Page 60

59

ESPETÁCULO TRAÇOS: O TAO EM CENA Alice Stefânia Curi Atriz e professora. Doutora em Artes Cênicas pela UFBA. O texto que segue é um recorte da tese “Por uma tao expressividade Processos criativos em trânsito com matrizes taoístas”, defendida em dezembro de 2007, no Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal da Bahia. O objetivo deste estudo foi o de instalar espaços de diálogo criativo entre o corpo, a cena e princípios capturados no universo taoísta, de origem chinesa. Nossa proposição é a de que essa fonte certas matrizes ligadas à sabedoria taoísta apresenta instigantes princípios, com os quais nos interessou interagir em pelo menos três níveis. O primeiro disse respeito ao aspecto teórico1 da tradição. Vários construtos ligados ao saber taoísta soaram de extrema atualidade, e nos provocaram a um diálogo conceitual com noções ligadas à epistemologia contemporânea. O segundo nível de apropriação dessa fonte referiu-se ao uso de estratégias de regulação energética buscadas aí: aqui nos referimos mais especificamente a alguns treinos de chi kung, prática de captação, re-organização e emissão de energias. Esse recurso foi trazido tanto como meio de favorecer o processo criativo, quanto como fomentador de uma conduta corporal com viés micro-político, a qual não se restringe ao âmbito artístico, ecoando no campo pessoal. O terceiro nível de interação, e talvez o mais efetivo enquanto objeto de estudo, foi a aplicação de elementos do imaginário taoísta sugestionando e incrementando processos corporais que visaram o exercício da expressividade. Nesse nível houve a criação do espetáculo solo Traços ou Quando os alicerces vergam. Tramou-se assim 1

Dentro da sabedoria taoísta, prática e teoria estão articuladas dinamicamente, tornando até questionável o uso dessa terminologia. Entretanto apenas para fins de esclarecimento usei o termo teórico aqui, se referindo ao conjunto de idéias e noções da tradição. Estas, ainda que totalmente em interação com os outros âmbitos desse saber, constituem um campo com princípios específicos, assim como o campo do imaginário mítico ou simbólico -, ou mesmo o campo das práticas propriamente procedimentos como massagens, treinos, meditações, etc.

Gipe cit 19 (tradução de artigo)  

Ciane Fernandes Tradução: Melina Scialom SEM PERDA DE MEMÓRIA: UMA EXPLORAÇÃO COREOGRÁFICA

Advertisement