Issuu on Google+

JUNHO • 2012

10

N0

Movimento estratégico Início das operações na usina de Santa Luzia, em Mato Grosso do Sul, reforça atuação estratégica na área de etanol


EDITORIAL

palavra do Superintendente Crescer com planejamento Para ter sucesso no mercado, é preciso criatividade, muito trabalho, inconformismo com os problemas e paixão. Mas também é preciso planejar muito, se preparar e abrir novas e consistentes frentes de mercado. O começo de nossas operações na usina de Santa Luzia, em Nova Alvorada do Sul (MS), é um bom exemplo. É mais um passo no segmento de etanol, em que nós brasileiros somos referência, e que ainda tem grande potencial de crescimento. Portanto, é um movimento mais do que estratégico, sendo mais uma prestação de serviços para o Grupo ETH, para o qual já operamos em várias outras localidades, o que demonstra o grau de confiança que o cliente tem em nós. Outro exemplo é nossa área de Máquinas e Equipamentos, mostrada nesta edição. É mais um setor importantíssimo para manutenção de nosso crescimento. Por isso é que estamos planejando e realizando mudanças e grandes investimentos na unidade, de forma que possamos angariar novos segmentos dentro Karlis Kruklis Diretor Superintendente da Ouro Verde

desse negócio. Mas nada disso seria possível sem a dedicação dos colaboradores e a confiança dos públicos externos. E

isso é conseguido por meio de um processo muito bem organizado de comunicação. Veículos informativos, intranet e campanhas procuram envolver os colaboradores em nossas ações. E, para fora, o processo busca difundir informações corretas para imprensa e demais atores da sociedade, em tempo ágil e de forma transparente, gerando ainda mais valor para nossa marca. Por fim, para crescer é preciso ter disposição e saúde. Valorizamos muito isso e criamos um Grupo de Caminhada e Corrida, que já tem muitos participantes entusiasmados praticando exercícios de forma descontraída e com orientação profissional. Porque é disso que precisamos: pessoas comprometidas e de bem com a vida. Boa leitura!

expediente

índice NOVA INTRANET E 5S

3

NOSSA COMUNICAÇÃO

4

NOSSAS ÁREAS E SISTEMAS

6

OURO VERDE EM SANTA LUZIA

7

CORRIDA E CAMINHADA

8

A ATLETA DA OURO VERDE

10

CÓDIGO E OPORTUNIDADES

11

BELEZAS NATURAIS E DIA DAS MÃES

12

Revista Conexão é uma publicação da Ouro Verde. Supervisão Geral: Hussein Omairy Neto (Gerente de RH & Assuntos Corporativos). Coordenação Geral: Anna Jarenko (Coordenadora de Marketing). Colaboraram nesta edição: Erica Lages, Eric Pecharki, Karlis Kruklis, Julia Pacheco, Emanuelle Zanotto, Vanessa da Cunha, Willian Choptian, Luiz Fernando Levandoski, Marcio Viana, Elizeu da Veiga Alves, Alvaro da Silveira, Gustavo Busnardo, Jackson Bueno, Ana Carolina Favetti, José Arnaldo de Lima, Alex Antonio Luiz, Gleicy Regina Neves, Fabrícia Boldrin de Queiroz, Davi Augusto Olbertz, Paulo Henrique Oliveira Cruz, Vinicius Goulart Perrone e Eder Douglas da Silva. Redação e edição: Sergio R. Del Giorno e Daniel Lima. Jornalista responsável: Sergio R. Del Giorno (DRT 24.224-SP).Projeto gráfico, diagramação e revisão: Doma Design. Tiragem: 1.500 exemplares.

canal aberto Participe da Revista Conexão Ouro Verde. Mande sugestões, histórias e dicas para

comunicacao@ouroverde.net.br Dê o seu recado. Contamos com sua colaboração para deixar a publicação cada vez melhor! 2


acontece

Informação e voz ativa A intranet da Ouro Verde está totalmente reformulada! Lançado no final de maio, o projeto foi desenvolvido em parceria pelas áreas de TI e Comunicação. “O novo portal corporativo vem para auxiliar na construção da cultura da organização, através da liberdade de acesso à informação, flexibilidade e agilidade. A intranet se torna o principal canal de comunicação interna, onde o colaborador poderá localizar todas as normas, regras, documentos e demais informações corporativas”, diz Anna Jarenko, coordenadora de Comunicação e Marketing.

