Page 1

PERFIL INSTITUCIONAL

Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia WWW.INSTITUTOPIATAM.ORG.BR

FEVEREIRO DE 2012


Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia

O Instituto PIATAM – Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia foi criado em fevereiro de 2007, com sede em Manaus, com o objetivo de realizar atividades de Ensino, Pesquisa e Desenvolvimento Institucional, voltadas para a modernização organizacional e a formação de quadros técnicos e gerenciais para o setor público e empresas privadas. O I-PIATAM desenvolveu competência e excelência na elaboração de pesquisa, na região Amazônica, uma vez que os seus associados são, na sua grande maioria, oriundos do Projeto Piatam, criado em 2000 como um projeto da Universidade Federal do Amazonas que desde a sua primeira fase contou com o financiamento do Fundo Setorial de Petróleo e Gás Natural – CT Petro, gerido pela Finep – Financiadora de Estudos e Projetos. A partir de 2002, contou por seis anos com o financiamento da Petrobras, o que permitiu o seu crescimento e transformação em um programa sistemático e de longo prazo.

Os principais projetos desenvolvidos pelo I-PIATAM até o presente são listados abaixo:

A valoração econômica da microbacia do rio Tarumã, Manaus/AM

CNPq/UFAM

Assessoria e elaboração de estudos socioambientais relacionados ao sistema de drenagem da Arena da Amazônia, Manaus/AM

Construtora Andrade Gutierrez

Assessoria e elaboração de estudos de rebaixamento do lençol freático na Arena da Amazônia, Manaus/AM

Construtora Andrade Gutierrez

Consolidação e finalização do plano estadual de recursos hídricos do Estado do Acre

WWF/Governo do Acre

Diagnóstico socioeconômico nos municípios do território da cidadania do alto rio Negro/AM, identificando a situação atual da cadeia produtiva do peixe ornamental

SEBRAE

Monitoramento hidrológico da área correspondente à Cachoeira Natal no município de Presidente Figueiredo/AM

-

Projeto Piatam V - inteligência socioambiental estratégica da indústria do petróleo na Amazônia

CT Petro/FINEP

Elaboração de treze programas ambientais para a arena da Amazônia

Construtora Andrade Gutierrez

Elaboração de estudos ambientais para a implantação do complexo Arena da Amazônia - Copa 2014

Secretaria de Planejamento do Estado do Amazonas-SEPLAN

Instrumentos econômicos para a proteção da amazônia: a experiência do Pólo Industrial de Manaus

Nokia do Brasil Tecnologia Ltda

2


Estudo prévio de impacto ambiental e relatório de impacto ambiental para o gasoduto Juruá-Urucu/AM

Petrobras

Elaboração de estudos ambientais para a implantação do sistema de transporte de alta capacidade (monotrilho) - Copa 2014

Secretaria de Planejamento do Estado do Amazonas-SEPLAN

Monitoramento ambiental em trechos da BR-319

COPPETEC / Ministérios dos Transportes-DNIT

Intercâmbio Brasil - EUA: jovens cientistas brasileiros e pesquisadores seniores

Petrobras

Enriquecimento de habitats e seus efeitos sobre as assembléias de peixes em lagos do Parque Nacional de Anavilhanas, Novo Ayrão/AM.

Fundação O Boticário de Proteção à Natureza

Papel para a vida: estudo da cadeia produtiva de embalagens de papelão no Pólo Industrial de Manaus

Placibras da Amazônia Ltda / Instituto de Tecnologia José Rocha Sérgio Cardoso

Zoneamento ecológico de espécies para reflorestamento da faixa de servidão do Gasoduto Urucu

Petrobras

Curso de especialização de gestão socioambiental

Petrobras

Congresso Internacional Edutec 2009: Sociedade do Conhecimento e Meio Ambiente: sinergia científica e tecnológica gerando desenvolvimento sustentável

FAPEAM

Estudo ambiental simplificado – EAS - Avenida das Torres

Secretaria de Estado de Infra-Estrutura do Amazonas - SEINF

Estudo de impacto de vizinhança – EIV Avenida das Torres

Secretaria de Estado de Infra-Estrutura do Amazonas – SEINF

Estudo prévio de impacto ambiental e relatório de impacto ambiental do Campo do Azulão e instalação de facilidades de produção em Silves/AM

