Page 1

PUBLICIDADE

QUARTA-FEIRA | 2.OUTUBRO.2019 | N.º 251| Ano II | 5.ª Série

PUBLICIDADE

BARREIRO VAI TER PRAIA NOVA Câmara anuncia 1 milhão de euros para praia na Quinta Braamcamp P.4

DIOCESE DE SETÚBAL

P.3

REGIÃO

AMARSUL PAGA 50 CÊNTIMOS POR CADA SACO

P.12

MOITA P.5

Riberalves investe cinco milhões MONTIJO P.5

Bispo aponta sete desafios para 2020 SETÚBAL

P.7

PSD diz que APSS ainda não percebeu que deve explicações PUBLICIDADE

Escolas básicas vão receber dinheiro para separar resíduos

Montalva/Izidoro renova produtos e imagem DIA DO ANIMAL

Autarquias promovem iniciativas no sábado


2

FIGURA DO DIA

REPARO DO DIA

QUARTA-FEIRA, 02/10/2019

Û

MIRADOURO DA ARRÁBIDA SANDRA SILVA

C.D. ‘OS PELEZINHOS’

JOSÉ PEREIRA Presidente da Direcção do C.D. “Os Pelezinhos”

A presidente da Amarsul está empenhada em reforçar as campanhas de recolha selectiva de resíduos. Um modelo que leva a reforçar parcerias com as autarquias e ao investimento de 10 milhões de euros, dos quais 7 milhões são fundos comentários.

os_pelezinhos1@hotmail.com

Tristeza e alegria A semana passada foi para nós simultaneamente uma fonte de tristeza e de alegria. Foi com evidente pesar que soubemos, a meio da semana, do falecimento de Francisco de Castro Mota, após internamento hospitalar prolongado. O senhor Mota, como era conhecido por todos, foi fundador, antigo vice-presidente e, sobretudo, um grande amigo d’Os Pelezinhos. Uma figura omnipresente nos primeiros anos da vida do clube, o senhor Mota era uma referência e uma fonte de ajuda inesgotável nas inúmeras questões do diaa-dia. Com a sua partida, Os Pelezinhos ficaram mais pobres e perderam um elemento incontornável da sua história. À família, em nome dos órgãos sociais e dos associados, apresento publicamente as nossas condolências. Será recordado com saudade e ficará para sempre na nossa memória colectiva como um dos nossos. Mas a semana passada, que começou com um travo amargo, no dia 27 assumiu um tom festivo. É que, nesse dia, soprámos 38 velas. Quase quatro décadas depois, Os Pelezinhos continuam a fazer aquilo para o qual nasceram: formação desportiva que contribui para a educação dos jovens. Nesse dia, recebemos dezenas e dezenas de manifestações de apreço e carinho, de antigos e actuais atletas, dos seus pais e encarregados de edução, de representantes de outros clubes e dos setubalenses em geral. É com indisfarçável alegria, mas também com toda a humildade, que verificamos que Os Pelezinhos são uma referência na cidade e no distrito. A todos, igualmente, o meu agradecimento público pela vossa generosidade. Continuaremos a trilhar o mesmo caminho de sempre, procurando acrescentar mais e mais valor.

Pedro e Gonçalo param baixa de Setúbal Ontem, quem estava no Largo da Misericórdia, em Setúbal, para além de uma tarde quente de sol teve direito a um mini-concerto ao ar livre. As esplanadas cheias e vários transeuntes que abrandavam o passo, ou mesmo paravam, uns apenas para ouvirem a voz e guitarra, outros para também fotografar. Pequeno amplificador de som, microfone de pé e, à frente, no chão, o saco da guitarra recebia moedas de agradecimento pela voz de Gonçalo Lopes e Pedro Ferro, que também na guitarra, acompanhava a parte melódica. Setubalenses, ambos participaram no último programa de talentos de voz e interpretação musical; o La Banda. Pedro, de 21 anos, ficou com o 16.º

lugar e Gonçalo, de 20, chegou aos últimos 22 participantes. O concurso terminou, mas não o sonho, eles sentem-se dos palcos e, pelo que a baixa da cidade assistiu, haverá quem os queira ver em palco. Gonçalo Lopes distribui pizzas em Viseu, Pedro Ferro aposta na estrada, em bares e pequeno espaços para actuar. “Como pode esta óptima voz ficar a vender pizzas?”, questionava Pedro, e que o homem canta bem, lá isso canta, aliás, ambos cantam bem. “Queremos começar a fazer espectáculos”, afirmava Gonçalo. E, no caso de Pedro Ferro, há já uma actuação marcada; ele vai estar esta sexta-feira no Seixal, no cacilheiro restaurante e bar “Lisboa à Vista”, atracado na baía.

OPINIÃO A natureza não perdoa nunca!

MÁRIO MOURA Médico

Impossível escapar ao assunto do dia : as ameaças da sobrevivência da habitabilidade no nosso planeta! A agitação dos jovens por todo o mundo em manifestações de milhares nas cidades dos quatro cantos do mundo, temendo pelo seu futuro. As afirmações dos cientistas feitas desde há muito tempo começam agora a ter ressonância e aceitação em todos os continentes, os programas dos partidos políticos começam igualmente a ter em consideração os problemas ecológicos (com que sinceridade não sabemos!), mas entram na onda das preocupações do momento, a ONU convoca uma reunião específica para tratar e debater o problema grave a que a maioria dos governos têm passado ao lado dominados

pelo sistema organizacional em que vivemos há uns dois seculos. Já se fizeram conferência anteriormente onde se fizeram promessas e se estabeleceram metas que não deviam ser ultrapassadas para a emissão de gazes de efeito estufa, mas o grande objetivo dos governos dominados pelos donos do dinheiro e dos povos em geral dominados por um principio e um anseio de crescimento material , dificultavam qualquer aplicação de normas exigentes para alterarem os seus desígnios. Mas indiferente a tudo isto, indiferente a promessas, metas e ações de protesto, a natureza vai fazendo o seu nefasto caminho provocado pelos homens. Reduzir o numero de aviões no espaço em cada dia? Impossível com a ânsia dos transportes quanto mais rápidos melhor, reduzir o consumo de carvão e de petróleo? Impossível pois são necessários para a constante necessidade de produzir sempre mais nesta ânsia de consumo. O consumo de matérias produzidas pela mãe natureza, sem rei nem roque, sempre com mais intensidade sem olhar a consequências, e impulsionadas pelo “deus mercado”, continua num crescendo, por todo o mundo que não abdica

do aumento das suas fontes de energia. Os grandes potentados mundiais da indústria química, da indústria de automóveis, das muitas indústrias de tecnologia avançada, são surdas aos apelos dos cientistas e – agora – dos jovens que começam a ver o seu futuro comprometido. Mas a realidade vai-se impondo com o aumento progressivo da temperatura média do globo, com o degelo acelerado das calotes polares, e – especialmente – com o aumento irrefutável das tempestades, dos furacões, das inundações, dos tremores de terra, da atividade vulcânica, etc. , irrefutável perante o aspeto das Baamas arrasadas, de tantas povoações transformadas em monte de cascalho, com a perca de milhares de vidas, especialmente das gentes mais pobres nesses grandes “arrufos” da natureza. Diz o ditado que” Deus perdoa sempre, os homens perdoam às vezes, mas a natureza não perdoa nunca”. Ah! Isso é com os outros lá longe, dirão os portugueses, mas é um fato que o clima perdeu a sua regularidade das estações, o calor atinge níveis nunca sentidos, que se aproxima dos Açores um furacão que

nunca aparece nesta época do ano com tal intensidade, no Algarve ou na Costa da Caparica se luta para preservar as praias que o mar leva e as falésias que se desmoronam. E tenhamos em atenção que a ONU confirma o pior cenário para o nosso País com a subida do mar – lá se vai uma das “galinhas dos ovos de ouro”, o Algarve, lá vamos tendo climas de norte de Africa e doenças próprias do Equador! Para alem dos protestos veementes dos jovens nas ruas, para alem dos programas dos partidos, para alem do alarme da ONU, para alem do abalo que sentiu quem ouviu o discurso da jovem sueca na reunião do clima em Nova Yorque, é necessário que cada um de nós se instrua e comece mudando o seu estilo de vida e os seus objetivos de vida. A mudança tem de ser na educação, no comportamento individual, na mudança radical do nosso sistema sociopolítico. O Papa Francisco não se cala pedindo aos homens em geral que a mudança começa em cada um de nós. Ou o Mundo poderá tornar-se realmente inabitável no espaço dumas escassas décadas!

FICHA TÉCNICA

PUBLICIDADE geral@osetubalense.com publicidade.setubal@gmail.com

SETÚBAL ALMADA SEIXAL PALMELA BARREIRO ALCOCHETE OUTROS CONCELHOS MONTIJO MOITA 212 383 228 265 520 716 265 094 354 265 092 725 212 318 392 212 047 599 212 047 599 212 384 894 937 081 515

Registo de Título N.º 107552 | Depósito Legal N.º 8/84

Propriedade: Outra Margem - Publicações e Publicidade, Lda. Contribuinte: 515 047 325. (Detentores de mais de 10% do capital social: Gabriel Rito e Carlos Bordallo-Pinheiro). Editor: Primeira Hora - Editora e Comunicação, Lda. Contribuinte: 515 047 031 (Detentores de mais de 10% do capital social: Setupress, Lda., Losango Mágico, Lda., Carla Rito e Gabriel Rito) Sede de Administração e Redacção: Travessa Gaspar Agostinho, 1 - 1.º, 2900-389 Setúbal. Conselho de Gerência: Carla Rito, Carlos Dinis Bordallo-Pinheiro, Gabriel Rito e Carlos Bordallo-Pinheiro.

