Issuu on Google+

Revista Dia Melhor amplia circulação e chega ao Ipiranga. P. 3 PÁGINA 2

Consórcio do ABC unifica tarifas de táxis

A Era Lula não acabou Opinião PÁGINA 2

Brasil bate meta de emprego De janeiro a novembro foram criados 2,54 milhões de novos postos de trabalho no País. PÁGINA 2

Riacho Grande oferece gastronomia diferenciada

Ano XIV - nº 646 Semana de 23 a 29 de dezembro de 2010

Mauá aposta em Etec e investimentos no transporte Prefeito Oswaldo Dias admite déficit orçamentário, mas reforça realizações feitas nas áreas da saúde e educação. Para o próximo ano, a administração pretende viabilizar construção de Etec e investimentos no transporte coletivo. Página 5

Região terá bandeirada (saída) em R$ 4, hora rodada em R$ 2,10 (bandeira 1) e R$ 2,52 (bandeira 2). Tarifas de ônibus também foram discutidas, mas não houve consenso. Página 3

Divulgação

PÁGINA 2

Petrobras abre 838 vagas de emprego

Em novo endereço e voltado ao atendimento personalizado dos cliente, restaurante Burajiro Sushi une culinária asiática e brasileira.

Distribuídas em várias regiões do País, oportunidades são para nível médio e superior e oferecem salários de R$ 1.801,37 a R$ 6.217,19. PÁGINA 4

Homenagem a Adoniran Sesc de Santo André dedica o mês de Janeiro ao centenário do sambista Adoniram Barbosa. Atrações vão do pagode ao rock n´ roll PÁGINA 7

Receita de Natal Aprenda a fazer de forma simples e prática um delicioso arroz ao vinho para incrementar sua ceia. PÁGINA 8

Exposição apresenta presépios de várias culturas Mostra permanente está em cartaz no Museu de Arte Sacra. O destaque da exposição é o Presépio Napolitano, montado com 1500 peças em estilo barroco. Página: 8

Informática como instrumento revolucionário Uma nova era se inicia com a tecnologia e uma pergunta é colocada: estamos à beira de uma guerra da informação?


2

Ano XIV - nº646 Semana de 23 a 29 de dezembro de 2010

www.pfinal.com.br

Burajiro Sushi pretende ser referência na região Opinião Por Carlos A. B. Balladas

A Era Lula não acabou Falar do passado, longínquo ou recente, de Luiz Inácio Lula da Silva é chover no molhado. A sua vida, pessoal e pública, está registrada em milhares de reportagens e artigos de jornais, verbetes de todas as enciclopédias do mundo, em documentários, em filmes. Todos os meios de comunicação já foram utilizadas para expressar algo sobre um dos brasileiros mais conhecidos fora do Brasil. Lula talvez tenha alcançado a popularidade, entre os estrangeiros, no nível de Carmem Miranda e Airton Senna. Para alcançar a de Pelé só outro Pelé, este é praticamente imbatível. Bem, se não vamos falar do passado, tentemos fazer alguns exercícios de futurologia. Para tanto, partimos da premissa estabelecida pelo próprio Lula de que não deixará a política, apenas o cargo de presidente. A pergunta que se faz, então, é a seguinte: como se faz política sem um cargo eletivo? A resposta é simples: dando palpites na vida de quem tem cargo, como todos nós fazemos. A diferença é que a palavra de Lula tem um peso muitíssimo maior do que a de simples mortais como nós. Uma declaração de Lula repercute em todos os noticiários do

Jornalista Responsável Carlos A. B. Balladas Redação Carla Guedes Ferreira | Marina Schmidt Eduardo Kazé Agência Brasil Editoração e Arte Final Elaine Bosso Luz | Rodrigo Fonseca

País e fora daqui. Aquele que, de alguma forma, for criticado por Lula não terá vida fácil, com certeza. É preciso saber, então, quais serão os alvos do futuro ex-presidente. Lula declarou mais de uma vez que deseja passar a limpo o episódio do mensalão, o que, em outras palavras, significa limpar o nome de José Dirceu e reabilitá-lo para a vida pública. Para isso, Lula terá de enfrentar um debate fortíssimo com os que acusam Dirceu, e ao próprio Lula, de responsáveis por montar o esquema. E quem são eles: Fernando Henrique, Serra e companhia. As mesuras acabarão, as meias palavras não terão mais vez. O embate pode ter sérias consequências para ambos os lados. Lula também deve se meter na campanha de 2012, subindo no palanque de aliados, simpatizantes e simpatizados. Ganhará mais votos quem tiver Lula sorrindo ao lado na foto, seja do PT ou não. Em dois anos pouco haverá perdido dos 83% de aprovação com os quais termina o seu segundo mandato. Lula termina em 31 de dezembro próximo os seus oito anos como presidente, o que não significa que sua era tenha se encerrado.

Sede Própria Av. Utinga, 413 Vila Metalúrgica Santo André - SP - CEP:09220-610 Tel.: (11) 4463-3222 - 4463-3144 redacao@pfinal.com.br publicidade@pfinal.com.br

O Ponto Final é o jornal semanal gratuito de maior tiragem do interior do Estado de São Paulo.

Confira no portal www.pfinal.com.br O Jornal Ponto Final é uma publicação da CABB Editora S/C Ltda. É distribuído gratuitamente aos usuários do sistema de transporte coletivo de São Paulo e do ABC. As matérias assinadas ou tarjadas não expressam a opinião do jornal.