Petrobras

Zoneamento ecologico de espécies para reflorestamento da faixa de servidão do Gasoduto Urucu-Manaus/AM

Petrobras

Elaboração de planos ambientais em trecho da BR-319

Centro de Excelência em Engenharia e Transporte (CENTRAN)

Pesquisa sobre a hidrologia do rio Solimões na localidade de Itapéua a jusante da foz do Lago Coari/AM

Petrobras

3

Instituto PIATAM


Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia

Estruturação de um SIG aplicado ao gerenciamento de informações do projeto Modelos de Negócios em energia elétrica em comunidades isoladas da Amazônia – NERAM/UFAM

CNPQ

Estudo de um sistema de tratamento de água para atendimento ao projeto Modelos de Negócios em Energia Elétrica em Comunidades Isoladas da Amazônia – NERAM/UFAM

CNPQ

Projeto água potável é cidadania: uma experiência piloto na área de influência do gasoduto Coari-Manaus/AM

CIEAM

Estudos de recursos naturais e artificiais renováveis e não renováveis, seus impactos positivos e negativos, propostas e alternativas para a melhoria do empreendimento Amazonat Jungle Lodge

Amazonat Jungle Lodge

O Instituto Piatam desenvolve vários projetos de responsabilidade socioambiental no Estado do Amazonas. Um exemplo é o Projeto Piatam, que atua em nove comunidades ribeirinhas, localizadas ao longo do rio Solimões, entre as cidades de Coari e Manaus. O projeto atua na formação de lideranças comunitárias e também na implantação de tecnologias sociais que promovem a geração de renda como as oficinas e monitoramento da implantação de hortas comunitárias, o manejo de abelhas sem ferrão e a criação de galinhas caipiras.

Merece destaque ainda o desenvolvimento, em parceria com os comunitários, da máquina desfibriladora de malva e juta. A máquina é composta por um motor de popa e uma engrenagem que quebra a dura camada que reveste a fibra, para depois macerá-la e descortiçá-la e para que o ribeirinho possa desfibrá-la e secá-la em seguida. Com elas, além de ser poupado de grande parte do longo período em que fica submerso na água, o produtor tem um grande ganho na produtividade, podendo chegar até uma tonelada por dia, capacidade máxima aproximada do equipamento. Ele também pode associar a produção da malva e da juta, que sem a máquina exige mobilização e atenção exclusiva de toda a família, com outras atividades de cultivo, dissociando-se da prática de monocultura, aumentando sua renda e, conseqüentemente, atingindo uma melhor qualidade de vida.

4


O

utra região da Amazônia em queo Instituto vem desenvolvendo atividades socioambientais é o médio Rio Negro. Em abril de 2010, o I-Piatam e a prefeitura Municipal de Barcelos assinaram um Acordo de Cooperação Técnico-Científico e Socioambiental, que prevê a realização de atividades educacionais, capacitação especial e formal de recursos humanos visando o desenvolvimento econômico, a preservação, a conservação, o controle e o monitoramento ambiental no município de Barcelos. O acordo assinado reforça as atividades que já vinham sendo desenvolvidas na região, como a elaboração do planejamento estratégico do município e pesquisas para a gestão da atividade pesqueira (comercial, esportiva e ornamental) em paralelo com atividades de geração de renda. Ressalta-se o curso de capacitação em biojóias oferecido para uma associação de mulheres indígenas do Município de Barcelos e os cursos sobre Ecologia de Pesca, Apetrechos de Pesca, T ecnologia da Pesca e Economia Ambiental e Pesqueira, oferecidos aos comunitários.

R

ecentemente, o Instituto Piatam iniciou projeto em parceria com a Cooperativa COMAGEPTI de Barcelos visando a desenvolver produtos a partir da piaçava e apoio para comercialização nacional e internacional do camu-camu. As ações de responsabilidade socioambientalque o Instituto Piatam desenvolve não estão restritas às comunidades rurais do Amazonas. O ambiente urbano também é foco das ações que visam a melhoria da qualidade de vida das pessoas por meio de estudos ambientais que sinalizem para atividades que promovam renda de maneira sustentável, caso do Projeto Recicla, que desenvolveu um estudo inédito sobre a cadeia produtiva do Papelão de Manaus e apresentou soluções estratégicas para incentivar a atividade da reciclagem como ações de neutralização do carbono, a realização de campanhas para a promover a conscientização do consumidor de valorizar produtos reciclados e a busca de compensações governamentais. Um resultudo importante desta ação é a publicação do livro “Papel para a vida: estudo da cadeia produtiva de embalagens de papelão no Polo Industrial de Manaus”, editado pela EDUA.

