Page 1

DOMINUS

Informativo da Paróquia de São sebastião do Indaiá ABRIL/MAIO - 2011

Distribuição gratuita

Ano XII - Nº 44

N.Sra Fátima Semana Santa

Mensagem Inicial É com grande alegria que neste mês iniciamos novamente a circulação do nosso Jornal Paroquial, o DOMINUS. Voltamos com força total e sempre mantendo o nosso foco em levar até você querido leitor e paroquiano as informações de nossa paróquia e também que nosso DOMINUS continue sendo um veículo de evangelização e formação do povo de Deus. Nesta edição iremos mostrar como foi a SEMANA SANTA em nossa paróquia e também as comemorações de maio, como sendo o mês de Nossa Querida Mãe, Maria. Trazemos até você leitor um singelo texto resumindo como nasceu a devoção à N. S. de Fátima e também o processo de beatificação do saudoso Papa João Paulo II, tão devoto de Maria. Espero que vocês aproveitem tudo o que preparamos com carinho e que Deus possa abençoar a todos vocês e também a todas as pessoas que de forma direta ou indireta nos ajudaram para o retorno do nosso DOMINUS. Um abraço fraterno, PASCOM Pastoral da Comunicação Página 4 e 8

Cerco de Jericó 16 a 23 de JUNHO

“Oração pela Unidade Paroquial” BEATIFICAÇÃO

PAPA JOÃO PAULO II

Maio: mês de Maria

Assembléia do Plano Pastoral

FELIZ ANIVERSÁRIO ! Pe. JOÃO ROSA

19 de Junho

O rosto materno de Deus Agenda Pastoral Página 7

Domininho Página 7

SIMÉRIA Construção da nova capela Página 3

A Voz da Igreja Página 6

Página 8

Página 2

Emaús

O Fogo da Palavra de Deus 02 e 03 de JULHO

Site www.saosebastiaodoindaia.org.br - Sugestões: dominus@saosebastiaodoindaia.org.br - Blog: saosebastiaodoindaia@blogspot.com


2

DOMINUS - Paróquia de São Sebastião do Indaiá

Abril/Maio/2011

A VOZ DA IGREJA Palavra do Padre

Padre João Rosa

Queridos irmaos e irmãs em Cristo, Paz! É com grande alegria, contando com a colaboração de algumas pessoas, que voltaremos a publicar em nossa paróquia o jornal DOMINUS. O nome é o mesmo, os conteúdos, claro, dirão respeito ao presente, às vezes com um olhar ao passado, para recordar alguns momentos, pois, recordar é viver, como sabemos. O fato é que é importantíssimo usarmos de todos os recursos para fazer crescer entre nós a comunicação, romper com as distancias, aprofundar os conhecimentos e um jornal escrito, junto com os meios eletrônicos, podem ajudar e, muito. Por isso, aproveito este primeiro momento para agradecer ao Jose Carlos, Leonni, Leandro e colaboradores a iniciativa e pedir ajuda de mais pessoas.

É comprometedora a missão, manter em dia o Site da paróquia (www.saosebastiaodoindaia.org.br), blog (saosebastiaodoindaia@blogspot.com) e o jornal impresso.Trata-se de estruturarmos a pastoral da comunicação de nossa paróquia. Quem puder nos ajudar, basta entrar em contato conosco. Vivemos tempos bastante ricos e que precisam ser registrados. A celebração da páscoa em nossa paróquia, com o clima agradável deste ano e, é claro, a grande participação de fiéis. A beatificação do saudoso Papa João Paulo II, cuja personalidade e exemplo devem ficar gravados em cada um de nós. O início das obras da construção da singela capela de Nossa Senhora de Fátima... Enfim, termos em mãos, como um jornal, aquilo que vivemos e viveremos em nossa paróquia, bairro e Igreja. Que São Sebastião nos ajude a vencermos também esta batalha e que, a seu exemplo, possamos testemunhar as obras que Deus tem realizado em nós e através de nós. Boa leitura a todos...

Palavra do Bispo

Dom Filippo Santoro diante de um amor total que abraça e que perdoa. Cristo se dobra sobre o nosso sofrimento e o nosso pecado. O abraço do seu amor contínuo salva os mortos da chuva, salva estas 12 crianças inocentes e julga o agressor. Sem Cristo estas crianças onde estariam? Tudo terminaria com uma insensata violência e ninguém seria responsável de nada. E os mortos da chuva? E as vitimas da tsunami? Desaparecidas para sempre! A morte foi enfrentada e vencida por Cristo que nos revela um amor maior que corresponde ao nosso desejo mais profundo de vida plena. Ora o amor do Senhor não é um sentimento, ou apenas um piedoso desejo da razão e do coração. “Eu sou a ressurreição e a vida” (João 11, 25). O seu amor é um fato. Na manhã de Páscoa Ele se mostra e se faz encontrar por pessoas concretas que o reconhecem e cheias de alegria anunciam a sua vitória. A vida humana começa a ser contagiada pela sua imortalidade e, seguindo esta presença, se vence o tempo, o espaço e a morte. Ele é nosso contemporâneo, caminha conosco e nos comunica a sua própria vida. Assim nasce a Igreja que é o seu corpo hoje, feito por aqueles que o seguem. Frágeis como todos, mas portadores da vitória de Cristo. Se hoje, somos cristãos é porque, um dia da nossa vida, encontramos alguém que nos testemunhou de modo credível a conveniência humana da fé. Um amigo, um rosto, uma comunidade que permitiram verificar que Cristo está presente e hoje ilumina a razão e esquenta o coração como aconteceu com os primeiros

