Issuu on Google+

DIRECTOR Joaquim Duarte

SEMANÁRIO 16 de Julho de 2010 | Ano X X V | N. 1289 | €0,80

(IVA incluído)

info@oribatejo.pt | www.oribatejo.pt

Telefone 243 309 600 · Fax 243 333 766 · Centro Nacional de Exposições Quinta das Cegonhas - Apartado 355 - 2000-471 Santarém

Roteiro para se por ao fresco na Região | páginas 6 e 7

Santarém Barreto enfiado em mega agrupamento de escolas página 8

Santarém PS à espera do PSD para avançar com a regionalização arquivo

página 15

Politécnico Escola de Gestão de Santarém com plena empregabilidade página 24

Cartaxo Paulo Caldas abandona Partido Socialista página 17

Negócios Jovens com ideias de negócios premiados pela Nersant página 22

Abrantes Despiste mata dois militares da Escola Prática de Cavalaria página 21

Formulário errado corta apoio a deficiente | página 16


2

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

praçapública sopa da pedra

Mãos à obra

Desporto de fato e gravata Foi de fato e gravata e debaixo de uns tórridos 40 graus que Pedro Ribeiro, o vice-presidente da Câmara de Almeirim, pegou numa raqueta para bater

umas bolas durante a inauguração dos novos courts de padel da cidade. E digase, em abono do desporto, que é um conhecedor das regras.

É sobejamente conhecida a atitude irreverente e muito pouco formal do presidente da câmara de Torres Novas, António Rodrigues. Em cada projecto que inaugura, faz questão de gastar pouco tempo nos discursos e pôr rapidamente as mãos à obra. Foi o que aconteceu no lançamento da primeira pedra da obra da igreja de Cardais, na freguesia da Brogueira. Rodrigues transformouse em servente, reservando para o seu vice-presidente, Pedro Ferreira, o cargo de “mestre-deobras”, com direito a colher de pedreiro e a carrinho de mão.

Casamento I O vereador Ricardo Gonçalves e a ex-vereadora Vânia Neto deram o nó oficial no sábado. A cerimónia muito in, que decorreu na Quinta de Nossa Senhora da Saúde, em Santarém, foi uma autêntica passerelle política da área social-democrata. Mais notada foi naturalmente a presença de Santana Lopes, bem acompanhado por Dina Vieira (que já dirigiu os serviços de urbanismo da autarquia de Santarém), em conversa animada com Miguel Relvas. Já o presidente Moita Flores só compareceu à cerimónia religiosa. Presume-se que por afazeres inadiáveis. Parabéns aos noivos, daqui até à Grécia onde se encontram em lua-de-mel.

Casamento II Ah! Ali para as bandas do Vale de Santarém também houve casamento ilustre. Mas da ala socialista. O enlace entre Maria Antónia Correia Lourenço (que chegou a ser governadora civil por três semanas) e Duarte Nuno Pinto da Rocha também juntou muitos notáveis e até governantes, como o secretário de Estado Rui Barreiro. Igualmente parabéns aos noivos.

crónica de maldizer

Fogo nos mamadores! Sabe-se, nalguns casos com saber saber, logo saber de experiência feito, que as crises não são só causas de desastre, de ruína e depressão. Podem, pelo contrário, impor a resolução de problemas que em tempos prósperos ninguém ousaria encarar. Reporto-me, por exemplo, à extinção dos Governadores Civis (que no caso de Santarém será o momento menos azado, mas só porque Santarém nunca teve Governadora tão interessada e tão interessante), refiro-me aos Governos Civis e aos Municípios e seus órgãos gestores: as respectivas Câmaras Municipais. Se, no que toca aos Governos Civis, se concede que poderão

ter alguma utilidade até serem criadas as regiões constitucionalmente previstas, no que se refere aos Municípios deverá aproveitar-se a longa crise que defrontámos e defrontaremos para se rever a nossa organização administrativa. A última reforma administrativa já tem quase 200 anos: se não erro, foi a de Mouzinho da Silveira, em 1832, reformulada 4 anos depois por Passos Manuel. E teremos que reconhecer que de 1832 para cá houve inúmeras mudanças. Apareceu o comboio primeiro, estradas depois, auto-estradas por todo o lado agora. As distâncias deixaram de se medir em léguas ou em horas (em dias, nalguns casos: já não

Eurico H. Consciência

se vai de vapor de Lisboa para o Porto ou para Portimão; nem para os Açores ou para a terra do Dr. Alberto João). Numa palavra: as novas estruturas e os novos meios de comunicação deixaram de nos exigir que exista grande proximidade física entre os munícipes e a respectiva Câmara Municipal e entre os utentes da Justiça e os Tribunais. Mas se quanto aos Tribunais já se tentou nova “geografia”, muito asneirenta, por sinal, nos Municípios ninguém ousa tocar. Por causa dos votos, dos votinhos ou votozinhos e duns lugarzinhos de deputados, de Presidentes de Câmaras e de Vereadores das ditas – que a mais enternecedora

mas mais onerosa invenção do 25 de Abril foi a de remunerar todos os Presidentes de Câmaras, mais de mil ou de mil e quinhentos Vereadores e não sei quantos milhares de membros de Juntas de Freguesia. Não obstante, essa fartura não impediu que muitos Presidentes de Câmaras e Vereadores não fizessem luminosas criações de “empresas” municipais, que empregam dois mil deles ou os seus parentes como Administradores dessas empresas. Mas temos que reduzir a despesa pública, melhor dizendo, os nossos caros governantes caros, do governo central e do governo local, têm que reduzir as despesas públicas.

A crise propõe-no e o défice orçamental impõe-no. Já em 1969, num Congresso sobre Turismo, propus… Mas já vai longo o recado – que, por isso, só concluirei p’rá semana, ilustrando vivamente a desactualização da reforma do Passos Manuel, que, no tempo, foi acto de grande coragem – por ter extinto muitos municípios, para desgosto e desespero dos mamadores do sistema; que nunca se criou sistema que, a par das suas virtudes e benesses, não traga logo atrás os mamadores costumados a afagarem-lhe as tetas.


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 3

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Cartoon de António Maia

eles dizem r

“Não é preciso ser bruxo para prever que esta legislatura não chega ao fim” Ferro Rodrigues, ex-líder do PS Sol

r “Eles [PS]

sentem que cheira a fim de festa” Miguel Macedo Líder parlamentar do PSD

a pergunta da semana

r

Qual é o local da região que recomenda para férias ou passeio?

Recomendo o concelho de Benavente: boa comida, gente simpática, património natural (Estuário do Tejo) e arquitectónico espectacular. As festas populares têm muita tradição e garra taurina, bons vinhos, e com uma oferta hoteleira recentemente alargada. Recomendo principalmente a zona do Braço de Prata, por ser um espaço onde se consegue conciliar o sossego e a tranquilidade, a natuAna Casquinha reza, os animais e a tradição. Benavente

Recomendo Fátima e Ourém. Em Fátima recomendo uma visita à igreja de N.ª Sr. da Ortiga, com uma vista magnífica sobre Ourém e sobre as encostas onde outrora já funcionaram moinhos. Em Ourém recomendo uma visita aos castelos, passando pela tasca onde se bebe uma das melhores ginjas do país. Carina João Ourém

Recomendo Ferreira do Zêzere e uma visita à Praia Fluvial da Castanheira. Mas como férias, prefiro a costa alentejana. Não costumo fazer férias por cá mas acho que a região tem condições. Apenas não exploram devidamente o turismo na nossa região.

Recomendo Coruche e uma visita ao castelo nas comemorações da Nossa Senhora do Castelo. Sugiro também um passeio de canoagem e depois uns momentos de descanso nos parques das merendas ao largo do rio Sorraia.

Rita Filipe Coruche

F editorial

Regionalizar como e quando?

didáctica ao modo como surgiu o referendo, imposto pelo então líder social-democrata, Marcelo Rebelo de Sousa, e inscrito também por imposição sua na revisão constitucional. O PS cedeu. E o PSD liderou depois a campanha do contra, com o sucesso que se sabe. Sendo isto passado, está contudo bem longe de um ponto final. O debate da regionalização do país está a voltar, paulatinamente, ao palco do debate político. E a conferência de Santarém teve o condão, entre outras evidências, de nos ajudar a perceber a posição actual dos dois maiores partidos sobre a regionalização: Qual a visão actual do PS e do PSD sobre tão sensível matéria política e cultural e até onde estão dispostos a ir. Luís Campos Ferreira, o deputado social-democrata presente no debate, explicitou as três condições base do PSD. A saber: qual o núme-

Francisco Moita Flores Correio da Manhã

r O verdadeiro

problema da última edição da Playboy caseira é a bizarria de servir Saramago a quem apenas espera encontrar meninas em pelota” Alberto Gonçalves Diário de Notícias

Joana Fonseca Santarém

Se o referendo que chumbou a regionalização tivesse passado, que país seriamos hoje? A pergunta é pertinente. Não apenas como exercício retórico. Será que a estrutura administrativa do Estado estaria em melhores condições de responder à crise que a corrói, à economia que nos estremece e à qualidade das elites políticas de que nos queixamos? A passagem do tempo é sempre de uma grande ajuda ao exercício de uma leitura mais desapaixonada dos acontecimentos. A esta distância, decorridos que vão doze anos sobre o confronto político e emocional que foi o referendo à regionalização, é razoável interrogarmo-nos se foi ou não uma oportunidade histórica perdida. O ministro Jorge Lacão julga que sim, e afirmou-o no debate promovido em Santarém (ver página 15 desta edição). Antes, avivou-nos a memória política, numa viagem

A crise é demasiado grave para os discursos de folclore que vêm da direita e da esquerda ressabiada”

ro de regiões e a sua definição geográfica (sendo que as cinco NUTS II já são praticamente consensuais); a definição das suas competências (que partilha da governação estão a administração central e o poder local dispostos a ceder); e, por último, que modelo de financiamento (sem aumentar os custos actuais da administração do Estado). Percebeuse-lhe ainda no discurso que gostaria de por fim à obrigatoriedade constitucional da simultaneidade das regiões – eventualmente a sonhar com uma experiência piloto no Algarve. Já o modelo de regionalização defendido por Jorge Lacão pareceu-nos agora bem mais mitigado do que o anteriormente apresentado pelo PS: uma regionalização apenas com funções de planeamento regional, continuando a caber às autarquias e ao governo da nação a exclusividade das funções executivas. Ou seja, um

parlamento regional, sem governo. No debate em curso sobre a regionalização está também a colocar-se, em boa hora, a necessidade de rever o número de municípios e de freguesias. A ideia percorre alguma consensualidade política nas super-estruturas partidárias. O pior vai ser cá em baixo, nas bases clientelares. Há 170 anos que neste país não se extingue um concelho ou uma freguesia, apesar de neste entretanto de mais de século e meio ter aparecido o comboio, o carro e a internet. A crónica assinada aqui na página ao lado pelo Dr. Eurico Heitor Consciência é, na sua habitual bonomia, a explicação do motivo porque não passamos da cepa torta. Ao menos podíamos aproveitar esta crise para fazer bem o que temos de fazer: uma reforma administrativa decente e mais funcional do território. Joaquim Duarte


4 PRAÇA PÚBLICA | OPINIÃO

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Director Joaquim Duarte joaquim.duarte@oribatejo.pt CP. n.º 867

Redacção - 243 309 601 João Baptista (chefe) joao.baptista@oribatejo.pt - CP. n.º 1157 João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt - CP. n.º 6911 Bruno Oliveira bruno.oliveira@oribatejo.pt - CP. nº 8754 Jorge Guedes - CP. nº 2798 Jerónimo Belo Jorge - CP. nº 1907 (Abrantes) Joana Margarida Carvalho (Estagiária - Abrantes) Vânia Clemente (Estagiária) Colunistas Armando Fernandes, Beja Santos, Carlos Chaparro, Daniel Abrunheiro; Eurico Heitor Consciência, José Niza, Luís Eugénio Ferreira, António Maia (Cartoon)

Colaboradores António Branquinho Pequeno, António Brotas, Alexandre Manuel, André Lopes (desporto), Adolfo Luís (fotografia futebol), Carlos Alberto Cruz, Hélder Duque (fotografia futebol), Joaquim Dâmaso (fotografia), João Grego Esteves, José A. Costa (fotografia futebol), Júlio Freches, Nuno Abreu (fotografia futebol), Nuno Matos (fotografia futebol), Renato Campos, Rogério Rodrigues, Rosalina Melro, Vítor Gomes (fotografia futebol)

Departamento Gráfico Vítor Arsénio (chefe), António Vieira

Projecto Gráfico

defrank - Comunicação Editorial defrank@interacesso.pt

Departamento Comercial - 243 309 602 Rita Duarte (directora comercial) 962 108 761 rita.duarte@oribatejo.pt Luís Silva - 962 108 756 Ana Marecos - 962 108 762 Sandra Amendoeira - 961 736 350

Secretariado - 243 309 600 Ana Sousa - 962 108 760

foto denúncia A paixão clubística associada ao futebol dá-nos sempre exemplos do melhor e do pior. Tal como os cães urinam nos lampiões para marcar território, uma claque benfiquista do Cartaxo veio deixar a tinta de spray a sua marca neste PT da rotunda no Largo Cândido dos Reis, em Santarém. O que não deixa de ser vandalismo urbano, apesar de supraconcelhio.

Penso logo insisto

Sede: Centro Nacional de Exposições Quinta das Cegonhas Apartado 355 2000-471 Santarém Geral: 243 309 600

Assim não vamos lá

Publicidade 243 309 602 Fax: 243 333 766

E-mail info@oribatejo.pt

Internet www.oribatejo.pt

Serviços assinaturas 243 309 600

Paginação e montagem Jortejo, Lda. - Santarém telef.: 243 309 605

Impressão Imprejornal, S.A. Rua Rodrigues Faria 103, 1300-501 Lisboa

José Niza

Distribuição Vasp

Assinaturas (52 Números) Portugal: 25,50 € Europa: 50,50 € Resto do Mundo: 76 € Preço Avulso 0.80 € (IVA incluído) Editora e proprietária: Jortejo, Lda. Apartado 355 2002 SANTARÉM Codex

GERÊNCIA Francisco Santos, Ângela Gil, Albertino Antunes

Departamento Financeiro Ângela Gil (Direcção), Ana Rita Fonseca, Catarina Branquinho, Gabriela Alves e Patrícia Santos. info@lenacomunicacao.pt

Departamento de Marketing Patrícia Duarte (Direcção), Susana Santos (Coordenação) e Catarina Fonseca marketing@lenacomunicacao.pt

Departamento Recursos Humanos Nuno Silva (Direcção) e Sónia Vieira. drh@lenacomunicacao.pt

Departamento Sist. Informação Tiago Fidalgo (Direcção) e Hugo Monteiro. dsi@lenacomunicacao.pt

Unidade de Projectos Lúcia Silva (Direcção) e Joana Baptista (Coordenação) projectos@lenacomunicacao.pt Tiragem semanal 9.500 exemplares Depósito Legal 13 983/86 Sócios com mais de 10% de capital Sojormédia: 83% Nº Registo no ICS: 111209 (20.11.85) Nº Contribuinte: 501636110

Autorizado pelos CTT a circular em invólucro fechado de plástico envoi fermé autorisé par les PTT Portugais · Autorização - Autorisation: Nº 16 DE 001602 DCE pode abrir-se para verificação postal

Quatro histórias – que poderiam ter acontecido com qualquer de vós – passadas numa estação de correios, num restaurante, numa bomba de gasolina e num stand de automóveis, e que bem ilustram o nacional terceiromundismo em que nos vamos afogando.

É muito cómodo responsabilizar o Governo – o actual, ou qualquer outro – por tudo o que corre mal. Mas basta ouvir as entrevistas de rua aos “populares” – que as televisões exibem a cada momento – para se perceber até que ponto a ignorância, a incompetência e o maldizer, são endémicos em Portugal. E, se a isto somarmos o laxismo, a arrogância e a preguiça, teremos – com algumas e meritórias excepções – o retrato do Portugal de hoje. Há pouco tempo aqui escrevi, e provei, que em Portugal, por cada dia de trabalho, há um dia de descanso. Mas não basta apenas saber quanto se trabalha, é preciso também saber como se trabalha. Vou contar algumas histórias – que poderiam ter acontecido com qualquer de vós – e que bem ilustram o nacional terceiro-mundismo em que nos vamos afogando. SELOS – Na Junta de freguesia de S. Nicolau (Santarém) existe um posto dos CTT. Vou lá com frequência: há estacionamento e a espera é mínima. Aqui há tempos fui lá para comprar selos de correio azul. Não havia. Voltei uma semana depois. Não havia. Tentei de novo há uns 15 dias. Ainda não havia! Protestei: como é que num posto dos CTT nunca havia selos? A menina do balcão – com um ar de “vai mas é chatear outra” – ripostou: “Eles não mandem ! E eu: “Menina, olhe que não é “eles não mandem”, é “eles não mandam”. E ela: “É que eu não tenho cultura geral como você”! O SACA-ROLHAS – O guia gastronómico do Expresso recomendava um restaurante – “mesmo diante do mar e com uma esplanada que apetece, serve excelente peixe grelhado e mariscadas variadas – Praia de

S.Torpes – 15 a 25 euros por pessoa”. Minha mulher e eu encomendámos o almoço: linguadinhos fritos com açorda e uma garrafa de vinho branco fresco. Um quarto de hora depois chegaram as azeitonas, o pão, e uma pergunta: “O vinho é branco, ou tinto?” Que era branco. Que já tinha dito. Mais outro quarto de hora e nova pergunta: “A garrafa é grande, ou é das pequenas”? Que era grande. Que já tinha dito. Mais uma eternidade e a rapariga avançou finalmente com uma garrafa, um saca-rolhas e com o ar satisfeito do dever cumprido. E ficou ali especada, paralisada, com a garrafa numa mão e o saca-rolhas na outra: a mocinha nunca na vida tinha aberto uma garrafa! E foi preciso que uma ucraniana da Ucrânia viesse em seu socorro. Servido o vinho – e quando sobre a mesa já só havia caroços de azeitonas e migalhas de pão – de novo a ucraniana com um lindo sorriso azul: “Os senhores não querem encomendar o almoço”? Respondi-lhe que essa encomenda já tinha sido feita há mais de uma hora e que, embora antiga, ainda estava em vigor. Este “Trinca-Espinhas” que o Expresso me aconselhou, custou-me 33,45 euros, duas horas de vida, e não teve gorjeta.

Pensando bem, vou mas é mandar a conta ao meu amigo Balsemão. CHOQUES ELÉCTRICOS – com o ódio que tenho à GALP já há mais de dois anos que me abasteço nas bombas da Feira Nova. Depósito cheio. E quando a funcionáriaa me passou a máquina para pagar com o cartão, levei um choque eléctrico do caraças! Pelo inesperado e pela potência, gritei que aquilo estava a dar choque. É, disse a dita senhora com o ar mais natural do mundo: “Já ontem informei o técnico, mas ainda não veio cá ninguém”. Ela já cumprira o seu dever. E os clientes – para além do gasolínico choque da factura – que continuassem a levar choques eléctricos. Comentando este episódio num almoço no “Quinzena”, diz-me o empregado: “Eu também já levei. E muitos”! PEUGEOT – Nos últimos 25 anos já tive uns 5 ou 6 Peugeots. Há tempos vi anunciar na televisão um novo modelo que me agradou, o 308. Curioso, fui à Autogaleão para ver o automóvel. Não tinham nenhum. Pedi um catálogo. Não havia. Pedi algumas informações sobre o carro ao vendedor. Não sabia. Pelo contrário, desatou a fazer-me perguntas sobre o tal 308!!! Exactamente as mesmas que eu tinha para lhe fazer! Pedilhe imensas desculpas pelo incómodo e pelo tempo que lhe tinha tirado. Ingenuamente ainda acreditei que ele depois me enviasse informações sobre o automóvel, ou que telefonasse para o ir ver ao stand. Mas não. Até hoje. Quando contei esta história a um amigo, ele disse-me que a Autogaleão estava numa situação difícil: é o que acontece às padarias quando não sabem vender pão... Será que Portugal ainda existe? Existir, ainda existe. Mas não é a mesma coisa.


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 5

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

há vinte anos

Tomar reclamava a construção de um novo hospital. Cavaco Silva formalizava em Almeirim a entrega a 500 rendeiros da Herdade dos Gagos da posse definitiva das terras; e na Albufeira do Castelo do Bode assinava um protocolo para abastecimento de água da EPAL a seis municípios do Médio Tejo. Santarém recebia a Feira do Camião. E Constância apresentava plano turístico do Tejo.

números

48,7% É a percentagem de notas negativas nos exames nacionais de matemática do 9º ano de escolaridade, a que se submeteram um total de 88.846 alunos em todo o país. Já no exame de português os resultados foram bem mais positivos, com perto de 70% dos alunos a obter classificação positiva. Resultados divulgados pelo Ministério da Educação, e que não surpreendem.

estrelas

Fechou em grande o projecto EmpreEscola. Estão de parabéns os jovens empreendedores premiados mas sobretudo a Nersant e, em particular o seu presidente, que se empenhou pessoalmente neste processo. Os projectos EmpreEscola e EmpCriança envolveram mais de 420 alunos, 31 escolas e 70 professores do distrito. Tudo custeado pela associação e por empresas, sem quaisquer apoios públicos. (Pág.22)

A espuma dos dias

Depois de quatro anos à frente da “revolução cultural” que se verificou no concelho de Torres Novas, sobretudo através da actividade do Teatro Virgínia, João Aidos é nomeado para director-geral das artes do Ministério da Cultura, um cargo difícil, sobretudo em tempo de cortes orçamentais. Aidos promete trabalho e quer avançar já com os apoios anuais ao sector. É Torres Novas quem perde. (Pág. 40)

António Pedro Director Agrupamento Escolar Mem Ramires

A Direcção Regional de Educação preferiu o director da Escola Secundária Ginestal Machado Vítor Barreto para o lugar de presidente do novo mega agrupamento de escolas de Santarém. De fora ficou António Pedro que se oferecera para o cargo, apenas por razões pessoais, uma vez que só apontou críticas à nova organização escolar. Contradição que vai pagar caro com o regresso às aulas... em Serpa. (pág. 8)

Opinião

Espanha Na nação vizinha está o nosso futuro. Com mais ou menos picante norma de doutrinação assim falava outrora José Sócrates. Os donos de dons de observação para além do imediato torceram o nariz Armando Fernandes perante tanto entusiasmo, os atreitos às generalidades disseram: de Espanha nem bom vento, nem bom casamento, a maioria pensou em presunto, Onde há tortilhas, caramelos, gasolilúcaros não na mais barata e Benidorm. Os conhecedores do mercahá escrúpalos, afir- do queixavam-se da ganância mavam os dos empresários espanhóis, dos modelos de concurso a almocreves gerarem mal-entendidos, da de Vimioso. crescente invasão de nuestros O dinheiro hermanos a originar piadas de gosto duvidoso. A tudo resnão tem pondia o primeiro-ministro: cor, tem brilho. Irre- Espanha é a fonte inesgotável geradora de lucros e emprego sistível. em Portugal. Os leitores conhecem nomes de gente famosa portuguesa que embora seja patriota até à medula que mal logrou uma oportunidade vendeu aos da Praça Castelhana empresas de relevo na economia nacional arrecadando mais valias de tomo. Nessa altura o camarada Sócrates nada disse. Entretanto também em Espanha o demónio da crise está a fazer das suas e a Telefónica para o domesticar tem de comprar no estrangeiro empresas altamente lucrativas. Daí o interesse pela Vivo. Os factos são conhecidos, desconhecido e in-

João Aidos Ex-director do Teatro Virgínia

José Eduardo Carvalho Presidente da Nersant

A Regionalização e as eleições sólito é o modo como o engenheiro e o seu adjunto Pedro reagiram às declarações de Passos Coelho. O adjunto assumiu uma pose rezingona, de teatral descontentamento com o presidente do PSD, enquanto o senhor engenheiro de forma insólita veio agitar a bandeira do patriotismo quando no antecedente tudo propiciou aos do outro lado da fronteira para chegarem até onde chegaram. Ele defender a sua tomada de posição é correcto, acusar Passos Coelho de tudo ao modo de Mafoma em relação ao toucinho é mais uma diatribe de actor acostumado a fazer o mal e a caramunha. Na opacidade dos gabinetes geram-se e fazem-se grandes negociatas, no caso da Vivo os accionistas portugueses de referência saíram à rua e disseram – vendemos. O ainda primeiro-ministro surpreendeu-se, certamente, não por ingenuidade, sim porque acreditou na sinceridade de anteriores afirmações. Mas foi ingénuo. Onde há lúcaros não há escrúpalos, afirmavam os almocreves de Carção e Vimioso. O dinheiro não tem cor, tem brilho. Irresistível. Em tempo de férias e no intuito de ajudar José Sócrates sugiro-lhe a leitura de Palavras Cínicas, de Albino Forjaz Sampaio. Se o ler verá quanto poder tem o dinheiro. O bagulho, o jimbongo, o bazaruco tem um encanto especial.

António Brotas (*)

Quando avançarmos com a Regionalizaçãovamos continuar com as actuais eleições distritais dos deputados da Assembleia da República e fazer adicionalmente eleições regionais? Será, manifestamente, um exagero.

A componente fundamental da reforma administrativa que o país tem pela frente é a da criação das regiões administrativas prevista na Constituição. Parece já ter sido dado um importante passo em frente consensual: as regiões serão cinco, a coincidir, mais ou menos, com as actuais regiões de coordenação regional. Uma questão, no entanto, subsiste: como conciliar as actuais eleições legislativas em que os deputados nacionais são eleitos por círculos distritais, com as futuras eleições regionais? Vamos acabar com as actuais eleições legislativas por círculos distritais e substituilas por eleições feitas nas regiões? Seria desperdiçar uma já muito longa experiência portuguesa. As eleições nos distritos não nasceram com o 25 de Abril. Já existiam no anterior regime. Discordando de muitos outros aspectos, mas sem por em causa o seu carácter distrital, a Oposição lutou algumas vezes nestas eleições contra o salazarismo. Em qualquer caso, ficou claro antes, e sobretudo depois do 25 de Abril, que era nos distritos que se organizava a vida política partidária. Assim, hoje em dia, todos os partidos políticos portugueses têm uma organização de base distrital. O desapareci-

mento das eleições distritais levará, inevitavelmente, a um empobrecimento das estruturas distritais partidárias, sem fortalecer as regionais. Basta pensar, por exemplo, no que pode haver de comum e conhecimento mútuo, entre militantes de um mesmo partido dos distritos de Aveiro e de Castelo Branco. Sem resolver este problema não podemos avançar com a regionalização. Que fazer então? Permito-me apresentar aqui uma proposta, que concilia de um modo simples o que queremos manter do passado com o que desejamos ter no futuro. 1- As eleições distritais dos deputados nacionais continuarão como actualmente. 2- Na organização das regiões, os distritos não estarão repartidos por diferentes regiões. Depois das eleições legislativas, os deputados eleitos pelos distritos de cada região elegerão na base da proporcionalidade os deputados da assembleia regional com o número de elementos considerado necessário. Poupa-se, assim, uma eleição, os deputados regionais terão um espaço de encontro com deputados dos outros distritos e serão, simultaneamente, deputados na Assembleia da República onde conhecerão outros deputados regionais. * Professor Universitário


6

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Ponha-se ao fresco Agora que o Verão chegou, trazendo dias de sol e calor, nada melhor que um passeio em família. E em época de crise, se não tem tempo nem possibilidades económicas para “passar férias lá fora”, lembre-se que o distrito de Santarém tem um “mar” de locais a desfrutar. Vá a banhos nas praias fluviais, pratique desportos náuticos pelo rio Tejo, aprecie a fauna e a flora das Serras d´Aire e Candeeiros, ou simplesmente desfrute das piscinas dos vários municípios. Com ou sem crise, o importante é que se “ponha ao fresco”, com a família, desfrutando o melhor do distrito de Santarém. 1

Parque Almourol - Constância/Chamusca/V.N.Barquinha

∑ Os rios Tejo e Zêzere são elementos centrais do projecto Diver Almourol, um parque de lazer com actividades ao ar livre: escalada, slide, parapente, asa delta, pára-quedismo, rappel, kayak, canoagem, rafting, caça ao tesouro, btt, percursos pedestres, passeios de todo-o-terreno, kartcross, ou seja, um sem número de actividades. Uma outra visita indispensável é ao próprio Castelo do Almourol, localizado numa pequena ilha em pleno rio Tejo. Saiba mais em www.diver.com.pt e www.castelodealmourol.com 4

5

1

Praias aqui tão perto Serra em Alcanena

∑ Praia da Foz do Arelho, junto à Lagoa de Óbidos é um lugar de eleição pelas águas calmas e tranquilas da Lagoa. 1 ∑ Peniche, a pouco mais de 40 minutos oferece-lhe inúmeras praias. Desde o Supertubos ao Baleal, S. Bernardino, Consolação, Gamboa ou o Molhe. Estas são praias conhecidas 1 pelas boas condições para o surf e a pesca. ∑ N az aré . Com areal extenso e um mar batido, esta é uma praia muito apreciada pelas suas ondas, mas também pela zona de bares de diversão nocturna que proporcionam grandes noites de Verão. Parque Aquático de Santarém

∑ As Serras d’Aire e Candeeiros são um espaço imenso para visitar. Aconselha-se um mergulho ou simples passeio de fim de tarde na Praia Fluvial dos Olhos d’Água em Alcane- 4 na. Pode também aproveitar para visitar o Carsoscópio, uma infra-estrutura tecnológica de lazer que leva os visitantes ao período dos dinossauros e à história destas serras. Numa viagem ao passado e ao interior da terra, outra experiência passa por uma visita às grutas do Algar do Pena. A visita só funciona mediante marcação através do 249819680.

