Issuu on Google+

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

ERECHIM, QUINTA E SEXTA-FEIRA, 1º E 2.05.2014

DIÁRIO DA MANHÃ -

1

www.diariodamanha.com ANO 29 - Nº 047 - R$ 2,00 FOTO JÉSSICA FRANÇA

Açude transborda e famílias são retiradas

Uma força tarefa foi montada entre Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Secretaria de Cidadania e Secretaria de Obras para evitar risco de desabamento e acolher famílias em abrigo. PÁG. 8

QUINTAFEIRA 14ºC 21ºC

Mínima Máxima

SEXTAFEIRA 10ºC 20ºC

Mínima Máxima


2

DA REDAÇÃO

- DIÁRIO DA MANHÃ

Instagram

@diariodamanhaerechim FOTO MARINES ROSA RONSONI/ESPECIAL/DM

A leitora Marines Rosa Ronsoni compartilhou conosco a imagem que fez de cartaz na capela onde os corpos dos agricultores de Faxinalzinho, mortos em conflito com índios caingangues, foram velados. O cartaz diz “Enquanto inocentes vão. A justiça continua em vão”.

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

Artigos O Dia do Trabalhador e a redução da jornada de trabalho NEORI PAVAN (WWW.NEORIPAVAN.BLOGSPOT.COM)*

Uma tragédia que poderia ter sido evitada CÉLIO PEZZA* O Brasil inteiro acompanhou a tragédia do garoto Bernardo Boldrini, de 11 anos, encontrado morto em um matagal de Frederico Westphalen no Rio Grande do Sul. Ao que tudo indica, ele foi assassinado com uma injeção letal e seu pai, sua madrasta e uma assistente social amiga do casal são os principais suspeitos deste crime. A assistente social Edelvania afirma ter recebido da madrasta, a enfermeira Graciele Ugolini Boldrini, R$ 6 mil como adiantamento de um total de R$ 20 mil, para participar do crime. Ela também afirmou que a madrasta foi quem aplicou a injeção letal no garoto e as duas enterraram o corpo do menino. A mãe do garoto, Odelaine, morreu em 2010, dentro do consultório do marido, com um tiro na cabeça. O caso foi encerrado como suicídio e, na época, o marido trabalhava com a enfermeira Graciele, com quem se casou mais tarde e, hoje, é acusada de matar seu filho, de comum acordo com o pai. Dentro deste cenário dantesco, o que chama a atenção é o seguinte fato: o garoto chegou a procurar, por conta própria, o Centro da Defesa da Criança e do Adolescente, órgão ligado à Prefeitura, e o caso terminou no Ministério Público da cidade de Três Passos. Na ocasião, o garoto pediu para não mais morar com o pai e a madrasta, e indicou duas famílias com as quais gostaria de morar, uma delas a da sua avó materna. Na época argumentou que sua vida era marcada pelo desamor e indiferença do pai e da madrasta. O que ele não sabia era que esse desamor terminaria em assassinato pouco tempo depois. O juiz da Vara da Infância e da Juventude intimou os pais e suspendeu o processo. Aquilo que parecia ser uma negligência afetiva mostrou, pouco tempo depois, que seria um horrendo caso de ódio a uma criança indefesa. A lição importante deste caso é que uma criança gritou por socorro às autoridades competentes e estas não lhe deram ouvidos. Todos os que participaram ativamente neste caso hediondo são culpados e merecem um castigo exemplar, mas também são culpados todos aqueles que lavaram as mãos e deixaram acontecer essa tragédia. Para que serviu a Vara da Infância, o Ministério Público e tantos outros envolvidos que não deram ouvidos a essa criança? Eles poderiam ter evitado esse assassinato, mas foram omissos e essa omissão custou uma vida. Que a morte de Bernardo pelo menos sirva de alerta a todos aqueles que estão aí para defender as nossas crianças. Esses também são culpados, pois poderiam ter feito algo e olharam para o outro lado. (*) Escritor e autor de diversos livros, entre eles “As Sete Portas”, “Ariane”, “A Palavra Perdida” e “A Nova Terra – Recomeço” (www.facebook.com/celio.pezza)

FUNDADOR Jornalista Túlio Fontoura (1935 1979) PRESIDENTE-EMÉRITO Dyógenes Auildo Martins Pinto (1972 1998) Vinícius Martins Pinto (1997 2003)

Desde os primórdios da história, o ser humano demonstra a necessidade de trabalho. Era preciso, para sobreviver e assegurar a sua alimentação e de sua família através da caça, pesca e coleta de frutas e vegetais. À medida que o trabalho se torna essencial à sobrevivência, seja para perceber salário ou até para dar sentido à vida, o ser humano com o passar do tempo, foi em busca de objetivos bem mais ambiciosos, inclusive, para através dele, adquirir bens e serviços para sobreviver na sociedade capitalista. Na antiguidade, por exemplo, os trabalhadores eram escravos em sua maioria, laborando longas horas por dia em serviços exaustivos. Não existia proteção nenhuma para esses trabalhadores, afora aquela dada, supostamente, pelos seus senhores. Passado esse período da história, já na modernidade, os movimentos sindicais trabalhistas conseguiram a diminuição da jornada em diversos países. No final do século XIX, na Inglaterra, um movimento sindical, trouxe reflexos positivos à classe trabalhadora, no denominado movimento das 8 horas diárias, fato que exerceu influência sobre a legislação de vários países, inclusive do Brasil, que até hoje adota o labor de 8 horas diárias. Com o advento da Constituição Federal de 1988, foi mantida a jornada de 8 horas diárias, no entanto reduziu-se o número de horas semanais de 48 para 44 horas. Nos últimos anos, o progresso científico e tecnológico é flagrante. Máquinas cada vez mais modernas são criadas cotidianamente para serem usadas em indústrias de produção de um modo geral, propiciando aos trabalhadores, produzirem mais em menos tempo. Daí resta desnecessário o empregado passar muito tempo à disposição do serviço. A redução da jornada de trabalho, sem redução do salário, para 40 horas semanais é uma demanda histórica dos trabalhadores e representa, sobretudo, um novo marco para a classe trabalhadora e à sociedade como um todo. É sabido que estamos numa era da humanidade em que muito se exige do ser humano. O tempo de trabalho, além de extenso, está cada vez mais intenso, em função de novas inovações e estabelecimento, por parte da empresa, de metas a serem atingidas. Nesse contexto, o trabalho se torna por demais exaustivo, necessitando portanto, de um descanso maior e ao mesmo tempo oportunizar ao trabalhador passar mais tempo com sua família – instituição tão fun-

damental à ordem social e à manutenção da saúde física e psicológica do indivíduo. Em função das jornadas extensas, também devido às horas extras, os trabalhadores têm ficado cada vez mais doentes, acometidos de problemas como: estresse, depressão, hipertensão, distúrbios no sono e lesão por esforço repetitivo, entre outras. Logo, o lazer é uma necessidade básica do ser humano. Toda a pessoa tem direito ao repouso, ao lazer e inclusive a limitação razoável das horas trabalhadas. Hoje, com a mesma força de trabalho, se produz 3 a 4 vezes mais do que se produzia há 30 anos. Logo, esse ganho de produtividade apropriado pelos empresários terá que ser repartido pelo conjunto da sociedade, especialmente com os trabalhadores que devem ter algum benefício, como a redução da jornada. Como reflexo disso, a nossa Carta Maior trouxe o direito ao lazer como um direito social. Portanto, é imprescindível que ocorra a redução de 44 para 40 horas semanais para que respeite a saúde, o lazer e a vida social do trabalhador. Tal medida diminuiria a fadiga do trabalhador e acarretaria em menos riscos de acidentes de trabalho e de doenças causadas pelo excesso de trabalho. Ainda, a redução da jornada representaria uma forte aliada no combate ao desemprego, pois segundo o IBGE a medida poderia propiciar um aumento de aproximadamente 2,5 milhões de novos empregos. É importante frisar que muitas empresas já estão adotando a carga horária de 40 horas semanais e nenhuma quebrou por causa disso. A indústria automobilística, no ABC paulista, por exemplo, já há algum tempo adota às 40 horas semanais. Após a medida obteve um incremento na produtividade, pois a redução da carga horária não representou um custo, sim um investimento, pois quando o trabalhador trabalha um período menor, tem mais tempo para a família, para seu lazer, consequentemente esse trabalhador produz mais e o ambiente de trabalho é muito melhor. A redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais, sem redução do salário é uma pauta do movimento sindical e da família operária brasileira. A PEC (Proposta de Emenda à Constituição) da redução da jornada de trabalho está a mais de cinco anos tramitando no Congresso Nacional. Pena que após quase 12 anos de governo do Partido que se diz “dos trabalhadores” com ampla maioria no Congresso, essa medida ainda não tenha sido implementada. É lamentável!

(*) Servidor Público Estadual Mande seu artigo para avaliação para erechim@diariodamanha.net. Não garantimos a publicação. O Grupo Diário da Manhã não se responsabiliza pelas opiniões expressas neste espaço e todo material enviado não será devolvido. Máximo de 35 linhas, fonte times tamanho 10.

Presidente Janesca Maria Martins Pinto Vice-Presidente Ilânia Pretto Martins Pinto Diretor Executivo Rogel Mello

Diretora Comercial: Andressa Beitler Editor: Ivanor Oliviecki

www.diariodamanha.com www.facebook.com/diariodamanha

@jornal_dm


POLÍTICA

DIÁRIO DA MANHÃ -

3

FOTOS SARA RUBIA COMIN/DM

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

Capacitação foi realizada na Câmara de Vereadores de Erechim

Autoridades civis e militares participaram da abertura da capacitação

Patrulha Maria da Penha deve chegar em setembro Integrantes da Rede de Atendimento para Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar recebem capacitação em Erechim SARA RUBIA COMIN sara@diariodamanha.net

