Page 1

46 anos Edição n° 2547 Fundado em 29.07.66

Canoas, 10 a 16 de maio de 2013

OAB articula movimento A subseção canoense da Ordem dos Advogados do Brasil realizou ato público do “Movimento pela Advocacia e pela Cidadania” em frente ao Fórum.

R$ 1,50

Os 80 anos de Odil Gomes O comunitarista e colunista de OT completou oito décadas de uma vida marcada pela luta em prol dos direitos da comunidade e, especialmente, da melhoria do SUS.

Pág. 6

Última página.

IRRESPONSABILIDADE

TUDO OU NADA

Governo convoca professores com FG para tentar barrar greve

Emergência pediátrica do HU é fechada

Pág. 5

Pág. 6

12 DE MAIO

Feira das Mães no Calçadão até sábado

Pág. 7


CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013 I POLÍTICA I O TIMONEIRO I 3

jorgeuequed@terra.com.br

OUTDOOR

AYRTON SOUZA

O vereador Airton Souza esteve dia 3 de maio em Bento Gonçalves em uma atividade partidária com a presença da senadora Ana Amélia Lemos e o presidente nacional do Partido Progressista, senador Ciro Nogueira.

CAOS NA SAÚDE

A inexplicável decisão do prefeito Jairo Jorge (PT) de entregar a administração do Pronto Socorro Nelson Marchezan para o grupo Mãe de Deus cada dia causa novos prejuízos aos canoenses. Agora a péssima administração também começa o processo de perseguição. Como dos 14 pediatras que existiam para o atendimento, só restam oito, e como alguns aparelhos para tomografia, raio-x, diagnóstico de imagens e ecografia não funcionam, além de outras deficiências, os médicos decidiram protestar. Marcaram uma assembleia para o protesto, funcionou o antigo e anacrônico processo de intimidação: demitir alguns dirigentes. Assim o médico Mauro Sparta, que trabalhava desde a fundação do Pronto Socorro, em 2005, e agora era diretor do corpo clínico, foi sumariamente demitido. Prejuízo para a qualidade dos serviços e prejuízo maior ainda para a convivência democrática e respeitosa que deve existir em uma unidade de hospital. O Pronto Socorro de Canoas, que era modelo para o país, agora se transformou em arma política e de mal sucedidas experiências de gestão. Que pena, que tristeza e que vergonha!

SEM PEDIATRIA

Na segunda-feira, 6, os canoenses foram aterrorizados pelo fechamento da pediatria do Hospital Universitário da Ulbra. Pais e mães entraram em pânico quando precisaram do serviço e estava de portas fechadas. O Grupo Mãe de Deus inexplicavelmente teve a delegação desses serviços pelo prefeito Jairo Jorge. Uma prefeitura que gasta quase 2 milhões em propaganda e marketing para tentar explicar o tele agendamento, “um dos maiores fiascos de gestões de saúde”, não dá dinheiro para os serviços essenciais. Nas redes sociais, a palavra mais escrita era: “QUE VERGONHA, É PURA FALTA DE COMPETÊNCIA DE GESTÃO”.

Os outdoors ambulantes sobre o aniversário do Prefeito beiram ao ridículo. É bajulação com oportunismo e parece a volta do saudoso Odorico Paraguaçu. Os canoenses pagaram um mico desnecessário. Em pleno século XXI, cenas do coronelismo da década de 30. Puxa-saquismo no grau máximo.

DIREÇÃO DO FORO DE CANOAS ESCLARECE SOBRE ESTATIZAÇÃO DE CARTÓRIOS Tendo presente que a liberdade de expressão, sobretudo em questões públicas, é o suporte vital do ideal democrático e que este depende da existência de um debate livre e aberto, modo a criar oportunidades se evitar a inocorrência de erros e omissões por parte dos entes públicos, bem como que uma verdadeira democracia depende de uma sociedade civil educada e bem informada, a propósito de algumas considerações atualmente em debate na Comarca de Canoas, cumpre esclarecer que a reestatização dos Cartórios da 2ª e 4ª Varas Cíveis não representa afronta a nenhuma norma constitucional. Pelo contrário, a Carta Magna prevê, no art. 31 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, que serão estatizadas as serventias do foro judicial, assim definidas em lei, respeitados os direitos dos atuais titulares.Aliás, neste sentido se manifestou o Pretório Excelso, determinando a reestatização das serventias em questão. Ademais o processo de reestatizações é fruto de planejamento realizado pelo Tribunal de Justiça do Estado, com a previsão de nomeações, em número suficiente, modo a não trazer prejuízos ao regular funcionamento das serventias reestatizadas, que continuarão tendo a sua frente os mesmos titulares. Conforme se pode ver nos dados em anexo a esta nota, não há nenhum indício de que a Comarca de Canoas está em uma situação alarmante. Se não, vejamos: a jurisdição está dividida em dez juizados especializados em matéria cível (cinco varas cíveis), dois de família (dois cartórios), quatro criminais(quatro cartórios), dois Juizados especiais (um cartório), um especializado em infância e juventude (um cartório), um cartório especializado, também, em matéria de jurisdição voluntária relativa aos registros civis (um cartório) e três juizados adjuntos vara de execuções penais, juizado especial criminal e um especializado na matéria referente a Lei Maria da Penha. Deste modo, existem vinte e três

GREVE

Sem propostas decentes e diante do indicativo de amargar uma greve na educação, o Governo convoca todos os professores que estão em alguma Função Gratificada na administração e que são sindicalizados para uma reunião forçada para montar uma estratégia de guerrilha, tumultuando a assembleia de greve. jurisdições especializadas, que são exercidas por dezenove magistrados, sendo que deste total quatro são responsáveis por duas jurisdições é o caso dos juizados adjuntos à 2ª, 3ª e 4ª Varas Criminais e o juizado da Direção do Foro. O mês de abril foi encerrado com 81.185 processos em tramitação. Neste mesmo período se iniciaram 5.093 processos e foram extintos 4.387. De se ressaltar, por oportuno, que no primeiro quadrimestre do ano em curso foram iniciados 19.222 processos e outros 16.416 foram extintos. Estes números demonstram com clareza que está havendo efetiva prestação jurisdicional e que a instituição está operando regularmente. Quanto ao quadro de servidores, contamos com 179 cargos criados. Do total de cargos vagos, descontados 14 que se encontram em fase de provimento, restam 21 cargos que podem ser considerados de reserva técnica, que poderão ser providos, de acordo com a necessidade de serviço, por deliberação da administração superior, por meio de simples processo de remoção, sem a necessidade de aprovação de lei própria para este fim ou a realização imediata de concurso público. No que se refere às questões pontuais, tangentes ao funcionamento específico de alguma serventia, atuação de servidores e magistrados, andamento de processos ou agendamento de perícias e pautas de audiências, sobreleva ponderar que, como é de mediano conhecimento, não havendo a solução esperada em pleito dirigido aos responsáveis diretos pelas jurisdições e serventias, o regulamento prevê a instauração de expediente administrativo próprio, na via competente, obedecidos os critérios legais e vedado o anonimato. Pode-se adiantar, todavia, que na esfera de competência da Direção do Foro não há atualmente nenhum fato pendente de apuração, bem como que não se tem conhecimento de que nenhuma inconformidade relativa a esta Comarca tenha sido formalizada perante à administração superior. Canoas, 07 de maio de 2013.

Luiz Felipe Severo Desessards, Juiz de Direito Diretor do Foro Fonte (http://www.tjrs.jus.br/site/imprensa/noticias)

Cidade do Faz de Conta NEPOTISMO INDUZIDO

PRIMEIRA DAMA DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Querido, tenho um pedido para lhe fazer, mas não pode me negar. PREFEITO DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Calma, os seus pedidos geralmente dão jabu. Preciso conhecê-los para pensar em atendê-los. PRIMEIRA DAMA DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Eu preciso nomear duas sobrinhas minhas, para duas CC’s. PREFEITO DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Não, mesmo. Isso vai dar galho. E tudo que eu não preciso nesse momento é criação de problemas. Minha imagem tem que ficar inatacável. E olha que eu já tenho muito galho e muito pepino andando. Não quero criar mais nenhum. PRIMEIRA DAMA DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Não me deixe ficar brava. Deixe-me explicar. São minhas sobrinhas, mas não tem o meu nome. É o mesmo caso da mulher do vereador e outros exemplos que tem no governo. PREFEITO DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Não posso, não quero e não devo. Não vou fazer. Seguem-se vários minutos de gritos e ameaças. PREFEITO DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Pensando bem, vou tentar fazer em outro município. Quem sabe faço

uma pergunta de nomeação com a cidade da Amoreira Dourada, ou com meu amigo que comanda a cidade do Tronco de Galho Velho. PRIMEIRA DAMA DA CIDADE DO FAZ DE CONTA: Claro, já tem gente da família deles nomeados aqui, bem que eles podem atender esse meu pedido. Além do mais, temos que ter uma convivência saudável com a família e não basta tu resolveres o problema da tua, tens que resolver os problemas da minha também. No outro dia, o serviço de biometria e serviços médicos da prefeitura de Amoreira Dourada e Tronco de Galho Velho receberam os papéis de duas senhoras idosas, próximas da aposentadoria, para serem nomeadas em cargos de altíssima remuneração. Um funcionário, que conhecia o andamento dos processos das nomeações de nepotismo cruzado, assistindo a tudo, exclamou: “Mais duas pra se aposentar rapidamente, com alta remuneração nesse longo processo de nepotismo induzido, ou seja, uma prática que vai arruinar o serviço público”. Enquanto isso, os funcionários reclamavam melhor remuneração e melhores condições de trabalho.

Quaisquer semelhanças com fatos, dados, nomes ou pessoas conhecidas, relacionados com esta estória, é simplesmente mera coincidência, ou produto da inteligência fantasiosa ou excepcional do leitor.


