Issuu on Google+


02 eflexão

uriosidades Curiosidades sobre o Papado

A parábola do lápis Certo dia, um fabricante de lápis conversava com os seus lápis, dizendo a cada um deles as seguintes palavras: – Existem cinco coisas que você precisa saber antes de eu enviá-lo para o mundo. Sempre se lembre delas, e você se tornará o melhor lápis do universo. Primeira: você poderá fazer grandes coisas, mas só se você se permitir estar seguro na mão de alguém. Segunda: você experimentará um doloroso processo de ser afiado de vez em quando, mas isso é exigido se você quiser se tornar melhor do que já é. Terceira: você tem a habilidade de corrigir qualquer mal entendido que puder ocasionar. Quarta: a parte mais importante que

existe em você está do lado de dentro. Quinta: não importa a condição, você deve continuar escrevendo. Você deve sempre deixar uma marca clara e legível – não importa o quão difícil seja a situação. Todos os lápis entenderam, prometendo lembrar sempre as palavras do seu criador, e entraram na caixa, compreendendo o propósito do seu fabricante. Somos também como um lápis. Fomos criados com um propósito pelo nosso Criador. E então, será que compreendemos tudo isso a cada dia? “... todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.” Romanos 8.28

A renúncia do Papa Bento XVI trouxe à mídia uma série de histórias curiosas sobre o papado. E é isso que nós vamos apresentar nesse texto: algumas histórias e informações inusitadas sobre alguns dos 264 papas que já comandaram a Igreja Católica. Como todos sabem, o primeiro papa da história da igreja foi Simão Pedro. Lembrem-se da passagem blíblica: “Pedro sobre ti edificarei a minha igreja” – palavras ditas por Jesus Cristo. Pedro morreu como mártir no ano 64 depois de Cristo. As funções do papa são: direcionar a fé católica, manter a união e a soberania da igreja, reunir os fiéis, atuar com diplomacia e rigor nos casos de desvios de conduta, nomear os bispos e cardeias, canonizar santos e resolver problemas internos do Vaticano. O cargo do Papa é vitalício, ou seja, ele deve permanecer na função até a morte. Nunca nenhum papa se aposentou na História da Igreja, mas os católicos já tiveram seis renúncias pessoais ao papado. O Papa Bento XVI foi o último a renunciar, e anunciou que deixaria o cargo aos 85 anos, por motivos de saúde. Uma curiosidade é que o papa Bento IX também renunciou. O fato aconteceu em

1045. Antes de Bento XVI, o último papa a renunciar foi Gregório XII, em 1415, ou seja, a igreja ficou cerca de 600 anos sem uma renúncia. Saiba mais curiosidades sobre os papas: - O Papa possui um contingente de 110 homens treinados para protegê-lo; - No total, 21 papas morreram como mártires; - 85 papas foram santificados; - Treze papas reinaram mais de 20 anos; - A criação do conclave para a escolha do papa aconteceu em 1274; - Dos 264 papas da igreja, 210 nasceram na Itália, 99 deles em Roma.


03


04


05

ASSEMBLEIA ANUAL CONTOU COM MAIS DE 1,2 MIL ASSOCIADOS

CRESOL REALIZA ASSEMBLEIA E COMEMORA

RESULTADOS POSITIVOS EM 2012 N

o último dia 16, a Cresol das Encostas da Serra Geral, cooperativa de crédito com sede em Santa Rosa de Lima e que atende outros quatro municípios da região, realizou, no último dia 16, a sua Assembleia Anual. Durante o evento - em que mais de 1,2 mil associados do município sede, além de São Martinho, Lauro Müller, Anitápolis e Armazém, participaram - foram apresentados os balan-

ços do ano de 2012 e os resultados de projetos e ações desenvolvidas pela entidade. Entre os temas apresentados, um dos destaques foi a evolução obtida ao longo dos últimos anos. No total de depósitos, por exemplo, a Cresol obteve em 2012 um total de R$ 17.422.623,00. Em 2011, esse valor foi de R$ 11.074.399,00. No balanço financeiro de receitas e despesas, foi alcançado um saldo positivo de R$ 161.035,76. Deste total, mais de 135 mil serão distribuí-

dos entre os associados da cooperativa. Outro destaque da assembleia foi a avaliação do projeto “Caprichando a Morada”, um concurso de s e nvol v ido e ntr e os sócios-correntistas para incentivar os cuidados em suas respectivas propriedades, como melhorias em jardins, hor tas, pomares, destinação de lixo e esgoto e utilização de recursos sustentáveis. Com a boa participação em 2012, foi assegurada a realização de uma nova edição do concurso em

2013. “Estamos bastante felizes com estes números, resultado de um trabalho que quer emos dar continuidade e, assim , seguir nesta tendência de crescimento”, avaliou a presidente da Cresol da s En cos t a s da S e r r a Geral, Fabiana Cesário. “Agradecemos a todos os nossos associados, especialmente os que participaram da Assembleia, que contou com a maior participação desde a nossa inauguração”, finalizou a presidente.

SC-108

Em visita à Rio Fortuna na segunda-feira, 18, o presidente do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), Paulo Meller, garantiu uma solução para os desmoronamentos na SC-108 (antiga SC-482), entre Rio Fortuna e Braço do Norte. Convocado pelo prefeito Lourivaldo Schuelter, o “Pita”, e pelo presidente da Câmara de Vereadores, Eduardo Wiggers, Meller afirmou que em 15 dias o projeto de contenção das áreas estará pronto. Em seguida será feita a licitação para execução da obra.