A Câmara de Vereadores de Erechim sediou ontem (30) capacitação da Rede de Atendimento da Secretaria de Estado de Segurança Pública de Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar. O evento, onde foram apresentados os serviços da Rede, contou com a participação de representantes das Secretarias de Cidadania e Segurança Pública, Brigada Militar, Polícia Civil, Ministério Público, Defensoria Pública, Poder Judiciário e Susepe – Superintendência de Serviços Penitenciários A coordenadora estadual das Deams – Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher, delegada Anita Klein, explicou que a Rede tem quatro focos: a política pública, que é o trabalho das Deams; a construção das chamadas Salas Lilás (dentro do IGP – Instituto Geral de Perícias); a Patrulha Maria da Penha, da Brigada Militar, e o Observatório de Estatísticas sobre crimes de violência doméstica. “Em havendo parceria do Poder Executivo estes serviços passam a ser implementados no município”, disse. A secretária de Cidadania de Erechim, Dolores Golin, lembrou que o índice alto de violência doméstica e familiar no

município é resultado de um trabalho que tem encorajado às mulheres a denunciar. Ela destacou a integração da Deam – Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, Gabinete da Vice-Prefeita, que criou a Coordenadoria da Mulher; Câmara de Vereadores, Brigada Militar, Ministério Público e Poder Judiciário na prevenção e erradicação deste tipo de violência. “Nossa expectativa com a vinda da Patrulha Maria da Penha é diminuir o número de casos – que nos últimos dois anos somam 5.400 registros –, formando uma corrente de prevenção. Tocar neste tema é mexer no núcleo da sociedade, porque a família é a sua grande base”, ponderou. A assessora do Gabinete da Secretaria de Estado da Segurança Pública, Anita Kieling, que representou o secretário Airton Michels, discorreu sobre os serviços da Rede, que iniciam pela Deam (Polícia Civil), seguem com a Patrulha Maria da Penha (BM), passam pela Sala Lilás (IGP), pelo Observatório da Mulher e chegam à Susepe e à Coordenadoria da Mulher, completando o ciclo da Segurança Pública. Ela também apresentou dados, que dão conta de uma redução no número de casos a partir da criação da Rede em 2012. Segundo levantamento, a maioria das mulheres é agredida por arma

branca, à noite, na cozinha ou no quarto da própria residência e pelo ex ou atual companheiro, tendo como principal motivação a separação. Anita enfatizou, também, o trabalho das Polícias Civil e Militar e do Poder Judiciário com a prisão dos agressores e também revelou números da violência doméstica e familiar, neste primeiro trimestre de 2014. Patrulha Maria da Penha Erechim está entre os 25 municípios do Estado contemplados com a Patrulha Maria da Penha, serviço humanizado de vigilância sistemática realizado pela Brigada Militar. A viatura identificada com a Rede Lilás e o Telefone Lilás do Centro Estadual de Referência da Mulher deve chegar no início de setembro, isto porque, segundo Anita Kieling, tanto as viaturas quanto os equipamentos para realização de exames na Sala Lilás do IGP, que, em Erechim, funcionará no Posto do IML – Instituto Médico Legal, estão em processo de licitação. A partir da chegada da Patrulha Maria da Penha as rondas nas comunidades passarão a ser feitas visando inibir agressores e antecipar situações de violência, com as mulheres assistidas sendo mo-

nitoradas através de busca ativa. “O que materializa a Rede em Erechim é a Patrulha Maria da Penha, que será a responsável por monitorar as medidas protetivas requerida pela Deam”, afirmou Anita. Com a vinda da Patrulha Maria da Penha, o objetivo do Governo do Estado é que o município ofereça um espaço para retaguarda, como um Centro de Referência da Mulher ou Núcleo de Apoio. “Isso começa a ser discutido a partir de agora e deve ser debatido como política de governo”, explica a secretária de Cidadania, Dolores Golin, lem-

brando das conquistas para Erechim, como a criação da Coordenadoria da Mulher, que está vinculada à Secretaria de Cidadania; a implantação da Deam, comandada pela delegada Diana a Diana Zanatta, e, agora, a Patrulha Maria da Penha. Para o comandante do 13 Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Pedro Pacheco, o serviço é mais uma forma de aproximação com a comunidade. “Seis policiais militares já foram capacitados e farão este acompanhamento pós denúncia e pós registro na Deam”, disse.


4 - DIÁRIO DA MANHÃ

GERAL

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

Trabalho que faz a diferença Com 6,5 toneladas de lixo recolhidas e 91 profissionais já capacitados, Projeto Rio Tigre quer reduzir em 50% o volume de resíduos descartados A beleza da paisagem ainda tenta resistir em meio à sujeira de um dos pontos críticos do Rio Tigre, em Erechim. O local poderia estar até mesmo em um roteiro turístico, não fosse a degradação pro-

Rita Poletto

vocada pela falta de preocupação com o meio ambiente. São toneladas de roupas agarradas às arvores e garrafas pet acumulam-se em pontos localizados. Para a agricultora Rita Poletto, de 73 anos, que tem sua propriedade às margens do rio, é uma situação revoltante e ao mesmo tempo desoladora. Ela, que mora no local há 50 anos, recorda com saudade dos momentos de lazer que pode aproveitar com os familiares. “Tomávamos banho no rio nas tardes de domingo e no fim do dia vínhamos pescar”, conta. Agora, nem os animais podem beber a água do Rio Tigre. “Não temos mais peixes. É um rio morto”, lamenta. De acordo com Dona Rita, a poluição do Rio Tigre começou junto com o crescimento populacional. Os primeiros resíduos observados por ela foram as garrafas, de-

Lixo se acumula às margens do Rio Tigre pois as roupas, eletrodomésticos e hoje são descartados os mais variados objetos. “Quando chove, o rio enche bastante, a cada ano mais. Com isso vem muito lixo, muito mesmo”, afirma. “Sinto uma revolta, pois o povo precisa se conscientizar e não jogar o lixo no rio”, fala. O que Rita relata é a realidade que o Projeto Rio Tigre quer mudar. Com a meta de reduzir em 50% o volume de resíduos depositados no rio, a equipe técnica com o apoio de voluntários tem multiplicado ações de limpeza e educação ambiental. No último sábado (26), foram retirados mais de 800 quilos de lixo do trecho localizado na propriedade de dona Rita. “A quantidade de resíduos depositada é bastante impressionante. O que observamos é uma total falta de preocupação com o meio no qual vivemos”, destaca Nina Rosa Zanin Zanella, bióloga e educadora ambiental. Em menos de três horas de trabalho, o grupo retirou do local peças automotivas, roupas, móveis, garrafas pet, tapetes e tantos outros materiais que deveriam ter uma destinação bem diferente. “O que fazemos é um trabalho forte e persistente. Nossa determinação é importante, pois só assim vamos conseguir obter resultado”, destaca Nina. Apenas neste ano, o trabalho realizado pela Eloverde, dentro do projeto patrocinado pela Petrobras e FDD – Fundo de Defesa de Direitos Difusos, do Ministério da Justiça, já contabilizou a retirada de 6,5 toneladas de lixo do Rio Tigre. Duas redes de contenção de resíduos já foram instaladas em locais considerados críticos. Ao todo, serão quatro pontos monitorados

semanalmente. Em paralelo a isso, o Projeto promove um curso em Gestão e Educação Ambiental, que já capacitou 91 profissionais do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Neste mês, mais uma turma iniciará às atividades que devem render grandes projetos de sustentabilidade em escolas e empresas. Os artigos deverão ser publicados em um livro. Para a presidente da Eloverde, Quéli Giaretta, as atividades são essenciais, pois dão continuidade a um trabalho iniciado em 2010, com resultados efetivos. “O que nos motiva a ir além é mostrar que há soluções que podem fazer parte das políticas públicas do município de Erechim e que gostaríamos de contribuir”, destaca. A próxima ação de limpeza já está agendada para o dia 10 de maio. Reunir amigos, familiares e conhecidos e formar um grande grupo é a melhor forma de colaborar com as atividades de limpeza do Projeto Rio Tigre, que integra o Programa Petrobras Socioambiental. Nas ações realizadas pela Eloverde, todos usam Equipamentos de Proteção Individual. Eles são indispensáveis devido ao nível de contaminação do Rio Tigre. Além de fazer a limpeza, conhecer os pontos críticos e acompanhar a instalação das redes, os grupos também participam de uma palestra antes de iniciar os trabalhos. É desta forma que eles conhecem a importância do Rio Tigre para o município. Segundo Lidiane Bernardi, gestora ambiental e coordenadora da ação de Educação Ambiental, este momento é indispensável, pois esclarece e motiva os participantes para a realização do trabalho, trazendo dados da realidade local.


Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

GERAL

Daniel Durli será inaugurada hoje FOTO KARINE HELLER/ SECOM/ PME

Via é ligação importante para mais de cinco bairros

Ato de inauguração será próximo ao final da rua A Rua Daniel Durli, que faz ligação entre os bairros Três Vendas, Cotrel, Paiol I e II, Cooperhabic, Agrícola, entre outros, vai ter ato de inauguração nesta quinta-feira (1), Dia do Trabalho. O evento está marcado para às 13h30, no final da rua, nas proximidades do posto de combustíveis. A conclusão da rua, no início do mês de abril, aten-

deu a uma demanda dos moradores, através do Orçamento Participativo (OP). O secretário municipal de Coordenação e Planejamento, Anacleto Zanella, destaca o material colocado na via. “O asfalto colocado na via tem vida útil superior a uma década. Além da pavimentação, também foi feita drenagem nos 1,3 quilômetros

da rua. Agora os moradores dos bairros ligados pela Daniel Durli têm um acesso de alta qualidade”, afirmou. A obra foi realizada em conjunto entre Governo Federal e prefeitura, com investimento de R$ 987 mil da União e R$ 273,9 mil de contrapartida do município. Em caso de chuva o evento de inauguração será transferido para outra data.

Show encantou público nos 80 anos do HC Apresentação cultural foi realizada no sábado, 26, no Salão de Atos da URI Erechim Um belíssimo e inesquecível espetáculo com Arnaldo Savegnago e Quinteto Musi´Art apresentou, na noite de sábado, 16, no Salão de Atos da URI Erechim, uma programação completamente voltada para o Choro. Foram momentos ímpares onde os músicos – Arnaldo, Fernando e Fabrício Luis Savegnago, André Michalski, Alexandre Pompermaier e Yáscara Sperhacke – mostraram como esse

Quinteto Musi’Art

gênero musical brasileiro continua vivo e atualizado. O concerto musical foi um presente do Hospital de Caridade de Erechim à comunidade erechinense e integrou a programação alusiva aos seus 80 anos de história, que se comemoram no dia 10 de maio. O grupo tocou obras autorais inéditas e uma música que irão apresentar na Polônia, considerada como um hino dos poloneses, du-

rante a turnê que farão em junho, apresentando este mesmo espetáculo. No palco, os seguintes instrumentos: Cavaquinho Solo e Centrador, Clarinete Solo, Violão harmonizador, Percussão e interpretação da belíssima voz de Yáscara Sperhacke. O grupo, fundado em 2008, tem como objetivo o resgate histórico deste gênero musical essencialmente brasileiro - o Choro, com roupagem contemporânea.

DIÁRIO DA MANHÃ -

5


6 - DIÁRIO DA MANHÃ

RADAR

Jantar Dançante em homenagem às mães A Paróquia São Cristóvão, de Erechim, promove no sábado (10) Jantar Dançante em homenagem às Mães. O evento inicia às 20 horas e será ani-

mado pelo Musical Som Brasil. O cardápio é carne de gado, carne suína, linguiça campeira, maionese, saladas diversas e pão.

Doação de alimentos FOTO DIVULGAÇÃO/DM

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

Projeto Hábitos de Estudos FOTO DIVULGAÇÃO/DM

Com o objetivo de transformar o estudo em hábito e tornar prazeroso e significativo esse processo, o Colégio Marista Medianeira está lançando ao longo do primeiro trimestre o projeto Hábitos de Estudo, nas turmas da Educação Infantil ao Ensino Médio. Cada estudante recebe materiais e tabelas para que possa organizar horários de aula e atividades extraclasses, de acordo com cada nível de ensino. O trabalho é desenvolvido pelo SOE – Serviço de Orientação Educacional e Coordenação Pedagógica da escola e faz parte do projeto educativo

da Rede Marista. O projeto é realizado em parceria com os professores que desenvolvem o processo de aprendizagem

Escola da Juventude

As alunas do Curso de Pedagogia da FAE – Faculdade Anglicana de Erechim, representando todas as turmas, fizeram a doação dos alimentos arrecadados durante a segunda edição da Gincana de Integração entre os cursos da instituição. Os alimentos foram doados à Obra Promocional Santa Marta, do Bairro Progresso, que trabalha com crianças e adolescentes, através de oficinas pedagógicas. Foram doados mais de 250 kg de alimentos que contribuirão para a alimentação das crianças que

lá são atendidas. A iniciativa de arrecadar alimentos e a incumbência de a equipe vencedora da Gincana entregar à Instituição partiu da Comissão Organizadora, representada pelo líder de cada Turma. Momentos como este integram a Faculdade com as instituições sociais e possibilitam que o acadêmico se aproxime da realidade social. A FAE, especialmente o Curso de Pedagogia, tem que ter iniciativas como esta, pois isso desenvolve o espírito de solidariedade e cidadania entre os acadêmicos.

