Issuu on Google+

IUS PECCATUM 7 Direitos Mortais

NOVOS FITADOS DO CURSO DE DIREITO

UNIVERSIDADE DE COIMBRA Q U E I M A D A S F I TA S 2 0 1 3


“Tempo de partida, sorte em ter-te p’ra vida!”

Coimbra, tu não morres. Corres depressa tal como o teu rio. Levas o tempo e deixas memórias, consomes lágrimas e congelas sorrisos. Em nós, perdura o orgulho de ser teu, de crescer em ti e de deitar contigo. Tudo parece tão leve e tão recente. No fundo, aqui o “tudo” é tão breve. Coimbra, tão minha, tão tua e tão nossa. Coimbra dos amores de Pedro e Inês. Coimbra de Zeca, Goes e Adriano, Coimbra de Paredes e da Guitarra Portuguesa. Coimbra dos Caloiros e dos Doutores. Coimbra dos milagres que Rainha Santa Isabel fez. Coimbra tão nossa, Coimbra Briosa! Aqui renascemos e crescemos, para que mais tarde te possamos levar pr’á vida, no teu regaço. Em ti aprendemos a sonhar… Coimbra dos Sonhos! No horizonte espreita a Cabra, acompanhada por toques de guitarra. Lá jaz o coração de tal cidade tão maravilhosa, coração materno que nos acompanha desde a aurora até ao crepúsculo, o qual desliza em teu rio. É TEMPO DE PARTIDA Coimbra agora é nossa. E a sorte? SORTE…É TER-TE P’RÁ VIDA!

Saudações Académicas

A Comissão Central da Queima das Fitas 2013


de poder que, actualmente, consome direitos fundamentais do nosso Estado de Direito Democrático. Garantias como a Saúde, Educação, Economia, Política, Emprego, Cultura e Justiça os direitos estruturantes da nossa sociedade vão sendo engolidos pela serpente mae adormecer esta serpente... lhosos anos que nos compete, a nós, lutar pela revitalização destas garantias fundaberço da nossa formação e que os valores básicos e fulcrais que aqui apreendemos serão levados connosco para a vida. de concretizar os sonhos, os desejos e as ambições que orientaram o nosso caminho até aqui e que impulsionaram o nosso crescimento. É tempo de esperança, de orgulho e de alegria por tudo o que aqui foi passado e por tudo que está ainda por vir.

presente na nossa memória. Será nos intermináveis corredores da nossa Faculdade, nas suas frias salas e entre as suas paredes com raízes na História, que repousarão e Ai Coimbra, quem te não viu anda cego, quem te não ama não vive! Com a certeza de um dia voltar, levamos Coimbra para onde o futuro nos quiser levar. -

Joana Anjos e Ana Barros


novo esta experiência única e indizível rebelde e furtiva à plasticidade das palavras. Esta amalgama estranha de vivências, em que os sentimentos da saudade, da memoria e do passado se confundem com os sentimentos da esperança, da abertura ao futuro e da vontade de caminhar ao encontro do vento. E para além disso, urna experiência que todos os anos se revive, com o encantamento e a magia de sempre. E, sobretudo, esta alegria ir reprimível que permanentemente se renova e todos os anos pela Primavera inebria as almas e os corpos e transborda, contagiante, para as ruas de Coimbra. Bem sabemos que lá fora o tempo esta toldado de nuvens negras a ameaçar trevas. Que importa? Cá dentro, ao menos no tempo breve que a Queima dura, o sol irradia luz e claridade. Bem sabemos que lá fora se prolonga o Inverno mavera. Que a luz, a alegria. a esperança e o sonho não se esgotem na ilusão do instante. Que adiram à pele dos novos Fitados de Direito e se entranhem no seu código genético. E os levem para vida como um viático que ajudará a disspar trevas, a São os votos de um Professor que já não sabe contar as gerações de Fitados que viu partir. E que recebeu com emoção e reconhecimento o convite para estar ria e à saudade dos Fitados de Direito de 2013. Tanto a saudade do passado como a saudade do futuro. pedida com desejos de que amanhã o sucesso tenha a medida dos sonhos de hoje sonhados.