06 aúde Bucal

Por Dra. Samia Ahmad Ciru C iru irurgiã rg rg rgiã giã iã - D Denti entista enti sttaa - CRO 11815 Cirurgiã Dentista

Nei na liderança Nei Alexandre De Bona, proprietário da Qualicar Multimarcas, de Braço do Norte, segue na liderança do Campeonato Estadual de Enduro de Regularidade, na categoria Sênior. Durante etapa realizada em Joinville, conquistou mais um primeiro lugar, em uma prova bastante difícil, em que, dos 130 pilotos que largaram, somente 30 conseguiram chegar ao fim. A vantagem de Nei para os demais concorrentes agora ficou ainda maior.

Você usa dentadura? Esclareça suas dúvidas (2a parte)

Trilha de São Marcos Como limpar as dentaduras? Sempre que se alimentar, faça o possível para lavar as dentaduras por meio de escovas macias. Não use pó para polir, eles podem conter cáusticos alcalinos, ácidos ou partículas, os quais podem arranhá-la. O acúmulo, de antigas partículas pode causar mau odor. Uma dentadura que não está limpa nunca é confortável. A melhor maneira de evitar o acúmulo de tártaro é não deixar que se deposite. Devo usar produtos de fixação? Quase sempre não há necessidade de pó adesivo; deve-se usá-lo somente a conselho do seu dentista. Muitos pacientes não ficam satisfeitos com a retenção das suas dentaduras; começam por conta própria ou por informação de outros a usar pó adesivo; porém, com a pressão aumentada, a gengiva se reabsorve, se contrai mais rapidamente e as dentaduras ficam cada vez mais frouxas, precisando se aumentar cada vez mais a quantidade desses “produtos ditos milagrosos”. Que tipo de escova deve ser usada para limpar a prótese total? Existe uma escova dental projetada para dentaduras, cuja característica é a presença de dois comprimentos de cerdas-curtas para higienizar a parte externa e os dentes da prótese, e longas para higienizar a parte interna da dentadura, que é de acesso difícil para a escova comum. Essa escova não é encontrada com a mesma facilidade para compra como a escova comum, mas pode ser substituída por uma escova macia. Que produtos devem ser utilizados para complementar a higienização da prótese total? Atualmente, os fabricantes

de escovas dentais já apresentam uma linha de produtos efervescentes para higienização química das próteses, contribuindo para diminuir a dificuldade encontrada pelos idosos ou portadores de problema de coordenação motora. É importante ressaltar que o uso de produtos efervescentes não substitui a higienização com escova e sabão neutro. Como deve ser feita a higienização bucal do desdentado? Nos pacientes idosos, freqüentemente portadores de dentadura, o fluxo salivar está diminuído, influenciado também pelo uso de medicamentos, o que pode gerar o início da halitose e maior número de cálculos. Para evitar várias doenças como a candidose, causada por fungo que pode se manifestar na boca, deve-se ter cuidado com a higiene bucal e a limpeza das próteses. As dentaduras podem ser higienizadas mecanicamente com escovas apropriadas, sabão neutro e água fria, sempre após as refeições. Recomenda-se, antes de iniciar a higiene, colocar uma toalha dentro da pia, pois em caso de queda, a prótese não se quebrará. Pode-se completar essa higiene com uma limpeza química com produtos efervescentes ou deixar a prótese em um copo com água e bicarbonato

durante a noite. Deve-se sempre explicar ao paciente que o uso de produtos caseiros como água sanitária ou produtos de limpeza (tipo Sapólio) não são indicados, uma vez que descolorem e arranham o acrílico. Para a higienização da boca, deve-se escovar a língua com movimentos suaves utilizando uma escova macia e creme dental ou limpador de língua encontrado no mercado. Pode-se fazer bochechos com anti-sépticos bucais ou água filtrada e bicarbonato de sódio (2 colheres de chá em um copo com água). Quando não é mais possível higienizar a prótese a ponto de ela ter de ser substituída? As próteses totais devem ser substituídas no máximo a cada cinco anos, pois os requisitos funcionais e estéticos estarão comprometidos, mesmo que tenham sido cuidadas e higienizadas rigorosamente. Durante esse tempo, deve ter havido controles para se checar tecidos moles, adaptação, oclusão, higiene e de cavidade oral. Pacientes que tiveram tártaro nos dentes naturais provavelmente terão nas dentaduras artificiais. Não é difícil evitar que ele se forme se for feita uma higienização correta, pois caso contrário, a prótese terá odor desagradável, e a mucosa oral se apresentará inflamada.

Organizadores estiveram reunidos para montar o trajeto das trilhas da popular Festa de São Marcos de Rio Fortuna. Este ano, entre as atividades, teremos motocross, mototrilha, jeepcross e gaiolacross. A festa ocorre nos dias 19,20,21 e 25 de abril. Maiores informações através do fone: 48 3653.1852


MULHER

07

Dedicação e comprometimento que fazem a diferença

M

arço é o mês da mulher. É no dia 8 deste mês que se celebra o “Dia Internacional da Mulher”, instituído em 1910 durante uma conferência na Dinamarca e oficializado definitivamente pela ONU (Organização das Nações Unidas) em 1975.

A data, atualmente, tem um caráter quase comemorativo. Entretanto, a data foi criada para lembrar a sociedade a respeito dos

diretos da mulher, da luta feminina por um tratamento igualitário e justo perante os homens. Foi em 8 de março de 1857 que um grupo de operárias de uma tecelagem em Nova Iorque (EUA) promoveram uma greve e reivindicaram melhores condições de trabalho. Naquela época, em plena Revolução Industrial, as mulheres trabalhavam até 16 horas por dia sem descanso e ganhavam apenas um terço do que um homem recebia para realizar o mesmo trabalho.

