Issuu on Google+

UNIVERSIDADE

FUMEC/ FEA

MESTRADO EM CONSTRUÇÃO CIVIL Coordenador : Eduardo Chahud

Disciplina Obrigatória

Sistemas construtivos em Madeira Dra. Luciana Nunes de Magalhães Aluna: Polyanna Lima Veras - Arquiteta e Urbanista

Período: 2009 / 2010


.::UNIVERSIDADE FUMEC ::. .:: MESTRADO EM CONSTRUÇÃO CIVL::.

::: PORTAIS EM EUCALIPTO ROLIÇO PARA UNIDADES DE CONSERVAÇÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO :::

Disciplina : Sistemas construtivos em Madeira Dra. Luciana Nunes de Magalhães Aluna: Polyanna Lima Veras - Arquiteta e Urbanista


:: autores

Dener Gonçalves Prata Engenheiro civil, mestre e doutor em de estruturas EESC- USP Eloá de Castro Cruzeiro Secretária do Meio Ambiente do Estado de São Paulo- Instituto Florestal Arquiteta /Mestre pela Escola de Engenharia da São Carlos EESC- USP

:: patrocinador Banco KfW – Kreditanstalt fur Wiederaufbau


:: sobre o lugar

Estação Ecológica Juréia-Itatins.

Localizado no litoral sul paulista na Barra da Ribeira, no município de Iguape, a 200 km de São Paulo, o município é cercado de rios, lagos, ilhas e manguezais. Iguape ocupa 85% da área da Estação Ecológica Juréia-Itatins.

A Estação Ecológica Juréia Itatins, é uma das últimas reservas de Mata Atlântica do Brasil.

Considerada um dos cinco últimos santuários ecológicos do mundo, protege cerca de 80.000 hectares de Mata Atlântica e ecossistemas.


:: objetivo

O objetivo deste trabalho é apresentar propostas para portais com estruturas de eucalipto roliço para parques florestais no estado de São Paulo como preservação da Mata Atlântica .

A principais metas:

Uso da madeira eucalipto roliço como elemento construtivo e uma alternativa para a construção civil,

Baixo custo em relação as espécies nativas,

Material ecologicamente correto,

Grande disponibilidade do produto,

Durabilidade,

Projeto bem planejado,

Viabilidade técnica,

União da estética e estática


:: proposta

Três projetos foram apresentados com diferentes vãos, os portais em Eucaliptus citriodora roliço.

Características semelhantes dos portais:

São de postes travados,

Têm cronicidade,

Assimetria lateral e horizontal,

Simetria vertical,

Utilização de meios de ligamentos não convencionais, mas favorecendo o dimensionamento da norma NBR 7190/1997,


Portal simples estrutura transversal para passagem dos veĂ­culos.


Portal com guarita central visa controle e fiscalização e cobrança de ingressos.


Portal com guarita lateral visa controle e fiscalização das entradas da unidade de Conservação e indicações e sinalização de local e controle de velocidade.


Planta do p贸rtico. Acesso de ve铆culos Guarita lateral


:: estrutura

Na análise estrutural revelou a existência de um esforço de torção de equilíbrio na base das colunas e nas barras , contrariando as normas da NBR 7190/1997(evitar torção de equilíbrio) . O dimensionamento foi elaborado no procedimento do Eurocode (STEP, 1995).

:: solução Para reduzir os esforços sugeriu sistemas de suportes espaciais para serem fixados às bases de concreto armado consolidando as colunas contra os esforços e solicitação de giros na base de seção circular.

Para esta razão as fundações (sapatas de concreto) Eram largas no topo possibilitando a união e transição de materiais sem a madeira ser inserida no concreto.

União de apoios estruturais ( triedro)


Maquete da guarita


Fotos: Carlos Alberto Fonte: carlosalberto-biju7.blogspot.c


Fonte: www.reporterdiario.com.br

Fonte: www.reporterdiario.com.br


Fonte: www.reporterdiario.com.br


:: bibliografia www.jureia.com.br – acessado em abril de 2009 http://www.brazadv.com/images/jur%C3%A9ia_itatins.jpg acessado em abril de 2009 www.reporterdiario.com.br – acessado em abril de 2009 Fotos: carlosalberto-biju7.blogspot.com – acessado em abril de 2009


Polyanna Lima Veras Arquiteta e Urbanista



Portais em eucalípto roliço