Issuu on Google+

Adobe Photoshop CS Dicas e Sugest천es de Profissionais


i

ADOBE PHOTOSHOP CS

Dicas e Sugestões de Profissionais Conteúdo Correções de Interrupções em F Como Criar um Texto Metálico Fumaça

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .1 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .3

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .7

Como Criar o Efeito de Espelho Mágico Corte Criativo de Fotografias Explosão de Luz!

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .11

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .14

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .19

Controle Total do Contraste Utilizando Duas Imagens Pintura com Luz Digital Xilogravuras

. . . . . . . . . . .23

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .27

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .30

Filtros de Fotos para Resgate

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .34

Animação em Gif: Efeito de Interpolação Como Trabalhar com o Desfoque de Lente Como Observar Através de um Vidro Gotas de Chuva

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .37 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .41

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .44

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .49

Nas páginas a seguir, os profissionais do Photoshop especialistas em fotografia, design gráfico, vídeo e Web design compartilham algumas de suas dicas favoritas. Para ver mais dicas do Adobe® Photoshop® e do Adobe ImageReady®, visite o Photoshop Expert Center: http://studio.adobe.com/expertcenter/photoshop.

Adobe, o logotipo da Adobe, Photoshop e ImageReady são marcas registradas ou comerciais da Adobe Systems Incorporated nos Estados Unidos e/ou em outros países. Windows é uma marca registrada ou comercial da Microsoft Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros países. Macintosh é uma marca comercial da Apple Computer, Inc., registrada nos Estados Unidos e em outros países. Flash é uma marca comercial da Macromedia, Inc. ©2003 Adobe Systems Incorporated. Todos os direitos reservados


1

DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS

Correções de Interrupções em F Bruce Fraser Adaptação do Real World Photoshop. Autores: David Blatner e Bruce Fraser. Bruce Fraser é co-autor da premiada série Real World Photoshop e da publicação Real World Color Management, todas lançadas pela Peachpit Press.

Esta é uma maneira simples de ajustar a exposição em incrementos de interrupção em F que consiste em um hábito comum para fotógrafos. O segredo dessa técnica é que os modos de mesclagem de camada Divisão e Multiplicação, a uma opacidade de 38%, geram um efeito muito semelhante ao clareamento ou ao escurecimento com base em uma interrupção em F completa. (Para ajustes de meia interrupção, utilize uma opacidade de 19%, para um terço de interrupção, utilize uma opacidade de 13% e assim por diante.) Neste exemplo, escureceremos a imagem com base em uma interrupção.

1. Como criar uma camada de correção de interrupção em F. Se estiver trabalhando em um arquivo simples, duplique a camada de Plano de Fundo escolhendo Duplicar Camada no menu Camada. Se estiver trabalhando em um arquivo com camadas, crie uma nova camada escolhendo Nova > Camada no menu Camada e, em seguida, pressione as teclas Command+Option+Shift+E (Mac) ou Control+Alt+ Shift+E (Windows) para mesclar o conteúdo de todas as camadas visíveis nessa nova camada e, ao mesmo tempo, deixar as camadas subjacentes intactas.

2. Como aplicar uma correção de interrupção em F global. Selecione a camada recém-criada na paleta Camadas e, em seguida, defina o modo de mesclagem como Multiplicação e a opacidade como 38%. Isso escurecerá a imagem globalmente com base em uma interrupção.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 2 Correções de Interrupções em F

3. Como Adicionar uma Máscara de Camada. A correção global faz com que algumas partes da vegetação ao longo da margem do lago fiquem escuras demais. Para eliminar a correção localmente, é necessário adicionar primeiro uma Máscara de Camada escolhendo Adicionar Máscara de Camada no menu Camada. Nesse caso, utilizamos a opção Revelar Todas, mas escolha a opção que exija a menor intensidade de pintura. Se quiser corrigir uma área pequena, será mais eficiente escolher Ocultar Todas e aplicar a correção de pintura em vez de escolher Revelar Todas e, em seguida, eliminar a correção de pintura. Observe que, quando a máscara de camada é adicionada, ela fica automaticamente indicada na paleta Canais e as cores de plano de fundo e primeiro plano são automaticamente definidas como Branco e Preto, tornando a máscara de camada pronta para edição.

4. Como restringir a correção. Com a cor de primeiro plano definida como Preto, utilize a ferramenta Pincel, definida como um pincel de arestas suaves, para eliminar a correção de pintura nas áreas em que você não deseja aplicá-la. Nesse caso, pintamos com uma opacidade de 33% para reduzir a correção ao longo da margem do lago a um terço de interrupção.

5. Como fazer testes. Essa técnica possibilita diversas variações. Depois de ter restringido a correção à área desejada da imagem, será possível variar a sua intensidade alterando a opacidade da camada. Por exemplo, se você decidir que precisa de uma correção de duas interrupções, aumente a opacidade de 38% para 76%. Também é possível fazer testes com técnicas diferentes para restringir a correção. Se a área a ser corrigida ou a área a ser protegida puder ser facilmente selecionada, será possível criar a seleção antes de adicionar a Máscara de Camada e, em seguida, utilizar as opções Revelar Seleção ou Ocultar Seleção, respectivamente. Se quiser restringir a correção a um intervalo de tons específico, poderá utilizar as opções de Mesclar Se na caixa de diálogo Estilo de Camada para limitar a correção ao intervalo de tons desejado. Para pequenas correções locais, é possível utilizar o Pincel do Histórico, com a origem definida como o estado da imagem atual, e o Modo do Pincel definido como Divisão ou Multiplicação. Esse método é particularmente útil para fazer correções delicadas com o Pincel do Histórico definido para opacidades muito baixas no intervalo de 3% a 10%.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 3 Como Criar um Texto Metálico

Como Criar um Texto Metálico Bert Monroy Adaptação do segmento mensal de Bert no show Screen Savers da TechTV. Bert Monroy é considerado um pioneiro da arte digital. Ele é o co-autor do primeiro livro escrito sobre o Photoshop. Bert é um excelente artista, professor, conferencista e escritor de diversos livros.

O efeito neste exercício é amplamente utilizado como a sombra projetada. Textos metálicos podem ser encontrados em anúncios de carros, capas de CD e logotipos de filmes. Uma rápida leitura de qualquer revista apresentará vários exemplos. Este exercício incluirá várias etapas intermediárias. Lembre-se de que o resultado final não é tão importante nesse caso: o que importa são as etapas. Essas etapas, com uma pequena alteração (como o uso de uma cor diferente), fornecerão a solução para muitas outras situações.

1. Como criar um novo arquivo. Crie um arquivo do Photoshop grande o suficiente para conter o logotipo completo que está prestes a ser criado.

2. Como adicionar um degradê. Adicione um degradê linear de cima para baixo com a Ferramenta Degradê, utilizando qualquer cor desejada.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 4 Como Criar um Texto Metálico

3. Como adicionar texto. Com a Ferramenta Texto Horizontal, digite o nome que deseja utilizar para o logotipo.

4. Como distorcer o texto. Na barra Opções do Texto, clique no ícone Criar Texto Distorcido. Neste exercício, é possível escolher qualquer efeito e intensidade desejados. Escolhi o efeito Ascensão com uma pequena porcentagem para a Curvatura. Clique em OK.

5. Como criar um demarcador. Crie um demarcador a partir do texto selecionando Camada > Texto > Criar Demarcador de Trabalho. O novo demarcador pode ser encontrado na paleta Demarcadores. A camada de texto original já pode ser descartada ou desativada. Com o uso da ferramenta Seleção Direta, o demarcador pode ser modificado para qualquer forma desejada. Pontos adicionais podem ser adicionados para criar distorções ou formas modificadas, como a parte estendida da letra “C”.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 5 Como Criar um Texto Metálico

6. Como preencher o demarcador. Quando o demarcador estiver pronto, crie uma nova camada e preencha esse demarcador com uma cor. Isso pode ser feito de diversas maneiras. Prefiro simplesmente clicar no botão Preencher Demarcador, localizado na parte inferior da paleta Demarcadores. A cor utilizada não é importante, pois ela será sobreposta mais tarde.

7. Como adicionar uma sombra projetada. Na paleta Camadas, clique duas vezes (Mac) ou clique duas vezes e pressione Alt (Win) na camada com o seu logotipo para ativar a caixa de diálogo Estilo de Camada. As etapas de 7 a 10 serão realizadas nessa caixa de diálogo. Na caixa de diálogo Estilo de Camada, escolha Sombra Projetada. Ajuste-a da maneira que desejar.

8. Como adicionar chanfro e entalhe. Clique em Chanfro e Entalhe. Escolha Cinzel Sólido para a Técnica e aumente a Profundidade.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 6 Como Criar um Texto Metálico

9. Como adicionar uma sobreposição de degradê. Selecione Sobreposição de Degradê. Clique no degradê para ativar o Editor de Degradê. Escolha o texto de degradê semelhante aos reflexos utilizados no texto metálico. Quando um degradê específico é escolhido, ele é exibido na caixa do Editor. Agora, é possível ajustar o degradê da maneira que desejar. Se você clicar nos compartimentos de tinta abaixo do degradê, poderá mover suas posições ou alterar suas cores na área de configurações. Se clicar em uma área abaixo do degradê que não possui um compartimento, um novo compartimento será inserido automaticamente. Os compartimentos dispostos acima do degradê controlam a opacidade.