O movimento grevista foi rechaçado com extrema violência. As manifestantes foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Estima-se que aproximadamente 130 mulheres morreram carbonizadas. Para celebrar o mês da mulher e ressaltar a importância de manter a luta pela igualdade de gêneros, esta edição de O Visor faz uma homenagem a sete mulheres especiais. Mulheres que se destacam na nossa região em suas atividades. Empresárias, religiosas,

políticas, administradores e ativistas sociais que superam seus desafios e fazem jus àquelas que, em 1957, se sacrificaram por uma sociedade mais humanitária. Para selecionar estas mulheres, procuramos representantes de cidades variadas, da área de abrangências de circulação de O Visor. Sabemos que muitas outras mere ciam es t ar nesta lista, portanto, que todas sintam-se lembradas e também homenageadas nesta reportagem especial.

Ben edetta Warmeling Enfermeira, técnica em obstetrícia e farmacêutica em Rio Fortuna por mais de 50 anos, dona Detta, como é mais conhecida, ajudou a vir ao mundo mais de 4 mil crianças de Rio Fortuna e de municípios da redondeza. Começou a trabalhar em 1949, depois de ter estudado Enfermagem e Obstetrícia em Florianópolis. Durante 20 anos, o único meio de transporte usado para atender as futuras mamães foi o cavalo. Abriu a primeira farmácia das redondezas, numa época, como ela mesma conta, em que as pessoas tinham apenas a água do rio para usar como remédio. Mesmo já aposentada, trabalhou ativamente até os 70 anos e, hoje, aos 84, é uma das figuras mais queridas da cidade.


08

Dilcei Heidemann

Empresária do setor madeireiro e de produção de suínos, Dilcei Heidemann é, atualmente, a única mulher prefeita da Região Metropolitana de Tubarão, em Santa Rosa de Lima. Sempre conviveu com a política. Seu marido, Bertilo Heidemann, foi prefeito por dois mandatos, de 1997 a 2004. Em 2012, Dilcei foi a candidata de seu partido e venceu a eleição, como examente 1 mil votos dos pouco mais 1,8 eleitores da cidade. Em sua experiência como gestora pública, pretende deixar a sua marca e o toque feminino à Administração Municipal da Capital da Agroecologia.

Ir. Jacira Maira dos Santos

Jane Falchetti

Natural do município de Anita Garibaldi, no Oeste catarinense. A freira Jacira Maria dos Santos ingressou na vida religiosa há 30 anos. Integrante da Congregação da Divina Providência, irmã Jacira dirige o Hospital Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão, instituição hospitalar considerada a maior de Santa Catarina em número de leitos, com quase 400 vagas. Bacharel em Administração e especializada em Administração Hospitalar, Irmã Jacira defende em sua atividade princípios como competência técnica, bom relacionamento, carinho, amizade, alegria, humanização no atendimento, comprometimento, justiça e a luta pela vida em plenitude para todos.

Jane Dal Bó Falchetti é a atual primeira-dama do município de Tubarão. Mas, há mais de 20 anos, é conhecida por seu trabalho realizada na assistência social. Desde 1992 até no fim do ano passado, foi diretora da creche Joanna de Angelis, entidade beneficente que atende dezenas de crianças carentes em uma das localidades de maior risco social da cidade. Com a posse de seu marido, Olávio Falchetti, como prefeito, assumiu um novo desafio e agora comanda a Fundação Municipal de Assistência Social. É formada em Pedagogia, com especialidade em Didática e Metodologia do Ensino Superior.


09 Foto: Folha o Jornal

Leon ete Back Loffi A professora de Língua Portuguesa e comerciante Leonete foi a primeira mulher a eleger-se prefeita do município de São Martinho, de 2008 a 2012. Mas, antes disso, teve papel importante na área social como secretária municipal de Saúde e Assistência Social (1993-1996). É uma das fundadoras da APAE de São Martinho e também foi presidente do Hospital São José por quatro anos. Trabalhou ainda como voluntária em entidades beneficentes e atua também no Movimento de Irmãos.

Maria Celir Tenfen

O Hospital Santa Teresinha, de Braço do Norte, até poucos anos atrás, estava em crise. Várias pendências financeiras, salários de profissionais atrasados e poucos atendimentos eram realizados. Em 2006, Maria Celir, a Zê, assumiu a direção da instituição e, juntamente com sua equipe, reergueu o hospital. Zê iniciou sua carreira hospitalar em 1983, na Fundação Médico Social Rural de Rio Fortuna. Antes de dirigir o Santa Teresinha, trabalhou também no Hospital Nossa Senhora da Conceição. É graduada em Contabilidade e Administração e especialista em Gestão Hospitalar.

Miriam Schilickmann Natural de São Ludgero, a pedagoga Miriam Schilickmann tem atuação destacada na área da Educação em nível nacional. Foi pró-reitora de Ensino da Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina), até aposentar-se. Após, foi secretária de Educação da prefeitura de Florianópolis e, em 1998, assumiu a Secretaria de Estado da Educação, onde atuou até 2002. Suas últimas atividades na vida pública são a de diretora de Cultura (em 2011) e a de secretária de Administração do município de São Ludgero (em 2012).