Veja algumas das principais novidades: Serviço de busca Pesquisa por assunto ou pessoa, encontrando tudo o que já foi publicado sobre o tema na intranet.

Fala Colaborador

Outros Endereços e Contatos Úteis

Novo canal de opiniões, sugestões, dúvidas e relatos, que atende

Aqui você encontra os endereços, telefones e demais informações úteis.

a pedidos feitos na Campanha de Incentivo | Grandes Invenções. Fique ligado! Em breve a filial do Rio de Janeiro receberá um projeto-

Portal de Serviços

-piloto: um totem com acesso à nova intranet para os colaboradores

Aqui você encontra todos os formulários e sistemas de serviços úteis de cada área, e serve como um gerenciador de documentos.

das operações. Aguarde! Acesse a nova intranet (http://intranet.ouroverde.net.br) e confira o Manual Prático: menu Portal de Serviços > Manuais de Sistemas

Novidades do RH Conheça as principais oportunidades internas, admissões e movimentações internas.

Seiri (Utilização)

Resíduos no lugar certo com o 5S

Shitsuke (Autodisciplina)

5S

Seiketsu (Saúde)

Em julho acontece o lançamento do Programa

Além disso, será implantado um outro pro-

5S na Ouro Verde. Inicialmente implantado

grama, que fará parte do 5S, com foco total

como piloto somente na Matriz, o programa

na gestão de resíduos e também promoverá

tem início com o “Dia do Descarte e Arruma-

auditorias pela equipe da Qualidade da Ouro

ção”. O 5S utiliza cinco sensos para trazer

Verde. Itens como separação e descarte corre-

organização, limpeza e produtividade: Seiri

tos dos diferentes tipos de materiais e resíduos

(Utilização), Seiton (Ordenação), Seiso

serão verificados, com objetivo de reforçar

(Limpeza), Seiketsu (Higiene), Shitsuke

nossa atuação socioambiental.

(Autodisciplina).

Seiton (Ordenação)

Seiso (Limpeza)

basta conscientização e um pouco de esforço. “Todos os cinco sensos devem ser trabalhados simultaneamente. A ideia é mudar, ao longo do tempo, a atitude e o comportamento das

Segundo Luiz Fernando Levandoski, da área

pessoas para melhorar o ambiente

Auditorias-surpresa serão feitas mensalmente

de Qualidade, esse programa vai se inserir

de trabalho”, afirma.

para verificar a aderência dos colaboradores

principalmente nos sensos Seiso e Seiketsu.

às premissas do programa.

Para ele, o programa 5S é muito simples, conexão - 3


ESPECIAL

O poder da comunicação “Quem não se comunica...” Todo mundo conhece essa frase e sua conclusão satírica. Como todo ditado popular, ela carrega muita verdade, pois, literalmente, quem não se comunica pode ter problemas. Imagine então a importância que tem a comunicação em uma grande e complexa organização como a Ouro Verde, onde as informações devem fluir para que os processos sejam realizados com excelência e onde o contato com os públicos deve ser transparente, assertivo e equilibrado.

Comunicação Interna (veja quadro ao lado) Dentro desse contexto, um dos processos essenciais é a CI (Comunicação Interna), pois garante que informações sejam repassadas com rapidez e objetividade a todos os colaboradores. Por meio da CI, as pessoas ficam sabendo sobre programas, metas, resultados, benefícios e tudo o mais que interessa. Para isso, a empresa conta com vários veículos impressos e digitais.

Mas o conceito vai muito além disso. “A comunicação interpessoal também é muito importante nesse processo, independentemente dos canais de informação. Líderes devem sempre repassar feedbacks e orientações sobre a gestão da empresa para seus colaboradores, e estes devem cobrar isso dos seus superiores. Também é papel de todos procurarem a informação correta nos diferentes canais, evitando ruídos de comunicação ou a difusão de boatos ou de informações incompletas ou desencontradas. Tudo isso contribui para um clima positivo e para melhores resultados para todos”, avalia Anna Jarenko, coordenadora de Comunicação e Marketing da Ouro Verde, área que faz a gestão da Comunicação Interna.

