Issuu on Google+

Junho/ 2007 AnoI - nº 03 PublicaçãoMensal DistribuiçãoGratuíta

Castração Castração em cães representa saúde para o animal e tranquilidadepara osdonos. Pág. 5

Histórias Uma históriadeamizadeecarinhoquerepresentou a sobrevivência de um cão. Pág. 7

Aquarismo Conheça um pouco deuma dasmaisaconchegantes loja de aquarismo da região de Limeira. Pág. 8

Classificados Comprar, vender, trocar, procurar:animais, produtoseserviçosalémdesaber ondebanhar etosar seu animal.

Pág. 11

Proteção A ALPA - Associação Limeirense de Proteção dos Animaisprecisa de seu apoio. Participe desuasações. Pág. 12

ANUNCIE (19) 3033-2811 www.tribunaanimal.com.br e-mail: tribunaanimal@pop.com.br


2

Junho / 2007

TRIBUNA ANIMAL CONSCIENTIZE-SE

AnimaisSilvestrese Exóticos Animais da Fauna Brasileira são considerados animais silvestres e proibidos por lei serem mantidos em cativeiro

C Não seja você o responsável por uma cena igual a essa. JAMAIS ABANDONE UM ANIMAL NAS RUAS.

X

Limeira-SP Para Anunciar:

P

contato@tribunaanimal.com.br

D

N T E

Para melhor orientá-loepara obemestar do seu animal de estimação, procureo MédicoVeterinário. Textoefotos(capa): César Eduardo Nyari MédicoVeterinário ClínicaVeterinária Cia. dosBichos R: FarmacêuticoJacobFanelli, 463 VilaSão João- Limeira-SP Fones: 3451-3155/ 3453-9144

Fone: (19) 3033-2811

E

E

destino, do tráfico, está colaborandodiretamentepara aextinçãodessa espécie. Dados do IBAMA mostram que de cada 10 animais retirado da natureza ilegalmente para venda, novedeles morrem durante o transporte ou por maustratosaté chegar à mão do comprador. Essa estatística pode ser aindapior selevarmosemconta que inúmerosanimaissilvestres, nagrande maioria, adquiridosdeforma ilegal,noschegamdiariamentenasClínicasVeterináriascomproblemasde saúde relacionados ao manejo, ou seja, alimentação e recintosinadequados para determinada espécie, provocando doenças nutricionais, traumáticas e até de fundo psicoló-

Circulação: Limeira-SP e Região

E

I

lassificamoscomo animaisexóticosaquelesanimais“domésticos” nãoconvencionais,taiscomo,tartarugas, aranhas, cobras, iguanas, furõese avesnão pertencentesà fauna brasileira. AnimaisdaFauna Brasileirasãoconsideradosanimaissilvestres eproibidospor lei seremmantidosem cativeiro sem autorização do IBAMA (Instituto Brasileiro dos Recursos RenováveisedoMeioAmbiente). Atualmenteotráficodeanimaissilvestrescorrespondeháumdos maioresproblemasparanossa fauna, ficando atrás somente do tráfico de armase drogas. Portanto a pessoa que compra um animal silvestre clan-

gicolevando esseanimal a óbito. Portantocabeanós,quedizemosgostar dosanimaisnãopermitir tamanha brutalidade, denunciando vendedoresdeanimaissilvestresà PolíciaFlorestal ouórgãoresponsável desuacidade. Vamosrespeitar aNatureza, preservar a vidapara aspróximasgeraçõeséomínimoquedevemosepodemosfazer.

Publicação da empresa j ornalística:

Jornal Tribuna de Ilha bela Ltda.

As matérias assinadas e as opiniões e orientações emitidas em artigos, assim como o conteúdo dos anúncios são de inteira responsabilidade de seus autores.

Diretor Comercial: Márcio Roberto Martins Santini Dir.Administrativo/Publicidade José Roberto Santini - in memorian Jornalista Responsável: João Fernando Santini MTb. 38.910 Depto.Comercial: Katya Cilene Santini katya.victoria@bol.com.br Arte Final/Editoração: fernandosantini1@gmail.com Impressão: Editora Z

www.tribunaanimal.com.br


TRIBUNA ANIMAL

Observação de aves Basta adquirir um binóculo, e ter disposição e vontade.

A

observaçãodeaves(birdwatching) éuma práticadelazer, turismo e conservação muito difundida em outrospaíseseapesar depoucoconhecidaepraticadaaqui por nósbrasileiroséuma atividade em pleno crescimento no Brasil, atraindo turistasdo mundotodoparaonossopaísembuscadever eouvir asavesqueaqui habitam: cerca de 1.800 espécies, entre aves endêmicas(exclusivamente do Brasil) e migratórias. Amazônia,Pantanal eMata Atlânticasãoalgunsdosrecantosmais ricosemave-faunabrasileira, tornando nosso paísum dosmaisvisitados do mundopor essemotivo. Nossasavestambém sãosinônimo de inspiração para poetase músicoscomo GonçalvesDias, Tom Jobim, ChicoBuarque, entreoutros. OSabiá-laranjeira é considerado a ave símbolo do Brasil e no dia 5 deoutubro é comemorado o Dia da Ave. Onde quero chegar? Querodespertar emvocêcaroleitor, em primeira instância, a curiosidadesobreo temaeconseqüentemen-

te o interessepela prática da observaçãodeaves. Bastaadquirir umbinóculo, pequeno, e ter disposição e vontade, vá aos parques, jardins, horto florestal ou mesmonacidade,aoseu redor, secomeçar a prestar atenção irá perceber queelas, asaves, estão aí, nóse que não paramospara vêlas. Lógico que ter sensibilidade e gostar daNatureza,vai fazer tudose tornar mais prazeroso. Depoisdesseprimeirocontatocomessenovouniversodevida, irá se apaixonar por cantos, penas, bicos e plumagensdas mais variadas, e para quem quiser se aprofundar noassuntoexisteótimos livros e guias de identificação no mercado, além de inúmeros sites trazendo informações e fotos das maisvariadasespéciesdeaves. Comisso,tenhocerteza,que além delhescausar umenormebem estar, irá mudar a visão de conservação, preservação. Estamos falando apenasdasaves, masteremosconsciênciadaimportânciadeserespeitar a Natureza, quepertenceaosseresvivos

