Page 1

Boletim Informativo da Paróquia São José do Ipiranga - nº 53 - novembro de 2013

Q

APRESENTANDO O BOLETIM

ueridos paroquianos e leitores,

Estamos nos aproximando do final do ano litúrgico. O calendário litúrgico é diferente do calendário civil que termina no dia 31 de dezembro. O ano litúrgico é constituído por tempos. Inicia-se com o tempo do Advento e seu término se dá com a solenidade de Cristo Rei do Universo, que neste ano será no domingo dia 24. Convidamos a todos para neste mesmo dia participar da celebração da primeira Eucaristia de nossas crianças. Apresentamos neste mês os seguintes os artigos: Festa de Todos os Santos e Solenidade de Cristo Rei. Em seguida veremos: Apostolado de Nossa Senhora de Sion, Projeto Santuário São José, a bonita história de Nossa Senhora do Dízimo e Celebrar é fazer Teologia da Liturgia. Parabenizamos todos os formandos da primeira turma do Curso de Teologia de nossa paróquia e convidamos a comunidade para inscrever-se para as aulas do próximo ano. No dia 02 celebramos Finados. Agradeçamos a Deus pela vida de todos os que nos precederam na fé e rezemos pela sua ressurreição. Na última parte apresentamos os convites, agradecimentos, as atividades e as celebrações deste mês. Senhor Jesus Cristo, seja o centro de nossa vida.

Padre Ramires Henrique de Andrade, nds

CELEBRAÇÃO DE TODOS OS SANTOS

SOLENIDADE DE CRISTO REI DO UNIVERSO

1º de No vembro

24 de no vembro

Alegremo-nos todos no Senhor, celebrando a festa de todos os Santos. Conosco alegram-se os Anjos e glorificam o Filho de Deus’. “Bem-aventurados os corações puros, porque eles verão a Deus. Bem-aventurados os que constroem a paz, porque serão chamados filhos de Deus. Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o Reino dos

céus”. Mateus 5,8-10 A Igreja é sem nenhuma dúvida Santa: Cristo amou-a como sua esposa e deu-se a si mesmo por ela a fim de santificála; por isso todos na Igreja são chamados à santidade (cf. LG 39). A Igreja prega o mistério pascal nos santos que sofreram com Cristo e com ele são glorificados; propõe aos fiéis seus exemplos que atraem todos ao Pai por meio de Cristo, e implora por seus merecimentos os benefícios de Deus (cf. SC 104). Hoje numa só festa celebram-se, junto com os santos canonizados, todos os justos de toda raça e nação, cujos nomes estão inscritos no livro da vida (cf. Apocalipse 20,12). Começou-se a celebrar a festa de todos os santos, também em Roma, desde o século IX. Pe. Ramires Henrique de Andrade, nds

A

Festa de Cristo Rei é uma das festas mais importantes no calendário litúrgico, nela celebramos Cristo que é o Rei do universo. O seu Reino é o Reino da verdade e da vida, da santidade e da graça, da justiça, do amor e da paz. O ano litúrgico termina com esta festa que salienta a importância de Cristo como centro da história universal. É o alfa e o ômega, o princípio e o fim. O Reino de Cristo é eterno e universal, quer dizer, para sempre e para todos os homens. Esta festa tem um sentido escatológico (que trata dos últimos eventos na história do mundo ou do destino final do gênero humano) na qual nós celebramos Cristo como Rei de todo o universo. Nós sabemos que o Reino de Cristo já começou a partir de sua vinda na terra há dois mil anos, porém Cristo não reinará definitivamente em todos os homens até que volte ao mundo com toda a sua glória no final dos tempos. Jesus nos antecipou sobre esse grande dia, em Mateus 25, 3146. Na festa de Cristo Rei celebramos que Cristo pode começar a reinar em nossos corações no momento em que nós permitimos isto a ele, e o Reino de Deus pode deste modo fazer-se presente em nossa vida. Desta forma estabelecemos o Reino de Cristo de agora em diante em nós mesmos e em nossas casas, emprego e vida.


APOSTOLADO DE NOSSA SENHORA DE SION

A

Paróquia São José é administrada desde a sua origem pelos padres e religiosos da Congregação de Nossa Senhora de Sion. Vamos conhecer melhor o Apostolado de Sion que desenvolve uma importante missão junto à Congregação dos Religiosos de Sion. O Apostolado é um grupo de fiéis leigos que devem se espelhar na natureza e finalidade da Congregação dos Religiosos de Sion cujo carisma é a meditação constante das Escrituras, iluminadas pela Tradição judaica cristã. A missão do Apostolado é o de viver o carisma da Congregação e colaborar na sua transmissão. A missão dos Apóstolos (as) é desenvolver uma espiritualidade mariana, venerando Maria sob o título de Nossa Senhora de Sion. Em nossa paróquia toda quinta-feira é um dia de especial devoção a Nossa Senhora de Sion. Os momentos de oração iniciam às 9h com a adoração ao Santíssimo Sacramento, às 18h a oração do terço e às 19h a celebração da missa com a bênção dos fiéis e de objetos. Você é convidado a ser um membro do Apostolado de Nossa Senhora de Sion. Pe. Ramires Henrique de Andrade, nds

