Page 1


Palavra do Pároco

Na força do Amor!

“J

esus envia os seus sem ‘bolsa, nem alforge, nem sandálias’ (Lc 10, 4). A difusão do Evangelho não é assegurada pelo número das pessoas, nem pelo prestígio da instituição, nem ainda pela quantidade de recursos disponíveis. O que conta é estar permeados pelo amor de Cristo, deixar-se conduzir pelo Espírito Santo e enxertar a própria existência na árvore da vida, que é a Cruz do Senhor.” Este é um trecho da homilia do Santo Padre Francisco dirigida, aos seminaristas, noviços e noviças e todos os vocacionados em missa na Basílica de São Pedro, no último dia 07 de julho. Ressoem estas palavras em cada um de nós e em nossa Comunidade Paroquial. As estruturas, sem a força do amor, são apenas um esqueleto sem vida. O amor é o sopro divino que dá vida ao Corpo de Cristo. No entanto, as estruturas são necessárias para que o corpo seja ágil. Portanto, nem rigorismo (o corpo rígido é um corpo morto) nem espontaneismo (um corpo amorfo, sem força)! A nova formatação do Conselho Pastoral Paroquial (CPP) está voltada para agilizar a estrutura paroquial, mas é amor – real, testemunhado em palavras e gestos concretos – que vai nos possibilitar estarmos enxertados em Cristo. De forma direta, apresentamos neste número do Novo Tempo um caminho inspiracional e um eclesial: respectivamente, o Perdão e a Semana Missionária em preparação para a Jornada Mundial da Juventude. Preparamo-nos, ainda, para agosto, o mês de nossos padroeiros: Nossa Senhora da Glória e São Roque. Toda colaboração é bem vinda e contamos com cada homem e mulher de boa vontade. Vamos, também, lançar a Campanha “Capela São Roque: eu cuido!” que visa à reforma desta Capela tão querida a todos nós. Engajemo-nos nesta tarefa! Concluo com as palavras do Papa Francisco na homilia supracitada: “Queridos amigos e amigas, com grande confiança vos confio à intercessão de Maria Santíssima. Ela é a Mãe que nos ajuda a tomar as decisões definitivas com liberdade, sem medo. Que Ela vos ajude a testemunhar a alegria da consolação de Deus, sem ter medo da alegria; Ela vos ajude a conformar-vos com a lógica de amor da Cruz, a crescer numa união cada vez mais intensa com o Senhor na oração. Assim a vossa vida será rica e fecunda!” Saúde e Paz! Pe. Sérgio Luiz e Silva, CSsR. www.padresergio.com Facebook: falecompadresergio@gmail.com

Eleito novo Conselho Pastoral Paroquial Sílvia Carvalho

Nos dias 22 e 29 de junho, aconteceram as mini-assembleias das Dimensões Acolhida, Missão e Oração para escolha dos novos membros do Conselho Pastoral Paroquial (CPP). Desde o ano passado, vinham sendo realizados encontros para refletir sobre a questão. Cada pastoral e/ou movimento indicou dois nomes para as eleições, que foram precedidas de oração, leitura bíblica e reflexão sobre uma homilia do Papa Francisco. Padre Sérgio destacou, durante as assembleias, a importância do conselheiro paroquial, seu papel e as mudanças implementadas. Cada dimensão elegeu três membros que, a partir de agora, vão representar as pastorais e movimentos que integram a respectiva dimensão. Outros três integrantes foram discernidos pelo pároco, pela Comunidade Redentorista e pelos novos membros do CPP. Para o sacerdote, o novo modelo representa um avanço, no sentido da melhor representatividade e também para um acompanhemento dos grupos pastorais por parte do Conselho. “Antes, a cada encontro mensal, as pastorais enviavam representantes diferentes, o que dificultava a realização de um trabalho contínuo.” Confira abaixo como ficou o novo Conselho Paroquial: Dimensão Acolhida: Sandra Hansen / Arthur Carvalho / Anna Paula Gomes da Silva / Silvia Carvalho Suplente: Ilson Oliveira Dimensão Oração Severino José da Costa Neto / Marisa Lott da Costa / Áurea Rodrigues / Maria Aparecida (Cide) Freire Suplente: Virgínia Doviso Dimensão Missão Mônica Rodrigues / Luiz Henrique Freitas Barbosa / Edson Layer / Maria Aparecida (Cida) Dias Silva Suplente: Eni Dias da Silva Natália Lott


Agosto de nossos padroeiros

C

De 1º a 4 de agosto de 2013 1ºDia: 1º de agosto, quinta-feira SÃO ROQUE E O CAMINHO DA VIDA Missa às 18h, seguida de Bênção do Santíssimo Sacramento 2º Dia: 2 de agosto, sexta-feira COM SÃO ROQUE, VENCER AS TRIBULAÇÕES 18h, Missa de Cura e Libertação, com Unção – Pe. Sérgio 3º Dia: 3 de agosto, sábado COMO SÃO ROQUE, SER TESTEMUNHAS DA FÉ 14h, Bênção dos animais domésticos 16h, Missa, com a distribuição dos pães Festa: 4 de agosto, domingo CELEBRANDO SÃO ROQUE 9h: Procissão saindo da Capela São Roque até a Igreja da Glória, onde haverá Missa Solene. 16 de agosto, sexta-feira DIA DE SÃO ROQUE Missa às 18h