NO DRAMA DO MUNDO, UM AMOR TOTAL As chuvas caídas na Região Serrana do Rio de Janeiro, com 900 vitimas; o terremoto do Japão e a tsunami com mais de 12 mil mortos; as doze crianças inocentes assassinadas em Realengo por um desequilibrado de vinte três anos que depois se matou; deixam-nos tristes e aflitos. Uma mistura de impotência e revolta diante da força da natureza e da loucura do homem. Tanto basta para experimentar como é frágil e precária a nossa vida. Que sentido tem celebrar nestas condições a Páscoa? Sendo tão perdidos e desamparados o que sustenta nossa esperança? O que pode nos confortar para não ser engolidos na distração, no consumo, no vazio? A grande pergunta, que tampouco a cultura contemporânea pode negar, é se existe algo que satisfaça plenamente as exigências do coração e que perdure no tempo, para sempre. E aqui se manifesta o valor da Páscoa de Jesus que abraçou totalmente o sofrimento do mundo, o drama do pecado e a dor da natureza que geme conosco em dores de rto (Romanos 5, 22). No meio do drama do mundo estamos

O Cerco de Jericó O Senhor, no livro de Isaías, nos diz que: “Os meus caminhos não são como os vossos e meus pensamentos superam os vossos” (Cfr. Is 55, 8-9). Não foi diferente na realidade de Jericó. Moisés contemplou a Terra prometida, mas não pode entrar (no Monte Nebo Cfr. Dt. 32, 48-52). Josué é continuador da missão de Moisés de levar o povo à terra prometida, mas antes esta deve ser conquistada. Parece que Deus, em seus planos, ao mesmo tempo em que dá tudo, exige tudo do homem. A terra prometida era ocupada por outros povos. Deus faz uma promessa a Josué: “todo o lugar que pisar a planta dos teus pés Eu vos darei, como prometi a Moisés” (Jos 1,3). Mas no caminho de Josué e do povo de Deus, estava Jericó, “cidade murada, de onde ninguém saía, nem entrava” e o Senhor disse a Josué: “Vê, eu te entrego Jericó, seu rei e seus valentes guerreiros. Dá a volta à cidade, com todos os homens de guerra, contorna toda a cidade uma vez. Assim farás durante seis dias. Sete sacerdotes, tocando sete trombetas, irão diante da arca. No sétimo dia darás sete vezes volta à cidade, tocando os sacerdotes a trombeta... a muralha da cidade cairá e o povo tomará a cidade...” Cfr. Jos 6,2-4. É assim Deus em seus caminhos, nos dá, nos dará a Vitória, mas esta é ao mesmo tempo

TECNO BIT TELECOMUNICAÇÕES & SEGURANÇA ELETRÔNICA

ANUNCIE AQUI

TELEFONIA, PABX, PORTÕES AUTOMÁTICOS CIRCUITO FECHADO DE TV, INTERFONIA E ALARMES, REDE DE COMPUTADORES, LUZ DE PRESENÇA

PLANTÃO SÁBADO, DOMINGO E FERIADO

Cel.: (24) 8802-5060 Email: ivan.imbelloni@yahoo.com.br

que o encontraram. É necessária simplesmente a abertura de coração e o seguimento de sua presença como Maria Madalena, Pedro, João e uma fila ininterrupta de testemunhas até chegar a Padre Pio, Teresa de Calcutá e ao Papa João Paulo, que no primeiro de maio será beatificado e que nos deixou encantados particularmente nas suas visitas ao Rio de Janeiro. Hoje também, no ministério de Bento XVI e na vitalidade da nossa Diocese, (pensemos no grande trabalho da emergência depois da calamidade das chuvas e no plano de reconstrução urbanística e humana das áreas de riscos), os nossos olhos veem fatos e testemunhos que nos fazem perceber a beleza e a atração de Cristo. Trata-se de uma superabundância de humanidade que nos impressiona. Esta Páscoa é a ocasião de renovar hoje o encontro com Ele e isso mantém viva a esperança diante do drama de Realengo, do Japão e das chuvas da Região Serrana. E nos permite manter viva a memória para uma vigorosa reconstrução das nossas cidades sem cair no esquecimento e na indiferença. A Páscoa de Jesus muda o rosto do mundo e traz uma verdadeira esperança para todos. Artigo publicado no jornal Tribuna de Petrópolis em 24 de abril de 2011.