Entusiasmo e animação tomaram conta da sede paroquial São Caetano, de Severiano de Almeida, com a presença de mais de 80 jovens de toda a Diocese de Erexim, na primeira das quatro etapas da Escola da

Juventude 2014. Os temas de estudo deste momento intensivo de formação para jovens foi afetividade e sexualidade, conduzido pelo padre Valdemir Debastiani, e análise da realidade juvenil, com assessoria do padre

por meio de hábitos, mas o auxílio dos pais também é fundamental para que o aluno estude em casa.

FOTO DIVULGAÇÃO/DM

Giovani Momo. Reflexão, oração e brincadeiras envolveram os participantes, que voltarão a se encontrar na segunda etapa deste processo de formação nos dias 7 e 8 de junho, na sede paroquial da Barra do Rio Azul.


Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

GERAL

Desfile e homenagens marcam os 34 anos da ANR SARA RUBIA COMIN sara@diariodamanha.net

A ANR – Associação Nacional dos Reservistas de Erechim comemorou 34 anos de fundação com programação extensa neste domingo (27). As atividades iniciaram às 7h30 com café colonial para os associados e reservistas de Maximiliano de Almeida, Jacutinga e Getúlio Vargas. Também teve Culto à Bandeira e Missa em Ação de Graças na Catedral São José. Ao som da Banda Municipal de Erechim, os reservistas desfilaram pela Avenida Maurício Cardoso, saindo da Praça Boleslau Scorupski até a Praça da Bandeira, onde teve pausa para fotos oficiais em frente à Prefeitura de Erechim. Após, e já no CTG Galpão Campeiro, houve homenagem aos reservistas falecidos, manifestações de militares e de autoridades locais, posse da nova diretoria e entrega de certificados. O presidente da ANR, Luiz Ademir da Rosa, disse que comemorar o aniversário da entidade também é uma forma de respeitar, reconhecer e valorizar quem já cumpriu o seu dever com a Pátria. Ele também agradeceu a presença dos reservistas e das autoridades, entre elas, do chefe da 10ª CSM – Circuns-

FOTOS SARA RUBIA COMIN/DM

Posse da nova diretoria da entidade também selou a data

7

Ponto de Vista

Neivo Zago - zneivo@uricer.edu.br

Elogios e críticas É importante saber criticar como o é saber elogiar. É mais importante ainda saber a melhor maneira e o momento, tanto para enaltecer o primeiro, quanto para abordar o segundo.

Desfile na Avenida Maurício Cardoso integrou a programação do 34º aniversário da ANR de Erechim crição do Serviço Militar de Santo Ângelo, tenente-coronel Jorge Jorge Antônio Monteiro Morgado e comitiva; do titular da 17ª Delegacia de Serviço Militar de Erechim, tenente Carlos Rodrigues da Silva; do secretário de Segurança Pública de Erechim, Rafael Testa; do comandante do 13 Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Pedro Pacheco; do presidente do Poder Legislativo de Erechim, Sérgio Alves Bento e do vice-prefeito de Jacutinga, Roque Tortelli. O secretário Rafael Testa afirmou que o Poder Executivo reconhece a importância e o trabalho da ANR, especialmente na conservação de valores morais, éticos e cívicos, que segundo ele, precisam, cada vez mais, ser embutidos nos jovens e crian-

Foto oficial com os participantes do 34º Encontro da ANR foi realizada em frente à Prefeitura

ças e transformados em carinho e comprometimento com a Pátria, assegurando que o braço do Serviço Militar continuará tendo todo o apoio necessário para realizar sua missão, construindo, também, alicerces fortes nas famílias para que estes valores sejam cultivados. Tenente-coronel Monteiro elogiou a organização e o espírito dos reservistas, externando a satisfação e a honra de participar do evento com sua comitiva. “Que bom poder conhecer outras associações e retribuir esse carinho, a vibração, elegância, energia e garra para com o Exército Brasileiro. Esta é a mais pura manifestação de civismo feita por homens livres para relembrar os tempos de caserna, tempo que se confunde com a história da Nação, do Exército e dos próprios reservistas. Parabéns pela dedicação e demonstração de valores cívicos e patrióticos, que devem servir de exemplo a todos os brasileiros”, declarou. A ANR foi fundada em 26 de abril de 1981, por um grupo de reservistas da classe de 1932 para comemorar os 30 anos de incorporação no exército brasileiro e se reencontrar com outros companheiros para relembrar os bons momentos de convívio no quartel, mas hoje ela congrega os reservistas de todas as classes.

NOVA DIRETORIA Presidente, Luiz Ademir da Rosa; vice-presidente, Agenor Favretto; tesoureiro, Sérgio Bacichetto; 2° tesoureiro, Claudio Salomoni; secretário, André Luis Provitina; 2º secretário, Carlos Alberto Busatta; Diretor de Patrimônio, Nilton Cechett; e Relações Públicas, Gabriel Claro da Rosa. No Conselho Fiscal estão Antonio Albino de Carvalho, Antonio Dalagnol, Arnaldo Charnobay, Daltro Detoni e Sérgio Fontana.

DIÁRIO DA MANHÃ -

Nova diretora da ANR para o triênio 2014-2016 foi empossada pelo Ten Cel Monteiro

A natureza humana, pela suas próprias limitações, é passível de erros e acertos em qualquer área da sua atuação. Há situações em que o erro pode ser revertido sem grandes prejuízos; há, porém outras impossíveis, como é o caso do goleiro no futebol, que faz defesas incríveis, mas quando falha uma vez, pode comprometer a sua equipe. É conhecida a expressão vivendo e aprendendo; errando e acertando. Melhor seria, mas não é sempre possível, se pudéssemos acertar na primeira oportunidade. Aliás, grandes descobertas da ciência só foram possíveis depois de várias tentativas e, algumas delas foram obras do acaso: o pára-raios e o raio-X são apenas dois exemplos. Diz-se, dentre algumas máximas sugeridas que a gente deveria “elogiar três pessoas por dia”. Obviamente que o elogio enaltece qualquer pessoa receptora e serve como uma mola propulsora para torná-la mais motivada. Já, a crítica nem sempre é bem recebida e depende como ela é feita, pode conter aspectos positivos se tem como objetivo a aprendizagem auxiliando alguém a proceder melhor na próxima oportunidade ou, uma crítica para desmerecer o seu autor. Assim, quero hoje mais elogiar do que criticar. Primeiro, foi gratificante participar da ExpoPonte em Ponte Preta no último sábado quando a URI - fazendo parte da integração regional - se fez representar pelos curso de Agronomia e Letras e Artes (recentemente laureado pela nota máxima do MEC – 5, um feito digno de registro). Avalio a feira positivamente bem como o local dotado de boas condições e infraestrutura adequada para eventos dessa natureza. Assim merecem efusivos elogios a Administração Municipal que propiciou uma feira surpreendentemente grande principalmente se comparada às dimensões do município que tem como centro uma cidadezinha muito bonita e bem organizada. As críticas ficam reservadas à estrada que liga Barão de Cotegipe até Ponte Preta. Inadmissível pensar que, um país que prioriza a fabricação de automóveis e de caminhões não oferece estradas condizentes às necessidades. É uma incoerência, uma falta de lógica monumental, além de ser um atraso para as pequenas comunas que deixam de ser conhecidas e mais visitadas por turistas porque as estadas de chão batido são precárias e quando existe pavimentação esta também carece de qualidade. O último domingo também marcou alguns fatos importantes. Em relação ao futebol os nossos dois representantes – o galo no poleiro do Caldeirão carimbou um título inédito na sua história: Campeão da Copa Libertadores de Futsal. É sem dúvida uma conquista merecedora dos mais rasgados elogios. O mesmo vale para o Canarinho nos verdes gramados - sua especialidade. Colecionou outra importante vitória contra o Santa Cruz mostrando a sua força como visitante. Já para os seletos apreciadores da música clássica a OCE, o Coral Municipal Juvenil de Erechim e o Coral Madrigal ofereceram momentos de rara beleza harmonizando vozes e músicas para o enlevo espiritual às pessoas que permaneceram após a missa das dezenove horas no seminário N. Sa. de Fátima e outras que acorreram ao local para prestigiar o Concerto de Aniversário dos 96 Anos de Erechim. Antes, no sábado, outro acontecimento (infelizmente por causa da feira acima referida não pude assistir). Promovido pelo HC concerto com Arnaldo Savegnago & Quinteto Musi’Art (sem comentários!). Aliás, os fiéis guardadores do preceito dominical (missa semanal) não têm do que se queixar. Os mais ociosos que preferem esticar o sono e não precisam preparar o almoço tem a mais nova opção de missa: domingos às 10 h e 3º minutos. A crítica em relação aos eventos culturais como o concerto da OCE a Cia. diz respeito à parca afluência do público que retrata em parte a indiferença para com a cultura. Onde está a parcela erudita, letrada e culta da nossa cidade? Soma-se a pouca de divulgação de eventos dessa natureza. Já escrevi em outras oportunidades, mas repito-me: não adianta uma cidade crescer fisicamente em amplidão e altura, mas ficar devendo em cultura. P.S.: Entre os leitores que se manifestaram recentemente destaco hoje, em especial a Ir. Estelita Tonial, a Ìride e a Marli do C.E.R. Atlântico funcionária especial, junto as suas colegas (piscina). Obviamente incluo você e os demais silenciosos.


8 - DIÁRIO DA MANHÃ

Leonel Lacerda

leoneldiaslacerda@gmail.com

Como se defender da inflação Milton Friedman, um dos mais influentes economistas do século XX e ganhador do Nobel de Economia, certa vez afirmou que “inflação é a única forma de taxação que pode ser imposta sem legislação”. De fato, o aumento generalizado de preços gera efeitos parecidos com o pagamento de um tributo porque diminui o poder de compra das pessoas, além de onerar o setor produtivo. Nesse sentido, resta a pergunta: será que é possível amenizar o impacto da inflação no orçamento familiar? Especialistas afirmam que sim.

Controle o orçamento Para reduzir o impacto da inflação é necessário alterar alguns hábitos. Entre as dicas, especialistas sugerem procurar alimentos que substituam os que estão subindo de preço. Por exemplo, se o feijão subiu muito, consuma mais lentilha. Evite por algum tempo também as frutas e verduras fora da estação. Outra medida é adotar planos familiares de internet, celular e televisão a cabo. Além disso, cuidado com o cartão de crédito, o cheque especial e compras financiadas quando a tendência de juros é de alta. O cartão de crédito tem serviços parceiros que oferecem descontos em cinemas, escolas, restaurantes, assinatura de jornais. Sempre procure aproveitar essas vantagens. Quem utiliza muitos remédios sabe o quanto isso pesa no orçamento. A dica é comprar genéricos e informar-se sobre os descontos que as farmácias dão a determinados planos de saúde e laboratórios.