Públicos externos E ainda tem mais. A área também faz a gestão da comunicação com os públicos externos. É seu papel garantir a manutenção e atualização do website e das redes sociais da empresa, apoiar projetos externos de outras áreas – como programas de voluntariado, qualidade de vida e relacionamento com clientes e mercado, por exemplo – e coordenar o contato dos porta-vozes da empresa com a imprensa e governos.

Ouro Verde na mídia externa 4


Informação para todos Na Comunicação Interna, a Ouro Verde conta com vários canais de comunicação. Confira quais são:

Jornal Mural É mensal e traz o cotidiano da empresa e promove uma comunicação rápida sobre vários temas que estão acontecendo ou acabaram de acontecer. É afixado nos murais da Comunicação Interna, nas diversas filiais.

Revista Conexão É trimestral e traz assuntos diversos com uma análise mais ampla, procurando explicar processos de forma mais aprofundada. Também procura ter um foco maior em histórias e em ações das pessoas. É distribuída aos colaboradores de todas as unidades e pode ser encontrada nos RHs das filiais.

Intranet Com o novo portal corporativo em atividade (veja texto na página 3), este é o canal em que o colaborador pode encontrar as principais informações da empresa concentradas em um único local, como políticas da organização, instruções de trabalho, contatos, formulários, notícias, campanhas em andamento e acesso aos sistemas de gestão.

Comunicados e campanhas internas São utilizados para informações pontuais que necessitem conhecimento imediato, que podem ser divulgados por e-mail ou impressos e afixados nos principais pontos de informação. Jornal Mural da Matriz

necessário. Além disso, é responsável pelas informações da Ouro Verde em pesquisas sobre o setor ou veiculação de campanhas publicitárias.

Site institucional A área também mantém o site da empresa (www.ouroverde.net.br) com informações atualizadas e antenado com o que há de mais moderno em termos de comunicação e conteúdo no mercado.

Blog É uma ferramenta de comunicação com acesso pelo site institucional,

Na comunicação externa, alguns dos canais de comunicação são: Imprensa e publicidade É papel da área de Comunicação e Marketing gerir todos os contatos da Ouro Verde com a imprensa ou veículos de mídia. A área garante que solicitações de jornalistas sejam atendidas e com informações corretas, e promove o contato dos porta-vozes da empresa com os meios de comunicação para entrevistas, caso

que demonstra, por meio de textos informativos e analíticos, a expertise da Ouro Verde e novidades dos negócios (www.ouroverde.net.br/blog).

Redes sociais As redes sociais atualmente são um importante meio de comunicação com a sociedade, gerando valorização e divulgação da marca. Portanto, a empresa tem um processo de gestão e monitoramento dessas redes como forma de manter um contato positivo com todo esse público. Confira o perfil da Ouro Verde no Youtube, LinkedIn, Twitter e Facebook.

conexão - 5


NOSSAS ÁREAS

Estratégia consistente Oferecer soluções inteligentes e que agreguem valor aos clientes da Ouro Verde por meio da locação de equipamentos para movimentação de cargas e caminhões. Esse é o objetivo da área de Máquinas e Equipamentos, que já atua nos segmentos de intralogística e fertilizantes e vem crescendo bastante nos últimos anos. Para Márcio Viana, diretor da Unidade, a área passa por uma reestruturação para ampliar seus negócios. “Precisamos aproveitar o momento e locar equipamentos em segmentos maduros e com maior valor unitário de locação (ticket médio), como mineração, siderurgia, cimenteiras e florestais, além de aumentar nossa participação de mercado (market share) em agronegócio, portos e intralogística. Sabemos do potencial da Ouro Verde e de nossos colaboradores, e com foco e determinação conseguiremos alcançar nossos objetivos”, explica. Paranaguá (PR) é uma das cidades em que há atividade desse setor. Lá, Elizeu da Veiga Alves é líder de Operação e atende empresas que utilizam pás-carregadeiras, transpaleteiras e empilhadeiras da Ouro Verde. “Somos a ponta da cadeia. Cuidamos da manutenção das máquinas e orientamos nossos operadores, além de fazer solicitações de compra

Márcio Viana e Elizeu: área se prepara para novos desafios

de novos componentes e equipamentos junto à Matriz. Tivemos muitas conquistas recentes e acreditamos que nosso trabalho contribui para a empresa crescer cada vez mais”, explica.

