Issuu on Google+

Paróquia São Francisco de Paula - Poço Fundo - MG - Ed. XII - Ano II - Maio/Junho de 2012

EUCARISTIA: O PONTO MAIS ALTO DA VIDA CRISTÃ

Amados e Amadas de Deus, saúde e paz! O Concílio Vaticano II nos diz que a Eucaristia é fonte e ápice da vida de fé, da missão evangelizadora e do compromisso com a vida plena para todos. Sendo ela fonte de nossa vida cristã podemos afirmar que a Eucaristia nos leva a fraternidade, ao serviço e a comunhão. Eucaristia, fonte de Fraternidade: É numa mesa de irmãos, de verdadeiros amigos, num profundo exercício de fraternidade e extrema doação que nasce a Eucaristia. Corpo dado, sangue derramado para a vida do mundo. Vida doada, sem reservas, sem privilégios pessoais, simples doação, deixar-se consumir para que haja vida e vida em abundância. Eucaristia, fonte de Serviço: O Evangelho de João relata o lava-pés. Jesus tirou o manto, pegou uma toalha, uma bacia com água e começou a lavar os pés dos discípulos (cf. Jo 13,4-5). Eucaristia é serviço. E, para tal, exige tirar o manto, desvestir-se da noção de autoridade como poder, honra, privilégio e abraçar a noção de autoridade como serviço, colocar-se diante dos irmãos numa atitude de lava-

pés. A verdadeira autoridade é aquela que presta e está disposta a servir. Jesus é enfático ao dizer: “Sereis felizes se o colocarem em prática” (Jo 13,17). Devemos celebrar, participar e viver a Eucaristia sempre cingidos com a “toalha do serviço”. Eucaristia, fonte de Comunhão: A liturgia eucarística, desde suas origens, tem c a r á t e r profundamente comunitário. O pedido fundamental de toda prece eucarística diz respeito à nossa transformação em um só corpo, o corpo eclesial. A Igreja é o corpo místico de Cristo no qual cada cristão, por meio do corpo sacramental (Eucaristia), é transformado em corpo eclesial. Nossa participação no corpo sacramental deve fazer-nos profundamente Igreja, unidos e próximos do sacramento maior da nossa fé. E, ao mesmo tempo, devemos ser profundamente irmãos, próximos uns dos outros, num só corpo em Cristo. Voltemos sempre a esta fonte inesgotável da Eucaristia para saciar a nós e para ajudar o mundo a saciar-se dos valores do Reino que é fraternidade, serviço e comunhão. Nomes dados ao sacramento da Eucaristia: A riqueza inesgotável desse sacramento exprime-se nos diversos nomes que lhe são dados. Eucaristia: ação de graças; Ceia do Senhor: trata-se da ceia que o Senhor fez com seus discípulos; Fração do Pão: rito próprio da refeição judaica, foi utilizado por Jesus quando abençoava e distribuía o pão entre seus discípulos;

Pe. João Bosco de Freitas

Sacerdotes Ministros da Eucaristia No dia 04 de junho de 2012, iremos comemorar o primeiro ano da Ordenação Presbiteral dos padres: Francisco José da Silva e Paulo Giovanni Pereira. A data, que é tão especial e importante para os dois padres, é também muitíssimo significativa para todos nós da Paróquia São Francisco de Paula, que tivemos, ao longo deste ano, o privilégio e a honra de contar com suas presenças sempre amigas e acolhedoras. Queremos, mais uma vez, manifestar nossos agradecimentos, estimados padres, do fundo do coração, pelas suas palavras, pelas suas bênçãos, pelos seus conselhos, pelas suas homilias e consagrações O DEUS que os consagrou, escolheu e enviou, continue a ser a força, a coragem e a luz no caminhar de cada dia… e sintam-se agraciados pelo Dom da Sua graça, ternura e misericórdia, permanecendo com ELE, sacerdotes para sempre!

Nesta Edição: Reflexão «Depois da consagração já não há mais pão, há somente o Corpo de Cristo; não há mais vinho, mas tão somente o Sangue de Cristo» Leia mais, Página 02. Espiritualidade «Eucaristia é o ápice da Vida Cristã, ponto alto da Liturgia e presença real do Senhor, ela nos leva a uma constante ação de Graças, a um louvor que brota da intimidade nascida deste alimento salutar que é vida em abundância perene amor .» Leia mais, página 03. Olhar Jovem «Deus quer que sejamos como Tarcísio, não tendo vergonha do que os colegas pensarão de mim quando vou à missa, tendo ousadia de trocar aquele passeio, futebol, festinha ou jantar pelo momento de comunhão com Cristo. ». Leia mais, página 03. Catequese Saiba o que a Igreja Católica Apostólica Romana pensa sobre o aborto de feto «anencéfalo» Confira na página 04.

