Issuu on Google+

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

1


2 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

3


4 - DIÁRIO DA MANHÃ

GERAL

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

GERAL

DIÁRIO DA MANHÃ -

5


6 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

7


8 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

9


10 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

11


12 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

13


14 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

15


16 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

17


18 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

19


20 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

21


22 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo

DIÁRIO DA MANHÃ -

23


24 - DIÁRIO DA MANHÃ

Terça e Quarta-feira, 4 e 5.03.2014 , Passo Fundo


Conexão

Quinta-feira, 24-04-2014 - www.diariodamanha.com

PASSO FUNDO - CARAZINHO - ERECHIM

Jornalismo e Educação perdem Jairo Martins Polêmico e irreverente, apaixonado pela educação e pela política, deixa como legado uma trajetória de grandes trabalhos e uma maneira ímpar de escrever Faleceu ontem (23) em Porto Alegre, por volta das 9h, onde estava internado lutando contra um câncer, o jornalista e professor Jairo Jair Martins (57) o qual, atendendo seu próprio pedido, será cremado hoje na capital do Estado. Natural de Erechim, ele esteve pela primeira vez em Carazinho aos três anos de idade, mas permaneceu por pouco tempo na cidade. Por sete anos, foi chefe de gabinete do deputado estadual Márcio Biolchi (PMDB). Em Porto Alegre, concluiu o curso de mestrado em Letras. Após a vitória do prefeito Aylton Magalhães, em 2008 foi convidado para ser secretário Municipal de Educação, área que era sua

FOTO ARQUIVO/DM

paixão e que tinha mestrado. “Educação é tudo, pois seja médico, juiz ou engenheiro, todos eles precisaram passar pela mão de um professor. A educação precisa ser construída com saltos de qualidade”, destacava. Como jornalista atuou em Carazinho no Jornal Noticioso e foi Chefe de Redação do Jornal Diário da Manhã, nos anos 90, sendo o criador da coluna “Última Página” que em seu formato original tinha um conteúdo mais crítico e observador em relação aos anseios da comunidade e da política, principalmente, sendo por anos um dos espaços mais lidos e preferidos dos leitores. Também atuou no Grupo Caldas Júnior,

como correspondente do Jornal Correio do Povo e Rádio Guaíba. Antes da enfermidade se agravar, seu último cargo público foi o de diretor de expediente na Câmara Municipal de Carazinho, durante a presidência do vereador Otto Gerhardt.

JAIRO MARTINS (1957-2014)

“Boa parte da minha vida foi como jornalista. Só que sempre levei algo em consideração. Se eu tinha que criticar um sujeito, antes de publicar a matéria eu pegava o telefone e avisava da publicação, ouvia o que ele tinha a dizer. Isso é algo que carrego até hoje. Eu respeito muito o jornalismo, mas não aquele que não te dá direito à resposta. Parte-se da própria lei, que diz que em princípio todos são inocentes, tem que provar que alguém é culpado” Segue na página 2


REGIÃO DIÁRIO DA MANHÃ

2

Quinta-feira,

Um profissional de grande trajetória

24.04.2014

“Era um excelente jornalista, fez sua história no município. Tinha grande bagagem, sabia trabalhar com os políticos. Ele viveu momentos históricos com grandes líderes, como Brizola, sendo muito marcado pela sua opinião forte e caráter. Falava sempre com contexto, sendo muito significativo e respeitado por outros jornalistas, pois tinha um estilo próprio. Era praticamente um poeta quando escrevia, mesmo quando de forma contundente. Um grande amigo, pai, parceiro, uma pessoa muito marcada pela paixão pela política e a educação” – Otto Gerhardt, vereador e ex-presidente do Legislativo. Passo Fundo Erechim Carazinho

Cotações MOEDAS

FECHAMENTO VARIAÇÃO%

Dólar 2,2260 Euro 3,0734

CBOT

-0,71 -0,73

FECHAMENTO VARIAÇÃO%

Soja (U$d/bu) 1468,50 -11,25 Milho (U$/bu) 503,50 7,25 Trio(U$/bu) 676,50 3,50 Óleo (U$/bu) 42,50 -0,24 Farelo (U$/tonO) 478,10 -1,70 As cotações foram apuradas às 17h30. Horário de BR