8 2

2

∑ Com o calor a apertar, a água convida a refrescar, no Parque Aquático de Santarém. Com espaços verdes, piscina de ondas, escorregas, repuxos e pistas fofas, o Parque torna-se nesta altura do ano uma atracção para toda a população, com bar, esplanada e zonas verdes onde podem “apanhar banhos de sol”, fazer um piquenique ou simplesmente brincar com os mais novos. Aberto diariamente, todos os dias da semana, das 10h00 às 19h30. Custo dos bilhetes*: 2,25 euros (-12 anos); 3euros (+ 12 anos); 1,65euros (+65 anos); 8 euros (bilhete familiar de 2 adultos + 2 crianças). *Preço durante a semana. Saiba mais através do 243 300 900

3

3

Valada - Cartaxo

∑ Banhada pelo rio Tejo, Valada é um local de eleição para miúdos e graúdos tanto pelos seus espaços verdes com parque de merendas, parque infantil, campo de futebol relvado e ainda as margens do rio propícias a banhos, à pesca e a actividades náuticas como passeios de jet-sky e de barco. Do seu passado histórico, faz ainda parte a aldeia avieira da Palhota, uma aldeia típica de pescadores, com casas de madeira, local onde viveu durante algum tempo o escritor Alves Redol.

9


ROTEIRO 7

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Praia Fluvial do Lago Azul - Ferreira do Zêzere

Praia fluvial de Carvoeiro – Mação

10

∑ Considerada uma das jóias da coroa de Mação, a praia fluvial de Carvoeiro mistura o verde da paisagem com o azul límpido da água do rio. A pouco mais de 20 minutos do centro de Mação, esta praia construída no leito da ribeira que atravessa Carvoeiro é vigiada durante a época balnear e conta com bandeira azul, prova de que cumpre todos os critérios ambientais. Aqui pode encontrar um parque de merendas com churrasqueira, o que facilita as refeições, um bar de apoio, balneários e uma zona de banhos para adultos e crianças. Veja mais em www.cm-macao.pt

∑ Num imenso lago formado pela albufeira, em Ferreira do Zêzere, encontra a praia fluvial do Lago Azul. Uma praia de águas límpidas favorável a actividades náuticas e de lazer como canoagem, mergulho, descidas de kayak e passeios pedestres para observação de espécies em habitat natural como a lontra, a cegonha branca e a garça-real. Esta praia, para além de bandeira azul tem ainda estacionamento e serviços de restauração. Para conhecer em detalhe a zona e aproveitar uns dias de descanso consulte www.estalagemlagoazul.com

6

Praia fluvial de Ortiga - Mação

∑ Tendo como fundo a barragem de Ortiga, esta praia fluvial é um local de eleição para a população local e para quem visita a região, pela tranquilidade e beleza do espaço envolvente, mas também pela qualidade das infra-estruturas. Dotada de bar e restaurante, encontrará ainda um cais de embarque para actividades desportivas como passeios de jet-sky, barco e mergulho, uma piscina flutuante, posto médico e balneários. Para quem preferir pernoitar, a praia tem um parque de campismo de duas estrelas a funcionar. 10 11

11

12

Castelo de Bode – Praia Fluvial Aldeia do Mato - Abrantes A 12

5

7

Aquapolis de Abrantes

7

∑ O Aquapolis – Parque Urbano Ribeirinho, situado nas duas margens do Tejo, em Abrantes, é um espaço de recreio e lazer que convida a banhos numa albufeira artificial e à prática de actividades desportivas, desde canoagem, remo, vela, windsurf ou simples passeios pedestres. Com um extenso areal, os visitantes podem praticar voleibol, futebol ou râguebi de praia. O Aquapolis, dispõe também de um parque de campismo, caravanismo e autocaravanismo, servido por vários espaços verdes e infra-estruturas de apoio como balneários, bar e sala de convívio. Mais informações em www.aquapolis.com.pt

Complexo Turístico dos Patudos – Alpiarça

∑ O complexo turístico dos Patudos é uma zona de lazer e desporto

8

onde pode desfrutar de parque de campismo, reserva, piscinas e barragem. Para a prática desportiva, este espaço dispõe de campos de ténis e uma parede, um campo sintético de futebol sete, um polidesportivo e os caminhos pedonais. A zona da barragem também é uma das preferências para quem gosta de desportos náuticos e de pesca. Se optar por uma visita mais cultural, encontra a Casa dos Patudos, antiga propriedade de José Relvas, com um vasto espólio cultural e artístico. Veja em detalhe no site da câmara em www.cm-alpiarca.pt 9

Coruche

∑ Coruche é um concelho à sua espera com inúmeras actividades à escolha. Deixe-se levar por um passeio de balão ou parapente, dê um passeio a cavalo, faça BTT no montado, desça o rio de canoa, experimente fazer esqui aquático ou dê simplesmente um mergulho no Rio Sorraia que em breve terá uma praia fluvial. O Açude do Monte da Barca e o Açude da Agolada, são também parte do património natural de Coruche, onde pode desfrutar de um ambiente tranquilo e natural, apreciar a diferente vegetação e espécies de aves e ainda fazer um piquenique ao largo da albufeira enquanto se pode dedicar à actividade piscatória. Saiba mais em www.corucheinspiraturismo.pt

∑ A praia fluvial de Aldeia do Mato, no concelho de Abrantes é uma das grandes atracções turísticas da zona, pela beleza envolvente e pela “qualidade de ouro” que lhe foi reconhecida pela Quercus, conseguindo pelo segundo ano consecutivo os galardões Bandeira Azul e Praia Acessível Praia Para Todos. Em plena Albufeira de Castelo do Bode, esta zona balnear está equipada com infra-estruturas de apoio à prática de actividades náuticas de recreio e lazer, com piscina flutuante, embarcações não motorizadas, bar/cafetaria, instalações sanitárias, bungallows para pernoitar e rampa de acesso a pessoas com mobilidade reduzida. Este ano, pode encontrar inúmeras actividades para os mais novos, como ateliês de educação ambiental e a observação e reconhecimento de micro-organismos existentes na água. Conheça mais em www.segredosdealdeia.pt

Piscinas ∑ Piscinas Municipais de Almeirim – de terça-feira a domingo, das 10h00 às 20h00. Contacto: 243 594 130 ∑ Piscinas Municipais de Alpiarça – de terça-feira a domingo, das 10h00 às 19h00. Contacto: 243 559 111 ∑ Piscinas Municipais do Cartaxo – de terça-feira a domingo, das 10h00 às 20h00. Contacto: 243 779 031 ∑ Piscinas Municipais

de Coruche – de terça-feira a domingo das 10h00 às 20h00. Contacto: 243 610 591 ∑ Piscinas Municipais de Ourém – de terça-feira a domingo, das 10h00 às 20h00. Contacto: 249 544 299 ∑ Piscinas Municipais de Rio Maior – abertas todos os dias, das 09h00 às 20h00. Contacto: 243 999 391 ∑ Parque Aquático de Santarém - Ver destaque textos ∑ Vânia Clemente


8

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

santarém VÍTOR BARRETO REUNIU COM SECRETÁRIO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO

A Vítor Barreto, à esquerda, foi nomeado presidente do primeiro mega agrupamento do concelho de Santarém. António Pedro, à direita, foi preterido pela DREL e abandona o o agrupamento de Escolas Mem Ramires

Vítor Barreto, mega presidente Polémica ∑ António Pedro perde lugar e critica nomeação da Direcção Regional de Educação António Pedro foi preterido na escolha do presidente do novo mega agrupamento das escolas Mem Ramires e Ginestal Machado em Santarém. Em seu lugar, o director da DRELVLT decidiu nomear Vítor Barreto, director da Escola Secundária Ginestal Machado. A decisão da DREL acabou por surpreender a comunidade escolar. Descontente, António Pedro acusa a DREL de ter feito uma decisão política, cujos critérios se desconhecem. Desafia o seu colega Vítor Barreto a tornar pública a carta de resposta à DREL em que afirmou a sua indisponibilidade para ocupar o lugar para o qual acaba agora de ser nomeado. “Em nome da transparência deste processo, desafioo a divulgar a carta de resposta à DREL que eu também divulgarei a minha”, disse António Pedro a O Ribatejo. “Não se compreende como o DREL nomeia uma pessoa que se mostrou in-

disponível, por isso, quando comuniquei a minha decisão de avançar para o mega agrupamento disse logo que era para evitar dar espaço a uma nomeação política, o que acaba de se verificar”, disse António Pedro. “A p e n a s m e f o i comunicada a nomeação do Dr. Vítor Barreto, e não recebi informação sobre a identidade dos outros dois elementos da comissão administrativa provisória, nem tão pouco me foi

Mega agrupamento é a notícia mais comentada no site O Ribatejo

comunicada a minha demissão do cargo de director do Agrupamento Mem Ramires ou a extinção deste agrupamento para dar lugar ao novo agrupamento”, adianta António Pedro. O director do Agrupamento Mem Ramires afirma que Vítor Barreto e a sua equipa estão muito ligados à Câmara, pelo que isto é tudo política. Acusa que atrás deste processo está a “influência da Câmara Municipal de Santarém que tem feito um esforço

enorme para controlar o conselho geral do Agrupamento”. Segundo afirma, “o presidente da Associação de Pais da Escola dos Leões, Vítor Varejão, assessor do presidente da Câmara, já há mais de um ano que não tem filhos naquela escola, pelo que legalmente estaria impedido de manter as funções, mas não só manteve o cargo, como tem vindo a nomear como representantes dos pais no conselho geral pessoas ligadas ao PSD”.

∑ A notícia da criação do mega-agrupamento de escolas Mem Ramires é a notícia mais comentada de sempre no site do jornal O Ribatejo. A polémica decisão de juntar a Escola Secundária Ginestal Machado com o Agrupamento Escolar Mem Ramires bateu todos os recordes de comentários no site, somando perto de 170 comentários à hora do fecho desta edição. A discussão começou em torno das vantagens e desvantagens da criação do mega-agrupamento, mas rapidamente passou para uma luta entre apoiantes e críticos de António Pedro, o director do Agrupamento de Escolas Mem Ramires, que se disponibilizou junto da DRELVT para liderar este novo agrupamento. Professores, funcionários, alunos e pais entraram no debate que continua aceso on-line em www.oribatejo.pt.

O despacho do director da DREL foi comunicado por fax aos directores das escolas, na segunda-feira ao final do dia. “Curiosamente, o despacho chegou no dia em que o Dr. Vítor Barreto chegou de férias, o que não deixa de ser uma coincidência, quer dizer que a decisão antes de ser já era”. “Não sei de que interesses políticos está o Dr. António Pedro a falar a propósito da minha nomeação, pois a Câmara de Santarém é de um partido diferente do Governo, e eu não me ofereci para o lugar”, declarou Vítor Barreto. “A minha carta de resposta à DREL é conhecida; disse que não estava de acordo com toda esta pressa em formar o mega agrupamento, mas que se fosse nomeado aceitaria essa decisão”, afirmou a O Ribatejo o novo presidente do mega agrupamento de Escolas.

João Baptista

O novo presidente Vítor Barreto disse a O Ribatejo que aceitou a nomeação e iria reunir com o secretário de Estado da Educação, esta quinta-feira, já depois do fecho desta edição. “Não conheço ainda os moldes em que este novo agrupamento irá realizar o seu trabalho, nem quem são os outros dois elementos da equipa da comissão administrativa provisória, pelo que vou aguardar pela reunião com o Sr. Secretário de Estado para tomar conhecimento de todo o processo”, adiantou. Ao contrário de António Pedro que se ofereceu para o lugar, Vítor Barreto, director da Escola Secundária Ginestal Machado, deu conta da sua indisponibilidade para liderar o novo mega agrupamento, mas deixou a porta aberta para essa hipótese, afirmando que se fosse nomeado pela DREL teria de aceitar. O reordenamento da rede escolar do ensino básico e secundário tem como objectivos adaptar a rede escolar à escolaridade obrigatória até ao 12º ano, adequar a dimensão e as condições das escolas à promoção do sucesso escolar e ao combate ao abandono, e promover a racionalização dos agrupamentos de escolas de forma a favorecer o desenvolvimento de um projecto educativo comum, articulando níveis e ciclos de ensino distintos. Constituído este agrupamento, com 2200 alunos, no concelho de Santarém ficam de fora a Escola Secundária Sá da Bandeira e os Agrupamentos de Escolas D. João II, Alexandre Herculano, de Pernes e de Alcanede, que somam cerca de 6800 alunos.


SANTARÉM 9

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Nacional de tuning no Cnema TuningParty ∑ Maior concentração nacional tuning marcada para Santarém neste fim-de-semana O TuningParty Internacional Motor Show & Car Audio 2010 vai realizar-se este fim de semana, dias 17 e 18, no CNEMA – Centro Nacional de Exposições, em Santarém. Esta nova edição da maior concentração tuning nacional vai trazer a Santarém milhares de adeptos do tuning que durante dois dias vão vibrar com a energia, a música e a adrenalina, desta modalidade. Este evento vai contar ainda com momentos de muita diversão como o Pioneer Drift Show – com Monster Drift Team T3B –, o Pioneer MotoCross Freestyle FMX – com Marco Carvalho –, e o Pioneer Stunt Riding – com o Paulo Matias. Carlos Valente, director geral da Pioneer Electronics Iberica em Portugal, dis-

A Milhares de fãs do tuning são aguardados em Santarém durante o fim-de-semana. se que “depois de termos estado alguns anos sem participar neste acontecimento que é considerado por muitos o maior e mais carismático evento tuning em Portugal, decidimos regressar como prova da

nossa aposta presente e futura no mercado de Car Electronics”. O programa inicia-se sábado, às 8h00, com a abertura do recinto e prolonga-se até domingo às 18h30 com a entrega dos prémios.

Entre as iniciativas programadas destaca-se a tentativa de etabelecer um recorde mundial de carros com néon em desfile, o motorcross FMX, concurso de suspensões a ar, drift e acrobacias auto, stunt ri-

ding, car wash girls, garraiada, parkour, super hot show, insufláveis gigantes, monster drift team e feira de usados. Os bilhetes custam 12 euros para os dois dias, e 8 euros para o domingo.

PARQUE AQUÁTICO COM RECORDE DE BILHETEIRA O Parque Aquático de Santarém registou a maior enchente desde a sua abertura ao público há 8 anos. “Desde que o Parque Aquático abriu, precisamente há 8 anos atrás, nunca se registou uma enchente tão grande como a que ocorreu no passado fim-de-semana, em que o Parque teve lotação esgotada”, refere uma nota de imprensa da Scalabisport. Com água convidativa para refrescar, preços acessíveis, espaços verdes, piscina de ondas, escorregas, o parque funciona como pólo de atracção para as populações de Santarém, Cartaxo, Almeirim, Alpiarça, Lisboa, Oeiras, Amadora, Almada, entre outros, mas no passado fim-de-semana, dia 10 e 11 de Julho, registou um êxito de bilheteira fora de série.


10 SANTARÉM

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Bloco questiona Ministério sobre contenção de custos no hospital Deputado João Semedo ∑ Teme que cortes orçamentais afectem qualidade da prestação de cuidados O Bloco de Esquerda pediu explicações ao Ministério da Saúde acerca das medidas de contenção da despesa adoptadas pelo Hospital de Santarém, temendo que uma eventual redução de pessoal afecte a qualidade dos cuidados prestados aos utentes. Através de um requerimento entregue na Assembleia da República, o deputado João Semedo quer saber se as novas directrizes que visam reduzir custos irão significar a redução dos “elementos das equipas de urgência” e o aumento do “congestionamento e tempos de espera no serviço de urgência”. Em causa está a circular informativa nº 4 de 2010, de 21 de Junho, onde o conselho de administração do hospital transmite aos funcionários as medidas a implementar com vista à contenção da despesa. No documento, a que o nosso jornal teve acesso, lê-se que o hospital pretende reduzir os custos com pessoal, promovendo “medidas de redução de horas extraordinárias” e contenção de despesas afectas ao Sistema Integrado de Gestão de Inscritos para Cirurgia (SIGIC). “Significam estas medidas que irá ser redu-

A Conselho de Administração quer cortar nos medicamentos e horas extraordinárias zida a produção no âmbito do SIGIC, aumentando as listas e os tempos de espera para cirurgia”, questiona o deputado, que pretende também saber de que forma o Hospital de Santarém pensa “compensar a produção perdida devido à redução do recurso a prestadores externos” nas urgências e como “pretende compensar a redução das horas extraordinárias, no âmbito do SIGIC”.

Na circular informativa, o Conselho de Administração assume também que pretende obter uma “redução dos custos com os consumos”, com espacial ênfase à “redução de custos com medicamentos”, e manda também cortar na “realização de meios complementares de diagnóstico e terapêutica”, ou seja, nos exames clínicos que os médicos mandam fazer fora do hospital.

Questionado pelo nosso jornal acerca da legitimidade das preocupações levantadas pelo deputado João Semedo, o Conselho de Administração responde apenas que se limitou a dar “cumprimento às determinações da Senhora Ministra da Saúde”, e que as “medidas preconizadas serão desenvolvidas ao longo do 2º semestre do ano, consoante as circunstâncias e as condições o

permitam”. Sobre a questão da redução dos custos com medicamentos e realização de exames externos, o órgão gestor do Hospital de Santarém nada esclarece, adiantando apenas que “em caso algum estará em causa a acessibilidade, a prestação e a qualidade dos cuidados de saúde de que carecem os nossos utentes e doentes”.

Burlonas drogavam homens para os roubar O início do julgamento de duas burlonas suspeitas de terem drogado e roubado dezenas de homens que colocaram anúncios afectivos em revistas cor-de-rosa foi adiado na terça-feira, 13 de Julho, porque um dos advogados das arguidas renunciou à procuração. Ana Maria, de 36 anos, e Francelina, de 44, conhecidas pelas burlonas de Celorico de Basto, foram transportadas do Estabelecimento Prisional de Odemira ao Tribunal de Santarém, mas o advoga-

do de turno a quem foi distribuído o processo pediu o adiamento da sessão, alegando precisar de mais tempo para preparar a defesa. Neste processo, as mulheres enfrentam uma acusação de roubo, crime que lhes pode valer entre um a oito anos de prisão. Depois de conhecerem Agostinho São Pedro, residente da Ribeira de Santarém, através de um anúncio pessoal e de ganharem a sua confiança, a dupla deslocouse à casa da vítima, em Fe-

vereiro de 2009. Enquanto Ana distraiu o homem, de 63 anos, Lina esmagou numa omeleta 20 comprimidos “Cerenal 50”, um poderoso anestesiante usado em operações cirúrgicas. Com a vítima inconsciente, as mulheres roubaram-lhe dois telemóveis e uma carteira com 150 euros, fugindo de seguida no carro de Agostinho São Pedro, que ainda não foi recuperado pelas autoridades. As burlonas foram detidas pela GNR de Faro oito

meses depois, em Agosto, na sequência de uma queixa apresentada por um homem de São Brás de Alportel que caiu na mesma esparrela. Não se sabe ao certo quantos homens terão sido vítimas desta dupla, mas há inquéritos em investigação por todo o país. As autoridades encontraram dezenas de objectos presumivelmente roubados, numa busca domiciliária realizada à casa de Ana e Lina, em Celorico de Basto. JNP

João Nuno Pepino

VERDES PEDEM CONTAS PELAS OBRAS DO ALVIELA O partido ecologista “Os Verdes” (PEV) vai questionar o Governo sobre “atrasos” nas obras de reabilitação do sistema de tratamento de águas residuais de Alcanena. No final de uma visita ao concelho de Santarém, o deputado José Luís Ferreira referiu que, das seis obras previstas para recuperar este sistema anunciadas há mais de um ano pelo ministério do Ambiente, “poucas estão a avançar e verificam-se atrasos inexplicáveis”. Por isto, José Luís Ferreira garantiu que o partido vai escrever ao Governo para saber quais as razões desses eventuais atrasos e que medidas estão a ser tomadas para solucionar a situação. Recorde-se que em Junho de 2009, foi assinado em Alcanena um protocolo entre o ministério do Ambiente, a autarquia local e os industriais dos curtumes, para a reabilitação do sistema de tratamento das águas residuais, que envolvia a reabilitação da ETAR de Alcanena, a construção de protecção contra cheias, a recuperação da rede de coletores, a recuperação da célula de lamas no aterro, a construção de uma unidade de tratamento de raspas verdes e a recuperação do Mouchão Parque em Pernes (Santarém).


SANTARÉM 11

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Misericórdia abre centro de dia 54 utentes∑ Santa Casa da Misericórdia de Santarém alarga rede de cuidados a idosos A Santa Casa da Misericórdia de Santarém inaugurou na quinta-feira um novo centro de dia com capacidade para 54 utentes. Segundo o provedor Mário Rebelo, o novo centro de dia resulta da requalificação de um edifício no centro histórico de Santarém (conhecido por Lar dos Rapazes), cuja obra orçada em 334 mil euros foi financiada em 36,5 por cento (112 mil euros) pelo Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais (PARES). O novo centro de dia vai ter salas de convívio e actividades, bar e sala de refeições. A Misericórdia contratou seis novos funcionários para integrar a equipa técnica

desta nova valência. Segundo Mário Rebelo, a Santa Casa prevê inaugurar em Agosto uma nova valência de cuidados continuados, com 21 camas, instaladas no edifício-sede da Misericórdia, no espaço do lar de idosos. São no total nove quartos duplos e três quartos simples e resultam da requalificação de quartos já existentes que foram melhorados com a instalação de condições de climatização e camas articuladas. Este segundo projecto está orçado em 1 milhão de euros e foi financiado pelo programa Modelar, do Ministério da Saúde, em 75 por cento. Bruno Oliveira

A Esta nova valência resulta da requalificação do edifício conhecido como Lar dos Rapazes

IDOSOS VISITAM CASA MUSEU BRAAMCAMP FREIRE A Câmara Municipal de Santarém promove, durante o mês de Julho, visitas de idosos à Casa Museu Braa mca mp Freire. Com o objectivo de promover o património cultural e ocupar os tempos livres dos idosos, a autarquia convida 50 idosos de cada freguesia a participar numa visita guiada. Os idosos, ao visitarem este palacete do século XVIII, podem deslumbrar-se com a colecção de arte e a biblioteca que Anselmo Braamcamp Freire doou à cidade de Santarém, desde a pintura renascentista até à arte contemporânea, passando por gravuras, esculturas e cerâmicas. Têm também a possibilidade de, através dos equipamentos interactivos ficar a saber um pouco mais sobre a história desta Casa, a sua colecção e o seu patrono.


12 SANTARÉM

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

QUANTO CUSTA A MANUTENÇÃO DOS JARDINS

Cães e donos vão ser fiscalizados

O objectivo da fiscalização é a criação de condições de saúde pública que permitam o usufruto pelos cidadãos, em particular as crianças, dos espaços de lazer. Segundo a Câmara Municipal de Santarém, a manutenção do espaço verde do Casal do Provedor, junto a Vale de Estacas, custa 20.000 euros por ano; o Jardim de S. Domingos custa 12.150 euros por ano; o Jardim do Miradouro de S. Bento tem uma manutenção de 11.000 euros por ano; o jardim envolvente das piscinas municipais no Sacapeito 4.300 euros por ano; o espaço envolvente ao campo desportivo do Sacapeito 1.900 euros por ano, a urbanização da Senhora da Guia 10.450 euros por ano, e o jardim envolvente ao monumento a Salgueiro Maia 2.350 euros por ano.

Fiscalização ∑ PSP e Câmara vão fiscalizar passeios dos cães nos jardins de Santarém A Câmara Municipal de Santarém e a PSP vão actuar em conjunto, esta sexta-feira, dia 16, numa acção de fiscalização dos cães na via pública, com aplicação de coimas a quem não cumpra as regras. A circulação com o cão sem trela/açaimo, a falta de registo e licença, o incumprimento das regras do passeio higiénico, a identificação electrónica (microchip), a presença de cães à solta e a alimentação dos animais na via pública, serão alvo de fiscalização. A iniciativa insere-se no projecto “Todos em acção, o cão, o dono e a população”, iniciado em 2007, que inclui acções de informação e sensibilização da população, com o objectivo de alertar os donos dos cães para a obrigação de

LEILÃO Última oportunidade de Venda de Imóveis

A Animais sem trela, registo e licença, incumprimento de regras de passeio higiénico serão alvo de multas. andarem com os animais à trela, de apanharem os dejectos dos seus cães e de evitarem a utilização dos parques infantis e espaços verdes para os passeios higiénicos dos animais. O projecto envolveu a re-

alização de um inquérito à população, cujos resultados apontam para a necessidade de intervenção das autoridades policiais no âmbito do cumprimento das regras de vivência do cão em espaços públicos.

Num universo de 327 inquiridos de diferentes faixas etárias, residentes na cidade de Santarém, 69% considerou muito importante e 28% importante, a realização de acções de fiscalização e aplicação de

coimas. A maioria dos inquiridos já sentiu insegurança devido à presença de cães à solta, sendo que 56% referiu que já sentiu algumas vezes insegurança e 23% muitas vezes.

HOTEL TURISMO DE ABRANTES Sala Jardim Dia 27 de Julho de 2010 às 14,30 h

TRIBUNAL DE ABRANTES PROC. N.º 183/07.9TBABT- 1.º JUÍZO CÍVEL INSOLVENTE: ANTÓNIO SEIXAS CARLOS Por determinação do Exmo. Administrador de Insolvência, e ouvida a comissão de credores, vão ser postos em venda extrajudicial, por negociação particular com recurso a leilão, os bens arrolados a favor da massa insolvente, a seguir descritos: IMÓVEIS EM ABRANTES Rua Amadeu Cardoso, Urbanização da Samarra Prédio urbano, designado por Loja 5-R/C, com área ampla destinada a comércio e arrecadação na cave, com a área bruta de 51,8m² e área de arrecadação de 4,85m², inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 02100/150694 – E e com o artigo matricial urbano n.º 6147-E. Prédio urbano, designado por Loja 6-R/C, destinado a estabelecimento comercial – loja, com a seguinte composição: área ampla destinada a comércio e arrecadação na cave, com a área bruta de 41,85m² e área de arrecadação de 4,85m², inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 02100/150694 – F e com o artigo matricial urbano n.º 6147. Prédio urbano, designado por Loja 7-R/C, destinado a estabelecimento comercial – loja, com a seguinte composição: área ampla destinada a comércio e arrecadação na cave, com a área bruta de 80,50m² e área de arrecadação de 6,15m², inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 02100/150694 - G e com o artigo matricial urbano n.º 6147. Rua Basílio António Certa - Urbanização de Casais de Revelhos - Freguesia de Alferrarede Prédio urbano, designado por Lote n.º 42, destinado a construção urbana, com a área de 930m², inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 01199/170295 e com o artigo matricial urbano n.º 2.111. Prédio urbano, designado por Lote n.º 43, destinado a construção urbana, com a área de 870m², inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 01200/170295 e com o artigo matricial urbano n.º 2.112. Prédio urbano, designado por Lote n.º 51, destinado a construção urbana, com a área de 744m², com o artigo matricial urbano n.º 2.592, inscrito na freguesia de Alferrarede, concelho de Abrantes. Urbanização em Casalinho – Freguesia de Pego Prédio urbano, designado por Lote 13, titulado pelo Alvará 20/91, freguesia de Pego, destinado a construção urbana, com a área de 412m², inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 000641/080791 e com o artigo matricial urbano n.º 2.336. Prédio urbano, designado por Lote 19, titulado pelo Alvará 20/91, freguesia de Pego, destinado a construção urbana, com a área de 344m², inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 000647/080791 e com o artigo matricial urbano n.º 2.342. IMÓVEL EM MAÇÃO Av. Engº Adelino Amaro da Costa n.º 8, r/c – Dtº Prédio urbano, loja, área ampla destinada a comércio, armazém na cave, arrecadação no sótão e logradouro, com a área bruta de 215m², área e armazém de 125m², área de logradouro de 77m² e área de arrecadação, inscrito na C.R.P. de Abrantes com a inscrição 1120/19901001 – A e com o artigo matricial urbano n.º 3.714. NOTA: I – Os bens podem ser vistos no próprio dia das 10h às 12,30h. II – Serão entregues brochuras ilustradas no acto da inscrição. III – Para mais informações consultar a página: www.agencialeiloescovilha.pt Condições do Leilão: Todas as condições de venda extrajudicial, serão anunciadas e lidas em voz alta antes do início do mesmo.

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200901022814 AP

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS 1ª PUBLICAÇÃO JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes do executado FRANCISCO JOSÉ FERNANDES PEREIRA, no estado de casado com Ana Paula Silva Almeida Pereira, com domicílio fiscal na Rua do Brejo, N 24 – Casal do Pombo – 2005-446 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 16 de Março de 2010 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que é responsável respeitantes a Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) e Coimas Fiscais (CF), dos anos 2008 e 2009, no montante actual de 1.670,18 €, sendo 1.136,25 € de quantia exequenda e 533,94 € de acréscimos legais. BEM A VENDER Fracção autónoma designada pela letra A do prédio urbano constituído no regime de propriedade horizontal, sito na Urbanização do Salmeirim – Jardim de Cima, na freguesia de S. Salvador, concelho de Santarém, cuja fracção respeita a CAVE ampla destinada a garagem. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Estacionamento coberto e fechado, Tipologia/ Divisões: 1, Permilagem: 41,00, Nº de pisos: 1, Área do terreno integrante: 0,00m2, Área bruta privativa: 38,10m2, Área bruta dependente: 00,00m2, Área total do terreno: 216,00m2, Área de implantação do edifício: 216,00m2, Área bruta privativa total: 38,10m2, Área do terreno integrante das fracções: 00,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1995 sob o artigo urbano nº 3602 – Fracção A da freguesia de S. Salvador. Acha-se descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 01259/19940512-A (S. Salvador). É depositário o Sr. Francisco José Fernandes Pereira, executado nos autos, o qual, nessa qualidade e depois de contactado no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 7 de SETEMBRO de 2010, pelas 15,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 5.152,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2010.116 – FRANCISCO JOSÉ FERNANDES PEREIRA”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto o executado, o seu cônjuge, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se refere a verba nº 1 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos treze dias do mês de Julho do ano de dois mil e dez. O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra)

O ESCRIVÃO, (Jorge Fernando Santos Morgado)

(em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1289 de 16.07.2010)


SANTARÉM 13

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

ADMINISTRADOR DA EMPRESA MUNICIPAL COM SALÁRIO DE VEREADOR O administrador da CUL.TUR - empresa municipal de cultura e turismo de Santarém vai ganhar um salário mensal equivalente ao de vereador a tempo inteiro, cerca de 3.600 euros. O estatuto remuneratório da administração foi aprovado pelo executivo na segunda-feira passada, com um voto contra do vereador do PS Ludgero Mendes. De acordo com os estatutos da empresa, o administrador executivo, José Valentim, vai auferir uma remuneração correspondente a 80 por cento do vencimento do presidente do município (cerca de 3 mil euros), 14 vezes por ano, acrescida de despesas de representação iguais às de um vereador a tempo inteiro (cerca de 560 euros mensais).