Na quinta, sexta e sábado, funcionamento de barraquinhas no Largo São Roque

Tríduo e Festa de São Roque

hega o mês de agosto e, com ele, as festas de nossos padroeiros. São Roque será celebrado entre os dias 1º e 4 de agosto, com missas, Bênção dos animais domésticos, Procissão e o funcionamento das tradicionais barraquinhas (ver quadro). Também durante a festa, será lançada a Campanha “Capela São Roque: eu cuido!”. O objetivo é arrecadar recursos para a reforma da capela. Também já estão em pleno vapor os preparativos para a Festa da Glória 2013, que acontecerá entre os dias 11 e 18 de agosto, abordando o tema Família e o Ano da Fé. Já estão confirmadas as presenças de Padre Nelson e Padre Flávio. O arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, também foi convidado para presidir a Celebração Eucarística no Dia da Assunção de Nossa Senhora. A exemplo do ano passado, haverá coroações todos os dias e funcionamento de barraquinhas no adro da igreja.


fotos: Sandra Hansen

Dedicando seus dons ao próximo Nestes 60 anos de vida, o Ambulatório Nossa Senhora da Glória já atendeu milhares de pessoas em seus consultórios. A assistência à saúde sempre esteve na ordem do dia da instituição, que busca, cada vez mais, profissionais voluntários que desejam dedicar seus dons e conhecimentos ao próximo. É o caso do homeopata Pedro Paulo Nabuco de Araújo Souza, formado há dez anos em Medicina pela UFJF e que há quatro anos presta atendimento, uma vez por semana, no Ambulatório. Ele conta que, desde acadêmico, sempre procurou trabalhar voluntariamente. O chamado para atuar no Ambulatório veio das filhas, que estudam no Colégio Santa Catarina, parceiro da Paróquia da Glória na administração da instituição. “Lá, disseram que estavam precisando de profissionais. Resolvi ajudar e aqui estou.” Para ele, o voluntariado, sem fins políticos, precisa ser incentivado e torna-se importantíssimo nas áreas da saúde, educação e assistência jurídica, já que o poder público, devido a uma série de questões, acaba por não cumprir sua parte. “Aqui ganho muito mais do que os pacientes que atendo”. Além do homeopata, outros especia-

listas também prestam atendimento na entidade. Há dentistas, psicólogas, fisioterapeutas, nutricionista, fonodiólogo e um gastroenterologista que atende, em seu consultório, pessoas encaminhadas pelo Ambulatório. Segundo a coordenadora da casa, Sandra Hansen, a procura pelas consultas é muito grande, e todas são previamente agendadas. “Tentamos atender a todos na medida do possível, mas a prioridade é para as pessoas carentes.” Entre as áreas com maior demanda está a Psiquiatria. “Neste sentido, foi criada uma turma de Terapia em grupo, com o objetivo de assistir a um número maior de pessoas”, destaca Sandra.

Convênio com a UFJF

Neste ano, foi fechado um convênio com a UFJF nas áreas de Pediatria e Clínica Médica. Acadêmicos do curso de Medicina, acompanhados por professores, prestam atendimento diário no Ambulatório. “Foi uma grande conquista para nós, obtida por meio de indicação do Colégio Santa Catarina. A assistência à saúde, no Ambulatório, não se restringe à parte médica, mas também à doação de remédios, feitos por meio da Farmácia existente no local. Somente no mês de junho, foram repassados 1.380 medicamentos para

mais de 400 pessoas (ver quadro). Vale ressaltar que as doações só acontecem mediante a apresentação da receita. Sandra lembra que, neste caso, as doações da população também são bemvindas. “Às vezes, uma pessoa deixa de tomar um remédio e, se ele estiver dentro da validade, pode doar que será muito bem aproveitado.”

Atendimentos no Ambulatório Junho/2013 Total de pessoas atendidas - 1.060 Medicamentos doados - 1.380 Psiquiatria - 15 Homeopatia - 19 Nutricionista - 14 Gastroenterologista - 3 Ortopedista - 16 Clínica Médica - 67 Fonoaudiologia - 22 Pediatria - 33 Psicologia - 38 Odontologia - 50 Prática alternativa de saúde - 17 Terapia holística - 9 Serviço Social - 205 Aula de tricô e crochê - 8 Informática - 7 Yoga - 25 Grupo Melhor Idade em Ação - 30 Aula de artesanato - 2 Curso Corte e Costura - 5 Curso Básico de Língua Portuguesa - 5