O desafio de superar a inflação nos investimento Nos produtos financeiros mais populares, o investidor está perdendo poder de compra. Prova disso é o que ocorre com a Caderneta de Poupança. No ano passado, o rendimento da Poupança com antigas regras foi 6,3%. Mas a rentabilidade real foi muito menor. Como a inflação oficial calculada pelo IBGE fechou o ano passado em 5,91%, quem investiu na velha Caderneta ganhou apenas 0,39%. Um valor muito baixo. O desafio é obter um ganho real mais elevado com as aplicações financeiras. Por isso é bom conhecer outras modalidades de investimento. Os títulos públicos atrelados à inflação, chamadas de Notas do Tesouro Nacional Série B (NTN-B) e Série B Principal (NTN-B Principal), pagam juro fixo a partir de 6% ao ano mais a variação do IPCA. Ou seja, o investidor fica protegido do aumento dos preços e tem um ganho real de 6% ou mais. Informe-se com um profissional qualificado em seu banco ou corretora de valores sobre quais as melhores estratégias a adotar, os riscos, vantagens e desvantagens, dessas e outras modalidades de investimento.

GERAL

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

Açude transborda e famílias são retiradas por segurança Uma força tarefa foi montada entre Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Secretaria de Cidadania e Secretaria de Obras para evitar risco de desabamento e acolher famílias em abrigo FOTOS JÉSSICA FRANÇA

A grande quantidade de chuva que chegou a região norte do Estado trouxe alguns transtornos para os moradores de Erechim. Na tarde desta quinta (30), um açude transbordou alagando parte da Rua Joaquim Onate, no Bairro Novo Horizonte causando riscoàas pessoas que moram próximas ao local. “Recebemos uma chamada por volta do meio-dia e chegando ao local enfrentamos uma situação diferente da normal, onde as pessoas estavam correndo risco, devido a um açude que tem do outro lado do muro ter transbordado alagando as moradias. Tivemos que retirar as pessoas e entrar em contato com a Defesa Civil e a Prefeitura para ficarem a par da situação”, explica o bombeiro Zidomar Boeira. Através da Secretaria de Obras, máquinas foram utilizadas para abertura de uma vala para desviar a água que saia do açude e estava alagando as residências. Dessa forma a água

Vazão da água deixou rua parcialmente alagada do açude rompido segue diretamente para o bueiro da rua. Contudo, devido à vasão ser grande, mesmo após a construção da vala, parte da rua estava coberta pela água. Conforma a coordenadora municipal da Defesa Civil, Luciana Baruffi, as famílias que residiam em um único terreno onde funcionava também

Inflação em alta exige atenção redobrada O mercado financeiro estima que a inflação deste ano ultrapasse o teto da meta do governo de 6,5%. É um alerta do quanto está difícil controlar o aumento dos preços. Nesse cenário resta ao cidadão adotar estratégias para se proteger. Com as dicas acima você irá sentir menos o impacto da inflação e poderá melhorar a saúde de suas finanças. *Leonel Lacerda é jornalista especialista em mercado de capitais e autor do blog Comportamento e Dinheiro. O comentário não é recomendação de investimento.

Defesa Civil retira moradores de área de risco

a Associação dos Recicladores por Uma Cidade Limpa foram retiradas do local e encaminhadas para um abrigo do município. “Não houve resistência das famílias em permanecerem no local. Na medida em que explicamos que havia risco de desabamento eles pegaram seus pertences e seguiram conosco”, explica. De acordo com a Secretaria de Cidadania as famílias, que eram cerca de sete pessoas entre adultos e crianças, foram encaminhados para o Albergue Municipal e também receberam roupas e alimentação . “Vamos monitorar a situação, a previsão é que chova até esta quinta-feira. Depois disso vamos avaliar a situação da casa e verificar se a estrutura foi afetada”, afirma Baruffi. Somente após a análise dos órgãos competentes sobre a edificação de dois pisos as famílias poderão saber se poderão voltar para suas casas sem risco.


GERAL POLÍCIA

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

DIÁRIO DA MANHÃ -

Astral

Novelas REDE GLOBO

Meu Pedacinho de Chão

Além do Horizonte

Em Família

Amância diz a Epaminondas que Catarina se recusa a dormir no quarto com ele. Ferdinando avisa a Pedro Falcão que não permitirá que Epaminondas expulse Mãe Benta e Zelão de casa. Dona Tê fica admirada ao ouvir Gina dizer que está começando a gostar do jeito de Ferdinando. Rosinha comenta com Amância que Mãe Benta acha que Zelão está furioso com Rodapé. Rodapé propõe à professora que ela confesse para Zelão que gosta dele.

Sinopse não liberada pela emissora.

Shirley pressiona Laerte a dizer o que ele sente por Luiza. Clara abre o coração para Marina. Bárbara beija André. Juliana aconselha Clara a ficar com Marina. Nando dá um tiro em Jairo. Luiza e Helena iniciam uma conversa definitiva sobre Laerte .

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

© Revistas COQUETEL

A criança que não admite ser contrariada

Solicita de forma autoritária Análise (?): estudo dos termos da oração

Comparsas Tratamento baseado Tecla de nas teorias micros de Freud

Deus-Sol egípcio Território palestino Aquele indivíduo Risos, em e-mails

Bruno Soares, tenista brasileiro

“Seis (?) à Procura de um Autor”, peça

Ferro, em inglês Recémcasadas A mãe do primo Diversão de pagodeiros

(?) Prince: a identidade secreta da Mulher Maravilha (HQ)

Que bom!

Gênero poético da Grécia Antiga

Parabéns

Forma de curvas em estradas serranas Reduz a pó por trituração Entrada de uma baía ou golfo Editores (abrev.)

Movimento inicial na capoeira

Sódio (símbolo) Vestir; trajar

Rio alpino que deságua na margem Luiz Sá, esquerda desenhista do Reno

Torna sem validade

Assim, em espanhol Formato do DIU

3/así — lip — oba. 4/iron. 6/indene. 8/sequazes. 10/resiliente.

6

Solução P E R S O N A G E N S

B A T U Q U E O G A

I L G A E EX

P S I E N T R QU I A R A B A Z A C E I R E S O N L I T I A A M O B O E O U E A Z U A S L A A S AR T R

L I S E CA NA

P S I DE

S E S S Ã O

BANCO

* Programação válida de 1º a 7 de maio.

Suja com comida Lábio, em inglês

Pôs (fogo) Chance; oportunidade “Característica” simbólica da nobreza Ósmio (símbolo) Autores de “O Estrangeiro” e “A Náusea”, respectivamente

O ESPETACULAR HOMEM ARANHA 2 Ação - Legendado Indicação 12 anos 141 minutos Sessões: todos os dias às 14:30/17:30/20:30.

Atormenta (fig.)

Emílio Santiago, cantor brasileiro Às (?): em grande quantidade (pop.)

DIVERGENTE Ação - Legendado Indicação 14 anos 139 minutos Sessões: todos os dias às 12:15.

E S L I E N T R A S T I N CA O I A V A N S A M U

Que não sofreu danos Embusteiro Suporte da rede elétrica

Cinema Movie Arte Erechim*

P R O IN D U T P O R P E S D Z E S O J C A

Goiás e Mato Grosso (BR) Elástico (p. ext.) Governo exercido por um pequeno grupo social (pl.)

9

Quinta-Feira 1º/05/2014 Anastácia Mariga Bertoldo Machado Celina da Silva Schneider Daniele Canfil Delza Galina Edmar Brack Eliane Fátima Moreira Cardoso Rico Appel Fabricio Klein Felipe Viccari Francisco Fitarelli Ivy de Quadros da Rosa Joaquim César Boeira João Piana José Carlos Dufloth Leodacir Comarella Lidia Rodrigues de Albuquerque Magda Barbieri Mara Lara Mara Piran Marcia Salvi Marcia Smaniotto Marcio Vendovato Maria Salete Popiolek Marino Bordin

Marisa Soares Mirian Giacomazzi Neuza Zin Olga Perez Martinez Rozin Tereza Pinotti Vagner Berti Vantuir Rigo Sexta-Feira 2/05/2014 Andressa Belé Blanca Chiribao de Curti Blanca Hidalgo Claudia Santolin Daltro Conte Junior Darlene de Almeida Quadros David Vicenzi Dileta Munari Diva Chassot Douglas Dagostini Giaretton Elisa Teixeira Elza de Lima Erica Juskievicz Fabrício- Claudia dos Anjos Geraldo A. Gorski Gessy Arpini Giovani Pinotti Guilherme Irassoque Bolis Hilda Hachmann

Jandira Menezes Jonas Alves de Oliveira Jorge Popelinski Junior Juliana Torres Junior Carlos Oliveira Ktsumaro Kajiwara Leda Valentini Marcelo Zanin Márcia Balsanello Maria Soares Marina Menoncin Weschenfelder Mateus Armiliatto Sottili Matilde Tormen Maurício Martinello Michelini Antunes Oliveira Nedio Massochin Junior Orestes Secco Orlei Roberto Castro Paulo Skovrouski Salete Freddo Sandra Menezes Selito Hoffmann Sergio Dornelles Vandir Mafessoni Vera Lucia Grazziotin Torres Vinicius Ferreto Zélia Rocha Dutra

ÁRIES - 21/3 a 20/4. Sua vida sexual também ganha um impulso especial nesta fase. Prepare-se para alguns dias de isolamento e muito erotismo. Necessidade de momentos de tranquilidade e da privacidade para recuperar-se emocionalmente. TOURO - 21/4 a 21/5. Está fase é negativa para você, mas como tudo passa está também passará dentro de poucos dias. Mas agora tome cuidado com notícias falsas, com pessoas que dizem amigas, mas não são e cuide da saúde. Negativo ao amor. GÊMEOS - 22/5 a 21/6. Aproveite a fase atual para por em dia as obrigações atinentes ao seu setor de trabalho e faça as compras que precisar de aparelhos e demais equipamentos. Quanto à saúde, é necessário estar prevenido. CÂNCER - 22/6 a 23/7. Examine com atenção suas possibilidades de se realizar profissionalmente e descobrirá contatos pessoais e amizades, que poderão lhe ser altamente proveitosos. Fase benéfica, para solucionar problemas familiares. LEÃO - 24/7 a 23/8. Tendência à tristeza e ao pessimismo. Deverá evitar tais coisas para que tudo possa correr bem para você neste dia. Cuide de sua saúde, evite acidentes e só viaje se for de extrema necessidades. Elevação mental. VIRGEM - 24/8 a 23/9. Maior entendimento com as pessoas do seu convívio. Possibilidade de programar uma nova linha de ação. Novas ideias e estudos elevados poderão entusiasmá-lo bastante. Cuide de sua saúde, evite acidentes. LIBRA - 24/9 a 23/10. Originalidade em seus pensamentos e total independência mental está previsto para você hoje. Você vai se sentir mais atraído ao estudo de ciências e as experiências psíquicas. Bom ao trabalho e ao amor. ESCORPIÃO - 24/10 a 22/11. Una-se aqueles que poderão tornar este dia alegre e feliz. Seja prudente com assuntos de dinheiro. A influência astral, para aventuras e especulações devem ser razoáveis. SAGITÁRIO - 23/11 a 21/12. Momento em que estará para atrair a simpatia alheia e tirar proveito de tal benefício. Contudo tome cuidado com seu orçamento financeiro, gastando somente o que for de extrema necessidade. CAPRICÓRNIO - 22/12 a 20/1. Terá feliz resultados em novas associações, melhor ainda se forem com algum amigo. Um pouco de desarmonia em sua vida conjugal, mas com compreensão, tudo acabará bem. Pense sempre positivo. AQUÁRIO - 21/1 a 19/2. Grande entusiasmo com o trabalho. Atitudes urgentes e decisivas poderão ser tomadas e, desde que as direcione de forma construtiva serão fonte de bons resultados práticos e financeiros. PEIXES - 20/2 a 20/3. Dificuldades na vida doméstica e muito mau humor e o que pressagia o fluxo astral deste período para você. Evite as discussões precipitadas e seja mais inteligente que tudo sairá a contento.