Teatro Sá da Bandeira só tem três espectáculos em Julho Fraca oferta cultural ∑ Vereador da oposição critica falta de envolvimento dos grupos locais “No Verão, o Teatro Sá da Bandeira está quase sempre fechado, temos de procurar soluções para envolver as associações do concelho e aumentar a oferta cultural na cidade”, declarou o vereador do PS Ludgero Mendes, na última sessão da Câmara Municipal de Santarém. João Leite, do PSD, disse que “Santarém é palco da festa e da cultura do País e se não tem mais oferta cultural isso deve-se à crise do país”. Em alternativa aos espectáculos, João Leite considera que os scalabitanos “podem ir passear para os jardins da cidade”, recentemente requalificados.

O vereador da Cultura Vítor Gaspar disse que “tem havido uma política de cedência do teatro às associações para apresentarem os seus trabalhos”. O maior problema, segundo o vereador da Cultura, deve-se à falta de capacidade do Teatro Sá da Bandeira para acolher grandes espectáculos, o que limita a possibilidade de alargar a oferta cultural na cidade”. “Não posso estar satisfeito, sou incapaz de dizer que o teatro ainda tem três espectáculos durante o mês de Julho, só posso dizer que só vai ter três espectáculos em Julho e lamentar a pouca actividade cultural”, declarou Ludge-

…CONSULTOR FINANCEIRO, ENGENHEIRO DE SOFTWARE, CONTROLADOR DE TRÁFEGO AÉREO, RESTAURADOR, DIRECTOR COMERCIAL, ACCOUNT MANAGER, JURISTA DE PROPRIEDADE INTELECTUAL, EDITOR DE IMAGEM, SUPERVISOR DE MANUTENÇÃO, DIRECTOR DE HOTELARIA, DIRECTOR DE OPERAÇÕES, CRIATIVO, REALIZADOR, ARQUITECTO PAISAGISTA, BRAND MANAGER, ENGENHEIRO CIVIL, PROFESSOR UNIVERSITÁRIO, AGRÓNOMO, TÉCNICO DE ANÁLISES CLÍNICAS, TÉCNICO OFICIAL DE CONTAS, AUDITOR, NUTRICIONISTA, DELEGADO DE INFORMAÇÃO MÉDICA, DIRECTOR DE RECURSOS HUMANOS, ADVOGADO, ENFERMEIRO, ENGENHEIRO DE TELECOMUNICAÇÕES, WEBMASTER, PRODUTOR DE EVENTOS, DIRECTOR DE ARTE, GUIONISTA, MÉDICO VETERINÁRIO, BIÓLOGO MARINHO, ENGENHEIRO NUCLEAR, ESPECIALISTA EM REDES SOCIAIS, COPY-WRITER, CHEF, FISIOLOGISTA DE CONTROLO DE PESO, ENGENHEIRO DE NOVAS ENERGIAS…

UFA… QUE CARGA DE TRABALHOS É verdade. Há um mundo de empregos à sua espera no i. Consulte o nosso espaço carreira e dê um novo rumo à sua vida. Todas as quintas-feiras com o i, o seu jornal - e o Jornal Europeu do Ano*

*European Newspaper Award 2009

A Ludgero Mendes quer associções culturais mais activas no concelho. ro Mendes. Vítor Gaspar considerou que “dizer que há pouca actividade cultural ou que não há apoios à cultura em

Santarém ou que menosprezamos os artistas locais e só contratamos artistas nacionais é uma tremenda injustiça. Quem deve ser

criticado foi quem decidiu fazer este teatro só com 204 lugares numa capital de distrito, nisso é que houve falta de juízo”.


14 SANTARÉM

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Quinta dos Anjos vai ser a nova centralidade de Santarém

VERÍSSIMO SERRÃO FESTEJOU 85º ANIVERSÁRIO

Planeamento ∑ Plano de urbanização da Quinta dos Anjos aprovado na Câmara “Temos aqui a oportunidade de ouro para uma reflexão sobre o futuro de Santarém, a partir deste plano de urbanização da Quinta dos Anjos/ Quinta do Poço”, declarou o vereador do PS Ludgero Mendes, na última reunião da Câmara Municipal de Santarém, em que foi aprovada a versão final deste plano de urbanização desta zona norte da cidade. Ludgero Mendes sublinhou que esta zona vai ser determinante para as acessibilidades, fluidez do trânsito e vai acolher o futuro terminal multimodal. O vereador afirmou a necessidade de aproveitar esta oportunidade única para promover o uso dos transportes públicos colectivos, de forma a reduzir o número de automóveis no centro histórico de Santarém, o que iria melhorar a qualidade de vida dos moradores da cidade e facilitar a vida a quem tem de se deslocar à cida-

LEILÃO

A João Leite estreou-se a presidir à reunião da Câmara, na ausência do presidente Francisco Moita Flores. de”. Para o vereador Ludgero, “a nova estação deverá ter um grande parque de estacionamento onde as pessoas possam deixar os carros, seguindo depois em transportes públicos”. Ludgero defende que “o es-

tacionamento neste futuro parque poderia ser gratuito para quem possua um passe de transportes públicos”, com todas as vantagens ambientais, económicas e de qualidade de vida para as populações.

Na ausência do presidente Moita Flores, coube ao vereador João Leite dirigir a sessão. João Leite disse que “o futuro da cidade está delineado desde 2005, quando Moita Flores assumiu os destinos da Câma-

BENAVENTE Rua das Sesmarias, Mártir Santo Lote 72, Armazém GPS: N 38°57´48°, O 8°48´32° Dia 22 de Julho de 2010 às 14,30horas

TRIBUNAL DE BENAVENTE PROC. N.º 1862/09.1TBBNV - 1º Juízo INSOLVENTE: ELECTRO ALFRAGIDE – Comércio de Material Eléctrico e Informático, Lda. Por determinação do Exmo. Administrador de Insolvência, e ouvida a comissão de credores, vão ser postos em venda extrajudicial, por negociação particular com recurso a leilão, os bens arrolados a favor da massa insolvente, a seguir descritos: IMÓVEL Prédio Urbano, com área total de 3.254,6m², sendo área coberta 795.1m² e descoberta 2459,5 m², designado por armazém e logradouro, situado em Benavente, artigo matricial n.º 5783 da freguesia de Benavente e descrito na C. R. P. de Benavente sob o n.º 3801/20030220 com o valor matricial de 159.350,00€. BENS MÓVEIS Diverso material informático, eléctrico, e de escritório e um empilhador Stacker MATERIAL CIRCULANTE: Veículo marca Fiat com matrícula 33-GG-70, veículo marca Fiat com a matrícula 25-IA-31 e veículo marca Fiat com a matrícula 25-AI-14 NOTA: I – Os bens podem ser vistos no próprio dia das 10h às 12,30h. II – Serão entregues brochuras ilustradas no acto da inscrição. III – Para mais informações consultar a página: www.agencialeiloescovilha.pt Condições do Leilão: Todas as condições de venda extrajudicial, serão anunciadas e lidas em voz alta antes do início do mesmo.

AVISO HASTA PÚBLICA PARA A LOCAÇÃO DO BAR “JARDIM DAS ROSAS - TORRES NOVAS” ANTÓNIO MANUEL OLIVEIRA RODRIGUES, Presidente da Câmara Municipal de Torres Novas: TORNA PÚBLICO, de harmonia com a deliberação tomada na reunião camarária realizada em 17 de Junho de 2010, que se encontra aberto período de candidaturas para locação do Bar “Jardim das Rosas”. As propostas (de renda mensal, conforme ponto 5 do caderno de encargos), deverão ser entregues na Secção de Expediente Geral e Arquivo desta Câmara Municipal até às 17 horas do 10.º dia útil, a contar da publicação do presente aviso, num dos jornais mais lidos da região. O prazo da locação a que se refere o presente concurso inicia-se a 1 de Setembro de 2010 e é válida por 1 (um) ano, podendo eventualmente ser prorrogado por iguais períodos nas condições constantes no caderno de encargos. As propostas deverão ser redigidas em língua portuguesa. As entidades proponentes deverão comprovar que se encontram legalmente constituídas ou apresentar declaração onde explicitamente se comprometem a vir a constituir-se, caso lhe seja arrematada a locação. O Caderno de Encargos encontra-se, para consulta e fornecimento, na Secção de Expediente Geral e Arquivo desta Câmara Municipal, Rua General António César de Vasconcelos Correia, 2350-421 Torres Novas, no horário de expediente (das 9.00 às 17.30 horas) e pode ser solicitado até ao dia anterior ao prazo para a apresentação de propostas. A abertura das propostas terá lugar no primeiro dia útil, imediato à data limite para a sua apresentação, na Sala de Sessões da Câmara Municipal, pelas 10.00 horas, podendo assistir ao acto público, os concorrentes ou seus representantes, devidamente credenciados. A licitação far-se-á a partir da proposta mais elevada, apresentada em carta fechada. Após arrematação haverá ainda o direito de sobrepor valor final ao proponente que apresentou a proposta mais elevada. Para constar, se lavrou o presente Aviso e outros de igual teor, que se encontram afixados no átrio dos Paços do Município bem como nos demais lugares públicos de estilo. Paços do Município de Torres Novas, 1 de Julho de 2010 O PRESIDENTE DA CÂMARA António Manuel Oliveira Rodrigues

ra e definiu a estratégia de desenvolvimento de Santarém”. O vereador João Leite disse que as sugestões do vereador Ludgero estão em cima da mesa das negociações que a Câmara está a realizar”.

O historiador Joaquim Veríssimo Serrão comemorou, no dia 8, o seu 85º aniversário, nas futuras instalações do Centro de Investigação com o seu nome, que vai funcionar no rés-do-chão da Casa de Portugal e de Camões (ex-Presídio Militar). O vereador da Cultura Vítor Gaspar, o médico pessoal e amigo Dr. José Manuel Nogueira, o historiador e futuro director do Centro Prof. Dr. Martinho Vicente Rodrigues, participaram na homenagem. Joaquim Veríssimo Serrão afirmou, emocionado, que a formação deste Centro de Investigação permite-lhe deixar a Santarém o que Santarém lhe deu. O historiador vai doar a sua biblioteca particular com mais de 35.000 obras, livros e separatas, bem como os ficheiros usados nas suas investigações e diplomas que recebeu ao longo da vida.


SANTARÉM 15

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Regionalização de novo em debate PS e PSD ∑ Dois maiores partidos dispostos a avançar com o debate e favoráveis à criação de regiões PS e PSD parecem estar de acordo na necessidade de voltar a debater o tema da regionalização. Em Santarém, num debate organizado pela Corrente de Opinião Socialista, um movimento liderado pelo ex-presidente da CCDR, Fonseca Ferreira, o ministro dos Assuntos Parlamentares, Jorge Lacão, afirmou que Governo e o PS estão “disponíveis” para arrancar com o debate em torno do processo de regionalização “no dia em que o PSD também estiver disponível”. Jorge Lacão afirmou ainda que o Governo está disponível para criar uma comissão eventual para o processo de regionalização na Assembleia da República, uma ideia com na qual teve o apoio do deputado do PSD, Luís Campos Ferreira, que também participou neste debate. Lacão diz que é preciso encontrar “um consenso e um pacto político o mais alargado possível entre as forças políticas para que não se cometam erros do passado”, numa referência ao que considera ter sido o “fracasso” e a “oportunidade historicamente perdida” do referendo à regionalização realizado em 1998. Confrontado com a opinião de Fonseca Ferreira, que defendeu a realização do processo de

A O debate aconteceu em Santarém numa organização da Corrente de Opinião Socialista de Fonseca Ferreira regionalização em conjunto com a reforma administrativa do Estado – nomeadamente com a possibilidade de extinção e fusão de concelhos e freguesias – Jorge Lacão afirmou que estes dois processos devem ser feitos “em separado e a um ritmo próprio”, admitindo no entanto que “existem irracionalidades no número de câmaras municipais e de freguesias” no país. “Não pode haver um despotismo iluminado nesta reforma do poder local. Esta reorganização deve ser feita de forma gradual e a partir das opiniões das comunidades lo-

cais para que não percam identidades sedimentadas na história”, referiu o ministro. Sobre este processo falou também o deputado do PSD, Luís Campos Ferreira, que se afirmou a favor da regionalização como uma “alavanca para o desenvolvimento e crescimento económico do país”. Mas antes de avançar com um eventual referendo, Luís Campos Ferreira defende que é preciso definir bem o mapa das futuras regiões, as competências que irão ter e a sua forma de financiamento, afirmando que “a criação de regiões administrativas

não pode custar mais do que o Estado já gasta com a administração pública”. O deputado mostrou-se ainda favorável à criação de uma comissão eventual, frisando que esta comissão deve ouvir pareceres técnicos e a sociedade civil alargada. Luís Campos Ferreira frisou ainda que Portugal “não pode copiar modelos de regionalização de outros países” e que, nesta altura de crise, “o processo não pode ser iniciado de forma confusa, sob pena das entidades externas que financiam o país se assustarem com a possibilidade de aumento de

custos com a criação de mais organismos públicos”. Por seu turno, o administrador da EPAL, Rui Godinho, defendeu a criação de regiões de forma simultânea em todo o país. O gestor, também um dos convidados para este debate, disse que “ou as regiões são todas constituídas na mesma altura, e o país evolui de forma igual, ou não há verdadeira regionalização”. Rui Godinho defende um modelo de regionalização assente nas cinco NUT 2 já criadas: Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve.

LACÃO DEFENDE REGIÕES SEM “FUNÇÕES EXECUTIVAS” Jorge Lacão afirmou que preconiza um modelo de regiões “apenas com funções de planeamento regional”, cabendo às autarquias e ao Governo as funções executivas. “As futuras entidades regionais deverão fazer o planeamento dos territórios de acordo com as prioridades nacionais articuladas com as realidades locais”, clarificou. “Se hoje existem piscinas e pavilhões em vários concelhos vizinhos, a futura região administrativa terá a missão de planear os recursos nacionais do Estado para que casos destes não voltem a acontecer”, frisou Jorge Lacão. Campos Ferreira afirmou que o PSD defende que é preciso “acabar com o travão constitucional à regionalização”, numa alusão à exigência inscrita na Constituição de que a criação das regiões avance em todo o país ao mesmo tempo. Para o deputado social-democrata, o processo deveria começar pela criação de uma região-piloto que permitisse “aferir” o seu funcionamento e corrigir “eventuais erros”. “O país não tem margem para mais erros. Precisamos de testar primeiro o modelo”, disse Luís Campos Ferreira, acrescentando que o Algarve “poderia ser uma solução para este teste”.


16

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

região lezíria do tejo RIO MAIOR VAI TER TELEASSISTÊNCIA

A Família de menina com paralisia cerebral esperou 15 meses para descobrir que o pedido de apoio foi feito num formulário desactualizado

Então o papel? Qual papel? Não, esse é o papel errado...

GNR DETEVE 21 INDIVÍDUOS NUMA SEMANA

Cartaxo ∑ Pais obrigados a gastar mais de 600 euros em aparelhos prescritos por médico A burocracia crónica do Estado obrigou uma família do Cartaxo, de parcos recursos económicos, a gastar mais de 600 euros em aparelhos indispensáveis ao desenvolvimento da sua filha de dois anos e meio, que nasceu com paralisia cerebral. A candidatura às ajudas técnicas da Segurança Social foi recusada ao fim de um ano e três meses com a justificação de que o pedido, afinal, foi preenchido no formulário errado. Devido ao seu estado de saúde, a criança, Mariana Caria, precisou desde bebé de vários aparelhos para a ajudar no seu crescimento, casos de um banco triangular, um “standing frame” e botas ortopédicas, equipamentos caros que a família teria dificuldades em comprar. As ajudas técnicas foram prescritas pelo médico do Hospital de Montemoro-Novo que acompanha-

va a bebé. A família pediu vários orçamentos e entregou-os numa reunião com técnicas da Segurança Social do Cartaxo e do projecto Intervenção Precoce Integrada do Concelho do Cartaxo (IPICC), em Fevereiro de 2009. “Como os aparelhos eram indispensáveis para a Mariana e nunca mais nos davam qualquer resposta, tivemos que ser nós a comprá-los”, conta a mãe, Fátima Caria. Em Maio de 2010 – 15 meses depois – foi informada que

o seu pedido tinha sido indeferido porque o apoio foi solicitado num formulário antigo, e que a Segurança Social só aceitava candidaturas preenchidas num novo modelo de requerimento. Questionado pelo nosso jornal, o Centro Distrital de Segurança Social de Santarém garante ter alertado o Hospital de Montemor-oNovo “para o facto do modelo de prescrição de Atribuição de Ajudas Técnicas se encontrar desactualiza-

do”, tendo inclusivamente explicado “que o processo seria posteriormente devolvido por não se encontrar em conformidade”. A Segurança Social reconhece que nunca manteve “quaisquer contactos, telefónicos ou presenciais, com a progenitora da menor”, mas justifica que a articulação do processo foi efectuada através do IPICC, que sabia do problema. Apesar de várias tentativas, o nosso jornal não conseguir ouvir os responsá-

veis do IPICC, mas Fátima Caria diz ter “dificuldades em acreditar” que as técnicas deste projecto soubessem que o entrave estava na simples entrega de um novo formulário. “Elas têm sido impecáveis com a Mariana e nunca nos falaram nisso nas várias reuniões de acompanhamento, em que nós perguntávamos pelo atraso com as ajudas técnicas”, conta Fátima Caria. João Nuno Pepino

Novo processo de candidatura em curso

∑ A família de Mariana Caria está prestes a entregar um novo pedido de aquisição de ajudas técnicas, para novos aparelhos prescritos pelo Centro de Reabilitação de Paralisia Cerebral Calouste Gulbenkian. Tratam-se de equipamentos indispensáveis ao desenvolvimento da criança, cuja família, recorde-se, criou uma verdadeira onda de solidariedade para pagar dois meses de tratamento no Centro de Recuperação Neurológica de Havana, em Cuba, de onde a pequena Mariana regressou com progressos assinaláveis.

Com o intuito de implementar a teleassistência no concelho, a Câmara Municipal de Rio Maior vai promover uma apresentação pública deste serviço da Cruz Vermelha Portuguesa para os presidentes das 14 Juntas de Freguesia do concelho, na quarta-feira, 21 de Julho, às 17h30, no salão nobre dos paços do concelho. A teleassistência é um serviço pensado para cidadãos dependentes e populações idosas que residem em locais mais afastados dos centros urbanos, e que podem, através deste serviço telefónico, solicitar ajuda imediata em qualquer situação de emergência ou isolamento.

A O formulário novo e o velho, lado a lado

Entre os dias 5 e 11 de Julho, a GNR, dentro da área de acção do Comando Territorial de Santarém, deteve um total de 21 indivíduos, oito dos quais dando cumprimento a mandatos judiciais de captura, sete por condução de veículos sob o efeito do álcool, cinco apanhados ao volante sem carta, e um último homem por violência doméstica. Este último, constituído arguido pelo crime de maus-tratos, foi detido por militares do destacamento da Golegã.

CRIANÇAS DESFAVORECIDAS VÃO À PRAIA Pela primeira vez, a Câmara Municipal da Azambuja está a organizar colónias de férias que vão levar cerca de 50 crianças em risco e de famílias desfavorecidas do concelho a três praias da Costa de Prata. As colónias balneares vão passar pela Foz do Arelho, Baleal e S. Martinho do Porto, durante o mês de Agosto.


ALPIARÇA | RIO MAIOR | CARTAXO | REGIÃO 17

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Paulo Caldas entrega cartão de militante do PS sem explicações Funções autárquicas ∑ Presidente garante que se mantém à frente da Câmara como independente As razões que levaram o presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Paulo Caldas, a entregar o cartão de militante do PS no passado dia 1 de Junho permanecem no segredo dos deuses. Ao nosso jornal, o autarca adiantou apenas que “foi uma decisão tomada por razões políticas e do foro familiar”, uma vez que a sua esposa, Catarina Caldas, acompanhou o marido na devolução do cartão à Federação Distrital do PS de Santarém e consequente desfiliação do partido. Paulo Caldas acrescentou apenas ter “saído magoado com alguns dirigentes do PS nacional, e não com as estruturas do partido”, mas escusou-se a identificar quais ou a adiantar mais pormenores. Questionado acerca do seu futuro à frente da autarquia, Caldas garante que se vai manter na presidência. “E com a mesma motivação, empenho e determinação que tenho desde há 11 anos, quando assumi funções a tempo inteiro como vicepresidente, e que tenho mantido nas três maiorias absolutas que conquistei desde então”, acrescentou. “Desconheço as razões da sua saída, pelo que qualquer comentário será im-

A O presidente da Câmara do Cartaxo afirma que não se sente na obrigação de dar explicações prudente e precipitado”, referiu ao nosso jornal o actual presidente da comissão política concelhia do PS Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, lembrando que “o PS é um partido de mulheres e homens livres, onde entra quem preenche os requisitos dos estatutos e sai quem quer”. A estrutura partidária que dirige – e da qual Paulo Caldas também já foi presidente – não foi informada com antecedência. Dos partidos da oposição, é o Bloco de Esquerda

que vai mais longe, ao pedir a sua demissão. “Esta decisão tem implicações na vida política do concelho, que já está totalmente degradada graças à linha de governação seguida pelo s eleitos do PS nos últimos anos”, frisou Francisco Colaço. “Como este gesto é o corolário dessa degradação, pensamos que o presidente, em consciência, devia demitir-se”, acrescentou. “Quem perde com isto tudo é o Cartaxo, enquanto concelho, as suas empre-

sas e os seus munícipes”, lamenta Pedro Reis, presidente da comissão política concelhia do PSD, acrescentando que a decisão de Paulo Caldas “faz o lembrar o dr. Mário Soares, quando colocou o socialismo na gaveta. Agora, temos um presidente de Câmara «self made man», que corre sozinho ninguém sabe bem para onde”. O vereador Mário Júlio Reis, da CDU, confessa ter ficado “perplexo” com a decisão de Paulo Caldas, mas acrescenta que “o PS

tem feito tantas asneiras atrás de asneiras, sobretudo no concelho” que até “entende” o gesto do autarca. “Em termos políticos, que é o que interessa para o concelho, parece-nos que ficou aqui uma chancela do vazio”, acrescentou o vereador, para quem “fica a ideia de que isto não passa de uma vingança pessoal contra a estrutura do PS, por não lhe quererem resolver um problema qualquer”. João Nuno Pepino

joao.pepino@oribatejo.pt

PSD elege novas comissões políticas concelhias O PSD elegeu novos órgãos dirigentes concelhios no Cartaxo e Rio Maior. Na sexta-feira, 9 de Julho, Pedro Reis foi reconduzido no cargo de presidente da comissão política local do PSD Cartaxo, numa assembleia eleitoral com uma participação de militantes “muito acima das registadas em anos anteriores”, segundo uma nota de imprensa do partido. “A lista única apresentada recebeu a confiança da to-

talidade dos votantes sem que se tenha registado qualquer voto branco ou nulo”, acrescenta a mesma nota, onde se lê Jorge Nogueira vai assumir as funções de vice-presidente da comissão política concelhia e José António de Jesus o cargo de secretário. Hélia Baptista, Gustavo Gaia, Carlos Seixinho, Nuno Firmino, Paulo Mota e Celestino Marques são os vogais da nova comissão política. Na mesa do plená-

rio de militantes, o deputado Vasco Cunha foi também reconduzido como presidente, tendo Luísa Pato como vice-presidente e Fernando Vicente como secretário. Em Rio Maior, João Lopes Candoso foi eleito o novo presidente da comissão política concelhia social-democrata, numa lista onde surgem Edgard Gomes e Carla Rodrigues Dias como vice-presidentes, e Vasco Tavares como tesoureiro.

Anabela Henriques, António Madeira, Carla Nogueira, Catarina Bernardino, Filipe Madeira, Luís Santos, Norberto Marques e Sérgio Gonçalves são os vogais deste órgão, onde Mário Ramos aparece como suplente. A actual presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, Isaura Morais, é a presidente da mesa da assembleia do PSD de Rio Maior, que tem António Arribança como vice-pre-

sidente, e Hélder Fragoso como secretário. A JSD, que realizou o seu III concelho distrital no centro cultural de Benavente no passado dia 2 de Julho, reactivou a actividade em duas secções concelhias. Luís Bacalhau é o novo presidente da JSD de Benavente, e Firmino Serôdio foi eleito para o mesmo cargo na secção de Almeirim. Para a secção da Golegã, as eleições realizam-se em Setembro.

MANUEL ALEGRE VISITA O DISTRITO No âmbito da preparação da sua candidatura às próximas eleições presidenciais, Manuel Alegre visita três concelhos do distrito de Santarém na próxima segunda-feira, dia 19 de Julho. O candidato começará por se deslocar à empresa J.J. Louro, em Amiais de Cima, Santarém, às 16 horas, seguindo depois para Torres Novas, onde tem uma reunião com empresários agendada para as 18 horas. Esta iniciativa termina em Almeirim, às 20 horas, no restaurante “O Toucinho”, onde vai decorrer um jantar e reunião de trabalho com os responsáveis operacionais pela campanha no distrito. A candidatura de Manuel Alegre está em fase de organização das suas estruturas distritais, e tem como objectivo alcançar presença e representação em todos os 21 concelhos. Para já, está certo que José Niza será o mandatário de Manuel Alegre no distrito.

RECTIFICAÇÃO Por lapso, na notícia “Bloco pede intervenção em suiniculturas”, publicada na última edição do nosso jornal, houve uma lamentável troca no nome da freguesia em questão: é Ribeira de São João, e não São João da Ribeira, como figura no texto. Aos nossos leitores, as nossas desculpas pelo engano.

DUAS ESCOLAS ENCERRAM EM ALPIARÇA As escolas do 1º ciclo do Casalinho e Frade de Cima, no concelho de Alpiarça, já não deverão abrir portas no início do ano lectivo 2010 / 2011, por terem menos alunos inscritos do que o número mínimo definido pelo Ministério da Educação. No Casalinho, há apenas 12 crianças inscritas, ao passo a escola do Frade de Cima funcionou no ano lectivo anterior ao abrigo de uma licença especial da DREL.


18 REGIÃO | CARTAXO | BENAVENTE

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Operação passa 12 sucateiras a pente fino do, os militares acrescentam que dois indivíduos de nacionalidade romena foram detidos em flagrante a tentar roubar cobre. Os jovens de 22 e 24 anos, residentes na zona de Alverca do Ribatejo, foram surpreendidos no interior de uma propriedade no concelho de Benavente, quando se preparavam precisamente cortar os cabos de alimentação dos pivots de rega. No mesmo dia, “no concelho de Abrantes, foram identificados três indivíduos, com idades entre os 16 e os 30 anos, por receptação de cobre no momento em que estes procediam à queima”, informa a GNR. Os militares apreenderam 160 quilos de cobre, que seria vendido a 5,20 euros o quilo, três tesouras, vários pares de luvas de borracha, um bateria, lanternas e estribos metálicos, que os suspeitos utilizavam para subir aos postes de iluminação.

Vila Chã prepara-se para recriar a batalha de Ourique A recriação da Batalha de Ourique é um dos pontos altos da II feira medieval de Vila Chã de Ourique, que vai animar esta freguesia do concelho do Cartaxo nos próximos dias 23, 24 e 25 de Julho. Estes festejos populares servem também para assinalar as comemorações da elevação a vila. A recriação da batalha propriamente dita realizase no sábado, dia 24, a partir das 22h30, junto à estátua Maria Vitória, num cenário idealizado que pretende representar uma praça medieval, ponto de encontro entre mouros, à época ocupantes destas terras, e os soldados de D. Afonso Henriques, que conquistam aqui uma das mais importantes vitórias para a formação de Portugal.