Arquivo

Uma fiel centenária da Paróquia da Glória Alessandra Assis Anos de dedicação ao Apostolado da Oração, Pastoral Social e Ambulatório Nossa Senhora da Glória marcam os 100 anos de vida de Dona Geraldina Castro, completados no dia 10 de julho. A professora aposentada, de cabelos branquinhos e cuidadosa com a aparência, lembra com facilidade de todos os detalhes da infância. A agora juiz-forana, natural de Botafogo, povoado de Tabuleiro, a 60 km de Juiz de Fora, escolheu a dedo o apartamento no Morro da Glória, que garante visão privilegiada da Igreja, que segundo ela, é a sua alegria. Dona Geraldina é paroquiana há décadas e fala com carinho de vários padres redentoristas com quem teve a honra de trabalhar, ao longo de tantos anos. No entanto, garante que não tem preferência por nenhum. “Todos eles são muito educados e acolhedores. É um carisma”. Filha de pais fazendeiros, passou a infância no campo e acredita que essa fase da vida tenha sido o segredo para que chegasse aos 100 anos tão lúcida e com a saúde perfeita. “Andava descalça, corria no meio dos animais da fazenda, bebia leite puro, as verduras e legumes eram frescos”. Educada desde criança na religião católica, ela faz questão de destacar a importância da mãe, que reunia todos os nove irmãos à noite para rezar o terço. Segundo dona Geraldina, é importante que a família tenha esses momentos, para que no futuro os filhos tenham uma referência. Como não tem complicações de saúde, apenas uma dor na coluna, mantém-se ativa. Quando questionada se ainda participa com frequência

Uma parceria que dá certo Não é apenas no convênio na área médica que a UFJF tem contribuído com o Ambulatório. A CAMPE Consultoria Jr., empresa júnior que integra alunos das faculdades de Administração, Ciências Contábeis e Economia, também tem um contrato com a Casa para atuar em diversos segmentos, assim como a Faculdade de Serviço Social, que cede duas estagiárias. A instituição ainda tem sido beneficiada pela Campanha Trote Solidário, realizada pelos acadêmicos da Faculdade de Engenharia de Produção. Dentro deste espírito, eles estiveram no Ambulatório, onde trabalharam na organização e limpeza de espaços da instituição,

das missas na Igreja da Glória, afirma que não deixa de vir todos os domingos e dias santos. Faz questão de sentar no primeiro banco em frente ao altar. “Gosto de ficar mais próxima para compreender bem a homilia, nem tanto pela audição, mas prestando atenção aos movimentos do padre”. As atividades no Apostolado da Oração, também não foram deixadas de lado. Nas festas ajuda a organizar o bingo, junto com demais membros, um grupo que salienta ser “muito unido”. A leitura é outra atividade que gosta muito: “Aprecio bons livros. A leitura é um alimento, bom para manter a cabeça boa, um apoio que temos na velhice”. Sempre animada e com o sorriso no rosto faz questão de se ajeitar direitinho para ficar bem na foto.

além da colocação de sinalização nos diversos departamentos. No início de julho, a Associação Atlética Acadêmica da Faculdade de Medicina da UFJF fez a doação de mantimentos e dos 134 litros de leite que serão repassados para as familias assistidas.

Quer ser um voluntário no Ambulatório? Ligue para 3215-9698


Perdoar: dom e caminho Pe. Sérgio Luiz e Silva, CSsR

D

ia 25 de julho é o Dia Mundial do Perdão. Por isso, proponho a você uma pequena reflexão sobre esta característica tão própria da vida em Cristo. Ao ensinar a oração do Pai-Nosso aos discípulos, o único artigo que Jesus comenta logo de imediato, segundo o evangelista Mateus, é aquele que se refere ao perdão: “Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, vosso Pai celeste também vos perdoará. Mas, se não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai vos perdoará” (Mt 6, 13-14).

O PERDÃO COMO DOM O perdão liberta o coração, supera as barreiras que nos distanciam uns dos outros, abre a porta para que entre a paz. É a força necessária para reconciliar não só as pessoas, mas também as nações. O perdão é uma consequência do amor. À medida que a experiência do amor vai se tornando mais plena no interior da pessoa, o coração é levado a perdoar. E por que perdoamos? Porque primeiramente fomos gratuitamente perdoados por Deus. No entanto, é preciso olhar o perdão não como um imperativo dirigido à alma, do tipo: “Você TEM que perdoar!” Uma imposição dita, desta forma, por alguém ou pela própria pessoa, é totalmente inútil e até falseadora do caminho para o perdão. Assim, como o amor, o perdão não pode ser exigido por norma. Ele é dádiva e não lei! Esse, aliás é o sentido etimológico de perdão-perdoar: o dom levado à perfeição; além do dom (per-donum, per-donare). Em última análise, só Deus pode perdoar, como o único que está além de todos os dons e do maior dom, o Amor. Ele é o próprio Amor. Por isso, mais do que perdoar, nós podemos nos abrir ao próprio perdão de Deus, agindo em nós, por nossa mediação. Nesta abertura, o perdão aparece, então, como uma decisão da vontade e não como uma emoção. A pessoa, no exer-

