Page 1

Encante-se com as maravilhas que a Tailândia reserva.

Descubra o continente asiático através do mochilão.


editorial

Conhece-te a ti mesmo viajando! Uma das maiores graças de viajar é se deslumbrar, se encantar e se apaixonar. E, como no amor, o objetivo é fazer os olhos brilharem com a paisagem, a alma se surpreender com novos caminhos e o sentidos se aguçarem com cheiros e sabores diferentes. Sabe aquela coisa de uma vez por ano visite um lugar novo? Então, o sentimento é basicamente esse, mas sem, necessariamente, ter que correr para achar um destino novo. Basta uma praia desconhecida, um hotel diferente ou um caminho alternativo. Ou, quem sabe, uma outra companhia para a mesma viagem. Dê uma chance ao seu olhar. Respire fundo, aperte os cintos e aprecie a vista. O deslumbramento é fascinante. A vida é muito curta e, sim, o mundo é muito grande. Sabemos todos disso. Não tenho pressa de conhecer tudo – não faço competição de viagens/ países/ cidades. E para não perder o brilho nos meus olhos viajantes, me permito ter um encantamento infantil com o novo, mesmo que num lugar que já conheço. Recomendo. É como um descobridor de algum século passado ao avistar um novo continente ou como um jovem internauta que, finalmente, achou o que procurava navegando na web. E, deixa eu te contar, é muito bom se deslumbrar com o novo ou com o que você já conhece! Siga seu coração na hora de escolher os destinos e, principalmente, siga se deslumbrando com todas as paisagens que cruzam o seu cami-

revistaway ANUNCIE NA REVISTA: 62 99969-2266 62 99140-9076 34 99825-8095 Dúvidas e sugestões: way@gmail.com R. Samambaia Setor Central CEP: 74001-970 Goiânia - GO Revista online 1º Edição Diponível em: issuu.com CAPAS Capa 1: Yangon, Myanmar Capa 2: Yangon, Myanmar

EXPEDIENTE REDAÇÃO Geovanna Bessa Silva PROJETO GRÁFICO E DIAGRAMAÇÃO Gleison Campanholo e Paula Riciolli

-3-


Vá até onde puder ver; quando lá chegar poderá ver ainda mais longe.” GOETHE

-4-


-5-

7

GUIA DO MOCHILEIRO

8

TAILÂNDIA GETAWAY

12

DICAS PRÁTICAS PARA PRAGA

16

CULINÁRIA ASIÁTICA

19

FESTIVAIS INDIANOS


-6-


Guia do mochileiro 1º passo: organizando a minha viagem Muita gente tem entrado em contato comigo pedindo a planilha que eu montei para minha viagem. Bom, finalmente aqui está ela!! Demorei um pouco para elaborar este post, mas acho ele vai ajudar muita gente que está planejando por conta própria um mochilão. Então vamos lá, vou fazer a explicação em cima da planilha que criei para o meu segundo Mochilão pela Europa. No final do post tem o link para download dessa planilha. Bom, essa planilha me ajudou muito a organizar minhas viagens. Nela eu monto meu roteiro, coloco lembretes, me organizo financeiramente e esque

matizo tudo que preciso para realizar a viagem. Dentro do arquivo eu tenho planilhas separadas por temas. Sendo eles: Cronograma Geral da Viagem, Transporte, Hospedagem, Gastos Totais, Lembretes e também uma planilha individual para cada cidade que será base na viagem. Quando eu digo cidade base eu quero dizer as cidades que vou dormir, as demais cidades que vou visitar ficam dentro da que vou visitar ficam dentro da planilha das suas respectivas cidades base. Ufaaa… Bom, de uma maneira “resumida”, essa é a planilha que eu uso para montar minhas viagens.

Ela com certeza vai parecer muito complexa para alguns, simples para ou tros, desnecessária para outros tantos. Enfim, ela não é uma fórmula que deve ser seguida. Apenas estou compartilhando com vocês como eu faço para me organizar para uma grande viagem. Agora é com vocês baixar e adaptar esta planilha para uma nova viagem. Qualquer dúvida estou aqui para trocar experiências.

Confira aqui a planilha perfeita para a sua viagem!

-7-


TAILÂNDIA GETAWAY Descubra os encantos desse refúgio asiático e se apaixone por esse território desconhecido do melhor maneira possível.

-8-


Acho que 10 em cada 10 brasileiros quer visitar a Tailândia um dia, né!! O país merece a fama que tem, é incrível, com praias paradisíacas (como a do filme A Praia, com Leonardo di Caprio), templos budistas impressionantes, cidades históricas, elefantes, mulheres girafas e uma miscelânea cultural!

samos. Se for ficar mais de três meses, dá pra sair e entrar de novo, que tua estadia fica renovada por mais 3 meses.