Riacho Grande ganha culinária diferenciada

Carla Guedes Ferreira

Glauco e Carlos apostam na comida oriental com ingredientes brasileiros Marina Schmidt

D

epois de completar 61 anos, em 12 de dezembro, o Riacho Grande, em São Bernardo, ganhou mais um reforço na revitalização pela qual está passando. Na última quarta-feira (15) foi reinaugurado o restaurante Burajiro Sushi, que mudou de endereço e de conceito no atendimento aos clientes. Comandado pelos empresários e sócios Glauco Tabet Lima e Carlos Antonio Silva, o restaurante, que iniciou as atividades em junho do ano passado, foi totalmente reestruturado e agora atende em novo endereço. No cardápio, a culinária asiática ganha ingredientes brasileiros, e promete ganhar cada vez mais destaque. “O espaço tem agora um novo foco”, conta Lima, referindo-se ao investimento na exclusividade e combinação dos pratos. “Buraji-

ru significa sushi brasileiro e eu quero levar isso ao pé da letra. Antes estávamos focados no festival, mas agora o cliente que sentar-se à mesa para provar o que temos de diferente a oferecer não vai se decepcionar”. Criatividade e sabor são os principais ingredientes da culinária do Burajiru Sushi. O cardápio oferece, ainda, opções saudáveis, como pratos vegetarianos, redução de gordura na produção dos alimentos, além de bebidas produzidas com frutas típicas brasileiras. O Burajiru Sushi funciona agora na Rua da Praia, 39. A casa abre para o almoço de segunda a sexta-feira, das 11h30 às 15h, e aos fins de semana, das 12h às 17h. No jantar, atende de terça a sábado, das 19h às 24h. Informações: 4354-0614.

País já alcançou 2,5 milhões de empregos Com 138.247 novos postos de trabalho criados em novembro, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o Brasil atingiu a meta de 2,5 milhões de empregos gerados em 2010.

Em novembro, as áreas que mais contrataram foram as de comércio, com 131.336 novas contratações, e serviços, com 79.173. No total, foram efetuadas 1,57 milhão admissões contra 1,43 milhão demissões. (Com ABr)

Oportunidades de Trabalho

134 Prefeitura de Ribeirão Vagas

Pires

As oportunidades são para todos os níveis de escolaridade. Entre os cargos oferecidos estão o de carpinteiro, pedreiro, assistente administrativo, fotógrafo guarda municipal, entre outros. Os salários variam entre R$ R$ 624,65 a R$ 2.017,56. A taxa de participação custa entre R$ 18 e R$ 51. Os interessados em participar da seleção devem fazer a inscrição até 13 de janeiro no portal www.mouramelo.com.br ou pessoalmente de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na na E.M. Engenheiro Carlos Rohm, na Rua 1º de Maio, 170, Jardim Itacolomy, Ribeirão Pires. A taxa de participação varia de R$ 18 a R$ 51.

838

Petrobras

Vagas

As vagas oferecidas para o nível médio e superior estão distribuídas em várias regiões do País. Os salários vão de R$ 1.801,37 a R$ 6.217,19. Os cargos disponíveis são para administrador, engenheiro, geólogo, médico, inspetor de segurança, técnico de manutenção, entre outros. As inscrições que custam R$ 30 e R$ 45 podem ser feitas até 27 de janeiro no portal www.cesgranrio.org.br. Concursos abertos: O Jornal Ponto publica em todas as suas edições concursos públicos. Além destes publicados nesta edição, há muitos outros ainda com inscrições abertas. Acesse o portal do Ponto Final na internet (www.pfinal.com.br), em Edições Anteriores, sempre na página 2 do jornal, você verá inúmeras vagas abertas em concursos.

Boas Festas O Jornal Ponto Final recebeu e retribui os votos de boas festas de: Andréa Guardabassi; Banda Jazz Diadema; Chico Santa Rita; Link Portal da Comunicação; Pinacoteca do Estado de SP; Sonia Kessar Assessoria de Imprensa; RP1 Comunicação; Vera Moreira Comunicação; Denise Coimbra; MMartan; Paulo Sérgio João advogados; Vereador Toninho de Jesus; José Antônio de Souza da Powersys; Via Pública Comunicação; Deputado Davi Zaia; MCA Três; Vallvé; DCC Comunicação; Discovery Networks Brasil; Grendacc; WH Comunicação; Portal Meu Nutricionista; Ceschini; Circo Spacial; Deputado William Dib; GT e Marketing; Maxpress; Multiplus; Gilberto Primavera; Ipea, TV ABCD, Ato Z Comunicação, Miyashita Consulting,Show Business, Medibel Cirurgia Plástica, Tribuna On-Line, Anael Lopes e Centro de Altos Estudos de Segurança.


Renovar as esperanças e as vitórias em 2011 Por Cícero Martinha presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André e Mauá

e senadores com a mobilização em defesa dos empregos dos 100 mil companheiros e companheiras da ferramentaria. Mobilização necessária diante da importação em larga escala de auto-peças e componentes e que significava, para nós, a ameaça de desemprego em massa em função do risco de falência para as empresas que operam no setor. Estávamos, portanto, mobilizados e preparados para a grande jornada da Campanha Salarial 2010 que nos ocuparia em setembro, outubro e novembro. O Sindicato, junto com sua diretoria e o apoio da companheirada do chão de fábrica, conquistou 9% de reajuste e negociamos com as empresas de nossa base os melhores abonos salariais de nossa história de lutas continuadas. Outra ação vitoriosa foi a Campanha de Sindicalização. Neste ano mais de 4 mil metalúrgicos (as) reforçaram a luta da categoria. Estamos satisfeitos? Claro que não. Estamos, sim, preparados para novos desafios em 2011. Queremos mais salários, o controle da rotatividade através da assinatura pela presidente Dilma Rousseff da Convenção 158 da OIT. Queremos elevar os pisos salariais. Precisamos instaurar melhores condições dentro das fábricas, para reduzir acidentes, melhorar a alimentação e o transporte. Mas temos em 2011, com a posse de Dilma Rousseff, a primeira presidenta eleita no Brasil, a renovação das nossas esperanças de um Brasil mais justo, com mais distribuição de renda e respeito aos direitos trabalhistas, duramente conquistados. Porque Dilma herda o patrimônio do governo do presidente Lula e herda também a nossa confiança e esperança no Brasil que lutamos tanto para merecer.