CONCELHO DE SETÚBAL Travessa Gaspar Agostinho, 1 - 1.º - 2900-389 Setúbal - Tel. 265 094 354 (geral) / 265092 633 (redacção) / 265 092 725 - 265 520 716 (dep. comercial) CONCELHO DE PALMELA Rua José Saramago, lote 26 - loja direita 2955-027 Pinhal Novo - Tel. 212 384 894 CONCELHOS DE MONTIJO E ALCOCHETE Praça da República, 63, Galerias Comerciais, Lj 18. Tel./Fax: 212 318 392

CONCELHO DO BARREIRO Intermarche da Moita - Quinta Santa Rosa Rua Classe Operário - Alhos Vedros - Moita Tel.: 212 047 599 - 939 050 535 CONCELHO DA MOITA Intermarche da Moita - Quinta Santa Rosa Rua Classe Operário - Alhos Vedros - Moita Tel. 212 047 599 / 939 050 535 REDACÇÃO Director: Francisco Alves Rito (CPJ 2292) diretor@osetubalense.com Redacção: Mário Rui Sobral (CPJ 3872 A),

Humberto Lameiras (CPJ 2321 A); Ana Martins Ventura (CPJ 7230 A). Colaboradores: Inês Antunes Malta (CPJ 7226 A); Miguel Nunes Azevedo (TP 2608); Fátima Brinca (CPJ 2574); Rogério Matos (CPJ 9929); Helga Nobre; André Rosa; Ricardo Lopes Pereira e José Pina. Fotografia: Mário Prata, Alexandre Gaspar e Arsénio Franco. DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO Teresa Inácio, Dulce Lança e Branca Belchior. PUBLICIDADE Direcção Comercial: Carla Sofia Rito e Carlos Dinis Bordallo-Pinheiro. Setúbal: Ana Oli-

veira, Mauro Sérgio, Célia Felix e Rosália Batista. Montijo: Graciete Rodrigues.PPalmela: Rosália Batista. Barreiro: Carla Santos. Moita: Carla Santos. IMPRESSÃO Tipografia Rápida de Setúbal, Lda. - Travessa Jorge d’Aquino, 7 - 2900-427 Setúbal e-mail: geral@tipografiarapida.pt DISTRIBUIÇÃO VASP - Venda Seca, Agualva - Cacém Tel. 214 337 000 Tiragem média diária: 9.000 exemplares

Estatuto Editorial disponível em https://www.facebook.com/pg/ JornalOSetubalense/ about/?ref=page_internal

Edição online www.diariodaregiao.pt Digital Media Officer: José Luís Andrade

Os artigos assinados são da responsabilidade dos seus autores


No próximo dia 12

3

Festa do associativismo do concelho na Academia Almadense

QUARTA-FEIRA, 02/10/2019

A Academia Almadense volta a servir de palco, no próximo dia 12, a partir das 15h00, à realização de mais uma edição do evento que

ACTUAL

reúne o movimento associativo do concelho. Organizada pela Sociedade Cultural de Artes e Letras de Almada (SCALA), a 3.ª Festa

do Associativismo Almadense conta com o apoio da Câmara Municipal, freguesias e colectividades. Ao longo da tarde vão ser

várias as demonstrações nas mais diversas modalidades ou actividades culturais que as associações do concelho têm para oferecer.

“Levanta-te e partilha a fé, a missão” define nota pastoral de D. José Ornelas Carvalho

D. José Ornelas Carvalho acabou de traçar as grandes linhas de orientação e desafio que se colocam à Diocese durante o período de um ano

DIREITOS RESERVADOS

Sete grandes desafios para a Diocese de Setúbal

POR HUMBERTO LAMEIRAS

O

Bispo de Setúbal, D. José Ornelas Carvalho, já publicou a nota pastoral para o ano 2019/2020, a que deu o tema “Levanta-te e partilha a fé, a missão”. Um texto onde define os principais desafios e iniciativas que vão guiar a Diocese de Setúbal neste período. Na apresentação do documento foi relembrado o primeiro Bispo de Setúbal, D. Manuel Martins, que morreu a 24 de Setembro de 2017, logo a seguir o Bispo de Setúbal disse dirigir-se, “eespecialmente”, aos jovens através de “uuma palavra amiga de chamamento para a vida e a missão da nossa Igreja, baseada nos principais desafios e iniciativas que nos movem”. Em evidência foram colocados sete princípios, sendo o primeiro o Triénio Dedicado aos Jovens, com a Jornada Mundial da Juventude, Lisboa 2022 no horizonte. “N Neste percurso, por proposta do Papa Francisco, guia-nos a figura de Maria, Mãe e modelo da Igreja, na visita à sua prima Isabel “Maria levantou-se e pôs-se apressadamente a caminho, para as montanhas, para uma cidade de Judá. Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel”, relembrou D. José Ornelas Carvalho. A isto acrescentou que este novo ano pastoral “ddesafia-nos a levantar e a caminhar; a abrirmo-nos à comunidade, à Igreja, ao mundo, com

PRIORIDADE. A Jornada Mundial da Juventude, Lisboa 2022, é encarada pelo Bispo de Setúbal como um grande desígnio

vontade de partilhar a mensagem que recebemos e os dons de que dispomos”, sendo que este percurso “ddirige-se particularmente aos jovens”. Em segundo lugar referiu a Fundação Dom Manuel Martins (FDMM), que agora faz um ano, apontado que o projeto de Estatutos desta futura Fundação “eestá já a ser analisado pelos órgãos competentes da Diocese e de pessoas para tal qualificadas”. “AA expectativa é que ainda neste ano pastoral sejam dados os passos fundamentais para a criação e a entrada em funcionamento desta Fundação”. Cursos de aprofundamento da Bíblia Outro dos desafios é a Academia Fé e Cultura, que considera ser “uum dos pilares fundamentais da Fundação Dom Manuel Martins”. Aqui, será a proposta de formação qualificada para a Igreja e para todos os que desejarem conhecer e aprofundar a mensagem cristã. Desse modo, “ddando continuidade à

“Escola da Fé”, que deu tão bons frutos na nossa Diocese, está a ser constituída, no seio da FDMM, a “Academia Fé e Cultura”, com o objetivo de oferecer cursos de aprofundamento e competência nas várias áreas da Bíblia, Teologia e visão cristã do homem e da sociedade”. Refere o Bispo de Setúbal que os primeiros cursos estão a ser preparados em cooperação com a Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, e “ddeverão ter início já no início de 2020”. A quarta linha de orientação vai para a Organização Administrativa da Igreja Diocesana, sendo que “hhá mais de um ano que os estatutos de administração e gestão da Diocese estão a ser revistos”. A perspectiva de D. José Ornelas Carvalho é que “nnos próximos meses” estes estatutos “ssejam analisados em diversas sedes e ser gradualmente aplicados ao longo do ano de 2020, na sede da Diocese, nas paróquias e nas outras instituições diocesanas”. A quinta indicação é relativa ao

PUBLICIDADE

Departamento Sociocaritativo da Diocese de Setúbal que está a dar os primeiros passos “nna sua função de conhecer, articular e coordenar os esforços e projetos dos nossos Centros Sociais Paroquiais e das instituições e iniciativas solidárias das nossas paróquias”. Um departamento que afirma a “nnobre tradição da Diocese” em dar “aatenção aos problemas da pobreza e da solidão”. A formação de diáconos para a Igreja é outro dos princípios apontados pelo Bispo de Setúbal para este ano. O sétimo e último ponto é a Atitude Missionária, em que o Bispo de Setúbal evoca o “aassumir a atitude de Maria, nossa mãe e modelo da Igreja: escutar com atenção a voz de Deus e meditá-la no nosso coração em atitude de disponibilidade orante”.


4

Investimento de 250 mil euros e 120 dias de obra

Barreiro e Moita entendem-se para construir rotunda

QUARTA-FEIRA, 02/10/2019

REGIONAL

Está em curso a obra de construção de uma rotunda no entroncamento entre a Rua Manuel Cabanas e a Rua da Amizade, nos Fidalguinhos. Esta obra na Freguesia do Lavradio tem

um prazo de conclusão de 120 dias. Para facilitar a fluidez de tráfego no local e melhores acessibilidades, a Câmara do Barreiro estabeleceu uma parceria com a sua congénere da Moi-

ta, no final do ano passado, que agora se formaliza no terreno. Orçamentada em 250 mil euros, esta obra conjunta, será suportada em 60% pela Câmara do Barreiro e 40% pelo Município da

Moita, resolvendo desta forma um problema de tráfego, “hhá muito identificado e reivindicado pelas populações de ambos os concelhos”, refere comunicado da Câmara do Barreiro.

Requalificação associada à Quinta Braamcamp é considerada estratégia na economia e no turismo

Nova praia do Barreiro chega em 2020 Praias fluviais do Circuito Ribeirinho do Barreiro Desde a Avenida da Praia, pelo Passeio Ribeirinho Augusto Cabrita, até ao Clube Naval com passagem pelos moinhos da Alburrica, terminando em Santo André, onde o areal deixa o Tejo para receber o

rio Coina, as praias fluviais do Barreiro “ppodem ser o grande futuro do turismo num concelho situado frente a Lisboa, suturada pelos seus 7 milhões de turistas”, afirma Rui Braga.

Alburrica Investimento de um milhão de euros permitirá ter uma nova praia, junto à Quinta Braamcamp POR ANA MARTINS VENTURA FOTO ARSÉNIO FRANCO

O

s dias de temperatura amena ainda prometem ficar por algumas semanas, de acordo com as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera e, no Barreiro, a procura pela beira-rio continua a ser uma das preferências, com as praias do Circuito Ribeirinho do Barreiro a receberem centenas de pessoas. No próximo ano a época balnear e o Circuito Ribeirinho trazem novidades.

Uma nova praia vai nascer junto à Quinta Braamcamp, com a recuperação da segunda caldeira deste espaço. O projecto tem estado guardado a sete chaves mas, segundo o vereador Rui Braga, “ccom a requalificação prevista para a Quinta Braamcamp, a Câmara Municipal do Barreiro irá avançar com este projecto paralelo que representa um investimento de 1 milhão de euros”. “Um projecto fácil, pura economia” Com a requalificação da Quinta Braamcamp num espaço que engloba habitação e uma unidade hoteleira, o vereador entende que é “eessencial” trazer actividades paralelas que possibilitem “m mais vida no espaço, para aqueles que ali vão viver e para quem vier visitar”. Assim nascem zonas verdes, uma

área polidesportiva e a nova praia. “U Um projecto fácil, pura economia”, afirma Braga. A requalificação da segunda caldeira existente na área da Braamcamp será feita tendo por base a defesa da água, “qque actualmente está boa”. Depois em termos de obra será “aapenas” necessário fechar a caldeira com uma comporta, levantar um paredão e preencher a frente com areia. Na óptica de inovação e desenvolvimento económico do vereador responsável pelo Departamento de Planeamento, Gestão Territorial e Equipamentos este é “uum paço em frente para conseguirmos conquistar mais uma ‘praia fluvial’ para a zona da Alburrica, que se tem revelado um espaço de eleição para os barreirenses no período de Verão e, também, para atrair cada vez mais visitantes de fora se queremos potenciar o turismo”.

