Page 1

GUIA DE SERVIÇOS DE PARANAPIACABA

Santo André, SP 2012

1


Abertura

Este Guia de Serviços de Paranapiacaba pretende apresentar ao interessado em visitar a Vila de Paranapiacaba informações gerais sobre o local, sua história, atrativos, estruturas e serviços disponíveis. É uma forma de oferecer informações confiáveis ao visitante e permitir que ele organize a sua visita com mais tranqüilidade e segurança. Esperamos que você desfrute de um passeio agradável e caso necessite de informações ou apoio em sua visita a Vila de Paranapiacaba procure o

CIT - CENTRO DE INFORMAÇÕES TURISTICAS DE PARANAPIACABA Rua Direita S/no. Parte Baixa – Paranapiacaba Santo André, SP Tel. (11) 4439 0237 turismo@santoandre.sp.gov.br

2


Departamento de Turismo Paranapiacaba

História / Informações Gerais

P.4

Um resumo histórico da Vila de Paranapiacaba, Santo André, SP

Mapa (Localize-se na Vila)

P.7

Mapa ilustrativo com os principais pontos de visitação turística e ruas da Vila de Paranapiacaba.

Guia de Serviços Turísticos de Paranapiacaba

P.13

Relação dos prestadores de serviços de Paranapiacaba nas áreas de artes e artesanato, alimentação, hospedagem, monitoria e outros serviços.

O Cambuci

P.28 Informações sobre o Cambuci, fruto típico e as principais atividades relacionadas ao fruto desenvolvidas na vIla (produção de mudas, receitas, eventos....)

Expresso Turístico

P.5

Estação da Luz até a Vila de Paranapiacaba é o mais novo trajeto do Expresso Turístico. O trajeto é realizado pela CPTM. Para comprar as passagens acesse: www.cptm.sp.gov.br.

Pontos Turísticos (Conheça Paranapiacaba)

P.9

Conheça os principais pontos turísticos da Vila de Paranapiacaba

Calendário de Eventos

P.27

Calendário anual de eventos turísticos da Vila de Paranapiacaba e da cidade de Santo André.

Como Chegar a Paranapiacaba?

P.30

Indicações de acesso a Vila de Paranapiacaba por trem, carro e ônibus.

3


História

INFORMAÇÕES GERAIS Localizada na região sudeste do município de Santo André, no limite entre o Planalto Paulista e a Serra do Mar, integrante da região metropolitana de São Paulo. Santo André possui 55% do seu território em área de mananciais, que compõem o cinturão verde da cidade de São Paulo – vegetação de Mata Atlântica. Clima: Sub-tropical úmido. A vegetação é caracterizada pela Mata Atlântica. Temperatura Média: verão – 22° C, inverno – 18° C População Atual: 1.100 habitantes

A Vila Ferroviária de Paranapiacaba, situada no município de Santo André, SP, é o mais importante patrimônio arquitetônico “victorian style” no Brasil, proveniente da ocupação inglesa na Serra do Mar para construção da estrada de ferro Santos-Jundiaí, no final do Século XIX. A origem de Vila teve a primeira movimentação humana a partir dos índios tupis que a nomearam de Paranapiacaba, significando em seu idioma: “de onde se vê o mar”. Era esta a visão que tinham os povos indígenas que passavam pela região rumo ao planalto. Posteriormente, naquele caminho íngreme utilizado pelos índios foi construída pela São Paulo Railway Co., 1867, a partir da Estação Alto da Serra, atual Estrada de Ferro Santos-Jundiaí, dando origem à ocupação da área pelos ferroviários. A partir de então este passou a ser o principal meio de escoamento rápido rumo aos mercados da Europa, via porto de Santos da produção da lavoura do café, que chegou ao Rio de Janeiro e logo se espalhou pelo Vale do Rio Paraíba e, posteriormente, oeste paulista. Em 1856 a então recém-criada empresa inglesa São Paulo Railway Co. recebia, por decreto imperial, a concessão para a construção e exploração da ferrovia por 90 anos. A Vila, inicialmente um acampamento de operários, após a inauguração da ferrovia, em 1867, transformouse na Estação Alto da Serra, para cuidar da manutenção do sistema. Em função de sua localização, último ponto antes da descida da serra, a Vila começou a ganhar importância. Em 1946, termina o período de concessão e todo o seu patrimônio é incorporado ao Governo Federal. Esse fato é apontado pelos antigos moradores como o início da decadência da Vila, que passou nas décadas seguintes por um processo de degradação até ser comprada pela Prefeitura de Santo André em 2002. A partir desta data é que se iniciou um trabalho efetivo para a preservação do patrimônio e alavancar o desenvolvimento sócio-econômico local através do turismo. A Vila encanta por suas casas de madeira hierarquicamente divididas pelas ruas planejadas da Vila Martin Smith, na Parte baixa, pelo relógio que ditava oritmo das atividades, pelo colorido das casas do morro da Parte Alta, pelo movimento dos trens e por sua típica neblina. Em junho de 2003 foi criado Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba, uma Unidade de Conservação de 4 milhões de m2 de área de patrimônio natural, para conservar os exuberantes recursos naturais da Mata Atlântica e as várias nascentes que contribuem para o abastecimento da Represa Billings, localizados no entorno da Vila de Paranapiacaba Em 1987 o patrimônio arquitetônico e natural de Paranapiacaba foi tombado pelo órgão estadual, CONDEPHAAT, em 2002 é tombado pelo IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e em 2003 na esfera municipal pelo COMDEPHAPASA. Paranapiacaba, além de ter sido incluída entre os 100 monumentos mais importantes do mundo, pelo World Monuments Fund – organização não-governamental que atua na área de preservação do patrimônio histórico é Núcleo da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo e integra a Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, reconhecida pela Unesco como de relevante valor para humanidade.

4


Expresso Turístico (CPTM)

O Expresso Turístico foi viabilizado por meio de parceria entre a Prefeitura de Santo André, a CPTM, o Instituto Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e a MRS Logística. A composição conta com locomotiva a diesel e dois carros reformados, com capacidade para transportar 174 passageiros. Para quem quiser percorrer o roteiro é aconselhável procurar as passagens com antecedência nas bilheterias do Expresso Turístico da Luz e de Santo André. Os bilhetes custam R$ 28, ida e volta, com saída de São Paulo, e R$ 25, ida e volta, com partida de Santo André. Na compra de duas, três ou quatro passagens há desconto de 50%. Também é possível fazer a reserva pelo site da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), operadora do veículo (www.cptm.sp.gov.br). Esse é o mais novo trajeto do Expresso Turístico. Localizada no município de Santo André (SP), Paranapiacaba é uma charmosa vila de arquitetura inglesa que já se candidatou a Patrimônio Mundial da Humanidade e foi testemunha de uma importante fase de expansão da tecnologia ferroviária no Brasil na segunda metade do século XIX. Lá, os passageiros poderão conhecer diversas atrações culturais e ecológicas, como o Museu do Castelinho, o Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba e a Casa da Memória. A viagem O trajeto é realizado quinzenalmente, aos domingos. O passageiro tem a opção de embarcar às 8h30 na Estação da Luz ou às 9h00 na Estação Prefeito Celso Daniel-Santo André (Linha 10-Turquesa, da CPTM). O retorno ocorre às 16h30 em Paranapiacaba, com parada na Estação Prefeito Celso Daniel-Santo André. Atenção: No ato da compra do bilhete, o passageiro define em qual das estações prefere realizar o embarque e o desembarque. A viagem é feita a bordo de uma composição, formadas por dois carros de aço inoxidável fabricados no Brasil na década de 50 e tracionados por uma locomotiva da década de 1950, totalmente reformada. O percurso de 48 Km leva 1h30 e é realizado ao longo da atual Linha 10-Turquesa, proporcionando ao turista uma viagem no tempo. Entre os destaques estão as estações Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, tombadas recentemente pelo patrimônio histórico de São Paulo. Elas foram construídas pela antiga empresa britânica SPR (São Paulo Railway) ― primeira ferrovia paulista, inaugurada em 1867. Além disso, é possível encontrar em operação em Paranapiacaba a segunda locomotiva mais antiga do Brasil, que pertenceu à SPR e hoje integra o acervo da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF). Anualmente, no mês de julho, a vila também é palco do tradicional Festival de Inverno de Paranapiacaba, que reúne estrelas da MPB, rock, música clássica e atrações internacionais.