PROJETO SANTUÁRIO SÃO JOSÉ

N

o mês passado divulgamos as principais informações sobre o processo de elevação de nossa Paróquia à Santuário São José. Agora estamos na fase de cadastramento dos voluntários que desejam unir-se a nós neste momento tão importante. Informe-se, tire suas dúvidas de como você pode participar e nos ajudar. São José está muito feliz conosco e certamente ficará ainda mais, se divulgarmos a sua devoção e através dele atrair mais peregrinos para encontrar o seu filho amado Jesus. Comissão do Futuro Santuário São José Contato: (11) 2063-1818 Oração: Lembrai-vos de nós, ó bem-aventurado São José, e ajudai-nos com Vossas orações e intercessão junto dAquele que quis ser chamado Vosso Filho. Tornai-nos também propícia a bem-aventurada Virgem Vossa Esposa, Mãe do Redentor, que vive e reina com o Pai e o Espírito Santo por todos os séculos. Assim seja. Amém! Pe. Ramires Henrique de Andrade, nds

NOSSA SENHORA DO DÍZIMO

A

história de Nossa Senhora do Dízimo nasceu em Maputo, capital de Moçambique no ano de 2009, quando estavam naquele país africano dois missionários do MEAC; Fonseca e Bruno. Em conversa com Padre Rômulo e Padre José Geraldo falavam sobre a dura realidade de um povo que sobrevive com 70 dólares mensais e sobre Maria Santíssima que administrava, como dona de casa, o orçamento de José, carpinteiro. Ao final da conversa, espontaneamente Padre Rômulo disse: “Nossa Senhora do Dízimo, rogai por nós!”, tendo em suas mãos a imagem ao lado. A imagem foi doada ao missionário Fonseca que a trouxe ao Brasil, tendo acompanhado-o em todas as missões no Brasil. No dia 18 de fevereiro de 2011, em audiência com Dom Fernando A. Figueiredo, bispo da diocese de Santo Amaro (SP), Fonseca recebeu a aprovação eclesiástica para divulgar Nossa Senhora sob o título de “Nossa Senhora do Dízimo”, Na mesma ocasião, Dom Fernando aprovou, também, a oração a Nossa Senhora do Dízimo. Então a partir de agora, os devotos de Nossa Senhora podem também invocá-la sob esse título, de forma especial os dizimistas e os agentes que trabalham na Pastoral do Dízimo.

Oração a Nossa Senhora do Dízimo Ó Maria, gloriosa mãe de Deus, ergue-se a vós a nossa oração. Que a felicidade a Deus e ao seu projeto de salvação, conceda-nos a graça de ser fiel no dízimo, para colaborar com Deus, com a Igreja e com os pobres, e construir uma unidade concreta para suportar as diversidades dessa vida. Queremos que a Palavra de Deus, explicada ao povo, faça-o cada vez mais devoto de Nossa Senhora e comprometido com o Dízimo e a oferta. Amém!


CELEBRAR É FAZER TEOLOGIA DA LITURGIA

C

elebrar é fazer teologia da liturgia, isto é, fazer a Trindade acontecer no meio da assembleia. Para os cristãos, de acordo com o Concílio Vaticano II, liturgia é celebração, é acontecimento festivo. É uma ação de louvor e agradecimento a

Deus. Toda liturgia é celebrada junto ao Pai, pelo Filho e no Espírito Santo. Jesus Cristo é a ponte que nos leva ao Pai. E para isso é necessário colocar espiritualidade nas celebrações. Precisamos nos dirigir para as celebrações reconhecidos da misericórdia de Deus e necessitados do amor do Pai. Não é apenas um ritual. A fé é a força motriz que faz a liturgia acontecer, e esse fazer acontecer exige ação, que por sua vez, exige integração, comunhão. A liturgia é uma ação comunitária de louvor e agradecimento a Deus, da qual cada um de nós participa com alegria. A Igreja não deve viver para a liturgia, mas viver a liturgia. Todos os nossos sentidos devem estar envolvidos. O rito é somente um instrumento visível que Deus utiliza para nos comunicar a sua graça. Celebrar é também dialogar com Deus, utilizando-se de símbolos, os quais devem ser a expressão de nossos sentimentos. Eles nos levam a Deus, e Deus chega até nós através deles. Daí que não devemos assistir às missas e sim participar das missas e sacramentos. A sagrada liturgia é um diálogo entre Deus e seu povo. É ação Salvífica de Deus. Ação de Deus e do povo. É ação de Deus na história do ser humano. Nela Deus fala ao seu povo, e este responde com cânticos e orações. É a História da Salvação.

