Page 1


Jogo emotivo e com 5 golos que muitos adeptos tiveram o prazer de assistir no excelente Campo do operário Campelos. Na 1 ª parte o pevidém estavam lentos e entrou bem no jogo a equipa da casa e também eram rápidos e a nossa defesa subiu rapidamente no terreno do jogo e também criaram oportunidades de golo e depois um excelente remate dentro da aérea, e foi defendido pelo guarda redes Fernando Jorge, e a partir do minuto 3 o pevidém entrou na área da equipa adversária, e estavam bem comandados no meio campo por Sandro e o miro, e o pevidém criou oportunidades perigosas e também dedicou aos adeptos, adivinhase o golo do Campelos e Faria com uma excelente entrada ao 1 poste num canto semeou o pânico na defensiva do Campelos. Não marcou Faria marcou Álvaro com um excelente remate a meia volta passagem do minuto 03 merecia o pevidém com uma grande arrancada isolou-se e fintou o g.redes adversario,tendo este o derrubado fora de área, e levou o cartão amarelo o nosso guarda redes isolado o jogador em frente a baliza foi derrubado por alguém.

na segunda parte entrou melhor os comandados por Miro /Eliseu sempre com um excelente futebol e controlando bem a reacção do Pevidém .Mas eis que a ultima meia hora do jogo trouxe golos oportunidades falhadas e um desencanto nas hostes do Campelos. 1º surge o golo do empate por parte do Pevidém num pontape do outro mundo e num golao de belo efeito.tremia o Campelos e o Pevidém aproveitava para criar algumas boas oportunidades para chegar a vantagem.mas eis que surge no encontro Eliseu e Miro imprimindo maior velocidade as alas do Pevidém Miro num espantoso pontape livre colocou novamente o pevidém em vantagem,e eliseu 1 num exelente passe a isolar russo que sozinho perante o g.redes adversario nao conseguiu fazer o 1-1.novamente Eliseu com uma exelente arrancada pela esquerda semeou panico na area do Campelos .e novamente Miro (exelente jogo)com um golpe de cabeça quase a fazer o 2-1 e matar o jogo. e como quem nao marca sofre eis que o Campelos chega ao empate num golpe de cabeça a culminar uma boa jogada colectiva.no minuto seguinte e perante alguma atrapalhaçao na defensiva do Campelos eis que surge Eliseu a salvar em cima da linha de golo o que seria 3-2 para o Pevidém .mas na jogada seguinte,exelente contra ataque do Campelos e Miro sozinho na area atira ao lado.

jogo com uma segunda parte frenetica onde o Pevidém fica a dever a si a vitoria ,pelo futebol jogado e pelas inumeras oportunidades criadas,mas tambem um bom premio para o esforço do Campelos que soube ir a procura da vitória .... arbitagem boa com uma nodoa na partida.o g.redes do Campelos teria de ser expulso quando derrubou russo,que ficaria de baliza aberta...

exelente Pevidém com uma equipa bem estruturada e com jogadores talentosos.tem muitas condiçoes para continuar a trilhar uma exelente epoca e uma classificaçao entre os melhores da serie b


Sabado pelas 16 horas, o Pevidem defronta o fermilense em casa , em jogo a contar para o Campeonato.