10. Como ajustar o ângulo. Depois de obter o degradê desejado, clique em OK para sair do Editor. De volta à caixa de diálogo Estilo de Camada, ajuste o Ângulo de forma que o degradê cruze o logotipo no ângulo direito para simular os reflexos no metal.

11. Como Adicionar um Traçado. Por último, escolha Traçado para adicionar uma aresta ao logotipo. Clique em OK para sair da caixa de diálogo Estilo de Camada. O exercício está concluído.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 7 Fumaça

Fumaça John Paul Caponigro Adaptação da publicação Adobe Photoshop Master Class (Adobe Press). Autor: John Paul Caponigro. John Paul Caponigro é um ilustre artista reconhecido internacionalmente. Ele faz exibições, realiza palestras e dá aulas em workshops com bastante freqüência. Seus clientes incluem as empresas Adobe, Canon, Epson, Apple, Imacon, GretagMacBeth, Sony e Kodak. Para obter mais informações, visite o endereço www.johnpaulcaponigro.com.

Ela é utilizada em cerimônias religiosas. É utilizada para purificação. Está vinculada ao mundo espiritual. Torna a respiração visível. Também é sinal de perigo. O fogo a precede. É poluição. E, suspende a respiração. A fumaça é um poderoso símbolo. Em termos de composição, a fumaça é extraordinariamente flexível. Pode ser espessa ou rarefeita, pesada ou difusa, contida ou dispensa, simples ou complexa. Uma linha pode ser desenhada em qualquer direção, vinculando dois objetos ou criando um novo foco de atenção. Literalmente, é possível direcionar a visão a qualquer ponto de uma imagem ao longo de qualquer trajetória.

A complexidade e a variedade encontradas em efeitos de fumaça proporcionam um extraordinário grau de liberdade artística sem comprometer o realismo. Tendo dito isso, se você planeja incorporar esse efeito à sua obra, vale a pena estudar a aparência da fumaça no mundo real. Existe uma lógica na maneira como a fumaça se desenrola. Ela é mais estreita e vigorosa quando está próxima à sua fonte e mais difusa e tranqüila quando está mais distante. Ela se expande, se enrola e fica deformada em arcos ondulantes, raramente formando uma curva estreita. Embora possa se deslocar rápida ou lentamente, ela raramente segue uma direção descendente, movimentando-se geralmente para cima. Acho impressionante que algo tão complexo possa ser tão facilmente desenhado à mão, utilizando o Photoshop.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 8 Fumaça

1. Como desenhar e distorcer uma linha. Começando com uma camada de Plano de Fundo preenchida com preto, utilize o Pincel para pintar uma linha branca em uma nova camada de um Conjunto de Camadas denominado Fumaça. Em seguida, distorça essa linha. Utilize a Ferramenta Borrar para transferir, pressionar, torcer ou girar partes da linha branca até obter o efeito desejado. Quanto mais a linha for distorcida, mais borrada ela ficará. Utilize o Pincel do Histórico para desfazer seletivamente algumas áreas distorcidas conforme desejar.

2. Como refinar o efeito. Utilize Dissolver (Filtro > Dissolver) para criar mais distorções. Ao contrário da Ferramenta Borrar, Dissolver não gerará um desfoque com distorção. Utilize a Ferramenta Reconstruir de Dissolver para desfazer distorções seletivamente. Ao contrário do uso do Pincel do Histórico, a Ferramenta Reconstruir permite selecionar um estado de transição entre não distorcido e totalmente distorcido.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 9 Fumaça

3. Como criar um efeito mais complexo. Repita essa operação quantas vezes desejar, mantendo elementos separados em camadas distintas.

4. Como reposicionar os elementos. Utilize a Ferramenta Mover para reposicionar elementos selecionados. Utilize a Transformação Livre (Editar > Transformação Livre) para redimensionar ou distorcer elementos selecionados.

5. Como criar um halo. Desative a Camada de Plano de Fundo. Crie uma nova camada e coloque-a na parte inferior do Conjunto de Camadas Fumaça. Mantenha as teclas Option + Command (Mac OS) ou Control + Alt (Windows) pressionadas e selecione Mesclar Camadas Visíveis. Essa ação copia todas as informações visíveis de várias camadas para a camada indicada, sem achatar a imagem. Utilize o filtro Desfoque Gaussiano para borrar essa camada. Reduza a sua opacidade conforme desejar. Se necessário, repita essa operação.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 10 Fumaça

6. Como adicionar ruído (opcional). Na parte superior do Conjunto de Camadas Fumaça, crie uma nova camada preenchida com 50% de cinza, defina-a para o modo Sobrepor e filtre-a com Ruído ou Granulado. Reduza a Opacidade e a Saturação conforme desejar.

7. Como importar o efeito para um novo destino. Arraste e solte o Conjunto de Camadas Fumaça em um novo destino. Modifique a posição e a opacidade conforme desejar. Talvez seja necessário aplicar mais distorções. Os elementos em um único Conjunto de Camadas podem ser misturados e recombinados para criar vários efeitos que apresentam aparências variadas.

8. Conclusão. Para acrescentar mais realismo, é possível combinar esses efeitos com fotografias de fumaça. Qualquer arquivo com uma fumaça fotografada em um plano de fundo preto pode gerar rapidamente ainda mais um elemento (apesar de ser um elemento com um grande nível de complexidade) para o seu efeito final. Começando com a fotografia, carregue qualquer um dos seus canais como uma seleção (clique no ícone de seleção da paleta Canais). Utilizando qualquer ferramenta de seleção, arraste e solte a seleção resultante em um destino desejado, crie uma nova camada, adicione uma Máscara de Camada e preencha essa camada com branco. Redimensione e distorça essa máscara de camada e reduza a sua opacidade. Em resumo, faça modificações conforme desejar. Testes não só são necessários nesse caso, como também são muito agradáveis. Você descobrirá rapidamente que está enfeitiçado pela fumaça. Embora fique cativado por esse encantamento, perceberá que essa nova fonte de energia e poesia será introduzida em suas imagens.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 11 Como Criar o Efeito de Espelho Mágico

Como Criar o Efeito de Espelho Mágico Rick Sammon Adaptação de uma das 107 lições da obra de Rick Sammon, Complete Guide to Digital Photography, seu vigésimo segundo livro. Rick Sammon é o apresentador do evento Digital Photography Workshop na DIY Network e é um apresentador convidado do Canon Photo Safari na Outdoor Life Network. Rick também elabora a coluna de fotografias semanal para a Associated Press e dá aulas em workshops de fotografia digital em todo o mundo. Visite o endereço www.ricksammon.com.

A frase “A magia está nos espelhos” é muito popular entre mágicos profissionais. Atualmente, artistas em fotografias digitais estão utilizando espelhos, de todos os tipos, para criarem efeitos mágicos em seus monitores. Basicamente, uma imagem espelhada corresponde a uma imagem na qual um lado de uma projeção é perfeitamente espelhado (refletido) no lado oposto dessa projeção — de lado a lado ou de cima para baixo. No Photoshop, utilizamos as opções Tamanho da Tela de Pintura, Copiar e Colar para criar esse efeito. É realmente muito fácil! Esta imagem espelhada do nascer do sol no topo de uma montanha da China (onde não existem lagos) é uma das diversas imagens espelhadas cuja criação me proporcionou grande prazer. Certo! Vejamos como é fácil criar o efeito de espelho mágico no Photoshop.

1. Como começar com uma visão. A primeira etapa é começar com uma fotografia ou talvez, de forma mais precisa, com uma visão da sua imagem espelhada final. Comecei com uma fotografia do nascer do sol que tirei no topo de uma montanha da China. (Na verdade, utilizei uma cópia dessa imagem, pois nunca trabalho em meus arquivos originais — o que é uma boa idéia!)

2. Como abrir a caixa de diálogo Tamanho da Tela de Pintura. No Photoshop, podemos aumentar o tamanho da Tela de Pintura (a área de trabalho real) de uma imagem selecionando Imagem > Tamanho da Tela de Pintura. Nessa captura de tela, vemos o tamanho real da minha imagem original. Quando abrimos pela primeira vez a caixa de diálogo Tamanho da Tela de Pintura, a caixa central na grade quadriculada fica sombreada. Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 12 Como Criar o Efeito de Espelho Mágico

3. Como aumentar o Tamanho da Tela de Pintura. A próxima etapa é aumentar o Tamanho da Tela de Pintura (novamente, a área de trabalho real). Aumentamos o Tamanho da Tela de Pintura movendo a caixa sombreada para qualquer uma das outras caixas e, em seguida, digitando novas dimensões de altura e/ou largura. Como queria aumentar a altura do Tamanho da Tela de Pintura no lado inferior da minha fotografia, movi a área sombreada até a caixa central superior. Em seguida, digitei o novo tamanho da Tela de Pintura, que, para facilitar o uso, correspondeu a um pouco mais que o dobro da altura da minha fotografia original. Depois de ter praticamente dobrado a altura da imagem, minha nova área de trabalho (o novo Tamanho da Imagem) ficou semelhante a esta.