O Instituto também atua fortemente na promoção da cidadania, com atividades voltadas ao desenvolvimento de uma consciência crítica, especialmente junto à crianças e adolescentes, por meio de ações de educação ambiental. À frente destas ações está o PIATAMZINHO, um mascote em forma de um barquinho, que navega pelos rios do Amazonas e conhece muito bem a floresta. O PIATAMZINHO está presente em uma série de produtos educacionais como um site infantil (www.piatamzinho.ufam.edu.br), cartilhas e jogos didáticos e interativos.

Ainda na área da Educação, o Instituto Piatam realizou, em Manaus, o Congresso Internacional EDUTEC 2009. Para a realização deste evento, o I-Piatam inovou ao implementar um Sistema Elaborado que permitiu a inscrição online de profissionais e cientistas no âmbito da formação da América e da Europa, todos interessados no estudo da incorporação das Tecnologias da Informação e Comunicação aplicadas à educação. Através do sistema, os participantes enviaram projetos de pesquisas para avaliação por um comitê científico que, online, atribuiu pontuação e validou o conteúdo apresentado nas áreas de interesse do congresso. Finalmente, outro importante projeto realizado pelo Instituto Piatam na área socioambiental é o Ten Thousand Trees.Iniciado em 2009, este projeto tem por objetivo neutralizar emissões de carbono por parte das indústrias do Pólo Industrial de Manaus - PIM por meio da recuperação de sistemas florestais e de serviços ambientais e geração de renda para comunidades amazônicas. O projeto conta com a parceria da Washington and Lee University (EUA).

5

Instituto PIATAM


Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia

O Instituto Piatam dispõe de uma equipe de pesquisadores de alto nível em várias áreas do conhecimento. O Instituto prima pela qualificação profissional e articula-se com instituições nacionais e internacionais para constituir o seu quadro de colaboradores. Abaixo são apresentados alguns dos pesquisadores seniores que têm contribuído sobremaneira para o desenvolvimento de trabalhos técnicos de padrão internacional.

Pós-doutor em Economia Ambiental pela Washington and Lee University (2005), Doutorado em Economia Ambiental e Finanças Públicas - The University of Tennessee System (1998), Mestrado em Finanças Públicas - The University of Tennessee System (1997) e Graduado em Engenharia de Pesca pela Universidade Federal do Ceará (1988). Atualmente é Professor titular do Departamento de Economia e Análise da Universidade Federal do Amazonas, Presidente do Instituto Piatam, Professor Colaborador da Washington And Lee University (EUA), Economista Emérito conferido pelo Conselho Regional de Economia da 13ª. Região do Amazonas. Atua, principalmente, na área de Economia Ambiental e dos Recursos Naturais, com ênfase na Economia dos Serviços Ambientais e Valoração Econômica do Ambiente e, Análise de Impacto Ambiental de grandes projetos. Diretor de um consórcio no Programa Brasil-EUA, sob os auspícios da CAPES (Brasil) e FIPSE (EUA).

Doutor em Ciências da Engenharia Ambiental pela Universidade de São Paulo (1999), Mestrado em Biologia de Água Doce e Pesca Interior pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (1995) e Graduado em Engenharia de Pesca pela Universidade Federal do Pará (1987). Atualmente é Professor Titular da Universidade Federal do Amazonas, Professor Credenciado do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq, Membro do Conselho Consultivo da Fundação Amazônia Sustentável e Fellow of the Linnean Society of London. Atua, também, na coordenação do quinto ciclo de financiamento do Projeto PIATAM, uma rede de projetos multidisciplinar. Coordena, ainda, o sistema de estatística pesqueira no Estado do Amazonas, com recursos do Ministério da Pesca e Aquicultura. Recebeu 11 prêmios e/ou homenagens, com destaque para o Ibaraki Kasumigaura Prize, pelo trabalho apresentado no LAKE 99.

