Issuu on Google+

DIRECTOR Joaquim Duarte

Ver páginas 12 e 37 SEMANÁRIO 22 de Outubro de 2010 | Ano X X V | N. 1303 | €0,80

(IVA incluído)

Telefone 243 309 600 · Fax 243 333 766 · Centro Nacional de Exposições - Quinta das Cegonhas - Apartado 355 - 2000-471 Santarém info@oribatejo.pt · www.oribatejo.pt

A crise toca a todos JOSÉ GUSMÃO

FAMILIA ROSÁRIO com três filhos

SÓNIA SANFONA

Deputado do BE por Santarém

Governadora Civil de Santarém

Vencimento 2010

Vencimento 2011

3.624 €

3.298 €

FRANCISCO MOITA FLORES Presidente da Câmara de Santarém

V Vencimento 2010

Vencimento 2011

3.816 €

3.434 34 €

Vencimento o 2010

Vencimento 2011

Abono de Família actual

Abono de Família em 2011

3.298 8€

3.020 €

145 €

95 €

| páginas 6 e 7

Santarém O mundo da bicicleta em exposição no CNEMA página 13

Negócios Quinze mil hectares para jovens agricultores página 28

Região Ranking das melhores escolas do distrito

Politécnico Novos alunos propõem mudanças nas escolas

página 8

Automóveis LPM investe forte em Santarém páginas 23 a 26

página 27

Almeirim Câmara escondeu relatório à oposição página 17

Santarém capital da Gastronomia Temos Festival de Gastronomia até final do mês, e este ano com música popular e fados na Casa do Campino | páginas 12, 34 e 39


2

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

praçapública eles dizem

sopa da pedra

Tão amigos que nós somos Já se sabe que os nossos autarcas andam profundamente descontes com as restrições orçamentais impostas pelo austero PEC e daí o acentuarem críticas aos gastos de outros organismos do Estado. Moita Flores, por exemplo, não se tem coibido de reclamar o fim dos Governos Civis. Daí a estranheza deste beijo tão cordial, que selou o momento do encontro entre o autarca e a governadora civil, Sónia Sanfona, na cerimónia de abertura do ano lectivo do Politécnico de Santarém.

r

Moita Flores ausente Foi em grande e muito concorrida a inauguração do Festival Nacional de Gastronomia. Ora vejam só: um ministro, três secretários de Estado, vários autarcas e muitos ilustres da região. Tamanha comitiva tornou mais notória a ausência do presidente da Câmara, Moita Flores. Justificada na altura por se encontrar de casamento – presumimos que também com mesa farta; mas sem os

mimos do belo bacalhau com broa e grelos aromatizados, a rematar com os deliciosos papos de anjo e bolo de agrião com chocolate negro, da ementa ribatejana. Já agora, fica aqui o aviso: o dia da gastronomia alentejana (região natal de Moita Flores) é já a 28 de Outubro, e promete na ementa bochechas de porco assado com migas e tarte de perdiz. Imperdível!

A falência da Câmara de Santarém foi declarada há sete ou oito anos pelo meu antecessor. Ao longo destes cinco anos, o que se tem vindo a fazer é tirá-la da falência, fazer o milagre de renovar, de investir e de estar dentro dos limites legais de endividamento. E estaria menos e endividada se o E Estado pagasse o que d deve” Francisco Moita Flores Correio da Manhã

Uma reflexão com 2065 anos

Peregrinação... O nosso colunista e sempre atento Armando Fernandes, enviou-nos esta foto com a oportuna missiva que se segue: “Por mero acaso, passei nesta pequena localidade entre o Pinhão e S. João da Pesqueira, no Alto Douro Vinhateiro. Com a crise reinante, acredito que, muito em breve, este será um local de grandes peregrinações... À cautela, registei o sítio. Nunca se sabe o dia de amanhã!”

r

Apesar dos b brutais cortes que tê sido impostos, têm e estará seguramente m melhor do que muito o governo do senhor S Secretário de Estado e a deixar o país” está Idem Idem

crónica de maldizer

Vivam as obesas! e vivam os gordos! As têvês, agora, dão-nos transmissões frequentes das sessões da Assembleia da República. Desse modo, todos têvêmos as nossas caras mas queridas deputadas e os nossos caros deputados, que somam 230 e nos gastam milhões. E a maior parte deles só serve para limpar o pó das poltronas em que se recostam ou a que se encostam, pelo que proponho que os ordenados das deputadas e dos deputados que nunca abrem a boca mas lá estão, rentes, todos os dias, sentados nas poltronas, quedos e mudos, e só deixam de

estar quedos quando se mexem para bater palmas aos do partido ou para votarem à ordem do querido leader, e só deixam de ser mudos quando conseguem coragem para dizerem Muito bem! quando fala um dos do seu partido, pois proponho que haja diferenças nas pagas dessas senhoras deputadas e desses senhores deputados. Porque, sendo certo que todos se deputam, a verdade é que não produzem todos o mesmo, visto que as senhoras deputadas que têm cus largos e os senhores deputados gordos limpam melhor as pol-

tronas do que as senhoras deputadas tipo Carla Bruni e do que os deputados magros – com o que nos poupam umas centenas ao fim do ano, pela desnecessidade de contratar mais pessoal para a limpeza da Assembleia, além da energia eléctrica que se poupa com o menor uso dos aspiradores que não são precisos para limpar as poltronas das senhoras deputadas rabonas e dos senhores deputados gordos. Se os leitores se derem ao incómodo de pensarem nesta questão, que é mais importante do que parece, apoiarão, de certeza,

a minha proposta, com o que a nação poupará umas centenas, coisa que será sempre de aprovar (a poupança) nestes tempos de crise em que vivemos – com a ameaça de, brevemente, só vegetarmos, porque o nosso querido Estado precisa de quase tudo o que os trabalhadores produzem. Para reduzir o défice – que nunca mais se veda! Claro que a solução radical seria a de despedir e pôr a trabalhar dois terços ou três quartos das nossas queridas deputadas e dos nossos caros deputados. Mas essa solução não poderá

Eurico H. Consciência

ser encarada. Por causa dos direitos adquiridos certamente, mas sobretudo porque tal solução não será democrática, porque a Constituição da República Portuguesa reconhece a todos os portugueses o direito ao silêncio, ou seja, o direito a estarem calados, e nada na lei proíbe que os gordos e as obesas limpem o pó das cadeiras de forma mais rápida e eficaz do que os magros. Disse.


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 3

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Cartoon de António Maia

opinião

online

Elogios em memória de Alfredo Margarido: “Gostei da forma

a pergunta da semana

O que está a achar dos primeiros dias do Festival Nacional de Gastronomia? Desde há oito anos que venho ao Festival Nacional de Gastronomia, em Santarém e acho que este é o ano que tem menos gente. Ainda estamos no inicio do certame e quero acreditar que vai melhorar e trazer mais gente que a que tem agora.

Francisca Gomes Expositor Santa Comba Dão

É o primeiro ano que venho e pelo que se vê estão poucas pessoas. O negócio está fraco e vendese metade do que se vendia há um ano atrás. Hoje, os artesãos como eu procuram feiras no país em que não se pague o espaço, o que não é o caso desta, no entanto ainda compensa porque são 15 dias de mostra ao público, em que há possibilidade de negócio. Fernando Barbosa Expositor Estremoz

Venho a esta feira em Santarém há cinco anos e achei o início do certame muito fraco. As pessoas estavam habituadas a vir logo na sexta-feira e esta edição só abriu ao sábado e houve pouca informação. Mas penso que isto vai melhorar.

Este é o primeiro ano que venho ao festival e acho que está muito pouca gente. O primeiro fimde-semana foi muito fraco comparado com outras feiras no país. Talvez seja reflexo da crise vivida no país.

António Duarte Expositor Turquel

F editorial

O orçamento que ninguém quer

Armando Alves Expositor Alcobaça

O folhetim sobre se o Orçamento de Estado vai ou não ser aprovado continua exactamente no mesmo ponto em que se estava antes de haver orçamento propriamente dito. Antes ainda de o Governo nos dar a conhecer os números da dor que a todos nos aguarda em 2011 e que agora vamos conhecendo em mais pormenor. A cálida dúvida que continua a inquietar as páginas dos jornais nacionais e os comentários televisivos, ou os espíritos sensíveis de banqueiros e ex-governantes em inesperadas romagens à Lapa e a Belém, ainda não comoveu Pedro Passos Coelho para consentir na aprovação do Orçamento. O documento onde o Governo se propõe reduzir a despesa pública em mais de dois mil milhões de euros e aumentar a carga fiscal dos contribuintes em mais mil milhões e qualquer coisa (ou vice versa, na opinião do PSD, porque isto das contas do Es-

tado já se sabe que tem sempre os seus desvios e desacertos de análise, quando não por vezes até na realidade dos números). Pois mesmo sob a ameaça de penhoristas e de especuladores internacionais que financiam a nossa dívida pública e privada – modo de vida a que nos acomodámos praticamente desde que vivemos em democracia – nem assim o PSD de Passos Coelho se comove, preferindo manter uma teimosa determinação de só abrir o jogo no dia da votação geral do Orçamento no parlamento. Até lá, o jogo entre Governo e PSD, ou se quiserem entre Sócrates e Passos Coelho, mantém-se neste pingpong do segurem-me senão eu voume embora; ou, visto do outro lado, segurem-me senão deito-o abaixo. Aguardemos pacientemente pelo resultado deste derby, sendo que as equipas de segunda divisão (CDS, PCP e

BE) também vão ter uma palavra a dizer, pouco meiga por aquilo que já se conhece. Certeza só há mesmo uma mesmo por enquanto, a de que este Orçamento não agrada a ninguém, nem mesmo provavelmente ao Governo que o terá feito em boa medida obrigado pelos nossos credores internacionais. É certo que há sempre uns desalinhados, como o juiz sindicalista António Martins que, ao olhar para o seu umbigo, descobriu neste Orçamento de Estado a “retaliação” do Governo dirigida aos senhores magistrados da nação por terem “incomodado” nas suas “investigações” os “boys do Partido Socialista”. Surpreendentemente, não houve juiz que repudiasse tais palavras, embora o ministro da Justiça tenha entendido no seu juízo que tamanho dislate merecia resposta. Joaquim Duarte

simples mas não esquecida, como O Ribatejo escreveu o ‘breve epitáfio a Alfredo Margarido”, diznos João Teodoro Miguel, que nos enviou por e-mail os elogios lutuosos proferidos em memória do Prof. Alfredo Margarido, nosso comum amigo e inesquecível colaborador deste jornal, no momento da cremação dos seus restos mortais, a 14 de Outubro, no cemitério do Alto de S. João, em Lisboa. Três notáveis intervenções lidas na cerimónia fúnebre, por Adelino Torres, António Branquinho Pequeno, Inocência Mata e, ainda, um sublime improviso nas palavras de Fernando Pereira Marques. Todos eles professores universitários, todos eles companheiros de jornada marcados pela grandeza intelectual de Alfredo Margarido. Textos que podem ser lidos na integra na edição online de O Ribatejo, e de que aqui respigamos algumas palavras: “Todos lhe devemos alguma coisa, portugueses, franceses e, em especial, os jovens africanos que constroem, na actualidade, a África de amanhã”. Ou ainda: “Com ele, a palavra africanista ganhou uma outra dimensão: a do respeito pelos africanos”. Ou este registo, mais socialmente reflexivo do nosso comum amigo Branquinho Pequeno: “Há quem tenha recebido em vida, da sociedade, das instituições e governantes, mais do que mereciam, mais do que lhes cabia. E há quem tenha dado muito e recebido bem pouco e mal. Foi este o caso de Alfredo Margarido. (…) Creio que ele tinha consciência, talvez amargamente, que a ousadia e a frontalidade são, de algum modo, companheiras de muita solidão”. Leitura integral deste artigo em

www.oribatejo.pt


4 PRAÇA PÚBLICA | OPINIÃO

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Director Joaquim Duarte joaquim.duarte@oribatejo.pt CP. n.º 867

Redacção - 243 309 601 João Baptista (chefe) joao.baptista@oribatejo.pt - CP. n.º 1157 João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt - CP. n.º 6911 Bruno Oliveira bruno.oliveira@oribatejo.pt - CP. nº 8754 Jorge Guedes - CP. nº 2798 Jerónimo Belo Jorge - CP. nº 1907 (Abrantes) Joana Margarida Carvalho (Estagiária - Abrantes) Vânia Clemente Colunistas Armando Fernandes, Beja Santos, Carlos Chaparro, Daniel Abrunheiro; Eurico Heitor Consciência, José Niza, Luís Eugénio Ferreira, António Maia (Cartoon)

Colaboradores António Branquinho Pequeno, António Brotas, Alexandre Manuel, André Lopes (desporto), Adolfo Luís (fotografia futebol), Carlos Alberto Cruz, Hélder Duque (fotografia futebol), Joaquim Dâmaso (fotografia), João Grego Esteves, José A. Costa (fotografia futebol), Júlio Freches, Nuno Abreu (fotografia futebol), Nuno Matos (fotografia futebol), Renato Campos, Rogério Rodrigues, Rosalina Melro, Vítor Gomes (fotografia futebol)

Departamento Gráfico Vítor Arsénio (chefe), António Vieira

Projecto Gráfico

defrank - Comunicação Editorial defrank@interacesso.pt

Departamento Comercial - 243 309 602 Rita Duarte (directora comercial) 962 108 761 rita.duarte@oribatejo.pt Luís Silva - 962 108 756 Ana Marecos - 962 108 762 Sandra Amendoeira - 961 736 350

Secretariado - 243 309 600 Ana Sousa - 962 108 760

foto denúncia Apesar dos protestos, a Câmara Municipal de Santarém vai pôr hoje, dia 22, em vigor o novo regulamento e tarifário do estacionamento à superfície na cidade de Santarém. Se é certo que ninguém gosta de pagar aquilo que até agora era de borla, também é verdade que Santarém precisa de alguma ordem no salve-se quem puder que é o estacionamento na cidade. Veja-se a fotografia...

Penso logo insisto

Sede: Centro Nacional de Exposições Quinta das Cegonhas Apartado 355 2000-471 Santarém Geral: 243 309 600

Conversas da treta

Publicidade 243 309 602 Fax: 243 333 766

E-mail info@oribatejo.pt

Internet www.oribatejo.pt

Serviços assinaturas 243 309 600

Paginação e montagem Jortejo, Lda. - Santarém telef.: 243 309 605

Impressão Imprejornal, S.A. Rua Rodrigues Faria 103, 1300-501 Lisboa

José Niza

Distribuição Vasp

Assinaturas (52 Números) Portugal: 25,50 € Europa: 50,50 € Resto do Mundo: 76 € Preço Avulso 0.80 € (IVA incluído) Editora e proprietária: Jortejo, Lda. Apartado 355 2002 SANTARÉM Codex

GERÊNCIA Francisco Santos, Ângela Gil, Albertino Antunes

Departamento Financeiro Ângela Gil (Direcção), Ana Rita Fonseca, Catarina Branquinho, Gabriela Alves e Patrícia Santos. info@lenacomunicacao.pt

Departamento de Marketing Patrícia Duarte (Direcção), Susana Santos (Coordenação) e Catarina Fonseca marketing@lenacomunicacao.pt

Departamento Recursos Humanos Nuno Silva (Direcção) e Sónia Vieira. drh@lenacomunicacao.pt

Departamento Sist. Informação Tiago Fidalgo (Direcção) e Hugo Monteiro. dsi@lenacomunicacao.pt

Unidade de Projectos Lúcia Silva (Direcção) e Joana Baptista (Coordenação) projectos@lenacomunicacao.pt Tiragem semanal 9.500 exemplares Depósito Legal 13 983/86 Sócios com mais de 10% de capital Sojormédia: 83% Nº Registo no ICS: 111209 (20.11.85) Nº Contribuinte: 501636110

Autorizado pelos CTT a circular em invólucro fechado de plástico envoi fermé autorisé par les PTT Portugais · Autorização - Autorisation: Nº 16 DE 001602 DCE pode abrir-se para verificação postal

O robalo grelhado – daqueles mesmo do mar – estava divinal. O Barca Velha, em homenagem ao Tejo, escorreu bem pelas gargantas. E, depois da tarte laranja de laranja, aportaram à mesa os cafés e charutos havanos. Já no fim do ágape chegou um telefonema da Assembleia.

Pedro Poças Botelho e Miguel Ervas almoçavam num restaurante da linha de Cascais, mesmo em cima da praia. Estava um esplendoroso dia de sol de Outono e o mar, preguiçoso, matizava-se em “dégradés” de azul. Ao longe, a todo o pano e de velas enfunadas, a Sagres entrava a barra do Tejo. (“Heróis do mar. Nobre Povo. Nação valente”) Enquanto as entradas não entravam, Pedro Poças Botelho e Miguel Ervas brindavam ao futuro com flûtes de Moet et Chandon. Pedro Poças Botelho – Por este andar nunca mais chego a Primeiro Ministro... Miguel Ervas – E eu? Quando virá o dia em que eu vou entrar em S.Bento como Ministro de Estado e da Presidência? Pedro Poças Botelho – E quem é que te disse que ias ser Ministro de Estado e da Presidência? Miguel Ervas – Ora essa! Então eu não sou o número dois? Pedro Poças Botelho – E quem é que te disse que és o número dois? Miguel Ervas – Alto e pára o baile que já não estou a gostar da conversa! Então eu que andei por aí a arrebanhar votos, a converter presidentes de câmaras, a pagar as quotas dos companheiros, a prometer lugares de deputados, a alugar camionetas, a pagar jantaradas do meu bolso, a prometer tudo o que eram “tachos” em empresas públicas... e agora não sou o número dois? Então, se não sou o número dois, quem é que é o número dois? Eu que andei quase à porrada com o Pacheco Pera Rocha! Eu que até fui corrido da Assembleia por tua cau-

sa! Eu que até andei à estalada com o Peco Santana Copos! Eu que até disse ao Marquês Mendes que crescesse e aparecesse! Eu que até chamei “velha e feia” à Emanuelle Ferreira Iogurte! Eu que até furei os pneus do carro do Martelo para ele não poder chegar à TVI! Eu que... Pedro Poças Botelho – Ó Miguel, não te excites! Não te enraiveças, que te cai mal o almoço! Miguel Ervas – Não me excito? Como não me excito?! Então eu, que ao princípio passava os dias nas televisões, e que cada vez que tu davas o dito por não dito eu é que dava a cara e dizia que aquilo que tu tinhas dito não era bem o que tu tinhas dito mas o que podias ter dito e não disseras, e aliás já toda a gente tinha entendido o que tu disseste que tinhas dito menos essa corja de venenosos jornalistas que por aí abunda. Pedro Poças Botelho – Pois é! Mas queres que te diga? Queres mesmo saber? Pois então ouve: lembras-te das sondagens de aqui há uns meses? Lembraste de andares sempre a dizer que aquilo estava no papo? E o Nogueira Iogurte, armado ao pingarelho a contar com o ovo no cu da galinha como se já fosse Ministro das Finanças? Bons tempos, companheiro, bons tempos... Miguel Ervas – Essa é demais. E eu agora é que tenho a culpa?! Tu andas por aí a vender Constituições em segunda mão, a proclamares que és “neo-liberal” – que até parece o nome de um novo detergente – a dar beijinhos ao Alberto João, que eu bem os vi, e agora eu é que pago as favas! Pedro Poças Botelho – Não pagas nada as favas, que isto são contas do Porto... mas vê lá é se, de uma vez por todas,

metes isto na tua cabecinha: eu, mesmo que tenha a culpa, não posso ter a culpa! Percebes? O número um nunca tem culpas porque, senão, não era o número um, o “special one”, estás a entender? É por isso que há sempre um número dois que diz as coisas que o número um não pode dizer, mas que têm que ser ditas. Isto é como no futebol: alguém tem de defender os penalties!... O robalo grelhado – daqueles mesmo do mar – estava divinal. O Barca Velha, em homenagem ao Tejo, escorreu bem pelas gargantas. E, depois da tarte laranja de laranja, aportaram à mesa os cafés e charutos havanos. Já no fim do ágape chegou um telefonema da Assembleia. Era o Miguel Maiscedo a perguntar: - “Ó Pedro, afinal, como é que vamos votar o Orçamento?” E Poças Botelho respondeu: - “Orçamento? Mas qual Orçamento?”


OPINIÃO | PRAÇA PÚBLICA 5

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

números

há vinte anos

Anunciávamos a realização da 1ª grande corrida de toiros do jornal O Ribatejo: valoroso cartel, com os cavaleiros Luís Miguel da Veiga, Vasco Taborda, Luís Rouxinol e o ainda estreante José Manuel Duarte; seis toiros dos Herds. Paulino da Cunha e Silva; e os Forcados Amadores de Santarém. O Arquitecto Guedes de Amorim assinava o protocolo para a elaboração do projecto do Cnema.

627

O Banco de Portugal divulgou o retrato do crédito a particulares e empresas: 627 mil falharam pagamentos à banca em Junho; a maioria, 571 mil, respeita ao incumprimento no crédito ao consumo, e no crédito à habitação 121,5 mil apresentavam prestações vencidas. Há ainda 120 mil empresários em nome individual que falharam pagamentos no mesmo período.

estrelas

O Colégio Infante Santo, em Tremês, Santarém, volta a liderar o ranking das escolas básicas no distrito de Santarém. Apesar de ter gestão privada, esta escola pertence à rede pública de ensino, o que reforça o valor desta posição no ranking, à frente de muitas escolas privadas, onde se pagam mensalidades elevadas ao alcance apenas de alguns poucos privilegiados.

A espuma dos dias

O esforço da Câmara de Santarém no reforço da segurança junto às escola do concelho foi recompensado pela Associação Portuguesa de Sinalização e Segurança Rodoviária, com o prémio “Sinais Vitais – Boas Práticas em Sinalização e Segurança Rodoviária”. O projecto implicou a intervenção em 22 freguesias do concelho, com o aumento da segurança de peões e redução da sinistralidade.

Ricardo Gonçalves Vereador da Câmara de Santarém

Os serviços de limpeza da Câmara de Santarém já só têm a responsabilidade da recolha do lixo nas quatro freguesias da cidade. Ainda assim estão a dar má conta do recado, como se verificou no início deste mês, em que não houve recolha de lixo na cidade durante uma semana. A justificação foi a avaria de todos os três camiões do lixo ao mesmo tempo. Pudera, com uma frota de antiguidades camionistícas...

Opinião

Ajuste de contas Este ano o Natal vai ser triste: sem luzinhas, sem jantares pagos pelo orçamento, sem ofertas gordas aos gestores, sem prendas reluzentes aos directores, sem a distribuição de agendas pelos chefes de reArmando Fernandes partição, sem a dádiva de calendários exibindo mulheres peitudas aos amanuenses e contínuos, sem brindes de nenhuma espécie para ninguém. Este ano o O Natal vai ser triste para os Natal vai juízes e magistrados por lhes ser triste: terem efectuado um desconto no recebimento do subsídio sem luzinhas, sem de renda de casa, como se tal benesse tivesse justificação jantares nos tempos correntes. O Napagos pelo tal vai ser muito triste, dizem orçamento, as mulheres dos administradores – dos institutos ainda sem ofertas gordas não extintos nem fundidos –, aos gesto- elas que sonhavam compras de arromba com os bónus dos res, sem excelsos maridos rilham os prendas dentes num rictus de despeito, reluzentes prometendo nunca mais votar aos directo- socialista. O Natal vai ser triste afirmam os especialistas res… em comissões recebidas a troco de vendas ao papá Estado, enquanto os boys choram lágrimas de rancor e enrolam os dedos lisos de unhas cuidadas pelo desaparecimento dos envelopes de pagamento de intrigas e traições. O Natal será triste dizem os marajás uns atrás dos outros às jovens esposas, nem a Madrid podem ir quanto mais a Londres, Paris ou Nova Iorque escolherem roupinha e jóias. O

João Leite Vereador da Câmara de Santarém

Sofia Santos Directora do Colégio Infante Santo

A industria da mendicidade Natal vai passar-se em casa, as desanimadas, as socialites furiosas afirmam-no atribuindo as culpas pela situação aos beneficiários de algumas regalias sociais. Mas bem feito: a cabeça branca das finanças vai-lhas retirar. O tumulto de vozes dos sempre tristes no Natal obriga à contenção dos próprios banqueiros reféns do dinheiro vendido a peso de ouro devido ao nosso desatino. Este triste Natal afectará os rapazes de mais e menos categoria da música, das letras e das artes já que a cultura não enche a barriga ensinam os livros de somar e subtrair. Este ano o Natal será mais triste a valer para todos os desempregados, os sem eira nem beira, e os marginalizados de muitos matizes porque as pessoas generosas não o serão tanto. Esta a triste realidade. Mas este ano a quadra festiva vai ser melhor do que nunca para os vendedores de automóveis de estalo, os especuladores financeiros, as agências de jogos da Santa Casa (a esperança a isso obriga), sem esquecer a palavrosa nata da classe política. O Menino-Jesus este ano terá de suportar a raiva e descrença de todos quantos não têm culpa dos desmandos praticados pelos governantes que lhes amarguram todos os dias do ano. Todos nós esperamos por melhores dias. A espera vai ser longa de anos.

Luís Eugénio Ferreira

Os pobres são um ícone da miséria que grassa no meio de certas comunidades. Um sinal dos tempos. Mais deplorável quando até os pobres são transformados em objectos de exploração.

Muitas vezes me surpreendi com um pequeno dístico: “É proibida a mendicidade” que aparecia em pequenos azulejos, colocados em alguns pontos estratégicos da cidade. Penso que tal prática, por absurda, deixou há muito de ter lugar. Os azulejos acabaram por se degradar e cair, e a tal lei que determinava a proibição, tornou-se tão obsoleta e inútil, como a que proíbe de fumar nos cafés. Era lógico supor que a mendicidade tinha deixado de ser praticada, não como a expressão de uma pobreza que n ão encont rou outro recurso de sobrev ivência, como pelo facto de que as instituições de socorro à pobreza a tivessem tornado, ela própria, como uma coisa obsoleta. Mas não é assim. A experiência recente de quem vive na cidade, afirma que, infelizmente, nem a proibição, nem os esquemas de ajuda, funcionam convenientemente. Com efeito, começamos agora a deparar com a exibição obscena de pobres, sobretudo mulheres, sobretudo de etnias diferentes, sentadas no chão, por vezes no meio da rua, exibindo escritos pedindo ajuda, outras vezes apresentando lesões ou deformações, que transportam a cidade para um passado medieval.

Inquirindo sobre as razões de tal facto, apuramos que para lá dos pobres “fixos”, aqueles que por força das circunstâncias nasceram e vivem entre nós, como parte integrante da nossa comunidade, há outros que constituem uma população “flutuante”. Que vêm de onde? Que vão para onde? Apuramos então que esses pobres, mulheres e crianças, são transportados diariamente para locais estratégicos da cidade, mediante, certamente um pagamento determinado ao empresário que os transformou num vil objecto de exploração. É u m a fo r ma de instrumentalizar a miséria, e de foment a r a industrialização da mendicidade. Sinal dos tempos. Os pobres são um ícone da miséria que grassa no meio de certas comunidades e uma indicação da ausência de meios para a combater. Mas é deplorável como os pobres se podem transformar em objectos de uma exploração tão desumana. Alguns são como as aves de arribação. Cedo procuram outras geografias e outras solidariedades. Outros chegam não sabemos de onde. São mulheres, por vezes jovens que exibem crianças, filhos ou não, mas mártires inocentes da miséria que carregam.


6

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

abertura ABONO ERA UM EXTRA AGRADÁVEL

A

A família Rosário, de Benfica do Ribatejo, tem um rendimento de 1700 euros mensais, vai perder entre 40 a 60 euros por mês do Abono de Família dos três filhos.

Famílias numerosas perdem abono Apertar o cinto ∑ Plano de estabilidade e crescimento provoca impactos duros na classe média De todas as medidas previstas no pacto de estabilidade e crescimento definido pelo governo, a redução do abono de família é uma das que vai ter impactos mais directos no orçamento mensal dos agregados da chamada classe média, sobretudo naqueles onde existem mais de dois filhos. A família Rosário, residente em Benfica do Ribatejo, Almeirim, é um bom exemplo. Tiago, de 30 anos, informático numa grande empresa de logística, é casado com Élia, uma desenhadora de 31 anos, e têm três filhos: o Bernardo e o Guilherme, de 6 e 4 anos, e a pequena Joana, de 4 meses. Com um rendimento mensal conjunto que ronda os 1.700 euros, o agregado familiar recebe actualmente cerca de 145 euros de abono de família. Com as novas regras, o corte estimado andará entre os 40 a 60 euros, e surge numa altura em que

as despesas com a educação vão aumentar. Isto porque, a partir de Janeiro, a bebé vai pagar mais de 100 euros quando começar a frequentar a creche. Somando-lhe os 120 euros que o casal paga pela escola dos meninos, os gastos crescem para 240 euros, aproximadamente, fora transportes, roupa e alimentação, entre outras despesas. “Como é que o governo quer dar incentivos à natalidade castigando as famílias desta maneira?

Pimenta Braz pede justiça social nos cortes

É que, no fim das crianças nascerem, alguém tem que as criar”, desabafa Élia Rosário, para quem este corte é “mais que injusto”. O marido, confessando que ainda nem teve vontade de ir fazer as contas, chama a atenção para o facto da penalização ser dupla: no abono de família e nas deduções à colecta em sede de IRS. “Era um dinheiro extra com que contávamos uma vez por ano, e que no futuro, além de não sabermos se vamos receber, ainda te-

mos medo de pagar”, desabafa Tiago Rosário. Pedro Pimenta Braz, que já foi o delegado da Associação Nacional de Famílias Numerosas (ANFN) no distrito de Santarém, confessa ter “algum receio do impacto social que estas medidas possam vir a provocar”, uma vez que se trata “de dinheiro que, no final do mês, vai fazer falta a muitas famílias, sobretudo àquelas que têm mais hos . O actual inspecinspec filhos”. -geral da Agricultura tor-geral

∑ “Quero acreditar que há uma racionalidade por detrás destas medidas, em que aquilo que me é tirado a mim, que ganho mais, serve para distribuir pelos que mais precisam”, afirma Pimenta Braz, que diz ainda não concordar com o timing dos cortes nos apoios sociais. “À primeira vista, parecem ter sido feitos em cima do joelho, e numa altura complicada para as famílias”, acrescenta, prevendo que a classe média vá sentir os efeitos “de uma forma mais dura” a partir de Janeiro do próximo ano.

e Pescas é casado com Brigite, farmacêutica, e tem também três filhos: o Afonso, a Catarina e o Manuel, de 14, 13 e 11 anos, respectivamente. No que se refere ao abono, Pimenta Braz vai deixar de contar com 30 euros, aproximadamente. “Sei que tenho um salário acima da média, mas, nos dias que correm, não tenho dúvidas que 30 euros fazem falta a toda a gente”, disse ao nosso jornal.

Pedro Pimenta Braz colocava os pouco mais de 30 euros que recebia de abono de família num seguro de capitalização em nome dos três filhos, uma forma de colocar o dinheiro a render para o futuro. “Era uma almofada para um dia mais tarde, talvez para os estudos universitários”, explica, confessando que ainda não sabe como vai proceder quando o governo lhe cortar de vez a verba. “A diminuição do abono acaba por não ter reflexos directos nas actividades familiares, mas é dinheiro com que contávamos e que agora vamos deixar de ter”, afirma Tiago Rosário. O informático exemplifica com o caso do f ilho Bernardo, que está inscrito nas piscinas de Almeirim; “como a mensalidade ronda os 25 euros, o abono dele servia, de alguma forma, para a pagar, mas não é por isso que vai deixar de praticar natação”.

NAVEGAR À VISTA ATÉ FINAL DO MÊS Se até há cerca de seis meses, o orçamento da família Rosário chegava tranquilamente até ao dia 31, agora é preciso “fazer bem as contas e cortar no que é possível. Até porque está tudo caríssimo”, afirma Élia. Além de jantar fora e sair menos vezes, o casal confessa que a poupança já chegou ao carrinho de compras. “No supermercado, já deixámos de comprar alguns produtos. Não vamos deixar de comprar nada de essencial, mas certas coisas que gostávamos de ter cá em casa, como chocolates, já ficam na prateleira. E sumos, só ao fim-desemana”, exemplifica a mulher, acrescentando que também já começou a “optar pelas marcas brancas a nível dos produtos de limpeza”.


