Page 1

Residência Phosphorus Convocatória para artistas e gestores independentes

Residência Phosphorus é um projeto realizado com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura - Programa de Ação Cultural – 2012, que, através do edital nº18/2012 – Concurso de Apoio a

Projetos de Produção de Espaços Independentes Vinculados às Artes Visuais no Estado de São Paulo, torna público a convocatória para artistas e gestores independentes. Esse edital visa adensar e aprimorar a ocupação do espaço Phosphorus, através de um ciclo de residência de dois meses, combinando criações artísticas, pesquisa de patrimônio histórico, exposição pública de trabalhos e desenvolvimento de modelo de gestão para espaço independente. A experiência proposta foca no desenvolvimento de relações com o entorno urbano do sítio histórico e o arquivo público da Casa da Imagem, instituição localizada na mesma rua, voltada à memória fotográfica da cidade de São Paulo (o acervo pode ser consultado de terça a sexta-feira, das 9h às 17h); criando novas situações estéticas e institucionais em decorrência do processo de residência de dois sujeitos culturais sendo um artista residente de São Paulo e um gestor internacional com experiência de trabalho em espaços independentes ( residente na América Latina). Na sua dinâmica de desenvolvimento o projeto irá propiciar durante os dois meses de sua ocorrência uma ampla troca de experiência entre os residentes, os artistas integrantes do Phosphorus, bem como, com o ateliê do artista Daniel Murgel e a Casa Juisi (centro de pesquisa em figurino


vintage, com mais de 7000 peças no acervo). Phosphorus está localizado em edifício situado no centro histórico de São Paulo (que abrigou o primeiro Cartório de São Paulo na Rua Roberto Simonsen 108, entre o Pátio do Colégio e a Praça da Sé). Levando adiante a proposta de estabelecimento de um espaço independente voltado ás práticas contemporâneas, Phosphorus, respeita o paradigma de produtividade independente que foi adotado como filosofia do espaço no qual a não conta com funcionários e todas as atividades são desenvolvidas com custos reduzidos na medida que emprega o tempo e a disponibilidade dos próprios usuários, sendo aberto também ao trabalho voluntário proposto através da rede de frequentadores e colaboradores que orbitam em torno do espaço. O artista não deverá apresentar um projeto formatado, já que o edital busca artistas engajados em práticas processuais, sendo assim, a vivência e a troca de experiências relacionadas ao espaço e ao entorno serão valorizadas. Experiências anteriores relacionadas à tais práticas podem constar no portfólio. Não será solicitado carta de recomendação, porém, a carta de motivação deverá expressar uma vontade genuína de participação de um projeto que tem como base a colaboratividade, o sentido de cooperação e a consciência social (principalmente considerando sua localização na cidade). Phosphorus valoriza o aprofundamento do pensamento sobre cultura independente, estética relacional e autonomia sustentável.

Inscrições A

Ficha

de

inscrição

http://phosphorus.art.br

e

o

edital

podem

ser

baixados

no

site


Podem inscrever-se artistas residentes em São Paulo a mais de dois anos e gestores estrangeiros residentes na América Latina. As inscrições deverão estar escritas nos idiomas português ou espanhol. Nessa primeira etapa um artista e um gestor serão contemplados. As inscrições poderão ser feitas de 15 de fevereiro a 17 de março de 2013. O resultado será divulgado no dia 14 de abril de 2013. A residência se dará de 6 de maio à 6 de julho de 2013. As inscrições deverão ser enviadas exclusivamente via e-mail, através do endereço residenciaphosphorus@gmail.com Todos os itens solicitados deverão constar em um único e-mail sob o assunto: Inscrição Residência Phosphorus, e não deverão ultrapassar 10MB. Requisitos para Artistas residentes na cidade de São Paulo: -

Ficha de inscrição devidamente preenchida e assinada.

-

Currículo contendo nome artístico, principais exposições, residências, prêmios, etc.