A Praia fluvial da Alburrica situa-se na orla do Circuito Ribeirinho do Barreiro. Espaço onde

se encontram três moinhos de vento: Gigante, Nascente e Poente.

Copacabana Localizada no final da Rua de Maputo, em Santo André no Barreiro, a Praia Fluvial Copacabana representa uma zona ideal para passeio, com um quilómetro de costa devido

ao extenso areal. Banhada pelas águas do Rio Coina estende-se desde o Pontão da Seca do Bacalhau – Bensaúde, até ao Parque Recreativo da Cidade do Barreiro.

Moinhos alavancam frente ribeirinha Um investimento de 400 mil euros e mais de um ano de obras resultaram na requalificação total do Moinho de Maré Pequeno e da área envolvente. No coração do Barreiro o espaço representa uma nova vida para a cidade, em especial para os moradores da Rua Miguel Pais. O renovado Moinho de Maré Pequeno conta agora “aa história dos moinhos do concelho, desde Alburrica a Coina” explica Rui Braga. Mas, para o vereador, o posicionamento deste

equipamento vai além da história. Representa “uum olhar diferente sobre a cidade”, na requalificação de um conjunto que inclui também os espaços exteriores envolventes. Parte de um plano maior, a seguir à requalificação segue-se agora a recuperação de outro moinho de maré e dos moinhos de vento, articuladas com os grandes planos previstos para a Braamcamp, “ppara transformar a frente ribeirinha num espaço de excelência e um grande activo da economia local”.

Bico do Mexilhoeiro O Bico do Mexilhoeiro ou Praia do Clube Naval é uma das praias fluviais que fazem parte do Circuito Ribeirinho do Barreiro.

Este espaço pode ser alcançado a partir de uma caminhada pelo passeio ribeirinho Augusto Cabrita, com vista privilegiada sobre Lisboa.


QUARTA-FEIRA 02/10/2019

REGIONAL

O DIÁRIO DA REGIÃO DE SETÚBAL

5

MOITA Nova ala industrial já está em funcionamento

DIREITOS RESERVADOS

Riberalves lança investimento de 5 milhões e reforça aposta na qualidade

MONTIJO

Do prado ao prato com nova imagem

Marca Izidoro mais perto dos consumidores Em 2019 o Grupo Montalva/Izidoro avançou com nova imagem da marca, bem visível na apresentação dos produtos embalados e enlatados Maior capacidade de armazenamento vem estender área de cura tradicional portuguesa, em que o bacalhau fica em maturação no sal, garantindo a melhor qualidade e sabor. O desenvolvimento de produtos de excelência norteia a estratégia da empresa líder do sector em Portugal POR LUÍS PESTANA

N

a Moita mora a maior fábrica mundial de transformação de bacalhau. Apesar deste estatuto a empresa portuguesa não descura o investimento nas suas instalações. A Riberalves lançou no ano passado um investimento de 5 milhões de euros, tendo em vista o aumento de capacidade de armazenagem de matéria-prima e de produto acabado, na unidade industrial da Moita. A

nova ala industrial da Riberalves entrou agora em funcionamento. Em toneladas, este investimento representa a capacidade de armazenar mais 6300 toneladas (6300 paletes). Para os responsáveis da Riberalves este foi um “ppasso relevante” tendo em conta “oo objectivo essencial” que norteia a estratégia da empresa: “ggarantia da máxima qualidade no processo e no produto final”. Como é sabido, um dos factores que mais influência tem na qualidade e no sabor do bacalhau é o tempo de cura, isto é, o tempo de maturação no sal. Quanto mais tempo, mais qualidade e sabor. Ao estender a capacidade de armazenamento, a Riberalves “eestá a reforçar os argumentos que diferenciam a marca, de produção de bacalhau de cura tradicional portuguesa com máxima qualidade”. A Riberalves é uma empresa 100% nacional, referência Mundial na transformação de bacalhau, produzindo 25 mil toneladas/ano. Com uma faturação a rondar os 145 milhões de euros e exportações que valem 30% das vendas, a Riberalves é referência num grupo que integra ainda as empresas AdegaMãe e Riberalves Imobiliária.

POR LUÍS PESTANA FOTOS ALEX GASPAR

A

decisão foi corajosa mas tudo aponta ter sido a mais indicada. A receptividade junto do consumidor “ttem sido muito boa”, aponta a O SETUBALENSE – DIÁRIO DA REGIÃO, Luís Rodrigues, CEO do Grupo Montalva/Izidoro, em jeito de balanço. A Izidoro, marca com mais de 100 anos de história, apresenta agora um novo logo e uma nova assinatura, “Somos Criadores”, que reflecte a sua identidade 100% portuguesa, especialista a trabalhar a carne e que está presente do prado até ao prato de forma apaixonada, assegurando por isso qualidade e sabor em tudo o que faz. Para a marca Izidoro a inovação tem sido o principal factor de crescimento da marca, representando mais de 10% do volume de vendas. Para 2019 “oos nossos objectivos de inovação são ainda mais ambiciosos”, revela Luís Rodrigues. A qualidade e o sabor “ssão os pilares base dos nossos produtos”, acrescenta. Este ano a Marca, realça ainda, “rreforçou a sua oferta com soluções que vão ao encontro das tendências de mercado e das necessidades dos

seus consumidores. Concretamente lançámos: na gama bem-estar e em salsichas e fiambre – um conjunto de produtos menos calóricos, Fiambre Perna Extra e Fiambre Peito de Peru, com fatias finas de 110g, em que cada fatia de fiambre tem apenas 8 Kcal. No segmento Salsichas, cada frasco apresenta 5 salsichas 100% Peru com apenas 22 Kcal por salsicha, ou 100% Porco com apenas 30 Kcal por salsicha”, pormenoriza. Ainda na gama bem-estar, “llançámos em frescos os hambúrgueres mistos com vegetais, espinafres e cenoura. Na gama mainstream, lançámos fiambres e salsichas com mais 30% de proteína. Associado a conveniência e pratici-

dade lançámos subgama de Cubos de fiambre e bacon e umas cuvetes de carne fresca com blisters de molho Paladin incluídos”. Luís Rodrigues destaca ainda o “rreforço do nosso papel de líderes da inovação na categoria, com novos produtos assentes em benefícios funcionais que respondem às tendências de consumo. Neste contexto, lançámos soluções em três eixos diferentes, uma que vem reforçar a nossa oferta mais saudável, outra que explora o eixo da funcionalidade e outras ainda que exploram a vertente da conveniência e das refeições rápidas, tudo dentro das 3 categorias da marca Izidoro, Talho, Charcutaria e Mercearia”.


6

BARREIRO No Parque da Cidade dia 12 de Outubro

Demonstrações promovem modalidades de luta

QUARTA-FEIRA, 02/10/2019

A tenda do Parque da Cidade, no Barreiro, vai acolher o Festival de Artes Marciais e Desportivas de Combate - Fight Barreiro, uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal. É dia 12 deste mês, pelas 16h00. A

mundo. O Fight Barreiro visa promover estas modalidades junto da população e criar, em parceria com os clubes e demais entidades, um espaço de partilha de experiências e conhecimentos entre os praticantes da modalidade.

O programa começa com desfile de comitivas, às 16h20 é a entrega de lembranças e diplomas aos atletas e treinadores; dez minutos depois começam as demonstrações e o encerramento está marcado para as 19h00 DIREITOS RESERVADOS

LOCAL

nível competitivo, o trabalho desenvolvido pelos clubes do Barreiro permitiu, já, por inúmeras vezes, elevar o nome da cidade a nível Nacional e Internacional, com vários títulos obtidos em competições em Portugal e no