10- DIÁRIO DA MANHÃ

POLÍCIA

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

Alerta contra golpes emilia.bottini@gmail.com*

Lugar de lixo é no lixo? Tenho muitos assuntos que estão rondando minha cabeça e a fazem doer. Pensar como sempre digo aos meus alunos dói, por vezes muito. Algumas coisas estão doendo muito, o caso de Bernardo, a CPI da Petrobras, as eleições presidenciais, a inflação batendo na porta, a Copa do Mundo, os 170.000 desabrigados e os estádios faraônicos, a morte do DG no Rio de Janeiro, entre tantos outros. Todos esses assuntos merecem muitas crônicas, entretanto resolvi escrever sobre algo mais simples e que amo, mas não menos complexo. A educação tem sido alvo de minha dedicação tendo colocado boa parte da minha vida na interface entre a educação e a saúde, duas área que considero irmãs siamesas. Não consigo ver as coisas que me cercam sem refletir sobre o comportamento da espécie humana, à qual por vezes queria pedir demissão, porém infelizmente não posso. Estou ministrando aulas e isso por si só é tarefa complexa e talvez até, em alguns momentos, chego a pensar que está em vias de extinção, já que inventamos a escola, a gente pode desinventá-la. Talvez se pensarmos bem, poderíamos desinventar tanta coisa. Nem vou contar o que eu gostaria de desinventar no momento. Nesta relação complexa entre professor e aluno, conteúdo, sala de aula, presença e ausência, atrasos desrespeitosos, celulares, conexão o tempo todo, só para citar algumas coisas que circundam a sala de aula hoje. Além disso tudo, tenho que lidar com o lixo deixado pela turma e pelo colega, professor, que utiliza a sala no dia anterior. Podem me chamar de obsessiva, mas nem tanto, apenas gosto das coisas limpas e a sala de aula é uma delas. Nada disso tem sido minha realidade visto se tratar de coisa antiga e em desuso, inclusive em universidades. Hora, horas, o que isso comunica a nosso respeito como humanidade? E como alunos? E como professores? Que o respeito manda lembrança? Que o umbigo de uns é superior à de outros? Que lixo não precisa ser colocado no lixo? Que professores devem dar aulas em salas sujas? Que alunos já não são educados? Que lugar de lixo é no chão da sala? Que colegas professores não devem se respeitar? Não consigo acreditar que devo me acostumar a isso. Se devo eu não quero. Não gosto dessa ideia de “normose” que circunda o mundo atual, tudo é normal, tudo é da lei diria Raul Seixas. Eu particularmente não concordo com isso. Alguma coisa está errada com a nossa brasilidade, isso, no mínimo, aponta para os nossos índices de civilidade que, para meus moldes, estão abaixo da crítica, podendo esperar deitada pelas mudanças, mas ainda mantenho uma utopiazinha acessa. Confesso que a luzinha está bem fraquinha. Se não conseguimos jogar lixo no lixo, para mim é a revelação nua e crua de que estamos abandonando os cuidados com a vida, com a ética, com o ambiente, com o trânsito, com outros... Ou será apenas um incidente de nosso lixo maior e que não nos permitimos ver, aquele que está em nossas entranhas e nos faz sermos tão maus e cruéis em pequenos/grandes atos da vida diária. Lembrando que lugar de lixo é no lixo, você deveria ser responsável pelo lixo que produz, inclusive aquele em que você mesmo se insere. *Psicóloga, Terapeuta Comunitária, Professora Universitária, Mestre em Educação pela Universidade de Passo Fundo (UPF), Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Educação pela Universidade de Brasília (UnB).

JÉSSICA FRANÇA jessica@diariodamanha.net

O telefone toca e a pessoa que vai atender ao chamado leva um susto, seu sobrinho que mora longe estava na estrada para visitar a família em Erechim quando o carro quebrou. O pedido é de ajuda, para que possa guinchar o carro ou mesmo pagar o conserto possibilitando a retomada da viagem. Esse tipo de situação não é incomum, porém esconde um grande problema que vem fazendo que diversos erechinenses sejam ludibriados pela boa fé. Pois ao pensar em ajudar um familiar se está contribuindo para que crimes sejam mantidos e tudo isso, comandado por pessoas que estão dentro do sistema prisional. O número de casos de pessoas que são enganadas por golpes vem aumentando a cada dia, em Erechim nos últimos meses foram registrados alguns casos de pessoas que ao pensar em auxiliar um familiar que teve um incidente e que o carro estava quebrado, acabaram perdendo recursos. Não é novidade que presidiários vem fazendo ligações aplicando golpes, principalmente em pessoas mais velhas e idosas, que ao atenderem ao telefone acabam passando informações, as mesmas que são utilizadas para ser mais convincente na história que se conta. Conforme o delegado regional da Polícia Civil, Gerson Fraga é importante que as pessoas estejam atentas e desconfiem sempre ao atender ao telefone. “É importante que se faça a conscientização e prevenção para evitar que as pessoas caiam nos golpes, porque eles se multiplicam, antes era o famoso golpe do sequestro, que esta diminuindo a incidência. Ele normalmente se dava através de números restritos e confidenciais em que pediam o valor de R$ 5 mil. Mas esse crime raramente ocorre, extorsão mediante sequestro, que é aque-

FOTO JÉSSICA FRANÇA

Maria Emília Bottini

Delegado Regional da Polícia Civil Gerson Fraga traz dicas em entrevista para que as pessoas fiquem alertas contra golpes que estão sendo praticados na cidade

Delegado Regional da Polícia Civil Gerson Fraga le sequestro em que se retém a pessoa, é raro no Rio Grande do Sul, então é importante sempre desconfiar do interlocutor, indagar o nome da pessoa, de repente vai pegar o próprio golpista desprevenido. Depois tem o golpe do guincho que agora é moda, em que normalmente estão pedindo o valor de R$ 3 mil. Então é importante que a pessoa ao desconfiar de um telefonema nem dê muita conversa, desligue o telefone, porque muitas vezes a pessoa mesmo vai passando as informações sem saber. Mas o estelionatário, a arma dele é o ardil, a má fé, o bom papo então é importante sempre desconfiar”, explica. Segundo Fraga é importante sempre fazer o registro da ocorrência na polícia, mesmo muitas vezes sendo difícil identificar a pessoa responsável pelo golpe. Conto do bilhete Na última segunda-feira (28), um senhor de 72 anos de idade acionou a .BM e comunicou ter sido vítima do conto do bilhete. Relatou que estava em uma praça, próximo do cemitério, na avenida XV de Novembro, quando se aproximou uma mulher, com cabelos cor de “fogo”, estatura baixa, gordinha e lhe disse que procurava uma lojinha que vendia roupas de couro, pois o dono lhe devia R$ 20.000,00. O senhor teria respondido que não conhecia ninguém, sendo que em seguida um automóvel, VW/Gol de cor branca, parou e saiu o motorista, um senhor de ‘fatiota’

azul, com gravata, uma maleta de médico, inclusive tinha até aparelho de medir pressão. Esse era moreno claro, baixo, gordo. Nesse momento a mulher comentou que tinha um bilhete premiado da Mega-Sena e queria retirar o dinheiro. O homem que veio até eles telefonou para uma suposta agência da Caixa Federal, confirmando que ela teria sido premiada com R$ 5 milhões. Por prestar-lhe um favor, foi prometido ao comunicante o depósito de R$ 5.000,00, e foram até uma agência bancária. A vítima ficou dentro do carro com a mulher e o suposto médico pegou seu cartão para o depósito, na sequência voltou e disse que já estava feito, depois foram embora. Mais tarde percebeu a falta de seus R$ 500,00 que estavam na poupança. Conforme o delegado regional, o golpe chamado “conto do bilhete” há muito tempo vem sendo praticado sendo de conhecimento de toda a comunidade que a história do bilhete premiado não passa de mais um golpe. Contudo ainda há pessoas que acabam sendo enganadas, como esse senhor de 72 anos. Por esse motivo é importante que a pessoa ao ser indagada sempre desconfie e procure não tomar nenhuma atitude sem conversar com alguém, seja familiar ou até mesmo a polícia. “Está acontecendo uma multiplicidade de golpes, seja pelo celular, telefones residenciais ou até mesmo de forma presencial, por isso fazemos o alerta para que a pessoas sempre desconfiem e entrem em contato com a polícia. Sempre dizemos que na dúvida, não se faz negócio, então se desconfiar ligue para alguém, não saia depositando dinheiro ou entregando o número da conta, porque os estelionatários são ardis e procuram não deixar a pessoa sair do telefone para se dar conta do golpe”, informa. Após o registro da ocorrência a polícia civil realiza a investigação, pedindo a quebra do registro telefônico e bancário para rastrear os golpistas.

Agricultores são ouvidos pela Polícia Federal A quarta-feira (30), foi tranquila na cidade de Faxinalzinho, até mesmo pelo tempo ruim na região, onde chove bastante. Com isso não houve mais manifestações no município, que continua de luto pela morte dos dois agricultores Alcemar Batista de Souza e Anderson de Souza, mortos a tiros e pauladas no fim da tarde

de segunda-feira (28). A investigação que estava sob responsabilidade da Policia Civil até terça-feira (29), passou para as mãos da Polícia Federal , e que convocou alguns agricultores para prestarem depoimento na sede da Polícia Federal em Passo Fundo. A Brigada Militar permanece

com reforços do pelotão de Erechim e segundo informações a quarta-feira foi tranquila entre as duas partes, não havendo registros de confusões. Porém, segundo os moradores, o clima é de tristeza e de revolta, na expectativa que os responsáveis pelo crime sejam punidos exemplarmente.


GERAL DM

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

DIÁRIO DA MANHÃ - 11

Ypiranga pode garantir classificação nesta quinta-feira

FOTO DIVULGAÇÃO/DM

esporte clube

Equipe de Erechim enfrenta o Nova Prata às 15h 30 no Colosso da Lagoa na última partida em casa pela primeira fase do segundo turno

FOTO LUCIANO BREITKREITZ /DM

A equipe foi a melhor nos jogos de integração

Vira Copo vence o torneio em comemoração ao Dia do Metalúrgico A equipe formada por funcionários da empresa Comil conquistou o título durante a confraternização

A equipe de Erechim treinou em um campo de grama sintética nesta quarta-feira O Ypiranga entra em campo nesta quinta-feira para fazer a última partida em casa nesta fase da competição a partida começa as 15h 30 no Colosso da Lagoa. Na última rodada o Canarinho viaja para Santa Maria, onde enfrenta o Riograndense. A partida desta quinta-feira vale mais do que os três pontos, pois se conquistar a vitória, o Canarinho, além dos três pontos na tabela, garante matematicamente sua presença no play-off do segundo turno da com-

petição com uma rodada de antecedência. Além disso, se vencer o jogo, a equipe de Erechim ainda se garante como a melhor campanha na classificação geral da Divisão de Acesso 2014. Hoje a equipe está com 29 pontos e com a vitória chegará aos 32 pontos, sendo que na última rodada não poderá ser alcançado pelos seus concorrentes diretos, o Inter SM e o Tupi, ambos com 24 pontos. Mas apesar de toda a expectativa a equipe de Erechim teve problemas no

último treino antes da partida decisiva diante do Nova Prata. O treinador Leocir Dall’Astra planejou um treinamento para a manhã desta quarta-feira no gramado principal do Colosso da Lagoa, mas como caiu uma forte chuva na cidade a comissão técnica optou em não realizar este treino no palco do jogo desta quinta-feira, para preservar o campo. Com isto a equipe precisou treinar em um campo coberto de grama sintética da cidade.