Doutor em Geologia Regional pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2005), Mestrado em Geologia Regional pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1997) e Graduado em Geociências pela Universidade Federal do Amazonas (1992). Atualmente é Professor adjunto da Universidade Federal do Amazonas. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geologia Estrutural, atuando principalmente nos seguintes temas: neotectônica, geomorfologia, geofísica e sensoriamento remoto.

Doutor em Economia pela University of Maryland (1981), Mestrado em Economia pela University of Maryland (1978) e Bacharel em Economia pela Washington and Lee University (1975). Exerce a cátedra John F. Hendon Professorship em Economia e é Diretor do Programa de Estudos Ambientais da Washington and Lee University. É tambem Professor colaborador da Universidade Federal do Amazonas, desde 1992. Dentre suas atividades anteriores foi Professor na State University of New York Binghamton (1980-1991) e Professor da University of Tennessee (1991-2000). No mesmo período em que atuou na University of Tennessee, foi também cientista colaborador no Laboratório Nacional de Oak Ridge. Atua, principalmente, 6


nas áreas de Economia do Meio Ambiente. As linhas de pesquisa incluem desenvolvimento sustentável na Amazonia, Desenvolvimento de Incentivos Econômicos para Preservação do Meio Ambiente, Valoração do Meio Ambiente, Análise Multi-Criterial, Mudanças Climáticas no Mundo, Economia da Pesca e Modelagem da Interação entre Sistemas Econômicos e Ecológicos.

Doutor em Desenvolvimento Sustentável pela Universidade de Brasília (2000), Mestrado em Administração pela Universidade de Brasília (1994) e Graduado em Ciências Econômicas pela Universidade Católica de Brasília (1981). Atualmente é técnico de planejamento e pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA. Coordenador de meio Ambiente e do Fórum Ipea de Mudanças Climáticas. Professor de Economia Ambiental da Universidade Federal do Amazonas, colaborador da Universidade de Brasília e pesquisador do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – DF. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Desenvolvimento Sustentável, atuando principalmente nos seguintes temas: desenvolvimento sustentável, economia ambiental, valoração de recursos naturais, gestão ambiental e direito ambiental.

Doutor em Desenvolvimento Socioambiental pela Universidade Federal do Pará (1999), Mestre em Engenharia de Sistemas e Computação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1990) e Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Amazonas (1978). É Economista Emérito pelo Conselho Regional de Economia 13ª Região (2010). Professor Adjunto IV do Departamento de Economia e Análise da Faculdade de Estudos Sociais da Universidade Federal do Amazonas. Pesquisador em teorias, métodos e métricas sobre desenvolvimento sustentável e em dinâmicas do desenvolvimento regional amazônico. Em fase anterior das atuais atividades acadêmicas e profissionais acumulou experiência nas seguintes áreas: estruturação organizacional e formulação de políticas e diretrizes corporativas, no setor privado; planejamento governamental, finanças públicas (orçamento e execução), administração tributária, dívida pública (interna e externa), informática pública, planejamento e gestão de projetos de pesquisa, infra-estrutura para atividades de pesquisa; e desenvolvimento de softwares para automatizar atividades industriais, comerciais, financeiras, de recursos humanos, de controle de projetos e outros.

Doutora em Sociologia pela Universidade Federal do Ceará (2002), Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal do Ceará (1997) e Graduada em Agronomia pela Universidade Federal do Amazonas (1987). Atualmente é Professora Associada da Universidade Federal do Amazonas, Coordenadora do Núcleo de Socioeconomia (NUSEC/FCA/UFAM) e Membro do Programa de Pós-Graduação Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Sociologia e Antropologia, atuando principalmente nos seguintes temas: agricultura familiar, sustentabilidade, campesinato, sistemas agroflorestais e várzea amazônica.

7

Instituto PIATAM


Av. Constelação Cruzeiro Sul, 134, sala 01 Ed. Morada Officies. Conjunto Morada do Sol, CEP - 69060-062 Tel. (92) 3342-9503/9120-3131

Perfil Instituto Piatam  

Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you