PUBLICIDADE 1813

BARREIRO Nova faixa de contestação é também erguida pelas 19h00

Cidadãos entregam hoje manifesto sobre Braamcamp na Câmara EXTRACTO Certifico, para efeitos de publicação que, no dia vinte e seis de setembro de dois mil e dezanove, foi lavrada, no Cartório Notarial no Barreiro do Dr. Carlos José Albardeiro Barradas, a folhas setenta e oito, do livro vinte e e nove-A, de escrituras diversas, uma escritura de justificação, tendo por justificantes: Manuel Miranda de Almeida Botas, NIF 136241565, natural da freguesia de Palhais, concelho do Barreiro e mulher Maria Arminda da Silva Cocheno Botas, NIF 138736740, natural da freguesia de Pinhal Novo, concelho de Palmela, casados sob o regime da comunhão geral de bens, residentes na Rua Professor Azevedo Gomes, número 1, 2° esquerdo, na Quinta da Lomba, Santo André, Barreiro, portadores, respectivamente do bilhete de identidade número 1389118 de 07/11/2002 emitido pelos Serviços de Identificação Civil e cartão do cidadão número 01389117, válido até 13/07/2020, emitido pela República Portuguesa Que, nessa escritura os justificantes declararam: Que, são donos e legítimos possuidores, com exclusão de outrém, do seguinte imóvel: Prédio urbano, composto de parcela de terreno, para fins não construtivos, com a área de quinhentos e noventa e quatro vírgula noventa e cinco metros quadrados, sito na Rua da Oliveira, em Covas de Coina, hoje da União das freguesias de Palhais e Coina (anteriormente freguesia de Palhais), concelho do Barreiro, a confrontar, do Norte e Sul com a Rua da Oliveira, do Nascente e Poente com Armando Guerreiro Pereira, inscrito na matriz sob o artigo 1669 da União das freguesias de Palhais e Coina, com o valor patrimonial tributário de atribuido 2.020,00 euros. Que atribuem ao imóvel o respectivo valor patrimonial. Que o referido imóvel faz parte do prédio rústico, (do qual é a desanexar), sito em Boquete, descrito na Conservatória do Registo Predial do Barreiro sob o número dois mil quatrocentos e sessenta e oito, da citada freguesia de Palhais, com aquisição a favor de Manuel Bica Gomes e mulher Maria Gomes, pela apresentação oficiosa de dezasseis de fevereiro de mil novecentos e sessenta e cinco, inscrito na matriz sob o artigo rústico 35 da Secção AA, da União das freguesias de Palhais e Coima, (anteriormente parte do artigo rústico 254). Que os aqui justificantes adquiriram o identificado imóvel pela seguinte forma: No ano de mil novecentos e setenta e dois, os aqui justificantes Manuel Miranda de Almeida Botas e mulher Maria Arminda da Silva Cocheno Botas, adquiriram o referido imóvel através de compra verbal efectuada aos identificados Manuel Bica Gomes e mulher Maria Gomes, encontrando-se já nessa data devidamente autonomizado e materialmente separado do descrito na Conservatória do Registo Predial do Barreiro sob o número dois mil quatrocentos e sessenta e oito, da citada freguesia de Palhais. Que, assim, em consequência da já mencionada compra verbal, os justificantes entraram desde logo na posse do identificado imóvel, sempre separado fisicamente e como prédio autónomo desde o ano de mil novecentos e setenta e dois, agindo sempre por forma correspondente ao exercício do direito de propriedade, procedendo à colocação de uma vedação em todo o perímetro do mesmo, cuidando do prédio, quer usufruindo como tal o imóvel, quer suportando os respectivos encargos. Que os justificantes estão na posse do identificado imóvel com a área de quinhentos e noventa e quatro vírgula noventa e cinco metros quadrados, — devidamente delimitado e demarcado - há mais de vinte anos, sem a menor oposição de quem quer que seja, desde o seu inicio, posse que sempre exerceram sem interrupção e ostensivamente, com conhecimento de toda a gente, com ânimo de quem exerce direito próprio, sendo por isso uma posse pública, pacifica, contínua, pelo que adquiriram o referido imóvel por usucapião, não tendo assim, documentos que lhes permitam fazer prova da aquisição pelos meios extrajudiciais normais. Está conforme. Barreiro, vinte e seis de setembro de dois mil e dezanove. O Notário,

Conta registada sob o n° 2/6216/2019

Novo plano urbanístico previsto para a Quinta Braamcamp e Aeroporto do Montijo são apontados pela ‘Plataforma Cidadã Braamcamp é de todos’ como riscos ambientais

E

sta tarde, pelas 19h00, a ‘Plataforma Cidadã Braamcamp é de todos’ volta a erguer, no Barreiro, uma faixa com a mensagem “Braamcamp mais Aeroporto. E o ambiente? E as alterações climáticas?”, em contestação aos planos anunciados ela autarquia para os 21 hectares da Quinta do Braamcamp. A contestação tem lugar nos

Passos do Concelho, no momento em que decorre a Sessão de Câmara, e é acompanhada pela entrega de um manifesto. Esta acção surge depois de, na passada sexta-feira, a ‘Plataforma Cívica Braamcamp é de Todos’ ter erguido uma faixa com a mesma mensagem no Largo 1º de Maio, num acto da sociedade civil, que contou com mais de uma centena de participantes. Contudo, posteriormente a faixa foi furtada, no que os cidadãos a integrar esta plataforma consideram “uum acto inqualificável”. Defesa do espaço público O manifesto preparado pelo grupo de cidadãos da ‘Plataforma Cidadã Braamcamp é de todos’ tem como objectivo “eexigir que a autarquia reverta o parecer que deu sobre a construção do aeroporto no

Montijo e que suspenda o processo que visa alienar a Quinta de Braamcamp”, explica Ricardo Machado, membro deste grupo. Nas linhas orientadoras o manifesto, Ricardo Machado desvendou, para já, o que é a posição central da ‘Plataforma Cidadã Braamcamp é de todos’, defendendo que, “oo Barreiro, durante décadas foi fustigado por problemas ambientais, razão que contribuiu para a existência de uma forte consciência ecológica”. Uma consideração onde entram também os novos planos para o Aeroporto do Montijo que, no parecer do grupo, aliados à requalificação da Quinta Braamcamp colocam sobre elevado risco “aa sustentabilidade ambiental do Barreiro”. O documento será entregue a todos os vereadores de todas as forças políticas

PSD quer visão estratégica ribeirinha Na segunda-feira o PSD Barreiro realizou uma sessão pública sobre a Quinta Braamcamp na Biblioteca Municipal o Barreiro, durante a qual foi reafirmada a posição do partido sobre os planos anunciados para este espaço sobre a Câmara Municipal do Barreiro. Bruno Vitorino, vereador do PSD na Câmara do Barreiro, responsável pela Divisão de Sustentabilidade Ambiental e Eficiência Energética, assume que, “éé um erro pensar numa intervenção para a Braamcamp, sem ter uma visão estratégica global que potencie

e desenvolva uma área que começa na estação antiga dos barcos e que se prolonga pela rua Miguel Pais, Alburrica, Mexilhoeiro e Barreiro Velho”. Para Bruno Vitorino, o valor natural existente nesta zona, como as praias, as caldeiras, o estuário do Tejo e a vista para Lisboa, é o verdadeiro factor diferenciador, e não o projeto imobiliário anunciado pela autarquia. No entanto, o vereador admite que “oo projeto imobiliário serviria para dar sustentabilidade aos investimentos necessários para a nossa visão estratégica”.

Para que esse objectivo se concretize, o PSD assume que, é necessário um estudo urbanístico, que englobe “aa visão do todo” e um processo que seja “ttransparente”. Bruno Vitorino afirma ainda que, o PSD tem vindo a apresentar algumas exigências ao executivo PS nesse sentido. “AA discussão deste tema tem de ser séria. E o que temos assistido nos últimos meses é muito redutor. Não se pode reduzir um projeto desta importância a um vende ou não vende, constrói ou não constrói”.


QUARTA-FEIRA 02/10/2019

SETÚBAL

LOCAL

O DIÁRIO DA REGIÃO DE SETÚBAL

7

Vereador do PSD responde a líder do PS Setúbal

Nuno Carvalho reitera necessidade de serem dadas “explicações básicas” sobre início das obras e lembra que o próprio PS reconhece que o Porto de Setúbal está a falhar na comunicação

DIREITOS RESERVADOS

“A APSS ainda não percebeu que deve esclarecimentos sobre as dragagens”

O

Vereador do PSD na Câmara de Setúbal, Nuno Carvalho, respondeu ontem às afirmações do PS Setúbal, sobre as dragagens, reiterando a “nnecessidade de serem dadas explicações básicas sobre o início das obras, aos setubalenses em geral e aos pescadores em particular”. Em comunicado enviado a O SETUBALENSE, o vereador social-democrata, que é também cabeça-delista pelo distrito às legislativas, aponta o que diz serem as contradições do PS. “AA APSS ainda não percebeu deve esclarecimentos sobre as dragagens e o próprio PS reconhece que a ad-

NUNO CARVALHO. O líder da lista social-democrata reafirma que a APSS tem falar sobre efeitos das dragagens

ministração portuária está a falhar nos seus deveres de comunicação, como ainda recentemente assumiu publicamente a cabeça-de-lista e secretária-geral adjunta do partido, Ana Catarina Mendes”, afirma Nuno Carvalho. Segundo o social democrata, a

falta de informação tem sido o principal problema em todo este processo, e a recente posição do PSD no dia da manifestação contra as dragagens “pprocurou apenas sensibilizar a APSS para a necessidade de dar explicações sobre quando começam e que implicações vão ter os trabalhos”.

“EEste esclarecimento tem de ser dado aos pescadores, aos agentes turísticos e naturalmente a todo o Concelho de Setúbal sobre aquilo que são os constrangimentos, as perturbações e os danos que esta obra vai causar”, reforça. O vereador recorda ainda que no

processo de consulta pública, realizado pela actual administração da APSS “fforam consultados entre outros o Clube de Montanhismo da Arrábida, a Sociedade Portuguesa para o Estudo das Árvores” mas que “nnão foi consultada qualquer cooperativa de pesca, ou Clube Arrábida e, inclusive, o Município de Setúbal foi consultado e o Município de Grândola não”. Nuno Carvalho deixa um repto ao PS: “S Se considera que este processo foi conduzido de forma correcta, deve explicar o porquê da cabeça-de-lista, Ana Catarina Mendes, reconhecer que este processo de consulta pública bem como o esclarecimento aos agentes económicos e à população não foi bem feito nem correu bem”. Recorde-se que o PSD enviou este fim-de-semana um pedido de esclarecimento à APSS, para que informe sobre os constrangimentos e incómodos previstos para os primeiros 30 dias de dragagens. O partido diz continuar a “aaguardar resposta” porque “ssão questões de interesse público” que têm merecido até ao momento apenas “oo silencio habitual que a APSS tem mantido desde o início deste processo”. O PS de Setúbal, ontem, pela voz do líder concelhio, Paulo Lopes, acusou Nuno Carvalho de “ppopulismo” e de ter uma atitude “dde quem está de cabeça perdida”.

Diogo Prates, cabeça-de-lista por Setúbal, reuniu-se com administração da Baía do Tejo

Revisão da NUTS Península de Setúbal foi tema debatido durante o encontro entre o candidato e Jacinto Pereira

D

iogo Prates, cabeça-de-lista da Iniciativa Liberal pelo círculo eleitoral de Setúbal, reiterou que o partido irá lutar pelas alterações necessárias em termos de avaliação estatística para que a região possa ter maior acesso a fundos comunitários. Esta voltou a ser uma das prioridades apontadas pelo candidato, na sequência de uma reunião que manteve, na última semana, com o presidente do Conselho de Administração

DIREITOS RESERVADOS

Iniciativa Liberal reitera luta por mais fundos comunitários para a região da Baía do Tejo, Jacinto Pereira. Conhecer melhor a realidade em“C presarial local e quais os projectos de investimento que estão em vista para a região” foi o objectivo do encontro de Diogo Prates com o responsável máximo da Baía do Tejo, revelou o partido em comunicado de Imprensa. “A administração da Baía do Tejo chamou a atenção para a importância do distrito de Setúbal ter uma NUTS (Nomenclatura das Unidades Territoriais) para fins estatísticos própria a fim de receber fundos estruturais europeus”, revelou o partido na mesma nota. “AA Iniciativa Liberal lutará para que isso aconteça. O nosso distrito apesar de estar integrado na Área Metropolitana de Lisboa tem especi-

ficidades próprias e deve ser descriminado positivamente, nomeadamente do ponto de vista fiscal para atrair investimento externo.” O partido considera que “oo investimento privado, seja ele estrangeiro ou nacional, deve ser a base da economia”, reforçando que “ssó com uma economia sólida e investimento será possível criar postos de trabalho, dinamizar a região e gerar riqueza”. As famílias e as empresas do distrito “vvivem um pesadelo fiscal”, vinca o partido, adiantando a concluir que assume o objectivo de “rreduzir impostos” como o IMI, o IRS e o IRC para “aatrair mais pessoas e empresas para a região”. A Iniciativa Liberal concorre pela primeira vez a eleições legislativas.