Agradecimentos de toda Comunidade Paroquial

Supermercado

Contabilidade

Contabilidade e Acessoria Empresarial

Assembleia Eucarística: porque a Eucaristia é celebrada na assembleia dos fieis; Comunhão: porque os cristãos se unem a Cristo. A Eucaristia é sinal de comunhão entre os irmãos; Missa: quer dizer missão, envio para anunciar e viver o compromisso com Cristo. Desejo uma frutuosa leitura de mais um exemplar do DESPERTAR que tem como tema central o Sacramento da Eucaristia.

CELULARES - ACESSÓRIOS - ASSISTÊNCIA TÉCNICA

IRMÃOS

Contador

Douglas Alexandre da Silva CRC-MG: 86.742

(35) 3283 1342

www.contabilidadesilva.com.br

contato@contabilidadesilva.com.br

Rua Antônio Pires Franco, 263 - Centro - Poço Fundo-MG

3283-2358


2

Despertar

REFLEXÃO

Corpus Christi Consagrada começaram a cair gotas de sangue sobre o altar após a consagração.

Instituição Oficial da Festa Em agosto de 1264, o papa Urbano IV, que residia em Orvieto, cidade próxima de Bolsena, informado do milagre, ordenou ao Bispo Giacomo que levasse as relíquias de Bolsena a Orvieto. Neste mesmo ano, o Papa emitiu a bula "Transiturus de hoc mundo", onde prescreveu que na quinta-feira após a oitava de Pentecostes, fosse oficialmente celebrada a festa em honra do Corpo do Senhor.

Procissão

O nome vem do Latim e significa Corpo de Cristo. Durante a última ceia com os apóstolos, Jesus mandou que celebrassem sua lembrança comendo o pão e bebendo o vinho que transformaria em Seu Corpo e Sangue. Acontece sempre numa quinta-feira, em referência à Quinta-Feira Santa,

Expediente: Jornalista Responsável: Andrey Nicioli MTB: 55737/SP Equipe Despertar: Pe. João Bosco de Freitas, Pe. Paulo Giovanni Pereira, Pe Francisco José da Silva, Paulo Humberto Rezende, Guilherme Raimundo da Silva, Jairo Manoel Ferreira, Margarete Mendes Neves, Eusa Maria F. de Araújo, Alexandro Henrique da Silva e Camila Beatriz Franco. Diagramação: Paulo Perpétuo Neves Impressão: Zampier Tiragem: 1500 exemplares O jornal Despertar é o informativo bimestral, sem fins lucrativos, da Paróquia São Francisco de Paula de Poço Fundo - MG

Lacqua Perfumes

quando se deu a instituição deste sacramento. A Festa de “Corpus Christi” é a celebração em que solenemente a Igreja comemora o Santíssimo Sacramento da Eucaristia.

A procissão com a Hóstia Consagrada conduzida em um ostensório é datada de 1274 No Brasil, a festa passou a integrar o calendário religioso de Brasília, em 1961, quando uma pequena procissão saiu da Igreja de madeira de Santo Antônio e seguiu até a Igrejinha de Nossa Senhora de Fátima. A tradição de enfeitar as ruas surgiu em Ouro Preto, Minas Gerais.

Origem da Celebração

Refletindo...

A celebração teve origem em 1243, na Diocese de Liège, na Bélgica, por iniciativa da freira Juliana de Mont Cornillon que teria tido visões de Cristo que lhe pedia uma festa litúrgica anual em honra da Sagrada Eucaristia. A freira levou o caso ao bispo local que, em 1258, instituiu a festa em sua Diocese. Milagre Eucarístico São muitíssimos os milagres eucarísticos no mundo todo, citaremos apenas o que deu origem à instituição de Corpus Christi. Em 1263, o padre Pedro de Praga, da Boêmia, duvidava da presença real de Cristo na Hóstia Consagrada. Enquanto celebrava uma missa em Bolsena, Itália, aconteceu um milagre: da Hóstia