4. Como criar uma imagem virada do original. A criação de uma imagem virada do original é muito fácil. Comece utilizando a Ferramenta Letreiro para selecionar a área da imagem original, que, nesse caso, é o nascer do sol. Em seguida, selecione Editar > Copiar. Depois, selecione Arquivo > Novo. Quando o novo documento for criado, ele terá exatamente o mesmo tamanho da imagem copiada. Agora, selecione Editar > Colar. A imagem será colada no novo documento, em uma nova camada. Para virar a imagem (nesse caso, em sentido vertical), selecione Editar > Transformação > Virar Verticalmente. A imagem será virada.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 13 Como Criar o Efeito de Espelho Mágico

5. Como Criar o Efeito de Espelho Mágico. Para criar o Efeito de Espelho Mágico, utilize a ferramenta Mover e arraste a imagem virada até a área em branco da imagem original. Agora, cuidadosamente, alinhe ambas as imagens de forma que elas pareçam estar perfeitamente espelhadas. Em seguida, achate a imagem selecionando Camada > Achatar.

6. Conclusão. Uma operação opcional e divertida de se fazer com algumas imagens espelhadas verticais (também é possível criar imagens espelhadas horizontais) é criar um efeito em que a imagem original fique refletida na água. Isso é feito da seguinte maneira. Selecione a parte espelhada da imagem (metade inferior) utilizando a ferramenta Letreiro. Selecione Filtro > Distorção > Marola. Faça testes com o Tamanho da Ondulação e com a Altura da Ondulação até ficar satisfeito com o efeito obtido. Clique em OK. Agora, escolha Selecionar > Cancelar Seleção para cancelar a seleção da área na qual o filtro Marola foi aplicado. Por último, utilize a ferramenta Corte Demarcado para aparar a imagem conforme desejar. A maioria dos profissionais concorda que o Photoshop modificou não só a maneira como criamos figuras, como também a forma com que visualizamos imagens potenciais. Agora que você já conhece o efeito de espelho mágico, poderá ver excelentes imagens espelhadas potenciais em suas viagens. Boa sorte!

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 14 Corte Criativo de Fotografias

Corte Criativo de Fotografias Ben Willmore Adaptação da publicação Adobe Photoshop 7 Studio Techniques elaborada por Ben Willmore e do site www.digitalmastery.com. Ben Willmore esteve envolvido na criação de imagens digitais desde o começo dessa técnica. Ele leva os seus conhecimentos ao público por meio de seminários, conferências, livros, artigos de revistas, dicas, vídeos e produtos de treinamento em CD.

Nesta técnica, gostaria de demonstrar como utilizo imagens digitalizadas ou crio pinturas com pincéis artísticos para cortar fotografias de maneira criativa. Aviso: Está técnica causa dependência. Depois de utilizá-la algumas vezes, você poderá ficar entediado com fotografias retangulares.

1. Como digitalizar uma imagem de alto contraste. É possível utilizar qualquer imagem que contenha essencialmente preto e branco (e não muitas tonalidades intermediárias). Uma forma de criar esse tipo de imagem é derramar tinta em um papel aquarela e, em seguida, digitalizá-lo. Entretanto, para o meu exemplo, utilizei um pincel grosso, mergulhei-o em tinta preta e, em seguida, pintei em papel aquarela para criar a imagem. Quando a tinta ficou completamente seca, digitalizei a pintura como uma imagem em tons de cinza. Como alternativa, é possível pintar com um dos pincéis criativos que aparecem na parte inferior da paleta Pincéis em um documento em tons de cinza em vez de digitalizar uma imagem (embora eu ache que, no final das contas, o resultado é muito melhor com imagens digitalizadas).

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 15 Corte Criativo de Fotografias

2. Como adicionar uma máscara de camada. Agora, precisamos preparar a imagem que desejamos cortar. Portanto, abra qualquer fotografia que deseje utilizar, clique duas vezes na Camada de Plano de Fundo para alterar o seu nome e, em seguida, escolha Camada > Adicionar Máscara de Camada > Revelar Todas. Nesse ponto, a camada deve apresentar duas miniaturas de visualização na paleta Camadas. A miniatura à direita corresponde à Máscara de Camada recém-criada.

3. Como colar a imagem na máscara. Agora, vamos colocar nossa imagem digitalizada nessa Máscara de Camada. Abra a imagem digitalizada ou pintada, escolha Selecionar > Tudo e, em seguida, Editar > Copiar. Alterne para a imagem que deseja cortar. Na paleta Camadas, clique na imagem de visualização da Máscara de Camada com a tecla Option (Mac) ou Alt (Windows) pressionada para fazer com que essa imagem preencha a tela principal. Em seguida, escolha Editar > Colar. Se a imagem colada for muito grande ou pequena em comparação ao documento de destino, será necessário escolher Editar > Transformação Livre e puxar os cantos para redimensionar essa imagem.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 16 Corte Criativo de Fotografias

4. Como inverter a máscara. Em uma Máscara de Camada, a cor preta faz com que as áreas da camada fiquem ocultas, enquanto a cor branca faz com que essas áreas fiquem destacadas. Isso significa que o nosso resultado parcial ocultaria grande parte da fotografia. Portanto, escolha Imagem > Ajustar > Inverter para transformar a imagem em um negativo, fazendo com que a camada fique apenas oculta nas arestas.

5. Como ajustar a máscara. Em seguida, é preciso verificar se as áreas principais dessa imagem consistem em preto puro e branco puro. Caso contrário, será possível ver através da imagem no centro (tons de cinza = semitransparente). Para fazer isso, escolha Imagem > Ajustar > Níveis e arraste os controles deslizantes nos cantos superiores à esquerda e à direita até que a área central da digitalização atinja um branco sólido e a extremidade da imagem atinja um preto sólido.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 17 Corte Criativo de Fotografias

6. Como visualizar o resultado. Agora, para ver como tudo isso afetou a imagem, na paleta Camadas, clique na imagem de visualização da Máscara de Camada com a tecla Option (Mac) ou Alt (Windows) pressionada para ocultar a máscara e mostrar a imagem. Ela deve estar cortada de forma que somente apareça dentro do formato da tinta presente na digitalização.

7. Como criar uma textura. Acho que podemos tornar o resultado ainda mais interessante adicionando uma textura à fotografia. Como o último item copiado foi a digitalização dessa pintura, será possível escolher simplesmente Editar > Colar para obter uma nova camada contendo a digitalização original. Se, no final das contas, a imagem foi redimensionada quando colada pela primeira vez, escolha Editar > Transformação > Novamente para redimensionar essa versão com as mesmas dimensões. Depois de fazer isso, escolha Filtro > Estilização > Entalhe, utilize as configurações padrão e clique em OK.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 18 Corte Criativo de Fotografias

8. Como aplicar a textura. Nesse ponto, para aplicar a textura extraída da imagem pelo filtro Entalhe, altere o menu de modos de mesclagem na parte superior da paleta Camadas de Normal para Luz Direta e, em seguida, escolha Camada > Criar Máscara de Corte. Se isso não adicionar a textura suficiente, tente escolher Filtro > Textura > Texturizador para a camada em que o entalhe foi aplicado.

9. Como elaborar um pouco mais o resultado. Se você ainda não estiver satisfeito e desejar mais efeitos, clique na camada que contém a fotografia (e não a textura) e faça testes com as opções do menu Camada > Estilo de Camada (gosto muito das opções Sombra Projetada e Chanfro e Entalhe). Tudo isso exige apenas cerca de uma hora de tempo livre e uma rápida visita a uma loja de suprimentos artísticos para criar literalmente dezenas de formas cortadas criativas. Não se preocupe, não é preciso ser um artista. Basta derramar tinta no papel, que parecerá muito mais interessante em comparação a um trabalho de corte retangular. Mal consigo desenhar um boneco e, agora, vejam até que ponto eu cheguei. Além disso, como os pincéis criativos do Photoshop podem ser utilizados como substitutos para todos esses suprimentos artísticos, suas possibilidades são realmente infinitas.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 19 Explosão de Luz!

Explosão de Luz! Richard Harrington Excerto da publicação “Photoshop for Nonlinear Editors”, ISBN 1-57820-209-4, Copyright © 2003, CMP Media LLC. Todos os direitos reservados. Richard Harrington é um artista Gráfico e Cartunista experiente, sendo proprietário da RHED Pixel (www.RHEDPixel.com), uma empresa de comunicações visuais. Harrington possui várias certificações no seu ramo de atividade, incluindo: Apple Certified Trainer, Avid Certified Instructor e dois certificados como Especialista Certificado pela Adobe.

Procurando uma maneira de dar mais “vida” a um logotipo ou a uma abordagem de texto? As duas técnicas mais comuns para ajudar a destacar um logotipo são as opções Arestas Brilhantes ou Sombra Projetada. Elas têm como base o princípio de texto sobre padrão, que afirma que uma aresta oposta torna muito mais fácil a visualização de um objeto quando este está posicionado sobre um plano de fundo cheio ou em movimento. Mas, por que ser comum? Aplicando uma luz posterior a uma imagem, podemos deslocá-la acentuadamente do seu plano de fundo. Essa técnica funciona com quase qualquer logotipo ou abordagem de texto.

1. Como posicionar o logotipo. Posicione o logotipo no local desejado da tela. Certifique-se de utilizar um documento sem área de título se estiver trabalhando com vídeos. Se necessário, utilize ferramentas de alinhamento para centralizar o logotipo.

Observação: É possível abrir um novo documento exibindo guias sem título e sem ações. Escolha Arquivo > Novo e, em seguida, escolha um documento de vídeo predefinido que corresponda ao padrão utilizado pelo seu sistema de edição de vídeo.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 20 Explosão de Luz!

2. Como duplicar a camada de logotipo. Crie uma cópia do logotipo duplicando a camada: escolha Camada > Duplicar Camada. Nomeie a camada duplicada como Luz 1. Coloque a cópia acima do logotipo original.