conquista nossa. Hoje somos chamados a viver ou reviver esta realidade. Faremos o Cerco de Jericó em nossa paróquia. Que seja uma semana de constante luta espiritual, de oração pessoal, participação na santa missa, na vigília constante diante de Jesus Eucarístico, nossa Arca da Aliança, sob a proteção de São Sebastião e Nossa Senhora, rezaremos especialmente pela unidade de nossa paróquia. Neste contexto, como em nossas necessidades particulares, Deus nos aponta o caminho a seguir. Pode não haver proporção entre nós e o que pedimos, como não havia proporção entre Davi e Golias, e Davi venceu. Ou como em Jericó, quando comandado por Josué, o povo de Deus venceu, mas não por capacidades meramente humanas, mas por obediência a Deus e as suas ordens. Sejamos fiéis nestes dias que se aproximam, tenhamos a ousadia do Espírito de Deus e nos preparemos para o combate, com jejuns, orações e intenso combate, pois o Senhor mesmo nos adverte: “Meu filho, se quiseres entrar para o serviço de Deus... prepara-te para a prova” (Eclo 2,1). Abraço a todos e conto com a presença, apoio e união em oração de todos. Pe. João.

PARÓQUIA DE SÃO SEBASTIÃO DO INDAIÁ PraçaFrei Leão s/nº São Sebastião - Petrópolis Cep - 25645-170

PASCOM - PASTORAL DA COMUNICAÇÃO

Fotografia: José Carlos

Comercial: DIREÇÃO Pe. JOÃO ROSA MIRANDA

Equipe Pascom: José Carlos, Leandro Dalcero,José Wilson e Leonni Pissurno.

José Wilson, Rafael

Diagramação: José carlos

Impressão: TRIBUNA DE PETRÓPOLIS TIRAGEM: 2000 exemplares


Paróquia de de São São Sebastião Sebastião do do Indaiá Indaiá DOMINUS -- Paróquia

Abril/Maio/2011

3

PASTORAL DO DÍZIMO

ANIVERSARIANTES MAIO Ademar de Brito Junior Alexandre Evangelho da Silva Alexsandro O. de Carvalho Alice Maria de Melo Neto Aline Chaves Curione Américo de Araújo Pastor Ana Maria Lopes Ângela Cristina de Almeida Antonio Batista Dias Carlos Monteiro da Silva Carmem Lúcia Cavalcante Célia Regina Castilho Cláudio do Nascimento Damião Daisy Mara Fiorelli Gorito Dalva Almeida Becker Deise de Fátima Oliveira Pereira Rodrigues Edna dos Santos Galdino Eduardo Birmann Elisabete Jochem de Oliveira Ercílio Vilela da Cunha Fabiano Manoel da Silva Gizele Ferreira da Costa Fortes Heloisa Campos Haubrich Herbert Gastaldelo Herondina Oliveira do Amaral Iria Burger Teixeira de Abreu Isabel Fantoni Monassa Jandira de Araújo Pastor Jordan Bertoloti José Duarte Barros Filho José Reinaldo de Oliveira Josélia Dutra de Assis Laudiceia Maria Penido Florentino Liana de Abreu Batista Lídia Romão Aiello Mesquita Márcia Cristina M. M. Mellado Marcio Antonio do Nascimento Marco Antonio dos Anjos Maria Aparecida de Oliveira Maria Aparecida Pinheiro Dalcero Maria Cristina Dias da Silva Maria de Fátima Azevedo da Cruz Maria de Fátima de Souza Maria Ester Amâncio Vianna Wayand Maria Luiza Kronemberger Maria Terezinha Coutinho Soares Mario César Sutter Marli Moreira da Silva Mauro Miguel Brand Nair Pereira Tobler Natália Gastaldel Machado Nathiara Soares Esteves Obraider Mota de Sá Rafael da Silva Lima Reginaldo Brand da Silva Silvia Maria Moreira Franzoni da Silva Silvio Manoel da Costa Sonia Maria Kreischer Machado Tânia Mara Alves Carneiro Teresa de Paula Souza Terezinha Mauricio Tavares Valeria Maria de Oliveira Gall Vera Lúcia Batista Lopes Yolanda Anna Winter Correa

EXPERIÊNCIA DE AMOR PARA CASAIS JUNHO

Alcebíades Rodrigues Gonçalves; Alexandre Campos Haubrich Almir Guimarães Amado Damaceno Pacheco Ana Elisabete de Moraes Coelho Ana Paula da S. Beck Antonio Muller Antonio Viegas de Melo Neto Celina Monteiro dos Santos Edméa Neves Marques Correa Eneida Goulart da Rocha Eva das Graças Mendes de Mello Eva Maria Grandi Heloisa Duarte de Barros Isabel Cristina Raphael do Nascimento Izabel Arcângela L. Silva Joana D'Arc Isidoro Morais João Gabriel Cajazeira Fernandes João Paulo Gerassi José Costa Filho Leni de Fátima Wardenski Lídia Helena Moreira dos Santos Lizelatte do Valle Amaral Lucia Maria da Silva Ferreira Domingues Marcos Pissurno Maria José Boechat R. Messa Marise de Almeida Christ Nair Leal Cardoso de Holanda Paulo Pereira Botelho Pedro Manoel de Assumpção Pedro Paulo da Silva Regina Pereira Dutra Reny Alda Marques Sandra Regina Evangelista dos Anjos Suellen Medeiros Machado Tânia Pissruno de Oliveira Vera da Silva Pereira de Jesus Vera Lucia Dias de Oliveira Vera Lucia Rizzo F. da Costa Verônica Brand M. Bastos Vilma de Fátima Loretti Guimarães

SIMÉRIA

O Dízimo sincero é resposta de amor ao infinito amor de Deus A Paróquia de São Sebastião do Indaiá e a Pastoral da Comunicação parabenizam a todos os dizimistas pelo seu aniversário, pedindo a DEUS que lhes conceda saúde, paz e lhes recompense com suas bençãos.