Passo a passo, conquistaram uma montanha sublime e, agora, novos caminhos se abrem diante de vós.

vida, quem tiver lutado para o merecer. Louvo, nesta hora de despedida, a vossa nobre dedicação ao Direito, desejando que o sol brilhe sempre no país de amanhã, esse país que todos os dias, ao longo de um árduo caminho, souberam honrar. Quando a festa acabar, a multidão desaparecer e a noite surgir, recordando palavras de Antero de Quental, «tapai as vossas lágrimas com o punho das espadas» e segui em frente! «Há céus e espaços novos para conquistar!»

Com a mais elevada estima e os votos das maiores felicidades de


Alberto Gil Lima Cancela

Ana Filipa Loura Barros

Ana Raquel Noronha Neves

Bruna Filipa Rodrigues

CĂĄtia Dias Jorge

Cheila Linhares Borges Daniela Rodrigues do Cabo

IndalĂŠcio Rodrigues de Sousa Joana Catarina Neto dos Anjos Joana Rita Cardoso dos Santos

Telma Cristina da Silva Pita


Gil Cancela

Ana Barros

Ana Raquel Neves

Bruna Rodrigues

Carla Santos


Catarina Rodrigues

CĂĄtia Jorge

Cheila Linhares

Daniela Cabo

Francisco Santos

Idalina Lopes

IndalĂŠcio Sousa

Joana Anjos


Joana Santos

Lúcia Coelho

Sara Lopes

Filipa Lourenço

Renata Abreu

Telma Pita


Alberto Gil Lima Cancela


Ana Filipa Loura Barros


Ana Raquel Noronha Neves


Bruna Filipa Rodrigues


Cรกtia Dias Jorge


Cheila Linhares Borges


Daniela Rodrigues do Cabo


IndalĂŠcio Rodrigues de Sousa


Joana Catarina Neto dos Anjos


Joana Rita Cardoso dos Santos


Telma Cristina da Silva Pita


A dona Helena e o senhor Fernando Ranha desejam aos novos Fitados de Direito da Universidade de Coimbra as maiores felicidades!

A FamĂ­lia Alves deseja Ă  Catarina um futuro brilhante repleto das maiores felicidades.


Ana Rodrigues e, todos os amigos de Braganรงa que ajudaram o carro Ius peccatum - 7 Direitos Mortais, felicitam os novos fitados de direito da universidade de Coimbra.


Pedro Nuno Melo deseja aos novos Fitados de Direito da Universidade de Coimbra as maiores felicidades!


Os Pais e os Avos da Catarina vĂŞm desejar as maiores felicidades aos Novos Fitados de Direito, esperando que possam concluir jĂĄ e com muito sucesso a Licenciatura!


Agradecimentos Aos nossos pais, nossos maiores patrocinadores Ao senhor A e ao senhor B, pelos seus conflitos jurídicos Aos nossos professores da faculdade de direito da UC Mimi Bruno Leal Filipe Brandão Andreia Batista Família Braga Família Linhares Pastelaria Luar José Maria Amorim Pontes Padaria Ferreira Garrafeira Vinho Prazeres Albina Machado José Martins Conceição Martins António Silva Padaria Montalvão - Castelo Branco Sr. Vereador- Arnaldo Jorge Pacheco Brás Mazur Silvéria Martins Augusto Coelho = Agro Coelho Restaurante Serra da Estrela Viseu Família Cardoso & Santos Nuno Miguel Pires Papelicópia, Santa Maria da Feira Restaurante “Bem Haja” Restaurante “O Gavião” Bar do Auditório da Faculdade de Direito Restaurante “Viasa”


Avinox Graça Carapina Restaurante “Pingão” Escola de Condução Miguel Ângelo Pedro Guimarães Mini-mercado “Quatro Estações” Padaria “Cruzeiro” Santos Silva & Filhos, Lda. Scotch Bar Belita Cabeleireiros Sonhos Floridos Talho Santa Cruz de Alvarenga Elisabete Lourenço Anselmo Neves, Emilia Mendes e Família Garrafeira Espírito Tina florista José de Oliveira Óptica Arromba A todos aqueles que permitiram que fossemos IUS PECCATUM – 7 Direitos Mortais


Dedicat贸rias



IUS PECCATUM