3. Como criar uma explosão de luz! Aplique o Desfoque Radial à camada duplicada (Filtro > Desfoque > Desfoque Radial). Defina a intensidade como 100, o Método de Desfoque como Zoom e a Qualidade como Boa. Clique em OK.

4. Como preencher. Carregue as cores padrão pressionando a tecla D. Na paleta Camadas, carregue a camada denominada Luz 1 clicando na sua miniatura com a tecla Cmd (Mac OS) ou Ctrl (Windows) pressionada. Preencha a seleção pressionando Option + Delete (Mac OS) ou Alt + Delete (Windows). Cancele a seleção da camada escolhendo Selecionar > Cancelar Seleção.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 21 Explosão de Luz!

5. Como estender. Repita o ciclo de desfoque, carregamento e preenchimento até que os feixes de luz atinjam o comprimento desejado. É possível executar novamente o último filtro escolhendo Filtro > Desfoque Radial (o item de menu superior). Essa ação aplicará o último filtro com os valores mais recentes utilizados. No exemplo (destinado a um vídeo), repeti o ciclo três vezes para atingir minha aparência. Dependendo da resolução da composição, talvez seja necessário executar a combinação mais ou menos vezes.

6. Como colorir. Na camada borrada denominada Luz 1, aplique o estilo de camada Sobreposição de Cor escolhendo Camada > Estilo de Camada > Sobreposição de Cor. Selecione a cor desejada e ajuste a opacidade conforme desejar. Uma visualização do trabalho em tempo real será exibida se a caixa Visualizar estiver marcada. Clique em OK.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 22 Explosão de Luz!

7. Como criar a imagem. Mova a camada de brilho, Luz 1, para trás do logotipo arrastando-a abaixo da camada de logotipo na paleta Camadas. Dessa forma, os feixes de luz serão projetados para além do logotipo. É possível optar por colocar uma imagem de plano de fundo atrás do logotipo. Como opção, também é possível optar por colocar uma cópia adicional da camada de feixes de luz acima das outras camadas. Ajuste a opacidade para fazer com que a cor pareça estar disposta ao redor do logotipo.

8. Como criar uma composição (opcional). Se quiser ajustar a imagem em um aplicativo de vídeo, crie um canal alfa para armazenar a transparência do brilho: Desative o ícone de visibilidade para todas as camadas que você não deseja incluir no canal alfa. Em seguida, crie uma nova camada (vazia) e certifique-se de que ela esteja selecionada. Escolha Mesclar Camadas Visíveis no submenu da paleta Camadas enquanto mantém pressionada a tecla Option (Mac OS) ou Alt (Windows). A camada resultante conterá todos os elementos mesclados, mas os elementos originais serão descartados. Clique na miniatura da nova camada com a tecla Cmd (Mac OS) ou Ctrl (Windows) pressionada para carregar a seleção e, em seguida, desative o ícone de visibilidade dessa camada. Alterne para a paleta Canais e clique no ícone Salvar Seleção como Canal na parte inferior dessa paleta. Após a criação do canal alfa, é possível soltar a seleção escolhendo Selecionar > Cancelar Seleção. Na paleta Camadas, ative a camada de plano de fundo e preencha-a com a mesma cor do brilho. Isso garantirá que o canal alfa possua arestas nítidas evitando dados de cores dispersos nas áreas brilhantes. Certifique-se de ter apenas um canal alfa no documento. Em seguida, escolha Arquivo > Salvar como e salve uma cópia do arquivo em um formato reconhecido pelo seu sistema NLE, como o formato PICT ou TARGA. Verifique se a caixa Canais Alfa está selecionada nas opções de Salvar para que o canal alfa seja incorporado.

9. Conclusão. Essa é uma das várias técnicas para aprimorar logotipos e textos para vídeos que podem ser encontradas no livro Photoshop for Nonlinear Editors, de Richard Harrington.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 23 Controle Total do Contraste Utilizando Duas Imagens

Controle Total do Contraste Utilizando Duas Imagens George DeWolfe Adaptação de The Digital Fine Pint Workshop. Autor: George DeWolfe. www.georgedewolfe.com. George DeWolfe é Editor Sênior das revistas Camera Arts e View Camera e dá aulas em workshops sobre fotografias digitais no mundo inteiro. Estudou com Ansel Adams e Minor White e possui uma graduação como Mestre em Belas Artes, na área de Fotografia, pelo Rochester Institute of Technology. Suas publicações estão presentes em importantes coleções nacionais e pessoais.

O contraste é o principal problema técnico em fotografias. Em fotografias impressas tradicionais, o maior componente de limitação é a escala do papel, ou 5 interrupções em F de detalhes a partir do realce até a sombra. Foi por isso que o Sistema de Zonas foi inventado: para manipular a exposição e a revelação do negativo de forma a ajustar a impressão. Na câmara escura, também existem diferentes graus de contraste de papéis ou diferentes filtros de contraste variáveis para ajustar o contraste. No Photoshop, utilizo a seguinte técnica para corrigir e ajustar o contraste geral de imagens digitais. A técnica utiliza dois arquivos digitais de uma câmera digital armada em um tripé. Um desses arquivos foi fotografado para os realces e o outro, para as sombras. As duas imagens são combinadas em Camadas com o uso de uma Máscara de Camada e Curvas, formando uma única imagem perfeita que contém os realces de uma dessas imagens, as sombras da outra e uma boa mesclagem de valores de meio-tom.

1. Como combinar as duas imagens e cortar. Abra a imagem subexposta e a imagem superexposta no Photoshop. Clique e arraste (utilizando a Ferramenta Mover enquanto mantém a tecla Shift pressionada) a imagem subexposta para cima da imagem superexposta. Essa ação coloca a subexposição em uma camada em cima da superexposição (que se torna o Plano de Fundo). Na paleta Camadas, selecione a Camada 1, defina o Modo de Mesclagem como Diferença e, se necessário, alinhe as duas imagens com a Ferramenta Mover.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 24 Controle Total do Contraste Utilizando Duas Imagens

Corte as imagens nesse momento. (O corte das imagens na primeira etapa as manterá alinhadas se a Camada 1 tiver sido movida pelo menos com um mínimo grau de deslocamento.) Salve a imagem (Arquivo > Salvar como) com o nome Combinação e feche as duas imagens originais sem salvá-las. Retorne para o Modo de Mesclagem Normal.

2. Como criar uma Máscara de Camada e colar e camada de plano de fundo nessa máscara. Em Combinação, crie uma Máscara de Camada (Camada > Adicionar Máscara de Camada > Revelar Todas) na Camada 1. Selecione a Camada de Plano de Fundo (Selecionar > Tudo) e Copie (Editar > Copiar). Mantenha a tecla Option/Alt pressionada e clique na Máscara de Camada (a janela do documento deverá ficar branca). Cole a Camada de Plano de Fundo (Editar > Colar) na Máscara de Camada (ela será colada como uma máscara em Preto e Branco).

3. Como criar uma nova janela. Selecione Janela > Organizar > Nova Janela para Combinação.psd de forma a ver os efeitos da máscara. Não será possível ver a figura real, pois você está trabalhando na máscara. É por isso que a Nova Janela foi criada.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 25 Controle Total do Contraste Utilizando Duas Imagens

4. Como desfocar a máscara. Clique na Máscara de Camada e aplique um Desfoque Gaussiano (Filtro > Desfoque > Desfoque Gaussiano) a essa máscara até um Raio de 5 a 50 pixels. Convém aplicar um desfoque suficiente para excluir todas as texturas e detalhes.

5. Como ajustar o contraste da máscara com curvas. Selecione Imagem > Ajustar > Curvas e ajuste o contraste e o brilho da máscara até que a imagem pareça estar correta na Nova Janela. Nesse momento, não convém utilizar uma Camada de Ajuste de Curvas, pois você ainda está trabalhando na Máscara de Camada. Feche a Nova Janela quando terminar de fazer ajustes com Curvas.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 26 Controle Total do Contraste Utilizando Duas Imagens

6. Como achatar a imagem. Cancele a Seleção da imagem e Achate-a (Camada > Achatar Imagem).

7. Conclusão. A vantagem do Photoshop é que ele nos fornece muito mais controle no ajuste do contraste geral em comparação ao que é feito em fotografias digitais, pois podemos utilizar tanto imagens em Preto e Branco quanto imagens Coloridas. Essa técnica privilegia as suas fotografias e possibilita a fácil captura de qualquer situação de iluminação extrema.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 27 Pintura com Luz Digital

Pintura com Luz Digital Dave Montizambert Adaptação do tutorial em CD Digital Light Painting do site www.softwarecinema.com. Autor: Dave Montizambert. Fotógrafo bem-sucedido na área de publicidade comercial, Dave Montizambert é educador fotográfico/digital internacional e autor do site www.montizambert.com

A pintura com luz digital é uma eficiente técnica do Photoshop que pode ser utilizada para transformar imagens sem vida em obras de arte. Na verdade, trata-se do equivalente digital de uma técnica de iluminação fotográfica denominada pintura com luz. A pintura com luz precisa ser realizada em um ambiente relativamente escuro de forma que uma pequena fonte de luz portátil possa ser utilizada para pintar a energia da luz sobre um objeto durante uma longa exposição. Esse efeito de iluminação para pintura funciona muito bem com objetos estáticos, mas não é eficiente com objetos animados, como pessoas. A pintura de pessoas com luz geralmente produz resultados de aparência estática. A pintura de luz digital apresenta maiores vantagens em comparação a pintura com luz tradicional. Não se trata de um processo “unidirecional às cegas” — o efeito de pintura fica visível à medida que é criado, pode ser modificado a qualquer momento e não requer trabalho em ambientes escuros. Esta técnica funciona melhor com iluminação fixa e, portanto, a iluminação frontal é mais favorável. Todos os realces e todas as sombras serão criados no Adobe Photoshop.