BM&F

FECHAMENTO VARIAÇÃO%

Soja (U$d/bu) 31,10 0,00 Milho (U$/bu) 31,10 0,00 Boi(U$/bu) 122,00 0,00 Ouro/bm&f zid (R$/gr) 92,00 0,00

“Foi meu professor, quem me deu as primeiras linhas em minha formação como repórter, apostou em meu trabalho. Sempre atuou na linha da coerência, mesmo quando precisava ser mais contundente. Foi um profissional que ninguém pode desmerecer sua trajetória, ele tinha um jeito único de escrever. Gostava muito de trabalhar nas en-

“Eu convivi com ele por mais de 20 anos, desde a época de meu pai, o deputado Osvaldo, com quem ele trabalhou 15 anos, depois mais seis anos comigo. A trajetória política e jornalística dele foi muito importante, me trouxe experiência de vida e profissional, que eu não tinha no início do meu mandato. Todo mundo ficou muito sentido aqui na Assembleia Legislativa, isso mostra que deixou um legado, relações de amizade. Ele tinha postura profissional, sem perdeu sua identidade, de uma personalidade forte. Ele teve reconhecimento profissional sem abrir mão da autenticidade. É uma grande perda.” – Márcio Biolchi, deputado estadual. “O Jairo era incrível, foi ele quem me deu a oportunidade de ser jornalista no Grupo Diário da Manhã, há duas décadas. Ele apostou em meu potencial como repórter e redator e mesmo quando não trabalhávamos mais juntos, seguidamente me telefonava para sugerir pautas, trocar ideias ou comentar sobre minhas reportagens. Apesar de eu ser jovem, sem bagagem na época em que comecei, ele me deu a chance de ingressar em uma redação experiente e respeitada, confiando em meu desempenho, me incentivando. Sempre gostei do seu modo irreverente de escrever, pois tinha um estilo próprio. Era um chefe exigente, mas muito justo. Ele sabia como poucos, mesclar a ironia com críticas contundentes, sendo muito admirado pelos colegas de profissão e até mesmo por quem era alvo de suas críticas. Aprendi muito com o Jairo, principalmente, em jamais se curvar diante de ameaças na hora de redigir um texto, ele foi um batalhador pela liberdade de imprensa. Uma grande perda!” – Sérgio Cornélio, jornalista.

AGRÍCOLAS

FECHAMENTO

Soja Passo Fundo (R$/SC) 66,00 Milho Passo Fundo (R$/SC) 28,50 Trigo Carazinho (R$/SC) 40,00 www. agroinvvesti.com.br Av. Gal Neto, 789 - 2104-2300

BOLSA 23/04/2014

Bovespa

-0,78% 51.570 pontos

INCC / PASSO FUNDO VARIAÇÃO NO MÊS

“Conhecia o Jairo desde criança, quando eu morava em frente ao INSS, na Rua Alexandre da Motta. Eu o avistava, ainda guri, todas as manhãs, indo para a escola, sou amigo de toda a família dele. Como jornalista, eu sempre fui seu admirador, ele era ‘picante’, com crônicas fortes e muito bem elaboradas. O jornalista que diz verdades às vezes é amado por uns e não muito por outros, mas tive nele sempre um profissional correto, que mesmo quando criticava abria oportunidade para o contraponto. Como secretário de Educação, foi uma inovação. Na época ele era chefe de gabinete do Márcio Biolchi e o convidei exatamente pelo passado como jornalista e o conhecimento político. Queria um secretário que fosse inovador e ele demonstrou que eu estaca certo. Foi uma das secretarias que sempre teve o melhor desempenho durante o governo AyltonCapitânio” – Aylton Magalhães, ex-prefeito de Carazinho.

0,22%

**TJLP

JANEIRO A MARÇO

5% a.a.