Revista Dia Melhor conquista o Ipiranga

A

revista Dia Melhor agora também pode ser encontrada – gratuitamente – na Maria Louca Casa de Pães (Rua dos Patriotas, 874, Ipiranga, SP). A primeira edição desta nova fase, inaugurada na semana da véspera de Natal, contou com a qualidade gráfica e de conteúdo, já conhecidas da publicação (que é igualmente distribuída na rede de padarias Brasileira, e está em sua 11° edição). “Os clientes poderão retirar periodicamente o seu exemplar da Dia Melhor, na qual encontrará informações sobre comportamento, beleza, decoração, cultura, assuntos variados e, claro, novidades da sua padaria predileta”, destaca o editor da revista, Carlos A. B. Balladas.

Maria Louca

Com um ano de vida, a Maria Louca

Casa de Pães tem números consideráveis: são 190 funcionários que atendem, em média, 2500 pessoas por dia. De acordo com o consultor de marketing e comunicação da casa, Manoel Sobrinho, o sucesso se dá pelos diferenciais oferecidos. “A Maria Louca Casa de Pães é a única casa que permite ao cliente degustar qualquer produto, sem restrição. Sempre temos novidades, e o cliente experimentando antes sabe exatamente o que leva para a sua família”, destaca Sobrinho. Para Francisco Costa de Oliveira, um dos cinco sócios da empresa, a pluralidade é a chave do negócio: “são raras as casas que oferecem tamanha variedade em ambientes que o fazem sentir num centro gastronômico, e não numa padaria simplesmente”. Balladas, por sua vez, considera a parceria um encontro de iniciativas recentes e promissoras. Ele destaca o principal tema da edição de estreia: “Neste primeiro exemplar, destacamos a trajetória de sucesso da Maria Louca, e quem atesta e aprova esse empreendimento são os próprios clientes, que registraram suas opiniões já nesta primeira edição. A história de conquistas dessa que em pouco tempo já se tornou uma das principais padarias paulistanas é resultado da dedicação de seus donos e sua equipe ao cliente”, finaliza.

Taxas de táxis são unificadas no ABC Em reunião realizada no ultimo dia 16 de dezembro, o Consórcio Intermunicipal do Grande ABC (órgão formado por autoridades das sete cidades) decidiu unificar as tarifas de táxis da região. As novas taxas passam a ser praticadas em 2011. A mudança nos preços dos ônibus também foi discutida, mas não houve consenso. Os prefeitos decidiram se reunir novamente na próxima segunda-feira (27) para nova discussão. A bandeirada (preço inicial) dos táxis foi unificada para R$ 4. O quilômetro rodado da bandeira 1 (segunda-feira a sábado, das 6h às 22h) em R$ 2,10 e o da bandeira 2 ( após as 22h e domingos) em R$ 2,52. A hora parada ou lenta (em caso de trânsito, por exemplo) ficou estabelecida em R$ 22. Cada prefeito deverá publicar o decreto a partir de 1º de janeiro. A tarifa de ônibus também deverá ter aumento em 2011. Praticados desde dezembro de 2008 em São Caetano e Rio Grande da Serra o preço da passagem é de R$ 2,30; já em São Bernardo e demais municípios é de R$ 2,50. Apenas Santo André teve o último aumento em fevereiro deste ano - passando de R$ 2,50 para R$ 2,65. O valor do reajuste para o ano que vem, no entanto, ainda não foi confirmado pelas prefeituras.

Aniversariante acompanhado não paga o rodízio no dia de seu aniversário.

* Exceto para Petit Gateau e Brownie

Publicação se consolida em mais um ponto

Os metalúrgicos(as) de Santo André e Mauá estão preparados para novas vitórias em 2011. Por que? Porque soubemos honrar as esperanças de nossas famílias, de nossa comunidade e, principalmente, de todos os companheiros(as) da nossa categoria que transformaram, todos os dias do ano, lutas em vitórias e em esperanças de um 2011 que todos merecemos. Começamos o ano, em fevereiro, com a mobilização em Brasília pela jornada de 40 horas semanais. Era importante a gente marcar posição junto aos políticos num ano eleitoral. Hoje temos cacife, principalmente, depois da vitória de Dilma Rousseff para a presidência, para pressionar o Congresso Nacional com mais sucesso em 2011. Pois com a aprovação das 40 horas vamos conseguir a abertura de mais de 2 milhões de novas vagas. Em março, a luta continuou. Com as campanhas em fábricas, as assembléias e negociações conseguimos uma das mais expressivas PLR. Por isso, no 1º de Maio da Força Sindical comemoramos. No mês de maio, realizamos o Encontro de Cipeiros porque sabemos que temos que atuar com firmeza para proteger a vida dos nossos trabalhadores na labuta diária. E que se deixarmos por conta dos patrões, apenas, aumentam os riscos de acidentes. Criamos, em junho, a Agenda da Classe Trabalhadora e finalizamos as negociações em torno da PLR de R$ 40 milhões, beneficiando mais de 20 mil trabalhadores. Ou seja, mantivemos nossa estratégia de bater na tecla da mobilização política e, ao mesmo tempo, transformar nossa ação em ganhos salariais. Entramos em agosto, o segundo semestre de um 2010 que nos levava também para a reta final das eleições presidencial, de governadores, deputados federais, estaduais

3

Ano XIV - nº646 Semana de 23 a 29 de dezembro 2010

www.pfinal.com.br


4

Ano XIV - nº646 Semana de 23 a 29 de dezembro de 2010

Agenda

www.pfinal.com.br Divulgação

Música Santo André

MÚSICA

LIVRO Dr. House : Guia para a Vida

Este livro faz um raio X da vida do Dr. House e dá lições práticas de como ser mais parecido com ele e utilizar suas filosofias no seu dia a dia. Você se surpreenderá em como muitas das coisas ditas aqui se encaixam em sua vida e verá que o médico rabugento pode ter razão. Autor: Toni de la Torre; editora: Leya; páginas: 156; preço: R$ 16,90.