Esta feira medieval, que espera atrair muitos visitantes a Vila Chã, inicia-se na sexta-feira, 23, a partir das 19 horas, com a concentração de mercadores e participantes no Largo do Gil. Segue-se um desfile até ao recinto, onde será servido um jantar medieval na Taverna da Vara (mediante inscrição), numa noite que termina com um espectáculo de música e danças orientais e cuspidores de fogo. Durante o evento, vai realizar-se também um torneio medieval (no sábado e no domingo), e haverá sempre animação de rua com música, dança, malabarismo, recriações do ambiente da época, um terreiro de jogos destinado à pequenada, e o “Bar dos Saramaguitos”, com porco no espeto.

r “sempre que

possível, reduzir-se a área disponível para enchimento de águas dos reservatórios de autoclismos”.

r “as vulgar-

arquivo

Numa mega operação de fiscalização ao transporte de resíduos e operadores de sucata, a GNR passou a pente fino 12 sucateiras espalhadas por todo o distrito e fiscalizou ainda 232 veículos, na quarta-feira, 14 de Julho. Nas empresas que se dediam ao comércio de sucata, os militares elaboraram seis autos de contra-ordenação por infracções à lei da gestão dos resíduos, dos veículos em fim de vida e do transporte de resíduos, segundo um comunicado de imprensa do Comando Territorial de Santarém. Das viaturas controladas nas estradas, resultaram um total de 19 autos de contra-ordenação por infracções diversas ao código da estrada, a detenção de um indivíduo apanhado ao volante sem carta de condução, e a apreensão de um veículo por falta de registo de propriedade. No mesmo comunica-

Excertos

A Medidas de contenção geraram grande descontentamento entre os militares

GNR poupa até na água do autoclismo APG ∑ Directivas do comando são “surrealistas” O plano de controlo, contenção e redução da despesa emanado pelo Comando Territorial de Santarém da GNR de Santarém está a provocar grande indignação entre muitos militares do distrito, que o consideram “ridículo” e “desqualificante” em relação à profissão que exercem. O documento, a que o nosso jornal teve acesso, vai ao pormenor de impor a redução da água no enchimento dos autoclismos, e proíbe as lavagens de viaturas “à mangueirada”, obrigando os guardas a utilizar “balde e pano molhado” para manter os carros limpos. Nas localidades do distrito que tenham postos da guarda, os giros vão passar a ser feitos a pé para poupar gastos com combustível, e todas as deslocações administrativas por auto-estradas estão proibidas, imposições que estão a provocar um descontentamento generalizado entre os elementos da GNR. Para José Manageiro,

da Associação de Profissionais da Guarda (APG), parte das medidas são “surrealistas” e só vão contribuir para “degradar ainda mais as já precárias condições de trabalho em muitos postos”. “Temos de poupar no que for possível, mas não com este pensamento de regra e esquadro”, desabafa o responsável, para quem este plano vai tornar-se “numa mera formalidade obrigatória, uma vez que quem trabalha no terreno, no dia-adia, sabe bem as dificuldades com que exerce a sua missão”. “Não se pode pedir a um

Comando opta por manter o silêncio

posto com duas ou três viaturas que poupe 5% no gasóleo, ou que desligue as luzes e deixe de tirar fotocópias, porque isso não traz resultados práticos”, continua José Manageiro, salientando que a APG “vai encontrar formas de denunciar estas obrigações ridículas junto das populações, para que as pessoas percebam que as medidas comprometem a segurança dos cidadãos e desmotivam aqueles que têm por missão assegurála”.

mente designadas mangueiradas deverão ser substituídas pela limpeza com uso de balde e pano molhado, não deixando de assegurar que as mesmas circulem em bom estado de limpeza”.

r “desligados

os computadores (mesmo às horas de refeição) e outros equipamentos (ar condicionado, aquecedores, etc) e as luzes”.

r “Durante a

noite, as luzes apenas permanecerão ligadas quando indispensáveis a assegurar a segurança das instalações (graduado / plantão / atendimento)”

João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt

∑ O nosso jornal so-

licitou uma reacção em relação a esta situação ao Comando Territorial de Santarém da GNR, que optou por não fazer quaisquer comentários. O plano em causa é um desenvolvimento do documento nacional emitido por despacho do Comandante Geral da GNR a 9 de Junho.

r “Deverá ser

reduzido o consumo de material de escritório (esferográficas, lápis, clips, correctores, agrafes, molas, colas, tinteiros, marcadores fluorescentes, etc) em cerca de 20%”.


19

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

região médio tejo santarém PJ CAÇA PREDADOR SEXUAL QUE ROUBAVA VÍTIMAS

ULTRALEVE DESPISTA-SE EM TOMAR

A Polícia Judiciária deteve um homem suspeito de ter sequestrado pelo menos cinco mulheres de quem tentou abusar sexualmente, depois de as obrigar a fazer levantamentos no multibanco. O arguido, de 33 anos, que reside na zona da Golegã, vai aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva, e está acusado de cinco crimes de sequestro, sete de roubo, um de detenção de arma proibida e outro de coacção sexual, informa um comunicado de imprensa da PJ. Os crimes foram cometidos de forma continuada durante todo o mês de Junho nas zonas de Torres Novas, Chamusca e Entroncamento. As vítimas foram sequestradas sob ameaça de uma arma branca quando se preparavam para entrar nas suas viaturas, sendo de seguida transportadas a uma caixa multibanco para levantar dinheiro e obrigadas a manter actos de natureza sexual com o arguido, que já tem antecedentes criminais por roubos e furtos menores. O caso foi investigado pelo Departamento de Investigação Criminal da PJ de Leiria, que acrescenta que os crimes “causaram um forte alarme e perturbação na comunidade local”.

Um ultraleve usado em missões de detecção de incêndios despistouse numa zona de campo após não ter conseguido aterrar numa pista em Tomar, na quarta-feira, 7 de Julho. O aparelho acabou por ir parar a uma vinha, e os dois tripulantes saíram do acidente sem qualquer ferimento.

PASSEIO DE IDOSOS EM SETEMBRO

O passeio sénior do concelho de Tomar, organizado anualmente pela Câmara Municipal para os portadores do cartão municipal do idoso, realiza-se no próximo dia 15 de Setembro, à aldeia de Santo Antão da Batalha, depois de uma visita a Alcobaça. As inscrições estão abertas nos serviços de acção social da autarquia, que espera uma adesão de cerca de 800 participantes.

ASSALTO RENDE 20 MIL EUROS EM TABACO E DINHEIRO

A As obras deverão ficar concluídas nas próximas semanas, seguindo-se a instalação do mobiliário

Professores de Torres Novas visitam centros escolares Assentis e Pedrógão ∑ Começam a funcionar no próximo ano lectivo Vários docentes e responsáveis dos agrupamentos de escolas Artur Gonçalves e Gil Pais visitaram as obras dos centros escolares de Pedrógão e Assentis, numa visita conduzida pelo presidente da Câmara de Torres Novas, António Rodrigues. Depois da passagem pelas salas de aula de jardim-deinfância e 1º ciclo, ginásios, refeitórios, bibliotecas e outros espaços, Paulo Renato, director do agrupamento de escolas Gil Pais, no qual se insere o centro escolar de Assentis, salientou que estes equipamentos são muito abrangentes, completos e necessariamente diferentes das escolas que existem actualmente nas aldeias. “Possibilitam aos professores um tipo de trabalho diferenciado, e, acima de tudo, permitem uma igualdade

de oportunidades para os alunos, independentemente do local em que vivem”, frisou o responsável, para quem “as zonas rurais ficam equivalentes às zonas urbanas em termos de ensino”. “É uma revolução fantástica”, disse Acácio Neto, director do agrupamento Artur Gonçalves, ao qual pertence o centro escolar de Pedrógão. “Estes

equipamentos vão acabar com o isolamento das pequenas escolas e permitir uma pedagogia diferente”, afirmou o responsável, antevendo que “a grande alteração que vamos viver é a melhoria dos resultados dos alunos”. No que se refere à percepção de pais, alunos e professores em relação à mudança para os centros escolares, as opiniões de Paulo Renato

Mais valias para alunos e comunidade

∑ Além dos espaços para o ensino regular, estes novos centros escolares vão ter também salas temáticas para aulas de informática, laboratórios de ciências ou para o ensino da música. Está previsto ainda que os ginásios e os refeitórios ficarão disponíveis para utilização por parte das comunidades locais.

e de Acácio Neto são coincidentes. “Há uma ligeira divisão pelo encerramento de escolas nas aldeias, mas, com as garantias de transporte e de alimentação, os pais acabam por receber bem a transferência”, disse Paulo Renato. A Câmara de Torres Novas prevê que os edifícios estejam concluídos nas próximas semanas, seguindo-se depois o processo de aquisição e instalação do mobiliário e equipamentos tecnológicos. Segundo a autarquia, o centro escolar de Assentis, que abrange também a freguesia de Chancelaria, deverá entrar em funcionamento no início do mês de Outubro, ao passo que o de Pedrógão, que integra também as freguesias de Zibreira e Ribeira Branca, iniciará o seu funcionamento em Janeiro de 2011.

Cinco ladrões fugiram com cerca de 20 mil euros em tabaco e dinheiro, depois de terem assaltado uma carrinha de distribuição e sequestrado o motorista, em Tomar, na sexta-feira, 9 de Julho. O crime ocorreu no Bairro da Charnela, pouco depois das 11 horas, quando o funcionário de uma empresa de fornecimento de tabaco foi buscar vários volumes à carrinha para abastecer a máquina de um café. Surpreendido, o homem, de 35 anos, foi obrigado a entrar nas traseiras da viatura por três assaltantes sob ameaça de uma “shot gun”, enquanto o quarto elemento conduziu a carrinha para outro local. Os ladrões, que actuaram encapuzados e de luvas, pararam depois a carrinha a cerca de 10 quilómetros do local do sequestro, já perto do IC9, onde consumaram o assalto, deixaram o funcionário e fugiram num carro conduzido por um quinto cúmplice. A vítima, que durante meia hora foi obrigado a permanecer deitado de barriga para baixo na traseira da viatura, alertou a PSP de Tomar após a fuga dos assaltantes. O caso, que não é único na região, está a ser investigado pela Polícia Judiciária.


20 REGIÃO | TORRES NOVAS | CONSTÂNCIA | ABRANTES

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

CONSTÂNCIA LIMPA MATO PARA EVITAR INCÊNDIOS

“ASTROFESTA” ANIMA CENTRO DE CIÊNCIA VIVA

A Câmara Municipal de Constância está a proceder à limpeza e corte de mato para prevenir a ocorrência de incêndios florestais que possam ameaçar pessoas e bens. “Não obstante o facto de não ter obrigação legal de o fazer”, salienta uma nota de imprensa da autarquia, o município “está a realizar os trabalhos de execução de faixas de gestão de combustível” em vários locais “previamente identificados como prioritários no concelho”, e que se situam em redor dos principais aglomerados populacionais e na zona industrial de Montalvo. A limpeza significa um investimento que ronda os 12 mil euros, devido ao recurso a maquinaria específica. Na mesma nota, a Câmara salienta ainda que a equipa de sapadores florestais dos bombeiros de Constância tem vindo a realizar este tipo de trabalhos ao longo de todo o ano, e regista com agrado que vários particulares do concelho estão também a limpar e a criar faixas de gestão de combustível nas suas propriedades privadas.

Observações dos astros, sessões de planetário, palestras e exposições, entre muitas outras actividades, são os ingredientes da astrofesta 2010, iniciativa que se realiza entre os dias 16 e 18 de Julho, no centro de ciência viva de Constância, com o objectivo de sensibilizar o público para a importância da ciência através da astronomia. A organização é do Parque de Astronomia de Constância, localizado no Alto de Santa Bárbara, e do Museu de Ciência da Universidade de Lisboa.

MULHER MORRE EM ACIDENTE DE VIAÇÃO Uma colisão entre um pesado de mercadorias e um veículo ligeiro provocou a morte da condutora e única ocupante da segunda viatura, na segunda-feira, 12 de Julho. O acidente ocorreu na Estrada Nacional 3, perto da localidade de Parceiros de São João, concelho de Torres Novas, por volta das 18h20, segundo informações do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém. A vítima mortal, que residia em Leiria, ainda foi assistida no local mas acabou por não resistir aos ferimentos provocados pelo violento embate no camião. O motorista do pesado sofreu apenas ferimentos ligeiros.

A Paulo Fonseca e António Rodrigues: dois amigos e camaradas que lutam em Outubro pela distrital do PS

Amigos, amigos, distrital do PS à parte Paulo Fonseca e António Rodrigues ∑ Autarcas assumem candidaturas à distrital Dizem-se os dois muito amigos um do outro e esperam o contributo mútuo para a futura liderança da distrital do PS de Santarém. Paulo Fonseca, o actual líder da distrital, e António Rodrigues, o ex-líder com vontade de o voltar a ser, já assumiram que estão na corrida para a liderança da distrital socialista que vai a eleições em Ou-

tubro próximo. Nenhum dos dois formalizou ainda a candidatura e ambos escusam-se a adiantar qual será a equipa de apoio. O presidente da Câmara de Ourém, Paulo Fonseca, assume que cometeu “erros” no início do seu mandato à frente da distrital socialista, lamenta a demissão de três elementos das estruturas distritais –

a saber Nelson Baltazar, Fernando Pratas e Pedro Ribeiro - e lamenta igualmente a saída do partido de Paulo Caldas, o presidente da Câmara do Cartaxo que se desfiliou recentemente e entregou o cartão. “Sou um crítico feroz de mim próprio e aprendo depressa com os erros”, garante Paulo Fonseca. O actual líder da distrital elogia o

futuro adversário, António Rodrigues, por quem diz ter “uma grande amizade” e de quem diz esperar apoia à sua candidatura “mais tarde ou mais cedo”. Por seu turno, António Rodrigues, presidente da Câmara de Torres Novas, diz apenas que foi sondado para se voltar a candidatar e salienta que o faz “em prol do partido”.

Câmara de Torres Novas lança três projectos de regeneração urbana A Câmara de Torres Novas lançou três projectos de regeneração urbana no centro histórico da cidade, a requalificação do Largo General Baracho / Garagem dos Claras, uma intervenção no interior do castelo, e a criação de um percurso acessível no centro da cidade. Os projectos vão ser inseridos na plataforma electrónica do Programa Operacional Mais Centro para posterior abertura de concurso, e a sua execu-

ção tem um prazo máximo de 24 meses. Segundo uma nota da autarquia, a antiga Garagem dos Claras, o projecto mais emblemático, será convertida num amplo espaço público coberto multiusos”, e será utilizado para iniciativas culturais e lúdicas, como exposições, feiras ou espectáculos. A obra passa pela remoção total das paredes laterais da antiga garagem de autocarros, mantendo-se apenas os pilares metálicos

A A antiga Garagem dos Claras que sustentam a estrutura, a substituição da cobertura de chapa por materiais que permitam a entrada de luz,

um novo piso em calçada, e uma intervenção na antiga parte administrativa, na zona frontal do edifício.

PCP CONTRA PORTAGENS NA A23 O PCP realizou uma acção de protesto junto ao nó de acesso à A23, em Abrantes, “contra a introdução de portagens nas vias que foram construídas para não serem portajadas”. Na terça-feira, 13 de Julho, o deputado António Filipe, eleito pela CDU no distrito de Santarém, distribuiu em hora de ponta panfletos e palavras de ordem contra a introdução de portagens na A23, sustentando que “não há vias alternativas” e que a “implementação de portagens prejudica a coesão territorial”. António Filipe salientou que a A23 “assegura uma ligação estratégica nacional”. “É fundamental nas ligações do interior do país e decisiva para as populações dos vários concelhos por ela atravessada”, afirmou, tendo acrescentado “não haver” vias alternativas à A23, que atravessa os distritos da Guarda, Castelo Branco, Portalegre e Santarém, ligando a Guarda, no nó da A25, a Torres Novas, no nó da A1. “Os troços da estradas nacionais e as vias municipais existentes, quase todos em péssimo estado, não asseguram uma alternativa, nem estabelecem uma ligação eficaz entre os municípios abrangidos”, concluiu o deputado.


ABRANTES | REGIÃO 21

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

ROTÁRIOS DE ABRANTES TÊM NOVO PRESIDENTE

Despiste mata dois militares da Escola Prática de Abrantes Acidente na A23 ∑ Quatro praças seguiam em missão de reconhecimento

Fernando Albuquerque é o novo presidente do Rotary Club de Abrantes para o ano rotário 2010-2011, substituindo no cargo António Godinho Paulo. A cerimónia de transmissão de tarefas realizou-se no passado dia 6 de Julho, no Hotel Turismo de Abrantes, onde o novo presidente do Club, que pertence ao distrito rotário 1960, iniciou o seu mandato sob o lema “fortalecer comunidades – unir continentes”, evidenciando a característica de serviço comunitário e a dimensão global do movimento internacional.

Dois praças da Escola Prática de Cavalaria (EPC) de Abrantes morreram na sequência do despiste da viatura militar em que seguiam, junto ao nó do Entroncamento na A23, na terça-feira, 13 de Julho. Vanessa Prezado, de 21 anos, da freguesia de Alvega, Abrantes, foi projectada do jipe Defender quando este capotou na via, após embater no separador central, ao passo que a segunda vítima mortal, Filipe Mouro, de 22 anos, residente em Santa Eulália, Elvas, ficou encarcerado no interior. O acidente, ocorrido ao quilómetro 18 da A23, provocou ainda dois feridos,

um dos quais em estado bastante grave. Sérgio Maquinista foi transportado ao final da tarde num helicóptero do INEM para a unidade de neurocirurgia do Hospital de Santa Maria, onde permanecia internado à hora de fecho desta edição. Segundo José Barata, director do serviço de urgência do Hospital de Abrantes, o jovem “sofreu lesões graves do foro neurocirúrgico, que inspiram grandes cuidados”. O outro sinistrado, Luís Ferreira, apresentava algumas escoriações e já teve alta clínica. Segundo informações do Exército Português, os militares iam numa missão de reconhecimento a

A Jipe do exército capotou na A23, após embater no separador central um local onde estava prevista a realização de um exercício, no dia seguinte. A viatura era nova e o condutor tinha experiência,

esclareceu o porta-voz do Exército, tenente-coronel Hélder Perdigão, acrescentando que já foi aberto um inquérito para apurar as

causas do acidente, e que foi disponibilizado acompanhamento psicológico às famílias dos militares falecidos.


22

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

negócios

A O grupo “Power Food”, da Escola Secundária de Alcanena, vencedor do 1º lugar da “Melhor Ideia Empresarial, do projecto EmpreEscola da Nersant

“Jovens” ideias de negócio premiadas Nersant∑ Projecto EmpreEscola já tem vencedores; organização faz balanço positivo de iniciativa que envolveu 151 alunos O grupo “Power Food”, constituído por alunos da Escola Secundária de Alcanena, venceu o prémio de “Melhor ideia empresarial” do projecto EmpreEscola, organizado pela Nersant. Este grupo, formado pelos alunos Luís Frazão, Ana Rita Coelho, Adriana Laje e Fábio Bastos, concebeu a ideia de um alimentador automático para animais. Foi esta a ideia de negócio vencedora do projecto EmpreEscola, promovido pela Nersant. O equipamento projec-

tado por este grupo de alunos permite alimentar animais sem ser necessário que os donos estejam presentes. O dispositivo, ainda em protótipo, funciona através de um motor que regula a hora e a quantidade da comida dispensada aos animais. A ideia nasceu quando estes alunos viram morrer um cão, que andava por perto da sua escola, por falta de capacidade para o alimentar com regularidade. O projecto que ficou em

segundo como “Melhor Ideia Empresarial” foi o de uma aluna da Escola Secundária do Cartaxo. Luana criou um cofre frigorífico com cadeado electrónico para evitar eventuais roubos “amigáveis” de comida. Um equipamento que seria muito útil ao seu irmão quando viveu numa residência de estudantes, onde lhe “roubavam” diariamente a comida e esgotavam-lhe o stock de víveres. Em terceiro lugar nesta categoria ficou um pro-

jecto também de alunos da Escola Secundária de Alcanena e que concebeu uma gama de produtos pesticidas biológicos, “Biokiller”, feitos à base de produtos como a cebola, o alho, as urtigas e os crisântemos. Para além de “amigos do ambiente”, estes pesticidas custam pouco mais de 4 euros e são eficazes no combate a pragas, garante o grupo de alunos que já os testaram. A ideia mais inovadora deste concurso foi a dos alunos Filipe Marques e

Rui Correia, da Escola Ginestal Machado de Santarém, que criaram uma espécie de caixa-forte, “Pandora Box” para sistemas electrónicos. Este equipamento, ainda em protótipo, estará equipado com sensores que detectam choques, inundações e falhas eléctricas. Trata-se de um dispositivo que, por exemplo, pode ser usado para salvar dados em discos rígidos ou para proteger as imagens guardadas através de câmaras de vigilância.

O melhor trabalho de grupo coube a alunos da Escola Profissional de Ourém que desenvolveram um produto chamado “Pequenos Grandes Momentos”, que alia especiarias e produtos da terra a momentos especiais (como o Dia dos Namorados, Natal, aniversário, entre outros). Cada embalagem do produto vem devidamente acompanhada com uma criativa receita para confeccionar e testar no respeito “momento especial”.

A Um frigorífico “seguro” foi a 2ª melhor ideia, da Escola Secundária do Cartaxo A Outros alunos de Alcanena ficaram em 3º lugar com pesticidas biológicos


INVESTIR & AGIR | NEGÓCIOS 23

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Grupo Mateus abre loja em Tomar

Mendes Gonçalves investe 2,5 milhões de euros Golegã∑ Empresa de molhos e vinagres recebe apoios QREN e prevê exportar mais

O Grupo Mateus, através da sua marca Stockach, acaba está a lançar uma cadeia de lojas, as Hi-Sense, cujo conceito é o de um “mini-mercado para o corpo”. Aqui podem ser encontrados produtos de perfumaria, bijutaria e higiene. A aposta volta a ser no preço baixa e qualidade e a primeira loja desta cadeia foi aberta esta semana em Tomar. A segunda loja vai abrir brevemente em Matosinhos e estão a decorrer negociações para a abertura de lojas no Entroncamento, Leiria, Marinha Grande Porto, Pe-

nafiel, Albufeira e Lisboa. “As lojas Hi Sense querem privilegiar a relação com o cliente, pelo que criámos um Clube Hi-Sense, uma facilidade que permite ao cliente aderente identificar-se pelo nome, pelo telemóvel ou pelo e-mail, e ter uma série de vantagens, desde um desconto directo em perfumes de 10%, uma prenda no seu aniversário e ainda, para as senhoras, poderem usufruir no “ladys day”, à quarta-feira, de um euro de desconto por cada dez euros de compras”, explicou Pedro Mateus.

A empresa Mendes G onç alves re ce beu apoios do QREN e vai efectuar um investimento de 2,5 milhões na implementação de um novo sistema de produção que lhe permitirá duplicar a capacidade de produção e aumentar de 9 para 20% as suas exportações. A empresa recebeu na semana passada a visita do Ministro da Economia, que veio assinar o contrato no âmbito do sistema de incentivos do QREN, um apoio que irá financiar 1,1 milhões de euros do investimento de 2,5 milhões que a Mendes Gonçalves vai realizar. A Mendes Gonçalves nasceu em 1982, inicialmente para produção de vinagres de fruta, tendo alargado o seu portefólio de produtos ao longo dos anos, estando agora mais

A O ministro Vieira da Silva com o administrador da Mendes Gonçalves vocacionada a produção de molhos para temperos (ketchup, maionese, molhos para saladas, massas para temperos, azeites, entre outros). “Para além do acréscimo de exportações previsto, esta empresa dá um outro contributo para a eco-

nomia nacional, além do emprego que cria e da riqueza que distribui, que é diminuir o volume de importações”, referiu o ministro Vieira da Silva. A empresa dá trabalho a cerca de 90 pessoas e tenciona aumentar as suas exportações essencialmente

para os PALOP e países da União Europeia. Vieira da Silva afirmou que, “como este, existem actualmente 280 projectos a serem apoiados no país, envolvendo 700 milhões de euros e com apoio público assegurado de 422 milhões de euros”.

Emprego & Formação

Temos que fazer melhor... Florinda Matos(*)

Portugal “tem de fazer melhor para acompanhar os pares europeus”. São estas as palavras usadas pelo Financial Times, na sua edição de 13 de Julho de 2010, em que dedica um longo artigo a Portugal. Neste artigo, para além dos fracos resultados portugueses no campo do ensino, é destacada a crise da economia portuguesa e os esforços do Governo para conter o elevado défice. Na mesma semana, a Agência Moody’s veio descer o rating português em dois níveis, devido ao aumento da dívida e às perspectivas de fraco

crescimento do país. Também o Boletim Económico do Banco de Portugal (Volume 16, Nº 2) apresenta, como perspectivas para 2011, a estagnação da economia portuguesa, assim como a possibilidade de Portugal voltar a entrar em recessão no próximo ano. Este Boletim aponta, como principais riscos, a contracção do consumo privado e do investimento, nomeadamente devido à subida taxa da de desemprego, que pode atingir os 13% no final próximo ano, à previsível subida das taxas de juro e ao aumento das dificuldades de acesso ao crédito. Paul Krugman, economista conceituado e Nobel da Economia, também volta a dar o seu contributo, ao considerar que é possível que a Grécia tenha que sair da Zona Euro, arrastando consigo Portugal e complicando a situação da Espanha e da Irlanda. Mas num país com tão baixos índices

de produtividade, cerca de metade da média europeia, a grande questão que se coloca é: O que podemos nós fazer? A resposta parece-me simples, mas complexa de implementar: exportar inovação. Portugal é claramente bom naquilo em que se consegue diferenciar dos outros países. Ainda recentemente, no encerramento da 5ª Reunião COTEC Europa, que decorreu em Madrid, o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, ao referir-se à inovação defendia que: “ A gestão da presente crise não nos deve fazer esquecer os desafios que uma economia global fortemente concorrencial coloca à afirmação e ao crescimento das nossas empresas, especialmente às de pequena e média dimensão. Reforçar o conteúdo tecnológico e a cultura de inovação dos nossos tecidos produtivos, que mantêm ainda fragilidades preocupantes,

continua a ser um desígnio estratégico comum a Espanha, Itália e Portugal.” E acrescentou: “O efectivo impacto económico da inovação empresarial depende da capacidade de aceder e aplicar esse conhecimento, materializando-o em novos produtos e serviços, em menores custos operativos, em maior criação de emprego em sectores de elevada intensidade tecnológica. E é justamente essa capacidade, vital para o futuro das nossas economias, que queremos ver desenvolvida e ampliada.” A minha posição sobre este assunto é claramente coincidente com as palavras aqui transcritas. A situação actual do país, a nível nacional e internacional, é preocupante, porventura mais preocupante que no inicio deste ano, porque se gerou uma posição internacional de desconfiança em relação à saúde financeira da nossa economia.

O próprio Paul Krugman, considera que a Alemanha ao impor a si própria e aos outros países regras de austeridade tão fortes, está a contribuir para o agravamento desta crise, uma vez que os países como Portugal, tem que se fixar permanentemente no objectivo de redução do défice, pondo em causa outras políticas de desenvolvimento futuro. Ora, o futuro deverá estar assente na transformação do nosso conhecimento em inovação, capaz de criar produtos e serviços apetecíveis e exportáveis, precisamos, por isso, de incutir, em todos os sectores da nossa economia, esta mentalidade. Na verdade, não basta poupar, precisamos também de gerar riqueza e a nossa maior riqueza parece estar na nossa capacidade criativa de gerar ideias passíveis de se transformarem em conhecimento.! (*) Docente /Investigadora - Consultora PMEConsult (florinda.matos@pmeconsult.pt)


24

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Instituto Politécnico de Santarém

politécnico

Integram o Instituto Politécnico a Escola Superior Agrária de Santarém, Escola Superior de Educação de Santarém, Escola Superior de Desporto de Rio Maior, Escola Superior de Saúde de Santarém e Escola Superior de Gestão e Tecnologia de Santarém

NÚMERO DE COLOCADOS A CRESCER

A Jorge Faria, director da Escola de Gestão, acredita que é possível aumentar a oferta em alguns cursos mas para já não é prioritário

Cursos da Escola de Gestão com boa empregabilidade Informática ∑ Curso revela resultados perto dos 100% de empregabilidade Na Escola Superior de Gestão e Tecnologia de Santarém (ESGT) a empregabilidade dos seus cinco cursos de licenciatura ultrapassa os 90%, sendo que no caso do curso de Informática, a empregabilidade é de 100%. Estes são números recolhidos pela própria escola através de um inquérito que realizou aos seus antigos alunos e que data de Março deste ano. Cerca de 92% dos inquiridos responderam que já se encontram empregados e mais de 60% diz ter encontrado o seu primeiro emprego mesmo antes de terminar o curso. Neste ítem, vale a pena ainda salientar que 42% encontrou o primeiro emprego, no máximo, após 6 meses depois de ter acabado o curso. Muito perto desta percentagem, cerca de 30% encontraram emprego em menos de um mês e só 8,42% dos alunos demoraram mais de 1 ano a encontrar colocação.

Regista-se ainda neste inquérito que 77,4% dos alunos empregados estão a trabalhar numa área relacionada com o curso que fizeram e que 62% dos inquiridos considera que o curso teve influência nesse iniciação no mercado de trabalho. Outro dado relevante, diz o director da Escola, é que mesmo entre os alunos que já estavam empregados, os resultados do inquérito relevam que 70% dos profissionais nesta situação considera-

Inscrições no curso de Informática inferiores à procura do mercado

ram o curso como relevante para a progressão na carreira profissional. O inquérito releva ainda que 48% dos inquiridos avalia a ESGT como uma escola de 4 e 5 valores, numa escala de cinco. Também de referir que mais de 63% recomendaria a escola a familiares e amigos. Analisando os dados por curso, verifica-se que é entre os licenciados em Contabilidade e Fiscalidade que existe maior instabilidade laboral: 10% dos in-

quiridos estão desempregados e 3% noutra situação laboral não efectiva. Por outro lado, é o curso de Marketing e Publicidade aquele em que os alunos demoraram mais tempo a encontrar emprego: o estudo releva que 31% demoraram entre 7 a 12 meses e que 3% demoraram mais de 12 meses. No curso de Contabilidade existe também uma percentagem considerável de alunos (14%) que demoraram mais de 12 meses a arranjar o 1º emprego.