10 m Rio Fortuna

SECRETÁRIOS ASSUMEM EM RIO FORTUNA S

ecretários, diretores e chefes de departamento de Rio Fortuna foram empossados no inicio de março. A cerimônia foi realizada no gabinete do prefeito, às 15h30min. Durante o ato, o prefeito Lourivaldo Schuelter (PMDB), o “Pita”, pediu comprometimento dos novos dirigentes. “Lembrem-se que somos funcionários públicos e estamos aqui para bem atender a população de Rio Fortuna”, enfatiza. Pita ainda lembrou que a confiança depositada pelos eleitores na coligação PMDB/PPS deve ser

revertida em ações que beneficiem a comunidade. Mesmo antes de serem oficialmente empossados, os dirigentes já foram incumbidos de elencar as prioridades de cada pasta e elaborarem os projetos para serem cadastrados no site do governo federal. A equipe de governo será formada por Neri Vandresen, que está no comando da Secretaria da Saúde e Saneamento desde o início do ano; Alice Roecker Souza, chefe do departamento de Saúde; Renério Roecker, responsável pela pasta de Administração Fazenda e Planejamento; Ilso Nack, que assume a direção de

Controle Administrativo; André Luis Ricken, como chefe de Gabinete. Silvestre Tenfen e o novo secretário da Agricultura e Meio Ambiente e Sirineu Ribeiro Ramos o diretor da pasta. Anderson Buss Feldhaus é o responsável pela secretaria de Juventude e Gabriel Vandresen assume a direção da pasta. Kylian Schuelter foi empossado como chefe do Departamento de Desportos. A secretaria de Transportes e Obras fica a cargo de Hamilton Daufenbach de Bona e a direção da pasta com Carlos Alberto da Silva Melo. Miguel Angel Espínola Cardoso assume a pasta de Assistência Social.

DURANTE O ATO, O PREFEITO LOURIVALDO SCHUELTER (PMDB), O “PITA”, PEDIU COMPROMETIMENTO DOS NOVOS DIRIGENTES

Rio Fortuna ganha o reforço de mais dois policiais Atividades com idosos Dois novos policiais vão integrar a equipe da Policia Militar de Rio Fortuna a partir da próxima semana. A garantia foi dada ao prefeito Lourivaldo Schuelter, o “Pita”, pelo subcomandante da Guarnição Especial da Policia Militar de Braço do Norte, major Heder Martins, em reunião realizada na quinta-feira, 14. Também esteve no encontro o comandante do destacamento da Policia Militar de Rio Fortuna, sargento Sérgio Murilo Dionísio Vieira. Pita ainda solicitou que mais um policial seja des-

REUNIÃO REALIZADA NA QUINTA-FEIRA, 14

locado para a cidade, o que será analisado com a vinda de mais policiais para a região. Atendendo

à solicitação do prefeito, o subcomandante também autorizou que o comandante da PM de Rio For-

tuna, sargento Sérgio, faça expediente duas manhãs por semana, além de todas as tardes. O major Heder também prometeu o apoio da PM ao Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) de Rio Fortuna para a concretização do projeto de instalação de c âmeras de m onitoramento na área central da cidade. Em breve, uma audiência deve ser agendada com o secretário de Segurança Pública, César Augusto Grubba, para reivindicar apoio do Estado ao projeto.

iniciam em março

O mês de março marca o retorno das atividades com os grupos da terceira idade de Rio Fortuna. A secretaria de Assistência Social já definiu e divulgou as datas dos encontros, que iniciam no dia 18, no Rio Claro. Na comunidade de Barra do Rio Chapéu, o encontro será na terça-feira, 19. Na quarta-feira, 20, reúnem-se os idosos do Rio Chapéu. O grupo da terceira idade de Rio dos Bugres se reúne na quinta-feira, 21, todos com início às 14h30min. Nos meses seguintes, os encontros serão realizados em uma comunidade por semana, como era de costume, sempre às quintas-feiras, às 14 horas. No centro, as atividades reiniciam na terça-feira, 26, às 14 horas, com a celebração da missa.


11


12

Santa Rosa de Lima

SECRETARIA PRIORIZA NORMALIZAÇÃO DAS FINANÇAS E SERVIÇOS

N

ormalizar a situação financeira e contábil da prefeitura e garantir a prestação adequada dos serviços à população tem sido algumas das prioridades da Secretaria Municipal de Administração e Finanças de Santa Rosa de Lima neste início de 2013. Nos primeiros meses de gestão, a atual administração trabalha para superar pendências encontradas até então. Segundo o secretário de Administração e Finanças, Edison José Vandresen, uma das principais dificuldades tem sido a impossibilidade da prefeitura ter aprovados novos projetos junto ao Governo Federal, por falta quitação de contrapartida de projetos anteriores, deixadas pela

administração anterior. “Algumas obras que já foram inauguradas, na verdade, ainda estão pendentes. Ainda restam alguns ajustes ou concluir alguma parte e, portanto, a Caixa Econômica Federal, que cuida dos repasses, bloqueou nosso cadastro e ficamos impedidos de apresentar novos projetos”, relata. “Obras como a pavimentação da rua Bertolino Willemann, a quadra esportiva coberta na comunidade de Rio do Meio, a passarela da ponte Henrich Von Wilke, no Centro da Cidade, a construção de casas populares de madeira iniciada em 2007, entre outras, ainda estão pendentes. Falta algum acabamento, uma pintura que não ficou de acordo com o padrão estabelecido e precisa ser refeita, etc.”, completa Vandresen. Outras pendências constatadas são os pagamentos

de dívida do município com o INSS e com fornecedores, em que as quitações não foram devidamente empenhadas. “Logo que esta administração assumiu, muitos fornecedores, de outras cidades e do próprio município, nos procuraram reclamando de que a prefeitura possuía débito com eles. Portanto, solucionar estas questões foi o nosso foco principal deste primeiro bimestre de 2013”, conta o secretário. Quitação de débitos e auditoria Para regularizar a situação, a dívida com o INSS, com autorização da Câmara de Vereadores, foi quitada. Os fornecedores estão sendo pagos progressivamente. Também foi determinada a realização de uma auditoria completa, com o objetivo de tomar conhecimento de todos da-