Realizado no sábado, 26 de abril, o torneio de integração promovido pelo Sindicato dos Metalúrgicos em comemoração ao Dia do Metalúrgico, teve como grande campeão o time Vira Copo da Comil. O torneio que reuniu trabalhadores sócios do sindicato de diversas empresas foi um grande

momento de integração da categoria, a atividade ocorreu na sede campestre do sindicato. O vice-presidente do sindicato Selmar Baú avaliou que o evento foi um sucesso, "parabéns a todos os trabalhadores que participaram do torneio, são eles os verdadeiros responsáveis pelo sucesso do evento".

CONFIRA OS PRIMEIROS COLOCADOS: 1º lugar: Vira Copo (Comil) 2º lugar: Galatasaray (Comil) 3º lugar: União CPM (Posto de Molas/Comil) 4º lugar: Poderoso Castiga (Usitec)

PN Rally estreia com vitória no Campeonato Gaúcho Elton e Cassio fecharam etapa de Severiano de Almeida na liderança da temporada após a primeira etapa mais cautela para completar a prova e marcar estes pontos muito importantes para o campeonato”, salientou o piloto Elton. Ele salienta ainda que este ano a equipe vem com uma nova proposta, buscando poder fechar o ano na briga pelo título. “teremos um pouco mais de cautela, estamos buscando manter um ritmo seguro. Na temporada passada procuramos um ritmo mais forte, perdemos vitórias e pontos preciosos por alguns erros quando não havia necessidade de cometê-los. Então este ano a meta é o título e para isso queremos

ser o mais regular possível”, acrescentou o piloto. A corrida em Severiano de

Almeida marcou a primeira prova da nova categoria, a RC3. Parte dos pilotos

FOTO DIVULGAÇÃO/DM

O início do Campeonato Gaúcho de Rali de Velocidade não poderia ter sido melhor para a dupla Elton Palkewick e Cassio Navarini, da equipe PN Rally Team. Eles simplesmente venceram a etapa de abertura, realizada em Severiano de Almeida, no último sábado. Foi uma prova de superação para vencer a estreia da categoria RC3 no certame estadual. “O dia foi positivo pelo resultado, a vitória e a liderança na categoria após esta etapa. Porém tivemos alguns problemas ao longo do percurso, vazamento de óleo então optamos por reduzir um pouco o ritmo, ter

A equipe conquistou um ótimo resultado no último final de semana

que compõem o grid, estavam na antiga R1, de onde vieram Elton e Cassio, vice-campeões da temporada passada. A PN Rally Team compete com o patrocínio de Borba Materiais Elétricos, Dori`s Lanches, Fabiani Autopeças, Bigolin Eletrificações, Arfes Refrigeração, VGelo, Visual Modas, Regalo Gaúcho, Grudi Adesivos e Neo Engenharia. A próxima prova do Campeonato Gaúcho de Rali de Velocidade será realizada na cidade de Erechim, casa da equipe PN Rally Team, entre os dias 28 de maio e 1º de junho.


12- DIÁRIO DA MANHÃ

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-Feira e Sexta-Feira

www.diariodamanha.com DIÁRIO PASSO FUNDO redacao@diariodamanha.net - (54) 3316.4800 DIÁRIO CARAZINHO redacao.carazinho@diariodamanha.net - 54.3329.9666 DIÁRIO ERECHIM redacao.erechim@diariodamanha.net - 54.3522.2711 DIÁRIO FM - 98.7MHz diariofm@diariodamanha.net - 54.3311.1309 DIÁRIO AM - 570KHz diarioam570@diariodamanha.net 54.3311.7756 DIÁRIO AM CARAZINHO - 780KHz diarioam780@diariodamanha.net - 54.3331.2422

DM QUINTA E SEXTA-FEIRA, 1º E 2 DE MAIO DE 2014

PREVISÃO PARA HOJE ERECHIM

14ºC Mínima

PASSO FUNDO

21ºC 15ºC Máxima

Mínima

Máxima

16ºC

22ºC

Mínima

Máxima

SOL Nascente: 6h55min Poente: 17h57min

PORTO ALEGRE

18ºC

22ºC

Mínima

CARAZINHO

23ºC Máxima

Nova 30-6

Crescente 7-14

Minguante 22-30

Cheia 15-21

Depois do título o clássico Atlântico enfrenta a ACBF às 19 horas em partida válida pela Série Ouro Acabou a ressaca. Agora chegou a hora do Atlântico esquecer a comemoração do título da Libertadores de Futsal – Zonal Sul e focar suas atenções no Estadual de Futsal – Série Ouro. A partida desta quinta-feira começa as 19 horas e marcará o reencontro de duas grandes equipes do futsal nacional. Atlântico e ACBF fazem pela primeira vez na temporada um dos maiores clássicos do futsal brasileiro. A equipe de Erechim entra em quadra pela primeira vez depois da conquista do título do último domingo e busca manter a boa campanha que vem fazendo na competição. A equipe de Erechim ocupa a segunda colocação na classificação geral com 18 pontos em sete jogos. O primeiro colocado é a Assoeva, que tem 20 pontos, mas está com dez jogos realizados.

CLASSIFICAÇÃO Posição Times

Pontos Jogos

Assoeva

20

10

Atlântico

18

7

ADS

16

10

Assaf

15

8

ACBF

14

6

Alaf

14

9

AGSL

14

10

América

13

10

BGF

12

9

10°

ASTF

9

10

11°

Cachoeira Futsal

4

9

12°

Afusca

1

10

Jurandir é vice campeão em Erechim e Carlos Gomes Atleta enfrentou dois desafios no último final de semana em cidades do Alto Uruguai FOTO DIVULGAÇÃO/DM

Atletas da equipe AZSports Aconteceu no último domingo, 27, a Rústica Cidade de Erechim, com a participação de 200 atletas nas categorias Mirim, Menores e Adulto. Jurandir de Jesus (Gruppen / NSantim / Bella Donna / Editora Bella Arte / Fardo Esportes / Concel Celulares) foi vice-campeão nos 4.5 Km do percurso. Satisfeito com o resultado, Jurandir diz estar iniciando o perío-

do específico. “Quero chegar bem em Goiânia” comentou o atleta, que participa pela primeira vez de um campeonato brasileiro. Andrei Valcarengui completou a prova na terceira posição na categoria 17 a 21 anos. Rodrigo Jose Voloski obteve a quinta posição na categoria 15 a 16 anos e Felipe Schuck foisegundoº colocado na de 13 a 14 anos. A tarde os atletas partici-

param da Rústica Cidade de Carlos Gomes. Jurandir em disputa acirrada até o final da prova acabou na segunda colocação nos 5 Km, Andrei foi o terceiroº na categoria 17 a 21 anos, Rodrigo foi o terceiro colocado na categoria de 13 a 16 anos e Felipe na sexta posição. A equipe tem o apoio de Wellfit Academia, Strong Suplementos e Jonas Magnabosco fisioterapia.

Construção civil A construtora Viero S/A, de Erechim, instalou toda a estrutura para a implantação da multinacional Hyundai Elevadores do Brasil, empresa coreana que inaugurou, na semana passada, a sua fábrica de elevadores em São Leopoldo. A empreitada significou a contratação de mais 200 funcionários pela construtora, 80% deles de São Leopoldo, e mais cerca de 300 pessoas terceirizadas da própria região, conta o diretor presidente, Cirilo Viero. Sua tradição no mercado, com 60 anos de atuação e grandes clientes – como Bunge, Gerdau, Vale do Rio Doce e Zaffari -, foi determinante para a Viero fechar este contrato, relata, uma vez que os coreanos consideram muito a confiabilidade dos seus parceiros. “Foi um sucesso, o governo e o município fizeram uma parceria fantástica, que nos permitiu entregar a obra no prazo e nas condições combinadas”.

Cultura de Erechim é 10 A edição 2014 do Projeto ‘Cultura de Erechim é 10’, desenvolvido pelo Governo Municipal, através da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo em parceria com o Fundo de Apoio à Cultura (FAC), terá sua primeira exibição no sábado (3) na Praça Jayme Lago às 15h30. A apresentação, que estava programada para esta quartafeira (30) foi adiada em razão da chuva. A atração inaugural, que integra as comemorações pelos 96 anos do município de Erechim, fica sob a responsabilidade do artista Osmar Sostizzo Jr., e seu projeto ‘Gordo Sostisso canta o Sul do Rio Grande’. No total, foram selecionados 10 projetos, sendo quatro no segmento dança, quatro de música e dois de teatro. No sábado, 3 de maio, também acontece o show erudito gaúcho, às 14h, com Darlan Ortaça, Bruno Timm e Antônio Carlos.

IPTU Os cidadãos erechinenses que possuem imóveis têm até o dia 15 de maio para efetuar o pagamento em parcela única do IPTU 2014 com desconto de 5%. Quem preferir o pagamento à vista até o dia 15 de junho terá desconto de 3%. Os contribuintes que optarem pelo parcelamento dos valores começarão a efetuar o pagamento, em 1ª parcela, também no dia 15 de junho. No total, a Prefeitura de Erechim emitiu 48.129 carnês neste ano, sendo que cerca de 40% deles já foram entregues pelos Correios.

Ronda Social A Prefeitura de Erechim, em um trabalho integrado entre as secretarias de Cidadania e Saúde, inicia nesta quinta-feira (1) a Ronda Social. O trabalho, que acontece todas as noites das 22h à 1h da madrugada, será realizado até 30 de agosto. Durante a Ronda, um veículo da Secretaria de Saúde irá percorrer a cidade em busca de pessoas em situação de vulnerabilidade social, que estejam nas ruas desprotegidas do frio. A Ronda será feita nos viadutos, praças, rodoviárias, entre outros lugares. As pessoas que forem encontradas serão convidadas a passar a noite no Albergue Municipal, onde receberão alimentação, banho, roupas limpas. Se necessário, também serão encaminhadas ao Pronto Socorro da Fundação Hospitalar Santa Terezinha. As secretarias de Cidadania e Saúde também disponibilizam um telefone de contato (54) 9149.3919.


