Page 1

Diário Notícias 07­03­2013

Periodicidade: Diario

Temática:

Economia

Classe:

Informação Geral

Dimensão:

182

Âmbito:

Nacional

Imagem:

S/Cor

Tiragem:

56361

Página (s):

13

O inconcebível Gaspar com o ortodoxo e fraquíssimo Olli

ANDRÉ MACEDO Diretor do

Rehn Há argumentos a favor desta tese osjurosjánão baixaram para 3 Não houve tolerância para a derrapagem do défice em 2012 e não pode ser adiada ameta dos 3 em 2014 Devagar incremental mente como dizem os burocratas

de Bruxelas lá vão chegando algu mas concessões e borlas

Dinheiro Vivo

achaisnecmonprcebeívgeloaco de aminho ministro das Finanças

dos 18 Achainconce bível as falências em sé

rie Acha inconcebível o nível de im

postos O IVAgalopante Aqueda

de investimento O risco de motim

entre os militares A fuga dos mais novos O desespero dos reforma dos Adesconfiança que se abate sobre partidos e instituições Acha inconcebível aprovar orçamentos que falhamprevisões e chegama fe vereiro esmagados pela realidade

É seguramente umamaneira de

olhar para o problema Podemos O que Gaspar se agigan até imaginar ta àporta fechada convertendo se num tenaz defensor dos endivida

dos SeráNa verdade só saberemos

quando saírem as memórias do mi nistro mas sei que há aqui um gra ve problema de oportunidade O

WallSreetJournalinformava ontem

que a zona euro caminha para o quarto trimestre consecutivo de contração Ou seja a receita é má e em Portugal é pior A estratégia de 100 puraausteridade não resolve Para se ter uma ideia os enviados de

Não Para todos estes detalhes

Bruxelas aAtenas são aconselhados

pueris Gaspar não guarda espanto nenhum Já para a hipótese de Por tugal como aIrlanda pedira exten são pormais 15 anos do pagamen to do empréstimo aos fundos euro peus que socorreram o País para isso o ministro escolhe palavras

pela Comissão a mentir aos taxistas para não levarem uns cascudos ja mais lhes digam quem são inven

musculadas inconcebível diz ele

Haja moderação acrescenta Eu

nunca tinha visto uma coisa destas AIrlandatem menos necessidades

do que Portugal tem um emprés timo mais pequeno até cresce al guma coisa mas pede mais tempo

OquefazGaspar sedoaliado quegestonobre Gaspardistanciae

pede cinco dez anos no máximo Alguém compreende Talvez seja avontade deficarfora do radar de Berlim para não indis por ninguém Talvez seja a determi nação em estar sempre alinhado

tem É isso mesmo a ideia é mentir

Fazer nos crer que não há alternati va ou que a alternativa é rasgar con tratos não fazer reformas nenhu

mas Oito ou oitenta Não é verdade

Há alternativa negociar mais colo car limites como fazaIrlanda que

recusou subir o IRC e como fez Es

panha que evitou o resgate Infeliz mente Gaspar jamais o fará Isso sim é inconcebível

PSNo auge da crise alguns ban cos centrais da Europa disseram às suas instituições financeiras nacio nais para não comprarem dívida dos países em dificuldade Com isso extremaram a crise São estes

os parceiros europeus a quem Gas par se entrega com diligência

"Infelizmente, Gaspar jamais o fará. Isso, sim, é inconcebível”  

André Macedo - DN