5º Aniversário de

Primeira Eucaristia

Ordenação Sacerdotal

A

Paróquia São José do Ipiranga tem a honra de convidar a todos paroquianos para a Celebração Eucarísitca em Ação de Graças pelo 5º Aniversário de Ordenação Sacerdotal de nosso Pároco, Padre Ramires Henrique de Andrade, nds. Dia: 08 de novembro de 2013 Horário: 19 horas Local: Paróquia São José do Ipiranga

/2013 1 1 / 4 2 a i D h30 Horário: 9

N

o dia 20 de outubro foi celebrada a formatura da 1ª Turma do CURSO DE TEOLOGIA PARA LEIGOS que se iniciou em 10 de agosto de 2011. Parabéns ao Pe. Ramires por sua iniciativa e total dedicação e aos alunos que procuraram crescer na fé aprofundando seu conhecimento e se tornando católicos conscientes. Por que fa z e r Teolog i a ? Se, de fato, cremos que Deus existe e que Ele se relaciona conosco, por que não iríamos tentar entendê-Lo? Sabemos que Deus não fala conosco de forma audível, mas nos deixou alguns recursos para que pudéssemos conhecê-Lo. Entre eles temos a oração, o Espírito Santo e a Bíblia, que é Sua verdade revelada ao homem. Uma vez que Deus se preocupou em revelar-se ao homem, cabe agora a nós fazer uso desta revelação para nos relacionarmos com Ele. É um meio de termos um relacionamento mais próximo com o Eterno, de conhecermos seus atributos, sua vontade. A teologia nos leva ao encontro da graça de Deus.


Pense em mim...

S

e você conhecesse o mistério insondável do céu, onde me encontro... Se você pudesse ver e sentir o que sinto e vejo nesses horizontes sem fim... E nessa luz que tudo alcança e penetra, você jamais choraria por mim. Estou agora absorvido pelo encanto de Deus, pelas suas expressões de infinita

beleza. Em confronto com esta nova vida, as coisas do tempo passado são pequenas e insignificantes. Conservo ainda todo o meu afeto por você e uma ternura que jamais lhe pude, em verdade, revelar. Amamo-nos ternamente em vida, mas tudo era então muito fugaz e limitado. Vivo na serena expectativa de sua chegada, um dia... entre nós. Pense em mim assim. Nas suas lutas, pense nesta maravilhosa morada, onde não existe a morte e onde, juntos, viveremos no enlevo mais puro e mais intenso, junto à fonte inesgotável da alegria e do amor. Se você verdadeiramente me ama, não chore mais por mim. “Eu estou em paz!” Autor desconhecido

Missas de Finados 02/11/2013 9horas - 15 horas Venha conhecer a loja de artigos religiosos e a livraria de nossa Paróquia!

SERVIÇO PASTORAL TRABALHOS ADMINISTRATIVOS E PASTORAIS Pároco: Padre Ramires Henrique de Andrade, nds Vigário: Padre Antônio Glugoski, nds Coadjutores: Padre Manoel Miranda Neto, nds Padre Márcio Fabri dos Anjos, cssr Diácono: Rogério Almeida Alves EXPEDIENTE PAROQUIAL Rua Agostinho Gomes 1941 Telefone: 2063-1818 / 2063-2523 Site: www.paroquiasjdoipiranga.com.br ATENDIMENTO DA SECRETARIA Segunda a sexta-feira: 8h às 20h Sábados: 8h às 12h e 13h30m às 17h Informações sobre Batismo, Catequese e Matrimônio

HORÁRIO DAS MISSAS Segunda a sexta-feira

19 horas

Sábado

15 horas – Missa de São José

Domingo

8h, 9h30, 11h, 16h30 e 19 horas

Quarta-feira

12h10m

1ª quinta-feira do mês

Missa da Misericórdia - 20 horas

Todo dia 19

Missa de São José – 10h, 16h e 19h

LOUVOR - MOVIMENTO Apostolado de Nossa Senhora de Sion: quinta-feira às 9h - Adoração ao Santíssimo. * Oração do Terço: quinta-feira às 18h15 * Missa em honra a Nossa Senhora de Sion: quinta-feira às 19h * Missas mensais: último domingo de cada mês 11h Apostolado do Sagrado Coração de Jesus: 1ª

sexta-feira do mês, às 19 horas.

Grupo de Oração (RCC): segunda-feira às 20h Encontro de Oração: terça-feira às 15h Formiguinhas de São José: quarta-feira, das 9

às 17h

Mãe Rainha Três Vezes Admirável: segunda-

-feira: às 15h - Terço e hora Santa.

Pastoral da Escuta: terça e quarta-feira, das 14h às 16h - Agendar horário na Secretaria.

Novena de Nossa Senhora das Graças Acesse o site da Paróquia:

www.paroquiasjdoipiranga.com.br

Data: 18 a 27 de novembro de 2013 Local: Creche Sta. Catarina Labouré Endereço: Rua Cipriano Barata, 2028 - Ipiranga, São Paulo/SP

Boletim informativo de novembro de 2013 definitivo  

Boletim Informativo de Novembro de 2013.pdf

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you