4 I O TIMONEIRO I OPINIÃO I CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013

Editorial

Olhar e ver é preciso

Trânsito caótico A redação de O Timoneiro recebe, diariamente, a visita de canoenses indignados com o tratamento recebido por parte do poder público. Muitas são as áreas que parecem estar estagnadas, quando não estão retrocedendo. O trânsito é um exemplo. Ele é autorregulado, pois não existem agentes onde mais há necessidade. As avenidas Inconfidência, Victor Barreto, Guilherme Schell e Venâncio Aires, e as ruas Dr. Barcelos, 15 de Janeiro e Santos Ferreira, entre outras, são exemplos diários do abandono do poder público. A partir das 7 horas da manhã, ou no final da tarde, o caos toma conta, com milhares de motoristas tentando chegar aos seus destinos. Em alguns casos, sinalização ou reprogramação de sinaleiras poderia atenuar os problemas, mas nem o básico existe. Enquanto isso, tratores da Prefeitura e da Corsan esburacam a cidade sem o mínimo zelo, deixando as vias com o trânsito impraticável. Mas, se o canoense precisar achar um agente de trânsito, é só deixar seu carro estacionado em uma via do centro por mais de 5 minutos sem o pagamento da Área Azul, que um aparece para multar. Ou tente entrar no lindo bairro Jardim do Lago nos domingos ou feriados à tarde, que muitos deles estarão por lá fechando o bairro para o sossego destes moradores. Como facilmente se vê, a Prefeitura trabalha muito, mas para poucos.

A Prefeitura “trabalha

muito, mas para poucos.”

Canabarro Tróis filho*

Na simpática cachorrada da minha rua, de certo modo adotada por pessoas realmente humanas, um casal merece destaque. Ela, com sua cor de caramelo riscada de preto; ele, com seu pelo duro branco e sujo. Não se separam, são de uma fidelidade exemplar, redundantemente canina. Onde se viu cachorro dando exemplo? – perguntarão incrédulos. Porém, à vista de tantos humanos se separando vamos ao menos refletir sobre isso. Pois, um dia desses, ela ressonava estirada ao sol, mas ele queria vaguear por aí. Mas ela nada de acordar. Até que, flagrantemente perdendo a paciência, passou a latir bem alto, e bem sobre o focinho dela. E assim ficaram por uns quinze minutos, até que ela se levantou e saíram rua afora rumo ao calçadão da Tiradentes. Quem não viu perdeu, muita gente olhou sem ver, o que é comum, a gente olha e não vê a beleza que circula em nossas ruas. Daí que é imperioso afinar a sensibilidade para olhar e ver. Bagagem “A vida é o começo e o fim de tudo. Sua força, seu calor, sua inteireza de madeira que não apodrece, ultrapassam barreiras técnicas e teóricas. Quem não a defender, não a cultivar, poderá satisfazer à técnica, à teoria, mas não terá alma nem sangue. E, sem este para irrigar-se, morrerá”. (O Timoneiro, 25.5.1990). *Escritor, jornalista, editor dos Cadernos Canoenses, mantenedor da Fundação Cultural de Canoas, membro da Associação Canoense de Escritores, da Associação Canoense de Comunicação Social e da Casa do Poeta

Acabar com as pretensões de insubstituíveis - V Odil Gonçalves Gomes*

Desde 1966 relatando a história de Canoas Editado por: CEDRO - Editora e Empresa de Comunicação Ltda. CGC/MF 02.347.932/0001-30

Diretor: Feres Jorge Uequed Redator: Émerson Vasconcelos Diagramação: Sinara Dutra Colaboradores: Daltiva Uequed Circulação: Celço Andreotti Redação: Av. Victor Barreto, 3056/3º andar Sala 314 - Centro - Canoas - RS - Cep 92010-000 Circulação Semanal Fechamento comercial: Quintas-feiras, às 14 horas IMPRESSO: Gazeta do Sul S/A - Rua Ramiro Barcelos, 1.206 Santa Cruz do Sul-RS. Filiado a ADJORI/RS Os textos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não traduzindo obrigatoriamente a opinião do jornal.

Fone/fax: 3032.3022 - 3472.3022 e-mail: otimoneiro@otimoneiro.com.br site: www.otimoneiro.com.br Escritório comErcial Porto alEgrE

AV. CARLOS GOMES, 126/207 - HIGIENÓPOLIS - F.:8415.3142

Nos serviços públicos, o grande problema que ainda persiste é uma falta de gestão, ou seja, a falta de consciência do zelo com as verbas da saúde pública do Sistema SUS. Nosso Estado/RS perdurou desde 2000, criada e não regulamentada emenda 29, motivou a não aplicação dos 12% por parte de todos os governos de todos os partidos e seus coligados, não passaram da média de 6,5%. Nosso CES/RS – Conselho Estadual de Saúde, desde 2003, vem questionando o Judiciário, Assembleia Legislativa, na qual tem sido homologado os orçamentos, sem cumprir os 12%, inclusive sendo solicitado informações ao Tribunal de Contas do Estado. A Emenda 29 permaneceu no Congresso Nacional, somente veio acontecer na Lei Complementar nº 141/12. Chega a ser impossível de acreditar que, no prazo de 88 até 1990, sob o comando do sr. Ulysses Guimarães, tivemos a Constituição Cidadã, bem como as Leis 8080 e 8142/90, as quais foram criadas regulamentando o controle Social, dando ao povo brasileiro o exercício da cidadania que de verdade tem direito em razão de ser o pagante de tudo e de todos. Pasmem, todos que as criações dos conselhos municipais, estaduais e Nacional de saúde seria viabilizado o Controle do poder pelo povo nos três níveis de governos. Nosso CES/RS fez um levantamento no qual os atos políticos já citados deixou de aplicar no SUS/RS 10 bilhões, 500 milhões e 340 mil reais. Na verdade, os valores citados foram sendo protelado, razão pela qual nunca nosso Estado conseguiu ampliar a rede pública de hospitais, ficando à mercê dos interesses privados, nada a ver com a saúde pública. (Final). .

*Comunitarista

Espaço Aberto Esta seção está aberta a todos os canoenses, a todos que queiram falar sobre nossa cidade. São duas páginas reservadas para a opinião por edição. Para participar, envie seu texto por correspondência eletrônica para o endereço otimoneiro@otimoneiro.com.br, ou diretamente na redação do jornal, na rua Victor Barreto, 3056, sala 314, no Centro. A preferência é para os textos que tenham referência à cidade e que tenham, em média, 25 linhas.

No circo das lembranças, algumas estórias e uma lição de vida José Fontes*

A primeira vez que registrei este caso, foi na Revista Interclubes, que editei junto aos companheiros Geraldo Novo, Hélvio Tartarotti e Léo Duraski, nos anos 70 e 80, tendo como colaboradores Paulo César Flores da Silva, José Danilo Machado, Sandra Maria Paim Dias, João Palma da Silva, Xico Jr. e Canabarro Tróis, Filho. Mas o fato mesmo, tal como o descrevo, aconteceu alguns anos antes, por volta dos 40 ou 50, quando ainda garoto, morava na Chácara Barreto. Lembro que quando vi o “Circorama” armando o seu mundo de lona num campinho, perto de uma sinaleira que tinha na Vila Fernandes, junto à BR-116, me enchi de alegria. Vieram à minha cabeça sonhos de conhecer feras e grandes artistas. Na verdade, naquele tempo, já começava-se a pensar politicamente correto, na base do “circo legal é o que não tem animal”. Bichos, portanto, eu só conhecia dos álbuns de figurinhas, e dos filmes “de selva”, como o da Mulher Tigre, que via nas matinês do nosso velho e querido Cinema Central, do seu Leopoldino Mattos e família. Para os canoenses de então, o velho barracão de madeira da rua Guilherme Schell era a primeira universidade. Imaginem, portanto, a felicidade do garoto que eu era ao saber que ali mesmo, nas cercanias da Barreto estava chegando um circo “de verdade”. Claro, era um cirquinho de nada, desses com pano furado, cartazes escritos à mão, com carvão e as grandes atrações eram uma dupla caipira, “galinhas amestradas” e o palhaço “Cachacinha”. Mas era, enfim, a grande chance de ter o primeiro contato com o mundo das artes. E sempre pintavam, nesses cirquinhos, as trapezistas, ginastas e etc, o que significava, nas malas intenciones do menino a chancede ver alguma garota “descascada”. Como consegui o dinheiro da entrada, não lembro. Mas consegui. Ee lá foi o garoto, conhecer o mundo encantado. Foi show! Gostei da dupla caipira. Acho que era “Nhô Zé e Nhô Pinho”. As galinhas eram amestradas mesmo, fizeram um número divertido, que rendeu boas gargalhadas. O Palhaço Cachacinha foi demais. Custei a dormir naquela noite, pensando na beleza do que tinha presenciado! O mundo das artes, era aquilo o que eu queria prá mim. No outro dia, domingo, fui ao boteco da esquina, comprar pão com chimia, para o café da manhã. Lá estavam muitas pessoas. Entre as quais reconheci alguns artistas do circo, menos as galinhas amestradas, criaturas refinadas que não entravam em qualquer ambiente. O pior, entre todos, vi um sujeito chato, boquirroto, falastrão, completamente gambá e provocando os moradores para saírem no braço. Quem estava ali, entre os desiludidos, alimentando num copo os sonhos por uma vida melhor? Era o Palhaço Cachacinha. Taí, justificado o apelido. Mas ele não podia, não tinha o direito de destruir assim os sonhos do menino que sonhava ser artista. E foi assim que, aos poucos anos, recebi uma grande lição de vida: os artistas são deuses somente enquanto estão nos seus templos. Fora deles, são gente tão gente quanto nós. Com todas as forças e fraquezas que fazem as características de todos os seres. *Jornalista