Conexão

Quinta e sexta-feira, 1 e 2-05-2014 - www.diariodamanha.com

PASSO FUNDO - CARAZINHO - ERECHIM

Câmara aprova jornada mais flexível para caminhoneiro Proposta de autoria do deputado Jerônimo Goergen (PP-RS) permite ao motorista dirigir por até 12 horas diárias A Câmara dos Deputados aprovou na terça-feira (29), substitutivo da Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público aos projetos de lei 4246/12 e 5943/12, que reformula a lei de descanso dos caminhoneiros. A nova legislação incluiu itens de autoria do deputado Jerônimo Goergen (PP-RS), entre eles, a que flexibiliza a jornada de trabalho dos motoristas. Pela nova redação, os trabalhadores poderão dirigir oito horas diárias mais duas extraordinárias. Outras duas horas extras poderão ser acrescidas mediante convenção coletiva de trabalho, totalizando uma jornada de até 12 horas diárias. “Eu tenho a honra de ter sido o proponente do projeto que, com várias mãos, foi modificado e melhorado para que os trabalhadores pudessem

ter a tranquilidade de seguir viagem. Agora podemos olhar nos olhos dos senhores e senhoras e dizer que corrigimos um erro”, destacou Jerônimo ao discursar para uma plateia repleta de trabalhadores. O parlamentar lembra que a primeira versão da lei penalizou os trabalhadores ao não

levar em conta a realidade das estradas brasileiras, que não possuem a infraestrutura adequada para o descanso dos profissionais. Com limitações no tempo de direção incompatíveis com as distâncias de um país continental, o custo do frete disparou e trouxe graves prejuízos à logística nacional, baseada

no transporte rodoviário. Os caminhoneiros reagiram às multas aplicadas de forma generalizada e chegaram a promover uma grande paralisação nacional, que repercutiu diretamente no abastecimento da população. Relator na comissão especial instalada para discutir a regulamentação da profissão de motorista, o ex-deputado Valdir Colatto (PMDB-SC) acrescenta que a nova lei limita em, no máximo, cinco horas e meia no tempo de direção. “Com certeza, esse é o projeto que os caminhoneiros e os transportadores precisam. Você vai dar viabilidade para o empresário e vai fazer com que o trabalhador possa descansar e planejar sua viagem”, explicou.

Tolerância entre eixos

A segunda proposta de Jerônimo incluída à nova Lei do Motorista altera a Lei 7.408/1985, que define o limite máximo de tolerância na pesagem. Hoje, a tolerância limite para o peso bruto é de 5% e a tolerância por eixo é de 7,5%, índice fixado provisoriamente pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). O novo texto aumenta esse limite para 10%. Segundo Jerônimo, a mudança se justifica pelo fato das balanças móveis e fixas apresentarem diferenças na pesagem. “Isso tem gerado muitos desentendimentos e notificações contra as transportadoras e motoristas, que pesam suas cargas em balanças fixas e, ao serem aferidos em balanças móveis nas estradas, são multados”, explica. Segundo Jerônimo, isso se dá em virtude do deslocamento da carga, que se move ao longo da viagem, incidindo mais ou menos sobre determinado eixo.


REGIÃO DIÁRIO DA MANHÃ

2

Quinta e sexta-feira 1 e 2.05.2014

Passo Fundo Erechim Carazinho

Exportação deve mudar o cenário da suinocultura

Depois da recuperação da crise que assombrou o setor por cinco anos, os preços votaram a cair no final de fevereiro. Com a possibilidade de novos mercados com a Rússia, as expectativas voltam a ser otimistas FOTO ARQUIVO/DM

ALESSANDRA PASINATO ale@diariodamanha.net

Um cenário de boas perspectivas é o que se prevê, depois do mau tempo que passou o setor de suinocultura. A abertura de novos mercados à exportação traz uma tendência de melhora ao setor a partir de maio, depois da queda de consumo registrada desde o final de fevereiro. De acordo com o vice-presidente da Associação de Criadores de Suínos (ACSURS), Mauro Gobbi, o setor estava em uma crise severa até agosto do ano passado. “O produtor estava perdendo dinheiro e em agosto de 2013 começou a melhorar. Seguimos bem até o final de fevereiro e, a partir de março novamente tivemos queda no preço em função do período de quaresma, quando reduziu o consumo de carne suína”, aponta ele. Segundo Gobbi, a questão do desentendimento entre a União Europeia e Estados Unidos com a Rússia podem trazer benefícios ao setor da suinocultura no Brasil. Para os próximos meses, ele aponta que o setor espera uma melhora em termos de comercialização. “O balanço

Volume de produção brasileira deve manter o mesmo índice de 2013 de 3,4 milhões de toneladas de 2014 deve ser bom, porque a Rússia está habilitando mais plantas para comprar mais carne do Brasil. A produção brasileira está estagnada, não tem crescimento

e com o aumento de exportações, acreditamos que será um ano bom de preço e venda”, avalia. O consumo, segundo ele, deve ter elevação nos próxi-

Presidente

Vice-Presidente

Diretor Executivo

Ilânia Pretto Martins Pinto

Rogel Mello

www.facebook.com/diariodamanha

Gobbi, deve fechar 42 mil toneladas e, partir de maio, deve passar de 50 mil toneladas a exportação mensal. “Temos produto para atender essa demanda. Na verdade, havia um excedente e hoje, o aumento da exportação vai regular o mercado e o produtor vai poder ganhar mais”, frisa.

Preços

Janesca Maria Martins Pinto @jornal_dm

mos meses, um índice que deve ser maior que 10%. “Não existe aumento de produção e tanto o consumo interno como a exportação devem aumentar a partir de maio”, constata. O volume de exportação no país vinha se mantendo entre 30 e 35 mil toneladas de carne suína por mês. Em abril, segundo

Clélia Fontoura Martins Pinto - ME Matriz: Rua Independência,917, sala 3 - Passo Fundo Contato: (54) 3316-4800

De agosto de 2013 a fevereiro de 2014, Gobbi aponta que o valor pago ao produtor de suíno foi relativamente bom. Entre fevereiro e março, o preço voltou a cair e ficou 10% menor em comparação com o período anterior. “A maioria dos produtores está reclamando da queda do preço. Hoje o mercado está ruim, mas estamos vendo para frente um cenário positivo”, avalia. Na opinião dele, o custo de produção ainda está alto e o valor dos insumos estão estabilizados neste ano, apesar do preço elevado do milho e da soja. “Temos um custo de

produção em torno de R$ 3,10 o quilo e o produtor recebe de R$ 3,00 a R$ 3,20 o quilo. Até esta queda, tínhamos uma condição melhor de produção: o produtor ganhava até R$ 3,50 o quilo, com custo de R$ 3,00 para produção”, considera. Em termos de volume de produção, 2014 deve manter o mesmo índice de 2013, quando a produção de carne suína no Brasil atingiu 3,4 milhões de toneladas. Apesar disso, para este ano, a estimativa ainda é que o volume de abate tenha redução, em razão de toda a crise enfrentada pelo setor.

Problemas e perspectivas

A suinocultura vem tendo problemas de renda ao produtor desde 2007 e 2008 quando houve uma crise internacional em 2008 e o problema só começou a ser resolver a partir de agosto do ano passado. “O produtor passou quase cinco anos em crise, agora, ele não arrisca aumentar a produção porque o problema do passado foi doído e ninguém tem coragem de aumentar a produção, mesmo com boas perspectivas de futuro”, pontua. O vice-presidente comenta que as granjas que sobraram são de produtores seguiram, mesmo na crise e, hoje, estão precavidos. “A precaução é o sentimento da suinocultura. A lei da oferta e da demanda não muda, temos que regular a produção, produzir aquilo que o mercado precisa para ter um preço digno, que pague os custos de produção e ofereça renda ao produtor”, constata Gobbi.


REGIÃO DIÁRIO DA MANHÃ

3

Inicia vacinação contra aftosa

Quinta e sexta-feira 1 e 2.05.2014

Passo Fundo Erechim Carazinho

Na primeira etapa da campanha, que acontece de 1º a 30 de maio, serão distribuídas 5 milhões de doses, em um investimento de R$ 8,5 milhões do Estado FOTO ARQUIVO/DM

Neste dia 1° de maio inicia a primeira etapa da campanha vacinação contra a febre aftosa. Obrigatória, a imunização deve ser feita em todo rebanho bovino e bubalino estimado em 14 milhões de cabeças. Na primeira etapa da campanha serão distribuídas 5 milhões de doses, em um investimento de R$ 8,5 milhões do Estado e os produtores devem vacinar seu rebanho até 30 de maio, quando encerra a campanha. O Rio Grande do Sul é o único estado a doar vacinas Vacinação é obrigatória e deve ser feita até 30 de maio contra a febre aftosa a pecuaristas familiares com até cem animais e enquadrados nos critérios do Pronaf (Programa Eficiência vacinal Nacional da Agricultura Familiar) e Pecfam Conforme determina a Organização Mundial de (Programa Estadual de Desenvolvimento de Pecuária de Corte Familiar). As vacinas de- Saúde Animal (OIE), a cada dois anos é necesvem ser retiradas nas Coordenadorias Regio- sário realizar inquérito soroepidemiológico de nais, que já receberam as doses. A campanha eficiência vacinal. No Rio Grande do Sul, aconterá nova vacinação no segundo semestre, tecerá este ano. As amostras serão coletadas quando acontece o chamado “reforço”, onde em localidades e propriedades sorteadas entre são aplicadas doses apenas no rebanho de todas as cadastradas na Seapa. Com isso, pretende-se comprovar eficiência da imunização do até 24 meses. rebanho, que, na etapa de novembro do ano passado, chegou a 97,9% do total. Ainda em 2014 a Seapa fará estudo de circulação viral. A meta é comprovar que o vírus da febre aftosa não está Regionais circulando nos rebanhos. Ambos os testes serão Em Passo Fundo, a Coordenadoria Regiorealizados em propriedades diferentes. nal dispõe de 200 mil doses que já estão devidamente alocadas em todas as unidades. No dia 10 de maio, uma nova remessa com Casas agropecuárias mais 150 mil doses deve chegar na regional. Treinadas pela Secretaria da Agricultura em A coordenadoria atende 33 unidades de toda março e abril, 400 casas agropecuárias crea região e deve vacinar todo o rebanho de denciadas pelo Estado já estão 300 mil cabeças. capacitadas para armazenar e Em Erechim aproximadamente 220 mil comercializar as vacinas. A indoses serão distribuídas gratuitamente aos tenção é fazer com que as doprodutores do Alto Uruguai que se enquases cheguem ao produtor de dram no Pronaf. O total do rebanho nos 31 forma adequada. A recomenmunicípios da região é de aproximadamente dação é de que sejam man280 mil bovinos e bubalinos. Cerca de 60 tidas a 2ºC e 8ºC. No treinamil cabeças são de produtores que não se mento, os estabelecimentos enquadram no Pronaf e precisarão adquirir também aprenderam sobre a as doses. legislação referente ao tema.

EXPOCARAZINHO está aberta para a Comercialização A comercialização de espaços da EXPOCARAZINHO 2014 iniciou no dia 25 de abril e irá até o dia 09 de maio para as empresas do município que terão a preferência na procura dos estandes, após esta data a comercialização abre a todos os interessados. A terceira edição da feira terá a abertura de mais 50 espaços em relação ao ano passado (totalizando 250), uma expectativa de público de 70 mil pessoas (20 mil a mais que o ano passado) e a consolidação da feira não somente para Carazinho, mas para toda a região. Algumas empresas já confirmaram patrocínio, destacando as empresas E. Orlando Ross e Lavoro John Deere como patrocinadores masters. Neste ano a feira contará com a realização da Seara da Canção Gaúcha, uma promoção da prefeitura municipal, além da segunda edição da Ciranda Literária em parceria também com a Secretaria Municipal da Educação e Cultura e, também, neste ano poderá contar ainda com a rede estadual. Mesmo com o início da comercialização a Comissão Organizadora da EXPOCARAZINHO destaca que “estamos abertos o apoio financeiro através de patrocínios para que feira se consolide”.