Junho / 2007

3

O Sabiálaranjeira (turdus rufiventris) é considerada a ave símbolo do Brasil e seu dia é comemorado em 5 de outubro.

como um todo, respeitar a importânMaisinformações: cia daconvivência entresereshumanoseanimais. Livros: Quero que tenhamos atiA v e s B ras ile iras ; J o ha n Da lga sFrisch tudesdignasdesereshumanosconsA v e s B ras ile iras e plantas queas cientes em praticar o bem estar de atraem; Joahn DalgasFrisch; forma natural, sem degradar, todos Christian DalgasFrisch osdias, o meio em quevivemos, joO rnitologia Brasileira:HelmutSick gando bitucas de cigarro nas ruas, - Avesdo Brasil- Uma visão não reciclando o lixo, levando os artística; TomasSigrist cãespara defecarem nasruasenão G uia de c amp opara identificação recolhendo suasfezes, desperdiçandeaves; Deodato deSouza do água, sabemos como, mas não fazemosnada para melhorar. Sites: Quero acreditar, e acrediwww.avisbrasilis.com.br to que seremos capazes de reparar www .avistarbrasil.com.br asagressõesfeitasaté hoje à Natuwww .avesdobrasil.com.br reza, cada um com a sua parcela, dentro do próprio lar, orientando e Texto: instruindo nossos familiares. César Eduardo Nyari Basta detanta crueldade, MédicoVeterinário façamos nossa parte, mais atitude, menos reclamação, mais rese-mail: peito emaisharmonia com a mãe dunyari@yahoo.com.br Natureza.

Casa totalmente equipada para alugar com acomodações para até 20 pessoas em Ilhabela. FÉRIAS Litoral norte de São Paulo. Infomações: (19) 3033-2811 - e-mail - santini@pop.com.br NO PARAÍSO


4

Junho / 2007

TRIBUNA ANIMAL

Primeiros cuidados com um filhote

Tosa na tesoura Porque uma ótima opção para o inverno

O filhote começa a aprender desde o momento do seu nascimento.

A

oser separadodasuamãeeirmãosinicia-se para eleuma nova fase, num novo ambiente e numa nova “matilha”, onde será estabelecidauma hierarquia. Demonstreorespeito quetempor ele não permitindo que aprenda comportamentos erradosque precisarão ser corrigidosmaistarde. Tenha uma convivência feliz e harmoniosacomseucãodesdeoprimeirodia, para issoatenda todasasorientaçõesdo médico veterináriosobrealimentação, vermifugação, vacinação ecuidadoscoma higiene,esigaasdicasabaixo: Definaosespaçosqueelepoderáfreqüentar, cãesque viverão fora de casa devem aprender issodesdeocomeço. Sedeixá-lofreqüentar ointerior dacasaedepois dealgunsdiasresolverem tirar essa liberdade, o cão com certeza sofrerá para aceitar essa nova condição. Um cão queviverá dentro decasa também precisa ter os limitesdefinidos, se poderá, por exemplo, entrar nosquartosou subir emcamas e sofás. Filhotesmordem quase tudo o que alcançameissopodeser muitoperigoso, portanto nãodeixeobjetospessoaisou dacasaao seu alcance. Tapetes, mangueiras, vassouras, móveis deplásticooumadeira,produtosdelimpeza,cestosdelixo, calçados, plantasentreoutrascoisas são algunsexemplos. Osprováveismotivosquelevam a essecomportamentosãoabuscapor novosalimentos, alívio para a irritação dasgengivasdevido ao crescimento dosdentesou por pura distração. Ofereça brinquedosdemateriaisvariadose

PROPAGANDA NA FAIXA

descubra osquaismaisgosta, Quandoprecisar ficar sozinho, não odeixe em locaisondepossa semachucar ou destruir objetos. Nãopermitaquemordasuamãoou roupa. Nãopermitaquesubanasuapernasemser chamado. Paraquefaçasuasnecessidadesnolocal que vocêescolheu, coloquea casinhaou caminha, obebedouro ecomedourolongedesselugar. Tenha um local para mantê-lo sozinho devez em quando, éimportanteaprender a ficar isolado para diminuir a dependência das pessoas. Jamaisdê atenção se elechorar porqueficou sozinho, Não crie rotinas que não poderão ser mantidas. Um cão jamaisterá consciência do que é certoou errado,eleaprendepelasconseqüênciasdeseuscomportamentos, ouseja, écondicionadoa fazer ou não. Conseqüências positivas reforçam comportamentosenegativasenfraquecem,mas, para fazer esse condicionamento, precisamos descobrir quaisestímuloso cãoconsidera positivoou negativo. Setiver dificuldades, procureorientaçãode umespecialistaemcomportamentocanino. Naspróximasediçõesconheça emdetalhes cada comportamentodeseu filhote.