Sobre a Feira do Livro Hector Quines*

Sou estrangeiro, mas como as artes não têm pátria, acho que posso e devo ajudar na discussão da próxima Feira do Livro desta cidade. Fui informado de que havia acordo, entre o órgão público responsável e os escritores, para a eleição de um autor local como patrono da Feira e a escolha de um autor fora como homenageado, para obter dois êxitos: reforçar a identidade canoense, e ter maior divulgação do evento lá fora. Porém, neste ano o acordo está rompido. Foi eleito um patrono daqui, e foi escolhida como homenageada uma escritora daqui. Do equívoco poderá vir prejuízo, especialmente para ela. O protocolo determina que o patrono, como protagonista da Feira, deverá merecer maiores atenções, ela ficando em segundo plano. Além disso, será improvável sua eleição como patrona da próxima Feira. O órgão responsável está numa encruzilhada: cumpre o protocolo, não dando à homenageada o destaque que ela merece, ou descumpre e desmerece o patrono. E se quiser, na próxima Feira, eleger a homenageada de hoje como patrona, estará cometendo um excesso. *Professor aposentado


CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013 I GERAL I O TIMONEIRO I 5

CAOS NA SAÚDE

Emergência pediátrica do Hospital Universitário fechada

17 ANOS

Pacientes estão sendo orientados a se dirigirem às UPAs e ao Pronto Socorro de Canoas A emergência pediátrica do Hospital Universitário da Ulbra está fechada desde o início desta semana. Quem chega ao local buscando atendimento para crianças é orientado a se dirigir a uma das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) ou ao Hospital de Pronto Socorro. O fechamento do setor ocorre em um momento no qual a Prefeitura gasta milhões de reais em uma campanha para divulgar o serviço de teleagendamento de consultas, como se este (que sequer funciona como deveria) fosse a grande salvação do SUS na cidade. Nossa equipe de reportagem esteve no local, onde recebeu a informação de que só a Prefeitura responderia questões relativas ao fechamento da emergência pediátrica. O jornal O Timoneiro aguarda o pronunciamento oficial da administração municipal.

Secretário diz que medida foi antecipada

O secretário de Saúde, Marcelo Bósio, em entrevista ao jornal O Timoneiro, afirmou que o fechamento da emergência pediátrica no HU era um plano que seria colocado em prática ainda dentro do mês de maio, mas que foi apressado devido ao fato de que a empresa que contrata os médicos para o Sistema Mãe de Deus não conseguiu fechar o

Exploração e abuso de menores em debate

Ocorrerá no dia 14 maio o Seminário de Enfrentamento a Exploração e Abuso Sexual contra Criança e Adolescente. A atividade é alusiva ao 18 de maio, dia nacional de luta sobre o tema. O objetivo do evento é trazer para sociedade a discussão sobre o assunto da exploração sexual contra criança e adolescente. O evento ocorrerá no salão de atos do La Salle das 9 horas às 17h30min.

Poesia no Varal

Fechamento pegou usuários de surpresa, causando grande indignação

número de médicos necessários para seguir o atendimento. O plano, segundo o secretário, é redirecionar os atendimentos com menor gravidade para a Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), que irão transferir os pacientes de maior gravidade ao HU. Segundo o secretário, as UPAs possuem hoje uma estrutura com dois médicos pediatras plantonistas em cada um das unidades. Esta estrutura estaria pouco utilizada, devido à existência do atendimento no HU. Bósio afirma que as quatro UPAs têm condições de receber todos

os pacientes que antes eram atendidos no Hospital. Ele garante que nos casos mais graves haverá transferência imediata da UPA para o HU, através de ambulância da própria Prefeitura. O secretário de Saúde informou também que uma dinâmica similar será adotada entre o Hospital de Pronto Socorro e a UPA Caçapava, que passará a ser administrada também pelo Grupo Mãe de Deus. Atualmente o Grupo administra o HU, o HPS e a UPA Rio Branco, ampliando cada vez mais seu controle sobre a Saúde de Canoas. Segundo Bó-

sio, o contrato de gestão da UPA Caçapava deve durar até o final do atual contrato para gerir o HPS. Quando perguntado sobre o destino das unidades de Saúde depois do contrato, já que inicialmente essa terceirização havia sido anunciada como uma medida temporária até a implementação da Fundação de Saúde, Bósio surpreendeu nossa equipe. Ele afirmou que ainda não se pode garantir que a Fundação assumirá a gestão logo após o término destes contratos, pois a prioridade da autarquia seria assumir as Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

Até o próximo dia 24, estudantes da rede pública e privada do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, do Ensino Médio e do Ensino de Jovens e Adultos (EJA) de Canoas podem se inscrever no 4º Concurso Poesia no Varal, que tem como tema "Vamos falar de amor". O prêmio do concurso vai ser uma camiseta com o poema impresso, um kit de livros e um brinde surpresa, a ser entregue no dia 5 de junho no Café Literário da 29ª Feira do Livro de Canoas.


6 I O TIMONEIRO I GERAL I CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013

MOVIMENTO PELA ADVOCACIA E CIDADANIA

OAB Canoas mobilizada contra colapso no Judiciário Ato público em frente ao Fórum foi uma ação do Movimento pela Advocacia e Cidadania A OAB Canoas reuniu, na manhã da terça-feira, 7, grande número de advogados em frente ao Foro Estadual durante a manifestação do "Movimento pela Advocacia e Cidadania". A mobilização teve por objetivo chamar a atenção para o agravamento que a reestatização dos cartórios causará na prestação jurisdicional da Comarca. Conforme o cronograma do TJRS, até o dia 31 de maio serão estatizados os cartórios de Canoas, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Lajeado, Santa Cruz do Sul, o que acontecerá também nas comarcas de Caxias do Sul e Pelotas, a partir de 31 de julho. Em Canoas, deverão ser estatizadas a 2ª Vara Cível, que possui 9.176 processos e conta com dez funcionários, e a 4ª Vara Cível que abrange 8.812 ações para sete funcionários. Segundo a presidente da subseção, Eugênia Reichert. "Temos insuficiência de pessoas em todas as áreas. Hoje as perícias médicas estão agendadas com 12 meses de espera e os cartórios são mantidos, em sua maioria, com estagiários. Há, ainda, atrasos em mais de uma hora para a realização de audiências nas varas criminais" exemplificou a dirigente. Durante a manifestação, o presidente da OAB/RS, Marcelo Bertoluci, relatou que a entida-

Bolsas de estudo na Ulbra

A Universidade Luterana do Brasil (Ulbra) está com inscrições abertas até o dia 31 de maio para bolsas sociais de estudos integrais e parciais (50%). Para participar do processo de concessão é preciso estar devidamente matriculado em um dos cursos de graduação presencial com vagas oferecidas. Com o objetivo de fomentar a educação de nível superior à população de baixa renda, o projeto irá beneficiar 1.222 estudantes em todos os campi da Instituição, exceto Porto Alegre.

Bolsas de estudo na Ulbra II

Segundo a presidente da subseção, Eugênia Reichert, há insuficiência de pessoas em todas as áreas

de, novamente, gestionou, na terça-feira, por meio de ofício, o adiamento da reestatização. "A reestatização desprovida de investimento em pessoal poderá implicar na paralisação da prestação jurisdicional. É fundamental que a Lei de Responsabilidade Fiscal seja revisada para que o Judiciário, que é um Poder prestador de serviços, possa aumentar os investimentos em pessoal. Não é possível que em um cartório que hoje conta com dez funcionários passe a trabalhar com três ou quatro servidores",

advertiu o dirigente.

Colapso

O reaparelhamento da estrutura do Poder Judiciário é um dos principais motivos de preocupação da OAB. Nos últimos anos, a OAB/RS tem manifestado sua apreensão com o volume gigantesco de ações que tramitam no Judiciário gaúcho, que, segundo a entidade, está à beira do colapso, sem que haja o necessário e compatível investimento na ampliação da estrutura judicial. A OAB/RS vem sugerindo a alo-

cação imediata de recursos para investimento e a revisão da Lei de Responsabilidade Fiscal, no que se refere às restrições que impedem o Judiciário de ampliar seu contingente de juízes e servidores de primeira e segunda instância. Atualmente, a defasagem no TJRS é de aproximadamente 1,6 mil servidores. Em setembro de 2012, tendo em vista o déficit de servidores e juízes, a OAB/RS já havia garantido a prorrogação dos prazos exíguos para a reestatização no Judiciário gaúcho por meio de ofícios ao CNJ e ao CFOAB.