CD

Céu (Deluxe)- Duplo Reedição em formato Premium do CD “Céu”, lançado originalmente em 2005. Contém o CD com a inclusão de uma faixa bônus, além de um DVD com apresentações ao vivo e um videoclipe.

Cinema

72 Horas

O professor universitário John Brennan (Russell Crowe) levava uma vida perfeita até sua esposa, Lara (Elizabeth Banks), ser presa acusada de um crime brutal, que ela alega não ter cometido. Após três anos de vários recursos negados pela justiça, John percebe que só há uma saída: elaborar um plano de fuga preciso para tirá-la da prisão. Agora, ele e Lara terão apenas 72 horas para fugir. Em uma corrida contra tempo, John irá provar que não há nada mais perigoso do que um homem com tudo a perder.Estreia nos cinemas 24 de dezembro.

Santo André Vida Rouca – O show apresenta algumas das grandes canções do lendário sambista paulistano e destaca sua habilidade como humorista. Em formações que usam cavaquinho, violão e guitarra, o espetáculo desconstrói com muito bom humor as canções de Adoniran, sempre preservando a musicalidade do mestre. Dia 15/1, às 20h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. Passoca canta inéditos de Adoniran – O Sr. Juvenal Fernandes, que durante anos conviveu quase que diariamente com Adoniran, e com a autorização da viúva, convidou parceiros para colocar melodias em parte de letras inéditas do compositor. Entre eles Passoca, que selecionou algumas parcerias de acordo com suas características vocais e interpretativas. Dia 16/1, às 20h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. GRÁTIS Cadê o Arnesto? – Uma homenagem singela e alegre à presença inesquecível de Adoniran Barbosa, transmitida ao público por meio de suas composições atemporais. Os bairros por onde passou, os personagens que elucidou dentro de uma São Paulo num caos abafado de progresso constante, que se fazia ouvir de forma mais nítida, principalmente pelos mais simples. Dia 25/1, às 18h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. Maria Alcina – A cantora apresenta uma homenagem ao centenário de nascimento de Adoniran Barbosa. Maria Alcina relembra fatos da vida do músico e canta, com sua voz grave e jeito irreverente, 25 composições do homenageado, desde obras mais conhecidas, como Trem das onze, Saudosa Maloca e Samba do Arnesto, a outras românticas e marchinhas de carnaval. Dia 25/1, às 20h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. Carlinhos Vergueiro – Apesar da

Velhas Virgens - Carnavelhas II Em homenagem aos 100 anos de Adoniran Barbosa a banda – histórica representante do rock alternativo paulistano - lança o álbum Carnavelhas II, com músicas falando de diferença de gerações, quando se conheceram, em meados da década de 1970, Carlinhos Vergueiro fez a parceria com Adoniran no hoje clássico samba Torresmo à Milanesa. Dia 30/1, às 20h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. São Paulo Duo Grená – Com piano, sax, flauta e clarinete apresentam sucessos dos grandes mestres da música brasileira, Vinicius de Moraes, Tom Jobim, Cartola e Villa Lobos entre outros. Dia 26/12, às 15h, no Sesc Itaquera. Av. Fernando Espírito Santo Alves de Mattos, 1000. Tel. 2523-9200.

TEATRO Santo André Ado(ni)rando – O musical privilegia as personagens femininas exploradas pelo sambista. Malvina, Iracema e Pafunça são algumas das mulheres que o inspiraram e figuram no espetáculo, que ainda aborda o crescimento da cidade de São Paulo e detalhes da biografia de Adoniran. Dia 22 e 23/1, às 20h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302,

lugares inusitados de São Paulo, além de tributo ao grande poeta da cidade. Dia 29/1, às 20h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. São Paulo Rosa de vidro – Livremente inspirado na vida e na obra de Tennessee Williams, a peça aborda a relação incestuosa, porém sem envolvimento carnal, entre o dramaturgo norte-americano e sua única irmã, Rose. De 13/1 a 25/2, quintas e sextas-feiras, às 21h, no Sesc Consolação. R. Dr. Vila Nova, 245, Vila Buarque. Tel. 3256-2223.