5


Confira as datas, vagas e tarifas das viagens do Expresso Turístico

Veja o trajeto percorrido:

De volta aos trilhos O trem Expresso Turístico é formado por uma locomotiva a diesel, da CPTM, Alco RS-3 de 1952, que conduz dois carros de passageiros, de aço inoxidável, Budd – Mafersa fabricados no Brasil nos anos 50. Cedidos pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), os vagões foram totalmente restaurados nas oficinas da CPTM. Eles pertenceram à Estrada de Ferro Araraquara (EFA), onde operaram a linha de longo percurso entre São Paulo (Estação da Luz), Campinas, Araraquara, São José do Rio Preto e Santa Fé do Sul. A linha, popularmente conhecida como “Araraquarense”, foi construída originalmente em bitola métrica e aberta em 1898, ligando Araraquara a Itaquerê (atual Bueno de Andrada). Até 1955, só circulavam trens a vapor pela linha, com carros de madeira e composições que saiam de Araraquara. Com o alargamento da bitola, os trens começaram a sair da Luz. Nos anos 1960, quando foram adquiridos os carros Budd-Mafersa, as viagens passaram a ser feitas com carros-dormitório e carrosrestaurante. Na Fepasa (Ferrovia Paulista S.A.), esses carros trabalharam até meados de 1998, sendo os últimos trens de passageiros de longo percurso no estado de São Paulo. Os dois carros foram localizados e resgatados pela ABPF em Rio Claro, em meados de 2005, sendo na época solicitada a guarda destes à Rede Ferroviaria Federal SA (RFFSA). Em 2008, ambos foram cedidos para a CPTM com a finalidade de servirem ao Expresso Turístico. Os carros são rebocados por locomotivas a diesel ALCO RS-3, fabricadas no Canadá nos anos 1950 e que ainda servem à CPTM nas atividades de manutenção e apoio à operação. As duas locomotivas foram preparadas pela CPTM recebendo nova pintura e a logomarca do Expresso Turístico.

6


Mapa (Localize-se na Vila)

7


A Vila de Paranapiacaba é dividida em 4 setores: Parte Alta, Pátio Ferroviário, Parte Baixa ou Vila Martin Smith e Parque. Conheça abaixo um pouco de cada um deles. Parte Alta A Parte Alta está situada em um morro ao lado do pátio ferroviário. A influência da arquitetura portuguesa pode ser observada no conjunto das edificações coloridas, com fachadas sem recuos e acesso direto para as ruas estreitas e sinuosas. Já a influencia inglesa é notada nos materiais de construção, como a madeira utilizada nas casas da parte baixa da vila. Pátio Ferroviário Local das Manobras dos trens que sobem e descem a Serra do Mar. Teve sua primeira estação inaugurada em 1874, uma segunda em 1898, toda em madeira, ferro e telhas francesas vindas da Inglaterra, sendo desativada em 1977, dando lugar à atual estação construída. Parte Baixa A Vila Velha foi o acampamento inicial dos funcionários que trabalharam na construção da estrada de ferro São Paulo Railway, substituído por uma implantação com ruas irregulares e casas esparsas no período de 1860 a 1862, paralela a construção da Vila Martin Smith. A rua Direita, principal via de acesso foi implantada entre 1860 e 1899. Reflexo do sucesso do transporte ferroviário, a vila Martin Smith foi construída em paralelo á duplicação da estrada, a partir de 1894. Tem como características mais interesses, o traçado planejado com ruas principais, secundárias e vielas sanitárias, o material utilizado nas construções, como a madeira e as telhas européias, a hierarquização das edificações, com casas para os operários solteiros, para as famílias e para o alto escalão dos ferroviários. Parque Municipal Nascentes de Paranapiacaba A área verde do entorno da Vila de Paranapiacaba foi transformada em um parque ecológico para garantir a conservação da natureza. As trilhas do Olho d´Água, Tanque do Gustavo, Pontinha, Água Fria, Comunidade, entre outras, agora fazem parte desta Unidade de Conservação e só podem ser conhecidas com o acompanhamento de monitor ambiental.

8


Pontos Turísticos Igreja Bom Jesus de Paranapiacaba Edificada em 1889 para atender aos funcionários católicos da ferrovia, é o palco das missas e da tradicional Festa do Padroeiro, a festa mais antiga de Santo André, que acontece até hoje.

Museu Castelo

Relógio da Estação A torre de relógio foi erguida em meados de 1898 e tem como grande característica o grande relógio da marca Johnny Walker, de Londres. Suas badaladas regulavam os horários dos trens e a entrada e saída dos funcionários da ferrovia. Trata-se do único monumento que restou após o incêndio da estação de trem de Paranapiacaba. A construção foi restaurada em 2003.

Museu Ferroviário do Funicular Edificação construída em 1897 para ser residência do engenheiro-chefe da ferrovia, de onde este gerenciava o trafego de trens na subida e descida da Serra do Mar, o pátio de manobras, as ofícios e os funcionários residentes na Vila Velha e Vila Martim Smith. É a maior casa da Vila, implantada isoladamente e em local privilegiado, com janelas espalhadas ao seu redor fornecendo uma visão panorâmica da vila. Foi restaurado pela Prefeitura de Santo André em parceria com a American Express® através da World Monuments Watch®, um programa da World Monuments Fund®.

Expõe parte do maquinário do sistema funicular, composto por cinco patamares distribuídos pela Serra do Mar, sendo o 1° em Piaçaguera e o ultimo na parada Alto da Serra, ou seja, Paranapiacaba. São exibidas as maquinas fixas do 5° Patamar da 2° Linha férrea e do 4° Patamar da 1° linha férrea, que transportavam o trem tendo como contrapeso o locobreque, que também encontra-se exposto. Há, ainda, objetivos de uso ferroviário em um dos anexos de entrada do museu

9


Clube União Lyra Serrano O Clube União Lyra Serrano é o placo das atividades culturais e sociais. Foi uma das ultimas construções inglesas na Vila de Panarapiacaba, erguida por volta de 1938, e chama a atenção por sua ostentação e volumetria. É composta por um prédio com hall, salão de jogos, sala de troféus, salão de baile e cinema, além do complexo esportivo externo com um dos campos de futebol mais antigos do Brasil, onde acredita-se ter sido realizada a primeira partida oficial do país, com a participação de Charles Miller. Ocorreram ali vários jogos considerados antológicos entre os grandes times paulistas, como Corinthians e Santos, entre ouitros. O Clube foi restaurado pela Prefeitura de Santo André com o patrocínio da Petrobras e apoio do Instituto Ecoar Para a Cidadania.