Categoria reivindica piso nacional, melhorias nas condições de trabalho e ajustes no Plano de Carreira

Assembleia definirá se haverá greve na Educação Os professores municipais se reunirão em assembleia, convocada pelo Sindicato dos Professores Municipais de Canoas (Sinprocan), na próxima terça-feira, 14, para decidir se entrarão em greve. Segundo o presidente do Sinprocan, Jari Rosa de Oliveira, na última sexta-feira, 3, o Sindicato recebeu a resposta do Secretário de Educação às questões apontadas pela categoria no protesto ocorrido no dia 25 de abril. No mesmo dia houve uma reunião de avaliação da resposta, reunindo os representantes sindicais nas escolas. “Na reunião foi visto que de concreto ele não falou nada. Foram respostas evasivas e por isso a assembleia foi convocada”, explica Jari. Na segunda-feira, 6, em uma reunião com o Sindicato, o Secretário de Educação pediu 48 horas para nova resposta e na quarta-feira entregou novo documento. Segundo Jari, mesmo respondendo item por item, nada de concreto foi oferecido.“Eles querem mexer no nosso plano de carreira, mas não para fazer as alterações que pedimos. Só vai ganhar com estas alterações quem não tem graduação.Vão diminuir a diferença salarial entre o graduado e o não graduado de 33% para 24%. Já mandaram para a Câmara e possivelmente votarão

na terça-feira, pois sabem que estaremos em nossa assembleia”, diz Jari. Jari comentou ainda que nesta semana a Prefeitura enviou uma carta com promessas aos professores que indignou ainda mais a categoria.“Na carta falava sobre este achatamento do plano de carreira e ele prometeu computadores para cada professor. Além disso, fala dos uniformes e do material escolar. Essa promessa dos computadores não é novidade. Existe até mesmo uma lei, aprovada em 2010, que institui o projeto Professor Digital”, conta. Sobre a assembleia, Jari diz que são esperados mais de 500 professores. “Estamos em estado de greve e só dependendo da decisão da assembleia”, conclui. Segundo a reportagem de OT, o Governo está convocando todos os professores associados ao Sindicato que possuam Função Gratificada (FG) na administração para uma reunião na segunda-feira, um dia antes da assembleia, na Escola Sadi Schwitz para planejar uma forma de barrar a greve. Os educadores convocados estão indignados pela coação em ter que ir à assembleia e votar contra a greve sob pena de perder a Função Gratificada. Protesto reuniu centenas em frente à Prefeitura

As oportunidades são para o segundo semestre de 2013. As bolsas têm duração de seis meses e podem ser prorrogadas por mais seis, conforme regras previstas no edital. O processo de concessão constará de 10 etapas. A classificação dos candidatos passará por análise dos dados socioeconômicos e entrevista com o serviço da unidade para qual se inscreveram. Para inscrever-se no processo de seleção de bolsa social de estudo é necessário acessar o site www.ulbra.br/ beneficios.

Novo portal da Rede La Salle

Desde a quarta-feira, 8, estudantes, educadores e famílias lassalistas podem ajudar o La Salle Canoas a lançar seu novo site. O Desafio La Salle, que reúne, até 15 de maio, reúne perguntas sobre conhecimentos gerais e sobre a vida e obra do fundador São João Batista de La Salle.As questões são de múltipla escolha e com níveis de dificuldades diferentes, para que todos possam participar. Novas perguntas serão publicadas a cada dia. Quanto mais questionamentos forem respondidos, mais a ampulheta se completa para liberar o novo site.

Novo portal da Rede La Salle II

A iniciativa faz parte das comemorações da Semana de La Salle e tem como objetivo mobilizar e incentivar a participação da comunidade lassalista no projeto. O desafio está disponível no endereçowww.lasalle.edu.br/desafio. Com um visual mais moderno, e com informações de fácil acesso, o novo portal da Rede La Salle será lançado no dia 15. Na data, o público poderá conferir os novos sites Iinstitucional, dos Irmãos Lassalistas, das Obras Assistenciais e das unidades de Educação Básica da Rede La Salle.


CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013 I GERAL I O TIMONEIRO I 7

DIA DAS MÃES Feira no Calçadão oferece opções diversas de presentes

Além disso, todo o comércio está com as vendas aquecidas com a proximidade da data Segue até o dia 11 de maio a 18ª Feira do Dia das Mães. Na feira são comercializados produtos da agricultura familiar, artesanato feito por artesãos canoenses, artigos para presentes, roupas, bordados e utensílios domésticos de diversos tipos, produzidos por oficineiras. Ao todo são 40 estandes que ficam abertos da 9 às 19 horas no Calçadão do Centro de Canoas. A professora Maria Almeida conta que visitou a feira com o filho e que chegou a se confundir na hora de decidir qual será o seu presente. “São muitas opções boas para se escolher nos estandes. Gostei de muitas peças de artesanato, mas não vou abusar, só vou pedir uma para o meu filho. Não sei ainda qual, mas acredito que seja uma peça de artesanato ligada

à cultura tradicionalista gaúcha”, revela. A Feira das Mães conta, ainda, com uma praça de alimentação com salgados, cucas e doces coloniais.

Comércio

Além da feira, o comércio em geral está com as vendas aquecidas com a proximidade do Dia das Mães. O aumento no movimento nos estabelecimento comerciais é visível nas principais ruas do Centro, como a Victor Barreto e a 15 de Janeiro. No Calçadão, a grande maioria das vitrines faz alusão à data, o que ajuda a atrair os consumidores. Segundo as expectativas do Sindilojas Canoas, as vendas podem aumentar até 5,5% em relação ao mesmo período do ano passado.


10 I O TIMONEIRO I GERAL I CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013

Consumidores devem ficar atentos, pois foi encontrada adulteração por formol, que é cancerígeno

Sete marcas de leite estão contaminadas O Ministério Público emitiu nota na quarta-feira, 8, informando que comerciantes devem evitar a comercialização de leite das seguintes marcas e respectivos lotes: Italac Integral, Italac Semidesnatado, Líder/Bom Gosto UHT Integral, Mumu UHT Integral, Latvida UHT Desnatado. Na noite da quinta-feira, 9, mais três marcas

tiveram lotes proibidos de serem comercializados, são elas: Hollmann, Goolac e Só Milk.

A operação

Na quarta-feira, foi desencadeada a Operação Leite Compen$ado para desarticular uma quadrilha de transportadores que agia na adulteração do leite in natura,

adicionando água acompanhada de uma mistura de ureia e formol no produto. O Ministério Público divulgou que no transcurso das investigações foi possível apurar que os lotes dos leites das marcas divulgadas apresentaram adulteração por formol, conforme laudos de laboratórios credenciados pelo Ministério da Agricultura, Pecuá-

ria e Abastecimento (Mapa). Ainda segundo o MP, a empresa Latvida foi interditada na manhã da quarta-feira, e proibida de comercializar qualquer tipo de produto. A interdição se deve ao descumprimento de decisão judicial que determinou a não comercialização, por parte da empresa, dos leites UHT a partir de 1º de

abril deste ano. O MP informou ainda que os consumidores que tiverem em suas casas leites dos referidos lotes ou identificarem a presença do produto no comércio podem informar o MPRS através do email consumidor@mp.rs.gov.br, destacando marca, número do lote e data de fabricação.

SISPRO S/A SERVIÇOS E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO CNPJ 87.252.045/0001-31 NIRE 43300031225 Rua Muck, nº 30, Centro, CEP 92.010-250, Canoas – RS