INFANTIL Santo André GRÁTIS Rapunzel, uma história pra mais de metro – Marcha rancheira, moda de viola, blues e músicas compostas especialmente para a história, colorem o espetáculo, juntamente com uma nova proposta, onde o próprio cenário e indumentária são utilizados como instrumentos percussivos. Dia 26/12, às 15h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. GRÁTIS Menu de Histórias – Serão apresentados diversos contos,

INSS

Aposentadoria adquiridas antes de 1998 NOVA REVISÃO DE BENEFÍCIO BASEADA NO NOVO TETO DE R$1.081,50 PARA R$1.200,00, EM 1998

Ligue e agende um horário Fazemos análise gratuita

4438-7535 R. Campos Sales, 675 - cj. 03 - Centro - Sto. André

que ora falam sobre um tempo em que os bichos se comunicavam conosco, ora nos revelam os encantos do universo marítimo com histórias que vem do mar, ou contos de árvores (pé de vida) que narram sobre a grandeza e a importância das árvores em todas as culturas, tem também os contos africanos ou casa das belezas e tem até aqueles contos de enganar a morte: como dominar o seu destino. Dia 26/12, às 11h, 12h, 13h e 17h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. GRÁTIS Sobre amizade e outras viagens – Quantas formas de se ver o mundo existem pelo mundo? Até onde as histórias que ouvimos e contamos podem nos levar? Com algumas histórias de culturas distintas, uma contadora, com a ajuda de um músico (e uma trilha especialmente composta), nos convida a refletir sobre estas e outras perguntas. De 28 a 30/12, terça a quinta-feira, às 11h, 13h, 14h, 15h, 16h e 17h e domingos às 11h, 12h, 13h e 17h, no Sesc. R. Tamarutaca, 302, Vila Guiomar. Tel. 4469-1200. São Paulo Esperando Gordô – Enquanto esperam por um terceiro companheiro, as palhaças Chocolate e Batatinha se divertem com mil brincadeiras, surpresas e confusões junto ao público, que participa ativamente do espetáculo. Dia 26/12, às 13, no Sesc Itaquera. Av. Fernando Espírito Santo Alves de Mattos, 1000. Tel. 2523-9200.

Exposição São Bernardo GRÁTIS Personagens de HQ Heróis – O artista Plástico Vagner Romualdo da Silva apresenta sua exposição que, por meio de materiais recicláveis, desenhos, pinturas, biscuit e modelismo de super heróis, como o Homem de Ferro, Wolverine, Homem Aranha e Batman, reúne trabalhos dos 15 anos de carreira. Até 31 de dezembro, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30, e aos sábados, das 8h às 13h30, na Biblioteca Guimarães Rosa. Avenida João Firmino, 900, Bairro Assunção. Tel. 4351-5422. Eventuais mudanças nos dias e horários dos eventos divulgados na Agenda são de responsabilidade dos respectivos estabelecimentos que os promovem.


Ano XIV - nº646 Semana de 23 a 29 de dezembro 2010

www.pfinal.com.br

5

Apesar de orçamento comprometido, administração usa criatividade para colocar a cidade em ordem

A Saúde em Cuba

Carla Guedes Ferreira

Por Mateus Prado

Na última década, o Brasil começou a investir na Saúde Preventiva. O programa Saúde da Família tem uma lógica diferente do que o imaginário popular brasileiro entende como Serviço Público de Saúde. Enquanto ainda é comum achar que a área precisa ter uma função Curativa, cuidando da pessoa depois que aparece a doença, o Saúde da Família tem a missão de ter uma função preventiva, atuando para impedir a doença. A Idéia do Saúde da Família surgiu da experiência Cubana de atendimento domiciliar e ganhou o mundo. Apesar de ser fundamental para uma política de Saúde que pensa o cidadão de forma integral, no Brasil, o programa e a forma com que as prefeituras fazem a sua gestão ainda precisam ser melhorados. Nossas escolas de Medicina ainda estão extremamente focadas em uma formação orientada para a carreira do Médico, e não para as necessidades de Saúde Pública no país. Quem faz Medicina, em geral, é preparado para atuar após a doença, e não para impedi-la. Para termos uma política pública que associe, com sucesso, a Saúde Curativa com a Saúde Preventiva, precisamos que os currículos de formação dos Médicos sejam reorientados para isto. Em Cuba, o grande sucesso do Saúde da Família vem do fato de haver, em quase todo bairro, ao menos um Médico. Como lá qualquer pessoa consegue fazer o curso de Medicina, e o Médico não ganha muito mais do que os demais trabalhadores, há Médicos que moram por todos os lados. No Brasil, as formas de acesso às escolas de Medicina fazem com que a maioria dos Médicos venha das classes de maior poder aquisitivo. O que acontece é que a grande maioria dos médicos brasileiros não está disposta a visitar uma a uma das casas da periferia. Em geral, estes médicos entram no Programa Saúde

Mauá fecha o ano colocando ordem na casa

da Família no começo da carreira e passam pouquíssimo tempo na função. Há cidades no Brasil que nem encontram médicos dispostos a trabalhar no Programa. Além de atuar para a mudança deste quadro, as prefeituras podem adotar algumas ações para aprimorar o trabalho da Saúde Preventiva. Em Cuba, onde o programa nasceu, o Saúde da Família está associado à Educação e à Assistência Social. Lá, o Agente da Saúde é conhecido como Agente Social. Orientar os pais sobre a educação pré-escolar, pelo menos na parte em que ela deve ser feita pela família, é importante. Educadores poderiam definir o que é mais importante em cada fase do crescimento da criança. Vamos imaginar que de 0 a 1 ano seja a educação psicomotora, de 2 a 3 a educação alimentar, de 3 a 4 a educação física e de 4 a 5 a educação ambiental. As equipes do Saúde da Família poderiam orientar as estratégias de atuação em cada uma destas fases, distribuir cartilhas explicativas, mostrar vídeos, entre outras estratégias. Como visitam as casas, seria bom que aplicassem também as políticas de Assistência Social. Uma parte das famílias, sobretudo as de maior vulnerabilidade, simplesmente não possui consciência de seus direitos e não recebe as informações destas políticas. O Saúde da Família pode fazer isto. Também pode, entre tantas outras possibilidades, orientar para os cuidados necessários com a população idosa. Ampliar o trabalho do Saúde da Família, e valorizar a Prevenção, é pensar a Saúde e o cidadão de forma Integral, como deve ser feito por prefeituras comprometidas com a melhoria da qualidade de vida de sua população. E, além de tudo, é muito mais barato prevenir do que construir hospitais e manter leitos e equipamentos.