8

LOCAL

QUARTA-FEIRA 02/10/2019

O DIĂ RIO DA REGIĂƒO DE SETĂšBAL

No prĂłximo sĂĄbado

'Cãominhadas', desfile com concurso, noçþes båsicas de treino e acçþes de sensibilização sobre o bemestar animal são algumas das iniciativas preparadas

I

nstituído em 1931 durante a realização de uma convenção de ecologistas, numa das mais belas cidades do mundo e berço do Renascimento italiano, Florença, o Dia Mundial do Animal comemora-se todos os anos a 4 de Outubro. Dois dos municípios da região vão assinalar a efemÊride no próximo såbado, 5, com vårias actividades. Montijo e Alcochete vão assim comemorar aquele que Ê tambÊm o dia de S. Fran-

cisco de Assis, Santo Padroeiro dos Animais, facto pelo qual o 4 de Outubro foi adoptado como data para celebrar os “bicharocosâ€?. A Câmara do Montijo leva a efeito a segunda edição de um programa comemorativo que terĂĄ lugar no Canil Municipal, localizado na zona da Figueira da Vergonha, no Afonsoeiro. Entre as 10h00 e as 12h30, a autarquia propĂľe a todos os interessados uma 'cĂŁominhada' solidĂĄria, com

DIREITOS RESERVADOS

Montijo e Alcochete celebram Dia Mundial do Animal

PUBLICIDADE

os animais do canil, a participação numa demonstração de noçþes bĂĄsicas de treino canino, bem como numa acção de sensibilização sobre o bemestar animal, alĂŠm de outras iniciativas. Apresentando no cartaz promocional das comemoraçþes a foto da mascote, o “bĂŠubĂŠuâ€? ChinĂŞs – basta reparar nos olhos do bichano para se perceber a razĂŁo pela qual foi baptizado com o referido nome –, a autarquia montijense promete muita animação e lança um desafio Ă população. “AAproveite este dia para mimar um patudo sem dono e poder vir a adoptar um deste amiguinhos. Contamos consigo para uma manhĂŁ divertidaâ€?, apela a edilidade.

Criançada vai ser jĂşri em Alcochete TambĂŠm no sĂĄbado, mas em Alcochete, a Câmara Municipal promove um desfile canino que terĂĄ lugar a partir das 10h30 no Largo SĂŁo JoĂŁo. A participação nesta iniciativa ĂŠ aberta a todos os cĂŁes de pequeno, mĂŠdio e grande porte. “O O evento possui carĂĄcter recreativo, nĂŁo havendo qualquer modalidade de sorte ou pagamento por parte dos participantes e vai apurar trĂŞs categorias: cĂŁo mais simpĂĄtico, cĂŁo mais obediente e cĂŁo mais ĂĄgilâ€?, explica a autarquia. O apuramento dos vencedores, adianta o municĂ­pio, serĂĄ anunciado apĂłs o final do desfile “ppor uma comissĂŁo de cinco jurados,

composta por crianças com idades compreendidas entre os 7 e os 14 anosâ€?, escolhidas de entre o pĂşblico presente. Os interessados devem comparecer meiahora antes do desfile para efectuar o devido registo. As inscriçþes devem ser efectuadas com o preenchimento da ficha adequada, a qual deverĂĄ ser remetida para o e-mail canil.municipal@cmalcochete.pt ou entregue nas juntas de freguesia do concelho. “AA associação Os Canitos tambĂŠm se associa ao evento com a realização de uma 'cĂŁominhada'â€?, indica ainda a autarquia. Esta iniciativa tem concentração marcada junto ao FĂłrum Cultural de Alcochete. A inscrição prĂŠvia tem um custo de quatro euros. Se for feita no prĂłprio dia, o valor serĂĄ de sete euros.

PUBLICIDADE

Sabores de SetĂşbal Sabores PRAXEDES

NO FADO

NA GUITARRA

Nuno Rocha EugĂŠnio de Almeida

Manuel Carlos Carlos Pinto

Especialidades3HL[HH&DUQH*UHOKDGRV (QFHUUDDRGRPLQJRDRVMDQWDUHVHj�)HLUD Morada: 3UDoDGR4XHEHGRQž¹6HW~EDO Contacto:

C/1737

C/0852

Sexta-Feira 11 Outubro

5HVWDXUDQWH 2&DQWLQKRGRV3HWLVFRV

Menu Jantar: 15 EUROS

Reservas : 961 821 333 | 265 234 398 Segue-nos em :

Especialidades3HL[H$VVDGRQR&DUYmR&DOGHLUDGD)ULWDGDGH 3HL[H'LYHUVRV3UDWRVGH&DUQH3UDWRVGR'LD Morada: 5XD)DXVWLQR-RVp6DQWDQDÂą6HW~EDO ContactoÂą

C/0886

HĂ FADO NO

Especialidades:&KRFR)ULWR3HWLVFRV0DULVFRV3HL[H$VVDGR Morada:$Y/XLVD7RGL6HW~EDO Contacto: $EHUWRKjVK


O DIÁRIO DA REGIÃO DE SETÚBAL

PUBLICIDADE

9

C/1809

QUARTA-FEIRA 02/10/2019


LOCAL

QUARTA-FEIRA 02/10/2019

O DIÁRIO DA REGIÃO DE SETÚBAL

DIREITOS RESERVADOS

10

HORÓSCOPO Pelo Astrológo Tarólogo e Guia Espiritual

Francisco Guerreiro Consultório: 96 377 05 04 MONTIJO

E-mail: francisco_astrologo@hotmail.com

CARNEIRO - 21.03 a 20.04



No plano amoroso, bons momentos adivinham-se. A harmonia é uma constante, mesmo que possam surgir alguns conflitos. No plano profissional, pode vir ao de cima uma questão antiga e que pode abalar a sua posição no trabalho. Tente parecer que está seguro mesmo que isso não corresponda á realidade. Carta da Semana – A Temperança, capacidade de adaptação ás evoluções, tente compreender o que o rodeia.

TOURO - 21.04 a 21.05



Gémeos - 22.05 a 21.06

Regata liga Vila Nova de Milfontes a Odemira



Subida internacional em K4 junta 80 à conquista do Rio Mira Câmara Municipal quer tornar a prova numa marca do calendário da canoagem nacional

POR MÁRIO RUI SOBRAL

C

erca de 80 canoístas em representação de 20 equipas vão lutar, no próximo dia 12, pelo triunfo na 3.ª edição da “Subida Interna-

cional do Rio Mira em K4”, que ligará Vila Nova de Milfontes e Odemira. O tiro de partida será dado às 12h00 na Praia da Franquia, em Vila Nova de Milfontes, depois de um “briefing” com todos os atletas (11h00). A meta estará instalada em Odemira, no final do percurso com 30 Km de extensão, estando prevista para as 13h45 a chegada das primeiras embarcações. “AA organização pretende fazer desta regata uma marca em termos de canoagem em

No plano amoroso, esta semana sente-se um pouco confuso em termos sentimentais. Mas não surgirão grandes problemas. No plano profissional, estará iluminado, com uma grande capacidade de influência sobre os outros e de resolução de problemas. Carta da Semana – O Mago, capacidade de escolha, aproveite para tomar decisões e encontrará boas soluções.

Portugal, pela beleza que o rio Mira oferece ao longo dos 30 Km mas também pela prova em si, tratando-se de uma competição rápida, realizada a favor da corrente”, revela a Câmara Municipal de Odemira, uma das entidades promotoras do evento. A autarquia salienta ainda que a competição “tterá prémios monetários no valor total de 2.600 euros”, que serão atribuídos à primeira embarcação feminina e masculina a passar pela meta volante aos

No plano amoroso, consegue contagiar todos com a sua boa disposição. Excelente período para relacionamento a dois. No plano profissional, grandes perspectivas de promoção ou até mesmo de se tornar independente. Carta da Semana – O Imperador, esta carta representa o começo da luta pelo progresso.

CARANGUEJO - 22.06 a 22.07



13 Km, bem como às cinco primeiras embarcações masculinas e femininas a cruzarem a meta em Odemira. Além da Câmara Municipal, organizam esta “3.ª Subida Internacional do Rio Mira em K4” o Clube Fluvial Odemirense, o Clube Náutico de Milfontes, o Clube Náutico do Litoral Alentejano e a Federação Portuguesa de Canoagem. A iniciativa conta ainda com os apoios das juntas de freguesia de Vila Nova de Milfontes e de Santa Maria e S. Salvador.

No plano amoroso, desenvolva uma postura séria e de confiança, ainda que atravesse um período algo complicado, pense que nem tudo o que parece é. No plano profissional, semana de grandes concretizações embora alguns resultados sejam mais demorados. Carta da Semana – A Papisa, esta carta aconselha a que seja prudente e não “fale demais”, pois a confidencialidade não será respeitada.

LEÃO - 23.07 a 23.08



No plano amoroso, tendência para desmotivação, mas não se precipite e evite explosões verbais. No plano profissional, a falta de concentração neste período farão com que surjam muitos problemas além de você achar que algo se passa por trás das suas costas. Carta da Semana – A Lua, esta carta diz-nos que esta semana não deve arriscar pois a sorte não está aliada a si. Tente gerir-se pela lógica.