M

uitosproprietáriosprincipalmentedecãesdepêlosmaislongoscomoPOODLE, BICHOM FRISE entre outros, acreditam que seus cãespassem muito frio nessa determinadaépocadoano! Com isso optam por nãoestarem tosandoessesanimais nesse período acabando assim, osprejudicando. Algumas raças de cãespossuem uma TOSAadequada respeitando o período para manutençãodapelagem desses animais,quando passamos desse período fica difícil manteroanimal bemescovado e com uma boa higiene ,causando assim algunsproblemas de saúde como, por exemplo: problemasdepelecomofungo, sarnasetc., problemasde ouvidoquandonãoéfeitaaretirada dospêloseumaboalimpeza. Outros também acreditam que a roupinha é umaboaopçãoemdiasmuito frioscolocam a roupa no seu cãozinhoemuitasvezesesquecemdeixando por dias! Apele do animal se mantém muito quenteeo pêlo

O cãozinho da foto chama-se THUCA, sua proprietária FÁTIMA leva THUCA uma vez por semana para o ”BANHO E TOSA”

muitoabafadofacilitandooaparecimentodosnósedefungos! Oanimal pode sim usar roupinhas, noentantoela deveser retiradaperiodicamenteeospêlosdevemser escovados, facilitando assim a ventilaçãonapeledoanimal! Paraquemuitosdessesproblemasnãoocorram,algunsbanhoseTosasoferecem a seus clientes nessa época a “TOSANATESOURA” onde a tosa é feita retirando somente aspontasdapelagem,arredondandoocorteaserfeitodeixando assim ospêlosmaiores, porém, com a pelagem no comprimento ideal para uma boa manutenção! EssaTOSAsópodeser feitaseapelagemdoanimal estiveremboascondições! Ocãozinho da foto

chama-se THUCA, sua proprietáriaFÁTIMAquecuida muito bem de seu Animal leva THUCAuma vez por semana parao”BANHOETOSA” para fazer a manutenção de seu pêlo, sendoassim bemescovadafaza”TOSANATESOURA“ noinverno! ATHUCAestásempre com o pêlo no tamanho ideal, nãoprecisandoassimfazer ouso deroupasparaquenãoprejudiquesuapeleepelagem! Muitosproprietários nãopossuemcondiçõesparalevarseucãozinhoumavezporsemana, maso cuidado também podeser feitoemcasa, ésóseinformar noBanhoeTosa. TOSANATESOURA. Uma opçãobonitaesaudável para seu animalzinho noinverno.

Orientações: Darvin - Adestrador Pessoal (19) 8134-4143

Quer ser visto? Anuncie diferente. Este é seu espaço...


TRIBUNA ANIMAL

Junho / 2007

5

Castração: Mitose Verdades Castração em cães: Saúde para o animal e tranquilidade para os donos.

A

lgumaspessoasseressentemouaté seescandalizam quandoosveterináriosaconselhamquecastremseus animais. MAS... Você já parou para olhar aquantidadedecãesderuaque nossa cidadepossui? Você já parou para pensar naquantidadededoenças(aschamadaszoonoses) queelespodemabrigar e posteriormente transmitir aosseres humanos? Eaí?Oquefazer? Deixar a “carrocinha” pegar estesanimaispara levá-losparaumdepósito,ondeagrandemaioriaésubmetidaàeutanásia? Acho quenada disso ésolução!Eoproblemanãoseresumesomentenosanimaisquejáestãonasruas. Oproblemareal éaumento desta população, sendo esteaumento determinadonãosomentepelareproduçãodestesanimais, mastambémo acasalamento indesejado deanimais quepossuem dono. Estesproprietários, nãotendo conhecimento nem condiçõesde lidar comasconstantesninhadasnascidas em sua casa as deixam “AO DEUSDARÁ”,acabandoestesanimais indo parar nasruas. Acastraçãoouesterilização podeser indicada para: Reduzir riscosde problemasde saúde; tratamentos; diminuir ou extinguir comportamentosindesejáveis; evitar o aparecimento de ninhadas indesejadas.

Com certeza,cadaveterinário temuma visão sobreesteprocedimento, enãoacho quealguémesteja certoou erradoemindicar ou nãoindicar a cirurgia de castração eletiva, ou seja, por escolha. Tenho minha opinião erespeitotodasasoutras.

Acastração em fêmeas: Comportamento: A cadela tem alterações comportamentaispor ocasião do cio, sendo a mais comum a pseudociese (gravidezpsicológica).Ascadelasque foramesterilizadasnãoentramnocio, portantonão têmesteproblema.

Saúde: Acastraçãoemfêmeasémuitobenéficaparaasaúde.Acirurgiafeita antesdo primeirocio praticamenteelimina a possibilidade de tumores de mama(osmaiscomunsemcadelas). Emqualquer idade,acirurgiaeliminaa possibilidadedeproblemasuterinos(entreelesapiometra) eeliminaachance deproblemasdepartoougestação. Costuma trazer aumento depeso, quepodeser controlado pelosdonosatravésde uma dietaequilibrada.Quando acastraçãoéprecoce(entre5e6meses),essatendência édiminuída.

Para o dono: Asfêmeascastradasnãoentramno cio, issosignificaquenãohá restriçõesemlevá-lasparapassear, viajar,enuncahaverásangramentopela casa. Quando uma cadela no cio sai narua,osmachos, atraídospelocheiro, podem trazer situaçõesbem desa-

DESIGN GRÁFICO

gradáveis, principalmentequandoestãosoltos. Afêmea nãoterá ninhadas indesejáveis,tãocomuns,alémdenão ter agravidezpsicológicaemseuquadro comportamental.