1. Como escurecer a imagem. Abra uma versão corretamente exposta da imagem e, em seguida, escolha Camada > Nova Camada de Ajuste > Curvas. Para escurecer e nivelar o contraste da imagem, dois pontos da curva composta são alterados. O valor de realce 255, que está na extremidade superior do final da curva, é arrastado para baixo até 107. O valor 64 (o ponto equivalente a 25% próximo à parte inferior da curva, denominado “um quarto de tom”) é arrastado para baixo até o valor 14. Esses cálculos serão diferentes para cada imagem.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 28 Pintura com Luz Digital

2. Como pintar a máscara de camada. Na paleta Camadas, clique na Máscara de Camada de Curvas. Escolha preto como a cor de primeiro plano e, em seguida, pinte com uma configuração de pouco fluxo sobre a imagem utilizando o atributo de aerógrafo selecionado no pincel para criar um acúmulo gradual de preto em áreas selecionadas. Essas áreas pretas ocultam o efeito da Curva de escurecimento, permitindo que a camada da imagem de plano de fundo de exposição normal seja exibida. Para manter a iluminação pintada realmente com arestas suaves, utilizei uma pressão de fluxo de 5% ou menos para o aerógrafo de forma a obter um acúmulo gradual. Essa técnica de pintura com luz digital faz com que você pareça estar pintando luz diretamente no objeto!

3. Efeitos adicionais. Observe como a pintura digital proporciona à imagem uma aparência delicada marcante. Para pressioná-la ainda mais nessa direção, geralmente adiciono os seguintes recursos: Suavização: Filtro > Desfoque > Desfoque Gaussiano > Raio — Utilizei 7 pixels nesta imagem de 2587 x 1896 pixels. Efeito de granulado: Filtro > Ruído > Adicionar Ruído > Intensidade 21 > Distribuição: Gaussiana > Monocromático. Efeito de desvio de cores para vermelho azulado: Crie uma Nova Camada de Ajuste selecionando Camada > Nova Camada de Ajuste > Curvas. Na caixa de diálogo Curvas, selecione o canal vermelho. Arraste 194 até 208, 128 até 160 e 64 até 88. Selecione o canal azul e, em seguida, arraste 125 até 153.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 29 Pintura com Luz Digital

4. Conclusão. A pintura com luz digital é um marco em termos de criação na histórica fotográfica, pois transforma o Adobe Photoshop de uma ferramenta de pós-produção em uma ferramenta de iluminação. Capturamos imagens de nossos objetos digitalmente e as abrimos imediatamente no Photoshop para iniciar a pintura com luz enquanto o objeto ainda está presente e o cenário ainda está ambientado. Isso evita compromissos porque podemos tentar ajustar o cenário, o objeto ou a iluminação e recapturar a imagem, se necessário. Pintar pessoas com luz no Adobe Photoshop é um exemplo perfeito de aprimoramento digital em uma técnica tradicional. Ela proporciona total liberdade para capturar objetos vivos em movimento, com todas as suas expressões e temperamentos, e ainda criar a pintura artisticamente com um efeito de iluminação. Agora que posso criar um resultado superior com muito menos esforço e trabalho e ainda revelá-lo de forma muito mais rápida, é difícil imaginar a pintura com luz tradicional.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 30 Xilogravuras

Xilogravuras Sherry London Adaptação dos cursos on-line de Sherry London sobre o Photoshop, fornecidos pela instituição Education to Go (http://www.ed2go.com). Sherry London (http://www.sherrylondon.com) é escritora de vários livros sobre os produtos Photoshop, Illustrator, Painter e After Effects, incluindo a publicação Photoshop 7 Magic com Rhoda Grossman. Também escreve textos para a revista Photoshop User e dá cursos on-line sobre o Photoshop para a instituição Education to Go (http://www.ed2go.com).

A aparência da xilogravura sempre foi popular. Essa técnica é comum no Illustrator, mas pode ser feita também com muito mais facilidade e rapidez no Photoshop. É possível descobrir várias maneiras de alterar e adicionar recursos nessa técnica, mas veja como criar uma imagem de xilogravura básica utilizando uma fotografia como a imagem base.

1. Como preparar a imagem. Escolha Imagem > Duplicar > OK para criar uma cópia da imagem original. Nunca trabalhe na imagem original — trabalhe apenas na cópia. Nesse momento, é possível fechar a imagem original e deixar a cópia aberta.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 31 Xilogravuras

2. Como preparar as camadas. Arraste a camada de Plano de Fundo da imagem até o ícone de Nova Camada na parte inferior da paleta Camadas. A nova camada é denominada Cópia de Plano de Fundo. Clique duas vezes no nome da camada na paleta Camadas e substitua o nome padrão por camada Xilogravura.

3. Como alterar o Modo de Mesclagem. Altere o Modo de Mesclagem da camada Xilogravura de Normal para Multiplicação clicando na palavra “Normal”, na parte superior da paleta Camadas, e selecionando Multiplicação no menu suspenso. A imagem parece escura, mas, alterando o modo para Multiplicação nesse ponto, será possível visualizar melhor os filtros e os comandos que serão utilizados.

4. Como aplicar a Alta Freqüência. Escolha Filtro > Outros > Alta Freqüência e defina o Raio como 1,6. Clique em OK. Utilizo essa configuração sistematicamente porque ela preserva grande parte dos detalhes na imagem. Por causa do modo Multiplicação, o filtro Alta Freqüência não é realmente percebido na imagem. Entretanto, esse filtro transformou a camada Xilogravura em uma imagem em tons de cinza com pouco contraste.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 32 Xilogravuras

5. Como alterar a camada Xilogravura para preto e branco. Escolha Imagem > Ajustar > Limiar. O Nível do Limiar padrão é 128. Essa intensidade poderia ser aceita, mas, geralmente, prefiro cortar a intensidade de preto sobre a imagem em não mais de 127. Arraste o controle deslizante de Nível do Limiar até 127 e clique em OK. Essa etapa cria de fato a aparência de xilogravura. O modo de mesclagem Multiplicação permite visualizar e julgar o resultado na imagem. Quanto mais o Nível do Limiar for reduzido, menor será o nível de “xilogravura” visualizado.

6. Como desfocar o Plano de Fundo. Na paleta Camadas, torne a camada de Plano de Fundo ativa clicando na sua miniatura. Escolha Filtro > Desfoque > Desfoque Gaussiano com um Raio de 6,3. Clique em OK. Ajuste essa configuração para as suas próprias preferências com base no grau de suavidade desejado e no tamanho da imagem. Imagens com tamanhos maiores precisam de um raio maior para obter o mesmo grau de suavidade.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 33 Xilogravuras

7. Conclusão. Essa técnica possibilita uma enorme quantidade de ajustes! É possível alterar completamente a imagem no plano de fundo porque a xilogravura determina os detalhes dessa imagem. O comando Níveis pode ser utilizado para clarear a camada de plano de fundo caso ela esteja escura demais. Também é possível variar a configuração do filtro Alta Freqüência de forma a criar uma xilogravura que apresente menos detalhes. Utilizo com muita freqüência o comando Filtro > Ruído > Poeira e Rabiscos com um Raio de 20 e um Limiar de 0 em vez de aplicar o filtro Desfoque Gaussiano. Em várias imagens, o filtro Poeira e Rabiscos gera um resultado melhor em comparação ao filtro Desfoque Gaussiano no sentido de preservar as cores da imagem original. É possível produzir detalhes mais refinados aplicando essa técnica a uma imagem com um tamanho maior que o necessário e, em seguida, utilizando o comando Imagem > Tamanho da Imagem para restaurar a resolução dessa imagem até um tamanho menor. A imagem apresentada a seguir é o resultado de todas essas alterações. Por último, é possível salvar todas as etapas realizadas como uma Ação para aplicálas com um único clique.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 34 Filtros de Fotos para Resgate

Filtros de Fotos para Resgate Katrin Eismann www.photoshopdiva.com. A formação profissional de Katrin estende-se por três áreas diferentes: ela é artista, educadora e escritora. Katrin recebeu sua graduação como Bacharel em Belas Artes, na área de Ilustração Fotográfica, pelo Rochester Institute of Technology e sua graduação como Mestre de Belas Artes, na área de Design, pela instituição School of Visual Arts. Ela participou como co-autora nas seguintes publicações: Web Design Studio Secrets, Adobe Photoshop Studio Secrets e Real World Digital Photography. Também elaborou a publicação Photoshop Restoration and Retouching e, atualmente, está trabalhando em um novo livro, denominado Photoshop Masking & Compositing.