VIRGEM - 24.08 a 23.09

 

No plano amoroso, não se culpe por algo que aconteceu no passado, se surgir oportunidade de amar, siga em frente mas sem grandes expectativas. No plano profissional, a fase que se aproxima é favorável a associações, no entanto, não é aconselhável que o faça sem que analise correctamente as pessoas em questão. Carta da Semana – O Amoroso, esta carta diz que deve evitar decisões muito repentinas sem estarem bem definidas.

BALANÇA - 24.09 a 23.10

No plano amoroso, vai ultrapassar a instabilidade sentimental, novos conhecimentos. No plano profissional, tente conter os gastos, só economizando é que se pode ter resultados positivos. Carta da Semana – O Mundo, esta carta capta boas influências, que permitem que consiga ter êxito em tudo aquilo a que se propuser fazer.

ESCORPIÃO - 24.10 a 22.11

No plano amoroso, viva o amor com muita intensidade mas respeitando a individualidade de cada um, caso contrário pode correr o risco de se perder, de não saber quem é. No plano profissional, leve avante novas iniciativas. Aposte em trabalhos pessoais e verá o seu trabalho ser reconhecido. Carta da Semana – O Sol, esta carta exerce uma influência positiva e protectora, mas você necessita de uma virtude natural sua que é a coragem.

SAGITÁRIO - 23.11 a 20.12

PUBLICIDADE

CLASSIFICADOS

VIDENTE LEITURA MEDIÚNICA DE CARTAS, PÊNDULO E TRATAMENTOS TELM: 91 650 93 70

PROFESSOR KALILU

Restaurante na Mourisca pretende reforçar equipa de colaboradores

Facilidades de Pagamento TRABALHO SÉRIO, RÁPIDO E RESULTADO GARANTIDO CONSULTAS PRESENCIAIS OU À DISTÂNCIA Rua Poeta do Bocage, nº 25 - 1º * 2835 Baixa da Banheira

TELEF: 920 156 292 - 962 769 968

VENDE-SE EMPILHADOR Nissan. Com capacidade até 900 quilos

Procuramos pessoas dinâmicas, com capacidade de trabalho, e transporte próprio, nas seguintes áreas: - Empregados de mesa, com experiência e conhecimentos de inglês. - Copeiras - Empregado de Balcão - Ajudantes de cozinha, com experiência Oferecemos: - Integração em empresa referenciada no sector, distinguida com Prémio PME excelência 2018 - Vencimento de acordo com a exigência e o desempenho - Possibilidade de progressão na carreira Contacto 912 719 389

No plano amoroso, aumente a tentativa de promover o diálogo e a descoberta de afinidades para consolidar a sua relação. No plano profissional, semana de grandes realizações, mas vai correr alguns riscos, mas correrá tudo pelo melhor. Carta da Semana – A Imperatriz, esata carta define uma semana de boas evoluções, em todas as situações sairá com bons resultados.

CAPRICÓRNIO - 21.12 a 20.01

2021

Ajuda-vos a resolver os problemas mais difíceis e delicados. Faz voltar de imediato antigos amigos e amores perdidos. Se o seu marido ou mulher abandonou o lar não hesite, contacte o professor KALILU que vos garante um bom resultado. Droga, álcool, reconciliações e relações familiares duradouras, impotência sexual, infertilidade do corpo, atracção de clientelas, proteção contra invejas e maus olhados, justiça contra todos os perigos e para a sua tranquilidade.

A gasolina e gás. Bom estado. Barreiro 4.950 euros. 967 196 769

2173

No plano amoroso, se continuar a haver uma ausência de apoio e dedicação as relações correm o risco de se dissolverem. Reflicta e estabeleça prioridades. No plano profissional, tente dar um equilíbrio á parte profissional, mas tudo está controlado. Carta da Semana – O Julgamento, esta carta significa que está a ser observado, qualquer passo em falso, cai-lhe tudo em cima, como se tivesse constantemente a ser julgado.

AQUÁRIO - 21.01 a 19.02

No plano amoroso, semana de recompensas, esteja confiante e tudo correrá como deseja. No plano profissional, possibilidades de viagens de negócios, contenha os gastos, está um pouco extravagante. Carta da Semana – O Papa, esta carta mostra-nos que você tem necessidade de sentir seguro e de conhecer a verdade.

PEIXES - 20.02 a 20.03

No plano amoroso, modifique algumas atitudes para que consiga aliviar tensões familiares. No plano profissional, momento em que tem algumas dificuldades em controlar situações inesperadas. Carta da Semana – O Dependurado, esta carta diz-nos que você tem que se libertar de algumas situações, mas que só consegue se tiver apoios.

O SEGREDO DAS CARTAS

Pelo TARÓLOGO e ASTRÓLOGO Francisco Guerreiro. Resolva todos os seus problemas sentimentais, profissionais, financeiros e de saúde, marcando uma consulta pelo número 96 377 05 04. Após a 1.ª consulta efectua tratamentos espirituais. Consultório: Rua Serpa Pinto n.º 127 3.º Esq. - Montijo

E-mail:francisco_astrologo@hotmail.com


QUARTA-FEIRA 02/10/2019

MANUEL ANTĂ“NIO DOS MĂ RTIRES

MARIA JOSÉ CRISTĂ“VĂƒO FARINHA FIDALGO

MARIA EMĂ?LIA VIEIRA CASIMIRO DE ALMEIDA

(1938 – 2019)

(1941 – 2019)

(1930 – 2019)

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

Participação e Agradecimento

A funerĂĄria Armindo lamenta informar o falecimento de Manuel AntĂłnio dos MĂĄrtires. A famĂ­lia vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolĂŞncias.

BLOCO CLĂ?NICO FarmĂĄcia Portugal

A funerĂĄria Armindo lamenta informar o falecimento de Maria JosĂŠ CristĂłvĂŁo Farinha Fidalgo. A famĂ­lia vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolĂŞncias.

A funerĂĄria Armindo lamenta informar o falecimento de Maria EmĂ­lia Vieira Casimiro de Almeida. A famĂ­lia vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolĂŞncias.

11

DEOLINDA ASCENSĂƒO DOS SANTOS FERNANDES (1937 – 2019) Participação e Agradecimento

A funerĂĄria Armindo lamenta informar o falecimento de Deolinda AscensĂŁo dos Santos Fernandes. A famĂ­lia vem por esta via agradecer a todas as pessoas que se dignaram a acompanhar o funeral ou que, de qualquer outra forma, manifestaram as suas condolĂŞncias.

0060

LABORATĂ“RIO DE ANĂ LISES CLĂ?NICAS 0051

DIRECTOR TÉCNICO Fernando Gamito Rodrigues Av. Jaime Cortesão, 77-B Tel. 265 539 060 • Setúbal Horårio: 09h00 - 13h00; 14h00 - 20h00 Såbado: 09h00 - 13h00

0086

PUBLICIDADE

O DIĂ RIO DA REGIĂƒO DE SETĂšBAL

'5$0$5,$),/20(1$/23(63(5',*­2 '5$/)5('23(5',*­2 +RUiULR�D�IHLUDK 6iEDGRK 5XD-RUJHGH6RXVD_6HW~EDO ZZZSUHFLODESW_WHO WHOP_)D[

JOAQUINA PEDRO RAMOS BALSA DE ALMEIDA FALECEU A 29/09/2019 PARTICIPAĂ‡ĂƒO E AGRADECIMENTO Sua neta, genro e restante famĂ­lia, tĂŞm o doloroso dever de participar o falecimento do seu ente muito querido e de agradecer reconhecidamente a todos os que se dignaram acompanhĂĄ-lo Ă sua Ăşltima morada, bem como aos que das mais diversas formas, lhes manifestaram pesar.

AGĂŠNCIA FUNERĂ RIA COSTA SETĂšBAL 265 523 496 www.funerariacosta.com

VENDO GARAGEM EM SETĂšBAL NAS COLINAS DE SĂƒO FRANCISCO XAVIER (VISO) CARACTERĂ?STICAS: Ă REA DE 49M; DĂ PARA VĂ RIOS CARROS E MUITA ARRUMAĂ‡ĂƒO; GARAGEM / BOX INTERIOR; PORTĂƒO DE ACESSO Ă€S GARAGENS COM COMANDO Ă€ DISTANCIA; QUADRO ELECTRICO INDEPENDENTE; DUAS JANELAS PARA O EXTERIOR O QUE LHE PROPORCIONA MUITA LUZ NATURAL; ACESSO MUITO LARGO E FĂ CIL. PREÇO - 31.000â‚Ź

CONTACTOS: 934 861 611 / 964 910 112


12

BARREIRO

Poder da mente e alimentação em debate

QUARTA-FEIRA, 02/10/2019

SOCIEDADE REGIÃO

Escola Superior de Tecnologia do Barreiro, a 12 de Outubro

AMPM – Associação de Mulheres com Patologia Mamária, na Escola Superior de Tecnologia do Barreiro organiza a 12 de Outubro o primeiro Ciclo de Palestras “Porque Existe Amanhã!”. As portas da Escola Su-

perior de Tecnologia do Barreiro vão abrir-se às 9h00 para a recepção aos convidados, público e palestrantes e, até ao encerramento, às 17h00, vai falar-se de temas como “Os Benefícios do Yoga”, a “Dieta Mediter-

rânica – Porquê Aderir?”, “Microbiota Intestinal – Protetora de Risco”, “A Arte de Recomeçar e Lidar com os Ladrões do Tempo”, Snacks e Sobremesas Saudáveis – com degustação. O evento conta com o apoio

da Câmara Municipal do Barreiro, da União das Freguesias de Barreiro e Lavradio, entre outras entidades e empresas. Inscrições abertas para ampm.barreiro@gmail.com, na loja da AMPM, ou na sede da Associação.