cício da sua liberdade, tocada pela Graça, perdoa. A falta de perdão constitui-se em pecado, pois é um fechamento à graça. É preciso ainda não confundir mágoa com falta de perdão. A mágoa é a dor da alma que foi ferida. É, portanto, uma ferida a ser cicatrizada, não se constituindo em pecado, como tal. Entretanto, aninhar mágoas no coração, emperra o crescimento da pessoa e a adoenta. Também as mágoas precisam ser tratadas. Não fique repisando os motivos que você tem para ficar magoado; isso só fará perdurar a dor que você sentiu por algo acontecido. Em Cristo Jesus, você é livre não só para perdoar, mas também para superar as mágoas. Coloque-se, pois, a caminho. O auxílio da Graça Divina não lhe faltará. Se você, todavia, está encontrando dificuldades em perdoar, peça a Jesus esta graça. Aquele que na cruz perdoou o pecador arrependido, perdoará os seus pecados e lhe dará forças para exercer o perdão. É possível! Não duvide! Entregue-se a esta maravilhosa e libertadora experiência. Sendo o perdão um caminho, é preciso – ao acolher o dom – dar os passos para que ele aconteça como um processo libertador da alma. A perspectiva apresentada abaixo pode assustar alguns leitores, mas é um método concreto para uma abertura humana à graça divina de perdoar.

O PERDÃO COMO CAMINHO: NOVE PASSOS PARA PERDOAR 1. Saiba exatamente como você se sente sobre o que ocorreu e seja capaz de expressar o que há de errado na situação. Então, relate a sua experiência a umas duas pessoas de confiança. 2. Comprometa-se consigo mesmo a fazer o que for preciso para se sentir melhor. O ato de perdoar é para você e ninguém mais. Ninguém mais precisa saber de sua decisão. 3. Entenda seu objetivo. Perdoar não significa necessariamente reconciliar-se com a pessoa que o perturbou, nem se tornar cúmplice dela. O que você procura é paz. 4. Tenha uma perspectiva correta dos acontecimentos. Reconheça que o seu aborrecimento vem dos sentimentos negativos e desconforto físico que você sofre agora, e não daquilo que o ofendeu ou agrediu dois minutos - ou dez anos - atrás. 5. No momento em que você se sentir aflito, pratique técnicas de controle de estresse para atenuar os mecanismos de seu corpo. 6. Desista de esperar, de outras pessoas ou de sua vida, aquilo que elas não escolheram dar a você. Reconheça as

“regras não cobráveis” que você tem para sua saúde ou para o comportamento seu e dos outros. Lembre a si mesmo que você pode esperar saúde, amizade e prosperidade e se esforçar para consegui-los. Porém, você sofrerá se exigir que essas coisas aconteçam quando você não tem o poder de fazê-las acontecer. 7. Coloque sua energia em tentar alcançar seus objetivos positivos por um meio que não seja através da experiência que o feriu. Em vez de reprisar mentalmente sua mágoa, procure outros caminhos para seus fins. 8. Lembre-se de que uma vida bem vivida é a melhor “vingança”. Em vez de se concentrar nas suas mágoas – o que daria poder sobre você à pessoa que o magoou – aprenda a buscar o amor, a beleza e a bondade ao seu redor. 9. Modifique a sua história de ressentimento de forma que ela o lembre da escolha heróica que é perdoar. Passe de vítima a herói na história que você contar. Do livro O Poder do Perdão Dr. Fred Luskin W11 Editores


Cuidado com seus pensamentos; eles se transformam em palavras! Cuidado com suas palavras; elas se transformam em ações! Cuidado com suas ações; elas se transformam em hábitos! Cuidado com seus hábitos; eles moldam o seu caráter! Cuidado com seu caráter; ele controla o seu destino!

UMA PARÁBOLA SOBRE A IMPORTÂNCIA DO PERDÃO O pequeno Zeca entra em casa, após a aula, batendo forte os seus pés no assoalho da casa. Seu pai, que estava indo para o quintal para fazer alguns serviços na horta, ao ver aquilo chama o menino para uma conversa. Zeca, de oito anos de idade, o acompanha desconfiado. Antes que seu pai dissesse alguma coisa, fala irritado: - Pai, estou com muita raiva. O Juca não deveria ter feito isso comigo. Desejo tudo de ruim para ele. Seu pai, um homem simples mas cheio de sabedoria, escuta calmamente o filho que continua a reclamar: - O Juca me humilhou na frente dos meus amigos. Não aceito. Gostaria que ele ficasse doente sem poder ir à escola. O pai escuta tudo calado enquanto caminha até um abrigo onde guardava um saco cheio de carvão. Levou o saco até o fundo do quintal e o menino o acompanhou calado. Zeca vê o saco ser aberto e antes mesmo que ele pudesse fazer uma pergunta, o pai lhe propõe algo: - Filho, faz de conta que aquela camisa branquinha que está secando no varal é o seu amiguinho Juca e cada pedaço de carvão é um mau pensamento seu endereçado a ele. Quero que você jogue todo o carvão do saco na camisa, até o último pedaço. Depois eu volto para ver como ficou.

