Page 1

Toyota

Maringá

Paraná

Recall em mais de 38 mil carros

Pupin (PP) confirma votação no 2º turno

Estado entrou na rota do trabalho escravo ?

O ELO ENTRE LER E TESTEMUNHAR A NOTÍCIA

PARANÁ

Edição Concluída em 03/11/2012

Preço do Exemplar R$ 5,00

Ano XIV - Nº 157 - Novembro 2012

Saúde

Mortalidade feminina diminui nos últimos dez anos O que

Criatividade

Controvérsias em concursos de moda

pretende fazer com seu 13º. salário? Enquete Interativa


GRAFICA REGENTE


Editorial Governo Richa

EDITORA

JORNALISMO S/C.

Diretor geral - Joel Cardoso e-mail central: onlinejornalismo@onlinejornalismo.com.br

Publicações da Editora Revista Conexão Paraná www.conexaoparana.com.br Jornal Conexão Aeroporto www.jornalaeroporto.com.br Site de Notícias Glup!Nacon www.glup.com.br Home-Page Central www.onlinejornalismo.com.br Núcleo

REVISTA

PARANÁ

O ELO ENTRE LER E TESTEMUNHAR A NOTÍCIA Ano XIV - nº 157 - Novembro - 2012

Jornalista Responsável Joel Cardoso Fenaj 66023 Web/diagramação Jonathan Lukaszewigz Supervisão Geral Rose Tognon Assessoria Jurídica Carlos Eduardo Buchweitzz (OAB 19.939) Colaboradores: Gorby Junk (Curitiba) Alexandre Mendes (Santa Catarina) Marcela Langoni (Londrina) Aline Passos (Foz do Iguaçu) Representantes: Curitiba- Redepar- (41) 3019.3500 S. Paulo- Raiimprensa (11) 3813.1233 Brasília- A. Comunicação- (61) 3321-3440 Rio de Janeiro- GRP- (21) 2524.2457 Belo Horizonte- Republicar- ( 31). 3481.2666 Recife- Nova (81) 3227.3433 Redação (Sede Própria) R. Martim Afonso 1587 Zona 02-Maringá-Paraná Fone (pabx) 44.3026.8585

O enfraquecimento na capital e o fortalecimento no interior Com exceção da capital do Estado, onde o partido e o governo mostraram enfraquecimento, o governo estadual e o PSDB adotaram uma estratégia de fortalecimento no interior do Paraná. Nas eleições deste ano. Foram eleitos 78 prefeitos e mais de 50 vice-prefeitos. Os partidos que compõe a base do governo na Assembleia elegeram 75% dos 399 novos prefeitos do Paraná. Os resultados mostram que essa estratégia de alianças com partidos aliados permitiu a eleição de aliados nas principais cidades do Estado. Mesmo a oposição admite que graças a essa política de alianças, aliados do governo venceram o PT nos principais municípios do Paraná no segundo turno, através de vitórias em nove das dez maiores cidades do Estado, municípios que representam quase 30% da população do Paraná. Em Maringá, Cascavel e Ponta Grossa, candidatos aliados ao governo venceram adversários petistas no segundo turno. Lembrando que o vice do prefeito reeleito de Cascavel, Maurício Querino, é do PSDB. Entre os partidos da base do governo, o PSDB elegeu 78 prefeitos; o PMDB, 55; o PSD, 36; o PDT, 33; o PP, 27; o DEM, 23; o PPS, 22 e o PTB, 16, entre outros aliados que também elegeram prefeitos e vice-prefeitos. Em Curitiba, a coligação de Richa não deu certo, mas a aliança com o Partdido dos Trabalhadores e a eleição da vice-prefeita de Curitiba, Mirian Gonçalves, parecem ter sido decisivos nos resultados oficiais das urnas. Miriam representa dois ineditismos da política da capital do Paraná. Além de ser a primeira mulher a ocupar o cargo no