Campelos 2-3 Pevidém Fernando Jorge, Luís Faria, Pinto, Miro, Pedro José, Paiva (Eliseu 56′), Sandro, Pedro Leandro, Pedrinho, Licinio (Peixoto 56′), Nuno (Pisco 83′). Golos: Sandro 67′, Miro 71′, Eliseu 74′. Amarelos: Fernando Jorge 4′, Pedro José 25′, Licinio 31′, Miro 62′, Pedro Leandro 63′, Peixoto 68′, Pinto 75′, Pedrinho 91′. Resumo do jogo Em mais uma deslocação a equipa do Pevidém e consegui demonstrar o valor que o plantel tem, e saiu vitoriosa justamente do recinto do Campelos . Com uma boa entrada no desafio a equipa que viajou desde o concelho Pevidém foi a primeira a criar perigo, mas o remate de Sandro saiu ligeiramente por cima da baliza defendida pelo guardião local, no entanto, não demorou muito o golo, marcado pela equipa adversária , que aproveitou uma boa assistência de Miro . Mas o tempo de festa foi curto, pois a equipa local rapidamente igualou o marcador, num excelente remate fora da área. Reagiu o Pevidém e podia ter desfeito a igualdade quase de imediato, mas Eliseu isolado perante o guardião do Campelos, permitiu-lhe a defesa. Quem não marca arrisca-se a sofrer, quando já perto do apito final do primeiro tempo, um avançado local efectua um remate feliz e consegue novamente um grande golo. Na segunda parte a equipa da casa criou diversas oportunidades, tendo Fernando Jorge com boas defesas, retardado ao máximo o golo da tranquilidade, que surgiu na cobrança exemplar de um livre directo, ao longo dos segundos quarenta e cinco minutos o Pevidém deixou uma pálida imagem do valor do seu grupo de trabalho, porém, podia ter igualado a partida em duas ocasiões, primeiro Sandro tenta surpreender o guardião local com um remate fora da área, mas a bola passa rente a trave defendida pelo mesmo, e passado algum tempo, é Miro que remata, mas a bola embate na trave. Resultado justo, num encontro onde a equipa do Pevidém exibiu-se ao nível da carta mais baixa de uma partida de “sueca.” Trabalho aceitável do trio de arbitragem, com influência no resultado final.


Fernando Jorge, Luis Faria, Pinto, Miro, Pedro José, Paiva (Xano 80′), Sandro, Pedro Leandro (Eliseu 75′), Pedrinho, Rui, Peixoto (Licinio 69′), Golos: Peixoto (43′; 49′), Sandro (77′; 81′), Pedrinho (90′). Amarelos: Rui (44′), Pinto (55′), Pedrinho (58′), Peixoto (69′), Xano (83′). Resumo do jogo Na 1 ª parte o Pevidém jogou normalmente, sem hesitações e com algumas faltas. O jogo estava mais ou menos equilibrado. Entretanto os minutos foram passando e nunca mais havia um golo. Os adeptos do pevidém estavam revoltados com a sua equipa. Ao minuto 43 o avançado do pevidém (Peixoto) decidiu marcar um golo. O jogo nunca mais terminava e o treinador do pevidém (João Pedro Coelho) já estava a ficar furioso. A 1ª parte terminou, mas o árbitro dá mais 2 minutos para as duas equipas. O avançado do pevidém (Peixoto) aproveitou os 2 minutos de compensação para marcar o segundo golo. Na 2ª parte os jogadores da equipa adversária já tinham preparado uma estratégia para vencer o pevidém, mas o Sandro do pevidém, não lhes facilitou a vida, marcando 2 golos. O jogo já está a terminar com a derrota da equipa adversária, mas o Pedrinho não se consolou com 3 golos marcados. No minuto final resolveu marcar o ultimo golo para finalizar a derrota da equipa adversária. O árbitro deu o apito final do jogo. A vitória foi do PEVIDÉM


Sénores Campelos 2 - 3 Pevidém dia 15 – 10 – 2011 ás 16:00 Juniores 1 – 1 Esposende 16-10-2011 ás 16:00

Pevidém Juvenis

Bairro 1 - 3 Pevidém dia 16-10-2011 ás 16:00 Iniciados Maria da Fonte 1 - 0 Pevidém dia 15-10-2011 ás 10:00

Séniores Pevidém vs Fermilense

dia 22 – 10 – 2011 ás 16:00

Juniores Ribeirão vs

Pevidém

23-10-2011 ás 10:00

Juvenis Pevidém vs

Ruivanense dia 23-10-2011 ás 16:00

Iniciados Pevidém

vs

Arsenal C. Devesa dia 22-10-2011 ás 10:00


O rep贸rter: Paulo Jorge lemos

Jornal do nosso Clube  

Jornal do nosso clube

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you