagre. Morena, alta e com 26 anos, ela mora na cidade de Kiel, na Alemanha há vários anos e também já foi “coelhinha” da Playboy alemã no ano passado. Formada em Física pela Universidade Federal de Viçosa, Gabriela estrela várias campanhas internacionais, inclusive uma da marca Cadilac, em Twain. A divinopolitana mantém a boa forma praticando Kung Fu, é casada com o europeu Falk Rühlmann e é filha de José Fernandes Milagre, que mora em Divinópolis.

O empresário divinopolitano Ricardo Nunes, dono da Ricardo Eletro, foi assunto da mídia, esta semana, que noticiou seu interesse na aquisição de uma rede varejista do Nordeste, com faturamento na casa dos R$ 500 milhões. Segundo a matéria, veiculada no site Relatório Reservado - Negócios & Finanças, ele quer fechar o negócio até o final de abril. A modelo divinopolitana Gabriela Milagre fez belo ensaio fotográfico para a revista Playboy deste mês

Ouro Preto A presença de Adélia Prado foi confirmada na nona edição do Fórum das Letras de Ouro Preto, que será realizado entre os dias 29 de maio e 2 de junho, durante o feriado de Corpus Christi, um dos eventos mais concorridos na cidade. Este ano o evento terá como tema “Literaturas de Origem”. Para mais informações, acesse www.forumdasletras.ufop.br.

Em Beagá Nesta sexta-feira (25), a partir das 20 horas, o presidente da Sociedade Orquidófila de Belo Horizonte, Euro Magalhães recebe autoridades e convidados para o evento de abertura da 4ª Exposição Oficial de Orquídeas e a 19ª Exposição Nacional da Cattleya Walkeriana. Entre as presenças confirmadas para o coquetel, que é fechado para convidados, está a primeira dama de Belo Horizonte Regina Lacerda, o secretário de Estado de Turismo, Agostinho Patrus Filho, o deputado federal Isaías Silvestre, o deputado estadual Vanderlei Miranda, além de orquidófilos do Japão e de várias partes do Brasil. Este ano, o evento tem como patrono o ex-deputado estadual Agostinho Patrus, que dará nome ao troféu que será oferecido ao vencedor de uma das categorias de plantas premiadas, durante um concurso que acontecerá entre os orquidófilos participantes. Regina Lacerda também dará nome a um dos troféus.

Kiko Lara na Polaroide

Mais um

Wandinho Sousa e Mauro Riuji em merecidas férias pela Rota 66, nos Estados Unidos

Os irmãos Eliane e Flávio Mourão estão em NY conferindo a primavera na América

Quem não pôde conferir o sucesso da apresentação da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais com a participação especial do maestro divinopolitano Túlio Mourão, em Ouro Preto, na entrega da medalha da Inconfidência, poderá conferir o espetáculo, desta vez na capital mineira. O projeto “Concertos no Parque” irá promover mais uma sessão musical, desta vez, no Parque Municipal Américo Renné Giannetti, no Centro de Belo Horizonte. O repertório terá parte da produção contemporânea da música mineira, e incluirá obras do próprio Mourão, além de Georges Bizet, Dorival Caymmi e Tavinho Moura. O concerto terá regência do maestro convidado Lincoln Andrade. O evento será às 10 horas da manhã deste domingo (28).

A visita vai embora e voce continua fazendo sala. MG | Divinópolis: Rua Goiás, 219 - Centro - 3221-9466

A vida merece um sofá Lider.


Variedades 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Convite No início da próxima semana serão distribuídos os convites para a festa de 20 deste diário. O passaporte para o evento foi criado pela Onda 3 e é o prenúncio do que aguarda os convidados dos irmãos Fernando e Leonardo Rodrigues, proprietários da Gazeta do Oeste. Políticos, empresários e nomes que acompanham a trajetória meteórica do jornal irão viver bons momentos em noite que promete ficar marcada no calendário social dos grandes eventos da região. Depois eu conto!