dos contábeis da prefeitura. “Contratamos uma empresa especializada neste tipo de serviço. Há muita coisa pendente e precisamos saber com exatidão o que exatamente ficou para trás e o que já foi quitado”, explica Vandresen. Folha salarial Outro item que tem gerado preocupação junto às finanças do município é a folha de pagamento dos servidores. Segundo Vandresen, nos últimos meses de 2012, o custo com salários chegou a 51,4% da arrecadação do município. “Recebemos a notificação do nosso Controle Interno de que ultrapassamos o limite considerado prudencial com pagamento da folha salarial”, destaca. Por lei, o máximo que um município pode gastar com salários é 54% da arrecadação conforme a média dos

últimos 12 meses. Porém, existe um limite prudencial, que é de 51,3%, enquanto que o limite considerado mais adequado é de 47%. “Para reduzirmos estes custos, adotamos medidas severas. Estamos controlando com bastante cuidado a necessidade de se fazer horas extras, de pagamento de bonificações e outras despesas extraordinárias. O objetivo é diminuir o percentual de gastos com a folha, pois, se manter esse patamar, corremos o risco de ultrapassarmos o limite permitido por lei”, informa o secretário. Garantia de serviços Apesar das dificuldades, a Secretaria de Administração e Finanças tem atuado também para manter e melhorar os ser viços prestados pela prefeitura à população. “Em con-

junto com Secretaria de Saúde, asseguramos, por exemplo, a contração de médicos, um pediatra e um ginecologista. Com a Secretaria de Educação, viabilizamos a reestruturação do Centro de Educação Infantil e a contração de um fonoaudiólogo. São ações que, apesar dos problemas enfrentados inicialmente, não podemos deixar de realizar, para garantir a qualidade do atendimento público”, destaca Edison Vandresen. Outros serviços garantidos com a participação da Secretaria é a manutenção do ser viço de internet gratuita para a quase toda a população, em que o contrato com a empresa prestadora de ser viços foi renovado, e melhorias nas estradas do interior no município, com ênfase nas vias por onde passa o transporte escolar.

Secretaria de Agricultura ouve produtores rurais e reestrutura Conselho Municipal A prefeitura de Santa Rosa de Lima, através da Secretaria de Agricultura,Turismo e Meio Ambiente, encerrou no último dia 15 uma série de reuniões nas comunidades agrícolas do município. Com participações da prefeita Dilcei Heidmann, do vice-prefeito Mário Luiz Benedet, do secretário de Agricultura, Bertilo Heidemann, demais secretários e representante da Epagri, os encontros, coordenados pela engenheira agrônoma da prefeitura Leoniria Assing, têm como objetivo ouvir sugestões para melhorar os serviços voltados para a agricultura em geral, turismo, meio ambiente, indústria e comércio e reestruturar o Conselho de Desenvolvimento Rural, com ideias voltadas para a geração de renda e emprego. Ao todo, foram 11 comunidades visitadas. “Até o momento, as reuniões tem contado com bastante participação. Temos ouvido várias sugestões e discutido vários temas, como ampliação do serviço de

atendimento de máquinas, criação de subsídios agrícolas com relação à produção em geral, com programas de distribuição de calcário, de sementes, melhorias no rebanho leiteiro com pastagem e inseminação artificial, implantação de projetos de desenvolvimento de psicultura, aumento da produção orgânica do município, entre outros”, relata do secretário de Agricultura, Bertilo Heidemann. Outro tema abordado durante as reuniões é a mudança a ser realizada na Secretaria de Agricultura,Turismo e Meio Ambiente, que passará de ser denominada de Secretaria de Agricultura,Turismo, Meio Ambiente, Indústria e Comércio. “A pequena indústria rural, a produção de alimentos orgânicos, o setor madeireiro e o comércio são setores da economia da nossa cidade que precisam também de uma atenção especial, porque todos eles têm relação com a nossa agricultura familiar”, destaca a prefeita Dilcei.

Cadastramento

Durantes as reuniões, a prefeitura de Santa Rosa de Lima também tem orientado os produtores rurais sobre a proposta de cadastramento de todas as propriedades do município que servirá como base para um banco de dados e elaboração de projetos de incentivo a todos os setores, principalmente para a agricultura familiar. “Este cadastro terá todas as informações de cada propriedade. Com esses dados, teremos melhor condições de direcionar nossas ações e acompanhar com eficiência os serviços prestados”, finaliza Bertilo.


13 Lei Municipal n° 1.457/2.013

LEI MUNICIPAL N° 1.458/2.013

De 15 de fevereiro de 2.013

De 20 de fevereiro de 2.013

“AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A CONCEDER AUXĂ?LIO FINANCEIRO

“AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A CONCEDER AUXĂ?LIO FINANCEIRO EM

EM FAVOR DA FUNDAĂ‡ĂƒO MÉDICO SOCIAL RURAL DE RIO FORTUNA E

FAVOR DA APAE - ASSOCIAĂ‡ĂƒO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS

ADOTA OUTRAS PROVIDÊNCIAS.�

DE RIO FORTUNA E Dà OUTRAS PROVIDÊNCIAS�.