∑ O que o director da Escola ainda não entende é o porquê da pouca procura, comparativamente a outros cursos – da licenciatura em Informática. O responsável refere que as vagas disponíveis são habitualmente preenchidas todos aos anos, mas salienta que Escola não tem aumentado muito as vagas para este curso porque a procura também não o tem justificado. Isto apesar de ter empregabilidade quase garantida, às vezes até antes de acabar o curso. “Temos tido muitas solicitações de empresas a pedirem diplomados para es-

Na avaliação da qualidade da escola, são os alunos de Gestão de Empresas que melhor classificam a ESGT, com cerca de 59% a dar nota 4 e 5. Para o director Jorge Faria estes resultados relevam a “qualidade de ensino e o prestígio da instituição” e mesmo as percentagens de desempregados (cerca de 8%) não são “preocupantes” no contexto geral da escola. Bruno Oliveira bruno.oliveira@oribatejo.pt

tágios na área de Informática e não temos conseguido dar resposta a todas”, explica Jorge Faria, dando o exemplo da Delloite, uma das maiores multinacionais nesta área e com a qual a escola tem parceria. A explicação para este fenómeno? Jorge Faria acha que os alunos estão pouco informados quando às competências profissionais deste curso e salienta que já não é uma licenciatura tão especializada quanto o era há alguns, pois agora ganhou conteúdos mais abrangentes após a reforma de Bolonha.

A Escola tem vindo a aumentar o número de alunos colocados e, para o próximo ano lectivo, vai abrir 432 vagas. Em 2009/2010, foram colocados cerca de 560 alunos, um número semelhante ao do ano lectivo anterior mas que é superior ao registado em 2005/2006, ano em que a escola integrou apenas 235 novos alunos. Jorge Faria explica o crescimento com a abertura de todos os cursos em horário pós-laboral e com o processo maiores de 23. A diversidade e qualidade do ensino são também factores de diferenciação da escola, que aposta ainda na mobilidade Erasmus e no contributo destas acções para a acreditação dos cursos. Actualmente, mais de 50% dos docentes que estão a fazer ou já fizeram doutoramento.

COMO FOI REALIZADO O ESTUDO O estudo citado neste artigo foi realizado através de questionário online, na página da Escola, do qual foram validadas 252 respostas. Mais de metade dos inquiridos são dos cursos de Informática e Gestão de Empresas, 51% são do sexo masculino e têm entre 25 a 30 anos de idade e a maioria (71%) terminou o curso há menos de cinco anos.


26

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

desporto União de Leiria fica em casa Afinal de contas, é caso para dizer que a montanha pariu um rato. O União de Leiria vai continuar a jogar como visitado no Estádio Municipal de Leiria, deixando sem efeito a propalada intenção de se mudar de armas e bagagens para Torres Novas. Aquando da ameaça de ir para Torres Novas, a direcção de João Bartolomeu queixava-se do excessivo valor de 250 mil euros anuais que a empresa Leirisport cobrava ao União para poder utilizar o estádio. Notícias posteriores in-

formavam que a Câmara Municipal, Leirisport e U. Leiria envidavam esforços para um entendimento, no sentido de manter a equipa na cidade original. O desenlace veio a lume no passado dia 13, através de um comunicado no site do U. Leiria, onde apenas se lê que “o palco que acolherá a equipa do Lis na temporada 2010/2011 será o Estádio Municipal de Leiria”. Não há informações acerca do valor acordado que o clube vai pagar pela utilização regular do estádio.

“Sport Fátima e Benfica” O Fátima passou a ter no seu plantel onze jogadores cedidos pelo Benfica. Na semana passada, os ribatejanos garantiram o empréstimo de Evandro Brandão, José Coelho, Mário Rui e do médio ganês Yartey, ao abrigo do já conhecido protocolo com o campeão nacional. Há poucos dias, foi a vez do anuncio da chegada de Leandro Pimenta, que no ano passado esteve cedido pelo Benfica ao Beira-Mar. João Pereira, André Carvalhas, Miguel Rosa, Abel Pereira, Saná e Rafael Costa também vieram da Luz e já estavam às ordens de Diamantino Miranda. Evandro Brandão e Mário Rui são avançados formados nas escolas do Manchester United, que jogavam pelos juniores. Ambos

representam nesta altura a selecção de sub-19 que vai jogar o Europeu. José Coelho esteve cedido ao P. Ferreira na última temporada. Entreta nto o extremo Bruno Mestre também assinou pelo Fátima, para completar o lote de contratações do plantel, que já não deve sofrer grandes alterações. O jogador tem 28 anos e representou o Louletano na última época, da 2.ª Nacional, por empréstimo do Olhanense. Mestre vem colmatar a saída de Pedro Correia, que vai para um clube da 2.ª Divisão de Itália, comprado ao Fátima por cerca de 50 mil euros, “suficiente para pagar um mês de ordenados”, segundo declarações do presidente Luís Albuquerque.

Calendário da Divisão Principal Começa no dia 5 de Setembro a fase regular do campeonato distrital da Divisão Principal. O sorteio do passado dia 12 de Julho ditou os seguintes jogos para essa

1.ª jornada: Amiense-Torres Novas; Cartaxo-Fazendense; Pego-Alcanenense; Ouriense-Ouriquense; U. Tomar-Benavente; Samora-Mação.

3ª Divisão Nacional

Riachense à conquista do Nacional Terá sido ontem à noite que no ano passado. Para que o Atlético Riachen- ilustrar; por cada jogo se ficou a saber em que em casa, o clube terá de e série vai jogar na época desembolsar um total que 2010/2011, se na D ou na ronda os 600/700 euross E. O mesmo acontece com (entre taxa, bombeiross so Monsanto, a outra equi- e polícia). No ano passpa do distrito a militar na sado, a despesa não pass3.ª Divisão Nacional. sava dos 300. Além disiQuem lamentou o atra- so, os dirigentes contim so na decisão foi Miguel nuam preocupados com m Cunha, o director que con- as maiores despesas em e tinua à frente dos destinos deslocações e a quebra de do futebol do Riachense, receita de bilheteira. Mass u pela terceira época conse- tudo sempre se resolveu r. cutiva, desde que abando- e assim há-de continuar. nou a braçadeira de capiQuanto a objectivoss tão do clube alvi-negro. para a nova época: é a maO cenário negro que nutenção na 3.ª Divisão. a comissão directiva do Há três épocas fora das liclube encarou no final da des do campeonato nacioépoca passada, em que nal, Miguel Cunha é o prierou redumeiro a assumir a cautela considerou ticamente na nova aventur zir drasticamente aventura: “estamento, de mos desfasados da reao orçamento, lidade da 3.ª Nacioforma a não abanal. Qu lar umaa estabiQuando de lá v lidade a previemos er servar, pareera uma c ce ter sido comp e zado ti amenizado tição entre 16 cludepoiss de mabes confirmabes, agora uns são apenas ap dos alguns 12. É um mistério m apoios imtes porque não n coportantes prenhecemos bem as de empreequipas. Dado Da que a sas. série é mais restrita, Mas nem com as equipas se isso a comissão serão meda por José lhores, mas nã dirigida não sabeerreira ficou mos”. O figurino figu Júlio Ferreira da ilizada, uma competição é igual tranquilizada, e o orçamento ao do distrital distr vez que de do em cerca de Santarém, ou seja, estimado compete-se a duas 60 mil euros vai servir fases, em q à rectaa as despesas, que a seo muigunda contempla con que são Miguel Cunha um grupo de suores do to maiores

A

bida e outro de manutenção/ descida, com seis em cada. M a s n e m t u d o é mistério, pri ncipalmente para Nando Costa, o treinador que foi promovido de adjunto a principal. O Riachense assegurou a manutenção de 17 dos jogadores que em Maio passado fizeram a fantástica “bi-dobradinha”, cujo colectivo mete respeito em qualquer lado, até no Nacional: Rui Galrinho (g.r.), Bruno Lemos, Carioca, Moita, Murcela, Nuno Paulo, Saúl, Pedro Galrinho, Paulito, Marco Gomes, Diogo Dias, Rafa, Miguel Luz, Mikael, Moreira, Lucas e Fábio Pereira. Nas saídas, a excepção mais notável foi a ida de Marco Neves, o melhor marcador, para o Casa Pia. No entanto, há um retorno de peso, para fazer esquecer o melhor marcador da época passada: o caboverdiano Santana deixou saudades na época em que esteve no Gavionenses. Os outros reforços são: Gonçalo (ex-Gavionenses), David (ex-U.Tomar), Nel-

són (g.r. exTorres Novas), Cláudio Clá (g.r. ex-Fe ex-Ferroviários). EmerEm son é um m médio esquerdo que vem do SintrenSint se para f e char def in it itivamente o plantel.

A

O avançado Santana San regressa aonde já foi feliz Torneios interessantes na pré-época: A apresentação oficial do plantel é no dia 31 de Julho, numa festa organizada no salão da Sociedade Velha Filarmónica Riachense. Para a pré-épocas, o calendário de jogos de treino promete partidas bem interessantes: U. Tomar-Riachense, a 11 de Agosto; U. Serra, Carregado e Torres Novas (Torneio de Torres Novas) nos dias 14 e 15 de Agosto, Riachense-Eléctrico da Ponte de Sôr, a 18 de Agosto; Monsanto, União da Serra e Torres Novas (Torneio de Riachos) nos dias 21 e 22 de Agosto; Riachense-Alferrarede a 25 de Agosto. Os jogos oficiais arrancam no dia 1 de Setembro, com a final da Supertaça, ante o Alcanenense. Apesar de ainda não ter lugar definido, tudo indica que deverá ser no Entroncamento ou Torres Novas.

Cartaxo tem pré-época cheia O Cartaxo quer começar o campeonato com a toda força. Para isso organizou uma apertada grelha de jogos para as vésperas da primeira jornada, que é a 5 de Setembro. No dia 11 de

Agosto, recebe o Monsanto no Municipal, no dia 14 vai às Caldas, a 18 recebe o Vilafranquense, no dia 19 recebe o Porto Alto, dia 21 é a apresentação oficial aos sócios, que contempla um jogo

com o Carregado, no dia seguinte, 22 de Agosto, é a recepção ao Bombarral, logo a 25 é anfitrião com a Académica de Santarém e por fim, no dia 28 de Agosto a turma da cidade do vinho termina

a pré-época com uma viagem a Alcobaça. Entretanto o plantel ficou definitivamente fechado, com a chegada do 22.º jogador: Hugo Monteiro, o extremo ex-Amiense.


MODALIDADES | DESPORTO 27

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Rio Maior

União de Santarém

Novidades de Verão nas piscinas O “hidro in deep”, uma variante da hidroginástica, é a grande novidade do programa de actividades de lazer das piscinas municipais de Rio Maior neste Verão. O “hidro in deep” tem benefícios cardiovasculares, aumentando a resistência e a flexibilidade muscular dos abdominais, músculos da cintura pélvica e da coluna. Em Rio Maior, vai ser praticado em suspensão na

parte mais funda da piscina olímpica, usando material de flutuação (um cinto ou um colete) que permite realizar exercícios em águas profundas sem tocar no fundo da piscina. As sessões realizam-se às quartas e sextas-feiras, pelas 19h15. As inscrições podem ser feitas em www.desmor.pt, www.cm-riomaior.pt ou directamente na secretaria das piscinas municipais.

Crise directiva chega ao fim O coronel Rogério Soares é o novo presidente da União Desportiva de Santarém (UDS), tendo sido eleito por maioria, com apenas um voto em branco, no passado dia 9 de Julho, liderando a única lista que se apresentou a sufrágio. Os novos corpos gerentes para o biénio 2010 / 2012 assumiram os destinos do clube sob a condição de não se responsabili-

zarem por qualquer divida ao Estado ou a particulares até à data desta última Assembleia-geral da UDS. No entanto, a UDS vai continuar a empenharse no pagamento da divida ao fisco, esclarece a nova direcção, que vai pedir audiências às entidades competentes para esclarecimento e actualização da situação. O objectivo deste novo projecto directi-

vo é devolver ao emblema scalabitano o dinamismo, a projecção e a importância que teve no passado recente, quer na cidade, quer a nível regional. Além de Rogério Soares, compõem a nova direcção Waldemar Marcelino (secretário-geral), Caetano Ferreira (tesoureiro), António Jesus (secretário para o futebol sénior), Francisco Ferreira (secretário para

o futebol de formação), Acácio Jesus, António Oliveira, José Feliciano, Liberato Madruga e Luís Miguel (vogais). A mesa da Assembleia-geral é presidida por Rui Leitão, tendo Avelino Bicho e António Vila como secretários. Augusto Rita Gonçalves é o novo presidente do conselho fiscal, tendo Jorge Loureiro e Luís Paulo Saraiva como secretários.

XVI torneio “sardinha assada”

PESCA DESPORTIVA

Tenista de Santarém finalista em Peniche

JOVENS DAS FAZENDAS NO MUNDIAL

Investimento rondou os 50 mil euros

Almeirim inaugura courts de padel Luís Silva, tenista do Clube de Ténis de Santarém (CTS), foi o finalista vencido no escalão +35 anos do XVI torneio “sardinha assada”, uma prova oficial para veteranos que se disputou em Peniche no passado fim-de-semana. No seu percurso até à final, o tenista scalabitano, actual nº 143 do ranking de veteranos da Federação Portuguesa de Ténis (FTP), encontrou sempre pela frente atletas do Clube de Ténis

das Caldas da Rainha, tendo perdido no jogo derradeiro também com um jogador do mesmo clube. Luís Silva beneficiou de um bye na 1ª ronda, tendo vencido Carlos Cristo nos quartos de final por 6/2, 2/6 e 10/8. Na meia-final, o tenista do CTS deixou pelo caminho Pedro Viriato por 6/2, 3/6 e 10/7. Na final, Luís Silva encontrou Ricardo Pimenta, que venceu o scalabitano por 1/6 e 2/6 e conquistou desta forma o troféu.

Os dois novos courts de padel de Almeirim, situados no Parque da Zona Norte, foram inaugurados no passado sábado, 10 de Julho, com a presença de alguns membros da equipa nacional, convidados para fazer uma pequena demonstração de divulgação da modalidade. O padel é uma mistura entre o ténis e o squash, que se joga sempre a pares num court onde as paredes laterais e do fundo fazem parte da área de jogo. As bolas são iguais às do

ténis, mas as raquetas são um pouco diferentes. “Para nós, a existência destes dois courts é ainda um tiro no escuro, porque estamos na expectativa de saber se vão aparecer muitos ou poucos praticantes. Esperamos que as pessoas gostem e comecem a jogar”, disse ao nosso jornal António Féria, responsável pela escola municipal de ténis de Almeirim, que actualmente regista cerca de 80 inscritos. “Os campos de padel são também importantes

para nós porque podem também servir para a iniciação dos mais novos no ténis”, explicou o mesmo responsável. Segundo o vereador Pedro Ribeiro, os novos equipamentos significaram um investimento de 50 mil euros por parte da Câmara Municipal, que tenciona a breve prazo avançar para a construção de mais um court de ténis, tendo em conta o uso dos actuais três espaços e a procura crescente que o ténis tem granjeado, na cidade.

Filipe Patrício e Rui Rufino, dois jovens pescadores do Clube Amadores de Pesca do Ribatejo (CAPR), das Fazendas de Almeirim, vão representar a selecção nacional no campeonato do mundo de pesca desportiva de esperanças, que se realiza em Mantolva, Itália, nos dias 24 e 25 de Julho. Recorde-se que Rui Patrício sagrou-se campeão do mundo em 2009, em Coruche, a título colectivo, pois fazia parte da selecção de Portugal que venceu esta prova.

ALMEIRIM ACTIVA DURANTE O VERÃO A secção de desporto da Câmara de Almeirim lançou o programa “Almeirim Activa”, que decorre durante Julho e Agosto. Às terças-feiras, entre as 10 e as 11 horas, realizam-se aulas de aeróbica, tai chi e caminhada no parque urbano da Zona Norte. Às quartas-feiras e sábados, entre as 18 e as 19 horas, há aulas de hidroginástica no complexo aquático.


28

O Ribatejo

Encontros de música antiga em Tomar

culturas

16 | Julho | 2010

Tomar recebe até 19 de Agosto, o 7º Encontro de música antiga. Dia 24 de Julho, às 21h30 é a vez da Igreja Santa Maria dos Olivais receber Pedro Caldeira Cabral com o espectáculo “La Batalla”.

destaques

Equipa D’África promove concerto de solidariedade em Santarém O Conservatório de Música de Santarém, em parceria com a Equipa D’África realiza dia 16 de Julho, às 21h30, no Teatro Sá da Bandeira, o segundo concerto de apoio e solidariedade à Associação não-governamental Equipa D’África. Uma parceria que pretende angariar fundos para auxiliar populações locais de países de língua oficial portuguesa, como Moçambique, de modo a melhorarem as suas condições de vida, com direito a alimentação, saúde e educação. Este concerto reverte na íntegra para a Equipa d’África, associação que nasceu em 1998, pela Equipa de Jovens Nossa Senhora e desde então se dedica a ajudar os mais desfavorecidos. O concerto tem a duração de 90 minutos, pelo preço de 5 euros.

Teatro “A Promessa” em Alcanena

O Cine-Teatro São Pedro, em Alcanena apresenta dia 17 de Julho, às 21h30, a peça de teatro “A Promessa”, pelo Grupo Cénico da Música Nova, de Pernes, inspirada na obra de Bernardo Santareno. “A Promessa” é uma peça em três actos e três quadros de

Bernardo Santareno, escrita em 1957, e que relata o drama de um jovem casal prisioneiro de uma promessa de abstinência sexual, da qual não se podem libertar, feita numa altura de aflição, mesmo indo contra a própria natureza humana.

Ritmos da João Lopes dança Lusofonia em no programa da Sic Torres Novas Torres Novas recebe dia 17 de Junho, às 14h30, os ritmos quentes da lusofonia. Desde o funaná, a puita, a ussua à kisomba e ao kuduro, estas músicas de movimentos sexys com o mexer dos corpos, oriundas dos países de língua oficial portuguesa vão darse a conhecer e a experimentar. Inserido na actividade “oficina do conto”, os participantes vão ter a oportunidade de fazer uma incursão por estes países e pela sua cultura musical, podendo experimentar os ritmos e a dança. Na Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes.

João Lopes, tem 20 anos, é de Benavente e um dos finalistas do programa televisivo da SIC “Achas que sabes dançar?”. Exigente, perfeccionista, humilde e teimoso por natureza, para o dançarino “a dança é a sua vida”, arte que pratica há mais de 12 anos. “Começou pela Ginástica Acrobática e pelas Danças de Salão, participando em inúmeros campeonatos e exibições de dança. Posteriormente praticou Ballet Clássico, Moderno e Contemporâneo”. É o sonho de uma vida lado a lado com

a dança que para ter continuidade basta que ligue 760 100 203.

roteiro cinemas SANTARÉM W Shopping - Cinemas Tel: 707220220

Castello Lopes 1 Sexo e a Cidade2 Comédia (M12) As vidas das quatro amigas estão como elas sempre desejaram, mas isto não seria Sexo e a Cidade se não houvessem surpresas. Sessões às 12h50, 15h40, 18h30, 21h20 e 00h10 (6ª e sábado).

Castello Lopes 2 Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo Acção (M12)- Império Persa, século VI. O destino de Dastan era tornar-se príncipe. Quando um capitão do Exército o castiga severamente por defender um amigo que rouba uma maçã, Dastan é poupado e adoptado pelo rei Sharaman (Ronald Pickup), acaban-

do por crescer de acordo com os nobres ensinamentos do seu pai adoptivo. Sessões às 13h20, 16h00, 18h50, 21h45 e 00h15* (6ª e sábado)

∑ se sentia um “ogre a sério”, Shrek é levado a fazer um pacto com o falinhas mansas, Rumpelstiltskin. Sessões às 12h40, 14h50, 17h00, 19h10, 21h25 e 23h40* (6ª e sábado)

adaptação ao grande ecrã do terceiro volume da saga “Luz e Escuridão”, de Stephenie Meyer. Sessões às 13h00, 15h50, 18h40, 21h40 e 0h20* (6ª e sábado)

Shrek para sempre

Castello Lopes 4

Castello Lopes 5

Animação (M6) - Depois de se ter tornado pai de família terá o ogre mais famoso perdido a sua raça? Saudoso dos bons velhos tempos em que

Saga Twilight: Eclipse

Plano B...ebé

Thriller (M12) - Após o fenómeno de popularidade de “Crepúsculo” (2008) e de “Lua Nova” (2009), chega a

Comédia (M12)- Após vários anos com sucessivos encontros, Zoe decidiu que a espera pelo Sr. Perfeito já tinha

Castello Lopes 3

durado tempo demais. Determinada a ser mãe, Zoe marca uma consulta no médico e decide avançar com o processo sozinha. Só que nesse preciso dia, Zoe conhece Stan - um homem que pode ser o que ela procurava...Sessões às 13h10, 15h30, 18h20, 21h10 e 23h50* (6ª e sábado)

Castello Lopes 6 Dia e Noite


O Ribatejo

CULTURAS 29

Astrofesta 2010 em Constância

16 | Julho | 2010

Dias 16, 17 e 18 de Julho, o Centro de Ciência Viva de Constância - Parque de Astronomia (CCV) recebe a Astrofesta 2010 com actividades variadas de modo a sensibilizar o publico para a ciência através da Astronomia.

exposições

vai acontecer

destaque

Abrantes

Strap 58 abre “Nova Vaga” Danças de Tremez recriam musical da no Cartaxo Broadway

Design

Paulo Passos é designer gráfico em Abrantes há 14 anos. Pela sua mão, passa grande parte da estética e da imagem do município entre outros trabalhos que lhe tem valido a conquista de prémios nacionais de design gráfico. Nesta exposição, poderemos revisitar alguma da sua obra criada desde que saiu do IADE. Até 30 de Julho, Na biblioteca municipal António Botto.

O Centro Cultural do Cartaxo (CCC) volta a receber a banda Strap 58, dia 17 de Junho, às 23h00, desta vez como a banda inaugural da “Nova Vaga”, a nova rubrica criada pelo CCC que pretende apoiar os jovens artistas da região. Formada por João Guerra (vocalista), Pedro Simão (guitarrista), João Pratas (baixista), Telma Pinto (guitarrista), Gonçalo Ruivo (baterista) e Diogo Vieira (teclista), Strap 58 é assim a primeira banda a pisar o grande palco. Depois de alguns tempos a dar espectáculos de covers, a banda anuncia agora novidades, entre as quais a composição e produção de músicas originais, músicas essas a apresentar neste dia. Um espectáculo musical jovem para abrir a “Nova Vaga” do Centro Cultural do Cartaxo.

Benavente

Marchas Populares Exposição temática sobre as marchas populares sob o mote “Com arco e balão e a sardinha a pingar no pão”. Uma exposição dedicada aos velhos tempos na região, recuperando fotografias de antigamente. Para ver , na galeria bar do Palácio do Infantado, em Samora Correia até 30 de Setembro.

Entroncamento

“Vou como o vento” Exposição de Elsa Marques organizada pela Câmara Municipal do Entroncamento e integrada no projecto DEVIR 2010 estará patente até ao dia 18 de Julho. Elsa Marques nasceu nas Mouriscas e sempre nutriu grande apreço pelas artes começando a desenhar a carvão, como autodidacta.

Câmara Lenta - Antevisão por Francisco Maia

Tomar

Nadir Afonso Nadir Afonso nasceu em Chaves, estudou arquitectura no Porto e o desejo de saber mais levou-o para Paris e mais tarde para o Brasil. De regresso a Portugal e isolado socialmente, desenvolveu o gosto pela estética e pintura, dedicando-se exclusivamente à suas obras. Na Galeria dos Paços do Concelho até 30 de Setembro.

Dia e Noite. Missão Possível. Imaginem o filme “Missão Impossível”, agora adicionem mais uma pitada de “impossível” à fórmula, retirem alguma seriedade ao assunto, e por fim levem ao forno regado de um bem conseguido fiozinho de humor, et voilá! Dia e Noite, um filme bem balançado que consegue manter a sobriedade do enredo, gerindo ao mesmo tempo um estilo muito próprio de comédia. O realizador James Mangold, recrutou o original homem da “Missão Impossível”, Tom Cruise, e a já veterana Cameron Diaz, para protagonizar este “atípico” filme de verão. Muitas explosões, situações pseudo-impossiveis,

e muitas gargalhadas caracterizam este filme, que aquém de brilhante, tudo tem para entreter a generalidade dos espectadores este verão.

Um dos maiores musicais de sempre, o Cats (Gatos), que esteve em cena na Broadway mais de 20 anos, vai ser recriado pela Associação de Danças Desportivas de Tremez (ADDT), num espectáculo marcado para dia 24 de Julho, às 22h, no âmbito das Festas de S. Tiago que decorrem na freguesia de Santarém nesse fim-de-semana. O musical é da autoria de Andrew Lloyd Webber e já foi visto por mais de 50 milhões de pessoas em todo o mundo. No musical, os gatos “jellicle” reúnem-se uma vez ao ano para que o líder escolha um deles para ir a um lugar melhor. Entre os personagens mais marcantes está a gata Grizabela, uma antiga estrela deste clã de gastos, que interpreta a canção “Memory”, mais tarde protagonizada por Sarah Brightman e por Barbara Streisand. Em Tremez são os alunos da escola de dança que irão recriar as coreografias e danças típicas deste musical, havendo ainda lugar à interpretação do tema forte do espectáculo pela voz da dançarina Mariana Semião. A coreografia deste espectáculo em Tremez é da autoria do professor Armando Baptista, o professor que há vários anos está a trabalhar com estes jovens dançarinos campeões. O professor confessa que não foi fácil adaptar este trabalho coreográfico para alunos mais habituados a danças desportivas mas frisa que foi um exercício importante para o desenvolvimento das capacidades de dança destes jovens. Armando Ferreira, presidente da ADDT, refere que este é “o maior e o mais esforçado” espectáculo que o grupo já realizou, ainda por cima sem grandes apoios financeiros. O espectáculo é precedido de um jantar de gala da associação, cujas inscrições estão abertas 917262188.

roteiro cinemas Acção (M12) - Nesta comédia de acção Tom Cruise é um agente secreto enviado numa missão que nunca foi suposto terminar e Cameron Diaz é uma mulher apanhada desprevenida entre o agente e aqueles que ele afirma terem-lhe armado uma cilada. Sessões às 13h30, 16h10, 19h00, 21h50 e 0h25* (6ª e sábado)

TORRES NOVAS TorreShopping Dia e Noite Acção (M12) - Sessões às 13h00, 15h40, 18h30, 21h40 e 00h10*(6ª e sábado)

Shrek Para sempre

AZAMBUJA

Animação (M6)- Sessões às 12h50, 15h00, 17h10, 19h20, 21h30 e 23h40 (6ª e sábado)

Atrium

RIO MAIOR

Sexo e a Cidade2 Comédia (M12)- Sessões dia 09 a 12 de Julho, às 21h30.

corajosa e persistente galinha Ginger procura conduzir as restantes companheiras de cativeiro a uma fuga organizada. Sessão dia 22 de Julho, às 21h30.

Cine-Teatro

OURÉM Casa do Administrador

BENAVENTE

Saga Twilight: Eclipse

Nanny McPhee e o Toque de Magia

Fuga das Galinhas

Cine-teatro

Thriller (M12)- Sessões às 13h10, 15h20, 17h30, 19h40, 21h50 e 23h50* (6ª e sábado)

Comédia/Animação (M12)Sessões dias 16, 16 e 17 de Julho, às 21h30.

Comédia/Animação (M06)Na quinta de criação de galinhas do casal Tweedy, situada algures em Inglaterra, a

Homem de Ferro 2 Acção (M12)- O mundo já sabe que o inventor bilionário Tony Stark é o Super Herói Ho-

mem de Ferro. Pressionado pelo governo, pela imprensa e pelo público para partilhar a sua tecnologia com os militares, Tony não está disposto a divulgar os segredos por trás da armadura do Homem de Ferro.Sessões dia 16 e 17 de Julho, às 21h30

A Melodia do Adeus Drama (M12)- Sessões dia 17 de Julho, às 21h30


30 CULTURAS

Cidade Despida RTP1

horóscopo carneiro 21/3 a 20/4

As situações sentimentais evoluem de forma balança 24/9 a 23/10 muito estável e segura, sobretudo as mais an-

Tente neutralizar alguns conflitos, pois, se avançarem, podem tornar-se incontroláveis e insustentáveis. Não exija que estejam consigo, se os sentimentos não evoluem nesse sentido. Nesta semana, não conte com facilidades quer no plano profissional, quer no económico.

escorpião 24/10 a 22/11

gémeos 22/5 a 21/6

Estará algo inquieto com o futuro de um relacionamento, pois os sentimentos estão instáveis. Tente viver de uma forma mais despreconceituosa, dando-se a si próprio uma maior liberdade. As suas actuações serão da maior utilidade, mas não serão a seu gosto.

sagitário 23/11 a 20/12

Uma relação que tanto demorou a amadurecer pode subitamente ser abalada. Dê mais atenção aos seus comportamentos para que não seja mal interpretado. A semana é pouco produtiva, pode dizer-se de recessão. Analise os últimos acontecimentos e não avance às cegas.

caranguejo 22/6 a 22/7

Deve tirar o maior partido das oportunidades sentimentais, mesmo que uma situação nova lhe possa meter algum medo. Uma pessoa da família pode incomodá-lo com uma atitude menos respeitadora. No plano profissional, perspectivamse novas oportunidades de êxito.

capricórnio 21/12 a 20/1

Um afastamento afectivo pode surgir mas pode ser apenas territorial. Não tenha pressa em envolver-se ou constituir laços sentimentais. Poderá ver alguns propósitos falhados e é aconselhável que tente novas estratégias. Poderá ter que partilhar tarefas ou quinhões.

leão 23/7 a 23/8

Fortes atracções e momentos raros; mesmo assim estará muito ansioso, sonhador e insatisfeito. Viva o presente, as suas antecipações de futuro tendem a não ser correctas. Defenda acima de tudo a qualidade das suas actividades e também das intervenções.

aquário 21/1 a 19/2

Na vida sentimental pode viver momentos de fascinação e delírio. Se não encontrou ainda a sua alma gémea isso pode acontecer durante estes dias. A maior parte dos condicionamentos que atravessa são do foro psicológico. A semana favorece sobretudo os empresários.