AUTO POSTO GIMIRIM O POSTO DO DITO

Calçados - Roupas - Perfumes

Sudélia

BIJUTERIAS E ACESSÓRIOS

Praça. São Francisco, 376

3283 - 1052

No momento em que o sacerdote pronuncia as palavras da consagração sobre o pão e o vinho, esses elementos se convertem no Corpo e no Sangue de Jesus Cristo. Depois da consagração já não há mais pão, há somente o Corpo de Cristo; não há mais vinho, mas tão somente o Sangue de Cristo. Junto com Jesus, se fazem presentes o Pai e o Espírito Santo porque onde está uma Pessoa da Santíssima Trindade estão as outras duas. Na espécie do pão está o Cristo, na do vinho também. Em cada fragmento das espécies do pão e em cada gota da espécie do vinho está Cristo inteiro. Quem comunga somente a espécie do pão, recebe também o seu Sangue e toda a realidade que comporta

3283 - 1527 FONE: 3283 - 1984

Rua Capitão Antônio Gonçalves, 99

esse sacramento; quem recebe somente a espécie do vinho, recebe também todo o Cristo. Ao partir-se a hóstia, não partimos a Cristo, pois não se trata de uma presença física de Cristo, mas de uma presença misteriosa, que a teologia chama de presença substancial. Em cada Eucaristia olhamos para Deus, celebramos Sua presença, Sua encarnação, Paixão, Morte e Ressurreição. A cada celebração deste Mistério da Fé, nós atualizamos e aumentamos a nossa fé. Sem esta atualização constante, nossa fé pode até diminuir. A participação na Eucaristia, se não nos aumenta a fé, ao menos conserva a que já temos. É assim que somos alimentados com o “Pão descido do Céu” e adquirimos forças para continuarmos caminhando, sem desanimarmos diante das adversidades de nosso tempo. Quase todos os católicos, em todo mundo, estão convencidos da presença real de Cristo na Eucaristia. Jesus, segundo a crença católica, está, esteve e estará sempre presente em todos os Sacrários da humanidade. Entretanto, nos dias de hoje, muitas pessoas não têm tanta certeza de que isto realmente ocorre. O maior Tesouro que existe sobre a terra, a Eucaristia, que é uma dádiva de Deus, foi trazida até nós por Seu filho, Jesus Cristo... de graça! Se mesmo na condição de pecadores, assombramonos com o descaso a tão valioso Sacramento, impossível assimilar o sentimento de Deus ante a indiferença dos homens com a Eucaristia. Alimente a sua alma com a Eucaristia e verá o poder da presença de Deus se manifestar na sua vida e na de todos os que estão a sua volta.

Jairo Manoel Ferreira Ministro Extraordinário da Comunhão Eucarística

A RI A OR DO M R FUN A M ÇO Adilson PO Rua Edmilson Ferreira Noronha,85 Bairro Mãe Rainha - Fone: 3283 - 3138


3

Despertar Espiritualidade

OLHAR JOVEM

Espiritualidade Eucarística Eucaristia é o ápice da Vida Cristã, ponto alto da Liturgia e presença real do Senhor, ela nos leva a uma constante ação de Graças, a um louvor que brota da intimidade nascida deste alimento salutar que é vida em abundância perene amor . Ser eucarístico significa assumir e acolher em nosso coração que Deus é amor, e quem permanece no amor permanece em Deus e Deus nele » (1 Jo 4, 16). O amor eucarístico de Jesus continua a surpreender. Surpreendeu os doze enquanto Ele se inclinava para lavar os seus pés, amando-os "até ao fim"; admirou os discípulos de Emaús ao partir do pão. É o amor encarnado de Deus, que por sua natureza surpreende sempre. Aquela "estupefação eucarística" da qual falou o servo de Deus João Paulo II com eficaz intensidade, é proposto como a viamestra, acessível aos homens e às mulheres do nosso tempo, para fazer a experiência do amor ( Sacramentus caritatis _ Papa Bento XVI). Muitas a vezes o que nos afasta deste amor eucarístico são a vendas que nos impede de enxergar o que é verdadeiro e essencial para a nossa salvação, pois as mesmas são utilizadas para impedir que a luz adentre o nosso coração e nos impeça de perceber quão grande é o amor de Deus por nós. Existem vários tipos de vendas que vamos confeccionado a partir de nossas vontades e apegos, como o orgulho, a vaidade, a gula, a soberba, o egoismo, o consumismo, a mentira, a sexualidade desordenada, o autoritarismo e a falta de conhecimento de Deus que assola a nossa sociedade. Quando olhamos para caminhada do discípulos de Emaús, percebemos que os mesmo perderam o sentido ou seja se afastaram da fonte, da experiência, da presença de Deus, e ficaram cegados pelas suas próprias preocupações, durante este percurso e na caminhada fazem a experiência encontro ao caminhar com Jesus, mas ainda com os olhos obscurecidos por não acreditar, por não confiar, por não assumi- lo como senhor de suas vidas, mas sabemos que a caminhada é o trajeto da experiência Eucarística ou seja do Amor pleno e se faz