CRISE | ABERTURA 7

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

VASCO CUNHA Deputado do PSD

SÓNIA SANFONA Governadora Civil de Santarém

LUÌS ARRAIS Presidente da Scalabisport

FRANCISCO MOITA FLORES Presidente da Câmara de Santarém

JOSÉ GUSMÃO Deputado do Bloco de Esquerda

Vencimento 2010

Vencimento 2010

Vencimento 2010

Vencimento 2010

Vencimento 2010

3.624 €

3.298 €

2.902 €

3.816 €

3.624 €

Corte previsto para 2011

Corte previsto para 2011

Corte previsto para 2011

Corte previsto para 2011

Corte previsto para 2011

326,16 €

278 €

206 €

760 €

326,16 €

As medidas de austeridade são muito duras. Vão levar, obviamente, a uma taxa de desemprego mais alta e as classes média e média baixa vão sofrer mais. O Governo está a acreditar muito nas exportações para a recuperação da economia, mas isso não depende só de nós, mas da saúde económica dos outros países, em especial da União Europeia, que também estão a sofrer a crise. Quanto aos cortes dos salários do sector público, por uma questão de princípio tenho de estar de acordo, embora seja uma factura pesada para a minha família em que somos os dois afectados. Apesar de tudo temos um emprego, e há muitos que estão ou vão ficar desempregados, pois a crise vai agravar-se no próximo ano. Chegámos a este ponto porque o Governo foi autista e não actuou na altura certa. Assim, vamos sofrer mais do que se o Governo tivesse dado importância aos sinais da crise.

Nunca soube os meus ordenados ilíquidos. Ainda não tenho a certeza do corte, mas julgo que andará nos 17%, incluindo os cinco por cento já aplicados com o PEC este ano. Confesso que não sei ainda o valor do corte. Porém, com o aumento dos descontos para a Segurança Social e com os cortes anunciados deverá andar na ordem dos 19% a menos.É a crise. Quanto às medidas de austeridade, bem, isto não são medidas de austeridade. Isto é a recessão, se não for uma depressão que vai comprometer a próxima década de Portugal. Julgo que não existe ainda uma consciência forte da realidade que nos espera mas devo dizerlhe que vai ser muito mau. E ainda virão mais medidas. No que respeita às autarquias, nunca se viveu uma coisa assim e pelo ‘roubo’ de que mais uma vez estão a ser vítimas, acho que bem melhor seria liquidar de vez o poder local democrático. O garrote aperta, aperta, as populações sofrem e o poder local, com excepção de uma ou duas dúzias de câmaras, vão ficar completamente definhadas, havendo umas bnoas dezenas que no próximo ano vão entrar quase directamente em reequilíbrio financeiro. Ou seja, sob as ordens do governo. Ou ainda existem alterações orçamentais ou então, vamos ter a maior crise de sempre do regime democrático e do poder local.

(corte de 9%)

O vencimento actual, de 3.624,41 euros já resulta do corte de 5% pela aplicação do PEC - Plano de Estabilidade e Crescimento. Agora com o Orçamento de Estado para 2011 prevê-se um corte de 9 %, correspondendo um valor de 326,16 euros a subtrair do vencimento que ficará nos 3.298 euros em 2011. Infelizmente, para todos nós, estamos mais pobres e mais elucidados sobre quem nos governou nos últimos anos! A ilusão e as promessas têm um preço que alguns, cheios de certezas, podem sugerir, mas depois todos, mais tarde, têm de pagar.

(corte de 8,24%)

O actual vencimento de 3.298, 21 euros é já resultante do corte de 5%, imposto pela Lei n.º 12-A/2010, de 30 Junho, com efeitos a 1 de Junho de 2010. Está previsto no Orçamento de Estado para 2011 um corte de 8,42%, correspondendo um valor nominal de 278 euros. Assim, o valor previsto para 2011 do vencimento é de 3.020,21 euros. A todos os portugueses está a ser pedido um patriótico esforço no equilíbrio das contas públicas, para fazer face ao desequilíbrio criado com o combate à crise financeira global, a maior dos últimos 80 anos. Esse equilíbrio é fundamental para preparar a economia do nosso País para um novo paradigma de desenvolvimento mundial. No esforço colectivo, é óbvio que concordo que o corte previsto de 8, 42%, que se segue ao já efectuado em 2010, de 5%. Aos titulares de cargos públicos compete estar na primeira linha de construção e manutenção de um Estado solidário, equitativo e justo. Oriento a minha missão, como Governadora Civil, para contribuir para o desenvolvimento da nossa região e do nosso País. Se, para esse desenvolvimento, tenho também de contribuir com sucessivos cortes no meu vencimento, assim o aceitarei com total compreensão.

(encimento 2010)

(19% com os descontos para Segurança Social)

(corte de 9%)

O Bloco opõe-se a toda a lógica da austeridade, incluindo os cortes salariais na Função Pública. No entanto, é evidente que, havendo cortes na administração pública, os deputados não podiam deixar de ser abrangidos. A redução do rendimentos disponível para o consumo, através dos cortes nos salariais, no abono de família, no rendimento social de inserção, da redução cega das deduções em sede de IRS, entre outras, são medidas que irão atacar decisivamente o consumo privado. O agravamento do IVA irá ter um impacto repartido entre as empresas, e os consumidores. Conjugado com a redução do rendimento disponível das famílias, irá deprimir ainda mais a procura, provocando uma aceleração do ciclo vicioso de falências de empresas, aumento do desemprego, redução do rendimento disponível. O congelamento do investimento público em 2010 e redução em 2011, conjugado com a redução das transferências para as autarquias e sector empresarial do Estado, irão repercutir-se na redução das despesas de investimento. O Bloco propõe a renegociação das parcerias públicoprivado, a redução da despesa com serviços externos de consultoria técnica ou jurídica e a utilização de genéricos no Serviço de Saúde. Promover uma reforma para a Justiça Fiscal tributar todas as mais-valias mobiliárias e imobiliárias, extinguir o Off-shore da Madeira, implementar programas de crescimento e emprego.


8

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

santarém Ranking das escolas do distrito Mais negativas ∑ Médias negativa aumentam, mas evolução da década é positiva No ranking nacional das escolas básicas e secundárias, há mais médias negativas este ano, mas a evolução da última década é positiva na maioria das escolas. O Colégio Infante Santo, de Tremês, volta a liderar o ranking do ensino básico do distrito, com a melhor média de resultados nos exames do 9º ano. O Colégio Infante Santo ficou em 38º lugar no ranking nacional, com uma média de 3,6 nos exames de português e matemática. Em segundo lugar, ficou a Escola Secundária Ginestal Machado, de Santarém. A directora

Sofia Santos sublinha que o Colégio Infante Santo, embora tenha uma gestão privada, pertence à rede de ensino público, gratuito, funcionando nas mesmas condições das escolas públicas. “Existe alguma confusão, pelo facto de termos uma gestão privada, mas nós não fazemos qualquer selecção dos alunos que são oriundos das escolas da rede pública e não pagam para frequentar o nosso Colégio”, afirma. “Por isso, este 28º lugar torna-se mais relevante num universo de 1179 escolas e a concorrer com colégios particulares em que

POSIÇÃO DAS ESCOLAS BÁSICAS NO RANKING DISTRITAL

os alunos são seleccionados e pagam mensalidades elevadas”, afirma a directora do Colégio Infante Santo. “Esta posição prova que não existe uma fatalidade geográfica, mas que os resultados surgem com muito trabalho, esforço, exigência e competência dos professores que são capazes de criar ambição nos nossos alunos”, declarou Sofia Santos. Nas escolas secundárias do distrito, o primeiro lugar volta a pertencer ao Colégio de São Miguel, de Fátima, 32º no ranking nacional, com uma média de 123,8 (escala de 1 a 200). A

Concelho

Média do exame

ministra da Educação afirmou que “a escola pública não faz selecção de alunos, é uma escola aberta a todos, mesmo as crianças com mais dificuldades recebem apoio”. O director do Colégio de São Miguel afirma que “esta citação aplica-se totalmente ao Colégio que, nos rankings, aparece com a designação escola privada mas que faz serviço público, tem contrato de associação com o Ministério da Educação e o ensino é, como em qualquer escola pública, gratuito”. Por isso, afirma que “esta forma de avaliar demasiado in-

Posição no Ranking Nacional

justa principalmente para os estudantes/escolas de zonas menos favorecidas, é muito redutora; parecenos consensual que a es-

POSIÇÃO DAS ESCOLAS BÁSICAS NO RANKING DISTRITAL

cola que trabalhar só para os exames está a demitirse da sua principal função - promover a formação integral do aluno”.

Concelho

Média do exame

Posição no Ranking Nacional

1

Colégio Infante Santo

Santarém

3,68

28

41

EB dos 2º e 3º Ciclos de Freixianda

Ourém

2,74

708

2

Escola Secundária com 3º Ciclo de Dr. Ginestal Machado

Santarém

3,43

77

42

EB dos 2º e 3º Ciclos de D. Miguel de Almeida

Abrantes

2,74

711

3

EB dos 2º e 3º Ciclos de Dr. António Chora Barroso

Torres Novas

3,36

98

43

Escola Secundária Dr. Solano de Abreu

Abrantes

2,72

741

4

Escola Secundária com 3º Ciclo de Sá da Bandeira

Santarém

3,34

102

44

EB dos 2º e 3º Ciclos de Dr. Armando Lizardo

Coruche

2,72

747

5

EB dos 2º e 3º Ciclos de Gualdim Pais

Tomar

3,27

138

45

EB dos 2º e 3º Ciclos de Porto Alto

Benavente

2,72

748

6

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de José Relvas

Alpiarça

3,24

148

46

Escola Secundária Marquesa de Alorna (Almeirim)

Almeirim

2,70

768

7

Escola Secundária com 3º Ciclo de Santa Maria do Olival

Tomar

3,20

166

47

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Octávio D. Ferreira

Abrantes

2,69

797

8

EB dos 2º e 3º Ciclos de Mem Ramires

Santarém

3,17

189

48

EB dos 2º e 3º Ciclos de D. Manuel I (Pernes)

Santarém

2,68

811

9

Escola Secundária com 3º Ciclo de Entroncamento

Entroncamento

3,15

207

49

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Prof. João F. Pratas

Benavente

2,62

882

10

EB dos 2º e 3º Ciclos de Alexandre Herculano

Santarém

3,13

218

50

EB dos 2º e 3º Ciclos de Duarte Lopes

Benavente

2,62

887

11

Centro de Estudos de Fátima

Ourém

3,09

251

51

EB dos 2º e 3º Ciclos de Pontével

Cartaxo

2,59

923

12

EB dos 2º e 3º Ciclos de Manuel de Figueiredo

Torres Novas

3,08

259

52

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Mação

Mação

2,58

932

13

Escola Secundária com 3º Ciclo de Artur Gonçalves

Torres Novas

3,05

293

53

EB dos 2º e 3º Ciclos de D. Nuno Álvares Pereira

Tomar

2,57

941

14

Colégio São Miguel

Ourém

3,04

297

54

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Luís de Camões

Constância

2,56

957

15

EB dos 2º e 3º Ciclos de Fazendas de Almeirim

Almeirim

3,03

307

55

Escola Secundária Jácome Ratton

Tomar

2,49

1008

16

Colégio Sagrado Coração de Maria (Fátima)

Ourém

3,03

311

56

EB dos 2º e 3º Ciclos de Marinhais

Salvaterra de Magos

2,48

1016

17

EB dos 2º e 3º Ciclos de Santa Iria

Tomar

3,02

326

18

EB Integrada de Marinhas do Sal

Rio Maior

3,01

330

19

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. D. Maria II

V. N. da Barquinha

3,00

338

Concelho

20

EB dos 2º e 3º Ciclos de Dr. Ruy de Andrade

Entroncamento

2,99

358

Média do exame

Posição no Ranking Nacional

21

Escola Secundária com 3º Ciclo de Coruche

Coruche

2,97

372

1

Colégio São Miguel

Ourém

123,8

32

22

EB dos 2º e 3º Ciclos de Febo Moniz

Almeirim

2,97

380

2

Escola Secundária Maria Lamas

Torres Novas

118,1

60

23

EB dos 2º e 3º Ciclos José Tagarro

Cartaxo

2,96

390

3

Escola Secundária Santa Maria do Olival

Tomar

118,0

61

24

EB dos 2º e 3º Ciclos de D. João II (Santarém)

Santarém

2,96

392

4

Escola Secundária/3 Artur Gonçalves

Torres Novas

117,7

62

25

EB dos 2º e 3º Ciclos de Alcanede

Santarém

2,95

403

5

Escola Secundária do Entroncamento

Entroncamento

114,7

94

26

EB Integrada de Fernando Casimiro Pereira da Silva

Rio Maior

2,95

403

6

Escola Secundária Dr. Ginestal Machado

Santarém

112,8

116

27

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Pedro Ferreira

Ferreira do Zêzere

2,94

418

7

Escola Secundária Sá da Bandeira

Santarém

110,9

143

28

Escola Secundária com 3º Ciclo de Cartaxo

Cartaxo

2,93

430

8

Centro de Estudos de Fátima - CEF

Ourém

110,1

151

29

EB dos 2º e 3º Ciclos de Dr. Anastácio Gonçalves

Alcanena

2,92

445

9

Escola Secundária de Alcanena

Alcanena

110,1

152

30

EB dos 2º e 3º Ciclos D. Afonso, IV Conde de Ourém

Ourém

2,91

463

10

Escola Secundária Dr. Augusto César S. Ferreira

Rio Maior

109,0

176

31

Escola Secundária com 3º Ciclo de Ourém

Ourém

2,90

475

11

Escola Secundária Dr. Solano de Abreu

Abrantes

107,6

200

32

Escola Secundária Dr. Augusto César da Silva Ferreira

Rio Maior

2,87

522

12

Escola Secundária de Ourém

Ourém

106,5

228

33

Escola Secundária com 3º Ciclo de Dr. Manuel Fernandes

Abrantes

2,83

574

13

Escola Secundária Marquesa de Alorna

Almeirim

104,9

265

POSIÇÃO DAS ESCOLAS SECUNDÁRIAS NO RANKING DISTRITAL

34

Escola Secundária com 3º Ciclo de Alcanena

Alcanena

2,83

575

14

Escola Secundária Jácome Ratton

Tomar

102,3

314

35

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Mestre M. Correia

Golegã

2,81

606

15

Escola Secundária do Cartaxo

Cartaxo

101,6

323

36

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Drª M. Judite S. Andrade

Sardoal

2,80

615

16

Escola Secundária de Benavente

Benavente

100,8

337

37

Escola Secundária com 3º Ciclo de Salvaterra de Magos

Salvaterra de Magos

2,79

636

17

Escola Secundária Dr. Manuel Fernandes

Abrantes

100,2

347

38

Escola Secundária com 3º Ciclo de Maria Lamas

Torres Novas

2,78

643

18

Escola Secundária de Coruche

Coruche

100,1

351

39

EB dos 2º e 3º Ciclos de Cónego Dr. Manuel Lopes Perdigão

Ourém

2,78

648

19

Escola Secundária de Salvaterra de Magos

Salvaterra de Magos

99,3

365

40

EB dos 2º e 3º Ciclos c/ Ensino Sec. de Chamusca

Chamusca

2,77

680

20

Escola EB 2,3/S Pedro Ferreiro

Ferreira do Zêzere

95,0

411


10 SANTARÉM

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

S. Francisco tem nova rosácea O Convento de S. Francisco foi palco, no dia 17, da assinatura de um contrato de financiamento a longo prazo, entre o Montepio Geral - Associação Mutualista e a empresa Águas de Santarém, no montante de 9 milhões de euros, com vista ao financiamento da contrapartida nacional de ampliação do Sistema de Saneamento de Santarém. A assinatura do contrato, que tem como objectivo permitir que a empresa Águas de Santarém, garanta uma estrutura de financiamento na candidatura aprovada pelo Programa Operacional de Valorização do Território (POVT), num valor total de cerca de 24 milhões de euros, para os anos de 2011 e 2012, foi feita por Francisco Moita Flores, presidente do conselho de administração das Águas de Santarém, António Tomás Correia, presidente do

conselho de administração do Montepio e Leonel Martinho do Rosário, do conselho de administração das Águas de Santarém. Em Maio deste ano, quando o Convento de S. Francisco acolheu mais uma edição da “Frota Solidária” - um projecto nascido dos montantes que, a cada ano, os contribuintes entregam ao cuidado e gestão da Fundação Montepio por via da consignação fiscal e que tem por objectivo apoiar a actividade de instituições de solidariedade social nacionais, o presidente do Montepio, António Tomás Correia, anunciou que esta instituição iria presentear o Convento de S. Francisco com uma tela com a imagem da rosácea. No dia 17 de Outubro, a promessa foi cumprida. Na cerimónia, foi apresentado o filme institucional do Convento de S. Francisco.

Atraído para armadilha após sedução na discoteca Roubo ∑ Jovem de 25 anos foi violentamente agredido por assaltantes Um jovem de 25 anos foi brutalmente espancado durante um assalto no Largo Cândido dos Reis, na madrugada de quintafeira, 14 de Outubro. A vítima, residente em Glória do Ribatejo, concelho de Salvaterra de Magos, tinha sido seduzida na discoteca FRA por uma mulher que o atraiu para a armadilha. Segundo fonte da PSP de Santarém, que está a investigar o caso, a mulher ter-se-á apercebido que o jovem tinha dinheiro consigo e conseguiu convencê-lo a sair do bar. Foram juntos até à entrada do W Shopping, onde o jovem foi surpreendido pelos assaltantes. A vítima foi encontrada

pouco antes das quatro horas da madrugada junto na esquina do Centro de Saúde do planalto, em estado bastante grave. Foi transportado pelos bombeiros ao Hospital com um golpe profundo na cabeça, um braço partido e vários hematomas no corpo, tendo ainda perdido bastante sangue. Teve alta na sexta-feira, por volta do meiodia. Os ladrões levaram cerca de 400 euros em dinheiro, o telemóvel, o relógio e os sapatos. Quando se apercebeu que estava a ser vítima de um assalto, o jovem ainda conseguiu pedir ajuda a um amigo que ficou na discoteca, e que deu o alerta à PSP.

Município de Santarém

CÂMARA MUNICIPAL DEPARTAMENTO DE OBRAS E PROJECTOS

EDITAL N.º 113/2010 RICARDO GONÇALVES RIBEIRO GONÇALVES, Vereador do Trânsito da Câmara Municipal de Santarém TORNA PÚBLICO, que no âmbito da realização do evento: “Em Defesa da Festa Brava”, nos dias 23 e 24 de Outubro de 2010, o trânsito irá sofrer as seguintes alterações: - A entrada para o Campo Infante da Câmara e parque de estacionamento, será efectuada pela Estrada Campo Chã das Padeiras; - A saída do Campo Infante da Câmara será feita pela Rua Padre João Rodrigues Ribeiro e Rua Pedro Cid; - A direcção de circulação de saída obrigará a que a mesma se efectue no sentido da Rotunda do Forcado; - Toda a circulação de sentido único e estacionamento referidos, serão devidamente sinalizados no local; Nos períodos antecedentes a cada Corrida de Touros, está prevista a Passagem de Touros do Antigo Matadouro, sito na Rua Pedro de Santarém, para a zona da manga, o que impedirá a circulação viária e pedonal na ligação com a Avenida D. Afonso Henriques. Estão previstas Passagens de Touros nos seguintes períodos: - Sábado (23 de Outubro): das 9H30M às 11H30M; das 14H00M às 16H00M e das 19H30M às 21H30M; - Domingo (24 de Outubro): das 14H30M às 16H30M; O percurso alternativo efectuar-se-á pelos seguintes arruamentos: Largo Cândido dos Reis, Rua Pedro de Santarém, Calçada da Junqueira, Rua Adelaide Félix, Rua Soeiro Pereira Gomes, Rua Madre Teresa de Cálcuta, Avenida Grupo Forcados Amadores de Santarém e Rotunda do Forcado. - Será proibido o trânsito de veículos automóveis pesados de mercadorias, excepto aos de apoio ao evento. - A Estrada do Poço Reto será interdita à circulação normal, reservando-se a sua utilização a moradores, veículos da CMS e de emergência. - Será proibido o estacionamento de veículos, no dia 24 de Outubro, a partir das 00H00M, na zona habitualmente reservada ao Mercado Quinzenal, no Campo Infante da Câmara. Santarém, Edifício Sede do Município, 12 de Outubro de 2010. O Vereador Ricardo Gonçalves Ribeiro Gonçalves


SANTARÉM 11

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Scalabisport tem novo site Desporto ∑ Empresa municipal renova presença na internet Foi apresentado esta semana o novo site na internet da empresa municipal de desporto de Santarém- Scalabisport. Luís Arrais sublinhou a melhoria do aspecto visual

e as novas funcionalidades oferecidas pela nova página da internet da Scalabisport. O vereador do desporto da Câmara de Santarém, João Leite, refere que o novo site está aberto

Câmara ganha prémio segurança rodoviária

A Câmara Municipal de Santarém foi distinguida com o Prémio de Melhor Projecto da AFESP – Associação Portuguesa de Sinalização e Segurança Rodoviária, relativo à primeira edição do Prémio “Sinais Vitais – Boas Práticas em Sinalização e Segurança Rodoviária”. A entrega do prémio teve lugar no dia 13, no âmbito do II Seminário em Sinalização e Segurança Rodoviária que decorreu nas instalações das Estradas de Portugal, promovido pela AFESP. O prémio foi entregue ao vereador João Leite, em representação de Francisco Moita Flores, pelo ministro da Administração Interna, Rui Pereira, e por Almerindo da Silva Marques, presidente das Estradas de Portugal. A Câmara de Santarém apresentou como candidatura

ao prémio Sinais Vitais da AFESP, o projecto de segurança rodoviária junto das escolas do concelho de Santarém. O projecto vencedor foi concretizado em 2009, com intervenção em 22 freguesias do Concelho. Os trabalhos realizados consistiram na repintura/pintura de passadeiras para peões e bandas cromáticas, reequacionando-se também o tratamento, substituição e reformulação da sinalização vertical. A execução deste projecto contribuiu para o aumento da segurança de condutores ou peões, redução da sinistralidade e suas consequências. O Prémio AFESP Sinais Vitais conta com o apoio da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, do Centro Rodoviário Português e Associação Nacional dos Municípios Portugueses.

à participação dos clubes e associações do concelho, e tem um espaço audiovisual que pretende ser a “sport tv” do concelho de Santarém. Para a elaboração do novo site, a Scalabisport

contratou Luís Paradiz, que passou a ser o responsável multimédia da empresa municipal. O novo site pode ser acedido em http://www.scalabisport. com.

Marcha nocturna na terça-feira no Jardim da Liberdade A 2ª Marcha Nocturna da Scalabisport vai realizar-se no dia 26, às 21h, no Jardim da Liberdade. A marcha tem 3 vertentes: marcha desportiva com 12km; marcha de

manutenção com 8km; e marcha de iniciação com 6km. Todas pretendem melhorar o estilo de vida e promover um aumento da condição física.


12 SANTARÉM

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Fados, cantares e música popular em dias de festival

A A crise provocou uma quebra acentuada de público nos primeiros dias do certame

Gastronomia afirma-se como produto turístico Até 1 de Novembro ∑ 13 restaurantes servem o melhor da cozinha portuguesa “Manter a autenticidade da cozinha portuguesa, mas abrindo-a aos desafios da modernidade para que a nossa gastronomia seja um produto turístico de excelência” continua a ser o grande objectivo do Festival Nacional de Gastronomia, que decorre na Casa do Campino até ao próximo dia 1 de Novembro. Quem o afirmou foi o próprio presidente do festival e do Turismo de Lisboa e Vale do Tejo, Joaquim Rosa do Céu, durante a abertura da 30ª edição deste certame, o mais antigo do país dedicado às artes da culinária. Antes do almoço de abertura, que foi confeccionado pelas equipas olímpicas de culinária de Portugal, Rosa do Céu destacou a importância do turismo na economia nacional, em que a gastronomia e a boa mesa são sem dúvida mais-valias a explorar. O festival tenta ser uma referência neste capítulo, mas em constante renovação, tentando juntar aos pratos tradicionais alguns novos sabores de confecções mais modernas e requintadas.

O certame arrancou com uma evocação do centenário da República e com uma forte presença do governo, que se fez representar pelo ministro dos Assuntos Parlamentares, Jorge Lacão, e três secretários de Estado, Rui Barreiro, Conde Rodrigues e João Correia. O festival “é um momento de dar conta das inovações na cozinha tradicional, ao serviço de uma das maiores riquezas do país, o turismo”, sublinhou Jorge Lacão. “E Santarém é uma referência no capítulo da gastronomia graças a este festival”, frisou o ministro, que arrancou uma grande ovação a todos os presen-

A

tes quando lembrou, durante o seu discurso, dois dos seus precursores e responsáveis pelo sucesso alcançado ao longo destes 30 anos: o recém falecido Ladislau Teles Botas, ex-presidente da Câmara Municipal de Santarém, e Carlos Abreu, que estava na salão nobre da Casa do Campino. Cá por baixo, na zona das tasquinhas, estão presentes, como habitualmente, os sabores e saberes do país inteiro, confeccionados por restaurantes afamados do Minho ao Algarve, passando pela Madeira e Açores, Cabo Verde e Galiza (Espanha), estas duas últimas como

O ministro Jorge Lacão foi o convidado de honra na abertura da 30ª edição do festival.

regiões convidadas. A organização definiu como meta manter a fasquia dos 100 mil visitantes, mas a crise afectou bastante a afluência de público nos primeiros dias do certame. As habituais filas de espera para encontrar um lugar sentado à mesa de um restaurante não se verificaram no primeiro fim-desemana, que também não foi de boa memória para os vendedores dos produtos certificados e do artesanato. O petisco ao balcão dos restaurantes, iniciativa que teve bastante sucesso o ano passado, começou também a granjear algum descontentamento entre o público, que se queixa do aumento dos preços, uma vez que passaram de três para quatro euros e meio. A organização espera que o festival taurino que a Praça de Touros de Santarém se prepara para acolher neste fim-de-semana contribua decisivamente para inverter a tendência de quebra na afluência e traga as enchentes do costume ao recinto da gastronomia. João Nuno Pepino

O Festival Nacional de Gastronomia decorre até 01 de Novembro, em Santarém. Com uma animação variada, desde grandes músicos do panorama musical nacional, a música popular e tradicional até cantares de aldeia, tudo vale para animar a população que durante estes dias rumam ao átrio da Casa do Campino. A actuação dos ranchos folclóricos das Abitureiras e Golegã marcam a abertura desta segunda semana de festival, sexta-feira (22 de Outubro). Já sábado, (23 de Outubro), o anfitrião da noite será Carlos Alberto Moniz, às 21h30. Domingo, (24 de Outubro), Roberto Leão anima o festival e segundafeira (dia 25) Carminho leva-nos aos fados pelas 22h00. A Orquestra Típica Scalabitana também marcará presença no cer-

tame, (dia 26), pelas 21h30 e quarta-feira (27 de Outubro), é dia de Vira-Milho de Santa Comba Dão, num recordar de música tradicional. Quarta-feira, (dia 28) os Cantares de Cuba sobem ao palco trazendo verdadeiras canções alentejanas, às 21h30 e sextafeira, (dia 29) é dia de rancho com a participação do Rancho Etnográfico de Castelo de Neiva e ao cair da noite Augusto Canário e Amigos animam o certame. Dia 29, a Galiza estará em destaque com o grupo de música e dança Vilagarcia de Arousa e quase a terminar o festival, os sons de S. Tomé e Príncipe ganham destaque com o músico “Tonecas”. Animação musical para todos os gostos, num certame onde diversidade, tradição e modernidade marcam a identidade do festival.

4 festivais taurinos pela defesa da festa brava Um festival taurino organizado por um grupo de apoiantes da petição de Moita Flores em defesa da festa brava. Durante dois dias, sábado e domingo, vão passar pela arena da Praça Celestino Graça, 24 cavaleiros tauromáquicos, um matador de toiros, 15 grupos de forcados e cinco novilheiros que vão encarar 30 toiros de prestigiadas ganadarias. A primeira corrida começa dia 23 de Outubro, às 11h30, com os cavaleiros Marco José, Pedro Salvador, Filipe Gonçalves, Joana Andrade, Gonçalo Fernandes e Tiago Lucas e o novilheiro Nuno Casquinha. Às 16h00, a festa brava continua com 7 novilhos na arena e cavaleiros como Joaquim Bastinhas ,

António R. Telles e o matador Luís Procuna e ainda os forcados amadores de Santarém, Montemor e Alcochete. Na corrida nocturna, Sérgio Santos “Parrita” será o novilheiro, com a participação dos cavaleiros Rui Salvador, Luís Rouxinol e Ana Baptista. Para terminar, dia 24, às 16h30, Brito Pais, Manuel Telles Bastos e Salgueiro da Costa são alguns dos cavaleiros, com a participação dos forcados amadores de Lisboa, Évora e Chamusca. Bilhetes à venda por apenas 1 euro, em Santarém, nas viagens El Corte Ingles, Casa Campeão, Quiosque Cascão e na praça, dia 22, a partir das 14h00. Mais informações através do 914 094 038


SANTARÉM 13

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

O mundo da bike em Santarém CNEMA ∑ recebe a 7ª edição do Festival Internacional da Bicicleta, Equipamentos e Acessórios De 22 a 24 de Outubro, o Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas (Cnema), em Santarém, volta a ser palco do maior festival nacional dedicado ao mundo das bicicletas. Um evento desportivo, sobre o mundo da bicicleta onde os amantes das duas rodas poderão encontrar equipamentos, acessórios, as mais diversas marcas e ainda as novidades do sector. Para a edição 2010, a organização preparou uma série de competições e demonstrações, algumas que já vêm sendo hábito, como o 7º Encontro Nacional de Ciclismo e o 7º Encontro de Ciclismo de Escolas, a 6ª Maratona BTT, o 3º Encontro de Cicloturismo e o 3º Duatlo Festival Bike. O festival recebe ainda a final do campeonato nacional de BMX e a final do campeo-

A Certame dedicado à bicicleta realiza 1º Downhill Festival Bike Portugal nato nacional de Dirt Jumping. Aliado a estas competiçõeshaverá conferências e workshops , tais como “A bicicleta e a cidade”, a iniciativa “100 dias de bicicleta em Portugal”, “A bicicleta de montanha como

dinamizadora de um território” e o workshop “Mecânica de bicicletas”. Já novidade para este ano será a realização de 1º Downhill Festival Bike Portugal. Uma iniciativa que promete receber mais de 100

expositores entre os quais federações, associações, importadores,ginásios, vestuário, taças e troféus e muitos outros, sempre dedicados ao mundo da bicicleta. Uma aposta na qualidade e na diversidade

de produtos, que pretende promover a bicicleta como meio saudável para a prática desportiva ou para momentos de lazer e que só na edição 2009 fez rumar ao Cnema mais de 26 mil adeptos das bicicletas.

CONFERÊNCIA SOBRE AMBIENTE NA CASA DO BRASIL A divisão de Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, da Câmara de Santarém promove uma conferência dedicada ao ambiente e desenvolvimento sustentável para o rio Alviela, dia 27 de Outubro, na Casa do Ambiente. Uma iniciativa que pretende procurar soluções sustentáveis para a resolução dos problemas ambientais que este rio tem vindo a sofrer, nomeadamente de sectores como a bovinicultura, suinicultura e avicultura. A conferência tem inicio às 14h30 com o tema “Estratégia Nacional para os Efluentes Agro-Pecuários e AgroIndustriais”, com a participação do Instituto da Água, seguindo-se algumas explicações sobre o Programa de Financiamento para o Sector Agro-Pecuário. Esta iniciativa tem entrada livre.


14 SANTARÉM

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Misericórdia restaura património com Politécnico A Santa Casa da Misericórdia de Santarém assinou, esta segunda feira, um protocolo com o Instituto Politécnico de Tomar, para a conservação e restauro das obras de arte e do acervo documental da instituição. O provedor da SCMS Mário Rebelo disse que se trata de um “acordo de princípio, que irá sendo concretizado obra a obra, em termos de custos e dos meios humanos, estes essencialmente estagiários do Curso de Conservação e Restauro do IPT”. O património artístico e documental da SCMS – que inclui 1200 obras de arte, 2000 livros do período 1405/1985 e milhares de documentos avulsos - tem vindo a ser objecto de inventariação e catalogação, tendo a Misericórdia contratado uma técnica de conservação e restauro, que iniciou o trabalho de recuperação de algumas obras. Porém, a di-

mensão do património da Misericórdia levou a actual provedoria a contactar o IPT para uma parceria que permitirá restaurar os bens identificados como necessitando de intervenção. António Rebelo disse à Lusa que a Misericórdia procurará financiamento para as intervenções necessárias, não só recorrendo a todo o tipo de programas, como vai tentar promover o apadrinhamento de obras de arte por mecenas. Para sensibilizar os cidadãos para este apoio mecenático, a Misericórdia de Santarém vai promover um workshop aberto à comunidade, mostrando o trabalho que está a ser desenvolvido e a importância do seu património. O protocolo foi assinado com o presidente do IPT, António Pires da Silva, que cessou funções na quarta-feira, dia em que tomou posse o seu sucessor, Eugénio Pina de Almeida.