Palácio Iguaçu, será a primeira vez que o Partido dos Trabalhadores (PT) estará em posição de comando do Palácio 29 de Março. Mirian foi eleita na chapa comandada por Gustavo Fruet (PDT). Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com 100% das urnas apuradas, Fruet recebeu 60,65% dos votos, ou 597.200 eleitores. Ratinho Jr, por sua vez, recebeu 387.483 votos. A imprensa curitibana não poupa elogios à viceprefeita eleita, atribuindo à sua imagem um carisma que ofusca até mesmo a imagem de Gleisi Hoffmann. Exageros a parte, tudo indica que o PT saiu fortalecido com a aliança com o PDT. Com 51 anos, Mirian é formada em direito e atua há 30 anos com direito trabalhista. Participou de lutas contra a ditadura militar e pela democratização do Brasil, e integrou a fundação do PT e da Central Única dos Trabalhadores (CUT). Como advogada, estreitou relações com movimentos sociais, associações de moradores e sindicatos. Mirian Gonçalves especializou-se em Direitos Humanos na Espanha, realizando mestrado em Direito das Relações Sociais posteriormente, na Universidade Federal do Paraná. Na política, coordenou o programa de governo do PT para a disputa da Prefeitura de Curitiba em 2008 e 2012. Atualmente é vice-presidente do partido na capital, tendo vencido a disputa pela vaga de vice contra a presidente do partido em Curitiba, Roseli Isidoro.

Revista sorteia viagem aérea de ida e volta Maringá- Ctba Continua a programação de aniversário e fim de ano dos núcleos de jornalismo que tem como carrochefe a Revista Conexão Paraná. No último dia 30, foi feito o sorteio do rodízio para duas pessoas na Costelaria BR 3. O premiado foi o internauta Marco Costa. Nesse mês denovembro continuam os sorteios pela Fan Page. Nesse mês, uma passagem aérea de ida e volta MaringáCuritiba. Para participar, basta acessar facebook.com/glup.acesse.ja. REGULAMENTO E INFORMAÇÕES -Os internautas que participaram da promoção de

outubro, deverão refazer a inscrição, pois a participação não é cumulativa. -O prêmio para esse mês de novembro será uma passagem aérea de ida e volta Maringá- Curitiba. O sorteio será dia 30 de novembro. O ganhador deverá entrar em contato com a redação da Revista Conexão Paraná para receber as instruções de emissão do bilhete. -Cada promoção terá seu prazo de validade: 30 dias para usufruir após a data do sorteio. Fique atento, pois o sorteio de dezembro, será um pacote de férias na Pousada Pedra da Ilha, em Santa Catarina. Dúvidas? Ligue 44-3226.8585.

Confira o resultado da enquete de Outubro, dos núcleos da Editora.

Internet & Eleições Sua opinião sobre o uso da rede social pelos candidatos Capa da Revista Conexão, edição de Novembro 2011, destacando as compras de natal.

SEM EFEITO

48,0%

ATRAPALHOU

30,2%

AJUDOU

21,8%

www.onlinejornalismo.com.br - www.jornalaeroporto.com.br - www.glup.com.br www.conexaoparana.com.br - Editor: joelcardoso@onlinejornalismo.com.br

Novembro / 2012 03


Maringá

Lançado o Natal Ingá Maringá começa a entrar no clima natalino nesta semana com o lançamento do Natal Ingá e do Concurso de Decoração Natalina, marcado para esta quarta-feira (dia 17), às 8 horas. A programação da campanha será apresentada durante um café da manhã, no auditório Miguel Kfouri Neto, no segundo piso da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (ACIM). Durante o encontro serão detalhadas as apresentações do Natal Ingá, anunciada a data da chegada do Papai Noel na cidade, o regulamento do concurso de decoração e o horário especial de funcionamento do comércio que, a partir do dia 10 de dezembro, terá o atendimento estendido até as 22 horas.

Parabéns Pupin A Revista Conexão Paraná agradece por estar entre as mídias preferidas de sua campanha vitoriosa na fase pré-eleitoral.