SALÁRIO MÍNIMO R$ 724,00

SALÁRIO REGIÃO

Menor: R$ 770,00 Maior: R$ 1.100,00

NORMATIVO

DOS COMERCIÁRIOS FECHAMENTO

Passo Fundo Erechim Carazinho

R$ 860,00 R$ 806,00 R$ 862,00

TABELA INSS Até 1.317,07 De 1.317,08 até 2.195,12 De 2.195,13 até 4.390,24

8% 9% 11%

Presidente

Vice-Presidente

Janesca Maria Martins Pinto

Diretor Executivo

Ilânia Pretto Martins Pinto

Rogel Mello

@jornal_dm www.facebook.com/diariodamanha

trelinhas, onde deixava suas mensagens sutilmente. Ele tem uma importância muito grande para o jornalismo Carazinho, fazendo o município ser conhecido em locais distantes. Sempre se preocupou em formar equipes de trabalho. Era meu amigo particular, perdi um irmão” – Sereno Azevedo, jornalista.

Clélia Fontoura Martins Pinto - ME Matriz: Rua Independência,917, sala 3 - Passo Fundo Contato: (54) 3316-4800

“O Jairo marcou época no jornalismo carazinhense e da região. Foi um dos primeiros jornalistas que teve coragem de se posicionar, de emitir opinião e de questionar o poder, através de um jornalismo provocador e investigativo, mas sempre com um grande respeito pela informação. Penso que com isso ele abriu caminho para os jornalistas, que como eu, vieram depois dele, tentando exercer este mesmo papel. Por isso mesmo, Jairo sempre foi polêmico, e como ele adorava uma polêmica... Se tem uma palavra que pode resumir o Jairo como pessoa e como profissional, a palavra é ‘Intenso’. Foi intenso em tudo: como jornalista, como pesquisador, como secretário de Educação, como assessor... Era impossível ficar indiferente a ele e as suas opiniões, mesmo quem não concordava com elas. A convicção com que defendia seus pontos de vista era aquela ‘com brilho nos olhos’, e é assim que eu vou me lembrar dele: como um apaixonado pelas palavras, pela ditas, mas principalmente pelas não ditas!” – Nadja Hartmann jornalista e professora de Comunicação Social


Quinta-feira- 24.04.2014 Passo Fundo Erechim Carazinho

3


ESPORTE DIÁRIO DA MANHÃ

4

Quinta-feira 24.04.2014

Passo Fundo Erechim Carazinho

Grêmio perde a invencibilidade na L.A. Tricolor foi derrotado pelo San Lorenzo em Buenos Aires: 1x0

O Grêmio não teve o resultado dos sonhos no início da disputa das oitavas de final da Copa Libertadores da América. Na noite de ontem, o Tricolor encarou o San Lorenzo no Estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires. Mesmo tendo uma atuação regular, não segurou os argentinos e saiu derrotado por 1x0, perdendo pela 1ª vez na competição. Na semana que vê, terá que vencer na Arena o mesmo San Lorenzo. Bastante modificado, o Grêmio entrou em campo com

pelo menos três novidades: Pedro Geromel, Léo Gago e Zé Roberto. Tendo uma formação defensiva, o técnico Enderson Moreira preferiu o volante Edinho ao atacante Luan. Assim, até teve maior posse de bola, mas foi pouco efetivo no ataque. Dono da casa e contando com a sua torcida, o San Lorenzo levou grande perigo com a dupla Mattos/ Correa. Aos 9min, Mattos arriscou de longe e quase abriu o placar. Destaque, no 1º tempo, para o alto número de passes errados. Logo no início da 2ª etapa, o

San Lorenzo fez o seu gol. Aos 6min, após cobrança rápida de lateral, Villalba cruzou da direita, Mattos ajeitou e Correa, da entrada da área, bateu cruzado e rasteiro. Era o 1x0. Ato contínuo, Enderson Moreira colocou Luan na vaga de Ramiro. Com isso, o Grêmio equilibrou o jogo e teve uma chance de ouro, desperdiçada aos 35min: numa falta indireta de dentro da área, Dudu ajeitou mal e Barcos isolou. No finalzinho, aos 44min, Cavallaro assustou Grohe ao acertar a rede pelo lado de fora.