Verdes questionam Governo sobre poluição no Alviela O Partido Ecologista Os Verdes pediu esclarecimentos, na segunda-feira, ao Governo sobre a situação de uma pecuária, situada em Pernes , concelho de Santarém, alegadamente responsável por descargas ilegais no rio Alviela. Num requerimento entregue na Assembleia da República, o deputado José Luís Ferreira pergunta aos Ministérios do Ambiente, da Agricultura e da Administração Interna que conhecimento têm da situação, quantas acções de fiscalização ocorreram nos últimos 20 anos junto da pecuária e qual vai ser a conduta relativamente ao licenciamento e fiscalização deste caso. Segundo afirma, a pecuária encaminha os efluentes para uma lagoa não impermea-

bilizada e, desde 1991, tem pendente um pedido de licenciamento de descarga de águas residuais, nunca dado por “não ter procedido a alterações no sistema de tratamento”. Adianta que existe um pedido de parecer sobre a viabilidade de localização, de Outubro de 2007, para 1950 porcos de engorda, tendo a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo “emitido parecer condicionado à obtenção de licenciamento da respectiva descarga”. Os Verdes lamentam que, “ao longo de 20 anos, não tenha havido mão firme para impedir atentados ambientais por falta reiterada de fiscalização e de acompanhamento aos produtores suinícolas”.

20 ANOS DE INTEGRAÇÃO EUROPEIA EM EXPOSIÇÃO

A Os melhores alunos das escolas da cidade receberam o prémio do Rotary.

Rotary Clube premiou alunos Mérito∑ Rotários distinguem alunos das escolas da cidade O Rotary Clube de Santarém entregou prémios escolares aos melhores alunos, no passado dia 12, numa cerimónia realizada na Escola Secundária Dr. Ginestal Machado. Dezenas de professores, alunos, familiares e rotários, assistiram ao reconhecimento dos melhores alunos do passado ano lectivo a saber: Catarina Esteves na área de Economia e Sandro Paulino na área de Informática, ambos da Escola Sec. Dr. Ginestal Machado; Carolina Carvalho na área de Inglês, da Escola Sec. Sá da Bandeira; Andreia Oliveira na área de Saúde, da Escola Superior de Saúde de Santarém e Flávio Bolieiro na área de Música, do Conservatório de Música de Santarém. Os alunos premiados foram apresentados pelos dDirectores das respectivas escolas, que enalteceram os seus percursos de estudante e realçaram as suas boas práticas como elementos activos das comunidades escolares, bem como os seus currículos

que foram bastante aplaudidos pela assistência. A cerimónia ficou igualmente marcada pelos testemunhos vivos de Margarida Jerónimo, Cristina Marques e João Duarte, todos eles licenciados e ex-premiados do Rotary Clube de Santarém, que fizeram questão de transmitir aos premiados deste ano rotário 2010-2011, a importância destes prémios no seu percurso de vida estudantil assim como no acesso à vida profissional. O presidente do Clube Rotáriode Santarém António Oliveira agradecendo à Escola Secundária Dr. Gi-

nestal Machado, na pessoa do seu presidente Dr. Vítor Barreto, a amabilidade na cedência das instalações e manifestando a intenção do Rotary realizar esta cerimónia nas outras escolas premiadas em próximos anos. Refirase que, como movimento de serviço à comunidade, o Rotary Clube de Santarém e a sua Casa da Amizade contam com 47 anos de existência, tendo realizado esta entrega de Prémios Escolares nos últimos vinte anos, ininterruptamente, em homenagem a companheiros rotários já falecidos.

Prémio aos bons resultados escolares

∑ António Oliveira, presidente do Rotary Clube de Santarém, salientou a importância da atribuição destes galardões estudantis, pois ao premiarem as elevadas notas alcançadas por estes alunos, contemplam também o espírito de companheirismo e a capacidade de liderança dos premiados.

A Exposição “19862006 – Portuga l e Espanha, 20 anos de integração europeia” , em exibição no W Shopping, em Santarém, até dia 29 de Outubro, faz o balanço dos 20 anos de adesão de Portugal à União Europeia, que hoje, passados 25 anos desde que Portugal assinou o Tratado de Adesão é indiscutivelmente positivo. Para os que, na altura, se mostravam mais relutantes, elaborando prognósticos reservados e sombrios, os números estão aí para demonstrar que se tem escrito uma história de sucesso. Foram criadas condições económicas, sociais e culturais para que Portugal acedesse ao conjunto dos países mais desenvolvidos. É certo que nem tudo foi perfeito, mas certamente da experiência acumulada se retirarão as lições que permitirão aproveitar no futuro, de forma ainda mais eficiente, as oportunidades de desenvolvimento que a União Europeia proporciona. Para Portugal e para Espanha, falar de Europa é falar, talvez, dos vinte melhores anos da vida dos dois países ibéricos. A nossa memória colectiva, cá e lá, neste espaço comum que dividimos e que muitas vezes amarrou um ao outro os nossos dois destinos, raras vezes nos oferece um período de confiança, de progresso e de liberdade como este. Serve, pois, esta exposição conjunta dos vinte anos que leva a integração de Portugal e de Espanha na União Europeia, para colocálos em perspectiva e contribuir para um debate europeu, capaz de mobilizar também as novas gerações de portugueses e espanhóis, como mobilizou antes as gerações que tiveram a responsabilidade de conduzir os dois países à Europa democrática, livre e desenvolvida da qual andaram arredados durante tantos anos.


O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Camiões avariados, lixo pelas ruas Caos ∑ Cidade esteve uma semana sem recolha de lixo A avaria dos três camiões de recolha de resíduos sólidos urbanos dos Serviços de Higiene e Limpeza (SHL) deixou a cidade sem recolha de lixo durante quase uma semana. O problema levou a Câmara Municipal de Santarém a alugar dois veículos para assegurar a recolha de lixo durante uma semana e meia. Durante a primeira semana de Outubro a recolha dos resíduos sólidos urbanos na cidade foi interrompida, problema entretanto regularizado, segundo garantiu o vereador Ricardo Gonçalves. O problema foi levantado por muitos municípes e levou o Partido Ecologista “Os Verdes”, através do seu eleito na Assembleia Municipal de Santarém, Francisco Madeira Lopes, a formular um pedido de esclarecimento à Câmara de Santarém sobre a questão. Francisco Madeira Lopes pergunta “que razões explicam a falta de recolha e transporte de RSU na cidade? Tem o executivo previstos reforços nas áreas mais necessitadas de meios de higiene na cidade, com os indispensáveis recursos materiais e humanos, nomeadamente nas zonas periféricas do planalto?” Entretanto, vários munícipes fizeram chegar à nossa redacção denúncias deste problema. “Entrei em contacto com a Câmara e foi-me dito que

A Foto do leitor Ismael Braga, do Jardim de Baixo. tem os 3 carros de recolha avariados. E que ião alugar um carro de recolha para que está fosse feita nessa mesma tarde, mas tal não aconteceu”, escreveu-nos o leitor Isamel Braga, do Jardim de Cima “Reparei que hoje de manhã andava um camião de caixa aberta a recolher os sacos do lixo do chão, mas nos

Só três camiões do lixo na cidade

locais mais escondidos o lixo continuou no chão, o que causou mau cheiro, e atraiu moscas e cães vadios”. O vereador Ricardo Gonçalves sublinha que foi um problema pontual, que só não foi resolvido mais depressa porque as avarias se deram num fim de semana alargado.

∑ A recolha dos resíduos sólidos urbanos na cidade é assegurada pelos serviços da Câmara Municipal, com o recurso a três camiões. Nas restantes 24 freguesias o serviço de recolha do lixo está a cargo da empresa Green Days.

Escola Mem Ramires O Dia Mundial da Alimentação foi assinalado na Escola EB 2,3 Mem Ramires, em Santarém,com uma palestra de duas médicas do Hospital Distrital de Santarém para os alunos dos 6º e 9º anos de escolaridade. Esta sessão de esclareci-

mento realizou-se no âmbito do Dia Mundial da Alimentação, comemorado no passado dia 16, subordinada ao tema “Alimentação Saudável pode não ser difícil”. As docentes responsáveis pelo Projecto de Educação para a Saúde, Cláudia Fael

e Adília Silva, promoveram esta acção para sensibilizar os adolescentes para a importância da alimentação no seu desenvolvimento. Está a decorrer uma recolha de alimentos na comunidade escolar para o Banco Alimentar contra a Fome.


16

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

região lezíria do tejo santarém BOMBEIROS DE ALPIARÇA TÊM NOVO COMANDANTE Rui Oliveira é o novo comandante dos Bombeiros Municipais de Alpiarça, voltando a ocupar um cargo que já desempenhou entre 1995 e 2000. Este militar de carreira vem substituir Hugo Teodoro que ao longo do último ano assumiu o cargo de comandante de forma interina, e que agora passará a desempenhar as funções de segundo comandante.

CÂMARAS RECEBEM POR DANOS DAS INTEMPÉRIES

A “Roubaram-me o direito de poder vir a ter mais filhos”, afirma Florbela Violante, que vai avançar com o caso para a justiça

Utente acusa Hospital de negligência médica Cirurgia ∑ Deixa sequelas para o resto da vida em mulher de 31 anos Aos 31 anos, Florbela Violante nunca mais vai poder ter filhos e corre o risco de ficar incontinente para o resto da vida. A mulher, residente em Rio Maior, acusa o serviço de ginecologia do Hospital de Santarém de negligência médica numa cirurgia de emergência que lhe trouxe complicações irreversíveis, realizada ao fim de um ano sem que o seu problema de saúde fosse correctamente diagnosticado. O calvário de Florbela começou em Setembro de 2009, quando deu entrada no hospital com “dores horríveis na zona da barriga”, que foram atribuídas “a uma infecção simples no útero e ovários”. Ao fim de seis dias de internamento e algumas ecografias, deram-lhe alta e medicamentos, com a garantia que estaria curada. “Em Abril de 2010, fui novamente internada mais seis dias com as mes-

mas dores e os mesmos sintomas, mas ninguém foi capaz de fazer mais exames complementares para identificar o problema”, contou ao nosso jornal a queixosa. Foi mais uma vez tranquilizada e enviada para casa, tendo ainda sido chamada para uma consulta externa em Junho, onde nada de anormal foi detectado. Os problemas mais graves começaram em Julho, quando foi operada de urgência a uma endometriose, “porque, entretanto, a infecção já tinha alastrado

Hospital “lamenta”, mas refuta acusação

para os intestinos”, conta. Como consequência, foilhe retirado todo o aparelho reprodutor. Mas, após este procedimento, ficou também incontinente. Veio a descobrir, através do urologista que agora segue o seu caso, que a perda constante de urina se deve a um corte acidental na bexiga, não detectado durante a cirurgia. Agora, preparase para ser sujeita a uma nova intervenção para tentar travar a incontinência, mas não tem garantias de que a operação será bem

sucedida. “Ninguém imagina o sofrimento que é viver assim. Além de não poder ter mais filhos, corro o risco de usar fralda para o resto da vida”, desabafou ao nosso jornal a queixosa. “Na maior parte dos dias, nem me apetece levantar da cama”, acrescenta esta proprietária de um café em Rio Maior. As consequências da operação cirúrgica causam-lhe óbvios transtornos na sua actividade diária. Florbela Violante afirma já ter “esperado tempo su-

∑ Ouvido pelo nosso jornal, o director clínico do Hospital de Santarém rejeita a acusação de negligência médica. José Marouço explicou que a operação de emergência não foi provocada por uma infecção que devia ter sido detectada nos internamentos anteriores, mas sim porque, “em Julho, surgiram novas suspeitas que a paciente teria um tumor maligno no ovário”. “No decorrer da cirurgia, verificou-se a inexistência do tumor e que se tratava ape-

ficiente” e promete ir até às últimas consequências com o seu caso, para que todo o pessoal clínico que teve intervenção no seu caso “seja chamado a assumir as suas responsabilidades”. Já preencheu o livro amarelo no Hospital de Santarém, vai expor o caso à Ordem dos Médicos e pondera também accionar um processo na justiça. “Além dos problemas físicos, há danos psicológicos e morais que são irreparáveis”, sublinha.João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt

nas de uma endometriose. Tanto numa como noutra situação, trata-se de um processo mutilante, pelo que lhe foram extraídos o útero e os dois ovários”, explica. José Marouço confirma que “a operação provocou uma fístula entre a bexiga e a vagina, que provoca a actual situação de incontinência”, mas acrescenta que esta complicação “é um risco próprio associado a este tipo de intervenção”. “O hospital lamenta que um dos riscos possíveis, ainda que diminuto, tenha ocorrido”.

Dois municípios do Ribatejo, Rio Maior e Alpiarça, vão receber cerca de 850 mil euros do do Fundo de Emergência Municipal, para repor danos provocados pelas últimas intempéries. Rio Maior assinou na quinta-feira, 21 de Outubro, um contrato-programa com a Secretaria de Estado da Administração Local no valor de 405 mil euros, para um investimento total de 674 mil euros na reparação de várias estradas municipais e na execução de obras de recuperação dos pontões de Arruda dos Pisões, Anteporta e São João da Ribeira. Para Alpiarça, que além dos ventos ciclónicos sentidos a 23 de Dezembro de 2009 foi ainda afectada pelas cheias do passado mês de Março, o governo vai transferir cerca de 442 mil euros, para suportar prejuízos avaliados em 737 mil euros na requalificação de estradas e caminhos municipais e vicinais. A assinatura do contratoprograma entre a autarquia e o secretário de Estado José Junqueiro está prevista para segundafeira, 25 de Outubro. No total, a tutela vai distribuir 5,3 milhões de euros por 26 municípios.


ALMEIRIM | REGIÃO 17

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

JSD DE ALMEIRIM FOI À ESCOLA

Câmara “escondeu relatório” CDU de Almeirim ∑ Manuela Cunha acusa executivo PS de “obstrução à democracia” A CDU de Almeirim acusou o executivo da Câmara Municipal de “obstrução à democracia”, ao esconder um relatório da Inspecção-Geral das Autarquias Locais (IGAL) que detectou procedimentos ilegais e violações ao PDM em processos de licenciamento de obras. Em conferência de imprensa, Manuela Cunha, eleita na Assembleia Municipal, afirmou que o relatório final, assinado pelo secretário de Estado José Junqueiro, data de 15 de Julho, mas que não foi dado conhecimento do mesmo aos órgãos autárquicos. “Segundo a lei, o presidente da Câmara tem um prazo máximo de 10 dias para dar conhecimento aos membros do executivo e remetê-lo aos restantes órgãos deliberativos”, o que não aconteceu, explicou a mesma. Manuela Cunha disse que o caso é mais grave porque a autarquia exerceu o direito de contraditório sem informar os próprios vereadores do mandato a que se refere a inspecção, quando “estes são, obviamente, parte directamente interessada”. E nenhuma das justificações apresentadas pelo município foram

A A CDU revelou o conteúdo do polémico relatório de inspecção da IGAL em conferência de imprensa consideradas válidas e aceites pela IGAL, acrescentou. De acordo com a CDU, a Câmara “tentou esconder o relatório porque há processos de obras que vão para o Ministério Público”, nomeadamente por violações ao PDM e falta de consulta à Comissão da RAN e à CCDR-LVT. O presidente da Câmara de Almeirim, Sousa Gomes, defende-se afirmando que já enviou “há meses” o documento ao presidente da Assembleia Municipal, e

que desconhece porque razão ainda não terá sido distribuído. Sobre o conteúdo do relatório, Sousa Gomes diz que o facto mais grave imputado ao executivo, e que pode dar perda de mandato, é o relativo à construção de um anexo de uma moradia que infringe o limite de 50 metros de distância do arruamento. O autarca afirma que tinha plena consciência das suas consequências, mas que visou dar resposta a um munícipe de fracos re-

cursos. O presidente explicou ainda que o processo do centro cívico das Fazendas de Almeirim, que passou pela permuta de um terreno com um privado, que passaria a poder urbanizar um terreno destinado a equipamentos colectivos, tem neste momento a sua legalização em curso. O vereador Aranha Figueiredo disse que a força política que representa vai estar “bastante atenta à evolução destes processos no Ministério Públi-

co”, uma vez que a “moldura legal para a violação ao PDM é muito clara e tem penalizações concretas para os decisores”. Além das ilegalidades urbanísticas, a CDU acrescenta que o documento contém vários reparos aos procedimentos seguidos pela autarquia, e que são um “puxão de orelhas relativos à falta de transparência, à má gestão e aos atropelos à democracia”. João Nuno Pepino

A JSD de Almeirim realizou uma campanha de sensibilização política na escola secundária Marquesa de Alorna na sexta-feira, 15 de Outubro, no âmbito da volta às escolas a nível nacional que está a ser promovida pela JSD nacional. A distribuição de panfletos e material aos estudantes serviu para “mudar a forma como a política é feita e a sua imagem na sociedade”, sobretudo junto dos mais jovens, explica Firmino Serôdio, presidente da comissão política de secção de Almeirim. A JSD de Almeirim já programou mais três iniciativas semelhantes; a 19 de Novembro, os jovens social-democratas vão voltar à Marquesa de Alorna, visitando a EB 2,3 de Fazendas de Almeirim a 10 de Dezembro, e o agrupamento de escolas José Relvas, em Alpiarça, a 4 de Fevereiro de 2011.

RECOLHA DE SANGUE NAS FAZENDASI O Grupo de Dadores Benévolos de Sangue do Concelho de Almeirim vai realizar uma recolha de sangue no centro da juventude (sede dos escuteiros) das Fazendas de Almeirim no próximo domingo, 31 de Outubro, entre as 9h30 e as 13 horas.


18 REGIÃO | ALMEIRIM | BENAVENTE | CARTAXO | RIO MAIOR

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

CRIANÇAS DESCOBREM LIVRO DE SOPAS

ALMEIRIM PROLONGA CIRCULAR URBANA

Sara Fragoso, a vereadora com o pelouro da educação da Câmara de Rio Maior, apresentou o livro “O saber da sopa da avó” às crianças dos centros escolares 1 e 2 de Rio Maior, no passado dia 18 de Outubro. A obra, editada pelo município, é composta por 56 páginas exclusivamente preenchidas com receitas de sopas, ilustradas pelos alunos do 1º ciclo do concelho. Para a elaboração do livro, foi pedido a cada criança que pedisse à avó para lhe ensinar a confecção de uma sopa. Depois de seleccionadas as receitas, cada turma elegeu a melhor para que figurasse neste livro agora editado. Com a ajuda dos professores, esta iniciativa cumpriu o objectivo de ensinar às crianças os hábitos culinários dos mais antigos e a importância da sopa num regime alimentar saudável.

A Câmara Municipal de Almeirim aprovou por unanimidade o lançamento do concurso e respectivo júri para a construção do troço da nova circular urbana entre a Estrada de Vale Barrocas e a Estrada Municipal 578. A autarquia aprovou também a contracção de um empréstimo para a construção deste troço, no valor de 340 mil euros, mas que inclui também o financiamento para a Casa da Cultura de Fazendas de Almeirim.

ACÇÃO DE FORMAÇÃO SOBRE VOLUNTARIADO

Maria Elisa Borges, representante do conselho nacional para a promoção do voluntariado, esteve na biblioteca municipal Laureano Santos, em Rio Maior, no passado dia 15 de Outubro, onde ministrou uma acção de formação dirigida aos voluntários do banco local de voluntariado de Rio Maior. Esta acção foi organizada põe este banco local, que tem vindo a desenvolver o seu trabalho em parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Maior, a Câmara Municipal e a Junta de Freguesia da cidade.

RUTIS inaugura novas instalações em Almeirim Associação ∑ Investiu na aquisição de imóvel na rua Conde da Taipa A Rede Nacional de Universidades Seniores (RUTIS) inaugurou as suas novas instalações em Almeirim no passado sábado, 16 de Outubro. “No fundo, esta vai passar a ser a casa mãe de todas as universidades seniores. Acolhe a nossa sede administrativa e tem também espaço para desenvolver algumas diversas actividades, tal como qualquer ou-

tra universidade”, disse ao nosso jornal o presidente da RUTIS, Luís Jacob. Situadas junto à Igreja de Almeirim, na rua Conde da Taipa, as novas instalações dispõem de sala de informática totalmente equipada, salas de formação, sala polivalente, gabinetes administrativos, um espaço museológico e um ginásio para actividades físicas. Esta nova sede

“pode inclusivamente servir de laboratório, ao desenvolver actividades que depois podem ser repetidas noutras universidades seniores”, frisou o mesmo responsável. O imóvel foi comprado pela associação, num esforço financeiro “muito significativo”, adiantou Luís Jacob. “Dada a dimensão da RUTIS e o número de universidades que

já congrega, achámos que devíamos avançar para este projecto, para um espaço maior e com mais dignidade”, explicou o responsável, adiantando que a rede a que preside congrega neste momento 170 universidades seniores por todo o país, e envolve um universo que ronda os 30 mil alunos. João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt

Feira dos Santos e Expocartaxo estão de regresso ao Cartaxo De 28 de Outubro a 2 de Novembro, o Cartaxo vai acolher as já habituais edições da centenária Feira dos Santos e da Expocartaxo, o certame empresarial que há mais de dez anos vem mostrando as potencialidades económicas do concelho e da região. Com cerca de 50 empresas e instituições presentes, a Expocartaxo vai decorrer no pavilhão municipal de exposições, onde estarão reunidos uma grande diversidade de agentes económicos do concelho, com destaque para os pro-

dutores de vinho, numa organização promovida pela Câmara Municipal do Cartaxo em parceria com a Associação Empresarial da Região de Santarém (Nersant). Do programa deste certame, destaque para o dia 29 de Outubro, em que se realiza o dia aberto às empresas, em que a organização visita várias unidades produtivas do concelho para conhecer a sua actividade e as dificuldades com que laboram. No mesmo dia, será feita a entrega dos “Prémios Prestígio 2009”,

MUNÍCIPES DE BENAVENTE FORMAM COMISSÃO DE UTENTES DE SAÚDE Com base nos problemas relacionados com a saúde que afectam todas as freguesias do concelho, um grupo de cidadãos formou a comissão de utentes do concelho de Benavente, com o objectivo de “consciencializar e unir as nossas gentes em torno da defesa do Serviço Nacional de Saúde”. Segundo um comunicado deste movimento, a comissão pretende servir “de interlocutor junto das entidades responsáveis, no sentido de manifestar o nosso desagrado pelo estado em que se encontra a saúde no concelho de Benavente, e pugnar pelas soluções adequadas a corrigir esta situação caótica e lesiva do direito constitucional à saúde”.

FESTIVAL DE SOPA E ARROZ DOCE EM BENAVENTE em que serão distinguidos a empresa e o empresário do ano. Quanto à secular Feira dos Santos, um evento com fortes raízes populares em todo o concelho, há a destacar a exposição dos frutos secos, de produtos da

época, artesanato, água-pé, os vinhos e a gastronomia, que aliados à animação do certame, atraem todos os anos milhares de visitantes ao Cartaxo. A inauguração está marcada para o dia 28 de Outubro, às 18 horas.

O Clube União Artística Benaventense (CUAB) está a organizar a primeira edição da feira das sopas e do arroz doce de Benavente, que vai decorrer nos dias 29, 30 e 31 de Outubro, no auditório da Nossa Senhora da Paz.


ALPIARÇA | CARTAXO | REGIÃO 19

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

INTOXICADOS A SALVAR IDOSOS

Academia sénior arrancou para o novo ano lectivo A Academia Sénior de Alpiarça (ASAL) realizou a sua cerimónia de abertura do novo ano lectivo no passado dia 14 de Outubro, no auditório da nova biblioteca municipal. Este projecto arrancou em Outubro de 2008, então com um total 44 alunos. A ASAL terminou o último ano lectivo com cerca de 60 alunos, num universo de 90 formandos inscritos. “É a envolvência de todos parceiros, assim como de outras entidades, bem como a disponibilidade dos professores, que fazem com que este projecto tenha esta sustentabilidade”, fri-

sou a coordenadora técnica do projecto, Margarida Carreira, durante a sessão oficial. A ASAL é um projecto que resulta de uma parceria entre a Sociedade Filarmónica Alpiarcense 1.º de Dezembro, a Paróquia de Santo Eustáquio, o Clube Desportivo “Os Águias”, o agrupamento de Escolas José Relvas, a Associação Independente para o Desenvolvimento Integrado de Alpiarça (AIDIA), a Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos do Concelho de Alpiarça (ARPICA), Junta de Freguesia, Câmara e Bombeiros Municipais de Alpiarça.

Acções sobre segurança no museu escolar

A Câmara de Alpiarça respondeu às questões dos moradores

Capela e morgue no Frade de Cima Arranjo de estradas ∑ Obras arrancam em breve

O museu escolar do concelho do Cartaxo, que se situa na freguesia de Vale da Pinta, e a GNR estão a promover um conjunto de acções de sensibilização sobre segurança, dirigidas a todas as faixas etárias da população. Na sexta-feira, 22 de Outubro, a partir das 9h30, o grupo cinotécnico da GNR vai fazer uma demonstração ao ar livre de exercícios com cães destinada às crianças do jardimde-infância e da escola básica do 1.º Ciclo de Vale da Pinta. Segue-se, no dia 2 de Novembro, uma sessão de esclarecimento destinada aos mais idosos, sobre prevenção de situações de burla e

medidas de segurança a tomar em casa e na rua. Esta acção realiza-se às 14 horas, no salão nobre da Junta de Freguesia. Esta parceria arrancou na quinta-feira, 21 de Outubro, com um workshop apresentado pela GNR no âmbito do projecto “ser feliz em segurança”, e que foi dirigido às crianças do ensino pré-primário da freguesia. Nesta primeira fase deste projecto, as acções dirigemse maioritariamente à comunidade de Vale da Pinta, mas o objectivo do museu escolar passa por tornar a iniciativa mais abrangente e envolver, no futuro, as escolas e instituições da terceira idade de todo o concelho.

A Câmara Municipal de Alpiarça apresentou um projecto para a requalificação urbanística da aldeia do Frade de Cima, que prevê uma intervenção de fundo na área entre o jardim-de-infância e o edifício da escola primária. Para esta zona, está delineada a construção de uma nova capela e morgue, segundo o que foi avançado pelo presidente da autarquia, Mário Pereira, durante uma reunião com a população, que decorreu no passado dia 14 de Outubro. O autarca, que esteve acompanhado pelo vereador Mário Peixinho, destacou a presença de mais de 50 residentes na reunião, o que constituiu, na sua opinião, uma prova inequívoca de que os munícipes estão empenhados em contribuir para resolver os problemas e ajudar ao desenvolvimento da sua localidade. Em res-

posta às questões que lhe foram colocadas sobre o encerramento da escola do 1º ciclo, Mário Pereira disse que a Câmara planeia vir a utilizar o edifício como jardim-de-infância ou centro de convívio para idosos, e que vai continuar a ceder as instalações para a celebração do culto religioso local. A Câmara tem disponibilidade para ser parceira num projecto de construção de uma capela no Frade de Cima, disse ainda o autarca. Com duas candidaturas

Estradas que vão ser arranjadas

já aprovadas aos fundos para fazer face aos prejuízos causados pelas intempéries do último Inverno no concelho de Alpiarça, Mário Pereira informou ainda que está para breve o arranque das obras de reparação de várias estradas na localidade, e que incluem também a beneficiação de vários caminhos rurais e vicinais. A Câmara vai também colocar lombas redutoras de velocidade no interior da povoação, para reduzir os riscos de acidentes e atropelamentos.

∑ É A Câmara de Alpiarça vai intervir na rua Vale de Veados, no Caminho Municipal Perpendicular à Estrada Municipal 1370-1, no Caminho Municipal / Estrada Rural-A2, no Caminho Municipal de ligação Rua dos Sobreiros e Rua Alfredo Lima, e no Caminho Municipal da Gouxa.

Quatro moradores de um prédio no Cartaxo sofreram uma intoxicação por inalação de fumos durante uma tentativa de salvamento de um casal de idosos, de 80 e 90 anos, que ficaram encurralados em casa durante um incêndio urbano que deflagrou no dia 16 de Outubro. As chamas iniciaram-se num quarto de um apartamento no 2º andar e alastraram-se rapidamente às restantes divisões, deixando o casal de idosos encurralado. Quando se aperceberam do fogo, dois vizinhos entraram na casa para socorrer os moradores, mas acabaram também por sofrer problemas respiratórios, devido aos muitos fumos lançados pela combustão. Os quatro moradores foram salvos pela rápida intervenção dos bombeiros municipais do Cartaxo, que os levaram para uma varanda com máscaras de oxigénio. De seguida, foram retirados do prédio através de uma auto-escada, e foram transportados ao Hospital de Santarém.

PONTÉVEL ASSINALA CENTENÁRIO DA REPÚBLICA A vila de Pontével, concelho do Cartaxo, vai assinalar o centenário da implantação da República com um conjunto de actividades organizadas em parceria pela Junta de Freguesia e Associação Rio da Fonte. As comemorações arrancam no sábado, 23 de Outubro, com a inauguração de uma exposição no salão nobre da Junta, às 17 horas, e um colóquio intitulado “conversas republicanas”, que decorrerá no auditório Luís Eugénio Filipe, a partir das 21h30. José Miguel Noras, ex-presidente da Câmara Municipal de Santarém, é um dos intervenientes no debate, em que participam também Luís Violante, Zelinda Pêgo e António Filipe Rato.


20 REGIÃO | CARTAXO

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

ALUNOS DO CARTAXO EM VIAGENS EUROPEIAS DE INTERCÂMBIO COM APOIO DA H2O

Vereadores do PSD remetem empréstimo bancário ao IGAL Cartaxo ∑ Paulo Varanda terá assinado documento sem estar em funções na empresa Rumo 2020

A Paulo Varanda substituiu a ex-vereadora Rute Ouro na empresa municipal do Cartaxo reador não desempenhava qualquer cargo na empresa municipal, pois só veio a tomar posse como presidente do conselho de administração (CA) cerca de um mês e meio depois, a 27 de Abril, substituindo no cargo a ex-vereadora

Rute Ouro. Perante as dúvidas que o assunto suscitou, o ponto acabou por ser retirado da ordem de trabalhos e adiado para uma reunião futura, mas os vereadores social-democratas Paulo Neves e Pedro Reis confirmaram

ao nosso jornal que vão mesmo pedir esclarecimentos à IGAL. Pedro Reis acrescentou ainda que “o PSD votaria sempre contra o documento, não só pela questão formal relacionada com o elemento que assi-

FREGUESIA DE ACHETE EDITAL N.º 2/2010

CEMITÉRIO Eu, JOAQUIM JÚLIO DA LUZ SARAMAGO, Presidente da Junta de Freguesia de Achete, concelho de Santarém, tomo público que ficam por este meio citados os proprietários desconhecidos dos jazigos e sepulturas perpétuas abaixo designados, nos termos do artigo 42º do Regulamento do Cemitério, os quais se encontram em mau estado de conservação para no prazo de 60 (sessenta) dias contados a partir desta publicação, se apresentarem na secretaria da Junta de Freguesia de Achete a reivindicá-los e proceder no mesmo prazo a obras de limpeza e conservação, caso contrário a partir dessa data passam a ser considerados abandonados. JAZIGOS

SEPULTURAS

Os vereadores do PSD na Câmara do Cartaxo vão enviar um contrato de empréstimo bancário celebrado entre a empresa municipal Rumo 2020 e a Caixa Geral de Depósitos (CGD) para a Inspecção Geral das Autarquias Locais (IGAL), por suspeitas de que o vice-presidente da Câmara, Paulo Varanda, terá incorrido numa situação de usurpação de poderes. A situação foi detectada na última reunião de autarquia, quando veio para deliberação a conversão de um empréstimo de curto prazo (a seis meses), no valor de 2 milhões de euros, para médio prazo (oito anos). O contrato distribuído aos vereadores aparece assinado e rubricado em todas as páginas por um representante da CGD e por Paulo Varanda, em representação da Rumo 2020, a 15 de Março de 2010. Ora, nesta data, o ve-

N.º N.º N.º N.º N.º N.º N.º N.º N.º N.º N.º N.º

192 582 596 597 607 623 638 615 616 559 546 546.A

Maria de Jesus Santa Marta Oriol Pena Manuel Aires Medeiros d’Albuquerque Júlia Vitória da Conceição - Comeiras de Cima Não se conhecem dados Maria da Conceição Temudo Francisco Duarte António Vicente Peste Júnior Maria Bonita Manuel Matias - Advagar Guiomar de Jesus - Nabais Dados desconhecidos Dados desconhecidos José António Garcia José António Garcia

Para conhecimento geral se publica o presente Edital, que com outros de igual teor, vão ser afixados nos lugares de estilo.

na o contrato”, mas também pelas “garantias dadas pela Rumo 2020 à CGD neste empréstimo, que são claramente excessivas”. Além de hipotecar o terreno destinado à construção do futuro pavilhão desportivo da cidade (junto ao estádio municipal) a favor do banco, a empresa compromete-se também a entregar todas as verbas que receber da Câmara ao abrigo de contratos-programa ou subsídios, em caso de incumprimento do empréstimo. “Tendo em conta as receitas, a empresa está a hipotecar praticamente tudo e a comprometer o seu futuro”, concluiu Pedro Reis. O nosso jornal contactou Paulo Varanda, que não se mostrou disponível para prestar esclarecimentos. João Nuno Pepino joao.pepino@oribatejo.pt

A Associação H20, de Arrouquelas, promoveu um intercâmbio junto de alunos da Escola Secundária do Cartaxo, que viajaram até à Grécia e Lituânia. No âmbito do projecto “Youth Exchange ProjectLive Arqhitecture”,os jovens foram à Lituânia e, através da arquitectura dos seus países, deram a conhecer os seus povos, culturas e hábitos. Os alunos foram ainda à Grécia, a Kastoria, onde encontraram jovens de várias nacionalidades com os quais desenvolveram um trabalho sobre a Imigração e as Discriminações Sociais. Segundo informação enviada pela professora Isabel Rodrigues, da Escola Secundária do Cartaxo, “as viagens foram pouco dispendiosas para alunos e professores dado que apenas pagaram 30% do bilhete de avião” e toda a logística (estadia, alimentação, deslocações locais) foi assegurada pelos promotores dos projectos.