CDARQ

Casa da Memória É uma casa geminada de duas em madeira, com tijolos e telhas francesas, construída entre 1897 e 1901. A opção pela execução de sanitários externos, paredes duplas, porão em pedra e tijolos, forros sobrepostos nos cômodos e treliçados na cozinha para facilitar na cozinha para facilitar o escoamento da fumaça dos fogões à lenha, revela a preocupação técnica com o conforto e com o isolamento a umidade, típica da arquitetura produzida no séc. XIX. Esta edificação foi igualmente restaurada pela Prefeitura de Santo André em parceria com a American Express®, através da World Monuments Watch®, um programa da World Monuments Fund®.

Campo de Futebol O Centro de Referência em Arquitetura e Urbanismo foi inaugurado em junho de 2007, tem como objetivo a divulgação de material sobre a formação urbana e arquitetura em madeira da Vila de Paranapiacaba, tendo como atrativos 4 maquetes físicas de tipologias arquitetônicas, 1 maquete eletrônica que será projetada em uma das salas, back-light e banners informativos.

Esportes em Paranapiacaba eram praticados vários, mas nenhum ficou tão famoso quanto o futebol. O Serrano Atlético Clube, criado em 1903, foi o primeiro de toda a região do ABC e era formado por ferroviários da São Paulo Railway. O Campo de futebol de Paranapiacaba é um dos mais antigos do Brasil, onde acredita-se ter sido realizada a primeira partida do país, com a participação de Charles Miller, ex-ferroviário e pai do futebol brasileiro. Ocorrerram ali vários jogos considerados antológicos entre os times paulistas como Corinthians e Santos.

10


.

Centro de Visitantes do Parque O Centro de Visistantes do Parque Natural Nascentes de Paranapiacaba está instalado em uma antiga casa de engenheiro que foi totalmente recuperada com o patrocínio da Petrobras e com o apoio do Instituto Ecoar Para a Cidadania. Neste local, o visitante encontra maiores informações sobre o patrimônio natural de Paranapiacaba. São cinco salas destinadas à recepção (com maquete do parque), a exposição sobre a flora e fauna e a bibliotecas especializadas, como a xiloteca, relativa a madeira, a germoteca, relativa a sementes e a brinquedoteca temática sobre o meio ambiente, além da sala de vídeo/treinamento e da oficina para cursos de reciclagem com papel e outros materiais. O CV funciona de terça-feira a domingo das 9 às 16 horas, atendendo pelo telefone (11) 4439-0321. Rua Rodrigues Alves, 473 A.

CIT—Centro de Informações Turísticas . Antigo Posto Médico de Paranapiacaba hoje abriga o Centro de Informações Turísticas, principal referência para oTurista que visita a Vila de Paranapiacaba.

Pau da Missa Um dos símbolos de Paranapiacaba, este eucalipto centenário batizado de “Pau da Missa” foi utilizado como suporte para informações da comunidade. Originalmente os avisos estavam relacionados à missas de sétimo dia e, devido à sua boa localização, entre a Parte Alta e Baixa, esta arvore tornou-se um dos pontos de comunicação mais importantes da Vila.

Antigo Mercado

O antigo mercado foi construído em 1899 para abrigar um empório de secos e molhados e posteriormente, uma lanchonete. Após muitos anos fechado foi restaurado pela Prefeitura de Santo André e tornou-se um centro multicultural. Com sua posição central privilegiada, permite que os eventos realizados tenham um cenário charmoso na serra.

11


Arborismo

Passeio de Maria Fumaça . Esporte praticado entre as copas das arvores, o arborismo integra o projeto de ecoturismo de Paranapiacaba com dois circuitos implantados em área de Mata Atlântica. Foi construído através de Parceria entre a Prefeitura de Santo André e o instituto Ecoar Para Cidadania, com financiamento da Petrobras. Seu maior diferencial é o acesso dos praticantes à floresta, com vista privilegiada da vila através de mirantes. Possui travessias com diferentes graus de dificuldade, com pontes de troncos e nepalesas, rede de cordas, falsa baiana, alem de “vôo” de tirolesa (deslizamento entre dois pontos interligados por cabo de aço). Sob neblina, o visitante experimenta a sensação de “caminhar nas nuvens”. Informações no Centro de Informações Turísticas – CIT: 011, 4439-0237.

O passeio de Maria-Fumaça é outra atração para quem visita Paranapiacaba. A linha turística, operada pela Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), com apoio da Prefeitura e a MRS Logística, funciona aos sábados, domingos e feriados, percorrendo um trecho de um Km dentro da área do Museu Ferroviário. A linha é composta por uma locomotiva a vapor inglesa Sharp-Stewart nº 10, de 1867, ano do início da operação da ferrovia em Paranapiacaba. Acoplado à locomotiva está o carro de passageiros de primeira classe em madeira de 1914, da SPR. O passeio faz parte do roteiro do Museu Funicular, também administrado pela ABPF. Preço R$ 5,00, Sábados e Domingo das 10 às 16 horas. Contatos: ABPF – Associação Brasileira de Preservação Ferroviária Telefone: 11-6692-2949/6695-1151 Rua Visconde de Parnaíba 1316 Estação Ferroviária -Moóca contato@abpfsp.com.br http://www.abpfsp.com.br/museu_fer roviario_paranapiacaba.htm

12


Guia de Serviços de Paranapiacaba Apresentamos abaixo a lista oficial de serviços turísticos disponíveis na Vila de Paranapiacaba para que você possa entrar em contato, se informar antecipadamente e organizar seu passeio da melhor maneira possível. Esta lista auxiliará você a não contratar serviços clandestinos, não cadastrados ou oficializados junto ao Departamento de Turismo e evitar assim contratempos.

Alimentação Comida caseira é a especialidade de Paranapiacaba. Em alguns locais o forno a lenha aquece o ambiente, alimenta a nossa imaginação e nos leva a uma viagem ao passado. Ao visitar Paranapiacaba não deixe de experimentar as bebidas e pratos elaborados com o fruto típico local: o Cambuci. Acarajé e Cia Manoel Antônio de Diniz / Karine / Katia Rua Direita, 340 4439 0257 / 9115 7080 katiadiniz9633@yahoo.com.b r; manoeldiniz@ymail.com Refeições caseira,acarajé, fogão à lenha Aceita todos os cartões

Bar do Campo Valquiria S. Fernandes Avenida Fforde, 528 A 4439 0221 Bar tradicional

Bar da Zilda Zilda Maria Bergamini Rua Direita, 420 4439-0140 / 4439 0043 bardazilda@terra.com.br www.bardazilda.com.br

Bar do Alberio Albério José de Oliveira/ Edna Rua Willian Speers, 35 Parte Alta 4439 0598 -

Cachaça de Cambuci, a melhor curtida da região Aceita cartões de Débito Visa electron, Maestro, Redeshop Bar e Mercearia Sta Rita de Cássia Antonio Carlos Hurtado Cano e Maria Eliza de Azevedo Rua Rodrigues Alves, 28 A 9195 1532 / 9319 8263 -

Barraca 1 - Largo dos Padeiros Maria de Loudes Bonifacio Rua Campos Sales, 25 -

Pizzas, Fogazzas e Frango assado Barraca 2 - Largo dos Padeiros João Cavalcante de Araujo Neto Rua Campos Sales, 393 4439 0176 -

Barraca 4 - Largo dos Padeiros Maria Tereza dos Santos Rua Nova, 579 4439 0182 Pastéis e bebidas.