VISTO Brasileiro não precisa de visto pra ficar até 3 meses na Tailândia. Vi pessoas de vários países tirando o visto na chegada lá, no aero, mas nós brasileiros não preci-

DINDIN A moeda tailandesa é o bath. Pra te dar uma ideia da moeda, a cotação em dezembro de 2013 era de 30 baths = 1 dólar (ou 100 baths = 7,5 reais). A Tailân-

VACINA E IMIGRAÇÃO Mas tem que tomar vacina contra febre amarela. E o que TEM QUE fazer na chegada no aeroporto em Bangkok, e todo mundo esquece (incluindo yo) é Então bora falar sobre as dúvidas que passar no Health Control antes de ir pra muita gente tem quando pensa em ir fila da imigração (senão tem que voltar pra Tailândia! tudo…).

-9-


é barata, mas você precisa sacar vários baths, já que a moeda é desvalorizada. O bom é que a Tailândia é um país barato! Dá pra fazer ótimas refeições na capital por 40 baths (uns 3 reais!). COMO CHEGAR Várias cias aéreas levam até Bkk – fui pela EgyptAir, saindo de Frankfurt, com escala no Cairo. Gostei, achei o avião espaçoso, te dão um kit com até máscara pra dormir e meia! Tem sistema individual de televisão com filminhos, e dá pra ficar ouvindo umas músicas egípcias no caminho. LÍNGUA Muita gente na Tailândia fala inglês

- 10 -

(acho que até mais gente que no Brasil!), mas tem vários momentos onde você vai ter que se virar com a mímica mesmo! MELHOR ÉPOCA Evite ir na época das chuvas (as famosas monções), porque além de ficar quente demais, chove todo dia e é comum acontecerem inundações. A melhor época pra ir é entre novembro e março, quando faz calor (mas não tanto) e quase não chove. Claro que este período é a alta temporada, então as coisas ficam um pouco mais caras, mas pelo menos você aproveita super bem a viagem! A rainy season começa em junho/ julho e vai até outubro (esse período é bom evitar).


O país tem uma cultura única e riquíssima, paisagens de tirar o fôlego, é barato e faz sucesso entre os amantes da culinária asiática.” Geovanna Bessa, mochileira


DICAS PRÁTICAS PARA SE VIRAR EM PRAGA Atualmente a República Tcheca ganhou destaque no circuito turístico da Europa. Praga, a capital, caiu no gosto dos viajantes e tem atraído milhares de pessoas. Por um lado isso acaba tirando um pouco o chame da cidade. Acredito que alguns anos atrás, quando ainda não era tão famosa, a cidade tinha uma beleza especial.

- 12 -


Qual idioma vou falar em Praga? Se você for muito gênio pode se comunicar em Tcheco. Mas fique tranquilo, com um pouco de inglês você já consegue se virar por lá. Se você fala Alemão pode conseguir alguma coisa também, além, é claro, da boa e velha mímica. Como me locomover em Praga? Andando! Isso mesmo… bater perna é a melhor maneira de conhecer a cidade. As atrações ficam relativamente próximas uma das outras. De qualquer forma vale destacar que a cidade possui 3 linhas de metrô, além de linhas de trem e ônibus.

Qual moeda é usada na República Tcheca? A Coroa Tcheca! Não se preocupe em comprar essa moeda no Brasil. Lá você vai encontrar muitas casas de câmbio. Alguns lugares eventualmente aceitam Euro, mas é melhor ter umas coroas com você. Compras A rua mais popular para compras na cidade é a Václavské Námesti – com várias lojas de grife. Souvenirs você encontra em várias partes da cidade, mas os mais em conta estão na região próximas ao Distrito do Castelo ou em uma feira não muito longe da praça principal.

- 13 -


culinรกria

O SEGREDO ร‰ CONQUISTAR PELA BOCA! Descubra os melhores pratos do universo asiรกtico e encante-se pelos sabores exรณticos desse mundo.

- 16 -


TAILÂNDIA 1

2

3

1.Arroz doce com manga 2.Fried rice 3.Pad Thai Média de preços Em Bangkok é mais barato, nós gastávamos cerca de 350 B (R$35 mais ou menos) por refeição, contando com 2 pratos, cerveja e um suco em um restaurante legalzinho. Chiang Mai acaba saindo mais barato por que você tem a opção de comer várias coisinhas nas feirinhas noturnas.Em Railay Beach e Koh Phi Phi nós não almoçávamos por menos de 500 B. O Camboja foi o país mais barato que visitamos! Tudo lá é cobrado em dólar americano é ridiculamente barato. Um prato individual custava de 3 a 5 dólares e uma caneca de cerveja chega a 0,50 cents e o suco de fruta custava sempre 1 dólar, o que significa que a gente nunca gastava mais que US$10 para comer (R$40 na época que a gente foi).