Riscos: Castração de Fêmeasexige uma cirurgia maiscomplexa do que nocasodosmachos, sendonecessário abrir oabdômen para arrancar oútero e ovários. Também há um risco básicoqueéinerentea qualquer procedimentoenvolvendoanestesiageral. Umanimal quenuncaapresentou sinaisdedoençacardíacapodevir afalecer por parada cardíaca durante a anestesia, mesmo nosprocedimentos rápidos(sendo um fato muito raro e quepodeacontecer comqualqueranimal inclusivecom nóshumanos).

Acastração em machos: Comportamento: Quandosetratadeumanimal doméstico, osinstintosresultantesdoshormôniossexuaispodemprovocar padrõescomportamentaisindesejáveis, comourinar peloscantos, ou montar, além de episódios de agressividadepor exemplo. Paraocachorro, surge um “cruel” desejo de copular queéfrustrado, pelaimpossibilidadedeencontrar fêmeasnocioa toda hora. No cão, esse desejo não é psicológico, mas provocado por hormôniossexuais. Quando não há maishormôniossexuais, o cão fica maisfeliz, poispodeencontrar nasua rotina a satisfação de todas as suas necessidadesbásicas,comosealimentar, ficar junto ao dono, exercitar-se, dormir, brincar... Portanto eu discordo da absoluta maioria daspessoas,

queachaquecastrar umcachorroéa maior sacanagem... Pelo contrário, muito pelo contrário! Alguns estudos mostram queatestosteronateminfluência na agressividade.Segundoeles, animais com níveisdeste hormônio maisaltos são mais agressivos. De forma geral, os machos mordem mais do que as fêmeas, provavelmente por causadatestosterona. Osmachosinteiros podem morder quando estão excitadossexualmenteesão impedidos de montar. Da mesma forma, quandoomachoécastrado(temseus testículos,produtoresdatestosterona, retirados cirurgicamente) sua agressividade diminui. Acastração não retira oinstinto dedefesa doterritório, sendoqueo cachorro castrado continua sendo um bom guarda da propriedade ondemora. Conhecendo várioscachorrosmachoscastrados, a maioria por causadetumorestesticulares,nãovejo nelesumcomportamento preguiçoso ou um caráter diferente daquele observado antesda castração. Uma indicaçãocomumparacastraçãoéohábitodemarcar territóriocomurinade certosmachos,queapósacirurgiacessa, em quasetodososcães.

tesda puberdade (cachorros até seis mesesdevida) têm estatendênciadiminuída. 2- Se houver controle da quantidadedecomidaesteanimal não setornará obeso.

Saúde:

Médica Veterinária Clínica Veterinária Dream`s Gardem Fone: (19) 3442-2072 e-mail: marcia.escame@itelefonica.com.br

Doponto-de-vistadasaúde, acastraçãoteráefeitobenéficoaoevitar ahiperplasiadepróstataquandoa idadeavançar, eevitarápor completo a ocorrência de tumoresem testículos.Existeumatendênciadosanimais castradosem ganhar peso. Sobreisso sesabeque: 1- Animaiscastradosan-

Para o Dono: Asvantagensirãodepender muito dequal o comportamento que o cachorro apresenta. Acastração diminui muito osseguintescomportamentos, chegando a acabar com eles namaioriadoscasos: Montar naspessoasou objetos, urinar em pontosda casa para marcar seu território, brigar comoutrosmachos, fugir dacasa paraencontrar fêmeasnocio. Paraos cãesqueapresentamestesproblemas, a castraçãoajuda muito.

Riscos: Ebom lembrar quetodacirurgiaacarretariscos.No casodosmachos, acirurgiaébemmaissimplesdo quenasfêmeas,tendoumperíodopóscirurgia bem maissimplesdoquenas fêmeas, tendo um período pós-operatório maistranqüilo. Orisco desta cirurgia relaciona-se basicamente à anestesiaqueocãorecebe. Oatocirúrgico emsi ébastanterápidoeseguro. Texto: Dra. Márcia Regina Escame Dijigo Duarte

Na próxima edição estaremosabordando castraçãoemgatos.

Imagem é tudo. Transmita uma boa impressão de sua empresa. Desenvolvimento de projetos gráficos e comunicação. contato: santini@pop.com.br


6

Junho / 2007

ANUNCIE

(19)

TRIBUNA ANIMAL

3033-2811

Limeira

ANUNCIE

(19)