Santa Casa da Misericórdia de Coruche

ANÚNCIO VENDA DE PINHAS MANSAS A Santa Casa da Misericórdia de Coruche recebe propostas para venda de pinhas mansas das seguintes propriedades: MONTE DA BARCA, VALE VERDE E ANIVERSÁRIOS As propostas deverão ser entregues em carta fechada, individualizadas por propriedade, na secretaria da Santa Casa, Largo de S. Pedro n.º 4 - 1.º Andar, em Coruche, até às 17 horas do dia 8 de Novembro de 2010. A abertura das propostas será feita e comunicada posteriormente. A Santa Casa da Misericórdia de Coruche reserva-se o direito de não aceitar qualquer das propostas caso o seu valor não seja do interesse desta instituição.

Secretaria da Junta de Freguesia de Achete, 18 de Outubro de 2010 O Presidente, Joaquim Júlio da Luz Saramago

Coruche, 19 de Outubro de 2010 A Mesa Administrativa


21

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

região médio tejo santarém Mini-hídrica no açude insuflável A Administração da Região Hidrográfica do Tejo (ARH – Tejo) lançou um concurso de iniciativa pública para construção e concessão de mini-hídricas, sendo uma delas no açude insuflável do Tejo, em Abrantes. Segundo uma nota de imprensa da Câmara de Abrantes, a instalação de uma central desta natureza “reafirma a potencialidade do concelho na produção de energia, neste caso, energia limpa, e valoriza a rentabilidade

do açude insuflável”, para além de se constituir como “uma fonte de receita para o município”. As mini-hídricas são centrais a fio de água, de potência inferior a 10 MW, classificadas de acordo com a potência instalada, e onde é aproveitado o desnível natural do curso de água para se instalar uma pequena turbina.. Estas infra-estruturas hidroeléctricas de pequenas dimensões representam 16% da energia eléctrica produzida em Portugal.

Abrantes alarga prazo do Finsocial O prazo para apresentação de candidaturas ao programa de financiamento a entidades associativas que promovam acções de intervenção social (Finsocial) da Câmara Municipal de Abrantes foi alargado até dia 29 de Outubro. A decisão da autarquia, de carácter excepcional, foi tomada de forma a viabilizar a preparação das candidaturas por parte das associações, uma vez que o conjunto das

normas foi aprovado a 27 de Setembro. O Finsocial é um programa que se destina “a incentivar e apoiar projectos de âmbito social e políticas de inclusão que possam colmatar necessidades junto das populações mais vulneráveis, nomeadamente crianças, jovens ou idosos, contribuindo também para a igualdade de oportunidades no concelho”, explica uma nota de imprensa da Câmara de Abrantes.

Jovem de Mação é candidato à JSD Duarte Marques, natural de Mação, é um dos dois candidatos à presidência da comissão política nacional da JSD, numa corrida em que já se perfilou também Carlos Reis, actual presidente da distrital de Braga. No próximo sábado, dia 23, a partir das 15h30, a JSD de Santarém vai receber na sua sede os dois candidates, numa sessão que servirá para que cada um apresente os seus projectos e ideias, e responda às perguntas dos militantes social-democratas do distrito. Actualmente, Duarte Marques é vice-

CONSTÂNCIA MELHORA ACESSO AO CAIS

presidente da JSD nacional, presidente da mesa da distrital da JSD de Santarém, presidente da concelhia de Mação da JSD e vice-presidente do YEPP (a família política europeia pertencente ao PPE), exercendo as funções profissionais de chefe de gabinete dos deputados europeus em Bruxelas e Estrasburgo. Mais de metade das distritais laranjas do país, entre as quais as de maior dimensão, casos de Porto, Aveiro e Coimbra, já declararam o seu apoio à candidatura de Duarte Marques.

A Torrejanos ajudam timorenses a implementar o poder local

Natália Carrascalão em Torres Novas Câmara ∑ Prepara primeira missão empresarial a Timor Natália Carrascalão, a embaixadora de Timor em Portugal, esteve em Torres Novas na sexta-feira, 15 de Outubro, durante a sessão de despedida aos membros da Associação Klibur Manatuto Anan que visitaram o concelho durante uma semana. A comitiva timorense esteve em Portugal para tomar conhecimento do funcionamento de uma autarquia, na sequência do levantamento que o presidente da Câmara Municipal de Torres Novas, António Rodrigues, fez em Timor a pedido do primeiro-ministro Xanana Gusmão, com o objectivo de avaliar da viabilidade da introdução do poder local no ex-território português. Os timorenses participaram em várias sessões de trabalho com os diversos departamentos da Câmara de Torres Novas e com várias entidades como a Agrotejo, a Escola Profis-

sional de Torres Novas e a Nersant, e visitaram os principais equipamentos municipais, como o Palácio dos Desportos, as Piscinas Fernando Cunha, a Biblioteca Gustavo Pinto Lopes ou o recentemente inaugurado Centro Escolar de Assentis e Chancelaria. “É sempre com orgulho que vejo missões de Timor virem a Portugal”, disse Natália Carrascalão, enaltecendo a cooperação que tem vindo a prestada pelo município torrejano. “Portugal foi sempre o nosso amigo, o nosso irmão. Vamos continuar a nossa boa cooperação porque precisamos do vosso apoio para desenvolver o país”, afirmou Sebastião Dias Ximenes, Provedor de Justiça em Timor, explicando que a comitiva “aproveitou os sete dias para trocar experiências sobre o que tem sido feito até aqui”. Manatuto foi a localida-

de de Timor com a qual Torres Novas desencadeou uma relação mais próxima de cooperação. Esta foi a primeira formação dada aos membros que irão compor a comissão preparatória para a instalação da futura Câmara Municipal de Manatuto, a câmara timorense que a autarquia torrejana apoiará no plano material, logístico e dando formação aos seus membros. A Associação Klibur Manatuto Anan é uma associação de direito privado, sem fins lucrativos, para o desenvolvimento do distrito de Manatuto. Durante a sessão solene de despedida, que decorreu no salão nobre da Câmara Municipal de Torres Novas, o presidente António Rodrigues informou que, durante as sessões de trabalho, surgiram planos para uma deslocação de empresários torrejanos a Timor, já no final de Novembro.

A Câmara de Constância vai instalar um passadiço e um cais acostável em madeira, de forma a facilitar o acesso ao barco às cerca de 200 pessoas que utilizam aquele meio de transporte para atravessar o rio. O investimento, que ascende aos 5 mil euros, “não resolve a questão de fundo”, mas acaba por ser “um pequeno contributo para amenizar o sacrifício das pessoas”, frisou à Lusa o presidente da Câmara, Máximo Ferreira. O encerramento da ponte rodoviária sobre o Tejo, no passado mês de Julho e após uma vistoria da Refer apontar o fecho por razões de segurança, separou fisicamente os habitantes da freguesia de Santa Margarida da sede do seu concelho, ficando impossibilitados de utilizar a habitual via de acesso à sede de concelho. As duas pontes mais próximas, Chamusca e Abrantes, implicam viagens superiores a 40 quilómetros mas são, agora, as únicas alternativas rodoviárias para atravessar o rio. O caso originou um “movimento inusitado” no atravessamento do rio através de um pequeno barco municipal, tendo o próprio presidente da autarquia sido obrigado a recorrer a este meio de transporte. Máximo Ferreira disse que a actual situação gera “muitos incómodos e constrangimentos” aos cerca de quatro mil utilizadores diários daquela infra-estrutura, tendo afirmado que, “para não perderem tanto tempo e despender tanto dinheiro em combustível, muitas pessoas optaram for fazer a travessia de barco” e o número de utilizadores subiu “de 20 para 200”, por dia. “Um dos problemas”, explicou, “é que o acesso ao cais tem de ser feito através de um extenso areal de difícil atravessamento”.


22 REGIÃO | ALCANENA | MAÇÃO

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Envendos recupera serviço multibanco

Atraso nas obras da ETAR Alcanena ∑ “Os Verdes” exigem concretização do projecto de reabilitação Tendo em conta o atraso que se verifica na realização de algumas obras previstas no Protocolo para a Reabilitação do Sistema de Tratamento de Águas Residuais de Alcanena, o deputado José Luís Ferreira, do Partido Ecologista “Os Verdes”, entregou um requerimento na Assembleia da República onde questiona o Ministério do Ambiente acerca das razões do incumprimento dos prazos. O eleito pretende saber se “o con-

curso para a elaboração do projecto de remodelação da rede de colectores de águas residuais a decorrer dentro dos prazos”, e se este atraso inicial no lançamento do concurso irá alterar, por arrasto, os restantes prazos. José Luís Ferreira recorda que o protocolo em questão foi assinado em Junho de 2009, entre o Instituto da Água (INAG), a Administração da Região Hidrográfica do Tejo (ARH-Tejo), a Câ-

mara Municipal de Alcanena (CMA) e a Associação de Utilizadores do Sistema de Tratamento de Águas Residuais de Alcanena (AUSTRA). O documento prevê a realização de obras como a remodelação da rede de colectores de águas residuais, a melhoria da eficiência do sistema de tratamento da ETAR de Alcanena e respectiva defesa contra cheias, e a construção de uma nova unidade de tratamento de resí-

duos industriais (raspas verdes), entre outros investimentos. Ora, segundo o deputado ecologista, “urge assegurar” que alguns “atrasos ou adiamentos, embora mínimos, não se multiplicarão”. O eleito solicita ainda informações sobre o projecto de reconstrução da cascata do Mouchão de Pernes, incluído no citado protocolo, e questiona se o prazo de conclusão da obra se mantém para o próximo mês de Novembro.

A população de Envendos, no concelho de Mação, tem novamente uma máquina multibanco em funcionamento desde o passado dia 13 de Outubro. A freguesia estava sem este serviço desde 7 de Dezembro do ano passado, quando um grupo de assaltantes furtou a máquina ATM da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo local, o que obrigava os residentes a percorre cerca de 30 quilómetros até à sede de concelho para levantar dinheiro ou pagar contas e serviços. O primeiro a estrear a nova máquina foi o actual

presidente da Junta de Freguesia, João Luís Pereira, que levantou 60 euros. “O processo de reinstalação do multibanco na freguesia foi longo e difícil, pois envolveu a negociação com diversas entidades bancárias a fim de averiguar o seu interesse na instalação do equipamento”, frisou o autarca local, que, durante a inauguração deu conta aos populares do longo processo burocrático, que o obrigou a andar de banco em banco e de entidade em entidade, para assegurar um serviço fundamental à população.

Médio Tejo discute integração social “Redes e parcerias na integração social” é o nome do seminário que vai decorrer no centro cultural de Vila Nova da Barquinha, no próximo dia 26 de Outubro, e que continua no dia seguinte, 27 de Outubro, no salão nobre da Câmara Municipal do Entroncamento. Esta iniciativa de sensibilização da opinião pública

surge no âmbito do projecto “redes do Tejo”, que está a ser desenvolvido pelos nove municípios da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIM-MT) e pela União das Instituições Particulares de Solidariedade Social do Distrito de Santarém, dentro do ano europeu de combate à pobreza e à exclusão social.

CRÉDITOS PAU LO N I ZA CÂMARA MUNICIPAL DE MAÇÃO

* CRÉDITO RÁPIDO P/ INÍCIO DO SEU NEGÓCIO Taeg desde 7,00%

* CRÉDITO PESSOAL OU CARTÃO DE CRÉDITO

AVISO Nos termos do n.º 1 do artigo 78 do Decreto-Lei 555/99, de 16 de Dezembro na redacção que lhe foi conferida pela Lei n.º 60/2007, de 4 de Setembro, torna-se público que a Câmara Municipal de Mação, emitiu em 2010/10/18, a RECTIFICAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENCIAMENTO DE LOTEAMENTO N.º 1/93, em nome de MARIA DA CONCEIÇÃO PIRES MARQUES CARPINTEIRO, CLEMENTINA PIRES MARQUES GASPAR e MARIA FILOMENA SUSANA ALVES CARPINTEIRO, que titula a aprovação da operação de Loteamento do prédio sito em Chã - Serra, da Freguesia de Penhascoso, descrito na Conservatória do Registo Predial de Mação sob o n.° 659 e inscrito na matriz predial rústica sob o artigo 151 da secção A, da respectiva Freguesia. Área abrangida pelo Plano Director Municipal. Operação de Loteamento com as seguintes características: ¾ Área do prédio a lotear – 11 160 m2 ¾ Área total de construção – ----- m2 ¾ N.º de lotes, 3 com a área de 2022 m2 a 5765 m2 ¾ N.º máximo de pisos cima da cota da soleira - 2 ¾ N.° de fogos total - 4 ¾ N.° de lotes para habitação - 3 ¾ N.º de lotes para habitação e comércio – 0 ¾ Área de cedência para o domínio público municipal – ----- m2 Paços do Município de Mação, 18 de Outubro de 2010. O Presidente da Câmara José Manuel Saldanha Rocha, (Dr.)

C/ ASSINATURA DE 1 SÓ TITULAR, SE CASADO Taeg desde 12,06%

* CRÉDITO CONSOLIDADO COM E SEM HIPOTECA C/ REDUÇÃO ATÉ 60% DO ENCARGO MENSAL Taeg desde 6,59%

* CRÉDITO COM GARANTIA DO SEU AUTOMÓVEL E NEGÓCIOS AUTO ENTRE PARTICULARES Taeg desde 18,52%

* LINHAS DE CRÉDITO COM APOIO DO ESTADO PARA INÍCIO DO SEU NEGÓCIO E PARA EMPRESAS JÁ EXISTENTES Taeg desde 2,50%

* CRÉDITO HABITAÇÃO E TRANSFERÊNCIAS COM REDUÇÃO DA SUA PRESTAÇÃO MENSAL E POSSIBILIDADE DE TAXA FIXA Taeg desde 5,1994%

* CONTACTE-NOS MESMO QUE TENHA

PROBLEMAS BANCÁRIOS, POIS EM MUITOS CASOS AINDA TEMOS A SOLUÇÃO

www.pauloniza.pt Urb. Vila das Taipas. Lt.4 – r/c Drt. 2080-067 Almeirim E-mail: geral@pauloniza.com

Telf.: 243 579 296

Telm. 938 879 678


LPM INAUGURA NOVAS INSTALAÇÕES EM SANTARÉM

A equipa da LPM em Santarém com a CEO da Lena Automóveis, Anabela Carreira

Caderno Especial


LPM INVESTE FORTE EM SANTARÉM A LPM, empresa da Lena Automóveis do Grupo Lena, inaugurou na semana passada o seu novo espaço concessionário na zona industrial de Santarém, onde passa a representar em exclusivo as marcas Peugeot e Volvo (ligeiros) na região. O novo concessionário é um espaço amplo, repleto de luz e requinte na decoração moderna,

juntando no mesmo local a venda de veículos novos, semi-novos e usados, distribuiç��o de peças, serviço de oficina e de após-venda das duas marcas. Com a abertura deste concessionário, que significou um investimento de 2 milhões de euros, a LPM completa a sua presença no distrito de Santarém, onde já represen-

tava a marca Peugeot em Tomar. A CEO da Lena Automóveis, Anabela Carreira, explicou ao nosso jornal que o concessionário de Santarém surge na sequência uma estratégia do grupo: “há alguns anos fizemos uma aposta no mercado automóvel até Tomar, alargando a nossa presença que já estava em Leiria, Pombal e Mari-

nha Grande; pensámos então que o próximo passo seria Santarém mas a Peugeot tinha outro representante; falámos com a marca e dissemos que, se algo não corresse tão bem neste mercado, gostaríamos de ser informados para podermos aqui investir e aumentar a nossa cobertura”. E assim aconteceu, a LPM está

em Santarém ganhando a representação exclusiva da marca Peugeot e um novo concessionário que significou também a entrada da empresa noutro segmento de mercado com a marca Volvo, que se junta ao portefólio do grupo Lena Automóveis, que representa também as marcas Opel, Isuzu, Kia Motors e Ford.

JOAQUIM PAULO CONCEIÇÃO CEO do Grupo Lena Este novo concessionário significa a consolidação de uma estratégia seguida desde há 12 anos e com a qual sermos líderes nesta marca entre o Rio Mondego e Santarém. A LPM é hoje uma empresa que tem uma presença líder de mercado nesta região. O negócio dos automóveis é difícil mas para o Grupo Lena é um bom negócio no sentido de que é uma das áreas com melhores performances. A Lena Automóveis vai facturar este ano mais de 50 milhões de euros e terá um EBITDA superior a 7 milhões. Vamos completar um investimento imobiliário de 20 milhões de euros e a nossa dívida bancária pagar-se-ia em cinco anos. É um sector que

tem sido conduzido de forma segura e sólida e estamos satisfeitos por ter aberto este espaço em Santarém, que nos permite ganhar uma dimensão regional muito importante, mas sempre com a solidez financeira que é determinante para este sector e para este grupo. Quando, há 12 anos, a Peugeot veio ter connosco para entrarmos no mercado automóvel não percebíamos nada de automóveis. Constituímos a LPM em Agosto de 1998 e iniciámos actividade 12 dias depois em Leiria, Pombal e Marinha Grande. Foi também muito importante a confiança do accionista – o Grupo Lena - que nos deu, na altura, 75 mil

euros para iniciarmos este projecto, sem percebermos nada de automóveis. Aquilo que poderia ser uma confiança cega do accionista e da marca acabou por ser um percurso muito interessante e isso devese à confiança criada pela equipa da LPM, que foi fiel, que triunfou e que esteve desde sempre focalizada no negócio. Nunca tivemos uma postura de negócio do imediato, de curto prazo, de pagarmos ordenados acima da média e depois só uma das partes fica satisfeita. Esta equipa, a quem nós pagamos mal, não nos abandona e quase 90% das pessoas que iniciaram este percurso há 12 anos estão connosco. E neste 12 anos, nunca tivemos resultados negativos.


PABLO PUEY Administrador delegado da Peugeot em Portugal Estamos muitos satisfeitos com a LPM a representar a nossa marca em Santarém. Este concessionário vai dar o seu contributo, com a venda de 350 carros novos por ano, para que sejamos a segunda marca de veículos ligeiros de passageiros e comerciais. Começou muito bem e pensamos que será cada vez mais um parceiro estratégico. Um novo concessionário dinamiza sempre uma marca. O grupo LPM tem muita força e já o demonstrou em Leiria e Tomar. A Peugeot está a completar 200 anos justamente neste ano temos esta fantástica inauguração. Queria reconhecer a importância deste investimento nesta fase tão complicada. É um exemplo de empresários que arriscam. A LPM é um dos grupos mais importantes de Portugal e renovou a 100% a confiança da Peugeot.

ALFREDO AMARAL Director Comercial da Peugeot Portugal A LPM assume-se como um grande actor na região centro. Os resultados dos outros espaços, em Leiria e Tomar, foram muito interessantes, sobretudo na forma de abordagem aos clientes, e este novo espaço, surge de forma natural e as coisas estão-se a iniciar muito bem de acordo com os nossos objectivos. Pensamos até que os objectivos vão ser superados e que os nossos clientes vão ter uma boa assistência. Recordo que fomos nós a desafiar este grupo a entrar no mercado dos automóveis e já percorremos juntos um longo percurso cujos resultados comerciais e a satisfação dos nossos clientes são um orgulho para nós.

JULIO NIETO Administrador do Banque PSA Finance em Portugal Para nós a LPM é um parceiro muito importante e quero transmitir que, da nossa parte, estamos dispostos a ajudar a vender mais carros e acompanhar em tudo para que este ponto de venda tenha os maiores sucessos.

Peugeot RCZ É o novo desportivo da Peugeot e promete dar concorrência aos desportivos de outras marcas como o Audi TT. Parte da plataforma do Peugeot 308 e traz as linhas de design mais inovadoras da marca. Vem equipado com motores a gasolina 1.6 (150 cv) e outra versão bi-turbo com (200 cv). Em breve vai ser lançado um motor 2.0 a diesel. Vai ser vendido a partir dos 29 mil euros já com um nível de equipamento de base considerável, embora possa ser personalizável, a nível das jantes, dos estofos (com ou sem pele), GPS e computador de bordo (com leitor de DVD’s e disco rígido), ar condicionado de gestão automática diferenciada para condutor e passageiro, entre outros aspectos. Os consumos deste carro, na sua versão de base, são de 6,7 litros aos 100 km e de 8,6 segundos de resposta dos 0 aos 100 km.


LPM COM VOLVO EM SANTARÉM

Anabela Carreira, CEO da Lena Automóveis: - “A Volvo é uma marca Premium, e tem um target muito direccionado. Como o stand Volvo não saiu do mesmo espaço em Santarém, continuamos a ter muitos clientes d e neste momento, já superamos os objectivos previstos até ao final do ano. Vamos ter muitos carros no stand e, e viaturas de serviço para o cliente experimentar. Mesmo em período de crise, estamos muitos satisfeitos.” An Anabela Carreira referiu ainda que, em ambas as marcas da LPM em Santarém (Volvo e Peugeot) já foram vendidos muitos carros, antes mesmo da inauguração oficial dos Stands e que as previsões apontam para uma ve mé de vendas de 50 carros por mês, até final do ano. Tudo graças “a uma equipa fantástica, direccionada média para os objectivos de fecho de negócios”, salientou a administradora da Lena Automóveis, que conta com uma equipa de 13 colaboradores em Santarém.

Volvo S60 já em Santarém: Este novo modelo traz o novo conceito de segurança da marca que consiste em dois sistemas de detecção: o “City Safety” que detecta os veículos da frente e trava ou reduz a velocidade do carro para evitar colisão (a circular até 30 km/h de velocidade); e ainda o sistema de detecção de peões, o mais inovador, que, até 35km/h, é capaz de detectar peões e travar o veículo e assim evitar atropelamentos. Isto a somar aos já conhecidos: BLIS (detector da presença de um veículo no ângulo morto), LDW (mudança de faixa de forma inadvertida) e o DAC (alerta de condutor cansado ou distraído). Trata-se de um modelo executivo com duas motorizações diesel dos 2.0 aos 2.4, para competir com modelos como os alemães. Tem um consumo médio de 6 a 6,5 litros para um motor diesel D3 com 163 cv. O preço começa nos 37.300 euros.

Nuno Guimarães e Luís Leitão, responsáveis da Volvo Car Portugal: - “As expectativas desta concessão à LPM são altas porque confiamos que são o parceiro certo para trabalhar connosco. A LPM apanha um momento muito positivo da Volvo, em que estamos com uma performance muito boa, a vender o dobro do ano passado. O que pretendemos é que a LPM entre a trabalhar com força e já percebemos que isso está a acontecer. O timming é também muito bom uma vez que a LPM começa a trabalhar a Volvo numa altura favorável do nosso ciclo de produto, com lançamento do novo S60 e com uma performance muito positiva do XC60 e da linha DRIVe em geral.

Joaquim Nicolau, o actor é cliente da Volvo: - “Espero continuar a poder comprar as novas versões da Volvo. Já sou cliente da marca há 20 anos, tenho um Volvo S60 e esta nova versão tem umas linhas lindíssimas, bastante elegantes e desportivas. Estou muito satisfeito com esta marca, porque é um carro seguro para as minhas viagens entre Santarém e Lisboa.”

Carlos Catalão, Chefe de Gabinete da Governadora Civil de Santarém: - “Para o Governo Civil é gratificante partilhar este investimento importante do Grupo Lena, que tem sido muito dinâmico na nossa região. Achamos que este projecto vai ser um sucesso, embora surja num momento de dificuldades económicas. O Governo Civil de Santarém está ao vosso lado em futuras iniciativas para que este seja um projecto de sucesso. É também assim que podemos construir o sucesso da região.”


27

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Instituto Politécnico de Santarém

politécnico

Integram o Instituto Politécnico a Escola Superior Agrária de Santarém, Escola Superior de Educação de Santarém, Escola Superior de Desporto de Rio Maior, Escola Superior de Saúde de Santarém e Escola Superior de Gestão e Tecnologia de Santarém

ENSINO SUPERIOR: “OS NOVOS DESCOBRIMENTOS”

A Tanto a governadora civil, Sónia Sanfona, como o presidente da Câmara, Moita Flores, elogiaram papel do Instituto

Alunos propõem mudanças Abertura do ano lectivo ∑ Politécnico de Santarém recebeu novos alunos com sessão solene “Eu tenho um sonho de um dia ouvir na comunicação social que ‘um estudo do Politécnico de Santarém prova que’… ou mesmo falar-se da Universidade do Ribatejo”: foi com este sonho que o representante dos alunos espantou os presentes na abertura do ano lectivo do Instituto Politécnico de Santarém. No dia de dar as boas vindas aos novos alunos foi um desses alunos, Diogo Passagem, que deixou alguns pedidos e sugestões para quem decide no Instituto. Mas antes das exigências, o presidente da Associação de Estudantes da Escola de Gestão, começou por elogiar o politécnico que considera não se encaixar no preconceito de “ensino superior de segunda”. “Existem nalguns sectores de actividade o preconceito que o ensino superior politécnico é um ensino de segundo mas vocês caros colegas vão ter a prova de que no Politécnico de Santarém isso não é verdade”,

frisou o aluno. Depois dos elogios vieram os pedidos. O representante dos alunos aproveitou o dia que lhes foi destinado para pedir mais exigência. “É tempo de exigir mais proactividade na resolução dos problemas do presente e dos que se prevêem no futuro, utilizando os learnings do passado. Necessitamos de propostas concretas e devemos concentramo-nos no core dos problemas e esquecer todos os fait-divers

Objectivos da presidência para o próximo ano

existentes entre órgãos e unidades orgânicas”, pediu Diogo Passagem. “Duas cabeças são melhores do que uma quando trabalham no mesmo sentido e isso nem sempre acontece”, acrescentou. Feitos os pedidos vieram as sugestões. Diogo passagem aproveitou a sua experiência de aluno da Gestão para deixar algumas ideias sobre gestão de receitas e de despesas. “As receitas próprias têm que ser organizadas numa perspec-

tiva de longo prazo percebendo quais as parcerias com o exterior e com tecido empresarial que temos no nosso Politécnico. Julgo que esta área não está a ser trabalhada da melhor forma”, afirmou ainda o representante dos alunos. Para a área da despesa, o aluno considerou que “o problema está em não se conseguir tomar decisões com a mesma austeridade que o nosso Governo”, mas acrescentou que concorda com “medidas se-

∑ É Mas para lá da gestão está a estratégia. E a do Ins-

tituto Politécnico de Santarém já está traçada para o próximo ano lectivo. Segundo Jorge Justino, a aposta vai ser na “forte implementação da internacionalização”, ao elearning e b-learning, ao sistema de controlo interno da garantia de qualidade com vista à certificação do Instituto e ainda ao estabelecimento de parcerias tendentes à realização de consórcios. “Estamos preparados para seguir os desafios estratégicos propostos pela Comissão para a cooperação europeia nas áreas da educação e formação, ou seja, desenvolver a aprendizagem ao longo da vida e mobilidade dos formandos, melhorar a qualidade e eficácia da oferta e dos resultados, promover a igualdade e a cidadania activa, encorajar à inovação e incluir o empreendedorismo em todos os níveis de educação”.

veras”. “Estamos a viver o drama dos alunos não saberem se têm bolsa ou não”, disse ainda o representante dos alunos. Pedidos dos alunos à parte, o presidente do Instituto Politécnico já antes tinha admitido que “os tempos são difíceis e disse que a solução passa pela qualidade e diferenciação no ensino. “Há que assumir a diferença pela liderança, superando a crise pela qualidade desenvolvida”, referiu Jorge Justino, acrescentando que defende “um modelo dinâmico, inovador e empreendedor”. “Deverá ser este o conceito de que a nossa sociedade terá da nossa instituição e só assim o Instituto cumprirá a sua missão como pólo de desenvolvimento e transferência do saber, da cultura e de apoio à sociedade do conhecimento”. Jorge Justino frisou ainda uma ideia que tem vindo a defender ao implementar uma centralização na gestão e nos serviços do Instituto.

Rui Teixeira, vice-presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Politécnicos, recorreu a uma metáfora interessante para destacar a importância do ensino: “os nossos próximos Descobrimentos são agora a qualificação dos portugueses”. O docente condenou ainda a ideia de que o ensino superior não presta, dizendo que a qualificação é uma das respostas para sair da crise. “É preciso contarmos outra história sobre o ensino superior. Quem ouve a opinião pública pensa que fomos sempre uma enorme porcaria, que não servimos para nada. Servimos sim senhor, e cada vez é fundamental, por uma questão de auto-estima, que nos olhem com outros olhos porque é a partir da nossa auto-estima que vamos encontrar resposta para este período que é um dos mais difíceis do país”. Um momento difícil mas do qual o Politécnico sai com uma mensagem de esperança e de incentivo nesta que foi a cerimónia oficial de abertura do ano lectivo e na qual foram premiados os melhores alunos e os mais empreendedores.

“SANTARÉM PRECISA DO INSTITUTO COMO DE PÃO PARA A BOCA” “Santarém tem orgulho em termos um Instituto e um conjunto de escolas tão activas, tão emergentes, tão criativas e tão inteligentes. Santarém precisa deste Instituto politécnico como de pão para a boca, para se renovar, para se requalificar, para se rejuvenescer e garantir futuros e expectativas”, foi assim que Moita Flores deu as boas vindas aos novos alunos.


28

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

negócios Cluster AgroIndustrial do Ribatejo no SIAL O Cluster Agro-Industrial do Ribatejo participou no SIAL – Salão Internacional de Alimentação, em Paris, entre os dias 17 e 21 de Outubro, com o objectivo de promover as empresas e marcas da região. Os objectivos passaram por potenciar a introdução dos produtos portugueses nos mercados internacionais e procurar diversificar e ampliar a carteira de clientes. “A participação do cluster na SIAL é a compreensão da necessidade de alargamento dos mercados de ac-

A Ministro da Agricultura no seminário dos jovens agricultores que decorreu na Chamusca

15 mil hectares para jovens agricultores

tuação das nossas empresas”, referiu o presidente do Cluster Agro-Industrial do Ribatejo, Carlos Lopes de Sousa. A SIAL é uma das feiras de referência a nível mundial, apresentando um universo de 5500 expositores e divulgando áreas abrangentes como inovação, distribuição, restauração, nutrição, vinho e indústria agro-alimentar. O cluster é constituído por 36 empresas e outras entidades, como câmaras municipais e instituições de ensino e investigação.