O Prefeito Municipal de Rio Fortuna, no uso das atribuiçþes legais que

LOURIVALDO SCHUELTER, Prefeito Municipal de Rio Fortuna, no uso de

lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, faço saber que a Câmara

suas atribuiçþes legais, FAÇO SABER a todos os munícipes que a Câmara

Municipal de Vereadores aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte lei:

Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1°. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a ďŹ rmar convĂŞnio para

Art. 1Âş. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a ďŹ rmar convĂŞnio

o ďŹ m de conceder auxĂ­lio ďŹ nanceiro em favor da FUNDAĂ‡ĂƒO MÉDICO

para o ďŹ m de conceder auxĂ­lio ďŹ nanceiro em favor da APAE - ASSOCIAĂ‡ĂƒO

SOCIAL RURAL DE RIO FORTUNA, no exercĂ­cio ďŹ nanceiro de 2013, no valor

DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS DE RIO FORTUNA, no exercĂ­cio

total de R$ 211.200,00 (duzentos e onze mil e duzentos reais).

ďŹ nanceiro de 2013, no valor total de R$ 48.000,00 (quarenta e oito mil reais).

ParĂĄgrafo Ăšnico. O Valor repassado destina-se ao pagamento dos pro-

§1º. Referido valor serå pago em 12 (dose) parcelas no valor individual de

ďŹ ssionais mĂŠdicos para manutenção do plantĂŁo 24 horas da entidade

R$ 4.000,00 (quatro mil reais).

hospitalar, alĂŠm de outras despesas e serviços a serem especiďŹ cados no

§2°. A ďŹ m de cumprir com a totalidade do valor previsto no caput, o Poder

LEI MUNICIPAL N° 1.459/2013

termo de convĂŞnio.

Executivo poderĂĄ repassar mais de uma parcela no mesmo mĂŞs.

De 14 de março de 2.013

Art. 2°. Referido valor serå pago em 12 (doze) parcelas no valor individual

§3Âş. O auxĂ­lio ďŹ nanceiro social tem origem na seguinte dotação orça-

“AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A FIRMAR CONVĂŠNIOS COM O GOVER-

de R$ 17.600,00 (dezessete mil e seiscentos reais).

mentĂĄria:

NO FEDERAL E ESTADUAL E Dà OUTRAS PROVIDÊNCIAS�.

Art. 3°. O auxĂ­lio ďŹ nanceiro social tem origem na seguinte dotação or-

Proj/Ativ. 2.021 FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTĂŠNCIA SOCIAL

LOURIVALDO SCHUELTER, Prefeito Municipal de Rio Fortuna, no uso de

çamentåria:

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTĂŠNCIA SOCIAL DE RIO FORTUNA

suas atribuiçþes legais, FAZ SABER a todos os munícipes que a Câmara

Proj/Ativ. 2.023 FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE

ASSISTĂŠNCIA AO PORTADOR DE DEFICIĂŠNCIA

Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei:

FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE RIO FORTUNA

ASSISTĂŠNCIA SOCIAL

Art. 1Âş. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a ďŹ rmar convĂŞnios com

SAĂšDE

SERVIÇOS DE APOIO AOS DEFICIENTES

o Governo Federal e seus MinistĂŠrios, bem como com o Governo Estadual

MANUTENĂ‡ĂƒO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAUDE

(5) 3.3.50.00.00.00.00.00.0000 Transferências à Instituiçþes Privadas s/

e suas Secretarias, alÊm de outros órgãos da Administração Pública direta

(11) 3.3.50.00.00.00.00.00.0002 Transferências a Instituiçþes Privadas s/

Fins Lucrativos.........................................................................................R$ 48.000,00

e indireta, durante o exercĂ­cio ďŹ nanceiro de 2013, visando a obtenção de

Fins Lucrativos..............................................................................................R$ 211.200,00

Art. 2º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se

recursos para o MunicĂ­pio de Rio Fortuna.

Art. 4° A presente lei entrarå em vigor na data de sua publicação, revogan-

as disposiçþes em contrårio.

Art. 2º. Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se

do-se as disposiçþes em contrårio.

Rio Fortuna/SC, 20 de fevereiro de 2013.

as disposiçþes em contrårio.

Gabinete do Prefeito Municipal de Rio Fortuna, em 15 de fevereiro de 2.013.

LOURIVALDO SCHUELTER

Rio Fortuna/SC, em 14 de março de 2.013.

LOURIVALDO SCHUELTER

Prefeito Municipal

LOURIVALDO SCHUELTER

Prefeito Municipal

Registrado na Secretaria de Administração, Planejamento e Finanças

Prefeito Municipal

Registrado na Secretaria de Administração, Planejamento e Finanças e

e Publicado no Mural Municipal aos vinte dias do mĂŞs de fevereiro

Registrado na Secretaria de Administração, Planejamento e Finanças e

Publicado no Mural Municipal aos quinze dias do mĂŞs de fevereiro de 2.013.

de 2.013.

Publicado no Mural Municipal aos quatorze dias do mês de março de 2.013.

