Issuu on Google+

Vida e obra


Índice 2……………………………………………………..…índice 3………………….……………………………….Introdução 4……………………………………….………Obra de Jean 5………………………………..…….. ………………….Vida 6………..…………………………….……..Honras a Borda 7,8 e 9……………………………………Método de Borda 10……………………………………………… Curiosidades 11…………………………………………………Conclusão 12…………………………………………….…..Bibliografia


Introdução Neste trabalho, vamos falar sobre Jean-Charles de Borda, da sua vida para além do conhecido método de borda, O princípio aceito hoje universalmente, de "um homem-um voto", conhecido por "votação plural", não é o processo mais justo de proceder a uma eleição. Pelo contrário. Pode levar a gritantes injustiças, elegendo o candidato menos apoiado pelo eleitorado ! . Abordaremos à sua data de nascimento e de morte, e todas as etapas da sua vida, desde que nasceu até que a sua morte chegou. Assim todos que irão ver este trabalho ficaram com um conhecimento mais abrangente sobre este grande homem.


Obra de Jean Em 1756, escreveu Mémoire sur le mouvement des projectiles (Movimento de um projétil de memória), produto do seu trabalho como engenheiro militar. Derivado a esse trabalho, foi eleito para a Academia de Ciências de França, em 1764. Foi também um viajante. Passou algum tempo nas Caraíbas, tentando vários avanços na área dos cronómetros. Entre 1777 e 1778, participou na Guerra da Independência dos Estados Unidos. Em 1781, foi colocado como responsável de vários navios da marinha francesa. Em 1770, formulou um sistema de votação, conhecido como contagem de Borda. Segundo esta metodologia, os candidatos são ordenados segundo as preferências de cada eleitor. A partir dos 20 anos dedicou-se a experiências em hidráulica e máquinas hidráulicas. Hábil inventor de instrumentos de identificação de latitude e longitude, tinha um particular interesse no estudo de sistemas decimais, principalmente em unidades de comprimento.


Vida deste grande homem : Jean-Charles de Borda (4 de Maio de 1733 — Paris, 19 de Fevereiro de 1799), este nasceu na cidade de Dax. Foi um matemático e cientista político francês.


Honras a Borda Cinco navios franceses foram nomeados Borda em sua honra. A cratera Borda na Lua é nomeada com o seu sobrenome. Asteroide 175726 tem sido chamado de Borda em sua honra. Seu nome é um dos 72 nomes inscritos na Torre Eiffel . Cape Borda na costa noroeste de Kangaroo Island na Austrália do Sul é nomeado em sua honra.


Contagem de borda (Método de Borda) Contagem de Borda é um processo eleitoral proposto por Jean-Charles Borda em 1770. Segundo esta metodologia, os candidatos são ordenados segundo as preferências de cada eleitor; na contagem, a cada posição na ordenação é atribuída uma pontuação: 1 ponto para o último classificado, 2 para o penúltimo, 3 para o antepenúltimo, etc, ou seja, a distância entre cada preferência deverá ser apenas de 1 ponto. No final os pontos são somados para decidir qual a alternativa que ganha. Este sistema leva em consideração não apenas a primeira escolha de cada eleitor, como também todas as outras, de modo que nem sempre o candidato mais vezes colocado em primeiro lugar é o vencedor.


Curiosidades sobre borda Em 1756, escreveu MÊmoire sur le mouvement des projectiles, produto do seu trabalho como engenheiro militar. Derivado a esse trabalho, foi eleito para a Academia de Ciências de França, em 1764.


Conclusão Para concluir, podemos dizer que este matemático não teve uma vida muito agitada, mas ao mesmo tempo deu uma grande ajuda no que diz respeito à matemática. Não esquecendo também que para a ajuda do mesmo, elaborou um livro. Com tudo isto, todos nós ficamos a conhecer um pouco mais quem foi Borda.


Bibliografia     

http://www-history.mcs.st-andrews.ac.uk/Biographies/Borda.html http://www-groups.dcs.st-and.ac.uk/~history/Mathematicians/Borda.html http://www.dec.ufcg.edu.br/biografias/JeanChaB.html http://pt.wikipedia.org/wiki/Jean-Charles_de_Borda http://www.mat.uc.pt/~mat1027/AM2/O_JOGO_DAS_ELEICOES_V1.pdf


Trabalho Realizado Por: Ana Castro nº 3  Cidália Ribeiro nº 7  Jorge Pinto nº 16 


Grupo2_MACS_Borda