Issuu on Google+

Nº 154 – Especial Codesavi 5ª-feira, 18 outubro 2012

w w w. s i n t r a c o m o s . o r g . b r Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil, Montagem e Manutenção Industrial e do Mobiliário de Santos

Inédita

Fotos: Vespasiano Rocha

Vitória sem precedente na história da Codesavi Macaé Marcos, presidente do sindicato: ‘Ficamos cerca de 20 anos sonhando e lutando pela equiparação do piso da Codesavi com a construção civil. Agora, graças à luta da diretoria do sindicato, da categoria e do acordo já assinado, faltam apenas cinco meses’.

Quatro meses

Assembleia histórica, na Câmara Municipal de São Vicente, para encerramento da mais importante campanha salarial na Codesavi

Nunca, na história da Codesavi, houve uma campanha salarial tão positiva como a deste ano

O

s trabalhadores e trabalhadoras da Codesavi, principalmente elas, já foram guerreiros de estremecer os alicerces da empresa e da cidade. Teve época, especialmente na década de 1990, que as companheiras, sem desmerecer os marmanjos, literalmente comandavam as assembleias. Foram tempos de lutas memoráveis e algumas boas vitórias, o que tornou a base da Codesavi uma das maiores e mais importantes do Sintracomos.

Infelizmente, porém, a categoria também teve momentos de muita tristeza, como naquele ano em que a companhia endureceu, em nome da lei de responsabilidade fiscal, e demitiu mais de 120. Doía no coração ver pais e mães de família chorando, nas rescisões, sem nunca terem faltas injustificadas nem nada que os desabonasse. As demissões foram a moeda de troca por um reajuste nem tão grande assim, mas que a direção da empresa condicionou à redução da mão-de-obra. E a assembleia, infelizmente, aceitou. Não faltaram também argumentos de orçamento municipal apertado, dificuldades financeiras, baixa arrecadação de impostos e outras barreiras finalmente vencidas agora, em 2012. Nesta edição comemorativa do grande resultado da campanha salarial na Codesavi, uma das primeiras vitórias da nova gestão do sindicato, você verá detalhes da luta e do acordo coletivo.

No horário de verão, uma hora a menos de trabalho Presidente Macaé avisa: no horário de verão, todos os trabalhadores e trabalhadoras da Codesavi que entram no serviço às 5 horas entrarão às 6 horas. E sem prejuízo salarial. É o que diz a cláusula 31ª do acordo coletivo. O horário de verão vai de 21 de outubro a 17 de fevereiro.


2

Nº 154 – Especial Codesavi 5ª-feira, 18 outubro 2012

Em parceria com o Senai, o sindicato oferece cursos gratuitos. A escola oferece ainda cursos pagos. Tudo para você melhorar sua capacidade profissional e buscar melhores oportunidades no mercado de trabalho. As aulas são na sede, em Santos, e também em São Vicente, Praia Grande, Vicente de Carvalho e Morro da Nova Cintra. Informações pelos fones 33260212 e 3326-0213 ou na Rua Júlio Conceição, 100, Vila Mathias, Santos.

Coral da Codesavi emocionou na Câmara Fotos: Vespasiano Rocha

O Centro Técnico de Especialização Profissional (Ctep), mantido com recursos próprios e pelo sindicato, orgulhosamente passou dos dez anos de ótimos serviços prestados à classe operária.

w w w. s i n t r a c o m o s . o r g . b r

e st r e i a

Profissionalize-se

Prospere com a escola do sindicato

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil, Montagem e Manutenção Industrial e do Mobiliário de Santos

Fotos: Vespasiano Rocha

Cursos gratuitos

Cursos de elétrica, comandos elétricos e hidráulica são gratuitos

Instalador hidráulico 160 horas Eletricista instalador 160 horas Comandos elétricos 120 horas

Cursos pagos Soldador eletrodo revestido 168 horas Soldador tig 168 horas Segurança em instalações e serviços em eletricidade NR10 40 horas Sistema de construção a seco ‘drywall’ 40 horas Inspetor de soldagem nível 1 ‘cis’

2 mil exemplares

Sede: . ...........(13) 3878-5050 Cubatão:........(13) 3361-3557 Guarujá:.........(13) 3341-3027

São Vicente:...(13) 3466-8151 P. Grande:.......(13) 3471-8556 Bertioga:........(13) 3317-2919

Construção Operária. Publicação do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil, Montagem e Manutenção Industrial e do Mobiliário de Santos, Cubatão, Guarujá, São Vicente, Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém, Peruíbe e Bertioga. Rua: Júlio Conceição, 102, Vila Mathias, Santos (SP), CEP 11015.906.