Tuca e Bezerro, mais uma boa parceria nos camarotes da Fenacer

Na festa Eberty Salles está na cidade cuidando dos últimos detalhes de sua assessoria ao espaço que promete ser um dos mais concorridos da edição 2013 da Fenacer. Este ano haverá o “Bar do Rock”, da Budweiser, que terá um palco alternativo e um estúdio fotográfico; o “Bar da Boa”, da Antártica, com roda de samba e praça de alimentação e o “Pavilhão do Chopp”, da Brahma, que terá a Banda Cavalinho (Blumenau) e concurso de chopp em metro.

Outono Será neste domingo (28), mais uma edição do projeto Concertos Quatro estações 2013, da Orquestra Cordas & Sons. Intitulado “Outono”, o espetáculo será às 19 horas no Teatro Usina Gravatá.

Angélica e Homero Brasil na Praça Vermelha, em Moscou

Dolores Duran Logo mais, às 20 horas, o Teatro Usina Gravatá será palco do espetáculo “Bigha Maia canta Dolores Duran”. O evento, imperdível, é produzido por Nelson Porto, que também assina o cenário.

Reunião

Júlia Rocha e Giovanna Figueiredo

Nesta sexta-feira (26), às 17 horas, haverá uma reunião no Plenarinho da Câmara Municipal de Divinópolis, na pauta o início das discussões sobre a reforma e melhorias no quarteirão fechado da rua São Paulo.

Av. Antonio O. de Moraes, 324


04 Variedades

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Horóscopo

Novelas Flor do caribe Globo - 18h Alberto combina com Gonzalo a viagem ao Brasil para prender Cassiano. Candinho

É hora de cortar os excessos e tudo o que já não interessa nos diversos setores da sua vida. À noite, respeite a sua necessidade de silêncio, reflexão e recolhimento.

pergunta a Guiomar se ela sabe quem é seu pai. Ester permite que Taís pegue Samuca para passar a tarde com Cassiano. Guiomar promete ajudar Veridiana

A Lua deixa você mais sensível às necessidades dos outros, favorecendo a sua interação com as pessoas que fazem parte do seu convívio. No romance, deixe de lado a sua individualidade e fortaleça os laços.

a encontrar Maria Adília. Marizé revela a Donato que o ama e que sentiu sua falta durante sua estada na prisão. Mila demonstra não gostar da aproximação de Juliano e Natália. Alberto telefona para

A Lua indica que você deve se concentrar no trabalho de rotina. É um bom momento para se aprofundar nos assuntos do seu interesse.

Quem trabalha com esporte ou atividade competitiva terá o estímulo das estrelas. Bom dia para estreitar o seus laços de afeto.

O foco de suas atenções vai se concentrar na família e no ambiente doméstico, por isso quem trabalha em casa ou por conta própria terá um dia muito mais produtivo.

Ester, e Cassiano atende em seu lugar.

guerra dos sexos Globo - 19h A emissora ainda não divulgou o penúltimo capítulo da novela.

salve jorge Globo - 21h

Graças à sua apurada percepção, você poderá descobrir as coisas antes dos outros. Convém falar menos e observar mais. Este é um bom dia para intensificar os contatos com a pessoa amada.

Não faltará determinação nem tenacidade para melhorar a sua situação financeira. Tudo indica que terá uma maior percepção do valor das coisas e do seu valor.

Rosângela conta para Wanda que viu Morena no aeroporto e ela se apressa para

A Lua Cheia transita pelo seu signo, trazendo à tona o seu estado emocional. Neste dia, Marte pode desafiar você a pensar mais no bem-estar de quem ama do que no seu próprio bem-estar.

Helô e mexe nos embrulhos que ela compra. Lívia manda um DVD com imagens dela e de Théo juntos para Érica. Áurea na audiência contra Lívia. Lena fica contrariada por ter que depor contra Théo. Nunes não concorda que Aída entre na Justiça contra Carlos. Celso questiona Deborah sobre Wanda. Ekran orienta Ayla a

Um acontecimento inesperado vai lhe mostrar que é importante aceitar a ajuda que os outros oferecem. O astral é dos mais benéficos nos assuntos do coração.

esperar Zyah na caverna. Wanda liga para Aisha. Théo e Lívia se encaram na frente do juiz. Pescoço implora que Vanúbia fale com Delzuite e o defenda. Lucimar vê um homem estranho e comenta com Neuma.