3033-2811

Curiosidades do Mundo Animal Porqueasbaleiasencalhamnapraia DeacordocomGabriel Maciel deSouzaVianna,doProjetoBaleiaJubarte, naBahia, asbaleiasqueencalhamemgeral jáestãomortasoubastante debilitadas. Omotivo costumaser apresençadeparasitasnosouvidos. Elesgeramdistúrbiosnosistemalabirintodosanimaise, assim, prejudicamsuacapacidadedeorientaçãoespacial, levando-osmuitasvezesa águas rasas. É comum o animal voltar a encalhar, mesmo depois de liberado. SegundoVianna, commenor freqüência, algumasespéciesde baleias?comoorca, cachaloteebaleiasbrancas?podem encalhar por conta devariações no campo magnético terrestre. ?Estasespéciestêm umsistemadeorientaçãoqueasposicionadeacordocomocampomagnéticodaTerra, oquepossibilita, por exemplo, aocorrênciadasmigrações?, explicaele. ?Masquandohávariaçõesnestecampomagnéticoos animaissedesorientamepodemencalhar emmassa?, conclui Vianna. Porqueogambátemcheiroruim O gambá tem glândulas que produzem um líquido chamado butilmercaptana. Elesóéliberadoquandooanimal sesenteameaçado. Ocheiro fortefunciona como defesa do gambá, porqueafasta osanimaispredadores. Quandonãoestáemperigo, ogambá, assimcomoos outrosanimais, temumcheirocaracterístico. Porqueasjoaninhastêmpintinhas ”Éumaquestãodeevolução”, afirmaPedroGnaspini, professor doDepartamentodeZoologiadoInstitutodeBiociênciasdaUSP.“Àsvezesas coisassimplesmenteaparecem, eacabam semantendonosbichos, por mero acaso ou por seleção natural, quando existeuma importância”, explica. Comomuitosanimaisperigosostêmcoresberrantes, ajoaninha fingequerepresentaperigocomocoloridodeseucorpo. Astonalidades costumamestar associadasagostoruim,substânciatóxica, veneno,mordidaforteetc. Por isso“osbonzinhosimitamosmalvadosparasedefender”, finalizaGnaspini. Porquedizemqueosgatostêmsetevidas Deacordo com a veterinária Isabela Lazzari Gomes Neves, da clínica PêlosePenas, de Bauru (SP), o costumedesedizer queosgatostêm várias vidas provavelmente deriva de determinadas particularidades anatômicasefisiológicasdessesanimais. Otamanhoeaconformação dosmúsculosdosgatos, maioresquedoscães, permitem queosgatos dêemsaltosbastanteousados, argumentaaveterinária. Alémdisso, eles são exímiosequilibristas. Essascaracterísticas, aliadasa uma grande flexibilidade,agilidade, destreza,garrasafiadas, visãoeaudiçãoaguçadas, permitemqueosfelinossesafemdemuitassituaçõesadversas. Daí, provavelmente, o costume de dizer que eles têm várias vidas. Aescolha do sete, por sua vez, sedá pelo fato de esteser um número cabalístico: o sétimo dia foi o do descanso deDeus apósa criação do universo, são seteospecadoscapitais, as notasmusicaiseascoresdo arco-íris. Na numerologia, ainda, representaa junçãodo material (4) comoespiritual (3). Fonte: www.guiadoscuriosos.com.br

Colabore com o TRIBUNA ANIMAL

Se você tem alguma curiosidade sobre animais, envie para: marciotribunaanimal@hotmail.com


TRIBUNA ANIMAL

Junho / 2007

Amizade e respeito sem preconceito Uma história de amizade e carinho

P

atinhafoi encontradoabandonado na cidade de Nova Odessa na rua. Estava com sua pata dianteiraesquerdatotalmentenecrosadae sentia muita dor. Foi recolhidopelaspessoas que fazem parte da Associação Protetora de Animais de Nova Odessa e levado a uma clínica veterinária onde foi realizada a amputação de sua pata em seguida encaminhada aoabrigodeAnimais abandonados. Na ocasião ele se

apresentava muito fraco e desnutrido e também tinha sarna. Umanodepois,quandoPatinha já estava totalmentecurado da sarnaesuapatajáhaviacicatrizado,o canil tinha planosde fazer palestras em escolas, e levar um cão para incentivar maisa adoção de animais abandonados.ComoPatinhaeramuitodócil resolveramqueeleseriaogaroto propagandada campanha. Foi um sucesso, a Dra.Ana Paula levou-o para diversasescolas. Ele semprepermitia queo acaricias-

sem, eramuito meigoeadoutora resolveu levá-lo à sua clínica com a finalidade de dispensar a ele maiores cuidadostaiscomo: limpezadetártaro,banhocarrapaticidaeaplicaçãode vacinas. Patinha foi levado para a casa deAna Paula, em Limeira eencantou a todose nunca maisvoltou para o abrigo. Hoje é um animal dócil, tranqüilo, carinhoso, saudável emuito amado por todos.

7

RELATE SUA HISTÓRIA

“Patinha”, que hoje desfila sua beleza em apenas três patas, retribui o carinho que recebe de sua amiga Bárbara Frezza

ADra. Ana Paula é uma das veterinárias do “Hospital Veterinário 24 horas” situado em Limeira à R: Dr. Trajano , 1317 - Fone: (19) 3441-2827.

Se você tem, ou conhece alguma história de superação animal e dedicação humana, envie seu relato.

e-mail: tribunaanimal@pop.com.br

Deixe seu animal feliz. Faça uma visita ao “Hospital Veterinário 24 horas”

E

Instalações amplas e modernas do “Hospital Veterinário” 24 Horas à Rua Dr. Trajano nº 1317

Cristina, proprietária do pet shop em companhia da `frequentadora` Nina, uma poodle micro-toy de propriedade da cliente Regina Castro

mLimeiravocêpodeencontrar umadasmaiscompletasclínicasveterináriasdo interior deSão Paulo. Profissionaisaltamentecapacitadosatendem24horaspor diaemtodasas especialidadesmédica veterinária. Seu animal deestimaçãotemà disposiçãoequipamentosdeprimeirageração comgarantiadeconforto, segurança esaúde. OHospital Veterinário24horasestáequipadotambémcomum completo pet shopcom artigosdeprimeira linhapara o bem estar deseu animal. ComocomandodeCristinavocêpodeencontrar desdeumasimplescoleira atéosúltimoslançamentosdasmelhoresgrifesdestinada aosanimais. Para completar, seu animal recebe tratamento vip no setor de banho etosa sob o comando da experienteprofissional Kátia, com equipamentosdeúltima geração e total higiene. Jhully, bela exemplar da raça Lhasa Apso sob os mimos de sua amiga Daiane Domingues