O concurso, organizado pelo ACIM Mulher e Sivamar, terá inscrições abertas até 2 de dezembro. Os interessados poderão se inscrever em cinco categorias de decoração: vitrines (para lojas de rua e de shoppings); de prédios comerciais; externa e interna de shoppings centers; externa de edifícios residenciais; e externa de residências. O primeiro colocado de cada categoria receberá como prêmio um iPad e troféu. O julgamento será entre 3 e 5 de dezembro, com avaliação da criatividade, originalidade, harmonia e iluminação. A cerimônia de premiação será em 7 de dezembro, na sede da ACIM. A exemplo do ano passado, para que as pessoas conheçam os ganhadores do concurso, será disponibilizada a Linha Natal, onde um ônibus da empresa de transporte coletivo que atua na cidade fará um city tour à noite, percorrendo os estabelecimentos e residências decorados. O regulamento do concurso está disponível no www.acim.com.br/natal2012

Revitalizada, Catedral de Maringá marca novo visual no Natal 2012

O melhor provedor de Maringá e Região 44

3221.5600

Símbolo da fé dos católicos e referência visual da cidade, já estão praticamente removidos os tapumes das obras de revitalização da Praça da Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória. Com a remoção dos tapumes fica visível ao público o conjunto de obras do projeto de revitalização. O sistema de iluminação, sincronizada e com variedade de cores, será um dos pontos altos do Natal da cidade. De acordo com técnicos da Secretaria Municipal de Controle Urbano e Obras Públicas (Seurb), que coordena o projeto de revitalização, a remoção dos tapumes será proporcional à evolução das obras que, a partir de agora, entram em uma nova fase de execução. Nesta etapa de finalização estão em curso os serviços de acabamento e de uma série de ajustes do moderno sistema de iluminação.

Reparos em Notebooks Recuperação de Dados Assistência em Geral Fone: 44

3028.7100

www.supportonline.com.br Av. Cerro Azul,788 - Zona 02

Novembro / 2012 04

As obras do projeto já têm finalizada a pavimentação em paver em todo o entorno da área remodelada da Catedral entre o estacionamento da praça e o templo , assim como a Mitra Diocesana já providenciou a impermeabilização e pintura do monumento, classificado em décimo lugar entre os mais altos do mundo e o segundo maior da América do Sul.


Estadual Fiep anuncia construção do CFP do Senai em Umuarama A Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), lançou no último dia 23 a pedra fundamental do Centro de Formação Profissional (CFP) do Senai em Umuarama. Construída em terreno doado pela prefeitura de Umuarama, a nova unidade irá ofertar cursos de formação inicial e continuada e cursos técnicos nas áreas de metalmecânica, vestuário, construção civil e alimentos.

Fim de ano preocupante nos municípios da Amusep O fim de ano para a maioria dos prefeitos que integram a Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense (Amusep) deverá ser de vigília para pelo menos três questões que podem mudar o cenário do futuro político da entidade. A sucessão diretiva da associação (dois pré-candidatos já mostraram interesse), a falta de dinheiro em caixa para despesas básicas, pagamentos de fornecedores e 13º salário e o plano administrativo dos novos prefeitos eleitos nas últimas eleições. Na questão dos rumos da Amusep, um dos prefeitos que já manifestou interesse em presidir a entidade, é o prefeito de Marialva, Edgar Silvestre, o Deca (PSB). O outro que também quer a presidência é o prefeito eleito de Floresta, José Roberto Ruiz (PP. Deca se julga preparado pelo fato de seu município nunca ter tido um presidente da entidade, além disso considera que, como vai para o segundo mandato consecutivo, está preparado para contribuir com a instituição.

Mas o problema atual é em relação a falta de dinheiro. Os prefeitos culpam o governo federal, que para tentar salvar a economia do País promoveu redução de impostos que compõem o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), afetando as transferências de recursos da União para as cidades. Medidas preventivas já foram adotadas: oito municípios da região deixaram de fazer os pagamentos mensais ao Consórcio Intermunicipal de Saúde (Cisamusep). Assim, as populações não podem se beneficiar de cirurgias eletivas e consultas especializadas. De acordo com o presidente da Amusep, a situação é crítica para os municípios com menos de 10 mil habitantes, que estão na faixa mais baixa para o recebimento das transferências de recursos. Só na região da Amusep, 18 cidades se enquadram nesta faixa, que recebe apenas 0,6% do FPM. Os prefeitos decidiram elaborar uma carta aberta à população, explicando a situação das administrações.