ATA DE ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA Aos 17 (dezessete) dias do mês de abril do ano 2013 (dois mil e treze), às 9:00 horas, na sede social da Companhia, na Rua Muck, nº 30, Centro, na cidade de Canoas – RS, CEP 92.010-250, reuniram-se a totalidade dos acionistas representando 100% (cem por cento) do Capital Social, conforme assinaturas apostas no livro de presenças. As formalidades de convocação foram devidamente cumpridas na forma dos artigos 124, §1º, e 294, I, da Lei nº 6.404/76. Presidiu os trabalhos o Sr. Geraldo Bemfica Teixeira, secretariado por Jaime Reinaldo Hamester. Abertos os trabalhos, o Presidente declarou que estavam reunidos os acionistas para deliberar sobre a seguinte ORDEM DO DIA: 1) Tomar as contas dos administradores, examinar, discutir e votar as Demonstrações Financeiras, relativas ao exercício encerrado em 31 de dezembro de 2012; 2) Deliberar sobre a destinação do lucro líquido do exercício e a distribuição de dividendos; 3) Eleger os membros da Diretoria Executiva e fixar sua remuneração; 4) Deliberar sobre a revisão do orçamento de capital. Deliberações tomadas pela maioria dos presentes: 1) Foram tomadas e aprovadas, com a abstenção dos legalmente impedidos, as contas e o relatório dos administradores, o Balanço Patrimonial e demais Demonstrações Financeiras referentes ao exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2012, publicados no Diário Oficial da Indústria e Comércio de 15/03/2013, e no Jornal O Timoneiro, em 15/03/2013, documentos que são parte integrante da ECD – Escrituração Contábil Digital, registrada no livro digital nº 143, cuja transmissão ao Sistema Público Digital – SPED será realizada até o dia 28/06/2013, nos termos do artigo 5º da IN. RFB nº 787/2007; 2) Aprovada a proposta da Diretoria para destinar o lucro líquido do exercício no valor de R$ 1.423.683,31 (um milhão quatrocentos e vinte e três mil seiscentos e oitenta e três reais e trinta e um centavos) da seguinte forma: a) R$ 118.829,84 (cento e dezoito mil oitocentos e vinte e nove reais e oitenta e quatro centavos), para a conta de Reserva de Subvenção e Incentivo Fiscal; b) R$ 13.048,54 (treze mil quarenta e oito reais e cinquenta e quatro centavos), para a distribuição de dividendos no prazo de até 60 (sessenta) dias; c) o saldo do lucro líquido do exercício, no valor de R$ 1.291.804,93 (um milhão, duzentos e noventa e um mil, oitocentos e quatro reais e noventa três centavos), será destinado à conta de Reserva de Retenção de Lucros; d) ratificado o pagamento do valor bruto de R$ 417.969,66 (quatrocentos e dezessete mil novecentos e sessenta e nove reais e sessenta e seis centavos), a título de juros sobre o capital próprio. 3) Aprovada a reeleição dos seguintes membros da Diretoria Executiva, para o exercício do mandato de 01 (um) ano: Diretor de Operações: MÁRIO HENRIQUE DECKER, brasileiro, natural de Estrela-RS, divorciado, administrador de empresas, portador da cédula de identidade nº 3019463441 SJS/RS, inscrito no CPFMF sob nº 106.293.430-04, residente e domiciliado na Av. Palmeira, 275, apto 1002, Bairro Petrópolis - CEP 90.470-300, em Porto Alegre; Diretor de Marketing e Vendas: LOURIVAL GUIMARÃES VIEIRA, brasileiro, natural de ImbitubaSC, casado pelo regime de comunhão parcial de bens, dirigente de empresas, portador da cédula de Identidade nº 8000444417 SSP/RS, inscrito no CPFMF nº 118.985.930-00, residente e domiciliado na Rua Artur Prado, 615, apto. 183, Torre 3, Bairro Bela Vista – CEP 013.22-000, em São Paulo – SP; Diretor de Novos Negócios: CESAR LUIZ BINI, brasileiro, natural de Caçador-SC, divorciado, dirigente de empresas, portador da cédula de identidade nº 8008138921 SSP/RS, e CPFMF sob nº 095.682.800-06, residente e domiciliado a Rua Dr. Alfredo Mathias Wiltgen, 545, Bairro Bela Vista - CEP 90.480-060, em Porto Alegre; Diretor Administrativo Financeiro: JAIME REINALDO HAMESTER, brasileiro, natural de Arroio do Meio-RS, casado pelo regime de comunhão universal de bens, advogado, inscrito na OAB/RS sob nº 46.829 e no CPFMF sob nº 200.495.870-72, residente e domiciliado na Rua Paulo Bento Lobato, nº 202, Bairro Jardim Lindóia, CEP 91.050-060, em Porto Alegre. Os eleitos declaram que não estão impedidos de exercer a administração por lei especial, nem condenados por crime falimentar, de prevaricação, peita ou suborno, concussão, peculato, contra a economia popular, a fé pública ou a propriedade, ou a pena criminal que vede, ainda que temporariamente, o acesso a cargos públicos. Declaram, ainda, aceitar o cargo, sendo empossados no presente ato. Foi aprovada a remuneração global anual da Diretoria Executiva no valor de até R$ 1.750.000,00 (um milhão setecentos e cinquenta mil reais), competindo a seus membros, em reunião, proceder à individualização dessa verba. 4) Aprovada a prestação de contas da Diretoria acerca dos investimentos realizados durante o ano de 2012, a proposta de revisão do orçamento de capital e a retenção do saldo do lucro do exercício, que será destinado, em conjunto com o saldo da conta de Reserva de Retenção de lucros, para atendimento dos projetos de investimentos da Companhia nos próximos 05 (cinco) anos. 5) Foi requerido e instalado o Conselho Fiscal da Companhia, formado por 03 (três) titulares e respectivos suplentes. Foram eleitos os seguintes Conselheiros: LUIZ ANTONIO DALLA VALLE, brasileiro, casado, contador, portador do DI nº 2007492181 SSP/RS, inscrito no CPFMF sob o nº 228.905.640-53, com endereço profissional na Rua Felipe Neri, nº 296, conj. 201C, Bairro Auxiliadora, CEP 90440-150, na cidade de Porto Alegre–RS; EDUI ANTONIO RECH, brasileiro, casado, advogado, inscrito na OAB/RS sob o nº 18.265 e no CPFMF nº 325.116.040-00, residente e domiciliado à Rua Fernando Cunha, nº 60, Bairro Cavalhada, CEP 91760-360, em Porto Alegre–RS; e SÉRGIO WALDEMAR GAZZANA DOS SANTOS, brasileiro, casado, contador, portador do DI nº 7022030791 SSP/RS, CPFMF nº 379.686.020-68, residente e domiciliado à Rua Major Sezefredo, nº 189, Centro, CEP 92020570, em Canoas–RS; e seus respectivos suplentes, MARIANA CHAVES BARCELLOS TEIXEIRA, brasileira, solteira, advogada, portadora do DI nº 8019546343 SSP/RS, inscrita no CPF sob o nº 950.900.370-00, OAB/ RS 54.008, com endereço profissional na Travessa Francisco de Leonardo Truda, nº 40, conj. 242, Centro, CEP 90.010-050, em Porto Alegre–RS; CARLOS ALEXANDRE DIAS DA COSTA, brasileiro, casado, administrador de empresas, portador do DI nº 9022270301 SSP/RS, CPFMF nº 423.272.370-68, com endereço profissional à Rua Sete Povos, nº 309, Centro, CEP 92020-340, em Canoas–RS; e GELMIR GUTIER RECHE, brasileiro, casado, advogado, inscrito na OAB/RS sob o nº 66.467 e no CPFMF nº 233.037.780-00, residente e domiciliado à Rua Augusto Jung, nº 505, apto 902, Centro, CEP 93510-340, em Novo Hamburgo–RS. A remuneração dos Conselheiros Fiscais foi fixada no mínimo legal, de 10% (dez por cento) do montante pago à Diretoria Executiva. 6) Foi aprovada a lavratura da Ata da Assembleia na forma sumária prevista no artigo 130, §1º da Lei nº 6.404/76. Encerramento: Nada mais havendo a tratar, foram encerrados os trabalhos e lavrada ata, que foi lida, aprovada e assinada pelos acionistas presentes: Clovis Eloi Batistella, Marley Marx Decker, Lourival Guimarães Vieira, Cesar Luiz Bini, Jaime Reinaldo Hamester e Olir Moro. Canoas (RS), 17 de abril de 2013 Geraldo Bemfica Teixeira Presidente

Jaime Reinaldo Hamester Secretário

JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. CERTIFICADO O REGISTRO EM: 02/05/2013 SOB Nº 3787447. PROTOCOLO: 13/119203-5, DE 24/04/2013. EMPRESA 43 3 0003122 5. SISPRO S/A SERVIÇOS E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. JOSÉ TADEU JACOBY - SECRETÁRIO-GERAL.


CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013 I GERAL I O TIMONEIRO I 11

Canoense Talis Pagot é ordenado como diácono Religioso canoense será ordenado padre até o dia 15 de novembro deste ano No domingo, 5, às 15 horas, foram ordenados nove diáconos transitórios na catedral de Porto Alegre. Dentre eles, está o canoense TalisPagot. Existem dois tipos de diáconos, o diácono permanente, que pode ser casado ou não, e o diácono transitório que é o que vai se tornar padre depois. A Igreja Católica determina que o diaconato transitório dure no mínimo seis meses. Segundo Talis, o tempo médio no Brasil é de seis meses a dois anos de duração. Já na arquidiocese de Porto Alegre esse prazo fica entre seis meses e um ano. No caso de Talis e dos outros oito diáconos ordenados na última semana, já há uma definição entre novembro e dezembro. O canoense

será ordenado padre no dia 15 de novembro. Ele explicou que embora hoje seja diácono na paróquia São Luiz Gonzaga, em Canoas, é habitual que os padres recém ordenados sejam transferidos para outras paróquias, onde se tornam vigários paroquiais.

A trajetória de Talis

Já graduado em fisioterapia, Talis resolveu, em 2007, ingressar no seminário, então com 27 anos de idade. “Normalmente essa escolha tem a ver com a vivência na paróquia que a pessoa frequenta. Eu participava de grupos de jovens e outras atividades pastorais. A vocação surgiu antes, por volta dos meus 18 anos, e desde então começou a ocorrer um processo de

aprofundamento da fé. A vontade que eu tinha era cada vez mais entregar minha vida para Deus”, explica. Talis conta que durante a vivência do seminário, os seminaristas recebem, antes de se tornarem diáconos, o ministério do leitor (que permite uma maior participação na instrução da palavra durante os trabalhos paroquiais, principalmente na catequese) e ministério do acólito (que permite auxiliar o serviço do altar mais de perto, além de levar eucaristia aos doentes). Sobre sua meta de trabalho, Talis afirma: “Quero me colocar a serviço dos outros. Não somos padres para nós e sim para servir à Igreja e ao povo de Deus”.

SINDICATO DOS PROFESSORES MUNICIPAIS DE CANOAS CNPJ 97.130.835/0001-06

A VOZ DO PROFESSOR

ASSEMBLEIA PARA AVALIAR ESTADO DE GREVE

Na histórica manifestação, que reuniu mais de 500 educadores no centro da cidade no último dia 25, os professores decidiram dar prazo para que a Secretaria de Educação respondesse às reivindicações da categoria e, caso elas fossem insuficientes, entrar em Estado de Greve. Como as respostas foram julgadas insuficientes, o Sinprocan declarou Estado de Greve e convoca todos os associados para Assembleia que avaliará as respostas, o Estado de Greve e os próximos passos a serem tomados. A Assembleia ocorrerá no próximo dia 14 de maio, terça-feira, na sede social da ASMC, com primeira chamada às 17h30min, conforme edital abaixo. É extremamente importante a presença de todos os associados! Somente a continuidade na mobilização e a união total poderá trazer as melhorias que buscamos. Não deixe de participar!!! Diretoria do Sinprocan. SINDICATO DOS PROFESSORES MUNICIPAIS DE CANOAS SINPROCAN EDITAL DE CONVOCAÇÃO ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA A Diretoria do Sindicato dos Professores Municipais de Canoas, no uso de suas atribuições, CONVOCA, todos os associados em dia com suas obrigações para Assembleia Geral Ordinária, no dia, local e horário bem como o motivo especificado abaixo: Data: 14/05/2013 Horário: 1ª chamada – 17h30 min 2ª chamada – 18h Local: ASMC – Associação dos Servidores Municipais de Canoas Rua Nerci Pereira Flores, nº 179, PAUTA: Avaliação do Estado de Greve, e definição das próximas ações Jari Rosa de Oliveira Presidente

FELIZ DIA DAS MÃES

Ordenação de Talis como diácono ocorreu no dia 5 em Porto Alegre

O Sinprocan deseja a todas as mães um ótimo 12 de maio, com a reunião e carinho de seus filhos e familiares, principalmente às mães educadoras que, muitas vezes, são mães em casa e no trabalho.