Barraca do João. Lanches, pastéis, porções e pizzas.

Barraca 4 - Largo dos Padeiros Edson Pereira Gomes Travessa Eliseu M Alonso, 429C -


14 Barraca 5 - Largo dos Padeiros Edna Aparecida Leite Rua Willian Speers, 35 Parte Alta 4439 0598 -

Barraca 6 - Largo dos Padeiros Edson Pereira Gomes Varanda Velha, 386 7696 0934 -

Bolos, Doces e Cia Maria da Silva Barros Avenida Fox, 447 4439 0249 /4439 0136 jackmarybolos@hotmail.com; jakpereirabs@gmail.com -

Barraca do Raul - Lanches, porções, bebidas e salgados.

Doces e sobremesas

Bebidas, Lanches e porções Café Bar do Lyra Sandra Rua Antonio Olintho, 450A 4821 5127 / 6913 4562 simonecicera2011@live.com -

Café Bar Tradição dos Pampas Maria do Carmo Machado Rua Campos Sales, 398 4439 0355/ 7306 0610 -

Cantinho da Terra Éryka Aline Bastos Rua Campos Sales, 399 4820 3946 / 7668 3100 / 7674 6163 cantinhodaterra@hotmail.co m-

Café expresso, doces, bolos, salgados.

Refeições caseira, comida típica regional

Casa de Chá Raízes da Serra Gilmar Ramos / Aed Delfino Avenida Fox, 437 4439 0189 raizes.daserra@yahoo.com.b r-

Casa do Tio César Júlio César Nascimento Rua Antônio Olintho, 489 4439 0281 / 4439 0000 / 7469 1892 casadotiocezar@itelefonica.c om.br -

Cavalo de Tróia Café Rock Bar Rosemar Paula Silva Rua Campos Sales, 459 4439 0329 cavalodetroiacaferockbar@y mail.com -

Chás, bolos, sucos , chocolate quente, café, lanches e sobremesas.

Refeições caseira Aceita Todos os Cartões

Cafeteria, doces, bolos e salgados. Produtos de Cambuci e açai na tigela.

Espaço Gastronômico Conselho Administrativo Luzinete Rua Campos Sales ,462 4439 0416 -

Estação Cavern Club Zélia Paralego Avenida Fox, 525 4439 0194 / 4439 0121 / 4421 1760 zeliaparalego@ig.com.br www.paranapiacabaspr.org.br

Estação do Sabor Benilde Rosa Souza Rua Antônio Olintho, 485 4439 0601 / 4439 0341 / 7626 1084 estacao_do_sabor2000@yah oo.com.br Refeições caseira

Refeições Caseira. Cardápio a la carte (agendamento prévio). Espaço para eventos familiares (saraus, casamentos, aniversários...) Aceita Cartões de crédito VISA / Master / American Express Ferreira´s Bar José Ferreira Santos Filho Rua Direita, 361 4439 0016 -

Fogão á Lenha Luzinete Machado Freitas Avenida Fox, 439 44390063 Refeições caseira

Lanches Castelinho Lourdes Rua Campos Sales, 25 4439 0181 -

14


15 Mercadinho Paranapiacaba José Edson Oliveira Rua Willian Speers, 31 Parte Alta 4439 0294 -

Padaria Vila Nova Rua Schonoor, 406 -

Restaurante Big Bem Zilda de Cássia Pinheiro Avenida Fox, 443 4439 0248 / 4439 0296 / 4439 0254 zildabigbenhotmail.com.br; zildapeixoto2010@hotmail.co mwww.bigbemrestaurante.no.c omunidade.net Refeições caseira no fogão a lenha.

Restaurante Cantinho do Beija Flor Maria da Silva Avenida Fox, 450 4439 0131 / 8854 6752 renatinha8484@r7.com; renata_coordpj@hotmail.com Refeições caseira no fogão a lenha

Restaurante e Casa de Chá Apiaca Daniela Bergamini Rua da Estação, 400 44390256 subbar@ibest.com.br Refeições e chás. Atendimento exclusivo para grupos

Restaurante e Confraria do Cambuci Veronice Nazário Rua Direita, 359 4439 0425 / 9826 3381 / 7522 5925 confrariadocambuci1@yahoo. com.br www.restaurantecambuci.no. comunidades.net Refeições caseira, sistema self service. Ganhador do Festival de Cambuci (1o. Colocado).

Restaurante e Mercearia Recanto dos Amigos Alexandre Magno / Eliana Correia Rua Antonio Tomas, 06 Parte Alta 4439 0364 Refeições Caseira e lanches SPR - Sopas Petiscos e Refeições Doel Dias Sauerbronn Rua Antônio Olintho, 481 4439 0276 / 7375 4073 / 9522 2221 doelsauer@gmail.com Restaurante a la carte Aceita todos os cartões

Restaurante Vila Inglesa Ivanise da Silva Lima Avenida Fox, 438 / 440 4439 0190 / 8939 7842 ivanise.lima@yahoo.com.br www.ecopasseiosparanapiaca ba.com

Rotisseria Delicias da Serra Conceição Pedrotti Rua Direita, 353 4555 5236 / 4439 0066 deliciasdaserra@yahoo.com.b r-

Refeições caseiras, bebidas e sorvetes

Refeições Caseiras e Massas

Subbar Daniela Berganini Rua da Estação, 400 4439 0256 / 7391 0482 subbar@ibest.com.br -

Sucos & Lanches Neblina Maurício de Souza e Silva Rua Varanda Velha, 381 4976 6936 / 4439 0028 mauriciodess@hotmail.com -

Abre de sexta-feira, sábados e domingos. Música ao vivo aos sábados.

Refeições caseiras, sucos e lanches naturais Aceita todos os cartões

Taberna Refúgio Cigano Marilza Aparecida dos Santos Rua Varanda Velha, 376 A 7360 1584 -

15


16

Hospedagem Quem visita Paranapiacaba tem a oportunidade de se hospedar em pousadas diferenciadas, entre elas algumas construídas em estilo inglês do século XIX, e usufruir do conforto e aconchego de lareiras, agradáveis para as tardes frias da região. A maioria dos estabelecimentos oferece café da manhã e pernoite, tornando ainda mais agradável a estada na vila. Uma opção mais simples é a bed & breakfast (cama e café – B&B), na qual moradores alugam quartos para turistas. B & B Alto da Serra Maria Aparecida Almeida Rua Direita, 531 4439 0128 / 4439 0094 aguatapora@hotmail.com -

B & B Bela Vista Márcia Cristina Gomes Rua Rodrigues Alves, 38 4439 0278 / 9396 5405 / 7629 1237 j_poncejax@hotmail.com -

B & B Caminho das Pedras Karla Veronica Rua Nova, 15 4439 0133 / 9542 6323 pousadadakarla@hotmail.co m-

B & B Cantinho do Sossego Genilson Rua Caminho do Hospital Velho, 304 4439 0035 / 9814 0665 palhacobacalhau@yahoo.com .br -