Silva Madeireira

Madeira e materiais construção Rua Antônio Pires Franco, 130

necessário, pois por meio dela, os discípulos caminhantes deixam de lado “suas coisas” e o Convidam para ficar com eles, e o convite os leva ao banquete do cordeiro, pois o senhor se oferece como alimento e os alimenta com sua presença, e ao perceber Jesus presente ,os seus olhos se abrem para a Graça ou seja para uma vida plena no Espírito, onde a Luz de Cristo é o seu único Farol a iluminar os seus passos, suas atitudes e seus projetos de Vida, ao Comungar do Cristo somos chamados a caminhar com Ele e a viver por Ele. Viver Eucaristicamente é viver a vida como um dom, um dom pela qual todos são gratos, e este viver gera em nós quatro coisas essenciais 1) desejo ardente de estar todos os dias na presença de Deus, 2) desejo de adorá-lo como fizeram os pastores no dia do Nascimento do Senhor, se prostraram todo diante do senhor e o adoraram. Adorar significa assumi-lo como senhor e salvador de nossa vida, submeter todas as coisas ao seu Senhorio. 3) viver fraternalmente em comunidade, onde se vive a comunhão e a unidade na diversidade 4) Desejo de crescer dia a dia no conhecimento de Deus, e o mais importante de tudo isso é que Deus não quer apenas ensinar, nos instruir ou nos inspirar, mas também se tornar um conosco , e isto só possível por meio do seu Amor Pleno. Contudo chegamos a conclusão que Eucaristia é reconhecimento. È plena compreensão de que aquele que toma, abençoa, parte, e dá é Aquele que, desde o começo dos tempos, desejou entrar em comunhão conosco. Comunhão é o que Deus quer e que nós queremos, ou seja é o clamor mais profundo de Deus e de nosso coração, porque na verdade fomos feitos com um coração que só pode ser satisfeito por quem o fez, portanto ser eucarístico é pensar , agir e viver como Cristo, ou seja ser Cristo para o irmão. Alexandro Henrique da Silva Coordenador da Comunidade Mãe da Divina Providência COMUNIDADE JAVÉ NISSI- Renovação Carismática Arquidiocesana

Jovem participante do corpo e sangue de Cristo: Um milagre de amor O mundo precisa de vida! O Jovem é vida! Porém a verdadeira vida está em Jesus Cristo. É Ele quem opera um milagre de amor no coração do jovem. Quando chega o domingo eu acordo e já fico mais que feliz porque vou à missa! Porque na celebração eu encontro meus amigos, meus irmãos e principalmente, porque vejo um milagre acontecer naquele dia: Jesus se torna alimento para meu corpo e minha alma. Ao olhar para o cenário da última ceia, vejo acontecer um milagre de amor. Jesus tomando a refeição com aqueles doze jovens e se despedindo de seus amigos. O incrível é que Ele toma o pão e depois o vinho e pronuncia as humildes palavras: “Comam, bebam, isto é meu corpo e meu sangue!” Acredito que a tristeza e o medo dos jovens apóstolos em perder Jesus, deram espaço para a esperança e a fé no momento em que comungaram do corpo do Mestre pela primeira vez. E foi exatamente por isso que Jesus se fez pão e vinho. Para estar com eles a todo o momento e para ser força na vida deles, pois estavam sem esperanças e sentiam que não seriam mais nada no mundo, sem a presença do Mestre, que estava por partir. O pão e o vinho que agora era corpo e sangue do Mestre dos apóstolos foi o grande milagre de amor. E este milagre continua acontecendo hoje e acontecerá sempre. Disse Jesus: “Fazei isso em memória de mim”. Hoje, nós somos esses jovens sentados à mesa com Jesus Cristo, partindo o pão e bebendo do cálice! Fazendo a festa do amor. O lugar do jovem é perto de Cristo, pois o corpo humano do jovem é morada do corpo e do sangue sagrado de Jesus.