-

Carta de motivação explicitando seu interesse e disponibilidade em realizar a residência.

-

Portfólio no formato pdf, contendo imagens com legendas dos trabalhos e descrições quando forem necessárias. Trabalhos em vídeo deverão estar disponíveis online e os links para assisti-los poderão constar no portfólio.

-

Projetos de trabalhos não realizados poderão ser enviados em formato pdf (item não é obrigatório).

-

Qualquer outro material que o candidato julgar importante ou necessário poderá ser anexado à inscrição, sendo este item opcional.

Requisitos para Gestores internacionais residentes na América Latina: -

Ficha de inscrição devidamente preenchida e assinada.


-

Currículo contendo links dos websites dos espaços, ou galerias independentes onde trabalhou, experiências profissionais como gestor, residências, etc.

-

Carta de motivação explicitando seu interesse e disponibilidade em realizar a residência.

-

Texto descritivo sobre as experiências que teve como gestor em projetos, espaços ou galerias independentes (no máximo 3 laudas).

-

Qualquer outro material que o candidato julgar importante ou necessário poderá ser anexado à inscrição, sendo este item opcional.

Seleção A seleção será realizada pela gestora do espaço Phosphorus, Maria Montero e uma comissão julgadora que será divulgada após a seleção. Dois suplentes, um gestor e um artista, serão elegidos em caso de desistência ou impossibilidade de participação dos selecionados. Os selecionados deverão responder em um prazo de 5 dias, correndo o risco de serem desclassificados após este período. O resultado será informado à todos os inscritos via e-mail.

Termos e condições Tanto o artista quanto o gestor receberão um valor de R$ 5000,00 cada, valor este que será depositado em conta bancária pessoal, sendo os primeiros R$ 2500,00 na data de início da residência e os outros R$ 2500,00 após 30 dias da data de início da residência. Phosphorus arcará com a passagem aérea do gestor selecionado, num valor de até R$ 1000,00. O mesmo terá mesa de trabalho e poderá usufruir de todo o espaço (sala de exposição, escritório, cozinha, biblioteca e sala de aula e workshops e jardim). Deverá participar das atividades Phosphorus e propor outras atividades utilizando-se da infra-estrutura e da rede de contatos Phosphorus. O compartilhamento de tecnologia e de experiências e a


participação nas atividades cotidianas do espaço serão o foco da residência. O artista selecionado terá uma sala de trabalho para uso pessoal (ateliê), terá acesso a toas as áreas do espaço (sala de exposição, escritório, cozinha, biblioteca e sala de aula e workshops e jardim) e o direito de uso das áreas para exposição, caso decida mostrar publicamente o resultado de sua experiência, bem como acesso a todas as facilidades e a rede de contato do espaço. Ambos deverão compartilhar registros e documentações bem como gerar conteúdo para inserção em site e facebook e outras ferramentas de divulgação, inclusive publicação que será desenvolvida em parceria Phosphorus/ colaboradores Phosphorus, gestor a artista selecionado. Deverão também propor pelo menos uma atividade pública que pode seguir formato aula, palestra, workshop ou outra proposição desenvolvida pelo artista. Será previsto também leitura de portfólio e fala pública para compartilhar e debater o resultado das experiências. Phosphorus não arcará com nenhum tipo de despesas que envolvam alimentação, estadia, seguro de saúde, produção de obras, ou qualquer outro tipo de gastos, cabendo ao artista/gestor selecionado se responsabilizar por estes custos. Phosphorus se compromete a dar assistência na produção dos trabalhos dos selecionados e colaborar ativamente com o desenvolvimento da pesquisa de cada um.

Cronograma Inscrições abertas de 15 de fevereiro a 15 de março de 2013. Divulgação dos selecionados: dia 6 de abril de 2013 Período de residência de 6 de maio a 6 de julho de 2013

Residência Phosphorus: convocatória  

Residência Phosphorus 2013

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you