Quando oferecemos o dízimo, por amor a Deus, o céu se abre e muitas bênçãos são derramadas. O amor de Deus invade todo o nosso ser, transcendendo o visível, fazendo-se percebido nas ações mais condizentes com o cristão: de fraternidade, justiça, paciência, humildade, alegria, coragem, fortaleza.

ANUNCIE AQUI

Cerca de 20 casais da Paróquia de S. Sebastião, nos dias 21 e 22 de maio viveram uma Experiência de Amor. Foram chamados por Deus, e pelo seu sim venceram a desconfiança e libertos por Cristo aprenderam a andar com as duas pernas: a do Amor e a da Abnegação. Sob o Senhorio de Jesus, receberam o Espírito Santo e querem viver com intensidade esse amor no seu casamento e na sua família.

ANUNCIE AQUI

A Comunidade do Siméria esteve em festa para comemorar Nossa Senhora de Fátima, nem mesmo o mal tempo e o frio, prejudicou a animação e o entusiasmo das pessoas e devotos. Vale a pena lembra, que no Domingo ( 15/05) foi realizada a Santa Missa na nova Capela ainda em construção, próxima a pista de vôo livre.

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI


4

DOMINUS - Paróquia de São Sebastião do Indaiá

Abril/Maio/2011

PARÓQUIA EM FOCO

SEMANA SANTA ‘Ele me amou e se entregou por mim’ Gal. 2,20b

“ Quando se sentou à mesa com eles, tomou o pão, abençoou-o, partiu-o e lhes distribuía. Nisso os olhos dos discípulos se abriram e eles reconheceram Jesus.” Luc 24, 30 - 31 PARA VER MAIS FOTOS DA SEMANA SANTA E OUTROS EVENTOS VISITE O BLOG: SAOSEBASTIAODOINDAIA@BLOGSPOT.COM Locadora de Dvd’s e Blu-ray’s ,00 $4 0 - R 3,0 o

t $ en - R m ça n La go

tá Ca

lo

5c at ál Pro og m os oç po ão rR $1 0

,00

Tel: (24) 2249-1976 Rua São Sebastião, 525 loja 02 (Embaixo do BNH) Temos Acesso à Internet E-mail: locadorapetrocine@hotmail.com Estamos no Facebook: Locadora Petrocine Entregamos em domicílio para moradores do BNH


Paróquia de de São São Sebastião Sebastião do do Indaiá Indaiá DOMINUS -- Paróquia

Abril/Maio/2011

PARÓQUIA EM FOCO “ O Preço da Fé” MARANATHA Retiro para jovens da nossa paróquia

RODÍZIO DE PIZZAS Alegria e entusiasmo, boa música e muita , muita pizza para saborear .

JANTAR DO DIA DAS MÃES Organizado pelo JUAF,

Peça de teatro realizada pelos jovens, “Se eu não vir a marca dos pregos em sua mãos, se eu não puser o dedo nas marcas dos pregos e não puser a mão no seu lado,não acreditarei”

O Torneio Interparoquial Teve inicio no dia 1° de maio na quadra do Instituto Social São José e tem 12 equipes divididas em 2 grupos.

Aniversário do Pe. João Rosa Em Minas é Atlético e no Rio ???? Botafogo??

A paróquia de São Sebastião Está representada por 3 equipes na competição: JUAF, EAC e São Sebastião

Seminário de oração para Casais O Senhor nos ensinar a rezar

O objetivo do torneio È integrar a juventude católica da cidade e evangelizar através do esporte. A grande final contará com a presença do Bispo.