EGF paga 50 cêntimos por cada saco de resíduos bem separados

A EGF, através da sua concessionária Amarsul, está a desenvolver campanhas ambientais dirigidas à população, principalmente às crianças. O objectivo é envolver os mais novos nas preocupações climáticas e tornar os concelhos mais limpos

MANUEL FIALHO

Escolas básicas do distrito vão receber dinheiro em troca de lixo

POR HUMBERTO LAMEIRAS

PRAIAS. EGF e Amarsul em parceria com a Câmara de Almada reforçaram recolha selectiva de resíduos

e reciclagem. Em termos de balanço do ano passado, este programa realizou “ooito mil acções de sensibilização e envolveu 203 732 participantes em todo o país, contribuindo para a recolha de 1 160 toneladas de resíduos, dos quais 619 toneladas foram de plástico e metal, 111 toneladas de vidro e 430 toneladas de papel e cartão. São números da EGF que refere ter sido a recolha global de 3.3 milhões de toneladas”.

Susana Silva da Amarsul. Uma curiosidade desta campanha foi a rápida recalendarização de acções devido aos primeiros dias de Agosto, terem sido pouco convidativos para a praia,

no caso de Almada a opção foi avançar para os parques e jardins desta cidade e os da Costa de Caparica. Este é um dos projectos que a Amarsul está a colocar no terreno

DIREITOS RESERVADOS

A

s escolas da área de influência das onze concessionárias da EGF – Environment Global Facilities, entre elas a Amarsul, vão ganhar dinheiro por cada saco de resíduos, bem separado, que entregarem à empresa de Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, que gere o Sistema Multimunicipal de Tratamento e de Recolha Seletiva de resíduos de nove municípios urbanos da Margem Sul do Tejo. A Amarsul fica assim responsável pela recolha destes sacos, assim como verificar se estão bem cheios e os resíduos separados, tarefa que não será difícil uma vez que estes sacos são transparentes. Por cada unidade recolhida, a escola de onde 50 cêntimos”, esta proveio recebe “5 sendo o montante total relativo ao número de sacos “eentregue no final do ano lectivo”. Ainda segundo Ana Loureiro, da EGF, entre as escolas de cada município que aderirem a este programa de sensibilização, as que mais reciclarem, “sserão recompensadas com um valor maior”. Este desafio às escolas é uma motivação do programa Ecovalor 20192020 da EGF, a decorrer durante o ano lectivo, e inclui uma digressão com planetários itinerantes de educação ambiental “A nossa Casa é um Planeta”, onde os alunos podem assistir a filmes 360.º dedicados às temáticas da prevenção, reutilização

33 praias de Almada, Sesimbra e Setúbal envolvidas na recolha de lixo A apresentação da nova campanha Ecovalor foi feita na Costa da Caparica, Almada, após o balanço de uma outra campanha, a Ecopraias promovida pela Amarsul, e que decorreu durante o verão em 27 praias do concelho de Almada, 2 de Sesimbra e três de Setúbal. Ao todo foram envolvidas 33 praias, e recolhidas 165 toneladas de resíduos para reciclagem. A campanha “Vamos Reciclar à Beira-Mar” 2019, teve a participação de mais de 400 entidades, envolveu 22 700 crianças, num total de 91 400 pessoas. No total foram recolhidas “4 470 mil toneladas de resíduos”, citou

CAMPANHA. 22 700 crianças participaram na limpeza das praias

para a recolha selectiva, um modelo que implica para esta concessionária da EGF um investimento “nna ordem dos 10 milhões de euros”, dá a saber Sandra Silva, presidente da Amarsul, dos quais “ssete milhões de fundos comunitários”, acrescenta. A responsável referiu ainda que os dados relativos a 2019, até ao momento, demonstram que “eestamos a crescer na recolha selectiva 18% face ao ano passado”, uma linha ascendente para a qual tem sido “ffundamental a colaboração de todos os municípios da Amarsul”, afirma apontando o caso de Almada que “eestá a reforçar a recolha de resíduos”. Expondo números do concelho, a presidente da Câmara de Almada, referiu que “oo município recebeu 26 mil sacos da Amarsul para recolha selectiva, a autarquia colocou 50 contentores nas praias” e, quanto a resíduos indiferenciados foram recolhidos 5 700 toneladas, entre Junho e Agosto na Costa da Caparica. Inês de Medeiros referiu ainda o investimento em novos equipamentos para recolha de resíduos, entre eles dois tractores e uma máquina de limpeza de areia, estando o investimento municipal neste sector na casa dos 80 mil euros.


QUARTA-FEIRA 02/10/2019

DIREITOS RESERVADOS

Cultura Mangá e Anime acolhidas por centenas de fãs na Escola Superior de Tecnologias

O DIÁRIO DA REGIÃO DE SETÚBAL

Japão chega ao Barreiro com brilho de Dragon Ball a Samurai X Concurso de cosplay, gastronomia asiática, demonstrações de judo e karaté, exposições e momentos de música trouxeram a magia da mangá ao Barreiro este fim-de-semana POR ANA MARTINS VENTURA

A

Anime e a Mangá chegaram há 49 anos a Portugal. E este fim-de-semana o Barreiro foi um dos palcos de eleição desta cultura com a 1ª edição do Cosplay Art Festival, realizada na Escola Superior de Tecnologias do Barreiro (IPS/ESTBarreiro). Um evento dedicado aos personagens de animação, banda desenhada e cinema idolatrados por dos tipos de fãs “oos que se identificam mais com a vertente Anime e aqueles que preferem a Mangá”. Yuka Iwanami, segunda secretária da Embaixada do Japão presente no evento para difulgação da cultura japonesa, explicou as diferenças. “AA Mangá é mais antiga. Surgiu no século XIX e inclui caricaturas e ilustrações de cenas da cultura japonesa”. Enquanto o Anime surgiu já no século XX “iinspirado pelos cartoons ocidentais e personagens da Disney, sendo esta a vertente que mais seduz as gerações jovens”. Quanto a fãs em Portugal “ssão cada vez mais e a prova disso é a boa afluência à primeira edição deste evento, também o primeiro com estas características que realizamos nesta margem do Tejo”. E o Cosplay…

A expressão Cosplay que baptizou o evento surge a partir de um termo inglês. “AA junção das palavras costume [fantasia] e roleplay [brincadeira]. Um apelo a que cada fã, cada participante, vista a pele dos personagens que mais admiram, seja da cultura pop japonesa ou de influência ocidental”. Yuka conta que a criativadade é grande e no Barreiro, estiveram presentes “ppersonagens dos filmes da Disney, do clássico jogo Final Fantasy, de banda desenhada”. Um mundo fantástico que leva os maiores fãs a criarem os seus próprios fatos e até mesmo “aa viverem a própria personalidade do personagem”. Quanto a curiosidades, muitas fãs e leigos pensam que os japoneses foram os criadores desta moda”, mas na verdade “fforam os norte-ameri“m canos que se lançaram nesta fantasia”. Para o próximo ano o evento regressa com mais personagens e sempre com “pperspectiva de crescer, seja na ESTBarreiro ou em outro espaço da cidade”.

PUBLICIDADE

SOCIEDADE

13


14

BADMINTON

Campeonato Nacional Sénior

Atleta do Luso Futebol Clube conquista título

QUARTA-FEIRA, 02/10/2019

DESPORTO

Miguel Ramalho, atleta do Luso Futebol Clube, esteve em plano de destaque no Campeonato Nacional Sénior de Badminton que se realizou no passado fim-de-semana, dias 28 e 29 de Setembro, nas Caldas da Rainha. Mi-

guel Ramalho venceu a prova na categoria D, singulares homens, por 20, com os parciais de 21-17 e 21-15, sagrando-se assim campeão, subindo ao degrau mais alto do pódio. A equipa de Badminton do Luso Futebol Clube

fez-se representar na prova organizada pela Federação Portuguesa de Badminton também pelos atletas João Nunes, Miguel Matos e João Latas que representaram condignamente a cidade do Barreiro. O clube aproveita

para endereçar convite a todos os que queiram experimentar a modalidade, ou assistir aos treinos, para comparecerem no pavilhão-sede às segundas e quartas-feiras entre as 18h 30m e as 21h 15m.

Guarda-redes e defesa já ergueram troféu, cuja primeira edição foi ganha por um Vitória que tinha Sandro como capitão

Vitória FC continuou ontem de manhã, em Palmela, a preparar o duelo de sábado (16 horas) no reduto do Sporting da Covilhã, a contar para a primeira jornada do Grupo B da Taça da Liga. Depois de o avançado Guedes ter recuperado de problemas físicos e estar a trabalhar sem limitações com o plantel, o treinador Sandro Mendes tem todos os jogadores à disposição para o embate com o actual líder da 2.ª Liga. Integrados num grupo onde também estão Benfica e V. Guimarães (empataram 0-0 na ronda inaugural), os setubalenses, vencedores da primeira edição da prova, em 2007/08, têm como objectivo chegar o mais longe possível. Além do treinador Sandro Mendes, que em 2008, enquanto capitão de equipa, ergueu o troféu no Estádio do Algarve (0-0 no tempo regulamentar e 3-2 nos penáltis sobre o Sporting), há jogadores no actual plantel que também já tem a Taça da Liga no currículo. O guarda-redes Makaridze, que em 2016/17 ajudou o Moreirense a vencer a competição (triunfo 1-0 sobre o Sp. Braga), e o defesa Sílvio, que ao serviço do Benfica ergueu três

FOTOS: DIREITOS RESERVADOS

Makaridze e Sílvio inspiram colegas de equipa na Taça da Liga O

SILVIO. Defesa sadino está preparado para defrontar o Sporting da Covlhã no próximo sábado

troféus (vitórias sobre o Rio Ave, 2-1, em 2013/14, e Marítimo, 2-1 e 6-2 em 2014/15 e 2015/16, respectivamente), são os homens que podem servir de inspiração aos colegas que tudo vão fazer para honrar os pergaminhos do Vitória em mais uma

edição da Taça da Liga. Entretanto, na semana que antecede a partida com os beirões, o clube ficou a saber que vários atletas vitorianos foram chamados a dar os seus contributos às selecções dos seus respectivos países. Neste lote

estão o guarda-redes Makaridze (Geórgia) e os avançados Berto (Cabo Verde) e Amâncio (Moçambique), que terá também a companhia nos sub23 moçambicanos do defesa Bruno Langa. Tal como aconteceu ontem, o plan-

tel regressa hoje, pelas 10 horas, ao Complexo Desportivo Municipal de Palmela, para continuar, à porta fechada, a preparar a estratégia a colocar em prática diante do Sporting da Covilhã no sábado. RICARDO LOPES PEREIRA