O Investimento é de cerca de R$ 10 milhões em obras e equipamentos. A construção começa em abril de 2013 e a inauguração está prevista para início de 2014. “Quando investimos em educação, em formação, conseguimos transformar uma cidade”, disse um dos integrantes da cúpula diretiva na solenidade, que teve a presença do prefeito de Umuarama, Moacir Silva, do deputado federal Osmar Serraglio e do deputado estadual, ex-prefeito e coordenador regional da Fiep em Umuarama, Fernando Scanavaca. A caravana do Sistema Fiep que percorreu o interior do Estado na última semana de outubro, promoveu novas rodadas de Planejamento Estratégico da atual gestão da entidade. O objetivo é dialogar com lideranças do setor industrial, reforçando a estratégia de interiorização de suas ações. Histórico - “Finalmente a Fiep olha também para o interior. Essa nova forma de gestão, resultou neste presente para Umuarama”, disse o prefeito Moacir Silva. Ele afirmou ainda que o momento entra para história de Umuarama, porque é o início da transformação industrial da cidade e da região. Segundo Moacir Silva, o interior tem dificuldade para atrair indústrias pela falta de mão de obra capacitada. “Esse investimento do Senai certamente irá trazer novos empreendimentos, empregos e renda para Umuarama e nossa região.” O empreendimento de Umuarama faz parte do Programa Nacional de Apoio à Competitividade da Indústria, que o Senai realiza em todo o País. No Paraná serão investidos no total R$ 185 milhões para a construção de oito Centros de Formação Profissional, sete institutos de tecnologia e um instituto de inovação. Instalado em área de 10 mil metros quadrados, o Centro de Formação Profissional de Umuarama tem como meta atender a 1.000 alunos por dia, em três turnos. Hoje, a unidade já existente do Senai no município atende a 2.100 alunos entre cursos presenciais e cursos a distância.

Novembro / 2012 05


Bastidores da Política

Quem precisa de salário? Eleições 2012

Pupin consolida vitória no 2º turno O plantador de soja Carlos Roberto Pupin (PP) venceu a disputa pela prefeitura de Maringá. Segundo o resultado divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o novo prefeito foi escolhido por 104.482 mil eleitores, o equivalente a 53% dos votos válidos (excluindo brancos e nulos). A apuração dos votos foi a mais rápida do Paraná, terminando às 18h30. Bem antes, quando pouco mais de 90% das urnas haviam sido apuradas, os simpatizantes e e militantes políticos já estavam comemorando. Seu concorrente político, Enio Verri (PT) 92.646 votos (47%) . Mesmo vencedor na preferência dos eleitores, Carlos Roberto Pupin (PP) ainda não tem a vaga garantida no Executivo, já que sua candidatura é mantida sub judice. O imbróglio vem desde o início da campanha, s e r v i n d o d e a r g u m e n t o s p a ra s e u concorrente para desestabilizar sua candidatura. A definição tem de ocorrer até o dia 19 de dezembro, data da diplomação dos eleitos mas ele acredita que sua vitória será consagrada (também) pela Justiça. A disputa em Maringá ganhou uma conotação de prestígio e de poder entre os aliados da presidente Dilma Rousseff (PT) e do governador Beto Richa (PSDB). Pupin teve em sua campanha nomes como os dos deputados federais Luiz Nishimori (PSDB) e Cida Borghetti (PP), do deputado estadual Evandro Júnior (PSDB), além do próprio governador. Ênio Verri, que contou com o apoio até mesmo do ex-presidente Lula, nesta campanha recebeu apoio do deputado federal Edmar Arruda (PSC) e de vários nomes fortes do governo Dilma, como os ministros Paulo Bernardo (Comunicação), Gleisi Hoffmann (Casa Civil), José Eduardo Cardozo (Justiça) e Alexandre Padilha (Saúde). Para o segundo turno, Verri sentiu na pele Verri a debanda geral dos ex- candidatos a prefeito. Alberto Abrão (PV)não Dr BaTista (PMN) Hércules Ananias (PSDC), Maria Iraclézia (DEM) e Wilson Quinteiro (PSB),