SINDICATO DOS PROFESSORES MUNICIPAIS DE CANOAS SINPROCAN Rua XV de Janeiro, 121, conj. 203. Centro. Canoas-RS. Cep. 92010-300 Telefone: 3476-4033 E-mail – sinproc@terra.com.br


12 I O TIMONEIRO I GERAL I CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013

“Uma literatura dá a medida de uma sociedade”* COLOCANDO EM PRÁTICA “Tendo experimentado um despertar espiritual, graças a estes passos procuramos transmitir essa mensagem Marco leite aos dependentes que ainda sofrem, e praticar estes princípios em todas as nossas atividades”.

O enunciado do Passo começa com uma grandiosa promessa. Nos diz que, graças a estes passos, podemos andar despertos espiritualmente. Podemos entender esse despertar espiritual de várias maneiras. Na verdade, cada indivíduo terá seu próprio entendimento do que significa despertar espiritualmente. Também podemos entender que não existe um único despertar, mas vários e de diferentes intensidades. Provavelmente constataremos que por intermédio dos Passos estamos readquirindo a capacidade de amar que havíamos perdido. Nos sentiremos mais felizes, centrados, serenos, confiantes no por vir e, enfim, mais maduros como pessoas. Nada aconteceu por acaso. Admitimos nossa derrota e perda do domínio da vida. Viemos a acreditar num Poder Superior a nós e decidimos entregar nossa vida e vontade a Ele. Buscamos o autoconhecimento e admitimos a Ele, a nós mesmos e a outro ser humano nossas falhas. Prontificamo-nos a deixar Ele agir e remover essas falhas em nós. Buscamos a humildade necessária para pedir a Ele que nos livrasse de nossas imperfeições. Relacionamos todas as pessoas a quem prejudicamos em nossa vida de ativa e buscamos disposição para reparar os danos causados. Com nossa relação pronta, procuramos reparar um a um os danos causados às outras pessoas. Através do Décimo Passo, passamos a nos inventariar constantemente com o propósito de não mais errar e continuarmos a nos conhecer melhor, e quando falhamos e percebemos que erramos de novo, nós admitimos prontamente e tomamos, com o auxilio do programa, as providencias necessárias para corrigir nosso comportamento e reparar possíveis danos causados. Agora também temos como meta melhorar constantemente nosso contato com o Deus de nosso entendimento, para que possamos conhecer Sua vontade e obter forças para realizá-la em nossas vidas. Tudo isso nos conduziu a uma nova maneira de viver e de nos relacionar com as pessoas e o mundo que nos cerca, e isso por si só já pode ser considerado um despertar espiritual. Nos sentiremos impelidos a levar adiante por gratidão, amor e até felicidade esta mensagem de uma vida nova. Podemos falar as outras pessoas sobre o programa e os benefícios espirituais do mesmo. Mas perceberemos que a maneira mais eficaz de levar a mensagem de recuperação, passa por praticar os princípios de recuperação em todas as nossas atividades. Então companheiros? Que o Deus do entendimento de cada um possa Ter cada vez mais lugar em nossas vidas, que possamos ser agentes multiplicadores dessa mensagem e cada vez mais praticar esses príncipios em todas as nossas atividades.

INFORMATIVO ASMC Nº. 406 - Ano III Associação dos Servidores Municipais de Canoas Fundada em 12/06/62 e-mail: asmc_canoas@terra.com.br site: www.asmc.com.br Fone: (51) 3472-1866

“POLITICARTE” em Almoço no Canoas TC, dia 25

Esta Associação realiza, bimensalmente, seu projeto “PoliticArte”, no Canoas TC, com início às 11h30min, durante um almoço. Dia 25, o convidado especial será o vereador Pedro Bueno, que dirá do seu interesse em apoiar as atividades artísticas, com ênfase na Literatura. Também responderá a questões postas pelos demais convivas. Convite individual por R$ 15, sem bebida. Cada participante ganhará, a título de cortesia, um livro de autor associado.

Feira Municipal do Livro

Dia 2, em sua reunião em dependência da ASMC/Associação dos Servidores Municipais de Canoas, esta entidade recebeu representantes da Secretaria Municipal de Cultura, que prestaram informações sobre a Feira Municipal do Livro, que será aberta no próximo dia 1° de junho. Vários autores, nossos associados, lançarão livros durante a Feira e, para tanto, estão agendando as datas dos lançamentos junto àquela repartição.

Estudos e leituras no Espaço Cultural

Dia 22 deste Mês, no Espaço Cultural “Nemézio Miranda de Meirelles”, será iniciada uma série de estudos e leituras de textos literários, a cargo do escritor-professor Cícero Galeno Lopes, sócio honorário desta entidade. De obras de Camões, Castro Alves, Mário de Andrade, Manuel Bandeira, Mário Quintana, Manoel de barros, Bento Teixeira Pinto, Gonçalves Dias, Chico Buarque, José de Alencar, Machado de Assis, Saint-Exupéry, José Hernandez, Simões Lopes Neto, Graciliano Ramos, Alphonsus de Guimaraens, Gregório de Matos Guerra, Álvares de Azevedo, Júlio Salusse, Rui Barbosa, Jorge Amado, Érico Veríssimo, Cervantes e outros, serão lidos e discutidos trechos. Informações e inscrições no n° 2642 da av. Victor Barreto – Galeria Dal Molin, ou pelos fones 9191-6722, 9895-163 e 3465-5837.

* Frase do poeta português Guerra Junqueiro.

FARMÁCIA

A rede de farmácias Mais Econômica que tinha bloqueado as vendas até 06 (seis) vezes, vendendo somente para dentro do mês vigente, voltou atrás e a partir do dia 06 de maio, liberou as vendas até 180 dias e a ordem especial, para urgência e emergências, no 7º mês ainda não foi liberada.

SORTEIO

A mesma rede de farmácias Mais Econômica, disponibilizou, para ser sorteado na ASMC, um triciclo elétrico para quem comprasse perfumaria nas lojas da rede. O sorteio estava previsto para ser no dia 30 de abril e acabou ocorrendo no dia 06 de maio. A ganhadora foi a professora Deise Scharlau Mello. Como a professora Deise é solteira, fez questão de doar o triciclo para ser sorteado novamente. A ASMC agradece a Deise pelo seu belíssimo gesto. A nova sorteada foi a associada Nilza Teresinha Porto.

PLANO DE SAÚDE

Lembramos, aos associados que fizeram a inscrição do plano de saúde do Centro Clinico Gaúcho até o dia 03 de maio de 2013 e autorizou o desconto no mês de maio, que a ASMC cancelou o referido mês e lançou o primeiro desconto para o mês de junho. Lembramos ainda, aos interessados em aderir ao plano de saúde sem carência, que as inscrições foram prorrogadas até o dia 16 de maio. A partir dessa data as adesões terão que cumprir todas as carências. Maiores informações com a funcionária Bruna no telefone (51) 3472-1866. A proposta da ASMC para com o Centro Clínico Gaúcho, para que autorizasse o desconto em folha das adesões de pessoas físicas (agregados) dos associados, foi indeferida e não é permitido contrato com empresas nesse sentido. Os interessados deverão se dirigir até o Centro Clínico Gaúcho e fazerem a sua adesão, pessoalmente.

PREFEITO

Ocorreu no dia 09 de maio, o aniversário do prefeito Jairo Jorge. Chegou na ASMC o convite para o Jantar de Aniversário. Como nesse dia a minha filha Fernanda estava fazendo uma cirurgia, não foi possível este presidente comparecer para abraçá-lo. O Sr. Leonardo Dornelles Rodrigues, vice-presidente da entidade representou a ASMC no evento. Deixo aqui o abraço de felicidades pelo aniversário, dos amigos da ASMC.

ASMC 51 ANOS

Direito Previdenciário

Carência do auxílio-doença Airton Joel Cardoso*

Auxílio-doença exige prazo de carência para ser concedido. Cidadã que teve incapacidade atestada antes de filiar-se ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) não tem direito a recebimento de auxílio-doença. Esse foi o entendimento da 1.ª Turma do TRF da 1.ª Região, que deu provimento à apelação interposta pelo INSS contra sentença proferida por juiz de Poços de Caldas (MG). O juízo de primeiro grau entendeu que a mulher tem direito a receber o auxílio desde a data do ajuizamento da ação.Inconformado com a decisão, o INSS apelou a esta Corte alegando que a autora não preenche os requisitos para a concessão do benefício pleiteado. Após analisar os autos, o relator, desembargador federal Kassio Marques, citou os requisitos para a concessão do benefício. São eles:

“(a) a qualidade de segurado; (b) o cumprimento da carência exigível; e (c) a incapacidade temporária para o trabalho ou para sua atividade habitual por mais de quinze dias consecutivos.” Desta forma, segundo o magistrado, a impetrante não se encaixou no item “b”, já que “a parte autora reingressou para a Previdência em 11/2005 (...). Ressalto que o perito (...) atestou a data da incapacidade a 18/06/2005 (...), ou seja, período este em que a Autora não estava amparada pela Previdência Social. Portanto, a partir dessa análise, verifica-se que nessa data a parte autora não possuía a carência exigida por lei e, por isso, de acordo com o art. 25, I(12 contribuições mensais), não faz jus ao benefício pleiteado”. Fonte:Processo n.º: 590006220104019199 *Advogado OAB/RS 43.486 Telefone: 3059.1111 / 8419.5050

Lembramos, que os convites para o Jantar Baile em homenagem aos 51 Anos da ASMC, estão à venda na Entidade, com os membros da diretoria e conselhos da da mesma. Os valores para os associados podem ser descontados em folha de pagamento, em até três vezes (junho, julho e agosto). O Buffet é o Primo Piato Bello e a animação do baile será da Banda Cia Mega Brasil. Valor do convite a R$ 35,00, por pessoa. Não deixe para a última hora. Reservas através do telefone (51) 3472-1866 ou pelo e-mail: firmo_asmc@terra.com.br

PPCI

O Plano de Prevenção Contra Incêndio implantado no pátio da sede social, já ultrapassou a fase de transtornos, com as escavações no acesso ao salão social. Os acabamentos necessários não influem no trajeto de acesso das pessoas e, até meados da semana que vem, tudo estará concluído. Após a implantação do PPCI, estaremos iniciando as obras do novo galpão do DTG Morada de Guapos da ASMC e devido à construção do mesmo teremos espaço para mais estacionamento. O novo galpão será construído ao lado da Sede de Esportes, com fundo para o campo de futebol da ASMC.