Novos investidores no Parque de Negócios de Rio Maior

Agricultura ∑ Ministro anuncia terrenos para facilitar acesso à propriedade O Ministério da Agricultura anunciou na Chamusca que vai abrir um concurso público para arrendamento de 15 000 hectares de terrenos no Alentejo, destinados prioritariamente a jovens agricultores. A medida, anunciada pelo próprio ministro da Agricultura, no encerramento do seminário “O futuro e o presente do associativismo e cooperativismo em Portugal”, realizado pela Associação dos Jovens Agricultores de Portugal (AJAP), é considerada como uma “boa iniciativa dirigida a quem quer investir na terra”. António Serrano frisou que uma das limitações para quem quer entrar no sector é exactamente o acesso à propriedade e que, por isso, as terras que estiverem na posse do Es-

tado vão ser colocadas no mercado por esta via. Segundo disse, estes 15 000 hectares de terreno, ainda resultantes do processo da reforma agrária, repartidos por múltiplas propriedades de pequena e média dimensão, vão ser colocados a concurso, depois de “um longo processo jurídico”. A prioridade será dada aos jovens agricultores,

que terão que apresentar “um pequeno projecto, simples, em que demonstrem capacidade para serem empresários neste sector”. António Serrano realçou ainda o facto de, nos últimos dois anos, terem sido contratados 2000 projectos de jovens agricultores, 50 por cento dos quais no Norte do país, tendo havido apoios à instalação

destes jovens, no valor de 40 milhões de euros. Dos 2000 projectos, 1200 apresentaram investimentos na ordem dos 200 milhões de euros, 76 milhões dos quais contemplados em contratos. Estes dados, disse, “revelam a dinâmica diferente que se está a instalar”, com novos sectores a emergir, como o vinho, o olival, a floricultura, a fruticultura.

Jovens agricutores “não desistem apesar da crise”

∑ Firmino Cordeiro, presidente da AJAP, apresentou a GlobalCoop como resultado da “irreverência juvenil”, que “não desiste, apesar da crise”. A cooperativa, que irá actuar em Portugal e nos países de língua oficial portuguesa, foi apresentada por Firmino Cordeiro como “uma solução de esperança para os agricultores”. Segundo disse, além do apoio técnico, irá intervir na comercialização da produção dos seus associados e propor opções mais económicas na utilização dos factores de produção, “sempre em harmonia com as boas práticas agrícolas”. Firmino Cordeiro anunciou ainda que foi aprovado um projecto que visa a comercialização de azeite e vinho produzidos por jovens agricultores.

O Parque de Negócios de Rio Maior celebrou mais um contrato com a empresa SGLUX – Comércio Internacional, Lda, uma trading que se dedica à comercialização de materiais de construção, mobiliário e decoração. O seu principal mercado de destino é Angola, onde se concentra 98% do seu volume de negócios. O projecto de investimento consiste na construção de um entreposto logístico/comercial de mercadorias para exportação. Além do lote 19, a empresa reservou mais dois lotes, com opção de compra até 31 de Dezembro. Contrariando as perspectivas pessimistas da econo-

mia portuguesa, o Parque de Negócios de Rio Maior tem tido uma procura significativa de lotes. As empresas exportadoras, como é o caso da SGLUX, têm sido o segmento de mercado objecto da promoção e da actividade comercial da Depomor, Sociedade Gestora do Parque de Negócios de Rio Maior, “dado que são elas que irão mais crescer nos próximos anos”, refere a administração do Parque. “Serão também elas as mais apoiadas pelo sistema de incentivos e aquelas onde recai a esperança para superar as actuais dificuldades do país”, acrescentam os responsáveis da Depomor.


INVESTIR & AGIR | NEGÓCIOS 29

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Banco Best realiza seminário em Santarém O Banco Best realiza em Santarém, no próximo dia 28, às 17h30 no Santarém Hotel, um seminário sobre CFD’s (instrumentos financeiros derivados negociados fora de mercados regulamentados) e “Money Management”. A conferência terá como objectivo clarificar o funcionamento destes instrumentos financeiros permitindo que os actuais e potenciais investidores. Os CFD são um produto que permite investir em índices, acções e mercadorias, com a vantagem de multiplicar esse montante até vinte vezes mais. Um exemplo: caso pretenda comprar 1000 acções do Banco Espírito Santo, à cotação de 3 euros, necessitará de 3000 euros, mas se optar por comprar 1000 CFD’s sobre o Banco Espírito Santo irá necessitar

Ribatel desenvolve comando-telemóvel RWT-12 ∑ Novo produto inovador já em comercialização

de aplicar apenas 450 euros (15% do valor nominal). Será também abordada a temática do “Money Management” com a apresentação de formas de gerir a carteira de investimentos com base nas regras mais adequadas a nível de disciplina, controlo de risco e “timing” de mercado.

Imagine controlar qualquer equipamento eléctrico através de uma simples chamada telefónica. Agora já é possível com o novo equipamento, o RWT-12 desenvolvido pela empresa Ribatel, de Santarém. Concebido pela equipa da investigação & desenvolvimento da Ribatel, o RWT-12 trata-se de uma pequena caixa onde está inserido um circuito electrónico e um módulo de transmissão e recepção GSM (sistema dos telemóveis) e através do qual se podem controlar, à distância, mecanismos como alarmes, portas automáticas, entre outros aparelhos. Tudo isto atra-

vés de uma simples chamada de telemóvel ou de rede fixa que ainda por cima não tem custos porque a chamada não é atendida. O telemóvel substitui na totalidade o comando tradicional destes equipamentos e permite ainda receber alertas, desde que ligado a alarmes. O funcionamento é simples: quando se marca o número do cartão da placa instalada junto a um portão automático, esse número é reconhecido e faz actuar a abertura do portão como se fosse um comando. Tem possibilidade de ser usado por 100 utilizadores (100 números de telefone diferentes) podendo ser um recurso para

uma indústria com vários funcionários. Daí que, segundo nota da Ribatel, este equipamento tenha tido muita procura e sucesso junto das empresas do sector. Para além de portões e alarmes, o RWT-12 permi-

te ligar e desligar o aquecimento de casa, o ar condicionado, uma bomba de água, um sistema de rega, entre outros aparelhos. A Ribatel iniciou a comercialização deste produto no início de Setembro.

Emprego & Formação

Aquilo que as escolas não ensinam... Segundo um estudo, publicado esta semana pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), apenas 30% dos alunos portugueses concluem os doze anos de escolaridade. Entretanto, são muitas as vozes críticas que se levantam contra a qualidade do ensino que é ministrado na maioria das escolas e, quando se trata de rankings de sucesso, as escolas públicas são claramente ultrapassadas pelas escolas privadas. No ranking publicado a semana passada pelo Jornal Expresso, as duas escolas secundárias de Santarém, a Escola Secundária Dr. Ginestal Machado e a Escola Secundária Sá da Bandeira, aparecem nuns modestos 116º e 143º lugar, respectivamente, o que não é assim tão mau, se considerarmos que este ranking considera uma lista de 485 escolas. Mas é longo ainda o caminho a percorrer para se chegar aos primeiros lugares do mesmo ranking! A este propósito, lembrei-me de uma célebre palestra que o fundador da Microsoft deu, em 2008, numa escola secundária.

rem da universidade. Vocês não serão directores de uma empresa com carro e telefone à disposição, sem que antes tenham conseguido comprar o vosso próprio carro e telefone. Florinda Matos(*)

Bill Gates falava a propósito de estarmos a criar uma geração que não tem a noção da realidade e como esta política tem levado as pessoas a falharem nas suas vidas profissionais, depois de saírem da escola. Então aqui ficam as onze regras, que segundo Bill Gates, não se aprendem na escola: 1 - A vida não é fácil, acostumemse a isso. 2 - O mundo não está preocupado com a vossa auto-estima. O mundo espera que vocês façam alguma coisa de útil por ele, antes que vocês se sintam bem convosco próprios. 3 - Vocês não vão ganhar 5.000 Dólares por mês, assim que saí-

4 - Se vocês acham que os vossos professores são exigentes, esperem até terem um chefe. Ele não vai ter pena de vocês. 5 - Vender jornais velhos ou trabalhar nas férias não está abaixo da vossa posição social. Os vossos avós têm uma palavra diferente para isso: chamam-lhe oportunidade. 6 - Se vocês fracassarem, a culpa não é dos vossos pais. Por isso não os culpem dos vossos erros; aprendam com eles. 7 - Antes de vocês nascerem, os vossos pais não eram tão críticos como agora. Eles só ficaram assim por pagar as vossas contas, lavar as vossas roupas e ouvirvos dizer que eles são ridículos (cotas). Antes de quererem salvar o planeta para a próxima ge-

ração, desejando reparar os erros da geração dos vossos pais, tentem limpar o vosso próprio quarto. 8 - A vossa escola pode ter eliminado a distinção entre vencedores e vencidos, mas a vida não é assim. Nalgumas escolas vocês chumbam mais de um ano e têm tantas oportunidades quantas forem precisas até passar. Isto não tem nada a ver com a vida real. Se pisarem o risco, são despedidos... Por isso, façam bem à primeira! 9 - A vida não é dividida em trimestres ou semestres. Vocês não terão sempre os Verões livres e é pouco provável que os outros empregados vos ajudem a cumprir as vossas tarefas no final de cada período. 10 - A televisão não é a vida real. Na vida real, as pessoas têm que largar o bar e o café e ir trabalhar. 11 - Sejam simpáticos com os “estudiosos” - aqueles estudantes que muitos julgam que são uns

idiotas. Existe uma grande probabilidade de vocês, um dia, virem a trabalhar para eles. Penso que vale a pena, cada um de nós, professores e estudantes, analisar estas regras, talvez aqui seja possível aprendermos alguma coisa daquilo que falta ao nosso sistema de educação e assim contribuirmos para a sua melhoria. Docente /Investigadora Consultora PMEConsult (florinda.matos@pmeconsult.pt)


30

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

desporto 3ª Nacional

Riachense e Monsanto de regresso Depois de um início entusiasmante, o Monsanto e o Riachense fizeram um intervalo da competição na última semana, reservada que foi aos jogos da Taça de Portugal, competição da qual estes clubes ribatejanos da 3.ª Divisão Nacional já se encontram fora. Esta semana estão de regresso, para a disputar a 5.ª jornada da série D. O Monsanto recebe o Vigor da Mocidade, equipa da localidade de Fala, conce-

Z

Ouriquense Benavente Mação U. Tomar Ouriense Pego

Samora Alcanenense Fazendense Torrres Novas Amiense Cartaxo

Z

7 7 7 7 7 7 7 7 7 7 7 7

5 4 3 3 2 2 2 2 1 2 1 0

1 2 3 2 5 4 3 2 3 0 2 3

1 1 1 2 0 1 2 3 3 5 4 4

PONTOS

GOLOS

11-2 12-5 8-8 8-6 6-4 6-5 10-9 6-7 6-9 4-10 5-8 2-11

16 14 12 11 11 10 9 8 6 6 5 3

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9.

Alferrarede Atalaiense Tramagal F. Zêzere

Z

Goleganense F. Zêzere Tramagal Meiaviense U. Abrantina Atalaiense C. Ferroviária Alferrarede U. Chamusca

3 3 3 3 2 3 2 2 3

2 2 2 2 2 1 0 0 0

1 1 0 0 0 0 0 0 0

GOLOS

PONTOS

DERROTAS

EMPATADOS

1 4 1 1

4ª jornada (24 Outubro) Goleganense U. Chamusca C. Ferroviária U. Abrantina Folga o Meiaviense

JOGOS

Meiaviense Goleganense U. Chamusca C. Ferroviária

VITÓRIAS

Classificação

Alferrarede 0 Atalaiense 0 Tramagal 4 F. Zêzere 2 Folgou o U. Abrantina

0 10-4 7 0 9-3 7 1 8-6 6 1 5-3 6 0 3-1 6 2 3-7 3 2 2-4 0 2 0-3 0 3 1-10 0

DISTRITAL - DIVISÃO SECUNDÁRIA - SÉRIE B

2ª jornada

Pernes Caxarias V. Gama Moçarriense

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8.

Moçarriense Caxarias Emp. Comercio Mindense Cercal Assentis Vasco Da Gama Pernes

2 2 2 2 2 2 2 2

2 2 1 1 0 0 0 0

0 0 1 0 1 1 1 0

0 0 0 1 1 1 1 2

GOLOS

7-0 5-1 5-2 2-3 2-3 1-3 2-5 0-7

PONTOS

DERROTAS

EMPATADOS

4 2 1 0

Cercal Emp. Comércio Mindense Assentis

Z

JOGOS

Moçarriense Caxarias V. Gama Assentis

VITÓRIAS

Classificação 0 1 4 2

3ª jornada (24 Outubro)

6 6 4 3 1 1 1 0

DISTRITAL - DIVISÃO SECUNDÁRIA - SÉRIE C

2ª jornada

Pontével U. Almeirim Barrosense Marinhais

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8.

Glória Salvaterrense Porto Alto Marinhais Pontevel U. Almeirim Barrosense Coruchense

2 2 2 2 2 2 2 2

1 1 1 1 1 0 0 0

1 1 1 1 0 1 1 0

0 0 0 0 1 1 1 2

GOLOS

7-2 3-1 3-2 2-1 3-7 3-4 1-2 2-5

PONTOS

DERROTAS

1 2 2 0

EMPATADOS

JOGOS

Porto Alto Coruchense Glória Marinhais

VITÓRIAS

Classificação 1 3 2 0

3ª jornada (24 Outubro) Salvaterrense Coruchense Glória Porto Alto

Fazendense Cartaxo Pego Mação Ouriense Torres Novas U. Tomar Benavente Samora Amiense Alcanenense Ouriquense

DISTRITAL - DIVISÃO SECUNDÁRIA - SÉRIE A

3ª jornada

Salvaterrense Pontével U. Almeirim Barrosense

1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12.

DERROTAS

0 0 2 3 2 0

EMPATADOS

Ouriquense Benavente Mação U. Tomar Ouriense Pego

JOGOS

1 1 1 1 1 0

VITÓRIAS

Classificação

8ª jornada (24 Outubro)

Pernes Cercal Emp. Comércio Mindense

A Fazendense-Benavente: A equipa de Fazendas já chegou à liderança.

DISTRITAL - DIVISÃO PRINCIPAL

7ª jornada Alcanenense Fazendense Torres Novas Amiense Cartaxo Samora

lho de Coimbra, que está a meio da tabela e venceu o Sourense há quinze dias. Como é óbvio, a equipa de Rui Górriz está para recuperar a liderança perdida há duas jornadas. O Riachense vai à Marinha Grande encontrar um Marinhense ferido pela derrota no reduto do Monsanto. Se o Riachense voltar a vencer, ameaça tornar-se um caso sério de sucesso neste regresso aos campeonatos nacionais, mas não vai ser fácil.

4 4 4 4 3 1 1 0

Divisão Principal Distrital

Ouriense afasta Cartaxo da liderança A grande surpresa da tarde de domingo passado aconteceu no Cartaxo, onde o recém-promovido Ouriense deitou um verdadeiro balde de água fria nas aspirações dos cartaxeiros, afastando-os do comando da tabela onde estavam desde a ronda inicial. Quem aproveitou, foi o Fazendense que venceu, ainda que à tangente, o aguerrido Benavente, com um solitário golo de Alex e ascendeu ao topo da classificação, olhando agora para todos os outros adversários na cómoda e invejável perspectiva de cima para baixo. Em tarde de ofensas à lógica, o Mação também resolveu fazer das suas e foi à cidade almondina dar nova cacetada nos objectivos da equipa orientada por João Henriques. Pelé foi o carrasco dos amarelos com os dois golos que obteve ainda antes do intervalo. Depois, a turma da capital dos presuntos teve apenas que gerir o resultado duran-

te toda a segunda metade do jogo para ouvir o apito final com satisfação. Os maçaenses subiram ao quarto lugar e os torrejanos viram-se relegados para a sexta posição. Posição essa bem mais modesta que aquela que os adeptos esperariam duma equipa carregada de nomes sonantes do futebol distrital. O U. Tomar aproveitou a fase má que o Amiense atravessa - já vai na quinta derrota consecutiva - para ir ao campo da Azenha buscar três preciosos pontos para a luta por um lugar entre os seis que irão discutir o título lá mais para a frente. Saúde-se também o primeiro triunfo do Alcanenense, uma equipa recheada de brasileiros bons de bola, mas que não havia maneira de atinar com as vitórias. A vítima foi o Estrela Ouriquense, agora o único emblema que ainda não provou o sabor das vitórias neste campeonato. A turma de Vila Chã de Ourique passou a ter a seu cargo o penoso

carrego da lanterna vermelha, tarefa ingrata e por todos indesejada, embora seja inevitável; jornada a jornada, alguém terá que o fazer. Por último e para fechar o balanço da jornada, registe-se o empate do Pego em Samora Correia. Os samorenses estão longe de ser das melhores equipas do campeonato, mas não deixa de ter mérito o resultado alcançado pelos pegachos, até porque se vem somar a uma série de bons resultados anteriores que catapultaram a turma do Pego par um excelente terceiro lugar que bem poucos esperariam nesta altura. Na ronda da próxima semana caberá ao Cartaxo visitar o Pego, num jogo em que os pegachos irão querer continuar a demonstrar que no ” peladão” mandam eles. Vai ser um duelo curioso, até porque o Cartaxo não pode andar a esbanjar pontos aqui e acolá, se quer pensar em retornar ao futebol de índole nacional.

À terra dos presuntos desloca-se o novo guia, o Fazendense, e terá pela frente um Mação em ascensão e a querer mostrar que o triunfo do domingo passado em Torres Novas não foi obra do acaso. Jogo que se prevê interessante de seguir. Nesta coisa de candidatos, o jogo de Tomar, entre o União e o Torres Novas também conta. Os torrejanos não podem perder, mesmo o empate será um mau resultado para as suas aspirações. O pior é que o conjunto nabantino parece que já anda a acertar as agulhas, depois de um começo algo periclitante. Os jogos do Benavente, em casa com o Alcanenense e do Ouriense na recepção ao Amiense, parecem ser favoráveis aos anfitriões, mas no futebol não há vencedores antecipados, como se sabe. Por último, o confronto entre o Ouriquense e o Samora parece ser uma boa ocasião para os de Vila Chã chegarem ao seu primeiro triunfo na prova.


MODALIDADES | DESPORTO 31

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Divisão Secundária Distrital

Moçarriense e Caxarias não cedem Cumprida a segunda jornada da Divisão Secundária nas séries B e C, e a terceira na série A, o Moçarriense e o Caxarias, ambos da série B, são os único líderes que contam por vitórias os encontros disputados. A série A é comandada pelo Goleganense e Ferreira do Zêzere, em igualdade pontual, mas registam ambos um empate no currículo, precisamente no jogo entre ambos, na jornada inaugural. Na série C a liderança é repartida por quatro equipas: Glória, Salvaterrense, Porto Alto e Marinhais, todas com quatro pontos provenientes de uma vitória e um empate para cada uma, o que deixa também perceber que esta séria seja talvez a mais equilibrada. Já agora, e por curiosidade, registe-se que uma outra equipa, o U. Abran-

tina, da série A, também não cedeu ainda qualquer ponto, todavia não lidera a respectiva série porque já teve a folga que o número ímpar de concorrentes impõe no calendário, ou seja, tem um jogo a menos. Sobre a ronda do domingo passado e analisando uma série de cada vez, temos o Goleganense a alcançar o triunfo mais volumoso na série A ao bater o Atalaiense, no recinto deste, por uns confortáveis quatro golos sem resposta, o que lhe permitiu chegar ao topo da tabela na companhia do Ferreira do Zêzere, também vencedor no confronto com o Cidade Ferroviária. As fragilidades do Alferrarede voltaram a sobressair ao perder em casa com o Meiaviense. Normal foi o triunfo do Tramagal sobre o U. Chamusca. O U. Abrantina não jogou. Na série B o Moçar-

dificuldades na recepção ao Alferrarede. O U. Chamusca-Ataleiense e o C. Ferroviária-Tramagal são jogos mais pacíficos que não interferem na luta pelos lugares cimeiros. Na série B o interesse maior vai estar no Caxarias-Emp. Comércio, já que o Moçarriense não deve ter grandes problemas para ultrapassar o Assentis. O Pernes-Cercal e o Vasco da Gama-Mindense são jogos sob o signo do equilíbrio. Quanto á série C, o Salvaterrense-Pontével e o GlóriaBarrosense apresentam alguma tendência para o triunfo caseiro, mas o jogo entre o Coruchense e o U. Almeirim reedita rivalidades antigas e tudo se pode esperar. Também o jogo entre o Porto Alto e o Marinhais deverá ser bastanNa série B, os mindenses sobrepusete discutido. ram-se ao Assentis.

A

Ténis

Taça de Portugal

Fátima eliminado pelo Carregado Num jogo decidido pelos guarda-redes, o Fátima deixou escapar a oportunidade de passar à 4.ª eliminatória da Taça de Portugal. O jogo até foi emocionante, bem disputado e de domínio partilhado, vislumbrando-se algumas oportunidades flagrantes de golo, mas o grande herói da tarde foi mesmo o guardião do Carregado: Hugo Cardoso defendeu dois dos lances do desempate por grandes penalidades, depois de 120 minutos sem golos (90+30). Yartey e Moreira foram os executantes frustrados.

riense esteve em destaque ao deslocar-se a Pernes e vencer por um concludente quatro a zero, mas o Caxarias também alcançou o triunfo em reduto alheio, no Cercal. As vitórias caseiras dos Empregados do Comércio sobre o Vasco da Gama e do Mindense sobre o Assentis não ofendem a lógica. Na série mais a Sul, a série C, o resultado padrão foi o empate, tendo-se registado três: Entre o Salvaterrense e o Porto Alto, o Almeirim e o Glória e também entre o Barrosense e Marinhais. Só Pontével conseguiu desviar-se da divisão de pontos ao bater o Coruchense. Na jornada de domingo que vem o jogo mais atractivo da série A será o que opõe o Ferreira do Zêzere ao U. Abrantina, duas equipas que lutam pelo lugar cimeiro. Já o Goleganense não deverá ter

Depois desta derrota frente a uma equipa do escalão inferior, Diamantino Miranda prepa ra agora a sua equipa para o regresso ao campeonato da Liga, com a recepção, no domingo próximo, ao Estoril-Praia. A equipa treinada pelo brasileiro Vinicius Eutrópio segue no segundo lugar da classificação a um ponto do Fátima. Empatado no quarto lugar com Feirense, Covilhã e Moreirense, caso vença, o Fátima sobe ao segundo lugar. O líder Gil Vicente recebe o Arouca.

CLAC em Espanha

RESULTADOS DO TORNEIO FESTIVAL DE GASTRONOMIA

Cerca de 20 jovens atletas do Clube Lazer, Aventura e Competição (CLAC) do Entroncamento participaram num torneio de ténis de intercâmbio entre o emblema ribatejano e o Clube de Ténis de Olivenza, que se realizou no passado fimde-semana, dias 16 e 17 de Outubro, em território espanhol. Em termos de resultados desportivos, os atletas portugueses conseguiram marcar presença em todas as finais deste torneio, que se disputou em quatro escalões diferentes. No escalão sub12, o vencedor foi Rafael Fernandes, que deixou Ivo Lobo no segundo lugar; em sub14, Eduardo Boavida foi o vencedor, seguido por Iven Bretes, também do CLAC; no escalão

Com cerca de 40 atletas inscritos, o torneio de ténis Festival de Gastronomia, organizado pelo Clube de Ténis de Santarém, decorreu no passado fimde-semana dentro do mais saudável espírito desportivo. Quanto aos vencedores, Jorge Almeida ganhou a Joaquim Alho por 6 / 4 e 6 / 1 no escalão + 45 anos, ao passo que Emanuel Caldório derrotou Paulo Carmo por 7 / 6 e 6 / 1 no escalão + 35 anos. Dos tenistas presentes destaque para a comitiva de 11 atletas da Associação 20 kms de Almeirim. José Rodrigues e Carlos Nunes conseguiram atingir as meias finais em + 45 anos, ao passo que Vítor Lopes e António Alves apenas chegaram aos quartos de final em + 35 anos.

sub16, Tiago Rabaça conquistou o troféu, ao bater na final o companheiro de clube Francisco Monteiro; os espanhóis só conseguiram vencer no escalão sub14 femininos, tendo Catarina sido a finalista vencida. O torneio ficou marcado so-

bretudo pela hospitalidade e pelo aprofundar das boas relações entre ambos os clubes, num intercâmbio que terá continuidade com a visita do Clube de Ténis de Olivenza ao Entroncamento, em data ainda a definir.


32 DESPORTO | MODALIDADES

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Nacional da 3ª divisão de futsal

2ª Jornada da época 2010 / 2011

Patos e Coruche somam derrotas

Resultados do Inatel

Os dois representantes do distrito na 3ª divisão do campeonato nacional de futsal continuam à 2ª jornada no fundo da tabela, sem qualquer ponto amealhado. No passado fimde-semana, os Patos foram surpreendidos em casa pelo Eléctrico de Ponte de Sor, que veio ao pavilhão do Pego vencer por 2-0. Também a jogar em casa, o CAD Coruche foi derrotado por

6-2 pelo União Progresso Venda Nova, num jogo em que os ribatejanos já perdiam por 2-0 ao intervalo. Na próxima jornada, que se no próximo sábado, 23 de Outubro, os coruchenses deslocam-se ao recinto do Burinhosa, ao passo que a turma do Rossio ao Sul do Tejo, Abrantes, mede forças com o Externato Cooperativo da Benedita, também fora de casa.

Grupo A: Envendos 1 – Sentieiras 3, Ortiga 1 – Carvoeiro 3, São Facundo 0 – Arreciadas 3, e Casais Ravelhos 2 – Alvega 1. Comanda o Casais Ravelhos, com 6 pontos. Grupo B: Amoreira 3 – Lobos do Carvalhal 0, Bairro 0 – Olival 1, e Sabacheira 0 – Seiça 4. Folgou o Rio de Moinhos. Comandam Seiça e Olival, com 6 pontos. Grupo C: Alcanhões 1

– Parreira 0, Tancos 2 – Ulme 0, e Carregueira 0 – Vale de Cavalos 1. Folgou o Alvitejo. Comanda o V. Cavalos, com 6 pontos. Grupo D: Granho 0 – Vale de Santarém 2, Juve S. Domingos 2 – Raposa 0, e Zebrinho 1 – Paço dos Negros 3. Folgou o Benfica do Ribatejo. Comandam Paço dos Negros e Vale de Santarém, com 6 pontos. Grupo E: Vilanovense

1 – Alencalense 0, Casais da Charneca 1 – Assentiz 1, e Almoster 7 – Arrouquelas 0. Folgou o Alcobertas. Comanda o Almoster, com 6 pontos. Grupo F: Quebradas 2 – Vale da Pinta 6, Vale da Pedra 1 – Valada 2, Lapa 1 – Tigres do Cartaxo 0. Folgou a Ereira. Comandam Lapa, Vale da Pinta e Valada, com 4 pontos. Gr upo G: M a l h ada Alta 2 – CB Samora Cor-

Hóquei Clube de Santarém

CONVÍVIO DE SÃO MARTINHO NO KARTÓDROMO

Fim-de-semana de vitórias e empates O Hóquei Clube de Santarém (HCS) registou duas goleadas e dois empates no passado fim-de-semana. Nos dois jogos disputados contra a Académica de Coimbra, no gimnodesportivo de Santarém, os infantis arrasaram os adversários por 20 – 1, ao passo que os juvenis não foram além de um empate a seis golos, depois de terem estado a vencer por 3 – 0 e de terem desperdiçado inúmeras oportunida-

Estão abertas as inscrições para o habitual convívio de São Martinho que o kartodrómo da Quinta da Conceição, em Almeirim, vai realizar no próximo dia 7 de Novembro, domingo, a partir das 10 horas. O convívio, cuja participação custa 290 euros por equipa, vai ser disputado em karts RX7 390cc, numa prova com seis horas de duração mais 30 minutos de treinos. As equipas são compostas por quatro a seis pilotos.

des para marcar. Em Oliveira do Hospital, os escolares empataram 5 – 5 num jogo em que nenhuma das equipas merecia perder. Quanto aos iniciados, cilindraram por 16 – 0 a frágil formação do Alcobaça, um resultado moralizador para o embate da próxima jornada frente ao HC Turquel, o outro grande candidato à vitória no grupo e respectivo acesso a disputa do campeonato nacional.

Duarte Marques alcançou o seu grande objectivo Hóquei em patins - 2ª divisão nacional

Juventude Ouriense goleia “Tigres” O derby ribatejano provocou a grande surpresa da 3ª jornada do campeonato nacional da 2ª divisão de hóquei em patins, onde o Juventude Ouriense recebeu e goleou o Hóquei Clube “Os Tigres”, de Almeirim, por 8-2. A equipa almeirinense partiu para o jogo na condição de líder isolada do campeonato, mas acabou por sair de Ourém vergada a uma pesada derrota que certamente não esperaria. Pela turma da casa, que ao intervalo já vencia por 5-0, Hélder Ferreira e Filipe Al-

meida assinaram um hattrick, e Eurico Simões assinou os outros dois golos; David Abreu marcou os dois golos dos Tigres. Com este resultado, a Juventude Ouriense soma sete pontos e ascende à liderança, em igualdade pontual com o HC Sintra e o HC Turquel, com os almeirinenses logo atrás, com seis pontos. No sábado, 23 de Outubro, os Tigres recebem o Stella Maris no pavilhão Alfredo Bento Calado, enquanto a equipa de Ourém jogo no terreno do CD Santa Clara.

reia 0, Fazendas Figueiras 4 – Fajarda 1, e Foros de Salvaterra 1 – Rebocho 1. Folgou o Carapuções. Comanda o Fazendas Figueiras, com 6 pontos. Grupo H: Volta do Vale 1 – Montinhos Pegos 1, Azervadinha 2 – Valverde 0, Foros Lagoiços 2 – Cortiçadas de Lavre 4, e Santana do Mato 2 – Santa Justa 4. Comandam Santa Justa e Azervadinha, com 6 pontos.

Triatletas dos Águias campeões nacionais D u a r t e M a r qu e s e Luísa Condeço, atle tas do CD “Águias” de Alpiarça, sagraram-se campeões nacionais de triatlo 2010 no passado fim-de-semana, em Montemor-o-Velho. Ao vencer esta finalíssima, Duarte Marques amealhou os pontos necessários para conquistar o título nacional de seniores e absolutos, simultaneamente, de forma destacada. Com estes dois títulos, o triatleta olímpico sucede assim ao benfiquista Bruno Pais e concretiza uma ambição

pessoal e um dos objectivos do clube, que fazia parte do “Projecto Triatlo” apresentado aos sócios em Janeiro deste ano. Para a jovem atleta alpiarcense Luisa Condeço, bastou o segundo lugar da finalíssima de juvenis para se sagrar campeã nacional. As três vitórias em outras tantas etapas anteriores do campeonato permitiram-lhe construir o título numa competição cada vez mais competitiva. Ricardo Jorge, também juvenil, terminou a última prova na 4ª posição, e che-

gou ao fim do campeonato como vice-campeão nacional. Neste mesmo dia, disputou-se também o campeonato regional centro de triatlo, em que o atleta do “Águias” Pedro Afonso Gaspar se sagrou vice-campeão regional de juniores, e o seu pai, Pedro Gaspar, campeão regional de veteranos. Colectivamente, o clube alpiarcense conquistou o título de campeão regional por equipas, com uma formação constituída por Pedro Gaspar, Guilherme Marques e Pedro Amaral.

SORTES DIFERENTES PARA EQUIPAS DO SANTARÉM BASKET As duas equipas do Santarém Basket que estiveram envolvidas em competições no passado fimde-semana tiveram sortes diferentes. As sub16 femininas deslocaram-se ao pavilhão de Amiais de Baixo, onde venceram a formação local por 58-34. As sub12 femininas perderam por 6015 em Torres Novas, frente à UD Zona Alta, numa deslocação que já se previa bastante complicada face à experiência e qualidade da equipa adversária. No próximo fim-de-semana, começam oficialmente as competições para as equipas seniores e juniores femininas, que se estreiam em Santarém. Pode consultar o horário dos jogos de todos os escalões no site oficial do clube na Internet, em www.santarembasket.pt.