Hoje, você não vai se contentar com pouco, por isso não tenha preguiça! Sua determinação e tenacidade podem fazer a diferença.

Wanda manipula Aisha e consegue mais dinheiro. Farid afirma que a nora deveria dançar no restaurante de Cyla. Ayla vê Zyah e Bianca se beijando. Começa a audiência e Lívia esboça um sorriso para

A Lua transita pela Casa da Fé, razão pela qual você deve seguir as suas convicções. Tudo o que envolva os estudos será favorecido. Nem mesmo a distância poderá prejudicar a vida a dois.

Após o beijo de Vitor em Fatinha, Lia vai embora e Ju segue atrás da amiga. Fatinha tenta convencer Bruno a ficar. Nando e Gil tocam para reanimar a festa. Lia compreende a intenção de Vitor ao beijar Fatinha e acaba contando toda a história para Ju. Vitor tenta explicar sua atitude para Bruno. Fatinha sofre pelo ex-namorado. Pilha e Fera tentam animar Orelha, que decide gravar um pedido de desculpas para Morgana. Ju incentiva Bruno a ficar com Fatinha. Vitor pede desculpas a Fatinha e consola a amiga. Tizinha e Nando tentam convencer Morgana a perdoar Orelha. Lia vê a moto de Vitor parada em frente ao hostel e desconfia. Cezar, professor de patinação, estimula Orelha a seguir o esporte profissionalmente. Robson surpreende Marcela com a carta da suposta admiradora secreta de Mathias na mão. Lia e Bruno veem Vitor e Fatinha saírem juntos do hostel.

Carrossel SBT - 20h30

Os convidados da festa comentam sobre a fantasia de Cirilo. Mário afirma que Maria Joaquina está com ciúmes de Cirilo. A patricinha diz que a fantasia de Cirilo não tem nada de mais. Larissa, a aniversariante, dança com Cirilo. Maria Joaquina os observa de longe, a menina está decepcionada. Jorge vai até Cirilo e pergunta o que ele fez para Maria Joaquina e o empurra. Cirilo conta aos pais que teve um dos melhores dias de sua vida e os ensina a dançar Rrock and Roll. Na Escola Mundial, Marcelina comenta que Maria Joaquina foi embora cedo da festa. As meninas comentam que a patricinha ficou com ciúmes de Cirilo. Jaime telefona para Valéria e conta que a avó de Davi está muito mal. Davi faz companhia para a sua avó, Sara, no hospital.

avisar a Russo. Drika abre o armário de

teme o que possa acontecer com o filho A Lua escorpiana revela o seu lado intuitivo, reservado e misterioso. No trabalho, aja com discrição e não vai se arrepender. A noite requer cuidado com mentiras e segredinhos.

malhação Globo - 17h30

Théo, sem ser percebida. Os resumos dos capítulos de todas as novelas são de responsabilidade de cada emissora, estando sujeitos a eventuais alterações.

Balacobaco Record - 23h

Eduardo protege Isabel e é impedido por Álvaro de seguir Norberto com os seguranças. Catarina chora a morte de Arthur e é consolada por Lucas, mas Lígia desdenha da modelo. Osório defende Cremilda de Violeta/Vitor, que questiona a trambiqueira sobre o sequestro de Dolores. Dóris briga com a irmã por causa da cadelinha e Diva decide dar fim ao rapto. Norberto surta ao constatar que matou Arthur e deixa Arnaud preocupado. Magno decide ir atrás do vilão e Celina se apavora. Eduardo tenta amparar Isabel. Arnaud atira nos seguranças e tenta manter Norberto sob seu controle. Breno conta a Cremilda que Norberto matou Arthur. Violeta/Vitor decide ir ao casamento para noticiar a tragédia. A professora entrevista Magno, que revela seu desejo de vingança contra Norberto. Catarina teme por Lucas e pede que o jovem se afaste dela, mas o filósofo a beija. Vicente alerta Celina sobre o perigo e pede que a ex-mulher deixe o Brasil. A produtora decide levar Gabriela e se irrita com a negativa do empresário.