CAMARIM

Estará sendo inaugurado no dia do aniversário de 51 Anos da ASMC, o novo camarim, junto ao palco do salão social, espaço com 24m2 (com cortinas, espelho, sofá, ventilador e armário). Canoas, 10.05.13. ASMC 50 ANOS COM VOCÊ! Firmo Farias dos Santos Presidente


CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013 I GERAL I O TIMONEIRO I 13

negócios & serviços Júlio Fontes

julio.fontes@otimoneiro.com.br

La Salle Canoas propõe desafio online para lançamento de seu novo site O La Salle Canoas disponibilizou, a partir da quarta-feira, 8 de maio, um desafio online que convida sua comunidade escolar para participar do lançamento do novo site da instituição. O Desafio La Salle reúne perguntas sobre conhecimentos gerais e sobre a vida e obra do fundador da Rede La Salle. Durante os oito dias da brincadeira, questões de múltipla escolha e com níveis de dificuldade diferentes serão publicadas a cada dia no endereço www. lasalle.edu.br/desafio. Quanto mais questiona-

Gincana incentiva doações

Além de divertir, a gincana do Colégio Espírito Santo (CES) estimula a responsabilidade social entre os alunos da escola. No sábado, 11, os estudantes têm das 8 às 11 horas para reunir o maior número de tênis, botas, sapatos e sandálias para reforçar a Campanha do Pé Quente, promovida pelo Lions Clube Canoas Centro. A expectativa é arrecadar pelo menos 600 pares de calçados. Conforme a presidente do clube, Marilene Rocho Neumann, os calçados serão distribuídos a famílias carentes da Escola Municipal Rui Cirne Lima, Escola Luterana Comunitária São Mateus e do Pelotão Mirim Santos Dumont. A ELEIÇÃO DO CONSELHO DELIBERATIVO NO CANOASPREV (Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores Municipais de Canoas) será dia 21 de maio na sede do CanoasPrev e na Câmara de Vereadores. E pelos correios será até o dia 14. Quem lembra é o amigo e servidor Aires Vigel, que concorrerá a uma das vagas do conselho na ocasião. Vale ressaltar que o conselheiro exerce função voluntária e sem remuneração. Que o maior interesse deve ser a preservação dos direitos assistenciais e previdenciários dos servidores. Boa sorte, Aires! *

*

*

Anton Karl Biedermann foi reeleito, para mais um mandato de dois anos como presidente dos Conselhos Superior da Federasul e Associação Comercial de Porto Alegre (ACPA). A reunião deu posse aos 38 conselheiros das duas entidades aconteceu nesta quarta-feira, 8, no Palácio do Comércio. A eleição dos novos conselheiros, renovados em um terço, ocorreu no dia 24 de abril passado. Além de Anton Karl Biedermann, foram também reeleitos, os vice-presidentes para a gestão de 2013/2015, Madeleine Rossi de Moraes Hilbk pela Federasul e Ivonir de Mello Cardoso, pela ACPA. Ainda na pauta da reunião, um relatório do presidente da Federasul, Ricardo Russowsky, sobre sua gestão com ênfase nos dois temas educação e inovação e assuntos gerais.

mentos forem respondidos, mais a ampulheta se completa para liberar o novo site. No dia 15 de maio, data em que se celebra o Dia de São João Batista, fundador da rede de ensino da qual o colégio pertence, o público terá acesso ao novo site, que contará com um visual mais moderno, e com informações de fácil acesso sobre a instituição. A iniciativa foi desenvolvida em parceria com a agência de comunicação digital, 3yz, de Porto Alegre/RS, e acontecerá em todas as unidades de Educação Básica da Rede La Salle.

Projeto Ovos RS é aprovado Em reunião realizada em 30/04 na Serra Gaúcha, o Projeto Ovos RS, que trata do Programa Institucional de Promoção do Consumo de Ovos foi apresentado pelo coordenador e autor do projeto José Eduardo dos Santos - Diretor Executivo da Asgav/Sipargs. O projeto consiste num programa que abrange dois módulos: promoção e incentivo ao consumo de ovos, através de um plano de mídia estruturado e estrategicamente elaborado, trazendo ações inovadoras comparadas com os planos tradicionais, e outro módulo voltado a melhorias, consultoria e assistência técnica às granjas e empresas de postura comercial associadas à Asgav. “Ao desenvolver o programa Ovos RS, fizemos uma profunda análise das ações diferenciadas e tradicionais em relação a promoção do ovo e as necessidades prioritárias dos produtores, aliando a essa proposta a interação com os órgãos oficias, como Ministério da Agricultura e órgãos estaduais.” comenta Eduardo Santos - Executivo da Asgav. O Ovos RS terá em sua estrutura no módulo melhorias e assistência técnica, consultoria especializada em certificações em Boas Práticas de Produção e Legislação, e ainda equipe de doutores e mestrandos que farão parte do projeto através de convênio ou termo de cooperação com Universidades. Os produtores que apoiaram a iniciativa destacaram que o projeto é abrangente e justificará as contribuições, pois a proposta visa promoção e também atenção ao setor, sem visar somente arrecadação. Outro fator que garantiu a aprovação do projeto foram as etapas previamente definidas e as metas a serem alcançadas. O Ovos RS terá lançamento oficial até julho deste ano e contará com a adesão de muitos produtores. O programa também contempla a marca Ovos RS, Comunicação Estratégica e diferenciais de mercado para os participantes. "Realmente, o projeto é muito bom e mostra a vontade do setor em atender as normas de produção e ao mesmo tempo promover e incentivar o consumo de ovos. Vamos apostar neste modelo diferenciado e planejado", comenta Daniel Bampi - Coordenador do Setor de Produção de Ovos da Asgav.

Muito handebol para os canoenses No final de semana dos dias 27 e 28 de abril, foi de grande movimentação para as equipes de handebol de Canoas. No sábado, 27, os jogos acorreram no Colégio Cristo Redentor, com a rodada de abertura da segunda edição da Copa Canoas Escolar de Handebol. Na primeira partida, um clássico da modalidade La Salle x Cristo mirim, masculino. Uma partida muita equilibrada na primeira etapa com alternância no placar. Somente na segunda etapa os donos da casa conseguiram abrir uma vantagem segura e garantir a primeira vitória em casa. Na segunda partida da manhã, La Salle x Maria Auxiliadora, mais um confronto histórico do nosso município. O Colégio Maria Auxiliadora, do professor Émerson “nenê”, com toda sua autoridade de atual campeão, abriu o placar e logo uma vantagem de 4 gols. Para quem assistia parecia que o jogo estava definido, mas o professor André Farias, do La Salle, pediu tempo e reorganizou a equipe. Gol a gol foi diminuindo a vantagem do

Auxiliadora e conseguiu terminar a primeira etapa empatado. No segundo tempo, o La Salle manteve o padrão de jogo, passou à frente no placar, conquistou a vitória e lidera a competição. A Copa Escolar tem sua próxima rodada marcada para o dia 25 de maio, também no Col. Cristo Redentor, para primeira rodada da categoria infantil. Esta competição, além de integrar e estimular a prática do handebol em Canoas, nos traz grande satisfação em participar por podermos encontrar amigos e dar muita risada em virtude disso. Na foto: Giovan Amaral, o “Deco”, diretor de árbitros da Federação Gaúcha, prof: Émerson ‘Nenê”, do Auxiliadora, prof: André Farias, do La Salle, prof: Roberto Machado, o “Beto”do Cristo Redentor e o árbitro Carlos Alberto, o “múmia”.

Coluna do Juninho Juninho recebe Prêmio Líder Comunitário Em sessão na Câmara de Vereadores de Canoas, no dia 2 de maio, foram homenageadas nove pessoas que se destacaram por seu trabalho junto às comunidades, recebendo o Prêmio Líder Comunitário 2013. São elas Silvia Cifuentes, Carlos de Quadros, Nilson dos Santos, Maria dos Santos, Everton Alfonsin, Paulo dos Santos, Zaira da Silva, Olivio Acadroli e Odavir Júnior (Juninho). Agradeço muito a homenagem, em especial ao presidente da Câmara, Juares Hoy, que tem nos ajudado nesta caminhada. Parabenizo todos os vencedores, pois o maior prêmio deste trabalho é o reconhecimento e a gratidão de quem nos dispomos a ajudar. Me coloco à disposição gratuitamente para a realização de palestras em escolas sobre diver-

sos assuntos. Interessados entrar em contato pelo telefone 9145.7810.