Quantas vezes você já não foi pegar as suas fotografias que deixou para revelação apenas para ficar desapontado com as cores? Ao tentar imaginar a cena, você não se lembra de que as sombras eram azuis ou de que a luz ambiente era laranja enquanto tirava as fotografias. O olho humano percebe a luz como neutra, ou seja, equilibra toda a iluminação para o branco. Entretanto, um filme colorido não consegue adaptar-se à luz — ele a captura como ela realmente é. Por exemplo, em um dia ensolarado, as sombras ficarão azuis (como pode ser visto no lado esquerdo da fotografia 1) ou, em fotografias tiradas com luz fluorescente, tudo parecerá verde (como pode ser visto no lado esquerdo da fotografia 2). Fotógrafos profissionais utilizam filtros de conversão de cores e equilíbrio de luz ao tirarem fotografias coloridas de forma a compensar difusões de cores não desejadas que podem ser geradas ao trabalhar em certos horários do dia, em altitudes superiores ou em situações de iluminação artificial. Além disso, esses fotógrafos utilizam filtros de fotos de aquecimento ou resfriamento para aprimorarem sutilmente o acabamento da aparência ou das cores de uma fotografia.

1. Que filtro utilizar? E quando? Os Filtros de Fotos da camada de Ajuste de Imagem no Photoshop simulam os filtros utilizados pelos fotógrafos profissionais para corrigir desvios e contaminações em temperaturas de cores. Os dois principais tipos de filtros de compensação de cor são os filtros de aquecimento e resfriamento. Os filtros de aquecimento apresentam uma escala de cores de laranja até âmbar e subtraem as cores azul e ciano. Os filtros de resfriamento apresentam a cor azul e subtraem as cores vermelho, verde e amarelo.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 35 Filtros de Fotos para Resgate

O filtro 85 é um filtro de aquecimento. Apresentando a cor âmbar, utilize-o para acentuar o acabamento quente de um nascer do sol ou de um pôr do sol e para enriquecer tons de texturas. O filtro 81 é um filtro de aquecimento mais suave. Apresentando a cor âmbar-claro, utilize-o para remover tons de azul em fotografias tiradas em dias nublados ou para eliminar sombras azuladas em cenas ensolaradas. Ele também é ideal para adicionar mais vivacidade em retratos. O filtro 80 é um filtro de resfriamento. Apresentando a cor azul, utilize-o para corrigir fotografias contendo difusões de cores com uma escala muito intensa entre amarelo e laranja criadas quando uma fotografia é tirada em ambientes com lâmpadas de tungstênio ou à luz de vela. O filtro 82 é um filtro de resfriamento mais suave. Utilize-o para cenários de cachoeiras ou neve de forma a tornálos levemente azuis, enfatizando o aspecto frio do objeto.

2. Como tornar as sombras neutras. A fotografia da igreja em Portugal foi tirada em uma clara tarde de outono e, como pode ser visto, as sombras são azuis demais e deselegantemente frias. Para compensar esse efeito, utilizei a camada de Ajuste de Filtro de Fotos do Photoshop. Clique em Camada > Nova Camada de Ajuste > Filtro de Fotos. Clique no botão de rádio Filtro e selecione o Filtro de Aquecimento (81) para neutralizar as sombras azuis. Ajuste o controle deslizante de densidade — neste exemplo, utilizei uma densidade de 20%. A alteração dos modos de mesclagem de camadas pode acentuar o efeito de correção de cores e, ao alterar o modo de mesclagem para Sobrepor, Luz Suave ou Luz Direta, é possível obter excelentes resultados com muita rapidez, como mostra este exemplo. Da esquerda para a direita: nenhuma correção, filtro 81 com 20% de densidade e filtro 81 com 20% de densidade definido para o modo de mesclagem Luz Suave.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 36 Filtros de Fotos para Resgate

3. Como corrigir a iluminação fluorescente. Fotografias tiradas em ambientes de escritório ou museus freqüentemente ficam verdes, resultado causado pela luz fluorescente. É possível criar Filtros de Fotos personalizados para corrigir problemas na iluminação. Faça a amostra da cor perturbadora (neste exemplo, a cor verde). Crie um novo documento de 10 x 10 pixels e preencha-o com a cor da amostra. Escolha Imagem > Ajustar > Inverter. Retorne à imagem com contaminação de cores e escolha Camada > Nova Camada de Ajuste > Filtro de Fotos. Clique no botão de rádio de cores, clique no quadrado de cores e utilize o Seletor de Cores para fazer uma amostra da cor invertida a partir do arquivo de 10 x 10 pixels. Em seguida, clique em OK.

4. Conclusão. De modo geral, os Filtros de Fotos do Photoshop proporcionam uma capacidade sutil de aprimorar imagens. Como os Filtros de Fotos são Camadas de Ajuste de Imagem, você tem a vantagem adicional de poder ajustar a intensidade desses filtros com a opacidade das camadas e os modos de mesclagem de camadas, além de controlar o local em que as correções são feitas com máscaras de camada. Não estamos sugerindo que você tire fotografias ruins de propósito — mas, agora, será possível aprimorar as fotografias que não foram reveladas da forma esperada.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 37 Animação em Gif: Efeito de Interpolação

Animação em Gif: Efeito de Interpolação Michael Baumgardt Michael Baumgardt é o escritor mais famoso e mais respeitado da Alemanha quando o assunto é Web Design e Editoração Eletrônica. Com mais de 17 livros publicados na Alemanha e nos Estados Unidos, ele é um dos maiores profissionais nos seus campos, e seu livro “Web Design with Photoshop” é considerado a melhor publicação sobre o assunto, tendo sido traduzido e publicado em todo o mundo. Várias das técnicas que ele desenvolveu são atualmente utilizadas por Web Designers, sendo muito conhecidas no Photoshop.

Precisa criar uma propaganda em banner que chame a atenção do observador? Uma das maneiras mais fáceis de fazer isso é acentuar a diferença entre duas imagens. Com essa técnica, o tamanho do arquivo não ficará muito maior do que simplesmente alternar imagens.

1. Como criar um conjunto de camadas. Para que essa técnica funcione, todas as camadas devem estar em conjuntos de camadas. Um conjunto de camadas é necessário para cada efeito de interpolação. Se você planeja interpolar para a primeira imagem, copie o primeiro conjunto de camadas utilizando o comando Duplicar Conjunto de Camadas no menu pop-up da paleta Camadas.

2. Como adicionar máscaras de camada. Cada um dos conjuntos de camadas (com exceção do conjunto inferior) deve ter uma máscara de camada. Selecione o conjunto de camadas e clique no ícone de máscara de camada na parte inferior da paleta Camadas.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 38 Animação em Gif: Efeito de Interpolação

3. Como desvincular as máscaras de camada. O truque em criar um efeito de interpolação é animar a máscara de camada, independentemente do conteúdo. Para fazer isso, a máscara de camada e a camada precisam ser desvinculadas clicando no ícone de cadeado entre a camada e a máscara de camada.

4. Como preencher a primeira máscara de camada. A próxima etapa é tornar as camadas transparentes preenchendo a máscara de camada com 100% de preto, o que mascara completamente o conteúdo. Comece pela camada superior (para poder acompanhar realmente tudo o que está acontecendo) e selecione a máscara de camada clicando nela e, em seguida, preenchendo-a com a Lata de Tinta. Como alternativa, utilize Editar > Preencher.

5. Como preencher a segunda máscara de camada. Selecione a segunda máscara de camada e preencha-a com preto. Nesse momento, a camada inferior deve estar visível, pois os dois conjuntos de camadas acima apresentam máscaras de camada transparentes. Abra a paleta Animação (Janela > Animação) e crie um novo quadro nessa paleta. É importante deixar o segundo quadro ativo na paleta Animação antes de prosseguir para a próxima etapa. Se esse quadro não estiver ativo, basta clicar nele e prosseguir para a próxima etapa.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 39 Animação em Gif: Efeito de Interpolação

6. Como animar a máscara de camada. Clique na máscara de camada do segundo conjunto de camadas (neste exemplo, o conjunto do meio) e alterne para a Ferramenta Mover na paleta Ferramentas. Agora, é possível mover a máscara de camada mantendo a tecla Shift pressionado (para restringi-la a um movimento horizontal). Entretanto, é ainda mais fácil manter a tecla Shift pressionada e pressionar a tecla de seta para a direita até que a máscara de camada seja movida totalmente para a direita.

7. Como mover a segunda máscara de camada. Com o último quadro (na janela Animação) selecionado, crie dois quadros principais adicionais clicando no ícone Novo Quadro localizado na parte inferior da paleta Animação. Selecione o último quadro antes de continuar e, em seguida, na paleta Camadas, selecione a máscara de camada da camada superior. Novamente, alterne para a Ferramenta Mover e utilize a tecla de seta para mover a máscara para a direita. Durante esse processo, a camada inferior deve tornar-se gradualmente visível mais uma vez.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 40 Animação em Gif: Efeito de Interpolação

8. Como intermediar os quadros principais. Para criar a animação, é necessário criar quadros intermediários entre os quadros principais. Isso é feito com o comando Intermediar, que inserirá os quadros automaticamente. Selecione os primeiros dois quadros e, em seguida, ative o comando Intermediar no menu pop-up da paleta. Qualquer quantidade de quadros pode ser inserida, mas, em geral, convém manter entre 10 e 20 quadros.

9. Como intermediar os dois últimos quadros principais. Selecione os dois últimos quadros principais e repita o mesmo procedimento. Isso completará o loop e, se você quiser realmente executar loop na animação, certifique-se de que a opção “Contínuo” esteja selecionada na paleta Animação.