5


6

DOMINUS - Paróquia de São Sebastião do Indaiá

Abril/Maio/2011

BEATO JOÃO PAULO II Breve biografia oficial oferecida no Livreto da Celebração para a cerimônia de beatificação. Karol Józef WoJty³a nasceu em Wadowice (Polónia), a 18 de Maio de 1920. Foi o segundo de dois filhos de Karol Wojty³a e de Emília Kaczorowska, que faleceu em 1929. O seu irmão mais velho, Edmund, médico, morre em 1932, e o seu pai, oficial do Exército, em 1941. Quando Karol tinha apenas 21 anos. Aos nove anos recebeu a Primeira Comunhão e aos dezoito o sacramento da Confirmação. Terminados os estudos na Escola Superior de Wadowice, inscreveu-se em 1938 na Universidade Jagellónica de Cracóvia. Depois de as forças ocupantes nazistas fecharem a Universidade em 1939, o jovem Karol trabalhou (1940-1944) numa mina e, posteriormente, na fábrica química Solvay, para poder sustentar-se e evitar a deportação para a Alemanha. A partir de 1942, sentindo-se chamado ao sacerdócio, frequentou o Curso de Formação do Seminário Maior clandestino de Cracóvia, dirigido pelo Arcebispo local, o Cardeal Adam Stefan Sapieha. Simultaneamente, foi um dos promotores do «Teatro Rapsódico», também este clandestino. Depois da guerra, continuou os estudos no Seminário Maior de Cracóvia, novamente aberto, e na Faculdade de Teologia da Universidade Jagellónica, até à sua ordenação sacerdotal em Cracóvia a 1 de Novembro de 1946. Depois foi enviado pelo Cardeal Sapieha a Roma, onde obteve o doutoramento em Teologia (1948). Em 1948, regressou à Polónia e foi coadjutor, primeiro na paróquia de Niegowiæ, próxima de Cracóvia, e depois na de São Floriano, na própria cidade. Foi capelão universitário até 1951, quando retomou os seus estudos filosóficos e teológicos. Em 4 de Julho de 1958, o Papa Pio XII nomeou-o Bispo Auxiliar de Cracóvia e Titular de Ombi. Recebeu a ordenação episcopal em 28 de Setembro de 1958 na Catedral de Wawel (Cracóvia), das mãos do Arcebispo Eugeniusz Baziak. A 13 de Janeiro de 1964 foi nomeado Arcebispo de Cracóvia pelo Papa Paulo VI, que o criou Cardeal a 26 de Junho de 1967. Participou no Concílio Vaticano II (1962-65), dando um contributo importante na elaboração da Constituição Gaudium et Spes. O Cardeal Wojty³a tomou também parte na V Assembleia do Sínodo dos Bispos anterior ao seu pontificado. Foi eleito Papa em 16 de Outubro de 1978 e, em 22 de Outubro, deu início ao seu ministério de Pastor Universal da Igreja. O Papa João Paulo II realizou 146 visitas pastorais em

Itália e, como Bispo de Roma, visitou 317 das atuais 332 paróquias romanas. As viagens apostólicas pelo mundo expressão da constante solicitude pastoral do Sucessor de Pedro por toda a Igreja - foram 104. Entre os seus principais documentos, contam-se 14 Encíclicas, 15 Exortações Apostólicas, 11 Constituições Apostólicas e 45 Cartas Apostólicas. Ao Papa João Paulo II devem-se ainda 5 livros: «Atravessar o Limiar da Esperança» (Outubro de 1994); «Dom e Mistério: Nas minhas Bodas de Ouro Sacerdotais» (Novembro de 1 9 9 6 ) ; « Tr í p t i c o R o m a n o » , meditações em forma de poesia (Março de 2003); «Levantai-vos! Vamos!» (Maio de 2004) e «Memória e Identidade» (Fevereiro de 2005). A 13 de Maio de 1981, na Praça de São Pedro, sofreu um grave atentado. Perdoou ao autor do atentado. Salvo pela mão materna da Mãe de Deus, submeteu-se a uma longa recuperação. Convencido de ter recebido uma nova vida, intensificou os seus empenhos pastorais com heróica generosidade. A sua solicitude de Pastor manifestou-se, entre outras coisas, na ereção de numerosas dioceses e circunscrições eclesiásticas, na promulgação do Código de Direito Canônico Latino e das Igrejas Orientais, e na promulgação do Catecismo da Igreja Católica. Propôs ao Povo de Deus momentos de particular intensidade espiritual como o Ano da Redenção, o Ano Mariano e o Ano da Eucaristia, culminando no Grande Jubileu do Ano 2000. Foi ao encontro das novas gerações, com a celebração das Jornadas Mundiais da Juventude. Nenhum outro Papa encontrou tantas pessoas como João Paulo II: nas Audiências Gerais das Quartas-feiras (cerca de 1160) participaram mais de 17 milhões e 600 mil peregrinos, sem contar as outras Audiências especiais e as cerimônias religiosas (mais de 8 milhões de peregrinos apenas no decorrer do Grande Jubileu do Ano 2000) e os milhões de fiéis contatados durante as visitas pastorais em Itália e no mundo; numerosas também as personalidades de Governo recebidas em Audiência: basta recordar as 38 Visitas Oficiais e as restantes 78 Audiências ou Encontros com Chefes de Estado, como também as 246 Audiências e Encontros com Primeiros-Ministros. Morreu em Roma, no Palácio Apostólico do Vaticano, às 21.37h de sábado 2 de Abril de 2005, vigília do Domingo in Albis e da Divina Misericórdia, por ele instituído. Os funerais solenes na Praça de São Pedro e a sepultura nas Grutas Vaticanas foram celebrados a 8 de Abril.

Pontificado de curiosidades - Além de ter sido o primeiro Papa polaco, foi o primeiro oriundo de um país comunista – numa altura em que ainda existia a “cortina de ferro”naEuropa. - Foi um jovem que demonstrou grande interesse pelo teatro e literatura polaca. - Trabalhou duramente numa mina. - Quando gozou de boa saúde foi praticante de esqui, montanhismo e remo. - É o primeiro Papa a repetir nomes dos seus dois imediatos predecessores. - É o único Papa a ter sido atingido a tiro na rua. - É o único pontífice católico que deu entrada num hospital público até hoje. - Uma montanha do Polo Sul tem o nome do Papa João Paulo II, como homenagem aos seus 25 anos de Pontificado.