MODALIDADES | DESPORTO 33

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Distrital masculino

Futsal Feminino

Riachense conquista Supertaça A final da Supertaça da época 2009/2010 decorreu no pavilhão da escola básica da Chamusca, entre o campeão distrital, o Riachense, e o finalista da Taça, o Paço dos Negros. As raparigas riachenses encontraram um forte opositor, mas a experiência acabou por fazer sobressair o domínio da equipa coordenada por Joaquim Ventura. Vera Raimundo marcou os dois golos de vitória que valeram a quarta supertaça, que arredonda o palmarés do Atlético Riachense para quatro campeonatos, quatro taças e quatro supertaças. Ambas as equipas deixaram boas impressões no primeiro jogo oficial da época. O campeonato que vão disputar em breve, o da 1.ª Divisão Distrital, começa já este fim-de-semana e as duas são candidatas ao título.

A Um jogo bem disputado que deu a quarta Supertaça 2009/2010 ao campeão distrital.

Futsal Achete lidera isolado À 2ª jornada, o Grupo Futsal Achete lidera isolado a série A do campeonato distrital de futsal da Associação de Futebol de Santarém. No passado fim-de-semana, o Achete venceu o derby do concelho de Santarém frente ao Vitória, por 2-1, e é a única equipa que soma seis pontos. Segue-se, com quatro pontos, o Atético Riachense, que recebeu e goleou o Louriceirense por 10-3. Nos outros dois jogos, a Casa do Benfica da Golegã foi ganhar por 6-3 na Azinhaga e a Conforlimpa recebeu em Almeirim e ganhou ao Novas Oportunidades por 4-1. Na série B, o CD Fátima venceu o Carvalhos Figueiredo por 2-1 e é também a única equipa que soma por vitórias os três jogos disputados. Na liderança, aparece também com nove pontos e mais um jogo o Sandoeirense, que perdeu por 3-1 no terreno da Juventude Ouriense. Nos outros dois jogos, o ADCF Entroncamento empatou a quatro golos com o Cabiçalva, e o Ribeira do Fárrio recebeu e venceu a Sabacheira por 3-0. Folgou o Tramagal.


34

O Ribatejo

Teatro para crianças no Entroncamento

culturas

22 | Outubro | 2010

A peça de teatro “Livro da Ilusão” chega ao Pavilhão Municipal do Entroncamento, dia 24 de Outubro, às 15h30. Uma peça de teatro da companhia de Ovar, inserida na iniciativa Palcos de Outono.

destaques

Carlos Alberto Moniz, Roberto Leão e Carminho no Festival de Gastronomia em Santarém O Festival Nacional da Gastronomia em Santarém reserva-lhe até dia 01 de Novembro, grandes noites de animação musical. Carlos Alberto Moniz, Roberto Leão e Carminho são alguns dos grandes nomes da música nacional que preenchem o cartaz de 2010, sem esquecer a música tradicional e popular como o Grupo Folclórico das Abitureiras e Golegã e os cantares de Cuba – Alentejo, o Vira-Milho de Santa Comba Dão e a Orquestra Típica Scalabitana. Carlos Alberto Moniz, o artista, apresentador, maestro, músico e compositor português, autor da “Rua dos Navegantes” que lhe valeu o prémio “Casa da Imprensa”, sobe ao palco dia 23 de Outubro. Já, Roberto Leão apresenta-se ao público dia 24 de Outubro, pelas 21h30. Segunda-feira, dia 25 é a vez da jovem fadista Carminho nos levar aos fados com êxitos como “Escrevi teu nome no vento”, “ A Bia da mouraria” e ainda “ Meu amor marinheiro”. Para além da animação musical a 30ª edição do Festival Nacional da Gastronomia volta a levar os petiscos das várias regiões do país a concurso, premiando o melhor da gastronomia portuguesa. Tradição e modernidade “à mesa”, com petiscos variados, festivais e muita música até 01 de Novembro, em Santarém.

Ray Lema no Virgínia Um dos maiores vultos da música africana actual, Ray Lema, que compõe, canta, toca guitarra e percussão, chega ao Teatro Virgínia, em Torres Novas, dia 23 de Outubro, às 21h30, num concerto imperdível. Acompanhado de Etienne Mbappe, no baixo e Francis Lassus, na bateria, Ray Lema já passou pelo rock e pelo jazz, fundindo influências musicais e sempre de ouvidos abertos para novos estilos e formas. Como um dos expoentes máximos da música africana, o também pianista influenciou com a sua música muitos músicos e compositores de diversas áreas do jazz, Pop e world Music. Chega agora ao Virgínia para um grande concerto num ambiente intimista, dia 23 de Outubro, às 21h30. Custo do bilhete 7,5euros.

Pessoa no Convento de S. Francisco O convento de S. Francisco, em Santarém recebe a exposição de pintura do luso-brasileiro Norberto Nunes, sobre a obra poética de Fernando Pessoa. “Quanto fui, quanto não fui, tudo isso sou”, uma obra que representa o expoente máximo do modernismo português e que reflecte a imagem que o pintor tem do poeta e escritor. As implicações no resultado final são mais que muitas, tanto nas cores como no ambiente das pinturas. Para ver até 28 de Novembro.

Teatro infantil em Santarém O espectáculo dos Narizes Perfeitos - Grupo de Teatro da Banda Marcial de Almeirim, “Não Faças Isso Zé Zé” dá continuidade ao ciclo de teatro infantil, promovido pelo Veto Teatro Oficina. Baseado na obra “O Pé de Laranja Lima”, de José Mauro de Vasconcelos, com encenação de Fernanda Narciso, o espectáculo conta-nos a história de Zé Zé e do seu amigo secreto, com quem partilha memoráveis momentos. A sessão tem lugar no próximo dia 24 de Outubro, às 16.00, no auditório do Círculo Cultural Scalabitano.O Ribatejo tem para oferecer com cinco convites aos primeiros cinco leitores a contactar o jornal através do 243 300 600

roteiro cinemas SANTARÉM W Shopping - Cinemas Tel: 707220220

lho.Sessões às 16h10, 19h00, 21h50 e às 00h20* (6ª e sábado).

Castello Lopes 1 A Troca Drama (M12) - As orações de Christine Collins são ouvidas quando é encontrado o seu filho, que havia sido raptado. Mas, por entre o frenesim mediático da foto do reencontro, ela apercebe-se que aquela criança não é o seu fi-

Hachiko - Amigo para sempre Drama (M12) - Hachiko é um cão especial, com a alcunha de “Hachi”, e acompanha o seu dono Parker, um professor universitário, todos os dias, até a estação de comboios para o ver partir, retor-

nando à estação, todas as tardes para cumprimentá-lo ao final de cada dia.Sessões às 13h30* e 16h10 (6ª e sábado).

Castello Lopes 2 Jantar de Idiotas Comédia (M12) - A história de Tim, um executivo com ambições de carreira que acaba de receber o seu primeiro convite para o “jantar de idiotas”, um evento mensal, realizado

∑ na própria casa do seu patrão, que confere ‘direito à basófia’ (e potencialmente mais) ao executivo que convidar o maior tótó. Sessões às 13h00, 15h50, 18h20, 21h00 e às 00h10* (6ª e sábado).

Castello Lopes 3 Gru o Maldisposto 3D Animação (M6) -Porque ser bonzinho não está com nada, Chris Renaud e Pierre Coffin

apresentam um filme de animação e comédia sobre um vilão maléfico que decide roubar a lua. Sessões às 14h55, 17h10, 19h20 21h30 e 23h50(6ª e sábado)

Castello Lopes 4

modo a redescobrir-se a si própria. Retira-se do trabalho pelo período de um ano e entra numa zona de risco, de forma a mudar a sua vida. Sessões às 12h45*, 15h40, 18h30, 21h20 e às 00h15* (6ª e sábado).

Comer Orar Amar Drama (M12) - Liz Gilbert é uma mulher moderna que, após o divórcio, decide fazer uma viagem pelo Mundo, de

Castello Lopes 5 Sempre que te vejo Romance (M12) - Charlie St. Cloud é adorado pela sua


O Ribatejo

Contos com pais, avós e netos em Mação

22 | Outubro | 2010

A biblioteca de Mação organiza dia 22 de Outubro a sessão de contos entre pais, avós e netos “Fazes-me falta! 3 gerações, 3 histórias”. Uma iniciativa que pretende reforçar as relações entre gerações e trocar experiências de vida num ambiente familiar.

exposições

Teatro

Alcanena

Alcanena recebe até 20 de Novembro a exposição “Passe Cidadão”, uma iniciativa no âmbito das Comemorações do Centenário da Implantação da República em PortugalUma exposição que tem como objectivos evocar a República e o republicanismo, valorizando os seus ideais cívicos. Para ver galeria de exposições do CineTeatro S. Pedro, em Alcanena.

“Rosa Esperança” está de regresso aos palcos de todo o país com um espectáculo que pretende chamar a atenção para a dura realidade que mata 4 mulheres por dia em Portugal – o Cancro da Mama. Forte e sem complexos, esta é uma peça de teatro que interpreta e reinventa histórias reais e para isso conta com a participação de sete mulheres que, não sendo actrizes, decidiram expor a sua própria experiência de luta contra o cancro e aceitaram o desafio de a partilhar com o públi-

Golegã

Pintura Exposição de pintura do artista Carlos Godinho. Uma exposição que revela em tela o trabalho da gente da terra e a lida no campo. Para ver na Galeria de Arte João Pedro Veiga, Edifício Equuspolis, Golegã durante o mês de Outubro.

co num palco. Dramas da vida real, numa produção de Quem Não Tem Cão – Oficina de Artistas, de Rio Maior. Com texto, encenação e concepção cénica de Rui Germano, que conta com a participação especial de Simone de Oliveira na voz-off e ainda Alda Caetano, Cacilda Germano, Carla Pedro, Cristina Vicente, Lucinda Almeida, Manuela Almeida, Manuela Matias, Cristina Jordão, José Manuel, Paulo Azevedo e mais de 20 figurantes em palco. Uma peça emocionan-

Foto: António Pedro Ferreira

“Rosa Esperança” regressa aos palcos

Passe Cidadão

Câmara Lenta - por Francisco Maia

Constância Fotografia

Exposição de fotografia de São Silva Pedreiro. O artista nunca frequentou qualquer curso de fotografia e por isso fotografa segundo a sua perspectiva pessoal e de acordo com a sua sensibilidade. Assume que faz fotografia sem regra por ver e sentir a vida a cores. Para ver no Posto de Turismo até 31 de Outubro.

Torres Novas República

Letras e cores, ideias e autores, uma exposição intitulada “A escola da República”, dedicada ao 05 de Outubro de 1910 e ao republicanismo. Patente na Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes, em Torres Novas, durante o mês de Outubro.

e 24 de Outubro, no Cineteatro de Rio Maior pelas 21h30.

te e capaz de ser vivido na primeira pessoa que vai ser encenada nos dias 23

Vai acontecer...

A Cidade. Metrópole de emoções Noites de Jazz Como uma agradável surpresa apresenta-se o filme “A Cidade”, segunda longa-metragem do actor e agora realizador Ben Affleck. Baseado no livro “Prince of Thieves” de Chuck Hogan, este filme é como um renascer da carreira de Ben Affleck. Vindo sucessivamente a “enterrar” a sua carreira como actor participando em filmes “menos bons” e de pouco interesse, parece que encontrou finalmente a sua vocação na realização. Um pouco à semelhança de Clint Eastwood, demonstra uma grande capacidade de criar ambientes intensos e cativantes,

no Cartaxo

usando temas reais e dilemas emocionais. A premissa roda em volta de um bando de assaltantes de bancos, mas com um diferente toque de “requinte”. Sendo também o protagonista do mesmo, Ben Affleck é o criador/actor

de talvez um dos filmes do ano. Concluindo, um drama profundo combinado com um ritmo de acção invejável, sempre num ambiente tenso, ou “trocando por miúdos”, sem dúvida um filme para se ver no cinema.

Jeffery Davis é o convidado especial das noites de jazz do Centro Cultural do Cartaxo, dia 22, pelas 22h30. Esta é a segunda vez que o artista vai estar pelos palcos do Cartaxo, agora acompanhado de um novo trio, com Bernardo Moreira, no contrabaixo e Alexandre Frazão, na bateria, dois músicos de relevo no panorama do jazz nacional. Técnica e originalidade são duas palavras que distinguem este trio de músicos, que juntamente com o vibrafone do canadiano prometem mostrar o melhor do jazz numa estreia absoluta, dia 22 de Outubro, no bar do Centro Cultural do Cartaxo.

roteiro cinemas mãe Claire e pelo seu irmão mais novo, Sam, tendo uma bolsa de estudo que o irá levar para longe da sua calma terra, no nordeste do Pacífico. Mas o seu futuro brilhante passa a ser apenas uma miragem quando uma tragédia cai sobre ele. Sessões às 13h10, 15h30, 18h50, 21h10 e às 00h00* (6ª e sábado).

Castello Lopes 6

Ponha aqui o seu dentinho Comédia (M12) - Becca está dividida entre dois rapazes: um misterioso, temperamental e incrivelmente pálido e outro estável e doce que a faz lembrar um “irmão mais novo gay”. Na sua busca por decidir entre os dois, ela tem de sobreviver a um jantar de família sem se tornar ela própria a refeiçãoSessões às

13h20, 16h00, 18h40, 21h40 e às 00h30* (6ª e sábado).

Drama (M12) - Sessões às 13h00 e 15h40

TORRES NOVAS

Comer Orar Amar

TorreShopping

Drama (M12) - Sessões às 21h20 e 00h15 (6ª e sábado)

TORRES NOVAS Cine Teatro Muitos Dias Tem o Mês

Sala 1

A Cidade - digital Acção (M12) - Sessões às 1 12h40, 15h30, 18h20, 21h10 e 00h00

Sala 2 O aprendiz de feiticeiro-

Sala 3 Gru - O Maldisposto Animação (M6) - Sessões às 12h50, 15h00, 17h10, 18h20, 21h30 e 23h50

Documentário (M12) - Mês a mês. Dia a dia. Tudo na sociedade tem aparentemente um preço. Mas, qual é o preço das nossas necessidades? Qual é o preço dos nossos sonhos? Qual é o nosso preço? Será que estamos dispostos a pagá-lo?Sessão dia 03 de Novembro, às 21h30.


36 CULTURAS

televisão Made MTV

O Ribatejo

Concurso de contos de Natal no Sardoal

horóscopo carneiro 21/3 a 20/4

Deve arriscar no plano sentimental não se deibalança 24/9 a 23/10 xando levar por marcas do passado. Pode surgir

A conjuntura sentimental colhe óptimas influências, podendo levar à consolidação de relacionamentos e a uma evolução para vida em comum. Pode dizer-se que esta semana está muito inspirado, o que o levará a novas esferas de acção e nível de vida.

escorpião 24/10 a 22/11

gémeos 22/5 a 21/6

Tende a sentir-se bem, ou, pelo menos, muito tranquilo. Se está só, é altura de encetar novo relacionamento. Faça quebras na rotina de uma relação. Mantenha uma actividade profissional contínua, fazendo um esforço para atingir as metas que pretende.

sagitário 23/11 a 20/12

Tem boas possibilidades sentimentais, as quais deve avaliar em termos de oportunidade. Não se precipite a fazer mudanças; necessita de mais tempo de reflexão. Os bons resultados dependem muito da preparação que fizer das suas actividades.

caranguejo 22/6 a 22/7

Fase de muita intensidade sentimental que levará a importantes clarificações. Novas relações estão sob bons auspícios, trazendo momentos apaixonados. Pode iniciar uma fase mais produtiva e promissora em função das iniciativas que possa vir a tomar.

capricórnio 21/12 a 20/1

A racionalidade deve imperar a tempo inteiro, pois tende a alterar amiúde os seus pontos de vista e atitudes, gerando focos de conflito e confusão. Não pense apenas na sua liberdade. Tendência para desafios aliciantes e chamamentos múltiplos.

leão 23/7 a 23/8

Pode ter êxito sentimental; evite falta de confiança ou enfatizar acontecimentos negativos recentes. Saia e divirta-se; dê novos ares à sua vida social e afectiva. A semana não é uniforme profissionalmente, e inicia-se com quebras de motivação.

aquário 21/1 a 19/2

Embora a conjuntura não seja das melhores, poderá encontrar uma via consensual para superar conflitos. Pode iniciar novos relacionamentos, desde que deixe os outros arrumados. Altura que deve contar consigo e com os seus recursos. Apoios podem tardar.

Está muito seguro de si. Conseguirá cativar os outros e obter grande reciprocidade de sentimentos. Sentirá bons progressos e a concretização de desejos. Não deve deixar esperar propostas profissionais ou assuntos que o conduzam aos seus objectivos.

peixes 20/2 a 20/3

touro 21/4 a 21/5

Maravilhas Modernas

Canal História Segunda, 25 de Outubro, 23h00

Suba a bordo dos barcos maiores mais resistentes e exclusivos. Em Miami, Florida, situe-se entre os bastidores de um dos maiores barcos de cruzeiro do mundo. Na Califórnia, suba a bordo de um dos navios de transporte de tropas mais avançados da Armada. Em Boston, Massachusetts, suba a um cargueiro que transporta gás natural. E, finalmente, descubra como um barco, que parece uma aranha gigante sobre a água, é capaz de salvar vidas.

sorte

virgem 24/8 a 23/9

euromilhões 2 | 31 | 36 | 38 | 43| 3 | 7

totobola

2xxxx1x122x11 Super 14. Naval - Marítimo 0 : M

totoloto 3 | 8 | 26 | 30 | 38| 46| 11

joker 0.802 .999

loto2 2 | 5 | 7 | 23 | 25| 38 | 11

um novo envolvimento ligado ao sector profissional ou com alguém que reside noutro lugar. O êxito da semana não se compadece com indecisões ou medos.

palavras cruzadas Marcos Cruz - Rede Expresso

Concurso nº 42/2010

Terá de enfrentar um período algo morno e desmotivado, o que não significa que seja mal amado. Nalguns casos conseguirá encontrar o melhor caminho para viabilizar uma solução. Pode contar com muito trabalho, mas que terá mesmo de cumprir.

Boas influências no campo sentimental em que as evoluções se afiguram conforme os seus desejos. Não se auto limite; encare as relações em curso ou as que se iniciam sem reservas. Esta semana todos os contactos e actividades tendem a melhorar.

sudoku

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11

8 8

6

5

2

4

3 1

9 8

6

3

5

9

1

5 2 4 6

6 4

4

3

1

1

DVD Fados Vários PVP: 14,90€ Carlos Saura encerra, com o filme “Fados”, uma trilogia dedicada às três formas de expressão musical urbanas do século XX. Carlos Saura recolhe, agora, a mais pura expressão do povo português, dando-a a conhecer a todo o mundo, como cartão de visita da nossa identidade cultural

1

9 5

9

Rod Steward PVP:19,99€ O quinto volume da série The Great American Songbook chama-se “Fly me to the moon” e volta a ser produzido por Rihcard Perry e co-produzido pelo próprio Rod Stewart, Clive Davis e Lauren Wild. ”Fly me to the Moon...” inclui grandes temas da história da música como “That old black magic”, “Beyound the sea” e o tema título do disco.

2 7

9

4

CD Fly me to the moon

5

5

7

VERTICAIS: 1. Esse está entre a espada e a parede 2. Não se deve meter a foice na alheia. Viu no fim. Dilatada por barões assinalados (inv.) 3. Matar barbaramente. Em plenas honras 4. Rio alemão. Canta ou toca sozinho 5. Início da adolescência. Camas, cadeiras, armários 6. Alimento do panda. Embrião 7. Conduz embarcações. Em sete há dois 8. Árvore altíssima, originária da Califórnia. Era a AR 9. Era o dó. Vendida em galerias 10. Proveniente. Branqueia 11. Girinos. Onde mete o pé quem comete um erro.

José Rodrigues dos Santos PVP:22,05€ A vida de José Branco mudou no dia em que entrou naquela aldeia perdida no coração de África e se deparou com o terrível segredo. O médico tinha ido viver na década de 1960 para Moçambique, onde, confrontado com inúmeros problemas sanitários, teve uma ideia revolucionária: criar o Serviço Médico Aéreo.

6

8 3

HORIZONTAIS: 1. Quando os olhos estão desalinhados 2. Pablo, poeta chileno. Letras repetidas 3. Arte de lidar na arena 4. Heroína francesa, vítima dos pirómanos do seu tempo. Assassino de César 5. Poemas medievais. Auroque 6. Precede o nome do rei. Pode ser também 7. Emprego repetido da mesma palavra em sentidos diferentes. Dentro de fora 8. Faz jóias 9. Termo de um dilema shakespeariano. Íris com sete cores 10. Tem as emoções à flor da pele 11. Compostas de palavras. É feminina,

LIVRO O anjo Branco

7 7

4

9 1

4

VERTICAIS: 1. entalado 2. seara; iu; éf 3. trucidar; nr 4. Rur; solista 5. ado; móveis 6. bambu; germe 7. arrais; es 8. sequóla; AN 9. ut; arte 10. oriundo; cal 11. rãs; argola HORIZONTAIS: 1. estrabismo 2. Neruda; rr 3. tauromaquia 4. Arc; Brutus 5. lais; uro 6. dom; ainda 7. dialogia; or 8. ourives 9. ser; arco 10. sentimental 11. frases; ela Soluções

Estes resultados não dispensam a consulta da lista oficial do Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

22 | Outubro | 2010

escaparate

Poderá selar compromissos ou mesmo formalizar uniões nesta altura. Mostre-se conciliador e justo, podendo dar uma nova oportunidade a pessoas do seu passado recente. É necessário para uma boa progressão, a todos os níveis, que tome decisões rápidas.

Sábado, 23 de Outubro, 13h10

Um programa onde os teus sonhos se transformam em realidade e és transformado pela equipa da MTV. Em cada novo episódio de “Made”, um candidato entusiasta embarca numa missão para transformar a sua vida. Quer seja para se tornar um jogador de futebol universitário, um ciclista de Bmx ou um surfista, cada adolescente sonha em sair da casca e descobrir a sua identidade.Umas vezes conseguem, outras não, e por vezes percebem que sempre tiveram aquilo que queriam.

Sardoal organiza um concurso dedicado aos contos de natal cujos trabalhos deverão ser entregues em A4 até dia 29 de Novembro. A magia da quadra natalícia, as luzes, as prendas, os Presépios, o Pai Natal ou o Menino Jesus poderão ser alguns dos temas utilizados no Concurso de Contos de Natal, uma iniciativa que pretende incentivar a criatividade escrita e chamar a atenção para as actividades da biblioteca

7 2

7

6

2

7

8

JOGO Guitar Hero: Warriors of Rock

3 8

9 6

Só há uma regra: completar a grelha, de modo a que cada linha, cada coluna e cada bloco de 3x3 incluam os números de 1 a 9, sem repetições!

Wii PVP: 59,99€ Uma impressionante listagem de músicas com mais de 90 faixas, um controlador de guitarra totalmente redesenhado e uma série de novas características de jogo, são algumas das novidades que os aspirantes a lendas do rock e os seus amigos podem tocar e cantar no videojogo de música


O Ribatejo

Santa Iria da Ribeira de Santarém em festa

22 | Outubro | 2010

A freguesia de Santa Iria da Ribeira, em Santarém celebra mais um aniversário, numa festa entre os dias 22 e 24 de Outubro. O certame começa dia 22, pelas 21h00 com o organista Tiago Carreira e dia 23 têm lugar as tradicionais tasquinhas, a actuação do rancho e a miss campal.

Música

Cantar “Geografias” com Júlio Pereira Júlio Pereira volta a Santarém para mais uma noite de música, dia 22 de Outubro, às 21h30, no Teatro Sá da Bandeira. Num passeio musical pelas suas “Geografias”, o cantor acompanhado de Miguel Veras, na viola e Sofia Vitória na voz e teclados, nunca deixa de surpreender o público com a sua música e com novos arranjos e soluções acústicas. Multi-instrumentalista, o cantor que já editou 15 discos

de longa duração, alia a tradição portuguesa a correntes estéticas contemporâneas revelando uma universalidade de manifestações culturais na sua música. Desde sempre ligado a José Afonso, o cantor que tem marcado a história da música ao cantar ladeado de vozes como Pete Seeger e The Chieftains” e ainda Kepa Junkera, Dulce Pontes, Sara Tavares e Carlos do Carmo, chega a Santarém, dia 22 de Outubro, às 21h30.

Teatro

Miguel Borges com a Velha no Cartaxo O Centro Cultural do Cartaxo recebe dia 23 de Outubro, pelas 21h30, a peça de teatro “A Velha”, com o actor Miguel Borges. Um espectáculo cuja história se baseia num escritor sem inspiração que de forma simples pergunta as horas a uma “velhota”, levando uma resposta muito pouco educada. Horas depois e para espanto do escritor, a “mulherzinha simpática”, bate-lhe à porta, acabando por morrer em sua casa. Qual a solução? Que fazer e como se livrar do corpo da velha? Eis o mistério desta história. Baseado num texto de Daniil Harms, onde o actor se divide numa multiplicidade de papéis, numa peça “inteligente, cerebral e nada condescendente”, para ver no Centro Cultural do Cartaxo. Custo dos bilhetes 4 euros.

37


38 COMERES & BEBERES | RESTAURANTES E ESPECIALIDADES SANTARÉM A GRELHA Especialidades Peixe Fresco, Bacalhau Assado com Magusto, Espetadas de Lulas com Gambas, Espetadas de carne Barrosã com Gambas e Ananás, Espetadas Mistas, Arroz de Feijoca, Bons Vinhos da Região Folga 2ª Feira Morada R. Ateneu Comercial, 1 r/c Esq. – Santarém Telefone. 243333348/ 243322636/ 917604488

QUINTAL DO BECO Especialidades Lulas fritas com camarão, Bife à Beco. Folga Domingo. Morada Beco dos Fiéis de Deus, nº 15, Santarém. Tel. 243391247.

O CANTINHO DOS SABORES Especialidade Bacalhau Assado com Açorda de Grelos Folga: Domingo. Morada Estrada Nacional 3, Alto do Vale, Vale de Santarém Tel. 243761268

O SALSA Especialidades Peixe Fresco, Carnes da Especialidade, Massinhas de Peixe, Açorda de Ovas Folga Domingo Aberto nos Feriados Morada EN 3 – Portela das Padeiras – Santarém Tel. 243351341 J F RESTAURANTE Especialidades Folhado de Perdiz, Bacalhau frito com Gambas e Coentros, Camarão com Risotto 3 queijos, Bifes do lombo, Cozinha Tradicional portuguesa Folga 3ª Feira Morada Jardim de Cima - Santarém Tel. 243302200 CASA CONDEÇO Especialidades Açorda de Bacalhau à Barrão, Molhinhos de Carneiro com Grão, Migas Ribatejanas c/ Bochechas de Porco Favas com Entrecosto Folga 2ª Feira Morada Rua do Alfageme, 41 – Ribeira de Santarém - Santarém Tel. 243326887 A CARROÇA Especialidades Bacalhau à Carroça; Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau à Brás, Carne de porco à Alentejana, Petiscos (amêijoas, moelas, pica-pau) - Aberto todos os dias Morada Rua Principal – Advagar - Achete Tel. 243478216 LUÍS DO LEITÕES Especialidades Leitão assado à Bairrada, Bacalhau à Lagareiro, Grelhados variados Folga 2ª Feira Morada Rua Teófilo Braga, 10 - Santarém Tel. 243332102 O BACALHAU Especialidades Borrego à Casa, Bacalhau à Lagareiro, Peixe Fresco Folga 3ª feira à tarde Morada Rua S. Tiago Tremez Tel. 243479196 TABERNA DO QUINZENA Especialidades: Magusto com Bacalhau Assado, Pato Assado no Forno, Cozido à Portuguesa, Cabrito Assado no Forno, Pernil de Porco e Naco de Toiro Bravo Avinhado Folga Domingo Morada Taberna I - Rua Pedro Santarém, 93/95 - Santarém Tel. 243322804 Morada Taberna II – Cerco da Mecheira, 20 - Santarém Tel. 243333110 ADEGA DOS SABORES Especialidades Cabrito Assado no Forno, Bacalhau assado com batata a murro, Polvo à Lagareiro. Folga 5ª feira e domingo ao Jantar. Morada Rua 25 de Abril, 27 – Casa dos Pinheirinhos- Casal da Charneca – Almoster – Santarém. Tlm 916845000 MINA VELHA Especialidades: Bacalhau Assado com Magusto, Bacalhau c/ Broa, Massa à Barrão, Bife à Mina Velha, Posta à Mina Velha. Folga : Domingo à Noite e 2ª Feira. Contacto 243 372 581. Morada : Urb. Quinta das Fontainhas – Santarém. Long. 08´42´20” O. Lat. 39´42´19” N

QG Folga 3ª feira Morada: Praça 15 de Dezembro, 1 - Cartaxo Tel. 243499300 Tlm. 967062629

QUINTA DOS GRAVELHOS Folga 3ª feira Morada: Rua do Comércio, 58 - Moçarria Tel. 243499300 Tlm. 967062629 DOM TACHO Especialidades Ensopado de Enguias, Feijoada de Gambas, Mar e Terra Morada Rua Marquesa da Ribeira Grande 53, Vale de Santarém Tel. 243 761078. Aberto todos os dias.

OH VARGAS Especialidade Comida Tradicional Folga Sábado (excepto para serviços marcados) Morada EN 3 - Portela das Padeiras - Santarém Tel. 243351146.

(excepto feriados). Morada Rua do Campo da Bola - Foros de Benfica. Tel. 243580934 CARTAXO

O CANTINHO DA BELA Especialidades Bacalhau gratinado, bacalhau à casa, ensopado de borrego, lombo assado com migas, coelho à caçador Folga Domingo Morada Estrada Nacional 3, Lote 3, Pernes Tel. 243 449 514.

ADEGA DO BACALHAU Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Bacalhau assado com Magusto, Bife à Casa Folga Domingo Morada Travessa da Boleta, 2 e 4 (centro histórico) Santarém. Tel. 243306519964569837.