O menino achou que seria uma brincadeira divertida e pôs mãos à obra. O varal com a camisa estava longe do menino e poucos pedaços acertavam o alvo. Uma hora se passou e o menino terminou a tarefa. O pai que espiava tudo de longe, aproxima-se do menino e pergunta-lhe: - Filho como está se sentindo agora? Estou cansado, mas estou alegre porque acertei muitos pedaços de carvão na camisa. O pai olha para o menino, que fica sem entender a razão daquela brincadeira, e carinhoso lhe diz: - Venha comigo até o meu quarto, quero lhe mostrar uma coisa. O filho acompanha o pai até o quarto e é colocado na frente de um grande espelho onde pode ver seu corpo todo. Que susto! Só se conseguia enxergar seus dentes e os olhinhos. O pai, então, lhe diz ternamente: - Filho, você viu que a camisa quase não se sujou; mas, olhe só para você. O mal que desejamos aos outros é como o lhe aconteceu. Por mais que possamos atrapalhar a vida de alguém com nossos pensamentos, a borra, os resíduos, a fuligem ficam sempre em nós mesmos. (Autor desconhecido)


Aniversariantes Dizimistas - Julho e Agosto Igreja da Glória 16/07 Marcos Wadih Arbex 16/07 Maria das Graças Rosignoli Mota 16/07 Eduardo Afonso Pinto 16/07 Maria do Carmo Pacheco Nogueira 17/07 Neide Terezinha Dias Coimbra 17/07 Miracy Carmanini Ferraz 17/07 José Eberle 17/07 Lourdes Côrtes Gonçalves 17/07 Camilo Rezende Figueira 18/07 Maria Feichas Fortes 18/07 Aloysio Rodrigues Vieira 19/07 Paulina de Oliveira Sales 19/07 Jupiter Almada Schneider 20/07 Elza da Silva Carvalho 20/07 José de Almeida Guedes 20/07 Vicentina Sampaio da Rocha 20/07 Maria Aparecida D de Carvalho 21/07 Maria da Conceição Motta Assis 21/07 Fatima Cristina R Pereira 21/07 Fernanda Aparecida de Paula 21/07 Fernanda Batista Pacífico 21/07 José Romeu do Nascimento 21/07 Luiz Basdão de Magalhães 21/07 Elza Helena de Almeida 21/07 Marcio Nalon de Queiroz 22/07 Vania Lucia A. de Lima Pimentel 22/07 Juliane Silva Ribeiro 23/07 Cristiane Fernandes Freitas 23/07 Guilherme Dornelas Paes 23/07 Paulo José da Silva 23/07 Gabriel Mattos 24/07 Maria Antônia A. Rodrigues Pimentel 24/07 Ianka Aparecida Marques de Almeida 25/07 Raimundo Edson de Carvalho 25/07 Vera Lucia Magalhães 25/07 Fernanda Farinazzo de Oliveira 26/07 Maria Teresa Carvalho Musse 26/07 Maria Venância A da Silva 26/07 Ana Roque de Souza 26/07 Denísia Aparecida Procaci Faustino 26/07 Shayana Barbosa e Costa 27/07 Neli Affonso Kruk 27/07 Rosimar Soares da Cruz 27/07 Mercês de Alcanara Carvalho 27/07 Maria José das Mercês 27/07 Eduardo Henrique Cardoso 28/07 Malviana Léia de Barros Mota 28/07 Nilo Sergio Alves Junior 28/07 Maria da Glória Rocha 28/07 Ruth Elias Tasca 28/07 Maria das Mercês Mota 28/07 Luciane Mesquita Machado Moreira 29/07 Virgínia Gonçalves Dovizo 30/07 Máximo Pifano 30/07 Luiz Carlos Gomes da Rocha 31/07 Maria Helena Rezende de Moura 31/07 Núbia Viviane B. de Almeida Fernandes 31/07 Geraldina Alves de Brito 31/07 Sebastião Lucas da Silva Filho 01/08 Arlindo Tadeu Hagen