Escolinha do Juninho

Ocorrerá no próximo sábado, 11, um teste para interessados em disputar a Copa União de Futebol 2013. Serão avaliados atletas das categorias sub11, sub-13 e sub-15. Interessados deverão entrar em contato no telefone 9145.7810. Nossa escolinha está presente em três bairros na cidade, Núcleo Niterói, Núcleo São José e Núcleo Tênis Clube. Acesse www.escolinhadojuninho. com.br, escolha o núcleo, faça um treino grátis e ganhe um brinde especial no ato da matrícula. Odavir Júnior - Juninho Treinador de Futebol


14 I O TIMONEIRO I CULTURA I CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013

A história de Canoas, mês a mês MAIO, 1955 Desde o distante 1955 nosso governo fala em presídio. Agora, promete um enorme, que receberá apenados de várias origens. E (ou) um a ser “administrado” pelos próprios detentos. São duas expectativas, a primeira com a certeza da superlotação, a segunda com a promessa de humanização. O pequeno jornal O Momento, em sua edição de 7 de maio de 1955, retomava o assunto em seu editorial: “Um novo presídio Há muito tempo fala-se da necessidade de um novo presídio municipal, visto que o atual não satisfaz às exigências, tanto de espaço como de higiene. Em jornais já se tratou do assunto, o povo fala dessa necessidade, o próprio Poder Público demonstra que o problema lhe merece a atenção. Mas, até agora, tudo não passou da nossa sensibilidade. Sentimos o problema, mas nada fizemos para resolvê-lo. Para não sermos injustos, lembremos que alguma coisa já foi feita: o Poder Público, ao que sabemos, conseguiu um terreno, onde construir um novo presídio e chegou até a projetar o futuro estabelecimento. Mas, tudo parou aí, o que equivale a nada, tamanha é a gravidade do problema e a urgência de uma solução satisfatória. Embora sabendo das dificuldades que encontra o Poder Público, apelamos no sentindo de que mais alguma coisa seja feita. A nossa responsabilidade é enorme: condenamos os delinqüentes e, no entanto, não lhes damos os meios necessários à sua recuperação. E tais meios só poderão ser propriciados em presídios que satisfaçam a certas exigências, para que os condenados não voltem ao convívio da sociedade mais desajustados que antes. Mais alguma coisa deve ser feita, sob pena de estarmos de uma certa forma, cobrando para o desajuste e o desequilíbrio da sociedade, isto é, para a nossas própria insegurança.”

Maçonaria

A nossa linguagem Possuímos, como todos os demais distintos grupos humanos, a nossa própria linguagem. Somente para proteger suas palavras de passe, seus procedimentos ritualísticos, suas fórmulas, de mútuo reconhecimento. O demais, que é a sua filosofia, as lições de moral pessoal e social, a Maçonaria as divulga abertamente, em linguagem comum, de geral entendimento, porque é sua missão construir um mundo mais justo pela prática de uma fraternidade universal. A linguagem maçônica é peculiar, adequada aos meios e fins perseguidos; os meios são os estudos continuados e a prática refletida dos rituais, e fins são as virtudes da perfeição moral e espiritual. A linguagem deve ser digna da palavra; por isto, precisa ser objetiva, clara e concisa. Especialmente o Oraor da Loja deve saber usar a linguagem, que ele usa em nome de todos os Irmãos membros dela. O maçom C.W. Leadbeater, em artigo intitulado “Formas geradas pela linguagem”, adverte que “O homem deve vigiar sua maneira de falar, bem como o assunto, de sorte que seja amável, formosa e correta, e livre de desconsideração e exagero”. A palavra, que em linguagem mística significa Vida, não merece ser desperdiçada. (Sócrates).

Memória da Cidade Gottas Hanna O comerciante, que dia 9/06 completa 25 anos de seu falecimento, era muito conhecido e muito respeito no bairro Niterói. Na foto, a certidão de nascimento, de 10/10 de 1935, num navio que veio do Líbano. No Brasil, deixou a imagem de honra, dignidade, vida religiosa e paixão pelo Brasil. Dizia: “Essa terra me recebeu, deu-me família, maneira de sustentá-la e de honrar minha esposa e filhos”.

Agenda tradicionalista

Tradição e folclore (2) Olegar Lopes* Dando continuidade à proposta de esclarecer os leitores sobre as diferenças e semelhanças Crioulismo e Regionalismo, hoje o termo que será abordado é Tradição. A palavra tradição vem do latim, verbo “tradere” (traditio, traditionis), que significa trazer, entregar, transmitir, ensinar. Logo, tradição é a transmissão de fatos culturais de um povo, quer de natureza espiritual ou material, ou ainda é a transmissão dos costumes feita de pais para filhos no decorrer dos tempos, ao sucederem-se as gerações. É a memória cultural de um povo. É um conjunto de idéias, usos, memórias, recordações e símbolos conservados pelos tempos, pelas gerações, sendo assim a eterna vigilância cultural. Antônio Augusto Fagundes referindo-se à tradição diz: “Em Direito, tradição significa entrega. Em seu sentido mais amplo, tradição quer dizer o culto dos valores que os antepassados nos legaram. Todo o grupo social, toda a nação tem sua própria escala de valores e é essa escala que torna os povos distintos entre si”. Glaucus Saraiva, na sua obra Manual do Tradicio-

nalista, diz: “Tradição é o todo que reúne em seu bojo a história política, cultural, social e demais ciências e artes nativas, que nos caracterizam e definem como região e povo.” Na mesma obra, o autor ainda cita: Tradição não é simplesmente o passado. O passado é o marco. A tradição é a continuidade. O passado é o acontecimento que fica. A tradição é o fermento que prossegue. Salvador Ferrando Lamberty referindo-se à tradição diz: “Essa tradição que nasceu nos galpões de campanha, chegando às cidades, conquistando todas as classes sociais, é o pedestal do ideal literário sulino. Nosso acervo cultural retrata a paisagem sem fim de nossos campos, cortados pelos tropeiros, os rangidos choramingantes das carretas de bois e o grito sentinela do quero-quero.” Como podemos ver, tradição é a transmissão dos fatos culturais e os costumes do nosso povo, os quais passamos para os nosso filhos no decorrer dos tempos, que assim vão se sucedendo de geração para geração.

Tradicionalista - olegar.tradicionalista@yahoo.com.


CANOAS, 10 A 16 DE MAIO DE 2013 I SOCIAL I O TIMONEIRO I 15

Diferencial – Clínica Integrada Canoas tem mais um espaço para saúde e bem estar. No último dia 04 de maio aconteceu o coquetel de inauguração da Diferencial Clínica integrada. Com uma proposta multiprofissional o empreendimento do casal Pedro e Ana Zottis já está de portas abertas e oferece aos seus clientes: fisioterapia, pilates, acupuntura, manthus, massoterapia terapêutica, estética e relaxante, RPG, drenagem linfática, drenagem linfática para gestantes e pós operatório, shiatsu, terapia de pedras quentes, fisioterapia estética. O atendimento é individual e personalizado. Localizada na Rua Silva Paes, 160. A clínica conta com estacionamento próprio e tem fácil acesso. Fone 3429-2028. Parabéns e Sucesso.

Dona Lurde e suas voluntárias

21 anos A Associação das Senhora da Campanha dos Bebês realizou o chá beneficente, em comemoração aos 21 anos de fundação num salão de festas da ASMC, onde se fizeram presentes senhoras da nossa sociedade para parabenizar a Associação pelo 21º aniversário pelo trabalho pela nossa sociedade carente. Registro aqui um parabéns especial para dona Lurdes e suas voluntárias por mais este evento.

Pedro e Ana Zottis, Taíse, Isadora e Marcelo Mendes Celso, Elaine, Priscila e Bárbara

4º Aniversário do Sampa No dia 28 de abril a Comunidade Admiradores, Ex-alunos do Sampa, que foi criada com a finalidade de reencontrar ex-alunos, pais e comunidade que tiveram alguma ligação com o Colégio São Paulo (conhecido como Colégio das Irmãs) reuniu quase trezentas pessoas para comemorar o 4º aniversário do grupo.

AGENDA

JOAPI

Almoço em homenagem ao Dia das Mães no Canoas Tênis Clube. Reservas pelo telefone 3472.2280, com Maria Horus.


I N S S Airton Joel Cardoso OAB-RS 43.486

Segurado do INSS, requeira já sua aposentadoria, não espere mais tempo, procure-nos, pois encaminhamos revisão de pensão, aposentadoria, auxilio-doença e aposentadoria por invalidez. O INSS indeferiu sua aposentadoria ou pensão, venha nos consultar. Rua Frei Orlando, 33/404 ao lado da Praça do Avião Centro Fone: (51) 3059.1111 – 8419.5050

Canoas, 10 a 16 de maio de 2013

Odil Gomes: 80 anos e muita disposição Comunitarista foi recebido com festa pelos colegas na redação de O Timoneiro O comunitarista Odil Gomes, colunista de O Timoneiro, completou 80 anos na última terça-feira, 7. Gomes dedicou as últimas décadas de sua vida ao trabalho comunitário, sendo uma referência inicialmente para os moradores do bairro Niterói e posteriormente para toda a cidade. A sua principal luta é relativa a um assunto que domina mais do que muitos médicos e integrantes da administração pública na área da saúde: a urgência na melhora do atendimento no SUS. O caráter lutador de Odil nunca é deixado de lado. Durante a comemoração de seu aniversário, realizada na redação do jornal O Timoneiro, Odil pediu a palavra e falou sobre o sucateamento do SUS na cidade e sobre a forma como esperava que a saúde melhoraria nos últimos anos. O comunitarista se disse decepcionado com o retrocesso que vem ocorrendo e garantiu que não pretende,

em momento algum, abandonar a sua luta. Os colaboradores de OT, mesmo os que não trabalham diariamente na redação, fizeram questão de comparecer para cumprimentar Odil pela data. O diretor de OT, Jorge Uequed, ressaltou a importância de Odil Gomes para os canoenses e lembrou também de sua participação ativa e semanal na construção do jornal. Sendo um dos colaboradores mais ativos da publicação, Odil escreve, semana após semana, sobre o SUS e os pontos nos quais o sistema deveria melhorar. Odil Gomes, na década de 1980, foi um dos organizadores do movimento que culminou na criação da União das Associações de Moradores de Canoas (Uamca). Também teve papel determinante na organização da associação niterioense Sabetran, hoje chamada de Concoban.


O Timoneiro - Nº 2547  

O Timoneiro - Nº 2547

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you