Gwyneth Paltrow é eleita a mais linda de 2013 pela revista People Gwyneth Paltrow já foi eleita a celebridade mais odiada de Hollywood por uma revista americana, mas outra a elegeu a mulher mais linda do mundo. A atriz está na capa da revista People que traz sua lista anual das celebridades mais bonitas. A publicação deu o primeiro lugar a Paltrow por seu “look atemporal”. Mas Gwyneth disse que todo o glamour que a cerca é da porta de sua casa para fora, pois ao lado dos filhos e do marido, ela está sempre de jeans e camiseta e sem maquiagem. O marido Chris Martin não liga para o despojamento da atriz, segundo ela: “Ele faz piada sobre isso. Quando estou produzida, ele brinca dizendo: “Uau!Você é Gwyneth Paltrow”, porque está acostumado a me

Divulgação

ver com os cabelos cheios de frizz e roupa confortável. Entre as mais belas estão também Halle Berry, Jennifer

Lawrence, Amanda Seyfried, Kelly Rowland, Jane Fone, Zooey Deschanel, Drew Barrymore e Pink.

Aos 39 anos, Nívea Stelmann ainda tem carinha de menina Com 39 anos recém-completados, Nívea Stelmann continua com carinha de menina. A atriz, que atualmente está em cartaz com a peça Batalha de Arroz num Ringue pra Dois, no Rio de Janeiro, se prepara para participar do filme Esquadrão Sofia, em que ela

será a protagonista, Sofia. A atriz tem o hábito de fazer musculação três vezes por semana, além de não abrir mão do treino aeróbico na academia. Segundo Nívea, o segredo da boa forma, é unir atividade física a uma alimentação balanceada.

Juarez de Fausto Prestupa

ciencia.estelar@gmail.com

A dor como bom sinal Vivemos em uma época que o ideal parece ser não ter dor ou sofrimentos. As mídias enaltecem as formas de aumentar o prazer e fugir da angústia. Ao mesmo tempo entidades de Medicina se empenham contra a automedicação que ocorre justamente pelo hábito das pessoas de não querer ter dor. A fuga da dor pode levar ao uso de drogas, sejam elas lícitas ou ilícitas. A dor serve como um verdadeiro e eficiente “alarme” para indicar que “algo vai mal”, mas que a estrutura de vida está funcionando bem. A dor, a febre e o pus são sinais de que o organismo está trabalhando, está se defendendo e buscando sua autorregeneração. Em Psicologia a angústia surge do conflito entre o que se deseja intimamente e o que a sociedade permite e aceita. Esta angústia psicanalítica deve ser “resolvida” ou balanceada pelo Ego e a consciência que verificam a possibilidade da realização das vontades internas e também aliviam o excessivo controle imposto pelo instinto repressor. Vejamos o caso do nascimento de um dente em uma criança ou mesmo do parto desta mesma criança. Ambos os processos ocorrem entre dores, isso é inevitável e naturalmente salutar. Observa-se que em muitas situações a dor quando ocorre não deve ser rejeitada, pelo contrário ela é positiva. Ou seja, muitas vezes a dor ou sofrimento evidenciam um processo de rearranjamento interno, uma busca de melhor acomodação das coisas, um possível processo evolutivo. Crianças muito superprotegidas física ou emocionalmente tendem a resultar em adultos frágeis. Os cães de