04/08 Jeni Elberle 02/08 Aparecida Pinto e Netto 06/08 Geni de Souza Matos 02/08 Bruno Araújo Braz 15/08 Deolinda Salete Soares 02/08 Mara Lúcia C Fialho 15/08 José Lino Nepomuceno 03/08 Gabriel Gouveia de Castro Alves 03/08 Neide Helena Leonel Soares Dizimistas mirins 03/08 Sidney Gonçalves da Silva 04/08 Danielle Aparecida de M. P. Eleotério 16/07 Priscila Ribeiro Silva 25/07 Luana Giovaninni de Salle 04/08 Márcia Cristina da Silva 29/07 Laura Carvalho Patta 05/08 Analucia Loures 05/08 Antônio Cândido Guilherme 05/08 Jenaína Vianna Winand Novos dizimistas, 05/08 João Pedro de Souza Oliveira sejam bem-vindos! 05/08 Maria José Silva 06/08 Geni de Souza Mattos Adultos 06/08 Lucy Creston da Silva Alexandre N Souza 06/08 Maria Aparecida Meana Dias Andréa Grunewald Oliveira Lamha 07/08 Amanda Lorena Dias Gomes Carina Carvalho Dias 07/08 Marciana Fatima da Silva Creuza Inácia da Silva 08/08 Ana Maria Schelgshorn Elizabeth Leite da Silva 08/08 Benedita Albano Ferreira Erica Maia Ramires 08/08 Edna Ferreira Rodrigues Gilberto Rodrigues de Oliveira 08/08 Gilson Carminati de Oliveira Gilmar Gaspareto 09/08 Ana Clara Raposo H Hagler Joaquim Luciano Fernandes 09/08 Creuza Inacia da Silva Júlio Anderson Ferreira 09/08 Júlio Maria da Costa Maria Luciene Carvalho Dias 10/08 Ângela Maria Martins Maria Rosa Silva Dias 10/08 Beatriz Maciel Loures Gomes Mary Inês da Silva Fonseca 10/08 Jovino Lourenço da Cunha Odette David Muniz 10/08 Kátia Tadéa Galil Toledo Rosilane Maia da Silva Fernandes 10/08 Márcia Cristina Jaceloti Simone Maria Teixeira G Barros 10/08 Neide da Fonseca Araújo Stephanie Gouvêa de Morais 11/08 Jurandi Ramos Sueli Coimbra Martins Fortes 11/08 Luiz Tebas Suely Ramos de Andrade 11/08 Maria Lucia Luz de Souza 11/08 Rita Andrade Stephan Mirins 12/08 Júlia Nazira B de Oliveira João Pedro Vianelo Saçço 12/08 Luiz Carlos Homem de Castro 12/08 Luiza Yoshie Hokama Okuma 12/08 Maria Ignácia Delgado 12/08 Maria Inácia Delgado 13/08 Luiz Alberto do Amaral 13/08 Paulo Roberto Viana Franco “Faço o que devo fazer, com amor. Eu 14/08 Célia Regina Martins Araújo me esforço para ser cada dia melhor, 14/08 Nilza da Silva Ferreira pois bondade também se aprende. 15/08 Albertina dos Santos M Esteves 15/08 Anna Maria Pinto de Oliveira Mesmo quando tudo parece desabar, 15/08 Armanda Alvarenga Lopes de M. cabe a mim decidir entre rir ou 15/08 Glória Luíza Braga chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar; 15/08 Joaquim Martins da Fonseca 15/08 Maria Aparecida Silva Holzapfel porque descobri, no caminho incerto

Capela São Roque 18/07 Maria Freitas de Oliveira 20/07 José Roberto Silvestre 24/07 Silvana Ribeiro da Silva 26/07 Raimundo da Silva Teles 27/07 Ambrozina Netto Abramo 27/07 Irinéia de Oliveira Pena 27/07 Maria Ângela da Costa Marangon 30/07 Cecilia Keil 02/08 Áurea Roberto Lourenço

da vida, que o mais importante é o decidir. Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar; porque descobri, no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir.”

Cora Coralina


Dízimo Irmão e irmã,

Expressão de zelo pela Casa de Deus!

“O zelo pela tua Casa me consome” (Jo 68, 10). Por cultivar este zelo, o salmista foi insultado por seus contemporâneos e Jesus expulsou os vendilhões do templo (Jo 2, 17). O zelo pela Casa do Senhor deve nos levar a um testemunho de nossa fé, mesmo que sejamos desprezados e até perseguidos. Este zelo deve ainda expulsar os “vendilhões” morais do nosso meio, baseados no egoísmo, no orgulho, na raiva e na inveja. Segundo o dicionário Aurélio, em um sentido figurado, a palavra vendilhão significa aquele que trafica coisas de ordem moral. O mesmo zelo deve, também, nos levar a cuidar da Casa de Deus, como fez Neemias (Ne 3, 20).

Consagrando seu dízimo

Estou convicto que o Dízimo conjuga bem este tríplice sentido de zelo. Ele é um testemunho comunitário de nossa fé que se faz solidariedade, uma forma de vencermos o egoísmo que tudo quer para si e é, ainda, a forma concreta como cuidamos da Casa de Deus e das estruturas comunitárias. Graças ao seu Dízimo estamos terminando a reforma do Salão Paroquial. Na força deste zelo convoco a todos a participarem da Campanha “Capela São Roque: eu cuido!” que iremos lançar em agosto. Aliás, você já conhece a Capela São Roque? Você, querido irmão e irmã, já é dizimista? Venha exercer seu zelo entre nós! Pe. Sérgio Luiz e Silva, CSsR Pároco

Reflita...

Inspirados nestes versículos bíblicos que falam sobre o zelo, consagre seu Dízimo, fazendo dele uma expressão de seu zelo pela Casa e pela Causa de Deus.