B & B Castelo dos Sonhos Maria Aparecida Carillo Rua Alfredo Maia, 499 4439 0178 / 7482 6741 -

B & B D´Roma Rosmaly Nascimento Varanda Velha, 388 61802422 -

B & B Hospedagem Floral Mariza Donizete Correa Rua Rodrigues Alves, 37 4439 0306 -

B & B Maranata Lurdes Maria / Pedro Marcos de Oliveira / Margarete Maria Batista Avenida Fox, 448 4439 0351 / 9829 2775 / 7068 8414 margarethe_batista@hotmail .com -

B & B Pousada dos Anjos Luciana Machado dos Reis Rua Alfredo Maia, 509 4439 0490 / 7280 5573 -

B & B Tangará Evanir da Silva Antunes e Sidnei Saraiva de Melo Rua Campos Sales, 563 4439 0058 / 4439 0392 / 6594 7345 / 9783 5017 tangarapousada@yahoo.com. br www.pousadatangara.zip.net

B & B Vila Nova Maria Antônia Rodrigues Rua Nova, 13 4439 0156 / 6913 8759 / 9836 8411 aguatapora@hotmail.com -

Chalés de Paranapiacaba Erick Tadeu Lamarca Rua Josão Antunes, 23 e 25 99707102 / 94046438 chalesdeparanapiacaba@gma il.com -

Hospedagem / Bed and Breakfast (cama e café da manhã)

Hospedagem tipo "Chalé" equipada com fogão, geladeira, TV, DVD e mobiliário com capacidade para até 8 pessoas por chalé, destinado ao público familiar.

16


17 Hospedaria Os Memorialistas Zélia Paralego Avenida Fox, 525/526 4439 0194 / 4439 0121 / 4421 1760 zeliaparalego@ig.com.br www.paranapiacabaspr.org.br Colchões de mola ensacada, roupas de cama e banho em algodão, travesseiros e edredons de pena de ganso. Café da manhã incluso (22 itens) Pousada Paluan Carlos Alberto Paluan Rua Campos Sales, 401 4439 0060 / 9384 4987 pousadapaluan@ig.com.br www.guiadeparanapiacaba.c om.br Pousada com uma boa vista da Vila e próxima aos restaurantes

Hospitao Milenar Valter Mendes Rua Caminho do Hospital Velho, 310 4439 0216 / 4994 7848 doutorvaltermendes@hospita omilenar.org -

Pousada Shamballah Silvio Cunha Rua Rodrigues Alves, 471 4439 0574 / 8233 5397 / 8213 7478 reserva@pousadashamballah .com.br www.pousadashamballah.co m.br

Pousada e Artesanato da Casa Roxa Margarete Versuri Rua Rodrigues Quaresma, 14 4439 0125 / 9490 0477 filhoalvaro2006@ig.com.br -

-

Hospedagem com muito charme, conforto e preço justo. Café da manhã incluso, quartos privativos, amplos e confortáveis, enxovais de cama e banho, lareira, TV e DVD.

Outras opções de hospedagem fora da Vila: •

Motel Secret Garden (Rio Grande da Serra) – 4821 1264

Hotel Estância Pilar (Ribeirão Pires) – 4828 7000

Simplão (

17


18

Arte e Artesanato Artistas e artesãos locais abrem as suas casas para exposição e vendas de seus trabalhos. Técnicas e trabalhos diversos podem ser vistos, além de acompanhar os artistas e artesãos desenvolvendo as suas obras e trocar idéias e informações com os próprios criadores.

Anita Carvalho Tapeçaria Ana Maria Carvalho Rua Varanda Velha, 356/357 4439 0224 anitacarvalho13hotmail.com Tapetes, bolsas, cartões artesanais e artesanato em geral. Brechó, socorro aos turistas, customização.

Ateliê Residência Francisca Francisca Cavalcante de Araújo Rua Campos Sales, 393 4439 0176 A artista cria bonecos de antigos personagens da vila a partir de matérias primas simples como corda, couro, sementes, biscuit e durepox, além de outros famosos.

Ateliê Residência Sons da Árvore Luís Balbino dos Santos Rua Antônio Olintho, 480 4439 0230 Maquete de Paranapiacaba, réplicas do Big Bem, abajur em forma de casa feito com palito de churrasco e outros tipos de reciclagem.

Ateliê Cia da Terra Regina Rua Campos Sales, 397 4439-0240 / 4439-0087 / 7080 2520 artepatrimonio@yahoo.com.b rwww.flirckr.com/photos/ateli erciadaterra Trabalho integrado de artes, oficinas de mandalas energéticas de frutas da terra, couro e papel machê Ateliê Residência Pau D’ Arco Sérgio Chistou Rua Campos Sales, 566 7080 2520 sergiochistou@yahoo.com.br www.flirchr.com/photos/ateli erciadaterra Madeiras nobres são os elementos do artista na criação de peças decorativas e utilitárias. Projeto Residência artística, encontro de artistas para troca de experiências estéticas.

Ateliê Residência Arte e Criatividade Rua Ford, 421 4439-0084 / 4439-0437 Ateliê-oficina com restauro de móveis, trabalhos em cerâmica, telas e luminárias. Produção de arte com material reciclável.

Ateliê Residência Portal da Artes José Felix Rua Varanda Velha, 385 7088 4108 / 3705 2666 Expõe esculturas em alto relevo e tridimensionais (entalhe), em pedra sabão e concreto celular.

Ateliê Residência Sons e Tons da Terra Lisa e Valter Jursys Rua Nova, 570 7409 3194 / 6914 5631 sonsetons@gmail.com; lisacaboclo@gmail.com -

Ateliê Residência Tony Gonzagto Tony Gonzagto Rua Varanda Velha, 363 9940 0989 tony.gonzagto@hotmail.com -

Aberto para visitas agendadas de até 20 pessoas para oficinas de musicalização, cerâmica de pael e construção de instrumentos musicais alternativos.

Objetos escultóricos e utilitários nas técnicas de reciclagem, papel marchê e empapelamento. Colagens, gravuras e tecidos bordados a mão.

18


19 Cerâmica Regina Celi Rosa Rua Direita, 345 / 345-A 63925624 -

Entreposto Cultural Conselho Administrativo Rua Campos Sales ,394 4439 0110 -

Ferreomodelismo Edson Moretti Varanda Velha, 377 4439 0534 -

Espaço comunitário onde artesãs de Paranapiacaba produzem, expõem e vendem seus trabalhos.

Espaço de exposição e venda de trabalhos feitos por artesãos da própria comunidade. Aberto aos sábados domingos e feriados.

Maquete ferroviária em escala HO, com demonstração do funcionamento da ferrovia real. Visitação: sabados e domingos, das 10h30 às 16h

Para Gregos e Troianos Rosana Rua Campos Sales, 460 9356 2286 paragregosetroianos@yahoo. com.br www.paragregosetroianos.co m Trabalhos com cerâmica, lã e linha (cachecol, toca, bordados, tapetes, cocha de crochê) bijuterias (brincos e colares).

19


20

Monitoria Quando visitar Paranapiacaba procure os serviços de monitores credenciados. Assim você garantirá a sua segurança e a qualidade dos serviços oferecidos. Os monitores são na maioria moradores da Vila que foram qualificados para atuar na área ambiental e cultural.