Receita Líquida (R$mm)

Crescimento constante Veja o crescimento recente do faturamento da área de Máquinas e Equipamentos

NEGÓCIOs

Mudando para melhor Nós últimos meses, a área de Tecnologia da Informação tem aprimorado os sistemas de gestão da Ouro Verde na busca por uma administração das informações cada vez mais ágil e assertiva. Confira alguns dos principais projetos:

6

Gestão empresarial

Controle e organização

A implantação do Microsoft Dynamics AX,

O Engeman, sistema implantado em maio na

o novo sistema de gestão empresarial da

Unidade de Logística Ambiental no Rio de

uma importante entrega da TI e uma grande

Ouro Verde, segue garantindo melhorias nos

Janeiro (RJ), é uma importante ferramenta

conquista para a Ouro Verde. Todos esses

processos. Desde o início de maio, a área de

de controle de manutenção dos veículos

controles permitirão o monitoramento dos

Compras conta com a ferramenta, assim como

e equipamentos dessa unidade. O sistema

custos de manutenção, análise de problemas

a de Cadastros de Clientes, que foi a primeira

permite registrar a execução de Ordens de

recorrentes, tempo de parada, disponibilidade

a trabalhar com o AX. A próxima etapa de

Serviço, Planos de Manutenção, Vistorias,

e histórico de serviços realizados, entre outros

implantação ocorrerá em julho, na parte de

Solicitações de Serviço de Socorro e Controle

benefícios”, comenta Álvaro da Silveira Júnior,

Cadastros de Itens, de Peças e de Serviços.

de Pneus, entre outros serviços. “Esta é mais

coordenador de Sistemas da TI.

Sistema Engeman: mais agilidade na manutenção dos veículos


DESTAQUE

Operação de sucesso em Santa Luzia Parceria sólida em um segmento estratégico. É assim que a Ouro Verde vem consolidando seu relacionamento com o Grupo ETH, um dos maiores e mais importantes no país na área de produção de cana-de-açúcar e etanol. Além de ter os contratos para equipamentos e transporte de três usinas do Grupo – Alcídia e UCP, no Estado de São Paulo, e Eldorado, na cidade de Rio Brilhante, em Mato Grosso do Sul –, desde o dia 23 de abril, a Ouro Verde passou também a atuar na usina de Santa Luzia, no município sul-matogrossense de Nova Alvorada do Sul, uma das mais importantes da ETH. A Ouro Verde é responsável por todo o transporte da cana da fazenda até a usina. Para isso, montou uma estrutura com caminhões, reboques e semirreboques e uma equipe com 270 motoristas, 32 auxiliares de produção e mais cerca de 50 pessoas envolvidas em tarefas administrativas e de manutenção. De acordo com Willian Ricardo Choptian, gerente de Operações de Etanol | Transporte, foi um grande desafio cumprido com sucesso. “A mão de obra na região é muito disputada, e os trabalhadores precisam de uma qualificação específica. Por isso, conseguimos qualificar nossos colaboradores, treinando-os para iniciar a operação com alto grau de segurança e de satisfação do cliente”, diz.

5 milhões de km é a distância que os caminhões da Ouro Verde

Referência no segmento

deverão percorrer em 2012 na operação de Santa Luzia, o que corresponde a cerca de

13 vezes

Para se ter uma ideia, a usina de Santa Luzia é uma referência no ramo de etanol e produz atualmente cerca de 4,4 milhões de toneladas de cana por ano. Para dar conta

a distância entre a Terra e a Lua

de transportar todo esse produto, a Ouro Verde prevê que este ano terá uma média de rodagem de mais de 5 milhões de quilômetros, só levando em conta os caminhões. Uma das vantagens é ter a operação da usina de Eldorado relativamente próxima, a 70 quilômetros. “Isso nos permite uma grande sinergia de custos e ativos de uma usina para outra”, diz Willian. Outra é o potencial de crescimento de Eldorado e Santa Luzia. “Até 2016, cada uma deverá estar produzindo cerca de 6 milhões de toneladas por ano, o que é uma boa perspectiva para nossos negócios”, afirma.