Evite expor os seus problemas ou dúvidas em praça pública. Medite bastante antes de tomar uma atitude que não se enquadre na sua realidade. Boa semana para se dedicar a estudos, prestações de provas ou fundamentações teóricas. Boa semana para as finanças.

peixes 20/2 a 20/3

touro 21/4 a 21/5

Com olhos de menina Canal História Domingo, 18 de Julho, 12h00

Encarnación Martorell tinha 12 anos quando estalou a Guerra Civil em Espanha. Perante o horror que se avizinhava, começou a escrever um diário a partir da sua Barcelona natal, uma cidade marcada pelos bombardeios dos aviões franquistas. Nessas páginas cheias de inocência, mas também de fina observação quotidiana, Encarnación explica como uma menina adolescente viveu a guerra, quais foram as suas preocupações e como a guerra transformou tudo à sua volta.

sorte

virgem 24/8 a 23/9

totobola

2xx2x2x2x221x Super 14. Lillestrom - Rosenborg 1 : M

** Jogos por Sorteio (13. Sarpsborg 08 - Lyn)

totoloto 9 | 16 | 32 | 37 |42| 48| 35

joker 5 .3 47. 236

loto2 2 | 4 |20 | 26 | 37| 45 | 18 Estes resultados não dispensam a consulta da lista oficial do Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

A semana configura uma fase menos positiva na vida sentimental, um pouco por motivos do seu foro íntimo e nem sempre identificáveis. Mesmo indisposto tente ser atento e meigo. A sua eficácia e competência podem ser postas em causa, mas não se desoriente.

4

8

6

7

LIVRO Flor do deserto Waris Dirie PVP:14,03€ Waris Dirie tem uma vida dupla - durante o dia, é top-model internacional e portavoz das Nações Unidas para os direitos das mulheres em África; à noite, os seus sonhos levam-na de volta a casa, na Somália. Nasceu numa família tradicional, asua infância foi feliz e despreocupada… até ao dia em que chegou a sua vez de se submeter ao costume imposto às raparigas somalis: a mutilação genital.

CD A Cantiga é uma Arma Homens da Luta PVP:9,99€ Homens da Luta lançam agora o seu albúm intitulado “A Cantiga é uma Arma”. Neto e Falâncio, os fervorosos personagens revolucionários do programa “Vai Tudo Abaixo” trazem de volta a música de intervenção, de raízes tradicionais e ritmos africanos e cheias de humor.

1

3 7 7

9

8

1

2

6

6

9

4

8

6

9 1

7

5

2 9

1

4

8 9

HORIZONTAIS: 1 - Onde quase tudo é doce. 2 - Poema de Virgílio. Isolado. 3 - Bebida dos deuses. Fechar as asas para descer mais depressa. 4 - Situada. Encaixa na caneta, 5 - Relativo a asno. 6 - Os do campo são referidos no evangelho segundo São Mateus. O que o analfabeto não faz. 7 - No meio do mote. Decomposta pelo prisma solar. Irmãos do pai. 8 - Sofrem metamorfoses. Onde se tomam bebidas. 9 - Afastados da pátria. Letra numérica. 10 - Região industrial dividida entre a Polónia, a Alemanha e a República Checa. Apelido escocês. 11 - Ponte ribatejana. Rugosa. VERTICAIS: 1 - Usam a mente. 2 - Saturno tem-nos. Cobram segundo a bandeirada. 3 - Pode-se cortar. Depósito agrícola. 4 - Protagonizou um célebre naufrágio. Juntar letras. 5 - Monumento da literatura escandinava. Perfumes. 6 - É suposto ser doce. O que faz melhor quem faz por último. O tempo de uma rotação. 7 - Egas Moniz era-o de D. Afonso Henriques. As acções que os escuteiros devem praticar todos os dias. 8 - Exigidas por perguntas. 9 - Cova que se enche de gente em Maio. Deslocar-se. Reflexo. 10 - O que seria dele se não fosse o mau gosto. Dois formam um. 11 - Alimenta o doente no pós-operatório. Companheiro de Bucha.

HORIZONTAIS: 1 - pastelarias. 2 - Eneida; ermo. 3 – néctar; siar. 4 - sita; aparo. 5 - asinário. 6 - lírios; lê. 7 - ot; cor; tios. 8 - rãs; bar. 9 - exilados; pi. 10 - Silésia; Mac. 11 - Sor; áspera.

9 |24 | 37 | 39 |49| 3 | 9

O caminho para a plenitude sentimental parece estar cheio de obstáculos que serão dificilmente ultrapassados. Não seja prepotente ou arrogante. Atravessa uma fase em que terá algumas dificuldades acrescidas em atingir objectivos ou em ver brilhar a sua estrela.

sudoku

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11

VERTICAIS: 1 - pensadores. 2 - anéis; táxis. 3 - séctil; silo. 4 - Titanic; ler. 5 - Eda; aromas. 6 - lar; rir; dia. 7 - aio; boas. 8 - respostas. 9 - Iria; ir; me. 10 - amarelo; par. 11 soro; Estica.

euromilhões

tigas. É uma boa semana para estabelecer um compromisso ou acordo de vida futura. Conseguirá melhores resultados com estratégias clássicas e mesmo com convencionais.

palavras cruzadas Marcos Cruz - Rede Expresso

Concurso nº 28/2010

16 | Julho | 2010

escaparate

Tente encontrar um equilíbrio entre os seus desejos e as suas defesas, mas não deixe de viver um relacionamento que o entusiasma. Necessita de fazer algumas cedências para poder levar mais longe um amor suado. A semana comporta gastos e alterações na rotina diária.

Sexta-feira, 16 de Julho, 22h00

Uma série que dá a conhecer os caminhos sinuosos de uma investigação criminal comandada por uma mulher que profissionalmente se movimenta num ambiente masculino, e vai ter de se superar para ganhar o respeito dos seus subalternos. Uma mulher que conhece o lado mais sinistro da natureza humana, de crime e que como todas as outras tem os seus dramas pessoas, as suas inseguranças, e os seus sonhos por realizar.

O Ribatejo

Sob a temática da “expedição”, Mação organiza as semanas de campo de formação para jovens entre os 10 e os 16 anos. Com o objectivo de dar a conhecer a natureza e divertir os mais novos ensinando-lhes métodos de orientação, a organização prevê iniciativas como rappel, orientação numa dinâmica de grupo e individual. Para mais informações: 919 627 226 ou pelo e-mail: michelelascasasrosa@gmail.com

Soluções

televisão

Semana de Campo em Mação

3

4

6

9

7 3

3

5

2

1

DVD Os Tudors-3ª Temporada Michael Hirst e outros PVP: 29,99€ O Rei Henrique VIII, após vinte e sete anos de reinado, está no auge do seu poder. Uma nova Rainha significa esperança renovada de ter um herdeiro e o reforço das suas promessas de uma Reforma Protestante pode levar Henry a ser a figura religiosa mais influente de toda a Inglaterra

4 9

1

7

8

3

2 8

5 6

4

9 2

8

7 6

1

4

Só há uma regra: completar a grelha, de modo a que cada linha, cada coluna e cada bloco de 3x3 incluam os números de 1 a 9, sem repetições!

JOGO Skate 3 PS3 PVP: 69,99€ Equipas de skaters vão invadir a cidade de Port Carverton para lutarem umas contras as outras, nos melhores spots da actualidade. Com uma nova experiência cooperativa, Skate 3 garante a melhor e maior experiência desportiva.


O Ribatejo

31

Miss Ribatejo 2010 em Almeirim

16 | Julho | 2010

Almeirim recebe dia 17 de Julho, o casting para a eleição da Miss Ribatejo 2010. Para se inscrever basta preencher uma ficha de inscrição e entrega-la no posto de turismo ou na Câmara Municipal ou ainda através do neomodels2000@hotmail.com

Tributos

Festival

Semana da Juventude em Coruche O Parque do Sorraia, em Coruche recebe até 18 de Julho, a Semana da Juventude 2010 e traz algumas novidades, para além da animação e muita música, a que tem habituado os milhares de jovens que nos últimos anos têm passado pelo festival. BunnyRanch e Slimmy são as grandes atracções deste ano e sobem ao palco nos dias 16 e 17 de Julho, respectivamente. A banda de rock’n’roll BunnyRanch consta já actuações nos palcos principais do Festival Paredes de Coura e do Sudoeste, bem como tours internacionais pelos Estados Unidos, Inglaterra, França, Holanda e Espanha. Já o projecto Slimmy, que chega este ano com um espectáculo renovado e cheio de energia foi nomeado, em 2008, para os Globos de Ouro na categoria de Revelação do Ano e para os MTV Music Awards na categoria de Best Portuguese Act. A música electrónica também ga-

Xarutos@Pontapés no Entroncamento nha destaque com um espaço electrónico a funcionar diariamente com vários DJ’S. Sendo que dia 17 de Julho, cabe à DJ M’Dusa animar o público até ao raiar do dia. A edição Semana da Juventude 2010 recebe também o Sorraia Beach Cup, um torneio de Volei e de Futebol de Praia, no areal do Rio Sorraia e ainda diversas actividades que

aliam o desporto à natureza como canoagem, orientação, prova de caminhos de rolamentos, yoga, BTT, o I Trial Resistência 4x4 de Coruche e ainda a conferência “Viagens com regresso marcado – Coruche”. Um festival que promete trazer muitos jovens, muita musica e diversão até 18 de Julho, em pleno Parque Sorraia, Coruche.

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

“Xarutos@Pontapés” são uma banda covers e tributo aos emblemáticos Xutos e Pontapés. Com o objectivo de reavivar os temas mais emblemáticos e algumas das bandas que ficaram perdidas no tempo mas sempre presentes na memória dos portugueses como Rua do Carmo, Cavalos de corrida, Chiclete, Chuta cavalo, Sê um GNR, Tu ò bófia, Chico Fininho, Patchouli, entre outros temas. Chegam agora ao Entroncamento, dia 17 de Julho, às 22h00, na Praça Salgueiro Maia.

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200501017489 AP

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200801024418 AP

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes da executada ANA MARIA FRAGOSO DE RHODES SILVA GASPAR LOPES, no estado de casada com Manuel Gaspar Lopes, com domicílio fiscal na Rua Dra. Ana Macedo N 5 2º Esqº. 2000-019 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 5 de Novembro de 2007 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que é responsável respeitantes a Contribuição Autárquica (CA) e Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), dos anos 2000 a 2007, no montante actual de 984,66 €, sendo 896,66 € de quantia exequenda e 88,00 € de acréscimos legais.

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém.

Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes do executado MANUEL GASPAR LOPES, no estado de casado com Ana Maria Fragoso de Rhodes Silva Gaspar Lopes, com domicílio fiscal na Rua Dra. Ana Macedo N 5 2º Esqº. 2000-019 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 20 de Outubro de 2010 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que é responsável respeitantes a Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) e Coimas Fiscais (CF) dos anos 2007 e 2008, no montante actual de 1.689,23 €, sendo 1.279,21 € de quantia exequenda e 410,02 € de acréscimos legais.

BEM A VENDER

BEM A VENDER

METADE INDIVISA da fracção autónoma designada pela letra G do prédio urbano constituído no regime de propriedade horizontal, sito na Rua Ana de Macedo, N 5, na freguesia de Marvila, concelho de Santarém, (Coordenadas: X 152.291,00 e Y 250.937,00) cuja fracção respeita a uma GARAGEM sita na cave, identificada com o Nº 5, com a área de 14,100 m2. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Estacionamento coberto e fechado; Tipologia/Divisões: 1, Permilagem: 120,00, Nº de pisos da fracção: 1, Área bruta privativa: 14,10m2, Área bruta dependente: 00,00m2, Área total do terreno: 234,00m2, Área de implantação do edifício: 234,00m2, Área bruta privativa total: 1.872,00m2, Área do terreno integrante das fracções: 00,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1999 sob o artigo urbano nº 2581 – Fracção G, da freguesia de Marvila. Descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 00173/19870429-G (Marvila).

METADE INDIVISA da fracção autónoma designada pela letra G do prédio urbano constituído no regime de propriedade horizontal, sito na Rua Ana de Macedo, N 5, na freguesia de Marvila, concelho de Santarém, Coordenadas: X 152.291,00 e Y 250.937,00) cuja fracção respeita a uma GARAGEM sita na cave, identificada com o Nº 5, com a área de 14,100 m2. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Estacionamento coberto e fechado; Tipologia/Divisões: 1, Permilagem: 120,00, Nº de pisos da fracção: 1, Área bruta privativa: 14,10m2, Área bruta dependente: 00,00m2, Área total do terreno: 234,00m2, Área de implantação do edifício: 234,00m2, Área bruta privativa total: 1.872,00m2, Área do terreno integrante das fracções: 00,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1999 sob o artigo urbano nº 2581 – Fracção G, da freguesia de Marvila. Descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 00173/19870429-G (Marvila).

É depositária a Sra. D. Ana Maria Fragoso de Rhodes Silva Gaspar Lopes, casada, executada nos autos, a qual, nessa qualidade e depois de contactada no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 31 de AGOSTO de 2010, pelas 11,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 1.421,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda, e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2007.177 – ANA MARIA FRAGOSO DE RHODES SILVA GASPAR LOPES”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto a executada, o seu cônjuge, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se refere a verba nº. 1 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos nove dias do mês de Julho do ano de dois mil e dez.

É depositário o Sr. Manuel Gaspar Lopes, executado nos autos, o qual, nessa qualidade e depois de contactado no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 31 de AGOSTO de 2010, pelas 11,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 1.421,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda, e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2009.233 – MANUEL GASPAR LOPES”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto o executado, o seu cônjuge, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se refere a verba nº. 1 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos nove dias do mês de Julho do ano de dois mil e dez.

O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra)

O ESCRIVÃO, (Jorge Fernando Santos Morgado)

(em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1289 de 16.07.2010)

O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra)

O ESCRIVÃO, (Jorge Fernando Santos Morgado)

(em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1289 de 16.07.2010)


32 COMERES & BEBERES | RESTAURANTES E ESPECIALIDADES SANTARÉM A GRELHA Especialidades Peixe Fresco, Bacalhau Assado com Magusto, Espetadas de Lulas com Gambas, Espetadas de carne Barrosã com Gambas e Ananás, Espetadas Mistas, Arroz de Feijoca, Bons Vinhos da Região Folga 2ª Feira Morada R. Ateneu Comercial, 1 r/c Esq. – Santarém Telefone. 243333348/ 243322636/ 917604488 ADEGA DO BACALHAU Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau assado com Magusto, Bife à Casa Folga Domingo Morada Travessa da Boleta, 2 e 4 (centro histórico) Santarém. Tel. 243306519964569837. QUINTAL DO BECO Especialidades Lulas fritas com camarão, Bife à Beco. Folga Domingo. Morada Beco dos Fiéis de Deus, nº 15, Santarém. Tel. 243391247. OH VARGAS Especialidade Comida Tradicional Folga Sábado (excepto para serviços marcados) Morada EN 3 - Portela das Padeiras - Santarém Tel. 243351146. O SALSA Especialidades Peixe Fresco, Carnes da Especialidade, Massinhas de Peixe, Açorda de Ovas Folga Domingo Aberto nos Feriados Morada EN 3 – Portela das Padeiras – Santarém Tel. 243351341 J F RESTAURANTE Especialidades Folhado de Perdiz, Bacalhau frito com Gambas e Coentros, Camarão com Risotto 3 queijos, Bifes do lombo, Cozinha Tradicional portuguesa Folga 3ª Feira Morada Jardim de Cima - Santarém Tel. 243302200 CASA CONDEÇO Especialidades Açorda de Bacalhau à Barrão, Molhinhos de Carneiro com Grão, Migas Ribatejanas c/ Bochechas de Porco Favas com Entrecosto Folga 2ª Feira Morada Rua do Alfageme, 41 – Ribeira de Santarém - Santarém Tel. 243326887 A CARROÇA Especialidades Bacalhau à Carroça; Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau à Brás, Carne de porco à Alentejana, Petiscos (amêijoas, moelas, pica-pau) - Aberto todos os dias Morada Rua Principal – Advagar - Achete Tel. 243478216 LUÍS DO LEITÕES Especialidades Leitão assado à Bairrada, Bacalhau à Lagareiro, Grelhados variados Folga 2ª Feira Morada Rua Teófilo Braga, 10 - Santarém Tel. 243332102 O BACALHAU Especialidades Borrego à Casa, Bacalhau à Lagareiro, Peixe Fresco Folga 3ª feira à tarde Morada Rua S. Tiago Tremez Tel. 243479196 TABERNA DO QUINZENA Especialidades: Magusto com Bacalhau Assado, Pato Assado no Forno, Cozido à Portuguesa, Cabrito Assado no Forno, Pernil de Porco e Naco de Toiro Bravo Avinhado Folga Domingo Morada Taberna I - Rua Pedro Santarém,93/95-SantarémTel.243322804 Morada Taberna II – Cerco da Mecheira, 20 - Santarém Tel. 243333110 ADEGA DOS SABORES Especialidades Cabrito Assado no Forno, Bacalhau assado com batata a murro, Polvo à Lagareiro. Folga 5ª feira e domingo ao Jantar. Morada Rua 25 de Abril, 27 – Casa dos PinheirinhosCasal da Charneca – Almoster – Santarém. Tlm 916845000 MINA VELHA Especialidades: Bacalhau Assado com Magusto, Bacalhau c/ Broa, Massa à Barrão, Bife à Mina Velha, Posta à Mina Velha. Folga : Domingo à Noite e 2ª Feira. Contacto 243 372 581. Morada : Urb. Quinta das Fontainhas – Santarém. Long. 08´42´20” O. Lat. 39´42´19” N O CANTINHO DA BELA Especialidades Bacalhau gratinado, bacalhau à casa, ensopado de borre-

go, lombo assado com migas, coelho à caçador Folga Domingo Morada Estrada Nacional 3, Lote 3, Pernes Tel. 243 449 514.

TABERNA DO ALFAIATE Especialidades Bacalhau assado no forno com manja, Migas de bacalhau, Cabrito assado no forno, Naco de boi em vinho tinto com migas, Entrecosto de porco preto com arroz de feijoca, Porco preto assado no forno à padeiro. Folga Encerra às 2ª feiras e Domingos ao jantar. Morada Lapa, Cartaxo, telefone 243 790 005

QUINTA DOS GRAVELHOS Folga 3ª feira Morada: Rua do Comércio, 58 - Moçarria Tel. 243499300 Tlm. 967062629 DOM TACHO Especialidades Ensopado de Enguias, Feijoada de Gambas, Mar e Terra Morada Rua Marquesa da Ribeira Grande 53, Vale de Santarém Tel. 243 761078. Aberto todos os dias.

GOLEGÃ CENTRAL Especialidades: Bife à Central com Molho à Brogueira, Entrecosto à Goleganense, Açorda de Sável- Sobremesa: Toureiros Telefone : 249976345 Morada : Largo Imaculada Conceição 3 a 8 - 2150-125 Golegã. Reservas@ cafecentral.pt www.cafecentral.pt

O CANTINHO DOS SABORES Especialidade Bacalhau Assado com Açorda de Grelos Folga: Domingo. Morada Estrada Nacional 3, Alto do Vale, Vale de Santarém Tel. 243761268 TABERNA RENTINI Especialidades Cozinha Tradicional, Grelhados no carvão Morada Casais do Quintão - Perofilho, 2005-021 Várzea - Santarém Tel. 243499254 CHAFARICA DA TORRE Especialidades Carne de Vitela Maronesa, Bacalhau na brasa, Camarão Tigre, Raia com molho de alcaparras Folga Domingo Morada Praceta João Caetano Brás, 9 - S. Domingos - Santarém Telf. 243 372 649 - 96 6620790 O TASCO Especialidades Massa à Barrão, Bacalhau grelhado com Magusto, Bife à Tasco, Entrecôte com Migas, Carnes de Porco Preto grelhadas Folga Domingo Morada EN 3 – S. Pedro (frente à JAE) – 2005 Santarém Tel. 243302740 Tlm. 917062391 O BERNARDO Especialidades: Bacalhau no forno com Broa de Milho, Polvo no forno, Ensopado de Borrego, Cabrito no Forno e Lombos de Fataça Grelhados Folga: 2ªas Feiras Morada: Loja Nova – S. Vicente do Paúl Contactos: 243428388 Telemóvel 9918939656 O CANTINHO DO AVÔ Especialidades: Queixadas de Porco no Forno, Molhinhos com Feijão Branco, Cozido à Portuguesa, Feijoada à Transmontana, Secretos de Porco Preto, Magusto com Bacalhau Assado, Polvo à Lagareiro. Folga Domingo. Morada Rua Paulino da Cunha e Silva nº 121 – 2000-369 Alcanhões. Tel. 243428303 CONSTÂNCIA FALCÕES Especialidades: Troxas de Sta. Madalena, Bife na Pedra, Terra e Mar, Maçã Romana Folga: Terça-Feira Morada: Rua Luís de Camões, 33 Abrantes Horário: 12h10m ás 15h00m e das 19h30m ás 22h30m Telefone: 249 098 875 E-mail: restaurantefalcoes@gmail.com SALVATERRA PRETO & BRANCO Especialidades Bacalhau com natas, Porco Preto, Arroz de Pato, Enguias do Rio, Carne Mirandesa Folga 2ª feira Morada Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca, 144 - Salvaterra de Magos Tel. 263507858 - 918675981 CALIFÓRNIA Especialidades Enguias c/arroz de feijão, Ensopado de Enguias, Entrecosto Frito c/arroz de feijão, Vitela estufada, Chispe c/Feijão Branco. Serve Jantares. Fecha às terças. Telf: 263504643 . Foros de Salvaterra. O PINTO Especialidades Enguias fritas c/arroz de feijão, ensopado de enguias, polvo à lagareiro, Borrego à Alentejana. Fondue. Aberto todos os dias. Serve jantares. EN 118 KM54 – Marinhais ADEGA DA ROSA Especialidades Picanha, Bacalhau à Lagareiro, Chocos à Lagareiro, Espetada de lulas c/gambas, costeleta Mirandesa. Garrocheira – Foros de Salvaterra; Telf: 263 507 240

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

CABANA DOS PARODIANTES Especialidades Bife à Patilhas & Ventoinha, Molhata de Enguias (caldeirada típica avieira). Pode encomendar Barretes, Bolo Rei e outras especialidades. Folga 4ªs feiras à tarde. Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca. Mail: cabana.eventos@gmail.com telf: 263504177 ; site: www.cabanadosparodiantes.com ESCAROUPIM Especialidades Enguias todo o ano, Açorda de Sável, Lampreia em época, Arroz de Bacalhau c/ Farinheira, Migas, Tarte de Perdiz Folga 5ª Feira e Domingo ao jantar Morada Largo do Avieiros - Escaroupim - Salvaterra de Magos Tel. 263107332 telemóvel: 912539228email:rest.o.escaroupim@ hotmail.com A CASINHA Especialidades Ensopado de Enguias, Enguias Fritas, Picanha, Plumas de Porco Preto, Alheira, Caça Grelhada Morada Av. Dr Roberto Ferreira da Fonseca 54 - Salvaterra de Magos Tel. 263504795 Aberto ao domingo durante o mês da enguia BARQUINHA ALMOUROL Especialidades Enguias, Sável e Lampreia Folga 3ª Feira Morada Tancos, Vila Nova da Barquinha Tel. 249 720 100. Mail: www.almourol.com ABRANTES CRISTINA Especialidades Bacalhau c/Broa, Polvo à Lagareiro, Cherne c/molho de coentros, cabrito assado no forno, Arroz de Pato à Antiga, Perna de Borrego assada c/alecrim. Folga Domingo à tarde e 2ª feira Morada Rio Moinhos – Abrantes Tel. 241881177 Fax: 241881343 Email info@restaurantecristina.com Web www.restaurantecristina.com AVENIDA Especialidades Polvo a Lagareiro, Bacalhau a Braga, Pescada Gratinada com Camarão, Bifes da vazia à Portuguesa com Pimenta ou com Alho. Reservas para grupo e Serviço de Take Away pelo 968486613 - Karaoke aos Sábados Morada Av. Forças Armadas - Abrantes O FUMEIRO Especialidades Bife da casa, Fondue de Porco Preto, secretos com migalhana, Ovas na Brasa com Açorda de Ovas, Bacalhau à Fumeiro Folga Domingo Morada Rua do Pisco, 9 – Abrantes Tel. 938851963 Email restaurantefumeiro@clix.pt ALMEIRIM RETIRO DO CAMPINO Especialidades Sopa da Pedra, Grelhados no Carvão Folga 3ª Feira Mora-

da Largo da Praça de Toiros, 1 A - Almeirim Tel. 243592528 O GALINHA Especialidades Sopa 3/1, Sopa da Pedra, Polvo à Lagareiro, Cozido à Portuguesa, Arroz de Tamboril, Massada de Cherne, Bife à Cortador Folga 3ª Feira. Aceita-se reservas para grupos Morada Rua Ilha da Madeira, 16 J - Almeirim Tel. 243579797 DAVID PARK Especialidades Arroz de Tamboril, Espetadas de Lombinhos c/ Gambas, Cozinha Tradicional, Peixe Fresco grelhado na Brasa Folga 4ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 15 - Almeirim Email: davidparkmail.telepac.pt. Tel. 243591475 SEPÚLVEDA Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Molhinhos c/ Grão, Entremeada de Vitela, Moelas estufadas c/ batata frita, Chocos e Grelhados Folga Não tem Morada Rua Vinha do Santíssimo, Bloco 32 - Almeirim Tel. 938732058 O FORNO Especialidades Sopa da Pedra, Peixe Fresco, Carne Porto Preto e Grelhados Folga 3ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 23 - Almeirim Tel. 243592916 O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Carnes grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quinta-feira). Morada R. 5 de Outubro, 115 - Almeirim Tel: 963458371 CONSTANTINO DAS“ENGUIAS” Especialidades: Enguias Fritas, Ensopado, Grelhados no carvão Folga à 2ª Feira. Aceita reservas Morada Foros de Benfica – Benfica do Ribatejo Tel. 243589156 CAMBÁIA Especialidades: Ensopado de Enguia e Enguias Fritas. Folga 4ª e 5ª feira (excepto feriados). Morada Rua do Campo da Bola - Foros de Benfica. Tel. 243580934 CARTAXO QG Folga 3ª feira Morada: Praça 15 de Dezembro,1-Cartaxo Tel.243499300 Tlm. 967062629 O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Costeletas e Mistas grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quinta-feira). Morada R. Dr. Gomes da Silva (Sociedade Filarmónica Cartaxense) Cartaxo Telem: 963458371 TABERNA DO GAIO Especialidades Pratos Regionais e grelhados de peixe e carne. Jantares às sextas e sábados. Folga ao domingo. Estrada Nacional N3 - Cruz do Campo - Cartaxo. Telf: 243 759 883

O BARRIGAS Especialidades: Buffet de entradas regionais, fritada de camarão com açorda e naco de boi no carvão.Folga: Domingo ao jantar e 2ª feira Morada: Largo 5º Outubro, nº 55 e 56 – Golegã Contacto: 240 717 631 Site: www. obarrigas.com Outras info: Zona para fumadores ALPIARÇA TERTÚLIA Especialidades Ensopado de enguias, bacalhau com broa, bacalhau com favas, bacalhau (frito) à marialva, porco preto, borrego à moda de Alpiarça, costeletas de borrego, espetada de javali, alheiras (caça/ mirandesa), coelho com molho de coentros. Bons vinhos da Região e de outras regiões. Ementas personalizadas para grupos e ocasiões especiais. Abrerto todos os dias Morada Rua Engº Álvaro da Silva Simões, 108 - Alpiarça Tel: 243558588 Reservas 935587920. Site http//tertulia-rest-bar.hi5.com Email:bernardos.inv.hot@sapo.pt CORUCHE Ó MANEL Especialidades: Espetadas do Toiro Bravo. Dobrada e mão de vaca. Sopa de Rabo de boi. Grelhados. Morada Rua de S Tomé, 4 – Bairro Novo. Tel. 243675878. Folga ao Domingo JAKIM GIRASSOL Especialidades: Bacalhau c/ Migas, Feijoada de Chocos c/ Gambas, Borrego assado no forno, Pernil de Porco no Forno, Arroz de Pato, Bacalhau gratinado c/camarões. Petiscos variados. Morada: Estrada Nacional 119 (Área de serviço Repsol) – Biscainho . Tel. 243660333 A TASCA Especialidades Pernil de porco no forno, cozido à portuguesa. Carne Brava Folga Domingo Morada Mercado Municipal – Coruche Tel. 243675232 O CHOUPO Especialidades Bacalhau à Choupo, enguias fritas e ensopado, medalhões de Maronesa, Posta Maronesa, Carnes de porco preto, cataplanas Folga 2ª feira (após almoço) Morada Montinhos dos Pegos (1 Km cruz. Monte da Barca) – Coruche Tel. 243618875. Tel. 917785703 O FARNEL Especialidades Bacalhau à Farnel; Bacalhau assado c/migas à moda de Coruche; cabrito frito à lavrador; mi-

gas de batata c/carne de porco; ensopado de borrego, grelhado de novilho bravo e porco preto na telha Folga 2ª feira Morada Sala p/banquetes no Monte da Barca. Rua Vasconcelos Porto – Coruche Tel. 243675436 SAL & BRASAS Especialidade: Carnes na brasa Folga 2ª feira Morada Cruzamento Monte da Barca - Coruche Tel. 243618319 PONTE DA COROA Especialidades: Cozinha regional e grelhados no carvão Folga Domingo Morada Estrada Nacional 114 Coruche Tel. 243617390 RIO MAIOR MANJAR DO PARQUE Especialidades Leitão assado em forno de lenha, Picanha à Brasileira, Secretos de porco preto na brasa , Manjar de Gambas, Bacalhau Maravilha, Bife à Casa. Leitão assado para fora. Ementas para grupos Morada Rua Almirante Cândido Reis, 26 R/c (junto ao jardim) – Rio Maior Tel. 243997071 Email geral@manjardoparque.net PALHINHAS GOLD Especialidades Alheira de caça, Carne mirandesa, Porco preto com migas, Picanha, Bacalhau com crosta de azeitona, Tiborna de bacalhau, Caril de gambas, Arroz de tamboril, , Pão de Ló caseiro. Folga Domingo à noite e 2ª Feira. Morada Trav. do Palhinhas (centro da cidade) - Rio Maior Tel. 963435547. Site www.palhinhasgold. pt FÁTIMA SANTA RITA Madeirense e Açoriano Especialidades: Bacalhau Espiritual, Bacalhau com camarão, Bacalhau Nove Ilhas, Bife de Atum; Alcatra, Linguiça do Pico, Secretos Porco Preto, Vitela. Morada: R. Rainha Santa Isabel (em frente ao Hotel Cinquentenário) Fátima. Tel. 249098041/919822288. Site: http://santarita.no.comunidades.net. Oferta de 5% de desconto com a apresentação deste jornal. MAÇÃO O GODINHO Especialidades Café – Restaurante. Cozinha Regional. Quarta-Feira: Cozido à Portuguesa. Serve Almoços e Jantares. Encerra ao Domingo. Telf: 241572874;tlm 962536310 Rua da Republica – Mação O CANTINHO Especialidades Restaurante Marisqueira; Especialidades: Arroz de Marisco, Cataplana de Cherne, Bife à Cantinho na Frigideira e Maranho de Mação.Almoços e Jantares.Aberto todos os dias.Telf: 241107558.Tlm: 964677705. Rua Monsenhor Alvares de Moura - Mação TORRES NOVAS O BABALHAU BRASAS Especialidades: Arroz de Pato, Cabrito no Forno, Camarão Flamejado c/manga, Peixe Fresco do Mar e Carne c/Qualidade. Folga ao Domingo à noite e Segunda. Ladeira da Enfermaria Militar, nº 21 – T Novas – Telf: 249183699. Reservas: 913125149


OPINIÃO | COMERES & BEBERES 33

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Manjar do Marquês

Tellus Vinho tinto ∑ 2005

Restaurante ∑ Pombal Largo tempo sem entrar nesta famosa casa de comeres, a auto-estrada convida a deslocações rápidas, por esse facto restaurantes dos quais guardo gratas recordações vão ficando no olvido. É o caso do Manjar do Marquês, ponto de referência gastronómico da região centro e que para minha satisfação assim continua apesar do desaparecimento do Sr. Graça, homem de actividade espantosa (por assim ser a maleita repentina), amigo do seu amigo e benemérito desinteressado. Os espaços são amplos, arejados e possibilitam desembaraço de movimentos aos amesendados apesar de num deles a muita clientela obrigar a esperas. É o espaço no qual os produtos são colocados em cima da mesa e o cliente manduca os que lhe dá na real gana, sendo acompanhados por feijão-frade, e o conhecido arroz de tomate caldoso e bem apaladado. Enumero os produtos: chamuças estaladiças e gulosas, rechonchudos e bem confeccionados, bolos de bacalhau com o dito cujo, nem sempre assim acontece, bacalhau frito, filetes de pescada a evidenciar grande

apuro a fritura – seca, estaladiça e dourada, e sápido panado de vitela. Todos quantos se lembram a casa airosa do Sr. Graça nas bombas de gasolina, verificam que o essencial dos comeres que lhe deram merecida fama continuam a afagar palatos e satisfazer estômagos de todos os tamanhos. Nas sobremesas há sempre o famoso leite-creme queimado como manda o cânone, frutas variadas e um queijo Serra de boa qualidade. O serviço afável e competente

consegue a proeza de aplacar os mais famintos em pouco tempo. Eu que o diga. Lista de vinhos bem calibrada e detentora de referências de grande qualidade. Armando Fernandes

Parque de estacionamento privativo. Aceita cartões de crédito. Telf. 236200960. Estrada Nacional 1.