Inter treina mirando o Botafogo Colorado encara o Fogão no domingo O Internacional segue se preparando para o confronto com o Botafogo, pela segunda rodada do Brasileirão, marcado para o próximo domingo (27), às 16h, no Maracanã. Na tarde de quarta-feira, o técnico Abel Braga comandou atividade com bola no CT do Parque Gigante, porém não houve indício da escalação que será utilizada no duelo com os cariocas. O grupo foi dividido em três times em atividade de-

senvolvida em campo reduzido. Mais tarde, cruzamentos e conclusões a gol foram exercitadas pelos jogadores. D’Alessandro permaneceu na academia realizando exercícios nos aparelhos de musculação, mas o camisa 10 não tem problemas e deverá atuar na capital carioca. Já Alex, que sentiu uma contratura na coxa, correu em volta do gramado e será reavaliado nos próximos dias. O Inter volta a treina na

tarde desta quinta-feira. Na sexta e sábado estão previstos trabalhos no turno da manhã. A viagem para o Rio ocorre no final da tarde de sábado.

Arbitragem

O baiano Jailson Macedo Freitas foi escalado para apitar o jogo Botafogo x Inter. Ele será auxiliado por Rogério Pablos Zanardo (SP) e Vicente Romano Neto (SP).

Valcke elogia Cuiabá Secretário-geral da Fifa seguiu visitas para a Copa do Mundo Depois de uma terça-feira agitada, com visitas e críticas à Arena Corinthians, em São Paulo, e à Arena da Baixada, em Curitiba, Jerôme Valcke, enfim, parece ter encontrado uma situação mais positiva nos estádios que estarão na Copa do Mundo. Ontem (27), o secretário-geral da Fifa esteve na região central do Brasil, mais precisamente em Cuiabá, capital do Mato Grosso, para vistoriar a situação da Arena Pantanal, palco de 4 jogos do Mundial. Durante a visita, Valcke não fez críticas, mas cobrou a

instalação das cadeiras até o dia 5 de maio. “Ainda faltam assentos no estádio. Mas foi acordado que devem estar instalados até, no mais tardar, dia 5 de maio, para que possamos fazer os testes com a capacidade necessária. Tenho certeza que Cuiabá vai estar pronta. Não há grandes problemas aqui. Não quero comparar com outros estádios. Estou satisfeito e se a data para instalação das cadeiras for cumprida estamos tranquilos”, disse o secretário-geral. Faltam 50 dias para a Copa do Mundo.

FOTO AFP/ DIVULGAÇÃO

San Lorenzo bateu o Grêmio, de Ramiro, em Buenos Aires

San Lorenzo 1x0 Grêmio

San Lorenzo (1): Turrani; Buffarini, Valdés, Gentiletti e Más; Ortigoza, Piachi, Villalba (Cavallaro) e Piatti (Kannemann); Correa (Elizari) e Mattos. Técnico: Edigardo Bauza. Grêmio (0): Marcelo Grohe; Pará, Pedro Geromel, Werley e Léo Gago (Breno); Edinho, Ramiro (Luan), Riveros e Zé Roberto (Maxi); Dudu e Barcos. Técnico: Enderson Moreira. Local: Estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires.

Real sai em vantagem na UCL Equipe de Madrid venceu o jogo da ida: 1x0 sobre o Bayern O Real Madrid começou bem na semifinal da Uefa Champions League (UCL). Na tarde de ontem (23), a equipe espanhola contou com um gol do francês Benzema para vencer o Bayern de Munique por 1x0.

O jogo ocorreu no Estádio Santiago Bernabéu, em Madrid. Com a vantagem, um empate na semana que vem, quando os times voltam a se enfrentar na Allianz Arena, em Munique, classifica os Merengues.