N

a tarde desta terça-feira (15), o prefeito de Mauá, Oswaldo Dias (PT), divulgou um balanço das principais ações desenvolvidas durante os dois anos à frente da administração municipal. Apesar das dificuldades encontradas ao assumir a pasta, o chefe do executivo diz que a cidade está sendo equilibrada na medida do possível. “Temos um déficit orçamentário da ordem de 54%, isso significa R$ 217 milhões de restos a pagar. Estamos negociando e pagando dentro das nossas possibilidades”, explica o prefeito, enfatizando que as dívidas do município passam

de R$ 1,2 bilhão. Questionado sobre as promessas feitas durante a campanha eleitoral, Oswaldo Dias explicou que o endividamento dificultou o cumprimento delas. “Quando se está em campanha é difícil saber a real situação da administração. Na véspera da eleição, nós pensávamos que a dívida estava em torno de R$ 100 milhões. Quando assumimos, achávamos que o valor era de R$ 170 milhões, mas quando apuramos o valor chegava a R$ 217 milhões”. Apesar do orçamento comprometido, o chefe do executivo enfatizou as conquistas que conseguiu

para Mauá, como a construção de quatro Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), investimento de 25% na Educação, previsto em lei, e a instalação de um campus da Universidade Federal do ABC (UFABC), que agora depende de um espaço que deve ser concedido pela Prefeitura. Entre as metas pleiteadas pelo petista estão a viabilização do projeto para a construção da Escola Técnica Estadual (Etec), o investimento no transporte coletivo, além das obras de ampliação das marginais, que aguardam investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).


6

Ano XIV - nº646 Semana de 23 a 29 de dezembro de 2010

Novelas 17h

19h

Malhação ID

18h

Globo

Araguaia

A semana de Glorinha/Sargento Mourão vai ser bem agitada. A policial está convencida da inocência de Solano e não concorda com a prisão do adestrador. Ele foi acusado de ter tramado o acidente de Vitor. A oficial, com toda paciência e oratória, convence o povo da cidade de que não é uma boa ideia protestar para a saída do rapaz da cadeia.

Globo

Ti Ti Ti

Globo

Apesar de carismática, Duda sofre muito preconceito pelo seu jeito de se portar e vestir. A menina está acostumada com roupas esportivas e direcionadas a garotos. Tanto que já até foi confundida com um. Mas alguma coisa mudou depois que foi beijada por Dodói. O garoto se mostra realmente interessado nela e decide presenteá-la. Maicon o aconselha a comprar uma roupa mais feminina. O problema é que Duda fica ofendida com o presente e acaba terminando a paquera. Isso faz com que o rapaz caia nos braços de Josiane novamente. Cláudia convence a filha a reconsiderar os motivos que a fizeram se afastar de Dodói. Com isso, ela acaba indo às compras e investindo em peças diferentes das que costuma usar. Dodói é o primeiro a aprovar o novo visual e eles acabam se beijando de novo, o que causa comentários maldosos entre os alunos do colégio. Pedro confessa a Theo que não consegue esquecer Catarina. Cadu decide ficar no Primeira Opção.

www.pfinal.com.br

Pode até prejudicar a situação do mocinho. Mas isso não significa que a policial esteja de acordo com a injustiça cometida pelo delegado Geraldo . Aliás, o próprio delegado resolve por mais “lenha na fogueira” e ainda pede para que a sargento investigue o divertido Pimpinela. É que Geraldo está convencido de que o artista circense esconde algo do seu passado. Beatriz resolve contar sua história para Terê. Bruno tenta declamar para Terezinha um poema feito por Caroço.

21h Globo

Passione A morte de uma pessoa querida mexe com as estruturas de qualquer um. Com Mauro não é diferente. Depois que Diana morre após dar à luz Vitória, filha do casal, o empresário fica arrasado. Bete e Diógenes tentam confortá-lo, mas de nada adianta. Para piorar, ele ainda rejeita a bebê. Com isso, Melina comenta com a mãe que deseja ajudar Mauro. Quando ela o procura, claro que é hostilizada por ele. O rapaz ainda acusa a estilista de estar feliz com a morte de Diana. Pelo visto, ele vai se surpreender. Isso porque Melina se reveza com Diógenes para cuidar de Vitória, que ainda está no hospital. Enquanto isso, o pai continua rejeitando a filha. Já Melina está cada vez mais apegada à menina e confessa se sentir culpada pelo que aconteceu com Diana. Quando Mauro finalmente resolve ver a filha, desiste ao chegar na UTI. Mas nada que uma conversa com Bete não resolva. Candê expulsa Fred de sua casa. Clara acerta com Diogo o dia em que Totó deve morrer.