TAVARES Salã o de beleza Da Maria José • Cortes • Penteados • Escovas • Serviços de beleza em geral Rua Ferreira de Assis, 256 fone: 3283 - 1024

É lindo olhar para a história do jovem São Tarcísio e se emocionar ao ver aquela criança levando o corpo de Cristo aos enfermos e no caminho sendo martirizada pelos algozes. E mesmo sofrendo as agressões e as ofensas Tarcísio não soltou em nenhum instante a eucaristia de sua mão. De modo que morreu apertando firme o corpo de Jesus sobre seu peito. A Juventude de hoje é chamada a viver esses milagres de amor. Sermos Jovens Vivos! E não jovens mortos! E ser um jovem vivo é comungar do Cristo com todo seu amor, sua fé, seu respeito e adoração. Pois só há vida em Deus. O jovem morto ainda não encontrou o valor do verdadeiro alimento! O alimento da alma. Devemos nos esforçar para sairmos desse estado de miséria que nos encontramos e adentrarmos em um estado de glória, o próprio Reino de Deus hoje! A Eucaristia... É mais que preciso valorizar a Eucaristia! Temos na comunidade inúmeras missas, encontros e celebrações. Deus quer que sejamos como Tarcísio, não tendo vergonha do que os colegas pensarão de mim quando vou à missa, tendo ousadia de trocar aquele passeio, futebol, festinha ou jantar pelo momento de comunhão com Cristo. Porque todos nós fazemos parte do corpo e sangue de Jesus! Encerro com uma frase que escutei uma vez e que me direcionou, “Não há nada que alegra mais a Deus do que ver seus filhos buscando a eucaristia, a santidade, o Reino dos céus!” Guilherme Raimundo da Silva Grupo de Jovens Renascer

&TAVARES

COMERCIO DE CAFÉ Luiz Antônio Tavares Escritório: Rua Floriano Paulino, 23 Fone: 3283 - 1109

Presentes e 1,99


Despertar 4 Nota da CNBB sobre o aborto de Feto «Anencefálico» A Conferência Nacional dos bispos do Brasil, logo após a conclusão do julgamento do Supremo Tribunal Federal sobre a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental nº 54, emitiu nota oficial lamentando a decisão. No texto, os bispos afirmam que “Legalizar o aborto de fetos com anencefalia, erroneamente diagnosticados como mortos cerebrais, é descartar um ser humano frágil e indefeso”. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB lamenta profundamente a decisão do Supremo Tribunal Federal que descriminalizou o aborto de feto com anencefalia ao julgar favorável a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental n. 54. Com esta decisão, a Suprema Corte parece não ter levado em conta a prerrogativa do Congresso Nacional cuja responsabilidade última é legislar. Os princípios da “inviolabilidade do direito à vida”, da “dignidade da pessoa humana” e da promoção do bem de todos, sem qualquer forma de discriminação (cf. art. 5°, caput; 1°, III e 3°, IV, Constituição Federal), referem-se tanto à mulher quanto aos fetos

anencefálicos. Quando a vida não é respeitada, todos os outros direitos são menosprezados, e rompem-se as relações mais profundas. Legalizar o aborto de fetos com anencefalia, erroneamente diagnosticados como mortos cerebrais, é descartar um ser humano frágil e indefeso. A ética que proíbe a eliminação de um ser humano inocente, não aceita exceções. Os fetos anencefálicos, como todos os seres inocentes e frágeis, não podem ser descartados e nem ter seus direitos fundamentais vilipendiados! A gestação de uma criança com anencefalia é um drama para a família, especialmente para a mãe. Considerar que o aborto é a melhor opção para a

mulher, além de negar o direito inviolável do nascituro, ignora as consequências psicológicas negativas para a mãe. Estado e a sociedade devem oferecer à gestante amparo e proteção Ao defender o direito à vida dos anencefálicos, a Igreja se fundamenta numa visão antropológica do ser humano, baseando-se em argumentos teológicos éticos, científicos e jurídicos. Exclui-se, portanto, qualquer argumentação que afirme tratar-se de ingerência da religião no Estado laico. A participação efetiva na defesa e na promoção da dignidade e liberdade humanas deve ser legitimamente assegurada também à Igreja. A Páscoa de Jesus que comemora a

AGENDA: AGENDA MÊS DE JUNHO

Solidariedade, expressão de fé e amor!