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

Um tinto duriense reserva de 2005, resultado de uvas das castas Touriga Naciona l (saliente expressão no Douro), Touriga Franca (a denunciar origem francesa, Tinta Roriz e Tinta Barroca, as quais de uma forma geral são responsáveis por vinhos de grande qualidade a persistir pelos anos fora. No copo exibiu-se luminoso e sem falhas, no que tange a aromas eles fizeram-se notar intensos a fruta madura e silvestre – ameixas e amoras -, com toque mineral a xisto, na boca revelou complexidade, boa estrutura e final interessante. Acompanhou adequadamente caldeirada de garoupa num primeiro acto, a seguir deu réplica positiva a queijo serra meia-cura. Boa relação qualidade/preço. Distribuído por Sota Vinhos. Armando Fernandes

A N Ú N C I O e ÉDITOS DE 20 DIAS

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200401020978 AP

PROCESSO DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 2089200901015915 AP

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

CITAÇÃO DE CREDORES E VENDA DE BENS

1ª PUBLICAÇÃO

1ª PUBLICAÇÃO

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes do executado JOAQUIM ALBERTO PEREIRA SERRÃO, divorciado, com domicílio fiscal no lugar de Casal de Algar – Galego – Atalaia 2005-110 Almoster Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real e que foi penhorado em 23 de Abril de 2009 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívida à Administração Fiscal proveniente de Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS), Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) e Coimas Fiscais (CF), respeitantes aos anos de 2002 a 2006, bem como os acréscimos legais devidos, no montante total de 31.215,30 €, sendo 22.612,31 € de quantia exequenda e 8.602,99 € de acréscimos legais.

JORGE MANUEL SARDINHA SERRA, Chefe do Serviço de Finanças do concelho de Santarém. Faz saber que por este Serviço de Finanças correm ÉDITOS DE 20 DIAS, contados da segunda e última publicação deste anúncio, citando, nos termos do n.º 2 do artigo 239º do Código de Procedimento e de Processo Tributário (CPPT), os credores desconhecidos e sucessores dos credores preferentes do executado FRANCISCO JOSÉ FERNANDES PEREIRA, no estado de casado com Ana Paula Silva Almeida Pereira, com domicílio fiscal na Rua do Brejo, N 24 – Casal do Pombo – 2005-446 Santarém, para no prazo de 15 (QUINZE) DIAS posteriores aos dos éditos, reclamarem os seus créditos pelo produto da venda do bem a seguir indicado, sobre o qual tenham garantia real (art. 240º, CPPT) e que foi penhorado em 16 de Março de 2010 no processo de execução fiscal acima identificado, instaurado para pagamento de dívidas de que é responsável respeitantes a Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) e Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA), dos anos de 2008 e 2009, no montante actual de 7.979,13 €, sendo 7.364,46 € de quantia exequenda e 614,67 € de acréscimos legais.

BEM A VENDER Uma quota social no valor nominal de 1.995,19 € (Mil, novecentos noventa e cinco euros e dezanove cêntimos) detida pelo executado na sociedade por quotas “CINVEL CONSTRUÇÕES E INVESTIMENTOS, LDA.,” com sede na Rua 31 de Janeiro N 6 1 ES – Santarém, registada na Conservatória do Registo Comercial de Santarém sob o nº 502069007 (anterior 3451/19881123), à qual foi atribuído o valor de 25.318,54 € (VINTE E CINCO MIL, TREZENTOS E DEZOITO EUROS E CINQUENTA E QUATRO CÊNTIMOS).

É depositário o Sr. Joaquim Alberto Pereira Serrão, executada nos autos, com domicílio fiscal no lugar de Casal de Algar – Galego – Atalaia 2005-110 Almoster Santarém. Findo o prazo dos éditos, no dia 7 de SETEMBRO de 2010, pelas 11,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 17.723,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2010.203 – JOAQUIM ALBERTO PEREIRA SERRÃO”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto o executado e os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos treze dias do mês de Julho do ano de dois mil e dez. O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra)

O ESCRIVÃO, (Jorge Fernando Santos Morgado)

(em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1289 de 16.07.2010)

BEM A VENDER Fracção autónoma designada pela letra B do prédio urbano constituído no regime de propriedade horizontal, sito na Urbanização do Salmeirim – Jardim de Cima, na freguesia de S. Salvador, concelho de Santarém, cuja fracção respeita a CAVE ampla destinada a garagem. Tem as seguintes CARACTERÍSTICAS: Afectação: Estacionamento coberto e fechado, Tipologia/ Divisões: 1, Permilagem: 100,00, Nº de pisos: 1, Área do terreno integrante: 0,00m2, Área bruta privativa: 54,09m2, Área bruta dependente: 00,00m2, Área total do terreno: 216,00m2, Área de implantação do edifício: 216,00m2, Área bruta privativa total: 54,09m2, Área do terreno integrante das fracções: 00,00m2. Inscrito na matriz no ano de 1995 sob o artigo urbano nº 3602 – Fracção B da freguesia de S. Salvador. Acha-se descrito na Conservatória do Registo Predial de Santarém sob o nº 01259/19940512-B (S. Salvador). É depositário o Sr. Francisco José Fernandes Pereira, executado nos autos, o qual, nessa qualidade e depois de contactado no seu domicílio fiscal, o mostrará aos interessados. Findo o prazo dos éditos, no dia 7 de SETEMBRO de 2010, pelas 15,00 HORAS, proceder-se-á à sua venda por meio de PROPOSTAS EM CARTA FECHADA (art. 248º/1,CPPT) sendo o valor base para a venda de 7.840,00€, correspondente a 70% do valor atribuído em avaliação, não sendo consideradas as de valor inferior (art. 250º/4, CPPT). As propostas poderão ser submetidas através da Internet no site (www.e-financas.gov.pt/vendas/.) ou, em alternativa, serem entregues pessoalmente neste Serviço de Finanças ou remetidas pelo correio em sobrescrito fechado, dentro de outro envelope, de forma a serem recebidas até às 16 horas do dia anterior ao da venda e delas deve constar a referência “PROPOSTA PARA A VENDA Nº 2089.2010.117 – FRANCISCO JOSÉ FERNANDES PEREIRA”, bem como o preço oferecido e a identificação completa (Nome, morada e CF) e a assinatura do proponente, ocorrendo a sua abertura no dia e hora acima designados, na presença do Chefe do Serviço de Finanças, podendo assistir ao acto o executado, o seu cônjuge, os proponentes e eventuais titulares do direito de preferência, os quais, por este meio, ficam notificados para, nos termos do art. 892º do Código de Processo Civil, exercerem o seu direito. Se o preço mais elevado, com o limite mínimo da base de licitação, for oferecido por mais de um proponente, e se estiverem presentes no acto da abertura, abrir-se-á logo licitação entre eles, salvo se declararem que desejam adquirir o bem em compropriedade. Estando presente só um dos proponentes do maior preço oferecido, poderá este cobrir as propostas dos outros, e, se nenhum deles estiver presente ou nenhum quiser cobrir as propostas dos outros, proceder-se-á a sorteio, com vista à determinação da proposta que deverá prevalecer (art. 253º/c. CPPT). Adjudicado o bem, deverá ser depositada na Secção de Cobrança deste Serviço de Finanças a totalidade do preço ou parte dele, não inferior a 1/3 do valor da venda, devendo a restante parte ser depositada no prazo de 15 dias, sob pena das sanções previstas na Lei do Processo Civil. Sendo devido Imposto Municipal sobre as Transmissões Onerosas de Imóveis (I.M.T.), o pagamento deverá ocorrer no prazo de 30 dias contados da data da adjudicação, nos termos do n.º 3 do artigo 36º do respectivo código. É devido o Imposto do Selo a que se refere a verba nº. 1 da respectiva Tabela. SERVIÇO DE FINANÇAS DE SANTARÉM, aos treze dias do mês de Julho do ano de dois mil e dez. O CHEFE DE FINANÇAS, (Jorge Manuel Sardinha Serra)

O ESCRIVÃO, (Jorge Fernando Santos Morgado)

(em Jornal “O Ribatejo”, edição n.º 1289 de 16.07.2010)


34 ADVOGADOS SANTARÉM A Dr. José Francisco Faustino; Drª. Cristina Alvarez; Dr. João Rafael; Dr. Pedro Goulão; Dr. Pedro Matos Barbosa; Dr. Francisco Lopes Leitão - Rua Capitão António Montez, 10 – Santarém - Tel. 243327159 Fax 243327160 - adv.santarem@mail. telepac.pt A Oliveira Domingos - Largo Cândido dos Reis, 3 -1º - Santarém Tel. 243326310 - Fax 243333587 oliveiradomingos-161e@adv.oa.pt A Sandra Alexandre - Rua do Colégio Militar, 10 - 2º esq. - 2000-230 Santarém - Telef./Fax: 243 322 268 A Dr. Francisco Antunes Luís - Av. D. Afonso Henriques, 89 - 2º Dtº - Santarém - Tel. 243321024/ 243321426 - Fax 243321425 advogados.s@mail.telepac.pt

O Ribatejo 16 | Julho | 2010 A Drª Margarida Lencastre Fróis - Praça Sá da Bandeira, 22 – 1º Santarém - Tel. 243325178 Fax 243325178 - margarida.lencastre@ gmail.com A Drª Cristina Saldanha - Av. D. Afonso Henriques, 67 – 1º Esq – Santarém - Tel. 243323019 Fax 243333414 - cristinasaldanha1531e@adv.oa.pt A Dr.º Martins Carreto - Rua Dr. António José de Almeida, 17-2º Dto - 2000-238 Santarém - Telefone 243333519 Fax 243326531 e-mail: artinscarreto-1078C@adv.oa.pt A Dr.ª Helena Marques Duarte - Rua Pedro de Santarém - 2 – 2º A - Tel. 243 352 407 – Fax. 243 352 409 - 2000-223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) - hmduarte-16362l@adv.oa.pt

A Dr. Morgado Ribeiro - Av. do Brasil – Edifício Scálabis, 1º Esq – Santarém - Tel. 243323143 Fax 243326144 - morgadoribeiro-185e@ adv.oa.pt

A Drª Ana Sofia Casebre - Rua Dionísio Saraiva, Lote 1 – 1º Andar – Porta A – Almeirim - Tel. 243579134 Fax 243579134 TLM 936280534 A Dr. Sérgio Luís Coutinho dos Santos - Praça da República, 18 A 1º - Apartado 61 – 2080-044 Almeirim Tel. 2435991172 - Fax 243593224 sergiosantos - 365e@advogados.oa.pt A Dr. Vítor Sousa - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626

A Dr. Pedro Borrego - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim -Tel. 243570091 Fax 243570099 - pedroborrego-2083e@ adv.oa.pt A Drª América Cravo - R. Dr. Óscar da Costa Neves, 8 - 1º - 2080-130 Almeirim - Tel. 243597946/8 Fax 243597947 - americacravo-855e@ adv.oa.pt A Drª Sónia Bento - Praça da República, 29 - 1º Esq.º - 2080-044 Almeirim - Tel. 243372159 Fax 243597999 sbentompires.adv@gmail.com

ADVOGADOS Av. 5 de Outubro, Nº 77, 3º Dtº - 1050-049 LISBOA Tel. 213 172 720 Fax. 213 172 729

ABRANTES

CARTAXO

A Mário P. Claro - Célia Cruz Rua Luís de Camões nºs 9 - 11, 1º Esq., 2200-421 Abrantes Tel 241 379 090 - Fax.: 241 363 364; Trv. da Batoca, 6 - 2140-149 Chamusca; Tel/fax: 249 760 058 E-mail: mclaro.ccruz.spa@mail. telepac.pt

A Drª Liliana Pita - R. Dr. Manuel Correia Ramalho, 9 – 2º Esqº - 2070095 Cartaxo - Tel 243703631 Fax 243703631- lilianapita-18943l@ adv.oa.pt

A Norberto Timóteo - Advogado Praceta do Chafariz, Lote 6- 1º Esq. - Apartado 93 - 2204-909 Abrantes; Tel.: 241 363 484; Fax: 241 365 234; Email: norbertotimoteo-169e@ advogados.oa.pt A Eurico Consciência & Associados - Abrantes - Apartado 37 Tel: 241372831 /2/3 - Fax: 241362645 - E-mail: consciencia-839c@adv.oa.pt A António Pires de Oliveira - Rua de Santa Isabel, nº 1- 1º Dto. 2200-393 Abrantes Tel.: 241 360 540 - Fax: 241 372 481 E-mail: dr.a.oliveira-355e@adv.oa.pt - Cédula Prof. 355 Évora

Armando Ferreira

A Drª Ana Fonseca e Silva - Praça 15 de Dezembro, 23ª - 2º A – 2070049 Cartaxo - Tel. 243704323 Fax. 2437074328 - anafonsecaesilva1002e@advogados.oa.pt

LISBOA A Albertino Antunes - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa Tel. 213172720 Fax. 213172729 A Alexandre Oliveira - Telem.: 969 239 263 - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa - Tel. 213172720 - Fax. 213172729

ADVOGADOS    

Rui Roboredo Consciência Eurico Heitor Consciência João Roboredo Consciência Teresa Roboredo Consciência

   

Normando Sérgio Rita Teimão Figueiredo Fernando Zuzarte Saraiva Helena Marques Duarte

ABRANTES: Rua de S. Domingos – 336 – 2º A – Apart. 37 Tel. 241372831/2/3 – Fax 241362645 – 2200 – 397 ABRANTES PONTE DE SOR: Rua Vaz Monteiro – 19 – 1º andar Tel. 242207319 – Fax 242203335 – 7400 – 281 PONTE DE SOR SANTARÉM: Rua Pedro de Santarém – 2 – 2º A Tel. 243352407 – Fax 243352409 – 2000 – 223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) LISBOA: Rua Braamcamp – 52 – 9º Esqº Tel. 213860963 – 213862922 – Fax 213863923 – 1250 – 051 LISBOA

assinatura anual por apenas 25,50 €

Francisco Pedrógão

A Drª Rute Nunes - Rua Dr. Lopes Batista, 5 B -1º E – Cartaxo TLM 914177635 Fax 243120102 - rute.nunes@apoiojuridico.com - www.apoiojuridico.com

MADEIRA LOPES FRANCISCO MADEIRA LOPES

ADVOGADOS

ADVOGADOS

Av. do Brasil - Edifício Scalabis - 1º F Tef.: 243326242 2000 SANTARÉM

A Drª Ana Gomes Ribeiro - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570093 Fax 243570099 - anagomesribeiro2104e@adv.oa.pt

Tel.: 243323700 - Fax: 243332994 Rua Elias Garcia, 24 - 1º Apartado 173 2001-902 Santarém

Tel: 243 328 444 - Fax: 243 391 079

ADVOGADOS

A Drª Ana Oliveira Simões - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570092 Fax 243570099 - anaoliveirasimoes2078e@adv.oa.pt

Telem.: 969 239 263

Travessa do Fróis, 3 - 1º e 2º

ANA MARTINHO DO ROSÁRIO ISABEL ALVES DE MATOS VICTOR BAPTISTA

A Dr. Adriano de Melo Nazareth Barbosa - Praça da República, 29 – 1º Esq. – Almeirim - Tel. 243597997/8 Fax 243597999

ALBERTINO ANTUNES ALEXANDRE OLIVEIRA

SOCIEDADE DE ADVOGADOS, RL

2000-145 SANTARÉM

A Dr. Manuel Faustino Silva - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626 - faustino-1239e@adv.oa.pt

A Drª Célia Sousa Pinhal - Praça Lourenço de Carvalho, 12 A 1º 2080-043 Almeirim - Tel. 243593737 Fax 243593737 TLM 966110936 Celiasp-1498e@adv.oa.pt

ORLANDO MENDES TERESA PINTO FERREIRA

E-mail: orlandomtpf_socadv.rl@mail.telepac.pt

ALMEIRIM

Pcta. Pedro Escuro n. 2 1.º Esq. Telef.: 243333821 Fax: 243391021 2000 SANTARÉM

E.Mail: consciencia-839c@adv.oa.pt

Visite o nosso Site: advogadosabrantes.com

FARMÁCIAS DE SERVIÇO SANTARÉM

ALMEIRIM

TORRES NOVAS

Sexta

16 Helena

R. Dr. Jorge Sena, 12 - Alto do Bexiga 243 420 214

Sexta

16 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 592 265

Sexta

16 Higiene

Lg. Cor. António Maria Batista, 7

Sábado

17 Flama Vitae

Pç. Sá da Bandeira, 4 e 5

243 322 195

Sábado

17 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Sábado

17 Nicolau

Rua 25 de Abril, 7

249 830 180

Domingo 18 Baptista

Rua Serpa Pinto, 101/3

243 322 072

Domingo 18 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Domingo 18 Nicolau

Rua 25 de Abril, 7

249 830 180

Segunda

19 Veríssimo

R. Capelo Ivens, 74

243 330 230

Segunda

19 Correia de Oliveira

Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Segunda

19 Lima

Av. de Sá Carneiro, Lote 7

249 822 067

Terça

20 S. Nicolau

R. Capelo Ivens, 38

243 325 067

Terça

20 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 592 265

Terça

20 Central

Rua de São Pedro, 5

249 822 411

Quarta

21 Francisco Viegas

Rua Pedro Santarém, 2-A

243 330 570

Quarta

21 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Quarta

21 Pereira Martins

Rua José Augusto Torres, Lt 129 249 812 472

Quinta

22 Oliveira

Rua Colégio Militar, 1

243 326 182

Quinta

22 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Quinta

22 Higiene

Lg. Cor. António Maria Batista, 7

249 819 540

Sexta

23 Pereira

Av. Grup. Forcados Amadores St - 8 243 325 113

Sexta

23 Correia de Oliveira

Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Sexta

23 Nicolau

Rua 25 de Abril, 7

249 830 180

TOMAR

249 819 540

CORUCHE

ALPIARÇA

Sexta

16 Dias Costa

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Sexta

16 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Sábado

17 Alfa

Av. Nuno Álvares Pereira, 62-64

249 321 404

Sábado

17 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Domingo 18 Nova

Rua Silva Magalhães, 77-79

249 310 360

Domingo 18 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Segunda

19 Torres Pinheiro

Rua Serpa Pinto, 27-33

249 312 206

Segunda

19 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Terça

20 Ribeiro dos Santos

Av. Norton de Matos

249 324 373

Terça

20 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Quarta

21 Dias Costa

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Quarta

21 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Quinta

22 Alfa

Av. Nuno Álvares Pereira, 62-64

249 321 404

Quinta

22 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Sexta

23 Nova

Rua Silva Magalhães, 77-79

249 310 360

Sexta

23 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Sexta

16 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Sábado

17 Almeida

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

Domingo 18 Frazão

Rua Direita, 64

243 660 099

Segunda

19 Higiene

Rua da Misericórdia

243 675 070

Terça

20 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Quarta

21 Almeida

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

Quinta

22 Frazão

Rua Direita, 64

243 660 099

Sexta

23 Higiene

Rua da Misericórdia

243 675 070

SALVATERRA DE MAGOS ABRANTES

CARTAXO

Sexta

16 Silva

Rua José Estevão, 1

Sábado

Sexta

241 360 060

Sexta

16 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

17 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123

17 Silva Tavares

Rua do Comércio, 56

241 371 713

Sábado

Domingo 18 Silva Tavares

Rua do Comércio, 56

241 371 713

Domingo 18 Abílio Guerra

Segunda

19 Duarte Ferreira

R. Tenente Cor. J. B. Camejo, 13

241 333 222

Segunda

Terça

20 Motta Ferraz

Largo Mota Ferraz, 7

241 360 520

Quarta

21 Santos

Av.ª Dr. Ant. A.s. Mart. 47

241 360 530

Quinta

22 Silva

Rua José Estevão, 1

Sexta

23 Silva Tavares

Rua do Comércio, 56

Rua de S. Sebastião, 3

243 700 130 243 702 653

19 Correia dos Santos Rua da República, 10

243 770 997

Terça

20 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

243 700 130

Quarta

21 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123

241 360 060

Quinta

22 Abílio Guerra

Rua de S. Sebastião, 3

241 371 713

Sexta

23 Correia dos Santos Rua da República, 10

Sábado a Sexta

16 Martins 17 a 23 Carvalho

R. Heróis de Chave

263 504 319

R. Dr. Gregório Fernandes, 20/2 263 504 451

RIO MAIOR Sexta Sábado a Sexta

16 Cândido Barbosa Rua Serpa Pinto, 50 17 a 23 Almeida

243 994 700

R. Almir. Cândido dos Reis, 19 243 992 255

BENAVENTE

243 702 653

Funciona 9 às 22 h

243 770 997

Assegura serviço durante a noite Martins

Baptista

Av. Dr. Francisco S. Dias, 8, 1º 263 580 108 R. do Diário de Notícias, 9-r/c

263 517 633


D Medir a pulsação regularmente

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

saúde

35

As arritmias são perturbações do ritmo cardíaco na maior parte das vezes benignas mas que podem causar uma série de sintomas como palpitações, tonturas, desmaios, e falta de ar. As arritmias graves matam mais pessoas na Europa do que o cancro da mama, o cancro do pulmão ou a SIDA. A fibrilhação auricular é a arritmia crónica mais frequente.

Escolher bem e comer em conta Refeições, marcas e calorias ∑ um livro da médica endocrinologista Isabel do Carmo Em “Refeições, Marcas e Calorias – saber escolher entre muitas marcas no mercado”, Isabel do Carmo convida-nos a melhorar a nossa capacitação para escolher melhor, conhecer as características nutricionais dos nossos alimentos e saber transformar em indicações úteis o que vem na rotulagem (Publicações Dom Quixote). Comer bem e comer em conta não é uma questão de hoje. Temos certa dificuldade em saber por onde andam os 40 nutrientes essenciais que andam agrupados nas proteínas, açúcares, gorduras, vitaminas e sais minerais. Ora, nós precisamos de comer todos os dias 1 ou 2 dos alimentos que fazem par-

te da chamada roda e em proporções equilibradas: entre 10 a 15 por cento de proteínas, de 20 a 30 por cento de gorduras e de 50 a 60 por cento de hidratos de carbono. Como desde o nascimento até cerca aos 70 anos consumimos em média de 28 a 30 toneladas de alimentos, é bem importante dominar os valores nutritivos dos múltiplos alimentos. Acresce que vivemos um problema novo, que é o da hiperescolha, estamos rodeados de abundância alimentar e os riscos da mesa passam pelo uso descontrolado de produtos da indústria agro-alimentar que nos incitam à festa permanente da comida hipercalórica. Nenhum de nós

escapa ao risco de se ver rodeado por sabores sabiamente estudados e cheiros calculados para agradar. A propósito das doenças da obesidade e do comportamento alimentar, Isabel do Carmo já tinha escrito um livro muito importante sobre estas doenças (“Porque não consigo parar de comer?”, também das Publicações Dom Quixote), alertando-nos para esta comida hipercalórica e onde propõe uma mnemónica para ajudar os doentes (é conveniente fazer um diário alimentar, identificar os erros e procurá-los corrigir a seguir); impõe-se controlar as “fomes de lobo”; quem quer perder peso não anda a experimentar dietas das revistas; não há

truques mágicos para fazer desaparecer os apetites devoradores; não há peso ideal, não doente-padrão. Agora em “Refeições, Marcas e Calorias”, esta médica endocrinologista apresenta sugestões para as principais refeições através de um guia prático para a escolha dos alimentos não só em função do seu valor teórico mas também em função de alguns nutrientes. Assim, nos pequenos almoços podemos aprender a distinguir as calorias dos iogurtes e a saber escolhêlos, distinguindo crianças, adultos com problemas de obesidade ou sofrendo colesterol alto, diabetes ou hipertensão. O mesmo raciocínio será encontrado

no leite, pão, bolachas, gorduras para barrar, queijos, cereais de pequeno almoço, sumos e néctares. Passando para o almoço e jantar, é referida a importância das sopas e como escolher a carne, por exemplo. Os acompanhamentos, os molhos, as sobremesas e a própria água aparecem aqui ponderados e mesmo com advertências. Por exemplo, diz-se expressamente que os bebés devem beber água sem gás, que o flúor da água, embora seja útil não deve ser excessivo ou que nos idosos as águas ricas em cálcio são úteis mas que as que têm muito sulfates são muito agressivas para a parede intestinal. Por último, o livro de Isabel do Carmo re-

li de d mepresenta uma lista nus, criteriosamente escolhidos (de emagrecimento para uma mulher sedentária, de emagrecimento para um homem sedentário e de manutenção para ambos). Guia útil graças à informação nutricional do que precisamos para ficarmos a saber se comemos o que queremos comer ou que devemos escolher quando, afinal, não comemos aquilo que pensávamos estar a comer. Beja Santos

CONSULTÓRIOS MÉDICOS DO JARDIM Praça da República, Nº 47 - 1.º - ALMEIRIM Junto à Farmácia Barreto do Carmo MEDICINA GERAL E FAMILIAR Dr.ª Emanuela Santos Andrade Dr. Generoso Barbosa Dr.ª Anabela Xavier de Basto PSIQUIATRIA Dr.ª Joana Alexandre Dr. João Chambel CARDIOLOGIA Dr.ª Marisa Peres NEUROCIRURGIA Dr. Rui Bello Silva PSICOLOGIA Dr.ª Sandra Silva Dr. Ricardo Luciano (Avaliação Psicoterapia c/ crianças) ENDOCRINOLOGIA Dr. Carlos Fernandes PEDIATRIA Dr.ª Teresa Barracha Dr. Nuno Carvalho GINECOLOGIA/OBSTETRÍCIA Dr.ª Patrícia Silva Dr.ª Graça Marona Dr. Pedro Rocha (HDS) Dr.ª Lucília Gaspar (HDS) PODOLOGIA Dr.ª Sandrina Fortunato