Jacques Leclair que se cuide. A popularidade de Victor Valentim está indo de vento em popa. O espanhol vence mais uma batalha, enquanto Jacques afunda um pouco mais. Isso porque o desfile do inimigo de Ariclenes vai ser um desastre. E olha que Clotilde não está disposta a deixar essa derrota passar em branco. A ex-secretária planeja acabar com o desfile de Valentim. Sem sucesso, aliás. A única coisa que não está em boa sintonia na vida de Ariclenes é sua relação com Suzana. Tanto que ela recusa o convite para assistir ao desfile, deixando-o decepcionado. Mas o que Suzana não sabe é que, enquanto isso, Ariclenes e Marta estão cada vez mais próxi-

22h Record

Ribeirão do Tempo Filomena vai surgir com um novo visual. Tudo porque Arminda sugeriu que uma volta em São Paulo a ajudaria a ganhar um ar mais favorável e, claro, o que incluía algumas compras e visita ao cabeleireiro. A chegada da “nova” Filó na cidade de Ribeirão causa espanto para a maioria dos seus amigos e familiares. Todos ficam boquiabertos com a beleza da moça. Todos menos um: o marido Tito. No fundo, essa mudança veio apenas para maquiar uma mágoa da jovem em relação ao seu casamento de mentira. Ela não está satisfeita em ter de estar ao lado de um homem que não a ama de verdade. Mesmo assim, acreditou que, com o novo visual, iria agradar o marido. Mas de nada adiantou. Para Tito, está tudo bem claro: a

mos. Até Nicole vai ficar intrigada com o clima que está rolando. Marcela fica enciumada ao ver

Edgar e Amanda juntos. Gabriela vai até a casa de Jacques e exige que Pedro se case com ela.

relação deles é apenas um negócio. Ele finge ser um esposo e ela finge ser uma mulher afetuosa. O problema é que a jovem ama o rapaz, o que não foi levado em consideração nos ajustes do contrato matrimonial. Filomena já conhecia o risco de sua audaciosa proposta. Ainda assim, por nenhum segundo, teve dúvida do caminho que estava tomando. Tito se faz de morto, mas não tem como ignorar a beleza da esposa por muito tempo. Aliás, não se fala em outra coisa na cidade a não ser na formosura de Filomena. Joca é um de seus novos admiradores. Quem também está atenta nisso tudo é a “patricinha” Karina. Só que as razões são as menos agradáveis possíveis para Filó. Karina, que foi noiva de Tito e ainda é apaixonada pelo rapaz, nutre a esperança de reconquistar o amado. E, como a cidade é pequena, não demora nada para que ela saiba da mudança do visual de Filó. Karina logo marca território ligando para Tito, apenas para saber se ele está bem. Claro

que ela gostaria que ele falasse que o relacionamento tinha acabado. Sancha aconselha Léia a grudar em Flores. Newton conta a Mateus que está sendo acusado de ter sabotado o avião. Em virtude das festas de final de ano jornal Ponto Final será antecipado, por conta disso o resumo das novelas será o mesmo da edição 645.


Ano XIV - nº646 Semana de 23 a 29 de dezembro 2010

www.pfinal.com.br

Su Doku

Cruzadas

7

Você e os astros

Preencha os espaços em branco com os números de 1 a 9 sem repetí-los nas linhas, colunas e nos quadrantes do quadro.

Áries - Regente: Marte: Fase para rever valores. A semana será de organização para o ariano. Fique atento com a saúde e procure viver de acordo com as coisas que fazem bem a você. Touro - Regente: Vênus: Momento de leveza, taurino. Portanto, leve a vida menos a sério e seja mais flexível. Dê mais espaço a diversão e ao prazer, especialmente com quem você ama. Gêmeos - Regente: Mercúrio: Assuntos antigos podem voltar, geminiano. Por isso, reflita e entenda o que é mesmo importante para você. Câncer - Regente: Lua: Momento de focar no futuro, canceriano. Pense alto e faça planos. Semana favorável para fazer contatos. Contenha a ansiedade por meio do planejamento.

Receitas

Arroz ao vinho Sal e pimenta-do-reino a gosto ½ xícara (chá) de passas 1 e 1/3 de xícara (chá) de água quente Salsa picada

Espetinhos Rodrigues Av. Itamarati, 1355 Santo André

www.espetinhorodrigues.com.br

Espetinhos Variados Carnes em Peça Materiais Descartáveis Bebidas Equipamentos Sobremesas Funcionários Saladas Acompanhamentos

0800-772-1133

Ingredientes 3 colheres de (sopa) queijo parmesão ralado 1 xícara(chá) de vinho branco seco 2 colheres (sopa) de cebola picada 3 colheres (sopa) de manteiga ½ tablete de caldo de carne 1 xícara (chá) de arroz

Soluções

Modo de preparo Pique o tablete de caldo de carne, e derreta na água quente. Reserve. Em uma panela, derreta a manteiga e junte a cebola picada. Refogue, mexendo sempre, até a cebola ficar macia. Junte o arroz e refogue por alguns minutos. Em uma outra panela, aqueça o vinho branco seco e o caldo de carne e despeje sobre o arroz junto com as passas. Tempere com sal e pimenta-do-reino. Tampe e cozinhe em fogo baixo por 20 minutos ou até o arroz ficar macio. Quando estiver pronto, polvilhe com o parmesão ralado.

Leão: Regente: Sol: Leonino, propostas e oportunidades profissionais podem surgir especialmente de pessoas conhecidas. Momento ideal para estar próximo da família. Virgem - Regente Mercúrio: Momento ideal para adquirir novos conhecimentos. Converse sobre o assunto com outras pessoas, a troca intelectual vai abrir sua mente, virginiano. Libra - Regente: Vênus: Novos horizontes se abrirão para o libriano. Portanto, reveja seus valores e objetivos para saber o que é realmente importante em sua vida. Siga seus instintos. Escorpião - Regente: Plutão: Momento de popularidade, escorpiano. Aproveite para criar oportunidade, especialmente no trabalho. Hora de tomar decisões importantes. Sagitário - Regente: Júpiter: Semana propicia para momentos a dois, sagitariano. Esteja atento às pessoas que o cercam, pois você receberá propostas interessantes. Capricórnio: Regente: Saturno: Mudanças de conceitos podem estar atreladas a bons acontecimentos no amor, capricorniano. Os amigos podem ser bons conselheiros neste momento Aquário - Regente: Urano: Para alcançar resultados concretos é preciso atender suas necessidades pessoais, aquariano. A família ajudará nas conquistas profissionais. Peixes - Regente: Netuno: Semana turbulenta no amor, pisciano. Reveja alguns conceitos sobre relacionamentos amorosos. Fase boa para propostas e divulgações de ideais e opiniões.