Raica, da raça York Shire elegantemente trajada com um modelito da última coleção de inverno com a feliz proprietária Priscila Mengate Garcia

www.tribunaanimal.com.br


8

Junho / 2007

TRIBUNA ANIMAL

Aquarium Café: Peixes, Aconchego e Cultura Sob o comando de Redondano e irmãos, um local ideal para adquirir produtos e conhecimentos sobre aquarismo

Sera “red parrot” - este é o alimento especialmente desenvolvido para a espécie que você encontra no Aquarium Café.

Para aquaristas que procuram qualidade em peixes. Este é um exemplar da espécie Red Parrot - uma das mais procuradas espécies de peixes para aquarios ornamentais.

O

Todo animal abandonado que procura um lar equer fazer novosamigostem seu espaço aqui nesta Tribuna. Sejavocê umporta voz.

Aquarium Café,localizadoàRua Capitão Kehl, 241 no Centro de Limeira, émaisqueuma lojadeprodutospara aquário. Lá,vocêdispõealémdetoda uma gama imensa de produtospara oscuidadosessenciaisdeseu aquário, um ambiente aconchegante, decorado com extremo bom gosto ondesão servidos deliciosos quitutes e inigualáveistortas, sanduícheseassados. Masse vocênecessita também de alimento para sua alma, lá você tem a disposição osprincipais jornaisdodiaparaficar por dentrodo

queacontecenomundoetambémde inúmerostítulospara osamantesdo aquarismo. Sesuavontadeéapenastomarumsimplescafezinho,eleteráum sabor especial quevocêterácomobelo visual dos aquáriosque decoram o ambientealémdeumbompapocom Redondano, seus irmãos e outros aficcionadosquefreqüentam o local paratrocadeidéiaseexperiênciassobreseussilenciososamiguinhos. Apareça, esevocêprecisar, Redondanotambémpoderá ir até sua casa paraprestar assistência ao seu aquário.

Espaço amplo e agradável. Degustar um café, um suco, um refrigerante acompanhado de uma boa leitura e a contemplação de um belo aquário. Bons motivos para visitar o Aquarium Café.

Se você quer sossêgo; encontrou! Está esperando o quê para ir ao Aquarium Café?

O Jornal do Mundo Animal Fone: (19) 3033-2811

Rua Capitão Kehl, 241 - Centro Te. 3445-1885

Casa totalmente equipada para alugar com acomodações para até 20 pessoas em Ilhabela. FÉRIAS Litoral norte de São Paulo. Infomações: (19) 3033-2811 - e-mail - santini@pop.com.br NO PARAÍSO


TRIBUNA ANIMAL

Junho / 2007

9

Posse responsável A Posse responsável tem início com a escolha do animal. Para evitar um futuro abandono, antes de adquirir um animal é importante analisar alguns fatores: Seu tempo médiodevida éde 12 anos. Pergunteà famíliasetodosestãodeacordo, sehárecursos necessáriosparamantê-loeverifiquequem cuidará delenasférias ou emferiadosprolongados. Procureadotaranimaisdeabrigospúblicosemvezdecomprar por impulso. Informe-sesobreascaracterísticasenecessidadesdaespécieescolhida– tamanho, peculiaridadese espaçofísico(raçasdegrandeporte necessitamdemaisespaço). CCZ - Centro de Controle de Zoonoses Limeira-SP Horário de atendimento: De segunda à sexta-feira End. Caminho da Servidão, 251 Jardim Campos Elísios Fone: (19) 3441-3548 / 3451-3546

OCentro de Controle de Zoonosesrecomenda: Aoadquirir umanimal consultesempreummédicoveterinário; Providencieabrigo adequado protegido do frio, vento, sol echuva. Mantenhaáguafrescaodiatodoedêraçãodeboaqualidade; Mantenhaseu animal dentrodoslimitesdoseu domicilio, oquintal limpoehigienizadoerecolhaasfezesantesdelavar oquintal paraqueos excrementosnãoescoem pelacalçada; Dêbanhoperiodicamentenoanimal, escolhaoperíodomaisquente dodiaetomecuidadoparanãocair águanoouvido; Façapasseiosdiárioscomseu animal, masusesemprecoleiraeguia. Em animaisdegrandeporteusefocinheira, principalmenteem locais com grande concentração pessoas. Leve sempreum saco plástico para recolher asfezes; Jamaissolteoanimal parapassear sozinho, écontraa lei, poispode provocar acidentes, adquirir ectoparasitas(pulgas, carrapatos) epropagar zoonoses(doençastransmitidasdosanimaisparaoshomens) como RAIVA, FEBREMACULOSA, eoutras; Vacineedêremédio contra vermespara seu animal regularmente.