Novembro / 2012 06

foram aos programas eleitorais noi rádio e na TV para declarar apoio ao candidato pepista. A única –ex-candidata que que ceclaorou “boto crítico” para o candidato petista, foi Débora Paiva (Psol). Segundo os oponentes do prefeito eleito, além da expectativa do imbróglio na Justiça, Pupin ainda terá que acomodar em sua gestão todas as alianças feitas com o excandidatos que aderiram a sua campanha. Entretanto, há informações que as adesões foram feitas de maneira espontânea, sem qualquer tipo de compromisso por parte do candidato em oferecer cargos aos apoiadores de campanha. Natural de Jandaia do Sul, o prefeito eleito em Maringá tem 57 anos. Carlos Roberto Pupin é filho de pioneiros no plantio de soja na região Norte do Paraná. Ainda cedo, se mudou para Maringá. Estudou na Universidade Estadual de Maringá (UEM), mas concluiu o curso de Direito em Curitiba. Pecuarista, é envolvido com a política há cerca de 30 anos. É casado com a psicóloga Luiza Pupin e pai de dois filhos: Caio e Melody. Em Curitiba, o pedetista Gustavo Fruet é o novo prefeito da capital derrotando seu adversário Ratinho Júnior. De acordo com os observadores políticos da capital, a vitória foi decisiva em razão da coligação com outros partidos, presidente do PT, que integra a vicegovernadoria. Em Ponta Grossa, Marcelo Rangel disputou a preferência dos eleitores e venceu Péricles. Em Cascavel, Edgar Lemos venceu o Professor Lemos. Alexandre Kireeff (PSD) é o novo prefeito eleito de Londrina. Após uma apuração apertada, Kireeff conquistou a vitória com 141.027 votos (50,53 % do total). Expresidente da Sociedade Rural de Londrina, ele era considerado o “o azarão“ na disputa. Em segundo lugar ficou Marcelo Belinati (PP), com 138.049 votos (49,47 % do total). O resultado foi confirmado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) às 18h21 deste domingo (28).

Enquanto a Revista Conexão acumula dados sobre irregularidades nas verbas de gabinete de alguns parlamentares, eis outros temas interessantes: quem sabe quais são os benefícios de um expresidente da República? José Sarney, Fernando Collor de Mello, Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva têm algumas regalias, mesmo após deixar o governo. Não existe salário a ser pago para os ex-presidentes da República, apenas benefícios. Entre eles, são oferecidos oito servidores para um. São quatro funcionários para desempenhar função de apoio e segurança pessoal de cada um, dois motoristas e dois assessores. O gasto com o pagamento desses serviços por ano é aproximadamente de R$ 510 mil, fora os gastos com gasolina, consertos e equipamentos. Juntos, portanto, eles custam cerca de R$ 2 milhões aos cofres públicos. A lei que determina os direitos dos expresidentes é a nº 7.474, de 8 de maio de 1986, com as novas redações dadas pelas leis nºs 8889, de 21/06/94 e a de nº 10609, de 20.12.2002 e regulamentada pelo Decreto nº 6.381, de 27 de fevereiro de 2008. Não há menção na lei sobre a remuneração de presidentes da República depois do término de seus mandatos, ou seja, não há salários pagos para os ex-presidentes, apenas os benefícios já citados acima. Mas, com tantos benefícios, quem precisa de salário?


Novo!

JĂĄ disponĂ­vel

www.glup.com.br twitter.com/jornalistajc facebook.com/revistaconexao facebook.com/glup.acesse.ja


FACULDADES MARINGÁ

Revista Conexão Novembro - 2012  

Edição de novembro de 2012 - Revista Conexão Paraná

Advertisement