conexão - 7


Vida saudável

CORRER E CAMINHAR, É SÓ COMEÇAR Correr e caminhar são atividades esportivas bastante acessíveis, que podem ser praticadas em locais públicos como parques, ruas e clubes. Esta é uma boa forma de estar ao ar livre, muitas vezes em contato com a natureza, e traz vários benefícios à saúde. Se puder ser feito na companhia de amigos, que se estimulem mutuamente, melhor ainda. Pois esta é mais uma oportunidade que está sendo oferecida como benefício para os colaboradores da Matriz da Ouro Verde. A empresa acaba de montar um grupo de caminhada e corrida, com apoio da Trainer Assessoria Esportiva. “Reunimos 20 pessoas dispostas e iniciamos mais este programa de incentivo à prática da atividade física em busca de uma melhor qualidade de vida, o que, além de proporcionar bem-estar, contribui para ampliar o networking”, diz Vanessa da Cunha, da área de Responsabilidade Social Corporativa. O colaborador paga R$ 50 mensais, e a empresa complementa com uma parte. A assessoria disponibiliza treinos pela manhã e final da tarde/noite em parques e praças de Curitiba com a presença de um técnico, que orienta sobre técnicas de caminhada e corrida. Além disso, o colaborador tem autonomia para treinar em qualquer local adequado à prática esportiva, como próximo de casa ou na academia, mantendo assim uma rotina de treinos mesmo durante as férias ou viagens. Cada integrante do grupo realiza o treinamento de acordo com seu histórico e objetivos e recebe semanalmente um feedback sobre sua evolução por meio do site da assessoria e pode também ver suas indicações de treinos atualizados.

Ativos e animados Uma das participantes do grupo é Ariadne Saldanha Raggio, analista Administrativa da área de Locação de Veículos. Ela nunca havia praticado corrida e já consegue manter uma rotina de três treinos por semana. “Foi uma iniciativa muito válida e bacana da empresa. É estimulante porque temos treinadores que tiram todas as dúvidas e fazemos novas amizades com colegas da empresa. Estou muito animada com minha evolução, pois nem acreditava que iria me adaptar tão rapidamente. Correr realmente vicia, pois traz bem-estar, qualidade de vida e pode ser feito em diversos locais”, diz. Outro colaborador que aderiu ao grupo é Márcio Viana, diretor de Equipamentos e Serviços, que já pratica corrida há seis anos e participa de competições, inclusive de meias-maratonas. Ele acha que correr é um grande prazer, e estar junto com colegas da Ouro Verde é um incentivo a mais para treinar: “É uma forma de interagir com os colegas e aumenta meu comprometimento com os horários de treino, além de trazer reflexos positivos na saúde e no próprio trabalho”, afirma.

Saiba mais na intranet (intranet.ouroverde.net.br), no Portal de Comunicação -> Qualidade de Vida. 8


Lembre-se de que a orientação profissional na prática esportiva potencializa os benefícios e é uma grande ajuda na descoberta do seu ritmo ideal. Não perca tempo e entre nesse grupo!

Alguns dos integrantes do grupo de corridas e caminhada em ação: estímulo à saúde e à qualidade de vida

Porque você deve entrar nesse time Vantagens físicas No sistema cardiovascular - Os exercícios físicos ativam os músculos cardíacos, que conseguem bombear mais sangue e proporcionam uma melhor circulação sanguínea, além de controlar a nossa pressão arterial.

Na qualidade do sono - Quando gastamos bastante energia durante o dia, o corpo fica mais relaxado à noite e descansa mais enquanto dormimos, o que evita a sonolência no dia seguinte.

No controle do peso - Com caminhadas ou corridas constantes, seu corpo queima mais calorias. Mas não pense em perder vários quilos logo nos primeiros dias. Bons resultados vêm meses depois, mas recompensam.

Vantagens psicológicas Nos níveis de estresse - Quando corremos, nosso cérebro libera quantidades maiores de endorfina e serotonina, substâncias que ajudam a diminuir as enxaquecas, a ansiedade e a depressão.

Na autoestima - As moléculas dessas mesmas substâncias também são responsáveis por transmitir as sensações de alegria e relaxamento, melhorando o bem-estar e o nosso humor.