10. Como definir o intervalo e executar a animação. Provavelmente, você desejará pausar um pouco a sua animação depois de cada efeito de interpolação. Selecione o último quadro depois de terminar a interpolação e altere o intervalo para 2 segundos. Em seguida, selecione último quadro da animação e defina-o também como 2 segundos. Para visualizar a animação, clique no botão Executar. Convém visualizar a animação no navegador pressionando o botão Visualizar no Navegador da paleta Ferramentas, pois somente no navegador será possível ter uma idéia precisa sobre a rapidez de execução da animação.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 41 Como Trabalhar com o Desfoque de Lente

Como Trabalhar com o Desfoque de Lente Martin Evening Martin Evening é fotógrafo publicitário em Londres e profissional respeitado nas áreas de fotografia e criação de imagens digitais. Martin é conhecido em Londres por seus trabalhos nas áreas de moda e beleza e também é escritor do livro Adobe Photoshop for Photographers.

Esta fotografia mostra uma planta na mesa de uma sacada contra uma tela de fundo tropical e eu gostaria que todos os objetos no plano de fundo parecessem mais fora de foco. Se tivesse que utilizar o filtro Desfoque Gaussiano, poderia facilmente fazer com que o plano de fundo parecesse borrado. Entretanto, o resultado geral não pareceria particularmente convincente. Neste exercício, desejo apresentar o filtro Desfoque de Lente, um novo recurso do Photoshop. Com o filtro Desfoque de Lente, agora é possível criar desfoques com aparência realista capazes de fazer com que áreas designadas da imagem pareçam ter sido fotografadas fora de foco.

1. Como definir o contorno. Para começar, utilizei a ferramenta Caneta no Photoshop para desenhar um demarcador de caneta em volta das folhas da planta e da mesa. Salvei o demarcador de trabalho como um novo demarcador e, em seguida, converti o demarcador salvo em uma seleção. Depois, inverti a seleção para selecionar a área externa indo para o menu Selecionar e escolhendo Inverter. Uma difusão de 2 pixels foi aplicada a essa seleção. Além disso, com a seleção ainda ativa, utilizei Nova > Camada por Cópia no menu Camada (Command/Ctrl+J) para copiar a área selecionada e colocá-la em uma nova camada separada acima da camada de Plano de Fundo.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 42 Como Trabalhar com o Desfoque de Lente

2. Como criar uma máscara de profundidade. Carreguei o demarcador de caneta novamente como uma seleção e clique no botão Salvar seleção como canal na paleta Canais. Essa ação criou um novo canal alfa. Em seguida, desenhei outro demarcador de caneta para definir o contorno da aresta da mesa, subtraindo o ponto de interseção entre o vaso e a mesa, e também converti esse demarcador como uma seleção. Com o canal alfa ativo, defini a ferramenta Degradê para preto como a cor do primeiro plano, com o botão Degradê Refletido selecionado na barra de opções de ferramentas e com a ferramenta Degradê no modo de mesclagem Divisão. Isso criou um canal alfa que já pode ser utilizado como um mapa de profundidade com o filtro Desfoque de Lente.

3. A caixa de diálogo Desfoque de Lente. Em seguida, tornei a camada copiada ativa na paleta Camadas, selecionei o menu Filtro e escolhi Desfoque > Desfoque de Lente. A seção Mapa de Profundidade mostra o canal alfa que acabei de criar selecionado como a origem. O valor de Plano Focal do Desfoque corresponde ao valor em pixels da máscara do mapa de profundidade. Neste exemplo, como o valor é reduzido, o filtro aplicará gradualmente mais desfoque à imagem com base na gradação de tons presente no canal alfa selecionado. Basicamente, o mapa de profundidade está sendo utilizado para criar uma profundidade muito superficial do campo com o foco declinando gradualmente atrás da planta e também na frente dela.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 43 Como Trabalhar com o Desfoque de Lente

Observe também os realces de brilho na visualização da caixa de diálogo. Eles aparecem como realces na forma de íris que são controlados na seção Íris. É possível selecionar uma forma de íris no menu Forma e, em seguida, utilizar os controles deslizantes abaixo para ajustar o tamanho, a curvatura e o giro. Para determinar o ponto em que os realces aparecerão acentuados na figura, defina o Limiar de Realces Especulares como um valor um pouco menor que 255 e, em seguida, ajuste o brilho para gerar o efeito desejado.

4. Conclusão. Se o resultado final for comparado à imagem original, será possível perceber que o plano de fundo borrado certamente parece mais convincente. O céu claro fez com que a luz parecesse brilhar em volta dos troncos das palmeiras e os pontos de realce brilhantes na imagem foram acentuados para gerar formas de íris com uma lente fora de foco. Além disso, ao utilizar um mapa de profundidade, partes da mesa também parecem estar um pouco fora de foco.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 44 Como Observar Através de um Vidro

Como Observar Através de um Vidro Doc Baumann Adaptação da publicação “DOCMA - Doc Baumanns Magazin fuer digitale Bildbearbeitung”, edição on-line, agosto de 2003. Doc Baumann é um escritor famoso, jornalista, artista do Photoshop e cientista de artes na Alemanha. Ele utiliza a criação de imagens digitais desde 1984 e escreve textos sobre o assunto desde 1987. Em 2002, criou a sua própria revista.

Esta é uma técnica para adicionar digitalmente um objeto de vidro na frente de um cenário e para fazer com que ele parecesse ser parte do cenário original. O segredo é fotografar cuidadosamente o vidro, prestando atenção ao brilho e às sombras. Em seguida, torne o vidro transparente e distorça o cenário visto através desse vidro. Além de convincente, o resultante também pode estar opticamente correto.

1. Como fotografar o objeto de vidro. Fotografe o vidro em frente a um plano de fundo cinza intermediário (e não branco). Utilize uma iluminação que proporcione ao vidro uma aparência brilhante tridimensional. A superfície do vidro deve ser mais brilhante que as áreas lisas através das quais o plano de fundo será visto no final.

2. Como criar uma máscara. Utilize qualquer ferramenta desejada para criar uma seleção do objeto. Trabalhei com o pincel na Máscara Rápida para refinar a seleção. Salve a seleção em um novo canal escolhendo Selecionar > Salvar Seleção.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 45 Como Observar Através de um Vidro

3. Como criar uma textura de distorção. Duplique o documento selecionando Imagem > Duplicar e converta-o no modo em tons de cinza (Imagem > Modo > Tons de Cinza). Carregue a seleção do objeto de vidro (Selecionar > Carregar Seleção), inverta-a escolhendo Selecionar > Inverter e preencha-a com 50% de cinza. Cancele a seleção do vidro (Ctrl+D no Win, Cmd+D no Mac) e, em seguida, aplique o filtro Desfoque Gaussiano (Filtro > Desfoque > Desfoque Gaussiano) com um raio pequeno para suavizar a imagem. Salve o resultado como um arquivo .psd — esse arquivo será utilizado mais tarde como uma textura de distorção de vidro.

4. Como preparar a imagem de plano de fundo. Abra uma imagem que você deseja utilizar para o plano de fundo. Para aprimorar a ilusão de profundidade, desfoque um pouco a imagem de plano de fundo. Escolha Filtro > Desfoque > Desfoque Gaussiano, em seguida, defina o controle deslizante de Raio para a intensidade de desfoque desejada. Para proporcionar uma perspectiva correta para o objeto, adicionei um plano de madeira abaixo dele.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 46 Como Observar Através de um Vidro

5. Como montar a composição. Mantenha a imagem de plano de fundo aberta. Em seguida, na imagem de vidro original, carregue a máscara como uma seleção (Selecionar > Carregar Seleção). Escolha Editar > Copiar e, na imagem de plano de fundo, escolha Editar > Colar para colar o vidro na frente do cenário de plano de fundo.

6. Como definir o modo de mesclagem de camada do vidro como Luz Direta. Na paleta Camadas, selecione a camada que contém o vidro e escolha Luz Direta no menu de modos de mesclagem. Geralmente, um bom resultado será obtido simplesmente definindo a camada de vidro como Luz Direta. Entretanto, é possível refinar esse resultado utilizando as opções de Mesclagem. Na paleta Camadas, clique duas vezes na miniatura da camada de vidro para abrir a caixa de diálogo Estilo de Camada. Na parte inferior da caixa de diálogo Estilo de Camada, é possível mover os controles deslizantes de valores para fazer ajustes. Pressione a tecla Alt (Windows) ou Option (Mac) para dividir o intervalo de valores definido dos controles deslizantes que estão mesclados.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 47 Como Observar Através de um Vidro

7. Como fornecer um tom verde ao vidro. Para pintar o vidro, duplique sua camada escolhendo Camada > Duplicar Camada. Na paleta Camadas, selecione o ícone Bloquear pixels transparentes e preencha o objeto com a cor desejada. Defina o modo de mesclagem da camada como Sobrepor e reduza a opacidade até que pareça realista.

8. Como distorcer o vidro. Na paleta Camadas, selecione a camada de plano de fundo e escolha Filtro > Distorcer > Vidro. Em Textura, selecione Carregar Textura e abra a textura preparada na etapa 3. Não comece com uma seleção! O redimensionamento deve ser igual a 100%. Faça testes com a distorção e a suavidade até ficar satisfeito com o resultado. Além disso, verifique se a opção Inverter é mais eficiente. Também é possível carregar o objeto como uma seleção na camada de plano de fundo e fazer testes com o filtro Mesclagem.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 48 Como Observar Através de um Vidro

9. Como remover distorções não desejadas. O filtro Vidro muitas vezes gera artefatos nas margens. Elimine-os carregando o objeto como uma seleção na camada de plano de fundo, inverta-o, marque uma posição na paleta Histórico antes de utilizar o filtro e preencha a seleção com o estado do histórico.