8

Ano XIV - nº646 Semana de 23 a 29 de dezembro de 2010

www.pfinal.com.br

Montagens representam a vinda de cristo em diversas culturas

Exposição de presépios em O ataque da informação versão mundial Divulgação

Peças representam elementos variados e procedem de vários países

R

epresentações da Sagrada Família com traços de diferentes culturas são expostas no Museu de Arte Sacra de São Paulo. A mostra permanente Presépios do Mundo apresenta 47 obras de países como França, Itália, Portugal, Espanha, Polônia, Finlândia, Chile, El Salvador, Paraguai e outros. Escolhidos pela diretora executiva do museu, Mari Mariano, cada presépio remete às origens e particularidades do lugar de onde veio. Para se ter uma ideia, a montagem do Japão retrata o nascimento de Jesus sob a perspectiva estética tradicional nipônica. A versão nigeriana, por sua vez, apresenta um presépio inteiramente feito em madeira, resina e pêlo natural. Mas o mais grandioso é certamente o de Nápoles. Composto de 1500 peças, todas em estilo barroco, o presépio napolitano conta com trezentas figuras humanas, todas com trajes da época, além dos animais característicos na representação do nascimento de Cristo, como a ovelha, o burro e tantos outros que presenciaram o acontecimento.

Os menos ortodoxos também têm seu espaço na exposição. Além das figuras sagradas, elementos folclóricos – e muitas vezes até profanos – dividem o espaço e podem ser vistos em minúsculos presépios, constituídos com figuras de até 50 centímetros de altura. A exposição também apresenta versões de diferentes regiões brasileiras, com elementos típicos da cultura e tradição de cada uma delas. Os presépios sulistas, por exemplo, revelam figuras marcadas pela influência da região com os personagens vestidos à moda dos Pampas. O Museu de Arte Sacra (Av. Tiradentes, 676 - Luz) funciona de terça a domingo das 11h às 19h. Durante o mês de dezembro o espaço abrirá, excepcionalmente, às segundas-feiras. A entrada custa R$ 6. Estudantes pagam metade e para pessoas com mais de 60 anos e crianças menores de sete anos o acesso é gratuito. A exposição é permanente. Informações disponíveis no portal http://www.museuartesacra.org. br ou pelo telefone (11) 33261373.

Cristo africano é destaque em Mauá

O Museu Barão de Mauá (Rua Getulio Vargas, 276, Vila Guarani) expõe até o dia 29 de janeiro um presépio africano, com elementos bastante variados. São crianças, nativos tocando tambores, animais selvagens típicos – como tigres, leões, elefantes –, entre outros. Para compor o visual, foram

utilizados materiais como casca de árvores, galhos, pedras, areia e serragem. As peças são procedentes do Brasil, Índia, China e Indonésia. A montagem é de autoria do artista plástico Mário Festa e a exposição é realizada pela Associação Brasileira dos Artistas Plásticos de Colagem.

Ocorridas no decorrer dos tempos duas grandes guerras mundiais, revoluções político-sociais e tecnológicas. Deparamos, no século XXI, com a era da informação e do conhecimento. A disseminação da telefonia e dos programas virtuais da internet, imbricadas com novas tecnologias, em terreno fértil de integrações entre nações e culturas, sugere, um novo período histórico. As surpresas não param de ocorrer, as descobertas e invenções se apresentam de forma cada vez mais aceleradas. Fato comemorável não fosse à maneira mercantilizada em que se constrói a sociedade e a baixíssima média mundial de IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), juntando-se, ao fato da péssima coordenação da produção, que afeta o mundo para além da contradição da relação capital-trabalho, com problemas climáticos sérios no meio ambiente. Tendo em destaque o sujeito provedor do marasmo social o imperialismo dos EUA. No âmbito político-social, especula-se uma possível guerra da informação. Um dos fatores é que a mídia convencional, com interesses particulares, está ameaçada com a nova leva de comunicadores e debatedores, via

internet, e um exemplo claro é onda dos blogueiros. Mais críticos e inovadores disseminam conceitos e idéias. A esta ala progressista de debatedores aliam-se aqueles que buscam as informações mais sigilosas, publicam e fazem com que não existam mais segredos geopolíticos e econômicos. O episódio intrigante do momento é o site Wikileaks criado pelo Australiano Julian Assange, cuja finalidade é a divulgação de documentos confidenciais (leaks=vazamento). Só dos EUA são 250 mil documentos diplomáticos, de extrema importância como a correspondência, de Uribe, presidente da Colômbia aos EUA, demonstrando, a sua intenção de invadir as fronteiras da Venezuela em 2009. Este se tornou um dos temas mais discutidos nos últimos dias com a possibilidade de um novo paradigma: o de que nada mais é segredo na diplomacia. Fidel Castro faz o artigo “O Império no Banco dos Réus”, refletindo que o poderio bélico americano está ameaçado frente às informações. De forma ampla e geral, a tecnologia da informação tem forte influência em todos os setores da sociedade e das relações humanas. É notório no mundo do trabalho, no mundo da mídia, dos gêneros, das culturas e das finanças.

Por André Lemos Sociólogo formado pela FSA – Fundação Santo André. Especializou-se em Economia do Trabalho e Sindicalismo (CESIT), do Instituto de Economia da Unicamp. Atualmente é colaborador de pesquisa do Centro de Estudos Sindicais (CES).


Jornal Ponto Final