Na disposição - Quem já praticou caminhada ou correu conhece essa sensação. Ao fazer exercícios regulares, o corpo fica bem mais leve no resto do dia.

Vantagens no clima da empresa Conheça novos colegas - Participando dessa nova iniciativa da Ouro Verde, você pode passar mais tempo perto dos seus amigos, ou conhecer outros colaboradores que têm os mesmos interesses que você. Fonte: Revista O2

conexão - 9


TALENTOS E HOBBIES

ÂNIMO E ENERGIA DE SOBRA ‘Preguiça’ é uma palavra que não pode fazer parte do vocabulário de quem pratica esportes pra valer. Ainda mais quando o atleta possui outra ocupação diária, como trabalhar em alguma organização. Nesse caso, a força de vontade fala mais alto e é decisiva na busca pela superação de desafios e novas conquistas. E quem se encaixa perfeitamente nesse exemplo é Ana Carolina Favetti, engenheira ambiental na filial do Rio de Janeiro (RJ) e triatleta nas horas vagas.

Natural de Curitiba (PR), ela começou cedo nos esportes. Entre a infância e a adolescência, praticou atletismo por cerca de dez anos e especializou-se nas provas de 100 metros com barreiras, acumulando medalhas em competições pelo Paraná. “Mas um imprevisto ocorreu: tive uma lesão na perna e não conseguia mais executar aqueles movimentos específicos por cima das barreiras. Era hora de mudar de esporte”, afirma. Para dar a volta por cima, decidiu por o pé na lama e partiu para as corridas de aventura, uma espécie de triátlon feito por meio de equipes que exige muito preparo em mountain bike, canoagem e trekking (caminhada em trilhas). Mas depois seus colegas de grupo optaram por outros rumos, a equipe

Há três anos a bola da vez é o triátlon “clássico”, em que desafia seus limites em provas que incluem natação, corrida e ciclismo. “Mas eu continuo passeando pelos esportes e em julho vou participar da Meia Maratona do Rio de Janeiro, que é só de corrida e terá atletas internacionais de alto nível! Vou me preparar bastante

Fotos: Arquivo pessoal

se desfez e Ana mudou de esporte novamente.

até lá”, adianta.

Em paz com ela mesma Como atleta, Ana treina para canalizar sua energia em prol de algo benéfico e que gere mais qualidade de vida. Na vida profissional ela faz parte da equipe responsável pela gestão de resíduos dos clientes Ouro Verde. “Uma atividade colabora com o meio ambiente, e a outra se beneficia dele. Para mim, são duas ações que se completam e me deixam com o sentimento de dever cumprido”, conta. Ana Carolina: dedicação para manter rotina de treinos e superar desafios

10

Gostou desta história? Se você tem algum hobby ou talento diferente, mande sua sugestão para comunicacao@ouroverde.net.br. Os colaboradores que aparecerem nesta seção ganharão um brinde especial!


gente

Por uma conduta ética Ter uma conduta ética e transparente é obrigatório para se trabalhar

um e as providências a serem tomadas em caso de descumprimento

na Ouro Verde. Assim, é importante que todos sigam as orientações

das diretrizes estabelecidas. Todos os colaboradores da Ouro Verde

do Código de Conduta. Esse importante documento é um guia de

recebem uma cópia impressa do Código quando entram na empresa,

princípios éticos para todos os colaboradores, dando orientações sobre

e seu texto também está atualizado e disponível integralmente na

as posturas e comportamentos adequados, direitos e deveres de cada

intranet.

Fale com o Comitê! Para garantir a aplicação de todas as diretrizes, a empresa conta com um Comitê do Código de Conduta, responsável por avaliar caso a caso. Se você tem alguma dúvida ou denúncia, envie uma mensagem com total preservação do sigilo de sua identidade. Acesse a intranet no link “Fala Colaborador” e, no assunto, escolha a opção “Fale com o Comitê do Código de Conduta”. ACESSE A INTRANET EM http://intranet.ouroverde.net.br E CONFIRA NA ÍNTEGRA O CÓDIGO DE CONDUTA ATUALIZADO

A força da dedicação José Arnaldo de Lima, motorista na Unidade de Alcídia, em Teodoro Sampaio (SP), é colaborador da Ouro Verde desde que as operações da empresa chegaram à cidade, em 2009. Depois de começar como atrelador de engate e desengate, foi promovido duas vezes e alcançou novas conquistas com base em sua disposição para o crescimento. “Desde o início eu me preocupava em aprender com os motoristas, sobre como é guiar os caminhões da empresa e as responsabilidades dessa função”, explica. Sua busca por aprendizado foi recompensada com a oportunidade de participar de um treinamento para motoristas promovido pela Ouro Verde. Passou a operar caminhões dentro do pátio da usina e depois virou motorista canavieiro.