Reze... “Seguireis o Senhor, vosso Deus, e o temereis; observareis seus mandamentos, obedecereis à sua voz e o servireis com muito zelo.” (Dt 13, 4) Com minha vida, com tudo que sou e tenho quero obedecer-te e servir a Ti e meus irmãos. Dá-me a graça necessária! “Seu zelo lhe foi imputado como mérito, de geração em geração, para sempre.” (Sl 105, 31) Faz, Senhor, que esta chama arda em meu peito e eu jamais me afaste de Ti. Dá-me a graça necessária! “Não relaxeis o vosso zelo. Sede fervorosos de espírito. Servi ao Senhor.” (Rm 12, 11) Ó Espírito Santo, inscreve com fogo estas palavras em minha alma. E para que eu possa traduzilas em vida, Dá-me a graça necessária! “Vós vos distinguis em tudo: na fé, na eloquência, no conhecimento, no zelo de todo o gênero e no afeto para conosco. Cuidai de ser notáveis também nesta obra de caridade.” (II Cor 8, 7) Que meu Dízimo seja a expressão desta qualidade de zelo, de um santo cuidado pelas tuas coisas! Dá-me a graça necessária! Amém!


Agenda Paroquial

De 14 de julho a 11 de agosto 14/07 19h30 - Missa de abertura da Semana Missionária na Igreja da Glória 17/07 14h - Visita Missionária ao Ambulatório 17/07 19h - Terço Missionário e Catequese na Igreja da Glória 18/07 14h - Visita Missionária ao Ambulatório 19h - Missa e Catequese na Igreja da Glória 19/07 14h - Visita Missionária ao Ambulatório 19h - Missa e Catequese na Igreja da Glória 20 e 21/07 Mercadinho da Caridade 20/07 18h30 - Missa das Famílias na Igreja da Glória 21/07 17h - Missa de Encerramento da Semana Missionária na Igreja da Glória e envio dos jovens para a JMJ 24/07 19h15 - 1º Encontro de Preparação para Batismo 25/07 19h15 - 2º Encontro de Preparação para Batismo 28/07 11h30 - Celebração do Sacramento do Batismo 01/08 18h - Tríduo São Roque - 1º dia 19h - Missa em memória de St. Afonso 02/08 18h - Tríduo São Roque - 2º dia 1ª Sexta-Feira do Mês Missas às 7h, 15h e 19h na Igreja da Glória; 8h na praça do Jardim Glória 03/08 14h -Bênção dos animais domésticos na Capela São Roque 16h - Tríduo São Roque - 3º dia 04/08 9h - Festa de São Roque, procissão da Capela para a Igreja da Glória 19h30 - Missa Solene em honra a Santo Afonso e abertura do Ano Vocacional Redentorista 07/08 19h - Reunião do CPP 08/08 19h - Reunião dos Pais dos Catequizandos 11/08 Início da Semana Nacional da Família Domingo do Dízimo Dia dos Pais Distribuição do Jornal Novo Tempo 19h30 - Setenário da Padroeira - 1º dia - No mês de julho, estarão suspensas as missas aos sábados, às 16h, na Igreja da Glória, e aos domingos, às 18h, no Ambulatório.

Aniversário

O

pároco, Padre Sérgio, completa mais um ano de vida no dia 18 de julho. Que Deus o abençoe!

Novos servos, sejam bem-vindos!

N

o dia 30 de junho, aconteceu o envio dos novos servos formados pelo Projeto CresSer. Eles vão atuar nas diversas pastorais e movimentos da Paróquia da Glória. Nos últimos três meses, eles refletiram sobre a espiritualidade de um verdadeiro agente e conheceram mais sobre a Paróquia da Glória e suas atividades, por meio de palestras, Feira das Pastorais e do Retiro. fotos: Cecília Freire

Avivamento Espiritual em JF

F

oi realizado entre os dias 14 e 16 de junho, no Seminário da Floresta, com orientação do Pároco, Padre Sérgio. O tema abordado foi Reconciliação: caminho para uma vida liberta!


Maria Nunes

Homenagens ao Sagrado Coração de Jesus

O

Coração de Jesus foi destaque nas celebrações da Paróquia da Glória ao longo do mês de junho. Um tríduo foi promovido pelo Apostolado da Oração, que comemorou a festa no dia 7 de junho, com a coroação na Igreja da Glória. Padre Sérgio também conduziu, de 23 a 30 de junho, a Semana do Coração, com reflexões sobre as graças advindas do Coração de Jesus. fotos: Cecília Freire

Sílvia Carvalho

Retiro da Legião de Maria

C

erca de 50 pessoas participaram do Retiro Espiritual da Cúria Magnificat (Legião de Maria da Paróquia da Glória) na Capela São Roque no dia 16 de junho. Mateus Sarlo

Muita animação no Arraiá da Glória

M Missa das Famílias

P

uita animação, confraternização e degustação de comidas típicas marcaram a segunda edição do Arraiá da Glória nos dias 8 e 9 de junho. Nosso agradecimento a todas as pessoas que contribuíram com doações e com o trabalho para o sucesso do evento.

adre Ronaldo convida todos os casais que celebram a união neste mês de julho para a Missa no o dia 4 de agosto, você é convidado a participar da dia 18, às 18h30, na Igreja da Glória. Os casais podem Missa Solene em honra a Santo Afonso, às 19h30, deixar seu nome na Secretaria Paroquial. Neste mesmo horário, será celebrada a Missa das Famílias, com na Igreja da Glória, quando também será aberto, oficialmente, o Ano Vocacional Redentorista. Bênção das Gestantes.