Luís Monteiro apresentado como novo timoneiro do andebol vitoriano

“Sou vitoriano há 52 anos e estou ligado ao andebol há 35 anos”

L

uís Monteiro é desde anteontem treinador da equipa sénior de andebol do Vitória FC. Na apresentação oficial, que decorreu na sala de imprensa do Estádio do Bonfim, o técnico, de 52 anos, natural de Setúbal, salientou a ligação fortíssima que tem ao clube. “ÉÉ verdade que o filho à casa torna. Vamos ver se será bom ou não. Sou vitoriano há 52 anos, estou ligado ao andebol há 35 anos, mais de 22 neste clube. Isso revela bem a ligação afectiva que tenho ao Vitória”. O sucessor de Danilo Ferreira, que teve casa cheia na apresentação em que esteve ao lado do presidente

LUÍS MONTEIRO. Técnico foi apresentado pelo presidente do clube, Vítor Hugo Valente

Vítor Hugo Valente, revelou os objectivos que tem na etapa que agora inicia. “S Só quero ajudar o clube que me deu uma oportunidade muito interessante e tenho de tentar aproveitá-la da melhor forma possível. Cá estaremos para fazer esse caminho. Obrigado pela forma como me receberam. Vai correr tudo bem”, disse o antigo jogador e treinador dos sadinos. O presidente dos setubalenses não poupou elogios ao novo timoneiro do andebol sénior vitoriano. “TTomámos a decisão de fazer regressar um homem da casa. Todos conhecem o Luís Monteiro, todos conhecem o seu passado e, por

isso, nós todos, adeptos vitorianos, dirigentes, elementos do departamento de andebol e, principalmente, jogadores temos a obrigação de o apoiar nos bons e nos maus momentos, pois determinação, coragem, capacidade e competência já ele tem”, disse, Vítor Hugo Valente desejando “ttodo o sucesso e muitas felicidades” ao técnico no desempenho das suas funções. Refira-se que o Vitória ocupa o 11.º lugar da classificação do Campeonato Nacional da Primeira Divisão de Andebol, com oito pontos, e na próxima jornada, agendada para as 17 horas de sábado, defronta o Benfica.


QUARTA-FEIRA 02/10/2019

DESPORTO

O DIÁRIO DA REGIÃO DE SETÚBAL

BARREIRENSE Basquetebol está de regresso à Liga

Treinador João Cardoso considera que vai ser uma época intensa e com muitos desafios porque a competição tem vindo a melhorar. Ainda assim, espera ter uma equipa competitiva e ambiciosa porque “chegámos para ficar” POR JOSÉ PINA

Galitos recebe este sábado o FC Porto

E

sta época a cidade do Barreiro, que é uma das grandes potências do basquetebol nacional, vai estar representada ao mais alto nível por dois clubes na Liga Masculina e um na Liga Feminina. Galitos e Barreirense são os representantes na Liga Placard que começa já este fim-de-semana, mais propriamente no sábado, dia 5 de Outubro, com o Galitos a receber no Pavilhão Municipal Luís de Carvalho, às 18 horas, o Futebol Clube do Porto, que acaba de conquistar a Supertaça após vitória sobre a Oliveirense. O Barreirense desloca-se à Maia.

DESEJO. O Barreirense veio para ficar, diz o treinador João Cardoso

vez mais e melhor. No Barreirense queremos ser competitivos e ambiciosos, criar um bom espirito de grupo e entrar em todos os jogos com o objectivo de discutir o resultado”. Esta é uma motivação que se estende a todas as equipas do Barreirense, independentemente da categoria e da competição em que vier a participar. Um dos grandes objectivos da nova direcção para esta época desportiva é recuperar a mística do clube e, para isso está a contar com o apoio de todos os adeptos e simpatizantes para que possam reviver momentos únicos passados no pavilhão do FC Barreirense.

Queremos encher sempre o pa“Q vilhão com barreirenses de todas as gerações. Que venham avós, pais, filhos e netos, que se repita vezes sem conta o nosso hino, que se contem histórias vividas e que os feitos conquistados outrora sejam agora revividos”, referiu a propósito a actual presidente do clube Maria João de Figueiredo. A estreia da equipa principal do Barreirense na Liga Portuguesa de Basquetebol acontece já este sábado, dia 5 de Outubro, às 16h 30m, no Pavilhão Municipal Nortecoop, contra o Maia Basket Clube que, tal como o clube do Barreiro, subiu esta época ao patamar mais alto do basquetebol português.

Na Liga Feminina, o representante da cidade é o Grupo Desportivo da Escola Secundária de Santo André que no passado fim-de-semana disputou a Taça Vítor Hugo, no arranque da nova época desportiva. Nos quatro jogos que efectuou, o GDESSA obteve duas vitórias sobre o Guifões e o Carnide Clube e sofreu duas derrotas com o CAB Madeira e Olivais (Coimbra), tendo terminado a competição, que foi ganha pelo Benfica, em 10.º lugar. Na primeira jornada da Liga Feminina o GDESSA desloca-se no dia 12 de Outubro a Vagos, onde defronta a equipa local pelas 16h 30m. JP

FUTSAL Sábado há dérbi no Pavilhão Vítor Domingos

Desportivo Fabril e Barreirense em duelo de comandantes DIREITOS RESERVADOS

O

Futebol Clube Barreirense, que está de regresso à Liga Portuguesa de Basquetebol depois de ter conquistado o título nacional na Proliga, apresentou no pavilhão-sede não só a sua equipa sénior mas também todas as equipas da formação que vão entrar em competição nesta época desportiva de 2019/2020. João Cardoso, treinador principal da equipa sénior, falando sobre o regresso do clube à mais importante competição nacional disse que “cchegámos para ficar. Será seguramente uma época intensa e com muitos desafios porque a competição tem vindo a melhorar ano após ano. As equipas têm vindo a reforçar-se cada

JUNIORES

BASQUETEBOL No Pavilhão Municipal Luís de Carvalho

DIREITOS RESERVADOS

“Queremos entrar em todos os jogos com o objectivo de discutir o resultado”

15

Barreirense derrotado em Pina Manique

Cova da Piedade ‘rouba’ primeiros pontos ao líder

D

ois empates e uma derrota foi o saldo das equipas da região que participam na Série “E” do Campeonato Nacional da 2.ª Divisão, na 6.ª jornada da competição. Os empates foram obtidos pelo Cova da Piedade em Oeiras (1-1) e pelo Olímpico do Montijo (2-2) no jogo que disputou em casa com o Linda-aVelha e a derrota foi sofrida pelo Barreirense (1-3), em Pina Manique. Entre estes, o que merece maior destaque foi alcançado pelo Cova da Piedade porque defrontou o líder, que contava por vitórias os jogos disputados. Os piedenses, que sofreram o empate de penalti nos últimos minutos, tiveram o mérito de interromper esta série vitoriosa do Oeiras que perdeu os primeiros pontos no campeonato, mesmo jogando em casa.

Insatisfeito terá ficado certamente o Olímpico do Montijo que não conseguiu vencer um adversário que estava atrás de si na tabela classificativa. Este foi um resultado que terá sabido a muito pouco aos pupilos de Marco Bicho que na jornada anterior tinham ganho em Faro. O Barreirense tinha uma deslocação difícil ao campo do Casa Pia de onde regressou com uma derrota num jogo em que ao intervalo ganhava por 1-0, com um golo marcado por Gonçalo Jesus, aos 31 minutos. Na segunda parte os casapianos estiveram melhor, empataram aos 50 minutos e depois deram a volta ao marcador com mais dois golos, um marcado aos 66 minutos e o outro aos 78 de penalti. Na classificação o C. Piedade está

em segundo lugar, o Barreirense em quarto e o Olímpico do Montijo em sexto lugar. Resultados (6.ª jornada): Olímpico do Montijo 2 Linda-a Velha 2; Oeiras 1 Cova da Piedade 1; Casa Pia 3 Barreirense 1; Lusitano 1 Despertar 4; Portimonense 1 Farense 3. Classificação: 1.º Oeiras, 16 pontos; 2.º C. Piedade, 11 pontos, 3.º Casa Pia e Barreirense, 10 pontos; 5.º Farense, Olímpico do Montijo e Portimonense, 8 pontos; 8.º Despertar, 6 pontos; 9.º Linda-a-Velha, 5 pontos; 10.º lugar, Lusitano, 0 pontos. Próxima jornada (05 de Outubro): Barreirense – Oeiras; Cova da Piedade - Olímpico do Montijo, Farense - Linda-a Velha; Despertar - Casa Pia; Portimonense – Lusitano. JOSÉ PINA

D

esportivo Fabril e Barreirense continuam vitoriosos no Campeonato Nacional da 2.ª Divisão e seguem na frente da tabela classificativa, juntamente com o Sassoeiros, com seis pontos. Na 2.ª jornada da competição o Desportivo Fabril venceu em Albufeira por 12-5 e o Barreirense derrotou os Reguilas por 4-2. O Fabril, que ao intervalo vencia já por 5-2, deixou bem vincada a superioridade sobre o adversário que nada pode fazer para travar a qualidade dos jogadores da equipa orientada por Filipe Azinheirinha. Nesta partida será de salientar o hat-trick feito por João Guerrinha e o bis de Rodolfo Fernandes, Ricardo

Batista e Bruno Espalha. No Barreiro, as coisas foram bem diferentes porque o jogo decorreu de forma bastante equilibrada, com os parciais de 2-1 em cada parte. O Barreirense foi a primeira equipa a marcar, depois os Reguilas empataram e quase sobre a hora para o intervalo, a equipa do Barreiro colocou-se na frente. Na 2.ª parte o Barreirense faz o 3-1, os Reguilas reduzem para 3-2 e pouco surge o 4-2, sendo estes dois últimos golos marcados por Luiz Fassy e os primeiros por João Velez. No próximo sábado, às 16 horas, há dérbi no Pavilhão Vítor Domingos, com o Fabril a receber o Barreirense. JOSÉ PINA


C/1810

Profile for O Setubalense

O Setubalense, diário regional de Setúbal nº 251  

O Setubalense, diário regional de Setúbal nº 251