UROLOGIA Dr. António Oliveira ORTOPEDIA Dr. Joaquim Simões CIRURGIA VASCULAR Dr. Edgar Berdeja FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA Fisioterapeuta Alexandra Claudino PNEUMOLOGIA Dr.ª Paula Cravo IMUNOALERGOLOGIA Dr. Abreu Nogueira DIETISTA/NUTRICIONISTA Dr.ª Susana Brites/Dr.ª Helga Marques NATUROPATIA/ /HOMOTOXICOLOGIA Dr. Jaime João Tavares TERAPIA DA FALA Terapeuta Dora Colaço SERVIÇOS DE ENFERMAGEM Enf.ª Ana SHIATSU Drª Mª Rosário Salavessa ELECTROCARDIOGRAMAS Com Técnico Especializado CTG - Grávidas Holter - 24 h Mapa (Tensão Arterial)

Acordos com ADVANCE CARE; MULTICARE e MÉDIS ANÁLISES CLÍNICAS - com todos os acordos

MARCAÇÕES

Tel 243 593 422 Tlm 969 902 195

Terapeuta Osteopata

Dr. A. JÚLIO SILVA

Rui Leite

Médico Especialista ORTOPEDIA

INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

(Centro Clínico do Choupal) R. Capitão António Montez, 4-A • Tel. 243326935 • SANTARÉM

Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243 327 546 - 2000 SANTARÉM

Ceficarte

CENTRO DE FISIOTERAPIA DO CARTAXO

MARCAÇÕES: Tlm.: 919 612 454 • Tel./Fax: 243 702 311 Av. João de Deus, n.º 10 r/c • 2070-011 Cartaxo

Dr. ARMANDO RODRIGUES LOPES

OSTEOPATIA


36 SAÚDE

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

CENTRO AUDITIVO WIDEX Audiologia  X  X  X X

Dr.ª Odete Batista Diagnóstico (adultos e crianças) Reabilitação Auditiva (Próteses Auditivas) Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Cerebral (PEATC) Protectores de Natação

Cardiopneumologia X

Dr.ª Patrícia Branco

Estudo do Sono

Acordos: CGD, SAMS, PT, Médis, Advance Care e Mondial Assistance Horário: 13.00 às 20.00 horas

Largo Cândido dos Reis, 14 - 1.º Esquerdo • 2000-241 Santarém Tel.: 243 391 547 • Fax: 243 391 549 • E-mail: audioteste@netcabo.pt

Drª MADALENA BARRETO INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

OSTEOPATIA Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243327546 - 2000 SANTARÉM

DR. JOSÉ LUÍS P. BARRETO UROLOGISTA Pela Ordem dos Médicos DOENÇAS DOS RINS, VIAS URINÁRIAS E APARELHO SEXUAL MASCULINO

F. RIBEIRO DE CARVALHO CIRURGIÃO PLÁSTICO Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética Cirurgia Estética e Reconstrutiva da Mama Cirurgia do Contorno Corporal Cirurgia Estética Facial Surgimed Pcta. Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6 - r/c SANTARÉM Marcações pelo Tel: 243 30 57 80

CONS. - SURGIMED

Pr. Eduardo Rosa Mendes n.º 6 R/C - Telef.: 243305780 2000 SANTARÉM

Dr. Martinho do Rosário

Médico de Urologia CONSULTAS 2ªs, 4ªs e 6ªfeiras a partir das 15 h. MARCAÇÕES todos os dias, a partir das 15 h. SANTARÉM

Dr. Rui Castro

Rua José Saramago, 17 Telef.: 243327431 - 2005-185 SANTARÉM

DRA. MARISA PERES MÉDICA CARDIOLOGISTA

Médico Especialista de Clínica Geral

Consultas e Exames de Cardiologia

CLIMECO - Clínica Médica de Eduardo Lopes

CONSULTÓRIO:

Santarém: GFS: 243 328 890 IMS: 962 567 961

Oftalmologia Dr. Eduardo Lopes

Rua José Saramago, 17-1º (edifícios atrás do Banco de Portugal)

Telef. e Fax: 243 327 431

Almeirim: Clínica do Jardim: 243 593 422

Telemóvel: 917 770 678

Enfercentro: 243 579 601

CONSULTAS E MARCAÇÕES DIÁRIAS

Aveiras de Cima: Centro Médico de Aveiras: 263 474 976

Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

Oftalmologia Pediátrica Drª Cristina Amorim Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

Ortóptica Dr. Alfredo Sousa - Drª Ana Ascensão Neurocirurgia Dr. Bello da Silva Acordos c/ Multicare

Neurologia Drª Adelaide Palos Dermatologia Drª Maria João Reumatologia Drª Manuela Micaelo Acordos c/ Multicare

Psicologia Drª Sandra Silva - Drª Isabel Baptista Medicina Interna Dr. Victor Bezerra Nutrição Drª Susana Rodrigues MARCAÇÕES PELO TELEFONE 243 328 303 Rua Colégio Militar, Lt. A - 1º Esquerdo (junto ao antigo Campo dos Leões) 2000 SANTARÉM


SAÚDE 37

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

Júlio Aranha Cardiologista

Consultas de Cardiologia Ecocardiograma M e 2D Ecocardiograma com doppler e côr ECG Holter de 24 horas Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial Electrocardiograma Provas de Esforço SANTARÉM - Tel. 243 327 431 RIBACLÍNICA - CHAMUSCA - Tel. 249 760 031 CENTRO CLÍNICO DO CHOUPAL MED. FÍSICA E REABILITAÇÃO CONSULTAS

Fisiatria (Dr.ª Helena Martins) (Dr. José Miguel Pais) Ortopedia (Dr. A. Júlio Silva) Psicologia (Dr.ª Elsa Couchinho) (Dr.ª Teresa Molina) Clínica Geral e doenças do Coração (Dr.ª Liliana Aleksandrov)

Drª ISABEL MONTEIRO Médica Cardiologista

assinatura anual

por apenas 25,50 €

ACORDOS FISIOTERAPIA: ADSE, ADMFA, ADMA, C.G. DEPÓSITOS, CTT, SAMS, TELECOM e SEGURADORAS R. Capitão António Montês, 4-A (Rampa Ciclistas) Tel. 243326935 - Fax: 243326935 2000 SANTARÉM

DR. JOSÉ BRANCO PSICÓLOGO CLÍNICO E PSICOTERAPEUTA MEMBRO FUNDADOR DA SOCIEDADE PORTUGUESA DE PSICOTERAPIAS CONSTRUTIVISTAS

• Consultas de Cardiologia

www.sppc.org.pt

• Electrocardiogramas

TRATAMENTO DE CASOS DE DEPRESSÃO, ANSIEDADE, INSÓNIA, PÂNICO, FOBIAS, BAIXA AUTO-ESTIMA, DIFICULDADES INTERPESSOAIS, STRESS PÓS-TRAUMÁTICO

• Ecocardiogramas Modo M, 2D e Doppler a cor • M.A.P.A. (Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial)

CONSULTÓRIOS: ALVERCA: R. CIDADE DÉVNIA, 21, 2º, DTO

Rua Dr. António José de Almeida, nº 11, 4º Dt.º 2000 - SANTARÉM

LISBOA: CLÍNICA MOVIMENTO E SAÚDE R. JOSÉ FALCÃO 52, 2º F

Telef. 243 326 957

MARCAÇÕES E INFORMAÇÕES: TM 961 285 155

Sílvia Lencastre Fróis Psicóloga Clínica

Surgimed

Psicologia Clínica e Psicoterapia Marcações pelo tmóvel -

918 732 116

Santarém • Coruche • Rio Maior

CENTRO MÉDICO E DE ENFERMAGEM DE ABRANTES

JOSÉ MANUEL PIRES TEIXEIRA

Largo de S. João, N.º 1 - Telefones 241 371 566 - 241 371 690

MÉDICO ESPECIALISTA - GINECOLOGISTA / OBSTETRA ASSISTENTE HOSPITALAR GRADUADO do HOSPITAL DE SANTARÉM DOENÇA DA MAMA - DIPLOMADO e MASTER em Senologia / / Pat. Mamária pela F. de Medicina da Un. de Barcelona CONSULTÓRIO NA CLÍNICA “FERRO DE ENGOMAR” Rua do Quintino, 9 - A - Tel.: 243770939 - CARTAXO

CONSULTÓRIO DENTÁRIO - Nova morada -

DR. MARCÃO Médico especialista de ESTOMATOLOGIA (Doenças da boca e dentes) pela Ordem dos Médicos e pelo Hospital de Santa Maria

CLÍNICA - CIRURGIA - PRÓTESES DENTÁRIAS CONSULTAS TODOS OS DIAS Largo Cândido dos Reis, 11 - 1º Direito (junto à rotunda do hospital velho) Telef: 243 326 435 - 2000 SANTARÉM

C O N S U LTA S ACUPUNCTURA Dr.ª Elisabete Alexandra Duarte Serra ALERGOLOGIA Dr. Mário de Almeida; Dr.ª Cristina Santa Marta CARDIOLOGIA Dr.ª Maria João Carvalho CIRURGIA Dr. Francisco Rufino CLÍNICA GERAL Dr. Pereira Ambrósio - Dr. António Prôa DERMATOLOGIA Dr.ª Maria João Silva GASTROENTERELOGIA E ENDOSCOPIA DIGESTIVA Dr. Rui Mesquita; Dr.ª Cláudia Sequeira MEDICINA INTERNA Dr. Matoso Ferreira NEFROLOGIA Dr. Mário Silva NEUROCIRURGIA Dr. Armando Lopes NEUROLOGIA Dr.ª Isabel Luzeiro; Dr.ª Amélia Guilherme

POR

MARCAÇÃO

OBSTETRÍCIA E GINECOLOGIA Dr.ª Lígia Ribeiro, Dr. João Pinhel OFTALMOLOGIA Dr. Luís Cardiga ORTOPEDIA Dr. Matos Melo OTORRINOLARINGOLOGIA Dr. João Eloi PNEUMOLOGIA Dr. Carlos Luís Lousada PROV. FUNÇÃO RESPIRATÓRIA Patricia Gerra PSICOLOGIA Dr.ª Odete Vieira; Dr. Michael Knoch; Dr.ª Maria Conceição Calado PSIQUIATRIA Dr. Carlos Roldão Vieira; Dr.ª Fátima Palma UROLOGIA Dr. Rafael Passarinho NUTRICIONISTA Dr.ª Carla Louro SERVIÇO DE ENFERMAGEM Maria João TERAPEUTA DA FALA Dr.ª Susana Martins

Anat.Patológica Dra. Margarida Mendes

Endocrinologia Dr. Luís Raposo

Ortopedia Dr. Duarte Cadavez

Cir.Geral/Obesidade Dr. Joaquim Costa

Gastroenterologia Dr. Júlio Veloso

Pneumologia Dr. Marco da Costa e Silva

Cirurgia Plástica Dr. Ribeiro de Carvalho

Medicina Interna Dra. Luísa Wandschneider

Cirurgia Vascular Dr. Mário Soares Clínica Geral Dra. Hélia Castro Dr. Benjamim Coimbra Dermatologia Dra. Joana Parente Dietética Dra. Célia Dias

Neurocirurgia Dr. Carlos Calado Neurologia Dr. Jorge Becho Neuropsicologia Dr. Nuno Pestana Oftalmologia Dr. Juan Palomares Dr. Castela Rodrigues

Psicologia Dra. Elsa Martins Dr.João Paulo Ribeiro Dra. Cátia Lima Psiquiatria Dr. Vítor Henriques Reumatologia Dr. Teixeira Costa Urologia Dr. Luís Barreto Dr. Luís Costa

Exames Complementares e Outros: • • • • • • •

Endoscopia Digestiva Alta Colonoscopia Fibrorectosigmoidoscopia Polipectomia Endoscópica Citologia Aspirativa Urofluxometria E.C.G.

• Trat. varizes (esclerose e laser) • Sedação profunda c/apoio de Anest. p/ exames endoscópicos • Laser Cirúrgico • M.A.P.A. • Holter 24 horas • Polisonografia em ambulatório

Marcações das 9:00 às 19:00 de 2ª a 6ª Feira Telef: 243 305 780 Fax: 243 305 781 Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6-r/c 2005-174 SANTARÉM Email: surgimed@mail.telepac.pt


38

O Ribatejo 16 | Julho | 2010

imobiliário & classificados IMOBILIÁRIO arrenda-se

A RESTAURANTE Churrasqueira em Vieira de Leiria, muito bem equipado, negócio rentável. Preço muito acessível. Tel. 915486840.

A CARTAXO – Loja com 55 m2, situada em zona central. 250€/Mês www. remax.pt/121871069-17 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel: 961 725 441 A CARTAXO – Escritórios junto à Câmara Municipal com ar condicionado e elevador. Possibilidade de venda. 130€/Mês www. remax.pt/121871066-44 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel: 961 778 995 A QUARTO mobilado em Santarém TLM 969303121 A LOJA na Torre São Domingos. Área 42m2 TL 249314528/ 918498975 A LOJA/ ESCRITÓRIO Estrada de São Domingos, 1wc 55m2. Excelente localização. Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092 A O CNEMA dispõe de 3 lojas (espaços comerciais/ escritórios) c/ as seguintes áreas 18m2, 26m2 e 125m2 ( esta última inclui wc). Contactar TLF 243300300 ou geral@cnema.pt

IMOBILIÁRIO trespassa-se A CAFÉ em S. João da Ribeira (RIO MAIOR) Contacto: 243 949 159

IMOBILIÁRIO vende-se A OU ALUGA-SE Supermercado Fazendas Almeirim TLM 968816195 A CASAS vendem-se TLM 933697127 A MORADIA T3 Abitureiras, nova, moderna, Terreno 408m2, a 16mnt Santarém Cozinha equip, rec. calor, páteo, Preço: 145.000,00€ - Ref. 311 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092 A MORADIA T3 Arneiro Tremês, 415m2 útil, Com terreno, a 10km Santarém Preço: 125.000,00€ - Ref. 363 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092 A MORADIA T5 Romeira, 700m2 terreno, restaurada, com jardim e páteo, lareira, excelente Vista para o campo. Preço: 140.000,00€ - Ref. 263 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092 A APARTAMENTO T3 S. Domingos, 1º andar sem elevador, Usado em ótimo estado, ar condicionado Preço: 85.000,00€ - Ref. 691 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

A APARTAMENTO T3 Almeirim, usado, bom estado, com suite, grandes áreas, lareira, varanda, Oportunidade de negócio Preço: 85.000,00€ - Ref. 685 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/243094092

moradia de 2 pisos com 6 assoalhadas e 337 m2 de área bruta. 50.000 € www. remax.pt/121871057-76 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961 778 997

A LAPA – Moradia T1 com quintal e anexo. 45.000 € www.remax. pt/121871030-102 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961 535 235 A ALMOSTER – Simpática moradia térrea com duas mezanines e um jardim interior. Inserida num lote com 5.673 m2, com agradável zona de lazer 172.000 € www. remax.pt/121871028-333 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 926 613 915

A PONTEVEL – Moradia térrea para recuperar, em zona calma e com uma vista espectacular, em lote de 300 m2 com uma construção de 82 m2. 50.000 € www.remax. pt/121871067-11 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961 778 994

A VALE DE SANTATÉM – Apartamento T2 em zona aprazível. Cozinha equipada, sala c/ ar condicionado e tecto em madeira exótica com projectores. 76.000 € www. remax.pt/121871074-45 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961 778 968 A CARTAXO – T3 em zona nobre, com ar condicionado e garagem para dois carros. 99.500 € www.remax. pt/121871066-50 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961 778 995 A ALMOSTER – Casa térrea a necessitar de renovação, composta de 5 divisões assoalhadas, c/ um quintal de 70 m2. 44.800 € www.remax. pt/121871028-337 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 926 613 915 A VALE DE SANTARÉM – Lote com 665 m2 /m projecto aprovado para

A ALMEIRIM –T2 em bom estado de conservação, totalmente mobilado, com oferta de todas as despesas bancárias com o processo de transacção. 52.500 € www.remax. pt/121871057-85 RE/MAX Milénio – AMI 6883 Tel. 961 778 997

A MORADIA isolada V3, zona tranquila, bons acessos em Vale Figueira. Cozinha ampla c/ lareira rústica, 3 quartos (2 c/ roupeiro), sala c/ lareira e 2 wc, uma c/ banheira e lavatório duplo. Exterior ajardinado com possibilidade de construção de piscina –149.900€ www. remax.pt/120431070-145 AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500 A ÓPTIMO APT como novo, em zona sossegada, fácil estacionamento. Sala c/ lareira e recup. de calor, cozinha equipada c/ placa, forno e exaustor, boa despensa, casa de banho com banheira de hidromassagem e 2 quartos c/ roupeiro c/ portas de correr dispõe ainda de arrecadação c/ 25 m2 e pré-instalação de Ac e Asp. central. – 80.000€

www.remax.pt/1204311054 AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500 A T3 em bom estado de conservação, c/ 2 casas de banho e cozinha c/ despensa. Dois dos quartos têm roupeiro; uma das casas de banho tem janela. O imóvel tem duas frentes e boa exposição solar. Situado na zona da Praça de Touros, próximo da Segurança Social e do Instituto da Juventude, a dois passos do Politécnico - 70.000€ www.remax. pt/120431108-43 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT constituído por 3 quartos c/ roupeiro, um dos quais suite, wc na zona social, sala c/ lareira e AC, cozinha c/ placa, forno e esquentador, despensa na cozinha e área de estendal. Boa localização, comércio variado, Hospital, farmácias, cafés e hipermercados. Bons acessos. Possui um lugar de estacionamento e ainda possui uma arrecadação c/ 4,20 m² – 122.000€ www. remax.pt/120431104-16 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A VARZEA moradia de rés do chão e 1º andar. Possui 3 quartos e 3 casas de banho. Inserida num lote de terreno de 640,5 m² e c/ uma área de implantação de 258,8 m². No logradouro possui algumas árvores de fruto, um furo, tertúlia e garagem. A necessitar de algumas obras de remodelação – 129.500€ www.remax.pt/120431071115 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500

A MORADIA de 2 pisos em Urb. nova perto do centro da cidade, restaurantes e serviços. R/ chão c/ cozinha e sala de refeições, sala de estar / lareira e wc de serviço, garagem c/ portão automático e terraço c/ churrasqueira. 1º andar c/ 3 quartos c/ roupeiros e uma arrecadação transformada em escritório com janela velux e wc completo – 135.000€ www. remax.pt/120431114-6 AMI 5430 - RE/MAX SCALA Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T3 c/ pouco tempo de uso. Possibilidade de espaço de garagem. Santarém – S. Domingos (95.000€) Ref; 001001018 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda. pt – 243306076/ 917 997770 A MORADIA geminada c/ 3 assoa., 2 pisos, terraço e logradouro. Centro da cidade. Bom preço. Calçada do monte – Santarém (95.000€) Ref; 001002002 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770 A V2, pré-instalação a.c., cozinha rústica c/ lareira, telheiro c/ barbecue e lavatório, parqueamento, murado e possib. construção de 182m2. Frade de cima – (125.000€) Ref; 001003006 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770 A QUINTINHA c/ 10.200 m2, moradia c/ 4 quartos, sala comum (32.85 m2) c/ recup. calor, Cozinha semi-equipada, pré-instalação de aquec.

FAUSTINO SANTOS

Acupunctura / Hipnoterapia Clínica Licenciado em Medicina Tradicional Chinesa Curso pós-graduado de aperfeiçoamento de Hipnose em Clínica Médica (componente de especialização) da Faculdade de Medicina de Lisboa

Praceta Pedro Escuro, 10 - 3.º Esq.º (Junto à Rádio Pernes)

MARCAÇÕES - Telemóvel: 962 600 338

www.faustinosantos-acupunctura.com

central e garagem p/ 2 carros. Piscina (4.5mx9m). Achete (199.000€) Ref; 001004007 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770 A APT T2 em muito bom estado, situado na zona nobre de S. Domingos – Santarém (95.000 €) Ref; 001005001 Trata: Imovenda, Lda – AMI 5774 www.imovenda.pt – 243306076/ 917 997770 A APT T2, Almeirim, coo novo, cozinha equipada, logradouro c/churrasqueira. Valor 90.000,00€ - Ref. A-327 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A TERRENO c/ 165m2, Almeirim, c/ moradia para demolir. Valor 27.500,00€ Ref A-326 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A APT T3, Almeirim, novo, lugar garagem, ar condicionado, cozinha equipada, excelentes. Valor 115.000,00€ - Ref. A-322 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A MORADIA T2 rural, na Várzea, 1900m2 terreno, zona sossegada. Valor 68.000,00€ - Ref. A-320 TLF: 243595033 www. habigotica.com AMI 5915 A LOJA em Santarém, nova, 110m2, grandes montras. Valor 97.500,00€ - Ref. S-574 TLF: 243595033 www. habigotica.com AMI 5915 A São Vicente Paúl Moradia T3, usada, como nova, c/ 2 quartos, suite , cozinha, sala, 2 wc, alpendre, garagem. 2

cadernetas urbana c/1.000m2 e rústica c/3.020m2. convida ao relax e qualidade de vida . ZEN , c/ a capital do gótico e entrada para A1 a 10 min. ZEN MOR.199 PREÇO 175.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – Jardim de Baixo Moradia T3, r/c e 1º, usada, soalheira, em ópt. estado, pré-instal. p/ paneis solares, logradouro, alpendre, garagem indiv.. Zona residencial mtº aprazível, próx. entrada A1, zonas comercias, escolas e cidade de Santarém. ZEN MOR.198 PREÇO 165,000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Romeira Moradia T4+1. r/chão, cave e sótão. No r/ chão: hall, sala, quarto, suite, wc e alpendre; na cave: cozinha, despensa, casa máq., 2 quartos, casa jantar e wc. Sótão amplo. 2 cadernetas, urbana c/ 450m2, rústica c/ 11.680m2. ZEN MOR.130 PREÇO 199.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Alpiarça Moradia T5+1,usada ( cave, r/c e 1º), proj. numa construção e acab. Qualidade, zona habitacional privilegiada... Barragem, Museu dos Patudos e Reserva Natural do Cavalo Sorraia. ZEN MOR.168 PREÇO 280.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – S.Salvador Apt Duplex T2, usado, bem cons., bons acab., 2 quartos, sala, Wc ,cozinha, zona arrumos, garagem priv. c/acesso ao duplex, arrecadação, em zona calma, a 3 min. centro da cidade, e 5 min. acesso a


IMOBILIÁRIO & CLASSIFICADOS 39

O Ribatejo 16 | Julho | 2010 A1 .ZEN APT.107 PREÇO 97.500€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Almeirim Apt T3, novo, hall (tecto falso c/ projec.) 2 quartos (roupeiros de correr), 1 suite( banheira hidrom. wc c/ janela), sala, wc, cozinha semi-equipada c/ electrodom. INDESIT, garagem (box indiv. exterior, c/ água e luz ligado cada fracção), zona agradável, c/ jardim, bons acessos rodoviários ZEN APT.155 PREÇO 105.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243

A Apt. usado T2 Almeirim c/ 1 lugar de garagem. 100.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Casa antiga em Ponte do Soleiro/ Santarém. 50.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A LOJA c/ + - 40 m2 em Santarém na zona histórica. 42.500€ neg - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653

A Apt. usado T2 em Santarém. 65.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Apt. novo T3 c/ garagem em Almeirim. 126.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A SANTARÉM – Arredores Moradia em Banda; 4 Assoalhadas; 2 Pisos; Área 108m2; Sotão; Localizada na Zona Central da Vila; Bons Acessos Ref. 4050 Preço: 58.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390

A SANTARÉM – Arredores 4 Moradias e 1 Adega; Cada Moradia c/ 2 Divisões e Cozinha Rústica; Terreno c/ 808m2 c/ Poço; Localizadas em Aldeia Típica Ribatejana Servida p/ Óptimos Acessos Ref. 4063 Preço: 48.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – S. Nicolau Quinta c/ Casa p/ Reconstrução; Implantada Num Vale Soalheiro; Terreno c/ 16.800m2; Oliveiras; Tanque; Mina; Poço; Situada na Periferia

da Cidade; Água e Luz; Bons Acessos. Ref. 1104 Preço: 97.500,00 Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – Marvila Apartamento de 3 Assoalhadas; Despensa; Varanda; Sotão; Excelente Exposição Solar; Centro da Cidade. Ref. 2856 Preço: 50.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – Arredores Terreno Rústico c/ 5.025m2 e Poço Ref. 3523

Preço: 35.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390

VEÍCULOS vende-se EMPREGO precisa-se A EMPREGADO que tenha família, para guardar ovelhas e regas. TL 241833122

assinatura anual

por apenas 25,50 €

A FOCUS TDDI 2001 5Lug só 6000€ T 917046580 A AUDI A4 TDI S-LINE 2005 FUL Extras 965175504

DIVERSOS mensagens A PROCURO senhora + 35 anos assunto sério TLM 914143540


tempo: sol Os próximos dias vão continuar a ser de sol mas com temperaturas máximas mais baixos, a rondar os 25ºC a 30ºC. Estão previstos aguaceiros para a próxima quarta-feira. 16 | JULHO | 2010

∑agenda Sábado

Alcanena ∑ Peça “A Promessa” sobe ao palco do cineteatro S. Pedro, pelo grupo de teatro de Pernes. Às 21h30. Cartaxo ∑ A banda Strap 58 actua no âmbito da iniciativa Nova Vaga, no centro cultural, às 23h. Almeirim ∑ Casting para a Miss Ribatejo, no cine-teatro, a partir das 14h.

Domingo Santarém ∑ O espectáculo do tuning automóvel de regresso ao Cnema.

Impresso em papel que incorpora 30 por cento de fibra reciclada, com tinta ecológica de base vegetal

Director do Virgínia é o novo director-geral das artes

rosário breve

Daniel Abrunheiro

João Aidos∑ Programador cultural de Torres Novas sai e ainda não tem substituto João Aidos, que exercia o cargo de director artístico do Teatro Virgínia em Torres Novas, foi nomeado como novo director-geral das Artes, substituindo Jorge Barreto Xavier que saiu em ruptura com a ministra. Em nota enviada è imprensa, o Ministério da Cultura refere que “está convicto de que, com a nomeação de João Aidos, a Direcção-Geral das Artes terá uma nova estratégia que permitirá uma nova atitude e nova abordagem das proble-

máticas que afectam o sector cultural, quer no contexto circunstancial actual, quer no planeamento a médio e longo prazo”. Segundo a mesma nota, João Aidos tem uma “vasta experiência e reputação no meio cultural português, ligado a inúmeros projectos no âmbito da Rede Nacional de Teatros e cineteatros, gestor, programador, produtor e engenheiro projectista com profunda ligação à rede e tecidos culturais em todo o território nacional”.

O presidente da Câmara de Torres Novas, António Rodrigues, diz que ainda não escolheu um substituto para João Aidos mas frisa que a “estrutura está montada”

e, por isso, não haverá ruptura com o trabalho desenvolvido até agora. Rodrigues afirma que só em Setembro será apresentado o novo director do Teatro Virgínia.

Rodrigues escreve a Sócrates a pedir fim dos governos civis António Rodrigues não poupa nas palavras e pede a José Sócrates para acabar os governos civis a quem chama “esses sorvedores de dinheiros públicos” e “estrutura apodrecida”. O presidente da Câmara de Torres Novas e presidente da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo escreveu no seu blogue (Aqui&Agora - http:// araquieagora.blogspot.com) uma carta ao primeiro-ministro na qual, num discurso informal, apresenta a José Sócrates a sua PEC (proposta especial de contenção). Neste post pode ler-se: “Porque não acabas de uma vez por todas, e pela raiz, com esses sorvedores de dinheiros públicos que sempre foram e continuam a ser os Governos Civis…? Porque não eliminas esta apodrecida estrutura representativa do Governo, que de representação pouco ou nada tem?”. O autarca continua e justifica a sua proposta: “tu bem sabes (…) que eles se arrastam penosamente, sem dinâmica política e sem factores acrescidos que tenham reflexos positivos nas populações. (…) os governos civis têm tendência a transformar-se, cada vez mais em autênticas mercearias de bairro”. Nesta carta podem ler-se também elogios ao trabalho do primeiro-ministro, que Rodrigues classifica como “esforço titânico”, mas também críticas implícitas aos cortes de “100 milhões” nas transferências para as autarquias, ao aumento de impostos e à intenção de portajar as SCUT, nomeadamente a A23. Carta completa em www.oribatejo.pt

O jornal a quem o trabalha Sim, voltei a percorrer as páginas de anúncios dos jornais. Procuro trabalho(s). É quase só o que leio deles, aliás. Não me lembro de o jornalismo estar assim: tão reles, digo. Antigamente, a informação era interessante. Hoje, é interesseira, interessada e serve interesses. Não, não procuro trabalho no jornalismo activo. Deixei-me disso. Deixei-me disso porque a única coisa que tinha à venda eram os braços, não os olhos, não a cabeça, não a alma. Fiz bem em bater com a porta ao economato em que o “jornalismo” (com aspas pois, tem de ser) se tornou. A minha utopia era esta e era simples: que os jornais pertencessem aos jornalistas. Como as escolas às comunidades que servem. Como as bancas de azeitonas, tremoços, nozes, pevides e chupa-chupas artesanais embrulhados em papel de seda às senhoras sentadas ante elas e que pelas praças do País causam aos nostálgicos como eu uma melancolia pueril. Mas não. Os jornais não são dos jornalistas – nem os jornalistas se sentem dos jornais. Uns, estão ali pelo fim do mês. Outros, até ao fim do mês. É por causa das “sinergias”, dos “gestores”, das “económico-reses”, dos “lambe-pés”. É, é. Repare-se nisto: notícias já não há – há “conteúdos”. Os suplementos de “sabores e saberes” são mais do que as mães. Notícias, reportagens de fundo? Está quieto, ó mau! Acordei hoje assim, deu-me para isto, desculpai-me. Vou ali ao café do senhor Manuel e da dona Adelaide ler (à borla) o pasquim local a ver se os meus braços são precisos em algum lado. Duvido que. Mas se encontrar, darei notícia. daniel.abrunheiro@gmail.com


ed. 1299