pedigree adoecem e morrem facilmente, mas os vira-latas podem ser atropelados, passar fome e comer restos em deterioração, mas vivem muito. Isto porque as adversidades de suas vidas fortalecem seus organismos. Esportistas precisam de exercícios muitas vezes doloridos se querem evoluir em suas atividades, aumentar massa muscular e sua resistência. Se evitamos assumir riscos que podem significar evolução, crescimento e desenvolvimento estamos tanto nos fragilizando ante à vida quanto limitando nosso futuro e possibilidades. O incômodo causado pela dor e pelo sofrimento nos faz mudar, crescer, evoluir. Tanto assim é que os grandes saltos da humanidade geralmente ocorreram ante a grande comoção social, em períodos de guerras e catástrofes coletivas. Precisamos mudar nossa forma de optar apenas por caminhos fáceis e agradáveis. Necessitamos ver a dor, o sofrimento e a angústia como nossos aliados que indicam onde devemos concentrar nossas atenções e esforços visando reduzir deficiências, limitações e imperfeições. Toda evolução, todo crescimento, todo desenvolvimento tem como companheira inevitável a dor, a angústia e o sofrimento, mas estes não são em vão e nem muito menos duradouros. É sempre um preço que vale a pena pagar. “A sabedoria de um homem não está em não errar, chorar, se angustiar e se fragilizar, mas em usar seu sofrimento como alicerce de sua maturidade.” - Augusto Cury


Editor: Cláudio Soares Divulgação

Além do Rio de Janeiro A cidade de Cabo Frio, na Região dos Lagos fluminense, se destaca por suas 19 praias de água cristalina, construções históricas de mais de 300 anos e opções para se divertir no mar ou em terra. Leia mais na página 3


02 turismo

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Compras internacionais com cartão pré-pago aumentam no ano de 2012 No último ano, os gastos de brasileiros no exterior chegaram a US$ 22 bilhões, um crescimento de 4,5%, conforme dados do Banco Central. Segundo economistas, o aumento dos gastos no exterior está relacionado com a continuidade do crescimento do emprego e da renda no Brasil. Entretanto, parte dos gastos no exterior ainda é realizado com cartão de crédito que registraram uma queda em 2012, passando de 60% para 55% do total. Essa redução se deve à alta do dólar, ao aumento da alíquota

do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) e as inúmeras vantagens na utilização dos cartões pré-pagos internacionais. Mais econômicos e seguros, os cartões pré-pagos permitem ao viajante utilizá-los em operações de saque e débito no exterior, além da possibilidade de recarregá-lo fora do Brasil. A FITTA Turismo, pioneira em franchising de agências de turismo com foco no varejo de câmbio no País, registrou um aumento de 58% na aquisição do cartão FITTA Cash Passport

Fotos: Divulgação

em comparação com 2011. O pré-pago destaca-se nas vendas de moedas como dólar que chegou a 56% de crescimento, o euro que ficou em 54%, e a libra esterlina que alcançou 49% no ano passado. “O FITTA Cash Passport é um aliado do turista, pois além de prático e seguro é aceito no mundo todo e pode ser recarregado com até 6 moedas: dólar americano, australiano, canadense, neozelandês, euro e libra esterlina”, diz Rodrigo Macedo, presidente da FITTA Turismo.

Cias aéreas

TAM – 0800 570 5700 Gol – 0800 704 0465 Webjet – 0800 723 1234 Trip – 0800 722 8747 Azul – 0800 884 4040 Passaredo – 0300 1001 777 Avianca – 0800 286 6543 Pantanal – 0800 602 5888 Tap – 0800 727 2347 American Airlines – 0300 789 7778 Pluna – 0800 892 3080 Copa – 0800 771 2672

Transporte rodoviário

Bicicleta é a melhor forma de explorar pontos turísticos na Holanda Exemplo a ser seguido pelos brasileiros, a Holanda possui proporcionalmente o maior número de ciclistas do mundo e é considerado um dos lugares mais seguros para se pedalar, pois conta com mais de 20 mil quilômetros de ciclovias e cerca de 100 rotas. A bicicleta é uma forma popular de se locomover e conhecer belas cidades como Amsterdã, Utrecht, Roterdã e Haia. Em Amsterdã, é muito fácil alugar uma bicicleta e começar a explorar a cidade. O turista pode pedalar até o Rijksmuseum, que reabriu em 13 de abril depois de 10 anos de reconstrução, e conferir obras dos antigos mes-

tres holandeses. No mesmo dia, ainda é possível ir ao Museu Van Gogh, que reabre em 1 de maio, para conferir a maior coleção de seus quadros no mundo. E, por fim, passar pelo painel “I Amsterdam” para tirar fotos. As bicicletas podem ser alugadas nos centros de várias cidades, em estações de trem, em alguns hotéis e outros locais de acomodação. Os itinerários estão disponíveis em empresas de aluguel de bicicletas e no escritório local de informações aos turistas. Além disso, é possível estacioná-las em abrigos por uma pequena quantia, ou de graça em racks encontrados em quase todo lugar.