AGÊNCIAS AMA - Associação dos Monitores Ambientais Monitores Ambientais Rua Direta, 344 4439 0155 ama.paranapiacaba@hotmail. com -

AMA - Associação dos Monitores Ambientais Vera Lucia Vegas Av. Campos Sales, nº27 4439-0289 Monitor Ambiental e Cultural

AMA PARANAPIACABA Associação de Monitores Ambientais e Culturais Antônio Carlos dos Reis Av.Antonio Olintho, nº478 9128 9453 / 7474 3699 Monitor Ambiental e Cultural

AMA PARANAPIACABA Associação de Monitores Ambientais e Culturais Cássio Marques R. Willian Speers, nº19 4439-0048 / 9476-9557 -

AMA PARANAPIACABA Associação de Monitores Ambientais e Culturais Valdinete Maria Matos Avenida Fforde, 420 4439-0449/ 9123 1480 -

AMA PARANAPIACABA Associação de Monitores Ambientais e Culturais Luiz Thiago Santos Correa Rua Albertino Duarte, nº05 4439-0056 / 44391312 -

Monitor Ambiental e Cultural

Monitor Ambiental e Cultural

Monitor Ambiental e Cultural

AMA PARANAPIACABA Associação de Monitores Ambientais e Culturais Gleison da Silva Santos Rua Campos Salles, 463 4439-0127 / 9276-4487 -

AMA PARANAPIACABA Associação de Monitores Ambientais e Culturais Eduardo Pin Av.Antonio Olintho, nº478 4439-0088 / 6333 9615 -

Associação de Monitores Ambientais e Culturais de Paranapiacaba Israel Mário Lopes Rua Nova, 04 7251 4300 iml_biologia@hotmail.com -

Monitor Ambiental e Cultural

Monitor Ambiental e Cultural

Monitor Ambiental e Cultural

Associação dos Protetores da Natureza - Ecoverde Paranapiacaba Laerte Fantineli Av.Campos Sales, nº572 4439-0583 / 7392-5043 ecoverdeparanapiacaba@yah oo.com.br http://www.protetoresdanatu reza.kit.net

Associação dos Protetores da Natureza - Ecoverde Paranapiacaba Cláudio Mariano Rodrigues Av.Campos Sales, nº572 4439-0583 ecoverdeparanapiacaba@yah oo.com.br http://www.protetoresdanatu reza.kit.net

Associação dos Protetores da Natureza - Ecoverde Paranapiacaba Solange Aparecida Fantineli Av.Campos Sales, nº572 4439-0583 / 8832-7322 ecoverdeparanapiacaba@yah oo.com.br www.protetoresdanatureza.ki t.net

Monitor Ambiental

Monitor Ambiental

Monitor Cultural

20


21 Associação dos Protetores da Natureza - Ecoverde Paranapiacaba André Luiz Fantineli R. Nova, nº01 4439-0081 / 9260-4557 ecoverdedeparanapiacaba@y ahoo.com.br www.protetoresdanatureza.ki t.net

Atlântica Adventure Daniela Bergamini R. Varanda Velha, nº1A 9324-4166 -

Atlântica Adventure Daniela Bergamini Rua Campos Sales, 400 7391 0482 atlanticaadventure@ibest.co m-

Monitor Ambiental Turismo histórico e ecológico

Monitor Ambiental e Cultural Ecopasseios Ivanise Avenida Fox, 438 / 440 4439 0190 / 8939 7842 ecopasseios@ecopasseiospar anapiacaba.com www.ecopasseiosparanapiaca ba.com

Ecoverde Monitores Ambientais Rua Varanda Velha, 379 4439 0116 / 4439 0583 ecoverdeparanapiacaba@yah oo.com.br www.protetoresdanatureza.ki t.net

trilhas, city tour, estudo de meio. Guias de Turismo credenciados pela Embratur.

Quati Aventura & Cia. Marco Antonio Maria 9396-8578 / 2704-6652 / 42551430 marcomonitor@hotmail.com http://www.paranapiacabaec otur.com

Olho Vivo Paranapiacaba Joelita / Jorge Rua Rodrigues Quaresma, 15 9415 0977 / 9180 7287 / 4439 0074 olhovivoturismo@yahoo.com. br www.olhovivoparanapiacaba. com Turismo educacional, ecoturismo, city tur histórico Monitor Ambiental e Cultural

SPR Pedro de Souza Maia Av. Fox, nº449 4439-0121 / 9467-9400 *Só chama -

SPR Zélia Paralego Av. Fox, nº449 4439-0121 / 7577-2072 *Só chama -

Monitor ambiental

Monitor ambiental

Autônomo Evanir da Silva Antunes Av. Campos Sales, nº563 4439-0058 / 9783-5017 *só chama -

Autônomo Simone de Jesus Santos Av. Campos Salles, nº567 4439 0164 / 9793 5498 maistrilha@hotmail.com -

Monitor ambiental

Serviço de monitoria especializado em estudo de meio Monitor ambiental

Autônomo Ivanise da Silva Lima Av.Fox, nº438 4439-0190 / 8939-7842 ecopassaios@ecopassaiospar apiabaca.com www.ecopasseiosparapiacaba .com

Operadora de turismo Monitor ambiental

AUTÔNOMOS

Monitor Cultural

21


22 Autônomo Rosevone Preziosa de Freitas Av. Campos Sales, nº568 4439-0234 / 9344 0202 rosevone@hotmail.com www.vivenciandoosaber.com

Autônomo Osmar Losano Av. Alfredo Maia, nº512 4439-0144 / 8844 0755 losanobio@hotmail.com www.avilainglesa.com

Turismo Educacional e Ecoturismo sustentável Monitor ambiental e cultural Autônomo Edivaldo Sarmento Saraiva Av. Campos Salles, nº567 4439 0164 / 8580 8903 maistrilha@hotmail.com -

Monitoria Personalizada em Paranapiacaba Monitor ambiental

Autônomo Ivanilde do Carmo Koury R. Varanda Velha, nº3ºA 4439-0075/ 8861-1126 *Não tem Monitor ambiental

Palestras e conscientização ambiental Monitor ambiental

Autônomo Wanderley Chiquezzi Av. Campos Sales, nº568 4439 0234 / 9633 4062 / 9231 2494 wanderleymonitor@hotmail.c om www.vivenciandoosaber.com. br Turismo educacional e ecoturismo sustentável Monitor Ambiental e Cultural Autônomo Douglas Borges Gomes Rua Direita, 532 4439 0006 / 7255 4423 serdamata@gmail.com Monitor Ambiental e Cultural

Autônomo Douglas dos Santos Amorim Av. Campos Sales, nº554 4439-0162 / 9282-3255 *cel não disponível, o outro só chama. Monitor ambiental

Autônomo Wagner Freidinger Estrada de Paranapiacaba, nº1718 4439-0208 / 9897-0030 wfreidinger@bol.com.br Trilhas, Cachoeiras, Turismo pedagógico Monitor Ambiental e Cultural

Autônomo Jorge Eduardo Cosmo Mariano Rua Rodrigues Quaresma, 15 4439-0086 / 9180-7287 / 4439 0074 olhovivoturismo@yahoo.com. br www.olhovivoparanapiacaba. com.br Turismo educacional, ecoturismo, city tur histórico Monitor ambiental e cultural Autônomo Márcia Salvador Tersetti Freindinger Estrada de Paranapiacaba, nº 1718 4439 0208 / 9897 0030 / 7244 2446 marcinhatersetti@yahoo.com .br Trilhas, cachoeiras, Turismo Pedagógico. Monitor Ambiental e Cultural

Autônomo José Leandro Cosmo Mariano Av. Antonio Olyntho, nº474A 4439-0086 / 8948-5580

Autônomo Débora Solange Paschoal Av. Ford, nº22 4439-0584 / 8803-2838

Monitor Ambiental e Cultural

Monitor Ambiental e Cultural

Autônomo Expedito Pedro do Nascimento R. Nova, nº11 4439-0083 / 7441-0408 *Só chama Monitor Ambiental e Cultural

22


23

Serviços ao Turista Neusa Cabelereira Neusa Rua Rodrigues Alves, 467 4439 0547 Corte de cabelos e serviços de cabelereira em geral.