- 17 -


Acho que essa é a pergunta que a gente mais ouviu quando voltou de viagem: como era a comida lá no Sudeste Asiático? No geral os pratos são bem temperados e saborosos, a maioria é um pouco adocicada, alguns têm bastante pimenta – por isso é sempre importante perguntar antes de pedir – e o noodle rola solto! hahaha Nas três primeiras semanas, a gente achou tudo uma delícia, mas com o tempo começamos a cansar um pouquinho do tempero e a pensar loucamente no nosso arroz com feijão, bife, batata frita e uma saladinha. hahaha Aí o jeito foi apelar pro hambúrguer e pra a pizza (que até que era bem boa). Então, pra quem tem o paladar mais fresco, os fast foods ou pratos mais internacionais são fácéis de encontrar. 4.Fish Amok 5.Hambúrguer de crocodilo 6.Churrasco Cambojano

- 18 -

CAMBOJA 4

5

6


diversão

É PRECISO FESTEJAR!

Índia, um país místico e milenar, repleto de culturas e tradições de um mix de povos e religiões que vivem em harmonia desenvolveram em sua essência a felicidade em celebrar e compartilhar com o próximo a alegria do viver. Aprenda sobre algumas das festividades celebradas no país as quais você não pode deixar de conhecer:


1

2

3

- 20 -


1- GANESH CHATURTHI Quando: Agosto / Setembro. Ocorre no período do Bhadrapad que no calendário gregoriano é o mesmo que um mês começando no dia 23 de Agosto e terminando no dia 22 de Setembro. Ganesh Chaturthi é a celebração do aniversário de Ganesh, o deus mestre da sabedoria e intelecto. Ganesh é o primeiro filho de Shiva e Parvati e é representado uma divindade com uma grande barriga, quatro braços e a cabeça de elefante, com uma presa inteira e outra quebrada e tendo o rato como sua montaria. É o mais importante festival no Estado de Maharashtra, sendo comemorado por 10 dias, entre o 4º e o 14º dia do período de Bhadrapad. Nos Estados de Tamil Nadu, Andhra Pradesh e Maharashtra, as imagens de Ganesh feitas de barro não cozido são adorados entre a população. Além disso um doce especial chamado Modak é preparado nesta ocasião. Ganesha é associado com o primeiro chakra de nosso corpo representando o instinto de conservação, sobrevivência e o de procriação. Esse deus é venerado em toda Índia por representar uma solução lógica para os problemas, sendo conhecido como “Destruidor de Obstáculos”. Para marcar o fim das festividades, as imagens de Ganesh são imersos nas águas dos rios.

2- DIWALI Quando: Comemorado no 15º dia Kartika (período de lua cheia que pode ser entre os meses de Outubro ou Novembro) no calendário Hindu. Diwali é um festival que pode durar cerca de cinco dias que representa o início do ano novo hindu. Ele é conhecido como o “Festival das Luzes” devido aos fogos de artifício, pequenas lâmpadas de argila, e velas que são acesas durante as celebrações. Estas luzes representam a vitória do bem sobre o mal, e a iluminação sobre as trevas. A luz das velas acesas durante a noite torna a beleza do festival de Diwali muito atraente e esquenta a atmosfera do ambiente, que faz com que o fogo da felicidade e alegria das pessoas fique ainda mais forte. 3- HOLI Quando: Entre Fevereiro e Março – acontece sempre em época de lua cheia, podendo variar o período de ano para ano. O Festival das Cores ou Holi, como é conhecido, é um festival realizado na Índia todos os anos entre fevereiro e março, que tem o intuito de comemorar a chegada da Primavera no Hemisfério Norte. É uma celebração Hindu muito divertida que envolve jogar pó colorido, feito com flores e algumas frutas, nas pessoas. É uma celebração feito para toda família e amigos. A diversão é garantida quando você sai para as ruas para celebrar o Holi.

- 21 -


4

4- INTERNATIONAL KITE FESTIVAL / UTTARAYAN Quando: 14 e 15 de Janeiro (todo ano). O Festival Internacional das Pipas ou International Kite Festival é um dos maiores festivais comemorados no Estado de Gujarat, que celebra todo ano mais de 2.000 festivais. O Festival das Pipas ou Uttarayan, como é conhecido, mobiliza toda a população que meses antes começa a fabricar e confeccionar pipas de todos os tamanhos e cores. Uttarayan foi considerado feriado público de dois dias na Índia após sua febre. Muitos turistas e nativos visitam a cidade capital do Estado de Gujarat, Ahmedabad, para aproveitar o Festival.

- 22 -

A cidade vive a influência deste festival durante 2 dias e a palavra que você provavelmente mais vai escutar será “PIPA” ou “KITE”, em inglês. Muitos nativos aproveitam para confeccionar pipas e criar mercados de venda de carretéis de linhas para pipas e as próprias pipas de diversas cores e tamanhos, para garantir a renda extra destes dois dias de evento. O evento recebe aproximadamente de 8 a 10 milhões de participantes de diversos Estados da Índia e de países como: Japão, Itália, Reino Unido, Canadá, Brasil, Indonésia, Austrália, EUA, Malásia, Singapura, França, China, entre outros.


Revista Way  

Trabalho final da disciplina de Comunicação Visual II. Grupo: Geovanna Bessa, Gleison Campanholo e Paula Riciolli.

Revista Way  

Trabalho final da disciplina de Comunicação Visual II. Grupo: Geovanna Bessa, Gleison Campanholo e Paula Riciolli.

Advertisement