"A família está convocada a ser templo, ou seja, casa de oração: uma oração singela, cheia de esforço e ternura.Uma oração que se faz vida,para que toda a vida se converta em oração."

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

O Milagre A cura inexplicável de uma religiosa francesa que sofria de mal de Parkinson foi o que abriu caminho para a beatificação do Papa João Paulo II. A freira francesa, Marie Simon-Pierre, enfermeira de profissão, segundo a Congregação para a Causa dos Santos, curou-se inexplicavelmente depois de orações e pedidos dirigidos a João Paulo II, poucos meses após a morte do pontífice.

Oração de Graças por intercessão do Papa João Paulo II Ó Trindade Santa, Nós vos agradecemos por ter dado à Igreja o papa João Paulo II e por ter feito resplandecer nele a ternura da vossa Paternidade, a glória da cruz de Cristo e o esplendor do Espírito de amor. Confiado totalmente na vossa infinita misericórdia e na materna intercessão de Maria, ele foi para nós uma imagem viva de Jesus Bom Pastor, indicando-nos a santidade como a mais alta medida da vida cristã ordinária, caminho para alcançar a comunhão eterna convosco. Segundo a vossa vontade, concedei-nos, por sua intercessão, a graça que imploramos, na esperança de que ele seja logo inscrito no número dos vossos santos. Amém.

ANUNCIE AQUI


DOMINUS - Paróquia de São Sebastião do Indaiá AGENDA PASTORAL AGENDA PASTORAL

HORÁRIO DA PARÓQUIA INFORMAÇÕES

Tel.: 2248-0664 Santas Missas Terça a Sexta: 19h Sábado: 19:30h Irmãs Oblatas: 16h Domingo: Matriz: 8:00h 11:00h 19:00h Siméria: 9:30h

7

Atividades Paroquiais Catequese Todos os domingos a partir das 09:00h Jovens e Adolescentes Domingos às 17:00h Grupo de Oração: Todas as 4Fª às 20:00h (Missa: 3ª - 4Fª do mês) ECC: Todas as Quintas-Feiras às 20:0h Secretária Paroquial: Terça a sexta: 8:00h às 12:00h e 14:00h às 18:00h Confissões e/ou Atendimento do Padre: Quarta de 15:00h às 18:00h e 19:30h às 21:00h Quinta de 15:00h às 18:00h Antes ou Depois das Missas Procurar o Padre

DOMININHO Querida Criança, Como diz a mensagem da nossa matéria principal: “Nos o reconhecemos ao partir do pão...”. Que vocês também, mesmo sendo pequeninos possam reconhecer Jesus na Eucaristia. E você que se prepara na catequese para recebe-lo, desde já possa se tornar um Discípulo, assim como os discípulos de Emaús que vocês também possam estar com os corações cheios de alegria quando ouvirem fala sobre o Senhor Jesus. Para Colorir:

ANUNCIE AQUI

Abril/Maio/2011

Oração do Anjo da Guarda "Santo anjo do Senhor,meu zeloso guardador, se a ti me confiou a Piedade divina sempre me rege, me guarde, me governe, me ilumine. Amém."

ACONT ECERÁ Cursilho Masculino: 26 a 29 de maio Feminino: 30/06 a 03/07 Congresso da Juventude Católica Pedrão Teresópolis RJ 29 de maio Coroação de Nossa Senhora 05/06 na Missa das 19:00h Jantar em homenagem ao Dia dos Namorados 11/06 a partir das 20:00h Cerco de Jericó (Oração pela Unidade Paroquial) 16 a 23 de junho Corpus Christi 23 de junho às 09:00h (Encerramento do Cerco de Jericó)

Noite de Caldos JUAF 25 de junho a partir das 20:00h Festa de São Pedro 29 de junho Missa às 19:30h. Festa Julina nas Irmãs Oblatas 02 e 03 de julho. Festa Julina na Paróquia 09 e 10 de julho. Emaús O Fogo da Palavra de Deus 02 e 03 de julho no Salão Paroquial às 9:30h. Assembléia do Plano Pastoral 19 de junho no Salão Paroquial a partir das 08:00h