Brasileiro viaja cada vez mais de avião dentro do país Principal motivo das viagens é o lazer, segundo o Ministério do Turismo o número de desembarques domésticos cresce mais de 70% de 2007 a 2012 O brasileiro está viajando cada vez mais de avião dentro do país. É o que mostra estudo do Ministério do Turismo (MTur), consolidado em março de 2013, com base em dados da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Em 2012, os aeroportos brasileiros registraram 85.471.710 desembarques de passageiros em voos domésticos, crescimento de 70,94% desde 2007. De acordo com o MTur, o aumento nos últimos anos foi impulsionado pelo crescimento do poder de compra da classe C, pela queda dos preços das passagens aéreas, junto com uma maior facilidade de financiamento dos bilhetes aéreos e aperfeiçoamento dos programas de milhagem. De 2011 a 2012, o crescimento no número de desembarques foi de 7,86%. Considerando as viagens domésticas que incluem deslocamentos de carro, ônibus e avião, o estudo do MTur aponta que de 2007 a 2012 o número subiu

26,3%. Em 2012, foram realizadas 197 milhões viagens. Lazer é o principal motivo das viagens. O meio de transporte mais utilizado é o carro próprio. Na região Sudeste predomina esse tipo de viagem, com 40,8%, seguida do Nordeste com 25,8% e Sul com 17,7%. As regiões que mais recebem turistas são o Sudeste, com 36,5%, seguido do Nordeste, com 30% e o Sul com 18,5%. “São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro são os estados mais receptores de turistas ao mesmo tempo em que também são os mais emissores”, explicou o diretor do Departamento de Estudos e Pesquisas do MTur, José Francisco Salles Lopes. O secretário de Políticas de Turismo, Vinícius Lummertz, acredita que o Brasil tem potencial de desenvolver ainda mais o turismo dentro do país, mesmo com a concorrência dos destinos internacionais. “Embora observemos um crescimento do emissivo de brasileiros para o exterior, paralelamente percebemos que há um aumento mais expressivo de viagens domésticas. Queremos agora é qualificar o turismo interno, para que o brasileiro passe a gastar mais dentro do

Viação São Cristovão – 3214 4090 Irmãos Teixeira – 3214 4070 Braulino – 3222 7141 Paraibuna – 3213 5347 Oeste de Minas – 3216 3530 RN – 3214 4030 Exdil – 3222 8660 Saritur – 3213 5347 Gontijo – 3222 5262 Gardênia – 3212 4911 Transimão – 3214 4156 Sertaneja – 3214 4632 Motta – 0800 777 9897

Terminal Rodoviário

(37) 3222 6666

Aeroportos

Brigadeiro Cabral 3221 3595 Pampulha – (31) 3490 2000 Confins – (31) 3689 2700 Conexão Aeroporto (31) 3224 1002

Estação ferroviária

Belo Horizonte – (31) 3279 4366

Outras entidades

Abav – (31) 3213 4565 Infraero – 0800 727 1234 Polícia Federal DivinópoBrasil”, observa. O estudo do MTur aponta que os desembarques e gastos de

turistas internacionais, no Brasil, tiveram aumento de 2007 a 2012. A receita cambial turística regis-

trou US$ 4,9 bilhões, em 2007, contra US$ 6,6 bilhões, em 2012, aumento de 34,18%.

lis – 3216 9400 Anac – 0800 725 4445


turismo 03

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13

Além do Rio de Janeiro

Fotos: Divulgação

Forte São Mateus.