Curso SENAR em parceria com o Sindicato Rural O Sindicato Rural está com vagas abertas para o curso de vigia e trabalhador autorizado, que será realizado de 04 a 06 de junho de 2014. O treinamento é voltado a profissionais que exercem ou virão a exercer atividades em moegas, secadores, silos, túneis, elevadores, etc. A carga horária é de 24 horas e a parte teórica será realizada no Sindicato Rural. O curso é gratuito e as vagas são limitadas e tem como pré-requisito para a participação um atestado de saúde ocupacional (ASO). Mais informações e reserva de vagas junto ao Sindicato Rural, em contato pelo telefone (54) 3331-2933 ou e-mail src@annex. com.br.

Comunicado O Sindicato Rural de Carazinho informa que recebeu documento do Sr. Carlos Eduardo Scheibe onde o mesmo solicitou seu desligamento definitivo do cargo de Presidente por motivos particulares e familiares, porém continuará atuando como Vice-Presidente da Farsul além das atribuições de associado junto às ações do Sindicato Rural. Conforme regram os estatutos, eleva-se ao cargo de Presidente o Sr. Leomar Luis Tombini, a 1º Vice-Presidente o Sr. Paulo Roberto Vargas e a 2º Vice-Presidente o Sr. André Juliano Senger, permanecendo inalterados os demais cargos.


ESPORTE DIÁRIO DA MANHÃ

4

Quinta e sexta-feira 1 e 2.05.2014

Passo Fundo Erechim Carazinho

Grêmio desclassificado nos pênaltis Tricolor venceu no tempo normal, mas viu a desclassificação da Libertadores nas cobranças de pênaltis FOTO GAZETA PRESS/ DIVULGAÇÃO

KLEITON VASCONCELLOS kleiton@diariodamanha.net

E acabou o sonho do Grêmio na Taça Libertadores da América. Na noite de quartafeira (30), o Tricolor recebeu o San Lorenzo e precisava da vitória por dois gols para garantir a classificação às quartas de finais da competição. O resultado de 1x0 até veio no tempo normal, mas Barcos e Maxi Rodriguez desperdiçaram as suas cobranças, decretando a eliminação. O time do Papa Francisco irá encarar na próxima fase o Cruzeiro. Com a Arena lotada, o técnico Enderson Moreira optou por um esquema ofensivo, com três atacantes. Dessa forma, como era de se esperar, o Grêmio pressionou desde o início. A equipe iria abrir o placar aos 10min, quando Barcos recebeu na área e tocou de cobertura. A bola entraria, não fosse o corte providencial do lateral Buffarini. Depois, aos 18min, Barcos ajeitou e Edinho bateu por cima. Tal postura, contudo, dava espaços ao San Lorenzo, que tinha a possibilidade do contra-ataque. Com o passar dos minutos, o gol não veio, o Tricolor errou passes e os argentinos emparelharam. O goleiro Torrico, aos 37min, evitou de peito um gol de Barcos. Com a proximidade do intervalo, a torcida ficou apreensiva. Na volta para o segundo tempo,

Como o placar não foi alterado, a decisão foi para os pênaltis. Torrico defendeu a cobrança de Barcos. Ortigoza, Riveros e Matos converteram. Maxi acertou a trave, desperdiçando outro para o Grêmio. Blandi fez o seu, Rodriguinho também e Buffarini encerrou as cobranças em 4x2 para o San Lorenzo.

Grêmio x San Lorenzo

Barcos lamentou: ele perdeu um dos pênaltis nada de dar refresco ao San Lorenzo. Com 3min, Barcos marcou um gol, anulado (corretamente) por impedimento. Já aos 8min, a defesa falhou, Barcos avançou e Torrico espalmou. Na pressão, Moreira colocou Rodriguinho na vaga do apagado Zé Roberto. Pois o camisa 27 alçou na área, aos 20min, a bola desviou em Geromel e explodiu na trave. Passados três minutos, Dudu chutou para nova defesa de Torrico. O San Lorenzo, a essa altura, era só defesa. No desespero, Lucas Coelho substituiu Pará. A postura deu resultado: aos 38min, o San Lorenzo errou na saída de bola, Rodriguinho recebeu na direita, deu um verdadeiro chute ao centro da área e Dudu, no 2º pau, tocou de cabeça

Feriado de jogo para o Inter Colorado encara o Cuiabá pela Copa do Brasil O Internacional entra em campo às 19h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira (1/5) para enfrentar o Cuiabá pela 2ª fase da Copa do Brasil. A partida será disputada na Arena Pantanal, uma das sedes da Copa do Mundo, na capital matogrossense. A delegação colorada embarcou para Cuiabá no começo da tarde desta quarta-feira. Pela manhã, Abel comandou o último treinamento antes do confronto, que não chegou a ser um coletivo, uma vez que os 11 titulares não foram posicionados. Juan, com desgaste muscular, treinou em separado do grupo e não viajou. Com isso, Ernando deve ser o seu substituto. A tendência é que o restante do time seja o mesmo que atuou contra o Botafogo no último final de semana, com o acréscimo de Gilberto na lateral-direita. Provável escalação: Dida; Gilberto, Paulão, Ernando e Fabrício; Willians, Aránguiz, Alex, Alan Patrick e D’Ales-

Pênaltis

sandro; Rafael Moura. A última vez que o time de Abel Braga atuou pelo torneio nacional foi em 12 de março, na estreia contra o Remo. Com uma goleada de 6 a 1, o Colorado avançou automaticamente à segunda fase. Na temporada, a equipe treinada por Luciano Dias venceu 9 jogos, empatou 7 e perdeu 3, tendo marcado 18 gols e sofrido 8. Em entrevistas a meios locais, o técnico Luciano Dias tem prometido uma equipe sólida defensivamente, mas não retrancada. O objetivo é não perder por dois ou mais gols nesta quinta-feira, forçando o jogo de volta no Beira-Rio. Uma possibilidade é a repetição da equipe que venceu o CRAC. Assim, o Cuiabá formaria com: Willian Alves; Éder Sciola, Diego Santos, Samuel e Ruan; Danilo Báia, Éverton Cézar, Diego Torres e Gilsinho; Cleverson e Tiago Chulapa.

para o fundo do gol. Era o 1x0. Agora, quem fizesse o gol levaria a classificação.

Grêmio: Marcelo Grohe; Pará (Lucas Coelho), Werley, Pedro Geromel e Wendell; Edinho, Riveros e Zé Roberto (Rodriguinho); Luan (Maxi), Barcos e Dudu. Técnico: Enderson Moreira. San Lorenzo: Torrico; Buffarini, Valdés, Genttiletti e Más; Pichi, Ortigoza, Correa (Elizari) e Villalba (Prósperi); Piatti e Matos. Técnico: Edigardo Bauza. Local: Arena do Grêmio.


(54) Quinta-feira Erechim, 1º e 2.05.2014, 3522 2711

1 CLASSIFICADOS.AUTOMÓVEIS ALUGUEL APARTAMENO CASAS TERRENO OPORTUNIDADE DIVERSOS classificados Diário da Manhã - Erechim, 1º e 2.05.2014 -

Quinta-Feira


2

classificados

Erechim, 1ยบ e 2.05.2014, Quinta-feira

Erechim, 1ยบ e 2.05.2014, Quinta-feira

classificados

3


4

classificados

Erechim, 1ยบ e 2.05.2014, Quinta-feira

Erechim, 1ยบ e 2.05.2014, Quinta-feira

classificados

5


6

classificados

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-feira

classificados

Erechim, 1º e 2.05.2014, Quinta-feira

Imóveis ALUGO Sala comercial térrea. Fone: 54-9131-1274 Apartamento de um ou de dois dormitórios no Edíficio Madrid, centro. Fone: 3321-1388. Pavilhão comercial 160 metros quadrados - rua distrito federal - 908, centro. 9181-

4791 - neudi Apto em Meia PraiaItapema, dois quartos, dois banheiros e uma garagem. Fones: 3015-3799/99419347/81218083. Sala comercial do Edificio Uniodonto, localizado na Avenida XV de Novembro, centro de Erechim. Maiores informações pelo fone 9998-5759 ou na portaria do prédio.

VENDO Terreno com toda a infra-estrutura. Água, luz, calçamento, pode ser incluído no programa minha casa minha vida da caixa econômica federal, inclusive com a construção. Fone: (54) 99396991 CRECI: 35288 Apto novo na Rua São Paulo. Três quartos, 10º andar, dois box. Fone: 9982-

3822/3522-2149. Apartamento dois quartos, sendo um suíte, banheiro social, sala, cozinha, dois box. Rua Itália 1101. Edificio Veneza, 1 º andar, Fones: 99594273/9130-0889. Casa mista no Bairro Boa Vista. Valor R$110.000,00. Fone: 9957-5750. Aceita troca por carro no negócio.

Automóveis VENDO F1000 turbo XL 98/98MWM, completa, documentação em dia. R$ 45.000,00. Fone 35195037/ 91329447 Moto Xt 600 E, ano 1997. Estado de nova. Fone: 8112-1276 Biz 125 Yes 2006 prata. R$4.000,00. Fone: 9619-6621. Vendo ou negocio uma S 10 executiva 2008 com 157.000km por uma F 250 cabine simples carroceria aberta. Fone: 9998-3986. Gol 1.0 básico 2001, R$ 11.500,00, S 10 2003 de luxe 2.8 turbo. R$47.000,00. Único dono. Fone: 9168-6567 Corsa, 97, alarme, som e ar. R$8.500,00. Fone; 9157-7863 com Altair. Celta Spiriti 1.0 Flex 2009, ar quente, desembaçador e limpador traseiro, alarme e trava elétrica. R$16.930,00. Citroen C3 1.4 GLX Flex 2012 completo. R$ 28.588,00. Fones: 3321-0191/84033963/8441-3512.

COMPRO Chevete apartir do ano 1987 em bom estado. Fone: 99575750. Betoneira de 150 a 200 litros. Fone: 84052430 com Gilberto. OUTROS Contrato empregada doméstica com referência e que pernoite no emprego. Fones; 2106-1299/9161-0514 Vendo vários móveis para loja de vestuário. Araras, cabides, balcões e manequins. Fone: 3522-2504

Diversos Empresa Jornalística vende jornais velhos por kg. Fone: 3321-2233. Procuro trabalho de faxineira. Sou experiente e tenho referências. Fone 9939-3988 com Marli. Procuro casa para alugar próximo ao centro em Erechim com três quartos, sala, cozinha, garagem e pátio fechado. Aluguel até R$1.000,00 pgto. adiantado. Interessados em alugar o referido imóvel entrar em contato com Antonio pelo fone: 96-338921.

REGISTRO CIVIL Edital número 19486-- Antônio Luís Carbonari, Oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais de Erechim, Rio Grande do Sul, FAZ SABER QUE PRETENDEM CASAR: VALCIR JOSÉ CASTILHO e ANE MARÍ COSTA. QUEM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. Av. Presidente Vargas, nº 310, Erechim-RS. Fone: 3522-5988. Horário de atendimento ao público: 08:30 às 11:30 h e 13:30 às 17:30 h de Segunda a Sexta-feira. REGISTRO CIVIL Edital número 19487- Antônio Luís Carbonari, Oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais de Erechim, Rio Grande do Sul, FAZ SABER QUE PRETENDEM CASAR: JOSUÉ FRANCISCO GOMES e ROSMARIA DE LIMA. QUEM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. Av. Presidente Vargas, nº 310, Erechim-RS. Fone: 3522-5988. Horário de atendimento ao público: 08:30 às 11:30 h e 13:30 às 17:30 h de Segunda a Sexta-feira.

7


8

classificados

Erechim, 1ยบ e 2.05.2014, Quinta-feira


Erechim