Casa do Nativo Eliane Maria da Silva e Evavildo Travessa Elizeu M. Alonso, 408C 4439 0285 / 4439 0685 culturanaserra@gmail.com Souvenirs e utilidades para os turistas em geral.

Informações gerais PAT (Posto de Atendimento ao Turista) SP 122, s/nº

Posto de Saúde Rua Rodrigues Alves, 29 Tel.: (11) 4439-0030 / 44390299 / 4439-0010

Polícia Militar Rua Diteira,350 Tel.: (11) 4439-0042

Base do Corpo de Bombeiros Avenida Fox, 445 Tel.: (11) 4439-0101 (Emergência: 193)

Guarda Municipal de Paranapiacaba Rua Campos Sales, 23 4438 4448

Defesa Civil – Disque 199 SAMU – Disque 192

SERVIÇOS DE APOIO NA REGIÃO – Rio Grande da Serra PONTOS DE TÁXI •

Rua Prefeito José Carlos, Centro – 11 4820-1020, 1358, 2704

Praça Lidia Pollone / Rua do Progresso, Centro;

Rua Agostinho Cardoso, Vila Figueiredo;

Rua Prefeito Cido Franco, Vila Arnoud;

Av. São João, Santa Tereza.

LAN HOUSES

Lan House Endereço: Av. Dom Pedro I – Ao lado da Prefeitura – Centro

23


24 Lan do Grillo Telefone: 11 4821-5029 Endereço: Rua Joaquim Lopes, 359 – Vila Lopes AGÊNCIAS BANCÁRIAS

Banco do Brasil Endereço: Av. Dom Pedro I, 599 - Centro Telefone: 11 4820- 2202

Bradesco Endereço: Av. Dom Pedro I, 616 - Centro Telefone: 11 4820-1222

HSBC Endereço: Av. José Maria Figueiredo, 259 - Centro Telefone: 11 4820-1234

ATENDIMENTO À VEÍCULOS Auto Peças Esperança da Serra Horário de Funcionamento: Segunda à Sábado das 8:00 às 18:00 / Domingos até às 12:00. Telefones: 11 4821-5068 / 11 4821- 5421 Endereço: Rua José Maria Figueiredo, 08 - Centro

Borracharia Padroeira do Brasil Horário de Funcionamento: 8:00 às 17:30 Telefone: 11 4820-4084 Endereço: Rua Prefeito Cido Franco, 203 – Vla Arnoud

Alinhamento e Balanceamento de Autos Endereço: Pastor Aquilino, 113 - Centro

Borracharia Alemão Telefone: 11 4821-3312 Endereço: Rua José Maria Figueiredo, 278 – Centro

Mulleke – Escapamento e Elétrica Telefone: 11 4820-4450 Endereço: Rua José Maria Figueiredo, 617 - Centro

24


25

Auto Peças Conde Telefone: 11 4821-3820 Endereço: Rua José Maria Figueiredo, 370 – Centro

Bila Motos Telefone: 11 4820-1637 / 11 8461-2303 Endereço: Rua José Maria Figueiredo, 648 – Centro

JL Lava Rápido e Lanchonete Telefone: 11 4821-1704 Endereço: Rua José Maria Figueiredo, 715 – Centro

Auto Giro Telefone: 11 4821-1342 Endereço: Av. Jean Lieutaud, 08 – Jd. Santa Tereza

Auto Peças e Serviços Benevides Telefone: 11 4821-1280 Endereço: Av. São João, 95 – Santa Tereza

Auto Posto Caracas (Posto de Gasolina) Endereço: Prefeito Francisco Arnoni, 33 – Vila Lavínia

25


26 Ônibus Interurbano Viação Ribeirão Pires http://www.viacaoribeirao.com.br cac@viacaoribeirao.com.br. 0800 7717182 de segunda à sexta feira das 07:00 às 18:20h. Linha 040 – Paranapiacaba / Santo André Tarifa: R$ 4,35 Último Horário: Sábado – 21h05 Domingo – 21h30 Linha 424 – Paranapiacaba / Rio Grande da Serra Tarifa: R$ 2,70 (ônibus) / R$ 4,00 (integração) Último Horário: Sábado e Domingo: 1h

Trem urbano CPTM http://www.cptm.sp.gov.br/ 0800 055 0121 Luz – Mauá / Luz - Rio Grande da Serra Horário de funcionamento das estações 04h00 às 24h00 Extensão total 37,2 km Tarifa R$ 2,90

26


27

Calendário de Eventos Turísticos de Santo André

MÊS

EVENTO Carnaval na Vila

Fevereiro

Abril

Festival de Cambuci

Maio

Convenção de Bruxas e Magos em Paranapiacaba

Junho

Julho

Festa Junina de Paranapiacaba “Arraial na Vila”

Festival de Inverno de Paranapiacaba

Novembro Mostra de Cinema de Paranapiacaba

Novembro Encontro / Concurso de Ferromodelismo

DESCRIÇÃO A maior manifestação da cultura popular e também a mais famosa. Desenvolvido em seus moldes mais tradicionais com Desfile de Rua, Bloco Tradicional e Baile de Mascaras. Festival Gastronômico com base na culinária popular e cultivo da Fruta Cambuci. Evento que conta com a participação de produtores e empreendedores da região. Em 2011 foi realizada a 8ª. Edição. Evento de foco místico/esotérico utilizando de diversos, espaços, formas de manifestações e rituais para satisfazer seu público fiel. Manifestação popular que conta com o apoio da comunidade local, dos empreendedores e parceiros internos da prefeitura. Evento regado de atrações artísticas, gastronômicas, culturais e climáticas. . Em 2011 foi realizada a 11ª. Edição, com cerca de 100 mil visitantes. Mostra do cinema nacional de curta e longa metragem, utilizando Paranapiacaba como um cenário promissor no mercado cinemagráfico. Exposições, filmes, palestras, venda de livros, mostra fotográfica e workshops. Reunir e confraternizar ferromodelistas e admiradores de trens em geral.