Dia 05 às 13h30 Reunião do CPP no Centro Pastoral Dia 06 - 10ª Festa do(a) Trabalhador(a) Dia 12 a partir das 12h Visita Missionária às Famílias das Comunidades São Francisco de Assis e Luzias Dia 16 às 15h Reunião com os membros da Pastoral da Esperança no Salão Paroquial Dia 19 às 2h Romaria dos membros do Terço dos Homens a Aparecida – SP e às 13h Reunião com todos os Coordenadores de Catequese no Salão Paroquial Dia 20 às 8h Acolhida dos Catequizandos Adultos e Catequistas no Salão Paroquial e Igreja Matriz Dia 26 Grupão de Pentecostes na RCC Dia 27 das 8h às 11h Encontro de Formação sobre Eucaristia e Missa Corpus Christi - Ministros da Eucaristia no Centro Pastoral e às 13h30 Reunião com os Agentes da Pastoral do Dízimo no Centro Pastoral

Dia 03 às 15h Missa Setorial do Ano Jubilar da Arquidiocese de Pouso Alegre em São João da Mata Dia 07, Corpus Christi, missas às 9h30 e às 15h na Igreja Matriz Dia 09 a partir das 12h Visita Missionária às Famílias da Comunidade Barreirinho e às 15h Gincana com Coroinhas e Acólitos no Salão Mãe Rainha Dia 16 das 12h às 20h Encontro de Casais no Centro Pastoral Dia 17 das 7h às 18h Encontro de Casais no Centro Pastoral Dia 21 às 19h Reunião com todos os Agentes da Pastoral da Acolhida no Salão Paroquial Dia 23 às 13h Encontro de Formação Humano e Cristão – Catequistas e Catequizandos no Centro Pastoral – Catequese com Adultos

Tradicionalmente, na semana que antecede o dia de Corpus Christi e no próprio dia, muitas pessoas fazem doações de cobertores e agasalhos para as famílias carentes da comunidade poçofundense. Dando continuidade a este belo ato, A Pastoral Social convoca toda a sociedade para trazer a sua doação nas missas do dia 7 de junho (quinta-feira). As celebrações serão realizadas na igreja Matriz em dois horários (9h30 e 15h). As pessoas que não puderem deixar as suas contribuições nos cultos podem entregá-las na Secretaria da Paróquia ou na Sede da Pastoral durante a semana que antecede o grande dia ou deixá-las, como é tradição, nas ruas enfeitadas, alguns momentos antes da procissão. Lembre-se de que a solidariedade é uma expressão de fé e amor.

Agradecimentos de toda Comunidade Paroquial

Novo Milênio

SUPERMERCADO FERREIRA

eços melhores pr Sempre os

Torrefação & Armazém Ferreira

Rua Capitão Antônio gonçalves, 463 Fone: 3283 - 1299

Cardeal Raymundo Damasceno Assis Arcebispo de Aparecida Presidente da CNBB Leonardo Ulrich Steiner Bispo Auxiliar de Brasília Secretário Geral da CNBB

ERRATA:

AGENDA MÊS DE MAIO

Oferecemos sempre o melhor preço para você!

vitória da vida sobre a morte, nos inspira a reafirmar com convicção que a vida humana é sagrada e sua dignidade inviolável. Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil, nos ajude em nossa missão de fazer ecoar a Palavra de Deus: “Escolhe, pois, a vida” (Dt 30,19).

Lacqua Perfumes Calçados - Roupas - Perfumes

Secagem, beneficiamento, armazenagem e negócios em café. Escritório: R. Antônio Pires Franco, 117 Telefones: 3283 - 2520 ou 3283 - 1173

Diferentemente do afirmado na pág. 3 da edição anterior a Quaresma termina na Quinta feira Santa e não no Domingo de Ramos. A Carta apostólica de Paulo VI, aprovando as Normas Universais do Ano Litúrgico e o novo Calendário Romano geral, diz, no n. 28: "O tempo da Quaresma vai de Quartafeira de Cinzas até a Missa na Ceia do Senhor (Quinta-feira santa, à tarde), inclusive". E também a Paschalis Solemnitatis da CCD de 1988: "Na Semana Santa a Igreja celebra os mistérios da salvação, levados a cumprimento por Cristo nos últimos dias da sua vida, a começar pelo seu ingresso messiânico em Jerusalém. O tempo quaresmal continua até à Quinta-feira Santa. A partir da missa vespertina “in Cena Domini” inicia-se o tríduo pascal, que abrange a Sextafeira Santa “da paixão do Senhor” e o Sábado Santo, e tem o seu centro na vigília pascal, concluindo-se com as vésperas do domingo da ressurreição."

Hortifruti Açougue ia r a d a P

Praça. São Francisco, 376

3283 - 1052


Jornal Despertar Maio/Junho