TABERNA RENTINI Especialidades Cozinha Tradicional, Grelhados no carvão Morada Casais do Quintão - Perofilho, 2005-021 Várzea - Santarém Tel. 243499254 CHAFARICA DA TORRE Especialidades Carne de Vitela Maronesa, Bacalhau na brasa, Camarão Tigre, Raia com molho de alcaparras Folga Domingo Morada Praceta João Caetano Brás, 9 - S. Domingos - Santarém Telf. 243 372 649 - 96 6620790 O TASCO Especialidades Massa à Barrão, Bacalhau grelhado com Magusto, Bife à Tasco, Entrecôte com Migas, Carnes de Porco Preto grelhadas Folga Domingo Morada EN 3 – S. Pedro (frente à JAE) – 2005 Santarém Tel. 243302740 Tlm. 917062391 O BERNARDO Especialidades: Bacalhau no forno com Broa de Milho, Polvo no forno, Ensopado de Borrego, Cabrito no Forno e Lombos de Fataça Grelhados Folga: 2ªas Feiras Morada: Loja Nova – S. Vicente do Paúl Contactos: 243428388 Telemóvel 9918939656 O CANTINHO DO AVÔ Especialidades: Queixadas de Porco no Forno, Molhinhos com Feijão Branco, Cozido à Portuguesa, Feijoada à Transmontana, Secretos de Porco Preto, Magusto com Bacalhau Assado, Polvo à Lagareiro. Folga Domingo. Morada Rua Paulino da Cunha e Silva nº 121 – 2000-369 Alcanhões. Tel. 243428303 CARAVANA Especialidades: Bife à Caravana, Bife de Pimenta, Lulas com camarão. Folga Domingo. Morada Rua Capelo Ivens, nº 102, Santarém. Tel. 243 306 437 PAPARIKA DO MOCHO Especialidades: Muamba de galinha, Caracoletas guisadas, Cataplana de marisco e Torricado de bacalhau Folga: Domingo Morada: Rua do Matadouro Regional, Lote 22 – Quinta do Mocho – Zona Industrial – 2005-002 Santarém Contactos: 243325144/ 918550164/ 919848045 CONSTÂNCIA FALCÕES Especialidades: Troxas de Sta. Madalena, Bife na Pedra, Terra e Mar, Maçã Romana Folga: Terça-Feira Morada: Rua Luís de Camões, 33 Abrantes Horário: 12h10m ás 15h00m e das 19h30m ás 22h30m Telefone: 249 098 875 E-mail: restaurantefalcoes@gmail.com SALVATERRA PRETO & BRANCO Especialidades Bacalhau com natas, Porco Preto, Arroz de Pato, Enguias do Rio, Carne Mirandesa Folga 2ª feira Morada Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca, 144 - Salvaterra de Magos Tel. 263507858 - 918675981

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Costeletas e Mistas grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quintafeira). Morada R. Dr. Gomes da Silva (Sociedade Filarmónica Cartaxense) Cartaxo Telem: 963458371 TABERNA DO GAIO Especialidades Pratos Regionais e grelhados de peixe e carne. Jantares às sextas e sábados. Folga ao domingo. Estrada Nacional N3 - Cruz do Campo - Cartaxo. Telf: 243 759 883

CALIFÓRNIA Especialidades Enguias c/arroz de feijão, Ensopado de Enguias, Entrecosto Frito c/arroz de feijão, Vitela estufada, Chispe c/Feijão Branco. Serve Jantares. Fecha às terças. Telf: 263504643 . Foros de Salvaterra. O PINTO Especialidades Enguias fritas c/arroz de feijão, ensopado de enguias, polvo à lagareiro, Borrego à Alentejana. Fondue. Aberto todos os dias. Serve jantares. EN 118 KM54 – Marinhais ADEGA DA ROSA Especialidades Picanha, Bacalhau à Lagareiro, Chocos à Lagareiro, Espetada de lulas c/gambas, costeleta Mirandesa. Garrocheira – Foros de Salvaterra; Telf: 263 507 240 CABANA DOS PARODIANTES Especialidades Bife à Patilhas & Ventoinha, Molhata de Enguias (caldeirada típica avieira). Pode encomendar Barretes, Bolo Rei e outras especialidades. Folga 4ªs feiras à tarde. Av. Dr. Roberto Ferreira da Fonseca. Mail: cabana.eventos@gmail.com telf: 263504177 ; site: www.cabanadosparodiantes.com ESCAROUPIM Especialidades Enguias todo o ano, Açorda de Sável, Lampreia em época, Arroz de Bacalhau c/ Farinheira, Migas, Tarte de Perdiz Folga 5ª Feira e Domingo ao jantar Morada Largo do Avieiros - Escaroupim - Salvaterra de Magos Tel. 263107332 telemóvel: 912539228email:rest.o.escaroupim@ hotmail.com A CASINHA Especialidades Ensopado de Enguias, Enguias Fritas, Picanha, Plumas de Porco Preto, Alheira, Caça Grelhada Morada Av. Dr Roberto Ferreira da Fonseca 54 - Salvaterra de Magos Tel. 263504795 Aberto ao domingo durante o mês da enguia BARQUINHA ALMOUROL Especialidades Enguias, Sável e Lampreia Folga 3ª Feira Morada Tancos, Vila Nova da Barquinha Tel. 249 720 100. Mail: www.almourol.com ABRANTES CRISTINA Especialidades Bacalhau c/Broa, Polvo à Lagareiro, Cherne c/molho de coentros, cabrito assado no forno, Arroz de Pato à Antiga, Perna de Borrego assada c/alecrim. Folga Domingo à tarde e 2ª feira Morada Rio Moinhos – Abrantes Tel. 241881177 Fax: 241881343 Email info@restaurantecristina.com Web www.restaurantecristina.com

AVENIDA Especialidades Polvo a Lagareiro, Bacalhau a Braga, Pescada Gratinada com Camarão, Bifes da vazia à Portuguesa com Pimenta ou com Alho. Reservas para grupo e Serviço de Take Away pelo 968486613 - Karaoke aos Sábados Morada Av. Forças Armadas - Abrantes O FUMEIRO Especialidades Bife da casa, Fondue de Porco Preto, secretos com migalhana, Ovas na Brasa com Açorda de Ovas, Bacalhau à Fumeiro Folga Domingo Morada Rua do Pisco, 9 – Abrantes Tel. 938851963 Email restaurantefumeiro@clix.pt ALMEIRIM RETIRO DO CAMPINO Especialidades Sopa da Pedra, Grelhados no Carvão Folga 3ª Feira Morada Largo da Praça de Toiros, 1 A Almeirim Tel. 243592528 O GALINHA Especialidades Sopa 3/1, Sopa da Pedra, Polvo à Lagareiro, Cozido à Portuguesa, Arroz de Tamboril, Massada de Cherne, Bife à Cortador Folga 3ª Feira. Aceita-se reservas para grupos Morada Rua Ilha da Madeira, 16 J - Almeirim Tel. 243579797 DAVID PARK Especialidades Arroz de Tamboril, Espetadas de Lombinhos c/ Gambas, Cozinha Tradicional, Peixe Fresco grelhado na Brasa Folga 4ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 15 - Almeirim Email: davidparkmail.telepac. pt. Tel. 243591475 SEPÚLVEDA Especialidades Bacalhau à Lagareiro, Molhinhos c/ Grão, Entremeada de Vitela, Moelas estufadas c/ batata frita, Chocos e Grelhados Folga Não temMoradaRuaVinhadoSantíssimo, Bloco 32 - Almeirim Tel. 938732058 O FORNO Especialidades Sopa da Pedra, Peixe Fresco, Carne Porto Preto e Grelhados Folga 3ª feira Morada Largo da Praça de Touros, 23 - Almeirim Tel. 243592916 O CHURRASCO Especialidades Frango, Coelho, Carnes grelhadas. Pratos do dia. Cozido à portuguesa (à quinta-feira). Morada R. 5 de Outubro, 115 - Almeirim Tel: 963458371 CONSTANTINO DAS“ENGUIAS” Especialidades: Enguias Fritas, Ensopado, Grelhados no carvão Folga à 2ª Feira. Aceita reservas Morada Foros de Benfica – Benfica do Ribatejo Tel. 243589156 CAMBÁIA Especialidades: Ensopado de Enguia e Enguias Fritas. Folga 4ª e 5ª feira

TABERNA DO ALFAIATE Especialidades Bacalhau assado no forno com manja, Migas de bacalhau, Cabrito assado no forno, Naco de boi em vinho tinto com migas, Entrecosto de porco preto com arroz de feijoca, Porco preto assado no forno à padeiro. Folga Encerra às 2ª feiras e Domingos ao jantar. Morada Lapa, Cartaxo, telefone 243 790 005 GOLEGÃ CENTRAL Especialidades: Bife à Central com Molho à Brogueira, Entrecosto à Goleganense, Açorda de Sável- Sobremesa: Toureiros Telefone : 249976345 Morada : Largo Imaculada Conceição 3 a 8 - 2150-125 Golegã. Reservas@cafecentral.pt www.cafecentral.pt O BARRIGAS Especialidades: Buffet de entradas regionais, fritada de camarão com açorda e naco de boi no carvão.Folga: Domingo ao jantar e 2ª feira Morada: Largo 5º Outubro, nº 55 e 56 – Golegã Contacto: 240 717 631 Site: www. obarrigas.com Outras info: Zona para fumadores ALPIARÇA TERTÚLIA Especialidades Ensopado de enguias, bacalhau com broa, bacalhau com favas, bacalhau (frito) à marialva, porco preto, borrego à moda de Alpiarça, costeletas de borrego, espetada de javali, alheiras (caça/ mirandesa), coelho com molho de coentros. Bons vinhos da Região e de outras regiões. Ementas personalizadas para grupos e ocasiões especiais. Abrerto todos os dias Morada Rua Engº Álvaro da Silva Simões, 108 Alpiarça Tel: 243558588 Reservas 935587920. Site http//tertulia-restbar.hi5.com Email:bernardos.inv. hot@sapo.pt CORUCHE Ó MANEL Especialidades: Espetadas do Toiro Bravo. Dobrada e mão de vaca. Sopa de Rabo de boi. Grelhados. Morada Rua de S Tomé, 4 – Bairro Novo. Tel. 243675878. Folga ao Domingo JAKIM GIRASSOL Especialidades: Bacalhau c/ Migas, Feijoada de Chocos c/ Gambas, Borrego assado no forno, Pernil de Porco no Forno, Arroz de Pato, Bacalhau gratinado c/camarões. Petiscos variados. Morada: Estrada Nacional 119 (Área de serviço Repsol) – Biscainho . Tel. 243660333 A TASCA Especialidades Pernil de porco no forno, cozido à portuguesa. Carne Brava Folga Domingo Morada Mercado Municipal – Coruche Tel. 243675232 O CHOUPO

Especialidades Bacalhau à Choupo, enguias fritas e ensopado, medalhões de Maronesa, Posta Maronesa, Carnes de porco preto, cataplanas Folga 2ª feira (após almoço) Morada Montinhos dos Pegos (1 Km cruz. Monte da Barca) – Coruche Tel. 243618875. Tel. 917785703 O FARNEL Especialidades Bacalhau à Farnel; Bacalhau assado c/migas à moda de Coruche; cabrito frito à lavrador; migas de batata c/carne de porco; ensopado de borrego, grelhado de novilho bravo e porco preto na telha Folga 2ª feira Morada Sala p/banquetes no Monte da Barca. Rua Vasconcelos Porto – Coruche Tel. 243675436 SAL & BRASAS Especialidade: Carnes na brasa Folga 2ª feira Morada Cruzamento Monte da Barca - Coruche Tel. 243618319 PONTE DA COROA Especialidades: Cozinha regional e grelhados no carvão Folga Domingo Morada Estrada Nacional 114 Coruche Tel. 243617390 RIO MAIOR MANJAR DO PARQUE Especialidades Leitão assado em forno de lenha, Picanha à Brasileira, Secretos de porco preto na brasa , Manjar de Gambas, Bacalhau Maravilha, Bife à Casa. Leitão assado para fora. Ementas para grupos Morada Rua Almirante Cândido Reis, 26 R/c (junto ao jardim) – Rio Maior Tel. 243997071 Email geral@manjardoparque.net PALHINHAS GOLD Especialidades Alheira de caça, Carne mirandesa, Porco preto com migas, Picanha, Bacalhau com crosta de azeitona, Tiborna de bacalhau, Caril de gambas, Arroz de tamboril, , Pão de Ló caseiro. Folga Domingo à noite e 2ª Feira. Morada Trav. do Palhinhas (centro da cidade) - Rio Maior Tel. 963435547. Site www.palhinhasgold.pt FÁTIMA SANTA RITA Madeirense e Açoriano Especialidades: Bacalhau Espiritual, Bacalhau com camarão, Bacalhau Nove Ilhas, Bife de Atum; Alcatra, Linguiça do Pico, Secretos Porco Preto, Vitela. Morada: R. Rainha Santa Isabel (em frente ao Hotel Cinquentenário) Fátima. Tel. 249098041/919822288. Site: http://santarita.no.comunidades. net. Oferta de 5% de desconto com a apresentação deste jornal. MAÇÃO O GODINHO Especialidades Café – Restaurante. Cozinha Regional. Quarta-Feira: Cozido à Portuguesa. Serve Almoços e Jantares. Encerra ao Domingo. Telf: 241572874;tlm 962536310 Rua da Republica – Mação O CANTINHO Especialidades Restaurante Marisqueira; Especialidades: Arroz de Marisco, Cataplana de Cherne, Bife à Cantinho na Frigideira e Maranho de Mação.Almoços e Jantares.Aberto todos os dias.Telf: 241107558.Tlm: 964677705. Rua Monsenhor Alvares de Moura - Mação TORRES NOVAS O BABALHAU BRASAS Especialidades: Arroz de Pato, Cabrito no Forno, Camarão Flamejado c/ manga, Peixe Fresco do Mar e Carne c/Qualidade. Folga ao Domingo à noite e Segunda. Ladeira da Enfermaria Militar, nº 21 – T Novas – Telf: 249183699. Reservas: 913125149


OPINIÃO | COMERES & BEBERES 39

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

O Festival de Gastronomia Dentro do quadro habitual o Festival Nacional de Gastronomia iniciou-se no sábado passado. Fora desse quadro uma evocação da implantação da República, e a actuação do Coro que merecia mais atenção e respeito. No entanto, os coralistas deviam saber que dada a hora do seu desempenho os convidados estavam muito mais interessados no desfrute das comidas do que na audição dos seus cantos. Se foi notada a ausência do Presidente da Câmara de Santarém, da larga maioria dos deputados, muitos ficaram admirados por o distrito estar tão bem representado no governo, e ainda faltou Idália Moniz retida por compromissos anteriormente assumidos. O ministro Jorge Lacão fez uma sentida evocação do recentemente falecido Presidente Ladislau Botas, o que só lhe ficou bem. No referente a pitanças as entradas servidas no salão de entrada foram mal distribuídas, a sopa de lebre revelou sapidez e substância deixando grato prazer palatal. O bacalhau meia-cura com broa esteve dentro do que se esperava, se não deslumbrou também não fracassou. No que tange a sobremesas aos costumes digo nada pois tive de me ausentar quando foram servidas. No almoço representativo do Nordeste Transmonta-

no os governantes de todos os matizes e os honoráveis deputados primaram pela ausência, não sabem o que perderam pois as entradas consistentes e saborosas: presunto fatiado, rodelas de salpicão, queijos, bocados de alheira, alcaparras, bola de carne e vinhos em consonância só por si faziam uma refeição. Sápido o caldo de castanhas, o bacalhau com presunto luziu, mas a plena satisfação dos sentidos deu-se pela receita de cordeiro assado no ponto, as suculentas repolgas e um delicioso arroz de miúdos.

Uma iguaria de truz. Nas sobremesas revivi o gosto das súplicas, bem o gelado e o doce de amora. O Alberto Fernandes pode considerar-se satisfeito pela refeição oriunda do seu restaurante Dom Roberto onde pontifica a mulher e a filha Xana, sempre atenta e operativa. Em Santarém a confecção dos comeres esteve a cargo do Chefe António e a logística do atento Alberto Júnior. Não levem a mal o entusiasmo, mas o Nordeste deu cartas e ganhou a partida. Armando Fernandes

Pássaros Vinho Verde O rótulo estilizado e de inegável bom gosto obrigou-me a de imediato rodar lentamente a garrafa entre os dedos. No contra-rótulo o consumidor é informado que se trata de um vinho verde produzido e engarrafado pelo conhecido enólogo Anselmo Mendes, o que para os conhecedores funciona como o melhor selo de garantia de qualidade. E, mais uma vez fiquei agradado com um vinho feito por ele. Porquê? Porque imediatamente após a garrafa ter sido aberta (rolha qualificada) explodiu numa girândola de perfumes frescos, florais e frutíferos. Uma tónico posteriormente comprovado, não sem antes ter verificado que se apresentava límpido e brilhante. Na boca confirmou a positividade enunciada pelo nariz, podendo dizer que ao beber este vinho a memória deu imagens do verde e vistoso Alto Minho. Sabor prolongado numa estrutura harmoniosa e tentadora com tudo o que envolve deixar-nos arrastar por ela. O que não aconteceu. Acompanhou graciosamente um folhado com alheira de caça, mais um naco de vitela acompanhado por batatas cozidas com a casca, numa refeição jubilosa tomada no restaurante Torres (no Festival de Gastronomia) propiciada pelo meu amigo Virgílio Gomes e na qual verifiquei ser verdade o Machadinho ter abandona os destilados escoceses a favor do vinho. Serviço simpático e atento. A.F.


D Previna-se contra o aumento de bactérias

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

saúde

Com o arrefecimento do tempo e o aumento da temperatura do ar condicionado, criam-se as condições ideais para o desenvolvimento de microrganismos nocivos, criados pelos resíduos deixados nas condutas dos aparelhos de climatização, responsáveis pelo desenvolvimento de fungos e bactérias que provocam alergias e outras patologias respiratórias. O DESV é um purificador de ar inovador comercializado pela JJC, Lda.

CONSULTÓRIOS MÉDICOS DO JARDIM Praça da República, Nº 47 - 1.º - ALMEIRIM Junto à Farmácia Barreto do Carmo MEDICINA GERAL E FAMILIAR Dr.ª Emanuela Santos Andrade Dr. Generoso Barbosa Dr.ª Anabela Xavier de Basto PSIQUIATRIA Dr.ª Joana Alexandre Dr. João Chambel CARDIOLOGIA Dr.ª Marisa Peres NEUROCIRURGIA Dr. Rui Bello Silva PSICOLOGIA Dr.ª Sandra Silva Dr. Ricardo Luciano (Avaliação Psicoterapia c/ crianças) ENDOCRINOLOGIA Dr. Carlos Fernandes PEDIATRIA Dr.ª Teresa Barracha Dr. Nuno Carvalho GINECOLOGIA/OBSTETRÍCIA Dr.ª Patrícia Silva Dr.ª Graça Marona Dr. Pedro Rocha (HDS) Dr.ª Lucília Gaspar (HDS) PODOLOGIA Dr.ª Sandrina Fortunato

UROLOGIA Dr. António Oliveira ORTOPEDIA Dr. Joaquim Simões CIRURGIA VASCULAR Dr. Edgar Berdeja FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA Fisioterapeuta Alexandra Claudino PNEUMOLOGIA Dr.ª Paula Cravo IMUNOALERGOLOGIA Dr. Abreu Nogueira DIETISTA/NUTRICIONISTA Dr.ª Susana Brites/Dr.ª Helga Marques NATUROPATIA/ /HOMOTOXICOLOGIA Dr. Jaime João Tavares TERAPIA DA FALA Terapeuta Dora Colaço SERVIÇOS DE ENFERMAGEM Enf.ª Ana SHIATSU Drª Mª Rosário Salavessa ELECTROCARDIOGRAMAS Com Técnico Especializado CTG - Grávidas Holter - 24 h Mapa (Tensão Arterial)

Acordos com ADVANCE CARE; MULTICARE e MÉDIS ANÁLISES CLÍNICAS - com todos os acordos

MARCAÇÕES

Tel 243 593 422 Tlm 969 902 195

ESPAÇO/CONSULTÓRIO Pretendo alugar espaço para consultório ou consultório (este, em regime de tempo parcial), em clínica, em Santarém (zona central). Para actividade profissional de psicólogo clínico, membro efectivo da Ordem dos Psicólogos.

Contacto Tm. 961 285 155

FAUSTINO SANTOS

Acupunctura / Hipnoterapia Clínica Licenciado em Medicina Tradicional Chinesa Curso pós-graduado de aperfeiçoamento de Hipnose em Clínica Médica (componente de especialização) da Faculdade de Medicina de Lisboa

Praceta Pedro Escuro, 10 - 3.º Esq.º (Junto à Rádio Pernes)

MARCAÇÕES - Telemóvel: 962 600 338

www.faustinosantos-acupunctura.com

41


42 SAÚDE

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Terapeuta Osteopata Rui Leite Ceficarte

CENTRO DE FISIOTERAPIA DO CARTAXO

MARCAÇÕES: Tlm.: 919 612 454 • Tel./Fax: 243 702 311 Av. João de Deus, n.º 10 r/c • 2070-011 Cartaxo

Dr. ARMANDO RODRIGUES LOPES INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

OSTEOPATIA Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243 327 546 - 2000 SANTARÉM

Drª MADALENA BARRETO INSTITUT SUTHERLAND DE PARIS

OSTEOPATIA Av. Bernardo Santareno, 39 - 1.º Esq. Telefone 243327546 - 2000 SANTARÉM

DR. JOSÉ LUÍS P. BARRETO UROLOGISTA Pela Ordem dos Médicos DOENÇAS DOS RINS, VIAS URINÁRIAS E APARELHO SEXUAL MASCULINO

F. RIBEIRO DE CARVALHO CIRURGIÃO PLÁSTICO Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética Cirurgia Estética e Reconstrutiva da Mama Cirurgia do Contorno Corporal Cirurgia Estética Facial Surgimed Pcta. Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6 - r/c SANTARÉM Marcações pelo Tel: 243 30 57 80

CONS. - SURGIMED

Pr. Eduardo Rosa Mendes n.º 6 R/C - Telef.: 243305780 2000 SANTARÉM

Dr. A. JÚLIO SILVA Médico Especialista ORTOPEDIA

SANTARÉM

Dr. Rui Castro

DRA. MARISA PERES MÉDICA CARDIOLOGISTA

(Centro Clínico do Choupal) R. Capitão António Montez, 4-A Tel. 243326935 SANTARÉM

CLIMECO - Clínica Médica de Eduardo Lopes Oftalmologia Dr. Eduardo Lopes

Médico Especialista de Clínica Geral

Consultas e Exames de Cardiologia

Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

CONSULTÓRIO:

Santarém: GFS: 243 328 890 IMS: 962 567 961

Acordos c/ Médis / Advancecare / EDP Portugal Telecom / CGD / SAMS / Multicare

Rua José Saramago, 17-1º (edifícios atrás do Banco de Portugal)

Telef. e Fax: 243 327 431

Almeirim: Clínica do Jardim: 243 593 422

Telemóvel: 917 770 678

Enfercentro: 243 579 601

CONSULTAS E MARCAÇÕES DIÁRIAS

Aveiras de Cima: Centro Médico de Aveiras: 263 474 976

Oftalmologia Pediátrica Drª Cristina Amorim Ortóptica Dr. Alfredo Sousa - Drª Ana Ascensão Neurocirurgia Dr. Bello da Silva Acordos c/ Multicare

Neurologia Drª Adelaide Palos Dermatologia Drª Maria João Reumatologia Drª Manuela Micaelo Acordos c/ Multicare

Psicologia Drª Sandra Silva - Drª Isabel Baptista Medicina Interna Dr. Victor Bezerra Nutrição Drª Susana Rodrigues MARCAÇÕES PELO TELEFONE 243 328 303 Rua Colégio Militar, Lt. A - 1º Esquerdo (junto ao antigo Campo dos Leões) 2000 SANTARÉM


SAÚDE 43

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Júlio Aranha

Drª ISABEL MONTEIRO

Cardiologista

Médica Cardiologista • Consultas de Cardiologia • Electrocardiogramas • Ecocardiogramas Modo M, 2D e Doppler a cor • M.A.P.A. (Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial) Rua Dr. António José de Almeida, nº 11, 4º Dt.º 2000 - SANTARÉM

Telef. 243 326 957

Sílvia Lencastre Fróis Psicóloga Clínica Psicologia Clínica e Psicoterapia Marcações pelo tmóvel -

918 732 116

Santarém • Coruche • Rio Maior

JOSÉ MANUEL PIRES TEIXEIRA MÉDICO ESPECIALISTA - GINECOLOGISTA / OBSTETRA ASSISTENTE HOSPITALAR GRADUADO do HOSPITAL DE SANTARÉM DOENÇA DA MAMA - DIPLOMADO e MASTER em Senologia / / Pat. Mamária pela F. de Medicina da Un. de Barcelona CONSULTÓRIO NA CLÍNICA “FERRO DE ENGOMAR” Rua do Quintino, 9 - A - Tel.: 243770939 - CARTAXO

CONSULTÓRIO DENTÁRIO - Nova morada -

DR. MARCÃO

Consultas de Cardiologia Ecocardiograma M e 2D Ecocardiograma com doppler e côr ECG Holter de 24 horas Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial Electrocardiograma Provas de Esforço SANTARÉM - Tel. 243 327 431 RIBACLÍNICA - CHAMUSCA - Tel. 249 760 031 CENTRO CLÍNICO DO CHOUPAL MED. FÍSICA E REABILITAÇÃO CONSULTAS

Fisiatria (Dr.ª Helena Martins) (Dr. José Miguel Pais) Ortopedia (Dr. A. Júlio Silva) Psicologia (Dr.ª Elsa Couchinho) (Dr.ª Teresa Molina) Clínica Geral e doenças do Coração (Dr.ª Liliana Aleksandrov)

CLÍNICA - CIRURGIA - PRÓTESES DENTÁRIAS CONSULTAS TODOS OS DIAS Largo Cândido dos Reis, 11 - 1º Direito (junto à rotunda do hospital velho) Telef: 243 326 435 - 2000 SANTARÉM

por apenas 25,50 €

ACORDOS FISIOTERAPIA: ADSE, ADMFA, ADMA, C.G. DEPÓSITOS, CTT, SAMS, TELECOM e SEGURADORAS R. Capitão António Montês, 4-A (Rampa Ciclistas) Tel. 243326935 - Fax: 243326935 2000 SANTARÉM

DR. JOSÉ BRANCO PSICÓLOGO CLÍNICO E PSICOTERAPEUTA MEMBRO EFECTIVO DA ORDEM DOS PSICÓLOGOS (CÉDULA PROFISSIONAL Nº 8881) MEMBRO FUNDADOR DA SOCIEDADE PORTUGUESA DE PSICOTERAPIAS CONSTRUTIVISTAS

CENTRO MÉDICO E DE ENFERMAGEM DE ABRANTES Largo de S. João, N.º 1 - Telefones 241 371 566 - 241 371 690

C O N S U LTA S

Médico especialista de ESTOMATOLOGIA (Doenças da boca e dentes) pela Ordem dos Médicos e pelo Hospital de Santa Maria

assinatura anual

POR

ACUPUNCTURA Dr.ª Elisabete Alexandra Duarte Serra ALERGOLOGIA Dr. Mário de Almeida; Dr.ª Cristina Santa Marta CARDIOLOGIA Dr.ª Maria João Carvalho CIRURGIA Dr. Francisco Rufino CLÍNICA GERAL Dr. Pereira Ambrósio - Dr. António Prôa DERMATOLOGIA Dr.ª Maria João Silva GASTROENTERELOGIA E ENDOSCOPIA DIGESTIVA Dr. Rui Mesquita; Dr.ª Cláudia Sequeira MEDICINA INTERNA Dr. Matoso Ferreira NEFROLOGIA Dr. Mário Silva NEUROCIRURGIA Dr. Armando Lopes NEUROLOGIA Dr.ª Isabel Luzeiro; Dr.ª Amélia Guilherme

DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DE PROBLEMAS DE NATUREZA PSICOLÓGICA CONSULTAS PRESENCIAIS E PELO TELEFONE

MARCAÇÃO

OBSTETRÍCIA E GINECOLOGIA Dr.ª Lígia Ribeiro, Dr. João Pinhel OFTALMOLOGIA Dr. Luís Cardiga ORTOPEDIA Dr. Matos Melo OTORRINOLARINGOLOGIA Dr. João Eloi PNEUMOLOGIA Dr. Carlos Luís Lousada PROV. FUNÇÃO RESPIRATÓRIA Patricia Gerra PSICOLOGIA Dr.ª Odete Vieira; Dr. Michael Knoch; Dr.ª Maria Conceição Calado PSIQUIATRIA Dr. Carlos Roldão Vieira; Dr.ª Fátima Palma UROLOGIA Dr. Rafael Passarinho NUTRICIONISTA Dr.ª Carla Louro SERVIÇO DE ENFERMAGEM Maria João TERAPEUTA DA FALA Dr.ª Susana Martins

CONSULTÓRIOS: LISBOA: CLÍNICA MOVIMENTO E SAÚDE, R. JOSÉ FALCÃO, 52, 2º, F ALVERCA: R. CIDADE DE DÉVNIA, 21, 2º, DTO

MARCAÇÕES E INFORMAÇÕES

961 285 155 / 216 037 099

Surgimed Anat.Patológica Dra. Margarida Mendes

Endocrinologia Dr. Luís Raposo

Ortopedia Dr. Duarte Cadavez

Cir.Geral/Obesidade Dr. Joaquim Costa

Gastroenterologia Dr. Júlio Veloso

Pneumologia Dr. Marco da Costa e Silva

Cirurgia Plástica Dr. Ribeiro de Carvalho

Medicina Interna Dra. Luísa Wandschneider

Cirurgia Vascular Dr. Mário Soares Clínica Geral Dra. Hélia Castro Dr. Benjamim Coimbra Dermatologia Dra. Joana Parente Dietética Dra. Célia Dias

Neurocirurgia Dr. Carlos Calado Neurologia Dr. Jorge Becho Neuropsicologia Dr. Nuno Pestana Oftalmologia Dr. Juan Palomares Dr. Castela Rodrigues

Psicologia Dra. Elsa Martins Dr.João Paulo Ribeiro Dra. Cátia Lima Psiquiatria Dr. Vítor Henriques Reumatologia Dr. Teixeira Costa Urologia Dr. Luís Barreto Dr. Luís Costa

CENTRO AUDITIVO WIDEX Exames Complementares e Outros:

Audiologia  X  X  X X

Dr.ª Odete Batista

Diagnóstico (adultos e crianças) Reabilitação Auditiva (Próteses Auditivas) Potenciais Evocados Auditivos do Tronco Cerebral (PEATC) Protectores de Natação

Cardiopneumologia X

Dr.ª Patrícia Branco

Estudo do Sono

Acordos: CGD, SAMS, PT, Médis, Advance Care e Mondial Assistance Horário: 13.00 às 20.00 horas

Largo Cândido dos Reis, 14 - 1.º Esquerdo • 2000-241 Santarém Tel.: 243 391 547 • Fax: 243 391 549 • E-mail: audioteste@netcabo.pt

• • • • • • •

Endoscopia Digestiva Alta Colonoscopia Fibrorectosigmoidoscopia Polipectomia Endoscópica Citologia Aspirativa Urofluxometria E.C.G.