10. Vidro acabado. Esta é a imagem resultante. Embora o plano de fundo distorcido não se pareça realmente como se estivesse sendo observado através do vidro, a maioria dos observadores não perceberá essa diferença. Basta gerar uma composição convincente.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 49 Gotas de Chuva

Gotas de Chuva Greg Vander Houwen Adaptação do site da Web http://www.photoshoptechniques.com. Greg Vander Houwen é o criador do site PhotoshopTechniques.com. Ele é um dos “Mestres Digitais” da Adobe e também um membro do grupo “Magnificent 7”. Greg é artista de coração e ilustrador por profissão. Seu trabalho pode ser visto no endereço http://www.netcandy.com/interact/.

Fiz testes com alguns dos recursos mais avançados da caixa de diálogo Estilo de Camada e descobri algumas técnicas muito úteis que podem ser utilizadas ao criar efeitos transparentes. A seqüência para esse efeito “aquático” é feita inteiramente em um único Estilo de Camada. Portanto, depois de criada, pode ser salva e aplicada a qualquer camada que apresente uma opacidade de arestas sólidas contra um campo de transparência. Isso também significa que é possível pintar na camada estilizada, e o efeito será gerado “livremente”. Portanto, vale a pena observar.

Especificações recomendadas de fontes e documentos. A técnica utiliza vários filtros com base em pixels e textos com base em pontos. Conseqüentemente, essas especificações são muito importantes para reproduzir o efeito. Especificações de Imagem: 1117 x 865 pixels a 266 dpi, cor RGB. Especificações de Fontes: Present, Regular, 60 pontos.

1. Como adicionar uma nova camada acima da camada que você deseja tornar molhada e como pintar uma forma de gota inicial. Agora, selecione Camada > Nova > Camada... e clique em OK. Como alternativa, clique no ícone Criar uma Nova Camada na parte inferior da paleta Camadas. Isso criará a Camada 1. Pressione (D) para as cores padrão de forma que o preto esteja na faixa de cores do primeiro plano. Ative a ferramenta Pincel (B) e, na Barra de Opções acima, defina-o como um pincel de 19 pixels de arestas sólidas, Normal e com 100% de Opacidade. Pinte uma pequena quantidade de preto na Camada 1 e torça o pincel um pouco ao pintar. Essa será a forma inicial que utilizaremos para criar o estilo de camada.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 50 Gotas de Chuva

Ative a ferramenta Zoom (Z) e clique na área da pintura para aumentar o zoom e obter uma visualização mais aproximada.

2. Como criar o Estilo de Camada reduzindo a Opacidade de Preenchimento. Clique duas vezes na miniatura de Camada 1 na paleta Camadas para abrir a caixa de diálogo Estilo de Camada. Vá até a seção Mesclagem Avançada e altere a Opacidade de Preenchimento para 3%. Isso reduz a opacidade dos pixels de preenchimento, mas mantém a forma da pintura na camada. Observação: Essa etapa fará com que o preto pintado na Camada 1 quase desapareça.

3. Como adicionar uma pequena, mas intensa, sombra projetada. Clique no nome da Sombra Projetada (e não na caixa de seleção) na lista de efeitos localizada no lado esquerdo da caixa de diálogo.

Na seção Sombra Projetada à direita, defina a Opacidade como 100%, altere a Distância para 1 px e o Tamanho para 1 px. Na seção Qualidade, clique na pequena seta para baixo à direita da miniatura de curva de Contorno e selecione a curva Gaussiana. É a curva que se parece com um (S) suave e inclinado.

4. Como adicionar uma sombra interna suave. Clique no nome da Sombra Interna na lista de efeitos localizada no lado esquerdo da caixa de diálogo. Na seção Estrutura, defina o Modo de Mesclagem como Superexposição de Cor, a Opacidade como 43% e o Tamanho como 10 px.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 51 Gotas de Chuva

5. Como adicionar outra sombra interna em volta da aresta da forma. Clique no nome do Brilho Interno na lista de efeitos localizada no lado esquerdo da caixa de diálogo. Na seção Estrutura, defina o Modo de Mesclagem como Sobrepor, a Opacidade como 30% e a faixa de cores como preto. Para alterar a faixa de cores, clique nela para abrir o Seletor de Cores, arraste o cursor até o preto e, em seguida, clique em OK.

6. Como adicionar um realce e um brilho interno à forma. Clique no nome do Chanfro e Entalhe na lista de efeitos localizada no lado esquerdo da caixa de diálogo. Na seção Estrutura, defina a Técnica como Cinzel Sólido, a Profundidade como 250%, o Tamanho como 15 px e a Suavização como 10 px.

Na seção Sombreamento, defina o Ângulo como 90, a Altitude como 30 e a Opacidade do Modo de Realce como 100%. Em seguida, defina o Modo de Sombra como Subexposição de Cor, sua faixa de cores como branco e sua Opacidade como 37%. Isso conclui o Estilo de Camada, mas ainda não clique em OK.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 52 Gotas de Chuva

7. Como salvar o Estilo de Camada para uso futuro. Clique no botão Novo Estilo no lado direito da caixa de diálogo Estilo de Camada. Isso abrirá uma caixa de diálogo na qual é possível nomear o estilo e, em seguida, clicar em OK para salvá-lo.

Observação: Depois de salvar o estilo, ele pode ser encontrado em Janela, Mostrar Estilos, na última posição de miniatura. Agora, clique em OK para deixar a caixa de diálogo Estilo de Camada. Na paleta Camadas, clique na seta ao lado do ícone Estilo de Camada (f) para ocultar o estilo.

Observação: É possível pintar gotas adicionais na Camada 1. Apenas verifique se a ferramenta Pincel está ativa (B) e pinto no local em que deseja exibir essas gotas. A Borracha também pode ser utilizada para editar ou remover gotas existentes.

8. Como adicionar uma camada de texto ao documento. Ative a Ferramenta Texto (T). Na barra de opções acima, clique no botão Paletas para abrir a paleta Caractere. Na paleta Caractere, selecione a fonte. Defina a cor como preto. Em seguida, clique na guia Parágrafo e clique no botão Centralizar Texto na seção superior esquerda da paleta. Agora, clique no centro do documento e digite o texto “Gotas de Chuva”. Para reposicionar o texto, mova o cursor além desse texto até que ele se transforme em um ícone de movimento. Em seguida, clique e arraste. Para aplicar o texto, clique na marca de seleção no canto superior direito da barra de Opções ou pressione a tecla Enter (Mac) ou as teclas Control+Enter (Windows). Isso gerará a camada de texto Gotas de Chuva.

9. Como adicionar uma nova camada branca abaixo da camada de Texto e, em seguida, mesclar essa camada de Texto. Com a camada de texto Gotas de Chuva ativa, crie uma nova camada abaixo dela mantendo a tecla Command (Mac) ou Control (Windows) pressionada e, em seguida, clicando no ícone Nova Camada localizado na parte inferior da paleta Camadas. Isso criará a Camada 2. Preencha a Camada 2 com branco pressionando a tecla (D) para carregar as cores padrão. Em seguida, selecione Editar, Preencher, Cor do Plano de Fundo ou pressione as teclas Command+Delete (Mac) ou Control+Backspace (Windows) para preencher com a cor do Plano de Fundo. Clique na camada Gotas de Chuva para ativá-la. Selecione Camada, Mesclar para Baixo ou pressione Command+E (Mac) ou Control+E (Windows). Isso removerá a Camada Gotas de Chuva, pois ela será mesclada com a Camada 2.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 53 Gotas de Chuva

10. Como tornar áspera a aresta da camada mesclada com um filtro. Com a Camada 2 ativa, selecione Filtro, Pixelização, Cristalizar. Defina o Tamanho da Célula como 10 e clique em OK.

11. Desfoque a imagem ou o texto áspero. Com a Camada 2 ativa, selecione Filtro, Desfoque, Desfoque Gaussiano. Na caixa de diálogo, defina o Raio como 5,0 pixels e clique em OK.

12. Como obter a imagem de texto suavizada e tornar a aresta sólida adicionando contraste. Com a Camada 2 ativa, escolha Imagem > Ajustar > Níveis. Na caixa de diálogo Níveis, defina os Níveis de Entrada como 160, 1,00, 190 e clique em OK.

Tutorial


DICAS E SUGESTÕES DO ADOBE PHOTOSHOP CS 54 Gotas de Chuva

13. Como carregar uma seleção a partir do texto ou da imagem e excluir as áreas brancas. Para carregar uma seleção da Camada 2, pressione Command+Option+~ (Mac) ou Control+Alt+~ (Windows). Isso também pode ser feito clicando na guia Canais e, em seguida, no ícone Carregar Canal como Seleção na parte inferior da paleta. A seleção é carregada com as áreas brancas selecionadas. Pressione Delete (Mac) ou Backspace (Windows) para remover as áreas brancas em volta do texto preto. Agora, cancele a seleção escolhendo Selecionar > Cancelar Seleção.

14. Como aplicar o Estilo de Camada salvo à camada de texto preto. Com a Camada 2 ativa, selecione Janela, Mostrar Estilos para ativar a paleta Estilos. Localize o Estilo de Gotas de Chuva salvo no final da lista de miniaturas e clique nele para aplicar o Estilo à Camada 2.

Tutorial


Album Phoshop