27


28

O Cambuci

O Cambuci é uma fruta bem brasileira, na verdade uma fruta paulista. No passado a sua ocorrência era tão grande na cidade de São Paulo que chegou a dar nome a um bairro. Hoje é uma espécie em perigo de extinção. O Cambucizeiro (como também é chamado) ocorre na vertente da Serra do Mar de São Paulo a Minas Gerais. Floresce durante os meses de agosto a novembro e seus frutos amadurecem nos meses de janeiro a março. Conhecido popularmente como Cambuci e botanicamente como Campomanesia phaea é uma árvore típica da Floresta Atlântica, com altura de 3 a 5 metros. Possui frutos de cor verde com polpa carnosa e sabor doce-acidulado. As frutas de Cambuci têm um perfume intenso, adocicado, mas de sabor ácido como o limão. Os frutos tem uma forma muito peculiar, que lembra a forma de um disco voador ou uma urna ou pote de água dos índios. É por esta razão que se acredita que o nome Cambuci vem da palavra tupi-guarani para pote de água. O seu saboroso fruto é comestível e ingerido principalmente na forma de suco. É também consumido por vários pássaros que são os responsáveis por sua disseminação. As frutas são bastante exóticas e não são encontradas facilmente no comércio. Segundo o químico e fitologista Lelington Lobo Franco, autor do livro As Incríveis 50 Frutas e seus Poderes Medicinais, ele é indicado para pessoas de constituição física frágil, doentes, anêmicas ou convalescentes. "Possui tanino, substância empregada no tratamento de bronquite, tosse e coqueluche. Ainda é composto por vitamina A (boa para visão), complexo B (ajuda na memória) e ferro", diz Lobo Franco. A presença de Cambuci em uma floresta indica que a natureza está bem conservada. Em Paranapiacaba encontramos facilmente o Cambuci na mata e o fruto que era utilizado na culinária pelos moradores locais, passou a ser explorado como mais um produto turístico. Os moradores de Paranapiacaba utilizam o Cambuci para elaborar deliciosas receitas como geléias, sorvetes, sucos, licores, maceração em bebidas alcoólicas, mousse, sorvete, bolo, além do tradicional suco. É apreciada também ao natural, mesmo sendo ácida.

O Cambuci em Paranapiacaba Produção e Plantio de Mudas

Receitas com Cambuci

Festa do Cambuci Rota do Cambuci

Ao iniciar as ações de fomento ao turismo na Vila de Paranapiacaba em 2002, uma das primeiras preocupações que se teve foi resgatar as manifestações e costumes tradicionais. Para isso várias estratégias foram colocadas em prática. Com a intenção de descobrir as tradições culinárias locais foi feito em 2002 um Concurso de Pratos com história, aberto a participação de todos os moradores e que tinha como proposta a apresentação de um prato típico da culinária local, relacionado a uma história ocorrida na Vila. O resultado foi surpreendente, além da participação de vários moradores pudemos constatar a presença de alguns elementos característicos da culinária local: os caldos e sopas, em virtude do clima frio da região e as bebidas utilizando o Cambuci. Surge a partir daí a idéia de desenvolver o Cambuci como um produto típico da culinária local e a seguir resumimos algumas ações que foram empreendidas para alcançar este objetivo.

28


29 Produção e Plantio de Mudas Ao iniciarmos o projeto de desenvolvimento do Cambuci como produto turístico de Paranapiacaba a principal preocupação foi garantir que houvesse um ciclo sustentável que não estimulasse apenas o consumo do fruto, mas que garantisse o manejo adequado das árvores nativas e a produção e plantio de novas mudas. Foram envolvidos nesta ação os técnicos que atuam no viveiro de mudas que a Administração Municipal mantém no local e os adolescentes que atuam no Programa de Jovens, um projeto de eco profissionalização que além de capacitar os adolescentes para produção e manejo do fruto, contribuiu para conscientizá-los da importância ambiental, econômica e turística desta ação. As primeiras mudas já estão prontas e são oferecidas gratuitamente aos moradores da região além de ser utilizadas nas ações de reflorestamento.

Curso de receitas com Cambuci Com o objetivo de qualificar os moradores para o uso culinário do Cambuci foram oferecidos aos empreendedores da vila de Paranapiacaba cursos em três categorias: pratos principais, sobremesas e coquetéis com cambuci. Os cursos foram ministrados por professores de instituições de renome como Faculdade Anhembi Morumbi, SESI, SENAC, SEBRAE entre outros e resultaram na ampliação do cardápio de pratos e bebidas utilizando o fruto.

Concurso de Receitas com Cambuci Para estimular os moradores a desenvolver novos pratos e bebidas que utilizem o Cambuci, foram realizadas duas edições do Concurso de Receitas com Cambuci, que premiaram as melhores receitas nas seguintes categorias: pratos principais, sobremesas e coquetéis. Os concursos contaram com um júri composto por profissionais reconhecidos na área de gastronomia e além de estimular a criação de novos pratos e bebidas com o Cambuci, teve boa repercussão na mídia local que despertou o interesse de muitos turistas em experimentar e conhecer o fruto e as receitas com sabores inusitados.

Festa do Cambuci A primeira edição da Festa do Cambuci de Paranapiacaba aconteceu no mês de abril de 2004, junto às festividades comemorativas ao aniversário da cidade de Santo André, abrindo um leque de oportunidades positivas às atividades turísticas da vila. Desde então este evento cresce e se repete com sucesso, alcançando em 2011 a sua 8ª. Edição. A cada nova edição, novos produtos são desenvolvidos pelos empreendedores da vila de Paranapiacaba, incrementando o cardápio local com delícias feitas com o fruto do Cambuci e atraindo cada vez mais turistas e profissionais de gastronomia.

Rota do Cambuci A partir de 2009 Paranapiacaba passou a integrar à Rota do Cambuci, composta por Rio Grande da Serra, Paraibuna, Salesópolis, Natividade da Serra, Ilha Bela e o Bairro do Cambuci (SP). Estas cidades contam com eventos relacionados ao Cambuci e desenvolvem alguma atividade econômica ligada ao fruto típico da Mata Atlântica.A participação na Rota do Cambuci permite o intercâmbio de experiências entre as cidades envolvidas além da oportunidade de divulgação, incremento nas vendas e fortalecimento do Cambuci como produto típico destas localidades.

29


30

Como Chegar a Paranapiacaba? DE CARRO Seguir pela Via Anchieta até o Km 29 (placa para Ribeirão Pires), entrar na SP 148 (estrada Velha de Santos), até o Km 23 e, pegar a Rodovia Índio Tibiriçá (SP 31) até o Km 45,5. Daí pegar a SP 122 até Paranapiacaba.

DE ÔNIBUS Os ônibus partem do Terminal Rodoviário de Santo André (TERSA) a cada 30 minutos, ou de Rio Grande da Serra (Estação Ferroviária) a cada hora. Maiores informações no CIT ou Viação Ribeirão Pires – tel: 4828-1019.

DE TREM Os trens partem da Estação da Luz, tendo parada final na Estação de Rio Grande da Serra, onde troca-se de trem com destino a Paranapiacaba. Da Luz partem trens a partir das 04h30min a cada 20 minutos; a baldeação partem em horários específicos. Maiores informações no CIT ou na CPTM – tel: 0800-550-121.

30


31

Sugestões e Reclamações

DEPARTAMENTO DE TURISMO Fones: 4433-0752 / 4439-1316 E-mail: turismo@santoandre.sp.gov.br paranap@santoandre.sp.gov.br Endereço: Praça IV Centenário, s/nº. Prédio da Biblioteca, 3º. Andar – Sala 7 Centro – Santo André CEP: 09015-080

31

Guia de Serviços Paranapiacaba 2012  

Guia de Serviço 2012 Paranapiacaba.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you