Calendário Litúrgico 29/05 At 8,5-8.14-17 Sl 66 1Pd 3,15-18 Jo 14,15-21 30/05 At 16,11-15 Sl 149 Jo 15,26-16,4a 31/05 Sf 3,14-18a (ou: Rm 12,9-16) Ct 2,8.10-14 Lc 1,39-56 01/06 At 17,15.22-18,1 Sl 148 Jo 16,12-15 02/06 At 18,1-8 Sl 98 Jo 16,16-20 03/06 At 18,9-18 Sl 47 Jo 16,20-23a 04/06 At 18,23-28 Sl 47 Jo 16,23b-28 05/06 At 1,1-11 Sl 47 Ef 1,17-23 Mt 28,16-20 06/06 At 19,1-8 Sl 68,1-7 Jo 16,29-33 07/06 At 20,17-27 Sl 68,10-22 Jo 17,1-11a 08/06 At 20,28-38 Sl 68,29-36 Jo 17,11b-19 09/06 At 22,30.23,6-11 Sl 16 Jo 17,20-26 10/06 At 25,13-21 Sl 103 Jo 21,15-19 11/06 At 11,21b-26.13,1-3 Sl 98 Mt 10,7-13 12/06 At 2,1-11 Sl 104 1Cor 12,3-7.12-13 Jo 20,19-23 13/06 2Cor 6,1-10 Sl 98 Mt 5,38-42 14/06 2Cor 8,1-9 Sl 146 Mt 5,43-48 15/06 2Cor 9,6-11 Sl 112 Mt 6,1-6.16-18 16/06 2Cor 11,1-11 Sl 111 Mt 6,7-15 17/06 2Cor 11,18-30 Sl 34 Mt 6,19-23 18/06 2Cor 12,1-10 Sl 34 Mt 6,24-34 19/06 Ex 34,4-6.8-9 Dn 3,52-56 2Cor 13,11-13 Jo 3,16-18 20/06 Gn 12,1-9 Sl 32 Mt 7,1-5 21/06 Gn 13,2.5-8 Sl 15 Mt 7,6.12-14 22/06 Gn 15,1-12.17-18 Sl 105,1-9 Mt 7,15-20 23/06 Dt 8,2-3.14-16 Sl 147 1Cor 10,16-17 Jo 6,51-58 24/06 Is 49,1-6 Sl 139 At 13,22-26 Lc 1,57-66.80 25/06 Gn 18,1-15 Lc 1,46-55 Mt 8,5-17 26/06 2Rs 4,8-11.14-16 Sl 89 Rm 6,3-4.8-11 Mt 10,37-42 27/06 Gn 18,16-33 Sl 103 Mt 8,18-22 28/06 Gn 19,15-29 Sl 26 Mt 8,23-27 29/06 Gn 21,5.8-20 Sl 34 Mt 8,28-34 30/06 Gn 22,1-19 Sl 106,1-9 Mt 9,1-8

ANUNCIE AQUI


8

DOMINUS - Paróquia de São Sebastião do Indaiá

Abril/Maio/2011

SANTO DO MÊS

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA Nossa Senhora de Fátima (ou Nossa Senhora do Rosário de Fátima) é uma das designações atribuídas à Virgem Maria que, segundo a Igreja Católica, terá aparecido repetidamente a três pastores, crianças na altura das aparições, no lugar de Fátima, tendo a primeira aparição acontecido no dia 13 de Maio de 1917. Estas aparições terão continuado durante seis meses seguidos, sempre no mesmo dia (exceto em Agosto). A aparição é associada também a Nossa Senhora do Rosário, sendo portanto aceite a combinação dos dois nomes - dando origem a "Nossa Senhora do Rosário de Fátima" - pois, segundo os relatos, "Nossa Senhora do Rosário" teria sido o nome pelo qual a Virgem Maria se haveria identificado, dado que a mensagem que trazia consigo era um pedido de oração, nomeadamente, a oração do Santo Rosário. Três crianças, Lúcia de Jesus dos Santos (de 10 anos), Francisco Marto (de 9 anos) e Jacinta Marto (de 7 anos), afirmaram ter visto Nossa Senhora no dia 13 de Maio de 1917 quando apascentavam um pequeno rebanho na Cova da Iria, freguesia de Aljustrel, pertencente ao concelho de Ourém, Portugal. Segundo relatos posteriores aos acontecimentos, por volta do meio dia, depois de rezarem o terço, as crianças teriam visto uma luz brilhante; julgando ser um relâmpago,decidiram ir-se embora, mas, logo depois, outro clarão teria iluminado o espaço. Nessa altura, teriam visto,

em cima de uma pequena azinheira (onde agora se encontra Capelinha das Aparições), uma "Senhora mais brilhante que o sol".Segundo os testemunhos recolhidos na época, a senhora disse às três crianças que era necessário rezar muito e que aprendessem a ler. Convidou-as a voltarem ao mesmo sítio no dia 13 dos próximos cinco meses. As três crianças assistiram a outras aparições no mesmo local em 13 de junho, 13 de julho e 13 de setembro. Em agosto, a aparição ocorreu no dia 19, no sítio dos Valinhos, a uns 500 metros do lugar de Aljustrel, porque as crianças tinham sido levadas para Vila Nova de Ourém pelo administrador do Concelho no dia 13de agosto.A famosa "Capelinha das Aparições" em Fátima (que marca o local exacto onde Nossa Senhora apareceu aos três pastorinhos). A 13 de outubro, estando presentes na Cova da Iria cerca de 50 mil pessoas, Nossa Senhora teria dito às crianças: "Eu sou a Senhora do Rosário" e teria pedido que fizessem ali uma capela em sua honra (que atualmente é a parte central do Santuário de Fátima). Muitos dos presentes afirmaram ter observado o chamado milagre do sol, prometido às tres crianças em julho e setembro. Segundo os testemunhos recolhidos na época, o sol, assemelhando-se a um disco de prata fosca, podia fitar-se sem dificuldade e girava sobre si mesmo como uma roda de fogo, parecendo precipitar-se na terra. Tal fenómeno foi testemunhado por muitas pessoas, até mesmo distantes lugar da aparição. O relato foi