A cidade de Cabo Frio, na Região dos Lagos fluminense, se destaca por suas 19 praias de água cristalina, construções históricas de mais de 300 anos e opções para se divertir no mar ou em terra. Cabo Frio, cidade da região dos Lagos no estado do Rio de Janeiro, é um daqueles lugares que encanta pela beleza e diverte pela variedade de opções de lazer. Com 19 praias, o local oferece passeios de barco, restaurantes e lojas para aqueles que não dispensam boas compras. Além disso, também há construções de mais de 300 anos que ajudam a contar uma parte da história do município. No centro de Cabo Frio, a Praia do Forte é a principal atração. De águas claras e areia branca, é o ponto que reúne mais turistas, atraídos por sua beleza, pelos diversos quiosques de comida e pela facilidade de acesso às dezenas de restaurantes e lojas em volta. O nome da praia vem da presença do Forte São Mateus, uma construção do século 17, erguida pelos portugueses para proteger a cidade de ataques estrangeiros. No forte, ainda se encontram os canhões usados pelos soldados centenas de anos atrás. Ainda no centro, outra atração histórica é o Convento Nossa Senhora dos Anjos, inaugurado em 1686. O local é um dos marcos da arquitetura colonial da cidade, abrigando ainda uma capela, um cemitério e o Museu de Arte Sacra, com imagens barrocas dos séculos 16 e 17 em terracota e madeira. Um pouco mais afastadas estão a Praia do Peró e a Praia das Conchas. De águas claras e calmas, as duas são boas opções para quem quer aproveitar a natureza de Cabo Frio sem enfrentar a badalação da Praia do Forte. Já quem quer conhecer o máximo de praias possível e com boa comodidade, pode aproveitar as várias opções de passeios de barco, que passam também por lugares como a Ilha do Japonês e

a Praia Brava, usada para a prática do naturismo. Antes ou depois de curtir uma boa praia, as compras estão garantidas na Rua dos Biquínis. Localizada no bairro da Gamboa, o local reúne mais de uma dezena de lojas que vendem roupas de banho de excelente qualidade a preços que chegam a metade dos valores cobrados em capitais como Rio de Janeiro e São Paulo. A arte também não fica de fora de um bom roteiro em Cabo Frio. Uma visita à Casa-Ateliê Carlos Scliar é essencial para quem gosta de pintura. O local expõe obras deste artista que, entre outras coisas, foi desenhista, gravurista, pintor e ilustrador. Gaúcho de nascimento, Scliar viveu boa parte de sua vida na cidade fluminense. A noite de Cabo Frio gira em torno do Boulevard Canal. Às margens do Canal Itajurú, o local é o principal ponto gastronômico do município, contando com restaurantes de comida brasileira, italiana, japonesa e francesa. As sorveterias e bares do Boulevard também são boas alternativas para os turistas. Durante um passeio no canal, é possível observar ainda as belas lanchas guardadas na marina da cidade. Para os turistas que gostam de visitar mais de uma cidade, vale a pena dar uma passada em Búzios, que fica a apenas 40 minutos de Cabo Frio. O município é um das mais visitados pelos turistas que vão à Região dos Lagos, atraídos por praias lindíssimas e pela badalação da região da Rua das Pedras, com lojas de grifes famosas e restaurantes finos. A cidade também ficou famosa por ser “queridinha” da atriz francesa Brigitte Bardot, que a visitou por diversas vezes na década de 60. Sua preferência pela cidade rendeu-lhe uma homenagem da prefeitura, que mandou construir uma estátua de bronze sua em tamanho real. A obra está exposta até hoje, no lugar conhecido como “Orla Bardot”. O único cinema da cidade também leva o nome da atriz francesa.

Boulevard Cana.

Homenagem da prefeitura a atriz Brigitte Bardot, que mandou construir uma estátua de bronze sua em tamanho real.


04 turismo

:: GAZETA DO OESTE :: DIVINÓPOLIS - QUINTA-FEIRA, 25/04/13


Edição Gazeta do Oeste - 2057