Nova coleção Inverno 2007 Proteção e conforto para seu animal

Faça uma visita ao BRASIL ANIMAL, e surpreenda-se! BRASIL ANIMAL

Muitasdoençaspodem ser evitadasatravésdessescuidados, doençasna maioriadasvezesfatais. Cuidadocomanimaisdesconhecidos, hásempreriscodeagressão; Respeiteseu animal deestimação: nuncaoprovoquequandoestiver comendo, dormindoou comcria, ejamaistenteseparar brigas, poisnestassituaçõeselepodeser agressivo; Identifiqueoanimal complaquetaparafacilitar sualocalizaçãoem casodefuga. Eviteascriasindesejadasdecãesegatos. Castremachosefêmeas. A castração éa única medida definitiva no controleda procriação enão temcontra-indicações, pelocontrário, temmuitasvantagens. Caso você, seu cão ou gato tenha contato com morcegos entreem contato com Centro deControledeZoonoses, poisosmorcegospodem transmitir raiva; Semprequeocorrer acidentecom animal (cão ou gato), atravésde mordeduraou arranhadura, encaminheavítimaàSantaCasadeLimeiraecomuniqueoacidenteaoCentrodeControledeZoonoses. Importante: Nuncasolteou sacrifiqueoanimal agressor.


10

Junho / 2007

TRIBUNA ANIMAL

Rottweiler O Rottweiler está entre os 10 cães mais inteligentes.

O

scãesda raça Rottweiler sãomuito comuns em nosso meio nosdiasdehoje. Esta raça se popularizou no Brasil a partir dosanosnoventa, por sua habilidadecomocão deguarda. Também seapresenta popular comocão decompetiçõesde agility. Há muitasestóriassobre a raça Rottweiler quanto a sua agressividade, écerto queéum animal com personalidade bem definida e forte, porémmuitofiel edócil comosdonos; por ser umcão musculosoerústicorecebe a famadebrutal emal.

M www.tribunaanimal.com.br

PROPAGANDA NA FAIXA

uitosaspectossobre araçaainda desconhecidos, informações errôneas, e a má criação de alguns exemplaresdaraça, fizeramcomque aspessoascriassemuma máimagem desteanimal, gerando muitosreceios paraa aquisiçãodeumRottweiler. Comotodocão,oRottweiler éum bom amigo do homem eapresenta boascaracterísticasque o indicam como sendo uma boa escolha para animal deestimação e/ou companhia,contandoaindacomascaracterísticasideaispara um bom cão de guarda. Éfatoque, todoanimal tratado com atenção, carinho ededicação, independentementedesua raça, aptidão ou tamanho, vai semanifestar ao dono da mesma maneira. Assim, seja o cão um Rottweiler ou um Poodletoy, eleagiráconformeomeio

emqueécriadoecomo étratado. ORIGEM O aparecimento do Rottweiler contademuitosanosatrás, sendodescritomaiscertamenteapartir do século passado (XIX). Originário daAlemanha, a suaorigem genética é do tipo Mastiff e sua atividade era decão pastor. ONOMEROTTWEILER “Rottweiler” quer dizer “cão deaçougueirodeRottweil”.Rottweil é umapequenacidadedosul daAlemanha,caracterizadapor apresentaruma terramuitoavermelhadaetradiçãona criaçãodegado.Nestacidadeeramuito comum osaçougueirosterem cães Rottweiler paraguardar edirigir seus rebanhos, algunstambém eramutilizadospara tração. CARACTERÍSTICASDARAÇA Oscãesda raça Rottweiler

secaracterizampor seremcãesdeformaçãoforte,robusta, musculosa,com espíritodeluta, muitacoragem, ágeis eresistentes. Sua pelagem ésedosa e densa, decumprimento médio eliso, deveser preta com manchasbem definidasna cabeça no tom ferrugem, assim como naspernase patas. Sua expressão é de alerta, com olhosem tamanho médiodecoloração escura. Aexpectativadevidaéde10- 12anos em média. Precisam de espaço para seexercitar. Machos: emgeral são mais pesadosemaioresqueasfêmeas,apresentammaior agressividadeeagilidade, sendomaisindicadosparaguarda depropriedades. Fêmeas: são menores, dóceisemaiscompanheirasdeseusdonos, sendo indicadaspara o convívio com crianças. Écomum criarem de 10 - 12 filhotes. Estascaracterísticasquediferenciam machos e fêmeas podem nãoser umaregra geral paratodasas linhagensdestecão, poisa genéticae a linhagem dospadreadoresé muito importantenacaracterizaçãodotemperamentodoRottweiler. TEMPERAMENTO Oscãesda raça Rottweiler sãoreconhecidoscomoexímiosdefensoresde seusdonos e seuspertences, assimcomodeseuterritório.Muitoafável comcriançasepoucosociável com

pessoasestranhasao seu convívio. Otemperamentodoanimal é forte, com personalidade marcante e individual, podendo sofrer grande influênciadosaspectosgenéticos,mas não sendo impossíveisde serem educados. Énecessárioqueosanimais sejam treinadosconformea finalidadedesejada, como objetivodetornálosociável.Por apresentaremcaracterísticasdedefesaeataquebem acentuados, estescãesdevemser treinados por profissionaiscapacitadose experientes. Oscruzamentosdevem ser cuidadosamente assistidos, com adequada seleção dospadreadores para que osprodutosdestes cruzamentos nãosejamverdadeirosdesastresquantoao temperamento. Aquantidadedeespaço queoanimal desfruta para seexercitar eo contato constantecom pessoaspodem manifestar excelentesresultadosnaeducação,desenvolvimentodapersonalidadeeamenizaçãodotemperamentodo animal.

voce poderia estar sendo visto, aqui !