    

  

Edis (da esquerda para direita): Eduardo Wiggers (PP) – presidente; Lindomar Ballmann (PSD) – vice-presidente; Valdir JosÊ Warmling (PSDB) – 1º secretårio; JosÊ Lembeck (PT) – 2º secretårio; Aldo Vandresen (PMDB); Arlindo Duessmann (PMDB); Celito May (PMDB); Leonete Schuelter (PMDB); Romírio Schuero (PP) Transporte universitårio

raçþes da carga horĂĄria dos proďŹ ssionais

faz ligação com Rio dos Bugres e comu-

O presidente do Legislativo, Eduardo

da educação entre os anos de 2009 a 2012,

nidades vizinhas. O vereador tambĂŠm

Wiggers, anunciou uma boa notĂ­cia para

assim como cĂłpia da lista de classiďŹ cação

questionou a não continuação do Projeto

os universitĂĄrios, que precisam do trans-

das alteraçþes da carga horåria dos pro-

Agita Rio Fortuna.

porte para Orleans. AlĂŠm do valor que

ďŹ ssionais. Outra informação pedida pelo

Melhorias

serå repassado pela prefeitura a Câmara

vereador ĂŠ o nĂşmero de pontes de madeira

O vereador Aldo Vandresen pediu ao

tambĂŠm darĂĄ ajuda de custo.

que foram construĂ­das ou reformadas nos

Executivo que agilizasse pavimentação

anos de 2011 e 2012.

asfĂĄltica para um trecho da rua Clemente

Mudança

Documentos (2)

Othersback. Pediu tambĂŠm que fosse estu-

O vereador Lindomar Ballmann pediu

dado uma solução para o cemitÊrio velho,

que a secretaria de Educação, Cultura e

que possui muitos tĂşmulos abandonados e

ConvĂŞnios

Desportos encaminhe para a Câmara de

ďŹ ca bem no Centro de Rio Fortuna.

Foi aprovado o Projeto de Lei 03/2013,

Vereadores cĂłpia dos certificados dos

que autoriza o MunicĂ­pio a ďŹ rmar convĂŞ-

cursos presenciais dos candidatos que

O presidente Eduardo Wiggers viajou

nios com os governos Estadual e Federal

se inscreveram no processo seletivo sim-

atĂŠ FlorianĂłpolis para participar de reuniĂŁo

na busca de recursos.

No mês de março com a saída do vereador Silvestre Tenfen (PPS) assumiu o suplente Aldo Vandresen (PMDB).

Encontro de presidentes

pliďŹ cado nÂş 01/2013 e somaram mais de

com o presidente da Assembleia Legisla-

Agenda participativa

200 horas de aulas presenciais. Lindomar

tiva, o deputado do PP, Joares Ponticelli.

O vereador JosĂŠ Lembeck indicou

tambĂŠm solicita ao Poder Executivo docu-

TambĂŠm participaram do encontro, pro-

que a administração municipal realize a

mento especiďŹ cando o objetivo de cada

dutores que representam a bovinocultura

elaboração de um calendårio de ativida-

um dos cinco convĂŞnios com o MinistĂŠrio

leiteira, a solicitação Ê por mais milho à

des esportivas com a participação das

da Integração Nacional.

Conab. Eduardo tambĂŠm conversou sobre

Embelezamento

possibilidades de recursos e projetos para

A vereadora Leonete Schuelter solicitou

Rio Fortuna. Ponticelli prometeu atenção

lideranças comunitårias. Manutenção JosÊ Lembeck tambÊm solicitou a

que a secretaria de Transportes e Obras

manutenção da academia ao ar livre, no

comece o embelezamento da cidade em

Centro do municĂ­pio.

preparação a Festa de São Marcos.

Documentos (1)

especial ao municĂ­pio. GinĂĄsio de Esportes O presidente Eduardo Wiggers solicitou

Estradas

que a secretaria de Transportes e Obras

O vereador Celito May solicitou que a

O vereador Valdir JosĂŠ Warmling pediu

realize pintura para organizar o estacio-

administração municipal encaminhe para

que fosse dada uma atenção especial as

namento em frente ao GinĂĄsio de Esportes

a Casa Legislativa cĂłpia do edital das alte-

estradas do interior, principalmente a que

AloĂ­sio Willemann.

  


14 É tão fácil enganar-se a si mesmo sem o perceber, como é difícil enganar os outros sem que o percebam.” Duque de La Rochefoucauld

assatempo Rindo Muito

http://www.willtirando.com.br/

Palavras Cruzadas Entendeu? Mineirinho esperto

Para Pintar

O mineirinho se empanturra de arroz, feijão, angu, couve e torresmo e parte pra rodoviária. Entra no ônibus com destino a BELZONTE e senta na janela. Nisso vem um negão 4x4, forte pra caramba e senta do lado dele. O mineirinho tenta puxar conversa mas o negão, muito mal encarado, reclina a poltrona e dorme. Nisso o ônibus vai embora balançando para um lado e para outro. O mineirinho começa a enjoar e fica com vontade de vomitar. Tenta sair da poltrona mas não consegue

pois o negão ocupa toda a passagem. Sem aguentar ele vomita tudo no peito do negão. O mineirinho termina a viagem aflito na mão pensando numa forma de se safar da fúria do camarada quando ele acordar. O ônibus chega na rodoviária de belzonte, encosta na plataforma e acende as luzes. O negão acorda meio grogue, olha assustado para o peito todo vomitado e olha com sangue no zóio pro mineirinho. O mineirinho com toda a calma do mundo olha pra ele e pergunta: - Cê miorô?