• Trat. varizes (esclerose e laser) • Sedação profunda c/apoio de Anest. p/ exames endoscópicos • Laser Cirúrgico • M.A.P.A. • Holter 24 horas • Polisonografia em ambulatório

Marcações das 9:00 às 19:00 de 2ª a 6ª Feira Telef: 243 305 780 Fax: 243 305 781 Praceta Eduardo Rosa Mendes, 6-r/c 2005-174 SANTARÉM Email: surgimed@mail.telepac.pt


44 ADVOGADOS SANTARÉM A Dr. José Francisco Faustino; Drª. Cristina Alvarez; Dr. João Rafael; Dr. Pedro Goulão; Dr. Pedro Matos Barbosa; Dr. Francisco Lopes Leitão - Rua Capitão António Montez, 10 – Santarém - Tel. 243327159 Fax 243327160 - adv.santarem@mail. telepac.pt A Oliveira Domingos - Largo Cândido dos Reis, 3 -1º - Santarém Tel. 243326310 - Fax 243333587 oliveiradomingos-161e@adv.oa.pt A Sandra Alexandre - Rua do Colégio Militar, 10 - 2º esq. - 2000-230 Santarém - Telef./Fax: 243 322 268 A Dr. Francisco Antunes Luís - Av. D. Afonso Henriques, 89 - 2º Dtº - Santarém - Tel. 243321024/ 243321426 - Fax 243321425 advogados.s@mail.telepac.pt

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010 A Drª Margarida Lencastre Fróis - Praça Sá da Bandeira, 22 – 1º Santarém - Tel. 243325178 Fax 243325178 - margarida.lencastre@ gmail.com A Drª Cristina Saldanha - Av. D. Afonso Henriques, 67 – 1º Esq – Santarém - Tel. 243323019 Fax 243333414 - cristinasaldanha1531e@adv.oa.pt A Dr.º Martins Carreto - Rua Dr. António José de Almeida, 17-2º Dto - 2000-238 Santarém - Telefone 243333519 Fax 243326531 e-mail: artinscarreto-1078C@adv.oa.pt A Dr.ª Helena Marques Duarte - Rua Pedro de Santarém - 2 – 2º A - Tel. 243 352 407 – Fax. 243 352 409 - 2000-223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) - hmduarte-16362l@adv.oa.pt

A Dr. Morgado Ribeiro - Av. do Brasil – Edifício Scálabis, 1º Esq – Santarém - Tel. 243323143 Fax 243326144 - morgadoribeiro-185e@ adv.oa.pt

A Drª Ana Sofia Casebre - Rua Dionísio Saraiva, Lote 1 – 1º Andar – Porta A – Almeirim - Tel. 243579134 Fax 243579134 TLM 936280534 A Dr. Sérgio Luís Coutinho dos Santos - Praça da República, 18 A 1º - Apartado 61 – 2080-044 Almeirim Tel. 2435991172 - Fax 243593224 sergiosantos - 365e@advogados.oa.pt A Dr. Vítor Sousa - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626

A Dr. Pedro Borrego - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim -Tel. 243570091 Fax 243570099 - pedroborrego-2083e@ adv.oa.pt A Drª América Cravo - R. Dr. Óscar da Costa Neves, 8 - 1º - 2080-130 Almeirim - Tel. 243597946/8 Fax 243597947 - americacravo-855e@ adv.oa.pt A Drª Sónia Bento - Praça da República, 29 - 1º Esq.º - 2080-044 Almeirim - Tel. 243372159 Fax 243597999 sbentompires.adv@gmail.com

ADVOGADOS Av. 5 de Outubro, Nº 77, 3º Dtº - 1050-049 LISBOA Tel. 213 172 720 Fax. 213 172 729

ABRANTES

CARTAXO

A Mário P. Claro - Célia Cruz Rua Luís de Camões nºs 9 - 11, 1º Esq., 2200-421 Abrantes Tel 241 379 090 - Fax.: 241 363 364; Trv. da Batoca, 6 - 2140-149 Chamusca; Tel/fax: 249 760 058 E-mail: mclaro.ccruz.spa@mail. telepac.pt

A Drª Liliana Pita - R. Dr. Manuel Correia Ramalho, 9 – 2º Esqº - 2070095 Cartaxo - Tel 243703631 Fax 243703631- lilianapita-18943l@ adv.oa.pt

A Norberto Timóteo - Advogado Praceta do Chafariz, Lote 6- 1º Esq. - Apartado 93 - 2204-909 Abrantes; Tel.: 241 363 484; Fax: 241 365 234; Email: norbertotimoteo-169e@ advogados.oa.pt A Eurico Consciência & Associados - Abrantes - Apartado 37 Tel: 241372831 /2/3 - Fax: 241362645 - E-mail: consciencia-839c@adv.oa.pt A António Pires de Oliveira - Rua de Santa Isabel, nº 1- 1º Dto. 2200-393 Abrantes Tel.: 241 360 540 - Fax: 241 372 481 E-mail: dr.a.oliveira-355e@adv.oa.pt - Cédula Prof. 355 Évora

Armando Ferreira

A Drª Ana Fonseca e Silva - Praça 15 de Dezembro, 23ª - 2º A – 2070049 Cartaxo - Tel. 243704323 Fax. 2437074328 - anafonsecaesilva1002e@advogados.oa.pt

LISBOA A Albertino Antunes - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa Tel. 213172720 Fax. 213172729 A Alexandre Oliveira - Telem.: 969 239 263 - Av. 5 De Outubro, Nº 77, 3º Dtº 1050-049 Lisboa - Tel. 213172720 - Fax. 213172729

ADVOGADOS    

Rui Roboredo Consciência Eurico Heitor Consciência João Roboredo Consciência Teresa Roboredo Consciência

   

Normando Sérgio Rita Teimão Figueiredo Fernando Zuzarte Saraiva Helena Marques Duarte

ABRANTES: Rua de S. Domingos – 336 – 2º A – Apart. 37 Tel. 241372831/2/3 – Fax 241362645 – 2200 – 397 ABRANTES PONTE DE SOR: Rua Vaz Monteiro – 19 – 1º andar Tel. 242207319 – Fax 242203335 – 7400 – 281 PONTE DE SOR SANTARÉM: Rua Pedro de Santarém – 2 – 2º A Tel. 243352407 – Fax 243352409 – 2000 – 223 SANTARÉM (Defronte do W Shopping) LISBOA: Rua Braamcamp – 52 – 9º Esqº Tel. 213860963 – 213862922 – Fax 213863923 – 1250 – 051 LISBOA

assinatura anual por apenas 25,50 €

Francisco Pedrógão

A Drª Rute Nunes - Rua Dr. Lopes Batista, 5 B -1º E – Cartaxo TLM 914177635 Fax 243120102 - rute.nunes@apoiojuridico.com - www.apoiojuridico.com

MADEIRA LOPES FRANCISCO MADEIRA LOPES

ADVOGADOS

ADVOGADOS

Av. do Brasil - Edifício Scalabis - 1º F Tef.: 243326242 2000 SANTARÉM

A Drª Ana Gomes Ribeiro - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570093 Fax 243570099 - anagomesribeiro2104e@adv.oa.pt

Tel.: 243323700 - Fax: 243332994 Rua Elias Garcia, 24 - 1º Apartado 173 2001-902 Santarém

Tel: 243 328 444 - Fax: 243 391 079

ADVOGADOS

A Drª Ana Oliveira Simões - Rua 5 de Outubro, 63 - 1º A/B – 2080-052 Almeirim - Tel. 243570092 Fax 243570099 - anaoliveirasimoes2078e@adv.oa.pt

Telem.: 969 239 263

Travessa do Fróis, 3 - 1º e 2º

ANA MARTINHO DO ROSÁRIO ISABEL ALVES DE MATOS VICTOR BAPTISTA

A Dr. Adriano de Melo Nazareth Barbosa - Praça da República, 29 – 1º Esq. – Almeirim - Tel. 243597997/8 Fax 243597999

ALBERTINO ANTUNES ALEXANDRE OLIVEIRA

SOCIEDADE DE ADVOGADOS, RL

2000-145 SANTARÉM

A Dr. Manuel Faustino Silva - Praça Lourenço Carvalho, 23 – 1º D – Almeirim - Tel. 243593626 Fax 243593626 - faustino-1239e@adv.oa.pt

A Drª Célia Sousa Pinhal - Praça Lourenço de Carvalho, 12 A 1º 2080-043 Almeirim - Tel. 243593737 Fax 243593737 TLM 966110936 Celiasp-1498e@adv.oa.pt

ORLANDO MENDES TERESA PINTO FERREIRA

E-mail: orlandomtpf_socadv.rl@mail.telepac.pt

ALMEIRIM

Pcta. Pedro Escuro n. 2 1.º Esq. Telef.: 243333821 Fax: 243391021 2000 SANTARÉM

E.Mail: consciencia-839c@adv.oa.pt

Visite o nosso Site: advogadosabrantes.com

FARMÁCIAS DE SERVIÇO SANTARÉM

ALMEIRIM

Sexta

22 Vitorino

Av.ª Bernardo Santareno, 24

Sábado

23 Helena

243 326 704

TORRES NOVAS

Sexta

22 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Sexta

22 Lima

Av. de Sá Carneiro, Lote 7

R. Dr. Jorge Sena, 12 - Alto do Bexiga 243 420 214

Sábado

23 Correia de Oliveira

Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Sábado

23 Central

Rua de São Pedro, 5

249 822 411

Domingo 24 Flama Vitae

Pç. Sá da Bandeira, 4 e 5

243 322 195

Domingo 24 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 592 265

Domingo 24 Central

Rua de São Pedro, 5

249 822 411

Segunda

25 Baptista

Rua Serpa Pinto, 101/3

243 322 072

Segunda

25 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Segunda

25 Pereira Martins

Rua José Augusto Torres, Lt 129 249 812 472

Terça

26 Veríssimo

R. Capelo Ivens, 74

243 330 230

Terça

26 Mendonça

Praça da República, 12

243 592 265

Terça

26 Higiene

Lg. Cor. António Maria Batista, 7

249 819 540

Quarta

27 S. Nicolau

R. Capelo Ivens, 38

243 325 067

Quarta

27 Correia de Oliveira

Rua Condessa da Junqueira

243 509 370

Quarta

27 Nicolau

Rua 25 de Abril, 7

249 830 180

Quinta

28 Francisco Viegas

Rua Pedro Santarém, 2-A

243 330 570

Quinta

28 Central

Rua 5 de Outubro, 58/60

243 592 265

Quinta

28 Lima

Av. de Sá Carneiro, Lote 7

249 822 067

Sexta

29 Oliveira

Rua Colégio Militar, 1

243 326 182

Sexta

29 Barreto do Carmo

Praça da República, 45/7

243 592 379

Sexta

29 Central

Rua de São Pedro, 5

249 822 411

TOMAR

249 822 067

CORUCHE

ALPIARÇA

Sexta

22 Dias Costa

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Sexta

22 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Sábado

23 Alfa

Av. Nuno Álvares Pereira, 62-64

249 321 404

Sábado

23 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Domingo 24 Nova

Rua Silva Magalhães, 77-79

249 310 360

Domingo 24 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Segunda

25 Torres Pinheiro

Rua Serpa Pinto, 27-33

249 312 206

Segunda

25 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Terça

26 Ribeiro dos Santos

Av. Norton de Matos

249 324 373

Terça

26 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Quarta

27 Dias Costa

Rua Serpa Pinto, 160-162

249 312 203

Quarta

27 Aguiar

Avenida Casa do Povo, 15

243 558 424

Quinta

28 Alfa

Av. Nuno Álvares Pereira, 62-64

249 321 404

Quinta

28 Leitão

Rua José Relvas, 208-A

243 558 435

Sexta

29 Nova

Rua Silva Magalhães, 77-79

249 310 360

Sexta

29 Gameiro

Rua Silvestre Bernardo Lima, 94

243 558 365

Sexta

22 Frazão

Rua Direita, 64

243 660 099

Sábado

23 Higiene

Rua da Misericórdia

243 675 070

Domingo 24 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Segunda

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

25 Almeida

Terça

26 Frazão

Rua Direita, 64

243 660 099

Quarta

27 Higiene

Rua da Misericórdia

243 675 070

Quinta

28 Misericórdia

Largo de S. Pedro, 4

243 610 370

Sexta

29 Almeida

Rua da Misericórdia, 16

243 617 068

R. Heróis de Chave

263 504 319

SALVATERRA DE MAGOS ABRANTES Sexta

22 Santos

Sábado

Sexta

CARTAXO Av.ª Dr. Ant. A.s. Mart. 47

241 360 530

Sexta

22 Abílio Guerra

Rua de S. Sebastião, 3

23 Correia dos Santos Rua da República, 10

243 702 653

23 Silva

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Sábado

Domingo 24 Silva

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Domingo 24 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

Segunda

Rua do Comércio, 56

241 371 713

Segunda

25 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123 Rua de S. Sebastião, 3

25 Silva Tavares

243 770 997 243 700 130 243 702 653

Sábado a Sexta

22 Martins 23 a 29 Carvalho

R. Dr. Gregório Fernandes, 20/2 263 504 451

RIO MAIOR Sexta Sábado a Sexta

22 Cândido Barbosa Rua Serpa Pinto, 50 23 a 29 Almeida

Terça

26 Duarte Ferreira

R. Tenente Cor. J. B. Camejo, 13

241 333 222

Terça

26 Abílio Guerra

Quarta

27 Motta Ferraz

Largo Mota Ferraz, 7

241 360 520

Quarta

27 Correia dos Santos Rua da República, 10

243 770 997

BENAVENTE

Quinta

28 Santos

Av.ª Dr. Ant. A.s. Mart. 47

241 360 530

Quinta

28 Pereira, Sucrs

Rua Serpa Pinto, 8

243 700 130

Funciona 9 às 22 h

Sexta

29 Silva

Rua José Estevão, 1

241 360 060

Sexta

29 Central do Cartaxo

R. H. Qt.ª da Cabreira, Lt 54A-55A-B 243 749 123

Baptista

Assegura serviço durante a noite Martins

243 994 700

R. Almir. Cândido dos Reis, 19 243 992 255

Av. Dr. Francisco S. Dias, 8, 1º 263 580 108 R. do Diário de Notícias, 9-r/c

263 517 633


CLUBE DO LEITOR 45

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

Para além dos rankings das escolas Em declarações aos jornalistas, no passado dia 15, a Ministra da Educação afirmou que “A escola pública não faz selecção de alunos, é uma escola aberta a todos. Mesmo as crianças com mais dificuldades recebem apoio”. Esta citação aplica-se totalmente ao Colégio de São Miguel que, nos “rankings”, aparece com a designação “Escola Privada” mas que faz serviço público, uma

vez que tem um contrato de associação com o Ministério da Educação e o ensino é, como em qualquer escola pública, gratuito. Somos, portanto, uma escola aberta a todos onde, em primeiro lugar, as crianças com mais dificuldades recebem apoio! É claro que é bom olhar para o ranking, ver o nome da nossa escola em 39º lugar (no Diário de Notícias), em 38º (no Correio da

Cidadã indignada: dia 22 onde vamos poder estacionar em Santarém? Serve o presente para expor algumas dúvidas que resultaram da tentativa de obter um distico de estacionamento no centro histórico. Resido no centro histórico e dirigi-me ao local próprio para solicitar um distico de residente. Os senhores, com quem a autarquia estabeleceu contrato, exigiram-me cópias de: Bilhete de identidade/ Cartão de cidadão; Número de identificação fiscal; Comprovativo de morada; Documentos da viatura; Comprovativo de inspecção automóvel. Não me foi apresentado qualquer documento por parte da empresa onde ficasse garantida a confidencialidade dos dados exigidos, quando solicitei um formulário fui informada de que não existia e que todo este procedimento está garantido por vós, Câmara Municipal de Santarém, dado que foi estabelecido e aprovado um regulamento conjunto entre a autarquia e a empresa. Questionei se seria realmente assim, e os senhores alegaram que iam chamar um gerente, deixandome à espera perto de uma hora. Fui então atendida por um senhor que esteve à minha frente durante o tempo todo que aguardei, sem nada fazer. Propus emitir uma declaração com os dados neces-

sários para o efeito. Primeiro, essa possibilidade foi-me negada, depois estabeleceram contacto telefónico com um administrador da empresa (Dr. Magalhães) que afirmou não ser possivel de outra forma, pois as cópias dos documentos vão ser analisadas conforme o regulamento, mas “se lhe apetecer faça também um requerimento para que a empresa considere a sua declaração, sendo que tenho 500 dísticos a atribuir e cá constam 700 pedidos, não tenho mais para lhe dizer. Quanto à sua questão sobre o envio das cópias dos seus documentos, a Srª está a por em causa o bom nome da empresa e a honra dos que nela trabalham.” Agora pergunto eu quem não entregar cópias dos seus documentos pessoais não é considerado? A empresa não deveria ser obrigada a garantir a confidencialidade dos documentos? Por que razão existem cidadãos de primeira que possuem estacionamento gratuito junto das suas residencias e outros que vão ter de pagar para chegar a casa? Saberão os autarcas que servem de escudo para atentados aos direitos mais básicos dos cidadãos? Dia 22 de Outubro onde vamos poder estacionar? Andreia Santos Santarém

Manhã) ou mesmo em 32º (no Expresso), ou saber que fomos a escola mais bem classificada do distrito de Santarém, mas não é isso que nos deixa mais tranquilos! Continuamos a considerar esta forma de avaliar demasiado injusta principalmente para os estudantes/escolas de zonas menos favorecidas... é muito redutora e olha só para os números! E, parece-nos hoje consensual, que a

escola que trabalhar só para os exames está a demitir-se da sua principal função e não cumpre o seu dever de promover a formação integral do aluno! O Colégio de São Miguel aposta nessa formação integral, para além dos conhecimentos, procura desenvolver a dimensão estética / artística dos alunos, a dimensão desportiva e, como escola católica que é, a dimensão espiritual. Os nossos

alunos “não vivem” para as notas e é frequente vê-los envolvidos em projectos das mais variadas áreas que os fazem crescer como pessoas! É por tudo isto que o nosso olhar não poderá nunca descansar nos “rankings”... Educar é ir mais além: é esse o nosso limite! Rui Parreira Colégio São Miguel


46

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

imobiliário & classificados IMOBILIÁRIO arrenda-se A O CNEMA dispõe de 3 lojas (espaços comerciais/ escritórios) c/ as seguintes áreas 18m2, 26m2 e 125m2 (esta última inclui wc). Contactar TLF 243300300 ou geral@cnema.pt A OU vende-se CASA na R. Paulino Cunha e Silva, 363 Alcanhões. Trata no local A PONTÉVEL - Óptimo espaço para abrir um escritório ou uma loja mesmo no centro da aldeia. 150 € / mês www. remax.pt/121871049-197 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 969 754 602 A SANTARÉM – Apartamento T3 com garagem individual na cave, situado na zona de Vale de Estacas. 450 € / mês www. remax.pt/121871028-410 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 961 311 754

IMOBILIÁRIO vende-se A T0+1 PORTIMÃO equip. mobilado 45000€ TLM 933251598 A MORADIA T3 reconstruída situada no Bairro D. Constança. Sala c/ lareira, 3 quartos, WC e cozinha. No espaço exterior anexos e telheiros. Piscina, WC de apoio e Jardim cuidado–149.500€ www.remax.pt/12043111410 AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500

A MORADIA em Achete a 10 min. de Santarém e da A1. 2 quartos c/ roupeiros sendo um deles suite com poliban e janela, Sala c/ lareira, Cozinha ampla equipada com placa, forno e exaustor e uma boa despensa ou lavandaria, WC com lavatório duplo, banheira de hidromassagem e janela. Hall, com acesso a alçapão para o sótão, Aspiração central. No exterior possui logradouro com churrasqueira, telheiro – 100.000€ www. remax.pt/120431070-179 AMI 5430 – RE/MAX SCALA – Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T3 remodelado perto da Segurança Social em Santarém. Prédio com 2 elevadores, o apt fica no último piso, 5º andar, o que possibilita bonitas vistas de envolvência. Canalização e electricidade recentes. Cozinha remodelada. Varanda das traseiras fechada em marquise e janelas com vidros duplos. Quarto com ar condicionado, sala, cozinha, despensa e 2 WC’s, três roupeiros. 85.000€ www.remax. pt/120431105-15 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A MORADIA isolada em Alpiarça, rés do chão e sótão aproveitado. No r/c tem três quartos, um deles c/ roupeiro, salão c/ lareira, cozinha c/ sala de refeições, despensa, dois WC´s, logradouro com canil, alpendre e garagem. No piso superior mais um salão c/ lareira, um espaço para arrumos, além de outros dois espaços de arrumos transformados em quartos, um WC, um Hall, e varanda com acesso ao logradouro. – 160.000€ www.remax.pt/12043109245 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A T3 em bom estado de conservação, c/ 2 casas de

banho e cozinha c/ despensa. Dois dos quartos têm roupeiro; uma das casas de banho tem janela. O imóvel tem três frentes e boa exposição solar. Este apt tem arrecadação. O prédio é servido por dois elevadores e tem muito bom aspecto nas zonas comuns. Situado na zona da Praça de Touros - 70.000€ www. remax.pt/120431104-22 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T4 localizado perto do Hospital, em zona residencial aprazível e em bom estado de conservação. Sala c/ lareira, 4 quartos (2 c/ roupeiro e varanda), 2 casas de banho (uma com duas janelas). Cozinha equipada com despensa, pré-instalação de aquecimento central e lugar de estacionamento. Prédio bem localizado, com 3 frentes e boas vistas – 85.000€ www.remax. pt/120431121-35 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T4 no centro de Santarém, zona residencial c/ facilidade de estacionamento, último piso destinado a habitação. Casa de traça antiga com pé direito alto, paredes estucadas em bom estado mas carente de melhoramentos. Perto de comércio, serviços e Rodoviária, com boas acessibilidades. - 50.000€ www.remax.pt/120431071119 AMI 5430 - RE/MAX SCALA - Santarém. Tel: 243 307 500 A APT T2, Almeirim, coo novo, cozinha equipada, logradouro c/churrasqueira. Valor 90.000,00€ - Ref. A-327 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A TERRENO c/ 165m2, Almeirim, c/ moradia para demolir. Valor 27.500,00€

Ref A-326 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A APT T3, Almeirim, novo, lugar garagem, ar condicionado, cozinha equipada, excelentes. Valor 115.000,00€ - Ref. A-322 TLF: 243595033 www.habigotica.com AMI 5915 A MORADIA T2 rural, na Várzea, 1900m2 terreno, zona sossegada. Valor 68.000,00€ - Ref. A-320 TLF: 243595033 www. habigotica.com AMI 5915 A LOJA em Santarém, nova, 110m2, grandes montras. Valor 97.500,00€ - Ref. S-574 TLF: 243595033 www. habigotica.com AMI 5915 A São Vicente Paúl Moradia T3, usada, como nova, c/ 2 quartos, suite , cozinha, sala, 2 wc, alpendre, garagem. 2 cadernetas urbana c/1.000m2 e rústica c/3.020m2. convida ao relax e qualidade de vida . ZEN , c/ a capital do gótico e entrada para A1 a 10 min. ZEN MOR.199 PREÇO 175.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – Jardim de Baixo Moradia T3, r/c e 1º, usada, soalheira, em ópt. estado, pré-instal. p/ paneis solares, logradouro, alpendre, garagem indiv.. Zona residencial mtº aprazível, próx. entrada A1, zonas comercias, escolas e cidade de Santarém. ZEN MOR.198 PREÇO 165,000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Romeira Moradia T4+1. r/chão, cave e sótão. No r/ chão: hall, sala, quarto, suite, wc e alpendre; na cave: cozinha, despensa, casa máq., 2 quartos, casa jantar e wc. Sótão amplo. 2 cadernetas, urbana c/ 450m2, rústica c/ 11.680m2. ZEN MOR.130

PREÇO 199.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Alpiarça Moradia T5+1,usada ( cave, r/c e 1º), proj. numa construção e acab. Qualidade, zona habitacional privilegiada... Barragem, Museu dos Patudos e Reserva Natural do Cavalo Sorraia. ZEN MOR.168 PREÇO 280.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Santarém – S.Salvador Apt Duplex T2, usado, bem cons., bons acab., 2 quartos, sala, Wc ,cozinha, zona arrumos, garagem priv. c/acesso ao duplex, arrecadação, em zona calma, a 3 min. centro da cidade, e 5 min. acesso a A1 .ZEN APT.107 PREÇO 97.500€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Almeirim Apt T3, novo, hall (tecto falso c/ projec.) 2 quartos (roupeiros de correr), 1 suite( banheira hidrom. wc c/ janela), sala, wc, cozinha semi-equipada c/ electrodom. INDESIT, garagem (box indiv. exterior, c/ água e luz ligado cada fracção), zona agradável, c/ jardim, bons acessos rodoviários ZEN APT.155 PREÇO 105.000€ AMI 6566 ZEN Santarém TLM 919727243 A Apt. usado T2 Almeirim c/ 1 lugar de garagem. 100.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Casa antiga em Ponte do Soleiro/ Santarém. 50.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A LOJA c/ + - 40 m2 em Santarém na zona histórica. 42.500€ neg - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A Apt. usado T2 em Santarém. 65.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653

A Apt. novo T3 c/ garagem em Almeirim. 126.000€ - Xequecasa, Lda – AMI 6019 TLF 243306653 A CARTAXO - Moradia T3+1 formada por área exterior, cave, r/chão, 1º andar e sótão, inserida em bairro de vivendas novas, perto do centro da cidade. 210.000 € www.remax. pt/121871073-29 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 961 725 440 A MAÇUSSA – Moradia T2 com logradouro. Ao lado, uma 2ª habitação, onde poderá alargar a casa principal ou transformar numa garagem ou jardim 67.500 € www.remax. pt/121871078-38 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 926 613 915 A SANTARÉM – Apartamento T4 situado junto ao Hospital. Cozinha equipada e algum mobiliário. Excelente negócio para habitar ou para rentabilizar. 100.000 € www.remax. pt/121871074-68 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 961 778 968 A CARTAXO – Quintinha com 4.000 m2, com tertúlia e poço que abastece todo o jardim e espaços exteriores. Próxima de todos os serviços e transportes (TUC), escola e infantário. 144.500 € www.remax.pt/1218710811 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 962 191 373 A CARTAXO – Moradia antiga térrea para recuperar, com logradouro, no centro da cidade. 48.000 € www.remax. pt/121871028-410 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 961 725 449 A CARTAXO – Café / snack-bar totalmente equipado e em pleno funcionamento. VALOR DE TRESPASSE: 65.000,00 + 600,00 DE RENDA.

130.000 € www.remax. pt/121871049-181 RE/MAX Milénio (Cartaxo) – AMI 6883 Tel. 969 754 602 A MORADIA T3 Arneiro Tremês, 415m2 útil, com terreno, a 10km Santarém Preço: 125.000,00€ - Ref. 363 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/ 243094092 A APARTAMENTO T3 São Domingos, usado, ar condicionado box fechada, Oportunidade de negócio. Preço: 95.000,00€ - Ref. 700 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/ 243094092 A MORADIA T3 Moçarria, 382m2 terreno, dois pisos, como nova, Avaliação garantida, condições especiais Preço: 137.300,00€ - Ref. 747 Go Imobiliária AMI - 8191 Tlf – 915084892/ 243094092 A APARTAMENTO T2 Salvaterra de Magos, Novo, cozinha equipada, box fechada, suite. Excelente negócio. Preço: 100.000,00€ - Ref. 751 Go Imobiliária AMI – 8191 Tlf – 915084892/ 243094092 A SANTARÉM – Arredores Terreno em Zona Rural Muito Tranquila; Área 48.080m2; Viab. Construção; Topografia Interessante; Vista Magnífica; Adjacente a Linha de Água c/ Ponte em Pedra; Poço; Oliveiras e Figueiras. Ref. 4191 Preço: 76.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – São Salvador Apartamento 4 assoa.; 2 Frentes; 2 Varandas; Arrecadação; Excelente Estado de Conservação; Localizado Junto a Hospital, Comércio, Serviços e Transportes Públicos. Ref. 4217 Preço: 97.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390

A SANTARÉM – Arredores Moradia V1; Estilo Rústico; Sala Ampla; Cozinha Americana; Salamandra; WC; Mezzanine c/ 1 WC e Porta de Acesso a Varanda; Muita Luz Natural; Logradouro c/ 300m2; Anexo c/ Forno a Lenha e Barbecue. Ref. 4207 Preço: 79.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – São Salvador Apt Semi-Novo T3/T4; Excelentes Áreas e Acabamentos; Localizado em Zona Calma e de Fáceis Acessos; Cozinha Semi-Equipada; Ar Condicionado; Terraço; Garagem; Arrecadação. Ref. 3543 Preço: 137.500,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390 A SANTARÉM – Marvila Apartamento de 3 assoa.; Arrecadação; Despensa; Varanda; Vista Panorâmica; Zona Calma da Cidade; Boas Áreas; Junto a Escolas e Serviços. Ref. 3397 Preço: 80.000,00€ Trata: Era Santarém AMI 5563 – Telf. 243303390

EMPREGO oferece-se A OPERADOR Supermercado dist santarém TLM 927732803

VEÍCULOS vende-se A AUDI A4 Tdi S-line SW 2005 Particular TLM 965175504

assinatura anual

por apenas 25,50 €


SERVIÇOS / PUBLICIDADE 47

O Ribatejo 22 | Outubro | 2010

COMERCIAIS

(m/f)

ZONA DE SANTARÉM OFERECEMOS: „ Estágio e curso formação pagos „ Ganhos acima da média „ Comparticipação em despesas de refeição „ Estabilidade de uma grande empresa PEDIMOS: „ Disponibilidade a tempo inteiro „ Idade de 18 a 40 anos „ Com ou sem experiência Marque entrevista: 243 327 384 - 969 510 653 ou minhoto@circuloleitores.pt

LIGA DOS AMIGOS DO HOSPITAL DE SANTARÉM

CONVOCATÓRIA-ASSEMBLEIA GERAL

EMIGRANTE

TROCA OU VENDE

Convocam-se os Associados da Liga dos Amigos do Hospital de Santarém para a Assembleia Geral, que reunirá no dia 12 de Novembro de 2010 às 16:30 horas, na Residência Dr. Albergaria Martins, em Santarém, com a seguinte ordem de trabalhos: 1. Apreciação, discussão e votação de Plano de Actividades para 2011; 2. Apreciação, discussão e votação do Orçamento de Exploração Previsional e Orçamento Investimentos e Desinvestimentos para 2011; 3. Informações Diversas.

T4 C/ SÓTÃO E TERRAÇO EM ALPIARÇA P / T2 EM SANTARÉM

A reunião efectuar-se-á na hora marcada se estiverem mais de metade dos associados, de contrário efectuar-se-á uma hora depois com o número de associados presentes.

Tlm 961 897 624

O Presidente da Assembleia Geral José Manuel Gonçalves Nogueira (Dr.)

Santarém, 20 de Outubro de 2010


tempo: nublado O tempo vai apresentar-se ligeiramente nublado, com abertas da parte da tarde. Na terça-feira podem ocorrer aguaceiros ligeiros mas o tempo ensolarado deverá regressar na quarta e na quinta. 22 | OUTUBRO | 2010

∑agenda Sexta-feira

Santarém ∑ Júlio Pereira actua no Teatro Sá da Bandeira, às 21h30. Bilhetes a 5 euros.

Sábado Santarém ∑ Carlos Alberto Moniz actua no Festival de Gastronomia, às 21h30. ∑ Três corridas de toiros na Praça Celestino Graça, às 11h30, 16h e 21h30.

Cartaxo ∑ Trio de Jeffery Davis com Bernardo Moreira, e Alexandre Frazão, às 22h30 no Centro Cultural.

Impresso em papel que incorpora 30 por cento de fibra reciclada, com tinta ecológica de base vegetal

Fernando Nobre preocupado com paz social no País Presidenciais - Candidato esteve uma semana no distrito de Santarém Fernando Nobre veio esta semana visitar vários concelhos do distrito e trouxe consigo uma preocupação relacionada com o Orçamento de Estado para 2011 que, na sua opinião, “vai conduzir ao empobrecimento do país, à menor criação de riqueza” e colocar em risco “a paz social” “O povo português tem uma grande capacidade de resistência mas começo a ouvir nas ruas alguma revolta e podemos vir ter uma situação de ruptura social violenta, sobretudo quando começar a faltar pão nas mesas das famílias e houver mais violência nas cidades”, afirmou o

candidato independente à Presidência da República. Nobre defende a aprovação do Orçamento de Estado mas diz esperar “melhorias substanciais”. Sobre as propostas do PSD, o candidato diz que são “uma porta aberta ao diálogo” e destaca a questão de manter o IVA para os produtores alimentares em 6% e de suspender as parcerias público-privadas. “É possível cortar noutras gorduras do Estado para aliviar a pressão sobre os salários dos trabalhadores”, acrescentou. Nobre não teve meias palavras e criticou Cavaco Silva e Manuel Alegre por não terem

rosário breve

Daniel Abrunheiro

Cine Porno e outras desonras afins

agido e alertado mais cedo para esta situação. O candidato disse mesmo que “Cavaco Silva falhou na sua função” e que “já poderia ter accionado a bomba atómica e dissolvido a Assembleia da República”.

Nersant apoiou criação de três microempresas A Nersant, através do seu projecto ApoiarMicro, incentivou a criação de três novas microempresas na região. Joaquim Dias criou uma agência de viagens com serviço para pessoas com mobilidade reduzida; Marco Louro optou por uma empresa de Marketing, Design e Tecnologia; Gabriela Fernandes pretende criar uma empresa de prestação de serviços de limpeza e manutenção de campas. Segundo nota da associação, a prioridade foi dada à inovação e à criatividade das ideias propostas, “tendo optado por projectos não convencionais, susceptíveis de dar origem ao aparecimento de um produto diferenciado, de um novo serviço ou de uma nova forma de comercialização”. O programa ApoiarMicro apoia a criação das empresas em todas as suas valências, desde a elaboração do plano de negócios, ao apoio para a constituição formal das mesmas, até ao acompanhamento técnico, jurídico, fiscal e contabilístico durante os primeiros 12 meses de actividade. A Nersant tem inscrições ainda abertas para este programa até ao final do ano (mais informações em www.nersant.pt/apoiarmicro). Este projecto é financiado pelo COMPETE e pelo FEDER.

Partilho com as louras falsas a secreta esperança de, no epílogo dos filmes porno, ele casar com ela, já que tão publicamente a desonrou. Com isto não pretendo dizer, porém, que outra esperança também secreta me anime: falo de esperar que, mais tarde ou mais cedo, este Governo se case connosco, apesar da iniludível e indesmentível pornochanchada em que ele consiste. Eu não peço que no Cartaxo até com uvas se produza vinho, assim como nunca reclamo quando o melão de Almeirim me parece um bocado espanhol. Se, por absurdo, viesse a participar numa meia-maratona mas obrigado a partir da última fila do pelotão, vivamente vos garanto que me resultaria muito mais fácil apanhar Sócrates do que um coxo. É por aqui e por aí voz corrente que o Pão, ao contrário do Governo, tem miolo. Tê-lo-á, mas é cada vez mais côdea. Não me recordo de crise tão crítica como aquela com que estes espúrios cavalheiros nos inseminaram. Crise financeira, mas não apenas. Crise moral, crise mental, crise física & metafísica & patafísica & tísica. Tenho a caixa de correio electrónico diariamente atulhada de indesmentíveis (e nunca desmentidas) denúncias fundamentadas de clientelismos, compadrios, vigarices, ciganices não propriamente étnicas, tachismos e assessorismos. Roubalheiras e ratarias, enfim. O dito pelo não-dito é dito & feito. A promessa de ontem é garantia hoje de que amanhã antes pelo contrário. Estes sevandijas energumenóides desceram a arte da mentira aos ofícios da meia-verdade, sendo esta de bem mais soez sordidez do que aquela. Uma sarjeta não pode nunca ser pista de patinagem, assim como a Vodafone não é a cópula da Ivone, enfim. A moléstia alastra (e, por desgraça, grassa) por tudo quanto é cão e rincão. A margarina do trabalhador é que sustenta o caviar dos chupistas. A moralidade é estarmos desquitados de nós mesmos. É. Mas seria tão bonito que no fim do filme ele casasse com ela. Ou então com ele: e não estou a falar do coxo. daniel.abrunheiro@gmail.com


edição 1303