Shop Car &CIA

PASSO FUNDO

Seja qual for seu

Estilo


Quinta-Feira, 24.04.2014 -

DIÁRIO DA MANHÃ Passo Fundo

Salão do Automóvel 2014:

SUVs compactos darão o tom da mostra O Salão do Automóvel de 2014 só começa no dia 30 de outubro, mas uma coisa já é certa: a mostra será dominada pelos SUVs compactos. Vamos a três participantes:

Honda Vezel

A produção do jipinho feito sobre a base do Fit começa em 2015 na nova fábrica da Honda em Itirapina (SP), mas a marca já vai aproveitar o Salão para exibir a versão nacional do modelo. Versão essa que pode receber alguns detalhes diferenciados do modelo original japonês, como grade e detalhes dos para-choques. Com 4,29 metros de comprimento, 1,77 m de largura, 1,60 m de altura e 2,61 m de entre-eixos, o Vezel herda do Fit o sistema de rebatimento

Hyundai ix25 EcoSport

Obviamente que a Ford não vai ficar parada apenas olhando esta movimentação toda da concorrência. Por isso, espere por novidades na gama para a linha. Uma das novidades já chegou como acessório: é a central multimídia com GPS, DVD player e TV digital, oferecida por R$ 3,5 mil nas concessionárias. Para 2015, as versões mais caras do Eco podem ganhar o recurso como item de série (ou ao menos como opcional) e

as mais baratas deverão trazer como atração o motor 1.6 16V atualizado, com duplo comando variável e até 135 cv – como no Focus. Com este motor mais potente, outra novidade deverá ser a opção do câmbio Powershift de dupla embreagem e seis marchas também nas versões 1.6. Além de se renovar, o EcoSport vai chamar seus irmãos maiores para a briga: o Escape, SUV do Focus, e a nova geração do Edge também devem estar entre as novidades da marca para o Salão do Automóvel. A conferir!

de bancos somado a um porta -malas de 393 litros. No quesito motorização, a principal aposta recai sobre o propulsor 1.5 Flex One que vai estrear com o Fit – será a única opção no monovolume por aqui -, em versões manual e automática do tipo CVT. No entanto, fala-se também no bloco 1.8 Flex One do Civic como opção mais potente. A tração integral (normalmente é dianteira) segue como dúvida para o mercado brasileiro, assim como o nome do SUV: sabe-

Com apresentação esperada para o Salão de Pequim, agora em abril, o novo jipinho ix25 também vai brilhar no Salão de SP em outubro. A produção começa em 2015 na fábrica de Piracicaba (SP), junto com a linha HB20, da qual o SUV compartilha muitos componentes. A plataforma compacta do Grupo Hyundai-Kia é a mesma, assim como o motor 1.6 16V flex de até 128 cv. Uma das novidades pode ser a chegada da transmissão automática de seis marchas no lugar da de quatro velocidades do HB20. Visto em flagras de sites chineses, que já desvendaram até a carroceria do modelo, o design do ix25 seguirá a linha atual da Hyundai, em especial o jipão Santa Fe. Faróis e lanternas espichados para as laterais e a tradicional grade hexagonal da marca marcarão presença no menor SUV da marca. Identidade maior ficará

2

se que não será Vezel como no Japão. Uma das opções mais cotadas é HR-V, nomenclatura que será adotada nos EUA. Entre os equipamentos são esperados ar digital de duas zonas, controle de estabilidade com assistente de partida em rampas, central multimídia com GPS, DVD e câmera de ré, partida por botão, sistema Econ para menor consumo (como no Civic), seis airbags e borboletas no volante para trocas de marcha. Preços devem se iniciar nos R$ 68 mil.

por conta das colunas dianteiras pretas e do teto reto e comprido, como no primo Kia Soul. O modelo terá em torno de 4,20 m de comprimento e, ao contrário do rival EcoSport, não virá com estepe preso à tampa traseira. Com isso, o desenho será bastante limpo na parte de trás, com a placa na parte inferior da tampa do porta-malas. Segundo apuramos, algumas unidades do ix25 já estão no Brasil para demonstração em clínicas de consumidores. Estas reuniões ajudarão a definir a estratégia comercial do modelo por aqui, que terá como principal alvo o EcoSport – sempre ele. A tração será somente dianteira, sem qualquer pretensão off-road além do visual e altura do solo elevada. Com o lançamento do ix25, é provável que o Tucson deixe de ser produzido por conta dos preços semelhantes – começando na faixa dos R$ 65 mil.


DIÁRIO DA MANHÃ Passo Fundo

Quinta-Feira, 24.04.2014 -

3


DIÁRIO DA MANHÃ Passo Fundo

Quinta-Feira, 24.04.2014 -

4


Passo Fundo