“A evolução que eu consegui é uma prova de que a força de vontade é o que conta mais. As oportunidades chegam, e o importante é saber aproveitar. É por isso que a ascensão aqui é bastante comum.” José Arnaldo de Lima, motorista canavieiro Participe dos processos de Recrutamento Interno da Ouro Verde! Na intranet http://intranet. ouroverde.net.br, confira as oportunidades no link “Novidades do RH”; e, em nosso site www. ouroverde.net.br, cadastre ou atualize seu currículo no menu “Nossa Gente > Trabalhe Conosco > Funcionários”. Seu perfil fica em nosso banco de dados para possíveis oportunidades internas e você pode consultar todas as vagas disponíveis.

José Arnaldo: disposição para aprender e para se desenvolver na carreira

conexão - 11


DESTINOS

No coração do Brasil Quem conhece, concorda: o Mato Grosso do Sul é palco de uma exuberante biodiversidade. Para quem ainda não conferiu os cenários de cair o queixo que esse estado dispõe, o início das atividades da Ouro Verde na usina de Santa Luzia, na cidade de Nova Alvorada do Sul (veja na página 7), é um incentivo a mais para desbravar essas terras.

Serra Verde Express/Divulgação

Natureza selvagem No Estado está localizada uma grande parte do Pantanal, bioma mundialmente conhecido por suas enormes áreas pantanosas e espécies exóticas, como jacarés, capivaras e outros animais. Quer admirar essas paisagens a bordo de um trem? O Pantanal Express (Trem do Pantanal), operado pela Serra Verde Express, parte da capital Campo Grande, passa por O Trem do Pantanal é um dos bons roteiros turísticos do Mato Grosso do Sul

Aquidauana e vai até Miranda.

Beleza até no nome Mais ao sul fica o município de Bonito, que é cheio de cachoeiras, rios e lagos com águas cristalinas, além de cavernas submersas e fauna diversificada. As trilhas pelas matas e descidas de rapel nos paredões rochosos fazem a alegria dos mais aventureiros. O destaque fica para os passeios no Buraco das Araras e no Recanto Ecológico do Rio da Prata.

Saiba mais: www.bonito-ms.net

Recanto Ecológico do Rio da Prata

www.serraverdeexpress.com.br

curtas

GENTE Mães solidárias

Matriz

A consciência social foi marcante durante a

No dia 10 de maio, as colaboradoras mamães

semana do último Dia das Mães, na Matriz

e mães de colaboradores participaram da

e nas filiais de Sertãozinho (SP) e Rio de

confraternização e doaram itens de higiene

Janeiro (RJ), por meio de confraternizações

pessoal que foram entregues para o Asilo

onde a inscrição era a contribuição de itens

São Vicente de Paulo, que abriga 150 idosas.

de higiene destinados a doações a entidades sociais. “Nossa intenção não era apenas comemorar essa data tão importante, mas

As colaboradoras que têm filhos confrater-

também incentivar o espírito solidário dos

nizaram no dia 11 e também arrecadaram

colaboradores e familiares, a fim de ajudar

materiais de higiene pessoal, que foram

No café da filial, no dia 12, as mães colabora-

instituições que atendem senhoras”, afirma

doados ao Abrigo Doce Morada, que atende

doras e mães de colaboradores doaram itens

Vanessa da Cunha, da área de Responsabili-

crianças e idosos carentes da cidade.

de higiene pessoal em benefício do Lar São

dade Social Corporativa. 12

Entrega dos kits na Matriz e em Sertãozinho

Rio de Janeiro Sertãozinho

Vicente de Paulo, que também ampara idosos.


Revista Conexão Junho