TRIBUNA ANIMAL

Serviços

Banho e Tosa

DISK-RAÇÃO Agro Pecuária Dois Irmãos Tratar: (19) 3443-6340

Banho e Tosa

Salão de Estética Scooby Doo

DISK-GÁS Franco Gás Tratar: (19) 3443-2909

Banho e Tosa com

DISK-PIZZA Pizzaria Roseira de terça a domingo Tratar: (19) 3442-5930

Sueli Lobo

ALMOÇO AOS DOMINGOS

Rua João Dadona, 694 - fundos Jardim Nova Suiça Limeira-SP

DISK-RAÇÃO AGRO CENTRAL Iracemápolis Tratar: (19) 3456-3765

Fone: (19) 3446-1343 3039-2448

Veterinário Doctor Vet (Dr. Sérgio) Limeira-SP Tratar: (19) 3445-2140

ANUNCIE

19 -

3033-2811

11

Banho e Tosa

Filhotes

Pássaro Dourado

Canil Dream of orsi

Banho e Tosa Rua Guilherme M. Guimarães, 85 Vila Teixeira Marques Limeira-SP Fone: (19)

3038-0707 Banho e Tosa Clínica Veterinária

MORRO AZUL Fones: (19) 3453-8308 3011-9008 Dr. Emerson / Dr. Adriano Consultas e Vacinas Av. Profª. Noemia de Castro Oliveira, 346 Limeira - SP

A VOZ DOS QUE NÃO FALAM

Junho / 2007

Venda permanente de filhotes: Poodle, Micro-Toy, Maltês, Shih Tzu - Pequenês Spitz Alemão

Fone: (19) 3452-4344 9728-3398


TRIBUNA ANIMAL

Junho / 2007

12

Social Animal Ciça - exemplar fêmea da raça Shittzu em companhia da sua proprietária, Maria Cecília Bolognesi

O sossegado “Branquinho” - o mascote da NUTRISHOP à rua Ceará, 32 - Limeira

Mel, uma boxer de 4 meses com a dedicada proprietária Sueli Massaro

THUCA, após uma Tosa de Inverno feita pela competente Janaína do Pet “Bichos e Caprichos”

“Patinha” - mesmo sem uma perninha, exibe alegria. Salvo por um “anjo”

ALPA- Associação Limeirense de Proteção dosAnimais C

omosdevidoscréditosàsentidadesde proteçãoanimal-institutoNinaRosa, Projeto Esperança Animal (PEA) eà repórter SabrinaCraide/ agênciaBrasil, a ALPA– Associação Limeirensede ProteçãoaosAnimaissesentenaobrigaçãode repassar importantesinformaçõesabaixo paraqueamensagemseespalheeomaior númeropossível depessoastomeciênciado horror dostestesem animaiseda lutaqueenvolvetodasasentidadesdeproteçãoanimal domundo inteiro, detodos osprotetoresedetodasaspessoasdebem, emfazer asuaparteparabanir essamonstruosidadedafacedaterra: “Nosolhosdecoelhos, empresas decosméticosaplicam produtostóxicos.

Empresasbrasileiras fabricantesde cosméticos fazem testes desnecessários em animais e a maneira mais eficiente de convencer os empresários a desistirem dessapráticaédeixar decomprar produtosdessasmarcaseinformar àempresao descontentamento em relação ao uso de animaisparatestesemlaboratórios. Nina Rosa Jacob, fundadora do InstitutoNinaRosa, entidadequepromoveo bem-estar animal eo consumosem crueldade, explicacomosãoostestes. Eladiz que, ao contráriodo que pensamalgunsconsumidores, quandose falaemtestesdecosméticosemanimais, isso não significa queo pêlo do animal seja lavado com um determinado

shampoo, por exemplo. Segundo ela, são testes de toxicidade, nosquaissão injetadassubstânciastóxicasnosolhosdecoelhosvivos emgrausdeconcentração bemmaisfortesdosqueaparecemnoprodutofinal. Os coelhos são escolhidos para essestestespor serembaratos, dóceisefáceisdeconter. Além disso, elessão incapazesdelacrimejar, portanto, nãopodem se defender nem mesmo através das lágrimas”, dizNinaRosa. Ela dizquemesmo testesdebatonssãofeitosnosolhosdoanimal, tambémparatestar atoxicidade.Hátambém, diz, testesnapeledoscoelhos, apósaremoçãodeseuspêlos.“Comosãofeitoscom

ANUNCIE ligue

3033-2811

altasconcentrações do ingrediente tóxico,ostestescausamdanosirreparáveisnos animais, comocegueiraedor extrema. No final do período, osanimais são mortos paraaveriguar osefeitosinternosdosprodutos”, explicaaativista. O presidente da entidade ambiental Projeto Esperança Animal (PEA), CarlosRosolenconcordaqueapenasa atitude do consumidor poderá mudar essarealidade. “Existemalternativaspara todotipo deproduto quecolocamosdentrodecasa, eexistemempresas quefazemprodutoscomtoda segurança semusar animaisparatestes”, dizopresidentedoPEA. RosolendizqueaAgência Nacional deVigilânciaSanitária(ANVISA)

exigeapenasqueosprodutossejamseguros, masquem escolhea formadetestálossãoasprópriasempresas. “Aabolição total dos testes em animaisdependeúnicaeexclusivamente denósconsumidores”. Vocêpodeencontrar alistascompletasesempreatualizadasdasempresas quefazemedasquenãofazemtestesem animaisentrandonosite www.pea.org.br , ondetambém pode saber maiseainda nosite: www.institutoninarosa.org.br Participe, ajudeaacabar com essaabominação, chamadatesteemanimais! Sede da ALPA: Rua Presidente Roosevelt, nº 261 - Centro - Limeira-SP Telefone para contato: (19) 3453-2560


TRIBUNA ANIMAL - Ed.03