publicado na imprensa por vários jornalistas que ali se deslocaram e que foram testemunhas do fenómeno. Contudo, há testemunhos de pessoas que afirmaram nada ter visto,como é o caso do escritor António Sérgio, que esteve presente no local e testemunhou que nada se passara de extraordinário com o sol, e do militante católico Domingos Pinto Coelho, que escreveu na imprensa que não vira nada de sobrenatural. Entretanto, testemunhas da época afirmaram que o facto não aconteceu com o sol (este ficou do mesmo tamanho) mas sim com um objecto luminoso que se destacou no céu, girando sobre si próprio e mudando de cor.Posteriormente, sendo Lúcia religiosa doroteia, Nossa Senhora ter-lhe-á aparecido novamente em Espanha (10 de Dezembro de 1925 e 15 de Fevereiro de 1926,no convento de Pontevedra, e na noite de 13 para 14 de Junho de 1929, no Convento de Tui), pedindo a devoção dos cinco primeiros sábados (rezar o terço, meditar nos mistérios do Rosário, confessar-se e receber a Sagrada Comunhão, em reparação dos pecados cometidos contra o Imaculado Coração de Maria) e a Consagração da Rússia ao mesmo Imaculado Coração. Curiosidade: No dia 13 de maio de 2008 foi inaugurada em Fortaleza, Ceará a maior imagem de Nossa Senhora de Fátima do mundo. A estátua tem 15 metros de altura e foi feita pelo artista plástico Franciner .

Maio, mês de Maria O mês de maio é dedicado às mães. Porém, para a Igreja à montanha e ali permaneceu três meses para fazer o trabalho de Conceição, dos Aflitos, Auxiliadora, Mãe Rainha e Aparecida do Católica, a data também é de devoção à Maria, que é considerada criada da sua prima. Assim também tem de ser conosco. Nós Brasil a mulher do Gênesis ao Apocalipse. Todas as "Nossas mãe de todos aqueles que acreditam em sua santidade. Maria devemos possuir antes de dar. Quem tem a missão de distribuir, Senhoras" são a mesma Mãe de Deus! sempre fora uma boa filha e uma mulher que seguia os preceitos de deve primeiro crescer no conhecimento de Deus e encher-se desse

Maria é a mulher corajosa que está intimamente unida ao Filho até

sua religião, o judaísmo. Quando estava noiva do carpinteiro José, conhecimento e dessa alegria. Maria de Nazaré foi escolhida por ao fim: está ao Seu lado na Paixão e especialmente no Calvário. ela foi escolhida por Deus para conceber o seu filho, Jesus Cristo, Deus para ser a Mãe do Salvador: (Lucas 1,26-27) “Quando Isabel Assim é a verdadeira mulher. (Da entrevista da revista vocacional que viria ao mundo para salvar a humanidade do pecado.

estava no sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma "O Caminho" com a Madre Teresa de Calcutá). Por todos esses cidade da Galiléia, chamada Nazaré, a uma virgem prometida em motivos, e independentemente de religião, Maria é tida como

De acordo com a Bíblia, Maria ficou grávida por ação do Espírito casamento a um homem de nome José, da casa de Davi”. Santo, antes de se casar, e assim correu o risco de ser apedrejada

exemplo de mãe que sofreu muitas amarguras na vida, mas que, por

A quantidade de títulos e nomes para a mesma pessoa são fruto das sua fé e dedicação a Deus, soube enfrentar tudo com muita

como era lei naquela época. Além disso, suportou a pobreza, a experiências que os povos fazem da intercessão e da maternidade da humildade e coragem. Que a Virgem Maria, Mãe de Deus e Nossa perseguição a seu filho, e por fim teve de ver Jesus ser condenado e Virgem Maria. Em seus títulos Nossa Senhora assume várias Mãe interceda por todos e leve os nossos pedidos até o coração de crucificado. Maria é a fonte da nossa alegria. Ninguém aprendeu tão realidades, situações, raças, apelos e clamores da humanidade. seu diletissimo Filho Nosso Senhor Jesus Cristo. ROGAI POR bem como Maria a humildade. Ela era a serva. A alegria era à força Alguém muito humana e próxima às realidades do nosso povo, por NÓS, SANTA MÃE DE DEUS. PARA QUE SEJAMOS DIGNOS da Virgem Santíssima. Só a alegria lhe podia dar a força para se isso, tão popular. São vários títulos e nomes, mas uma mesma DAS PROMESSAS DE CRISTO! dirigir apressadamente para as colinas da Judéia para fazer um pessoa. Maria de Nazaré da Galileia, esposa de José e Mãe de Jesus trabalho de serva. Nossa Senhora caminhou pressurosa em direção Cristo, das Graças, das Dores, de Fátima, de Lourdes, da

ANUNCIE AQUI

Entregas a domicílio Grátis

ANUNCIE AQUI

DOMINUS - Informativo da Paróquia de São Sebatião do Indaiá  

Informativo bimestral da Paróquia de São Sebastião do Indaiá, Diocese de Petrópolis - RJ. Número 44 - Abril/Maio de 2011

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you