Presidente: Macaé Marcos Braz de Oliveira. Secretário-geral e diretor de imprensa: Almir Marinho Costa. Redação e edição: Paulo Passos. Diagramação: www.cassiobueno.com.br. Impressão: Diário do Litoral

Presidente do sindicato, Macaé Marcos, ficou impressionado com o desempenho do coral

A

primeira apresentação do Coral da Codesavi, em 10 de setembro, na Câmara Municipal, foi um sucesso. E a diretoria do nosso sindicato esteve lá, prestigiando. Foi uma homenagem ao presidente da companhia, Márcio Perretti Papa, que recebeu o título de cidadão vicentino. Nosso presidente, Macaé, curtiu o desempenho do coral e gostou do repertório.

www. sintracomos.org.br O site é ferramenta importante para você se comunicar com o sindicato. E também para conhecer melhor nossos serviços, as lutas da categoria, ler notícias, os acordos e convenções coletivas, etc.


Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil, Montagem e Manutenção Industrial e do Mobiliário de Santos

w w w. s i n t r a c o m o s . o r g . b r

3

MTE

Subsede

Diretoria boa de luta Paula Liliane Monteiro da Silva

Fotos: Vespasiano Rocha

Acordo no Ministério do Trabalho tem força de lei

Nº 154 – Especial Codesavi 5ª-feira, 18 outubro 2012

Miguel Bustos Romero ‘Chileno’

Diretoria do sindicato e comissão mantiveram firmeza nas negociações com a empresa

Nossos direitos estão registrados no sistema mediador do governo federal

O

acordo coletivo de trabalho com a Codesavi está registrado no sistema mediador do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e tem força de lei.

Fizemos greve nos serviços de manutenção e limpeza urbana, como varrição de ruas, avenidas, guias, calçadas, galerias e praias. As balanças no lixão do Sambaiatuba também pararam.

Laudelino de Oliveira Xavier ‘Gaúcho’

Ana Maria dos Santos

Greve

Os serviços paralisados Roberto Alves de Carvalho ‘Betão’, diretor executivo responsável pela subsede

Estes são os diretores e diretoras que tocam a subsede do sindicato em São Vicente. Muito do sucesso da campanha salarial deste ano na Codesavi se deve a eles. Liderados pelo presidente Macaé e com apoio da categoria, concretizaram um acordo sem precedentes na história da empresa. Em abril de 2013, os pisos da Codesavi, para profissionais e ajudantes, serão iguais aos da construção civil, após o reajuste do setor,

em maio do ano que vem. Isso será o mínimo. Foi acertado na campanha salarial deste ano. Mas, com circunstâncias favoráveis, poderemos avançar ainda mais. O reajuste de 20%, em abril de 2012, foi prova de que lutar vale a pena. Atenção: se você exerce função não registrada no acordo coletivo, passe na subsede e informe que função é essa. Só assim ela será incluída no próximo acordo.


Nº 154 – Especial Codesavi 5ª-feira, 18 outubro 2012

4

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil, Montagem e Manutenção Industrial e do Mobiliário de Santos

w w w. s i n t r a c o m o s . o r g . b r

Fotos: Vespasiano Rocha

Esporte

Molecada da Codesavi mostrou que, além de boa de luta sindical, também bate um bolão

Codesavi campeã do 1º Torneio de Futebol Sintracomos

CURSAN

ORMEC

Em comemoração ao 74º aniversário, o Sintracomos promoveu seu primeiro torneio de futebol, no Jabaquara, com equipes do sindicato e das empresas Codesavi (campeã), Ormec (vice), Cursan e Odebrecht. Em 2013, mais equipes participarão do campeonato. E o mesmo acontecerá nos anos seguintes, confirmando o compromisso de campanha eleitoral do presidente Macaé e da diretoria.

ODEBRECHT


CO Codesavi