Santo Afonso e o Ano Vocacional

N


Chegou a hora...

Cecília Freire

Semana Missionária

Os jovens da Paróquia da Glória que irão à JMJ serão enviados durante a Missa de Encerramento da Semana Missionária, no dia 21 de julho. O evento promovido pela Arquidiocese de Juiz de Fora, vai reunir jovens de todo o Brasil e de outros países em preparação para a Jornada.

Programação

J

ovens da Paróquia da Glória estão de malas prontas para a Jornada Mundial da Juventude, que acontece de 23 a 28 de julho no Rio de Janeiro. O ponto alto do evento será o encontro com o Papa Francisco, em sua primeira viagem internacional. Expectativas não faltam para o grupo, que está se preparando há bastante tempo para este momento memorável para os jovens de todo o mundo. Durante alguns meses, eles trabalharam todos os domingos em uma barraca montada no adro da Igreja da Glória, para angariar recursos visando recursos para a viagem. O grupo está animado. “Vamos ficar hospedados no apartamento do pai de uma das jovens peregrinas do grupo, que disponibilizou o lugar, com toda boa vontade e carinho. Vai ser muito divertido: 16 peregrinos dormindo num mesmo lugar. O objetivo é esse: ficarmos mais próximos e unidos. O mais interessante é que teremos um bebê peregrino (que ainda vai estar na barriga da mamãe) e que já vai nascer com as bênçãos do Papa. O coração já pulsa mais forte só de pensar que faltam poucos dias para

esse encontro de fé! Se o Rio de Janeiro nos espera de braços abertos, nós também estamos indo, não só de braços abertos, mas também de coração aberto! Gostaríamos de agradecer aos amigos da Paróquia da Glória, que sempre tiveram boa vontade em nos ajudar; a todos os Padres, que nos deram condições para que a peregrinação acontecesse e àqueles que, mesmo sem fazer doações, ficaram na intercessão e na oração por nós.” A expectativa é de que mais de 1 milhão de jovens participem da JMJ, que terá eventos como a Via Sacra na Praia de Copacabana e a Vigília com o Papa Francisco, em Guaratiba. Ao longo do encontro, muitos shows, catequese e, é claro, confraternização.

Dia 14/07 – Domingo 19h30 - Missa de abertura na Igreja da Glória Dia 16/07 –Terça-feira 19h30 – Missa de acolhida dos peregrinos com Dom Gil na Catedral Dia 17/07 – Quarta-feira 14h - Visita Missionária ao Ambulatório 19h – Terço missionário e Catequese na Igreja da Glória (não haverá missa) Dia 18/07 – Quinta-feira 14h - Visita Missionária ao Ambulatório 19h - Missa e Catequese na Igreja da Glória 19h30 às 22h – Vigília Eucarística da Juventude na Catedral Dia 19/07 – Sexta-feira 14h - Visita Missionária ao Ambulatório 19h - Missa e Catequese na Igreja da Glória 19h30 às 22h – Via-Sacra jovem na Praça Antônio Carlos Dia 20/07 – Sábado 8h às 12h –Passeio turístico por adesão (locais propostos: Cine Theatro Central, Igreja da Glória, Museu Mariano Procópio e Morro do Cristo) - a confirmar 14h – Concentração jovem na Praça Antônio Carlos, encerrando com a Missa de Envio presidida por Dom Gil Dia 21/07 – Domingo 17h - Missa de encerramento na Igreja da Glória, com o envio dos jovens da Paróquia para a JMJ

Jovens na Casa da Mãe Aparecida

Luiz Henrique Freitas Barbosa

Os jovens das paróquias de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e de Nossa Senhora da Glória, em Juiz de Fora, já estão no clima para a Jornada Afonsiana no dia 22 de julho, em Aparecida, São Paulo. Cerca de 50 jovens juizforanos irão para o encontro redentorista na casa da Mãe Aparecida e a expectativa é grande, como nos conta o jovem Max Mendes, da Paróquia da Glória: “Vemos a Jornada Afonsiana como uma oportunidade de um encontro pessoal com Deus pelo carisma de Santo Afonso. Nós, da Juventude Redentorista da

Unidade Glória, estamos nos preparando sobretudo espiritualmente, através dos encontros diante do Santíssimo e das Santas Missões Redentoristas propostas pelo grupo e pela Província. Com isso, vamos renovando a cada dia o nosso sim e o ardor missionário de anunciar aos quatro cantos do mundo: Copiosa Apud Eum Redemptio”. A Jornada Afonsiana, que reunirá mais de 1.600 jovens de todas as (Vice) Províncias do Brasil e até de outros países, fortalecerá, nos jovens, a espiritualidade criada por Santo Afonso, fundador da Congregação do Santíssimo Redentor. O evento

vai contar com a participação do Superior Geral dos Redentoristas, Pe. Michael Brehl, C.Ss.R., que fará uma palestra aos jovens e presidirá a Missa de Encerramento.


Novo Tempo - Julho /2013  

Informativo da Paróquia Nossa Senhora da Glória - Juiz de Fora (MG)

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you