GOVERNO GARANTE MAIS R$ 2 MILHÕES O

PARA CONSTRUÇÃO DE HOSPITAL EM BRAÇO DO NORTE

Governo do Estado através da Secretaria de Saúde juntamente com a Secretaria de Desenvolvimento Regional de Braço do Norte, garantiu na tarde desta sexta-feira, 15, em reunião com a diretoria da do Hospital Santa Teresinha, em Braço do Norte, mais R$ 2 milhões para a construção do novo Hospital. O secretário adjunto da saúde, Acélio Casagrande, afirmou que o recurso de R$ 1,2 milhão já investido na obra deu bons resultados. “Em maio do ano passado repassamos o dinheiro e com ele foi dado inicio aos trabalhos de fundamentos do inicio do prédio”, destaca. A obra aguarda os novos recursos para ter sua sequência. De acordo com a diretora da hospital, Maria Celir Tenfen,a Zê,

ANÚNCIO OCORREU NA SEXTA-FEIRA, 15 DE MARÇO

a vinda do secretário foi importante, pois deixa toda a diretoria motivada para continuar a busca da conclusão do prédio, que está orçado em 7 milhões. “O Governo está sendo nosso principal parceiro, pois já garantiu 50% da obra. Em maio vamos lançar uma

campanha para mobilizar toda a sociedade regional e vamos buscar junto da população a nossa contrapartida para a conclusão”, explica O secretário Adjunto ficou muito empolgado com a garra da diretoria da fundação hospi-

talar e disse que o governo está empenhado em ser parceiro e diz que esta não é a única notícia importante para a região de abrangência da SDR de Braço do Norte. “Existe a possibilidade de construirmos uma policlínica na região, pois o pacto por Santa Catarina contempla uma unidade na Amurel. Mas, para que a região ganhe mais esse complexo, precisa estar unida e se mobilizar para que de fato o projeto se concretize”, explanou. O secretário adjunto destacou que todos os hospitais do estado irão ser informatizados, para garantir o bom atendimento na saúde. “Vamos ganhar tempo e dinheiro, o Pacto pela Saúde é um programa sensacional que tem como objetivo fazer nosso estado ser o número um em qualidade e eficácia em todo o país”, lembra.

Policlínica

15

Em visita a regional de Braço do Norte, o secretário adjunto da Saúde, Acélio Casagrande, garantiu também que uma policlínica pode ser instalada em Braço do Norte. “Temos uma unidade disponível para a região da Amurel, e Tubarão já afirmou que não tem espaço físico para a construção. Agora vamos juntar os secretários regionais e debater o assunto, que deve ser decidido nos próximos dias, pois o recurso para iniciar as obras no estado já estão no caixa”, destaca Casagrande. O secretário regional, Gelson Padilha, garantiu que nesta semana será realizada uma reunião com os prefeitos da regional para ver a disponibilidade de um terreno para a construção, sendo até possível a implantação da policlínica ao lado do Hospital Santa Teresinha. Também participaram da reunião o deputado estadual José Nei Ascari, o prefeito de Braço do Norte, Ademir Matos, o vice, Charles Bianchini, o comandante da Polícia Militar de Braço do Norte, tenente-coronel, Silvio Ricardo Alves, vereadores e autoridades da região .


16 isão Geral

Saudações, amigos leitores. Este será um novo espaço onde alguns dos principais fatos da nossa região serão apresentados e comentados. Um lugar destinado à análise crítica, principalmente, das ações nossos gestores públicos e lideranças políticas. Fique de olho.

Agenda governamental

No último dia 11, a visita do governador Raimundo Colombo (PSD) a Tubarão era aguardada para o lançamento de licitação para elaboração do projeto de desassoreamento do rio Tubarão. Raimundo ficou impedido de comparecer e o ato foi adiado para uma nova data, ainda a ser definida. Colombo poderia assinar a autorização na Capital e agilizar o processo, mas, nos últimos meses, tem priorizado participar deste tipo de evento em visitas interior do estado. Recentemente, por exemplo, esteve em Grão-Pará para assinatura de edital de licitação para pavimentação da Serra do Corvo Branco. O motivo desta agenda atribulada é, basicamente, a eleição de 2014. O governador e seus seguidores querem dar visibilidade à sua figura, reforçar sua imagem junto às bases do eleitorado catarinense.

Gravatal

A atuação do secretário municipal de Obras de Gravatal, Djalma Comeli, tem chamado atenção. A qualquer dia, a qualquer hora, está disposto a resolver as questões inerentes à sua pasta. Dizem que, se preciso for, ele mesmo pega nos comandos de alguma máquina quando não há operador disponível para realizar o serviço.

Empreendedorismo

A loja Construlima, especializada em materiais de construção, eletrodomésticos e móveis, inaugurou neste mês de março seu novo espaço, no Centro de Santa Rosa de Lima. Para comemorar a ampliação, que agora permite um atendimento ao cliente com mais qualidade, foi lançada uma grande promoção para todo o mês de março, com descontos de até 25% para móveis, 15% para os itens de bazar e 10% em eletrodomésticos.

Famílias no Esporte

Em Santa Rosa de Lima, começou mais uma edição do tradicional Campeonato Municipal Interfamílias de Futsal. Para participar, os integrantes de cada família-equipe precisam ter vínculo com a cidade, inclusive ser votante no município. Oito equipes disputam o título. A grande final deve ocorrer no dia 27 de abril.

A Páscoa está chegando e, com ela, mais um feriadão vem aí. Repartições públicas de todo o país deverão conceder “ponto facultativo” na Quinta-feira Santa, data que, apesar da sua importância por marcar o início da Paixão Cristo, não é feriado no calendário oficial brasileiro. Até pode ser aceitável quando um feriado ocorre numa quinta-feira e uma prefeitura resolve emendar a sexta-feira. Mas não dá

Rio Tubarão A propósito, o projeto em questão deve custar aproximadamente R$ 1,28 milhão. Apenas o projeto, que deverá estar pronto somente no final do ano.

Folga

entender a folga em dias Após isso, deverá ser realizada uma nova licitação, para escolher a empresa que vai executar a obra de desassoreamento do rio Tubarão, que vai custar aproximada-

mente R$ 80 milhões. Uma obra considerada prioritária para a região, mas que, por enquanto, não tem nem previsão de quando vai começar.

como Quarta-feira de Cinzas e Quinta-feira Santa.


Edição 100 - O Visor